Você está na página 1de 103

500 QUESTÕES

BB
ESCRITURÁRIO
500 QUESTÕES
IBGE
QUESTÕES GABARITADAS
De acordo com o edital de 01/2021 BB
OBRA

500 Questões –
BANCO DO BRASIL

Português
Raciocínio Lógico
Ética no Serviço Público
Noções de Informática
Noções de Administração
Noções de Administração e Situações Gerenciais

PRODUÇÃO/ASSESSORIA
Juliana Pivotto

DIAGRAMAÇÃO
Thais Regis

CAPA
Joel Ferreira dos Santos
ÍNDICE

Português.............................................................................................................................................................................................. 01
Raciocínio Lógico............................................................................................................................................................................... 27
Ética no Serviço Público..................................................................................................................................................................... 41
Noções de Informática..................................................................................................................................................................... 50
Noções de Administração............................................................................................................................................................... 68
Noções de Administração e Situações Gerenciais................................................................................................................ 85
homem, dominando a técnica, fabricou máquinas capa-
PORTUGUÊS zes de, em poucos dias, destruir uma floresta; ou, indo a
extremos, acabar com o mundo em minutos caso resolva
experimentar algumas de suas bombas atômicas.”
1. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE Júlio Chiavenato, in O massacre da Natureza.
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Assinale
a opção que indica a frase que não mostra caráter Assinale a opção em que a forma “entendendo assim” fica
opinativo. corretamente substituída, mantendo seu sentido original.

a) Penso que o Vitória deve escapar do rebaixamento. a) quando entendia


b) Todos devem trabalhar mais, creio eu. b) caso entendesse
c) Vê-se diariamente nos jornais o perigo de viajar à noite. c) à proporção que entendia
d) A meu ver, o tempo vai mudar no final de semana. d) pois entendia
e) Há muitos feriados no Brasil, é a minha opinião. e) apesar de entender

2. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE 5. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE


TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) O jornal O
Globo, em 19/10/2018, publicou a seguinte manchete:

Mudanças no IR dariam alívio ao contribuinte

Sobre os componentes dessa manchete, assinale a afir-


mativa incorreta.

a) A abreviatura IR corresponde a Imposto sobre a Renda.


b) A forma verbal “dariam” mostra que se trata de uma
possibilidade, e não de um fato.
c) A expressão “dar alívio” informa que as mudanças sig-
O cartaz e os dizeres acima pretendem nificam menos gastos.
d) A forma “dariam alívio” equivale a “aliviarão”.
a) condenar os que só reclamam e nada fazem. e) O termo “contribuinte” significa todo aquele que paga
b) motivar o trabalho solidário. algum imposto.
c) indicar caminhos para a colaboração.
d) dar exemplos para a comunidade. 6. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
e) incentivar campanhas de solidariedade. TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Um jornal
carioca publicou a seguinte manchete nas páginas es-
3. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE portivas:
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “O hábito Vasco obtém empréstimo para acertar pagamentos
de ler é sem dúvida um dos maiores presentes que uma
criança pode receber. A leitura abre inúmeras portas Dessa manchete deduz-se que
para o desenvolvimento do indivíduo e seus benefícios
a) os pagamentos do Vasco estavam atrasados.
intelectuais e de apoio ao aprendizado escolar são pro-
porcionais ao prazer de desbravar novos mundos pela b) haviam ocorrido erros nos pagamentos de salários.
imaginação.” c) o Vasco teve dificuldades para obter empréstimo.
Ricardo Viveiros, in Oficina de Comunicação. d) os salários pagos pelo Vasco precisavam de aumento.
e) os clubes de futebol passam por dificuldades finan-
As opções a seguir apresentam alguns benefícios do ato ceiras.
de ler, à exceção de uma. Assinale-a.
7. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
a) Propicia desenvolvimento. TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “A civiliza-
b) Traz benefícios intelectuais. ção do século XX tornou-se altamente dependente do mais
c) Melhora o aprendizado escolar. nobre dos combustíveis, porque ele é extremamente con-
d) Traz prazer como o de receber um presente. veniente: é líquido, podendo pois ser transportado facil-
mente nos mais variados recipientes e em oleodutos, e,
LIVRO DE QUESTÕES - BB

e) Exercita a imaginação.
além disso, é o combustível mais rico em calorias. Assim, a
humanidade se acostumou com o ‘creme’ dos combustíveis
4. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
BANCO DO BRASIL

e o desperdiçou, como quem desperdiça um bem ganho


TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “Antigamen-
sem qualquer esforço. Mas isso vai acabar, o petróleo é
te o homem tinha a impressão de que os recursos da na-
uma herança que recebemos do passado e que fatalmente
tureza eram infinitos. O caçador de mamutes via muitos
vai terminar.”
deles e só conseguia capturar um ou outro, entendendo
José Goldemberg, Quatro Rodas. São Paulo, maio de
assim que seu número era infindável. A noção de que a
2013.
natureza é infinita mudou a partir do momento em que o

1
Sobre o petróleo, assinale a afirmativa incorreta. autoritarismo burocrático, contribuíram enormemente
para o aumento da violência que atravessa a história do
a) Trata-se de combustível caloricamente superior. Brasil”.
b) Tem existência fatalmente não eterna. Orson Camargo, Violência no Brasil, outro olhar.
c) Possui nobreza por ter causado dependência.
d) Traz facilidade de transporte. Assinale a opção que indica o adjetivo que preenche
e) Pode ser embalado em recipientes diversos. adequadamente a lacuna do texto.

8. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE a) econômico


TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “A civilização b) político
c) histórico
do século XX tornou-se altamente dependente do mais
d) social
nobre dos combustíveis, porque ele é extremamente con-
veniente: é líquido, podendo pois ser transportado facil- e) educacional
mente nos mais variados recipientes e em oleodutos, e,
11. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
além disso, é o combustível mais rico em calorias. Assim, a
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “Ler é essen-
humanidade se acostumou com o ‘creme’ dos combustíveis
cial. Através da leitura, testamos os nossos próprios valores
e o desperdiçou, como quem desperdiça um bem ganho e experiências com as dos outros. No final de cada livro, fi-
sem qualquer esforço. Mas isso vai acabar, o petróleo é camos enriquecidos com novas experiências, novas ideias,
uma herança que recebemos do passado e que fatalmente novas pessoas. Eventualmente, ficaremos a conhecer me-
vai terminar.” lhor o mundo e um pouco melhor de nós próprios”.
José Goldemberg, Quatro Rodas, São Paulo, maio de site Universo de Literacias.
2013.
Segundo o texto, a leitura permite
Todos os termos sublinhados no texto acima se referem a
um termo anterior, à exceção de um. Assinale-o. a) conhecer-nos um pouco melhor.
b) aprofundar nossos relacionamentos pessoais.
a) do mais nobre dos combustíveis. c) revisitar conhecimentos já adquiridos.
b) disso. d) comparar o passado com o presente.
c) o. e) produzir ideias revolucionárias.
d) isso.
e) que. 12. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “Ler é essen-
9. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE cial. Através da leitura, testamos os nossos próprios valores
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Um texto so- e experiências com as dos outros. No final de cada livro, fi-
bre a Aids apresentava a seguinte conclusão: camos enriquecidos com novas experiências, novas ideias,
“Apesar de todos os avanços, a Aids continua sendo uma novas pessoas. Eventualmente, ficaremos a conhecer me-
doença grave, não tem cura, e só no Brasil mata 11 mil lhor o mundo e um pouco melhor de nós próprios”.
pessoas por ano. Quem hoje a adquire vai precisar inevi- site Universo de Literacias.
tavelmente tomar remédios pelo resto da vida e conviver
com seus efeitos colaterais.” O termo “No final de cada livro” equivale a

a) quando chegamos ao final de cada livro.


Sobre a estruturação desse parágrafo, assinale a afirma-
b) após a leitura de cada livro.
tiva incorreta.
c) na conclusão de cada livro.
d) ao chegarmos ao final de uma narrativa.
a) “Apesar de” equivale a “embora”.
e) se chegamos ao fim de uma história.
b) O termo “só” poderia vir após “Brasil”, sem modifica-
ção de sentido.
13. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
c) O termo “por ano” equivale a “anualmente”.
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “As enchen-
d) Em “Quem hoje a adquire”, o termo “a” se refere à tes têm-se repetido de forma devastadora nesse ano de
Aids. 2015 em São Paulo. Vidas, patrimônios, a saúde e o coti-
e) Nos segmentos “por ano” e “pelo resto da vida” a pre- diano de milhões de cidadãos são, a cada chuva de verão,
posição “por” mostra sentido de tempo. consumidos em águas pútridas e lamacentas de forma
LIVRO DE QUESTÕES - BB

trágica”.
10. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE Uol, 28/03/2015.
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) “A violên-
BANCO DO BRASIL

cia, em seus mais variados contornos, é um fenômeno A forma verbal “têm-se repetido” indica que
na constituição da sociedade brasileira. A
escravidão (primeiro com os índios e depois, e especial- a) as enchentes em São Paulo foram devastadoras por
mente, com a mão de obra africana), a colonização mer- todo o ano de 2015.
cantilista, o coronelismo, as oligarquias antes e depois da b) os prejuízos causados pelas enchentes têm sido imen-
independência, somados a um Estado caracterizado pelo sos.

2
c) ocorreram muitas mortes nas enchentes paulistanas. 17. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
d) nos últimos anos, em São Paulo, as enchentes têm-se SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Uma cantiga de
repetido. roda diz o seguinte:
e) as enchentes em São Paulo têm modificado sua inten-
sidade. Eu fui no Tororó
beber água não achei
14. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE Achei bela morena
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) No prefácio que no Tororó deixei
de um livro de Jorge Amado, Vinícius de Moraes escre- Aproveita minha gente
veu o seguinte: que uma noite não é nada
Se não dormir agora
“Em dois textos simples, Jorge Amado acaba de escrever o dormirá de madrugada
que para mim é o melhor romance e a melhor novela da
literatura brasileira.” Em relação a essa cantiga, assinale a afirmativa incorreta.

Esse texto deve ser considerado a) O primeiro verso mostra um erro de regência.
b) A segunda estrofe tem independência semântica em
a) uma resenha de duas obras de Jorge Amado. relação à primeira.
b) um texto publicitário sobre dois livros de Jorge Ama- c) Entre “beber água” e “não achei” há uma oposição.
do. d) “Que uma noite não é nada” traz ideia de causa.
c) uma informação sobre o lançamento de novas obras e) O último verso fala de um tempo futuro.
literárias
d) uma argumentação em defesa de Jorge Amado. 18. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
e) um depoimento opinativo sobre duas obras de Jorge SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Observe o cartaz
Amado. publicitário abaixo:

15. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE


SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Os dicionários
de sinônimos mostram um conjunto de vocábulos que
podem ter significados equivalentes em determinados
contextos. Temos a seguir um conjunto de vocábulos
considerados sinônimos: morrer – falecer – desencarnar
– perecer – sucumbir – expirar.

Assinale a opção em que a lacuna deve ser preenchida


com o verbo “perecer”.

a) Com o terremoto, muitos dos habitantes vieram a


.
b) Os espíritos dizem que o é só uma etapa.
c) Apesar da luta, Tancredo Neves veio a no hos-
pital de Brasília.
d) Muitos pacientes terminais devem neste final
de semana.
e) Muitos brasileiros devem de causas naturais
em 2018.

16. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE O cartaz se refere a Black Friday, dia em que os preços do
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Assinale a opção comércio são reduzidos.
em que a palavra sublinhada está empregada em sentido
lógico. Sobre os componentes verbais, gráficos e imagísticos
desse cartaz, assinale a afirmativa correta.
a) “Negar a verdade é um adultério do coração.”
LIVRO DE QUESTÕES - BB

b) “A vida é uma viagem durante a noite.” a) No segmento “Ela está chegando”, a forma verbal é em-
c) “Viver é jogar pontes sobre os rios que passam.” pregada para indicar algo que vai durar certo tempo.
b) O tratamento “você” se refere a um leitor específico.
BANCO DO BRASIL

d) “Não se governa com ideias, mas com pessoas.”


e) “A ingratidão é a amnésia do coração.” c) O termo “esquenta” se refere a uma antecipação
da Black Friday.
d) “ofertas exclusivas” se refere a algo só ofertado em
momentos especiais.
e) O verbo “aproveitar” indica ganhos especiais para os
lojistas, nesse momento.

3
19. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE 22. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) No prefácio de
“Com abordagens diretas ou indiretas, a cultura baia- um livro de Jorge Amado, Vinícius de Moraes escreveu o
na continua em destaque na “Festa Literária Internacio- seguinte:
nal de Paraty”, evento fluminense considerado como um “Em dois textos simples, Jorge Amado acaba de escrever o
dos principais festivais literários da América do Sul. A nova que para mim é o melhor romance e a melhor novela da
curadora da “Flip 2019”, a publisher e jornalista Fernanda literatura brasileira”.
Diamant acaba de anunciar o escritor fluminense Euclides
da Cunha como o “Autor Homenageado” no evento que Nesse texto Vinícius expressa sua opinião sobre dois
começa em 10 de julho, no balneário histórico de Paraty”. livros de Jorge Amado.
Tribuna da Bahia, 7/11/2018.
Assinale a opção em que o caráter opinativo está presente
Assinale a opção que indica a palavra que tem processo nos dois termos.
de formação distinta das demais.
a) textos simples – acaba de escrever.
a) abordagens. b) para mim – literatura brasileira.
b) literários. c) acaba de escrever – melhor romance.
c) jornalista. d) melhor novela – textos simples.
d) fluminense. e) literatura brasileira – melhor romance.
e) destaque.
23. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
20. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Uma das marcas
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) do discurso jornalístico é a impessoalidade. Assinale a
“A ideia de que a natureza existe para servir o homem se- opção que, ao contrário, mostra traços de pessoalidade.
ria apenas ingênua, se não fosse perigosamente pretensiosa.
Essa crença lançou raízes profundas no espírito hu- a) Tornou-se habitual a ocorrência de assaltos nos túneis.
mano, reforçada por doutrinas que situam corretamente b) Sabe-se que a vida nas grandes cidades é mais cara.
o Homo Sapiens no ponto mais alto da evolução, mas c) Tem sido generalizada a ideia de que a polícia comete
incidem no equívoco de fazer dele uma espécie de finali- falhas.
dade da criação. Pode-se dizer com segurança que nada d) É de consenso que os professores ganhamos pouco.
na natureza foi feito para alguma coisa, mas pode-se crer e) Comumente ouve-se falar de acidentes com motos.
em permuta e equilíbrio entre seres e coisas”.
24. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
Lisboa, Luiz Carlos. Olhos de ver; ouvidos de ouvir. Ed. SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) O jornal O
DIFEL. 2013. Estado de São Paulo publicou, em 6/10/2016, a seguinte
manchete:
Esse trecho critica basicamente
Avanço do desmatamento na Amazônia causa alerta
a) a visão da criação trazida pela Bíblia.
no governo
b) uma visão biológica sobre o Homo Sapiens.
c) a ingenuidade de grande parte da população.
Infere-se dessa manchete que
d) a ignorância humana sobre suas próprias origens.
e) a existência de crenças infundadas na humanidade. a) o desmatamento na Amazônia tem aumentado pro-
gressivamente nos últimos tempos.
21. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE SER-
b) em relação aos anos anteriores, tem havido um au-
VIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) No prefácio de um livro
mento no desmatamento da floresta.
de Jorge Amado, Vinícius de Moraes escreveu o seguinte:
c) o aumento do desmatamento na Amazônia traz insta-
bilidade política ao governo.
“Em dois textos simples, Jorge Amado acaba de escrever o
d) o desmatamento da Amazônia traz preocupações ao
que para mim é o melhor romance e a melhor novela da
Governo.
literatura brasileira”.
e) as preocupações econômicas aumentam com o des-
O segmento “o melhor romance e a melhor novela da matamento da Amazônia.
literatura brasileira” refere-se
LIVRO DE QUESTÕES - BB

25. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE


a) a uma narrativa que poderia ser considerada como ro- SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019)
“A civilização do século XX tornou-se altamente de-
BANCO DO BRASIL

mance ou novela.
b) a duas obras distintas publicadas em um só livro. pendente do mais nobre dos combustíveis, porque ele é
c) à publicação de dois textos de valor na obra de Jorge extremamente conveniente: é líquido, podendo pois ser
Amado. transportado facilmente nos mais variados recipientes
d) à escrita simultânea de dois livros por Jorge Amado. e em oleodutos, e, além disso, é o combustível mais rico
e) à notícia do relançamento de novos livros de nossa em calorias. Assim, a humanidade se acostumou com o
literatura. “creme” dos combustíveis e o desperdiçou, como quem

4
desperdiça um bem ganho sem qualquer esforço. Mas As opções a seguir apresentam uma série de palavras e
isso vai acabar, o petróleo é uma herança que recebe- expressões do campo semântico da religiosidade, à ex-
mos do passado e que fatalmente vai terminar”. ceção de uma. Assinale-a.
José Goldemberg, Quatro Rodas, maio de 2013.
a) Olhos de ver; ouvidos de ouvir.
No texto acima, o corretor de texto do computador sub- b) Essa crença lançou raízes profundas.
linhou os termos “podendo pois”. c) ... uma espécie de finalidade da criação.
Nesse caso, o erro apontado foi d) ... reforçada por doutrinas.
e) ... nada na natureza foi feito para alguma coisa.
a) a ausência da conjunção “mas” antes de “podendo”.
b) o emprego indevido de uma vírgula antes do gerún- 28. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
dio. FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) Quando
c) o erro de posição de “pois”, que deveria vir antes de procuramos evitar afirmações de certeza absoluta,
“podendo”. empregamos expressões de possibilidade. Assinale a
d) a falta de vírgulas antes e depois de “pois”. opção que, ao contrário, expressa certeza.
e) o erro no emprego do gerúndio “podendo”.
a) A Terra deve tornar-se um planeta desabitado.
26. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE b) É muito provável que a gasolina suba de preço.
SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) c) Sabe-se que o desemprego é o pior de nossos pro-
blemas.
O desmatamento da Floresta Amazônica: causas e so- d) O Brasil, provavelmente, crescerá mais em 2019.
luções e) Existe a possibilidade de nosso país ficar mais rico.

O debate sobre o problema do desmatamento da Flo- 29. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE


resta Amazônica, que tem se expresso, entre outros, nos FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) “A redução
debates sobre as mudanças no Código Florestal, tem-se da maioridade penal é urgente, pois, como mostram as
caracterizado por sua superficialidade e pelo seu caráter pesquisas de opinião, 98% da nossa população apoia a
ideológico. Inicialmente, há a necessidade de se identificar redução da maioridade penal.”
o processo de forma clara, após isto buscar as suas causas,
e, finalmente, pensar nas soluções no curto, médio e longo Nesse caso, a opinião expressa está apoiada em um
prazos. argumento
Política Ambiental, nº 8, junho de 2011.
Assinale a opção em que a relação do título com o texto a) autoritário
está corretamente identificada. b) narrativo
c) causal
a) O título fala de causas e soluções do desmatamento, d) opinativo
mas só indica as soluções. e) tendencioso
b) O título indica causas e soluções, mas só indica as cau-
sas. 30. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
c) O texto não fala nem de umas nem de outras, apesar FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019) Em 18 de
de falar de causas a soluções do desmatamento. novembro de 2011, o jornal A Tarde publicou a seguinte
d) O texto explicita as causas e soluções do desmatamen- manchete:
to falando de causas e soluções no título.
e) O texto indica somente uma causa e uma solução, “‘Babas’ roubam espaço de banhistas na orla de
apesar de indicar uma quantidade plural de causas e Salvador”.
soluções.
Sobre os componentes da manchete, assinale a
27. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE afirmativa incorreta.
FISCALIZAÇÃO MUNICIPAL – FGV - 2019)
“A ideia de que a natureza existe para servir o homem a) O emprego do verbo “roubar” mostra uma visão nega-
seria apenas ingênua, se não fosse perigosamente preten- tiva da ação praticada.
siosa. b) A linguagem utilizada mostra traços de coloquialida-
Essa crença lançou raízes profundas no espírito hu- de.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

mano, reforçada por doutrinas que situam corretamente c) A mensagem traz implícita a ideia de que os banhistas
o Homo Sapiens no ponto mais alto da evolução, mas in- têm direito a certo espaço na orla.
cidem no equívoco de fazer dele uma espécie de finalida- d) O vocábulo ‘babas’ traz aspas para indicar um sentido
BANCO DO BRASIL

de da criação. Pode-se dizer com segurança que nada na diferente do usual.


natureza foi feito para alguma coisa, mas pode-se crer em e) A manchete é construída de forma não opinativa,
permuta e equilíbrio entre seres e coisas”. como recomenda a informação jornalística.
Lisboa, Luiz Carlos, Olhos de ver; ouvidos de ouvir. Ed.
DIFEL. 2013.

5
31. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: de-
vemos imaginar futuras situações agradáveis e nos tratar
TEXTO II na segunda pessoa.
Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/
PILAR JERICÓ brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>.
Acesso em: 25 jun. 2019.
Se você quiser variar a percepção que tem sobre
você, precisa alterar seu diálogo interior. A forma como Assinale a alternativa em que a palavra formada, assim
você conversa consigo mesmo condiciona sua capacida- como “autoafirmação” e “superagradável”, é grafada sem
de de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de hífen.
decisões.
A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre a) auto + hipnose.
nós mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar b) auto + observação.
a autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário. c) super + herói.
Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo” d) super + requintado.
ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito. e) super + salário.
Quem as expressa não está realmente convencido disso,
então essas expressões podem ter efeito contrário. 33. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: de-
vemos imaginar futuras situações agradáveis e nos tratar TEXTO II
na segunda pessoa. Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno
Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/ PILAR JERICÓ
brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>.
Acesso em: 25 jun. 2019. Se você quiser variar a percepção que tem sobre
você, precisa alterar seu diálogo interior. A forma como
De acordo com o texto, é correto afirmar que você conversa consigo mesmo condiciona sua capacida-
de de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de
a) conversar consigo mesmo pode combater a depres- decisões.
são. A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre
b) a imaginação é importante no processo de melhora nós mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar
da autoestima. a autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário.
c) as pessoas que não conversam com elas mesmas não Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo”
têm autoestima. ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito.
d) falar consigo mesmo na primeira pessoa não ajuda Quem as expressa não está realmente convencido disso,
porque isso não reflete como as outras pessoas falam então essas expressões podem ter efeito contrário.
conosco. A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as
e) o diálogo interior só é possível a partir de um diálogo técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: de-
exterior, no qual está presente uma segunda pessoa. vemos imaginar futuras situações agradáveis e nos tratar
na segunda pessoa.
32. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/
brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>.
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
Acesso em: 25 jun. 2019.
TEXTO II
Em “A forma como você conversa consigo mesmo
Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno
condiciona sua capacidade [...]”, o termo em destaque
PILAR JERICÓ
poderia ser substituído adequadamente por
Se você quiser variar a percepção que tem sobre a) “que”.
você, precisa alterar seu diálogo interior. A forma como b) “cuja”.
você conversa consigo mesmo condiciona sua capacida- c) “onde”.
de de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de d) “para qual”.
decisões.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

e) “pela qual”.
A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre
nós mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar
BANCO DO BRASIL

a autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário.


Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo”
ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito.
Quem as expressa não está realmente convencido disso,
então essas expressões podem ter efeito contrário.

6
34. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- Assinale a alternativa que apresenta um exemplo de
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) tratamento na segunda pessoa do singular.

TEXTO II a) Eu sou capaz de vencer meus desafios.


Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno b) Juntos, nós podemos transformar o mundo.
PILAR JERICÓ c) Você é forte para superar os obstáculos da vida.
d) As pessoas não vão abalar minha autoconfiança.
Se você quiser variar a percepção que tem sobre você, e) Sempre é possível evoluir como ser humano.
precisa alterar seu diálogo interior. A forma como você
conversa consigo mesmo condiciona sua capacidade 36. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
decisões.
A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre nós TEXTO I
mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar a O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário. presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?
Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo” Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito. confusa série de mensagens de WhatsApp
Quem as expressa não está realmente convencido disso, SILVIA LÓPEZ
então essas expressões podem ter efeito contrário.
A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo:
técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: “Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
devemos imaginar futuras situações agradáveis e nos te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res-
tratar na segunda pessoa. pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas
Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/ que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor-
brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>. nalística não tem importância, não altera a qualidade de
Acesso em: 25 jun. 2019. suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
Em “Se você quiser variar a percepção que tem sobre um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
você, precisa alterar seu diálogo interior.”, a relação de dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-
sentido que se estabelece é de bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
a) condição. falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício
b) tempo. do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
c) conclusão. mos fobia das ligações telefônicas.
d) concessão. A ligação telefônica − que, até não muito tempo
e) contraste. atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-
35. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda,
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe
TEXTO II algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
Você é o que você se diz: a ciência do diálogo interno mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo-
PILAR JERICÓ ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
Se você quiser variar a percepção que tem sobre comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
você, precisa alterar seu diálogo interior. A forma como que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
você conversa consigo mesmo condiciona sua capacida- poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
de de enfrentar as dificuldades e determina a tomada de nema”, acrescenta.
decisões. Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
A autoafirmação, ou pensar coisas positivas sobre brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
nós mesmos, é uma ferramenta muito útil para reforçar html>. Acesso em: 25 jun. 2019
a autoestima. Entretanto, não vale qualquer comentário.
Já ficou comprovado que frases como “aguento tudo” Assinale a alternativa que apresenta a reescrita adequada,
ou “sou uma pessoa superagradável” não ajudam muito. sintática e semanticamente, para o seguinte excerto: “ [...]
LIVRO DE QUESTÕES - BB

Quem as expressa não está realmente convencido disso, ‘Você me ligou? Não posso falar, é melhor me escrever’.”.
então essas expressões podem ter efeito contrário.
A ciência do diálogo interior nos dá pistas sobre as a) Você ligou-me? Não posso falar, é melhor eu escrever.
BANCO DO BRASIL

técnicas que tornam nossas autoafirmações eficazes: de- b) Ligastes para mim? Não posso falar, escreve a mim
vemos imaginar futuras situações agradáveis e nos tratar que és melhor.
na segunda pessoa. c) Me ligou? Não posso falar, escrever é melhor para mim.
Adaptado de: <https://brasil.elpais.com/ d) Você ligou para mim? Não posso falar, é melhor que
brasil/2019/05/05/ciencia/1557083642_455016.html>. me escreva.
Acesso em: 25 jun. 2019. e) Me ligou? Não posso falar, me escreve que é melhor.

7
37. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- 38. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)

TEXTO I TEXTO I
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone? presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
confusa série de mensagens de WhatsApp confusa série de mensagens de WhatsApp
SILVIA LÓPEZ SILVIA LÓPEZ

Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo:
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes- “Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res-
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor-
nalística não tem importância, não altera a qualidade de nalística não tem importância, não altera a qualidade de
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu- um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece- dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-
bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos. bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício
do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te- do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
mos fobia das ligações telefônicas. mos fobia das ligações telefônicas.
A ligação telefônica − que, até não muito tempo A ligação telefônica − que, até não muito tempo
atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re- atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni- signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda,
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe
algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te- algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo-
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
comunicação escrita, que nos permite pensar bem no comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
poder saber de antemão qual será a duração do telefo- poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
nema”, acrescenta. nema”, acrescenta.
Adaptado de<https://brasil.elpais.com/ Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692. brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
html>. Acesso em: 25 jun. 2019 html>. Acesso em: 25 jun. 2019

A repetição de “esperamos”, em “Recebemos um É um sinônimo da palavra “ligação” o vocábulo


telefonema? Não respondemos. Esperamos. Esperamos.
E escrevemos: [...]”, a) “email”.
b) “telefone”
a) indica que o retorno é dado depois de um tempo con- c) “telefonema”
siderável após a ligação. d) “celular”.
b) indica que o retorno é dado imediatamente após a e) “áudio de WhatsApp”.
ligação.
c) não dá nenhum indício sobre o tempo transcorrido até 39. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
o retorno. FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) deveria ser eliminada, pois se trata de um problema


de coesão. TEXTO I
e) enfatiza a pouca frequência com que se recebem te- O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
BANCO DO BRASIL

lefonemas. presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?


Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
confusa série de mensagens de WhatsApp
SILVIA LÓPEZ

8
Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: nalística não tem importância, não altera a qualidade de
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes- suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-
nalística não tem importância, não altera a qualidade de bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu- do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece- mos fobia das ligações telefônicas.
bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos. A ligação telefônica − que, até não muito tempo
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-
do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te- versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda,
mos fobia das ligações telefônicas. perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões
A ligação telefônica − que, até não muito tempo é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe
atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re- algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni- mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo-
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te- que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós nema”, acrescenta.
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
comunicação escrita, que nos permite pensar bem no brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não html>. Acesso em: 25 jun. 2019
poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
nema”, acrescenta. Qual é a relação de sentido estabelecida no excerto “Não
Adaptado de<https://brasil.elpais.com/ posso falar, é melhor me escrever”?
brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
a) Contraste.
html>. Acesso em: 25 jun. 2019
b) Causalidade.
c) Adição.
Em “[...] esperávamos com alegria ou tolerávamos com
d) Conformidade.
resignação, mas nunca evitávamos com uma rejeição
universal.”, e) Finalidade.

a) há uma relação de oposição entre esperar com alegria 41. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
e tolerar com resignação. FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) TEXTO I
b) a acentuação de “esperávamos”, “tolerávamos” e “evi-
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
távamos” se deve ao fato de serem verbos.
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?
c) não é possível identificar os sujeitos dos verbos pre-
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
sentes no excerto.
confusa série de mensagens de WhatsApp
d) todos os verbos apresentam o mesmo sujeito e estão SILVIA LÓPEZ
no mesmo modo.
Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo:
e) o uso da vírgula é facultativo.
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res-
40. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor-
nalística não tem importância, não altera a qualidade de
TEXTO I
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone? um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
LIVRO DE QUESTÕES - BB

dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-


confusa série de mensagens de WhatsApp bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
SILVIA LÓPEZ Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
BANCO DO BRASIL

falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício


Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes- mos fobia das ligações telefônicas.
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- A ligação telefônica − que, até não muito tempo
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-

9
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo-
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te- uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
comunicação escrita, que nos permite pensar bem no nema”, acrescenta.
que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
poder saber de antemão qual será a duração do telefo- brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
nema”, acrescenta. html>. Acesso em: 25 jun. 2019
Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692. Assinale a alternativa que apresenta a reescrita
html>. Acesso em: 25 jun. 2019 adequada, sintática e semanticamente, para o seguinte
excerto: “O paradoxo do grande vício do século XXI é que
Assinale a alternativa em que a expressão em destaque estamos presos ao celular, mas temos fobia das ligações
NÃO indica circunstância de tempo, NÃO sendo, telefônicas.”.
portanto, um adjunto adverbial de tempo ou uma oração
subordinada adverbial temporal. a) O paradoxo do grande vício do século consecutivo é
estarmos presos ao celular, mas termos fobia das liga-
a) “O paradoxo do grande vício do século XXI é que esta- ções telefônicas.
mos presos ao celular [...]”. b) A incoerência do grande vício do século consecutivo é
b) “[...] quando recebemos uma ligação, ela interrompe estarmos presos ao celular, mas ficarmos doentes sem
algo [...]”. as ligações telefônicas.
c) “[...] simplesmente não temos vontade de falar nesse c) No século XXI, é contraditório estar preso ao celular
momento [...]”. por ter medo das ligações telefônicas.
d) “[...] saber de antemão qual será a duração do telefo- d) Temos medo das ligações telefônicas porque estamos
nema [...]”. presos ao celular; esse é o paradoxo do grande vício
e) “[...] opções com as quais podemos nos comuni- do século XXI.
car hoje.”. e) Estarmos presos ao celular, mas termos fobia das li-
gações telefônicas é a incoerência do grande vício do
42. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN- século vigente.
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
43. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
TEXTO I FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone? TEXTO I
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
confusa série de mensagens de WhatsApp presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?
SILVIA LÓPEZ Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
confusa série de mensagens de WhatsApp
Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: SILVIA LÓPEZ
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo:
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas “Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res-
nalística não tem importância, não altera a qualidade de pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor-
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos nalística não tem importância, não altera a qualidade de
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu- suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece- com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos. um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te- Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
mos fobia das ligações telefônicas. falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício
BANCO DO BRASIL

A ligação telefônica − que, até não muito tempo do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re- mos fobia das ligações telefônicas.
signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni- A ligação telefônica − que, até não muito tempo
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda,

10
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te- nema”, acrescenta.
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- Adaptado de<https://brasil.elpais.com/
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na html>. Acesso em: 25 jun. 2019
comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não De acordo com o texto, é correto afirmar que
poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
nema”, acrescenta. a) a autora seguiu o conselho de Hemingway
Adaptado de<https://brasil.elpais.com/ b) a curiosidade metajornalística citada pela autora não
brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692. tem importância para a temática do texto.
html>. Acesso em: 25 jun. 2019 c) não há resposta para a pergunta presente no título.
d) a ligação telefônica está presente na vida das pessoas.
No segundo parágrafo do texto, a informação entre e) respondemos e-mails com áudios porque nos comuni-
travessões camos melhor oralmente do que pela escrita.

a) descreve três atitudes negativas em relação à ligação 45. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
telefônica. FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019)
b) é constituída por três ações que se excluem mutua-
mente. TEXTO I
c) é constituída por verbos que não requerem um com- O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos
plemento. presos ao celular, mas odiamos falar por telefone?
d) restringe o sentido do termo “ligação telefônica”. Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e
e) completa o sentido do termo “ligação telefônica”. confusa série de mensagens de WhatsApp
SILVIA LÓPEZ
44. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo:
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes-
TEXTO I te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res-
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone? que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor-
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e nalística não tem importância, não altera a qualidade de
confusa série de mensagens de WhatsApp suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções
SILVIA LÓPEZ com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu-
Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece-
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes- bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te-
nalística não tem importância, não altera a qualidade de mos fobia das ligações telefônicas.
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções A ligação telefônica − que, até não muito tempo
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu- signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni-
dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece- versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda,
bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos. perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe
falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te- mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo-
mos fobia das ligações telefônicas. ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
A ligação telefônica − que, até não muito tempo uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re- comunicação escrita, que nos permite pensar bem no
LIVRO DE QUESTÕES - BB

signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni- que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, poder saber de antemão qual será a duração do telefo-
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões nema”, acrescenta.
BANCO DO BRASIL

é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe Adaptado de<https://brasil.elpais.com/


algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te- brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692.
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- html>. Acesso em: 25 jun. 2019
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na
comunicação escrita, que nos permite pensar bem no

11
Em relação ao excerto “Não deixe uma ligação rápida Em “[...] esperávamos com alegria ou tolerávamos com
arruinar uma longa e confusa série de mensagens de resignação, mas nunca evitávamos com uma rejeição
WhatsApp”, é correto afirmar que universal.”,

a) ele é um conselho para as pessoas não receberem li- a) há uma relação de oposição entre esperar com alegria
gações rápidas. e tolerar com resignação.
b) a palavra “rápida” caracteriza “ligação” enquanto as b) a acentuação de “esperávamos”, “tolerávamos” e “evi-
palavras “longa”, “confusa” e “série” caracterizam távamos” se deve ao fato de serem verbos.
“mensagens”. c) não é possível identificar os sujeitos dos verbos pre-
c) ele é irônico, pois o conteúdo que se pretende veicular sentes no excerto.
possui o significado contrário daquilo que é posto. d) todos os verbos apresentam o mesmo sujeito e estão
d) ele está no modo imperativo, indicando um pedido no mesmo modo.
para que as pessoas não diminuam o uso de What- e) o uso da vírgula é facultativo.
sApp.
e) a palavra “série” está sendo utilizada com o mesmo 47. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - MÉTODOS
significado que na frase: “A antiga 5ª série equivale QUANTITATIVOS – FGV - 2017)
hoje ao 6º ano”.
Texto 2 – ANTES DO PRIMEIRO CRIME
46. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GESTÃO E IN-
FRAESTRUTURA – INSTITUTO AOCP - 2019) Um fenômeno bastante conhecido nos estudos crimi-
nológicos é o fato de que muitas coisas envolvem pou-
TEXTO I cas pessoas e lugares. Estudos usando técnicas de análi-
O último paradoxo da vida moderna: por que ficamos se para a detecção de “áreas quentes” de criminalidade
presos ao celular, mas odiamos falar por telefone? mostram que crimes são fenômenos bastante concentra-
Não deixe uma ligação rápida arruinar uma longa e dos no tempo e no espaço. Alguns exemplos:
confusa série de mensagens de WhatsApp 1) as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de
SILVIA LÓPEZ Janeiro concentram 40% dos homicídios no Brasil, embo-
ra tenham 18% da população;
Para iniciar um texto, Hemingway dizia a si mesmo: 2) cerca de 20% desse tipo de crime acontecem em
“Escreva a frase mais verdadeira que você conhece”. Nes- menos de 2% da área geográfica de um centro urbano;
te caso, seria: a psicóloga Cristina Pérez, do Siquia, res- 3) a maioria dos assaltos ocorre em poucos locais.
pondeu por meio de mensagens de áudio às perguntas (Ciência Hoje, maio de 2004)
que lhe enviamos por email. Essa curiosidade meta jor- “as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de
nalística não tem importância, não altera a qualidade de Janeiro concentram 40% dos homicídios no Brasil, embo-
suas respostas, só ilustra a variedade e fluidez de opções ra tenham 18% da população”.
com as quais podemos nos comunicar hoje. Recebemos
um email? Respondemos com um áudio. Chegou um áu- Para que a última oração desse segmento do texto 2
dio de WhatsApp? Respondemos com um texto. Rece- tivesse mais clareza, a forma adequada seria:
bemos um telefonema? Não respondemos. Esperamos.
Esperamos. E escrevemos: “Você me ligou? Não posso a) embora tenham apenas 18% da população;
falar, é melhor me escrever”. O paradoxo do grande vício b) embora tenham mais de 18% da população;
do século XXI é que estamos presos ao celular, mas te- c) embora tenham talvez 18% da população;
mos fobia das ligações telefônicas. d) embora tenham menos de 18% da população;
A ligação telefônica − que, até não muito tempo e) embora tenham cerca de 18% da população.
atrás, esperávamos com alegria ou tolerávamos com re-
signação, mas nunca evitávamos com uma rejeição uni- 48. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - MÉTODOS
versal − se tornou uma presença intrusiva e incômoda, QUANTITATIVOS – FGV - 2017)
perturbadora e tirânica, mas por quê? “Uma das razões
é que quando recebemos uma ligação, ela interrompe Texto 2 – ANTES DO PRIMEIRO CRIME
algo que estávamos fazendo, ou simplesmente não te-
mos vontade de falar nesse momento”, explica a psicólo- Um fenômeno bastante conhecido nos estudos cri-
ga Cristina Pérez. “Por outro lado, também exige de nós minológicos é o fato de que muitas coisas envolvem
uma resposta imediata, ao contrário do que ocorre na poucas pessoas e lugares. Estudos usando técnicas de
LIVRO DE QUESTÕES - BB

comunicação escrita, que nos permite pensar bem no análise para a detecção de “áreas quentes” de criminali-
que queremos dizer. E a terceira razão seria o fato de não dade mostram que crimes são fenômenos bastante con-
poder saber de antemão qual será a duração do telefo- centrados no tempo e no espaço. Alguns exemplos: 1) as
BANCO DO BRASIL

nema”, acrescenta. regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de Janeiro


Adaptado de<https://brasil.elpais.com/ concentram 40% dos homicídios no Brasil, embora te-
brasil/2019/06/01/tecnologia/1559392400_168692. nham 18% da população; 2) cerca de 20% desse tipo de
html>. Acesso em: 25 jun. 2019 crime acontecem em menos de 2% da área geográfica de
um centro urbano; 3) a maioria dos assaltos ocorre em
poucos locais. (Ciência Hoje, maio de 2004)

12
Indique a frase abaixo em que uma outra concordância a) uma seleção de informações de destaque social;
verbal é possível: b) uma utilização de linguagem popular, para fácil acesso;
c) a indicação de pessoas de valor reconhecido;
a) “...muitas coisas envolvem poucas pessoas”; d) a não participação direta do autor do texto;
b) “...cerca de 20% desses tipos de crime acontecem...”; e) a atualidade flagrante do tema selecionado.
c) “...a maioria dos assaltos ocorre em poucos locais”;
d) “...crimes são fenômenos bastante concentrados”; 51. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - MÉTODOS
e) “...as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de QUANTITATIVOS – FGV - 2017)
Janeiro concentram 40% dos homicídios”.
Texto 2 – ANTES DO PRIMEIRO CRIME
49. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - MÉTODOS
QUANTITATIVOS – FGV - 2017) Um fenômeno bastante conhecido nos estudos crimi-
nológicos é o fato de que muitas coisas envolvem pou-
Texto 2 – ANTES DO PRIMEIRO CRIME cas pessoas e lugares. Estudos usando técnicas de análi-
se para a detecção de “áreas quentes” de criminalidade
Um fenômeno bastante conhecido nos estudos crimi- mostram que crimes são fenômenos bastante concentra-
nológicos é o fato de que muitas coisas envolvem pou- dos no tempo e no espaço. Alguns exemplos:
cas pessoas e lugares. Estudos usando técnicas de análi- 1) as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de
se para a detecção de “áreas quentes” de criminalidade Janeiro concentram 40% dos homicídios no Brasil, embo-
mostram que crimes são fenômenos bastante concentra- ra tenham 18% da população;
dos no tempo e no espaço. Alguns exemplos: 2) cerca de 20% desse tipo de crime acontecem em
1) as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de menos de 2% da área geográfica de um centro urbano;
Janeiro concentram 40% dos homicídios no Brasil, embo- 3) a maioria dos assaltos ocorre em poucos locais.
ra tenham 18% da população; (Ciência Hoje, maio de 2004)
2) cerca de 20% desse tipo de crime acontecem em
menos de 2% da área geográfica de um centro urbano; “Um fenômeno bastante conhecido nos estudos crimino-
3) a maioria dos assaltos ocorre em poucos locais. lógicos é o fato de que muitas coisas envolvem poucas
(Ciência Hoje, maio de 2004) pessoas e lugares”.

Os exemplos citados no texto 2 têm a função de: O fato citado nesse segmento inicial do texto 2 se apoia:

a) mostrar que as afirmações anteriormente feitas só se a) na opinião do autor;


aplicam a Rio e São Paulo; b) na credibilidade da revista que publica o texto;
b) indicar que os estudos citados tiveram por base as re- c) no senso comum;
giões metropolitanas carioca e paulista; d) na autoridade de conhecimentos científicos;
c) comprovar a tese indicada anteriormente; e) no valor de estudos históricos.
d) demonstrar o relativismo das informações jornalísti-
cas; 52. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
e) contrariar as afirmações anteriores do texto. PERVISOR – FGV - 2017) Uma sala de um colégio tradi-
cional do Rio mostrava o seguinte cartaz:
50. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - MÉTODOS
QUANTITATIVOS – FGV - 2017) “Não pedimos que você limpe a sala. Apenas que não a
suje”.
Texto 2 – ANTES DO PRIMEIRO CRIME
Sobre as frases do cartaz, é correto afirmar que:
Um fenômeno bastante conhecido nos estudos crimi-
nológicos é o fato de que muitas coisas envolvem pou- a) o primeiro período desculpa o aluno que suja a sala;
cas pessoas e lugares. Estudos usando técnicas de análi- b) o segundo período explica o primeiro;
se para a detecção de “áreas quentes” de criminalidade c) o primeiro período obriga o aluno a limpar a sala;
mostram que crimes são fenômenos bastante concentra- d) o segundo período é uma conclusão do primeiro;
dos no tempo e no espaço. Alguns exemplos: e) o segundo período considera a ação de não sujar mais
1) as regiões metropolitanas de São Paulo e do Rio de fácil que a de limpar.
Janeiro concentram 40% dos homicídios no Brasil, embo-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

ra tenham 18% da população; 53. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-


2) cerca de 20% desse tipo de crime acontecem em PERVISOR – FGV - 2017) Abaixo de uma foto da guerra
menos de 2% da área geográfica de um centro urbano; na Síria, o jornal Folha de São Paulo, de 05/04/2017, es-
BANCO DO BRASIL

3) a maioria dos assaltos ocorre em poucos locais. creveu o seguinte:


(Ciência Hoje, maio de 2004)
“Homem carrega criança morta em ataque com gás que
A característica que mostra mais claramente ser o texto 2 matou ao menos 58 em cidade da Síria”.
de cunho jornalístico tradicional é:

13
O problema de construção dessa frase é: b) uma condição seguida de uma consequência;
c) uma consequência seguida de sua causa;
a) a falta de paralelismo; d) uma possível causa seguida de uma exemplificação;
b) o desrespeito pelas regras gramaticais; e) uma opinião seguida de uma conclusão.
c) a possível ambiguidade;
d) a presença exagerada de linguagem coloquial; 57. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E
e) a ausência de pontuação. SUPERVISOR – FGV - 2017)

54. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- Texto 2


PERVISOR – FGV - 2017) “A produção industrial do país
subiu 0,1% em fevereiro na comparação com o mês an- “Imagine reunir um grupo diverso de pessoas toda
terior, informou o IBGE”. quinta-feira, durante dez anos, para estudar e treinar vi-
O resultado indica que o setor entrou em fase de estabi- sões sobre o trabalho do ator e da arte. Imagine que a
lidade após forte recessão. Ficou, no entanto, abaixo da pessoa que conduz essa iniciativa o faz por crença no
expectativa do mercado, de elevação de 0,5%. ofício, dedicação de uma vida inteira, com apoios even-
Nos últimos 12 meses, a retração acumulada na indústria tuais, mas sem nenhum ressentimento. Para aqueles que
é de 4,8%”. (Folha de São Paulo, 05/04/2017). miram na arte uma forma de estar na vida, a diretora Ce-
lina Sodré é um exemplo a ser mirado. Para outros que
Um texto mostra sempre um conjunto de elementos que olham com desdém a profissão de artista de teatro, é
se repetem e um outro conjunto de novidades; esses dois uma possibilidade de mudar de ponto de vista”.
conjuntos são responsáveis, respectivamente, pela coe- (O Globo, 11/04/2017)
são e pelo progresso do texto.
O segmento do texto 2 em que o emprego da preposição
O elemento abaixo que tem seu antecedente correta- DE – com ou sem contração com o artigo - é resultante
mente indicado é: da exigência de um termo anterior é:

a) o resultado / a comparação com o mês anterior; a) “um grupo diverso de pessoas”;


b) o setor / a produção industrial; b) “sobre o trabalho do ator».
c) fase de estabilidade / fevereiro de 2017; c) “dedicação de uma vida inteira”;
d) recessão / subiu 0,1% em fevereiro; d) “uma forma de estar na vida”;
e) retração acumulada / 4,8%. e) “profissão do artista”.

55. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- 58. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E
PERVISOR – FGV - 2017) “A produção industrial do país SUPERVISOR – FGV - 2017)
subiu 0,1% em fevereiro na comparação com o mês an-
terior, informou o IBGE. Texto 2
O resultado indica que o setor entrou em fase de estabi-
lidade após forte recessão. Ficou, no entanto, abaixo da “Imagine reunir um grupo diverso de pessoas toda
expectativa do mercado, de elevação de 0,5%. quinta-feira, durante dez anos, para estudar e treinar vi-
Nos últimos 12 meses, a retração acumulada na indústria sões sobre o trabalho do ator e da arte. Imagine que a
é de 4,8%”. (Folha de São Paulo, 05/04/2017). pessoa que conduz essa iniciativa o faz por crença no
ofício, dedicação de uma vida inteira, com apoios even-
A afirmativa correta sobre o texto acima é: tuais, mas sem nenhum ressentimento. Para aqueles que
miram na arte uma forma de estar na vida, a diretora Ce-
a) a comparação que serve de base para a pesquisa é feita lina Sodré é um exemplo a ser mirado. Para outros que
entre os dois últimos meses de fevereiro (2017/2016); olham com desdém a profissão de artista de teatro, é
b) o mercado esperava que a produção industrial subisse uma possibilidade de mudar de ponto de vista”.
0,6%; (O Globo, 11/04/2017)
c) a conjunção ‘no entanto’ opõe estabilidade e recessão;
d) a expectativa do mercado mostrava um pessimismo O item do texto 2 que estabelece coesão com um termo
que a pesquisa não confirmou; anterior, que é uma oração, é:
e) a informação prestada pelo jornal mostra um cenário
negativo, mas com sinais de mudança. a) “Imagine que a pessoa que conduz essa iniciativa”;
b) “Imagine que a pessoa que conduz essa iniciativa”;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

56. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- c) “Para aqueles que miram na arte”;
PERVISOR – FGV - 2017) Uma manchete do jornal Me- d) “...é um exemplo a ser mirado”;
BANCO DO BRASIL

tro, 11/04/2017, dizia o seguinte: “Se reforma for adiada, e) “por crença no ofício”.
direitos serão perdidos”.

A relação lógica entre as duas orações da manchete é:

a) uma afirmação seguida de uma explicação;

14
59. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E 61. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
SUPERVISOR – FGV - 2017) PERVISOR – FGV - 2017)

Texto 2 Texto 1

“Imagine reunir um grupo diverso de pessoas toda “Com todos os problemas que temos em nosso Esta-
quinta-feira, durante dez anos, para estudar e treinar vi- do – corporativismo, incompetência pública, intervencio-
sões sobre o trabalho do ator e da arte. Imagine que a nismo, burocracia, estatismo, carga tributária complexa,
pessoa que conduz essa iniciativa o faz por crença no entre outros -, ainda somos um país de muita sorte. Pelo
ofício, dedicação de uma vida inteira, com apoios even- simples fato de que a solução para nossos problemas só
tuais, mas sem nenhum ressentimento. Para aqueles que depende de nós mesmos.
miram na arte uma forma de estar na vida, a diretora Ce- Não somos como a Palestina, que depende de Israel
lina Sodré é um exemplo a ser mirado. Para outros que para existir. Nem somos como os países europeus, que
olham com desdém a profissão de artista de teatro, é dependem uns dos outros. Tampouco, como os Estados
uma possibilidade de mudar de ponto de vista”. Unidos, que carregam um peso imenso de problemas
(O Globo, 11/04/2017) deles e dos outros”.
(Isto É, março de 2017)
No texto 2 há um conjunto de verbos no infinitivo; se
substituirmos essas formas verbais por substantivos A primeira frase do texto 1 “Com todos os problemas que
correspondentes, a única frase INCORRETA será: temos em nosso Estado”, poderia ter a preposição inicial
substituída adequadamente ao sentido do texto por:
a) “Imagine reunir um grupo” / imagine a reunião de um
grupo; a) apesar de;
b) “para estudar” / para o estudo; b) por causa de;
c) “treinar visões” / treino de visões; c) em razão de;
d) “uma forma de estar na vida” / uma forma de estada d) pois;
na vida; e) além de.
e) “uma possibilidade de mudar” / uma possibilidade de
mutação. 62. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)

60. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- Texto 4


PERVISOR – FGV - 2017) ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS

Texto 1 “Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as


espécies animais que foram extintas por vários motivos.
“Com todos os problemas que temos em nosso Esta- Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
do – corporativismo, incompetência pública, intervencio- tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro-
nismo, burocracia, estatismo, carga tributária complexa, vocaram, ou estão provocando.
entre outros -, ainda somos um país de muita sorte. Pelo Dentre essas ações, as principais talvez sejam:
simples fato de que a solução para nossos problemas só l) a caça predatória de animais de grande porte e de
depende de nós mesmos. alguns animais menores; todos esses animais, de uma
Não somos como a Palestina, que depende de Israel forma ou de outra, rendem expressivos lucros;
para existir. Nem somos como os países europeus, que ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos
dependem uns dos outros. Tampouco, como os Estados agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa-
Unidos, que carregam um peso imenso de problemas mente o ecossistema;
deles e dos outros”. lll) as grandes tragédias provocadas também pela in-
(Isto É, março de 2017) cúria humana como os incêndios florestais e derrama-
mento de petróleo cru nos mares;
O trecho entre travessões no texto 1 mostra: lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel
desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani-
a) a enumeração de todos os problemas de nosso Estado; mais”. (Eurípedes Kuhl)
b) a explicação de um termo anterior;
c) a exemplificação de alguns de nossos problemas; Entre os termos do texto 4 destacados nesta questão,
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) a seleção de nossos problemas mais graves; aquele que tem seu significado corretamente indicado é:
e) a justificativa de uma afirmação.
a) caça predatória / caça realizada com permissão legal;
BANCO DO BRASIL

b) petróleo cru / petróleo retirado de locais profundos;


c) expressivos lucros / lucros expressos em dólares;
d) grande porte / que produzem bastantes filhotes;
e) incúria humana / falta de cuidado dos homens.

15
63. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017) “...fator de cruel desalojamento dos habitats de incontá-
veis espécies animais”.
Texto 4
ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS Entende-se por esse segmento do texto 4 que:

“Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as a) os habitats de algumas espécies são desalojados;
espécies animais que foram extintas por vários motivos. b) os animais sofrem profundamente com o desaloja-
Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex- mento dos habitats;
tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro- c) inumeráveis espécies são desalojadas de seus habitats;
vocaram, ou estão provocando. d) incontáveis espécies animais são obrigadas a modifi-
Dentre essas ações, as principais talvez sejam: car seus habitats
l) a caça predatória de animais de grande porte e de e) as mudanças de habitats fazem parte da crueldade dos
alguns animais menores; todos esses animais, de uma homens para extinguirem as espécies animais.
forma ou de outra, rendem expressivos lucros;
ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos 65. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa-
mente o ecossistema; Texto 4
lll) as grandes tragédias provocadas também pela in- ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS
cúria humana como os incêndios florestais e derrama-
mento de petróleo cru nos mares; “Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as
lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel espécies animais que foram extintas por vários motivos.
desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani- Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
mais”. (Eurípedes Kuhl) tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro-
vocaram, ou estão provocando.
A finalidade básica do texto 4 é: Dentre essas ações, as principais talvez sejam:
l) a caça predatória de animais de grande porte e de
a) denunciar os erros humanos que concorrem para a ex- alguns animais menores; todos esses animais, de uma
tinção de algumas espécies animais; forma ou de outra, rendem expressivos lucros;
b) informar os processos que são empregados pelos ho- ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos
mens para a extinção de algumas espécies; agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa-
c) condenar a ganância humana por dinheiro, colocando mente o ecossistema;
em risco a vida no planeta; lll) as grandes tragédias provocadas também pela in-
d) ajudar os homens bem intencionados a combater as cúria humana como os incêndios florestais e derrama-
tragédias ambientais; mento de petróleo cru nos mares;
e) alertar autoridades para o descaso dos homens em lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel
relação aos animais. desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani-
mais”. (Eurípedes Kuhl)
64. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
“as grandes tragédias provocadas também pela incúria
Texto 4 humana como os incêndios florestais e derramamento
ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS de petróleo cru nos mares”.

“Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as Nesse segmento do texto 4, os incêndios e o derrama-
espécies animais que foram extintas por vários motivos. mento de óleo são citados como:
Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro- a) provas de descuido dos homens;
vocaram, ou estão provocando. b) causas da extinção de espécies marítimas;
Dentre essas ações, as principais talvez sejam: c) exemplos da incúria humana;
l) a caça predatória de animais de grande porte e de d) termos de comparação com outras tragédias;
alguns animais menores; todos esses animais, de uma e) explicações da ocorrência de grandes tragédias.
forma ou de outra, rendem expressivos lucros;
ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos 66. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

mente o ecossistema; Texto 4


lll) as grandes tragédias provocadas também pela in- ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS
cúria humana como os incêndios florestais e derrama-
BANCO DO BRASIL

mento de petróleo cru nos mares; “Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as
lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel espécies animais que foram extintas por vários motivos.
desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani- Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
mais”. (Eurípedes Kuhl) tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro-
vocaram, ou estão provocando.

16
Dentre essas ações, as principais talvez sejam: 68. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
l) a caça predatória de animais de grande porte e de
alguns animais menores; todos esses animais, de uma Texto 4
forma ou de outra, rendem expressivos lucros; ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS
ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos
agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa- “Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as
mente o ecossistema; espécies animais que foram extintas por vários motivos.
lll) as grandes tragédias provocadas também pela in- Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
cúria humana como os incêndios florestais e derrama- tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro-
mento de petróleo cru nos mares; vocaram, ou estão provocando.
lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel Dentre essas ações, as principais talvez sejam:
desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani- l) a caça predatória de animais de grande porte e de
mais”. (Eurípedes Kuhl) alguns animais menores; todos esses animais, de uma
forma ou de outra, rendem expressivos lucros;
“a caça predatória de animais de grande porte e de ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos
alguns animais menores; todos esses animais, de uma agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa-
forma ou de outra, rendem expressivos lucros”. mente o ecossistema;
lll) as grandes tragédias provocadas também pela in-
O segmento (texto 4) sublinhado, em relação ao trecho cúria humana como os incêndios florestais e derrama-
anterior, funciona como sua: mento de petróleo cru nos mares;
lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel
a) finalidade; desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani-
b) causa; mais”. (Eurípedes Kuhl)
c) consequência;
d) conclusão; O par abaixo que muda de sentido se for invertida a
e) proporção. posição de seus dois elementos é:

67. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017) a) vários motivos;


b) grande porte;
Texto 4 c) animais menores;
ANIMAIS, NOSSOS IRMÃOS d) grandes áreas;
e) cruel desalojamento.
“Desde o início da vida no planeta Terra, muitas são as
espécies animais que foram extintas por vários motivos. 69. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex-
tinção’, afloram as várias atividades humanas que as pro- Texto 3
vocaram, ou estão provocando.
Dentre essas ações, as principais talvez sejam: “Silva, Oliveira, Faria, Ferreira... Todo mundo tem um
l) a caça predatória de animais de grande porte e de sobrenome e temos de agradecer aos romanos por isso.
alguns animais menores; todos esses animais, de uma Foi esse povo, que há mais de dois mil anos ergueu um
forma ou de outra, rendem expressivos lucros; império com a conquista de boa parte das terras banha-
ll) a descuidada aplicação dos chamados ‘defensivos das pelo Mediterrâneo, o inventor da moda. Eles tive-
agrícolas’ ou agrotóxicos, desestabilizando completa- ram a ideia de juntar ao nome comum, ou prenome, um
mente o ecossistema; nome.
lll) as grandes tragédias provocadas também pela in- Por quê? Porque o império romano crescia e eles pre-
cúria humana como os incêndios florestais e derrama- cisavam indicar o clã a que a pessoa pertencia ou o lugar
mento de petróleo cru nos mares; onde tinha nascido”. (Ciência Hoje, março de 2014)
lV) o desmatamento de grandes áreas, fator de cruel “Porque o império romano crescia e eles precisavam
desalojamento dos habitats de incontáveis espécies ani- indicar o clã a que a pessoa pertencia ou o lugar onde
mais”. (Eurípedes Kuhl) tinha nascido”.

A frase abaixo (texto 4) que mostra uma voz verbal Nesse segmento do texto 3 há o emprego correto do
diferente das demais é: termo “que” precedido da preposição “a” em razão de
LIVRO DE QUESTÕES - BB

estar na mesma oração o verbo “pertencer”, que exige


a) “...desestabilizando completamente o ecossistema”; essa preposição.
b) “...afloram as várias atividades humanas que as provo-
BANCO DO BRASIL

caram, ou estão provocando”; A frase abaixo que está correta nesse mesmo aspecto é:
c) “Dentre essas ações, as principais talvez sejam...”;
d) “... todos esses animais, de uma forma ou de outra, a) O prato que mais gosta é lagosta.
rendem expressivos lucros”; b) O local que fui na semana passada é bastante interes-
e) “Atualmente, quando se mencionam ‘espécies em ex- sante.
tinção’...”. c) Esta é a cena a que todos aplaudiram.

17
d) Esse foi o questionário a que eles preencheram. 72. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
e) Essas foram as ordens a que eles obedeceram.
Texto 3
70. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
“Silva, Oliveira, Faria, Ferreira... Todo mundo tem um
Texto 3 sobrenome e temos de agradecer aos romanos por isso.
Foi esse povo, que há mais de dois mil anos ergueu um
“Silva, Oliveira, Faria, Ferreira... Todo mundo tem um império com a conquista de boa parte das terras banha-
sobrenome e temos de agradecer aos romanos por isso. das pelo Mediterrâneo, o inventor da moda. Eles tive-
Foi esse povo, que há mais de dois mil anos ergueu um ram a ideia de juntar ao nome comum, ou prenome, um
império com a conquista de boa parte das terras banha- nome.
das pelo Mediterrâneo, o inventor da moda. Eles tive- Por quê? Porque o império romano crescia e eles pre-
ram a ideia de juntar ao nome comum, ou prenome, um cisavam indicar o clã a que a pessoa pertencia ou o lugar
nome. onde tinha nascido”. (Ciência Hoje, março de 2014)
Por quê? Porque o império romano crescia e eles pre-
cisavam indicar o clã a que a pessoa pertencia ou o lugar O objetivo do texto 3 é:
onde tinha nascido”. (Ciência Hoje, março de 2014)
“Foi esse povo, que há mais de dois mil anos ergueu a) explicar a significação de nossos sobrenomes;
um império com a conquista de boa parte das terras ba- b) combater informações erradas sobre a origem dos so-
nhadas pelo Mediterrâneo, o inventor da moda”. brenomes;
c) informar sobre a origem histórica dos sobrenomes;
A afirmação correta sobre os componentes desse seg- d) valorizar o estudo de História como veículo de enten-
mento do texto 3 é: dimento da modernidade;
e) discutir o valor semântico de alguns sobrenomes ci-
a) o termo “moda” se refere às vestimentas usadas num tados.
determinado momento da história;
b) o adjetivo “boa” indica a parte das terras adequada 73. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)
para a atividade econômica;
c) o termo “esse povo” se refere à coletividade dos povos Texto 2
conquistados pelos romanos; AS DOZE BACTÉRIAS MAIS AMEAÇADORAS
d) “há mais de dois mil anos” marca uma datação precisa
dos fatos citados; “Pela segunda vez em apenas cinco meses, a Organi-
e) o termo “conquista” mostra meios militares na forma- zação Mundial de Saúde (OMS) veio a público para cha-
ção do império romano. mar a atenção do mundo a respeito da ameaça causada
pelas bactérias super-resistentes à ação dos antibióticos.
71. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017) Na semana passada, a entidade divulgou uma lista com
doze famílias de microorganismos considerados de alto
Texto 3 risco e contra os quais as opções terapêuticas estão se
esgotando.
“Silva, Oliveira, Faria, Ferreira... Todo mundo tem um so- No documento dirigido aos governos, cientistas e in-
brenome e temos de agradecer aos romanos por isso. Foi dústrias, a organização enfatiza a necessidade de criação
esse povo, que há mais de dois mil anos ergueu um im- urgente de novos recursos para combater essas bactérias
pério com a conquista de boa parte das terras banhadas antes que seja tarde demais”.(Isto É, março de 2017)
pelo Mediterrâneo, o inventor da moda. Eles tiveram a
ideia de juntar ao nome comum, ou prenome, um nome. No texto 2 há um erro de grafia ou acentuação, segundo
Por quê? Porque o império romano crescia e eles as novas regras, que é:
precisavam indicar o clã a que a pessoa pertencia ou o
lugar onde tinha nascido”. (Ciência Hoje, março de 2014) a) microorganismos;
b) super-resistentes;
“Todo mundo tem um sobrenome e temos de agradecer c) bactérias;
aos romanos por isso”. (texto 3) d) antibióticos;
e) indústrias.
O pronome “isso”, nesse segmento do texto, se refere
LIVRO DE QUESTÕES - BB

a(à): 74. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017)

a) todo mundo ter um sobrenome;


BANCO DO BRASIL

Texto 2
b) sobrenomes citados no início do texto; AS DOZE BACTÉRIAS MAIS AMEAÇADORAS
c) todos os sobrenomes hoje conhecidos;
d) forma latina dos sobrenomes atuais; “Pela segunda vez em apenas cinco meses, a Organi-
e) existência de sobrenomes nos documentos. zação Mundial de Saúde (OMS) veio a público para cha-
mar a atenção do mundo a respeito da ameaça causada
pelas bactérias super-resistentes à ação dos antibióticos.

18
Na semana passada, a entidade divulgou uma lista com Sobre essas ocorrências, é correto afirmar que em:
doze famílias de microorganismos considerados de alto
risco e contra os quais as opções terapêuticas estão se a) (1) e (2) “mais” tem valor de intensidade;
esgotando. b) (1) e (3) “mais” tem valor de quantidade;
No documento dirigido aos governos, cientistas e in- c) (2) e (3) “mais” tem valor de intensidade;
dústrias, a organização enfatiza a necessidade de criação d) (2) “mais” tem valor de quantidade indeterminada;
urgente de novos recursos para combater essas bactérias e) (3) “mais” tem valor de quantidade determinada.
antes que seja tarde demais”.(Isto É, março de 2017)
77. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS
O objetivo do texto 2 é: CONTÁBEIS – FGV - 2017)
a) divulgar uma lista de bactérias; Texto 1
b) anunciar ao mundo um perigo futuro; ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER
c) alertar para a criação de defesas contra bactérias su-
perresistentes; O Brasil passou por um período de racionamento de
d) mostrar em que estado estão as pesquisas contra bac- energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser
térias; feito para evitar um novo racionamento?
e) denunciar a irresponsabilidade da ciência atual.
O racionamento foi resultado da política de privati-
75. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017) zação e desregulamentação que não incentivou suficien-
temente a construção de novas usinas. O governo tam-
Texto 1 bém não permitiu que o setor público investisse nessa
A ORIGEM DA VIDA NO UNIVERSO área. Não planejou nem implementou uma política para
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma
Uma descoberta anunciada na semana passada joga carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em-
mais luz sobre a origem da vida no universo. Em um ar- bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos
tigo publicado na revista Nature – uma das mais impor- anteriores.
tantes publicações científicas do mundo –, pesquisado- No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
res ingleses relatam a identificação de microfósseis de gética que estimule o fornecimento de energia, através
bactérias que teriam surgido entre 4,2 bilhões de anos e
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
3,7 bilhões de anos atrás. Se for confirmado, será o mais
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
antigo registro de vida na Terra.
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
“...pesquisadores ingleses relatam a identificação de
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
microfósseis de bactérias que teriam surgido entre 4,2
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
bilhões de anos e 3,7 bilhões de anos atrás. Se for confir-
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
mado, será o mais antigo registro de vida na Terra”.
política expandiria o fornecimento para essa população.
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)
Em função da forma verbal “teriam surgido”, os leitores to-
“É preciso levar em conta questões econômicas e so-
mam conhecimento de que a informação da descoberta é:
ciais”; se juntássemos os adjetivos sublinhados em forma
a) uma certeza dos estudiosos; de adjetivo composto, a forma correta, no contexto, seria:
b) uma opinião dos descobridores;
a) econômicas-sociais;
c) uma possibilidade sugerida;
b) econômico-social;
d) uma dúvida sobre a descoberta;
c) econômica-social;
e) uma hipótese já comprovada.
d) econômico-sociais;
76. (IBGE – RECENSEADOR – FGV - 2017) e) econômicas-social.

Texto 1 78. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-


A ORIGEM DA VIDA NO UNIVERSO TÁBEIS – FGV - 2017)

Uma descoberta anunciada na semana passada joga Texto 1


mais luz sobre a origem da vida no universo. Em um ar- ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER
tigo publicado na revista Nature – uma das mais impor-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

tantes publicações científicas do mundo –, pesquisado- O Brasil passou por um período de racionamento de
res ingleses relatam a identificação de microfósseis de energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser
feito para evitar um novo racionamento?
BANCO DO BRASIL

bactérias que teriam surgido entre 4,2 bilhões de anos e


3,7 bilhões de anos atrás. Se for confirmado, será o mais
antigo registro de vida na Terra. O racionamento foi resultado da política de privati-
No texto 1, há três ocorrências do vocábulo “mais”: (1) zação e desregulamentação que não incentivou suficien-
“...joga mais luz sobre a origem da vida”; (2) “...uma das temente a construção de novas usinas. O governo tam-
mais importantes publicações científicas” e (3) “...será o bém não permitiu que o setor público investisse nessa
mais antigo registro de vida na Terra”. área. Não planejou nem implementou uma política para

19
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma “...embora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em- anos anteriores”.
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos
anteriores. Esse segmento do texto 1 mostra o seguinte valor:
No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
gética que estimule o fornecimento de energia, através a) reduz a intensidade da crítica feita ao governo da épo-
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível ca;
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu- b) compara a situação citada com a de anos anteriores;
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões c) elogia a atuação estatal no setor energético;
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi- d) atribui o racionamento a problemas naturais;
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões e) aumenta as críticas ao desempenho governamental.
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
política expandiria o fornecimento para essa população. 80. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado) TÁBEIS – FGV - 2017)
“No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
gética que estimule o fornecimento de energia, através Texto 1
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
sive o meio ambiente”. O Brasil passou por um período de racionamento de
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser
Deduz-se desse segmento opinativo do entrevistado feito para evitar um novo racionamento?
que:
O racionamento foi resultado da política de privati-
a) a energia fornecida não deve obrigatoriamente gerar zação e desregulamentação que não incentivou suficien-
lucro para as empresas; temente a construção de novas usinas. O governo tam-
b) a sugestão do entrevistado é de fácil execução e só bém não permitiu que o setor público investisse nessa
depende de vontade política; área. Não planejou nem implementou uma política para
c) a energia pode ser produzida, de forma acessível, por o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma
várias fontes; carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em-
d) a energia elétrica é de menor custo de produção que bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos
a de combustíveis; anteriores.
e) a energia elétrica é a única que protege o meio am-
No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
biente.
gética que estimule o fornecimento de energia, através
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
79. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
TÁBEIS – FGV - 2017)
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
Texto 1 econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
O Brasil passou por um período de racionamento de política expandiria o fornecimento para essa população.
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser (Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)
feito para evitar um novo racionamento?
No primeiro parágrafo do texto 1 há um conjunto de
O racionamento foi resultado da política de privati- termos que recuperam elementos anteriores, o que dá
zação e desregulamentação que não incentivou suficien- coesão ao texto.
temente a construção de novas usinas. O governo tam-
bém não permitiu que o setor público investisse nessa O termo cujo antecedente é uma oração é:
área. Não planejou nem implementou uma política para
a) “...que não incentivou...”;
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em- b) “...o setor público investisse nessa área”;
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos c) “...nem implementou uma política para o setor”;
anteriores. d) “O problema principal foi esse...”;
No futuro, o desafio será adotar uma política ener- e) “...ou da capacidade de fornecê-la”.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

gética que estimule o fornecimento de energia, através


de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
BANCO DO BRASIL

sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões


econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
política expandiria o fornecimento para essa população.
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)

20
81. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON- No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
TÁBEIS – FGV - 2017) gética que estimule o fornecimento de energia, através
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
Texto 1 para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
O Brasil passou por um período de racionamento de lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
feito para evitar um novo racionamento? política expandiria o fornecimento para essa população.
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)
O racionamento foi resultado da política de privati-
zação e desregulamentação que não incentivou suficien- “O governo também não permitiu que o setor público
temente a construção de novas usinas. O governo tam- investisse nessa área”.
bém não permitiu que o setor público investisse nessa
área. Não planejou nem implementou uma política para O segundo período da resposta do entrevistado desem-
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma penha o seguinte papel textual:
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em-
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos a) contraria o que é anteriormente dito;
anteriores. b) retifica um erro cometido pelo entrevistado;
No futuro, o desafio será adotar uma política ener- c) indica uma outra possibilidade de se verem os fatos;
gética que estimule o fornecimento de energia, através d) confirma o que é informado antes;
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível e) acrescenta mais um argumento à opinião expressa an-
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu- tes.
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi- 83. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões TÁBEIS – FGV - 2017)
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
política expandiria o fornecimento para essa população. Texto 1
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado) ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER

“Não planejou nem implementou uma política para o O Brasil passou por um período de racionamento de
setor”. energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser
feito para evitar um novo racionamento?
Sobre as duas ações citadas nesse segmento do texto 1,
pode-se corretamente afirmar que: O racionamento foi resultado da política de privati-
zação e desregulamentação que não incentivou suficien-
a) a primeira ação depende da segunda; temente a construção de novas usinas. O governo tam-
b) a segunda ação depende da primeira; bém não permitiu que o setor público investisse nessa
c) as duas ações são independentes; área. Não planejou nem implementou uma política para
d) as ações são interdependentes; o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma
e) a primeira ação implica obrigatoriamente a segunda. carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em-
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos
82. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON- anteriores.
TÁBEIS – FGV - 2017) No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
gética que estimule o fornecimento de energia, através
Texto 1 de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
O Brasil passou por um período de racionamento de econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
feito para evitar um novo racionamento? Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
política expandiria o fornecimento para essa população.
O racionamento foi resultado da política de privati- (Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)
LIVRO DE QUESTÕES - BB

zação e desregulamentação que não incentivou suficien- No texto 1 há um conjunto de termos precedidos da
temente a construção de novas usinas. O governo tam- preposição DE; o termo abaixo em que essa preposição
bém não permitiu que o setor público investisse nessa tem emprego não exigido por um termo anterior é:
BANCO DO BRASIL

área. Não planejou nem implementou uma política para


o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma a) “racionamento de energia”;
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em- b) “construção de novas usinas”;
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos c) “capacidade de fornecê-la”;
anteriores. d) “volume de chuvas”;
e) “fornecimento de energia”.

21
84. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON- No futuro, o desafio será adotar uma política ener-
TÁBEIS – FGV - 2017) gética que estimule o fornecimento de energia, através
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível
Texto 1 para os consumidores e as empresas, protegendo inclu-
ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi-
O Brasil passou por um período de racionamento de lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
feito para evitar um novo racionamento? política expandiria o fornecimento para essa população.
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado)
O racionamento foi resultado da política de privati-
zação e desregulamentação que não incentivou suficien- “O racionamento foi resultado da política de privatização
temente a construção de novas usinas. O governo tam- e desregulamentação que não incentivou suficientemente
bém não permitiu que o setor público investisse nessa a construção de novas usinas”.
área. Não planejou nem implementou uma política para
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma O início da resposta do entrevistado corresponde a
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em- uma pergunta que não foi formulada diretamente; essa
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos pergunta, se formulada, seria:
anteriores.
No futuro, o desafio será adotar uma política ener- a) O que é racionamento de energia?
gética que estimule o fornecimento de energia, através b) A política interferiu com o racionamento de energia
de eletricidade ou de combustíveis, a um custo acessível ocorrido?
para os consumidores e as empresas, protegendo inclu- c) A privatização é uma boa política do Estado?
sive o meio ambiente. É preciso levar em conta questões d) A solução para a crise é a construção de novas usinas?
econômicas e sociais. No Brasil, há pelo menos 20 mi- e) Como se pode chegar à regulamentação do setor
lhões de pessoas que vivem em áreas rurais das regiões energético?
Norte e Nordeste, sem acesso à eletricidade. Uma boa
política expandiria o fornecimento para essa população. 86. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
(Ciência Hoje, maio de 2004 - adaptado) FGV - 2017) “Com as novas medidas para evitar a absten-
ção, o governo espera uma economia vultosa no Enem”.
“O que pode ser feito para evitar um novo
racionamento?” A oração reduzida “para evitar a abstenção” pode ser
adequadamente substituída pela seguinte oração desen-
A oração “para evitar um novo racionamento” pode ser volvida:
desenvolvida em forma de uma nova oração do seguinte
a) para que se evitasse a abstenção;
modo:
b) a fim de que a abstenção fosse evitada;
a) Para evitar-se um novo racionamento? c) para que se evite a abstenção;
d) a fim de evitar-se a abstenção;
b) Para que se evitasse um novo racionamento?
c) Para que um novo racionamento fosse evitado? e) evitando-se a abstenção.
d) Para que se evite um novo racionamento?
87. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
e) Para ser evitado um novo racionamento? FGV - 2017)
Texto 1
85. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
“A democracia reclama um jornalismo vigoroso e inde-
TÁBEIS – FGV - 2017)
pendente. A agenda pública é determinada pela impren-
sa tradicional. Não há um único assunto relevante que
Texto 1
não tenha nascido numa pauta do jornalismo de qualida-
ENTREVISTA COM O FÍSICO HOWARD GELLER de. Alguns formadores de opinião utilizam as redes so-
ciais para reverberar, multiplicar e cumprem assim rele-
O Brasil passou por um período de racionamento de vante papel mobilizador. Mas o pontapé inicial é sempre
energia em 2001. Isso pode se repetir? O que pode ser das empresas de conteúdo independentes”. (O Estado de
feito para evitar um novo racionamento? São Paulo, 10/04/2017)
LIVRO DE QUESTÕES - BB

O racionamento foi resultado da política de privati- Observe os seguintes casos de concordância nominal re-
zação e desregulamentação que não incentivou suficien- tirados do texto 1:
temente a construção de novas usinas. O governo tam-
BANCO DO BRASIL

bém não permitiu que o setor público investisse nessa 1. A democracia reclama um jornalismo vigoroso e inde-
área. Não planejou nem implementou uma política para pendente.
o setor. O problema principal foi esse e não tinha uma 2. A agenda pública é determinada pela imprensa tradi-
carência de energia ou da capacidade de fornecê-la, em- cional.
bora o volume de chuvas tenha sido pequeno nos anos 3. Mas o pontapé inicial é sempre das empresas de con-
anteriores. teúdo independentes.

22
A afirmação correta sobre essas concordâncias é: qualidade. Alguns formadores de opinião utilizam as
redes sociais para reverberar, multiplicar e cumprem as-
a) os dois adjetivos da frase (1) referem-se, respectiva- sim relevante papel mobilizador. Mas o pontapé inicial é
mente a ‘democracia’ e ‘jornalismo’; sempre das empresas de conteúdo independentes”. (O
b) os adjetivos da frase (1) deveriam estar no plural por Estado de São Paulo, 10/04/2017)
referirem-se a dois substantivos;
c) na frase (2), a forma de particípio ‘determinada’ se re- O texto 1, do Estado de São Paulo, mostra um conjunto
fere a ‘imprensa’; de adjetivos sublinhados que poderiam ser substituídos
d) na frase (3), o adjetivo ‘independentes’ está correta- por locuções; a substituição abaixo que está adequada é:
mente no plural por referir-se a ‘empresas’;
e) na frase (3), o adjetivo ‘independentes’ deveria estar a) independente = com dependência;
no singular por referir-se ao substantivo ‘conteúdo’. b) pública = de publicidade;
c) relevante = de relevância;
88. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO – d) sociais = de associados;
FGV - 2017) Uma manchete do Estado de São Paulo, e) mobilizador = de motivação.
10/04/2017, dizia o seguinte:
91. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
“Atentados contra cristãos matam 44 no Egito e país de- FGV - 2017)
creta emergência”.
Texto 1
As duas orações desse período mantêm entre si a se-
guinte relação lógica: “A democracia reclama um jornalismo vigoroso
e independente. A agenda pública é determinada pela
a) causa e consequência; imprensa tradicional. Não há um único assunto relevan-
b) informação e comprovação; te que não tenha nascido numa pauta do jornalismo de
c) fato e exemplificação; qualidade. Alguns formadores de opinião utilizam as
d) afirmação e explicação; redes sociais para reverberar, multiplicar e cumprem as-
e) tese e argumentação. sim relevante papel mobilizador. Mas o pontapé inicial é
sempre das empresas de conteúdo independentes”. (O
89. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO – Estado de São Paulo, 10/04/2017)
FGV - 2017)
Texto 1 A primeira frase do texto 1 diz que a democracia “reclama
“A democracia reclama um jornalismo vigoroso um jornalismo vigoroso e independente”; isso significa
e independente. A agenda pública é determinada pela que a democracia:
imprensa tradicional. Não há um único assunto relevan-
te que não tenha nascido numa pauta do jornalismo de a) não está satisfeita com o jornalismo atual;
qualidade. Alguns formadores de opinião utilizam as b) prefere um jornalismo menos agressivo;
redes sociais para reverberar, multiplicar e cumprem as- c) exige dos jornais força e independência;
sim relevante papel mobilizador. Mas o pontapé inicial é d) reclama da falta de um jornalismo mais atuante;
sempre das empresas de conteúdo independentes”. (O e) protesta contra um jornalismo fraco e dependente.
Estado de São Paulo, 10/04/2017)
92. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
No texto 1, a frase “Mas o pontapé inicial é sempre FGV - 2017)
das empresas de conteúdo independentes” mostra a “Da população de 3 milhões de indígenas anterior
conjunção adversativa “mas”. Esse conectivo pode ser ao período colonial, restaram pouco mais de 200 mil na
adequadamente substituído por: entrada do século XXI, a maior parte habitantes de re-
servas como o Parque do Xingu. Criado em 1961 pelo
a) logo; presidente Jânio Quadros, como coroamento do traba-
b) pois; lho dos irmãos Leonardo, Orlando e Cláudio Villas-Bôas,
c) portanto; o parque abrigou remanescentes das tribos tapuias, que,
d) embora; ocultas no sertão, foram mais preservadas”. (A conquista
e) contudo. do Brasil, Thales Guaracy)

90. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –


LIVRO DE QUESTÕES - BB

A opção abaixo que mostra uma análise correta de um


FGV - 2017) dos componentes do texto é:
BANCO DO BRASIL

Texto 1 a) a forma verbal ‘restaram’ concorda com ‘3 milhões de


indígenas’;
“A democracia reclama um jornalismo vigoroso b) no termo ‘século XXI’ o numeral em algarismos roma-
e independente. A agenda pública é determinada pela nos deve ser lido como ordinal;
imprensa tradicional. Não há um único assunto relevan- c) o termo ‘como o Parque do Xingu’ tem valor de com-
te que não tenha nascido numa pauta do jornalismo de paração;

23
d) o particípio ‘criado’ concorda com ‘presidente Jânio d) o contorcionismo das palavras, citado no texto, critica
Quadros’; o mau emprego gramatical da língua portuguesa;
e) o termo ‘ocultas no sertão’ transmite ideia de causa. e) o texto acima mostra claras preocupações com a
informação econômica para os leigos no assunto.
93. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
FGV - 2017) “Da população de 3 milhões de indígenas 96. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
anterior ao período colonial, restaram pouco mais de 200 FGV - 2017) O jornal O Globo, 31/03/2017, noticiava o
mil na entrada do século XXI, a maior parte habitantes de seguinte: “Rio receberá mais 200 mil vacinas. O Rio rece-
reservas como o Parque do Xingu. Criado em 1961 pelo berá até amanhã, do Ministério da Saúde, mais 200 mil
presidente Jânio Quadros, como coroamento do traba- doses da vacina contra febre amarela. Os estoques da
lho dos irmãos Leonardo, Orlando e Cláudio Villas-Bôas, cidade tinham se esgotado.
o parque abrigou remanescentes das tribos tapuias, que,
ocultas no sertão, foram mais preservadas”. (A conquista Em todo o estado, subiu para nove o número de casos
do Brasil, Thales Guaracy) confirmados da doença. Só ontem foram três”.

A crítica mais intensa presente nesse texto se dirige a(ao): A afirmação que está correta em relação ao texto acima
é:
a) criação política de reservas indígenas;
b) absorção dos indígenas pela sociedade; a) o segundo período do texto funciona como indicação
c) extinção da população indígena brasileira; da causa do que é afirmado no anterior;
d) desprezo pelo trabalho sério de profissionais compe- b) o terceiro período mostra a consequência do que é
tentes; afirmado anteriormente;
e) superproteção dos indígenas por parte do governo. c) o primeiro período resume integralmente as informa-
ções prestadas na sequência do texto;
94. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO – d) o quarto período fornece uma explicação para o que é
FGV - 2017) “O Banco Central inovou ao dizer em que afirmado no período anterior;
ritmo será a queda de juros. Disse que a redução terá e) o quinto período amplia as informações prestadas no
uma ‘intensificação moderada’. A economia costuma quarto período.
contorcer as palavras. O que o BC quer dizer é que a que-
da da Selic pode ser maior do que na última reunião, mas 97. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
não muito maior”. (O Globo, 31/03/2017) FGV - 2017)

Na reescritura de um texto podem-se realizar substitui- Texto 2


ções de vocábulos por outros vocábulos ou expressões;
tendo por base o texto acima, a única substituição ade- “Maior confronto armado da história da América do
quada, mantendo-se o sentido original do texto, é: Sul, a Guerra do Paraguai é uma página desbotada na
memória do povo brasileiro. Passados quase 150 anos
a) inovou = fará uma inovação; das últimas batalhas deste conflito sangrento que envol-
b) ao dizer = dizendo; veu Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, o tema se ape-
c) será = terá que ser; quenou nos livros didáticos e se restringiu às discussões
d) disse = tem dito; acadêmicas. Neste livro, fruto de pesquisas históricas ri-
e) pode ser = deve ser. gorosas, mas escrito com o ritmo de uma grande repor-
tagem, o leitor poderá se transportar para o palco dos
95. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATI- acontecimentos e acompanhar de perto a grande e trá-
VO – FGV - 2017) “O Banco Central inovou ao dizer em gica aventura que deixou marcas profundas no continen-
que ritmo será a queda de juros. Disse que a redução te sul-americano e lembranças de momentos difíceis”.
terá uma ‘intensificação moderada’. A economia costu- (adaptado - A Guerra do Paraguai, Luiz Octávio de Lima)
ma contorcer as palavras. O que o BC quer dizer é que a
queda da Selic pode ser maior do que na última reunião, Entre as ocorrências da preposição “de” sublinhadas nas
mas não muito maior”. (O Globo, 31/03/2017) passagens do texto 2, aquela em que o emprego dessa
preposição é uma exigência de um termo anterior é:
Sobre o que foi lido no texto acima, é correto afirmar
que: a) “história da América do Sul”;
b) “Guerra do Paraguai”;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

a) as palavras entre aspas, no interior do texto, indicam c) “memória do povo brasileiro”;


uma ironia do autor do texto; d) “fruto de pesquisas históricas rigorosas”;
BANCO DO BRASIL

b) a inovação do Banco Central, aludida no primeiro perí- e) “lembranças de momentos difíceis”.


odo, diz respeito à mais clareza nas informações;
c) a intensificação da queda de juros, ao contrário do que
é expresso pelo adjetivo ‘moderada’, deve ser bastan-
te grande;

24
98. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO – 100. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
FGV - 2017) FGV - 2017)

Texto 2 Texto 2

“Maior confronto armado da história da América do “Maior confronto armado da história da América do
Sul, a Guerra do Paraguai é uma página desbotada na Sul, a Guerra do Paraguai é uma página desbotada na
memória do povo brasileiro. Passados quase 150 anos memória do povo brasileiro. Passados quase 150 anos
das últimas batalhas deste conflito sangrento que envol- das últimas batalhas deste conflito sangrento que envol-
veu Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, o tema se ape- veu Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, o tema se ape-
quenou nos livros didáticos e se restringiu às discussões quenou nos livros didáticos e se restringiu às discussões
acadêmicas. Neste livro, fruto de pesquisas históricas ri- acadêmicas. Neste livro, fruto de pesquisas históricas ri-
gorosas, mas escrito com o ritmo de uma grande repor- gorosas, mas escrito com o ritmo de uma grande repor-
tagem, o leitor poderá se transportar para o palco dos tagem, o leitor poderá se transportar para o palco dos
acontecimentos e acompanhar de perto a grande e trá- acontecimentos e acompanhar de perto a grande e trá-
gica aventura que deixou marcas profundas no continen- gica aventura que deixou marcas profundas no continen-
te sul-americano e lembranças de momentos difíceis”. te sul-americano e lembranças de momentos difíceis”.
(adaptado - A Guerra do Paraguai, Luiz Octávio de Lima) (adaptado - A Guerra do Paraguai, Luiz Octávio de Lima)

O texto 2 está na contracapa do livro citado e tem a Ao dizer que a Guerra do Paraguai é uma página
função de promover a venda do próprio livro, indicando- desbotada na memória do povo brasileiro, o autor do
lhe qualidades; entre as características abaixo, aquela texto 2 quer afirmar que essa guerra:
que é citada no texto como uma dessas qualidades é:
a) não quer ser mais lembrada pelo povo brasileiro;
a) a recordação criteriosa de um episódio histórico im- b) deve ser esquecida por todos os que dela participaram;
portante; c) foi modificada pela atual discussão de ideologias;
b) o aconselhamento de que os livros didáticos retomem d) traz remorsos à nossa memória histórica;
o tema da Guerra; e) é pouco conhecida e discutida no presente.
c) a condenação das instituições acadêmicas por despre-
zarem o episódio histórico citado;
d) a rigorosa pesquisaque fundamentou a produção da obra;
e) o destaque dado à tragicidade da guerra e o esclareci-
mento das marcas deixadas. GABARITO
99. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO – 1 C
FGV - 2017)
2 B
Texto 2 3 D

“Maior confronto armado da história da América do 4 D


Sul, a Guerra do Paraguai é uma página desbotada na 5 D
memória do povo brasileiro. Passados quase 150 anos
6 A
das últimas batalhas deste conflito sangrento que envol-
veu Brasil, Argentina, Uruguai e Paraguai, o tema se ape- 7 C
quenou nos livros didáticos e se restringiu às discussões 8 A
acadêmicas. Neste livro, fruto de pesquisas históricas ri-
gorosas, mas escrito com o ritmo de uma grande repor- 9 B
tagem, o leitor poderá se transportar para o palco dos 10 C
acontecimentos e acompanhar de perto a grande e trá-
gica aventura que deixou marcas profundas no continen- 11 A
te sul-americano e lembranças de momentos difíceis”. 12 B
(adaptado - A Guerra do Paraguai, Luiz Octávio de Lima)
13 A
Entre os exemplos abaixo, compostos de substantivo + 14 E
LIVRO DE QUESTÕES - BB

adjetivo ou adjetivo + substantivo, retirados do texto 2, 15 A


aquele em que a troca de posição dos termos provoca
modificação de sentido é: 16 D
BANCO DO BRASIL

17 D
a) página desbotada;
b) conflito sangrento; 18 C
c) discussões acadêmicas; 19 E
d) pesquisas rigorosas;
20 A
e) grande reportagem.

25
21 C 65 C
22 D 66 B
23 D 67 E
24 D 68 A
25 D 69 E
26 C 70 E
27 E 71 A
28 C 72 C
29 A 73 A
30 E 74 C
31 B 75 C
32 E 76 C
33 E 77 D
34 A 78 C
35 C 79 A
36 D 80 D
37 A 81 B
38 C 82 E
39 D 83 D
40 B 84 D
41 A 85 B
42 E 86 C
43 B 87 D
44 D 88 A
45 C 89 E
46 D 90 C
47 A 91 C
48 C 92 E
49 C 93 C
50 D 94 B
51 D 95 A
52 E 96 E
53 C 97 E
54 B 98 D
55 E 99 E
56 B 100 E
57 C
58 B
LIVRO DE QUESTÕES - BB

59 E
60 C
BANCO DO BRASIL

61 A
62 E
63 A
64 C

26
d) “Algum estudante que gosta de Matemática não gosta
RACIOCÍNIO LÓGICO de Ciências Biológicas”.
e) “Algum estudante que não gosta de Matemática gosta
de Ciências Biológicas”.
1. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – PROFESSOR
INFANTIL AO 5º ANO – FGV - 2019) O número de 5. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – PROFESSOR -
estudantes, de uma determinada classe, que gostam PORTUGUÊS – FGV - 2019)
de Matemática é igual ao número de estudantes dessa Em uma classe de 20 estudantes, 12 são meninas. Além
classe que gostam de Português. disso, dos 20 estudantes, 15 gostam de Matemática.
Juntando os estudantes que gostam de Matemática com os
estudantes que gostam de Português, forma-se um grupo É correto concluir que
de 24 estudantes. O grupo de estudantes que gostam de
Matemática e também de Português tem 6 estudantes. a) nenhuma menina gosta de Matemática.
Nessa classe, o número de estudantes que gostam de b) todas as meninas gostam de Matemática.
Matemática e não gostam de Português é c) no máximo 7 meninas gostam de Matemática.
d) no mínimo 7 meninas gostam de Matemática.
a) 18. e) exatamente 7 meninas gostam de Matemática.
b) 15.
c) 12. 6. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
d) 9. TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) A figura
e) 6. abaixo mostra, à esquerda, uma malha triangular onde
cada triângulo tem lado de 1 unidade de comprimento e
2. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – PROFESSOR onde um ponto A está assinalado. À direita, as letras M, N,
INFANTIL AO 5º ANO – FGV - 2019) P, Q, R e S mostram direções e sentido de 6 movimentos
Considere a sequência infinita de algarismos:

246802468024680246...

A soma dos 2019 primeiros algarismos dessa sequência é

a) 8020. possíveis, cada um de 1 unidade.


b) 8040
c) 8060.
d) 8080.
e) 8100. A partir do ponto A foi feita a seguinte sequência de mo-
vimentos: MNNMPQQ, chegando-se ao ponto B.
3. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – PROFESSOR A sequência de movimentos que, partindo de B chega-se
INFANTIL AO 5º ANO – FGV - 2019) Joana tem 7 ao ponto A, é
figurinhas e Mário tem 19 figurinhas. Para que Joana e
Mário fiquem com a mesma quantidade de figurinhas, a) RRR.
Mário tem que dar a Joana b) RSR.
c) SSS.
a) 13 figurinhas. d) SSR.
b) 12 figurinhas. e) RSS.
c) 9 figurinhas.
d) 6 figurinhas. 7. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
e) 5 figurinhas. TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Em uma fila
de 8 soldados, Pedro é o 5º dessa fila. O sargento modifi-
4. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – PROFESSOR - cou a fila colocando, entre cada dois soldados consecuti-
PORTUGUÊS – FGV - 2019) vos, um novo soldado. Essa segunda fila foi ainda modi-
Considere a sentença: ficada, pois o sargento colocou, entre cada dois soldados
“Todo estudante que gosta de Matemática também consecutivos, um novo soldado.
gosta de Ciências Biológicas”.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

Considerando que essa sentença é falsa, é correto A posição de Pedro na terceira fila é
concluir que:
a) 14º.
BANCO DO BRASIL

a) “Todo estudante que não gosta de Matemática gosta b) 15º.


de Ciências Biológicas”. c) 16º.
b) “Nenhum estudante que gosta de Matemática tam- d) 17º.
bém gosta de Ciências Biológicas”. e) 18º.
c) “Todo estudante que gosta de Matemática não gosta
de Ciências Biológicas”.

27
8. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE Dentre as afirmativas acima,
TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Uma empre-
sa possui duas fábricas. Cada fábrica tem 1 diretor, cada a) nenhuma é verdadeira.
diretor tem 2 gerentes, cada gerente tem 3 coordenado- b) apenas uma é verdadeira.
res e cada coordenador tem 4 secretários. Certo dia, o c) apenas duas são verdadeiras.
presidente da empresa chamou para uma reunião com d) apenas três são verdadeiras.
ele, todos os diretores, gerentes, coordenadores e secre- e) todas são verdadeiras.
tários, e todos compareceram.
11. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – FISCAL DE
O número de pessoas que havia nessa reunião é SERVIÇOS MUNICIPAIS – FGV - 2019) Trocando-se a
a) 34. ordem das letras da sigla PMS de todas as maneiras pos-
b) 49. síveis, obtêm-se os anagramas dessa sigla.
c) 50.
d) 66. O número desses anagramas é
e) 67.
a) 16.
9. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ESPECIALISTA b) 12.
EM POLÍTICAS PÚBLICAS – FGV - 2019) c) 9.
d) 8.
Considere as afirmativas a seguir. e) 6.

• “Alguns homens jogam xadrez”. 12. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL


• “Quem joga xadrez tem bom raciocínio”. MUNICIPAL – FGV - 2019) Manoel, Augusto, Joaquim,
Carlos e Valdo marcaram hora e lugar para uma reunião.
A partir dessas afirmações, é correto concluir que Todos chegaram, mas em horários ligeiramente diferen-
tes.
a) “Todos os homens têm bom raciocínio”. Sabe-se que:
b) “Mulheres não jogam xadrez”.
c) “Quem tem bom raciocínio joga xadrez” • Augusto chegou antes de Valdo e de Joaquim, mas não
d) “Homem que não tem bom raciocínio não joga xadrez”. foi o primeiro a chegar.
e) “Quem não joga xadrez não tem bom raciocínio”. • Valdo chegou depois de Joaquim, mas não foi o último
a chegar.
10. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ANALISTA - • Carlos chegou antes de Valdo.
ENGENHARIA CIVIL – FGV - 2019) Ana, Bela, Carla e
Dora estão sentadas em volta de uma mesa quadrada É correto concluir que
em cadeiras numeradas de 1 a 4, como mostra a figura
a seguir. a) Carlos foi o segundo a chegar.
b) Manoel foi o último a chegar.
c) Augusto foi o terceiro a chegar.
d) Joaquim foi o último a chegar.
e) Valdo foi o terceiro a chegar.

13. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL


MUNICIPAL – FGV - 2019) Certo arquiteto planejou co-
locar no aeroporto da cidade uma faixa muito comprida
com as seguintes letras em sequência, mantendo sempre
o mesmo padrão:

SALVADORBAHIASALVADORBAHIASALVADORBA...

A 500ª letra dessa sequência é


Sabe-se que:
a) A
• Ana não está em frente a Bela.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

b) L
• Bela tem Carla a sua esquerda. c) D
BANCO DO BRASIL

• Ana e Dora estão nas cadeiras pares. d) S


e) V
Considere as afirmativas:
14. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL
Bela está na cadeira 3. Ana está à direita de Dora. Carla MUNICIPAL – FGV - 2019) Sílvio, Robson e Túlio estão
está em frente a Dora. Dora está na cadeira 2. em uma fila, nessa ordem, ou seja, Robson está atrás de
Sílvio e Túlio está atrás de Robson.

28
Sabe-se que: 18. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL
MUNICIPAL – FGV - 2019) 50 atletas estão treinando
• Robson está no meio da fila, ou seja, há tantas pessoas e todos usam bermuda e camiseta do mesmo modelo,
na frente dele como atrás dele. mas com cores diversas. Entre esses atletas há 20 com
• Há 7 pessoas entre Sílvio e Robson. bermudas brancas, 25 com camisetas brancas e 12 com
• Há 10 pessoas entre Robson e Túlio. bermudas e camisetas brancas.
• Sílvio é o 12º da fila.
Assinale a opção que indica o número de atletas
Nessa fila, o número de pessoas atrás de Túlio é que não estão vestindo nenhuma peça branca.

a) 6 a) 5.
b) 7 b) 13.
c) 8 c) 15.
d) 9 d) 17.
e) 10 e) 20.

15. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL 19. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE


MUNICIPAL– FGV - 2019) Considerando que a afirmação ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Se não é
“Nenhum pescador sabe nadar” não é verdadeira, é verdade que “Todo soteronito é soteronoso”, então é
correto concluir que correto afirmar que
a) “Há, pelo menos, um pescador que sabe nadar”. a) “Nenhum soteronito é soteronoso”.
b) “Quem não é pescador não sabe nadar” b) “Todo soteronoso é soteronito”.
c) “Todos os pescadores sabem nadar”. c) “Algum soteronito não é soteronoso”.
d) “Todas as pessoas que sabem nadar são pescadores”. d) “Algum soteronoso não é soteronito”.
e) “Ninguém que sabe nadar é pescador”. e) “Algum soteronito é soteronoso”.
16. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CI- 20. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
VIL MUNICIPAL – FGV - 2019) Um hospital realizou um ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Conside-
concurso oferecendo vagas para os cargos de técnico em re a sequência infinita de letras
enfermagem e de administração hospitalar. Inscreveram- ONDINAONDINAONDINAOND...
-se 120 candidatos, sendo que o número de mulheres foi
o dobro do número de homens.
A 2019ª letra dessa sequência é
O quadro incompleto a seguir mostra os números de
candidatos aos dois cargos: a) O.
b) N.
c) D.
d) I.
e) N.

21. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-


NISTRATIVO – FGV - 2018)
Observe a sequência de algarismos:
O número total de candidatos para técnico em
enfermagem era de 123456543212345654321234565432123...

a) 57 O 2018º algarismo dessa sequência é:


b) 59
c) 61 a) 1;
d) 63 b) 2;
e) 65 c) 3;
d) 4;
17. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL e) 5;
MUNICIPAL – FGV - 2019) Em um ano não bissexto,
LIVRO DE QUESTÕES - BB

quando o primeiro dia do ano cai em um sábado, o 22. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-
último dia de fevereiro cairá em uma NISTRATIVO – FGV - 2018) Uma caixa de lápis contém
BANCO DO BRASIL

seis dúzias de lápis. Os lápis dessa caixa foram repartidos


a) segunda-feira. igualmente entre as 13 pessoas que trabalham em um
b) terça-feira. escritório, de forma que o número de lápis que sobrasse
c) quarta-feira. fosse o menor possível.
d) quinta-feira.
e) sexta-feira.

29
Depois que os lápis foram repartidos sobraram: 26. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
a) 5 lápis; FGV - 2018) Pedro e João estão em uma fila que tem,
b) 6 lápis; ao todo, 55 pessoas. Pedro tem 11 pessoas à sua frente
c) 7 lápis; e João está no centro da fila, ou seja, ele tem tantas pes-
d) 8 lápis; soas à frente dele quanto atrás.
e) 9 lápis.
Nessa fila, o número de pessoas entre Pedro e João é
23. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL a) 14.
– FGV - 2018) Entre os amigos Alberto, Rodrigo e Mar- b) 15.
celo, um deles é flamenguista, outro é tricolor e, outro, c) 16.
vascaíno. d) 17.
e) 18.
Entre as afirmações a seguir, somente uma é verdadeira:
27. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
- Alberto é tricolor. POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
- Rodrigo não é vascaíno. FGV - 2018) Em um saco há 10 fichas iguais na forma e
- O tricolor não é Marcelo. no tamanho, porém de 4 cores diferentes: 4 são brancas,
3 são pretas, 2 são azuis e 1 é vermelha.
É correto afirmar que
É correto afirmar que, retirando do saco, ao acaso,
a) Alberto é vascaíno.
b) Rodrigo é tricolor. a) 4 fichas, cada ficha terá uma cor diferente.
c) Marcelo é flamenguista. b) 6 fichas, teremos fichas de apenas 3 cores.
d) Alberto é tricolor. c) 7 fichas, pelo menos uma delas será branca.
e) Rodrigo não é flamenguista. d) 5 fichas, uma delas será preta.
e) 8 fichas, pelo menos uma delas será azul.
24. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL – 28. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA-
FGV - 2018) Milton coordena a equipe de analistas for- ÇÃO – FGV - 2018) Considere a sentença a seguir.
mada por Sérgio, Elisa, Lúcia e Valdo. Para a reunião do
fim da tarde de sexta-feira, cada uma dessas cinco pes-
“Se nasci em Rondônia ou Roraima, então sou brasileiro”.
soas chegou num horário diferente. Sabe-se que:
Assinale a opção que apresenta uma sentença logica-
• Milton não foi o último a chegar e Sérgio não foi o
mente equivalente à sentença dada.
primeiro.
• Quando Lúcia chegou, Sérgio e Elisa já estavam, mas
a) “Se não nasci em Rondônia nem em Roraima, então
Milton não tinha chegado.
não sou brasileiro”.
b) “Se nasci em Rondônia, então sou brasileiro”.
Considere as afirmações:
c) “Se não nasci em Roraima, então não sou brasileiro”.
I. Sérgio foi o segundo a chegar. d) “Se não sou brasileiro, então não nasci em Rondônia
II. Valdo chegou antes de Milton. nem em Roraima”.
III. Lúcia foi a quarta pessoa a chegar. e) “Se sou brasileiro e não nasci em Rondônia, então nas-
ci em Roraima”.
São verdadeiras:
29. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO -
a) I, somente. ADMINISTRAÇÃO – FGV - 2018) A negação lógica da
b) II, somente. sentença “Se como demais, então passo mal” é
c) II e III, somente.
d) I e III, somente. a) “Se não como demais, então não passo mal”.
b) “Se não como demais, então passo mal”.
e) I, II e III.
c) “Como demais e não passo mal”.
d) “Não como demais ou passo mal”.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

25. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE


POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL – e) “Não como demais e passo mal”.
FGV - 2018) A negação de “Nenhum analista é magro” é
BANCO DO BRASIL

30. (AL-RO – CONSULTOR LEGISLATIVO -


a) “Há pelo menos um analista magro”. ASSESSORAMENTO EM ORÇAMENTOS – FGV - 2018)
b) “Alguns magros são analistas”. Tiago passou vários dias seguidos trabalhando em Cacoal
c) “Todos os analistas são magros”. e observou que, quando chovia pela manhã não chovia
d) “Todos os magros são analistas” à tarde, e quando chovia à tarde não havia chovido pela
e) “Todos os analistas não são magros”. manhã.

30
Tiago anotou 21 manhãs sem chuva, 19 tardes sem chuva d) 3.
e 24 dias com chuva. e) 2.
O número de dias que Tiago ficou em Cacoal foi
35. (COMPESA – ASSISTENTE DE SANEAMENTO
a) 32. E GESTÃO – FGV - 2018) Tiago, Milton e Jonas são
b) 38. amigos. Dois deles moram em apartamentos vizinhos e
c) 42. o outro mora em uma casa. Certo dia, os três foram a
d) 56. um restaurante e um pediu pizza, outro pediu massa e o
e) 64. outro pediu bife. Sabe-se que:

31. (AL-RO – CONSULTOR LEGISLATIVO - • Tiago não pediu pizza.


ASSESSORAMENTO EM ORÇAMENTOS – FGV - 2018) • Milton não pediu massa.
Considere a afirmação: • O vizinho de Jonas pediu bife.
• Quem mora em uma casa pediu pizza.
“Se um animal não tem dentes então não morde”.
É correto concluir que
Uma afirmação logicamente equivalente é
a) Tiago pediu massa.
a) “Se um animal tem dentes então morde.” b) Jonas pediu massa.
b) “Se um animal não morde então não tem dentes.” c) Milton pediu bife.
c) “Se um animal morde então tem dentes.” d) Jonas pediu pizza.
d) “Existe um animal que não tem dentes e morde.” e) Tiago pediu pizza.
e) “Um animal não tem dentes ou morde.”
36. (COMPESA – ASSISTENTE DE SANEAMENTO
32. (AL-RO – CONSULTOR LEGISLATIVO - ASSISTENTE E GESTÃO – FGV - 2018) Considere verdadeiras as
LEGISLATIVO – FGV - 2018) Uma sequência de números afirmações feitas por Adelson:
naturais é tal que dado um termo x qualquer dessa
sequência, se ele é par, então o próximo termo será x/2; • Vejo TV ou leio.
se ele é ímpar, então o próximo termo será x+5. • Bebo cerveja ou não vejo TV.
• Ponho óculos ou não leio.
Se o primeiro termo dessa sequência é 6, então o décimo
termo será Sabe-se que ontem Adelson não pôs óculos.

a) 2. É correto concluir que Adelson


b) 3. a) leu e bebeu cerveja.
c) 4. b) não bebeu cerveja e não viu TV.
d) 5. c) não pôs óculos e não bebeu cerveja.
e) 8. d) leu e não bebeu cerveja.
e) bebeu cerveja e viu TV.
33. (AL-RO – CONSULTOR LEGISLATIVO - ASSISTENTE
LEGISLATIVO – FGV - 2018) Em uma caixa há 4 cartões 37. (COMPESA – ASSISTENTE DE SANEAMENTO E
amarelos e 6 cartões vermelhos. Foram retirados, GESTÃO – FGV - 2018) Certo dia Cesar disse: “Eu vim e
aleatoriamente, 2 cartões da caixa. venci”.
A probabilidade de os dois cartões retirados serem
vermelhos é de Sabendo que a afirmação acima não é verdadeira, é
correto concluir que Cesar
a) 1/2.
b) 1/3. a) não veio e venceu.
c) 1/4. b) veio e não venceu.
d) 1/5. c) não veio e não venceu.
e) 1/6. d) não veio ou não venceu.
e) se veio, não venceu.
34. (AL-RO – CONSULTOR LEGISLATIVO - ASSISTENTE
LIVRO DE QUESTÕES - BB

LEGISLATIVO – FGV - 2018) Têm-se três bolas, 38. (COMPESA – ASSISTENTE DE SANEAMENTO E
numeradas de 1 a 3, e duas urnas, A e B. GESTÃO – FGV - 2018) Ana, Cecília, Laura, Maria e Tânia
De quantas maneiras é possível colocar as três bolas nas são meninas com idades diferentes. Sabe-se que Laura é
BANCO DO BRASIL

urnas, de modo que as bolas 1 e 3 não fiquem na mesma mais velha que Cecília, mas é mais nova que Ana. Por sua
urna? vez, Ana é mais nova que Maria, que é mais velha que
Tânia, que é mais velha que Laura.
a) 8.
b) 6. É correto concluir que
c) 4.

31
a) Tânia é mais nova que Ana. 42. (BANESTES – ANALISTA EM TECNOLOGIA DA IN-
b) Laura é mais velha que Tânia. FORMAÇÃO – FGV - 2018) Considere como verdadeiras
c) Cecília é mais nova que Tânia. as sentenças:
d) Maria não é a mais velha das cinco meninas.
e) Cecília é mais velha que Ana. 1. Se Ana é capixaba, então Bruna é carioca.
2. Se Carla é paulista, então Bruna não é carioca.
39. (COMPESA – ASSISTENTE DE SANEAMENTO E 3. Se Ana não é capixaba, então Carla não é paulista.
GESTÃO – FGV - 2018) Considere a afirmação: 4. Ana é capixaba ou Carla é paulista.

“Todas as pessoas que tomam limonada não ficam Deduz-se que:


resfriadas”.
a) Ana é capixaba, Bruna é carioca e Carla é paulista;
Se esta afirmação não é verdadeira, é correto concluir b) Ana não é capixaba, Bruna é carioca e Carla é paulista;
que c) Ana é capixaba, Bruna não é carioca e Carla não é pau-
lista;
a) “Alguma pessoa que toma limonada fica resfriada.” d) Ana é capixaba, Bruna é carioca e Carla não é paulista;
b) “Alguma pessoa que não toma limonada fica resfria- e) Ana não é capixaba, Bruna não é carioca e Carla é pau-
da.” lista.
c) “Todas as pessoas que não tomam limonada ficam res-
friadas.” 43. (BANESTES – ANALISTA EM TECNOLOGIA DA IN-
d) “Todas as pessoas que não ficam resfriadas tomam li- FORMAÇÃO – FGV - 2018) Em um torneio de tênis, há
monada.” 32 mulheres e 48 homens inscritos. As mulheres só jo-
e) “Todas as pessoas que ficam resfriadas não tomam li- gam entre si e os homens também só jogam entre si. Em
monada.” cada partida, o(a) perdedor(a) é eliminado(a) do torneio.
Não há empates. Ao final do torneio, tem-se uma cam-
40. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - peã e um campeão.
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) Considere uma
sequência de números na qual cada número, a partir do Não havendo desistências, o número total de partidas
terceiro, é a soma dos dois anteriores. para que sejam definidos o campeão e a campeã é:

Se o quinto número dessa sequência é 88 e o sétimo é a) 72;


229, então o segundo número é b) 74;
c) 76;
a) 17. d) 78;
b) 18. e) 80;
c) 19.
d) 20. 44. (BANESTES – ANALISTA EM TECNOLOGIA DA
e) 21. INFORMAÇÃO – FGV - 2018) A negação lógica da
sentença “Todo capixaba é torcedor do Vasco e gosta de
41. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - moqueca” é:
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) Considere a sentença
a seguir. a) Todo capixaba não é torcedor do Vasco e não gosta
de moqueca;
“Todo pernambucano gosta de peixe e torce pelo Náutico.” b) Todo capixaba não é torcedor do Vasco ou não gosta
de moqueca;
A negação lógica da sentença dada é c) Algum capixaba é torcedor do Vasco e não gosta de
moqueca;
a) “Nenhum pernambucano gosta de peixe e torce pelo d) Algum capixaba não é torcedor do Vasco ou gosta de
Náutico.” moqueca;
b) “Todo pernambucano não gosta de peixe e não torce e) Algum capixaba não é torcedor do Vasco ou não gosta
pelo Náutico.” de moqueca.
c) “Algum pernambucano não gosta de peixe e não torce
pelo Náutico.” 45. (BANESTES – ANALISTA EM TECNOLOGIA DA
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) “Algum pernambucano não gosta de peixe ou não tor- INFORMAÇÃO – FGV - 2018) Considere a sentença:
ce pelo Náutico.” “Se Carla gosta de peixe, então Carla sabe nadar”. Uma
e) “Algum pernambucano gosta de peixe e não torce sentença logicamente equivalente à sentença dada é:
BANCO DO BRASIL

pelo Náutico.”
a) Se Carla sabe nadar, então Carla gosta de peixe;
b) Se Carla não sabe nadar, então Carla não gosta de
peixe;
c) Se Carla não gosta de peixe, então Carla não sabe na-
dar;

32
d) Carla gosta de peixe e sabe nadar; 49. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018)
e) Carla gosta de peixe ou não sabe nadar. Considere a afirmação:

46. (BANESTES – ANALISTA EM TECNOLOGIA DA “Quem rouba é preso. ”


INFORMAÇÃO – FGV - 2018) A negação lógica da
sentença “Paulo torce pelo Vasco ou é carioca” é: A negação dessa afirmação é:

a) Paulo não torce pelo Vasco ou não é carioca; a) Alguém rouba e não é preso;
b) Paulo torce pelo Vasco ou não é carioca; b) Quem não é preso não roubou;
c) Se Paulo torce pelo Vasco, então é carioca; c) Quem não rouba não é preso;
d) Paulo não torce pelo Vasco e não é carioca; d) Quem rouba não é preso;
e) Se Paulo é carioca, então não torce pelo Vasco. e) Alguém não rouba ou não é preso.

47. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018) 50. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018)
Três pessoas com idades de 30, 40 e 50 anos estão Em uma corrida de carros os pilotos X e Y largaram em
sentadas em três poltronas, uma ao lado da outra, como 5º e 7º lugares, respectivamente. Durante a corrida, X fez
na figura. Uma poltrona é preta, outra é azul e outra é duas ultrapassagens, depois Y fez 4 ultrapassagens e, em
marrom. seguida, X fez três ultrapassagens. Não houve nenhuma
ultrapassagem por parte dos outros pilotos e a corrida
terminou.

Sabe-se que: Considere as afirmativas:

• A pessoa mais velha não está na poltrona preta. • X ganhou a corrida.


• A pessoa da poltrona do meio é mais jovem que a da • Y chegou em 4º.
poltrona da direita. • Quem largou em 3º chegou em 5º.
• A poltrona marrom está à direita da ocupada pela • Quem largou em 2º chegou na mesma posição.
pessoa mais velha.
É/são verdadeira(s):
É correto concluir que:
a) nenhuma;
a) a poltrona do meio está ocupada pela pessoa de 40 b) apenas uma;
anos; c) apenas duas;
b) a poltrona azul está imediatamente à esquerda da pre- d) apenas três;
ta; e) todas.
c) a pessoa mais jovem está na poltrona marrom;
d) a pessoa de 40 anos é vizinha da que está na poltrona 51. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018)
azul; Em certa empresa são verdadeiras as afirmações:
e) a poltrona preta é a do meio.
• Qualquer gerente é mulher.
48. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018) • Nenhuma mulher sabe trocar uma lâmpada.
Mário, que mora em Vitória, está reunido com os amigos
Fábio, Hélio e Sérgio, sentados em volta de uma mesa É correto concluir que, nessa empresa:
quadrada. Entre os seus amigos, um mora em Guarapari,
outro em Colatina e outro em Linhares. Sabe-se que: a) algum gerente é homem;
b) há gerente que sabe trocar uma lâmpada;
• Fabio está à direita de Mário. c) todo homem sabe trocar uma lâmpada;
• Hélio está à direita de quem mora em Guarapari. d) todas as mulheres são gerentes;
• Sérgio não mora em Colatina e está em frente a Fábio. e) nenhum gerente sabe trocar uma lâmpada.

É correto concluir que: 52. (BANESTES – TÉCNICO BANCÁRIO – FGV - 2018)


Considere a afirmação:
a) Fábio mora em Guarapari e Sérgio em Linhares;
b) Fábio mora em Colatina e Sérgio em Linhares;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

“João não trabalha e Maria fica em casa.”


c) Fábio mora em Linhares e Sérgio em Guarapari;
d) Hélio mora em Colatina e Sérgio em Guarapari; A negação dessa afirmação é:
BANCO DO BRASIL

e) Hélio mora em Linhares e Sérgio em Guarapari. a) João não trabalha e Maria não fica em casa;
b) João trabalha e Maria fica em casa;
c) João trabalha e Maria não fica em casa;
d) João trabalha ou Maria não fica em casa;
e) João trabalha ou Maria fica em casa.

33
53. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE 56. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL INFORMÁTICA – FGV - 2018) Uma empresa fabrica certo
– FGV - 2018) Milton coordena a equipe de analistas equipamento elétrico e a máquina que o produz faz 48
formada por Sérgio, Elisa, Lúcia e Valdo. Para a reunião deles cada vez que é utilizada. Cada equipamento recebe
do fim da tarde de sexta-feira, cada uma dessas cinco uma etiqueta com um código formado por uma letra do
pessoas chegou num horário diferente. alfabeto de 26 letras e um número de ordem de 01 a 48.

Sabe-se que: Assim, na primeira vez que a máquina trabalhou, os equi-


pamentos receberam as etiquetas de A01 até A48. Da
• Milton não foi o último a chegar e Sérgio não foi o segunda vez as etiquetas foram de B01 até B48, e assim
primeiro. por diante, seguindo o alfabeto.
• Quando Lúcia chegou, Sérgio e Elisa já estavam, mas
Milton não tinha chegado. A empresa vendeu para uma loja todos os equipamentos
com etiquetas de G33 até M29.
Considere as afirmações:
Assinale a opção que indica a quantidade de equipamen-
I. Sérgio foi o segundo a chegar. tos vendidos para essa loja.
II. Valdo chegou antes de Milton.
a) 237.
III. Lúcia foi a quarta pessoa a chegar.
b) 283.
c) 284.
São verdadeiras:
d) 285.
a) I, somente. e) 302.
b) II, somente.
c) II e III, somente. 57. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
d) I e III, somente. INFORMÁTICA – FGV - 2018)
e) I, II e III. Considere a afirmação:

“Eu recebi o boleto e não paguei”.


54. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
A negação lógica dessa afirmação é
FGV - 2018) A negação de “Nenhum analista é magro” é
a) “Eu não recebi o boleto e não paguei.”
a) “Há pelo menos um analista magro”.
b) “Eu não recebi o boleto e paguei.”
b) “Alguns magros são analistas”.
c) “Eu recebi o boleto e paguei.”
c) “Todos os analistas são magros”.
d) “Eu não recebi o boleto ou não paguei.”
d) “Todos os magros são analistas”.
e) “Eu não recebi o boleto ou paguei.”
e) “Todos os analistas não são magros”.
58. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
55. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) Arthur escreveu
INFORMÁTICA – FGV - 2018) sucessivamente a palavra RONDONIA, obtendo a
Considere verdadeira a afirmação: seguinte sequência de letras:
“Todo parlamentar conhece bem a Constituição”. RONDONIARONDONIARONDONIARON...
É correto concluir que Depois de escrever 2018 letras seguindo esse padrão, a
próxima letra que Arthur deverá escrever é
a) “Se uma pessoa conhece bem a Constituição então é
parlamentar.” a) R.
b) “Se uma pessoa não é um parlamentar então não co- b) N.
nhece bem a Constituição.” c) D.
c) “Se uma pessoa não conhece bem a constituição então d) O.
não é parlamentar.” e) A.
d) “Existe um parlamentar que não conhece bem a Cons-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

tituição.” 59. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - MATEMÁTICA


e) “Não existe pessoa que conheça bem a Constituição e – FGV - 2018) O número de subconjuntos do conjunto
não seja parlamentar.”
BANCO DO BRASIL

{ 2,3,4,5,6,7,8 }que têm, pelo menos, um número ímpar é

a) 112.
b) 113.
c) 114.
d) 115.
e) 116.

34
60. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA- 64. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV
ÇÃO – FGV - 2018) Em uma sequência de números, para - 2018) Zezinho, Joãozinho e Luizinho estão fazendo
quaisquer três termos consecutivos x, y, z vale a rela- uma brincadeira com as figurinhas da Copa, de acordo
ção z = 3y – x. com as seguintes regras: a cada rodada, aquele que tem
mais figurinhas na mão dá uma figurinha para cada um
Se o 18º termo dessa sequência é 2 e o 20º termo é 10, dos outros dois e joga duas figurinhas fora sobre a mesa.
então o 14º termo é A brincadeira acaba quando algum deles fica sem figuri-
nhas na mão.
a) 2.
b) 4. Inicialmente Zezinho, Joãozinho e Luizinho têm, respecti-
c) 10. vamente, 7, 5 e 3 figurinhas na mão.
d) 16.
e) 26. O número de rodadas que a brincadeira terá é:

61. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV a) 3;


- 2018) As equipes de Abel e de Nádia têm o mesmo b) 4;
número de funcionários. Cinco funcionários participam c) 5;
das duas equipes. Não há outros funcionários com essa d) 6;
característica. e) 7;

Juntando-se as duas equipes tem-se 41 funcionários ao todo. 65. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV
- 2018) Considere a sentença “Alda gosta de maçã e não
As equipes de Abel e de Nádia têm cada uma: gosta de banana”. A negação da sentença dada é:

a) 26; a) Alda não gosta de maçã e gosta de banana;


b) 25; b) Alda não gosta de maçã e não gosta de banana;
c) 24; c) Alda não gosta de maçã ou gosta de banana;
d) 23; d) Alda não gosta de maçã ou não gosta de banana;
e) 22; e) Alda gosta de maçã e gosta de banana.

62. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV 66. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV
- 2018) Um gerente disse a seus subordinados: “Todos - 2018) Dizer que não é verdade que “Toda capixaba
que atingirem as nossas três metas anuais serão promo- nasceu em Vitória” é logicamente equivalente a dizer
vidos”. que:

O ano acabou, o gerente cumpriu sua promessa e Pedro a) nenhuma capixaba nasceu em Vitória;
é um de seus subordinados. b) toda capixaba não nasceu em Vitória;
Pode-se deduzir logicamente que: c) alguma capixaba não nasceu em Vitória;
d) todas as mulheres que nasceram em Vitória não são
a) Se Pedro foi promovido, então ele atingiu pelo menos capixabas;
uma das três metas anuais; e) alguma mulher nasceu em Vitória e não é capixaba.
b) Se Pedro foi promovido, então ele atingiu as três me-
tas anuais; 67. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV
c) Se Pedro não foi promovido, então ele não atingiu - 2018) Manuel contou um segredo para seis amigos.
pelo menos uma das três metas anuais; Cada um desses seis amigos ou repassou o segredo para
d) Se Pedro não foi promovido, então ele não atingiu ne- outros seis amigos ou guardou o segredo e não contou
nhuma das três metas anuais; para ninguém. Agora, além de Manuel, 18 pessoas sa-
e) Se Pedro não atingiu pelo menos uma das três metas bem o segredo dele.
anuais, então ele não foi promovido.
Dos seis amigos iniciais de Manuel, o número daqueles
63. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV que guardaram o segredo é:
- 2018) Elma comprou uma caixa com 6 dúzias de com-
primidos de um complexo vitamínico e tomou um com- a) 1;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

primido por dia até terminá-los. b) 2;


Se Elma tomou o primeiro comprimido em uma segunda- c) 3;
feira, o último comprimido ela tomou em uma: d) 4;
BANCO DO BRASIL

e) 5;
a) segunda-feira;
b) terça-feira;
c) quarta-feira;
d) quinta-feira;
e) sexta-feira.

35
68. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV 73. (TJ-SC – OFICIAL DE JUSTIÇA E AVALIADOR – FGV
- 2018) Considere a sentença “Pedro gosta de moqueca - 2018) Antônio comprou uma caixa com 42 comprimi-
ou não é capixaba”. Um cenário no qual a sentença dada dos de um remédio. Ele tomou um comprimido por dia,
é FALSA é: sem interrupções, até terminar os comprimidos da caixa.

a) Pedro gosta de moqueca e nasceu no Rio de Janeiro; Se ele tomou o primeiro comprimido em uma sexta-feira,
b) Pedro gosta de moqueca e nasceu em São Paulo; o último comprimido foi tomado em:
c) Pedro não gosta de moqueca e nasceu no Rio de Ja-
neiro; a) uma quarta-feira;
d) Pedro não gosta de moqueca e nasceu em Minas Ge- b) uma quinta-feira;
rais c) uma sexta-feira;
e) Pedro não gosta de moqueca e nasceu no Espírito Santo. d) um sábado;
e) um domingo.
69. (BANESTES – ANALISTA DE COMUNICAÇÃO – FGV
- 2018) Considere a sentença “Se Marta gosta de pescar, 74. (TJ-SC – OFICIAL DE JUSTIÇA E AVALIADOR – FGV
então ela gosta de siri”. Uma sentença equivalente à - 2018) Há 10 anos, a soma das idades de Fernanda e de
sentença dada é: sua filha Isadora era 40 anos.

a) Se Marta não gosta de pescar, então ela não gosta de Daqui a 10 anos, a soma das idades delas será:
siri;
b) Se Marta gosta de siri, então ela gosta de pescar; a) 50 anos;
c) Se Marta gosta de siri, então ela não gosta de pescar; b) 60 anos;
d) Se Marta não gosta de siri, então ela não gosta de c) 70 anos;
pescar; d) 80 anos;
e) Se Marta não gosta de pescar, então ela gosta de siri. e) 90 anos.
70. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – - AUDITOR 75. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - PRODUÇÃO
MUNICIPAL DE CONTROLE INTERNO – FGV - 2018) GRÁFICA – FGV - 2017) Entre os cinco números 2, 3, 4, 5
a) “Se Arlindo não é atleta, então Arlindo é baixo.” e 6, dois deles são escolhidos ao acaso e o produto deles
b) “Se Arlindo não é baixo, então Arlindo é atleta.” dois é calculado. A probabilidade desse produto ser um
c) “Se Arlindo é atleta, então Arlindo não é baixo.” número par é:
d) “Arlindo é baixo e atleta.”
a) 60%;
e) “Arlindo não é baixo e não é atleta.” b) 75%;
c) 80%;
71. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – - AUDITOR
d) 85%;
MUNICIPAL DE CONTROLE INTERNO – FGV - 2018)
Assinale a opção que apresenta a negação lógica da e) 90%.
sentença
“Todo niteroiense é fluminense.” 76. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - GEOPROCESSA-
MENTO – FGV - 2017) Recentemente, uma tendência
a) “Nenhum niteroiense é fluminense.” das redes sociais foi a brincadeira das “9 verdades e 1
b) “Nenhum fluminense é niteroiense.” mentira”. Um programador, habituado a estruturas con-
c) “Algum niteroiense não é fluminense.” dicionais em seus algoritmos, utilizou diferentes senten-
d) “Algum fluminense não é niteroiense.” ças envolvendo verdadeiro (V) e falso (F) e os conectores
e) “Todo niteroiense não é fluminense.” lógicos E e OU para compor seu próprio jogo de “4 ver-
dades e 1 mentira”.
72. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – - AUDITOR
MUNICIPAL DE CONTROLE INTERNO – FGV - 2018) A sentença a seguir correspondente à mentira, isto é,
André, Beatriz, Carlos e Doris fazem as seguintes aquela cujo retorno é falso, é:
afirmações sobre a distância entre a empresa em que
trabalham e o shopping mais próximo: André: é de, no a) F OU !V OU !(!V OU !F);
mínimo, 6 km; Beatriz: é de, no máximo, 3 km; Carlos: não b) !(F E V);
passa de 5 km; Doris: não chega a 4 km. Sabe-se que todos c) V OU !F OU !(!(!V OU !F));
d) (!V E V) OU (!F E V);
LIVRO DE QUESTÕES - BB

eles erraram em suas estimativas. Sendo d a distância, em


quilômetros, entre a empresa e o shopping mais próximo, e) F OU !V OU !(!F E !V).
tem-se que
BANCO DO BRASIL

77. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-


a) d < 3; TÁBEIS – FGV - 2017) Considere verdadeira a afirmação:
b) 3 < d < 4;
c) 4 < d < 5; Todo computador bom é caro e todo computador grande
d) 5 < d < 6; é bom.
e) d > 6.

36
É correto concluir que: 81. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
TÁBEIS – FGV - 2017) Considere como verdadeira a se-
a) se um computador é caro, então é bom; guinte sentença: “Se todas as flores são vermelhas, então
b) se um computador é bom, então é grande; o jardim é bonito”.
c) se um computador não é bom, então não é caro;
d) se um computador é caro, então é grande; É correto concluir que:
e) se um computador é grande, então é caro.
a) se todas as flores não são vermelhas, então o jardim
78. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON- não é bonito;
TÁBEIS – FGV - 2017) Em um encontro de 12 pessoas, 8 b) se uma flor é amarela, então o jardim não é bonito;
delas se conhecem mutuamente e cada uma das outras 4 c) se o jardim é bonito, então todas as flores são vermelhas;
não conhece nenhuma das pessoas presentes ao encon- d) se o jardim não é bonito, então todas as flores não são
tro. Pessoas que se conhecem mutuamente se cumpri- vermelhas;
mentam com um abraço e pessoas que não se conhecem e) se o jardim não é bonito, então pelo menos uma flor
se cumprimentam com um aperto de mão. Todas as pes- não é vermelha.
soas presentes ao encontro se cumprimentam entre si.
82. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
O número de apertos de mão dados é: PERVISOR – FGV - 2017) Na assembleia de um condo-
mínio, duas questões independentes foram colocadas
a) 32; em votação para aprovação. Dos 200 condôminos pre-
b) 36; sentes, 125 votaram a favor da primeira questão, 110 vo-
c) 38; taram a favor da segunda questão e 45 votaram contra
d) 42; as duas questões.
e) 44;
Não houve votos em branco ou anulados.
79. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON-
TÁBEIS – FGV - 2017) Marcelo foi chamado para uma O número de condôminos que votaram a favor das duas
reunião com seu chefe. Nessa reunião ocorreu o seguinte questões foi:
diálogo:
a) 80;
- Chefe: Pedro disse que todos os relatórios que ele rece- b) 75;
beu foram avaliados. c) 70;
- Marcelo: Não é verdade o que Pedro disse. d) 65;
e) 60;
Se o chefe considerou que Marcelo falou a verdade, ele
pode concluir logicamente que, dos relatórios recebidos 83. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRATIVO –
por Pedro: FGV - 2017) Considere como verdadeiras as sentenças:

a) pelo menos um relatório não foi avaliado; • Se Roberto é vascaíno, então Jair é botafoguense.
b) um único relatório não foi avaliado; • Se Roberto não é vascaíno, então Sérgio é tricolor.
c) nenhum relatório foi avaliado;
d) mais da metade dos relatórios não foram avaliados; É correto concluir que:
e) somente um relatório foi avaliado.
a) se Sérgio é tricolor, então Roberto não é vascaíno;
80. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - CIÊNCIAS CON- b) se Jair não é botafoguense, então Sérgio é tricolor;
TÁBEIS – FGV - 2017) Em um jogo há fichas brancas c) se Sérgio é tricolor, então Jair não é botafoguense;
e pretas sendo algumas redondas, outras quadradas e d) se Jair não é botafoguense, então Sérgio não é tricolor;
outras triangulares. Não há fichas de outras cores ou de e) se Jair é botafoguense, então Roberto é vascaíno.
outros formatos.
84. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
Considere como verdadeira a afirmação: NÍVEL SUPERIOR II – FGV - 2017) Em um grupo de 30
profissionais, todos são engenheiros ou arquitetos. A
“Qualquer ficha branca não é quadrada.” quantidade daqueles que são somente arquitetos é o
LIVRO DE QUESTÕES - BB

dobro da quantidade dos que são somente engenheiros.


É correto concluir que: Doze desses profissionais são arquitetos e também
engenheiros.
BANCO DO BRASIL

a) toda ficha preta é quadrada;


b) toda ficha quadrada é preta; Assinale a opção que indica o número de engenheiros
c) uma ficha que não é redonda é certamente branca; desse grupo.
d) uma ficha que não é quadrada é certamente preta;
e) algumas fichas triangulares são pretas. a) 6
b) 10

37
c) 12 d) existem pessoas que fazem exercícios e que têm pres-
d) 18 são alta.
e) 24 e) não existe pessoa que não tenha pressão alta e não
faça exercícios.
85. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
NÍVEL SUPERIOR II – FGV - 2017) Em uma caixa, só 89. (SEPOG-RO – TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA IN-
pode haver fichas vermelhas e/ou fichas azuis. A caixa FORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO – FGV - 2017) João vol-
não está vazia. tou de um passeio na floresta com seus amigos e, ao
chegar em casa, disse:
Se não é verdade que “todas as fichas que estão na caixa
são vermelhas”, então deduz-se que “Eu matei a cobra e mostrei o pau”.
a) não há ficha vermelha na caixa. Pedro, um dos amigos, disse:
b) só há fichas azuis na caixa.
c) há fichas vermelhas e fichas azuis na caixa. “isso não foi verdade”.
d) há pelo menos uma ficha azul na caixa.
e) não há ficha azul na caixa. O significado do que Pedro disse é que João

86. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE a) matou a cobra, mas não mostrou o pau.
NÍVEL SUPERIOR II – FGV - 2017) b) não matou a cobra, mas mostrou o pau.
Considere a sentença: c) não matou a cobra e não mostrou o pau.
d) não matou a cobra ou não mostrou o pau.
“Se Jorge é torcedor do Vitória, então ele é e) matou a cobra ou mostrou o pau.
soteropolitano”.
90. (SEPOG-RO – TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA IN-
Um cenário no qual a sentença dada é falsa é FORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO – FGV - 2017) Uma
fábrica de produtos artesanais fabricou um lote de 900
a) “Jorge é torcedor do Bahia e é soteropolitano”.
bolsas, todas iguais e numeradas de 1 a 900. Para trans-
b) “Jorge é torcedor do Vasco e é carioca”.
portá-las para os diversos mercados elas foram coloca-
c) “Jorge é torcedor do Bahia e é paulista”.
das em caixas numeradas contendo, cada uma, uma dú-
d) “Jorge é torcedor do Vitória e é paulista”.
zia de bolsas. A primeira dúzia (bolsas de números 1 a
e) “Jorge é torcedor do Flamengo e é soteropolitano”.
12) foi colocada na caixa 1, a segunda dúzia na caixa 2, a
terceira dúzia na caixa 3, e assim por diante.
87. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
A bolsa de número 500 foi colocada na caixa
NÍVEL SUPERIOR II – FGV - 2017)
a) 39.
Considere a sentença: b) 40.
c) 41.
“Corro e não me canso”.
d) 42.
Sua negação lógica é: e) 43.

a) “Não corro e me canso”. 91. (SEPOG-RO – TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA IN-


b) “Não corro ou não me canso”. FORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO – FGV - 2017) Altair
c) “Corro e me canso”. tem uma barraca de peixes no mercado e, certo dia, co-
d) “Corro ou não me canso”. meçou sua venda com 24 tambaquis, todos de mesmo
e) “Não corro ou me canso”. peso. De manhã vendeu a terça parte por 13 reais cada
um e, de tarde, reduziu o preço para 9 reais cada peixe e
88. (SEPOG-RO – TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA IN- acabou vendendo todos.
FORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO – FGV - 2017)
Nesse dia, Altair arrecadou a quantia de
Considere a afirmação:
a) 232 reais.
“Toda pessoa que faz exercícios não tem pressão alta”. b) 236 reais.
c) 240 reais.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

De acordo com essa afirmação é correto concluir que d) 244 reais.


e) 248 reais.
BANCO DO BRASIL

a) se uma pessoa tem pressão alta então não faz exer-


cícios.
b) se uma pessoa não faz exercícios então tem pressão
alta.
c) se uma pessoa não tem pressão alta então faz exer-
cícios.

38
92. (SEPOG-RO – TÉCNICO EM TECNOLOGIA DA IN- a) R$ 2540,00
FORMAÇÃO E COMUNICAÇÃO – FGV - 2017) Francisco b) R$ 2590,00
está em uma fila. Há 8 pessoas na frente dele e 36 pes- c) R$ 2650,00
soas atrás dele. Seu amigo Manoel está no centro da fila, d) R$ 2680,00
ou seja, há tantas pessoas à frente de Manoel quanto e) R$ 2720,00
atrás dele.
96. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
O número de pessoas que há entre Francisco e Manoel é NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO
OPERACIONAL – FGV - 2017) A sequência a seguir foi
a) 12. formada pela justaposição de duas palavras repetidas
b) 13. continuamente.
c) 14.
d) 15. SALVADORBAHIASALVADORBAHIASALVADORBA…
e) 16.
A 500ª letra dessa sequência é
93. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO a) D.
OPERACIONAL – FGV - 2017) Júlio vai lançar uma b) S.
moeda honesta 4 vezes seguidas. A probabilidade de que c) R.
o número de caras seja igual ao número de coroas é de d) O.
e) A.
a) 1/2.
b) 1/3. 97. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
c) 3/4. NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO
d) 3/8 OPERACIONAL – FGV - 2017) Jair fez aniversário no dia
e) 5/8. 1º de março e ganhou dos amigos um barril contendo
48 litros de vinho. Nesse dia, ele tomou um copo de 300
94. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE cm3 e prometeu que, a partir desse dia, tomaria um copo
NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO igual, todos os dias, até o vinho acabar.
OPERACIONAL – FGV - 2017)
O vinho acabou no dia
Considere a sentença:
a) 1º de agosto.
“Se Juvenal foi trabalhar, então Rosalva não saiu de casa”. b) 3 de agosto.
c) 5 de agosto.
É correto concluir que d) 7 de agosto.
e) 9 de agosto.
a) “Juvenal foi trabalhar ou Rosalva não saiu de casa”.
b) “Juvenal foi trabalhar e Rosalva não saiu de casa”. 98. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
c) “se Juvenal não foi trabalhar, então Rosalva saiu de NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO
casa”. OPERACIONAL – FGV - 2017) No polígono representado
d) “se Rosalva não saiu de casa, então Juvenal foi traba- na figura a seguir, dois lados consecutivos são sempre
lhar”.
e) “se Rosalva saiu de casa, então Juvenal não foi traba-
lhar”.

95. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE


NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO OPE-
RACIONAL – FGV - 2017) Para evitar demissões, uma perpendiculares.
empresa em dificuldades resolveu diminuir o salário de
alguns empregados, de acordo com as seguintes regras:

• Salários até R$ 1200,00 serão mantidos; Esse polígono representa uma sala vista de cima, e os
LIVRO DE QUESTÕES - BB

• Para os salários maiores, a parte do salário que exceder números que aparecem na figura são as medidas, em
R$ 1200,00 será reduzida em 20%. metros, dos respectivos segmentos.
BANCO DO BRASIL

Após a redução, Moacir passou a receber um salário de Uma câmera foi colocada no ponto C da figura,
R$ 2360,00. conseguindo, dessa posição, registrar imagens de quase
toda a sala. Entretanto, há uma região da sala que a
Assinale a opção que indica o salário que Moacir recebia câmera não consegue ver.
antes da redução.

39
A área, em m2 , da região que não pode ser alcançada
15 A
pela câmera é de
16 A
a) 3,6 17 A
b) 4,0
18 D
c) 4,5
d) 6,4 19 C
e) 7,2 20 C

99. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE 21 D


NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO 22 C
OPERACIONAL – FGV - 2017) Em certo concurso, 23 A
inscreveram-se 80 candidatos. Sabe-se que, desses
candidatos, 50 são baianos, 22 possuem curso superior e 24 A
26 são de outros estados e não possuem curso superior. 25 A
O número de candidatos baianos com curso superior é 26 B
a) 16. 27 C
b) 18. 28 D
c) 20.
29 C
d) 22.
e) 24. 30 A
31 C
100. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO
32 C
DE NÍVEL SUPERIOR I - SUPORTE ADMINISTRATIVO
OPERACIONAL – FGV - 2017) Um grupo de 100 pessoas 33 B
foi a um evento usando automóveis, alguns com 3 pes- 34 C
soas, outros com 4 pessoas.
Para transportar essas pessoas, o menor número possível 35 B
de automóveis e o maior número possível de automóveis 36 E
são, respectivamente, 37 D
a) 26 e 33. 38 C
b) 25 e 34. 39 A
c) 25 e 32.
40 B
d) 26 e 32.
e) 26 e 34. 41 D
42 D
43 D
44 E
GABARITO 45 B
46 D
1 D
47 C
2 D
48 A
3 D
49 A
4 D
50 D
5 D
51 E
6 B
52 D
7 D
53 A
8 E
LIVRO DE QUESTÕES - BB

54 A
9 D
55 C
BANCO DO BRASIL

10 B
56 D
11 E
57 E
12 B
58 B
13 C
59 A
14 C

40
60 E
ÉTICA NO SERVIÇO PÚBLICO
61 D
62 C
1. (PREFEITURA DE RURÓPOLIS - PA – AGENTE
63 B
ADMINISTRATIVO – FADESP - 2019) Muitasdecisõesque
64 C as organizações devem tomar todos os dias são afetadas
65 C por questões éticas, como obrigações das organizações
com seus funcionários, tipos de compromissos que podem
66 C
ser exigidos pelas organizações, liderança, motivação,
67 D movimentação, pessoal e conduta profissional. A ideia
68 E de que os códigos de conduta evoluem e, portanto, há
códigos mais evoluídos e mais atrasados, faz parte do
69 D conceito de ética. Conceitos como igualdade, respeito à
70 C pessoa e direitos humanos estão intimamente ligados à
71 C mudança evolutiva dos(das)
72 D a) estruturas organizacionais.
73 B b) serviços prestados.
c) costumes.
74 D
d) rotinas.
75 E
76 A 2. (UFABC –ADMINISTRADOR – VUNESP - 2019)
A ética no serviço público deve ser observada pelos
77 E
funcionários que atuam na área pública. Nesse contexto,
78 C são vedados ao servidor público o exposto na alternativa:
79 A
a) filiar-se a partidos políticos e disseminar suas convic-
80 B ções ideológicas; vender produtos de quaisquer ativi-
81 E dade ou setor econômico no mesmo horário e local
82 A de trabalho; realizar trabalho voluntário em atividades
que se relacionam às atividades exercidas no serviço
83 B público.
84 D b) usar do cargo ou função, facilidades, amizades, tem-
85 D po, posição e influências, para obter qualquer favo-
recimento, para si ou para outrem; desviar servidor
86 D público para atendimento a interesse particular; apre-
87 E sentar-se habitualmente embriagado no serviço ou
fora dele.
88 A
c) alterar ou deturpar o teor de documentos que deva
89 D encaminhar para providências; agir em benefício pró-
90 D prio e de acordo com suas convicções religiosas no
ambiente de trabalho; usar a influência do cargo para
91 E
fins pessoais ou de terceiros de forma a contribuir
92 B com o Estado.
93 D d) retirar da repartição pública, sem estar legalmente
au- torizado, qualquer documento, livro ou bem
94 E perten- cente ao patrimônio público; economizar
95 C recursos físi- cos, técnicos, materiais e humanos
96 A eximindo o Estadode suas obrigações.
e) fazer uso de informações privilegiadas obtidas no âm-
97 D bito interno de seu serviço, em benefício próprio, de
98 A parentes, de amigos ou de terceiros; oferecer acesso
LIVRO DE QUESTÕES - BB

99 B aos serviços públicos aos cidadãos sem privilégio, de


forma transparente e de acordo com as funções esta-
100 D belecidas pela gestão pública.
BANCO DO BRASIL

41
3. (UFABC –ADMINISTRADOR – VUNESP - 2019) A 5. (IF-PB – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO – IDE-
charge a seguir expõe uma potencial contradição ética CAN - 2019) Sobre o Código de Ética Profissional do
entre o tema do protesto e a atitude do cidadão ao Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, analise
adquirir um produto pirata, falsificado. as afirmativas abaixo:

I. Toda ausência injustificada do servidor de seu local de


trabalho é fator de desmoralização do serviço público,
o que quase sempre conduz à desordem nas relações
humanas.
II. O servidor deve prestar toda a sua atenção às ordens
legais de seus superiores, velando atentamente por seu
cumprimento, e, assim, evitando a conduta negligente.
Os repetidos erros, o descaso e o acúmulo de desvios
tornam-se, às vezes, difíceis de corrigir e caracterizam até
mesmo imprudência no desempenho da função pública.
III. A pena aplicável ao servidor público pela Comissão de
Ética é a de demissão e sua fundamentação constará do
respectivo parecer, assinado por todos os seus integran-
tes, com ciência do faltoso.

No caso de esse cidadão, numa situação hipotética, ser Assinale


um servidor público, e considerando-se a temática da
ética nesse contexto, qual é o risco de infração em que a) se somente a afirmativa I estiver correta.
esse funcionário público pode incorrer? b) se somente a afirmativa II estiver correta.
c) se somente a afirmativa III estiver correta.
a) Sua ação contra a corrupção tende a ser contra o ser- d) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas.
viço público. e) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas.
b) Ele usa de má fé ao utilizar-se da sua posição pública
para benefício próprio. 6. (UFT – TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS –
c) Sua atitude pode relacionar o seu nome e cargo públi- UFMT - 2019) Analise as seguintes situações:
co ao empreendimento de cunho duvidoso.
d) Ele induz o vendedor ao erro ao indicar o interesse I. Juca, servidor de uma universidade pública federal,
por um produto sem qualidade e de procedência du- retirou livros da biblioteca universitária e, em razão da
vidosa. pressa na hora de sair do trabalho, não efetuou o registro
e) Ele incentivou a não arrecadação e a atividade informal da retirada.
do trabalhador num mercado precarizado. II. Flora, servidora pública federal, utiliza registros manuais
em um livro de patrimônio mobiliário, porque considera
4. (IF-PR –ADMINISTRADOR – FAU - 2019) Além de desnecessário preencher as planilhas eletrônicas de um
conhecer as atividades que deverá exercer cotidianamente sistema informatizado de controle patrimonial.
e as habilidades necessárias para que sejam exercidas III. Justo, servidor público federal, solicitou a colaboração
com eficiência e eficácia, o administrador deve levar em dos colegas e dos administrados na aquisição de uma
conta um conceito importantíssimo no exercício de sua rifa para financiar a viagem de um grupo de jovens da
profissão, a ética. Referindo-se à ética, pode-se afirmar cidade para um campeonato esportivo em outro Estado.
como INCORRETO: IV. Gentil, servidor público federal, ao encontrar Mira na
fila da repartição, decidiu ajudar sua amiga e conseguiu
a) A ética deve ser uma condição inerente ao exercício fazer o protocolo do seu requerimento sem que ela
de qualquer profissão, inclusive do profissional da ad- precisasse aguardar a chamada da senha.
ministração.
b) A falta de ética pode gerar problemas aos profissionais Considerando o disposto no Código de Ética Profissional
e às organizações. do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal
c) As responsabilidades éticas correspondem as ativida- (Decreto n.º 1.171/94), são vedadas as condutas relatadas
des, práticas, políticas e comportamentos esperados em
ou proibidos por membros da sociedade, apesar de
LIVRO DE QUESTÕES - BB

não codificados em leis. a) I, II e IV, apenas.


d) Aos administradores de nível hierárquico mais elevado, b) I, II, III e IV.
as responsabilidades éticas podem ser dispensadas.
BANCO DO BRASIL

c) II e III, apenas.
e) Como as responsabilidades éticas não estão codifica- d) I e IV, apenas.
das em leis, as organizações elaboram e formalizam
um código de ética, que fornece o comportamento
considerado ético pelos executivos da organização e
fornece por escrito, um conjunto de diretrizes que to-
dos os funcionários devem seguir.

42
7. (UFT – TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS – 9. (UFRR – TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS
UFMT - 2019) Segundo o Código de Ética Profissional – UFRR – 2019) Quanto ao Código de Ética Profissional
do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal,
(Decreto n.º 1.171/1994), é dever fundamental do aprovado pelo Decreto 1.171, de 22 de junho de 1994, é
servidor público, em relação ao contato com o público: incorreto afirma

a) Abster-se de estabelecer qualquer comunicação com a) É dever fundamental do servidor público ser probo,
o público, sob pena de ferir o princípio da impessoali- reto, leal e justo, demonstrando toda a integridade do
dade na Administração Pública. seu caráter, escolhendo sempre, quando estiver diante
b) Manter o mínimo de comunicação necessária ao fun- de duas opções, a melhor e a mais vantajosa para o
cionamento do serviço público, a fim de evitar a soli- bem comum.
citação de favores, benesses ou vantagens indevidas. b) É dever fundamental do servidor público manter limpo
c) Tratar cuidadosamente os usuários dos serviços, vi- e em perfeita ordem o local de trabalho, seguindo os
sando aperfeiçoar o processo de comunicação com o métodos mais adequados à sua organização e distri-
público. buição.
d) Estabelecer protocolos formais para a comunicação c) É dever fundamental do servidor público ter respeito à
com o público, abstendo-se de causar dano moral aos hierarquia, sendo vedado representar contra qualquer
usuários dos serviços. comprometimento indevido da estrutura em que se
funda o Poder Estatal.
8. (UFRR – TÉCNICO EM ASSUNTOS EDUCACIONAIS – d) É vedado ao servidor público alterar ou deturpar o
UFRR - 2019) Nos termos do Código de Ética Profissional teor de documentos que deva encaminhar para pro-
do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, vidências.
aprovado pelo Decreto 1.171, de 22 de junho de 1994, e) É vedado ao servidor público retirar da repartição
é defeso afirmar. pública, sem estar legalmente autorizado, qualquer
documento, livro ou bem pertencente ao patrimônio
a) Para fins de apuração do comprometimento ético, público.
entende-se por servidor público todo aquele que,
por força de lei, contrato ou de qualquer ato jurídico, 10. (PREFEITURA DE JARU - RO – ANALISTA
preste serviços de natureza permanente, temporária ADMINISTRATIVO – IBADE – 2019)
ou excepcional, ainda que sem retribuição financeira, “Toda ausência injustificada do servidor de seu local de
desde que ligado direta ou indiretamente a qualquer trabalho é fator de desmoralização do serviço público,
órgão do poder estatal, como as autarquias, as funda- o que quase sempre conduz à desordem nas relações
ções públicas, as entidades paraestatais, as empresas humanas”. Essa premissa traduz, segundo o Código
públicas e as sociedades de economia mista, ou em de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
qualquer setor onde prevaleça o interesse do Estado. Executivo Federal (Decreto nº 1.171/1994), um(a):
b) A pena aplicável ao servidor público pela Comissão
de Ética é a de censura e independe de fundamenta- a) infração política.
ção, bem como de respectivo parecer, mas deve ser b) princípio da Comissão de Ética.
assinado por todos os seus integrantes, mesmo sem a c) vedação ao servidor público.
ciência do faltoso. d) regra deontológica.
c) A remuneração do servidor público é custeada pelos e) dever fundamental do servidor público.
tributos pagos direta ou indiretamente por todos, até
por ele próprio, e por isso se exige, como contrapar- 11. (PREFEITURA DE JARU - RO – ANALISTA
tida, que a moralidade administrativa se integre no ADMINISTRATIVO – IBADE – 2019) Segundo o Código
Direito, como elemento indissociável de sua aplicação de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
e de sua finalidade, erigindo-se, como consequência, Executivo Federal (Decreto nº 1.171/1994), é vedado ao
em fator de legalidade. servidor público:
d) Em todos os órgãos e entidades da Administração Pú-
blica Federal direta, indireta autárquica e fundacional, a) facilitar a fiscalização de todos atos ou serviços por
ou em qualquer órgão ou entidade que exerça atribui- quem de direito.
ções delegadas pelo poder público, deverá ser cria- b) ter respeito à hierarquia, porém sem nenhum temor
da uma Comissão de Ética, encarregada de orientar e de representar contra qualquer comprometimento in-
aconselhar sobre a ética profissional do servidor, no devido da estrutura em que se funda o Poder Estatal.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

tratamento com as pessoas e com o patrimônio pú- c) o uso do cargo ou função, facilidades, amizades, tem-
blico. po, posição e influências, para obter qualquer favore-
e) Deixar o servidor público qualquer pessoa à espera cimento, para si ou para outrem.
BANCO DO BRASIL

de solução que compete ao setor em que exerça suas d) comunicar imediatamente a seus superiores todo e
funções, permitindo a formação de longas filas, ou qualquer ato ou fato contrário ao interesse público,
qualquer outra espécie de atraso na prestação do ser- exigindo as providências cabíveis.
viço, não caracteriza apenas atitude contra a ética ou e) divulgar e informar a todos os integrantes da sua clas-
ato de desumanidade, mas principalmente grave dano se sobre a existência deste Código de Ética, estimulan-
moral aos usuários dos serviços públicos. do o seu integral cumprimento.

43
12. (IF-TO – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO – IF- 14. (IF-TO – ADMINISTRADOR – IF-TO – 2019) Tomando
TO – 2019) Nos termos do Código de Ética Profissional por base o Decreto nº 1.171, de 22 de junho de 1994, que
do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, trata do Código de Ética Profissional do Servidor Público
aprovado pelo Decreto n.º 1.171, de 22 de junho de Civil do Poder Executivo Federal, em especial a seção que
1994, são regras deontológicas, exceto: trata dos principais deveres do servidor público, marque
a alternativa correta.
a) Toda pessoa tem direito à verdade. O servidor não
pode omiti-la ou falseá-la, ainda que contrária aos a) Deve o servidor exercer com estrita moderação as
interesses da própria pessoa interessada ou da Ad- prerrogativas funcionais que lhe sejam atribuídas,
ministração Pública. Nenhum Estado pode crescer ou abstendo-se de fazê-lo contrariamente aos legítimos
estabilizar-se sobre o poder corruptivo do hábito do interesses dos usuários do serviço público e dos juris-
erro, da opressão ou da mentira, que sempre aniqui- dicionados administrativos.
lam até mesmo a dignidade humana quanto mais a de b) Não deve facilitar a fiscalização de todos atos ou ser-
uma Nação. viços por quem de direito, já que estas funções são
b) A publicidade de qualquer ato administrativo consti- prerrogativas de servidores com poder de polícia.
tui requisito de eficácia e moralidade, ensejando sua c) Deve se abster, no exercício do direito de greve, de
omissão comprometimento ético contra o bem co- zelar pelas exigências específicas da defesa da vida e
mum, imputável a quem a negar. da segurança coletiva.
c) Deixar o servidor público qualquer pessoa à espera d) Não deve preocupar-se em apresentar-se no trabalho
de solução que compete ao setor em que exerça suas com vestimentas adequadas ao exercício da função,
funções, permitindo a formação de longas filas, ou tendo em vista que esta é uma manifestação própria
qualquer outra espécie de atraso na prestação do ser- e individual.
viço, não caracteriza apenas atitude contra a ética ou e) Poderá se abster de manter limpo e em perfeita or-
ato de desumanidade, mas principalmente grave dano dem o local de trabalho, seguindo os métodos mais
moral aos usuários dos serviços públicos. adequados à sua organização e distribuição, já que há
d) A remuneração do servidor público é custeada pelos trabalhadores com atribuições específicas para tanto.
tributos pagos direta ou indiretamente por todos, até
por ele próprio, e por isso se exige, como contrapar- 15. (IF-PB – ADMINISTRADOR – IDECAN - 2019) A
tida, que a moralidade administrativa se integre no corrupção pública é a prática do uso do poder do cargo
Direito, como elemento indissociável de sua aplicação público para a obtenção de ganho privado, à margem das
leis e regulamentações em vigor. Trata-se de processos que
e de sua finalidade, erigindo-se, como consequência,
envolvem relações ilegais entre agentes privados e agentes
em fator de legalidade.
públicos (políticos ou burocratas). São causas da corrupção:
e) Toda ausência injustificada do servidor de seu local de
trabalho é fator de desmoralização do serviço público,
a) Transparência na gestão pública e não participação di-
o que quase sempre conduz à desordem nas relações
reta do cidadão
humanas.
b) A falta de controle social do setor público e a não par-
13. (IF-TO – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO – IF- ticipação do cidadão.
c) A não participação direta do cidadão na fiscalização
TO – 2019) De acordo com o Código de Ética Profissional
das gestões e atos públicos.
do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal,
d) A falta de exigência de transparência e de disponibili-
aprovado pelo Decreto n.º 1.171, de 22 de junho de 1994,
dade, responsabilidade e cooperação.
são deveres fundamentais do servidor público, exceto:
e) A baixa transparência da administração pública e o
elevado grau de discricionariedade do agente público.
a) Jamais retardar qualquer prestação de contas, condi-
ção essencial da gestão dos bens, direitos e serviços
16. (IF-PB – ADMINISTRADOR – IDECAN - 2019) A
da coletividade a seu cargo.
preocupação com as ações éticas na administração
b) Tratar cuidadosamente os usuários dos serviços, aper-
pública tem crescido cada vez mais, e a publicidade dos
feiçoando o processo de comunicação e contato com
atos públicos gera um controle maior, também, por parte
o público. da sociedade. Considera-se que a corrupção pública é,
c) Comunicar sempre que possível a seus superiores todo provavelmente, o melhor exemplo de falta de ética
e qualquer ato ou fato contrário ao interesse público, dentro da administração pública. São tipos de corrupção
exigindo as providências cabíveis. pública:
d) Zelar, no exercício do direito de greve, pelas exigências
LIVRO DE QUESTÕES - BB

específicas da defesa da vida e da segurança coletiva. a) O suborno, a extorsão, o peculato, o nepotismo, a


e) Ser probo, reto, leal e justo, demonstrando toda a in- compra de votos e o patrimonialismo.
tegridade do seu caráter, escolhendo sempre, quando
BANCO DO BRASIL

b) Os parâmetros éticos não claros, refletidos num marco


estiver diante de duas opções, a melhor e a mais van- ilegal.
tajosa para o bem comum. c) Prometer vantagem devida quando uma área trabalha
uma tratativa com fornecedores.
d) O exercício ilícito, a busca por culpados e a negação
de atos cometidos.
e) A falta de ética pessoal e cívica.

44
17. (IF-PB – ADMINISTRADOR – IDECAN - 2019) Com 19. (UFCA – ECONOMISTA – UFCA - 2019) Nos termos do
base nas disposições do Código de Ética Profissional do Decreto nº 1.171/94, são regras deontológicas, EXCETO:
Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal, analise
as afirmativas abaixo. a) A função pública deve ser tida como exercício profis-
sional e, portanto, se integra na vida particular de cada
II. É vedado ao servidor público permitir que persegui- servidor público.
ções, simpatias, antipatias, caprichos, paixões ou interes- b) O servidor público não poderá jamais desprezar o ele-
ses de ordem pessoal interfiram no trato com o público, mento ético de sua conduta.
com os jurisdicionados administrativos ou com colegas c) prejudicar deliberadamente a reputação de outros ser-
hierarquicamente superiores ou inferiores. vidores ou de cidadãos que deles dependam.
II. Para fins de apuração do comprometimento ético, en- d) Toda pessoa tem direito à verdade. O servidor não
tende-se por servidor público todo aquele que, por força pode omiti-la ou falseá-la, ainda que contrária aos in-
de lei, contrato ou de qualquer ato jurídico, preste servi- teresses da própria pessoa interessada ou da Adminis-
ços de natureza permanente, temporária ou excepcional, tração Pública.
ainda que sem retribuição financeira, desde que ligado e) Toda ausência injustificada do servidor de seu local de
direta ou indiretamente a qualquer órgão do poder es- trabalho é fator de desmoralização do serviço público,
tatal, como as autarquias, as fundações públicas, as enti- o que quase sempre conduz à desordem nas relações
dades paraestatais, as empresas públicas e as sociedades humanas.
de economia mista, ou em qualquer setor onde prevale-
ça o interesse do Estado. 20. (UFPB – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO –
III. É vedado ao servidor público ligar o seu nome a em- INSTITUTO AOCP - 2019) Com base no Código de Ética
preendimentos de cunho esportivo ou religioso. dos Servidores Públicos, tais servidores possuem deveres
fundamentais. Assinale a alternativa que apresenta
Assinale corretamente um desses deveres.

a) se somente a afirmativa I estiver correta. a) Exercer suas atribuições com delongas, perfeição e
b) se somente a afirmativa II estiver correta. rendimento, pondo fim ou procurando prioritaria-
c) se somente a afirmativa III estiver correta. mente resolver situações procrastinatórias.
d) se somente as afirmativas I e II estiverem corretas. b) Ser improbo, reto, leal e justo, demonstrando toda a
e) se somente as afirmativas II e III estiverem corretas. integridade do seu caráter, escolhendo sempre, quan-
do estiver diante de duas opções, a melhor e a mais
18. (UFCA – ECONOMISTA – UFCA - 2019) Sobre o vantajosa para o bem comum.
Decreto nº 1.171/1994, que aprova o Código de Ética c) Ser cortês, ter urbanidade, disponibilidade e atenção,
Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo respeitando a capacidade e as limitações individuais
Federal, analise as seguintes assertivas: de todos os usuários do serviço público, sem qualquer
espécie de preconceito ou distinção de qualquer na-
tureza.
I - o uso do cargo ou função, facilidades, amizades, tem-
d) Ter respeito à hierarquia, com temor de representar
po, posição e influências, para obter qualquer favoreci-
contra qualquer comprometimento indevido da estru-
mento, para si ou para outrem;
tura em que se funda o Poder Estatal.
II - permitir que perseguições, simpatias, antipatias, ca-
e) Submeter-se a todas as pressões de superiores hie-
prichos, paixões ou interesses de ordem pessoal inter-
rárquicos, de contratantes, interessados e outros que
firam no trato com o público, com os jurisdicionados
visem obter quaisquer favores, benesses ou vantagens
administrativos ou com colegas hierarquicamente supe- indevidas em decorrência de ações imorais, ilegais ou
riores ou inferiores; aéticas e denunciá-las.
III - participar dos movimentos e estudos que se relacio-
nem com a melhoria do exercício de suas funções, tendo 21. (PC-ES – ASSISTENTE SOCIAL – INSTITUTO AOCP
por escopo a realização do bem comum; - 2019) O Código de Ética dos Servidores Civis do Poder
IV - ser, em função de seu espírito de solidariedade, coni- Executivo do Estado do Espírito Santo – Decreto nº 1595
vente com erro ou infração a este Código de Ética ou ao de 06/12/2005, em seu artigo 4º, denota o que é vedado
Código de Ética de sua profissão; ao Servidor Público. Dentre as alternativas a seguir,
V - desempenhar, a tempo, as atribuições do cargo, fun- assinale aquela que NÃO apresenta corretamente o que
ção ou emprego público de que seja titular. está descrito no referido artigo.
Assinale a opção que assinala a quantidade de assertivas
LIVRO DE QUESTÕES - BB

a) Utilizar pessoal ou recursos materiais do Estado em


que contém VEDAÇÕES SERVIDOR PÚBLICO. serviços ou atividades particulares.
b) Manter sob sua chefia imediata cônjuge, companheira
BANCO DO BRASIL

a) 0 ou parente até o segundo grau civil.


b) 1 c) Atuar como procurador ou intermediário junto a ór-
c) 2 gãos públicos estaduais, salvo quando se tratar de be-
d) 3 nefícios previdenciários ou assistenciais e percepção
e) 4 de remuneração ou proventos de cônjuge, compa-
nheiro e parentes até terceiro grau civil.

45
d) Retardar ou deixar de praticar ato de ofício, ou praticá- -lhes dano moral. É vedado ao servidor público: usar
-lo contra disposição expressa em lei, para satisfazer de artifícios para procrastinar ou dificultar o exercício
interesse ou sentimento pessoal. regular de direito por qualquer pessoa, causando-lhe
e) Tratar com misantropia, urbanidade e atenção os de- dano moral ou material.
mais servidores públicos e os usuários do serviço pú- d) São deveres parciais do servidor público: ser cortês, ter
blico. urbanidade, disponibilidade e atenção, respeitando a
capacidade e as limitações individuais de todos os
22. (UFGD – ADMINISTRADOR – UFGD - 2019) Obser- usuários do serviço público, sem qualquer espécie de
ve o seguinte caso. preconceito ou distinção de raça, sexo, nacionalida-
Tarcílio Almeida Cantareira, servidor Público de uma de, cor, idade, religião, cunho político e posição social,
Agência do INSS foi denunciado na Comissão de Ética da abstendo-se, dessa forma, de causar-lhes dano moral;
Agência Central do INSS pelo cidadão Energildo, residen- É vedado ao servidor público: dar o seu concurso a
te na mesma cidade em que o servidor trabalha. Energil- qualquer instituição que atente contra a moral, a ho-
do completou 65 anos de idade e solicitou sua aposenta- nestidade ou a dignidade da pessoa humana.
doria presencialmente no balcão da agência após marcar e) São deveres não fundamentais do servidor públi-
o seu horário na Central 135, que faz ligação direta com co: cumprir, de acordo com as normas do serviço e
os serviços da Previdência Social ao cidadão. Energildo as instruções superiores, as tarefas de seu cargo ou
é o pai da ex-namorada de Tarcílio Cantareira, que por função, tanto quanto possível, com critério, segurança
ordem daquele teve o namoro impedido. Ao se dirigir a e rapidez, mantendo tudo sempre em boa ordem. É
agência do INSS, Tarcílio foi o atendente sorteado pelo Permitido ao servidor público: usar de artifícios para
sistema de senhas para realizar o atendimento do senhor procrastinar ou dificultar o exercício regular de direi-
Ernegildo. O atendimento foi frio e pouco explicativo em to por qualquer pessoa, causando-lhe dano moral ou
virtude da relação estremecida entre os dois. Ao térmi- material.
no do atendimento, o senhor Ernegildo ouviu o servidor
Tarcílio comentar com um servidor do guichê ao lado a 23. (UFGD – ADMINISTRADOR – UFGD - 2019) Assinale
seguinte frase: “Me vinguei deste velho chato que me im- a alternativa que corresponde a uma vedação ao servidor
pediu de casar com o amor de minha vida. Fiz esperar um público.
tempão e vou demorar para finalizar o processo dele no
sistema de aposentadoria”. O cidadão Ernegildo chegou a) Desempenhar, a tempo, as atribuições do cargo, fun-
em casa e comentou com seu filho mais velho advogado, ção ou emprego público de que seja titular.
que o instruiu a fazer uma denúncia junto à Comissão de b) Jamais retardar qualquer prestação de contas, condi-
Ética da Previdência Social. Após análise da denúncia a ção essencial da gestão dos bens, direitos e serviços
desfavor do Servidor Tárcilio Cantareira, a Comissão de da coletividade a seu cargo.
c) Fazer uso de informações privilegiadas obtidas no âm-
Ética aceitou a denúncia, pois, com base no Código de
bito interno de seu serviço, em benefício próprio, de
Ética do Servidor Público Federal, foram encontradas ad-
parentes, de amigos ou de terceiros.
missibilidades para o problema ético apresentado pelo
d) Tratar cuidadosamente os usuários dos serviços aper-
comportamento do servidor Tárcilio, conforme disposto
feiçoando o processo de comunicação e contato com
no Decreto n° 1.171/1994.
o público.
Assinale a alternativa que corresponde ao disposto nas e) Ter consciência de que seu trabalho é regido por prin-
cípios éticos que se materializam na adequada presta-
Vedações e Proibições dispostas no Código de Ética
ção dos serviços públicos.
(Decreto n° 1.171/1994) do servidor público federal não
observados pelo servidor do caso apresentado.
24. (UFGD – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO –
UFGD - 2019) O Decreto nº 1.171, de 22 de junho de
a) Não é vedado ao servidor público: o uso do cargo ou
1994, aprova o Código de Ética Profissional do Servidor
função, facilidades, amizades, tempo, posição e influ-
Público Civil do Poder Executivo Federal. Considerando
ências, para obter qualquer favorecimento, para si ou
o disposto nesse decreto, assinale a alternativa correta.
para outrem.
b) São deveres parciais do servidor público: tratar cuida-
a) Constitui vedação ao servidor público comunicar ime-
dosamente os usuários dos serviços aperfeiçoando o diatamente a seus superiores todo e qualquer ato ou
processo de comunicação e contato com o público. fato contrário ao interesse público, exigindo as provi-
É vedado ao servidor público: ser, em função de seu dências cabíveis.
espírito de solidariedade, conivente com erro ou infra- b) Constitui vedação ao servidor público, se membro de
LIVRO DE QUESTÕES - BB

ção a este Código de Ética ou ao Código de Ética de Comissão de Ética, fornecer aos organismos encarre-
sua profissão. gados da execução do quadro de carreira dos servido-
c) São deveres fundamentais do servidor público: ser
BANCO DO BRASIL

res os registros sobre sua conduta ética, para o efeito


cortês, ter urbanidade, disponibilidade e atenção, res- de instruir e fundamentar promoções e para todos os
peitando a capacidade e as limitações individuais de demais procedimentos próprios da carreira do servi-
todos os usuários do serviço público, sem qualquer dor público.
espécie de preconceito ou distinção de raça, sexo, c) Para fins de apuração do comprometimento ético, nos
nacionalidade, cor, idade, religião, cunho político e termos desse Decreto, entende-se por servidor públi-
posição social, abstendo-se, dessa forma, de causar- co todo aquele que, por força de lei, contrato ou de

46
qualquer ato jurídico, preste serviços de natureza per- 27. (PREFEITURA DE BOA VISTA - RR – PROCURADOR
manente, temporária ou excepcional, ainda que sem MUNICIPAL – CESPE - 2019) Acerca de ética no serviço
retribuição financeira, ou mesmo aquele que exercer público, moral e exercício da cidadania, julgue o item a
sua função, poder ou autoridade com finalidade es- seguir.
tranha ao interesse público, ainda que observando as Segundo Aristóteles, a política e a ética são dissociadas,
formalidades legais e não cometendo qualquer viola- em razão não só da inexistência da política no exercício
ção expressa à lei. da cidadania, mas também da busca da plenitude ética
d) Deixar o servidor público usar de artifícios para pro- na polis.
crastinar ou dificultar o exercício regular de direito,
que qualquer pessoa fique à espera de solução que ( ) CERTO ( ) ERRADO
compete ao setor em que exerça suas funções, per-
mitindo a formação de longas filas, ou qualquer outra 28. (PREFEITURA DE BOA VISTA - RR – PROCURADOR
espécie de atraso na prestação do serviço, caracteriza MUNICIPAL – CESPE - 2019) Acerca de ética no serviço
grave dano moral aos usuários dos serviços públicos, público, moral e exercício da cidadania, julgue o item a
não cometendo, entretanto, qualquer violação expres- seguir.
sa à lei. O risco de subjetivismo e ativismo por parte dos agentes
e) São deveres fundamentais do servidor público, entre públicos na interpretação e na aplicação da lei consiste
outros, ter respeito à hierarquia, porém sem nenhum em uma das críticas ao paradigma pós-positivista, ocor-
temor de representar contra qualquer comprometi- rendo em tal paradigma uma reaproximação do direito
mento indevido da estrutura em que se funda o Poder com a ética, a moral, os valores e os princípios.
Estatal, ou ainda, resistir a todas as pressões de su-
periores hierárquicos, de contratantes, interessados e ( ) CERTO ( ) ERRADO
outros que visem a obter quaisquer favores, benesses
ou vantagens indevidas em decorrência de ações imo- 29. (PREFEITURA DE BOA VISTA - RR – PROCURADOR
rais, ilegais ou aéticas e denunciá-las. MUNICIPAL – CESPE - 2019) Acerca de ética no serviço pú-
blico, moral e exercício da cidadania, julgue o item a seguir.
25. (PREFEITURA DE SAPUCAIA DO SUL - RS – SECRE- De acordo com o conceito de imperativo categórico, de
TÁRIO DE ESCOLA – FUNDATEC - 2019) Analise as se- Kant, o dever denota uma forma, que é válida para toda
guintes assertivas e assinale V, se verdadeiras, ou F, se ação moral e implica a universalidade da conduta ética,
falsas, quanto aos princípios éticos da profissão. de modo que o indivíduo deve agir como se a máxima de
sua ação pudesse se tornar uma lei universal.
( ) Manter sigilo profissional, zelando pelos assuntos ad-
ministrativos e que dizem respeito à direção, aos coor- ( ) CERTO ( ) ERRADO
denadores, aos professores, aos alunos, isto é, a todas as
pessoas envolvidas no processo educativo. 30. (DETRAN-PA – AGENTE DE EDUCAÇÃO DE
( ) Evitar omissões, negligências e atos irresponsáveis que TRÂNSITO – FADESP - 2019) Práticas de negócios éticos
prejudiquem a instituição e as pessoas. ou antiéticos costumam refletir os valores, as atitudes,
( ) Zelar pelas normas e procedimentos institucionais. as crenças e os comportamentos padrão da cultura
organizacional. Portanto, pode-se dizer que
A ordem correta de preenchimento dos parênteses, de
cima para baixo, é: a) a ética é exatamente a mesma coisa que moral, pois é
a ética que cria a moral e vice-versa.
a) F – F – F. b) os problemas éticos caracterizam-se pela sua especifi-
b) V – F – F. cidade em situações concretas.
c) V – V – V. c) a moral estuda uma forma de comportamento huma-
d) F – V – F. no que os homens julgam obrigatório e valioso.
d) a ética deve fornecer a compreensão racional de um
e) V – F – V.
aspecto real e efetivo do comportamento humano.
e) uma decisão eticamente correta não é a que melhor
26. (PREFEITURA DE BOA VISTA - RR – PROCURADOR
assegura os direitos das pessoas por ela afetadas.
MUNICIPAL – CESPE - 2019) Acerca de ética no serviço
público, moral e exercício da cidadania, julgue o item a 31. (CRESS-SC – ASSISTENTE ADMINISTRATIVO JR. –
seguir. QUADRIX - 2019) Acerca da ética no serviço público,
Com o objetivo de promover padrões éticos de julgue o item.
moralidade e de probidade no serviço público, o STF,
LIVRO DE QUESTÕES - BB

Os princípios éticos regem o trabalho do servidor público


mediante a instituição de súmula vinculante, vedou a e se materializam na adequada prestação dos serviços
prática do nepotismo. públicos.
BANCO DO BRASIL

( ) CERTO ( ) ERRADO ( ) CERTO ( ) ERRADO

47
32. (CRESS-SC – ASSISTENTE ADMINISTRATIVO JR. – 39. (CREF - 11ª REGIÃO (MS-MT) – AGENTE DE ORIEN-
QUADRIX - 2019) Acerca da ética no serviço público, TAÇÃO E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) À luz do
julgue o item. Decreto n.º 1.171/1994, julgue o item.
Quando estiver diante de duas opções, o servidor pú- Para fins de exame e apuração de comportamento ético,
blico deverá escolher a melhor e a mais vantajosa para é considerado como servidor público somente aquele
o bem individual, ratificando assim o conceito de ética. que preste serviços de natureza permanente.

( ) CERTO ( ) ERRADO ( ) CERTO ( ) ERRADO

33. (CRESS-SC – ASSISTENTE ADMINISTRATIVO JR. – 40. (CREF - 20ª REGIÃO (SE) – AGENTE DE ORIENTAÇÃO
QUADRIX - 2019) Acerca da ética no serviço público, E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) Julgue o item.
julgue o item. O Código de Ética de uma empresa é uma declaração
A ética é um ramo da filosofia que busca o constante de intenções para uso interno, para preservação dos
questionamento, é especulativa e propicia a quebra de valores da organização, que serve para a proteção de
paradigmas e a evolução do pensamento. seus representantes perante terceiros.

( ) CERTO ( ) ERRADO ( ) CERTO ( ) ERRADO

34. (CRESS-SC – ASSISTENTE ADMINISTRATIVO JR. – 41. (CREF - 20ª REGIÃO (SE) – AGENTE DE ORIENTAÇÃO
QUADRIX - 2019) Acerca da ética no serviço público, E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) Acerca do Código
julgue o item. de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
Existem diferenças entre os conceitos morais de um gru- Executivo Federal (Decreto n.º 1.171/1994), julgue o item.
po e de outro, sendo a moral influenciada por fatores O servidor público terá de decidir somente entre o legal
sociais. e o ilegal, podendo desprezar o elemento ético de sua
conduta.
( ) CERTO ( ) ERRADO
( ) CERTO ( ) ERRADO
35. (CREF - 11ª REGIÃO (MS-MT) – AGENTE DE ORIEN-
TAÇÃO E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) À luz do 42. (CREF - 20ª REGIÃO (SE) – AGENTE DE ORIENTAÇÃO
Decreto n.º 1.171/1994, julgue o item. E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) Acerca do Código
É vedado ao servidor público vincular seu nome a em- de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
preendimentos de cunho duvidoso. Executivo Federal (Decreto n.º 1.171/1994), julgue o item.
Toda ausência injustificada do servidor público ao local
( ) CERTO ( ) ERRADO de trabalho é fator de desmoralização do serviço público.
36. (CREF - 11ª REGIÃO (MS-MT) – AGENTE DE ORIEN- ( ) CERTO ( ) ERRADO
TAÇÃO E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) À luz do
Decreto n.º 1.171/1994, julgue o item.
43. (CREF - 20ª REGIÃO (SE) – AGENTE DE ORIENTAÇÃO
A pena passível de aplicação pela comissão de ética é a
E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) Acerca do Código
de censura, sendo vedadas punições outras como sus-
de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
pensão ou demissão.
Executivo Federal (Decreto n.º 1.171/1994), julgue o item.
Permitir a formação de longas filas ou qualquer outra
( ) CERTO ( ) ERRADO
espécie de atraso na prestação do serviço caracteriza
atitude contra a ética, mas não pode caracterizar grave
37. (CREF - 11ª REGIÃO (MS-MT) – AGENTE DE ORIEN-
TAÇÃO E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) À luz do dano moral aos usuários dos serviços públicos
Decreto n.º 1.171/1994, julgue o item.
As comissões de ética possuem atribuição essencialmente ( ) CERTO ( ) ERRADO
punitiva, fundamentando aplicação de sanções aos
servidores faltosos. 44. (CREF - 20ª REGIÃO (SE) – AGENTE DE ORIENTAÇÃO
E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) Acerca do Código
( ) CERTO ( ) ERRADO de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder
Executivo Federal (Decreto n.º 1.171/1994), julgue o item.
38. (CREF - 11ª REGIÃO (MS-MT) – AGENTE DE ORIEN- O servidor não pode omitir ou falsear a verdade, ainda
que ela seja contrária aos interesses da própria pessoa
LIVRO DE QUESTÕES - BB

TAÇÃO E FISCALIZAÇÃO – QUADRIX - 2019) À luz do


Decreto n.º 1.171/1994, julgue o item. interessada ou da Administração Pública.
As comissões de ética deverão ser criadas por todos os
BANCO DO BRASIL

órgãos e entidades da Administração, obrigação essa ( ) CERTO ( ) ERRADO


que não alcança, contudo, pessoas jurídicas de direito
privado que desempenhem atribuições administrativas
por delegação.

( ) CERTO ( ) ERRADO

48
45. (UF- MG – TÉCNICO EM CONTABILIDADE – UFMG 50. (IF-ES – ASSISTENTE EM ADMINISTRAÇÃO – IF-ES
- 2019) De acordo com o Código de Ética Profissional, o - 2019) Nos termos do Decreto 1.171/94, que aprovou o
servidor público civil do Poder Executivo Federal deverá Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do
Poder Executivo Federal, podemos afirmar ser dever do
a) dar publicidade a todos os atos administrativos, tendo servidor público:
em vista que essa é a regra que não pode ser modifi-
cada, sendo requisito de eficácia e de moralidade. a) Tratar os necessitados, economicamente, de forma
b) divulgar unicamente aos colegas de repartição as nor- diferenciada dando celeridade à tramitação dos pro-
mas constantes do Código de Ética. cessos destes em detrimento dos usuários mais abas-
c) facilitar a fiscalização de todos os seus atos e serviços tados em termos econômicos.
por qualquer administrado. b) Ser cortês, simpático, ter urbanidade, disponibilidade
d) saber distinguir a conduta honesta da desonesta, e atenção com os usuários do serviço público.
observando atentamente os princípios que regem a c) Exercer suas atribuições com rapidez, perfeição e ren-
conduta do Administrador Público e a probidade ad- dimento.
ministrativa. d) Manter-se atualizado com as instruções, as normas de
serviço e a legislação pertinentes ao órgão onde exer-
46. (IF-PA – ADMINISTRADOR – IF-PA - 2019) É dever ce suas funções, desde que lhe sejam ofertados cursos
do servidor público, EXCETO: de capacitação.
e) São deveres do servidor manter conduta compatível
a) ter consciência de que seu trabalho é regido por prin- com os seus valores morais.
cípios éticos que se materializam na adequada presta-
ção dos serviços públicos.
b) tratar cuidadosamente os usuários dos serviços aper-
feiçoando o processo de comunicação e contato com
o público. GABARITO
c) facilitar a fiscalização de todos atos ou serviços por
quem de direito.
1 C
d) comunicar, em até 48 horas, a seus superiores todo e
qualquer ato ou fato contrário ao interesse público, 2 B
exigindo as providências cabíveis. 3 C
e) ser assíduo e frequente ao serviço, na certeza de que
sua ausência provoca danos ao trabalho ordenado, re- 4 D
fletindo negativamente em todo o sistema. 5 D
47. (PRF – POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL – CESPE 6 A
- 2019) A respeito de ética no serviço público, julgue o 7 C
item a seguir.
8 B
Servidor público que, no exercício da função pública,
desviar outro servidor para atender a seu interesse parti- 9 C
cular, ou, movido pelo espírito de solidariedade, for co- 10 D
nivente com prática como esta, poderá ser submetido à
Comissão de Ética. 11 C
12 B
( ) CERTO ( ) ERRADO
13 C
48. (PRF – POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL – CESPE 14 A
- 2019) A respeito de ética no serviço público, julgue o
15 E
item a seguir.
Servidor público que se apresenta habitualmente em- 16 A
briagado no serviço ou até mesmo fora dele poderá ser 17 D
submetido à Comissão de Ética, a qual poderá aplicar-lhe
a pena de censura. 18 D
19 C
( ) CERTO ( ) ERRADO
20 C
LIVRO DE QUESTÕES - BB

49. (PRF – POLICIAL RODOVIÁRIO FEDERAL – CESPE 21 E


- 2019) A respeito de ética no serviço público, julgue o
BANCO DO BRASIL

22 C
item a seguir.
Na administração pública, moralidade restringe-se à dis- 23 C
tinção entre o bem e o mal: o servidor público nunca 24 E
poderá desprezar o elemento ético de sua conduta.
25 C
( ) CERTO ( ) ERRADO

49
26 CERTO
NOÇÕES DE INFORMÁTICA
27 ERRADO
28 CERTO
1. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE
29 CERTO TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) No Explorador
30 D de Arquivos (Windows Explorer) do Windows 10 BR,
31 CERTO para remover um arquivo previamente selecionado sem
enviá-lo para a lixeira, deve ser usado
32 ERRADO
33 CERTO a) Alt+Delete.
b) Alt+Shift+Delete.
34 CERTO c) Ctrl+Delete.
35 CERTO d) Ctrl+Shift+Delete.
36 CERTO e) Shift+Delete.

37 ERRADO 2. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE


38 ERRADO TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) O texto a
seguir foi criado no MS Word 2016 BR.
39 ERRADO
40 ERRADO
41 ERRADO
42 CERTO
43 ERRADO
44 CERTO
45 D
46 D
47 CERTO
48 CERTO
O texto disposto ao redor da tabela foi obtido
49 ERRADO
50 C a) formatando-se o texto em colunas.
b) inserindo-se no documento quebras de seções.
c) configurando-se o alinhamento do texto.
d) utilizando-se o AutoAjuste de Conteúdo da tabela.
e) configurando-se as propriedades da tabela.

3. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE


TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Os alunos de
uma escola fazem duas provas durante o período letivo,
P1 e P2, e, serão aprovados, se a média dessas notas for
superior a cinco.

A planilha a seguir foi construída no MS Excel 2016 BR


para determinar automaticamente o resultado de cada
aluno.
LIVRO DE QUESTÕES - BB
BANCO DO BRASIL

Para isto, uma fórmula foi digitada na célula D2, copiada


(Ctrl + C) e colada (Ctrl + V) nas demais células da mesma
coluna D.

50
Assinale a opção que indica a fórmula digitada em D2.

a) =SE (B2+C2)/2>5 “APROVADO” SENÃO “REPROVADO”


b) =MÉDIA(B2:C2)>5
c) =ÍNDICE({“APROVADO”;”REPROVADO”};(B2+C2)/2>5)
d) =SE((B2+C2)/2>5;”APROVADO”;”REPROVADO”)
e) =SE B2+C2/2>5 “APROVADO” SENÃO “REPROVADO”

4. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Considere as unidades


ópticas de 120 mm (120 mm é o tamanho padrão ou mais comum) listadas a seguir.

I. Blu-ray BD-RE.
II. CD-ROM.
III. DVD-RAM.

Com relação à capacidade de armazenamento, da maior para a menor, os dispositivos são, respectivamente,

a) I, II e III.
b) I, III e II.
c) II, I e III.
d) II, III e I.
e) III, II e I.

5. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Assinale a opção que
indica o dispositivo semelhante a uma impressora que pode ser utilizado para gerar imagens em folhas de papel de
tamanhos grandes.

a) Blu-ray.
b) DVD.
c) HDD.
d) Plotter.
e) Scanner.

6. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Assinale a opção que
indica o aplicativo do MS Office utilizado para ler ou escrever e-mails.

a) Access.
b) Excel.
c) Outlook.
d) PowerPoint.
e) Word.

7. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – AGENTE DE TRÂNSITO E TRANSPORTE – FGV - 2019) Assinale a opção que
indica, no MS-Windows 10, a tecla utilizada para abrir (mostrar) o menu Iniciar.

a)

b)

c)
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d)
BANCO DO BRASIL

e)

51
8. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL MUNICIPAL – FGV - 2019) Uma regra bastante usada entre
as editoras de livros diz que um livro contém 25 linhas por página e 60 caracteres por linha. Suponha que você quer
armazenar, na forma de texto não compactado, o conteúdo de quatro livros de 500 páginas contendo apenas texto, e
que um dos dispositivos a seguir será usado exclusivamente para essa finalidade.
Assinale a opção que indica o dispositivo que oferece espaço suficiente para a tarefa com o menor desperdício de
espaço livre.

a) Disquete de 360 KB.


b) Disquete de 1.44 MB.
c) CD-R de 650 MB.
d) DVD-R de 4.7 GB.
e) Disco rígido de 1 TB.

9. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL MUNICIPAL – FGV - 2019) Analise o ícone a seguir extraído
da Guia Página Inicial no MS Word 2016 BR:

Assinale a opção que indica a função desse ícone.

a) Cor da Fonte.
b) Estilos.
c) Limpar Formatação.
d) Pincel de Formatação.
e) Realce.

10. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL MUNICIPAL – FGV - 2019) O uso de estilos no MS Office
2016 BR permite

a) alterar rapidamente a formatação de partes de um documento baseadas em um mesmo estilo.


b) aplicar um conjunto predefinido de cores, fontes e plano de fundo aos slides de um documento do PowerPoint.
c) controlar todas as alterações feitas em um documento.
d) inserir um índice de autoridades no documento.
e) utilizar conteúdo e elementos de design como ponto de partida para criar um documento.

11. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL MUNICIPAL – FGV - 2019) Observe a figura a seguir extraída
do Explorador de Arquivos (Windows Explorer) do MS Windows 10 BR.

Nesse contexto, um clique sobre a pequena seta para cima fará com que o Explorador de Arquivos

a) mostre o conteúdo da última pasta visitada.


b) mostre o conteúdo da pasta “Java”.
c) abra uma lista dos locais recentes.
d) mostre o conteúdo da pasta “Dados (D:)”.
e) faça o upload do conteúdo da pasta atual para a nuvem.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

12. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL MUNICIPAL – FGV - 2019) Assinale a opção que indica, no
MS Excel 2016 BR, a tecla (ou a combinação de teclas) utilizada para atualizar os cálculos.
BANCO DO BRASIL

a) Ctrl+<espaço>.
b) Esc.
c) F9.
d) SysRq.
e) Tab.

52
13. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL 16. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ANALISTA -
MUNICIPAL – FGV - 2019) No Windows 10 BR, é possível ENGENHARIA ELÉTRICA – FGV - 2019)
criar uma imagem do sistema para restaurar o computa-
dor se, por exemplo, o disco rígido parar de funcionar.

Usando essa imagem, é possível recuperar

I. contas de usuários.
II. aplicativos instalados.
III. configurações do Windows.

Está correto o que se afirma em


a) II, somente.
b) I e II, somente.
c) I e III, somente.
d) II e III, somente.
e) I, II e III.

14. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL Considere a planta baixa de uma residência desenhada
MUNICIPAL – FGV - 2019) Usando o MS Excel 2016 no Autocad. O desenho foi feito com as medidas em me-
BR, um usuário quer calcular a potência do conteúdo tros e, na sequência, a partir da aba Layout, você abre a
da célula B1 na figura a seguir, elevado ao conteúdo da janela para editar a escala do desenho, preenchendo-a
célula B2, e armazenar o resultado na célula B3. com os valores apresentados na figura acima.

Diante do exposto, o desenho será impresso na escala

a) 1:20
b) 20:1
c) 1:50
d) 5:1
e) 50:1000

17. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ANALISTA -


ENGENHARIA ELÉTRICA – FGV - 2019) O microcompu-
tador é composto por variados tipos de peças eletrôni-
cas, adequadamente conectadas, que permitem a execu-
Assinale a opção que indica a fórmula que tem de ser ção de diversos programas.
digitada na célula B3.
São exemplos de hardware:
a) 2^4
b) 2**4 a) placa-mãe e sistema operacional.
c) =B1^B2 b) processador e boot loader.
d) B1^B2 c) memória RAM e Linux.
e) =2^4 d) Windows e pacote Ofice.
e) placa de vídeo e disco rígido.
15. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – GUARDA CIVIL
MUNICIPAL – FGV - 2019) Um usuário tem rodando em 18. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
sua máquina o Windows 10 BR com somente o pacote de ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Rela-
idioma Português (Brasil) instalado. Em viagem aos Esta- cione as teclas de atalho do Windows 10 BR, listadas a
dos Unidos, este usuário adquiriu um novo teclado para o seguir, às suas respectivas funções associadas.
computador, mas, ao retornar e instalar o novo teclado, ao
pressionar a tecla ponto e vírgula surge na tela uma cedilha. 1. Tecla do Windows + E
Para solucionar esse problema o usuário deve 2. Tecla do Windows + Ctrl + D
LIVRO DE QUESTÕES - BB

3. Tecla do Windows + D
a) adicionar o teclado apropriado nas Opções de Idioma 4. Tecla do Windows + R
do Português (Brasil).
BANCO DO BRASIL

b) alterar o idioma de exibição do Windows. ( ) Abre o Explorador de Arquivos


c) instalar um adaptador de teclado na porta USB. ( ) Cria uma nova área de trabalho virtual
d) baixar um novo driver para o teclado da página do ( ) Executa um comando
fabricante. ( ) Mostra a área de trabalho
e) instalar um novo pacote de idiomas e, em seguida,
alterar o idioma de exibição do Windows.

53
Assinale a opção que mostra a relação correta, na ordem A esta tabela foi aplicado o filtro padrão a seguir.
apresentada.

a) 1, 2, 4 e 3
b) 2, 1, 4 e 3
c) 4, 1, 3 e 2
d) 3, 1, 2 e 4
e) 2, 4, 1 e 3

19. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE


ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) O texto a
seguir foi utilizado no LibreOffice Writer para gerar uma ta-
bela por meio do recurso “Converter de texto para tabela”.

Assinale a opção que indica o número de empregados


visíveis na planilha após a aplicação do filtro.

a) 6.
b) 7.
c) 8.
d) 9.
e) 10.

22. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE


ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Al-
A opção do diálogo “Converter texto em tabela” utilizada foi: guns dispositivos de armazenamento USB, conhecidos
como pen drives, possuem uma chave de proteção contra
a) Separar texto em: Tabulações. gravação na parte lateral ou inferior.
b) Separar texto em: Ponto e vírgula.
c) Separar texto em: Parágrafo. A opção de proteção contra gravação é útil para
d) Separar texto em: Outra (espaço em branco).
e) Separar texto automaticamente. a) impedir a leitura dos arquivos deste pen drive.
b) impedir que o dispositivo seja reconhecido pelo com-
20. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE putador hospedeiro.
ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) No Win- c) impedir que os arquivos do pen drive sejam copiados
dows 10 BR, com as configurações padrão inalteradas, para o computador hospedeiro.
você mantém a tecla Shift pressionada enquanto exclui d) impedir que um aplicativo seja executado a partir des-
um arquivo por meio da tecla Delete. te pen drive.
Assinale a opção que indica o resultado desse procedimento. e) proteger o dispositivo contra a gravação de um vírus
ou malware.
a) O arquivo será enviado para a lixeira.
b) Será exibida uma caixa de diálogo perguntando se o 23. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE
arquivo deve ser enviado para a lixeira. ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Analise
c) O arquivo será excluído sem passar pela lixeira. a figura a seguir, que mostra algumas células do Excel do
d) Será exibida uma caixa de diálogo perguntando se o MS Office.
arquivo deve ser excluído permanentemente.
e) O arquivo será excluído temporariamente, passando
pela lixeira.

21. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE


ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) A figura
a seguir mostra uma planilha criada no LibreOffice Calc
LIVRO DE QUESTÕES - BB

contendo a relação de empregados de uma empresa.


Se o conteúdo da célula G1 (mostrado como equação na
BANCO DO BRASIL

figura) for copiado por meio de Ctrl+C e Ctrl+V para a


célula H2, o valor da célula H2 será

a) 3.
b) 12.
c) 20.

54
d) 40. Considerando a configuração padrão, uma das opções
e) 48. válidas é:

24. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE a) ejetar dispositivo.


ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Observe b) formatar pen drive.
a figura a seguir representando um fragmento de um c) mudar o nome lógico do drive.
aplicativo para Windows. Note os números e as letras d) abrir pasta para exibir arquivos.
apresentados junto às opções de menu. e) trocar letra associada ao dispositivo.

28. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR AD-


MINISTRATIVO – FGV - 2018) Tito preparou um do-
cumento no Libre Office e pretende enviá-lo para várias
empresas. Como essas empresas possuem diferentes
plataformas computacionais, com diversos tipos de dis-
positivos, é preciso que esse documento esteja gravado
Para fazer com que esses números e letras aparecessem, num formato de aceitação universal.
o usuário precisou
Nesse caso, o mais adequado seria o formato:
a) apertar a tecla “Windows” (também chamada de “Ini-
ciar”). a) .DOCX
b) apertar a tecla Alt. b) .JPG
c) apertar a tecla Ctrl. c) .PDF
d) configurar no “Painel de Controle” a opção de mostrar d) .TXT
atalhos nos aplicativos. e) .XLSX
e) instalar a última versão do pacote Ofice com opção de
acessibilidade. 29. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-
NISTRATIVO – FGV - 2018) Quando imprime um docu-
25. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE mento editado pelo Word 2010, Tito gosta de exibir logo
ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) No Win- na primeira página o dia e a hora em que aquele docu-
dows 10, o usuário abriu a “Lixeira” e moveu um arquivo mento foi gravado pela última vez. Com isso, consegue
de lá para a “Área de Trabalho”. identificar melhor a versão que foi impressa.
Assinale a opção que indica o resultado dessa operação. Para fazer isso num documento, é preciso:
a) O arquivo permanecerá na “Lixeira”, mas o seu “Local a) configurar a página na guia “Layout da página”;
Original” passará a ser a “Área de Trabalho”. b) usar a opção “Adicionar Texto” na guia “Referências”;
b) O arquivo será recuperado e armazenado na “Área de c) usar a opção “Estrutura de tópicos” na guia “Exibição”;
Trabalho”. d) usar a opção “Partes rápidas” na guia “Inserir”;
c) O arquivo será recuperado e armazenado no “Local e) digitar manualmente a informação, pois não há meios
Original”. automatizados para tal.
d) O arquivo será recuperado e o Windows irá perguntar
onde armazenar o arquivo. 30. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-
e) O arquivo será removido definitivamente. NISTRATIVO – FGV - 2018) Tito quer enviar um e-mail
para um grupo de vinte pessoas, de modo que nenhum
26. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO DE componente do grupo possa descobrir quem são os de-
ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) Assinale mais membros.
a opção que contém somente dispositivos que podem
ser utilizados para carga do sistema operacional. Uma solução rápida e prática para isso é:
a) Disco óptico, disco rígido e pen drive. a) cadastrar contatos fictícios com os e-mails de todos os
b) Disco óptico, pen drive e plotter. destinatários;
c) Disco óptico, pen drive e scanner. b) colocar toda a lista de destinatários como Cc;
d) Disco rígido, plotter e scanner. c) colocar toda a lista de destinatários como Cco;
e) Pen drive, plotter e scanner
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) criptografar a lista de destinatários do e-mail;


e) enviar um e-mail separado para cada destinatário.
27. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – TÉCNICO
BANCO DO BRASIL

DE ENFERMAGEM DO TRABALHO – FGV - 2019) O 31. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR AD-


Windows 10 apresenta uma mensagem pedindo para o MINISTRATIVO – FGV - 2018) Tito pretende fazer uma
usuário escolher o que fazer com unidades removíveis busca na Internet sobre o vírus de computador deno-
quando um pen drive formatado com FAT-32 é inserido minado Cavalo de Troia, mas não está interessado em
na interface USB do computador. páginas que façam referência à Guerra de Troia, na antiga
Grécia.

55
O texto de busca mais adequado para Tito é: c) Justificar;
d) Mesclar;
a) cavalo de troia sem falar na grecia e) Sombreamento.
b) cavalo troia
c) - grecia - troia + cavalo 36. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-
d) “cavalo de troia” “guerra de *” NISTRATIVO – FGV - 2018) No contexto do MS Excel
e) “cavalo de troia” -grecia –guerra 2010, analise a fórmula abaixo.

32. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR =SOMA(C2:C4)


ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) No Windows, a função
principal do “Windows Defender” pode ser caracterizada Supondo-se que essa fórmula esteja na célula C5,
como a proteção contra: e que os valores das células C1, C2, C3 e C4 sejam,
respectivamente, 2, 3, 4 e 5, o valor exibido na célula C5
a) perda de dados no caso de falha de hardware; deve ser:
b) picos de tensão na rede elétrica;
c) spam por meio do correio eletrônico; a) 2
d) spywares e outros programas maliciosos; b) 4
e) tentativas de quebra da senha do administrador. c) 9
d) 12
33. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR e) 14
ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) No contexto de
computadores de mesa, o componente cuja função é 37. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
armazenar dados e programas em caráter permanente é ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) O componente
conhecido como: do Libre Office equivalente ao Excel do MS Office é
denominado:
a) Fonte;
b) Hard Disk; a) Calc;
c) Memória RAM; b) Draw;
d) Placa-mãe; c) Math;
e) Processador. d) Sheet;
e) Writer.
34. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) No Libre Office, 38. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-
a extensão de arquivo normalmente usada para NISTRATIVO – FGV - 2018) Tito está preparando um ex-
documentos do processador de textos é: tenso documento, editado em MS Word, mas notou que
ao longo do texto o nome do nosso país aparece escrito
a).ODF com formatos diferentes, tais como “BRASIL”, “BRasil”,
b).ODG “brasil” e “Brasil”. Note que palavras que eventualmente
c).ODP contenham esse termo, tal como “brasileiro”, não devem
d).ODS ser afetadas.
e).ODT
Sabe-se que as seguintes opções estão disponíveis no
35. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR Word:
ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) Observe o trecho de
uma planilha Excel antes e depois da aplicação de um I. Diferenciar maiúsculas e minúsculas;
comando de edição. II. Localizar apenas palavras inteiras;
III. Usar caracteres curingas.

Para realizar essas mudanças acionando apenas uma vez


o comando “Substituir”, Tito pode fazer as substituições
usando:

a) apenas a opção II;


b) apenas a opção III;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

c) apenas as opções I e II;


d) apenas as opções II e III;
BANCO DO BRASIL

e) as opções I, II e III simultaneamente.

O comando aplicado é conhecido como:

a) Alinhar;
b) Expandir;

56
39. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR 44. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) No MS Word, assim ADMINISTRATIVO – FGV – 2018) No contexto da
como em outros editores de textos, o termo “fonte” manipulação de arquivos na Internet, a operação de
refere-se ao(à): enviar um arquivo para um computador remoto é
conhecida como:
a) arquivo original de uma imagem inserida no texto;
b) documento sendo editado; a) Copy;
c) estilo de um parágrafo; b) Cut;
d) forma das letras e de outros símbolos gráficos; c) Download;
e) idioma utilizado para a verificação ortográfica. d) Paste;
e) Upload.
40. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
ADMINISTRATIVO – FGV - 2018) A extensão de arquivos 45. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMINIS-
digitais que usualmente NÃO é utilizada para imagens é: TRATIVO – FGV – 2018) Em uma planilha Excel, as primeiras
vinte e seis colunas são rotuladas pelas letras de A até Z.
a) .BMP
b) .CSV A vigésima sétima coluna é rotulada como:
c) .GIF
d) .JPG a) A1
b) AA
e) .PNG
c) AZ
d) 2A
41. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
ADMINISTRATIVO – FGV – 2018) No contexto da e) ZA
ligação de computadores e outros tipos de artefatos a
uma rede de computadores, o termo “banda” refere-se: 46. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR
ADMINISTRATIVO – FGV – 2018) Observe o trecho de
a) à quantidade de memória disponível no modem; uma planilha Excel exibido a seguir.
b) à velocidade de transmissão de dados;
c) ao limite de tamanho dos arquivos transmitidos;
d) ao limite de tempo que uma conexão pode durar;
e) ao número máximo de arquivos que podem ser trans-
mitidos simultaneamente.

42. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI-


NISTRATIVO – FGV – 2018) Os sites da Internet que ofe-
recem navegação mais segura podem ser identificados
pelo exame do prefixo da URL de acesso.
A fórmula existente na célula C5 deve ser:
O prefixo que indica essa condição é:
a) =B2.MÉDIA(A1;A4)
a) http:// b) =B2 + MÉDIA(A:1..A4)
b) https:// c) =B:2*MÉDIA(A1:4)
c) url: d) =B2*MÉDIA(A1:A4)
d) www. e) =B$2*MÉDIA(A14)
e) @
47. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
43. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – AUXILIAR ADMI- POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
NISTRATIVO – FGV – 2018) Considere um arquivo inti- FGV - 2018) Pedro é o proprietário do arquivo header.txt
tulado “nomes.txt” que contém os nomes completos dos em um sistema Linux e gostaria de assegurar que somen-
clientes de uma empresa, digitados um em cada linha te ele tivesse permissão de leitura, gravação e execução
com os respectivos CPFs. a este arquivo, enquanto que todos os demais usuários
com acesso ao sistema tivessem somente a permissão
Sabendo-se que há aproximadamente 10.000 clientes de leitura.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

listados, o valor que mais se aproxima do tamanho pro-


vável desse arquivo é: Assinale a opção que indica o comando que pode ser
usado para conseguir esse objetivo.
BANCO DO BRASIL

a) 1 KB;
b) 100 KB; a) chmod ug+r header.txt
c) 500 KB; b) chmod 766 header.txt
d) 2 MB; c) chmod 722 header.txt
e) 1 GB. d) chmod +r header.txt
e) chmod 744 header.txt

57
48. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM a) Extensões.
INFORMÁTICA – FGV - 2018) Em um correio eletrônico, b) Lista.
o endereço do destinatário secundário, que irá receber c) Lightning.
uma cópia de uma mensagem, é preenchido no campo d) Filelink.
e) Gloda.
a) Cc
b) Cco 54. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
c) Para EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) Alguns e-mails se
d) Assunto assemelham a outras formas de propaganda, como a
e) Anexo carta colocada na caixa de correio, o panfleto recebido
na esquina e a ligação telefônica ofertando produtos.
49. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
INFORMÁTICA – FGV - 2018) O computador que possui
maior capacidade de armazenamento de dados é o que
tem um disco rígido de

a) 2TB.
b) 512GB.
c) 1KB.
d) 1024MB.
e) 256B.

50. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO


EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) Assinale a opção Fonte: CERT.br/NIC.br
que indica os componentes de uma unidade central de
processamento ou CPU (Central Processing Unit). Os e-mails não solicitados, às vezes com propaganda,
que geralmente são enviados para um grande número
a) Unidade lógica e aritmética, unidade de controle e re- de pessoas são denominados
gistradores.
b) Discos ópticos, disco rígido e drive. a) Feed RSS.
c) Scanner, plotter e dispositivos de entrada.
b) Tópico.
d) Memória ROM, memória RAM e cache.
c) Spam.
e) Mouse, teclado e impressora. d) Assinatura.
e) Threading.
51. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
INFORMÁTICA – FGV - 2018) Para saber qual é a versão
do browser Firefox Mozilla que está sendo usado, deve- 55. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
se clicar no seguinte item de menu: INFORMÁTICA – FGV - 2018) Ao navegar pela Internet,
o Firefox Mozilla armazena temporariamente imagens
a) Versão do Firefox. e partes de sites visitados para acelerar a navegação,
b) Sobre o Firefox. carregando as páginas visitadas mais rapidamente.
c) Atualização de Versão. Para apagar esse histórico, deve-se limpar o dado de
d) Configurações do Mozilla. navegação denominado
e) Conteúdo da Ajuda.
a) downloads efetuados.
52. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO b) dados de formulário.
EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) O dispositivo de c) favoritos.
armazenagem de dados que usa memória flash é d) cookies.
denominado e) cache.

a) CD. 56. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO


b) disco ótico. EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) No Google Chrome, é
c) disco magnético. possível navegar com privacidade sem salvar o histórico de
d) pendrive. navegação, cookies e informações fornecidas em formulários.
Esse tipo de navegação é indicado pela mensagem
LIVRO DE QUESTÕES - BB

e) DVD.
ilustrada a seguir.
53. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
BANCO DO BRASIL

INFORMÁTICA – FGV - 2018) Mensagens eletrônicas


com anexos grandes são, muitas vezes, rejeitadas pelos
servidores de e-mail.
Assinale a opção que indica, no Thunderbird Mozilla, o
recurso disponível que utiliza serviços de armazenamento
baseados na web, para enviar arquivos grandes em anexo.

58
Assinale a opção que indica o recurso utilizado pelo c) Executar o comando echo “X” | clip no prompt de co-
Google Chrome para navegar na Web com privacidade mando.
no modo sem rastros. d) Fechar o documento no Word.
e) Reiniciar o Windows.
a) A sincronização com dispositivos.
b) O bloqueio de pop-ups. 60. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
c) A navegação anônima. INFORMÁTICA – FGV - 2018) Considere uma planilha
d) O perfil supervisionado. Excel contendo os valores exibidos a seguir.
e) O isolamento de site.

57. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO


EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) No Firefox Mozilla,
Favoritos são atalhos para as páginas da web de maior
interesse.
Os Favoritos podem ser criados ao clicar na estrela na
barra de endereços, conforme ilustrado a seguir.

Considere ainda que o filtro recebeu as restrições abaixo,


aplicadas na ordem em que foram apresentadas:
O recurso do Firefox Mozilla que permite categorizar e
identificar os Favoritos com palavras-chave, facilitando Coluna A: apenas os valores Casa, Chácara, Terreno se-
sua localização, é lecionados;
Coluna C: apenas o valor R$ 1.200.000,00 selecionado.
a) a pasta.
b) a etiqueta. Assinale a opção que relaciona todas as linhas que, além
c) a gerência de extensão. dos títulos, permaneceram visíveis após a seleção apli-
d) o navegador padrão. cada.
e) as preferências.
a) 2.
58. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM b) 2 e 3.
INFORMÁTICA – FGV - 2018) No contexto do Windows c) 2, 4 e 5.
Defender e seus componentes, a verificação de vírus d) 2, 5 e 6.
e malware pode ser acionada na forma de full ou quick e) 3.
scan.
61. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
Com relação aos arquivos verificados, assinale a opção EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) Uma das opções do
que melhor caracteriza as diferenças da segunda forma comando “Salvar como” no MS Excel 2010 grava arquivos
em relação à primeira. com a extensão “.xlam”.
Assinale a opção que melhor caracteriza o conteúdo
a) Somente arquivos executáveis são verificados. usual desse tipo de arquivo.
b) Somente arquivos oriundos de fontes externas ao sis-
tema são verificados. a) Arquivos binários extensos.
c) Somente arquivos que não tenham sido verificados no b) Arquivos CSV.
período estipulado nas configurações são verificados. c) Estruturas XML.
d) Somente arquivos recentemente criados são verifica- d) Modelos.
dos. e) Suplementos.
e) Somente arquivos em locais com maior probabilidade
de infecção são verificados. 62. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM
INFORMÁTICA – FGV - 2018) Considere uma planilha
59. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM Excel onde as células A1 até A5 contêm, respectivamente,
INFORMÁTICA – FGV - 2018) Maria trabalhou na edição os valores 8, 5, 7, 3, 4, e as células B1 até B5 contêm,
de vários textos sigilosos no Word, e ao encerrar precisa respectivamente, os valores Pedro, Maria, João, Tito e
LIVRO DE QUESTÕES - BB

garantir que o clipboard do Windows não contenha Mariana.


trechos desses textos. Dado que a fórmula
BANCO DO BRASIL

Assinale a opção que não deveria ser utilizada por Maria =PROCV(MAIOR(A1:A5;1);A1:B5;2;FALSO)
para obter essa garantia.
foi digitada na célula B7, assinale o valor exibido nessa
a) Abrir uma página inofensiva no browser e acionar a célula.
tecla PrintScreen.
b) Copiar um texto inofensivo com Ctrl+C.

59
a) João. • Na célula F2 digita-se =E$2/SOMA(E2:E5);
b) Maria. • Seleciona-se a célula F2, pressiona-se o botão esquerdo
c) Mariana. do mouse no canto inferior direito e movimenta-se
d) Pedro. o cursor até as células F3, F4 e F5 serem selecionadas.
e) Tito. Solta-se o botão direito do mouse.
Formata-se as células F2, F3, F4 e F5 como: número,
63. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO porcentagem, duas casas decimais.
EM INFORMÁTICA – FGV - 2018) A empresa Y produz
e distribui peças para montadoras de eletrodomésticos. Assim, as células F2, F3, F4 e F5 exibirão, respectivamente,
Ela tem três fábricas e quatro centros de distribuição. os seguinte valores (separados por “–“ para clareza de
Cada centro de distribuição possui uma demanda mensal visual).
para atender a seus consumidores e têm diferentes
capacidades de armazenamento. Por sua vez, as fábricas a) 0,50 – 0,07 – 0,27 – 0,15.
possuem capacidades de produção mensal próprias. b) 50% – 07% – 27% – 15%.
Em função da distância entre as fábricas e os centros de c) 50,00% – 7,50% – 27,50% – 15,00%.
distribuição, os custos de envio também são diferentes d) 50,00% – 15,00% – 64,71% – 100,00%.
para cada trajeto. e) 50,00% – 100,00% – 117,65% – 333,33%.
O analista de logística da empresa tem a tarefa de chegar
à combinação que minimize o custo total (custo total 65. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - BANCO DE
de produção + custo total de produtos embarcados), DADOS – FGV - 2018) Ana Paula trabalha como secretá-
testando todas as soluções possíveis, a fim de identificar ria executiva em uma empresa de software e busca uma
quantas peças cada fábrica deve enviar para cada centro solução tecnológica para facilitar seu trabalho.
de distribuição.
O analista, para resolver esse problema combinatório, Ao pesquisar sobre o assunto, Ana Paula descobriu que o
deverá usar a seguinte ferramenta do MS Excel Windows 10 possui uma funcionalidade, chamada Win-
dows Ink, que é uma
a) formatação condicional.
b) macros. a) central de notificações do Windows.
c) solver. b) central de anotações rápidas focada em dispositivos
d) testes de hipóteses. com tela sensível ao toque.
e) filtro avançado. c) central onde se encontrará notificações de aplicativos
e ações rápidas.
64. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM d) central onde se reúne o Windows Defender, Firewall e
INFORMÁTICA – FGV - 2018) Analise o extrato de uma outros itens de segurança.
planilha de Excel denominada de Estoque, apresentada e) central do Windows que permite visualizar os aplicati-
a seguir. vos abertos e criar novas áreas de trabalho.

66. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - BANCO DE


DADOS – FGV - 2018) João recebeu a tarefa de melho-
rar a administração das estações de trabalho sob sua res-
ponsabilidade.

Essas estações possuem o sistema operacional Windows


10 e, durante uma pesquisa, ele identificou um recurso
chamado Windows Hello, cuja funcionalidade é

a) uma agente digital, que auxilia na realização de ta-


refas.
b) um navegador, que possibilita uma experiência de
web mais rápida e segura de realização de tarefas.
c) uma proteção abrangente, incluindo antivírus, fi-
rewall e Windows Defender.
d) a criação de desenhos, listas e notas autoadesivas.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

A seguinte sequência é efetuada (comandos/fórmulas e) uma credencial de acesso sem senha, que oferece um
em itálico e negrito; mouse configurado para o padrão modo mais rápido e seguro de desbloquear seus dis-
de destros; e usa-se “,” como divisor de casas decimais):
BANCO DO BRASIL

positivos.
• Na célula E2 digita-se =C2*D2; 67. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - BANCO DE
• Seleciona-se a célula E2, pressiona-se botão esquerdo DADOS – FGV - 2018) Aurélio trabalha no setor de siste-
do mouse no canto inferior direito e movimenta-se o mas operacionais de uma empresa de tecnologia e opera
cursor até as células E3, E4 e E5 serem selecionadas. diariamente o sistema operacional Windows 10 que pos-
Solta-se o botão direito do mouse; sui um recurso de janela de Configurações.

60
Aurélio, para interagir com essa janela por meio de um 72. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
atalho de teclado, pressiona simultaneamente as teclas No correio eletrônico Thunderbird Mozilla, “Assinaturas”
são blocos de texto adicionados automaticamente a cada
a) Windows + I . mensagem enviada. O Sr. João configurou sua assinatura
b) Windows + C . com o texto (T) e obteve o resultado (R):
c) Windows + K .
d) Windows + R
e) Windows + G .

68. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)


O formato livre (sem patente) de arquivos de imagem
recomendado pela W3C (World Wide Web Consortium)
utilizado na Internet é o

a) gif
b) png
c) bmp Para obter o resultado (R), o Sr. João utilizou a assinatura
d) jpeg em
e) jpg
a) texto simples.
69. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - b) HTML.
2018) As letras do alfabeto em um teclado podem c) arquivo.
estar organizadas de diferentes formas, dependendo do d) anexo.
seu layout. e) texto formatado.
No Brasil, os padrões de teclado certificados pela ABNT
são baseados no padrão 73. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
Colunas de tabelas no MS Access podem armazenar
a) HCESAR. diferentes tipos de dados. Assinale a opção que não faz
b) QWERTY. parte dos tipos disponíveis.
c) AZERTY.
d) DVORAK. a) Chave primária.
e) BR-Nativo. b) Memorando.
c) Sim/Não.
70. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018) d) Texto.
Memória são dispositivos que permitem um computador e) Moeda.
armazenar dados, temporária ou permanentemente.
74. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
Sobre os tipos de memória de um computador, assinale João preparou um longo documento no MS Word
a afirmativa correta. BR. Após a revisão no departamento de qualidade de
sua empresa, João foi informado que deve efetuar as
a) Disco rígido é um dispositivo de armazenamento vo- seguintes correções no texto:
látil.
b) Pen-drive é uma memória principal. I. Substituir todas as ocorrências de Assembleia, com ou
c) ROM é uma memória secundária. sem maiúsculas, para ASSEMBLEIA, com todas as letras
d) RAM é uma memória volátil. maiúsculas.
e) Disco ótico utiliza a mesma tecnologia da memória ca- II. Substituir todas as ocorrências de USA, em maiúsculas,
che. para Estados Unidos.
III. Substituir todas as palavras com a fonte Arial para a
71. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018) fonte Tahoma.
Anderson está navegando pela Internet e deseja saber as IV. Substituir todas as ocorrências de Brasil, grafada em
páginas do domínio .leg.br que contém seu nome. itálico, para BRASIL, grafada em negrito.
Para isso, usando o Google, Anderson deve fazer a
seguinte pesquisa refinada Assinale a opção que apresenta as substituições que po-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

dem ser integralmente realizadas por meio do comando


a) anderson related:.leg.br Substituir do Word.
BANCO DO BRASIL

b) anderson #.leg.br
c) @.leg.br anderson a) I e II, apenas.
d) anderson site:.leg.br b) I, II e III, apenas.
e) url:.leg.br Anderson c) I, III e IV, apenas.
d) II, III e IV, apenas.
e) I, II, III e IV.

61
75. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
– FGV - 2017) Pedro verificou o status da rede do
computador em que estava trabalhando. No Windows
10, a seguinte tela foi apresentada.

O recurso utlizado para realçar as células de interesse,


utilizando uma barra de dados, é:

a) Gráficos;
b) Classificação;
c) Estilos de Células;
Sobre o computador de Pedro, é correto afirmar que: d) Segmentação de Dados;
e) Formatação Condicional.
a) está no Modo Avião;
b) há uma conexão Bluetooth; 79. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –
c) é necessário configurar uma VPN; FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra diversos
d) está conectado à Internet por uma rede sem fio; itens de uma Biblioteca de Documentos do Windows 7.
e) foi criada uma conexão discada para acessar a Internet.

76. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) Para navegar na Internet é necessário
utilizar um programa do tipo browser, como o Internet
Explorer e o(a):

a) Google Chrome;
b) Painel de Controle;
c) Central de Rede e Compartilhamento;
d) Microsoft Word;
e) Central de Acessibilidade.

77. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA – O arquivo que possui o nome correspondente ao seu
FGV - 2017) Observe a seguinte figura, que ilustra uma tipo é:
planilha eletrônica elaborada no Microsoft Excel 2013.
a) Documento Word
b) Figura.xlsx
c) Pasta Compactada.zip
d) Pasta.bmp
e) Planilha Eletrônica.docx

80. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) A alternativa que apresenta o texto
formatado de acordo com a sua descrição é:

a) negrito
O resultado da fórmula =CONT.NÚM(B2:B4) é: b) itálico
c) sublinhado
a) 2 d)
b) 3 e)
c) 5
81. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) 10
e) 17 – FGV - 2017) Com relação à comunicação através de
Redes Computacionais, analise as afirmativas a seguir:
BANCO DO BRASIL

78. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –


FGV - 2017) Observe a seguinte figura, que, ilustra uma I. Para conectar dois computadores diretamente pelas
planilha eletrônica elaborada no Microsoft Excel 2013. suas respectivas placas de rede, é necessário um cabo
crossover.
II. A Intranet é uma rede de computadores de uso exclu-
sivo de uma empresa, que só pode ser acessada interna-
mente pelos seus funcionários.

62
III. Spam são mensagens de e-mail não desejadas e en- 83. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
viadas em massa para múltiplas pessoas que, normal- – FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra a
mente, possui propagandas indesejadas, códigos mali- representação de um documento elaborado no Micro-
ciosos e vírus diversos. soft Word 2013 no qual as páginas estão numeradas com
diferentes formatações.
Está correto o que se afirma em:

a) somente I;
b) somente II;
c) somente III;
d) somente I e II;
e) I, II e III.

82. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) Observe a seguinte figura, que ilustra Para adicionar números de página com diferentes
um documento editado no Microsoft Word 2013, com formatos em diferentes seções deve-se:
apenas uma pequena quantidade de texto na última
página. a) formatar números de página com quebra de seção
contínua;
b) inserir cabeçalho e rodapé com primeira página dife-
rente;
c) usar a ferramenta de partes rápidas com códigos de
campo;
d) dividir o documento em seções e verificar se estas se-
ções não estão vinculadas;
e) marcar o ponto em que uma página termina e a
próxima página começa.

84. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –


FGV - 2017) Davi elaborou um documento no Microsoft
Word 2013 que está sendo revisado por Paulo. Observe a
figura a seguir, que ilustra o balão de um comentário do
documento editado por Davi e Paulo no qual está regis-
trado o diálogo entre eles.
O recurso utilizado para evitar a impressão de uma
página extra, alterando ligeiramente o tamanho e o
espaçamento do texto, é:

a)

b)
O recurso utilizado por Davi é:

a) aceitar alteração;
c)
b) mostrar marcação;
c) responder comentário;
d) d) verificar acessibilidade;
e) selecionar destinatários.

e) 85. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) No Windows 7, para abrir o Menu Iniciar
LIVRO DE QUESTÕES - BB

deve-se pressionar a tecla:

a) ESC
BANCO DO BRASIL

b) TAB
c) ALT
d) CTRL
e) Logotipo do Windows

63
86. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA – a) ALT+TAB
FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra parte b) CTRL+ALT
da lista de arquivos sobre o Censo Agropecuário 2017 c) CTRL+TAB
armazenados no computador de Pedro com Windows 7 d) Logotipo do Windows
instalado.
e) Logotipo do Windows

88. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) Observe a figura a seguir que ilustra três
quadros numerados contendo elementos encontrados
em um sistema de arquivos.

A opção que associa corretamente o quadro numerado e


seu item sublinhado é:

a) 1- Nome do Arquivo; 2- Separador; 3- Complemento


do arquivo;
b) 1- Nome do Arquivo; 2- Complemento do arquivo; 3-
Pedro precisa filtrar os arquivos dos recenseadores que Separador;
não estão pendentes. Para isso, Pedro estabeleceu o se- c) 1- Diretório; 2- Nome do Arquivo; 3- Extensão do ar-
guinte critério de pesquisa sobre o nome do arquivo: quivo;
d) 1- Diretório; 2- Separador; 3- Complemento do arqui-
- Deve conter a palavra Recenseador; vo;
- Não pode conter a palavra Pendente; e e) 1- Separador; 2- Nome do Arquivo; 3- Extensão do
- Pode ser de qualquer tipo. Arquivo.

Para executar essa pesquisa, no Windows Explorer, Pedro 89. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –
deve utilizar o filtro: FGV - 2017) O Antivírus do departamento de tecnologia
da informação de uma empresa identificou que um pro-
a) “Recenseador” NOT Pendente grama de computador invadiu máquinas de funcionários
b) Recenseador (marca: -Pendente) do departamento e abriu portas através das quais é pos-
c) Recenseador?-Pendente (tipo: *) sível controlar os sistemas afetados sem que os usuários
d) (nome: Recenseador marca: -Pendente tipo: *) percebam.
e) (nome: Recenseador nome: ~!Pendente)
Esse tipo de ataque ou técnica encontrada pelo Antivírus
87. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA – é o:
FGV - 2017) Observe a seguinte tela do Windows 7.
a) backdoor;
b) bug;
c) bloatware;
d) dns poisoning;
e) adware.

90. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –


FGV - 2017) Entidades públicas e privadas vêm adotan-
do medidas para aumentar a proteção de seus usuários,
LIVRO DE QUESTÕES - BB

tornando mais difícil para um terceiro obter dados sensí-


veis. Uma dessas medidas visa prevenir o acesso à conta
BANCO DO BRASIL

do usuário, mesmo que o terceiro conheça a sua senha.


Essa medida requer que, além da senha, o usuário utilize
um dispositivo, ou outro método por ele aprovado, para
Para percorrer os botões da barra de tarefas usando o liberar acesso às informações da sua conta.
Aero Flip 3D, alternando entre janelas abertas, deve-se
pressionar as teclas: Essa medida refere-se à(às):

64
a) chave pública e chave privada; 93. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
b) senha forte; – FGV - 2017) A parte do sistema computacional que
c) verificação em duas etapas; realiza as instruções de um programa de computador
d) criptografia de senhas; executando operações básicas de aritmética, lógica e
e) chaves RSA. entrada/saída de dados é o(a):

91. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA – a)


FGV - 2017) Observe o seguinte recorte da imagem de
um texto elaborado no Microsoft Word 2013.

b)

c)

d)

e)

O recurso ativado que é útil para quando o documento


está quase concluído e há diversas pessoas trabalhando 94. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
nele é: – FGV - 2017) No Windows 10, para abrir a Central de
Ações, deve-se clicar no ícone:
a) inserir citação;
b) marcar entrada; a)
c) restringir edição;
d) controlar alterações;
e) comparar documentos. b)

92. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) O dispositivo de rede normalmente c)
usado para criar um acesso para Internet ou uma rede
de computadores sem a necessidade de cabos para
conectá-los é o: d)

a)
e)

b) 95. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) Paulo precisa selecionar alguns arquivos
para serem copiados, conforme ilustrado na figura a
seguir.
c)

d)
LIVRO DE QUESTÕES - BB

e)
BANCO DO BRASIL

65
Para selecionar mais de um dos arquivos que não estão c) Ethernet;
listados de forma sequencial, Paulo deve clicar em cada d) USB;
arquivo enquanto pressiona a tecla: e) VGA.

a) ALT 98. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA –


b) TAB FGV - 2017) No Windows 7, para capturar a imagem da
c) ESC janela ativa, aquela que está em primeiro plano na tela,
d) SHIFT devem-se pressionar a(s) tecla(s):
e) CTRL
a) ALT + PrintScreen
96. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA b) PrintScreen
– FGV - 2017) Observe os itens do Menu Iniciar do Win- c) Backspace
dows 10 enumerados na figura a seguir. d) Logotipo do Windows

e) Logotipo do Windows

99. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA


– FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra o
diagrama de um teclado genérico com agrupamentos de
teclas.

Ao clicar no item número 4 ( ), será possível acessar


O grupo de teclas número 2 representa teclas de:
a função:
a) Menu; a) função;
b) Conta; b) controle;
c) Ligar/Desligar; c) navegação;
d) Configurações; d) digitação alfanumérica;
e) Explorador de Arquivos. e) numeração.

97. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA 100. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO DE INFORMÁTICA
– FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra o
– FGV - 2017) Observe a figura a seguir, que ilustra um
dispositivo móvel com o cabo a ser conectado em um acesso ao site do IBGE disponível na Internet.
computador utilizado por Paulo.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

Com relação ao endereçamento de recursos na Internet,


BANCO DO BRASIL

analise as afirmativas a seguir:


Para transferir dados do dispositivo móvel para o
computador, Paulo deve conectar o periférico usando a I. www.ibge.gov.br/home/ é uma URL (Uniform Resour-
porta: ce Locator).
II. home é o local, de endereçamento lógico ou físico,
a) DVI; onde se encontra o recurso (ex.: arquivo) dentro do ser-
b) HDMI; vidor.

66
III. www.ibge.gov.br é o domínio principal que indica o
33 B
endereço do servidor.
34 E
Está correto o que se afirma em: 35 D
a) somente I; 36 D
b) somente II; 37 A
c) somente III;
38 A
d) somente I e II;
e) I, II e III. 39 D
40 B
41 B
42 B
GABARITO
43 C
1 E 44 E
2 E 45 B
3 D 46 D
4 B 47 E
5 D 48 A
6 C 49 A
7 E 50 A
8 C 51 B
9 C 52 D
10 A 53 D
11 B 54 C
12 C 55 E
13 E 56 C
14 C 57 B
15 A 58 E
16 C 59 D
17 E 60 A
18 A 61 E
19 B 62 D
20 D 63 C
21 C 64 E
22 E 65 B
23 B 66 E
24 B 67 A
25 B 68 B
26 A 69 B
27 D 70 D
LIVRO DE QUESTÕES - BB

28 C 71 D
72 B
BANCO DO BRASIL

29 D
30 C 73 A
31 E 74 E
32 D 75 D
76 A

67
77 B
NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO
78 E
79 C
1. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ESPECIALISTA
80 C EM POLÍTICAS PÚBLICAS – FGV - 2019) Uma startup de
81 E compartilhamento de patinetes elétricos, sediada no mu-
82 C nicípio de Salvador, recebe um aporte de capital de 10
milhões de dólares de uma empresa americana, com ob-
83 D jetivo de apoiar a expansão de seu negócio para toda a
84 C América Latina. Após o aporte, a startup decide realizar
um redesenho integral de seus processos, visando obter
85 E melhorias drásticas em seu desempenho para ter condi-
86 E ções adequadas para disputar o mercado internacional.
87 E
Assinale a opção que indica o nome da técnica utilizada
88 C pela startup.
89 A
a) Reengenharia
90 C b) BPMN
91 D c) Lean management.
d) Gestão para resultados.
92 A
e) Gerenciamento por diretrizes.
93 E
94 E 2. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ESPECIALISTA
EM POLÍTICAS PÚBLICAS – FGV - 2019) O fragmento a
95 E seguir está no site da Prefeitura de Salvador, na seção da
96 D Secretaria de Fazenda.
97 D
“Assegurar e gerir, com transparência e efetividade, os
98 A recursos financeiros para a manutenção e o desenvolvi-
99 A mento do município”.

100 E O fragmento define o planejamento estratégico do ór-


gão. Assinale a opção que o identifica.

a) Missão
b) Valores
c) Princípios
d) Visão
e) Ideologia

3. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ESPECIALISTA


EM POLÍTICAS PÚBLICAS – FGV - 2019) Em determi-
nada organização, o administrador se baseia na teoria
situacional para liderar seus subordinados.

Seguindo essa teoria, ao reconhecer que possui subor-


dinados competentes e dispostos, o administrador deve
assumir uma postura de
a) direção
b) persuasão
c) orientação
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) delegação
e) participação
BANCO DO BRASIL

68
4. (PREFEITURA DE SALVADOR - BA – ESPECIALISTA e de outros clientes internos e externos. Recentemente,
EM POLÍTICAS PÚBLICAS – FGV - 2019) Ao discutir seu chefe perguntou por que ela não havia respondido
os preparativos para o Carnaval de 2020, o Governo da adequadamente a uma determinada mensagem, em que
Bahia decide montar um plano de segurança com a Po- eram solicitadas informações para um novo projeto.
lícia Militar para combater os furtos ocorridos durante A barreira à comunicação que melhor explica o que pode
o evento. No entanto, devido à limitação de contingen- ter havido é:
te polícia disponível, o plano irá focar apenas as regiões
com o maior número de furtos. a) canal inadequado;
b) percepção seletiva;
Assinale a opção que contém a ferramenta adequada c) linguagem;
para ser utilizada nessa situação. d) sobrecarga de informações;
e) filtragem.
a) Ciclo PDCA
b) Diagrama de Pareto 8. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO -
c) 5W2H ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) O di-
d) Diagrama de Árvore retor administrativo de uma fundação de pequeno porte,
e) Gráfico de Dispersão com atuação restrita a um município, gostaria de dese-
nhar um sistema de controle como forma de monitorar
5. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO - o desempenho de processos e pessoas. A fundação tem
ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) A De- poucos níveis hierárquicos, a cultura organizacional é
fensoria Pública do Estado do Rio de Janeiro decide pro- participativa e, uma vez que o trabalho dos funcionários
mover um mutirão para oferecer assistência jurídica aos é altamente especializado, a liderança do órgão sempre
presos, visando reduzir a população carcerária do Estado leva em consideração a opinião e os pareceres técnicos
em 10%. dos funcionários, constituindo um estilo democrático de
Após a apuração do resultado do mutirão, verificou-se liderança.
que a redução foi de apenas 5%, permitindo a constata- Tendo em vista as características de um sistema de con-
ção de que o mutirão foi falho em relação à: trole eficaz, seria adequado adotar, no contexto descrito,
os seguintes controles:
a) eficiência;
b) eficácia; a) definição de padrões de desempenho; controle por
c) excelência; motivação interna;
d) economicidade; b) avaliações de desempenho por comissões; definição
e) execução. de código de ética;
c) controle por imposição externa; avaliação de desem-
6. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO - penho 360 graus;
ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Deter- d) ajuste mútuo; balanced scorecard;
minado dirigente de órgão público vinculado à Defenso- e) formalização das atribuições e responsabilidades; au-
ria Pública recebe a incumbência de implementar a ges- ditoria externa.
tão por resultados no âmbito das atividades do órgão.
9. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO -
Com base no contexto e nas propostas da gestão por ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Em to-
resultados, é correto esperar que o dirigente promova, das as organizações, o trabalho dos funcionários é objeto
como uma de suas ações: do processo de controle, para garantir que os esforços
sejam coordenados e direcionados ao atingimento dos
a) a equiparação remuneratória entre as carreiras do ór- objetivos organizacionais. Assim, técnicas comportamen-
gão, inibindo o conflito disfuncional; tais de controle são empregadas para assegurar que os
b) a reformulação incremental da cultura organizacional, funcionários estejam fazendo o que a organização espe-
visando à verticalização da linha de comando; ra deles.
c) o desenvolvimento dos mecanismos de prestação de
contas, permitindo aumento da responsabilização dos É uma técnica de controle comportamental, entre outras:
servidores;
d) a redução das tarefas executadas no órgão, garantin- a) levantamento das necessidades de treinamento;
do a majoração do índice de produtividade; b) delegação de autoridade;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

e) a implementação de bonificação por tempo de serviço, c) desenho de cargos;


efetivando a utilização dos incentivos procedimentais. d) processo decisório participativo;
e) mapeamento de competências.
BANCO DO BRASIL

7. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO -


ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Uma
gerente recebe diariamente cerca de 200 e-mails com
as mais variadas informações: notícias selecionadas de
jornal, comunicações internas, comunicações do sindica-
to, além dos emails do seu chefe, de seus subordinados

69
10. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO - 12. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO -
ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Em um ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Um
órgão público foram efetivados cinco novos funcionários funcionário que ocupava um cargo de supervisor na área
no setor financeiro, alocados na equipe responsável pelo de recursos humanos de uma organização de grande
pagamento a fornecedores. Os funcionários têm pouca porte dedicava boa parte do seu tempo à distribuição,
experiência profissional, e o gerente responsável pelo entre os membros da sua equipe, das atividades e dos
setor gostaria de adotar formas de controle para evitar recursos necessários à sua realização. Ao ser promovido
erros nos procedimentos de pagamento. ao cargo de gerente, passou a se dedicar à representa-
Seriam formas de controle preventivo e de controle si- ção da organização em negociações com sindicatos. O
multâneo adequadas ao caso descrito, respectivamente: papel desempenhado pelo funcionário como supervisor
e o papel desempenhado como gerente são, respectiva-
a) definição de critérios para autorização de pagamentos; mente:
supervisão direta;
b) definição de regras de conduta; feedback de desem- a) interpessoal, de líder; interpessoal, de negociador;
penho; b) decisório, de administrador de recursos; decisório, de
c) definição de alçadas decisórias de gastos; elaboração negociador;
de código de ética; c) decisório, de solucionador de conflitos; informacional,
d) definição de limites de gastos sem licitação; controle de porta-voz;
estatístico dos processos; d) informacional, de monitor; interpessoal, de símbolo;
e) definição das competências necessárias ao cargo; tra- e) decisório, de administrador de recursos; informacional,
balho em equipe. de porta-voz.

11. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO 13. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE


- ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) A POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL
figura abaixo representa a departamentalização em uma – FGV - 2018) O conceito de estrutura organizacional
organização fictícia XPTO. tem relação com divisão de cargos e atividades. Supondo
que uma sociedade empresária deseje maximizar a
autoridade do gerente de projetos, seria adequado que
ela adotasse uma estrutura organizacional

a) funcional.
b) linear.
c) por desempenho.
d) projetizada.
e) por clientes.

14. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE


POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
FGV - 2018) A startup XYZ, que desenvolve aplicativos
para smartphones, descobre que as principais fabricantes
do aparelho vão passar a utilizar um sistema operacional
incompatível com seus produtos. Visando realizar uma
análise do ambiente do mercado para orientá-la na
definição de sua estratégia, a startup opta por utilizar a
ferramenta conhecida por matriz SWOT, classificando a
atitude das fabricantes como

a) oportunidade.
b) força.
c) fraqueza.
d) ameaça.
e) neutralidade.
O tipo de departamentalização adotado pela XPTO e
LIVRO DE QUESTÕES - BB

uma de suas vantagens são, respectivamente: 15. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE


POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
a) funcional; agrupar especialistas;
BANCO DO BRASIL

FGV - 2018) Uma nova lei é editada prevendo que todos


b) funcional e por processo; favorecer a inovação; os novos taxistas, a partir da edição da lei, deverão ter
c) por produto e por processo; maximizar os ganhos na curso superior.
cadeia de valor; Conforme a concepção do modelo das 5 forças propos-
d) por produto; promover a descentralização; to por Michael Porter, essa medida pode ser entendida
e) por cliente; apresentar menores custos operacionais. como

70
a) a criação de uma barreira de entrada a novos concor- 19. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
rentes. POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
b) o aumento do poder de barganha dos consumidores. FGV - 2018) Eugênia, para adotar um estilo de liderança
c) uma intervenção protecionista no domínio econômico. mais adequado em uma organização não governamental
d) um incentivo governamental à educação. (ONG) de proteção dos direitos humanos, decidiu fazer
e) a ampliação da competitividade no setor. uma pesquisa sobre o assunto na Biblioteca Municipal.
Após alguns dias, Eugênia se depara com o modelo de-
16. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE nominado continuum de liderança e verifica que precisa
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL – analisar três conjuntos de forças para encontrar o estilo
FGV - 2018) Ao analisar os indicadores estratégicos de de liderança mais adequado para seu contexto.
sua companhia, João Pedro verificou que as faltas dos Assinale a opção que os indica.
funcionários eram um problema recorrente.
Em relação ao mapa estratégico, a companhia possui a) Forças no administrador, nos subordinados e situacio-
uma situação adversa sob a perspectiva nais.
b) Forças estratégicas, interpessoais e contingenciais.
a) financeira. c) Forças hierárquicas, relacionais e ambientais.
b) dos clientes. d) Forças no administrador, interdepartamentais e am-
c) de processos internos. bientais.
d) de processos externos. e) Forças hierárquicas, relacionais e situacionais.
e) de aprendizado e crescimento.
20. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
17. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL – FGV - 2018) Para que o gerenciamento por diretrizes fun-
FGV - 2018) Leia a frase a seguir. cione adequadamente, é imprescindível que se consiga
alinhar a estratégia da empresa com cada um dos níveis
“As Lojas Piririco têm o prazer de anunciar o apoio ao organizacionais, utilizando-se para isso dois sistemas de
projeto social ´música para todos´ na comunidade Vila gerenciamento, o interfuncional e o funcional.
Carente”. Com base nesses sistemas, relacione as características a
seguir assinalando (I) para interfuncional e (F) para fun-
A frase pode ser considerada um exemplo de comuni- cional.
cação
( ) Desdobramento das Diretrizes
a) mercadológica. ( ) Manutenção de Padrões
b) institucional. ( ) Solução de problemas prioritários da alta administração
c) administrativa. ( ) Gerenciamento da rotina
d) financeira.
e) assistencial. Assinale a opção que relaciona corretamente as carac-
terísticas.
18. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL – a) I – I – F – F.
FGV - 2018) Um empresário do setor de commodities, b) F – F – I – F.
após participar de um workshop sobre gestão, decide c) F – I – F – I.
aplicar uma política salarial em sua empresa pela qual to- d) I – F – I – F.
dos receberiam um salário base mais uma comissão em e) F – F – I – I.
função da produtividade, pautando-se na ideia de que os
esforços são exclusivamente relacionados aos incentivos 21. (PREFEITURA DE NITERÓI - RJ – ANALISTA DE
financeiros. POLÍTICAS PÚBLICAS E GESTÃO GOVERNAMENTAL –
Esse entendimento do empresário tem influência da FGV - 2018) O ciclo PDCA, uma das principais ferramentas
utilizadas na gestão de qualidade, parte do princípio de
a) abordagem clássica, remetendo ao conceito do homo que o planejamento
economicus.
b) abordagem sistêmica, a qual considera a interação do a) possui caráter dinâmico, devendo ser atualizado pe-
homem com os fatores extrínsecos. riodicamente.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

c) abordagem contingencial, enfatizando a dependência b) é prejudicial para a adaptabilidade da empresa às mu-


entre a estrutura organizacional e o ambiente no qual danças do mercado, gerando uma rigidez que limita o
está inserida. crescimento.
BANCO DO BRASIL

d) abordagem estruturalista, priorizando a eficácia à for- c) tem a função de ser o principal orientador da organiza-
ma. ção, devendo ser claro, objetiva e imutável.
e) abordagem humanística, ressaltando as necessidades d) está inserido dentro da função administrativa de con-
básicas do ser humano associadas às finanças. trole.
e) faz a ponte entre a ação e a correção, responsáveis
pelo processo de gestão.

71
22. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 25. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) LEGISLATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV
Os cidadãos pagam impostos e esperam receber serviços - 2018) Dentre as funções administrativas clássicas,
de qualidade da Administração Pública. Para aumentar a afetas ao gestor de serviços gerais, aquela que envolve a
satisfação dos cidadãos com os serviços públicos, gesto- verificação do alcance das metas e objetivos planejados
res podem utilizar a teoria das filas ou de espera para o e a adoção de ações corretivas para eventuais desvios é
planejamento e controle da capacidade. o(a):

Em relação à teoria das filas ou de espera, é correto afir- a) gestão;


mar que: b) organização;
c) controle;
a) a utilização da gestão de filas é indicada quando é d) planejamento;
possível estocar os produtos acabados; e) direção.
b) utiliza-se a gestão de filas quando a chegada das de-
mandas individuais é fácil de se prever ou o tempo 26. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
para produção de um produto ou serviço é certo, ou LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
em ambos os casos; No final do ano, vereadores do Município de Vitória Ana
c) na gestão de filas, a demanda pode ser satisfeita ins- passaram um final de semana em um hotel de Guaratin-
tantaneamente em todos os momentos; guetá para desenharem a nova estrutura organizacional
d) ao estocar os serviços, a fila será otimizada e os clien- da Câmara de Vereadores. Decidiram sobre a divisão do
tes serão atendidos mais rapidamente; trabalho entre eles, bem como a divisão de responsabili-
e) se o número de clientes em uma fila já atingiu o núme- dades e autoridades na estrutura hierárquica.
ro máximo permitido, os clientes podem ser rejeitados A função administrativa que melhor expressa esse con-
pelo sistema. texto é:

23. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- a) decisão;


LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) b) controle;
Um posto de saúde público precisa aperfeiçoar suas ati- c) divisão;
vidades de controle e planejamento para atender melhor d) liderança;
a seus pacientes. e) organização.
Quanto ao planejamento e controle da produção e ope-
rações, é correto afirmar que: 27. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
a) controle é a formalização do se pretende que ocorra A prefeitura do Município de Ferreira Bezerra pretende
em certo prazo no futuro; transferir a atribuição de fiscalizar as condições de ensi-
b) plano é o monitoramento do que acontece e a execu- no-aprendizagem de escolas municipais da Secretaria de
ção de eventuais mudanças; Educação para o topo da própria Prefeitura, ou seja, irá
c) carregamento é a quantidade de trabalho alocado centralizar tais serviços.
para um centro laboral, podendo ser finito e infinito; Um dos pontos fortes da centralização é:
d) demanda dependente é aquela que é imprevisível;
e) sequenciamento é a conciliação do potencial de ope- a) foco maior nas condições locais;
ração com a demanda de seus clientes. b) disponibilidade maior de tempo dos gestores de topo
para outras funções;
24. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA c) decisão mais distanciada dos fatos locais e das circuns-
LEGISLATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV tâncias;
- 2018) Em relação aos objetivos de desempenho da d) processo decisório mais consistente com os objetivos
Administração da Produção e de Operações, é correto globais da organização;
afirmar que: e) participação maior dos empregados operacionais nas
decisões.
a) qualidade significa fazer barato as coisas;
b) confiabilidade significa quanto tempo os consumido- 28. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
res precisam esperar para receber seus produtos ou LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
serviços; A estrutura organizacional é representada pelo orga-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

c) marca significa fazer as coisas em tempo para os clien- nograma, no qual se encontram diversas informações,
tes receberem seus produtos conforme prometido; como a divisão do trabalho, a cadeia de comando e a
d) flexibilidade significa a capacidade de mudar a ope- comunicação organizacional.
BANCO DO BRASIL

ração; O organograma no qual se encontram abaixo da Pre-


e) custo significa o preço final a ser pago pelo cliente. sidência as unidades de trabalho especializadas, como
Direção de Marketing, Direção de Finanças, Direção da
Produção e Operações, e Direção de Recursos Humanos,
caracteriza uma organização:

72
a) por produto; 32. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
b) funcional; LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
c) por clientes; A comunicação é um dos maiores problemas nas organi-
d) gerencial; zações, sejam elas públicas, privadas ou do terceiro setor.
e) departamental. Em relação à direção da comunicação nas organizações,
é correto afirmar que a comunicação:
29. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) a) horizontal pode ser dividida em ascendente e descen-
Após o estágio probatório, um servidor foi convidado dente;
para ser o novo gerente de controle de sua organiza- b) ascendente é a que se dirige aos empregados opera-
ção, pois sua performance nos serviços administrativos cionais;
de controle foi excepcional. c) lateral ocorre entre gestores e empregados de for-
A função administrativa controle tem como finalidade: ma bottom-up;
d) horizontal ocorre entre membros de um mesmo grupo;
a) dividir os recursos e as tarefas, bem como as autorida- e) descendente é a que se dirige aos escalões superiores.
des entre os membros;
b) planejar os objetivos e as estratégias para alcançá-los; 33. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA
c) controlar as pessoas para que cumpram ordens com LEGISLATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV -
eficiência e sem questionamento; 2018) A comunicação formal da Câmara dos Vereadores
d) direcionar as pessoas para o desenvolvimento de suas de certo município está sendo realizada por meio do
atividades; Twitter e do Facebook, que nesse caso são exemplos de:
e) monitorar e assegurar que os objetivos definidos este-
jam sendo alcançados. a) emissores;
b) fontes;
30. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- c) receptores;
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) d) canais;
O presidente da Câmara de Vereadores do município de e) codificadores.
Helloá Regina recebeu as seguintes metas para 2018:
elaborar o orçamento para o próximo ano e dividir os 34. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
recursos e as tarefas entre os vereadores do município. LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
Ao trabalhar nessas metas, o presidente estará exercen- Os trabalhos em grupo e em equipe são muito comuns
do, respectivamente, as seguintes funções administrati- nas organizações públicas e privadas. Mas nem sempre o
vas: trabalho em equipe é a melhor solução.
Uma desvantagem do trabalho em equipe é:
a) controle e organização;
b) planejamento e liderança; a) desestimular a criatividade organizacional;
c) direção e controle; b) dificultar o desenvolvimento de lideranças;
d) controle e direção; c) requerer menor número de reuniões;
e) planejamento e organização. d) dificultar a participação dos funcionários nas decisões;
e) exigir maiores demandas de comunicação.
31. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) 35. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
Uma organização pública pode ser considerada como LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
um grupo estruturado de pessoas que trabalham juntas Um servidor administrativo foi convidado a assumir a
para alcançarem objetivos para satisfazer a sociedade. chefia do departamento de atendimento a clientes. Após
Tais organizações podem variar em diversas maneiras, sua apresentação aos subordinados, ele disse que acre-
mas o importante é que procurem trabalhar de forma dita no potencial do trabalho em grupo.
eficaz, eficiente e efetiva. Em relação a equipes e grupos de trabalho, é correto
Em relação à eficácia, à eficiência e à efetividade nas or- afirmar que:
ganizações, é correto afirmar que:
a) o trabalho em grupo gera sinergia positiva por meio
a) um empregado é considerado eficaz quando sua pro- do esforço coordenado;
dutividade é alta; b) o trabalho em equipe costuma tomar mais tempo e
b) a efetividade está relacionada à minimização dos re- consumir mais recursos que o trabalho individual;
c) o trabalho em equipe é aquele em que se interage
LIVRO DE QUESTÕES - BB

cursos utilizados, sejam eles recursos como tempo,


pessoas, capital ou equipamento; basicamente para compartilhar dados, informações e
auxiliar cada membro a atingir suas próprias metas;
BANCO DO BRASIL

c) a eficiência está mais relacionada com a escolha dos


objetivos mais apropriados e ausência de desperdí- d) nos grupos de trabalho, as habilidades são complemen-
cios; tares e a responsabilidade pode ser individual ou mútua;
d) a eficácia tem ênfase nos processos e a eficiência nos e) as equipes multifuncionais são grupos de funcionários
resultados; que realizam trabalhos muito relacionados ou interde-
e) a eficiência está relacionada com fazer bem as coisas, pendentes e assumem muitas das responsabilidades
utilizando o mínimo de recursos. que cabiam a seus superiores hierárquicos.

73
36. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 39. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
A motivação é um dos principais fatores a afetar a perfor- Leia o fragmento a seguir.
mance do empregado no seu trabalho.
Acerca dos estudos de motivação no trabalho, é correto Liderança pode ser definida como a capacidade de
afirmar que: um conjunto de para alcançar me-
tas e objetivos. Apesar da organização conferir aos seus
a) a Teoria X sustenta que os funcionários não gostam de gestores a formal, isso não lhes garante uma
trabalhar, evitam responsabilidades e são preguiçosos; capacidade de liderança eficaz.
b) a hierarquia ou pirâmide das necessidades de Maslow
consiste em cinco necessidades, sendo que a inferior é A opção que completa corretamente as lacunas do frag-
a fisiológica e a superior é a estima; mento acima é:
c) a Teoria da Equidade ou da Justiça Organizacional de-
fende que os servidores do Executivo ou Legislativo a) gerenciar – negócios – capacidade;
procuram comparar sua remuneração com a dos ser- b) motivar – subordinados – eficiência;
vidores do Poder Judiciário; c) mobilizar – recursos – hierarquia;
d) a Teoria do Reforço foca nas condições internas do d) motivar – gestores – liderança;
indivíduo, ou seja, na sua motivação intrínseca; e) influenciar – pessoas – autoridade.
e) a Teoria da Expectativa ou da Expectância consiste em
esperar de seus empregados uma performance abaixo 40. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
da média, caso estejam desmotivados. EM SEGURANÇA DO TRABALHO – FGV - 2018) O ciclo
PDCA propõe uma sequência de ações com o objetivo
37. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- de melhorar o processo de implantação de programas
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018) de gestão. Estas ações consistem em planejar, executar,
Muitos servidores administrativos de certa prefeitura en- verificar e atuar.
contram-se desmotivados. De acordo com a metodologia do ciclo PDCA, assinale a
Segundo a teoria dos dois fatores de Frederick Herzberg, opção que apresenta um exemplo correto da ação veri-
sobre a motivação no trabalho, é correto afirmar que: ficar.

a) o aumento do salário dos servidores não é considera- a) Organizar palestras sobre riscos no ambiente de tra-
do um fator motivacional; balho para conscientizar o corpo de funcionários de
b) os fatores higiênicos vão motivar tais servidores; uma empresa.
c) as necessidades de realização, poder e afiliação expli- b) Avaliar e definir prioridades de atuação para mitigação
de riscos no processo produtivo de uma empresa.
cam a motivação no trabalho;
c) Levantar dados sobre a redução do número de aciden-
d) o estabelecimento de objetivos específicos, como fee-
tes entre os empregados que participam de palestras
dback, conduz a melhores desempenhos;
sobre segurança no trabalho.
e) um acréscimo na remuneração dos servidores aumen-
d) Intervir para adequar o conteúdo passado aos funcio-
tará suas motivações.
nários, caso não haja redução nos níveis de acidentes
de trabalho.
38. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
e) Elaborar cartilhas de melhores práticas para segurança
LATIVO MUNICIPAL - SERVIÇOS GERAIS – FGV - 2018)
ocupacional específica para o ramo de atividade da
Nem todos os administradores são líderes e nem todos
empresa.
os líderes são administradores. Liderança e administra-
ção são dois termos próximos, mas que costumam ser
41. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
confundidos. EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) Assinale a opção que
Em relação aos líderes transformacionais, é correto afir- apresenta o conceito de Balanced Scorecard.
mar que eles:
a) É o sistema de informação que reúne indicadores de
a) negociam a troca de recompensas por esforço e reco- desempenho que servem de base para um mapa es-
nhecem as conquistas; tratégico construído a partir dos indicadores financei-
b) administram por exceção: intervêm apenas quando os ros.
padrões não são alcançados; b) É a ferramenta de gestão que se traduz em um mapa
c) procuram e observam os desvios das regras e dos pa- estratégico, em que são apresentados os índices de
LIVRO DE QUESTÕES - BB

drões, tomando as atitudes corretivas necessárias; qualidade e as medidas financeiras do desempenho


d) inspiram seus liderados a transcender os próprios inte- passado.
resses pelo bem da organização ou do grupo;
BANCO DO BRASIL

c) É o conjunto de indicadores que representa problemas


e) têm uma gestão laissez-faire, oposta à gestão auto- ou riscos potenciais, através de quantificações que
crática. buscam estabelecer prioridades para abordá-los.
d) É a ferramenta que permite o mapeamento dos pro-
cessos da organização e a padronização dos mesmos,
visando à melhoria da qualidade e à redução de cus-
tos.

74
e) É o sistema que traduz a missão e a estratégia da em- 44. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
presa em um conjunto de medidas de desempenho EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) Assinale a opção que
que serve de base para um sistema de medição e ges- apresenta as normas de gestão da qualidade da série ISO
tão estratégica. 9000:2008.

42. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM a) A série de normas ISO 9000 se aplica exclusivamente
LOGÍSTICA – FGV - 2018) às empresas de grande porte do ramo industrial.
Leia o trecho a seguir. b) O escopo do sistema de gestão da qualidade define
a abrangência dos processos que serão cobertos por
Trata-se de um programa que associa um enfoque ele, porque a organização não pode implementar um
estatístico a um arsenal de ferramentas que são sistema de gestão da qualidade com escopo limitado
empregadas a fim de caracterizar as fontes da variabilidade a alguns processos.
e demonstrar como esse conhecimento pode controlar c) A organização descobre que não pode aplicar certos
e aperfeiçoar os resultados do processo. Concentra-se requisitos da norma ISO 9001; ela deve proceder às
na diminuição ou na eliminação da incidência de erros, modificações necessárias, pois todos os requisitos de-
defeitos e falhas em um processo. Este programa surgiu vem ser atendidos.
na Motorola, na década de 80, com o objetivo de auxiliar d) A empresa deve manter um manual da qualidade que
a resolução de seus problemas de qualidade, com um inclua o escopo do sistema de gestão da qualidade,
forte apelo na obtenção de resultados. Sua metodologia incluindo detalhes e justificativas para quaisquer ex-
sistematizada é composta pelos métodos DFSS e DMAIC. clusões.
e) Quando uma empresa implementa o sistema de ges-
Assinale a opção que indica o programa/método tão da qualidade de seus processos, seu produto rece-
apresentado no trecho acima. be um selo de qualidade ISO 9000.

a) PMBOK 45. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO


b) Reengenharia. EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) A abordagem da Nova
c) Six Sigma. Liderança avalia o líder como um articulador, alguém
d) COBIT. capaz de dar e gerir significados e a liderança é percebida
e) SWOT. como transformacional e visionária.
Sobre uma das subcategorias da Nova Liderança, assinale
43. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO EM a afirmativa correta.
LOGÍSTICA – FGV - 2018) A norma ISO 9001:2008, no item
Requisitos Gerais paraum Sistema de Gestão da Qualidade, a) Na liderança carismática, o líder é obedecido devido às
define as etapas que a organização deve executar. suas qualidades excepcionais. Ele envolve os colabo-
Assinale a opção que apresenta uma das etapas para radores com os objetivos estabelecidos, dominando-
implementação de um sistema de gestão da qualidade. -os intelectualmente.
b) Na liderança transformacional, o líder usa a legitimida-
a) Determinar os processos necessários para o sistema de e a autoridade inerentes ao seu cargo para exercer
de gestão da qualidade e sua aplicação por toda a or- o seu poder.
ganização, bem como a sequência e interação desses c) Na liderança transacional há um forte comprometi-
processos, que pode ser obtido pelo mapeamento dos mento com ideias visionárias. O líder ajuda a pensar e
processos. a desafiar ideias, a buscar motivos potenciais em seus
b) Definir os indicadores de desempenho que represen- seguidores.
tem qualitativamente as características dos produtos d) Na liderança carismática, o líder busca a obediência
e processos, a fim de melhorar a qualidade ao longo do seguidor por meio de trocas e recompensas, que
do tempo. podem ser econômicas, psicológicas ou políticas.
c) Comunicar à organização sobre a importância de aten- e) A liderança transacional atua com base no envolvi-
der os requisitos dos clientes, com o propósito de au- mento emocional entre líder e liderados. Não há espa-
mentar a satisfação dos clientes ço para questionamentos.
d) Determinar a competência necessária dos profissio-
nais, o que pode afetar a conformidade com os requi- 46. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO
sitos de produto e avaliar a eficácia das ações executa- EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) Considerando a análise
das. Essas pessoas devem ser competentes, com base de viabilidade, em que a situação operacional deve ser
LIVRO DE QUESTÕES - BB

em educação, treinamento, habilidade e experiência avaliada, sabe-se que a determinação das modificações
apropriados. a serem conduzidas no sistema atual fazem parte do
e) Realizar uma auditoria prévia à implementação de projeto e planejamento logístico.
BANCO DO BRASIL

qualquer requisito do Sistema de Gestão da Qualida-


de, para traçar as etapas que deverão ser seguidas em A análise de viabilidade inclui diferentes aspectos,
função das especificidades da empresa. sendo um deles o desenvolvimento de procedimentos
para integrar as descobertas das avaliações interna, do
mercado e da tecnologia. Este aspecto constitui

75
a) a análise situacional. 50. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA
b) a lógica de apoio. DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) A comunica-
c) os pressupostos e a coleta de dados. ção organizacional se utiliza de redes para disseminar
d) a estimativa do custo/benefício. informações, podendo variar entre modelos formais e
e) o desenvolvimento de recomendações. informais. Relacione as características relativas às redes
de comunicação formais, listadas a seguir, às suas clas-
47. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO sificações.
EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) As atividades logísticas
devem ser tratadas como processo contínuo, cujo 1 É estruturada de acordo com a hierarquia da organi-
desempenho deve ser monitorado, a fim de aprimorar o zação.
processo logístico. Os indicadores de desempenho são 2 As informações perdem qualidade ao serem retrans-
fundamentais para o sucesso e a melhoria contínua da mitidas.
qualidade desses processos, favorecendo os resultados 3 A comunicação é centralizada em torno de uma pessoa.
do negócio.
Dentre as opções a seguir, assinale a que não trata de um ( ) Tipo cadeia
indicador de desempenho logístico. ( ) Tipo Círculo
( ) Tipo Roda
a) Nível de serviço de entregas.
b) Custos de devoluções. Assinale a opção que apresenta a relação correta, segun-
c) Acuracidade de inventário. do a ordem apresentada.
d) Benchmarking de produto.
e) Índice de avarias e extravios. a) 1 – 2 – 3.
b) 1 – 3 – 2.
48. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO - TÉCNICO c) 2 – 3 – 1.
EM LOGÍSTICA – FGV - 2018) Leia o fragmento a d) 2 – 1 – 3.
seguir. e) 3 – 2 – 1.

Trata-se de um sistema integrado de gestão, que possibilita 51. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA
um fluxo de informações por toda a empresa, sob uma DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) Leia o trecho
única base de dados. É um instrumento para a melhoria a seguir.
dos processos de negócio, como a produção, as compras
ou a distribuição, com informações on-line e em tempo “Em troca do compromisso de desnuclearização, os EUA
real. se comprometeram a interromper os exercícios milita-
res conjuntos com a Coreia do Sul, exercícios que desa-
Assinale a opção que identifica o programa ou o sistema gradaram o líder norte-coreano durante as negociações
a que se refere o fragmento acima. para a cúpula desta terça e quase fizeram ruir o encon-
tro.”
a) Intercâmbio eletrônico de dados (Eletronic Data Inter- Folha de São Paulo, junho de 2018.
change-EDI).
b) Postergação na Manufatura (Postponed Manufactu- Considerando a metodologia de gestão de conflitos pro-
ring). posta por Kenneth Thomas, verifica-se na situação uma
c) Planejamento dos Recursos da Empresa (Enterprise Re- postura de
sources Planning- ERP).
d) Negócios Eletrônicos (E-business). a) abstenção.
e) Sistema de Gerenciamento de Armazéns (Warehouse b) colaboração.
Management System- WMS). c) competição.
d) evitamento.
49. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA e) concessão.
DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) A gestão por
resultados permite maior flexibilidade aos colaborado- 52. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA
res da organização, enfatizando o alcance dos resultados DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) Diferentemente
finais. do conceito de grupo de trabalho, que independe das
Sendo assim, em um modelo de gestão por resultados, é características de cada integrante, a equipe de trabalho
LIVRO DE QUESTÕES - BB

imprescindível a presença de pressupõe

a) técnicas relativistas. a) a coerência entre os papéis do grupo e o desenvolvi-


BANCO DO BRASIL

b) grades gerenciais. mento de direções autocráticas.


c) estruturas matriciais. b) a existência de habilidades homogêneas que ao serem
d) atividades interdependentes. combinadas impedem a predominância do comporta-
e) indicadores de desempenho. mento sinérgico.
c) a delegação compartilhada de atribuições que propor-
ciona a propagação do efeito carona.

76
d) um desempenho coletivo sinérgico, em que as compe- a) quantidade de equipes multifuncionais;
tências dos membros se complementam. b) número de sugestões geradas;
e) o relacionamento intrapessoal de alta confiança inibin- c) amplitude das classificações por avaliação de desem-
do as atividades de conservação. penho;
d) porcentagem de empregados participando de treina-
53. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA mento;
DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) Assinale a e) qualidade das equipes multifuncionais.
opção que apresenta um exemplo de terceirização.
57. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - RECURSOS HU-
a) A compra de matéria-prima para a fabricação de pães MANOS – FGV - 2017) O planejamento estratégico de
por um supermercado. gestão de pessoas refere-se à forma pela qual a função
b) A convocação de um advogado para mediar um pro- de gestão de pessoas contribui para o atingimento dos
cesso de divórcio. objetivos organizacionais, alinhando as competências
c) A admissão de um enfermeiro para realizar serviço individuais às competências organizacionais. O planeja-
temporário em um hospital. mento estratégico dos processos de gestão de pessoas
d) A realização de estágio probatório para um cargo de deve, então, derivar da estratégia organizacional e a ela
secretária. alinhar-se.
e) A contratação de uma empresa de segurança para a Assim, a uma estratégia organizacional conservadora e
prestação do serviço de vigilância em uma escola. defensiva deve corresponder uma estratégia de gestão
de pessoas, no que se refere às recompensas, voltada,
54. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA entre outros aspectos, para:
DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) Liderança é a
capacidade de influenciar indivíduos para a realização de a) salário baseado no cargo;
objetivos, sendo uma característica fundamental no con- b) decisões descentralizadas quanto à remuneração;
texto organizacional. c) competitividade externa;
Concernente aos estudos desse tema, a teoria dos traços d) salário baseado no desempenho;
afirma que a liderança e) salário variável.

a) está relacionada com o contexto organizacional. 58. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
b) deve ser conquistada por meio da coerção PERVISOR – FGV - 2017) A empresa de petróleo XYZ
c) depende de características intrínsecas da personalida- possui terras que podem ter petróleo. Um estudo técnico
de do indivíduo. indicou que as chances de haver petróleo nas terras é de
d) está associada a um conjunto de fatores vinculados ao 1 em 4. Uma empresa concorrente quer comprar as ter-
amadurecimento da força de trabalho. ras e fez uma oferta de compra de R$800.000,00. A XYZ
e) pode ser exercida apenas em situações em que existe sabe que o custo de perfurar um poço de petróleo nas
um processo democrático na delegação de tarefas. terras é de R$200.000,00. Se for encontrado petróleo nas
terras, o retorno esperado é de R$3.000.000,00 gerando
55. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - ANALISTA um lucro de R$2.800.000,00. A empresa quer analisar a
DE GESTÃO DE PESSOAS – FGV - 2018) No processo decisão pelo critério do maior valor esperado.
de formação de uma equipe de trabalho, os membros Por esse critério, a melhor decisão a tomar e o valor es-
estavam em uma etapa em que as relações se mostra- perado dela são, respectivamente:
vam coesas e o grupo começava a agir de forma unida e
coordenada. a) perfurar o poço, com valor esperado de R$2.800.000,00;
Considerando essas condições, evidencia-se que o grupo b) vender a terra, com valor esperado (certeza) de
está na etapa denominada R$800.000,00;
c) vender a terra, com valor esperado de R$780.000,00;
a) formação. d) perfurar o poço, com valor esperado de R$550.000,00;
b) turbulência. e) indiferente, pois o valor esperado das decisões é o
c) interrupção. mesmo.
d) normatização.
e) execução.

56. (IBGE – ANALISTA CENSITÁRIO - RECURSOS HU-


LIVRO DE QUESTÕES - BB

MANOS – FGV - 2017) O presidente de uma ONG de


atuação internacional quer adotar o Scorecard de RH
como ferramenta para gerenciar os recursos humanos
BANCO DO BRASIL

como ativos estratégicos, evidenciando sua contribuição


para o sucesso na realização da missão da organização.
O presidente quer selecionar indicadores relativos à di-
mensão eficiência de RH, do Scorecard de RH.
Entre os indicadores dessa dimensão estão:

77
59. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E 61. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E
SUPERVISOR – FGV - 2017) A figura abaixo representa SUPERVISOR – FGV - 2017) O esquema abaixo ilustra
um instrumento conhecido como grade gerencial, uma teoria de motivação bastante difundida na área de
proposto por Blake e Mouton. administração.

1 - relação esforço-desempenho;
2 - relação desempenho-recompensa;
3 - relação recompensa-metas pessoais.

Essa teoria é conhecida como:

a) do reforço;
b) do estabelecimento de objetivos;
c) da avaliação cognitiva;
d) da expectativa;
e) das necessidades de McClelland.

62. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-


As letras A, B, C, D e E representam os cinco principais PERVISOR – FGV - 2017) O planejamento é a função ad-
estilos de liderança identificados pelo modelo de Blake e ministrativa responsável pela definição dos objetivos da
Mouton. Sobre esses tipos de liderança, é correto afirmar organização e pela concepção de planos que integrem
que: e coordenem suas atividades. Um dos elementos essen-
ciais do processo de planejamento é o estabelecimento
a) C é o líder negligente, orientado para as necessidades de objetivos que explicitem os resultados que se deseja
dos funcionários e para a promoção de um ambiente alcançar, fornecendo senso de direção para as ações e
amigável; esforços organizacionais.
b) D é o líder de equipe, voltado para a produção e o
atingimento de objetivos; Objetivos eficazes devem ser adequadamente formula-
c) E é o líder meio-termo, considerado o estilo de lideran- dos, atendendo a certos critérios, tais como:
ça mais eficaz pelo modelo;
d) B é o líder de equipe, considerado o estilo de liderança a) serem específicos;
mais eficaz pelo modelo; b) estarem de acordo com o ambiente externo;
e) A é o líder orientado para pessoas, considerado o esti- c) serem inovadores;
lo de liderança mais eficaz pelo modelo. d) serem abrangentes;
e) estarem dentro do orçamento previsto.
60. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
PERVISOR – FGV - 2017) O diretor da área comercial 63. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
de uma empresa quer que os vendedores tenham maior PERVISOR – FGV - 2017) A XPTO atua há muito tempo
autonomia de decisão, como forma de responder às va- no setor químico, alcançando uma posição de destaque
riadas demandas dos clientes. Ele acredita que a descen- no mercado, apoiada em uma estratégia de liderança
tralização nas decisões dará maior rapidez na resposta em custos. Recentemente, o ambiente em que a em-
aos clientes e também maior motivação aos vendedores. presa atua tornou-se mais dinâmico e complexo, com a
No entanto, a descentralização também tem desvanta- entrada de concorrentes e surgimento de inovações nas
gens, entre elas: tecnologias de produção. A XPTO está reformulando sua
estratégia, priorizando a inovação em produtos e proces-
a) sobrecarga no trabalho decisório dos chefes; sos, ao mesmo tempo em que busca estimular a tomada
b) dificuldade de responsabilização dos funcionários; de decisão compartilhada. Para dar sustentação à nova
c) perda de uniformidade nas decisões;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

estratégia, a empresa pretende alterar a estrutura atual


d) perda na qualidade das decisões; de funcional para matricial, criando grupos de projetos
e) lentidão no feedback sobre a qualidade do trabalho formados por funcionários das diversas áreas da empre-
BANCO DO BRASIL

junto aos clientes. sa.


Entre as vantagens da nova estrutura em relação à ante-
rior, encontra-se:

a) redução dos conflitos;


b) facilitação da cooperação entre departamentos;

78
c) centralização da tomada de decisão; 68. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
d) facilitação da coordenação do trabalho; PERVISOR – FGV - 2017) O diretor administrativo de
e) facilitação da responsabilização. uma empresa criou um grupo de trabalho para propor
alternativas para melhoria na qualidade dos serviços ao
64. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- cliente. Os principais problemas haviam sido detectados
PERVISOR – FGV - 2017) O presidente de uma empresa a partir das reclamações dos clientes e diziam respeito
estatal quer aprimorar o controle no nível estratégico. aos prazos de entrega dos produtos. O diretor selecio-
Ele quer utilizar indicadores que permitam monitorar o nou cinco funcionários com alto desempenho e grande
desempenho global da organização na realização de sua conhecimento da empresa e do mercado e estipulou o
missão, estratégias e objetivos. prazo de três meses para a apresentação de propostas. O
É um indicador adequado para isso: grupo se reuniu por diversas vezes. Em todas as reuniões
apenas os funcionários A e B analisavam as informações,
a) rentabilidade da empresa; propunham soluções e discutiam alternativas viáveis. Os
b) tempo de ciclo; demais limitavam-se a esperar as análises elaboradas por
c) volume de vendas; A e B e dar algumas sugestões pontuais, alegando que
d) número de reclamações dos clientes; “A e B são muito experientes, podemos confiar neles para
e) número de sugestões de melhoria. apresentar um bom trabalho pelo grupo”.

65. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E A situação retrata um fenômeno comum nos grupos de
SUPERVISOR – FGV - 2017) Uma empresa que opera em trabalho, conhecido como:
um ambiente estável está passando por uma redefinição
da sua estratégia de negócio e quer adotar uma estrutura a) pensamento de grupo;
organizacional que permita maximizar a eficiência b) folga social;
operacional, via economia de escala e uso eficiente dos c) regressão à média;
recursos. Para isso, dentre as opções abaixo, a estrutura d) conformidade;
mais adequada seria: e) conflito de papéis.

a) funcional; 69. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-


b) divisional; PERVISOR – FGV - 2017) A área de contabilidade de
c) matricial; uma empresa pública acaba de receber cinco novos fun-
d) em rede; cionários. Os cinco têm experiência anterior em outras
e) por produto. empresas, mas na iniciativa privada. O gerente respon-
sável pela área está preocupado com a qualidade dos
66. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- processos e acredita que seria interessante estabelecer
PERVISOR – FGV - 2017) Uma administradora recém- algum tipo de controle simultâneo para garantir que o
-formada decidiu prestar concurso para um importante trabalho dos novos funcionários seja executado de acor-
órgão público. Ela declarou que o principal motivo de do com os padrões estabelecidos para a área.
realizar o concurso era buscar a “estabilidade no empre- Considerando o exposto, um controle adequado seria:
go”.
Segundo a hierarquia das necessidades de Maslow, a a) estabelecimento de regras de conduta;
motivação da administradora é satisfazer uma necessi- b) controle estatístico de processo;
dade do tipo: c) avaliação de desempenho;
d) supervisão direta;
a) fisiológica; e) estabelecimento de limites de alçada.
b) de segurança;
c) social; 70. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E
d) de estima; SUPERVISOR – FGV - 2017) Uma equipe de trabalho de
e) de autorrealização. cinco pessoas tinha sua rede de comunicação estruturada
de acordo com a hierarquia da empresa, no tipo cadeia.
67. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- Após uma série de mudanças organizacionais que
PERVISOR – FGV - 2017) À medida que os administra- resultaram em novos desafios para a equipe, a rede de
dores vão ocupando cargos nos diferentes níveis orga- comunicação passou a se estruturar no tipo todos os
nizacionais, a importância relativa das habilidades ne- canais, como representado na figura abaixo.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

cessárias ao desempenho adequado de seus papéis vai


mudando.
BANCO DO BRASIL

No nível operacional são mais relevantes as habilidades:

a) conceituais;
b) comportamentais;
c) técnicas;
d) analíticas;
e) humanas.

79
Esse tipo de rede de comunicação é mais eficaz que a 74. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
estrutura do tipo cadeia quando o foco está no(a): PERVISOR – FGV - 2017) Uma seguradora tem recebido
muitas reclamações dos clientes em relação aos serviços
a) precisão da comunicação; prestados. O gerente de qualidade da empresa quer ana-
b) atingimento de resultados; lisar as informações dos registros de reclamações para
c) resolução de conflitos; identificar os problemas mais frequentes, de forma a
d) desenvolvimento da liderança; priorizar as ações para melhoria dos serviços da segu-
e) satisfação dos membros da equipe. radora.
Uma ferramenta adequada para isso seria:
71. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU-
PERVISOR – FGV - 2017) Um gerente precisa decidir a) diagrama de Ishikawa;
entre duas empresas de prestação de serviços de capaci- b) brainstorming;
tação, para uma ação de treinamento de sua equipe. Ele c) gráfico de Pareto;
considerou alguns critérios para comparar as duas em- d) folhas de verificação;
presas (nome no mercado, preço, qualidade do material e) mapa de processo.
didático), elaborou uma lista com vantagens e desvan-
tagens de cada possibilidade de decisão, ordenou essas 75. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO REGIONAL –
vantagens e desvantagens de acordo com sua relevância FGV - 2017) O processo de organização segue alguns
e comparou as duas alternativas. princípios básicos e exige que se tomem decisões acerca
O gerente utilizou uma técnica de apoio à decisão co- de certos elementos, entre eles:
nhecida como:
a) especialização do trabalho e amplitude de controle;
a) matriz de resultados; b) missão e visão organizacionais;
b) árvore de decisão; c) cultura organizacional e sistemas de gestão;
c) ordenação simples; d) divisão de tarefas e definição de metas;
d) matriz de prioridades; e) estrutura e estratégia organizacionais.
e) análise de prós e contras.
76. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO REGIONAL
72. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- – FGV - 2017) A linha de autoridade formal de uma
PERVISOR – FGV - 2017) Um supervisor de equipe de organização que define a estrutura hierárquica de relações
vendas toma suas decisões com foco no curto prazo e entre seus membros ou unidades organizacionais é
nos resultados a serem atingidos. Ele baseia suas de- conhecida como:
cisões nas regras e procedimentos da empresa e rara-
mente considera as opiniões dos subordinados em suas a) organograma;
decisões. b) linha de responsabilização;
O estilo de tomada de decisão do supervisor é conhecido c) amplitude de controle;
como: d) especialização vertical;
e) cadeia de comando.
a) analítico;
b) diretivo; 77. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO REGIONAL –
c) comportamental; FGV - 2017) A presidente de uma grande rede de varejo
d) intuitivo; é descrita pelos empregados da empresa como uma “he-
e) conceitual. roína”, cuja “visão única dos negócios e ousadia inspiram
a todos sermos como ela”. Também se pode observar
73. (IBGE – AGENTE CENSITÁRIO MUNICIPAL E SU- que os empregados se expressam com o mesmo tipo
PERVISOR – FGV - 2017) Um hospital constatou um de linguagem que a presidente, usam o mesmo estilo
problema de atraso nas cirurgias. Algumas das suas cau- de roupas e expressam opiniões bastante semelhantes
sas foram identificadas em aspectos relativos a pessoal, às dela. Segundo os empregados, a razão disso é que
procedimentos e instalações. A diretora responsável pela todos pertencem “a uma comunidade, uma família, mais
qualidade dos serviços do hospital quer organizar e ana- do que a simplesmente uma empresa”.
lisar as informações, estabelecendo as relações de causa
e efeito no problema do atraso nas cirurgias. A presidente da rede de varejo é uma líder do tipo:
Para isso, a diretora deve utilizar a seguinte ferramenta: a) democrático;
b) transacional;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

a) carta de controle; c) autocrático;


b) histograma; d) carismático;
BANCO DO BRASIL

c) gráfico de acompanhamento; e) de tarefa.


d) diagrama de dispersão;
e) diagrama espinha de peixe.

80
78. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO REGIONAL – 81. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
FGV - 2017) Em um escritório, um assistente administra- TRATIVO – FGV - 2017) As equipes de trabalho são am-
tivo recebeu um lote de material danificado. Na dúvida plamente utilizadas nas organizações contemporâneas.
sobre como proceder, o assistente recorreu às normas No entanto, as equipes nem sempre são mais adequadas
organizacionais e seguiu as orientações para devolução que o trabalho individual.
do material. Entre as desvantagens das equipes de trabalho em rela-
A situação ilustrada retrata uma decisão conhecida em ção ao trabalho individual está:
administração como:
a) dificultam o processo de inovação;
a) programada; b) dificultam a emergência de líderes;
b) não programada; c) tornam as tarefas interdependentes;
c) intuitiva; d) tomam mais tempo e consomem mais recursos;
d) analítica; e) alteram os sistemas de reconhecimento e recompensa
e) heurística. organizacionais.

79. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO REGIONAL 82. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
– FGV - 2017) Um gerente administrativo precisa deci- TRATIVO – FGV - 2017) Em todas as áreas funcionais
dir qual aparelho de ar condicionado adquirir para ser de uma organização, os administradores exercem as fun-
instalado no escritório da empresa em que trabalha. A ções administrativas.
tabela abaixo apresenta a avaliação das alternativas dos Um exemplo de atividade gerencial relativa à função de
aparelhos por fabricante, em cada um dos critérios de planejamento desempenhada na área de finanças é:
avaliação considerados, bem como os pesos atribuídos
a cada critério: a) avaliação do desempenho financeiro da organização;
b) estruturação do departamento de finanças;
c) implementação de política de participação nos lucros;
d) aplicação dos recursos financeiros da empresa;
e) elaboração de projetos de investimento.

83. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-


TRATIVO – FGV - 2017) Um funcionário foi promovido
e assumiu a gerência de uma equipe de oito pessoas. O
novo gerente tem um estilo de liderança democrático e
tomou a iniciativa de delegar aos membros da equipe
a responsabilidade pelo controle dos próprios horários.
Para ser bem sucedida, essa iniciativa depende direta-
mente:
Assumindo que essas são todas as opções de aparelhos
disponíveis no mercado e que esses são todos os crité- a) do grau de maturidade profissional dos membros da
rios relevantes para a sua avaliação, pelo modelo racional equipe;
de tomada de decisão o gerente deveria escolher o apa- b) dos critérios de avaliação de desempenho da equipe;
relho do fabricante: c) do grau de descentralização e da cultura organizacionais;
d) do grau de satisfação com o trabalho por parte dos
a) Alfa; membros da equipe;
b) Beta; e) do conhecimento técnico do líder sobre as tarefas da
c) Gama; equipe.
d) Delta;
e) Beta ou Gama. 84. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
TRATIVO – FGV - 2017) Um elemento fundamental para
o bom desempenho dos grupos de trabalho é a coesão,
80. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
ou o grau em que os membros do grupo são motivados
TRATIVO – FGV - 2017) Em uma equipe de trabalho, o
a permanecer unidos como grupo.
funcionário A é quem examina os detalhes e faz cumprir
Para estimular a coesão do grupo, é uma iniciativa
as regras; o funcionário B tem boas habilidades analíticas
adequada:
e sempre oferece análises aprofundadas das situações e
opções que a equipe enfrenta.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

a) dar recompensa ao grupo, em vez de recompensar


A e B desempenham na equipe, respectivamente, os se-
seus membros individualmente;
guintes papéis:
b) redefinir a estrutura do grupo a partir da estratégia da
BANCO DO BRASIL

a) controlador; produtor; empresa;


c) aumentar o tamanho do grupo;
b) organizador; assessor;
d) diminuir o tempo de interação entre os membros do
c) controlador; assessor;
grupo;
d) articulador; produtor;
e) selecionar apenas grupos de pessoas que se conhe-
e) organizador; articulador. cem para trabalharem na organização.

81
85. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS- Pode-se dizer que, de 2015 para 2016, a ONG foi:
TRATIVO – FGV - 2017) Para a criação de equipes efica-
zes é preciso que se considerem fatores de contexto, de a) menos eficiente;
composição e de processo das equipes. b) mais eficiente;
É um fator de contexto fortemente relacionado ao c) menos eficaz;
desempenho das equipes: d) mais eficaz;
e) mais produtiva.
a) diversidade dos membros;
b) alocação adequada de papéis; 90. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
c) propósito comum; TRATIVO – FGV - 2017) O gerente do departamento de
d) recursos adequados; contabilidade de um órgão público criou uma equipe de
e) metas específicas. seis funcionários com a incumbência de descobrir formas
de reduzir o tempo necessário para a realização de al-
86. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRA- guns processos do departamento. A equipe irá se reunir
TIVO – FGV - 2017) Um órgão da administração públi- durante algumas horas por semana, por três meses, para
ca teve grande redução em seu quadro de funcionários, avaliar a situação e apresentar propostas para redução
ao mesmo tempo em que teve parte de suas atribuições dos prazos dos processos.
transferida para outro órgão. Em vista da nova situação, Esse tipo de equipe é conhecida como:
a alta direção acredita que seja um bom momento para
rever a estrutura de cargos do órgão. O diretor de recur- a) multifuncional;
sos humanos recebeu a incumbência de apresentar uma b) autogerenciada;
proposta para a nova estrutura dos cargos. c) de resolução de problemas;
Ao realizar essa incumbência, o diretor está exercendo a d) de alto desempenho;
seguinte função administrativa: e) de projetos.

a) planejamento; 91. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO


b) direção; ADMINISTRATIVO – FGV - 2017) A figura abaixo
c) controle; representa a estrutura simplificada da firma de
d) coordenação; contabilidade XPTO:
e) organização.

87. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRA-


TIVO – FGV - 2017) À medida que os administradores
vão ocupando cargos nos diferentes níveis organizacio-
nais, a importância relativa das habilidades necessárias
ao desempenho adequado dos seus papéis vai mudando.
Assim, no nível tático, são mais relevantes as habilidades:
A departamentalização da XPTO é do tipo:
a) conceituais;
b) humanas; a) por cliente;
c) técnicas; b) matricial;
d) decisórias; c) por serviço;
e) de planejamento. d) por processo;
e) funcional.
88. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
TRATIVO – FGV - 2017) Um princípio básico do proces- 92. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO
so de organização diz respeito à definição do número de ADMINISTRATIVO – FGV - 2017) Uma equipe de
subordinados sob responsabilidade de cada gestor. trabalho de cinco pessoas tem sua rede de comunicação
Esse princípio é conhecido como: segundo o padrão abaixo.

a) amplitude de controle;
b) nível de alçada;
c) especialização do trabalho;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) departamentalização;
e) unidade de comando.
BANCO DO BRASIL

89. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-


TRATIVO – FGV - 2017) Uma ONG atendeu, em 2015,
100 refugiados, com um dispêndio total de 100.000 reais.
Em 2016, a ONG atendeu 120 refugiados, com um dis- Esse tipo de rede de comunicação é conhecido como
pêndio total de 120.000 reais. “roda”, e é mais eficaz do que os demais tipos de rede
quando o foco está na(o):

82
a) precisão da comunicação; 97. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
b) emergência de um líder; TRATIVO – FGV - 2017) Na organização Alfa, o chefe Z
c) velocidade da comunicação; transferiu o subordinado X para outra área da organiza-
d) satisfação dos membros da equipe; ção, contra a vontade deste.
e) feedback impessoal. O poder exercido por Z sobre X foi do tipo:

93. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO a) pessoal; coercitivo;


ADMINISTRATIVO – FGV - 2017) As teorias de liderança b) formal; coercitivo;
que buscam identificar qualidades e características c) formal; de referência;
pessoais que diferenciam líderes de não líderes são d) pessoal; de competência;
conhecidas, no campo da Administração, como teorias: e) formal; de competência.
b
a) contingenciais; 98. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRA-
b) transformacionais; TIVO – FGV - 2017) Em uma pesquisa sobre motivação
c) de liderança autêntica; no trabalho, realizada na empresa Beta, uma funcionária
d) dos traços; declarou: “gosto de estar com as pessoas do meu grupo;
e) comportamentais. o que mais valorizo e me motiva no meu trabalho é per-
tencer à minha equipe e ser amiga de todos”.
94. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS- De acordo com as teorias de motivação, a funcionária
TRATIVO – FGV - 2017) Uma gerente enviou uma men- apresenta, como necessidade predominante:
sagem pelo e-mail da empresa informando os membros
de sua equipe sobre a data e o horário de uma reunião a) poder;
para discussão das novas metas da equipe. b) realização;
c) afiliação;
Esse tipo de comunicação pode ser caracterizada como: d) crescimento;
e) subsistência.
a) formal e descendente;
b) formal e lateral;
99. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRA-
c) formal e ascendente;
TIVO – FGV - 2017) Uma empresa do ramo de alimentos
d) informal e ascendente;
lançou recentemente uma linha de pratos congelados
e) informal e descendente.
em porções individuais. Segundo o diretor de marketing
da empresa, a nova linha de produtos é resultado do in-
95. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO
teresse da empresa em “desenvolver produtos específi-
ADMINISTRATIVO – FGV - 2017) A figura abaixo
cos para as pessoas que moram sós, refletindo as novas
representa uma teoria de motivação muito difundida na
tendências da sociedade brasileira”.
área de administração.
A iniciativa revela que a empresa está sendo influenciada,
na definição de sua estratégia de mercado, por um fator
do ambiente:
Essa teoria é conhecida como:
a) estrutural;
a) dois fatores; b) contextual;
b) estabelecimento de objetivos; c) de tarefa;
c) expectativa; d) econômico;
d) hierarquia de necessidades; e) operacional.
e) equidade.
100. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINIS-
96. (IBGE – IBGE - AGENTE CENSITÁRIO ADMINISTRA- TRATIVO – FGV - 2017) Os membros de uma determi-
TIVO – FGV - 2017) Uma empresa de produtos alimentí- nada equipe de trabalho evitam informar o chefe sobre
cios localizada na Região Sul adota departamentalização os problemas do dia a dia. Alegando que o chefe é auto-
funcional. A empresa pretende ampliar sua área de atua- ritário, afirmam que “preferimos não levar más notícias a
ção e construir unidades fabris na Região Centro-Oeste e ele e escolhemos mostrar sempre o lado melhor da rea-
na Região Sudeste. A empresa precisa rever sua estrutura lidade”.
e planeja adotar departamentalização geográfica. A situação ilustra um tipo de barreira à comunicação
LIVRO DE QUESTÕES - BB

Uma vantagem da departamentalização funcional em re- conhecida como:


lação à geográfica é:
a) sobrecarga de informação;
BANCO DO BRASIL

a) promover a redução de custos; b) percepção seletiva;


b) facilitar a adaptação a mudanças externas; c) codificação da mensagem;
c) dar maior autonomia aos responsáveis por cada de- d) viés da disponibilidade;
partamento; e) filtragem.
d) estimular as soluções inovadoras;
e) dar maior rapidez de resposta ao mercado.

83
42 C
GABARITO 43 A
44 D
1 A 45 A
2 A 46 B
3 D 47 D
4 B 48 C
5 B 49 E
6 C 50 A
7 D 51 B
8 A 52 D
9 C 53 E
10 A 54 C
11 D 55 D
12 B 56 D
13 D 57 A
14 D 58 B
15 A 59 D
16 E 60 C
17 B 61 D
18 A 62 A
19 A 63 B
20 D 64 A
21 A 65 A
22 E 66 B
23 C 67 C
24 D 68 B
25 C 69 D
26 E 70 E
27 D 71 E
28 B 72 B
29 E 73 E
30 E 74 C
31 E 75 A
32 D 76 E
33 D 77 D
34 E 78 A
35 B 79 B
LIVRO DE QUESTÕES - BB

36 A 80 C
37 A 81 D
BANCO DO BRASIL

38 D 82 E
39 E 83 A
40 C 84 A
41 E 85 D

84
2.(AL-RO–ANALISTALEGISLATIVO-ADMINISTRAÇÃO
86 E
– FGV - 2018) O gerenciamento pelas diretrizes, também
87 B conhecido por Hoshin Karin, é o sistema de gestão que
88 A busca envolver toda a organização, por meio do (a)
89 D a) planejamento estratégico estático, com metas indivi-
90 C duais autogerenciadas.
b) desenvolvimento do processo comunicativo no senti-
91 C
do bottom-up.
92 B c) aplicação de empowerment operacional, promovendo
93 D o modelo autocrático.
d) eliminação de controles ex-post em prol da flexibiliza-
94 A ção organizacional.
95 D e) desdobramento das diretrizes estratégicas para os ní-
veis tático e operacional.
96 A
97 B 3. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA-
98 C ÇÃO – FGV - 2018) O PDCA é uma ferramenta de gestão,
bastante difundida pelo movimento da Qualidade Total,
99 B e tem como objetivo a melhoria contínua.
100 E Em relação a essa ferramenta, assinale a afirmativa cor-
reta.

a) Desenvolve-se por um processo de iteração.


NOÇÕES DE ADMINISTRAÇÃO E SITUAÇÕES b) Segue cinco etapas em sua realização.
GERENCIAIS c) Funciona conforme os preceitos da reengenharia.
d) Desconsidera o planejamento como etapa-chave.
e) Utiliza, como referência, as práticas dos concorrentes.
1. (DPE-RJ – TÉCNICO SUPERIOR ESPECIALIZADO -
ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS – FGV - 2019) Em 4. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA-
uma equipe de trabalho de cinco pessoas, os funcioná- ÇÃO – FGV - 2018) Relacione as ferramentas de gestão
rios A e B se destacam pela capacidade de propor novas de qualidade, listadas a seguir, às suas respectivas fun-
ideias e conceitos. O funcionário C prefere checar todos ções.
os fatos e números para evitar erros e inconsistências
com as normas organizacionais. O funcionário D tem for- 1. Carta Controle
tes habilidades analíticas e prefere avaliar diversas op- 2. Matriz GUT
ções antes de tomar decisões. O funcionário E, o mais 3. Diagrama de Ishikawa
experiente do grupo, tende a não impor seus pontos de
vista, buscando obter o máximo de informações antes de ( ) Gráfico utilizado para monitorar a variabilidade de um
tomar suas decisões com isso, influenciando a equipe a processo, verificando causas comuns e especiais.
evitar decisões precipitadas. ( ) Representação das potenciais causas que podem levar
Os papéis que A e B; C, D e E desempenham na equipe a um problema específico.
são, respectivamente, de: ( ) Tabela que trabalha com a priorização da resolução de
problemas.
a) criadores/inovadores; impulsor/organizador;
assessor/desenvolvedor; conclusor/produtor; Assinale a opção que indica a sequência correta, segun-
do a ordem apresentada.
b) exploradores/promotores; controlador/inspetor;
assessor/desenvolvedor; defensor/mantenedor; a) 1 – 2 – 3.
b) 1 – 3 – 2.
c) impulsores/organizadores; relator/conselheiro; c) 2 – 1 – 3.
assessor/desenvolvedor; conector; d) 2 – 3 – 1.
e) 3 – 2 – 1.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) exploradores/promotores; defensor/mantenedor;
relator/conselheiro; impulsor/organizador; 5. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA-
ÇÃO – FGV - 2018) Na sessão de treinamento de um
BANCO DO BRASIL

e) criadores/inovadores; controlador/inspetor; clube de futebol, um dos jogadores chega excessivamen-


assessor/desenvolvedor; relator/conselheiro. te atrasado, deixando o treinador enraivecido. Indignado
com a situação, o treinador pede providências ao presi-
dente do clube, que prontamente responde multando o
jogador em vinte por cento de seu salário.

85
Assinale a opção que indica a teoria motivacional que b) buscar práticas de prefeituras bem-sucedidas no com-
considera a atitude do presidente como uma das técnicas bate à criminalidade para utilizar como referência.
adequadas para a mudança de comportamento. c) fazer um mapeamento dos processos relacionados à
segurança pública e identificar os pontos críticos.
a) Teoria do estabelecimento de objetivos. d) desenvolver um estudo sobre as causas de maior im-
b) Teoria ERC. pacto na criminalidade para possibilitar o controle.
c) Teoria da equidade. e) promover uma força-tarefa de reformulação plena da
d) Teoria do Reforço. gestão do Governo, focando na ordem e limpeza do
e) Hierarquia das necessidades. ambiente de trabalho.

6. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA- 9. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)


ÇÃO – FGV - 2018) O modelo de liderança situacional Leia o fragmento a seguir.
possui entendimento de que os líderes bem-sucedidos O Modelo de Excelência em Gestão Pública (MEGP) foi
estão continuamente adaptando seus estilos de liderar. desenvolvido com a finalidade de servir como guia de
Esse modelo parte do pressuposto que os líderes devem gestão para as organizações públicas, pautando-se em
exercer estilos de liderança baseados uma metodologia de melhoria contínua.

a) nos traços da personalidade que são valorizados pela Assinale a opção que apresenta a metodologia de gestão
sociedade em cada época. a que o fragmento se refere.
b) nas ações dos integrantes da cadeia de valor da em-
presa, a exemplo dos fornecedores e clientes finais. a) Matriz BCG.
c) na capacidade, disposição e confiança dos subordina- b) Arvore de decisão.
dos para desempenhar determinadas tarefas. c) Histograma.
d) nas possibilidades financeiras, na política salarial e nos d) Diagrama causa e efeito.
incentivos estabelecidos pela organização. e) O ciclo PDCA.
e) na divisão societária da entidade e seu consequente
sistema de governança. 10. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
Durante a reunião de equipe de uma organização, o
7. (AL-RO – ANALISTA LEGISLATIVO - ADMINISTRA- diretor comercial se queixa das desavenças internas
ÇÃO – FGV - 2018) Após a utilização de uma usual ferra- entre alguns de seus subordinados, afirmando que essa
menta de análise estratégica, uma empresa fabricante de situação impediu que a sua diretoria cumprisse as metas
produtos de luxo verifica os seguintes pontos: estabelecidas. Ao manifestar e divulgar internamente sua
reclamação, o diretor comercial recebeu três diferentes
1-Mão de obra experiente. comentários sobre a situação. Relacione os tipos de
2-Baixo capital de giro. abordagem de gestão de conflitos, listados a seguir, às
3- Aumento da renda da população. opiniões dos integrantes da equipe.
4- Entrada de fortes concorrentes no setor.
I. Interacionista.
Com base nos pontos identificados, assinale a opção que II. Relações Humanas.
indica a ferramenta utilizada pela empresa. III. Tradicional.

a) Matriz ANSOFF. ( ) Presidente: Os conflitos são eventos inevitáveis, mas


b) Análise BCG. ocasionalmente podem ter efeitos positivos nos grupos.
c) Design Thinking. ( ) Diretor Financeiro: Devemos estabelecer uma política
d) Análise SWOT. ostensiva para a eliminação de qualquer tipo de conflito
e) Benchmarking. na organização.
( ) Gerente de Projetos: O conflito é fundamental para
8. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018) qualquer organização e imprescindível para a inovação
Um município, registrando problemas sérios com os da empresa.
níveis de criminalidade nos últimos anos, decidiu realizar
ações para mudar essa situação e, para isso, a prefeitura Assinale a opção que apresenta a relação correta,
contrata uma firma de consultoria. Ao apresentar sua segundo a ordem apresentada.
proposta de trabalho, a consultoria informa que será
a) I, II e III.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

imprescindível a realização de um benchmarking para


a elaboração do plano de ação de enfrentamento da b) I, III e II.
situação. c) II, I e III.
BANCO DO BRASIL

Considerando o conceito de benchmarking como d) II, III e I.


ferramenta de gestão de qualidade, a proposta da firma e) III, I e II.
de consultoria significa que a prefeitura deve

a) realizar um esforço de marketing nas regiões mais pe-


rigosas da cidade para ações de educação e cidadania.

86
11. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - Com base no aspecto temporal, evidencia-se na situação,
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) Uma importante a utilização de um controle
característica de um grupo de trabalho é sua coesão, fator
que influencia de forma determinante na produtividade. a) reativo.
Assinale a opção que indica a medida que, ao ser adotada, b) posterior.
estimula a coesão. c) simultâneo.
d) preventivo.
a) Acrescentar novos membros ao grupo, o que irá forta- e) feedback.
lecer o espírito de equipe.
b) Recompensar individualmente os membros do grupo, 15. (MPE-AL – TÉCNICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO -
o que irá evidenciar a importância de cada um. GERAL – FGV - 2018) O controle é uma atividade que
c) Promover o conflito entre os membros do grupo, o pode ser realizada em diferentes níveis organizacionais,
que irá propiciar discussões construtivas. agindo de diferente maneiras em cada contexto.
d) Isolar fisicamente o grupo, o que irá incentivar o sen- Assinale a opção que apresenta um exemplo de ação uti-
timento de unidade. lizada no nível estratégico.
e) Aumentar o tempo em que os membros praticam ati-
vidades pessoais isoladamente. a) Verificar a taxa de defeitos na produção de determina-
do produto.
12. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - b) Avaliar o número de reclamações de clientes.
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) Na festa de fim de c) Apreciar o grau de realização da visão da organização.
ano de uma sociedade empresária, durante a etapa de d) Analisar a adequação das demonstrações contábeis
premiação, um dos gestores recebeu um prêmio por ter realizadas pelo gerente financeiro.
conseguido desenvolver a melhor equipe da empresa, e) Mensurar o resultado de uma nova campanha publi-
com integrantes participativos que apresentavam ideias citária.
para novos projetos.
Assinale a opção que apresenta o tipo de habilidade que 16. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
possibilitou a premiação do gestor. LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
- 2018) Após girar o ciclo PDCA em sua empresa, um
a) Técnica. gestor chegou a uma fase em que, por meio de indica-
b) Conceitual. dores de desempenho, era verificado se os resultados
c) Humana. haviam sido alcançados.
d) Pericial. Depois de realizada a verificação, de acordo com a or-
e) Artística. dem do ciclo, a próxima fase é a de:

13. (MPE-AL – TÉCNICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO - a) execução;


GERAL – FGV - 2018) Um dos principais tipos de equipe b) ação;
de trabalho é a força tarefa. c) planejamento;
Assinale a opção que indica o objetivo de uma força ta- d) avaliação;
refa. e) checagem.

a) Trabalhar em questões específicas, operando de forma 17. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
temporária até que o problema seja resolvido. LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
b) Reunir membros geograficamente dispersos, com a - 2018) Nascido no Japão, em 1924, Genichi Taguchi bus-
interação viabilizada por ferramentas online. cou abordar a qualidade sob uma ótica estatística.
c) Atuar no desenvolvimento adequado dos processos Segundo a sua percepção de qualidade, é possível atri-
organizacionais, garantindo a oferta de produtos ade- buir a Genichi Taguchi a seguinte frase, que sintetiza essa
quados. percepção:
d) Promover o espírito empreendedor entres os cola-
boradores, desenvolvendo autonomia na tomada de a) “conforme a característica de qualidade se afasta do
decisão. valor alvo, aumenta a perda para a sociedade”;
e) Supervisionar etapas-chave da produção, emitindo b) “embora a qualidade não seja definida, sabe-se que
opiniões de melhoria e correção. ela existe”;
c) “a qualidade é definida pela aceitação do mercado”;
14. (MPE-AL – TÉCNICO DO MINISTÉRIO PÚBLICO
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) “ o preço reduzido garante a excelência na execução”;


- GERAL – FGV - 2018) Manuel é gerente de recursos e) “ sem inovações, a demanda se reduz, causando um
humanos de um renomado escritório de advocacia. Ao conflito entre a necessidade do usuário e a capacidade
BANCO DO BRASIL

realizar os processos de recrutamento de novos cola- de desenvolvimento de um produto de qualidade”.


boradores, Manuel aplica uma avaliação que contém as
disciplinas de Direito Civil, Língua Portuguesa, Língua In-
glesa e Conhecimentos Gerais, propiciando a seleção de
candidatos adequados ao perfil da empresa.

87
18. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 21. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
- 2018) Philip Crosby, um importante guru da qualidade, - 2018) Uma fabricante de envelopes de papel, buscan-
possuía o entendimento de que a qualidade deve ser re- do reduzir os custos, decide contratar um especialista em
presentada pela conformidade às especificações. Tendo qualidade. Ao analisar o problema, o especialista desen-
esse preceito como base, ele foi responsável por desen- volve ações para minimizar a produção de produtos de-
volver o programa conhecido por , o qual en- feituosos, conseguindo, com isso, reduzir pela metade a
fatizava a ideia de . quantidade de papel utilizada no processo.
A opção que completa corretamente a sentença é: Após esse incidente, é correto afirmar que a organização
melhorou:
a) “zero defeito” e “ fazer certo da primeira vez”;
b) “controle estatístico” e “ atender às expectativas do a) a eficácia;
cliente”; b) a equidade;
c) “diagrama de dispersão” e “ extinguir o desvio-padrão”; c) o faturamento;
d) “ FMEA” e “incremento gradual”; d) a eficiência;
e) “GQT” e “externalização da qualidade”. e) a rotatividade.

19. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 22. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
- 2018) William Deming, apesar de americano, é consi- - 2018) Duas escolas predominam atualmente no campo
derado no Japão um dos especialistas mais importantes da administração associadas à qualidade: a japonesa e
para a reconstrução da indústria no país após a Segunda a americana. Considerando esse entendimento, analise
Guerra Mundial. Ao longo de seus trabalhos, ele compi- as seguintes características associadas a essas escolas,
lou a sua experiência no tema em 14 diretrizes que se- atribuindo a letra “J” para a japonesa e a letra “A” para
riam fundamentais para garantir a qualidade de qualquer a americana.
empresa, que se tornaram conhecidas como os “14 pon-
tos de Deming”. ( ) controle das fontes de suprimentos e mentalidade just
Com base nos 14 pontos de Deming, no que tange aos in case;
relacionamentos, seria adequado que as organizações: ( ) alto Luxo e alto Preço;
( ) administração enxuta e guerra ao desperdício.
a) tivessem uma separação marcada de funções, para
que não houvesse um conflito de interesses; A relação correta entre as características e as escolas é:
b) apresentassem alta verticalidade nas hierarquias, ga-
rantindo a ordem na cultura organizacional; a) A, J, A;
c) desenvolvessem uma metodologia top-down, permi- b) J, A, J;
tindo maior liberdade decisória dos funcionários; c) A, A, J;
d) considerassem a entidade como um organismo isola- d) J, J, A;
do do resto da sociedade, evitando influências exter- e) A, A, A.
nas incoerentes com o planejamento;
e) reduzissem barreiras entre os departamentos, promo- 23. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA
vendo uma maior possibilidade de trabalho em equi- LEGISLATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE
pe entre as áreas. – FGV - 2018) Ao conseguir a certificação ISO 9001, uma
organização adquire uma série de benefícios, dentre eles:
20. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA
LEGISLATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE a) evidenciação de práticas internacionalmente aceitas e
– FGV - 2018) “João”,”sexta-feira”e “R$ 50” foram as reconhecidas na gestão da qualidade;
descrições encontradas em alguns dos campos de um b) garantia de dispensa de licitação em contratos gover-
mesmo registro de uma conhecida ferramenta de gestão namentais;
de qualidade, que é: c) atribuição de grau de investimento pelas agências de
risco;
a) a matriz de Priorização; d) isenção de ISS nos seus serviços;
b) a estratificação; e) remissão de dívidas relacionadas ao FGTS.
c) o gráfico de Pareto;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

d) o histograma; 24. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-


e) o 5W2H. LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
BANCO DO BRASIL

- 2018) O chefe de repartição de um órgão público de


educação, ao perceber o estado de desorganização no
qual se encontrava o ambiente de trabalho, com servido-
res desmotivados e com pouca interação entre eles, deci-
de promover, com o apoio do departamento de recursos
humanos, a utilização do programa japonês 5S.

88
Seguindo a ordem dessa metodologia, após a fase de a) combinação de tarefas e expansão vertical das tare-
sensibilização, compreendida pelos 3Ss iniciais, será im- fas;
plementada a fase da: b) abertura de canais de feedback e expansão vertical das
tarefas;
a) correção; c) formação de unidades naturais de trabalho e combi-
b) perpetuação; nação de tarefas;
c) reversão; d) formação de unidades naturais de trabalho e abertura
d) utilização; de canais de feedback;
e) aceitação. e) abertura de canais de feedback e combinação de ta-
refas.
25. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV 28. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
- 2018) Uma empresa familiar de prestação de serviços LATIVO MUNICIPAL - DESENVOLVIMENTO DE PES-
domésticos identifica como seus potenciais clientes ca- SOAS – FGV - 2018) A teoria da liderança situacional,
sais que trabalham fora. proposta por Hersey e Blanchard, enfatiza as característi-
Considerando que essa organização utiliza a trilogia Ju- cas dos liderados para determinar o comportamento de
ran como ferramenta de gerenciamento de qualidade, é liderança mais adequado – ou seja, a teoria sustenta que
correto afirmar que a ação realizada aconteceu na etapa o estilo de liderança mais eficaz é contingente às carac-
de: terísticas dos liderados.
Mais especificamente, a teoria propõe que o estilo de
a) melhora da qualidade; liderança mais eficaz depende do nível de prontidão dos
b) controle da qualidade; subordinados, que se refere ao:
c) organização da qualidade;
d) coordenação da qualidade; a) nível das competências individuais e ao grau de satis-
e) planejamento da qualidade. fação com o trabalho;
b) nível de engajamento e ao tipo de comprometimento
26. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LE- organizacional;
GISLATIVO MUNICIPAL - COMPRAS, PATRIMÔNIO E c) grau de capacidade e ao interesse em desempenhar
MATERIAIS – FGV - 2018) Entre os diversos modelos uma determinada tarefa;
de certificação dos sistemas de qualidade, o que mais d) nível de satisfação com a chefia e ao grau de proativi-
se destaca é o que contém as normas da ISO 9000:2000, dade do subordinado;
cujos requisitos são fundamentais para a obtenção da e) grau de atração das recompensas e à percepção da
qualidade dos processos empresariais. relação esforço-desempenho.
Na série ISO 9000, a norma ISO mais compacta, que ne-
cessita da aprovação em apenas 12 testes de qualidade, 29. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LE-
na qual os produtos comercializados serão analisados GISLATIVO MUNICIPAL - DESENVOLVIMENTO DE
apenas em relação à qualidade na venda aos clientes e PESSOAS – FGV - 2018) Um administrador acaba de
no pós-venda, é a: assumir a chefia da área de operações da empresa em
que trabalha. O administrador tem pouco tempo de casa
a) 9001; e sua promoção foi vista com desconfiança e insatisfa-
b) 9002; ção pelos colegas de equipe. O setor é responsável por
c) 9003; projetos importantes de melhoria e inovação na área
d) 9004; fim de atuação da empresa. Os membros da equipe são
e) 9005. especialistas em suas áreas de atuação e seu trabalho é
bastante valorizado pela empresa. O novo chefe entende
27. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- que terá pouca liberdade para recompensar ou punir os
LATIVO MUNICIPAL - DESENVOLVIMENTO DE PES- membros da equipe.
SOAS – FGV - 2018) Em um órgão público, uma gerente Pelo modelo contingencial de liderança de Fiedler, na
lidera uma equipe de seis funcionários que lidam com situação descrita, o estilo de liderança mais eficaz seria:
atendimento ao público. A gerente percebe que o grupo
está desmotivado e vem trabalhando de forma desinte- a) orientado para o relacionamento;
ressada. Uma pesquisa recente realizada pela área de re- b) orientado para a tarefa;
cursos humanos mostrou que os funcionários da equipe c) transacional;
LIVRO DE QUESTÕES - BB

consideram que seu trabalho é muito repetitivo e que d) transformacional;


não têm autonomia para realizá-lo, apesar de já conta- e) apoiador.
BANCO DO BRASIL

rem com muito tempo de experiência. A gerente gostaria


de efetuar mudanças nos cargos e atribuições da equipe
que permitissem estimular a motivação dos funcionários.
Para tal, na situação descrita, seria mais adequado ado-
tar, de acordo com as teorias de motivação:

89
30. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 34. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
LATIVO MUNICIPAL - DESENVOLVIMENTO DE PES- Na elaboração do planejamento estratégico de um órgão
SOAS – FGV - 2018) O gerente financeiro de uma orga- público, os responsáveis pela condução do trabalho estão
nização dedica boa parte do seu tempo à elaboração de desempenhando a etapa conhecida por definição da
orçamentos e à aplicação de recursos financeiros. visão. Assinale a opção que apresenta as características
Essas atividades estão relacionadas, respectivamente, às dessa etapa.
seguintes funções administrativas:
a) Apresentaçãodosprincípiosecrençasbasilares doórgão.
a) planejamento; organização; b) Panorama dos desafios e oportunidades vigentes no
b) planejamento; planejamento; setor.
c) organização; organização; c) Exposição das forças e fraquezas valorizadas pelo ór-
d) organização; controle; gão.
e) planejamento; controle. d) Declaração da posição almejada pelo órgão no futuro.
e) Descrição da razão de existência do órgão.
31. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018)
A função de controle pode ser exercida em diferentes 35. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO DE PESSOAS –
momentos nos processos organizacionais, tendo em FGV - 2018) O comportamento dos gestores se baseia
cada caso métodos distintos. em dois possíveis tipos de pensamento, que são defini-
Considerando os processos envolvidos na realização de dos pelas teorias X e Y.
concurso público para a contratação de novos servidores Assinale a opção que mostra uma distinção entre esses
públicos, promovido pela ALE-RO, é correto afirmar que entendimentos.
esse tipo de controle é
a) Os funcionários possuem aversão ao trabalho. / Os fun-
a) preventivo. cionários veem o trabalho como uma atividade de lazer.
b) simultâneo. b) A organização faz parte de um sistema aberto. / A or-
c) de feedback. ganização faz parte de um sistema fechado.
d) posterior. c) O salário deve ser fixo. / O salário deve ser variável.
e) de processo. d) A produção é orientada pelo produto. / A produção é
orientada pelo cliente.
32. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - e) A qualidade é valor. / A qualidade é custo.
2018) Emanuel, gerente operacional de uma fábrica de
fechaduras, resolve colocar em prática os conhecimentos 36. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO DE PESSOAS –
adquiridos em um MBA em gestão, recém-concluído. FGV - 2018) Uma empresa aérea brasileira, baseando-se
Assim, decide implementar, com os seus subordinados, no modelo de baixo custo praticado por empresas aéreas
um programa de motivação baseado na teoria dos dois internacionais, retirou as refeições gratuitas e instituiu a
fatores. cobrança por escolha de assento. Essas mudanças per-
De acordo com essa teoria, caso Emanuel visasse mitiram que a empresa diminuísse seus custos e conse-
aumentar a satisfação dos subordinados, deveria quentemente reduzisse o valor das passagens.
A técnica de gestão utilizada pela empresa para
a) aumentar os salários. possibilitar a redução de seus custos, evidencia um
b) delegar tarefas desafiadoras. exemplo de
c) reduzir a carga de horas diárias.
d) aprimorar as condições físicas do local de trabalho. a) diagrama causa e efeito.
e) promover atos de socialização entre os funcionários. b) arvore binária.
c) plano de Metas.
33. (AL-RO – ASSISTENTE LEGISLATIVO – FGV - 2018) d) benchmarking.
Assinale a opção que apresenta uma prática da função e) matriz BCG.
da administração conhecida por direção.
37. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO DE PESSOAS –
a) Comparação entre padrões visados e realizados pela FGV - 2018) Com base na teoria motivacional conhecida
organização. como”Teoria da Expectativa, assinale a afirmativa correta.
b) Monitoramento e avaliação do desempenho organi-
zacional. a) A forma de incentivo do homem é fundamentada na
LIVRO DE QUESTÕES - BB

c) Distribuição de recursos, tarefas e autoridades no con- hipótese do “homo economicus”.


texto organizacional. b) O comportamento humano se baseia invariavelmente
d) Especificação de objetivos orientadores das atividades em necessidades genéricas.
BANCO DO BRASIL

organizacionais. c) As recompensas devem se adaptar às necessidades e


e) Condução da ação dos colaboradores para o alcance aos objetivos de cada indivíduo.
dos objetivos organizacionais. d) As metas inalcançáveis estimulam o processo de me-
lhoria contínua.
e) A motivação intrínseca é irrelevante para o desempe-
nho individual.

90
38. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - c) associar atividades-chave de um processo com a quan-
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) O planejamento tidade de recursos que deverá ser empregada;
estratégico é um processo gerencial responsável pela d) levantar dados sobre a gravidade de possíveis proble-
formulação de metas e objetivos de uma organização e mas que podem ocorrer no sistema;
as ações necessárias para alcançá-los, considerando um e) especificar atividades necessárias para a correção de
panorama de longo prazo. um defeito, com base na estrutura organizacional.
Assinale a opção que indica a ação que está relacionada
ao processo de planejamento estratégico. 42. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
a) A demissão de um funcionário. - 2018) A empresa Carro Jiraia S.A. gerencia a qualida-
b) A análise de desempenho de um projeto. de por meio de um método japonês conhecido por TQC
c) A concepção da visão da organização. (Controle da Qualidade Total).
d) A contratação de uma equipe de colaboradores. Com base no contexto da Carro Jiraia S.A., e à luz do
e) A aquisição de um equipamento específico. conceito de TQC, uma possível ação a ser tomada seria:

39. (COMPESA – ANALISTA DE GESTÃO - a) buscar adotar princípios burocráticos, garantindo a ra-
ADMINISTRADOR – FGV - 2018) O ciclo PDCA é um cionalidade nos processos e a centralização decisória;
método iterativo de gestão da qualidade, que visa b) estimular o uso de controles corretivos em detrimento
promover a melhoria contínua por meio da aplicação de dos preventivos, reduzindo, assim, gastos desneces-
4 etapas. sários;
Assinale a opção que as indica. c) controlar rigidamente a disseminação de informação
na instituição, minimizando o risco de dados confi-
a) Promoção, controle, codificação e reajuste. denciais serem divulgados indevidamente;
b) Planejamento, execução, codificação e ação. d) promover uma alta rotatividade profissional, assegu-
c) Planejamento, controle, codificação e ação. rando, com isso, a atividade de inovação na empresa;
d) Planejamento, controle, codificação e reajuste. e) averiguar o feedback dos clientes, fazendo com que
e) Planejamento, execução, verificação e ação. orientem a criação e o aprimoramento de produtos.

40. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS- 43. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV - LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV
2018) Buscando dar um destaque positivo a sua gestão, - 2018) Ao receber um pedido de seu chefe para a ela-
Jairo, o novo controller do Banco Fortuna S.A., decide dar boração de um indicador de desempenho, Maria Paula
maior atenção para o aspecto da qualidade, focando em decide pedir ajuda a seu colega de trabalho, Astrogildo,
3 tipos de controle: preventivo, simultâneo e posterior. que acabara de realizar uma especialização em gestão
da qualidade.
São exemplos desses tipos de controle, respectivamente: Astrogildo ouviu a dúvida, mas, antes que pudesse
responder, recebeu a ligação de um cliente e precisou
a) contratação de supervisores específicos para cada sair com urgência, tendo tempo apenas de responder
área, software de avaliação de riscos, avaliação perió- parcialmente ao pedido de Maria Paula, afirmando que:
dica de desempenho;
b) contratação de supervisores específicos para cada a) é preciso medir todos os resultados, independente-
área, avaliação periódica de desempenho, software de mente da relevância;
avaliação de riscos; b) a utilidade da medição será decidida apenas após a
c) software de avaliação de riscos, avaliação periódica sua realização;
de desempenho, contratação de supervisores c) bastam os dados específicos para executar a medição,
específicospara cada área; visto que grande parte das informações são irrelevan-
d) software de avaliação de riscos, contratação de super- tes;
visores específicos para cada área, avaliação periódica d) não se recomenda basear o processo decisório na
de desempenho; análise dos indicadores;
e) avaliação periódica de desempenho, software de ava- e) a meta é um componente suplementar do indicador,
liação de riscos, contratação de supervisores específi- podendo ser excluída quando necessário.
cos para cada área.
44. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LEGIS-
LIVRO DE QUESTÕES - BB

41. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA LATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE – FGV


LEGISLATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE - 2018)
1. Walter Shewhart
BANCO DO BRASIL

– FGV - 2018) O diagrama de Ishikawa, recurso


desenvolvido pelo químico japonês Kaoru Ishikawa, pode 2. Armand Feigenbaum
ser utilizado para:
( ) TQC
a) identificar, de forma hierarquizada, causas potenciais ( ) Gráfico/Carta Controle
de determinado problema; ( ) Ciclo PDCA
b) estimar possíveis desdobramentos de decisões;

91
Relacionando esses teóricos com suas contribuições, a c) F - V - F - V.
sequência correta é: d) V - V - F - F.
e) V - V - F - V.
a) 1, 1 e 1;
b) 2, 2 e 2; 48. (SEPOG-RO – ANALISTA DE PLANEJAMENTO E FI-
c) 2, 1 e 2; NANÇAS – FGV - 2017) A relação da motivação com
d) 1, 2 e 2; o comportamento e com o desempenho é estabelecida
e) 2, 1 e 1. espontaneamente tanto pelos cientistas como pelas pes-
soas leigas. A maioria dos autores considera a motivação
45. (CÂMARA DE SALVADOR - BA – ANALISTA humana como um processo psicológico estreitamente
LEGISLATIVO MUNICIPAL - GESTÃO DA QUALIDADE relacionado com o impulso ou com a tendência a realizar
– FGV - 2018) Após alguns anos de uso, João Paulo, com persistência determinados comportamentos.
um renomado escritor de romance policial, aproveita a Sobre a motivação no trabalho, assinale a
desvalorização do dólar para comprar um computador afirmativa incorreta.
novo. Ao chegar na loja, João Paulo informa ao vendedor
que não queria nada extravagante, apenas um produto a) Manifesta-se pela orientação do empregado para rea-
que se adequasse às suas necessidades. Considerando o lizar com presteza e precisão as suas tarefas e persistir
pedido de João Paulo, é possível perceber que ele está na sua execução até conseguir o resultado previsto ou
buscando um conceito de qualidade baseado: esperado.
b) Situa-se no desalinhamento dos interesses da organi-
a) no usuário; zação com os do empregado, envolvidos em um con-
b) no produto; flito, no qual cada um deles apresenta, explicita e/ou
c) no valor; implicitamente, suas exigências e demandas.
d) na produção; c) Refere-se às demandas do empregado no ambiente
e) na transcendência. organizacional para encontrar oportunidades de satis-
fazer suas necessidades e atingir seus objetivos e ex-
46. (SEPOG-RO – ESPECIALISTA EM GESTÃO PÚBLICA pectativas, por meio da própria atividade do trabalho.
E GESTÃO GOVERNAMENTAL – FGV - 2017) Visando d) Explicita-se o interesse básico do empregado, que não
levar a distribuição de seus filmes a um nível global, a é o de aumentar o lucro da organização ou empresa,
produtora Filminhos S.A. decide comprar uma rede de mas satisfazer suas necessidades pessoais e suas ex-
salas de cinema, a Global Movies S.A., com presença in- pectativas de crescimento funcional.
ternacional. e) Estabelece-se um equilíbrio entre o trabalho/empresa
Ao concretizar essa compra, Filminhos S.A. estará e a pessoa, graças à dinâmica fundamental que se es-
realizando uma ação de integração trutura por essas duas fontes para a obtenção dos ob-
jetivos tanto da organização quanto do empregado.
a) horizontal.
b) para frente. 49. (SEPOG-RO – ANALISTA DE PLANEJAMENTO E FI-
c) para trás. NANÇAS – FGV - 2017) A relação entre liderança e cará-
d) sazonal. ter organizacional pode ser explorada em mais detalhes
e) departamental. se examinarmos algumas das principais tarefas que os
líderes devem desempenhar.
47. (SEPOG-RO – ESPECIALISTA EM GESTÃO PÚBLICA
E GESTÃO GOVERNAMENTAL – FGV - 2017) O planeja- A esse respeito, analise as afirmativas a seguir.
mento, a organização, a direção e o controle são funções
básicas do administrador e constituem o chamado pro- I. Definição de missão e papel institucional - O estabele-
cesso administrativo. cimento de metas é uma tarefa criativa que implica uma
auto-avaliação para descobrir os verdadeiros compro-
Com relação às descrições das funções administrativas, metimentos da organização, conforme estabelecido pe-
assinale V para a afirmativa verdadeira e F para a falsa. las demandas efetivas internas e externas.
II. Incorporação institucional do objetivo - A tarefa de li-
( ) Planejamento: formula os objetivos e os meios para derança dentro da estrutura social da organização é a
alcançá- los. de moldar o “caráter” da organização, sensibilizando-o
( ) Organização: desenha o trabalho, aloca os recursos e a formas de pensamento e resposta, com o objetivo de
conseguir maior credibilidade.
LIVRO DE QUESTÕES - BB

coordena as atividades.
( ) Direção: designa pessoas, dirige seus esforços, as III. Solução de conflitos internos - Os grupos de interesse
motiva e lidera. internos formam-se naturalmente nas organizações, mas
BANCO DO BRASIL

( ) Controle: monitora as atividades e corrige os desafios. os interesses conflitantes não devem ser valorizados pela
liderança porque a direção da empresa deve se concen-
As afirmativas são, respectivamente, trar no bem-estar econômico e na elaboração de estra-
tégias de crescimento.
a) V - V - V - V.
b) V - F - V - V.

92
Está correto o que se afirma em 18 A
a) II, apenas. 19 E
b) I e II, apenas. 20 E
c) I e III, apenas.
d) II e III, apenas. 21 D
e) I, II e III. 22 C
23 A
50. (SEPOG-RO – ANALISTA DE PLANEJAMENTO E
FINANÇAS – FGV - 2017) Sobre planejamento estraté- 24 B
gico, ferramenta necessária para orientar a evolução da 25 E
Administração e auxiliar no cumprimento de suas metas,
analise as afirmativas a seguir. 26 C
27 A
I. O planejamento estratégico é o pensamento sistêmico
28 C
estruturado, organizado para que a administração
alcance seus objetivos. 29 B
II. O planejamento estratégico é a ferramenta física que o 30 A
administrador coloca no computador para monitorar e
avaliar constantemente os resultados obtidos. 31 A
III. O planejamento estratégico é o detalhamento de como 32 B
a Administração vai atuar para alcançar seus objetivos
33 E
gerais e funcionais, cumprindo sua missão e realizando
sua visão de futuro. 34 D
35 A
Está correto o que se afirma em
36 D
a) II, apenas. 37 C
b) I e II, apenas.
38 C
c) I e III, apenas.
d) II e III, apenas. 39 E
e) I, II e III. 40 D
41 A
42 E
GABARITO 43 C
44 E
1 E 45 A
2 E 46 B
3 A 47 A
4 B 48 B
5 D 49 B
6 C 50 C
7 D
8 B
9 E
10 D
11 D
LIVRO DE QUESTÕES - BB

12 C
13 A
BANCO DO BRASIL

14 D
15 C
16 B
17 A

93
DIOGO FERNANDES RODRIGUES ARAÚJO
ID 1081437

94
95
LIVRO DE QUESTÕES - BB BANCO DO BRASIL
94

Você também pode gostar