Você está na página 1de 5

.................................................................................................................

ENGENHARIA CIVIL - TCCEC

ANA PAULA CORDEIRO DA SILVA MEDEIROS NEVES -


503292017

PORTFÓLIO

Januária
2021
ANA PAULA CORDEIRO DA SILVA MEDEIROS NEVES

PORTFÓLIO

Trabalho apresentado ao Curso de


Engenharia Civil do Centro Universitário ENIAC
para a disciplina [Economia para Engenharia].

Prof. Maria Cristina Tagliari Diniz

Januária
2021
Respostas
..................................................................................................

Sabe-se que o maior desafio da Economia é o estudo da escassez dos


recursos. Este fato impõe uma condição aos agentes econômicos, a
necessidade de se fazer escolhas.
A fronteira de possibilidades de produção reflete essa imposição,
simplificando uma realidade. Imagine que você é responsável por uma
economia, com diversas possibilidades de produção, entre apenas dois bens (o
“X” e o “Y”). Observe a tabela que representa esta economia e responda:

a) Com base nas informações da tabela, construa o gráfico de fronteira


de possibilidades de produção.
b) Qual o custo de oportunidade da produção do bem Y, quando se
passa do ponto E para o D, do D para o C, do C para o B, e do B para o A?
Explique os resultados.

R= O custo de oportunidade da produção do bem Y é o equivalente ao


que se deixa de ganhar por não produzir o bem X. Então, basta analisar a
tabela.

E para D ---- 90 – 75 = 15

D para C ---- 75 – 55 = 20

C para B ---- 55 – 30 = 25

B para A ---- 30 – 0 = 30

c) Considerando a existência da lei dos rendimentos decrescentes,


imagine que seja alocado continuamente um fator de produção “mão de obra” a
um fator fixo de produção (capital). A produção total aumenta, como se pode
observar na tabela. Mas, agora, preencha a coluna em branco, de variação de
produção, e explique os seus resultados.

R= A última coluna da tabela é preenchida comparando o quanto a


produção variou em relação á primeira coluna, depois de alocar essa mão-de-
obra extra.
Assim, na primeira linha da última coluna é 0 e em todas as outras o
valor é 10.

Você também pode gostar