Você está na página 1de 2

Disponível em Balaio de Notícias <http://www.sergipe.com.br/balaiodenoticias/entrevistaj39.

htm>

Entrevista: Antônio Bittencourt Júnior imagem no rio foi o suficiente para demonstrar a
Cultura Popular hierofania e sacralização do local. Conforme
observa Mircea Eliade, em seu livro O Sagrado e o
Tese de mestrado estuda procissão dos penitentes Profano, “Todo espaço sagrado implica uma
do Senhor dos Passos hierofania, uma irupção do sagrado que tem como
Numa pesquisa que durou 3 anos, o professor e resultado destacar um território do meio cósmico
coordenador do curso de História da Universidade que o envolve e o torna qualitativamente diferente”.
Tiradentes, Antônio Bittencourt Júnior, estudou a O segundo fato é manifestado a partir da aparição
procissão dos penitentes do Senhor dos Passos, uma de bolhas na face da Imagem quando do incêndio
tradição popular de São Cristóvão, cidade histórica no interior da igreja do Carmo. Esse fenômeno
de Sergipe, a quarta mais antiga do Brasil. A embora de natureza físico-química, foi interpretado
pesquisa foi alvo da tese de mestrado Comunicação à luz do saber e da fé dos moradores da cidade,
e Religiosidade Popular: Um Estudo da Procissão como algo de natureza sagrada e portanto
dos Penitentes do Senhor dos Passos em São merecedora de atenções e cuidados especiais, uma
Cristóvão, defendida em agosto deste ano junto à vez que a manifestação sagrada traz em si algo além
Escola de Comunicação da Universidade Federal do do aparente e que precisa ser interpretado como
Rio de Janeiro (UFRJ). Bittencourt conversou com o mensagem exemplar e educativa.
Balaio de Notícias sobre essa manifestação religiosa BN - O que o levou a se interessar pelo tema?
e suas principais características. Antônio Bittencourt Júnior - O universo da
religião é para mim extremamente revelador do
Por Paulo Lima panorama sócio-cultural de um determinado povo,
BN - Há quanto tempo se realiza a procissão dos pois nada escapa aos olhos moralizadores dos
penitentes do Senhor dos Passos em São deuses. Em se tratando da cultura brasileira, seus
Cristóvão? valores , temores e aspirações são em muito
Antônio Bittencourt Júnior - A história da carregados de alguma referência religiosa. A
procissão do Senhor dos Passos da Cidade de São grande questão da nossa religiosidade, e do
Cristóvão tem início ainda no século XIX, quando fenômeno em questão, é que por mais que os
pescadores da cidade encontram no rio cânones católicos tenham tentado, não foi possível
Parapomonga uma caixa sem identificação contendo se constituir no Brasil um catolicismo de modelo
a imagem do Senhor dos Passos, que logo foi rígido onde o que está escrito, na Bíblia ou nas
entregue aos Irmãos Carmelitas e desde aquela bulas, fosse o norte referencial da ação dos fiéis.
continua na igreja do Carmo. Segundo relatos dos Nesse rumo segue a procissão do Senhor dos Passos
mais antigos moradores da cidade a igreja do Carmo , um fenômeno de inspiração educativa na medida
foi vítima de um incêndio acidental provocado pelo em que visa apresentar a mais alta expressão do
excessivo número de velas depositadas pelos fiéis Cristianismo, o próprio Cristo acompanhado pela
no seu interior, o incêndio provocou enormes perdas sua mão e mais importante intermediadora entre
na estrutura da igreja e a imagem do Santo Deus e os homens, submetidos a uma situação de
encontrado no rio ficou com bolhas semelhantes à dor, sofrimento, sem esmorecimmento ou qualquer
pele de uma pessoa. Tal fato foi suficiente para vacilo na sua fé. Objetivamente esta mensagem é
despertar a curiosidade de todos e o natural aumento transmitida, absorvida e difundida pelos que ali com
da devoção ao Senhor dos Passos. fé se fazem presente. Mas o fenômeno não se
BN - Como surgiu? encerra por aí, os limites vão além dos interesses
Antônio Bittencourt Júnior - Dois fatos formais do staff católico. O popular absorve mas
marcadamente podem ser associados à construção também, reelabora, transgride, efetua mutações que
do fenômeno sagrado na origem a devoção ao revelam muito da realidade dos seus atores. Então
Senhor dos passos na Cidade de São Cristóvão: o foi a possibilidade de estudar um fenômeno de
primeiro diz respeito à forma de aparição da natureza religiosa, mas que vai para além dos limites
imagem na cidade, ao ser descoberta por pescadores do sagrado, que me estimulou realizar o trabalho.
no rio Parapomonga o Senhor dos Passos se BN - Como se estabelece o fenômeno
revelando para o povo da cidade, e ao revelar-se, comunicacional no caso dessa manifestação
estará descortinando algo que não é apenas a religiosa?
imagem de um santo mas a expressão do sagrado e Antônio Bittencourt Júnior - A procissão é
a determinação de que o local da revelação não é fundamentalmente um fenômeno comunicacional,
como outro qualquer mas sim, um espaço que alguém estará tentando dizer a outros alguma
deve se entender sagrado. O achamento da informação que por outros já lhe foi passada.
Disponível em Balaio de Notícias <http://www.sergipe.com.br/balaiodenoticias/entrevistaj39.htm>

Sendo um evento religioso é, portanto, o momento BN - Impregnada de tantos interesses, a


de realimentação de um vasto conjunto de procissão estaria então descaracterizada no seu
informações com um conteúdo edificante que visa objetivo religioso essencial?
fortalecer a fé e sobretudoampliar a corrente de Antônio Bittencourt Júnior - Penso que o eixo é
comunicadores, além de solidificar o que está sendo e continuará sempre sendo essencialmente
dito como verdade inconteste. O fiel que ali está, em religioso, o que não quer dizer que tal eixo não
particular o penitente ou promesseiro, busca o esteja sujeito às dinâmicas de cada tempo, e por
alinhamento com a sintonia divina. Nessa sintonia o tal revele, reafirme e interaja com os diversos
promesseiro comunica a Deus o agradecimento pela elementos de natureza sócio-ideológica e política
graça alcançada, paga a sua promessa, deposita o desse mesmo tempo e espaço. Por exemplo, o
seu ex-voto, e todos os demais que estão no maior motivo de pagamento de promessa está
contexto da procissão recebem a informação de que associado a saúde/doença seguido por questões de
a fé faz acontecer os seus desejos. Naturalmente a natureza econômica ( emprego, dívida, moradia
expressão mais contundente de agradecimento é a etc.). Tal resultado aponta, de modo consistente,
penitência, ação que alude ao sofrimento do próprio para a reafirmação da perspectiva de que no
Senhor dos Passos. Dessa maneira, a religião, em universo das classes subalternas as práticas
especial a perspectiva religiosa das classes religiosas desempenham papel primordial no
populares, constitui-se elemento fundamental de exercício de satisfação das mais variadas
comunicação entre esse segmento social e o mundo. necessidades sociais. É no campo religioso que
É através da perspectiva religiosa que os subalternos são buscadas a resoluções dos mais diversos
estabelecem uma comunicação com a sociedade de problemas que afligem o cotidiano popular, sejam
modo geral, retirando daí suas formas de perceber, estes problemas de natureza econômica, social,
entender, e agir diante das realidades objetivas e física, psicológica etc. Desse modo podemos
subjetivas que se deparam na vida cotidiana, além entender que para qualquer lado que a procissão
de utilizar tais referências religiosas para traçar o tenda , ela jamais fugirá do seu eixo sagrado, mas
norte de suas ações futuras ou resoluções de o eixo pode ser mais ou menos tolerante com a
problemas imediatos. diversidade que os seus atores, o povo, o político, o
BN - Você costuma mencionar uma frase do comerciante, os namorados, os estudantes , os
pensador Mircea Eliade, "não existe o sagrado pesquisadores consigam criar.
em estado puro", para se referir à procissão. Que BN - Em sua pesquisa, você observa que as
outros elementos estariam ali envolvidos? mulheres participam em maior número. Alguma
Antônio Bittencourt Júnior - Como já falei, o pista sobre porquê isso ocorre?
universo popular absorve mas também reelabora, Antônio Bittencourt Júnior - O universo feminino
altera, transgride a norma religiosa oficial. Não constituiu 72 % dos entrevistados, num universo de
fosse a presença de promesseiros em suas ações 180 promesseiros. Tal dado contribuía para a
rituais e devidamente trajados, as ruas da cidade reafirmação da perspectiva de que é no universo
lembrariam uma grande feira em festa, pois é feminino que se encontra o maior número de
enorme o universo de vendedores ambulantes, sem praticantes da religiosidade popular católica. No
contar com os bares e o sempre presente parque de conjunto das representações sociais das camadas
diversão. Mas o que congrega é o apelo religioso, o mais subalternas, a mulher, embora esteja , assim
sagrado. Congrega adeptos e difusores do sagrado e como no universo médio urbano, submetida a uma
também do profano, é um misto do mundo como ele série de preconceitos e restrições, tem atuado de
é, com o mundo que gostariam que fosse, ou como modo marcante na condução dos modelos religiosos
os adeptos do sagrado gostariam que fosse. populares, caminhando em pé de igualdade com o
Visualmente o que muito me chamou a atenção, universo masculino. Mães de santo, rezadeiras,
nesse sentido, foi como perfilhados ficavam, no beatas, curandeiras são algumas representações das
mesmo tabuleiro de vendas, pôsteres de Nossa hierarquias do plano mágico-religioso em que se
Senhora, Jesus Cristo e Zezé Di Camargo e Luciano, demonstra a presença feminina como preponderante.
Kelly Key e outros tantos. Numa análise mais fria o A procissão do Senhor dos Passos, embora seja um
sagrado e o profano são nivelados num mesmo referência ao sofrimento do nazareno, tem como
patamar, os santos e as celebridades são igualmente ponto alto o momento do Encontro onde a mãe do
adorados e suas imagens mitificadas como Cristo, no caso a Nossa senhora das Dores, acolhe o
referências modelares a serem seguidas. seu filho em profunda dor, e juntos sofrem as dores
que é na verdade, no contexto, as dores de toda a
humanidade.