Você está na página 1de 8

Deixo ou não?

" Ela me fez comprar um carro


Logo eu que amava o meu cavalo
Ela me fez vender meu gado
Pra morar num condomínio fechado
Me deu um tênis de presente
Falou que a botina não combina mais com a gente..."
(Não Deixo Não - Mano Walter)

Você conhece ou já escutou essa música?


Conhece alguém que já passou ou passa por uma
situação semelhante?

Os relacionamentos e o conviver exigem


exercícios diários.
Cada um tem sua personalidade e em muitos
momentos, para harmonia da relação, é preciso
pensar no outro, ceder em algumas ações e
buscar exercitar a empatia para que o
relacionamento seja mais saudável.
Apesar disso, há uma linha tênue entre o ceder e
o "deixar de ser". Esse trecho dessa música tem o
objetivo de promover a reflexão sobre o conviver
e sobre pensar em ações que possam facilitá-lo.

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Deixo ou não?
No caso do exemplo da música, uma das
pessoas do relacionamento acaba deixando de
ser ela mesma, para atender ao desejo do outro.

O que você acha desse comportamento?

Quando você deixa de ser você mesmo para


atender o outro, qual pessoa resta?
E essa pessoa que ficou como se sente? O que
ela tem que chamou a atenção desse outro no
início da relação? Ela continua sendo a pessoa
por quem o outro se apaixonou?

Por outro lado, você já pensou em quais ações


seria possível realizar, que não impediriam de
você se respeitar e respeitar suas vontades e
personalidade, mas que melhorariam a relação?
Proponho a você fazer essa avaliação.

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Gostaria de propor uma atividade para permitir que
você reflita sobre seus relacionamentos,
sentimentos e ações, vamos tentar?

Se você fosse dar uma nota


para seu relacionamento hoje, qual
seria?

Agora dê uma nota para você e suas


ações para melhorar o
relacionamento...

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Proponho agora uma avaliação
para você medir em que posição e qual a nota que
você tem em seu relacionamento. Veja os modelos
abaixo:

Nesse ponto, ninguém cede

0 0

Apenas um cede ou
deixa de ser ele mesmo

-5 0

10
Os dois buscam agir
para harmonia

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Vamos lá? Avaliando sua posição, é um cabo de
guerra ou de harmonia? Faça o teste. Em cada
quadro você preencherá situações que darão uma
pontuação, some no final e descubra sua posição e
a do outro.
Exemplos de ações em que eu cedi, respeitando
a mim, sem me anular e pela harmonia do casal.
(Cada ação vale 1 ponto).

Exemplos de situações em que deixei de me respeitar e


respeitar minhas vontades, gostos e personalidade pelo outro
(cada ação vale -1 ponto)

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Vamos lá? Avaliando sua posição, é um cabo de
guerra ou de harmonia? Faça o teste. Em cada
quadro você preencherá situações que darão uma
pontuação, some no final e descubra sua posição e
a do outro.
Exemplos de ações em que o outro cedeu, sem
se desreipeitar, sem se anular e pela harmonia
do casal.
(Cada ação vale 1 ponto).

Exemplos de situações em que o outro deixar de se respeitar e


respeitar sua maneira de ser para agradar a vontade do outro.
(cada ação vale -1 ponto)

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
E então, em qual posição vocês estão? Converse
sobre ela. Reflita:
Quais ações eu posso ter para haver mais
harmonia em minha relação?

O que tenho feito para agradar o


outro que não me faz bem? Como
posso resolver essa situação?

O que o outro pode fazer para que nossa


relação seja melhor? Como posso falar
isso para ele?

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6
Sou a Sábatha, sou psicóloga, CRP 04/32365 e
elaborei esse recurso com carinho, para promover
reflexões para os relacionamentos , para que cada
um analise suas atitudes no conviver e as atitudes do
outros, buscando maior harmonia e assertividade nas
relações. É interessante realizar com os pacientes
para auxiliá-los, espero que possa servir para vocês
também.

Quem quiser conhecer mais recursos ou participar de


alguns de meus grupos clique nos ícones abaixo.

Sábatha Resende - Psicóloga


instagram.com/instrumentosterapeuticos6

Você também pode gostar