Você está na página 1de 31

TESTE DE APRENDIZAGEM AUDITIVO

VERBAL DE REY – RAVLT


Luciene Garay (CRP 07/23924) - Psicóloga e Neuropsicóloga
Mestranda em Psiquiatria e Ciências do Comportamento
Especialista em Psicoterapia Sistêmica
Especialista em Neuropsicologia
Teste De Aprendizagem Auditivo
Verbal De Rey – RAVLT
RAVLT

• Autores: André Rey, Jonas Jardim De


Paula E Leandro Fernandes Malloy-diniz
• Editora: Vetor editora
• Construto: Processos Neuropsicológicos

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


RAVLT
• Público Alvo: crianças, adolescentes, adultos e idosos.
• Idade da amostra de normatização: de 6 até 92 anos
• Aplicação: individual
• Correção: não informatizado
• Data aprovação: 24/02/2018
• Prazo dos estudos de normatização: 24/02/2033
• Prazo dos estudos de validade: 24/02/2038
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
RAVLT

• O Teste de Aprendizagem Auditivo-Verbal de Rey


(RAVLT) foi proposto originalmente em Genebra como
instrumento neuropsicológico para avaliação dos
processos de aprendizagem e memória.
• Foi adaptado para a população brasileira por Malloy-
Diniz et al.
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
RAVLT

• O RAVLT é um teste destinado à avaliação da memória


episódica, com componentes relacionados à memória
de curto prazo, à aprendizagem, à memória de longo
prazo imediata e tardia e à memória de
reconhecimento.
• Idade da amostra de normatização: de 6 a 92 anos
• Aplicação: individual
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
RAVLT

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


RAVLT

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


RAVLT

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Aplicação RAVLT
Aplicação RAVLT

• Lista com 15 substantivos (lista A).


• A lista é lida em voz alta para o sujeito com um
intervalo de 1 segundo entre as palavras.
• Repete-se a lista 5x (A1 – A5).
• Cada uma das leituras é seguida por um teste de
recordação espontânea.
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Não importa se o sujeito repetir palavras, mas cada


palavra corretamente evocada só será pontuada 1x.
• O teste deverá ser aplicado neste mesmo formato,
seguindo todas as tentativas e orientações, mesmo
que o sujeito se lembre de todas as palavras na
tentativa A1.
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Na primeira tentativa (A1) dá-se a instrução:


“Vou ler uma lista de palavras. Preste bastante atenção,
pois quando eu terminar, você deverá repetir tantas
palavras quantas puder se lembrar. Não tem
importância a ordem em que você vai repeti-las.
Procure apenas se lembrar do máximo de palavras que
puder.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Deve-se marcar um “x” na fola de aplicação ao lado de


cada palavra lembrada.
• Também deve-se anotar as palavras ditas e que não
foram lidas para o sujeito.
• Não deve ser dada qualquer pista em relação ao
número de respostas corretas, repetições ou erros.
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Quando o sujeito informar que não consegue se


lembrar de mais palavras ou ficar 10 segundos sem
dizer uma palavra da lista, o examinador deverá
infirmar que vai ler novamente a mesma lista de
palavras.

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Aplicação RAVLT
• A instrução para a segunda tentativa (A2) é a seguinte:
“Agora eu vou ler as mesmas palavras novamente. De novo,
quando eu terminar, quero que você repita para mim todas
as palavras que puder se lembrar, inclusive as que já foram
ditas da vez passada. Não tem importância a ordem das
palavras, procure apenas dizer todas as palavras que você se
lembrar, incluindo aquelas que foram lembradas na vez
anterior.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT
• Da tentativa A3 a A5 repete-se a seguinte instrução:
“Novamente eu vou ler as mesmas palavra. De novo,
quando eu terminar, quero que você repita para mim todas
as palavras que puder se lembrar, inclusive as que já foram
ditas da vez passada. Não tem importância a ordem das
palavras, procure apenas dizer todas as palavras que você se
lembrar, incluindo aquelas que foram lembradas na vez
anterior.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• A ordem de apresentação das palavras é sempre a


mesma.
• Depois da quinta tentativa, uma lista de identificação,
também composta por 15 substantivos (lista B)é lida
para o sujeito, sendo seguida de sua evocação
(tentativa B1). A instrução para esta etapa do teste é a
seguinte:
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• “Agora vou ler uma nova lista de palavras. Preste


bastante atenção, pois, quando eu terminar, você
deverá repetir tantas palavras quanto puder se
lembrar. Não tem importância a ordem em que você
vai dizê-las. Procure apenas se lembrar do máximo de
palavras que puder.”

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Aplicação RAVLT
• Logo após a tentativa B1, pede-se que ao sujeito que
recorde as palavras da lista A, sem que ela seja, neste
momento, apresentada (tentativa A6).
“Agora eu quero que você me fale todas as palavras que
conseguir se lembrar da primeira lista que li para você. Não
tem importância a ordem que em que você vai repeti-las.
Procure apenas se lembrar do máximo de palavras que
puder.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Após um intervalo de aproximadamente 20 minutos,


que deve ser preenchido com outras atividades que
não demandem raciocínio verbal, pode-se ao sujeito
que se lembre das palavras da lista A (tentativa A7)
sem que a lista seja lida para ele.

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Aplicação RAVLT

• Não é avisado ao sujeito que dele deva guardar as palavras


e que será testado novamente em relação a lembrança
destas.
“Novamente eu quero que você me fale todas as palavras
que conseguir se lembrar da primeira lista que li para você.
Não tem importância a ordem que você vai dizê-las. Procure
apenas se lembrar do máximo de palavras que puder.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Após a tentativa A7 é aplicado o teste de memória de


reconhecimento no qual uma lista contendo 15 palavras da
lista A, as 15 palavras da lista B e 20 distratores
(semelhantes as palavras das listas A e B em termos
fonológicos ou semânticos) é lida para o sujeito.
• A cada palavra lida, o sujeito deverá indicar se ela pertence
(ou não) a lista A.
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• A instrução dada ao sujeito é a seguinte: “Agora vou


ler para você uma lista com diversas palavras. Todas as
vezes que eu falar para você uma palavra que estava
na primeira lita que você aprendeu, você deverá dizer
sim. Todas as vezes em que eu ler para você uma
palavra que não estava nesta primeira lista, você
deverá me dizer não.”
PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)
Aplicação RAVLT

• Deve-se marcar a resposta na folha de aplicação ao


lado de cada palavra da lista para o reconhecimento.

• Todo o processo de aplicação do teste dura entre 30 e


45 minutos.

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Classificação RAVLT
Classificação RAVLT

Percentil Interpretação Geral Interpretação Clínica


< percentil 5 Desempenho inferior Déficit cínico
Entre 5 e 25 Desempenho médio inferior Possível déficit
Entre 25 e 50 Desempenho médio Típico
Entre 50 e 75 Desempenho médio Típico
Entre 75 e 95 Desempenho médio superior Típico
> 95 Desempenho superior Típico

PAULA & MALLOY-DINIZ (2018)


Dinâmica
Referências

• PAULA JJ, MALLOY-DINIZ LF (2018) Teste de


Aprendizagem Auditivo-Verbal de Rey: livro de
instruções. Vetor Editora
Obrigada pela atenção!

E-mail: lucienegaray@gmail.com
Site: www.lucieneneuropsicologia.com.br
Instagram: @lucieneneuropsicologia
Trabalho Discente Efetivo (TDE)

• Proposta da Atividade: Elabore uma ficha


catalográfica sobre o teste RAVLT. A ficha deve conter
as informações disponíveis no SATEPSI a respeito do
teste e mais informações adicionais que você achar
relevante.

Você também pode gostar