Você está na página 1de 11

Introdução Maquiagem Profissional

A maquiagem vem se tornando algo mais acessível e, consequentemente fica


mais presente na vida das pessoas no dia a dia. Ela é capaz de transmitir um pouco
da personalidade da pessoa e elevar a autoestima e por isso é preciso ter um pouco
de sensibilidade ao atuar na área.
O maquiador junto a técnicas de luz e sombra, busca realçar a beleza valorizando
traços ou cobrindo imperfeições como manchas, acne e olheiras de homens e
mulheres através de cosméticos conhecidos como maquiagem.
O profissional da área pode atuar com maquiagem social como autônomo, em
salão de beleza, em empresas, tv, studio ou também com caracterização em
teatros, filmes ou circo por exemplo.

Biossegurança
Conjunto de ações voltadas para a prevenção, redução ou eliminação de riscos
que possam comprometer a saúde do maquiador, da cliente ou da modelo.

● Riscos físicos
São riscos que podem causar lesões, dor muscular ou comprometer a visão:
Iluminação ruim, cadeira inadequada e a altura da mesa

● Riscos químicos
Riscos que possam trazer desconforto ou complicações: alergia de algum
componente ou produto vencido

Cuidados

Para a segurança do maquiador e da cliente, deve-se ter alguns cuidados como


sempre usar máscara, estar com as mãos e pincéis limpos, não reutilizar coisas
descartáveis e ter o material e o ambiente de atendimentos limpos e organizados

História da maquiagem
A maquiagem está presente na vida das pessoas desde a pré-história quando os
nômades se pintavam para assustar adversários, passou pela Idade Antiga onde no
Egito as pessoas usavam Kohl como se fosse delineador para deixar os olhos bem
definidos e em Roma a maquiagem diferenciava a classe social deles. Depois na
Idade Média a maquiagem se tornou algo pecaminoso pela igreja católica . Na Idade
Moderna o exagero entrou na moda, rostos pálidos, perucas, rendas e decotes por
parte da nobreza.
Século XX

● Com os anos 20 veio a Primeira Guerra Mundial onde mulheres tomaram o


lugar dos homens no mercado de trabalho. Na maquiagem era usado olhos e
bocas escuras e sobrancelhas arredondadas com ar de tristeza e a Coco
Chanel se tornou ícone trazendo o cabelo curto com franja.
● Nos anos 30 vemos que a maquiagem ganhou mais suavidade, as
sobrancelhas eram finas e bocas avermelhadas.
● Na década de 40 os produtos de beleza ficaram escassos por conta da
Segunda Guerra Mundial onde a produção era voltada para material bélico e
a maquiagem se tornou bem mais suave e natural.
● Nos anos 50 todo glamour volta, sobrancelhas mais grossas, bocas
vermelhas, delineado e cílios grandes. Um grande ícone da época era a
Marilyn Monroe.
● Nos anos 60 os olhos viram destaque, muita cor, cut crease em alta, cílios
enormes e boca mais neutra.
● Na década de 70 ocorreram várias manifestações como o Hippie com sua
naturalidade e a era disco com suas cores. Gloss fica em alta.
● Os anos 80 continuou com muitas cores, veio o neon e o exagero para os
mais jovens, mas por parte de mulheres mais maduras e conservadoras, a
maquiagem ficou no clean e natural.
● E por fim, nos 90 os tons terrosos entraram em cena, perfil natural era o
mais almejado, maquiagem se torna apenas um detalhe.

Colorimetria
É o estudo científico das cores tratando sua saturação, tonalidade, temperatura e
luminosidade.

Cores primárias: cores puras, pois não são obtidas através de outra cor.
AZUL AMARELO VERMELHO

Cores secundárias: mistura de duas cores primárias formam uma cor secundária.
AZUL + VERMELHO =ROXO
VERMELHO + AMARELO=LARANJA
AMARELO + AZUL= VERDE

Cores terciárias: mistura de uma cor primária com uma cor secundária.
AZUL+ROXO=AZUL ARROXEADO
AMARELO+VERDE= AMARELO ESVERDEADO

Cores quentes: são aquelas que nos transmitem sensação de calor, associadas ao
fogo.
AMARELO VERMELHO LARANJA

Cores frias: são cores que passam sensação de frio, associadas à água.
AZUL VERDE ROXO

Cores neutras: cores com baixa intensidade e energia.


MARROM PRETO BRANCO CINZA
Monocromia
Radiação produzida por apenas uma cor e essa única cor pode ter alterações de
tonalidade adicionando preto para escurecer ou branco para clarear .

Cores análogas
São cores vizinhas no círculo cromático. Elas possuem uma cor base em comum,
por exemplo, a cor vermelha fica ao lado do laranja e a cor base do laranja é o
vermelho.

Cores complementares
Elas se encontram uma oposta a outra no círculo cromático e quando misturadas formam
cores neutras.
AZUL - LARANJA
AMARELO - ROXO
VERMELHO - VERDE

Sobre camuflagem e cores complementares: a cor azul com o vermelho forma o


roxo e o que falta para essa mistura ficar neutra sendo que a cor neutra é formada
pela mistura de todas as cores primárias?

Fundamentos da pele

Tipologia da pele

● Pele normal ou eudérmica


- É uma pele que tem hidratação equilibrada, geralmente não tem manchas nem
acne, os poros são pequenos e ela é elástica.
● Pele seca
-Pele mais ressecada, sensível, propensa a ter rugas, precisa de mais hidratação e
geralmente tem poros pequenos.
● Pele oleosa
-Pele com excesso de umidade, poros dilatados e aspecto brilhante.
● Pele mista
-Pele mais comum, oleosidade e poros dilatados na zona T e as outras áreas do
rosto geralmente são secas ou normais.
● Pele sensível
-Sensível a qualquer estímulo, vermelhidão, descamação, ardor, etc.

Tons de pele
Tom de pele é a altura de tom que a pele tem e é classificado em claro, médio e
escuro

Sub tons de pele

É como se fosse a cor de fundo da pele. Nós temos 4 principais que são o
rosado(frio), amarelo(quente), neutro e oliva.
Lembrando das cores primárias conseguimos identificar o subtom de forma mais
fácil. Num subtom frio encontramos pigmentos azul e vermelho em maior
quantidade e amarelo em pouca quantidade, no subtom neutro temos pigmentos
azul, amarelo e vermelho na mesma quantidade, no subtom quente vemos
pigmentos amarelo em maior quantidade e por fim, no subtom oliva vemos em maior
quantidade pigmentos amarelo e azul
Fototipo

É a classificação que Fitzpatrick fez da pele humana que varia do tipo I ao VI. Essa
classificação foi feita para definir a resposta que diferentes tipos de pele tem ao
entrar em contato com raios solares por queimadura ou bronzeamento. Veja a
tabela abaixo:

Patologias da pele

É muito importante que o profissional maquiador saiba identificar algumas


patologias comuns da pele antes de começar a maquiar para a segurança dele e do
cliente.
Discromia
Discromia é a alteração patológica da cor da pele

Hipercromia: quando há aumento da pigmentação


ex: sardas, melasma

Hipocromia: quando há diminuição da pigmentação


ex: vitiligo

Acromia: quando há ausência da pigmentação


ex: albinismo

Alguns exemplos de patologias e características:


Micoses: placas de descamação, coceira (contagioso)
Urticária: erupção na pele, coceira (não contagioso)
Eczema: pequenas manchas avermelhadas com bolha, pele ressecada (não
contagioso)
Blefarite: inflamação na pálpebra, cílios com caspa (não contagioso)
Conjuntivite: olhos avermelhados com secreção (contagioso)
Acne: erupção folicular, inflamação com acúmulo de secreção (não contagioso)
Herpes: ardência, vermelhidão, bolhas (contagioso)
Rosácea: vermelhidão na região central do rosto com algumas lesões. (não
contagioso)

Preparação de pele
Uma pele bem preparada e bem produzida faz total diferença no acabamento e
duração da maquiagem e por isso é muito importante seguir os 3 primeiros
principais passos abaixo:

Higienizar: Neste passo limpamos a pele para remover todas as impurezas,


poluição, suor e maquiagem. Para isso podemos utilizar o demaquilante, água
micelar ou lenço demaquilante que podem em qualquer tipo de pele e pode ser
usado no rosto inteiro ou ainda o demaquilante bifásico para remover maquiagem à
prova d’água na área dos olhos.

Tonificar: O tônico é usado depois da limpeza. Ele serve para equilibrar o ph da pele
e faz uma limpeza um pouco mais profunda na pele. Existem 4 tipos, são eles tônico
adstringente que possui álcool e é para pele oleosa, outro é o tônico neutro que é o
mais indicado e serve para todos os tipos de pele, temos também o tônico
hidratante que é usado em peles secas e ajuda a dar uma hidratada a mais e o
tônico calmante que não agride a pele sensível.

Hidratar: A hidratação da pele é feita para evitar o ressecamento da pele além de


proteger e controlar a oleosidade. Existem 4 jeitos de hidratar a pele antes da
maquiagem, o primeiro é o hidratante em creme (amanteigado) para peles secas,
depois temos a loção hidratante que é mais fluída e usada em peles normais e
mistas, também tem o sérum com textura siliconada e usado em peles mistas e
oleosas e por último o hidratante em gel usado em pele oleosa
Cuidados com a pele na preparação de pele

Normal: água micelar, tônico neutro e loção hidratante

Seca: água micelar, tônico hidratante e hidratante amanteigado (creme)

Oleosa: água micelar, tônico adstringente ou neutro e hidratante em gel

Mista: água micelar, tônico neutro e loção hidratante

Sensível: água micelar, tônico calmante, cosméticos hipoalergênicos e produtos


leves

Uniformização da pele
Essa etapa é feita para corrigir algumas imperfeições como manchas, acnes e
olheiras. Geralmente, usa-se como referência o tom do pescoço e do colo para
uniformizar a pele.

Primer: é um cosmético de superfície que ajuda no controle da oleosidade,


proporciona um efeito matte e cria um disfarce óptico das linhas de expressão e
poros.

Corretivo: existe corretivo em bastão, líquido e cremoso, todos eles servem para
suavizar olheiras, manchas ou algumas imperfeições. Existem os corretivos
coloridos (verde, lilás, salmão e amarelo) para camuflagem e é usado antes da base
ou os corretivos tom de pele que servem para iluminação, correção ou para dar
mais cobertura à pele.

Base: é aplicado uma camada de base em toda a face afim de uniformizar a pele e
facilitar a aderência de outros produtos. A base possui tons e subtons e deve ser
testada no pescoço e colo, também existem muitos tipo de bases como a líquida,
cremosa, em mousse, em bastão, pode ter acabamento matte ou luminoso.

Pó: o pó facial é aplicado para finalizar a uniformização, ele faz o acabamento


selando a base. Existem os pós compactos que tem um poder maior de cobertura,
os soltos com menos poder de cobertura e os translúcidos que não adicionam
nenhuma cobertura à pele

Luz e sombra
Nada mais é do que técnicas de luz para clarear para iluminar e destacar e
sombra para escurecer, dar profundidade e esconder. São técnicas usadas para
deixar os traços do rosto mais definidos, devolver contorno para o rosto, afinar o
nariz ou as bochechas.
Áreas de atuação
Um maquiador pode atuar em muitas áreas além do salão de beleza e com
atendimento em domicílio como estamos acostumados a pensar. O profissional da
área pode trabalhar em teatro com caracterização de personagens, em tv, em
empresas de marketing, em estúdio de fotografia, no próprio estúdio ou até com
maquiagem mortuária.

Marketing pessoal
É muito importante para qualquer profissional que ele tenha uma boa imagem. O
marketing pessoal nada mais é do que a venda da sua imagem de forma positiva
por veículos de comunicação como revistas, redes sociais ou entre pessoas. Para
isso é sempre bom deixar uma boa primeira impressão, atender bem o cliente, ter
postura e ter ética profissional para alcançar o sucesso.
Hoje, as redes sociais são grandes aliados na hora da sua promoção pessoal ou
do seu trabalho, então aposte nelas para ajudar na divulgação sua!

Introdução ao visagismo
Visagismo é a criação de uma imagem de forma harmônica que expressa as
características físicas, seu temperamento e sua personalidade. Tem haver com o
que a pessoa quer passar. Isso é feito a partir do estudo de linhas, formas, cores e
texturas.
Ele é aplicado usando um corte de cabelo, coloração, maquiagem e roupa. Na
maquiagem ele é utilizado com técnicas de correção de imperfeições, com o tipo de
contorno feito no rosto e nas combinação de cores feita nos olhos e boca.
Croqui
Também chamado de face chart, croqui é a imagem de um rosto, servem de
rascunho onde pode-se criar looks usando maquiagem ou materiais como canetas
ou lápis de cor. Os croquis são utilizados para criar produções de forma fácil de
mostrar aos clientes. Muito usado em desfiles, teatro, editoriais e para noivas e
debutantes no dia do teste.
Quando for feito para teste, é muito importante que esteja escrito todos os
produtos utilizados desde as cores até as marcas ao lado para que no dia do evento
não haja erro e a maquiagem final saia de acordo com o teste.
Outro tipo de croqui é o que é feito no braço que é ótimo para treinar técnicas por
ter a mesma textura da face.

TÉCNICAS

Semi cut crease / cut crease aberto / duble cut / esfumado palpebra luz / esfumado
dramatico com delineado glitter / esfumado classico / smokey glitterinado / smokey
yes.
Lista de material

❏ Kit de pincéis
❏ Toalha preta
❏ Hastes flexíveis
❏ Algodão
❏ Pinça
❏ Tesoura
❏ Apontador de cosmético
❏ Álcool 70
❏ Placa com espátula inox
❏ Máscara
❏ Álcool em gel
❏ Higienizador de pincel
❏ Aplicador descartável de batom e máscara de cílios
❏ Esponja latex
❏ Cola de cílios
❏ Fixador de maquiagem
❏ Demaquilante bifásico
❏ Água micelar
❏ Tônico neutro
❏ Hidratante facial
❏ Primer
❏ Bases
❏ Pan Stick
❏ Corretivo colorido
❏ Corretivo tom de pele
❏ Pó compacto
❏ Pó solto (translúcido)
❏ Blush
❏ Iluminador
❏ Paleta de Sombras
❏ Glitter
❏ Fixador/cola de glitter
❏ Sombra ou pasta para sobrancelha
❏ Clown preto e branco
❏ Lápis de olho (preto, marrom e bege)
❏ Delineador
❏ Máscara de cílios
❏ Batom líquido ou em bala
❏ gloss incolor
❏ Cílios postiços

Você também pode gostar