Você está na página 1de 34

Duas estradas divergiram: Divergências de Negociação

Elder.com Series e-book

Dr. Alexander Elder

Copyright 2012 pelo Dr. Alexander Elder

ISBN: 978-1-4524-7698-8

Publicado por elder.com

Duas estradas divergiram em uma madeira, e I-

Eu tomei a menos percorrida,


E isso fez toda a diferença.

Robert Frost (1874 - 1963)

CARO LEITOR: publicação eletrônica ainda está em sua infância. Se as fontes não olhar para a direita
em sua tela, tente imprimir este e-book - ele vai olhar bem no papel. Além disso, se você tem alguma
sugestão sobre como melhorar ou atualizar este livro, por favor escreva para o autor em
book@elder.com

LEGAL: Nenhuma parte desta publicação pode ser reproduzida, armazenada em um sistema de
recuperação ou transmitida de qualquer forma ou por qualquer meio, sem a prévia autorização por
escrito do proprietário dos direitos autorais.

Renúncia de garantia: enquanto o autor tem usado seus melhores esforços na preparação deste livro,
ele não faz representações ou garantias em relação à exatidão ou integridade dos conteúdos. Os
conselhos e estratégias contidas neste documento podem não ser apropriados para sua situação.
Você deve consultar com um profissional sempre que necessário. O autor não se responsabiliza por
qualquer perda.

Última revisão: janeiro 2012

Livros por Dr. Alexander Elder

Negociação para uma vida

Guia de Estudo de Negociação para uma vida

Rubles para Dólares

Come Into My Trading Room

Guia de Estudo para Come Into My Trading Room

Desviando do Rebanho

Entradas e Saídas: Visitas a 16 Trading Rooms

Guia de Estudo para as entradas e saídas

The New Sell e Venda Curta (com Guia de Estudo)

Para Trade ou não comercial: Guia de um novato (e-book)

Índice

Como trabalhar com este livro

Livre Atualizações e o Código de Honra

Revisão de ferramentas

A divergência de alta: uma definição básica

O que não é uma divergência de alta

A divergência de baixa: uma definição básica

O que não é uma divergência de baixa


Exercícios de leitor

Entradas, pára e metas de lucro

Pontos adicionais sobre Divergências

Divergências de outros indicadores

As divergências em múltiplos Timeframes

Digitalização para Divergências

O Próximo passo: MACD semi-automático

Conclusão

Obrigado

Fontes

Sobre o autor

Para encontrar a verdade, olhar abaixo da superfície!

O que você vê na superfície é muitas vezes enganador - na negociação, assim como na vida. A
tendência pode aparecer forte, enquanto abaixo da superfície pode ser fraco e pronto para reverter.

Temos indicadores que medem a potência interna de uma tendência. Às vezes eles confirmam uma
tendência de alta e dizer que é OK para manter ou adicionar aos seus cargos. Em outros momentos,
eles sinalizam que a tendência é suspeito: é melhor para sair, ter lucros, e até mesmo considerar a
mudança de longo para curto ou vice-versa.

A divergência é um desacordo entre os padrões de indicadores e preços. Nós encontramos


divergências de alta perto de fundos do mercado e divergências de baixa perto de topos de mercado.
Muitos comerciantes usam estas palavras muito vagamente - Eu quero fazer esses termos
importantes muito clara. O objetivo deste livro é ajudar você a montar a evolução dos preços com
maior confiança e reconhecer as próximas reversões antes de bater a multidão.

Escusado será dizer que eu não detêm o monopólio sobre a sabedoria. Eu aprendi meu ofício
daqueles que vieram antes de mim e ainda me considero um estudante na escola de pós-graduação
de batidas duras. Se você acha que vê um erro neste livro, por favor, escreva-me e deixe-me saber.

Como trabalhar com este livro

Vamos começar por rever definições básicas e depois olhar para muitos exemplos. Vou convidá-lo
para tomar vários exercícios de leitor. Vamos rever as divergências em diferentes indicadores. Vamos
explorar as divergências em diferentes prazos - de investir para day-trading.

Manter bons registros é a pedra angular da negociação bem-sucedida. Por favor, pare por um
momento antes de fazer quaisquer exercícios deste livro. Abra seu processador de texto e criar um
arquivo "Trabalhar com as divergências." Anote o número eo nome de cada exercício e suas razões
para responder Sim ou Não. Com o tempo você chegar ao final deste e-livro, você terá um bom
arquivo de aprendizagem. Ela irá ajudá-lo a dominar o tema e comerciais divergências com maior
confiança.
Um lembrete importante: sucesso comercial é baseado em três M de: (. Psicologia, táticas e gestão de
riscos) Mente, Método e Dinheiro Todos os três são essenciais para o seu sucesso. Este livro
concentra-se em apenas um M - Método. Você pode usar este livro como um guia para a análise de
mercado e táticas, mas lembre-se para implementar os outros dois Ms, discutidos em meus livros
anteriores, em todas as decisões de negociação.

Livre Atualizações e o Código de Honra

Eu pretendo atualizar esse e-book no futuro e enviar atualizações sem nenhum custo a todos os
compradores. Se você comprou este livro de Elder.com, iremos enviar-lhe automaticamente uma
atualização. Se você comprou em outro lugar, por favor, deixe-nos saber, e nós vamos adicionar seu
e-mail à nossa lista para futuras atualizações. Temos uma política de privacidade rigorosa e nunca vai
liberar suas informações para ninguém.

Por favor, não transmitir a este livro para os seus amigos (ou seja, cometer pirataria). Em vez disso,
enviar e-mail a seus amigos neste link [Editar] assegurar que eles recebam a atualização mais recente.

Por favor, não copie este livro

Eu coloquei várias centenas de horas de trabalho na escrita. Por favor, retribuir a minha confiança em
você, enviando seus amigos no link ao invés de piratear o livro.

E agora, vamos embarcar em nossa jornada.

Dr. Alexander Elder

Cidade De Nova York

Jan 2012

Revisão de ferramentas

Para lucrar com divergências você deve ter uma compreensão básica de análise técnica. Existem
muitas fontes, incluindo do John Murphy magisterial Análise técnica dos mercados financeiros, bem
como o meu próprio comércio para uma vida.

Aqui vamos olhar para algumas definições fundamentais, mas se alguma coisa não está claro, por
favor, consulte os livros acima.

PREÇO, Média Móvel, SUPORTE E RESISTÊNCIA

 Cada preço é um consenso momentâneo de valor entre a massa de participantes no mercado.

 Uma vez que cada preço é um instantâneo de consenso atual, uma média móvel é uma fotografia
composta, refletindo um consenso médio de valor durante a sua janela de tempo. A média móvel
crescente mostra que o mercado está otimista - altista; a média móvel de queda mostra que o
mercado está pessimista - baixista.

 Chamamos de suporte e resistência linhas através das bordas das zonas de congestionamento. Os
altos e baixos extremos refletem apenas o pânico entre os mais fracos os participantes do mercado,
enquanto as bordas das zonas de congestionamento mostrar onde a massa de comerciantes mudou
de direção.

 Eu uso gráficos de barras, porque eu aprendi a negociar com eles. Não tenho nada contra castiçais,
que vieram mais tarde; todos os exemplos deste livro poderia ter sido processado usando velas.
MACD

 Moving Average Convergence-Divergence (MACD), inventado por Gerald Appel, é um indicador do


mercado popular. Ele combina recursos de acompanhamento de tendências (MACD Lines) com as de
um oscilador (histograma MACD). O histograma MACD controla a diferença entre o MACD Lines.
Atenção: alguns pacotes de software traçar esse indicador incorretamente. Por exemplo, em vez de
metastock traçando a diferença entre as linhas como um histograma, simplesmente traça uma das
linhas, como um histograma. Há anos que tenho vindo a dizer o pessoal da Metastock que seu enredo
é incorreta - sem sucesso. No interesse da precisão, o nosso mais velho de disco para Metastock
contém uma trama correta.

 Neste livro eu vou usar valores MACD padrão de 12-26-9, mas eu encorajo-vos a experimentar
com esses números, fazendo com que cada um deles um pouco maior ou menor. É uma boa idéia
para usar as configurações de indicadores tão individual como você é. Não existem números mágicos
- apenas os números que já testamos e vêm para confiar.

 Vamos olhar para alguns exemplos de divergências usando outros indicadores. Por favor, sinta-se
livre para aplicar os conceitos deste livro para outros indicadores que você gosta.

TEMPO

 Lembre-se que os mercados se movem em vários calendários simultaneamente. Nós todos temos
nossos períodos preferidos, por exemplo, o diário ou um gráfico de 5 minutos, mas um calendário
não é suficiente.

 O sistema de negociação Triple Screen exige que você começar sua análise, examinando o prazo de
uma ordem de magnitude maior do que o que você gosta para o comércio. Se o seu favorito é o
gráfico diário, começar por olhar para os semanários. Faça a sua decisão estratégica que haja um
touro ou um urso e depois voltar para o gráfico diário para tomar decisões táticas sobre entradas e
saídas.

Gráfico parâmetros neste livro:

Semanal: 26- e 13-semana médias móveis exponenciais (EMAS).

Diário: 22- e 13-dia EMAs, alguns incluem Autoenvelopes centrado em torno da EMA mais lento.

Intraday: mesmo que acima, apenas 22 bar e 13 bar EMAs.

MACD é 12-26-9 em todos os gráficos.

A divergência de alta: a definição básica

No primeiro gráfico Eu vou te mostrar o meu exemplo favorito de uma divergência de alta. Ele tem
duas grandes características: primeiro, é tecnicamente impecável, e, segundo, que era extremamente
oportuna. Ele deu um importante sinal de compra dentro de uma semana da histórica 2,009 inferior
do mercado de urso, augurando em um novo mercado altista. Nem todos os padrões são este
perfeito, e nós vamos lidar com casos mais difíceis, mais adiante neste livro. Lembre-se esta regra:
quando se tenta encontrar uma divergência, primeiro olhar para o padrão de um indicador e mais
tarde no padrão de preços.

Negociação para uma vida oferece esta definição: "A divergência de alta ocorre quando os preços
traçar um fundo, reunião, e depois descem para uma nova baixa. Ao mesmo tempo, o histograma
MACD traça um padrão diferente. Quando se comícios a partir do seu primeiro fundo, que
levanta-comício acima da linha zero, "quebrar a parte de trás do urso." Quando os preços descem
para uma nova baixa, o histograma MACD declina a um fundo mais superficial. Nesse ponto, os
preços são mais baixos, mas a parte inferior do histograma MACD é mais elevada, mostrando que os
ursos estão mais fracos e a tendência de baixa está pronto para uma reversão. O histograma MACD
dá um sinal de compra quando ele carrapatos-se a partir de seu segundo fundo. "

Figura 01 DJIA semanal, divergência de alta (gráfico por TC2000.com)

Na área A, o Dow apareceu em uma queda livre, como o Lehman Brothers faliu e ondas de venda
chegou ao mercado. O recorde de baixa A do MACD-H indicou que os ursos eram extremamente forte
e que o fundo de preços Um era susceptível de ser reanalisada ou ultrapassado.

Na área B MACD-H subiu acima da linha central, "quebrar a parte de trás do urso." Observe que a
breve comício preço chegou a "zona valor" entre as duas médias móveis. Este é um alvo bastante
comum para comícios do mercado de urso. O conceito de zona valor é explicado em todos os meus
livros, incluindo para o comércio ou para não Trade: Guia de um novato.

Na área C da Dow deslizou para um novo mercado de urso baixa, mas MACD-H traçou um baixo
muito mais rasas. Sua uptick completou uma divergência de alta, dando um forte sinal de compra.

Observe que a quebra da linha central entre dois fundos indicador é uma necessidade absoluta para
uma verdadeira divergência. O histograma MACD tem que cruzar acima da linha zero antes de
afundar ao seu segundo fundo. Se não houver nenhum sítio transversal, então não existe divergência.

Outro ponto-chave: MACD-H dá um sinal de compra quando ele carrapatos-se a partir do segundo
fundo. Ele não tem que atravessar acima da linha central para o segundo tempo. O sinal de compra
ocorre quando MACD-H, ainda abaixo de zero, simplesmente pára de diminuir e traça um bar que é
menos negativo do que o seu bar anterior.

Este sinal de divergência foi reforçada quando MACD Lines traçou um padrão de alta entre o bottoms
A e C, com o segundo fundo de MACD Lines mais rasas do que o primeiro. Tais padrões de MACD
Lines são raramente vistos. Eles indicam que a vinda tendência de alta é provável que seja
especialmente forte (mas não podemos chamá-los de divergências, porque não existe uma linha
zero). O rali que começou em 2009, durou quase um ano antes da primeira correção significativa.

Vamos analisar outro exemplo de uma divergência de alta, este sobre um gráfico diário.

Figura 02 GE diário, divergência de alta (gráfico por TradeStation).

I começou a acompanhar GE depois de ver notícias de que Warren Buffett investiram nele em
outubro de 2008, quando o seu preço estava perto $ 18. Na área Um histograma MACD caiu para
uma nova baixa A, marcando um novo extremo de baixa potência. Na área B MACD-H subiu acima da
linha central, "quebrar a parte de trás do urso." Observe que a breve reunião cobriu para fora na zona
de valor entre as duas médias móveis. Na área C GE caiu para uma nova baixa do mercado de urso,
mas MACD-H traçou um baixo muito mais rasas. Quando marquei para cima, ele completou uma
divergência de alta e deu um sinal de compra. GE se reuniram para um dia, mas depois inverteu e
atingiu uma parada.

Na área c2 histograma MACD marcou de novo, renovando seu sinal de compra. Este funcionou
perfeitamente, com a duplicação do preço das ações nos próximos meses.

Uma das principais diferenças entre amadores e profissionais é que, quando um iniciante fica parado,
ele sente-se revoltado e se move para um outro estoque. Os profissionais, por outro lado, tentam
frequentemente múltiplas entradas, usando pára bastante apertados. Um grande sucesso, como a
segunda compra da GE, será mais do que cobrir várias pequenas perdas.

Observe também que não houve padrão de alta de MACD Lines. Aqueles ocorrem com pouca
freqüência, e muitos bons comércios começar sem eles.

Nós vivemos em um mundo imperfeito, onde até os melhores sinais ocasionalmente falhar. Tudo o
que podemos fazer é apostar em probabilidades e use paradas de proteção. Colocação de stops é um
desafio que merece o seu próprio livro. A ideia geral é a de colocar a sua paragem nas imediações da
mais recente baixa. Esperar para ter um pequeno sucesso ocasional - e ter a confiança para agir
quando o sinal de que você está tentando comércio se repete.

O que não é uma divergência de alta


Os leitores de meus livros, ocasionalmente, enviar-me cartas de operações potenciais, com base em
divergências. Quando eu olhar para os gráficos, no entanto, muitas vezes eu vejo há divergências.

Lembre-se que para uma divergência de alta ocorra, precisamos ver uma seqüência de dois fundos de
preços discretos, separados por um rali, com o segundo fundo mais baixo do que o primeiro. Um
simples desvio de preços não cria uma divergência. Ao mesmo tempo, tem de haver dois fundos de
um indicador, com a segunda mais rasa do que o primeiro, e os dois separados por uma recuperação
acima da linha de zero. Se qualquer uma destas condições único está em falta, não existe divergência.
Vamos analisar um exemplo.

Figura 03 GU diariamente, sem divergência de alta (gráfico por TradeStation).

Gushan Ambiente Energy Ltd (GU) foi uma das muitas ações chinesas listadas nos EUA, cujos preços
caíram em 2011, na sequência de revelações de má conduta contábil maciça nesse país. Pessoas que
eles lembrado como recentes high-flyers mantido acelerando e compra, esperando por uma ascensão
renovada. Vários imaginou que eles viram divergências de alta - você vê um neste quadro?

Na área Um histograma MACD caiu abaixo de zero, marcando um novo extremo de baixa potência
para as últimas downmove. Os fundos subsequentes foram mais superficial - mas em nenhum
momento fez MACD-H cruz acima da linha central. O urso foi ficando mais velho e mais fraco - mas o
urso ainda estava no comando! Só na área B fez o histograma MACD cruzar acima de zero, sinalizando
que a parte de trás do urso estava quebrado. Agora e só agora podemos começar a olhar para um
fundo C deste indicador. Se esse fundo acaba por ser mais superficial do que inferior a A, que irá criar
uma divergência de alta, dando um sinal de compra.

Quando o histograma MACD cresce mais raso durante um slide preço, isso só indica que a tendência
de baixa é cada vez menos intensa - mas não é uma verdadeira divergência. Lembre-se que as
tendências têm um monte de inércia. Como Peter Lynch apropriadamente colocá-lo em seu livro One
Up on Wall Street ", tentando pegar um fundo é como tentar pegar uma faca caindo:. Invariavelmente
você agarrá-lo no lugar errado" Eu quero ver uma divergência de alta real, com a um crossover
positiva entre os dois fundos antes de eu colocar meu dinheiro em um comércio muito tempo perto
dos pontos baixos.
A divergência de baixa: a definição básica

O primeiro gráfico no livro contou com uma divergência de alta impressionante na parte inferior do
mercado de ações de 2009. Agora, para uma ilustração impressionante semelhante de bearish uma
enorme divergência, vamos reverter o relógio e examinar o topo do mercado de touro de 2007.

As divergências de baixa ocorrem perto topos de mercado, onde eles identificar fissuras perigosas em
tendências de alta, aparentemente felizes. Negociação para uma vida ofereceu esta definição: "A
divergência de baixa ocorre quando os preços sobem para uma nova máxima, declínio, em seguida,
subir para um pico mais alto. O histograma MACD dá o primeiro sinal de problema quando ele quebra
abaixo de sua linha zero durante o declínio de seu primeiro pico. Quando os preços atingem maior
alta, MACD

Histograma sobe para um elevado muito menor. Isso mostra que os touros são mais fracos, os preços
estão subindo simplesmente por inércia e está pronto para reverter. "

Figura 04 DJIA semanal, divergência de baixa (gráfico por TC2000.com).

Lembre-se que quando o rastreamento uma divergência, primeiro olhar para o padrão de MACD,
seguido pelo padrão de preços. Tenha em mente também que o indicador tem que atravessar e
re-atravessar sua linha central, a fim de marcar uma divergência válido.

Na área X o Dow reuniram-se para um novo mercado de touro alta e histograma MACD se reuniram
com ele, levantando-se acima do seu pico anterior e mostrando que os touros eram extremamente
forte. Isto indicou que o pico X preço era susceptível de ser novamente testados ou ultrapassado. Na
área Y, MACD-H caiu abaixo da linha central, "quebrar o dorso do touro." Observe que os preços
perfurado abaixo da sua zona de valor entre as duas médias móveis. Este é um alvo bastante comum
para quebras do mercado de touro. Na área Z, o Dow subiu para um novo mercado de touro de alta,
mas o rali de MACD-H era fraco, refletindo a fraqueza dos touros. Sua downtick de pico Z completou
uma divergência de baixa, dando um forte sinal de venda, augurando em um dos mercados mais
sórdido urso em décadas.
Observe que a quebra da linha central entre dois topos de indicadores é uma necessidade absoluta
para uma verdadeira divergência. O histograma MACD tem que cair abaixo de sua linha zero antes de
subir para o segundo top. Se não houver nenhum sítio transversal, então não existe divergência.

Outro ponto-chave: MACD-H dá um sinal de venda quando ele carrapatos para baixo a partir do
segundo superior. Nós não precisa esperar por ele para cruzar abaixo da linha central novamente. O
sinal de venda ocorre quando MACD-H, ainda acima de zero, simplesmente pára de subir e traça um
bar que é mais curta do que a barra anterior.

A mensagem desta divergência de baixa foi reforçada pelo MACD Lines traçando um padrão bearish
entre os topos A e C. O segundo top de MACD Lines era mais raso do que o primeiro, confirmando a
divergência de baixa de MACD-H. Tais padrões de MACD Lines nos dizer que a vinda tendência de
baixa é provável que seja especialmente forte.

O que não é uma divergência de baixa

Uma verdadeira divergência segue um padrão clássico, descrito acima. Se um padrão se desvia da
norma, pode ser alta ou baixa - mas não uma verdadeira divergência. Quando pretendemos negociar
verdadeiras divergências, temos de ser muito claros sobre nossas definições. Um bom exemplo do
que se parece com uma divergência, mas na verdade é não pode ser visto no exemplo a seguir. Ele
veio em um webinar eu ensinei, onde vários participantes perguntou se havia uma divergência de
baixa na área marcada por uma seta vermelha.

Figura 05 S & P diariamente, sem divergência de baixa (gráfico por TC2000.com).

O pico do histograma MACD que é marcado por uma seta vermelha diagonal foi aproximadamente
iguais em altura, mas mais maciço do que X. Um pico igual ou pico do indicador confirma a
recuperação dos preços - não há nenhuma divergência. A maior pico de MACD-H diz que o último
pico de preços é susceptível de ser reanalisada ou ultrapassado. Lembre-se que para uma divergência
de baixa de ocorrer você deve ver esses dois padrões:

 Um preço mais elevado no segundo pico com um pico indicador inferior

 Uma quebra abaixo da linha central entre os dois picos indicadoras


E agora uma pergunta para você: existe alguma divergência na Figura 05? Por favor, vá para cima para
ele e estudar o gráfico acima, antes de olhar abaixo de uma resposta ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

... Olha-se primeiro ...

Figura 06 S & P diário, divergência de alta (gráfico por TC2000.com).

Na área Um histograma MACD caiu para uma nova baixa, confirmando o poder de ursos. Ele sugeriu
que o preço inferior Um era susceptível de ser reanalisada ou ultrapassado. Na área B, MACD-H subiu
acima de sua linha zero, "quebrar a parte de trás do urso." Na área C, MACD-H caiu abaixo de zero,
traçou um fundo raso e, em seguida, marcou-se, completando uma divergência de alta. Foi
confirmado por um padrão de alta de MACD Lines, bem como um rompimento de baixa falsa de
preços na área C. Este trifecta bullish precedeu um rali muito enérgico.

Exercícios de leitor

Sempre que você examinar um gráfico, começará por se concentrar em sua borda esquerda, em
seguida, deixe seus olhos deslizar lentamente da esquerda para a direita, traçando o
desenvolvimento de padrões gráficos. Cada ação tem uma personalidade, e sabendo a história do seu
estoque vai ajudá-lo a tomar a melhor decisão na borda direita. A maioria dos comerciantes cometem
o erro de saltar imediatamente para a borda direita, negando-se a oportunidade de aprender como o
seu estoque chegou ao ponto onde está hoje.
Cada exercício irá mostrar-lhe uma carta e pedir-lhe para tomar uma decisão na sua margem direita.
Depois clique no link Resposta, eo sistema irá levá-lo para baixo na área de respostas. Examine o
gráfico que ilustra a sua resposta, leia quaisquer comentários e clique em um link de retorno para
voltar ao texto principal.

Não demoramos na área de Respostas, porque se você fizer isso, você verá outros gráficos, com
respostas a outras questões, e que vai estragar a sua experiência educacional. Lembre-se: basta olhar
para cima a sua resposta, e seguida, clique para retornar ao convés, e prossiga para o próximo
exercício.

O formato e-book actual não permite-me de incluir uma mesa para que você preencha. É por isso que
eu sugiro que você imprima o formulário acima e preenchê-lo com a mão. Anote a sua resposta para
cada pergunta, sua resposta grau, e anotar qualquer comentário que você possa ter sobre cada
escolha. Lembre-se que manter bons registros é uma marca de um profissional bem sucedido.

Exercício A - esta é uma divergência de alta?

Figura 07 AMP diária. Pergunta: existe uma divergência de alta na borda direita do gráfico?

Ver resposta AMP

Exercício B - esta é uma divergência de baixa?


Figura 08 AMZN diariamente. Pergunta: existe uma divergência de baixa na borda direita do gráfico?

Ir para a resposta AMZN

Exercício C - esta é uma divergência de baixa?

Figura 09 BBBY diariamente. Pergunta: existe uma divergência de baixa na borda direita do gráfico?

Ir para a resposta BBBY

Exercício D - esta é uma divergência de alta?


Figura 10 GOOG diária. Pergunta: existe uma divergência de alta na borda direita do gráfico?

Entradas, paradas e Lucro Metas

Você deve se lembrar que os mercados podem se mover em direções conflitantes em diferentes
intervalos de tempo. Uma ação pode ser plana no gráfico semanal, caindo na diária, mas levanta-se
em uma tabela horária. Você precisa tomar mais de um calendário em conta quando se pretende
comprar ou vender, porque um movimento em um prazo vizinho pode afetar seu comércio.

Uma discussão aprofundada dos vários prazos está fora do escopo deste livro. A minha abordagem, o
chamado Triple Screen, é descrito em todos os meus livros, começando com Negociação para uma
vida. Em poucas palavras, quando swing-negociação, faço minhas decisões estratégicas para ir longo,
curto ou ficar de fora nas paradas semanais; depois eu voltar para os gráficos diários para decisões
táticas sobre entradas e saídas. Em day-trading, faço minhas decisões estratégicas para ir longo, curto
ou ficar de fora em um gráfico de 25 minutos e finesse minhas entradas e saídas usando um gráfico
de cinco minutos. Você está convidado a selecionar diferentes prazos, mas o princípio é o mesmo:
decisões estratégicas sobre um gráfico de longo prazo e tático em um gráfico de curto prazo; a razão
entre os períodos deve ser de cerca de 5-1. Os comerciantes bem sucedidos tendem a analisar os
mercados usando vários prazos.

Divergências produzem sinais muito poderosos - tão fortes no fato de que uma divergência sobre um
gráfico diário pode ignorar a mensagem de um gráfico semanal. Ainda assim, você obter o melhor
resultado quando os dois prazos não estão em conflito: por exemplo, um semanário neutro e um
diário de alta ou de um gráfico neutro de 25 minutos e um gráfico bearish 5 minutos.

Sempre que planear um comércio, lembre-se de anotar três números essenciais: a sua entrada, alvo
de lucro, ea paragem de proteção. Estes três números de criar um quadro realista para todas as
trocas comerciais; sem eles, não é um comércio, mas apenas um jogo. Você está autorizado a finesse
e mudar esses números, enquanto em um comércio, com uma exceção: você nunca pode mover a
sua paragem para aumentar o seu risco. Você pode movê-lo apenas para reduzir o risco ou proteger
uma fatia maior do seu lucro.
Com estes princípios em mente, vamos rever as regras básicas para a criação entradas, metas de
lucro e pára quando da negociação divergências:

As divergências de alta:

 Compre quando MACD-H carrapatos-se a partir de seu segundo fundo.

 Coloque sua meta de lucro nas imediações da linha superior do canal no mesmo período de tempo
como a divergência. Tenha em mente que as divergências tendem a dar sinais muito fortes, e tais
alvos são frequentemente excedidos. Ainda assim, os ganhos mais rápidos e mais fiáveis ​tendem a
ocorrer durante a explosão inicial a partir do segundo fundo do histograma MACD.

 Coloque o seu stop de proteção nas imediações da mais recente baixa. Você pode dar o seu
comércio algum espaço extra colocando este parar alguns carrapatos abaixo que o baixo, a menos
que o fundo era uma "cauda de canguru 'caso em que colocar a sua parada cerca de dois terços do
caminho para baixo a partir do topo da barra de cauda.

As divergências de baixa:

 Venda a descoberto quando o histograma MACD carrapatos para baixo de seu segundo top.

 Coloque sua meta de lucro nas imediações da linha inferior do canal no mesmo período de tempo
como a divergência.

 Coloque o seu stop de proteção ou com uma ampla margem acima da mais recente alta ou
ligeiramente abaixo que o alto, caso em que você deve estar preparado para re-entrar se parado fora.
O curto-circuito topos é mais difícil do que a compra de fundos por causa de sua maior volatilidade.

Vamos rever alguns exemplos de entradas e saídas seguintes divergências de alta e baixa.
Figura 11 SIRI diária. Entrada, parar e alvo na sequência de uma divergência de alta (gráfico por
Metastock).

SIRI recusou-se a uma nova baixa na área A, e histograma MACD também atingiu uma nova baixa,
confirmando o poder de ursos. MACD-H subiu acima de sua linha zero na área B, quebrando a parte
de trás do urso, e depois afundou-se abaixo de zero novamente. É aí que um comerciante atento iria
começar a ver que o estoque como um falcão. O histograma MACD assinalada acima de abaixo de
zero na área C, a um ponto marcado por uma seta verde inclinada, dando um sinal de compra.

Se você viu esse sinal à noite, após o encerramento, você teria que comprar no dia seguinte e coloque
um stop de proteção nas imediações da mais recente baixa. Essa baixa foi uma "cauda de canguru ', e
eu costumo colocar minha parada no meio do caminho ou dois terços para baixo da cauda. Se um
urso começa a mastigar a cauda, ​eu não quero ficar por aqui até

a última mordida. A colocação razoável de uma meta de lucro é perto da linha superior do canal.
Canais são descritos em todos os meus livros, incluindo o mais recente ao comércio ou não negociar.
Figura 12 CTXS diária. Entrada, parar e alvo na sequência de uma divergência de baixa (gráfico por
StockFinder).

O rali de CTXS na área X foi confirmada pelo histograma MACD reunindo para uma nova alta. Este
indicador caiu abaixo de zero na região Y, quebrando o dorso do touro. Estagiou um comício fraco na
área Z, cobrindo para fora consideravelmente abaixo do pico X, apesar de os preços marcharam
superior. Quando o histograma marcada para baixo a partir do segundo topo, ele deu um sinal para
vender a descoberto (marcado com uma seta vermelha vertical). Pode-se entrar curto no dia
seguinte, com uma meta de lucro perto da linha inferior do canal (seta verde).

Há uma grande diferença na colocação parada em topos e fundos. Bottoms tendem a ser assuntos
bastante acentuada: na compra de uma divergência de alta, faz sentido colocar a sua paragem
relativamente perto da mínima mais recente. Cobre, pelo contrário, tendem a ser muito mais volátil.
Muitas vezes vemos rompimentos de alta falsos, provocando pequenas doses. Você tem uma escolha:
ou usar uma parada mais larga ou colocar um stop apertado, mas estar preparado para manter
re-entrada se parado prematuramente. Vamos rever o exemplo de XLNX.
Figura 13 XLNX diária. A divergência de baixa e um rompimento de alta falso (gráfico por
StockFinder).

O rali de XLNX foi plenamente confirmada na área X, onde o histograma MACD reuniram-se para uma
nova alta. Na área Y ele dorso do touro foi quebrado quando o indicador caiu abaixo de zero. O
estoque subiu novamente na área Z, mas MACD-H subiu para uma alta menor. Seu primeiro
downtick, marcado com uma seta vermelha vertical, completou uma divergência de baixa. Se você
tivesse ido curto no dia seguinte, você teria que lidar com a fuga de preços para uma nova alta dois
dias depois. Se você tivesse colocado uma parada apertado, você iria ser retirado imediatamente
antes do urso reafirmou-se e os preços caíram.

Esta volatilidade, tão comum no mercado tops, o obriga a escolher entre dois métodos de colocação
de stops: torná-los de largura e arriscar mais dinheiro ou torná-las apertado e estar preparado para
re-entrar de você ficar parado fora. Como você responde a esta pergunta depende de seu estilo de
negociação.

Pontos adicionais sobre Divergências

Várias questões tendem a vir até ao lidar com divergências:

 Devo esperar para entrar durante o próximo bar ou entrar intra-bar?

 Como negociar divergências triplas?

 O que é um 'ombro direito ausente'?

 Como combinar divergências com um estilo de negociação?

ENTER DURANTE O BAR divergência ou aguardar o próximo BAR?

Esta questão surge muitas vezes especialmente entre os day-traders. Imaginem que paira na frente de
uma tela ao vivo: como os preços do carrapato cima e para baixo em um gráfico de cinco minutos, o
histograma MACD mantém mudando de direção, só para reverter novamente alguns minutos depois.
Se você esperar até o final do bar que 5 minutos para confirmar a divergência e entrar durante a
próxima bar - ou saltar logo que MACD muda de direção?

Entrando durante o atual bar permite que você capture um preço melhor, mas você corre o risco de
que a mudança revertendo alguns momentos mais tarde, cancelando o sinal. Aguardando a próxima
barra fornece um sinal mais confiável, mas o preço de entrada é susceptível de ser não é tão bom.

Sua escolha depende de sua tolerância ao risco.

Eu uso o Triple Screen, e tomar decisões estratégicas em um prazo mais longo, neste caso, um gráfico
de 25 minutos. Se o gráfico de 25 minutos permite-me ir por muito tempo, e tudo que eu preciso
antes de comprar é um pequeno aumento do MACD em um gráfico de 5 minutos, vou entrar assim
que um sinal de pisca durante um bar. Se a longo prazo parece ser bom, eu vou entrar intra-bar em
um prazo mais curto, caso contrário, eu vou esperar para o próximo bar.

Comerciantes experientes menos deve esperar o bar fechar. Embora isso possa reduzir o seu ganho, é
um sinal mais limpo. Como você ganhar experiência, você vai saber quando para soltar esta regra.

Como negociar DIVERGÊNCIAS triplo?

Não há sinal perfeito em análise técnica. Mesmo normalmente divergências confiáveis ​pode falhar. Os
preços podem deixar de reunir na sequência de uma divergência de alta, mas afundar em vez,
batendo a nossa parada de proteção. Sempre que

acontece, eu continuar a assistir o histograma MACD; contanto que ela não caia abaixo do nível do
seu primeiro fundo, considero uma divergência intacta e terá como objectivo a comprar novamente
quando MACD-H carrapatos-se a partir de sua próxima inferior.

Eu escrevi em negociação para uma vida: "Ocasionalmente, o segundo fundo é seguido por um
terceiro. É por isso que os comerciantes devem usar stops e boa gestão do dinheiro. Não há certezas
nos mercados, apenas probabilidades. Mesmo um padrão confiável, como uma divergência do
histograma MACD, pode falhar ocasionalmente, o que é por isso que devemos sair se os preços
caírem abaixo de seu segundo fundo. Devemos preservar nosso capital de negociação e re-entrar
quando o histograma MACD carrapatos-se a partir de seu terceiro fundo, contanto que ele é maior do
que o primeiro. "

As divergências de baixa triplos ocorrem quando os preços começam a cair a partir de uma
divergência de baixa, mas, em seguida, transformar-se novamente. Vimos este padrão na Figura 08.
Enquanto o mais recente topo de MACD-H está abaixo do primeiro top original, eu vou curto
downtick do último topo - como eu fiz no comércio mostrado na Fig. 08.

Se você confiar em seus sinais e usar o bom gerenciamento de risco, você vai ter a coragem de voltar
a entrar.

FALTA ombro direito

Esta é uma versão rara de uma divergência, descrita pela primeira vez em The New Vender Vender &
Short. Ela ocorre quando a segunda Z topo da MACD-H falha para limpar a linha zero, enquanto a
construção de uma divergência de baixa. É muitas vezes precede declínios viciosos.
Figura 14 ISRG diária. A 'falta ombro direito "divergência de baixa (gráfico por MetaStock).

Aqui você pode ver como ISRG, uma empresa líder em tecnologia médica, se reuniram na área X. O
histograma MACD reuniram-se para um novo pico, enquanto os preços apagou de seu canal. Eles
puxaram de volta ao valor de Y na área e se reuniram novamente em Z, sair para uma nova alta, mas
incapaz de alcançar a linha superior do canal. O histograma MACD 'quebrou o dorso do touro' Y na
área, mas o seu comício na área Z não pode subir acima da linha zero. Quando marquei para baixo
(marcados por uma seta tracejada vertical), que completou uma divergência de baixa de um tipo
ombro direito em falta.

As imagens de espelho de tais divergências podem ocorrer em fundos do mercado. Comerciantes de


início não deve negociar tais divergências 'ombro direito desaparecidas'. Os novatos estão em melhor
situação negociando padrões clássicos e deixando padrões mais incomuns para os comerciantes mais
experientes.

Divergências e seu estilo de negociação

Alguns de nós gostam de negociar tendências, outros preferem olhar para a inversão. Alguns gostam
de "ir com o fluxo", enquanto outros olham para uma mudança. Isso raramente é uma escolha
consciente, como nós tendem a seguir os nossos instintos.

As divergências são especialmente úteis para os comerciantes de reversão. Você pode construir seu
método de negociação inteira em divergências. Apenas certifique-se de ter uma gestão de risco para
baixo frio. Reversão de negociação é um negócio fascinante, mas arriscado. Certifique-se de usar
stops de proteção.

Os comerciantes tendência também podem se beneficiar de divergências. Lembre-se que as


divergências estão entre os sinais mais fortes em análise técnica. Se você reconhecer uma divergência
de alta no gráfico semanal, você deve ter uma maior confiança para montar a tendência de alta no
gráfico diário. Você pode ver um bom exemplo disso na Figura 01, no início deste livro. Além disso, o
aparecimento de uma divergência de posição contra um é um sinal de saída ou pelo menos para
apertar a sua paragem.

Qualquer método de negociação é apenas tão boa como a pessoa que o utiliza. Torne-se ciente de
seu estilo e construir o seu método em torno dele. Citando Hamlet, de Shakespeare, "Para teu
próprio ser verdadeiro."

Divergências de outros indicadores

Todos os gráficos que testamos até agora caracterizou o histograma MACD, mas divergências ocorrem
em muitos outros indicadores. O único requisito é que esses indicadores devem oscilar em torno de
uma linha zero. É por isso que o histograma MACD pode ter uma divergência enquanto MACD Lines
não pode - porque MACD Lines não oscilam em torno de uma linha zero.

Para que uma divergência clássica a surgir, um indicador tem que atravessar a sua linha zero entre as
duas partes inferiores ou tops. Se não houver nenhum sítio transversal, não existe divergência. É por
isso que chamamos os padrões de MACD Linhas nas figuras 1 e 7A de alta, mas não podíamos
chamá-los de divergências - Linhas MACD tem nenhuma linha zero. Nem poderíamos chamar os
padrões de MACD Linhas nas figuras 4 e 8B divergências de baixa. Desde a construção de linhas
MACD não inclui uma linha zero, ele não pode ter uma alta ou de baixa divergência. Pode ter uma
alta ou de um padrão bearish para ter certeza, mas não uma divergência clássica.

Por causa desta regra, o conceito de uma alta ou de baixa divergência não pode ser aplicada a muitos
indicadores populares, como o RSI ou Stochastic. Com certeza, há casos em que os preços mais altos
são acompanhados por uma série de topos mais baixos no RSI ou Stochastic, indicando uma
tendência de enfraquecimento. Você pode muito bem pagar a atenção a tais desenvolvimentos e
usá-los em sua negociação - mas você não pode chamá-los de divergências.

Para uma divergência de alta de ocorrer, não tem dois fundos indicador com uma ascensão de alta
em toda a linha zero entre eles. Para uma divergência de baixa, um indicador deve ter dois períodos
de recuperação, e entre eles uma ruptura abaixo da linha central. É por isso que podemos aplicar o
conceito de uma divergência apenas aos indicadores que oscilam em torno de uma linha zero.

Deixe-nos a manter a clareza de nossos conceitos. O mercado está confuso o suficiente como é, e
temos de pensar com clareza e ser disciplinado, a fim de ser bem sucedido. Não há espaço para
definições distorcido em análise de mercado.

Para aplicar o conceito de divergências a outros indicadores, vamos rever dois exemplos. Um deles é
o Índice de Força e o outro é o New alta - New Index Baixo, uma vez que ambos são construídos a
oscilar em torno de uma linha zero.

O índice de força é descrita em todos os meus livros, começando com a sua primeira apresentação
pública em negociação para uma vida. Considero que é a melhor ferramenta para o volume de
rastreamento nos mercados. Volume serve como motor essencial da evolução dos preços, eo índice
de força rastreia suas mudanças muito mais claramente do que qualquer gráfico volume.

Trabalhando com o índice de força, eu nunca usar seus valores brutos, mas alisá-lo com uma média
móvel. Eu uso uma MME de 2 dias para a captura próprias tendências de curto prazo e uma MME de
13 dias para as tendências intermediárias, tais como as mostradas acima. Divergências na MME de 13
bar do índice de força são especialmente valiosos.
Figura 15 AAPL diariamente com uma MME de 13 dias do índice de força com as divergências de alta
e baixa (gráfico por MetaStock).

Na área Um computador Apple (AAPL) caiu para uma nova baixa eo índice de força moído para baixo
a uma nova baixa, bem como, confirmando o poder de ursos. Os preços caíram ainda mais baixa, mas
o índice de força tenderam a ser maiores, cruzando acima de sua linha zero na área B, "quebrar a
parte de trás do urso." Os preços caíram para um novo mínimo na área C, mas o índice de força
traçadas muito mais rasa baixo , completando uma divergência de alta. Ele deu um sinal de compra
pelo cruzamento acima da linha zero, e, em seguida, AAPL estava pronto para as corridas.

O índice de força alcançou um novo recorde na área X, caiu abaixo de zero na região Y, quebrando o
dorso do touro, em seguida, se reuniram novamente na área Z, onde uma divergência de baixa
ocorreu. Esse sinal foi reforçada por um rompimento de alta falsa, e que precedeu uma combinação
downmove afiado.

Outro indicador importante que oscila em torno de sua linha zero é o New alta - New Index Low
(NHNL). Considero-o o melhor indicador importante do mercado de ações. Há um capítulo dedicado a
ele em

Negociação para uma vida e eu estou trabalhando atualmente em um e-book sobre NHNL
juntamente com Kerry Lovvorn, meu amigo e parceiro na SpikeTrade.
Figura 16 S & P500 semanalmente com um NHNL semanal. Uma linha de baixa e uma divergência de
alta (gráfico por TradeStation).

Em março de 2011 o mercado de ações reuniram-se para seu novo pico pós-2009. NHNL confirmou o
poder dos touros por subindo para uma nova alta na área X, nos dizendo para esperar que os preços
ainda mais altos à frente. Quando os preços caíram para a sua zona valor, NHNL brevemente
mergulhados abaixo de zero na região Y, "quebrar o dorso do touro." Quando o mercado de ações
subiu para um novo mercado de touro alta em maio na área Z, NHNL traçou um pico muito menor ,
completando uma divergência de baixa e dando um sinal de venda.

Depois que o mercado teve uma queda feia, bullishness massa evaporada eo público foi tomado por
bearishness. Foi quando NHNL traçada uma divergência de alta ABC, dizendo comerciantes
experientes não entrar em pânico e se posicionar para um comício. O valor de NHNL é tão grande que
nós publicar atualizações noturnas e comentários sobre este indicador em www.spiketrade.com

Podemos encontrar exemplos de divergências em muitos outros indicadores - contanto que eles
incluem uma linha zero. Apenas lembre-se estas sequências:

Para uma divergência de alta (divergências de alta ocorrem em fundos do mercado):

 Os preços caem para uma nova mínima, tentativa de reagrupar, mas, em seguida, cair para uma
nova baixa
 Um indicador cai para uma nova baixa, sobe acima de zero, em seguida, cai de novo, mas a um
baixo mais superficial, e os carrapatos up

Para uma divergência de baixa (divergências de baixa ocorrem em picos de mercado):

 Preços comício para um pico, declínio, em seguida, reunir para um pico mais alto

 Um indicador comícios para um pico, cair abaixo de zero, em seguida, comícios para um pico mais
baixo, e em seguida, carrapatos para baixo

Mantendo estas regras em mente irá ajudá-lo a encontrar poderosos divergências de alta e baixa em
muitos mercados, utilizando diversos indicadores.

As divergências em múltiplos Timeframes

Quando estiver a escrever o primeiro rascunho deste capítulo, eu estava mantendo um olho na tela
citações onde o meu dia-comércio estava acontecendo, impulsionado por divergências de baixa. Eles
ocorrem em gráficos intraday com muito mais frequência do que nos jornais. Os movimentos não são
tão grandes como nos jornais, mas as oportunidades são muito mais freqüentes.

Tenha em mente que a extensão de qualquer movimento de preços é em proporção direta com o seu
horizonte temporal. Por exemplo, olhando para o S & P500 e seu veículo de negociação, o e-mini
futuros, uma divergência no gráfico semanal pode levar a um movimento de mais de uma centena de
pontos, uma divergência sobre um gráfico diário pode preceder um movimento de um par de
dezenas pontos, enquanto uma divergência em um gráfico de cinco minutos pode resultar em um
movimento de apenas alguns pontos. Uma divergência em um gráfico semanal de um estoque tende
a ocorrer uma vez a cada poucos anos, enquanto no gráfico diário que pode ocorrer algumas vezes
por ano, mas em gráficos intraday, você pode pegar um várias vezes por semana.

Você deve lembrar que os mercados se movem ao mesmo tempo em vários prazos. Eu continuo
correndo em day-traders que mantêm olhando para um gráfico de cinco ou dez minutos para a
exclusão de tudo o resto. Invariavelmente, eles se sideswiped por movimentos que surgem a partir de
prazos ligeiramente mais longos. Um grave day-trader deve seguir os princípios da Triple Screen. Com
esta ressalva, vamos rever alguns exemplos de divergências sobre gráficos intraday.
Figura 17 S & P e-mini futuros, a 5 minutos com o histograma MACD eo MACD Lines. A divergência de
baixa (gráfico por TradeStation).

S & P subiu em cima X, recuou, eles reuniram-se para uma maior alta na área Z. O histograma MACD
traçou um enorme top X, e, em seguida, quebrou o dorso do touro na zona Y, caindo abaixo de sua
linha zero. Em seguida, se reuniram

a um Z. topo muito menor Quando MACD-H marcada para baixo, ele completou uma divergência de
baixa e empurrou os preços para baixo em um declínio maior inclinação.

Um gráfico intraday se comporta exatamente como um gráfico diário. Uma vez que você aprender a
operar divergências, você vai ser capaz de negociá-los em qualquer período de tempo. Basta lembrar
que day-trading dá-lhe tempo para pensar - suas ações devem ser quase automático. Este make
day-trading não recomendado para iniciantes.

Figura 18 BIDU 5 minutos com o histograma MACD eo MACD Lines. As divergências de baixa e
otimistas (gráfico por TradeStation).

Na época, eu escrevo isto, Baidu, Inc. (BIDU) é uma das ações favoritas entre os day-traders. Seus
grandes oscilações fornecem muitas oportunidades para os operadores ágeis. Neste exemplo, BIDU
reuniram-se para um novo pico, criando um XYZ divergência de baixa, pouco antes do próximo (uma
linha cinzenta vertical). No dia seguinte, ele deslizou para baixo a partir do sino de abertura,
conquistando um fundo antes do meio-dia na área A, com a nova baixa do histograma MACD
confirma o poder dos ursos. BIDU foi plana em torno de almoço, com o histograma MACD subindo
acima de zero na área B, quebrando a parte de trás do urso. O estoque quebrou para uma nova baixa
na área C - mas o histograma MACD recusou-se a confirmar que o declínio. Mercados executado em
um sistema de dois partidos - quando os ursos tornam-se fracos, é hora de apostar nos touros. Esta
divergência de alta deu um sinal de compra pouco antes de um

upmove explosivo. Os lucros poderiam ser tomadas perto da linha superior do canal. Eles
absolutamente devem ser tomadas quando os preços parar acima de sua linha superior do canal.

Este quadro tem várias outras características importantes. Observe um padrão de alta de MACD Lines
na área C e, claro, o rompimento de baixa no fundo falso C. Um falso rompimento ocorre quando os
preços quebrar abaixo do suporte, mas não pode acompanhar através rali e acima da linha de apoio,
dando um sinal de compra.

Nós poderíamos ter enchido páginas com centenas de exemplos de divergências de alta e baixa em
gráficos intraday - a cada hora, a cada meia hora, 10 minutos, 5 minutos, o nome dele. Talvez você
pode fazer isso em seu próprio diário de negociação. Basta ter em mente que o conceito de
divergências aplica-se a todos os prazos.

Digitalização para Divergências

Diante de um universo enorme de ações, alguns comerciantes se sentir tentado a criar uma varredura
automática e usá-lo para procurar por divergências. O problema é que, embora as divergências
tendem a pular em você quando você olhar para um gráfico, eles são surpreendentemente difícil de
pegar através de uma varredura.

Vários programadores especialistas me disseram que escrever uma verificação de divergência era seu
desafio mais difícil. Nenhum deles tem alcançado resultados que eram inteiramente satisfatória.
Todas as verificações automáticas que eu vi tinha um enorme número de falsos positivos e negativos.
Falsos negativos perca perfeitamente bons divergências, enquanto os falsos positivos bandeira
gráficos que não têm divergências. Juntos, eles levam a um colossal desperdício de tempo e as
oportunidades perdidas.

Eu ainda não descobri o que causa esse problema. Um padrão de divergência facilmente visto por um
profissional experiente torna-se extremamente difícil de apanhar com uma verificação automática.

Ainda assim, é muito tentador para criar uma varredura que iria competir através de um universo de
ações - dizem todas as ações no S & P500 - e aqueles com bandeira divergências de alta ou de baixa.
Tenha em mente que uma varredura deve eliminar as existências de baixo volume, bem como stocks
muito baratos. Por exemplo:

 omitir ações que o comércio menos de um milhão ou pelo menos meio milhão de ações por dia

 não olhe para divergências de alta em ações de US $ 3 mais barato

 não olhe para divergências de baixa em ações de US $ 10 mais barato

Ele paga para eliminar as existências de baixo volume de uma varredura porque o volume baixo
reflete baixa participação do público. Isso prejudica todo o princípio da análise técnica - leitura
psicologia de massa dos mercados. Se o volume é baixo, não há o suficiente para ler. Estoque baixo
preço pode experimentar enorme volatilidade. Isso é ótimo quando se vai o seu caminho, mas pode
ser esmagador quando ele oscila contra você - que tendem a evitar este risco.

O Próximo passo: MACD semi-automático

No processo de escrever este livro, eu encontrei uma nova solução para o desafio da digitalização
para divergências (uma das razões que eu ensino e escrever é que ele me desafia para expandir
minha mente). Atualmente, estou testando este método, que eu nomeei "MACD Semi-automático."

Como vimos, uma divergência de alta consiste em duas partes inferiores, A e C, com um top B entre
eles. Esta varredura detecta quando inferior a A e B topo foram rastreados eo fundo C apenas começa
a se formar. Nesse ponto, o modo automático termina e começa o manual. Torna-se agora o trabalho
de um comerciante para identificar a parte inferior C e trocá-lo.

Uma varredura para divergências de alta executa as seguintes etapas, nesta ordem:
1. O histograma MACD cai para o menor baixa de 100 bares (você pode mudar esse número). Esta
identifica um fundo do potencial divergência de alta ABC.

2. O histograma MACD cruza acima da linha zero, "quebrar a parte de trás do urso." Isso identifica
topo B de um potencial padrão de divergência de alta.

3. Com o estoque bater novos mínimos de 100 dias, o histograma MACD cruza abaixo de sua linha
zero novamente - e neste ponto os sinalizadores de verificação do banco. Agora é a hora de mudar de
usar um computador para confiar em seus olhos, como você caça para o potencial inferior C,
completando a divergência de alta e dando um sinal de compra.

Figura 19 ALLT diariamente com o histograma MACD eo MACD Lines. MACD alertas semi-automáticas
(gráfico por TC2000).

Padrões de alta e baixa aqui tendem a espelhar um outro. Na área Um tanto as Comunicações Allott
(allt) e histograma MACD cair para uma nova baixa. O estoque trabalha o seu caminho para baixo
ainda mais baixo, enquanto MACD-H permanece abaixo de zero, traçando um fundo amplo. Um rali
na área B quebra a parte de trás do urso. Quando as pias indicador abaixo de zero seguinte ao topo B,
as bandeiras de digitalização semi-automáticas este veículo de negociação. Neste ponto, um
comerciante pode começar a segui-lo visualmente em uma base diária.

Na área X, o estoque eo indicador tanto rali para um novo pico. O estoque continua ainda maior,
enquanto o indicador traça um amplo topo. Rachaduras MACD-H na área Y, quebrando o dorso do
touro. Quando o histograma MACD sobe acima de sua linha zero de novo, as bandeiras de
digitalização semi-automáticas do banco como um potencial curto em um futuro próximo. É hora de
começar a vê-lo em uma base diária, pronto para negociar uma pausa de preços mais grave.

Uma varredura para divergências de baixa ajuda mercado tops captura. A divergência de baixa
consiste em dois tops, X e Z, com uma quebra de Y entre eles. Esta verificação detectar quando a
parte superior e inferior X Y foram rastreados
eo topo Z começa a se formar. Nesse ponto, o modo automático termina e começa o manual.
Torna-se agora o trabalho de um comerciante para identificar o topo Z e trocá-lo. Estas são as etapas:

1. O histograma MACD sobe para a maior alta de 100 bares (você pode mudar esse número). Isso
identifica topo X de um potencial padrão de divergência bearish.

2. O histograma MACD cruza abaixo de sua linha zero. Isso identifica inferior Y, "quebrar o dorso do
touro."

3. Com o estoque subir para novos máximos de 100 dias, o histograma MACD cruza acima de sua
linha zero - neste momento as bandeiras de scanner do banco. Agora é a hora de mudar de usar o
computador para usar seus olhos, a caça para o potencial Z. topo

Figura 20 HPQ MACD diário com semi-automática (por carta TradeStation).

Nas zonas 1 e 3, os potenciais divergências de baixa são sinalizadas por pontos vermelhos como o
topo Z está começando a emergir. Quando a varredura detectar um pico de preço mais alto
acompanhado de uma menor histograma MACD, ele começa a colocar pontos vermelhos acima do
enredo, o aviso sobre a possibilidade de uma divergência de baixa. Na zona 2 este tipo de exame
adverte de uma divergência de alta se aproximando, piscando um ponto verde quando os preços
descem para uma nova baixa C, enquanto MACD-H, ao cair, ainda está acima de sua parte inferior A.

Esta varredura semi-automática é um trabalho em progresso. Eu continuo a trabalhar neste projeto e


começou a usá-lo em meu comércio. Eu irei atualizar o descobertas na próxima edição deste e-livro,
que será enviado como cortesia a todos os leitores cujos e-mails que temos.

Conclusão

As divergências de alta e de baixa estão entre os sinais de negociação mais poderosos. Use essas
ferramentas afiadas com cuidado, tendo em mente vários princípios e regras:

1. Uma divergência de alta consiste de duas partes inferiores de preços separadas por uma reunião,
com o segundo fundo mais baixo do que o primeiro. Ao mesmo tempo um indicador traça um padrão
semelhante, cruzando acima da linha de zero entre dois fundos, apenas o seu segundo fundo é maior
do que o primeiro.

2. Uma linha de baixa divergência consiste de duas partes superiores de preços separadas por uma
pausa, com o segundo topo mais alto do que o primeiro. Ao mesmo tempo um indicador traça um
padrão semelhante, quebrando abaixo da sua linha zero entre dois topos, e a sua segunda parte
superior é menor do que o primeiro.

3. otimistas, bem como de baixa divergências seguem padrões bem definidos. Se você ver um padrão
que se desvia da norma, a coisa mais segura a fazer é ignorar que o estoque e passar para outra. Não
dobrar as regras e forçar-se ao comércio. Os mercados de fornecer uma riqueza de oportunidades e
os operadores privados têm o luxo de liberdade como nós esperar por um sinal claro a emergir. Um
trader institucional deve negociar todos os dias, mas como um operador privado que você tem uma
vantagem - apenas para negociar quando tudo alinha à direita. Não jogue fora essa vantagem.

4. Lembre-se que os mercados vivem em vários prazos. Se você ver uma divergência de alta no gráfico
diário, é importante saber o que o semanário está fazendo. É bom se ele está batendo apoio,
reforçando o caso de alta. Se, por outro lado, ele está caindo como uma faca, um deve ser
duplamente cauteloso negociando uma divergência de alta no gráfico diário - ignorá-lo ou trocar um
tamanho menor.

Obrigado por ter se juntou a mim nesta viagem em uma área fascinante e gratificante de análise
técnica. Faça a sua casa, manter bons registros, e aplicar regras de gestão de risco para se tornar um
vencedor.

Os melhores votos para o sucesso comercial,

Dr. Alexander Elder

Cidade De Nova York

Jan 2012

Obrigado

Sinto-me grato a um grupo de amigos leais que gentilmente contribuíram para este livro. Na
elaboração minhas cartas contei com ferramentas técnicas implementadas por um programador
brilhante chamado John Bruns. Desde que se formou a partir de anos de campismo dos meus Traders
atrás, ele desenvolveu um conjunto de Elder-discos que implementam as minhas ferramentas em
vários programas gráficos populares. Todos os gráficos neste e-book foram elaboradas usando-discos
Elder.

Jeff Parker, um distinto membro da SpikeTrade, deu o manuscrito uma leitura séria e fez várias
sugestões e correções. Kelly Clemente de Equis.com desenhou vários gráficos usando MetaStock,
enquanto Patricia Liu chamou vários gráficos usando StockFinder. Kerry Lovvorn ajudou com o projeto
levantado. Carol Keegan Kayne realizada a final copy-edit - nenhum livro está completa sem ela
assinar fora nele.

Meus grandes graças a todos vocês.

Fontes
Elder, Dr. Alexander. The New vender e vender curto: Como fazer exame de lucros, reduzir as perdas,
e Benefício de quedas de preços. John Wiley & Sons, 2011

Elder, Dr. Alexander. Negociar ou não comercial: Guia de um novato. elder.com 2011

Elder, Dr. Alexander. Negociação para uma vida: Psicologia, Tactics, Money Management. John Wiley
& Sons, 1993

Lynch, Peter. One Up on Wall Street. Simon & Schuster, 2000

Murphy, John J. Análise técnica dos mercados financeiros. New York Institute of Finance, 1999

Sobre o autor

Alexander Elder, MD, é um comerciante profissional e um professor de comerciantes. Ele é o autor de


Negociação para uma vida, considerado um clássico moderno entre os comerciantes. Publicado pela
primeira vez em 1993, este best-seller internacional foi traduzido em mais de uma dúzia de idiomas e
está sendo usado para educar os comerciantes em todo o mundo. Sua Come Into My Trading Room:
Um Guia Completo para Negociação foi nomeado um Livro do Ano 2002 do Barron. Sua Entradas e
Saídas: Visitas a 16 Trading Rooms foi nomeado um SFO Revista Livro do Ano de 2007. Seu livro mais
recente é The New Sell & Vender curta: Como fazer exame de lucros, reduzir as perdas, e Benefício de
quedas de preços (2011).

Dr. Elder nasceu em Leningrado, e cresceu na Estónia, onde ele entrou na escola médica com a idade
de 16. Aos 23 anos, enquanto trabalhava como médico de um navio, ele pulou um navio soviético na
África e recebeu asilo político nos Estados Unidos. Ele trabalhou como psiquiatra em Nova York e
ensinou na Universidade de Columbia. Sua experiência como um psiquiatra lhe proporcionou uma
visão única sobre a psicologia da negociação. Livros do Dr. Elder, artigos e comentários ajudaram a
tornar um dos principais professores de hoje de negociação.

Dr. Elder é o criador das classes Traders 'Camps-long-semana para os comerciantes. Ele é o fundador
do grupo SpikeTrade, cujos membros são comerciantes profissionais e semi-profissionais. Eles
compartilham suas melhores ações picaretas cada semana de competição por prêmios. Dr. Elder
continua a negociar e é um orador procurado em conferências em todo o mundo.

Os leitores deste livro são bem-vindos para solicitar uma assinatura gratuita de seu boletim eletrônico
em contato com seu escritório:

PO Box 20555, Estação de Columbus Circle

Nova Iorque, NY 10023, EUA

Tel. 718.507.1033

e-mail: info@elder.com

site: www.elder.com
Respostas a perguntas (The Engine Room)

Leia a resposta à sua pergunta e voltar ao Exercícios leitor. Não leia outras respostas!

Exercício A - AMP Resposta

Figura 07a AMP diariamente. Resposta: uma divergência de alta sinaliza o rally (gráfico por
TradeStation).

Quando os preços caíram na área A, a nova baixa do histograma MACD confirmou a tendência de
baixa.

Um rali na área B levantou MACD-H acima de sua linha zero, "quebrar a parte de trás do urso." É aí
que um comerciante sério deve começar acompanhando de perto suas ações, para ver se uma
divergência de alta irá se formar. Observe que na área B preços se recuperaram ligeiramente acima de
sua zona de valor, mostrando que os touros estavam ficando

mais forte. Os preços caíram para um novo mínimo na área C, mas MACD-H traçou uma baixa muito
mais rasas. Ele completou uma divergência de alta e deu um sinal de compra quando marquei-se a
partir desse fundo. Observe dois sinais tendência de crescimento adicional na área C - um padrão de
alta do MACD Lines e uma "cauda de canguru" - uma barra de preço que se projetava para baixo a
partir de um tecido apertado de preços. Ele mostrou que AMP testado preços mais baixos, mas
rejeitou.

Exercício B - responder AMZN


Figura 08a AMZN diariamente. Resposta: uma divergência de baixa apela a uma queda (gráfico por
TradeStation).

Em abril de 2010 eu voei para um fim de semana prolongado no Caribe. Eu não estava prestando
muita atenção ao mercado durante essa viagem, mas na sexta-feira de manhã, ao ler meus e-mails
sob um guarda-chuva à beira da piscina I recebeu uma mensagem de Kerry Lovvorn, meu amigo e
parceiro na SpikeTrade. Ele enviou-me uma carta de AMZN com algumas flechas e um ponto de
interrogação. Uma divergência bearish X - Y2 - Z2 saltou para mim a partir do gráfico. Eu tinha
perdido divergências anteriores AMZN, mas eu não ia perder este! Eu imediatamente em curto esse
estoque, colocando uma parada perto do seu pico recente, em seguida, fechou o meu laptop e levou
minha esposa para uma caminhada no

praia. O comércio era rentável desde o primeiro dia. Eu descontei para fora na semana seguinte,
quando os preços apareceu para parar abaixo da sua zona de valor.

Eu não tinha tomado todo o proveito desse declínio, mas a palavra de poder na negociação é
"Chega." Eu tenho o suficiente e estava feliz com isso.

Vamos ficar com esta carta para um pouco mais. Você pode ver uma profunda inferior A, onde
MACD-H marcou o ponto da potência máxima dos ursos. No ponto B, a parte de trás do urso foi
quebrado. Agora, na borda direita do gráfico, você deve estar assistindo AMZN com o dedo indicador
no gatilho. Assim que MACD-H, atualmente abaixo de zero, os carrapatos-se, ele vai completar uma
divergência de alta e dar um sinal de compra.

Stocks têm personalidades e seus padrões tendem a repetir. Algumas ações tendem a ter
divergências, muitas vezes, outros raramente ou nunca. AMZN gosta de ter divergências, e outro
flagrante divergência de baixa é marcado no gráfico 8b, abaixo. Examine-o, movendo-se lentamente
da esquerda para a direita - e veja se você pode encontrar um mais, não marcado divergência de
baixa.
Figura 08b AMZN diária de acompanhamento. Dois divergências mais pessimistas em 2011.

A divergência XYZ foi acompanhada por um rompimento de alta falsa.

Dica: bearish o desmarcado divergência está perto da borda esquerda do gráfico.

Exercício C - responder BBBY

Figura 09a BBBY diária (gráfico por TC2000.com).

Resposta: o segundo pico de MACD-H é maior do que o anterior, o que significa que não há
divergência de baixa.

BBBY está aumentando, eo pico do histograma MACD perto da margem direita é maior do que o seu
pico anterior no meio da tabela. Na área X histograma MACD subiu acima de zero, confirmando rali
preço. Na área Y MACD-H caiu abaixo de zero, quebrando o dorso do touro. Ele se reuniram perto da
borda direita do gráfico 'Question' (marcado aqui por uma linha vertical) e apareceu para parar.
Observe que o último pico de MACD-H foi maior do pico X - ou seja, não houve divergência. Para uma
divergência de baixa válida para ocorrer, o segundo pico do indicador deve ser menor do que o
primeiro.

Exercício D - responder GOOG

Figura 10a GOOG diária (gráfico por TC2000.com).

Resposta: o segundo fundo de MACD-H é menor do que o anterior, ou seja, sem divergência de alta.

Na área Um histograma MACD caiu para uma nova baixa, confirmando o declínio. Na zona B que
subiu acima de zero, rompendo a parte de trás do urso. Perto da borda direita do gráfico 'Question'
(marcado aqui por uma linha vertical) MACD-H caiu para uma baixa menor - e isso significava que não
havia divergência de alta. Para uma divergência de alta válido para ocorrer, o segundo fundo de
MACD-H deve ser mais rasa do que o primeiro.

Um comerciante que comprou perto da borda direita do gráfico Pergunta poderia ter evitado uma
perda ou mesmo tomado um pouco de lucro movendo rapidamente o seu stop de proteção
ligeiramente acima do nível de equilíbrio. Mas esse tipo de dança fantasia é um jogo difícil. Os
comerciantes profissionais não procuram desafios nos mercados - nós olhamos para configurações
mais confiáveis. Os mercados são dura e implacável, e é mais seguro esperar até que um sinal claro
emerge na tela.

PS: assistir GOOG como um falcão na borda direita da tela. O histograma MACD caiu para uma nova
baixa A2, em seguida, reuniram-se para um B2 topo, quebrando a parte de trás do urso. Ele
permaneceu acima de zero durante várias semanas antes de afundar perto da borda direita do
gráfico. Se ele carrapatos-se a partir de um nível mais raso do que A2, ele irá criar uma divergência de
alta e dar um sinal de compra.

Você também pode gostar