Você está na página 1de 13

Orçamento de Capital

CARACTERÍSTICAS:

-REQUER GRANDE QUANTIDADE DE RECURSOS

-VIDA SUPERIOR A UM ANO

-DE DIFÍCIL LIQUIDAÇÃO

-SÃO ATIVOS MAIS RENTÁVEIS

MOTIVOS BÁSICOS:

-AQUISIÇÃO DE NOVOS ATIVOS

-SUBSTITUIÇÃO DE ATIVOS

-MODERNIZAÇÃO
1
-OUTRAS FINALIDADES
TIPOS DE PROJETOS:

INDEPENDENTES

MUTUAMENTE EXCLUDENTES

INFORMAÇÕES RELEVANTES

Projeção do Investimento inicial

Projeção dos Fluxos de Caixa Operacionais

Projeção do Fluxo de Caixa Final

2
INVESTIMENTO INICIAL

Na determinação do Investimento Inicial temos que considerar:

• Compra de novos ativos

• Transporte dos novos ativos

• Instalações dos ativos

• (-) Valor da venda de ativos velhos

• (-) Economia ou diminuição de imposto de renda por perda na venda


de ativos velhos

3
• Imposto de renda sobre lucro na venda de ativos velhos

• Demolições de ativos velhos

• Transporte do entulhos das demolições

• Capital de Giro para sustentar as operações

4
FLUXOS DE CAIXA OPERACIONAIS INCREMENTAIS

Para as projeções dos fluxos de caixa operacionais primeiro projeta-


se as demonstra de resultado para os períodos de abrangência do
projeto e posteriormente transforma-as em
Fluxo de caixa adicionando as despesas e custos que não envolvem
em pagamentos.

5
Receita Líquida
(-) Custos dos Produtos Vendidos *
Lucro Bruto
(-) Despesas Operacionais **
Lucro Operacional
(+) Ganhos Eventuais
(-) Perdas Eventuais
Lucro Antes do Imposto de Renda
(-) Imposto de Renda
Lucro Depois do Imposto de Renda
(+) Despesas de Depreciação, Fundo de exaustão e etc.
Fluxo Líquido de Caixa

*Despesas que não envolve saídas de caixa incluídas no custo


** Despesas que não envolve saídas de caixa incluídas nas despesas
operacionais
6
FLUXO LÍQUIDO DE CAIXA FINAL

Fluxo Líquido de Caixa do último período projetado


(+) Capital de Giro
(+) Valor da venda dos ativos no final do período do projeto
(-) Imposto de Renda sobre ganho na venda de Ativos
(+) Economia de Imposto de Renda sobre Perda na Venda de Ativos

7
CUSTO DO CAPITAL – Custo Médio Ponderado de Capital

É o custo médio entre as várias fontes de recursos, é uma informação


fundamental uma vez que se constituirá na taxa mínima de desconto
a ser utilizada para descontarmos os fluxos líquidos futuros de caixa,
bem como a taxa mínima de retorno para aprovação de um Projeto
de Orçamento de Capital.

8
MÉTODOS DE AVALIAÇÃO DE INVESTIMENTO DE CAPITAL

PERÍODO DE PAY BACK __ Consiste em determinar o tempo para


recuperar o investimento inicial.

Cálculo para projetos com fluxos de caixa iguais:

Pay back = Investimento Inicial


Fluxo Líq. De Caixa

__ Cálculo para projetos com fluxos de caixa diferentes


Soma-se os fluxos de caixa até atingir o Investimento Inicial

__ Deficiências do Método
1. O valor do dinheiro no tempo não é considerado de maneira explicita
2. Considera somente os fluxos de caixa dentro do período do Payback
__ Pay back descontado- Desconta-se os Fluxos ao custo do
capital antes de efetuar os cálculos
__ Vantagem
Tende a selecionar Projetos cuja recuperação é mais rápida,portanto de9
Menor Risco
VALOR ATUAL LÍQUIDO = VALOR PRESENTE

É o valor presente dos fluxos líquidos de caixa, descontados ao


custo apropriado do capital, menos o investimento inicial.

Se o VPL > O projeto poderá ser aceito

Se o VPL < O projeto deverá ser rejeitado

Quanto maior for o VPL melhor será o projeto

Vantagens sobre o Payback


1. Leva em consideração o valor do dinheiro no tempo

2. Considera todos os fluxos líquidos apresentados pelo projeto

10
Quando comparamos projetos com valores de investimentos
diferentes utilizamos o IL que é um método complementar.

Índice de Lucratividade

IL = Valor Atual das Entradas de Caixa


Investimento Inicial

Se o IL for > 1.0 o projeto poderá ser aceito

Se o IL for < 1.0 o projeto deverá ser rejeitado

Quanto maior for o IL melhor será o projeto

11
TAXA INTERNA DE RETORNO

É a taxa de juro que descontando os fluxos líquidos de caixa, os


igualará ao investimento inicial.

Essa taxa indicará qual é o % de retorno anual do projeto

O cálculo é feito por tentativa e erro utilizando-se de:

- tabela financeira
- calculadora financeira
- computador
- manual

12
O projeto poderá ser aceito se a TIR for igual ou superior ao
custo do capital para a empresa.

Quanto maior for TIR para os projetos de igual risco, melhor será
o projeto

Vantagens

1. Leva em consideração o valor do dinheiro no tempo

2. Considera todos os fluxos líquidos apresentados pelo projeto.

13

Você também pode gostar