Você está na página 1de 3

1441

O REINO DE DEUS NA CRISTOLOGIA DE JON SOBRINO

V Mostra de
Pesquisa da
Pós-
Graduação

Acadêmico: Rogério L. Zanini

Orientador: Prof. Érico J. Hammes

INSTITUIÇÃO: PUC/RS

CURSO: Teologia Sistemática, na linha de pesquisa de “Teologia e Pensamento


Contemporâneo” do programa de pós-graduação da Faculdade de Teologia, da Pontifícia
Católica do Rio grande do Sul.

Resumo

O projeto de pesquisa, aqui submetido, pretende enfocar a temática do Reino de Deus tendo
como suporte a realidade das vítimas do continente latino-americano. Busca-se desenvolver este tema
dentro da visão do teólogo Jon Sobrino. Acreditamos que ao retomar a centralidade do Reino de Deus
anunciado por Jesus de Nazaré num contexto marcado por forte repressão do império Romano, torna-
se luz forte para anunciar uma proposta de libertação para as vítimas de hoje, como também suscitar
esperança no Reino de Deus, sem cair em idéias enganadoras ou em teologias alienantes de
consciências. Desenvolvemos nossa pesquisa em três capítulos. O primeiro buscar-se-á discorrer sobre
alguns elementos históricos do continente latino-americano que marcaram e condicionou
profundamente o fazer teológico de Jon Sobrino. No segundo, centrar-se-á no desenvolvimento da
teologia do Reino de Deus em Jon Sobrino na dimensão bíblico-teológica e na organização
sistemático-teológica. No terceiro, retomam-se alguns elementos mais significativos dos capítulos
anteriores para mostrar como a categoria do Reino de Deus continua sendo útil e necessária para que a
Igreja desenvolva sua missão com fidelidade ao Evangelho de Jesus Cristo. Jon Sobrino encarnou com
todas as forças o compromisso de descer da cruz às vítimas da história. Para ele, o triunfo do Deus da
vida sobre os ídolos da morte acontece em definitivo com a ressurreição de Jesus, e por isso com
esperança podemos esperar mesmo que seja contra toda a esperança a manifestação do Reino de Deus
para os pobres deste mundo.
PALAVRAS CHAVES: Reino de Deus, Ídolos, Injustiças, Vítimas, Libertação, Misericórdia,
1442

Esperança, Missão.

1. OBJETIVOS – DEFINIÇÃO E DELIMITAÇÃO DO OBJETO

1.1 OBJETIVO GERAL:


Pesquisar o significado, relevância e abrangência da categoria Reino de Deus tendo como base
a questão das vítimas na cristologia de Jon Sobrinho, buscando verificar a consistência da relação
estabelecida entre vítimas e Reino de Deus, bem como suas implicações para o cristianismo na
atualidade.

1.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

1. Localizar o pensamento de Jon Sobrino tendo como alicerce a realidade de El Salvador bem
como sua relação com a América Latina;
2. Retomar os autores que influenciaram o pensar teológico de Jon Sobrino;
3. Oferecer uma visão geral da cristologia de Jon Sobrino;
4. Compreender a centralidade do Reino de Deus e a questão das vítimas para Jon Sobrino;
5. Buscar o significado, a abrangência e a relevância do Reino de Deus na cristologia de Jon
Sobrino, e qual a contribuição que ele oferece para o resgate desta categoria e missão da Igreja.

1.3 DELIMITAÇÃO DO OBJETO

O trabalho constará de três subdivisões: no primeiro capítulo, atenção voltar-se-á para localizar
a matriz originária do pensamento fundante de Jon Sobrino. A preocupação central é: quem é Jon
Sobrino e qual a sua proposta teológica a partir do Evangelho para superar a realidade das vítimas em
El Salvador? Para responder esta questão faz-se necessário mergulhar na realidade sangrenta em que
se encontra por trás da reflexão teológica do autor. Sobrino redescobre o „pobre‟ como lugar teológico
e como lugar teologal. Sua reflexão metodológica privilegia os pobres.
No segundo capítulo, buscar-se-á responder a questão: como Jon Sobrino aborda a categoria
Reino de Deus em sua teologia? Por isso nosso intento é central atenção na forma como o autor
articula a categoria Reino de Deus dentro de seu pensamento teológico. Começando pelo caminho
bíblico-teológico da categoria Reino de Deus e, em seguida, passando pela organização sistemático-
teológico desta categoria. Trilhando os caminhos da vias nocionais, do destinatário e da prática de
Jesus, compreender as noções possíveis para a categoria do Reino de Deus. Ele não faz exegese dos
textos relativos à categoria Reino de Deus, mas oferece elementos históricos expressivos da vida de
Jesus. Os tópicos essenciais serão Jesus como mediador absoluto do Reino de Deus e a centralidade do
1443

Reino de Deus anunciado por Jesus em favor das vítimas.


No terceiro capítulo, buscar-se-á mostrar que a categoria Reino de Deus oferece luz forte para
compreender a pessoa de Jesus, bem como ilumina a missão da Igreja. Pergunta-se: quais as
implicações que a categoria reino de Deus, dentro da teologia de Jon Sobrino, oferece para a prática
pastoral, hoje, no sentido de eliminar do seio da história as vítimas? Sobrino leva a sério a realidade
das vítimas. Para ele, a perspectiva das vítimas, a vitória de Jesus trazida por Deus sobre a injustiça
com a ressurreição e a esperança no „princípio misericórdia‟ atestam a presença do Reino e ilumina a
realidade das vítimas deste mundo. No final, resta-nos, fazer algumas ponderações relevantes relação
ao alcance e respostas a fim de verificação de nossa hipótese de pesquisa.
Para o estudo desta dissertação serão utilizadas as seguintes obras de Jon Sobrino: Cristologia
a partir da América Latina: esboço a partir do seguimento do Jesus Histórico; A oração de Jesus e do
cristão; A ressurreição da verdadeira Igreja: os pobres, lugar teológico da eclesiologia; Jesus na
América Latina: seu significado para a fé e a Cristologia; Oscar Romero; profeta e mártir da
libertação; Os seis jesuítas mártires de El Salvador: depoimento de Jon Sobrino; Espiritualidade da
libertação: estrutura e conteúdos; O princípio misericórdia: descer da cruz os povos crucificados;
Jesus, o libertador: I -. A história de Jesus de Nazaré; A fé em Jesus Cristo: ensaio a partir das
vítimas; Onde está Deus?; Fora dos pobres não há salvação: pequenos ensaios utópicos-proféticos.
Além destes, outros textos do autor, como também, vários escritos sobre ele ajudarão no
desenvolvimento de nossa pesquisa.

3 METODOLOGIA

Nossa pesquisa terá como suporte as obras de Jon Sobrino, e entre elas, as que mais relevância
para o nosso tema. A presente pesquisa caracteriza-se por ser de revisão bibliográfica. A partir das
leituras e fichamentos das referidas obras, faremos o exercício através do método hermenêutico de
elaborar uma reflexão dentro de uma perspectiva teológico-sistemático-pastoral que responde nosso
objetivo. O recurso de outros autores certamente se fará necessário para complementar o trabalho a
fim de atingir o objetivo proposta.

Você também pode gostar