Você está na página 1de 5

Escola SENAI “Roberto Simonsen”

Curso Técnico de Mecânica

Evanilson
Felipe Aparecido
Felipe Gustavo
Giovanna Leite
Jorge
1DT

Relatório de Experiência
Ensaio Líquido Penetrante

São Paulo

22.11.2010
SUMÁRIO
2

1. INTRODUÇÃO
1.1 – Objetivo
03
1.2 – Finalidade
03

2. DESENVOLVIMENTO
2.1 – Método 03
2.2 – Resultado
04
2.3 – Discussão
04

3. CONCLUSÃO 04

4. AGRADECIMENTOS 04

5. ANEXOS 05
3

01. INTRODUÇÃO

1.1 – Este relatório tem como objetivo relatar o ensaio não-destrutivo, chamado
Líquido Penetrante, realizado no laboratório de ensaios da Escola SENAI
“Roberto Simonsen”.
1.2 – O ensaio teve como finalidade verificar se há ou não descontinuidades abertas
na superfície da peça.

02. DESENVOLVIMENTO

2.1 – Método

Para a execução do ensaio, utilizaram-se o seguinte material:


1 corpo de prova

Para a execução do método, utilizaram-se os seguintes equipamentos:


1 óculos de segurança
1 Líquido Penetrante
1 Revelador

Antes de tudo, limpou-se a superfície da peça, para que a revelação seja precisa e
confiável. Em seguida, com a peça já limpa, aplicou-se o líquido penetrante por meio
de spray de cor vermelha e aguardou-se cinco minutos para que o líquido penetre
nas descontinuidades da peça.
Após aguardar o tempo de penetração, removeu-se o excesso do líquido com um
pano a seco. Posteriormente, aplicou-se o revelador em spray, que é um tipo de
talco misturado com algum líquido. Aguardou-se um tempo para a revelação das
descontinuidades.
Feito isso, inspecionou-se a peça, no caso do líquido penetrante vermelho que é
visível, sob a luz branca do ambiente do laboratório. Verificou-se as trincas
reveladas na superfície branca da peça que contrasta com as descontinuidades em
vermelho.
4

Por último, limpou-se a peça removendo os resíduos do ensaio.


2.2 - Resultado

Verificou-se que o Ensaio de Líquido penetrante indicou devidamente as


descontinuidades da peça, resultando algumas indicações de trincas, cumprindo
assim sua função.

2.3 – Discussão

Analisando-se os resultados obtidos, observou-se que o ensaio Líquido Penetrante


é:
• De fácil aplicação, pela simplicidade do processo e a excelente
sensibilidade na detecção de descontinuidades superficiais.
• Eficiente, cumprindo com seu objetivo, indicando descontinuidades no
material.
• De fácil utilização, podendo usá-lo em peças de grandes dimensões.

3. CONCLUSÃO

Concluiu-se que a peça na qual foi realizado o ensaio possui algumas


descontinuidades e que não esteja aprovada para ser utilizada, podendo não
cumprir com sua finalidade.

4. AGRADECIMENTO

Agradecemos a Escola SENAI “Roberto Simonsen”, em especial ao Professor


Márcio que nos orientou, viabilizando, assim, a execução do ensaio aqui relatado.
5

5. ANEXOS