Você está na página 1de 78

AVISOS IMPORTANTES

• As aulas serão intensas, serão aulas com muito aprendizado


• Entre no Modo Flow (Profundo estado de atenção focada)
• Material de apoio(PDF): botões aqui abaixo para receber
• Não precisa baixar o material agora, você pode fazer isso na revisão da
aula
• Pega caderno, caneta, água e café
PARA QUEM Não É
o INTENSIVÃO do Inglês com PNL
Quem FALA INGLÊS FLUENTEMENTE e
NÃO QUER ou Não PRECISA melhorar
sua competência na Conversação.
PARA QUEM É
o INTENSIVÃO do Inglês com PNL
Quem NUNCA
ESTUDOU Inglês
Quem já estudou mas ainda
não entendeu a
Simplicidade Lógica
da língua inglesa
Quem já estudou mas
ainda não conversa com
naturalidade
Quem acha que não leva
jeito/está muito velho para
aprender inglês
Quem nunca entendeu
porque que APRENDER
INGLÊS sempre foi um
PESADELO para grande
maioria das pessoas
AULA 1 O que aprenderemos

1 – O que é FLUÊNCIA
(ESSENCIALISMO)

2 – Quebrando 3 MITOS

3 – PNL na Aprendizagem Acelerada


A PNL tem revelado como nosso cérebro desenvolve
novas habilidades e competências.
Que PROCESSOS da APRENDIZAGEM dependem de
HOLÍSTICA COGNITIVA.
Você NÃO aprende
inglês com enigmas e
nem com exercícios
chatos de preencher
lacunas,
e muito menos
bombardeando
e torturando a sua
mente com conteúdo
exaustivo sem
gradatividade lógica
Nós não somos papagaio que
ouve sem saber o que está
ouvindo e que repete sem saber o
que está falando.
Nós adultos Não
aprendemos uma língua
estrangeira como
aprendemos nossa língua
mãe quando criança.
Quando eu descobri que a
quantidade de
conhecimento que qualquer
pessoa precisa saber para ser
FLUENTE em INGLÊS é
pequena, eu acabei
descobrindo a MATRIZ
COGNITIVA, o CÓDIGO
GENÉTICO.
Uma criança de 4 aninhos
de idade só conhece, em
média, 3000 palavras e
consegue se comunicar.

Ser fluente é isso.


Nosso corpo tem trilhões de células e todas tem em
seu núcleo o mesmo DNA.
O que você precisa fazer, para
ser fluente, é instalar em sua
mente, o CÓDIGO GENÉTICO
da Língua Inglesa. E você
consegue fazer isso em um
período de 6 a 9 meses.
Mas você tem que estudar da
maneira certa, que além de
ser extremamente prazeroso,
você desenvolve a
competência na conversação
que você sempre quis.
Fluency Fluency
SER FLUENTE não
é saber MUITO
MAIS OU MENOS...
Mas sim...

...SABER
POUCO
BEM SABIDO.
ESSENCIALISMO
Dominar o Essencial com Excelência
Comparando a sua fluência com um prédio, você NÃO precisa
construir um edifício de 50 andares.
Pra ser fluente, você só
precisa do
alicerce certo.

Basta saber as 3000


palavras essenciais da
língua inglesa e saber
como essas 3000
palavras se encaixam.
E para saber como essas palavras essenciais se
encaixam você só precisa instalar a
ENGRENAGEM COGNITIVA da FLUÊNCIA.
ENGRENAGEM DA FLUÊNCIA

Um conjunto SIMPLES e
harmônico de 10 RODAS
DENTADAS, sendo que cada
roda tem um número preciso
de DENTES.
Comecei a dar aula aos 14
anos de idade e sempre
acreditei que o meu papel
de professor era
conseguir, de verdade,
facilitar
e acelerar o aprendizado
dos meus alunos,
Mas eu percebia que seguindo
os livros e os métodos
tradicionais eu não conseguia
aprimorar minha fluência e
nem ajudar os meus alunos a
alcançar a fluência.
Eu, como professor, sentia falta de
uma sequência gradativa. Eu fui
percebendo que a grande maioria
dos métodos tradicionais picotam e
embaralham a língua inglesa em um
quebra-cabeças de mil peças,

Mas não mostravam a imagem na tampa da caixa. E o aluno


acabava tendo que montar as peças sozinho. Muitas vezes
levando 6,7 até 8 anos pra conseguir alcançar um nível
intermediário de fluência.
Eu via que a culpa era do sistema de
ensino. Eu não concordava com o
método e principalmente com os
critérios desumanos de avaliação que
só faziam os alunos estudarem para
obter nota mínima para passar de
ano,
ao invés de motivá-los a estudar pra aprender
para a vida e se comunicarem com fluência.
Eu na 5ª Série. Me achando...podendo escrever de
caneta. Quero mais bagunçar do que
estudar...principalmente pela minha dificuldade de
aprender inglês.
Só que depois da “dolorida”
e merecida “bronca” do
meu pai e da minha mãe,
E com 12 pra 13 anos de
idade, em 1980, minha irmã
me dá um rádio Toca-fitas e
meu irmão me dá os 2
Dicionários da Barsa.
Logo depois meu outro irmão me apresenta pro
cunhado dele, que tinha uma escola e era professor de
inglês. Com 1 ano estudando nessa escola, eu abracei a
oportunidade que mudou a minha vida.
Eu tinha acabado de concluir o Livro 2, o dono da
escola me convida pra dar aula pra uma turma de
iniciantes no Book 1.
E com meu coração cheio de
medo e insegurança, eu fiz a seguinte
pergunta pra ele:
“Mas, eu sei muito pouco
pra ser professor.
Eu ainda sou aluno no Livro 3”.
E com a sabedoria de mestre
ele me dá a seguinte
resposta, que eu nunca mais
esqueci:
“Você realmente sabe pouco, Eustáquio. Mas você sabe
tudo desse pouco e com o seu entusiasmo e a minha
ajuda, você consegue SIM dar aula pra essa turma de
iniciantes”.
E foi então que eu descobri
a minha paixão, e com 14
anos de idade, a minha
longa jornada de professor
se iniciou.
Nesses 37 anos além de professor em várias escolas,
sempre dei muita aula particular, preparando alunos
para provas do TOEFL e turmas de Business English
nas empresas.
Em 1999, eu me formei em Direito, pela UFU, mas a
minha paixão mesmo sempre foi ensinar inglês.
Além de sempre trabalhar
também como tradutor.

Afinal de contas, sustentar


família com 3 filhos com
salário de professor nunca
foi moleza.
Em 2009, descubro uma
nova paixão:
A TRADUÇÃO SIMULTÂNEA
E em 2011, este
extraordinário ser de luz, o
JOSÉ ROBERTO MARQUES,
presidente do Instituto
Brasileiro de Coaching, me
contrata pra fazer a tradução
simultânea em todas as
Formações Internacionais do
IBC.
Hoje tenho a honra de ser o Tradutor & Intérprete
Simultâneo oficial de renovadas instituições como
E viajo dentro e fora do Brasil como intérprete em
eventos internacionais nas mais diversas áreas da ciência,
conhecendo pessoas maravilhosas e lugares incríveis.
Business
Mastery 2016
Las Vegas

UPW 2016
San Jose,
California
Business
Mastery 2017
Amsterdam,
Holanda
E até hoje, tudo que sou e
conquistei na minha vida
pessoal e profissional, eu
devo à minha fluência na
língua inglesa e à minha
paixão por ensinar inglês.
Libertar de 3 MITOS
MITO 1
Você precisa parar de
acreditar que pra aprender
inglês você tem que
PENSAR em inglês.
O nosso cérebro não vai
obedecer os comandos:
“pense em inglês” - “não traduza”
O centro neuronal da
linguagem é
concretizado por volta
dos 12 anos de idade.
Depois de então
qualquer língua
aprendida sempre será
um idioma estrangeiro.
Mesmo que se alcance
um alto nível de
fluência.
O cérebro humano
NÃO aprende um
idioma repetindo
sem saber o que está
falando como se
fosse um papagaio.
MITO 2

GRAMÁTICA
GRAMMAR
Mas estudar inglês sem gramática só
faz as pessoas passarem anos e anos
fazendo um curso após o outro, SEM
conseguir sair do básico.
Gramática
é ferramenta.
Gramática
é chave.
MODELING
Esse processo de
aprendizagem é o que a
Programação
Neurolinguística chama
de MODELAGEM.
“Eu comi papá, bebi água e “fazi”
xixi”. Ninguém ensinou “FAZI” pra
ela.
Ela, sozinha, fez uma associação
fonética lógica:
COMI .... BEBI .... FAZI
Se uma criança, apesar de
ter pouca maturidade
cognitiva, observa os
padrões estruturais e
fonéticos e faz associações
lógicas,
O cérebro de um
adulto tem
necessidade muito
maior de fazer
associações lógicas.
MITO 3
Você precisa parar de
acreditar que se aprende
inglês bombardeando a
mente com toneladas de
conteúdo exaustivo sem
gradatividade lógica.
Se ficar bombardeando os
ouvidos com conteúdo
aleatório adiantasse alguma
coisa, todos nós brasileiros
seríamos fluentes em inglês.
Aqui no Brasil, nós
passamos a vida inteira
ouvindo música em
inglês e no entanto
ninguém consegue
aprender inglês por
osmose.
Prova disso são os milhares
de estrangeiros que vivem
10, 20 anos nos EUA e em
muitos outros países onde o
inglês é a língua oficial e a
maioria NÃO é fluente em
inglês. Só ouvir inglês NÃO
coloca ninguém fluente.
E olha que maravilhoso viver
imerso na cultura de um país
onde se fala inglês. Mas você
tem aprender o passo-a-passo
lógico do idioma. Assim você
alcança a fluência muito mais
rápido e treina nas
conversações do cotidiano
tudo que aprendeu
nas lições.
Ninguém
consegue
aprender a nadar
quando está
afogando.
Ninguém consegue
aprender a nadar
no mar fundo cheio
com ondas.
Você aprende a nadar
na piscina rasa,
usando boias e com
um instrutor
segurando sua mão e
te ensinando.
DIMENSÃO EMOCIONAL da PNL

LIBERTAÇÃO
DIMENSÃO RACIONAL da PNL
CIBERNÉTICA COGNITIVA
LIBERTAÇÃ
O

Você também pode gostar