Você está na página 1de 46

CONTEÚDO dois corpos estarem ocupando o mesmo

1-Introdução espaço.
2-Propriedades da Matéria • Divisibilidade: é a capacidade da matéria
3-Conceitos Fundamentais da Química de ser divida em partes menores até o
4-Atomística limite máximo (átomos ou moléculas).
5-Tabela Periódica
• Compressibilidade: é a capacidade da
6-Ligações Químicas
matéria de diminuir de volume sob a
7-Funções
ação de forças externas e que depende do
8-Reações
estado físico. Sendo a capacidade de
9-Calculos Estequiométricos
compressão crescente na seguinte ordem:
10-Anexos (exercícios)
sólidos, líquidos e gasosos.
1-INTRODUÇÃO • Elasticidade: é a capacidade de retornar
ao estado natural após a ação de forças
• A química é uma ciência criada pelo
externas.
homem para estudar a natureza;
• Ela está presente em nossa vida cotidiana 2.2-Propriedades funcionais: são aquelas
(comidas ,roupas, tecnologias,etc); observadas em determinados grupos de
• A química tem uma linguagem própria materiais, sendo dividida em dois grandes
(HCl, NaCl etc); grupos: funções inorgânicas e funções
• A química utiliza fundamentos de outras orgânicas.
áreas do conhecimento humano;
• Hoje a química é um pilar da moderna Estudaremos as funções em capítulos
tecnologia e industria química; próprios, mas para ilustrar, citamos algumas
funções: ácidos, bases, sais, óxidos,
• A química tem sua origem histórica na
hidrocarbonetos, cetonas, ácidos orgânicos,
alquimia da idade média (busca pelo aldeídos, álcoois, fenóis, ésteres, etc.
elixir da longa vida e a pedra filosofal);
• “A química nos ajuda a entender a
linguagem que Deus usou para criar a 2.3-Propriedades específicas: são pro-
vida e a matéria” - Franklin Moura.. priedades pertencentes a cada substância
pura.
2-PROPRIEDADES DA MATÉRIA Classificação: - físicas
A matéria possui características - organolepticas
especiais denominadas propriedades que - químicas
podemos classificar em três grandes grupos:
gerais, funcionais e específicas.
2.3.1-Propriedades Físicas: são as que se
2.1-Propriedades gerais: são aquelas relacionam com fenômenos físicos.
observadas em qualquer matéria.
• Pontos de mudança de estado: são
• Massa: é a quantidade de matéria que temperaturas constantes, sob pressão
forma um corpo, obtida através de
constante, em que uma substância pura
balanças (não confundir com o peso que é
passa de um estado físico para outro. Ex.:
uma grandeza física resultante do produto
ponto de fusão(PF) da água = 0°C e
da massa pela aceleração da gravidade).
ponto de ebulição(PE) da água = 100° C,
• Extensão: é o volume ocupado por uma etc.
massa. Estados físicos (ou estados de agregação):
• Impenetrabilidade: é a impossibilidade São as formas de como se apresenta a
de no mesmo instante (simultaneamente) matéria e depende da distância entre as
partículas(átomos, moléculas ou estruturas

Franklin Moura Página 1 30/04/2011


Franklin Moura - Química
iônicas) causadas pelas quantidades de Escala de dureza proposta por Mohs
energia cinética absorvidas. Dureza Material Dureza Material
1 Talco 6 Feldspato
DIAGRAMA DE MUDANÇA 2 Gipsita 7 Quartzo
DE ESTADO FÍSICO 3 Calcita 8 Topázio
4 Fluorita 9 Corindon
É a representação gráfica das mudanças 5 Apatita 10 Diamante
de estado físico de uma substância pura,
identificando seus pontos (PF e PE ou PL e
PS) como patamares, onde, com o passar do 2.3.2-Propriedades organolépticas: são as
tempo, as temperaturas permanecem propriedades que se relacionam com os
constantes. nossos sentidos(impressionam os nossos
Diagrama: sentidos).Ex. cor, sabor, odor, brilho e estado
de agregação.
• Cor: é quando impressiona o sentido da
visão. Podemos classificar as substâncias
em incolor (Água, álcool, etc.) ou
coloridas (iodo = violeta, enxofre =
amarelo, etc.).
• Sabor: é quando impressiona o sentido
do paladar. Podendo ser insípidas = sem
sabor(água destilada) ou sípidas = com
sabor(vinagre = azedo, sal = salgado,
• Calor específico(c): é a quantidade de etc.).
calor necessária para elevar de 1° C a • Odor: é quando impressiona o sentido do
temperatura de 1g de cada substância olfato. Podendo ser inodoras = sem odor
pura. Ex.: calor específico da água = (água destilada) ou odoríferas = com
1cal/g.°C. odor (enxofre, clorofôrmio, etc.).
• Densidade(d): é a razão entre a massa e • Brilho: Quando impressiona o sentido da
o volume que ocupa determina visão. Podendo ser brilhantes = refletem
substância. A unidade em geral é g/cm³ a luz (metal polido) ou baças = não
ou g/l. refletem a luz (tábua não polida).
• Estado de agregação: é quando
d = m
v impressiona o sentido do tato,
• Coeficiente correspondendo aos estados físicos da
de solubilidade (Cs): é a quantidade matéria. Podendo ser: solidas =
máxima, a uma dada temperatura, de compactas em pedaços ou em pó (rocha,
massa capaz de dissolver totalmente em sal, etc.) líquidas = fluídas ou pastosas
uma quantidade padrão do solvente. (água, melado, etc.) e gasosas = gás ou
Exemplos: vapor (oxigênio, vapor d’água, etc.).
Substâncias Cs(0°C) Cs(100°C)
NaCl 357g/L 398g/L sólido líquido gasoso
sacarose 420g/L 3.470g/L

• Dureza: é a resistência que uma


substância(material) oferece ao risco.
Obs. Devemos não confundir risco com
traço, pois o risco significa retirar partículas 2.3.3-Propriedades químicas: são as
de outra substância, enquanto o traço deixa propriedades que se relacionam com os
partículas sobre outra. fenômenos químicos e serão estudadas no
tópico das reações químicas.
3-CONCEITOS FUNDAMENTAIS

57112081.doc 2
Franklin Moura - Química
-Número atômico(z): é a quantidade de
-Química: é uma ciência que estuda a matéria cargas positivas existente em cada
e suas transformações. átomo(quantidade de prótons). (z = p).
-Matéria: é tudo que tem massa e ocupa lugar -Número de massa-(A): é a quantidade de
no espaço. partículas existente no núcleo de um átomo.
-Massa: é a quantidade de matéria que forma Observação-1:
um corpo. É comum o aluno, neste ponto, confundir os termos
-Corpo: porção limitada da matéria. número de massa com massa atômica (que será estudado
mais tarde e representa quantas vezes o átomo em
-Objeto: é um corpo produzido para ser referencia pesa mais que 1/12 do átomo de carbono, de
utilizado pelo homem. número de massa 12)
-Volume: é o tamanho da extensão de espaço
ocupado por um corpo. ( A = z + n)
-Temperatura: é a medida comparativa de
Observação-2:
quanto está “quente” ou “fria” a matéria e Os átomos são eletricamente equilibrados (e = p), ou seja o
que depende da vibração dos átomos. total de cargas positivas e igual as cargas negativas.
-Pressão: é a razão matemática entre força
perpendicular a uma superfície, e a área
dessa superfície. -Elemento químico- é o conjunto de átomos
-Átomo: é a menor partícula organizada da com mesma quantidade de
matéria, de tamanho extremamente pequeno prótons(número atômico) em seu
com os quais são formados todos os matérias núcleo.
do universo.
-Energia: Quimicamente é um “ente” que 3.1-REPRESENTAÇÃO DE UM ÁTOMO
provoca transformações na matéria.
-Estrutura da matéria:
Toda matéria é formada por átomos, que
por sua vez é constituída de outras partículas
menores sendo as principais: prótons,
nêutrons e elétrons.
3.2-ISÓTOPOS, ISÓBAROS e ISÓTONOS

-Isótopos: são átomos do mesmo elemento


químico(mesmo número de prótons = Z) e
diferente número de massa. Ex.: Hidrogênio
Obs.: Além das três partículas subatômicas,
são conhecidas hoje em dia muitas outras
como: neutrino, méson, múon, etc. Prótio Deutério Trítio

-Núcleo: região central onde estão os prótons


e nêutrons.
-Eletrosfera: região do átomo onde são
encontrados os elétrons. -Isóbaros: são átomos de elementos
-Prótons(p): são partículas internas do átomo químicos diferentes que tem mesmo número
com massa relativa 1 e carga elétrica de massa(A) em seus núcleos.
positiva. Ex.: Potássio 40 e Cálcio 40
-Nêutrons(n): são partículas internas do
átomo com massa relativa 1 e carga
neutra(nula).
-Elétrons(e): são partículas distribuídas na -Isótonos: são átomos de elementos
eletrosfera com massa muito pequena 1/1840 químicos diferentes que tem mesma
e carga elétrica negativa. quantidade de nêutrons (n) em seus núcleos.
Ex.: Flúor 19 e Neônio 20

57112081.doc 3
Franklin Moura - Química

Monofásico Difásico

3.3-SUBSTÂNCIAS E MISTURAS
• A matéria pode ser formada por:
substâncias puras ou misturas de
substâncias puras:

-Substâncias pura(ou espécie química): são -Análise imediata: são processos que visam
estruturas formadas de átomos que a separação das espécies químicas partici-
apresentam P.F.(ponto de fusão) e P.E.(ponto pantes de uma mistura.
de ebulição) constantes a uma dada pressão.
3.4-SEPARAÇÃO DE MISTURAS
-Classificação - Simples
das substâncias -Separação de misturas heterogêneas:
puras: sólido - sólido
- Compostas • Catação: processo utilizado para separar
misturas sólidas onde os integrantes tem
-Substâncias Simples: são estruturas formas bem distintas. Ex. feijão +
formadas por apenas um único tipo de pedrinhas;
elemento químico. • Peneiração (no laboratório = tamisação):
Ex.: H2= gás hidrogênio, He, Ne, etc. separa sólidos de sólidos de granulações
diferentes. Ex. areia + pedras, areia
-Substâncias Compostas: são estruturas for- grossa + areia fina;
madas por mais de um tipo de elemento • Imantação ( ou separação magnética):
químico. Ex.; HCl , NaOH, etc. separa metais ferrosos de outros sólidos
pela atração por imãs. Ex. limalha de
-Misturas: é como em geral encontramos a ferro + areia;
matéria na natureza: uma união • Ventilação: separa sólidos de sólidos
de duas ou mais substancias com densidades diferentes utilizando
puras diferentes(salada). correntes de ar. Ex. beneficiamento de
cereais;
-Classificação - Homogêneas • Levigação: separa sólidos de sólidos com
das misturas: - Heterogêneas diferentes densidades, utilizando
correntes de água para arrastar os menos
densos. Ex. Ouro + cascalho nos
-Mistura homogênea ou solução: é o tipo de garimpos de mineração;
mistura que apresenta visualmente uma única • Flotação: Consiste em banhar a mistura
fase, devido a um ótimo entrelaçamento entre de densidades diferentes com outra de
as substâncias envolvidas, impedindo assim densidade intermediária. Ex.: certos
de se identificar seus componentes. Ex.: água minerais + impurezas;
e sal, água e açúcar, água e álcool, o ar • Dissolução fracionada: empregado na
atmosférico, ligas metálicas (ouro 18 quilates separação de misturas sólidas quando um
= ouro + cobre + prata) etc. dos integrantes é solúvel em um líquido
que após dissolvido é separado por
-Mistura heterogênea: é o tipo de mistura em filtração para em um segundo momento o
que as substâncias não tem um bom outro componente ser separado pela
entrelaçamento podendo ser facilmente evaporação. Ex. areia + sal;
distinguidas as fases ou os estados físicos. • Sublimação: utilizado quando um dos
Ex.: água e óleo, água e gelo, granito componentes sofre sublimação. Ex. areia
(quartzo, feldspato e mica) etc. + iodo;

-Fase: é cada porção visual de uma mistura.

57112081.doc 4
Franklin Moura - Química
Sólido – líquido • Fusão fracionada: utilizada no processo
• Filtração: separação utilizando um de separação de sólidos com pontos de
filtro(superfície porosa) que retém o fusão bem distintos. Ex. cloreto de sódio
sólido ( em laboratório utiliza-se trompa + naftalina (a naftalina funde em
de vácuo para acelerar o processo de temperatura mais baixa que o sal);
filtragem) Ex. água + terra, café + borra; Sólido - liquido
• Decantação: processo lento onde a • Evaporação: quando favorecemos a
mistura, estando em repouso, sofre a ação evaporação do líquido pelo contato com o
da gravidade separando o sólido. Ex. ar atmosférico em ambiente aberto. Ex.
água + barro; água e sal nas salinas;
• Centrifugação: processo onde se utiliza • Destilação simples: baseia-se na
uma centrifugadora para acelerar o separação pelo ponto de ebulição do
processo de sedimentação usando a força líquido (da mistura sólido- líquido) que
centrífuga. Ex. talco + água; ao passar para o estado gasoso é forçado
Sólido – gás a passar por um refrigerador até a
• Filtração: processo de filtração forçada condensação, sendo recolhido
onde o sólido é retido quando da separadamente, restando o sólido no
passagem do componente gasoso. Ex.: ar primeiro recipiente; Ex. água + sal;
+ pó (aspirador de pó); Liquido- liquido
• Câmara de ar: Processo industrial onde • Destilação fracionada: parecido com a
a mistura é obrigada a passar por destilação simples só que é adaptado um
obstáculos e o componente sólido perde termômetro que informa as temperaturas
velocidade ficando depositado. Ex.: ar + permitindo assim separar de acordo com
poeira (filtro industrial). os pontos de ebulição dos líquidos.
• Decantação: consiste em deixar em Ex. petróleo (refinarias), alambiques
repouso até que o componente sólido se (cachaça), água + éter;
deposite. Ex. ar + pó (poeira domiciliar); • Solidificação ou congelamento: consiste
em resfriar lentamente a mistura até que
Liquido – líquido um dos líquidos atinja o ponto de
• Funil de decantação: (funil de bromo): solidificação. Água + álcool;
funil dotado de torneira que separa o mais Gás – gás
denso retendo o menos denso. Ex. água + • Liquefação (condensação fracionada):
óleo. separação que explora a mudança do
• Sifonação: utilizado para separar estado físico gasoso para o líquido dos
líquidos imiscíveis através da ação da integrantes da mistura gasosa
gravidade. Ex. azeite + água homogênea. Ex. oxigênio + nitrogênio do
ar.

3.5-MISTURAS ESPECIAIS

São misturas que se comportam como


substâncias puras em certas mudanças de
estado físico.
• MISTURA EUTÉTICA
Liquido – gás - Este tipo de mistura se comporta como
• Pressão: diminuindo a pressão sobre a uma substância pura durante o processo
mistura (agitar ou aquecer) o gás escapa de fusão ou solidificação, ou seja, a
do líquido. Ex. refrigerante( água + gás temperatura permanece constante durante
carbônico) ao abrirmos; todo o processo de mudança de estado.
Ex.: gelo + sal de cozinha, estanho +
-Separação de misturas homogêneas: chumbo (solda), cádmio + bismuto, etc.
Sólido - sólido
• MISTURAS AZEOTRÓPICAS

57112081.doc 5
Franklin Moura - Química
- É a mistura que se comporta como Monoclínico
substância pura durante o processo de Amorfo
ebulição, ou seja, a temperatura
permanece constante durante a mudança • Oxigênio Gás Oxigênio
de estado. Ex. mistura de 96% de álcool Ozônio
comum e 4% de água (PE da mistura =
78,15° C ), sendo que separadamente o 4-ATOMÍSTICA (as teorias atômicas)
PE do álcool é 78,5°C e da água 100° C.
• Introdução
-Sistema- é a denominação de uma porção da
Já vimos que matéria é tudo que ocupa
matéria tomada como um todo, para estudo e
lugar no espaço e que uma porção (pedaço)
observação pelo químico em laboratório (que
limitada da matéria denomina-se corpo. Os
também pode ser homogêneo ou
corpos, quando manufaturados para servir de
heterogêneo). Os sistemas podem ser
utensílios ao homem, formam os objetos.
classificados, quanto a possibilidade de troca
Sabemos também que tanto a matéria, o
de matéria e energia, em:
corpo como o objeto é formado de diferentes
espécies de substâncias e estas por
-Sistema aberto- troca matéria e energia
minúsculas partículas básicas, denominadas
com o meio(ex. copo com água);
átomos. Este conceito é o que chamamos de
-Sistema fechado - troca somente energia
teoria atômica, ou seja: “a matéria é
com o meio(ex. garrafa de refrigerante);
constituída de átomos”.
-Sistema isolado- não troca nem matéria
Tanto a química moderna como outras
nem energia com o meio(ex. teoricamente a
ciências em geral, estão fundamentadas na
garrafa térmica).
teoria da constituição da matéria por átomos.
Ao longo da história os estudos da
3.6-VARIEDADE ALOTRÓPICA
constituição da matéria sofreu muitas
alterações devidos as teoria e modelos
-Alotropia: é a propriedade pelo qual um
atômicos criados para explicar sua
mesmo elemento químico pode formar duas
constituição.
ou mais substâncias simples diferentes,
variando apenas na quantidade dos átomos
4.1- AS TEORIAS ATÔMICAS
(atomicidade) ou na organização cristalina
dos átomos(arranjos).
Ilustrações: • Os Gregos
A primeira idéia do átomo surgiu
cerca de 400 anos (a.C.), através dos
pensamentos filosóficos dos gregos, que
Segundo a história, Leucipo foi o primeiro a
conceber a idéia de pequenas partículas, cada
vez menores, constituindo a matéria.
Demócrito de Abdera, outro filósofo
Exemplos de formas alotrópicas: grego, discípulo de Leucipo, afirmava que o
mundo material estava constituído de
Elemento Substância
pequenas partículas o qual denominou átomo
Químico Simples
que significa: não tem partes (a = não; tomo
• Carbono Grafite
= parte)
Diamante
Fulereno • Modelo Atômico de John Dalton(1808)
A idéia do átomo, porém, era filosófica e
• Fósforo Branco após muitos séculos de estudos surgiu a
Vermelho teoria atômica científica, atribuída a John
Dalton
• Enxofre Rômbico

57112081.doc 6
Franklin Moura - Química
Este químico inglês(1766-1844), foi o
primeiro da era moderna que, baseado em
evidências experimentais, retomou a idéia
dos filósofos gregos e propôs o primeiro
modelo atômico científico.
A teoria (resumidamente: esfera maciça)
é, didaticamente, associada a idéia de bolas
de bilhar ou de gude, com tamanhos
diferentes, representando os elementos
químicos constituintes da matéria O próprio Thomson, quando apresentou
o seu trabalho, associou o novo modelo
- O modelo de Dalton estabelecia que: atômico a um “pudim de passas”, onde os
 A matéria era constituída de partículas
elétrons seriam as passas e o pudim o fluido
extremamente pequenas, indivisíveis e positivo.
indestrutíveis, na forma de “esferas Modelo atômico de J.J.Thomson
sólidas de metal” denominadas átomos. “pudim de passas(ameixas)”
 Os átomos iguais constituíam o elemento
químico e suas combinações davam • Modelo Atômico de Rutherford (1911)
origem a substâncias. No início do século XX, Ernest
 Em uma reação química os átomos não Rutherford, juntamente com uma equipe de
eram destruídos mais reorganizados colaboradores, realizou dentre muitas, a
dando origem a outras substâncias. célebre experiência da “lâmina de ouro”,
derrubando o modelo proposto por
Thomson.
A experiência consistia em bombardear
uma finíssima folha de ouro com partículas
proveniente de um pedaço de metal
polônio(radioativo).
Pequeno pedaço átomos de ferro
de ferro
Experimento de Rutherford
Modelo atômico de Dalton
“esferas metálicas”

• Modelo Atômico de J.J.Thomson(1897)


Próximo no final do século XIX, após
diversos experimentos realizados por
estudiosos como: Faraday, Crookes, Stoney,
Becquerel, entre outros, Os cientistas
suspeitaram da existência de partículas
subatômicas e com carga elétrica, dentro do Observações e conclusões tiradas do
átomo. experimento
O físico Inglês, Joseph John Thomson,  A Maioria das partículas passavam sem
então, ao fazer experiências com gases desvio.
rarefeitos submetidos ã descarga elétrica, em  Existência de um grande vazio.
tubos de Crookes (alto vácuo), propôs um  Algumas partículas desviavam.
novo modelo atômico onde, o átomo seria  Deve existir região com massa
uma partícula compacta, esférica mas não concentrada.
indivisível, formado por uma “geleia” com  Poucas partículas não atravessavam.
carga positiva, na qual estariam dispersas  O núcleo deve ser positivo.
partículas ainda menores de carga negativa
denominadas elétrons (descobriu assim os Com o experimento, Rutherford
elétrons), em quantidade suficiente para imaginou então que o átomo seria formado
tornarem o conjunto neutro.

57112081.doc 7
Franklin Moura - Química
por um núcleo pequeno(prótons), com carga ganhar ou perder energia. O n.º máximo de
positiva e concentrando boa parte da massa. elétron p/ cada nível será:
Em torno do núcleo estariam girando
outras partículas muito menores que o Nível(n) 1 2 3 4 5 6 7
núcleo, denominadas elétrons. Camada K L M N O P Q
Este modelo foi comparado ao sistema
N.º de
solar onde, o núcleo, representaria o sol e as 2 8 18 32 32 18 2
elétrons
partículas da eletrosfera, os planetas girando
em torno do sol.
• Modelo de Sommerfield (1916)
O modelo de Böhr, porem, não explicava
o comportamento de átomos com vários
elétrons.
A partir do modelo de Böhr, o cientista
alemão Arnold J. W. Sommerfield propôs
que os níveis de energia(camadas) estariam
subdivididos em regiões menores
Ilustração: modelo planetário (Rutherford) denominadas subníveis de energia. Os
subníveis foram chamados de: ( s, p, d, f ) a
• Modelo Atômico de Böhr (1913) partir dos nomes técnicos da espectografia –
Este físico dinamarquês propôs um Sharp, Principal, Difuse e Fundamental.
aperfeiçoamento do modelo de Rutherford, Estudos mais apurados, demonstraram a
baseado nos conhecimentos e conceitos da existência de uma ordem crescente de
Teoria Quântica e com sustentação energia e que elétrons de um mesmo subnível
experimental em eletroscopia, ele postulou possuem a mesma quantidade de energia.
que:
 Os elétrons descrevem órbitas • Modelo Atômico Atual
circulares(camadas) bem definidas, ao Schrodinger, em 1926, lançou as bases
redor do núcleo, tendo cada órbita uma da Mecânica Quântica Ondulatória,
energia constante e sendo maior, quanto apresentando um novo modelo atômico que
mais afastado do núcleo for a camada; é valido ate hoje. No modelo os elétrons
 Os elétrons quando absorvem energia passam a ser partículas-onda.
“pulam” para uma camada Neste novo modelo estão alguns
superior(afastada do núcleo) e quando princípios que muda complemente a idéia de
voltam para o seu nível de energia que os elétrons são “bolinhas” em
original liberam a energia recebida, na movimento rápido, girando em torno do
forma de onda eletromagnética(luz). núcleo.
 Princípio da dualidade:
 Estas camadas orbitais constituem a
eletrosfera e são denominadas Proposto por De Broglie em 1924, fala que o
K,L,M,N,O,P e Q. elétron em movimento está associado a uma
A eletrosfera é uma região do átomo que onda característica (partícula-onda);
 Princípio da incerteza:
chega a ser 100 mil vezes maior que o
núcleo. Proposto por Heisenberg em 1926, fala que é
impossível calcular a posição e a velocidade
de um elétron, num mesmo instante;
 Princípio do orbital:
Estabelecido por Schodinger em 1926, fala
que existe uma região do espaço atômico
onde haveria maior probabilidade de
encontrar o elétron, denominado de orbital.
Níveis de energia → são regiões do átomo  Princípio da exclusão:

onde o elétron pode se movimentar sem Estabelecido por Wolfang Pauli em 1925,
fala que em um átomo, dois elétrons não

57112081.doc 8
Franklin Moura - Química
podem apresentar o mesmo conjunto de A Mecânica Quântica estabeleceu valores
números quânticos. a variação algébrica de  = ( n - 1). Sendo esta
 Princípio da máxima multiplicidade: variação válida, teoricamente, para cada nível.
Estabelecido por Hund, fala que durante a Os subníveis foram designados por letras
caracterização dos elétrons de um átomo, o minúsculas s, p, d, f, g. h, i..... , sendo que os
preenchimento de um mesmo subnível deve quatro primeiros designados a partir dos
ser feito de modo que tenhamos o maior nomes técnicos da espectografia –Sharp,
número possível de elétrons isolados, ou seja, Principal, Difuse e Fundamental.
desemparelhados.
Em 1932, Chadwick provou que, no Nível Valores matem. Quant. Subníveis Quant. real
n  = ( n -- 1). teórica reais subníveis
núcleo não existiam somente cargas elétricas n =1 0 1 s 1
positivas, mas também, partículas com carga n =2 0, 1 2 s, p 2
n =3 0, 1, 2 3 s, p, d 3
neutra que de certa forma isolam os prótons, n =4 0, 1, 2, 3 4 s, p, d, f 4
evitando repulsões, e por isso foram n =5 0, 1, 2, 3, 4 5 s, p, d, f 4
denominados de nêutrons. n =6 0, 1, 2, 3, 4, 5 6 s, p, d 3
n =7 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6 7 s 1
Obs.:Até o momento só são conhecidos os subníveis s, p, d, f.
O número quântico secundário permite o
cálculo do total de elétrons em cada subnível.

Subníve Valor No subnível


de N°. máximo de elétrons = (2 +

1)
s 0 2( 2 x 0 + 1 ) = 2
p 1 2( 2 x 1 + 1 ) = 6
d 2 2( 2 x 2 + 1 ) = 10
4.2-OS NÚMEROS QUÃNTICOS f 3 2( 2 x 3 + 1 ) = 14

Dentro do modelo atômico atual, seguindo Sabendo o total de elétrons que comporta
princípios da Mecânica Quântica, podemos cada subnível podemos calcular também o
caracterizar cada elétron de um átomo por total de elétrons em cada nível.
um conjunto de 4 números quânticos. Camad Nível Subníveis N° máximo de
as (n) reais elétrons no nível
K n =1 s 2
I - Principal ( n )
L n =2 s, p 2+6=8
II - Secundário ou azimutal ( M n =3 s, p, d 2 + 6 + 10 = 18
) N n =4 s, p, d, f 2 + 6 + 10 + 14 = 32
III - Magnético (m ou m ) O n =5 s, p, d, f 2 + 6 + 10 + 14 = 32
IV- Spin (S ou ms) P n =6 s, p, d 2 + 6 + 10 = 18
I - Número quântico principal ( n ) Q n =7 s 2
III - Número quântico magnético (m ou m )
Estabelece o nível de energia ou camada
do elétron que aumenta quanto mais afastado O número quântico magnético depende
estiver do núcleo. da quantidade de orbitais existentes em cada
subnível, sendo identificado por valores
positivos, negativos ou zero. A representação
energia crescente didática de um orbital é feita por um
quadrado ou círculo:
Nível(n) 1 2 3 4 5 6 7 Subnível s
Camada K L M N O P Q ( = 0 ⇒ m = 0 ) possui um único orbital s

ou
II - Número quântico secundário ou azimutal ( )
m=0 m=0
Consiste em um subnível ou seja uma
subdivisão dos níveis de energia ou camadas. Subnível p
( = 1 ⇒ m = -1, 0, 1) ) possui 3 orbitais p

57112081.doc 9
Franklin Moura - Química
O estudo das formas dos orbitais d e f, pela
ou complexidade, não estão no programa do ensino
médio.
m = -1 0 1 m = -1 0 1

Subnível d
( = 2 ⇒ m = -2, -1, 0, 1, 2) ) possui 5 orbitais d IV- Número quântico Spin (S ou ms)

ou O modelo atômico atual relaciona


didaticamente este número quântico ao
m = -2 -1 0 1 2 m = -2 -1 0 1 2
possível movimento, de rotação (em torno de
Subnível f si mesmo), feito pelo elétron quando age como
( = 3 ⇒ m =-3, -2, -1, 0, 1, 2, 3) ) possui 7 orbitais f partícula.
Pelo princípio de exclusão de Pauli: um
orbital comporta no máximo dois elétrons,
com spins contrário, assumindo valores – ½
m= -3 -2 -1 0 1 2 3 e +½.
A representação de um elétron nos
orbitais é feita por uma seta para cima quando
o spin for positivo e para baixo quando o spin
m= -3 -2 -1 0 1 2 3
for negativo:
Por convenção:
MAS O QUE É AFINAL UM ORBITAL?

Orbital é uma forma deduzida por


cálculos matemáticos a partir do princípio
Spin positivo + ½ Spin negativo – ½
que o elétron é uma partícula-onda, não
podendo portanto precisar a sua posição
exata mas, apenas a probabilidade de onde se
encontra no átomo.
4.3-DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA
Vamos imaginar que pudéssemos viajar
até o interior de um átomo, e estando lá
O cientista Linus Carl Pauling (1904 –
tirássemos milhares de fotos do elétron
1995) criou um dispositivo prático que dá a
enquanto se movimenta, passando depois
ordem crescente de energia dos subníveis.
todas as posições para um único diagrama
(sobreposição das fotos) teríamos então uma Diagrama de Linus Pauling
figura imaginária da região denominada
orbital.
Importante frisar que, os elétrons não
estão fazendo orbitas em torno do núcleo
atômico, na forma dos orbitais, mas apenas
dentro deste provável espaço.

Formas matemáticas dos orbitais s e p

A ordem que deve ser usada é:


1s2 2s2 2p6 3s2 3p6 4s2 3d10 4p6 5s2 4d10
5p6 6s2 4f14 5d10 6p6 7s2 5f14 6d10.

Devemos notar que em muitos átomos a ordem crescente de


energia difere da ordem de distância ou geométrica, portanto
o subnível mais energético nem sempre é o mais afastado do
núcleo.

Observação: Regras para distribuição dos elétrons nos orbitais

57112081.doc 10
Franklin Moura - Química
a)Determina-se o número de elétrons que um Ao longo do tempo vários cientistas
átomo tem, a partir do número atômico. tentaram organizar os elementos conhecidos
b)Distribuímos os elétrons seguindo a ordem e até mesmo prever a existência de outros.
do diagrama de Linus Pauling. • J. W. Döbereiner (1817): Este cientista
c)Preenchemos um subnível somente depois alemão lançou uma idéia conhecida como
que os anteriores estiverem completos. lei das tríades por agrupar os elementos
Exemplos: de três em três com base em certas
Be = Berílio z = e = 4 semelhanças.
1s² 2s² • Alexander Chancourtois (1862): Este
cientista francês lançou a idéia conhecida
como parafuso telúrico que constituía
C = Carbono z = e = 6 em uma superfície cilíndrica com linhas
1s² 2s² 2p² inclinadas em 45º e distribuiu ao longo
das linhas os elementos por ordem
crescente de massas atômicas.
• John Newlands (1864): Químico inglês
4.4-ÍONS que lançou uma idéia conhecida por lei
Um átomo possui o mesmo n.º de das oitavas que distribuía por ordem
prótons e de elétrons, portanto é crescente das massas atômicas,
eletricamente neutro (p = e). Caso o n.º de observando as propriedades químicas
elétrons, por algum motivo, fique diferente entre os sete primeiros e que como na
do n.º de prótons, haverá uma carga elétrica escala musical se repetiam nas sete
resultante e a conseqüente formação de um seguintes.
íon. • Dimitri Ivanovitch Mendeleev (1869):
• Quando um átomo ganha elétrons, ele Químico russo que estabeleceu uma idéia
fica com excesso de carga negativa, ou conhecida por lei periódica dos
seja, se torna um íon negativo ou ânion. elementos, que sendo a base da
Ex: S-2 classificação moderna., organizava os
• Quando um átomo perde elétrons, ele fica elementos em ordem crescente de massas
com falta de carga negativa e se torna um atômicas formando 8-colunas deno-
íon positivo ou Cátion. Ex: Na+1 ou Na+ minadas grupos e 12-fileiras horizontais
denominadas séries.
-CAMADA DE VALÊNCIA: é o nível mais • Hennry Moseley (1913): Este cientista
afastado do núcleo e que corresponde sempre ao inglês estabeleceu o conceito de carga
maior valor de n, encontrado na distribuição nuclear (número atômico) como sendo a
eletrônica de um átomo ou de um íon. verdadeira identidade de um elemento
químico. Com este novo conceito
Obs.: O número de elétrons existente na aconteceram arranjos na tabela periódica
camada de valência dos átomos indicará o ficando mais parecida com a atual tabela
comportamento do elemento numa ligação
periódica dos elementos químicos.
química como também a localização na tabela
periódica.
5.2-CLASSIFICAÇÃO PERIÓDICA ATUAL:
Na tabela periódica atual os elementos são
5-TABELA PERIÓDICA dispostos de forma crescente de número atômico
originando linhas horizontais(períodos) e colunas
É a forma mais coerente de organizar os verticais(famílias ou grupos).
elementos químicos, observando as seme- Os símbolos dos elementos são os nomes
lhanças entre suas propriedades físicas e abreviados.
químicas. CASOS ESPECIAIS
5.1-RESUMO HISTÓRICO: Símbolo N.º. Nome Origem do Símbolo
Na 11 Sódio
P Fósforo
S Enxofre

57112081.doc 11
Franklin Moura - Química
K Potássio 97 Bk Berquélio
Sc Escândio 98 Cf Califórnio
Cu Cobre 99 Es Einstêinio
Kr Criptônio 100 Fm Férmio
101 Md Mendelévio
Sr Estrôncio
102 No Nobélio
Y Ítrio
103 Lr Laurêncio
Ag Prata 104 Rf Rutherfórdio
Sn Estânio 105 Db Dúbnio
Sb Antimônio 106 Sg Seabórguio
Tm Túlio 107 Bh Böhrio
W Tungstênio 108 Hs Hássio
Au Ouro 109 Mt Meitnério
Hg Mercúrio
Pb Chumbo • Quanto a radioatividade:
-Radioativos: são todos os elementos de
O nome dos elementos químicos com número atômico igual ou superior a
número superior a 109 indica o próprio 84(polônio).
número atômico do elemento aguardando • Quanto as propr. físicas e químicas:
nome próprio pela IUPAC- International -Metais: Constituem cerca de 76% dos
Union of Pure and Applied (União elementos da tabela, sendo sólidos em
Internacional de Química Pura e Aplicada). condições ambientes( exceção o mercúrio),
bons condutores e maleáveis( transformáveis
número prefixo Número prefixo em lâminas).
0 Nil- 5 Pent- -Ametais ou não metais: São 11 elementos
1 Un- 6 Hex- de grande abundância na natureza(exceto o
2 Di- 7 Sept- astato – artificial e radioativo) sem brilho e
3 Tri- 8 Oct- não condutores. Nas condições ambientes
4 Quad- 9 En-
quatro são gases (N, O, F, e Cl) um
Sufixos acrescidos
líquido(Br) e os outros sólidos.
-io -ium
-Simimetais: São 7 elementos( B, Si, Ge, As,
Exemplo: 114 (Un-un-quad-io) =Ununquadio
Sb, Te e Po) intermediários entre metais e
CLASSIFICAÇÕES ESPECIAIS:
ametais, sólidos, com brilho metálico,
• Quanto a natureza: pequena condutibilidade e de fragmentação
-Naturais: nome dado aos 88 elementos fácil. Sendo o polônio o único artificial.
encontrados na natureza. O urânio(U = 92) é -Gases nobres: Encontrados na natureza na
o de número atômico maior. forma de substâncias simples de moléculas
-Artificiais: são os 27 elementos monoatômicas, sendo gases, em condições
produzidos(sintetizados) artificialmente em ambientes e quimicamente inertes(não
laboratório por meio de fusão e fissão reagem facilmente).
nuclear. Estes são classificados em: -Hidrogênio: É um elemento atípico,
 Cisurânicos: são os que apresentam
possuindo a propriedade de se combinar com
número atômico inferior a 92. Situados metais, ametais e semimetais, sendo, nas
portanto na tabela periódica antes do condições ambientes, muito inflamável.
elemento químico urânio. São eles:
• Quanto disposição na tabela:
tecnécio( Tc = 43), promécio( Pm = 61),
-FAMÍLIAS
astato( At = 85) e frâncio( Fr = 87).
As dezoito colunas verticais são
 Transurânicos: são todos os outros
chamadas grupos ou famílias compostas,
elementos artificiais com número
cada uma, de elementos químicos que
atômico superior a 92.
apresentam propriedades químicas
Z Símbolo Nome
93 Np Netúnio
semelhantes.
94 Pu Plutônio
95 Am Amerício Classificação: (A) - Representativos
96 Cm Cúrio

57112081.doc 12
Franklin Moura - Química
(B) – Transição O promécio é radioativo Todos são radioativos

-PERÍODOS
As sete linhas horizontais denominadas
períodos corresponde a quantidade de níveis
(número de camadas) eletrônicas que o
átomo possui (K, L, M, N, O, P e Q). Assim,
quando um átomo esta em um período,
significa que ele tem aquele número de
camadas.

5.3-PROPRIEDADES PERIÓDICAS

• RAIO ATÔMICO: de difícil deter-


Família A – elementos representativos: minação, representa a medida do centro
São constituídas de elementos com o seu para a extremidade da última camada e
elétron mais energético depende do número de camadas e dos
situado nos subníveis s ou p. número de prótons de cada átomo.
Pertencem também a este - Numa mesma família aumenta de cima para
grupo a família zero (os gases baixo.
nobres) que em condições
ambientes tem reatividade
nula.

Grupo Nome das famílias


1 ou I A ou IA Metais alcalinos (menos H)
2 ou 2 A ou IIA Metais alcalino-terrosos
13 ou 3A ou IIIA Família do boro
14 ou 4 A ou IVA Família do carbono - Num mesmo período aumenta da direita
15 ou 5 A ou VA Família do nitrogênio para esquerda.
16 ou 6 A ou VI Família dos calcogênios
17 ou 7 A ou VIIA Família dos halogênios
• ENERGIA DE IONIZAÇÃO: é a
18 ou 8 A ou zero Gases nobres
energia necessária para remover um ou
 Família B – elementos de transição:
mais elétrons de um átomo isolado no
São elementos que tem seus elétrons
estado gasoso. Cresce de baixo para cima
mais energético situado nos
nas famílias e da esquerda para direita
subníveis d ou f e que não
nos períodos.
pertencem a última camada.
Sendo classificados em dois
grupos:

- Elementos de transição externa: São
elementos que tem os elétrons mais
energéticos no subnível d da penúltima
camada.
ELETROAFINIDADE: ou afinidade
- Elementos de transição interna: São eletrônica é a energia liberada quando um
elementos que tem os elétrons mais átomo no estado gasoso, “captura”(ou é
energéticos no subnível f da antepenúltima adicionado) um elétron. Ficam fora desta
camada e formam duas séries. propriedade os gases nobres por serem
inertes. Generalizando quanto menor o
Lantanídios Actinídios raio maior a eletroafinidade.
Subnível mais Subnível mais
energètico = 4f energètico = 5f
Última camada = 6s² Última camada = 7s²

57112081.doc 13
Franklin Moura - Química
• ELETRONEGATIVIDADE: é a força 10²³ átomos) de um elemento no estado
de atração exercida sobre os elétrons de sólido sendo calculado por:
uma ligação. V.A. = massa molar
densidade do elemento(sólido)

Observemos que o volume atômico cresce


nas famílias do alto para baixo e nos
períodos do centro para extremidade.

• ELETROPOSITIVIDADE: ou caráter
metálico é a capacidade de um átomo
perder elétrons, originando cátions.

• P. FUSÃO e P. EBULIÇÃO: são as


temperaturas que nas condições
ambientes(1 atm), indicam os pontos de
mudança de estado dos elementos
REATIVIDADE QUÍMICA: relaciona -se químicos. Os estados físicos dos
com a menor ou maior facilidade que um elementos, em condições ambiente são os
átomo tem de ganhar ou perder elétrons. seguintes:
Os elementos mais reativos são o frâncio Líquidos: bromo (não-metal) e mercúrio
- FR(caráter metálico) e o flúor -F (metal).
(caráter não metálico). Gases: flúor, cloro, oxigênio, nitrogênio(não-
metais), os gases nobres e o hidrogênio.
Sólidos: todos os demais elementos.

DENSIDADE: é a relação entre a massa e o


volume de uma amostra de elementos. Na W
tabela os elementos mais densos estão no
centro são: o ósmio(Os), irídio(Ir) e Entre os metais o de maior PF é o
platina (Pt) e os menos denso ficam na tungstênio(W) e entre os não metais é o
extremidade, sendo o lítio(Li) o menos carbono(C).
denso de todos.. Exemplos de P.F e PE
elemento químico P.F. P.E
(W) tungstênio 3410°C
Li (C) carbono 3550°C 4287°C
• (Li) lítio 179°C 1372°C
(Na) sódio 97,5°C 892°C
Os (K) potássio 63,5°C 774°C
(F) flúor -223°C -187°C
VOLUME ATÔMICO: é o volume (Cl) cloro -101°C -34°C
ocupado por um mol de átomos (6,02 x (Br) bromo -72°C -58,8°C

57112081.doc 14
Franklin Moura - Química
(I) iodo 113,5°C 184,4°C Valência:
Valentia, poder de combinação ou
6- LIGAÇÕES QUÍMICAS valência de um átomo é o
O estudo das interações atômicas nos numero de ligações que ele
ajuda a compreender a formação das deve fazer para alcançar a
substâncias e por conseguinte a real estrutura estabilidade, ou seja,
da matéria. completar o octeto.
O átomo em seu estado natural esta Como este poder de combinação esta
eletricamente equilibrado ou seja cargas relacionado com a camada eletrônica mais
positivas em igualdade com as negativas (n.º externa, ela passa a ser chamada de camada
de prótons = n.º de elétrons ), mas os elétrons de valência ou nível de valência.
localizados nas últimas camadas, quando
estão desemparelhados em seus orbitais ou
camadas incompletas criam uma certa
instabilidade na região da eletrosfera.
Todos os átomos (exceto os gases nobres) • Esquema de Lewis :
buscam a união com outros átomos pra É a forma de representar um elemento
conseguirem estabilidade em suas químico com suas camadas de valência, por
eletrosferas. sinais em torno do símbolo do elemento.
O conhecimento deste processo de busca Ex.:
pela estabilidade (tipos de ligações) Observando a tabela periódica dedu-
permitem aos cientístas prever o zimos o seguinte quadro:
comportamento dos átomos e até mesmo
criem novas substâncias. Famílias Valências
IA VII A 1
6.1-TEORIA DO OCTETO II A VI A 2
III A VA 3
Os cientistas Kossel (alemão), Lewis
IV A 4
(americano) e Langmuir (americano), no
início do século 20, ao estudarem e 6.2 -TIPOS DE LIGAÇÕES QUIMICAS
observarem o comportamento dos gases Sãs formas de explicar como ocorrem as
nobres e compararem com os outros interações entre os átomos na busca da
elementos, notaram que, principalmente os estabilidade eletrônica (configuração eletrô-
elementos denominados representativos, ao nica) e assim completarem o octeto.
se unirem com outros elementos estavam na Podendo ser de três tipos:
verdade buscando uma estabilidade em suas
distribuições eletrônicas. Em 1919 então,
Langmuir enunciou a teoria do octeto: “ os • Ligação iônica ou eletrovalentes:
átomos se ligam para obter uma Este tipo ocorre quando os átomos
configuração estável, assim como à dos “emprestam” ou “recebem” elétrons de
gases nobres.” outros para se estabilizarem mutuamente
O nome octeto vem do fato de que, (ficarem com o octeto completo).
exceto o hélio, todos os gases nobres Os átomos que participam deste tipo de
possuem oito elétrons em sua ultima camada. ligação são denominados íons porque quando
Embora existam muitas exceções para a ligação é rompida permanecem
esta teoria ela serve para explicar a formação eletronicamente estáveis mas passam a
da maioria das substância na natureza. ficarem eletricamente instáveis.
As substâncias que apresentam este tipo
de ligação são denominadas de substâncias
iônicas ou compostos iônicos.

Ex.: NaCl (cloreto de sódio)

57112081.doc 15
Franklin Moura - Química
ÁTOMO Z = e CAMADAS Número de coordenação – é o número de
K L M combinações entre cátions e ânions, nos retículos
Na 11 2 8 1 cristalinos dos compostos iônicos, que definirá
sua estrutura cristalina no espaço.
Cl 17 2 8 7
Ex.:
NaCl tem n.º de coordenação = 6
Observe que o sódio tem oito elétrons CsCl tem nº. de coordenação = 8
na penúltima camada, portanto se
“emprestar” o seu último elétron para o cloro NaCl
ficará com o octeto completo (configuração • Ligação molecular ou covalente:
eletrônica semelhante ao neônio), mas ficará Este tipo de ligação ocorre entre átomos
eletricamente com quantidade de prótons com tendência de receber elétrons ou seja
maior que elétrons portanto se tornará um que precisam ganhar elétrons para se
cátion (cargas positiva maior). estabilizarem. Como ambos necessitam
Já o cloro ao receber um elétron ficará receber então eles passam a compartilhar
com a configuração eletrônica do gás nobre elétrons, para completarem sua camada de
argônio, portanto octeto completo, porem se valência. Os pares de elétrons de cada
tornará um ânion pois ficará com cargas ligação pertencem ao mesmo tempo aos dois
elétricas negativas maior que positivas átomos que estão ligados, formando portanto
(eletricamente instável). estruturas eletricamente neutras.
Cátions (Na+) Ânions (Cl ¯) Resumidamente
Nome dado aos Nome dado aos Átomos A B
átomos que ficaram átomos que ficaram Tendência Receber Receber
com o total de cargas com o total de cargas elétrons elétrons
elétricas positivas elétricas negativas
Classificação hidrogênio, hidrogênio,
maior que as maior que as
na ametais e ametais e
negativas na busca positivas na busca
tabela semimetais semimetais
pela estabilidade pela estabilidade
Par de elétrons x o
eletrônica eletrônica
(configuração (configuração
eletrônica semelhante eletrônica semelhante
CLASSIFICAÇÃO DAS LIGAÇÕES COVALENTES:
a dos gases nobres). a dos gases nobres)
 Número de pares eletrônicos:
N.º de pares esquema Classificação
1 A - B Simples
Fórmulas: 2 A = B Dupla
esquema de Lewis fórmula eletrônica 3 A = B Tripla
ou fórmula de Lewis
 Orbital molecular:
Tipo Orbital envolvido Símbolo
Sigma s - s, s - p, p - p σ
Pi p-p π
íon fórmula fórmula iônica
- Ligação sigma: é quando ocorre entre um
CARACTERÍSTICAS DOS COMPOSTOS IÔNICOS mesmo eixo(centro de orbitais)
 As ligações iônicas ocorrem freqüentemente - Ligação pi: é quando ocorre entre eixos
entre metais e não-metais. paralelos.
 São sólidos cristalinos nas condições
ambientes(1atm e 25ºC).  Formação de pares eletrônicos:
 Conduzem corrente elétrica quando fundidos Tipo de Ligação Esquema de Esquema de
ou em solução aquosa (dissolvidos em água). Lewis Couper
 Seu melhor solvente é a água. Covalente comum A ** B A B
Covalente dativa A : B A B

57112081.doc 16
Franklin Moura - Química
- Covalente comum: cada elétron do par é Como os átomos metálicos tem elétrons
doado por átomos diferentes. livres para serem doados, eles podem se
- Covalente dativa: os dois elétrons do par é movimentar livremente de um átomo para
doado por um único átomo. outro, formando uma “nuvem eletrônica” ou
“mar de elétrons” e quando esta
POSSIBILIDADES DE LIGAÇÕES COVALENTES
movimentação é orientada teremos uma
Hidrogênio Ametal Semimetal corrente elétrica.
Hidrogênio Semimetal
Existe neste tipo de ligação uma
Ametal Semimetal estrutura (retículo) cristalina com auto
Ametal Semimetal
número de coordenação, não tendo no
CARACTERÍSTICAS DOS COMPOSTOS entanto uma representação eletrônica e sua
COM LIGAÇÕES COVALENTES representação estrutural depende do
-Os compostos com estas ligações são conhecimento profundo dos retículos
chamados de moleculares. cristalinos, sendo representado apenas por
-São encontrados nos três estados físicos. seus símbolos pois a quantidade de átomos é
-Quando puras nâo conduzem corrente elétrica, indeterminado.
exceto algumas macromoléculas.
-Podem formar compostos macromoleculares
Cristal metálico com nuvem de elétrons
TIPOS DE FÓRMULAS
a) Molecular: é a representação mais x x x x
simples indicando quantos átomos e
quais elementos químicos formam a x x x
molécula. x x x

Os metais nas condições ambientes (25ºC


b) Eletrônica ou fórmula de Lewis:
e 1 atm. ) são sólidos (exceto o mercúrio) e
demonstra os elementos químicos com
devido sua estrutura tem duas grandes
os elétrons da última camada de cada
propriedades características: maleabilidade
átomo envolvido na ligação e seus pares
(produzir lâminas) e ductibilidade (produzir
eletrônicos.
fios).

Ligas Metálicas - São misturas, muito


utilizado na industria tecnológica, de metais
com outros elementos. Estas misturas
c) Estrutural plana ou de Couper: é a
possibilitam propriedades interessantes
representação por linhas dos pares
como: diminuição dos pontos de
eletrônicos da ligação, que une os
fusão(fusível), dureza (fabricação de jóias) e
átomos
aumento da resistência mecânica( aço).
Ligas Metálicas Constituintes
Aço Ferro e Carbono
d) Espacial: demonstra a geometria da Aço inox Ferro, C, Cr e Ni
molécula. Bronze Cobre e Estanho
Amálgama Mercúrio, Prata e Sn
Latão Cobre e Zinco
Cobertura de aviões Alumínio Tálio
Ouro 18 Ouro, Cobre , Prata
• Ligação metálica Solda elétrica Chumbo e Estânio

6.3- HIBRIDAÇÃO:
É a ligação que ocorre entre átomos de
Teoria que explica a formação de certas
metais, sendo denominada de substâncias
moléculas que não atendem a idéia da fusão
metálicas as formadas por este tipo de
de orbitais comuns.
ligação. Ex. placa de zinco, fio de cobre, etc.

57112081.doc 17
Franklin Moura - Química
Hibridação de orbitais significa então: a É o número que representa a carga
fusão de orbitais, devido a promoção de elétrica real (substâncias iônicas) ou fictícia
elétrons ou não, formando assim outros, (substâncias moleculares) de um átomo em
denominados híbridos, que são diferentes dos função da diferença de eletronegatividade
orbitais originais. entre ele e seus ligantes.
Podem ocorrer os tipos: sp, sp² e sp³. Nos compostos iônicos o Nox é
Exemplo: numericamente igual as cargas do íons.
C = Carbono Z = e = 6 Ex.: NaCl (cloreto de sódio)
1s² 2s² 2p²
Na+ Cl ¯
(Cl)Carga real = -1, Nox = -1

1s² 2s¹ 2p³ Nos compostos moleculares o Nox é o


artifício de se imaginar que, no caso de
rompimento de uma ligação covalente, o
6.3-GEOMETRIA MOLECULAR átomo mais eletronegativo atrai o elétron do
Nas estruturas moleculares a geometria é par eletrônico, estabelecendo assim pólos ou
definida pela forma como os átomos se resíduos de cargas nos átomos participantes
organizam no espaço. da ligação. Estamos portanto transformando
Atualmente para prever a geometria de uma hipoteticamente ligações covalentes em
molécula utiliza-se a teoria da repulsão dos iônicas.
pares eletrônicos da camada de valência. Esta
teoria fala que os pares eletrônicos ao redor do Ex.: H O 2 (água)
átomo central, estando ou não fazendo parte da
ligação, comportam-se como nuvens eletrônicas
que se repelem entre si, buscando a maior
distância possível.
Para descobrir a forma geométrica, em
compostos simples, devemos: Carga teórica = -2
Carga teórica = +1
a) Escrever a formula eletrônica, descobrindo o NOx = -2
NOx = +1
número de nuvens em torno do átomo
central.
b) Contar o número de átomos e pares não
ligantes.
c) Consultar a tabela: Obs.: As cargas fictícias dependem portanto da
N.º de átomos Pares ñ Ângul eletronegatividade de cada átomo envolvido na
nuvens ligantes ligantes geometria exemplos
no ao centro centro
o ligação covalente.
centro geral*
0 0 - Linear HCl Quadro de regras práticas:
180°
2 2 0 Linear CO 2 Elemento NOx Exemplos
2 1 Angular SO 2 Hidrogênio +1 HCl
120°
3 3 0 Trigonal Exceto hidretos metálico (-1) NaH
SO 3
Oxigênio -2 H 2O
2 2 Angular H 2O
Exceto peróxidos (-1) H 2 O2 e
3 1 109°28 Piramidal NH
4 ’
3
no OF 2 fluoreto de oxigênio (-1)
4 0 Tetraédrica CH 4 Metais alcalinos +1 HBr
Alcalinos terrosos +2 Ca 3 (PO 4 ) 2
*Obs.: Em certas moléculas este ângulo é Alumínio +3 Al 2 O3
anormal, sendo explicado pela teoria da
Substância simples 0 H2
hibridação sem promoção de elétrons. Ex. água
104° 30’, amônia 107° 18’ Molécula ∑Nox = 0 Todas
Íon ∑Nox = carga Todos
6.4-NÚMERO DE OXIDAÇÃO (NOx) Halogênios -1 NaCl
Enxofre -2 CaS

57112081.doc 18
Franklin Moura - Química
6.5-POLARIDADE DAS LIGAÇÕES 6.6-FORÇAS INTERMOLECULARES
Polo de uma ligação é a região de As cargas dos pólos de uma molécula
uma molécula ou composto iônico com geram forças intermoleculares que permite
acúmulo de cargas elétricas. ligações entre si. Sendo classificadas em:
Temos: polo negativo(-) ou δ −
polo positivo(+) ou δ + • Forças de dipolo-dipolo:
A diferença de eletronegatividade gera Denominadas de dipolo porque ocorrem
ligações com pólos onde o vetor entre moléculas polares, sendo permanentes
momento dipolar ( u ) é pois, se devem a diferença de eletronegati-
orientado no sentido do menos eletronegativo vidade dos elementos da ligação.
(polo positivo δ +) para o mais Exemplos:
eletronegativo (polo negativo δ ).
− HCl, HBr, H 2 S , SO 2 , CO.
Seguindo este princípio, as substancias
moleculares podem ser classificadas em dois δ +
δ −
δ +
δ

grupos: polares ou apolares. Esta
classificação é devido a orientação do vetor H Cl --------- H Cl
momento dipolar resultante( u R ) dos
dipolo-dipolo
vetores gerados pela diferença da
eletronegatividade dos elementos químicos • Pontes de hidrogênio:
na ligação. É considerada um tipo especial de ligação
Já os compostos iônicos são todos dipolo-dipolo, por ser mais intensa. Ocorre
polares devido a existência dos íons(cátions e entre moléculas que apresentam átomos de
ânions). hidrogênio ligados com F, O e N que, por
Para se determinar o vetor dipolo serem muito eletronegativos originam
resultante deve ser levado em consideração a dipolos muito acentuados.
escala de eletronegatividade e a geometria Exemplos:
molecular. H 2 O, NH 3 , HF , H 3 COH (metanol).
Uma forma prática de se determinar a • Forças de London (dipolo induzido):
polaridade de uma ligação covalente é a São dipolos temporários que, em
utilização da escala de eletronegatividade de condições especiais (temperatura e pressão),
Pauling. surgem em moléculas apolares. É o que
F O N Cl Br I S C P H Metais ocorre por exemplo com o gás hidrogênio
quando liqüefeito.

Eletronegatividade crescente H ---- H ---- H ---- H


Caso simples:
Quando a ligação é feita com átomos de
mesma eletronegatividade a molécula é Obs.: (“semelhante dissolve semelhante”)
apolar. Substâncias polares tendem a se dissolver em
solventes polares, consequentemente
Exemplos:
substâncias apolares tendem a se dissolver
Molécula apolar
em solventes apolares.
δ − δ +δ +
δ − u u
7-FUNÇÕES INORGÂNICAS
CO 2 O = C = O O ← C →
Para facilitar o estudo da química
O classificamos as substância de acordo com
sua propriedades funcionais em: funções
Molécula polar inorgânicas e orgânicas (esta última será
δ +
δ −
u objetivo de estudo no 3° ano).
HCl H Cl H → Uma função química é um conjunto
Cl de substâncias com propriedades químicas e
estruturas semelhantes.

57112081.doc 19
Franklin Moura - Química
As funções inorgânicas são grupos de -Triácidos: três hidrogênio ionizáveis.
substâncias com propriedades semelhantes -Tetrácidos: quatro hidrogênio ionizáveis.
entre si e que não tem o átomo de carbono
como seu principal constituinte. As Monoácidos Diácidos: Triácidos Tetrácidos
principais são: ácidos, bases, sais e óxidos. HCl H 2S H 3 PO 4 H 4 P2 O7
Historicamente as primeiras definições HCN HClO 3 H 3 AsO 4 H 4 As 2 O7
importantes surgiram no final do século XIX,
feitas por Svant August Arrhenius, que d)Volatilidade (Ponto de Ebulição)
realizou experimentos observando a -Fixos: tem alto ponto de ebulição. Ex.
passagem de corrente elétrica em soluções H 2 SO 4 , H 3 PO 3 , H 3 PO 4 .
aquosas.
-Voláteis: baixo ponto de ebulição.
Concluindo que a condutibilidade estava
relacionada com a presença de íons livres, HCl, HCN, HBr, H 2 S , HI, HNO 3 .
conseguiu assim a identificação e
classificação das substâncias pelos tipos de e)Força(grau de ionização):
íons presentes nas soluções. A força é determinada pelo grau de
7.1- ÁCIDOS ionização (α) que corresponde a porcentagem
São compostos moleculares que, em de moléculas que se ionizaram (transfor-
meio aquoso(água), se ionizam(transformam- maram-se em íons).
se em iôns), originando como cátions
exclusivamente íons H + ou H 3O +
α = nº de moléculas ionizadas .
(hidrônio).
Nas formulas sempre aparece em nº de moléculas dissolvidas
primeiro o símbolo do hidrogênio.
Fortes Moderados Fracos
Fórmula geral: α > 50% 50% > α > 5% α <5%
H..........
Exemplos
• Classificação Ácido Grau ( α ) Classif.
HI 95%
a) Presença de oxigênio na molécula: HBr 93,5% Fortes
-Hidrácidos: quando a molécula não contem HCl 92,5%
oxigênio (não oxigenados). HNO 3 92%
-Oxiácidos: quando a molécula contem H 2 C 2 O4 50%
oxigênio. H 2 SO 3 30%
Moderados
Hidrácidos Oxiácidos H 3 PO 4 27%
HCl HNO 3 HF 8,5%
HCN H 2 CO 3 H 4 C 2 O4 1,4%
H 2S 0,08%
b)Número de elementos na molécula: H 3 BO 3 0,07% Fracos
-Dinários: quando tem dois elementos. HCN 0,008%
-Ternários: quando tem três elementos.
-Quaternários quando tem quatro elementos • Propriedades
Os ácidos apresentam sabor azedo,
Dinários: Ternários: Quaternários quando em solução aquosa conduz corrente
HCl HNO 2
H 4 Fe (CN ) 6 elétrica, agem neutralizando as bases e
HI HNO 3 H 3 Fe (CN ) 6 adquirem as seguintes tonalidades na
presença de indicadores:
c)N.ºde hidrogênio ionizáveis na molécula:
-Monoácidos: um hidrogênio ionizável. Indicadores Coloração
-Diácidos: dois hidrogênio ionizáveis. Tornasol Róseo

57112081.doc 20
Franklin Moura - Química
Fenolftaleina Incolor
Alaranjado de metila Vermelho São compostos iônicos que em solução
Azul de bromotimol Amarelo aquosa, liberam unicamente íons OH −
Metilorange Vermelho (hidróxila).
Nas fórmulas o grupo OH aparece
Indicadores: sempre por último.
São substâncias que mudam de cor na
presença de ácidos ou bases, sendo em sua Fórmula geral:
maioria substâncias artificiais, porem, alguns
são encontrados na natureza, como por ............OH
exemplo o tornassol. • Classificação:
• Nomenclatura: a)N.º de OH na fórmula:
É feita em dois grupos: -Monobase: apresenta uma hidroxila.
- Para os hidrácidos: Ex. NaOH, KOH
-Dibase: apresenta duas hidroxilas.
Ácido..............................+ ídrico
Ex. Ca(OH) 2 , Zn(OH) 2
nome do elemento
-Tribase: apresenta três hidróxilas.
formador
EX. Al(OH) 3 , Ni(OH) 3
Exemplos:
HF = ácido fluorídrico
b)Volatilidade (Ponto de Ebulição):
HCl = ácido clorídrico
-Fixas: possuem elevado ponto de ebulição.
Ex.: todas as bases de metais, (NaOH)
- Para os oxiácidos:
-Voláteis: possuem baixo ponto de ebulição.
Ácido Hipo................................+ oso Ex.: NH 4 OH
Ácido .........................................+ oso c) Solubilidade:
Ácido .........................................+ ico Solubilidade é a propriedade que
Ácido Per..................................+ ico apresenta uma substância em se disseminar
nome do elemento (espalhar) no seio de outra (geralmente a
formador água), sendo expressa pelo coeficiente de
solubilidade.
Exemplos: -Bases solúveis: apresentam elevado coefi-
HCLO = ác. Hipocloroso ciente de solubilidade em água.
HClO 2 = ác. cloroso -Bases insolúveis: apresentam baixo coefi-
ciente de solubilidade em água.
HClO 3 = ác. clorico
Solúveis Insolúveis
HClO 4 = ác. Perclórico
Bases de metais As demais bases
alcalinos e amônia
Obs. Existem outras formas que fogem a KOH, NaOH, Fe (OH ) 3 ,
estas fórmulas gerais, o aludo deve pesquisar CsOH, LiOH, RbOH, Ni (OH ) 3 ,
para conhece-las. NH 4 OH Bi (OH ) 3
Obs. As bases dos metais alcalinos terrosos
Principais ácidos Presença são consideradas pouco solúveis.
ác Clorídrico Suco gástrico /ac. muriático
d) Força(grau de dissociação):
ác Sulfídrico No cheiro de ovo podre
Conforme o grau de dissociação iônica( α ),
ác Cianídrico Câmara de gás (p. de morte)
as bases são classificadas em:
ác Carbônico Refrigerantes / chuva ácida
Bases fortes: apresentam grau de dissociação
ác Fosfórico Fabricação de fertilizantes iônica elevado.
ác. Sulfúrico Baterias de automóveis Bases fracas:apresentam grau de dissociação
ác Nítrico Fabricação de explosivos iônico baixo.
7.2- BASES OU HIDRÓXIDOS:
Bases fortes Bases fracas

57112081.doc 21
Franklin Moura - Química
Bases de Hid. de sódio Soda caustica / Sabões
metais alcalinos As demais bases Hid. de cálcio Caiação e rebocos
e alcalino-terrosos Hid. de magnésio Leite de magnésia
NaOH, LiOH, KOH, Fe (OH ) 3 Hid. de amônio Fertilizantes artificiais
Ca (OH ) 2 Ni (OH ) 3
Ba (OH ) 2 , Sr (OH ) 2 NH 4 OH 7.3- SAIS
São compostos que em meio aquoso
dissociam-se, liberando pelo menos um
• Propriedades
cátion diferente de H+ e um ânion diferente
Possuem a principal característica de se
de OH-.
dissociarem ionicamente produzindo, em
Podemos dizer também que sal é o fruto
água, exclusivamente como ânion os íons
da neutralização de um ácido com uma base.
OH − . Apresentam sabor cáustico ou
Exemplo:
adstringente(banana verde), conduzem HCl + NaOH → NaCl + H 2 O
corrente elétrica, neutralizam os ácidos e na
presença de indicadores apresentam as • Classificação:
seguintes colorações. a) presença de oxigênio:
-Sal oxigenado(oxissal): tem o oxigênio em
Indicadores Coloração sua estrutura.
Tornasol Azul -Sal não-oxigenado: o oxigênio não
participa de sua estrutura.
Fenolftaleina Róseo(vermelho)
Exemplos:
Alaranjado de metila Alaranjado
Sais oxigenados Sais não-oxigenados
Azul de bromotimol Azul
KNO 3 , Na 2 SO 4 NaCl , NH 4 Br
Metilorange Amarelo
KMnO 4 Ca (CN ) 2
• Nomenclatura
A nomenclatura das bases é muito b)N.º de elementos constituintes:
simples basta anteceder o nome do íon -Binário: tem dois elementos
-Ternário: tem três elementos
OH − (hidróxido) seguido da preposição de e
-Quaternário: tem quatro elementos
o nome do cátion.
Exemplos:
Binário Ternário Quaternário
Hidróxido de............................ NaOCN
KCl , CaS CaCO 3
nome do cátion LiF NH
K 2 CO 3 4 ClO 3
Exemplos:
NaOH: hidróxido de sódio
KOH: hidróxido de potássio c)Natureza dos Íons:
Ca (OH ) 2 : hidróxido de cálcio -sal normal(neutro): não apresenta H +
nem OH − .
NH 4 OH : hidróxido de amônio
-hidrogeno-sal(sal ácido): apresenta H + .
-hidroxi-sal(sal básico): apresenta OH − .
Obs.: Existem, no entanto, elementos que
-sal duplo(misto): apresentam dois cátion ou
podem formar bases com diferentes
dois ânions que não sejam de H + ou OH −
números de oxidação(NOx).
.
-sal hidratado: apresenta água em proporção
Nestes casos:
definida no retículo cristalino.
Menor nox
Hidróxido de..............
Ou indicar o Ex.: ( CuSO 4 .5 H 2 O )
+oso Nox em
nome do algarismo Exemplos:
+ico romano Normal Hidrogenosal Hidroxisal Duplo
cátion
Maior nox NaCl NaHCO 3 Al (OH ) 2 NO 3 NaKCO 3
Exemplos KNO 3 Bi (OH ) 2 Cl AlClF 2
Fe (OH ) 2 : hidróxido ferroso (ou ferro II)
KHSO 4
Fe (OH ) 3 :hidróxido férrico (ou ferro III)
• Propriedades
Principais bases Presença

57112081.doc 22
Franklin Moura - Química
São constituídos de cátions e ânions, Fórmula geral:
portanto iônicos, com sabor salgado,
fundidos ou em solução aquosa conduzem ..........O
corrente elétrica. • Classificação:
• Nomenclatura a) Básicos: apresentam caráter iônico onde
Para facilitar o aluno deve conhecer os o metal terá carga +1 e +2.(geralmente
principais ânions e cátions. famílias 1 A e 2 A)
regra geral Ex.
CaO , CuO , BaO , MgO , LiO 2 , NaO 2 , K 2 O
...................+ sufixo de............................ b) Ácidos: apresentam caráter covalentes é
nome do ânion nome do cátion geralmente são formado por ametais.
Ex. SO 2 , NO 2 , CrO 3, SO 3 P2 O3 , I 2 O5 , CO 2 .
tabela de transformações dos sufixos c) Neutros (indiferentes): são óxidos
Sufixo do ácido Sufixo do ânion covalentes, isto é, formados por ametais,
-idrico -eto e que não reagem com água, ácido ou
-oso -ito base.
-ico -ato Ex. CO , NO , N 2 O, H 2 O
Exemplos: d) Anfóteros: comportam-se como óxidos
NaCl = vem do ( HCl ác. Clorídrico ), fica básicos na presença de um ácido e como
então clereto de sódio. oxidos ácidos na presença de um base.
Ex.:
-Para hidrogeno-sal e hidroxi-sal, utilizamos ZnO , Cr 2 O3, As 2 O2 , Al 2 O3 , MnO 2 , As 2 O5
os prefixos mono, di, tri, etc especificando se e) Duplos ou mistos: resultam da
ácido ou básico. combinação de dois óxidos de um mesmo
NaHCO 3 = carbonato (mono) ácido de sódio ou elemento.
(mono) hidrogeno-carbonato de sódio Ex.: Fe 3 O4 (→ FeO + Fe 2 O3 )
Al (OH ) 2 NO 3 = nitrato (di) básico de alumínio Pb 3 O4 ( → 2 PbO + PbO 2 )
ou (di)hidroxi-nitrato de alumínio. f) Peróxido: apresentam em sua estrutura o
-Para os sais duplos ou mistos: grupo ( (O2 ) 2− .
NaLiSO 4 = sulfato de sódio e lítio Ex.:
CaBrCl = cloreto brometo de cálcio K 2 O2 , CaO 2, Na 2 O2, Ag 2 O2, , BaO 2 , H 2 O2
g) Superóxidos: compostos iônicos sólidos
Principais sais comerciais que apresentam o ánion O42 − (O com
Principais sais Presença
Nox = -1/2).
Cloreto de sódio Sal de cozinha
Ex.:
Fluoreto de sódio Pastas de dente
K 2 O4 , BaO 4 , NaO 4 , CaO 4 , LI 2 O4 , MgO 4
Nitrato de sódio Fabricação de adubos
Nitrato de amônio Fertilizantes e explosivos Obs.: os compostos binários que apresentam
Carbonato de sódio Vidros e piscina(barrilha) flúor e oxigênio não são considerados óxidos,
Bicarbonato de sódio Pães e antiácidos pois o flúor é mais eletronegativo que o
Carbonato de cálcio Marmore e cimento oxigênio.
Sulfato de cálcio Giz e gesso
Hipoclorito de sódio Tratamento de piscina • Nomenclatura

-Os óxidos formados por ametais ligados


7.4-OXIDOS a oxigênio são óxidos moleculares e tem seu
Podem ser iônicos ou moleculares, nome estabelecido pela regra:
formados por dois elementos(binários), sendo (Quatidade de O) di-,tri-...
o oxigênio (O) o elemento mais mono-,di-,tri-....Oxido de............nome do
eletronegativo. elemento
Exemplo:

57112081.doc 23
Franklin Moura - Química
CO = monóxido de carbono Ex.:
CO 2 = dióxido de carbono H 2 + I 2 → 2 HI
NO = monóxido de nitrogênio
NO 2 = dióxido de nitrogênio • Análise ou decomposição: ocorre
-Os óxidos formados por metais quando uma única substância composta
geralmente são óxidos iônicos e neles o origina duas ou mais outras substâncias
oxigênio apresenta carga –2 e seus nomes são (mais simples).
formados pela regra: Ex.:
Ca (OH ) 2 → CaO + H 2 O
oxido de ..............................
nome do elemento Estas reações ocorrem geralmente sob ação
(colocar o Nox em algarismo romano) de calor ( pirólise = Δ ), luz ( fotólise = λ ) ou
eletricidade (eletrólise) sendo, nas reações
Exemplos: representadas por símbolos.
Na 2 O = óxido de sódio
CaO = oxido de cálcio • Simples troca ou deslocamento: Ocorre
Fe 2 O3 = óxido de ferro III quando uma substância simples reage
com uma substância composta sendo que
o composto simples substitui um dos
integrantes da substância composta
8-REAÇÕES QUÍMICAS
produzindo outras substância diferentes.
Ex.:
Tudo que ocorre com a matéria é
conhecido como fenômeno, que pode ser 2HCl + Zn ZnCl 2 + H2
classificado em físico ou químico. O
fenômeno químico é também chamado de Obs.: Fala-se que o zinco deslocou o hidrogênio
reação química e ocorre quando substâncias
se transformam em outras. • Dupla troca: Ocorre entre duas
As reações químicas são representadas substâncias compostas que trocam
por equações químicas, que nos mostram as átomos entre si dando origem a outras
fórmulas das substâncias envolvidas o estado substâncias compostas diferentes.
físico, as condições, o sentido, a Ex.:
proporção(coeficientes), os reagentes e os
produtos.
AgNO 3 + NaCl AgCl
+ NaNO 3
Generalizando temos:

aA + bB cC + dD 8.2-BALANCEAMENTO DAS REAÇÕES:

reagentes produtos Toda equação deve obedecer à lei de


Lavoisier : na natureza nada se cria nada
se destrói, tudo se transforma. Portanto a
8.1-CLASSIFICAÇÃO DAS REAÇÕES: quantidade de átomos de um elemento deve
Uma das formas de classificar uma ser igual no primeiro e no segundo membro.
reação e pela quantidade dos reagentes ou Balancear uma equação química
dos produtos envolvidos e pela forma de significa, portanto, ajustar os coeficientes das
interação entre eles. substâncias demonstrando que os átomos não
sumiram mas apenas se reorganizaram.
• Síntese ou adição: é quando duas ou
mais substâncias (geralmente mais -Método das tentativas: Consiste em acertar
simples) dão origem a um único produto os coeficientes da equação simplesmente
(mais complexo).

57112081.doc 24
Franklin Moura - Química
contando os átomos de cada elemento c)Verifique qual a proporção mínima entre o número de
moléculas do oxidante e do redutor necessária para que o
participante dos reagentes e dos produtos. número total de elétrosn cedidos seja igual ao número total
de elétrons recebidos.Esta proporção fornece os coeficientes
Roteiro de procedimentos: das substância envolvidas no oxirredução.
Ag (0 →+1) ∴de 1e −1 ∴Ag cede 1e −1
a)Observe em toda a reação qual a substância
com maior número de átomos na fórmula. Br (0 → −1) ∴ cede 1e −1 ∴ Br2 cede 2e −1
b)Atribua o coeficiente inicialmente 1(depois proporção → 2Ag : 1Br 2 : 2 AgBr
ajustar para 2, 3... se preciso) para esta
substância. d)Com base nos coeficientes relativos às substâncias
envolvidos na oxirredução, determine por tentativa os
c)Por tentativa e soma atribua os outros coeficientes relativos às substância snão envolvidads na
coeficientes. oxirredução.
Resposta
2 Ag + Br2 → 2 AgBr
Exemplo:
Analisando:
Al + O2 → Al 2 O3
9-CALCULOS ESTEQUIOMÉTRICOS
Reagentes Produtos
Al 1 Al 2
A quantificação e previsão das massas que
O 2 O 3 são envolvidas em uma reação (reagentes e
produtos) é de grande importância tanto em
Finalizando: laboratório como na industria química. Esta
área da química e conhecida como
Reagentes Produtos estequiometria (medida de uma substância) e
Al 4x1=4 Al 2x2=4 para seu estudo precisaremos conhecer alguns
O 3x2=6 O 2x3=6 conceitos básicos(relações de massas) e leis
ponderais:
4 Al + 3O2 →2 Al 2 O3
Coeficientes de proporção mínima 4:3:2 9.1-RELAÇÕES DE MASSAS
• Unidade de massa atômica (uma) ou (u):
-Método redox : Este método só se aplica Os cientistas sempre procuraram um
nas reações de oxi-redução (reações onde padrão que fosse ideal para medir a massa de
ocorrem transferência de elétrons) e se baseia diferentes átomos.
na determinação da variação dos NOx dos O hidrogênio e o oxigênio já foram usados,
agentes oxidante e redutor. mas atualmente , a escala de massas atômicas
Agente Provoca O que sofre está baseada no isótopo mais comum do
Oxidante Oxidação Redução 12
carbono ( 6 C ), que por sua vez é o elemento
de outro (ganho de elétrons)
Redutor Redução Oxidação que está presente em mais de 500.000
de outro (perda de elétrons) compostos orgânicos.
Unidade de massa atômica é a massa de
Roteiro de procedimentos 1/12 do átomo de carbono com número de
a)Escreva em baixo de cada símbolo o respectivo Nox.
12
Ag + Br2 → AgBr
0 0 +1 -1
massa igual a 12( C ).

b)Identifique o reagente oxidante e o


reagente redutor(pela variação de nox). Ligue
por um traço, na própria equação, o reagente
oxidante ao produto da redução e o reagente 12
redutor ao produto da oxidação. 1/12 do C
oxidação
Ag + Br2 → AgBr
0 0 +1 -1 • Massa atômica(MA): é a massa do átomo
redução
expressa em (uma ou u) e indica quantas

57112081.doc 25
Franklin Moura - Química
vezes a massa de um átomo é maior que 1/12 6,022 x 10 23 ou 6,02 x 10 23 ou 6,0 x 10 23
da massa do átomo de carbono –12.
Exemplo: denominado número de avogadro em
A massa do prótio(isótopo do hidrogênio) é homenagem a Amedeo Avogadro, primeiro
igual a 1/12 do átomo de carbono 12. cientista a conceber a idéia.

• Massa de um elemento químico: • Mol :é a quantidade de matéria que contem


Já vimos que a maioria dos elementos é 6,02 x 10 23 entidades ou (é a quantidade de
formada por uma mistura de isótopos ou seja matéria que contem tantas entidades
átomos com mesmo número atômico mas elementares quantos forem os átomos de
diferente número de massa, portanto: C 12 contidos em 0,012 kg desses átomos).
“A massa atômica de um elemento
químico é calculada pela média ponderada Exemplo comparativo:
das massas de seus isótopos”. Uma dúzia de laranjas = 12 laranjas
Exemplo:
Um mol de laranjas = 6,02 x 10 23 laranjas
O elemento químico cloro é uma mistura de
dois isótopos nas proporções:
• Massa Molar (M):
75,4% de Cl 35 e 24,6% de Cl 37 . A massa do
É a massa da substância que contem 6,02 x
elemento químico cloro será:
24 ,6 ×37 ⊕75 ,4 ×35 10 23 entidades, sendo sua unidade: g/mol,
m
Cl = = 35 ,5uma portanto, a massa molar é a massa de um mol
100
de qualquer matéria.
Obs. Não existe cloro com massa 35,5u. Essa é
a média ponderada dos isótopos
Obs.: para uma substância a massa molar é
numericamente a massa molecular expressa
• Massa molecular(MM): em grama.
É a massa de uma molécula expressa em
Exemplo:
“uma” e indica quantas vezes uma
Qual a massa molar da água pura H 2 O ?
determinada molécula tem mais massa que
1/12 do carbono-12. Sendo calculada pela H 2 O ⇒ MM = 18uma
soma das massas dos elementos que M = 18g
constituem a molécula.
Exemplo:
Cl 2 gás cloro (MM = 2 x 35,5 = 71u) 9.2-LEIS PONDERAIS

• Constante de Avogadro ou número de • Lei de Lavoisier


avogadro. (ou lei da conservação das massas)
Imagine se dizer quantos grãos de arroz “ Quando uma reação química ocorre em um
tem em 5kg. No primeiro momento parece sistema fechado, a soma das massas dos
impossível não é mesmo? Podemos sim dizer reagentes é igual à soma das massas dos
um valor bem aproximado, veja bem! Primeiro produtos”.
suponhamos que você mensurou 2g de arroz e Exemplo:
ao contar encontrou 100 grãos, então: 2 H 2 + O2 → 2 H 2 O
100 grãos-----------------2g 4 g + 32g = 36g
x grãos---------------5000g 36g = 36g
pronto:
x = 2,5 x 10 5 grãos ou 250.000grãos • Lei de Proust
(ou lei das proporções constantes)
Procedimento semelhante nos permite “Toda substância apresenta uma proporção
descobrir o número de partículas (átomos, constante, em massa, na sua composição, e a
íons, moléculas, elétrons etc.) existente em proporção na qual as substâncias reagem e
uma amostra. Utilizamos para isso o valor: se formam é constante”.
Exemplo:

57112081.doc 26
Franklin Moura - Química
CaO + H 2 O → Ca (OH ) 2 4. Química teoria e prática 1999 – Bosquilha
1-Experiência 56g + 18g = 74g 5. Química Geral 1997 –Sardela
2-Experiência 280g + 90g = 370g 6. Química Geral-1981-Geraldo Camargo
Proporção 28 : 9 : 37 7. Química 1 –1978 –Aichinger e Mange
8. Química Geral-1977- Ricardo Feltre
• Lei de Gay-Lussac
(ou lei volumétrica)
Apostila -2006
“Nas mesmas condições de pressão e
Francisco de Assis Franklin Morais Moura
temperatura os volumes dos gases
participantes de uma reação química tem Formado em Educação Física(UFPI- 1995))
entre si uma relação de números inteiros e Formando em Física (agosto – 2006)
pequenos”. Cursando Química UESPI( 2º ano-2006)
Exemplo: Cursos não completados:
H2 Eng. De Minas (UFBa) 1981-1984(3,5 anos)
+ Cl 2 2 HCl
Téc. Analista Químico Diocesano 1980(2,5 anos)
10litros + 10 litros = 20 litros Ciências Contábeis(UCSal-Ba)1983(1 ano)
1 : 1 : 2 Licenciatura em Artes Plástica(UFPI)1997(2 anos)

Livros Consultados: Digitação Franklin e Joyce Moura


1. Química 2005-Peruzzo e Canto
2. Química Geral 2000- Usberco e Salvador
3. Química realidade e contexto-2000-Lembo
ANEXO 1 – VIDRARIAS

1. Tubo de Ensaio: Usado em reações químicas, principalmente testes de


reação.
2. Copo de Bécker: Usado para aquecimento de líquidos, reações de
precipitação ( ? ) etc.
3. Erlenmeyer: Usado para titulações e aquecimento de líquidos.
4. Balão de Destilação: Usado em destilações. Possui saída lateral para a
condensação dos vapores.
5. Proveta ou Cilindro Graduado: Usado para medidas aproximadas de
volume de líquidos.
6. Pipeta Volumétrica: Para medir volumes fixos de líquidos.
7. Pipeta Cilíndrica: Usada para medir volumes de líquidos.
8. Funil de Vidro: Usado em transferências de líquidos e em filtrações de
laboratório, O funil com colo longo e estrias é chamado de funil analítico.
9. Bico de Bunsen: Usado em aquecimentos de laboratório.
10. Tripé de Ferro: Usado para sustentar a tela de amianto.
11. Tela de Amianto: Usada para distribuir uniformemente o calor em
aquecimentos de laboratório.
12. Cadinho de Porcelana: Usado
para aquecimentos a seco (calcinações) no bico de Bunsen e Mufla.
13. Estante para Tubos de Ensaio: Suporte de tubos de ensaio.
14 e 15. Funis de Decantação: Usados para separação de líquidos
imiscíveis.
16. Pinça de Madeira: Usada para segurar tubos de ensaio durante
aquecimentos diretos no bico de Bunsen.

57112081.doc 27
Franklin Moura - Química
17. Almofariz e Pistilo: Usados para triturar e pulverizar sólidos.
18. Cápsula de Porcelana: Usada para evaporar líquidos em soluções.
19. Lima Triangular: Usada para cortes de vidros.
20. Bureta: Usada para medidas precisas de líquidos. Usada em análises
volumétricas.
21. Pisseta: Usada para os mesmos fins de frasco lavador.
22. Balão Volumétrico: Usada para preparar e diluir soluções.
23. Suporte Universal: Usado em filtrações, sustentação de peças, tais
como o condensador, funil de decantação e outros fins.
24. Termômetro: Usado para medidas de temperaturas.
25. Bagueta ou Bastão de Vidro: Usada para agitar soluções, transporte de
líquidos na filtração e outros fins.
26. Pinça Metálica Casteloy: Usada para transporte de cadinhos e outros
fins.
27. Escovas de limpeza: Usadas para limpeza de tubos de ensaio e outros
materiais.
28 29 e 30. Condensadores: Usados para condensar os gases ou vapores
na destilação.
31. Espátula: Usados para transferência de substâncias sólidas.

57112081.doc 28
Franklin Moura - Química

EXERCÍCIOS DE APRENDIZAGEM-1
57112081.doc 29
Franklin Moura - Química
1-O aluno foi aquecer uma mistura líquida e para isso usou:

a) um erlenmeyer? ( ) b)um vidro de relógio ( )


2-Justifique sua escolha.

3-Quando se deve usar uma tela de Amianto?

4-Cite 3 evidências de fenômeno físico:

5-Cite 3 evidências de fenômeno químico:

6-Qual a diferença entre REAGIR e MISTURAR?

7-O que é sublimação?

8-Qual a função da destilação simples?

9-A destilação simples é eficaz quando utilizada uma mistura homogênea de líquido
+ sólido. Por quê?

10-Quando se deve usar a destilação fracionada?

11-Cite outros processos de fracionamento para misturas homogêneas:


♦ para misturas sólidas (soluções sólidas)

♦ para misturas gasosas (soluções gasosas)

57112081.doc 30
Franklin Moura - Química
♦ para misturas líquidas (soluções líquidas)

12-Faça um esboço do destilador que é usado em laboratório, especificando o nome


de cada objeto usado.

13-Qual é a função da água em um destilador? Por que a água corrente deve entrar
no sistema de destilação pela parte inferior, à direita, longe do balão?

14-O termômetro adaptado à rolha tem uma função importante. Por que não
dispensamos o uso do termômetro?

15-Quantas mudanças de estado físico ocorrem em uma destilação? Quais são?

16-Faça um esboço do gráfico de aquecimento da água, de –20oC até 120oC.

Exercício 2 - Questões Subjetivas 2-Conceitue propriedades da matéria.


_____________________________________
1-Diga como a química é importante em nossa
_____________________________________
vida diária.
_____________________________________
_____________________________________
3-Quais são as propriedades da matéria.
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
4-Diferencie massa de extensão.
_____________________________________

57112081.doc 31
Franklin Moura - Química
_____________________________________ 11-Diferencie mistura de substância
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
5-O que são propriedades organolepticas? _____________________________________
_____________________________________
12-Diferencie mistura eutética de azeotrópica
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
6-Diferencie matéria de corpo e objeto através _____________________________________
_____________________________________
de exemplos:
_____________________________________ 13-Explique o que é alotropia.
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
7-Quais são as partes principais de um átomo?
14-O que significa a palavra átomo?
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
faça um desenho:
_____________________________________
_____________________________________
______________________________
15-Faça uma ilustração representando os
8-Diferencie número atômico(Z) de número modelos atômicos de Dalton, Thomson,
de massa(A). Rutherford.
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
9-Qual a relação entre o conceito de isótopo e
elemento químico?

16-Quem descobriu os elétrons?


10-Qual o nome dos isótopos do hidrogênio? _____________________________________

17-Quem descobriu a existência dos prótons?


_____________________________________

57112081.doc 32
Franklin Moura - Química
18-Quem descobriu a existência dos 25-Escreva o nome dos elementos químicos
Nêutrons? de números 116 e 117 segundo a IUPAC.
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
19-Faça uma ilustração para o modelo
Rutherford-Böhr. 26-Qual a principal diferença entre metais e
ametais?
_____________________________________

27-Qual o elemento mais denso da tabela


periódica?
_____________________________________

28-Quais os tipos de ligações químicas?


_____________________________________
_____________________________________
20-O que são números quânticos e quais são
eles? 29-O que é a teoria do octeto?
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ 30-Faça o esquema de Lewis par os elementos
_____________________________________ N e Ne.
_____________________________________
_____________________________________
31-Conceitue valência.
21-O que significa orbital? _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ ______________________________
_____________________________________
32-Qual a principal diferença entre ligações
22-Diferencie orbital de subnível. iônicas e moleculares?
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
_____________________________________ 33-O que é número de coordenação de um
_____________________________________ composto iônico?
_____________________________________
23-qual a ordem que deve ser usada para _____________________________________
distribuir os elétrons por níveis de energia. _____________________________________
_____________________________________
34-Explique com exemplos uma ligação
_____________________________________ dativa.
24-Qual o principal químico o qual é
creditado como pai da moderna tabela
periódica?
_____________________________________

57112081.doc 33
Franklin Moura - Química
HNO 2
HBr
35-Descubra a geometria molecular dos HI
compostos. HF
HCl , CO , CO 2 SO 3 H 2O, NH 3CH 4 Na(OH)
Li(OH)
NaCl
LiF
KCl
CuO
CaO
NO

42-Classifique as reações
_____________________________________
_____________________________________

43-O que é massa atômica?


_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
44-Diferencie número de massa de massa
atômica.
36-O que são ligas metálicas? _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
45-O que é o número de Avogadro e qual o
37-Hibridação seu valor?
é........................................................................ _____________________________________
.......................................................................... _____________________________________
.......................................................................... _____________________________________
_____________________________________
38-Conceitue polaridade.
_____________________________________ 46-Dê o conceito de Massa molecular, massa
_____________________________________ molar e mol.
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
39-Toda substância é polar. Sim ou não? _____________________________________
Explique. _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________

40-Quais as principais funções inorgânicas? 47-O que diz as seguintes leis ponderais:
_____________________________________ Lei de Lavoisier, Proust e Gay-Lussac.
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________ _____________________________________
_____________________________________
41-Dê o nome dos compostos. _____________________________________
HCl _____________________________________
HCN _____________________________________

57112081.doc 34
Franklin Moura - Química
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________
_____________________________________

48-No espaço ao lado faça uma palavras-


cruzadas com perguntas sendo as respostas as
seguintes: química, átomo, mistura, Isótopo,
destilação, octeto, líquido, água, molécula, EXERCÍCIOS DE QUÍMICA -3
ametais.
1-Das alternativas propostas, aquela que melhor
apresenta a definição para matéria é:
a)tudo que apresenta forma e função definida no
Universo.
b)tudo que possui massa e ocupa lugar no
espaço.
c)qualquer material do Universo que apresenta
massa e seja sólido
d)qualquer material da terra ou do Sistema solar
que não possui forma ou função definida.
e)tudo o que existe no Universo.
2-Identifique, entre as alternativas a seguir,
aquela que apresenta apenas exemplos de
matéria:
a)o vácuo, o elemento químico oxigênio, o ar e a
água do rio Tietê.
b)o vácuo, as estrelas, a Lua e o brilho de um
metal polido.
c) a luz, a água e a Terra.
d)o ferro dos minérios, o som, a água e o ar.
e)o minério de ferro e o ouro encontrados na
natureza.
3-O aço inox é formado por uma liga de seis
substâncias. Uma bandeja de aço inox pode ser
considerada:
a)um corpo natural
b)matéria
c)um corpo formado por várias substâncias.
d)nada podemos afirmar sem conhecermos seu
formato ou função.
e)n.d.a
4- São considerados estados físicos da matéria:
a)estado sólido, estado de corpo cristalino ou
amorfo, estado líquido e estado gasoso.
b)estado sólido, estado líquido, estado interme-
diário e estado gasoso.
c)estado sólido, estado líquido e estado gasoso.

57112081.doc 35
Franklin Moura - Química
d)estado sólido, estado líquido, estado pastoso e e)Dinamômetros e balanças
estado gasoso. 11-São consideradas propriedades gerais da
e)sem conhecermos a matéria em questão, nada matéria:
podemos afirmar. a) inércia, massa e extensão
5- Partículas distantes, próximas e parcialmente b) massa, peso e extensão
distantes são, respectivamente, as principais c) distâncias intermoleculares, massa e volume
características de quais estados da matéria: d) inércia, impenetrabilidade e conteúdo
a)Estado sólido, estado líquido e estado gasoso. e) n.d.a
b)Estado sólido, estado gasoso e estado líquido. 12- O termo inércia está relacionada com:
c)Estado gasoso, estado líquido e estado inter- a) massa d) força
mediário. b) movimento e) todas estão corretas
d)Estado gasoso, estado sólido e estado líquido. c) repouso
e)Apenas com esses dados nada podemos
afirmar 13- O termo descontinuidade está relacionado
6- Dos fenômenos citados a seguir, qual a com:
alternativa que retrata apenas fenômenos a) inércia d) indestrutibilidade
químicos: b) movimento e) massa
a)reflexão da luz, formação de gelo e a c) espaços intermoleculares
combustão da gasolina. 14) A porosidade é uma propriedade apresentada
b)revelação de uma fotografia, processo na matéria no(s) estado(s)
digestivo e a fotossíntese. a) sólido somente d) sólido e gasoso
c)revelação de uma fotografia, quebra de um b) sólido e líquido e) gasoso somente
sólido e a explosão da dinamite. c) sólido, líquido e gasoso
d) movimentos peristálticos, processo digestivo 15- Sob a ação do calor, o gelo passa para o
e a formação do gelo. estado líquido. À temperatura ambiente, a
e)n.d.a. naftalina transforma-se em gás. Esses fenômenos
7) O som e a luz estão sempre a nossa volta, são conhecidos, respectivamente, por:
porém, não são considerados matéria, porque: a) fusão e sublimação
a) o som e a luz são considerados apenas b) sublimação e fusão
corpos. c) liquefação e evaporação
b) o som é considerado substância e a luz d) calefação e vaporização
corpo. e) ebulição e combustão
c) São considerados fenômenos. 16- De acordo com a velocidade de ocorrência, a
d) O som e a luz são energia e a energia não é vaporização também pode ser chamada de:
formada por átomos como a matéria. a) evaporação e ebulição
8) Que estados possuem volume e forma b) sublimação e solidificação
definidos e não definidos, respectivamente? c) condensação e liquefação
a) estado sólido e estado líquido d) solidificação e fusão
b) estado sólido e estado intermediário e) n.d. a.
c) estado gasoso e estado líquido 17- São consideradas propriedades
d) estado sólido e estado gasoso específicas da matéria:
e) estado líquido e estado gasoso a) massa, ductibilidade e porosidade
9- As forças de interação entre as partículas é b) massa, ductibilidade e inércia
muito intensa. Essa afirmação refere-se (aos) c) calor específico, massa e dureza
estado(s) físico(s): d) maleabilidade, densidade e calor específico
a) sólido e gasoso d) gasoso e) corpo cristalino, massa e inércia
b) líquido e sólido e) n.d.a 18- Cor, sabor, brilho e odor pertencem ao
c) sólido grupo das seguintes propriedades:
10- Massa e peso são conceitos relacionados, a) específicas físicas d) funcionais
respectivamente com: b) gerais e) específicas
a)Intensidade da força da gravidade e dina- c) específicas químicas organolépticas
mômetros
b)Porção de matéria que constitui um corpo e 19- As substâncias podem ser agrupadas de
quilograma.
acordo com sua função química. Esta
c)Quantidade de força aplicada a um corpo e
inércia
afirmação refere-se às seguintes
d)Porção de matéria que constitui um corpo e propriedades:
intensidade da força gravitacional a) funcionais d) físicas

57112081.doc 36
Franklin Moura - Química
b) gerais e) fisico-químicas c) sublimação do iodo
c) organolépticas d) decomposição do nitrato de potássio
e) fusão do enxofre na ausência de ar
20- As substâncias inorgânicas conhecidas f) combustão do enxofre
estão classificadas em quatro funções 27- O chumbo, estando a 360°C, apresenta
químicas principais, a saber: forma variável e volume definido. Podemos
a) polímeros, ácidos, bases e sais dizer que ele está no estado:
b) ácidos, bases, ésteres e álcoois a) líquido
c) ácidos, hidróxidos, água e bases b) gasoso
d) ácidos, bases, óxidos e aminas c) sólido
e) ácidos, hidróxidos, óxidos e sais d) entre o estado sólido e o líquido
21-(UFPI-95)Estando à pressão atmosférica e) entre o estado líquido e o gasoso
ao nível do mar, podemos afirmar, que as 28-Os átomos são formados fundamen-
temperaturas de fusão (F) e de ebulição (E) talmente por:
da água são: a) prótons, nêutrons e elétrons
a) F = 0°C; E = 100°C d) F < 0º C E > 100ºC b) nêutrons e elétrons
b) F > 0ºC; E > 100ºC e) F < 0º C E < 100ºC c) elétrons e prótons
c) F > 0º C; E < 100º C d) íons e cátions
22- Entre as transformações citadas a seguir, e) n.d.a
aquela que NÃO representa um fenômeno 29-Os prótons são partículas que possuem
químico é: massa relativa igual a:
a) cozimento de um ovo a) 1/1840
b) queima do carvão b) –1
c) amadurecimento de uma fruta c) 1840 vezes menor que a massa do nêutron
d) azedamento do leite d) massa desprezível
e) formação do orvalho e) 1
23- Não ocorre reação química: 30-O átomo apresenta duas regiões distintas.
a) na combustão do álcool Qual delas apresenta maior “peso” ?
b) na oxidação do ferro a) eletrosfera
c) na evaporação da água b) núcleo
d) no apodrecimento de uma fruta c) prótons
e) na digestão dos alimentos d) nêutrons
24- Dos fenômenos a seguir: e) elétrons
I- Combustão da gasolina 31-Carga elétrica negativa e carga elétrica
II- Dissolução de açúcar em água positiva são características pertencentes,
III- Diminuição progressiva das bolinhas de respectivamente aos:
naftalina, ao serem colocadas em a) prótons e nêutrons
armários. b) prótons e elétrons
IV- Digestão de alimentos c) nêutrons e elétrons
São considerados químicos apenas: d) elétrons e prótons
a) I, II e III e) elétrons e nêutrons
b) I, II e IV 32- Cada um dos cientistas: Dalton,
c) I e IV Thomson, Rutherford e Bohr apresentaram
d) II e III uma teoria sobre:
e) I, III e IV a) modelo atômico
25-A alternativa que nâo envolve reação b) distribuição eletrônica
química é: c) massa dos prótons
a) caramelização do açúcar d) radioatividade
b) combustão da lenha e) peso atômico
c) dissolução em água de um comprimido efer- 33- A primeira visão científica do átomo
vescente. surgiu com:
d) Explosão da dinamite a) Demócrito
e) Precipitação da chuva b) Dalton
26- Classificar os seguintes fenômenos: c) Thomson
a) aquecimento de um fio de platina d) Rutherford
b) aquecimento de uma fita de magnésio e) Bohr

57112081.doc 37
Franklin Moura - Química
34-A distribuição eletrônica correta do e) 1 próton e 3 elétrons
elemento carbono( 6 elétrons) está 42- Um átomo com 15 prótons e 17 nêutrons
representada na alternativa: possui:
a) K-2, L-4 d) K-4, L-2 a) Z=15 e A=17 c) Z=15 e A=32
b) K-1, L-5 e) K-5,L-1 b) Z=17 e A=15 d) Z=32 e A=32
c) K-3, L-3
35- O número máximo de elétrons 43- Os símbolos Na, Ag, Cu, Pb e S
permitidos na camada N é 32. No entanto, se representam, respectivamente, os seguintes
em determinada distribuição essa camada for elementos químicos:
a última, ela poderá conter apenas: a) prata, chumbo, cobre, enxofre e sódio
a) 4 elétrons b) prata, cobre, mercúrio, polônio e silício
b) de 1 a 8 elétrons c) níquel, alumínio, cloro, paládio e selênio
c) de 2 a 8 elétrons d) sódio, prata, cobre, chumbo e enxofre
d) 2 elétrons e) níquel, argônio, cúrio, potássio e sódio
e) dependerá do número de elétrons que o 44-Indique a alternativa que completa
átomo possua corretamente as lacunas do seguinte parágrafo:
36- O número de elétrons permitidos na “ Um elemento químico é representado pelo
seu....................., é identificado pelo número
camada Q é:
de........................ .”
a) 8 d) 18
a) nome, prótons, nêutrons
b) 2 e) 2 ou 8
b) nome, elétrons, nêutrons
c) 1
c) símbolo, elétrons, nêutrons
37- A distribuição eletrônica correta do d) símbolo, prótons, nêutrons
elemento lítio (3 elétrons) está na e) símbolo, nêutrons, elétrons
alternativa: 45- O elemento ferro apresenta Z=26 e
a) K-2, L-1 d) K-0, L-3 A=56 e o elemento manganês apresenta
b) K-1, L-2 e) K-1, L-1, M-1
c) K-3
Z=25 e A=56. Os átomos desses elementos
são considerados:
38-Realize a distribuição eletrônica do a) isóbaros d) isoeletrônicos
cálcio (z = 20) b) isômeros e) isomorfos
c) isótopos
39- Um elemento apresenta Z=11, isso 46- O elemento químico flúor apresenta Z=9
significa que: e A=19 e o elemento neônio apresenta Z=10
a) o elemento apresenta 11 elétrons e A=20. Os átomos de tais elementos
b) o número atômico desse elemento é 11, ou oferecem um exemplo do fenômeno
seja, apresenta 11 prótons
conhecido por isotonia. Essa afirmação é
c) o número atômico desse elemento é 11, ou
seja, apresenta 11 nêutrons
verdadeira pois ambos apresentam:
d) o elemento apresenta número de massa igual a) o mesmo número de massa e números
atômicos diferentes
a 11
e) o elemento em questão, apresenta peso b) o mesmo número de prótons e números
atômicos diferentes
superior a 11.
c) o mesmo número de nêutrons e números
40-Um átomo isolado com Z=10 e A=22
atômicos diferentes
apresenta: d) as mesmas propriedades e números atômicos
a) 10 prótons, 10 elétrons e 22 nêutrons diferentes
b) 10 prótons, 22 elétrons e 10 nêutrons e) números atômicos diferentes
c) 22 prótons, 22 elétrons e 10 nêutrons
47- Podemos definir molécula como sendo:
d) 10 prótons, 10 elétrons e 12 nêutrons
a) a menor parte da matéria que ainda mantém
e) 12 prótons, 12 elétrons e 12 nêutrons
suas características originais
41-O átomo de hidrogênio com Z=1 e A=1 é b) a partícula formada por elétrons, ânions e
o único que não possui nêutrons. Este átomo prótons
apresenta: c) a menor partícula que constitui todos os
a) 1 próton e 1 elétron corpos da natureza
b) 1 próton e 2 elétrons d) um grupo de átomos ligados por pontes de
c) 2 prótons e 2 elétrons hidrogênio
d) 2 prótons e 1 elétron

57112081.doc 38
Franklin Moura - Química
e) um grupo de átomos unidos por ligações 55- O próton apresenta massa e carga
covalentes relativas respectivamente iguais a:
48- A menor partícula de uma substância a)zero, -1
que conserva suas propriedades originais. b)zero, +1
Essa definição refere-se: c)1, +1
a) ao átomo d)1/1836, -1
b) à substância simples e)zero, 1/1836
c) à substância composta
d) à molécula 56- O elétron apresenta massa e carga
e) ao elemento relativas respectivamente iguais a:
49- O modelo atômico mais aceito a) –1, 1/1840
atualmente enuncia que a estrutura atômica é b) 1/1840, -1
organizada da seguinte forma: c) 1, -1
a) prótons no núcleo e elétrons na coroa d) zero, +1
b) prótons na eletrosfera e nêutrons no núcleo e) 1, +1
c) prótons e nêutrons na eletrosfera e elétrons 57- A palavra átomo é originária do grego e
na eletrosfera significa “indivisível”, ou seja, segundo os
d) elétrons no núcleo e prótons girando em filósofos gregos, o átomo seria a menor
torno partícula da matéria e que não poderia ser
e) prótons e nêutrons no núcleo e elétrons na mais dividida. Atualmente essa idéia não é
eletrosfera mais aceita.
50-O átomo é considerado uma partícula A respeito dos átomos, é VERDADEIRO
indivisível e maciça. Essa afirmação foi afirmar que:
enunciada pelo(s) químico(s): 1. não podem ser desintegrados
a) Dalton 2. são formados por, pelo menos, três
b) Rutherford partículas fundamentais
c) Thomson 4. possuem partículas positivas denominadas
d) Dalton e KeKulé elétrons
f) Dalton e Thomson 8. apresentam duas regiões distintas, o núcleo e
51- Um elemento com Z=12 apresentará a a eletrosfera
seguinte distribuição: 16. apresentam elétrons, cuja carga elétrica é
a) K=2, L=8, M=2 negativa
a) K=2, L=6, M=4 32. contêm partículas sem carga elétrica, os
b) K=2, L=5, M=5 nêutrons.
c) K=1, L=8, M=3
d) K=2, L=7, M=3 58-Um determinado átomo, em seu estado
52-Um átomo com 15 prótons e 17 nêutrons fundamental, apresenta número atômico
tem: igual a 13 e número de massa igual a 27.
a) Z=15, A=17 d) Z=32, A=15 Sobre ele é CORRETA afirmar que:
b) Z=17, A=15 e) Z=32, A=32 1. apresenta 27 elétrons
c) Z=15, A=32
2. apresenta 13 prótons
53- Um elétron apresenta massa: 04.se trata do alumínio
a) nula 08.apresenta 26 nêutrons
b) desprezível em relação ao nêutron 16.se trata de um não- metal
c) não desprezível em relação ao nêutron 32.apresenta um total de três elétrons na última
d) maior que a do próton camada.
e) maior que a do nêutron
59-O jornal “Folha de São Paulo” publicou,
54- O nêutron apresenta massa e carga em 19/06/94, uma matéria sobre empresas
relativas respectivamente iguais a: norte- americanas que estavam falsificando
a)1, zero suco de laranja. O produto, vendido como
b)zero, 1 puro, estava sendo diluído com água. A
c)1, +1
fraude foi descoberta por meio de medidas
d)1, -1
e)1/1836, -1 de teores de isótopos de oxigênio .O
isótopo mais pesado fica um pouco mais
concentrado na água presente nas plantas em
57112081.doc 39
Franklin Moura - Química
crescimento, do que nas águas oriundas de a) partículas alfa
fontes não – biológicas. É correto afirmar b) partículas- onda
que: c) elétrons- onda
d) partículas subatômicas
1. Os números atômicos destes isótopos são e) camadas eletrônicas
iguais.
2. O número de massa de é 16 e indica a 65-O nível de energia do elétron é
soma do número de prótons e de elétrons representado por
existentes no átomo. a) número quântico azimutal
04.Os números de nêutrons nos isótopos citados b) pósitrons
são 16 e 18, respectivamente. c) spins
08.a distribuição eletrônica de é igual à do d) número quântico principal
16.o suco puro deve conter uma maior e) número quântico magnético
quantidade de.
60- Os átomos do elemento químico 66-Conceitue orbital de um elétron
oxigênio, no estado fundamental, devem _______________________________________
_______________________________________
possuir:
67- O subnível d contém:
01.elétrons
a) 3 orbitais d) 9 orbitais
02.prótons
b) 5 orbitais e) n.d.a
04.moléculas
c) 7 orbitais
08.nêutrons
16.partículas sem carga elétrica 68- Quantos números quânticos são
32.partículas com carga elétrica necessários para caracterizar a posição de
64.íons um elétron em um átomo?
a) 1 d) 4
61- Cada elemento químico tem associado b) 2 e) 5
c) 3
ao seu nome um símbolo que o representa.
Escolha(s) opção(ões) que associa(m) 69- O número quântico magnético e o spin
CORRETAMENTE nomes e símbolos referem-se, respectivamente:
01.S= enxofre 16.N= nitrogênio a) à rotação do elétron é a quantidade de
02.Ag= prata 32.F= ferro orbitais
04.Pb= chumbo 64.Hg= mercúrio b) ao orbital onde um determinado elétron pode
08.C= carbono ser encontrado e à rotação do elétron
c) à rotação do elétron e ao subnível de energia
d) ao subnível de energia e à indicação espacial
62- A experiência de Rutherford provou que:
das camadas
a) o átomo é uma esfera maciça minúscula
e) à rotação de orbitais e às partículas- onda
b) existem diversas espécies de átomos
c) átomos de um mesmo elemento possuem
números de prótons iguais 70 Se um átomo neutro, no estado
d) o átomo possui uma região central, fundamental, tem configuração eletrônica
minúscula, de carga positiva 1s², 2s², 2p¹, quantos orbitais vazios ainda
e) a lâmina de ouro tem carga positiva restam no nível principal n=2?
a) 1 d) 4
63- O modelo atômico mais aceito b) 2 e) 5
atualmente, foi introduzido pelo cientista c) 3
Schrodinger. Ele considera que os elétrons
estão dispostos em orbitais. Tais orbitais, 71-Qual é o átomo que apresenta apenas
provavelmente, apresentam o modelo: dois elétrons não emparelhados?
a) pudim de ameixas a) N (Z=7)
b) nuvem eletrônica b) O (Z=8)
c) sistema solar (camadas) c) F (Z=9)
d) partícula- onda d) Ne (Z=10)
e) n.d.a 72-Um determinado átomo apresenta (7) elétrons
no subnível d da camada M. A respeito desses
64- Pósitrons, mésons e neutrinos são elétrons é correto afirmar que:
considerados:

57112081.doc 40
Franklin Moura - Química
1. todos eles apresentam número quântico 1 A e outro que pertence a família VA possuem,
principal igual a 2 respectivamente:
2. o número quântico secundário para todos a) 1 e 5 elétrons na última camada
eles é 2 b) apenas 1 e 5 camadas eletrônicas
04.cinco, desses sete elétrons, apresentam o c) 7 e 3 elétrons na última camada
mesmo número quântico de spin d) apenas 1 e 5 isótopos
08.o número quântico magnético do primeiro e) n.d.a
elétron “colocado” nesse subnível é –2 79-A família dos halogênios também pode
16. os números quântico do sétimo elétron ser denominada simplesmente como:
“colocado” nesse subnível d são: n=3, l=2, ml=0 a) VIIA
e Ms= -1/2 b) VIIB
73-Assinale a alternativa que representa um c) A
conjunto de números quânticos NÃO d) VA
permitido: e) IIIA
a) n=3, l=1,m=0, s=+1/2 80-Os gases nobres são os únicos elementos
b) n=4, l=0, m=0, s=-1/2 que não formam compostos, em condições
c) n=3, l=1, m=1, s= +1/2 ambiente, com outros elementos. Essa
d) n=3, l=2, m=1, s=+1/2 afirmação é verdadeira uma vez que:
e) n=3, l=0, m=0, s=+1/2 a) os gases nobres não podem misturar-se com
74-Os números quânticos principal (n), outros, pois são altamente reativos
secundário (l), magnético (m) e spin (ms) do b) os gases nobres são elementos artificiais, já
elétron mais energético do átomo do cloro são, desenvolvidos com essa característica
respectivamente, c) os gases nobres são os únicos elementos que
a) 3, 1, 0 e +1/2 já apresentam-se estabilizados em seu estado
b) 3, 1, +1 e –1/2 natural
c) 2, 0, +1 e –1/2 d) os gases nobres não são estáveis
d) 2, 1, -1 e +1/2 e) n.d.a
e) 3, 2, 0 e –1/2 81-As famílias B representam elementos:
a) de transição interna
75-Na tabela periódica atual, os elementos b) de transição interna e de transição externa
estão dispostos de acordo com os valores c) representativos e gases nobres
crescentes de: d) típicos e de transição externa
a) número de massa e) de transição externa e gases nobres
b) número atômico
c) número de nêutrons 82-A série dos lantanídios e actinídios
d) unidade de massa atômica pertencem à família .................. e são chamados
e) número de Avogadro de elementos ..................... .
a) IIIB, de transição externa
76-Em uma tabela periódica, as colunas b) IIIB, de transição
verticais são chamadas de .................... e c) IIIB, representativos
estão subdivididas em ...................... : d) IIIA, de transição interna
a) períodos, A, B e O e) IIIB, de transição interna
b) famílias, A, B e C 83-As linhas horizontais da tabela periódica
c) famílias, A, B e O representam:
d) grupos, B, C e O a) as famílias
e) séries, A, B e O b) os grupos
c) as séries ou períodos
77-Os elementos das famílias A são d) somente a família B
e) somente a família A
chamados de:
84-Elementos com propriedades semelhantes ou
a) representativos
não são apresentados, respectivamente nos (nas):
b) de transição
a) períodos ou séries
c) metais alcalinos
b) séries ou períodos
d) alcalinos e calcogênios
c) famílias e períodos
e) de transição interna
d) grupos e famílias
e) n.d.a
78-Baseado na classificação periódica, podemos
afirmar que um elemento que pertence a família

57112081.doc 41
Franklin Moura - Química
85-Quando o subnível de maior energia for do 94-Os elementos mais densos aparecem
tipo S ou P, o elemento será: posicionados na tabela:
a) representativo a) na extremidade superior direita
b) transição b) na extremidade superior esquerda
c) transição interna c) na extremidade inferior direita
d) covalente d) na extremidade inferior esquerda
e) artificial e) na parte central
86-Observe a tabela periódica e forneça a 95-O volume atômico de um átomo
configuração eletrônica do nível mais externo do dependerá, basicamente:
fósforo. a) do tamanho e compactação dos átomos
_______________________________________ b) do tamanho dos átomos
87- Um elemento que possui 27 elétrons no nível c) da energia de ionização e tamanho dos
N, em seu estado fundamental, é um: átomos
a) elemento representativo d) do raio atômico e reatividade dos átomos
b) elemento de transição e) da compactação dos átomos
c) gás nobre 96-Qual dos elementos apresenta o menor
d) elemento de transição interna ponto de ebulição:
88-Os elementos sódio, cloro, xenônio são: a) Cs d) Na
a) metal, ametal e gás nobre b) Rb e) Li
b) metal, gás nobre e ametal c) K
c) gás nobre, metal e ameta
97-São respectivamente, metal, não- metal e
d) metal, ametal e elemento de transição
interna gás nobre:
89-Qual dos elementos a seguir apresenta maior a) sódio, estanho e iodo
raio atômico? b) ferro, cloro e nitrogênio
a) Al c) sódio, cloro e hélio
b) Mg d) aço, iodo e argônio
c) Na e) crômio, bromo e iodo
d) F 98-Pertencem à família dos calcogênios
e) Todos apresentam o mesmo raio a) o cloro e o bromo
90-O elemento natural de menor energia de b) o oxigênio e o nitrogênio
ionização é o: c) o selênio e o telúrio
a) F d) Na d) o sódio e o potássio
b) He e) Ne e) o cálcio e o bário
c) Cs 99-A alternativa que apresenta os símbolos de
três elementos com propriedades químicas
91-O elemento de maior eletroafinidade é o: semelhantes é :
a) Ba, Li, Se d) K, S, Sr
a) F d) H
b) Ca, Na, Sr e) S, Se, Te
b) He e) Cl c) Ca, Na, Te
c) Cs 100-Pertencem, exclusivamente, ao grupo IIA da
92-Entre os elementos caracterizados pelas tabela periódica:
suas respectivas posições na tabela a) H, Li, Ca e Ba d) Sn, Cs, Ra e Sc
periódica, indicadas a seguir, o que deve b) Ra, Sr, Mg e Be e) Mn, B, Cl e Sn
possuir maior eletroposi-tividade é: c) B, Be, Ba e Cs
a) coluna VIIA, período 2 101- Na estrutura do cloreto de sódio
b) coluna IVB, período 4 encontramos um aglomerado de:
c) coluna IIA, período 4 a) cátions e ânions
d) coluna VIA, período 3 b) macromoléculas
e) coluna IA, período 2 c) íons hidratados
93-Das alternativas a seguir, aquela que d) átomos independentes
apresenta os elementos mais reativos é: e) moléculas biatômicas
a) Li, Na e F
b) Li, Na e He 102- Em cristais de cloreto de sódio, cada íon de
c) Li, At e Po sódio tem como vizinhos mais próximos quantos
d) Na, Ne e Fr íons de cloreto?
e) Li, Na e Rn a) 1 d) 6
b) 2 e) 8

57112081.doc 42
Franklin Moura - Química
c) 4 b) –1 e +2 e) +1 e –2
103-Cristais de cloreto de sódio, obtidos a partir c) +2 e –1
de uma solução aquosa desse sal, têm estrutura 111-O elemento químico que tem configuração
cristalina: eletrônica na última camada 3s² 3p², presta-se a
a) octaédrica d) cúbica inúmeras aplicações, como na fabricação de
b) tetraédrica e) esférica ferramentas, chips eletrônicos, cimento, dentre
c) prismática outros.Com base nas informações anteriores:
104-Os balões de gás vendidos na porta do Escreva o símbolo deste elemento químico e
Museu Paraense Emílio Goeldi e do Bosque indique a que período e a que família pertence.
Rodrigues Alves em Belém, usualmente, são _______________________________________
inflados utilizando-se gás hidrogênio ou gás
hélio. Os elementos químicos que compõem 112- As substâncias: etano, gás bromo, água e
estes gases pertencem, respectivamente, aos cloreto de magnésio apresentam seus átomos
grupos. unidos, respectivamente, por meio de ligações:
a) IA e 0 d) IIA e VIIIA a) covalentes, covalentes, covalentes, iônicas
b) 0 e VIIIA e) IA e VIIIB b) covalentes, iônicas, covalentes e iônicas
c) 0 e IIA c) metálicas, iônicas, iônicas e metálicas
105- O “ funil de bromo” também chamado de d) covalentes, covalentes, iônicas, iônicas
balão de decantação, é útil para separarmos uma e) covalentes, covalentes, iônicas, metálicas
mistura de: 113-As pontes de hidrogênio aparecem
a) água e glicose dissolvida a) quando o hidrogênio está ligado a um
b) água e álcool elemento muito eletropositivo
c) água e gasolina, dois líquidos imiscíveis b) quando o hidrogênio está ligado a um
d) água e areia elemento muito eletronegativo
e) areia e pó de ferro c) em todos os compostos hidrogenados
106-Em um acampamento, um estudante deixou d) somente em compostos inorgânicos
cair na areia todo o sal de cozinha disponível. e) somente nos ácidos Arrhenius
Entretanto, tendo conhecimento sobre separação 114-A água do mar filtrada é uma:
de misturas, consegui recuperar praticamente a) mistura homogênea
todo o sal. Que operações este estudante pode b) mistura heterogênea
Ter realizado? c) substância pura simples
_______________________________________ d) substância pura composta
_______________________________________ e) espécie química
107- Assinale a alternativa correta que 115-Qual o número de fases e componentes do
representa os elementos químicos pertencentes à sistema a seguir:
família dos gases nobres: a) areia e água destilada
a) C, Li, As, Kr e Ar d) He, Rn, Xe, Kr e Ar b) álcool, limalha de ferro e enxofre em pó
b) Ca, Ir, Sr, Kr e Ar e) Ne, Rn, Sr, He e Ge c) água líquida com 3 cubos de gelo
c) Ne, Rn, Sb, He e Ge d) estanho durante a fusão
108- Pertencem à família dos metais alcalino- 116-Água, álcool, areia e acetona formam um
terrosos os elementos cujos átomos apresentam sistema:
igual: a) monofásico d) polifásico
a) raio atômico b) bifásico e) n.d.a
b) eletronegatividade c) trifásico
c) energia de ionização 117- Água, álcool, areia e óleo formam um
d) número de isótopos sistema:
e) número de elétrons de valência a) monofásico
109-Átomos que apresentam menor número de b) bifásico
elétrons com relação ao número de prótons são c) trifásico
denominados. d) polifásico
a) prótons d) cátions 118-Assinale o conjunto que forma mistura
b) íons – carbono e) ânions homogênea:
c) metais a) água, areia, álcool
110-Os átomos pertencentes à família dos metais b) quartzo, feldspato, mica
alcalino- terrosos e dos halogênios adquirem c) álcool, éter, água
configuração eletrônica de gases nobres quando, d) álcool, éter, óleo
respectivamente, formam íons com cargas: e) álcool, éter, areia
a) +1 e –1 d) –2 e –2

57112081.doc 43
Franklin Moura - Química
119-Uma porção de água líquida + gelo é um 127-Recentemente, foi sintetizada uma nova
sistema heterogêneo considerado: forma alotrópica do carbono, que ficou
a) uma substância pura composta conhecida como buckybola ou futeboleno.
b) uma substância pura simples Essa forma alotrópica difere da grafita e do
c) uma mistura homogênea diamante em relação:
d) uma mistura heterogênea a) à variedade de átomos ligados ao carbono
e) um sistema simples b) ao modo como os átomos de carbono estão
120-Uma amostra que apresenta ponto de fusão arranjados
constante, pode ser considerada: c) ao número de elétrons na camada de valência do
átomo de carbono
a) uma substância pura mas não uma mistura
d) ao número de nêutrons no núcleo do átomo de
b) uma mistura mas não uma substância pura carbono
c) um composto puro mas não um elemento e) ao número de prótons no núcleo do átomo de
d) uma mistura ou uma substância pura carbono
e) um eutético ou uma substância pura 128-Para separar convenientemente uma mistura
121-A principal característica de misturas de areia, sal de cozinha, gasolina e água, a
azeotrópicas é ter: seqüência de processos mais indicada é:
a) ponto de fusão constante a) decantação, catação e destilação
b) ponto de ebulição constante b) floculação, filtração e decantação
c) ponto de fusão e ebulição constantes c) catação, filtração e evaporação
d) ponto de sublimação constante d) filtração, catação e destilação
e) n.d.a e) filtração, decantação e destilação
122-Diamante, grafite e fulereno são.................... 129-O fósforo branco e o fósforo vermelho são:
do elemento químico ..................... . a) homólogos d) isóbaros
a) alótropos, oxigênio d) isótopos, oxigênio b) isômeros e) alótropos
b) isótopos, oxigênio e) isômeros, enxofre c) isótopos
c) alótropos, carbono 130- Indique o balão utilizado para destilação de
123-A alotropia refere-se a: líquidos.
a) compostos binários d) bases a) balão de fundo redondo
b) elementos químicos e) sais b) balão de fundo chato
c) ácidos c) balão graduado
124-Tanto o diamante como a grafita são d) balão volumétrico
formados por átomos de carbono. Entretanto e) balão com saída lateral
diferem bastante na maioria das suas 131-Apresentam graduações precisas, as
propriedades. Isto é explicado pelo fato de seguintes vidrarias:
apresentarem diferentes: a) béquer e bureta
a) produtos de combustão b) béquer e proveta
b) estruturas cristalinas c) proveta e bureta
c) massas atômicas d) balão volumétrico e erlenmeyer
d) núcleos atômicos e) kitassato e béquer
e) cargas elétricas 132-Destina-se ao uso em destilações a vácuo:
125-A diferença principal entre uma substância a) kitassato d) balão com saída lateral
pura simples e uma substância pura composta é: b) béquer e) proveta
a) o número de átomos c) erlenmeyer
b) os tipos de ligações 133- Podem ser de ferro, chumbo, platina ou
c) os tipos de elementos químicos porcelana e servem para análises após a
d) o número de ligações combustão:
e) nenhuma das anteriores a) cadinhos de Gooch d) almofarizes
b) cápsulas de porcelana e) cadinhos
c) cubas
126-Classificando-se como elemento (E) , 134-Utilizada para manter as temperaturas
composto (C) e mistura (M) os seguintes itens: estáveis durante longos períodos:
vinho, ozônio, gasolina, gelo e diamante, obtem a) caixa de graves
– se respectivamente: b) capela
a) M,C, M, C,E d) C, E, M, C, E c) tenaz
b) M, E, M, C, E e) C, M, M, E, E d) estufa
c) M, C, M, C, C
e) dissecador

57112081.doc 44
Franklin Moura - Química
135- Numa das etapas de seu tratamento, a água
atravessa camadas espessas de areia e de
cascalho.Esta etapa do tratamento é chamada de: 142- As classificações dos óxidos
a) filtração d) centrifugação SO3, CaO, Al2O3, H2O2 e Fe3O4
b) decantação e) sifonação São respectivamente:
c) sedimentação a) ácido, básico, básico, peróxido, misto
136- As substâncias: etano, gás bromo, água e b) ácido, básico, anfótero, peróxido, misto
cloreto de magnésio apresentam seus átomos c) neutro, ácido, anfótero, peróxido, básico
unidos, respectivamente, por meio de ligações: d) neutro, básico, ácido, superóxido, básico
a) covalentes, covalentes, covalentes e iônicas e) ácido, neutro, misto, ácido, neutro
b) covalentes, iônicas, covalentes e iônicas 143-À temperatura ambiente, o gás que se
c) metálicas, iônicas, iônicas e metálicas desprende quando se faz reagir bicarbonato de
d) covalentes, covalentes, iônicas e iônicas sódio com ácido clorídrico é o:
e) covalentes, covalentes, iônicas e metálicas a) cloro
137-Associe b) hidrogênio
1. HCL a) ácido perclórico c) gás carbônico
2. HClO b) ácido clórico d) monóxido de carbono
3. HClO2 c) ácido cloroso e) peróxido de hidrogênio
4. HClO3 d) ácido hipocloroso 144-Associe cada substância relacionada na
5. HClO4 e) ácido clorídrico coluna I com seu possível comportamento em
138-Segundo Arrhenius, bases são compostos água (coluna II)
que dissolvidos em água liberam: Coluna I
a) ânions metálicos I. potássio
b) cátions metálicos II. dióxido de enxofre
c) ácidos III. hidróxido de sódio
d) ânions que são sempre hidroxilas IV. óxido de sódio
e) ânions e cátions Coluna II
139-A base Ca(OH)2 pode ser classificada a) dissociação iônica
como: b) reage com desprendimento de hidrogênio
a) dibásica e tetrabásica c) produz solução ácida
b) forte e dibásica d) produz solução básica
c) fraca e dibásica e) ionização total
d) fraca e monobásica Marque a(s) alternativa(s) correta(s):
e) moderada e dibásica 1. I-A, II-B, III-E, IV-C
140- Equacione as reações de neutralização total 2. I-B, II-E, III-A, IV-B
a seguir e dê o nome dos sais formados: 3. I-B, II-C, III-D, IV-D
a) HNO3 + KOH 4. I-D, II-C, III-A, IV-D
b) HCl + Ca(OH)2 5. I-A, II-E, III-C, IV-C
c) H2SO4 + NaOH
d) H2SO4 + Fe(OH)3 145-As pontes de hidrogênio aparecem:
e) H3PO4 + Fe(OH)2 a) quando o hidrogênio está ligado a um
141-“ Chuva ácida” resulta da combinação de elemento muito eletropositivo
água atmosférica com dióxido de enxofre ou b) quando o hidrogênio está ligado a um
com trióxido de enxofre. elemento muito eletronegativo.
Escreva: c) em todos os compostos hidrogenados
a)as equações químicas balanceadas das reações d) somente em compostos inorgânicos
de cada um dos óxidos com água e) somente nos ácidos de Arrhenius
b)os nomes oficiais dos produtos das reações dos 146- São propriedades dos ácidos:
dois óxidos com água. a) sabor adstringente e formam H3O+ em
solução aquosa
b) sabor azedo e formam OH- em solução
aquosa
c) sabor salgado e formam H3O+ e OH- em
solução aquosa
d) reagem com bases formando ácidos
e) sabor azedo, formam H3O+ em solução
aquosa, reagem com bases formando sais

57112081.doc 45
Franklin Moura - Química
147-Na substância Na2CO3 (carbonato de
sódio) há :
a) apenas ligações covalentes
b) ligações covalentes e covalentes dativas
c) ligações iônicas e covalentes
d) somente ligações iônicas
e) ligações iônicas, covalentes e covalentes
dativa
148-Em relação à presença de oxigênio na
composição de um ácido podemos classifica-lo
como:
a) hidrácido e oxiácido
b) hidrácido e óxido
c) óxido e monoácido
d) hidrácido e base
e) triácido e tetraprótico
149- Escrever a fórmula dos sais:
a) sulfato de sódio
b) nitrato de prata
c) sulfato de cálcio
d) nitrato de amônio
e) fosfato de bário
f) fosfato de alumínio
150- Nos supermercados da cidade encontramos
produtos
I-para limpeza de forno e desentupidores de pia,
cuja substância ativa é o NaOH.
II-bactericidas, cuja substância ativa é o NaClO
Estas substâncias ativas pertencem
respectivamente às funções:
a) ácido e base d) sal e ácido
b) base e óxido e) base e sal
c) óxido e sal

151-Para que um composto seja considerado


óxido, é necessária:
a) no mínimo, a presença de um flúor.
b) a presença de um sal e de um oxigênio.
c) no mínimo, a presença de três elementos.
d) a presença de um oxigênio combinado com
um elemento menos eletronegativo que ele.
e) a presença de um flúor combinado com um
elemento menos eletronegativo que ele.

Este trabalho não tem fins lucrativos

57112081.doc 46