Você está na página 1de 21

Vigilância de

saúde no
Brasil
Mara Dayanne A. Ribeiro
Vigilância em Saúde

A vigilância em saúde constitui um processo


contínuo e sistemático de coleta, consolidação,
análise e disseminação de informações sobre
eventos relacionados à saúde.
Vigilância em Saúde
• Visa o planejamento e a implementação de
medidas de saúde pública.

Regulação,
intervenção e Proteção e Prevenção e
atuação em promoção da saúde controle de riscos,
determinantes da da população agravos e doenças
saúde
Vigilância em Saúde

O vigilância em saúde objetiva definir os


fundamentos básicos da organização e das
práticas em saúde no Sistema Único de Saúde,
com a finalidade de promover e proteger a saúde
da população.
Vigilância em Saúde - Princípios

•Utilização da epidemiologia e do mapeamento de risco


sanitário e ambiental para o conhecimento do
território e estabelecimento de prioridades nos
processos de planejamento, na alocação de recursos e
na orientação programática;

•Articulação das ações de vigilância em saúde com as


demais ações e serviços desenvolvidos e ofertados no
Sistema Único de Saúde (SUS) para garantir a
integralidade da atenção à saúde da população;
Vigilância em Saúde - Princípios

•Descentralização político-administrativa
•Regionalização
•Identificar condicionantes e determinantes de saúde
•Acesso universal e contínuo a ações e serviços de
vigilância em saúde
•Participação da sociedade
•Cooperação e articulação intra e intersetorial
•Direito às informações da VS
Vigilância em Saúde - Diretrizes
•Articular e pactuar responsabilidades das três esferas
de governo, respeitando a diversidade e
especificidade locorregional;

•Abranger ações voltadas à saúde pública, com


intervenções individuais ou coletivas em todos os
pontos de atenção;

•Construir práticas de gestão e de trabalho que


assegurem a integralidade do cuidado.
Vigilância em Saúde - Diretrizes
•Integrar as práticas e processos de trabalho das vigilâncias
promovendo o trabalho multiprofissional e interdisciplinar;

•Promover a cooperação e o intercâmbio técnico científico


no âmbito nacional e internacional;

•Atuar na gestão de risco e Promover análise da situação da


saúde da população de forma a fortalecer gestão e práticas
em saúde coletiva com base em evidências;

•Avaliar o impacto de novas tecnologias e serviços


relacionados à saúde de forma a prevenir riscos e eventos
adversos.
Vigilância em Saúde - Organização
Processos de trabalho da vigilância em saúde

Epidemiológico e sanitário
Para atender às
Social
especificidades do
território, o trabalho Demográfico
da vigilância em saúde Ambiental
deve ser pautado nos Econômico
seguintes
conhecimentos: Cultural
Político
Vigilância em Saúde - Organização
Trabalho multiprofissional e interdisciplinar:
• Garantir singularidades de cada área e o
desenvolvimento de excelência técnica responsável.

Contribuir para maior racionalidade do atendimento integral.

Colaborar na construção da integralidade como partícipe da


equipe que se encarrega da operacionalização da Rede de
Atenção à Saúde e seus serviços.

Nas ações de apoio matricial aos serviços de saúde


• Contribuir para qualificar a construção de projetos junto
às equipes de saúde.
Vigilância em Saúde - Organização

Sistemas de
Informação Emergências

Planejamento,
monitoramento e
avaliação

Educação Comunicação
Vigilância em Saúde - Organização
•O financiamento das ações da vigilância em saúde deve ser
garantido de forma tripartite, contínua, assegurando os
recursos e tecnologias necessários ao cumprimento do
papel institucional das três esferas de gestão, bem como
deve contribuir para o aperfeiçoamento e melhoria da
qualidade de suas ações.

•As responsabilidades, os requisitos, bem como os critérios


e mecanismos de transferência dos recursos federais para
os estados, municípios e Distrito Federal estão definidos
pela normativa do SUS.
Atividade!
• Formar quatro grupos: conceituar e exemplificar
cada uma das vigilâncias
Atividade!

Como a vigilância pode promover a


saúde e evitar agravos?
Atividade!
Qual a vigilância responsável?
• A informação sobre doenças de notificação
compulsórias.
• Surtos
• Acompanhamento dos casos velhos e novos
de doenças
• Áreas com maior incidência de doenças
Atividade!
Qual a vigilância responsável?
• Qualidade da água
• Fiscalização de estabelecimentos de saúde,
alimentícios, creches, asilos
• Propagandas de serviços de saúde
• Manipulação de hemoderivados
• Destino de dejetos, resíduos sólidos
Atividade!
Qual a vigilância responsável?
• Contaminação por agrotóxicos
• Desastres naturais: enchentes
• Poluição de rios e solo
Atividade!
Qual a vigilância responsável?
• Reconhecimento de riscos ocupacionais.
• Identificação de doenças associadas a
determinada atividade laboral.
• Trabalho infantil
Vigilância de
saúde no
Brasil
Mara Dayanne A. Ribeiro

Você também pode gostar