Você está na página 1de 32

Parte 1 10 Critérios de sustentabilidade ambiental devem

ser observados no processo licitatório.


1 À luz do disposto na Lei n.º 8.666/1993 — Lei
11 Os agentes públicos podem incluir nos atos de
de Licitações e Contratos —, julgue o próximo item: São
convocação cláusulas que favoreçam as sociedades
cinco as modalidades de licitação: concorrência,
cooperativas.
tomada de preços, convite, concurso e leilão.
12 A administração pode optar por contratar
2 Na administração pública, independentemente
produto de empresa nacional em detrimento do bem
da modalidade de licitação, a assinatura do contrato é
importado sob a justificativa, exclusiva de dar
obrigatória.
preferência à industrial nacional.
3 As cláusulas classificadas como acessórias,
13 A margem de preferência pré-estabelecida não
tipicamente presentes no contrato administrativo,
poderá ser estendida, total ou parcialmente, aos bens
garantem a supremacia do interesse público ao
e serviços originários dos Estados Partes do Mercado
concederem várias prerrogativas à administração
Comum do Sul − Mercosul.
pública.
14 Os editais de licitação para a contratação de
4 Uma vez realizada licitação para a contratação
bens, serviços e obras não poderão exigir que o
dos serviços, ainda que ocorra alguma ilegalidade
contratado promova, em favor de órgão ou entidade
durante o procedimento licitatório, a administração
integrante da Administração pública medidas de
não será obrigada a anular o contrato se a decisão não
compensação comercial, industrial, tecnológica ou
acarretar lesão ao interesse público nem prejuízo a
acesso a condições vantajosas de financiamento,
terceiros.
cumulativamente ou não.
5 Se, em procedimento licitatório na modalidade
15 Segundo dispõe a Lei no 8.666/93, é
convite deflagrado pela União, não se apresentarem
caraterística de um processo licitatório a
interessados, e se esse procedimento não puder ser
impossibilidade de restrição a bens e serviços com
repetido sem prejuízo para a administração, ele poderá
tecnologia desenvolvida no país.
ser dispensado, mantidas, nesse caso, todas as
condições preestabelecidas. 16 Um órgão integrante da administração pública
federal publicou edital destinado à aquisição de bens
6 É vedada a participação das cooperativas de
comuns de TI e à implantação de sistema de tecnologia
trabalho em processo licitatório para contratação de
de informação e de comunicação estratégica, em ato
mão de obra, quando o labor, por sua natureza,
do Poder Executivo federal, que estabeleceu, entre
demandar subordinação do trabalhador, ante os
outras regras, que a licitação fosse feita na modalidade
prejuízos que possam advir para o patrimônio público.
pregão eletrônico e que bens e serviços adquiridos
7 Com exceção das sociedades de economia tivessem tecnologia desenvolvida no país. Com base
mista, que — devido à participação da iniciativa nessa situação hipotética, julgue o item seguinte,
privada em seu capital — seguem regras próprias, os relativo à legislação aplicável à contratação de bens e
órgãos da administração indireta estão sujeitos à regra serviços de TI. As duas regras mencionadas na situação
de licitar. hipotética violam as normas legais referentes a
licitações e pregão eletrônico, uma vez que a restrição
8 Embora sejam entidades dotadas de
a bens e serviços com tecnologia nacional é descabida
personalidade jurídica de direito privado, as empresas
e, apesar de haver previsão de aquisição de bens
públicas, como regra geral, estão obrigadas a licitar
comuns de TI na modalidade pregão, a licitação na
antes de celebrar contratos destinados à prestação de
forma eletrônica não se aplica à aquisição desse tipo de
serviços por terceiros.
bem.
9 Embora vise garantir a observância do princípio
17 (Adaptada) A licitação destina-se a garantir a
constitucional da isonomia, o processo licitatório
observância do princípio constitucional da isonomia. O
poderá, excepcionalmente, priorizar a proposta que
julgamento das propostas levará em conta a igualdade,
promova em maior grau o desenvolvimento
entre outros princípios básicos. Em igualdade de
sustentável, em detrimento da proposta mais
condições, um dos critérios de desempate consiste em
vantajosa.
assegurar preferência aos bens e serviços produzidos
ou prestados por empresas de pequeno porte,
constituídas sob as leis brasileiras, com sede e IV. Produzidos no País.
administração no país.
Nos termos da Lei no 8.666/1993, em condições de
18 Dado o princípio da isonomia, é vedado atribuir igualdade, como critério de desempate, será
preferências para bens e serviços produzidos e assegurada preferência pela ordem, sucessivamente,
prestados no Brasil, ou por empresas brasileiras, aos itens IV, II, III e I."
mesmo que se trate de critério de desempate em
24 A licitação não será sigilosa, sendo públicos e
procedimentos licitatórios, situação que deverá ser
acessíveis ao público os atos de seu procedimento,
resolvida por sorteio.
salvo quanto ao conteúdo das propostas, até a
19 Na licitação para a aquisição de armários de respectiva abertura.
aço para suprir as unidades de um órgão público, dez
25 Segundo dispõe a Lei no 8.666/93, é
empresas apresentaram, em igualdade de condições,
caraterística de um processo licitatório a possibilidade
armários da mesma marca, com as mesmas
de ser estabelecida margem de preferência a produtos
especificações técnicas e com o mesmo preço. Na
manufaturados e para serviços nacionais que atendam
situação apresentada, de acordo com as disposições da
às normas técnicas brasileiras.
Lei n.º 8.666/1993 e suas alterações, a preferência
recairá, sucessivamente, aos bens produzidos no país; 26 Não há previsão legal para o estabelecimento,
produzidos por empresas que invistam em pesquisa e nos processos licitatórios, de margem de preferência
no desenvolvimento de tecnologia no país; produzidos para bens e serviços com tecnologia desenvolvida no
por empresas brasileiras. Brasil.
20 O primeiro critério de desempate de licitação 27 As margens de preferência por produto
conduzida em igualdade de condições aos manufaturado e por serviços nacionais que atendam a
participantes é a exigência de os bens e serviços, normas técnicas brasileiras são definidas pelo
objetos da licitação, serem produzidos no país. Congresso Nacional, não podendo seu preço
ultrapassar o montante de 50% do preço dos produtos
21 No procedimento licitatório, é vedado
manufaturados e serviços estrangeiros.
estabelecer tratamento diferenciado de natureza
comercial, legal, trabalhista, previdenciária ou 28 Apenas o licitante lesado tem direito público
qualquer outra, entre empresas brasileiras e subjetivo de impugnar judicialmente procedimento
estrangeiras, salvo as diferenciações estabelecidas em licitatório que não observou ditames legais.
lei, entre as quais está a possibilidade de se utilizar,
como critério de desempate, a preferência a bens e 29 O procedimento licitatório previsto na referida
serviços produzidos por empresas brasileiras. lei é um ato administrativo formal.

22 Em um processo licitatório, quando há empate, 30 Nos processos licitatórios, sejam eles de


é assegurada a preferência aos bens e serviços, âmbito nacional ou internacional, deve ser utilizada,
prioritariamente, que forem produzidos ou prestados obrigatoriamente, como expressão monetária a moeda
por empresas que investiram em pesquisa e no corrente nacional
desenvolvimento de tecnologia no país. 31 O projeto básico para execução de obras
23 "Em uma licitação para bens e serviços ocorreu públicas deve apresentar elementos necessários e
empate entre as propostas. Considere: suficientes à execução completa da obra, de acordo
com as normas pertinentes da ABNT.
I. Produzidos ou prestados por empresas que
comprovem cumprimento de reserva de cargos 32 No âmbito das licitações, o que caracteriza
prevista em lei para pessoa com deficiência ou para uma obra, distinguindo-a de um serviço, é a
reabilitado da Previdência Social e que atendam às predominância das atividades em detrimento dos
regras de acessibilidade previstas na legislação. materiais.

II. Produzidos ou prestados por empresas brasileiras. 33 São consideradas compras todas as aquisições
remuneradas de bens, seja para fornecimento de uma
III. Produzidos ou prestados por empresas que invistam só vez, seja para fornecimento parcelado.
em pesquisa e no desenvolvimento de tecnologia no
País. 34 A tomada de decisão para a realização de obra
a ser licitada em uma organização pública é
inicialmente embasada na identificação dos tipos de e a definição dos métodos e do prazo de execução,
serviços a executar e de materiais e equipamentos devendo sempre conter orçamento detalhado e global
necessários ao empreendimento. Após essa da obra, sob pena de nulidade.
identificação, o próximo passo será a realização de
42 São consideradas de grande vulto obras,
estudos técnicos definitivos.
serviços ou compras cujo valor estimado seja superior
35 (Adaptada) O projeto básico é o elemento mais a quinze milhões de reais.
importante na execução de obra pública. Falhas em sua
43 A empreitada por preço global refere-se à
definição ou constituição podem dificultar a obtenção
contratação de um empreendimento em sua
do resultado almejado pela Administração. É requisito
integralidade, compreendidas todas as etapas da obra,
necessário de um projeto básico possuir elementos
serviços e instalações necessários, sob inteira
suficientemente detalhados para permitir a execução
responsabilidade da contratada.
do objeto.
44 Para os fins da Lei nº 8.666/1993, considera- se
36 O projeto básico para a execução de um
projeto executivo as informações que possibilitem o
empreendimento deve conter o desenvolvimento da
estudo e a dedução de métodos construtivos,
solução escolhida, de forma a fornecer a visão global
instalações provisórias e condições organizacionais
dessa obra. Assim, nessa etapa de projeto, não há a
para a obra, sem frustrar o caráter competitivo para a
necessidade de se identificar com clareza todos os
sua execução.
elementos constitutivos da obra.
45 O projeto básico para execução de obras
37 Soluções técnicas globais e localizadas
públicas deve apresentar o custo global da obra,
suficientemente detalhadas devem fazer parte do
indicadas as diretrizes gerais para subsidiar o
projeto básico de uma obra, de forma a minimizar a
detalhamento a ser apresentado no projeto executivo
necessidade de reformulação.
em que serão fundamentados os quantitativos de
38 De acordo com a Lei n.º 8.666/1993, projeto serviços e fornecimentos propriamente avaliados.
básico é o conjunto de elementos necessários e
46 De acordo com a Lei nº 8.666/93, as licitações
suficientes e com nível de precisão adequado para
para a execução de obras e para a prestação de
caracterizar a obra ou serviço que se pretende
serviços obedecerão, de forma geral, à seguinte
contratar. A respeito do projeto básico de obras ou
sequência formal: projeto básico, projeto executivo e
serviço, julgue o item a seguir. A solução técnica
execução das obras e serviços.
escolhida e os métodos construtivos são definidos na
etapa de projeto executivo, posterior ao projeto 47 As obras e os serviços somente poderão ser
básico. licitados quando houver projeto básico e projeto
executivo aprovados pela autoridade competente e
39 O projeto básico para execução de obras
disponível para exame dos interessados em participar
públicas deve apresentar a identificação dos tipos de
do processo licitatório.
serviços a serem executados, a fim de assegurar os
melhores resultados para o empreendimento, sem 48 A Administração pública pode dar início à fase
frustrar o caráter competitivo para a sua execução. externa de procedimento licitatório para contratação
de obras e serviços disciplinado pela Lei nº 8.666/1993,
40 (Adaptada) É um dos componentes do projeto
desde que, dentre outros requisitos, haja projeto
básico os subsídios para montagem do plano de
básico aprovado pela autoridade competente e
licitação e gestão da obra, compreendendo a sua
disponível para exame dos interessados em participar
programação, a estratégia de suprimentos, as normas
do processo licitatório, podendo, desde que autorizado
de fiscalização e outros dados necessários em cada
pela Administração, o projeto executivo ser
caso.
desenvolvido concomitantemente com a execução das
41 O projeto básico — conjunto de elementos obras e serviços.
necessários e suficientes para caracterizar a obra ou
49 Obras e serviços somente podem ser licitados
serviço objeto da licitação — deve ser elaborado com
quando houver projeto básico aprovado, existir
base nos estudos técnicos preliminares, que
orçamento detalhado, houver previsão de recursos
assegurem a viabilidade técnica, o adequado
orçamentários e, quando for o caso, estiver
tratamento do impacto ambiental do
empreendimento, as condições de avaliação do custo
contemplado nas metas estabelecidas pelo plano 57 É nulo o edital de licitação para a compra de
plurianual. produtos de marca determinada, uma vez que é
proibida a indicação da marca do bem a ser adquirido
50 Pretende a Administração pública municipal
pela administração por meio de licitação.
contratar a construção de um estádio destinado a
receber competições internacionais e nacionais. Para 58 A inexistência de orçamento detalhado em
tanto, a Administração providenciou, a fim de instruir planilhas que expressem a composição de todos os
o procedimento de licitação, a especificação dos custos unitários implica a nulidade dos atos ou
elementos e diretrizes que deveriam ser seguidos para contratos administrativos realizados e a
a elaboração do projeto básico pela contratada. De responsabilidade de quem lhes tenha dado causa.
acordo com o que dispõe a Lei nº 8.666/93, a licitação
59 Para fins de julgamento das propostas de
é irregular, tendo em vista que é necessário que o
preços, será computada a atualização monetária das
procedimento de licitação esteja instruído com projeto
obrigações de pagamento como valor da obra ou
básico disponível para consulta pelos interessados em
serviço.
participar do certame.
60 No que diz respeito às licitações públicas para
51 Considerando a Lei no 8.666/93 e suas
aquisição de bens e serviços promovidas pelo Tribunal
alterações, as obras e os serviços somente poderão ser
Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE/MT), julgue o
licitados quando existir orçamento detalhado em
item: Qualquer cidadão poderá requerer ao TRE/MT os
planilhas que expressem a composição de todos os
quantitativos das obras e os preços unitários de
seus custos unitários.
determinada obra executada, desde que comprovado
52 Considerando o disposto na Lei n.º 8.666/1993, o interesse e a finalidade dos documentos.
julgue o item subsequente: De acordo com o
61 A execução das obras e dos serviços deve
entendimento do Superior Tribunal de Justiça acerca
programar-se, sempre, em sua totalidade, previstos
do disposto no art. 7.°, § 2.°, III, dessa lei, é necessária,
seus custos atual e final e considerados os prazos de
para a realização da licitação, a existência de
sua execução.
disponibilidade financeira que assegure, de fato, o
pagamento das obrigações decorrentes das obras ou 62 Não é permitido o retardamento imotivado da
serviços a serem executados no exercício financeiro em execução de obra ou serviço, ou de suas parcelas, se
curso, ou seja, o recurso deve estar disponível à existente previsão orçamentária para sua execução
administração ou, pelo menos, já ter sido liberado. total, mesmo no caso de insuficiência financeira.
53 Considerando a Lei no 8.666/93 e suas 63 O autor do projeto básico não deve ser
alterações, as obras e os serviços somente poderão ser contratado pela empresa construtora da obra, nem
licitados quando o produto dela esperado estiver mesmo como assessor técnico.
contemplado nas metas estabelecidas no Plano
Plurianual de que trata o art. 165 da Constituição 64 É vedada a licitação ou contratação de obra ou
Federal, quando for o caso. serviço que inclua a elaboração de projeto executivo
como encargo do licitante ou do contratado.
54 Permite-se, em qualquer hipótese, a inclusão,
no objeto da licitação, de obtenção de recursos 65 É permitida a participação de engenheiro do
financeiros para a sua execução, qualquer que seja a quadro de pessoal da Administração na execução de
sua origem. obra ou serviço contratado com base na Lei nº 8.666,
de 1993, na qualidade de consultor técnico.
55 No objeto das licitações, é vedado incluir a
obtenção de recursos financeiros para sua execução, 66 O autor do projeto executivo, seja ele pessoa
exceto no caso de empreendimentos executados e física ou jurídica, não poderá participar nem direta nem
explorados sob o regime de concessão ou de indiretamente da execução de obra ou serviço.
permissão, observada a legislação específica. 67 Em uma licitação, é vedada a participação
56 É vedada a inclusão, no objeto da licitação, de direta ou indireta de servidor da entidade licitante.
fornecimento de materiais e serviços sem previsão de 68 As obras e serviços destinados aos mesmos fins
quantidades ou em quantitativos que não terão projetos padronizados por tipos, categorias ou
correspondam às previsões reais do projeto básico ou classes, exceto quando o projeto-padrão não atender
executivo.
às condições peculiares do local ou às exigências 80 Os preços registrados deverão ser divulgados
específicas do empreendimento. internamente pelo menos uma vez ao ano, para
orientação da Administração.
69 (Adaptada) De acordo com a Lei nº 8.666/93,
serviços de publicidade e divulgação são serviços 81 O sistema de registro de preços será
técnicos profissionais especializados. regulamentado por Lei Complementar, atendidas as
peculiaridades regionais.
70 Ressalvados os casos de inexigibilidade de
licitação, os contratos para a prestação de serviços 82 No Sistema de Registro de Preço, a existência
técnicos profissionais especializados deverão, de preços registrados obriga a Administração a firmar
preferencialmente, ser celebrados mediante a as contratações que deles poderão advir.
realização de licitação do tipo técnica e preço.
83 O sistema de controle originário no quadro
71 A empresa de prestação de serviços técnicos geral de preços deve ser preferencialmente
especializados que apresente relação de integrantes de informatizado.
seu corpo técnico em procedimento licitatório ou
84 Qualquer cidadão é parte legítima para
como elemento de justificação de dispensa ou
impugnar preço constante do quadro geral de registro
inexigibilidade de licitação, ficará obrigada a garantir
de preços em razão de incompatibilidade do preço
que os referidos integrantes realizem pessoal e
disposto no quadro geral com o vigente no mercado.
diretamente os serviços objeto do contrato.
85 O agente de compras deve observar a
72 (Adaptada) De acordo com a Lei nº 8.666/93,
especificação completa do bem a ser adquirido, a
projetos básicos são serviços técnicos profissionais
definição das unidades e das quantidades a serem
especializados.
adquiridas em função do consumo e as condições de
73 (Adaptada) Para os fins da Lei nº 8.666/1993 guarda e armazenamento que evitam a deterioração
(Lei de Licitações e Contratos Administrativos), são do material
considerados serviços técnicos profissionais
86 Para aquisição de bens por meio de
especializados os trabalhos relativos a pareceres,
procedimento licitatório, uma vez publicado o edital, a
perícias e avaliações em geral.
administração direta não precisa apresentar a
74 (Adaptada) De acordo com a Lei nº 8.666/93, especificação completa do bem a ser adquirido.
auditorias tributárias são serviços técnicos
87 O recebimento de equipamento médico-
profissionais especializados.
hospitalar adquirido pelo valor de R$ 850.000,00 deve
75 Os trabalhos relativos à fiscalização, à ser confiado a uma comissão composta de, pelo
supervisão ou ao gerenciamento de serviços não são menos, três membros
considerados serviços técnicos profissionais
88 As compras realizadas pela administração
especializados para os fins da Lei de Licitações.
devem sempre atender ao princípio da padronização,
76 Trabalhos relativos à defesa de causas judiciais que impõe compatibilidade de especificações técnicas
são considerados serviços técnicos profissionais e de desempenho, observadas, quando for o caso, as
especializados. condições de manutenção, assistência técnica e
garantias oferecidas.
77 No tocante à Lei de Licitações (Lei n.º
8.666/1993), julgue: Essa lei não considera o 89 Em razão do princípio da competitividade, a Lei
treinamento e aperfeiçoamento de pessoal em n.º 8.666/1993 não admite, na licitação de obras e
serviços técnicos profissionais especializados. serviços, ainda que destinados aos mesmos fins, o
estabelecimento de projetos padronizados por tipos,
78 Sob pena de nulidade e responsabilização do
categorias ou classes. De igual modo, são vedadas, nas
servidor, nenhuma compra pode ser realizada sem a
compras, padronizações que imponham a
adequada caracterização do seu objeto e a indicação
compatibilidade de especificações técnicas e de
dos recursos orçamentários para seu pagamento.
desempenho.
79 Acerca do sistema de registro de preços,
90 Nas hipóteses em que a Administração pública
previsto na Lei no 8.666/93, julgue: O registro de
pretender realizar compras para atender a interesse
preços será precedido de ampla pesquisa de mercado.
público específico, ela deve, considerando o disposto
no artigo 15 da Lei nº 8.666/1993, processá-las, sempre capacidade econômico-financeira por meio do
que possível, através de sistema de registro de preços. recolhimento da quantia correspondente a 5% da
avaliação do imóvel como requisito de habilitação.
91 As compras, sempre que possível, deverão,
entre outras exigências, submeter-se a condições de 99 Os bens imóveis pertencentes à administração
aquisição e pagamento específicas do setor público. pública e cuja aquisição tenha derivado de
procedimentos judiciais ou de dação em pagamento
92 Em decorrência do princípio da
não são passíveis de alienação.
economicidade, as compras devem ser subdivididas na
quantidade de parcelas que forem necessárias para 100 Ressalvados casos contemplados pela
aproveitar as oportunidades do mercado. legislação que a rege, a licitação deve ser efetuada
onde se situar a repartição interessada em seus
93 Em conformidade com os preceitos
resultados.
regulamentares, as compras realizadas pela
Administração Pública deverão observar, sempre que 101 Qualquer modificação no edital torna
possível, dentre outros requisitos, balizar-se pelos necessária a divulgação pela mesma forma que se deu
preços praticados no âmbito dos órgãos e entidades da o texto original, devendo, nesse caso, ser reaberto o
Administração Pública. prazo inicialmente estabelecido em lei.

94 Os órgãos da administração direta ou indireta 102 Determinado órgão público pretende contratar
devem dar publicidade, mensalmente, em órgão de serviços técnicos especializados de engenharia, para
divulgação oficial ou em quadro de avisos de amplo elaboração de projeto básico para uma obra de
acesso público, à relação de todas as compras feitas considerável complexidade técnica que pretende
mediante licitação, de maneira a clarificar a realizar. De acordo com as disposições da Lei no
identificação do bem comprado, seu preço unitário, a 8.666/1993, para contratação do referido projeto
quantidade adquirida, o nome do vendedor e o valor poderá ser adotada a modalidade empreitada integral,
total da operação, dispensando-se a publicação das na qual o projeto básico pode ficar a cargo da empresa
compras feitas com dispensa de licitação. contratada para a execução da obra.

95 Leilão é modalidade licitatória aplicável para 103 A concorrência é modalidade de licitação entre
alienação de bens móveis de qualquer valor. interessados devidamente cadastrados que, na fase
inicial de habilitação preliminar, comprovem possuir os
96 A venda de bens imóveis das autarquias deve
requisitos de qualificação previstos no edital para a
ser precedida de autorização legislativa.
execução do objeto.
97 Considere que determinado imóvel público,
104 (Adaptada) Leilão é a modalidade de licitação
adquirido pelo ente federativo mediante adjudicação
entre interessados devidamente cadastrados ou que
em processo de execução fiscal, tenha sido
atenderem a todas as condições exigidas para
considerado inadequado para a instalação de órgão
cadastramento até o terceiro dia anterior à data do
público conforme inicialmente aventado, de forma que
recebimento das propostas, observada a necessária
o imóvel não foi afetado a nenhum serviço ou atividade
qualificação.
pública. Considerando o regime jurídico aplicável aos
bens públicos, na forma prevista na Constituição 105 Na modalidade convite, empresas que não
Federal, Código Civil e Lei nº 8.666/1993, o ente poderá tenham sido convidadas pela administração não
efetuar permuta por outro imóvel que atenda às poderão participar da licitação.
finalidades pretendidas pela Administração, cujas
106 Concurso é a modalidade de licitação entre
necessidades de instalação e localização condicionem
quaisquer interessados que, preliminarmente,
a escolha, dispensada a licitação e verificada a
comprovem possuir a qualificação exigida no edital
compatibilidade de preço com o mercado mediante
para a execução do seu objeto.
avaliação prévia.
107 Se a administração pública pretender vender
98 A Administração pública realizou
bens móveis inservíveis, ela deverá fazê-lo mediante
procedimento licitatório, na modalidade concorrência,
leilão a quem oferecer o maior lance, igual ou superior
para alienação de imóvel de sua titula ridade. No
ao valor da avaliação dos bens em questão.
referido procedimento, a Administração poderia exigir,
no edital, dos interessados a demonstração de
108 O leilão, uma das modalidades de licitação, é 115 Nos termos da Lei nº 8.666/93, quando o valor
aplicável entre quaisquer interessados para a venda de estimado da contratação, para obras e serviços de
bens móveis inservíveis para a administração ou de engenharia, superar um milhão e quinhentos mil reais,
produtos legalmente apreendidos ou penhorados, ou a modalidade licitatória apropriada é a concorrência.
para a alienação de determinados bens imóveis, a Quando se tratar de consórcio público formado por até
quem oferecer o maior lance, igual ou superior ao valor três entes da Federação aplicar-se-á o dobro deste
da avaliação. valor.

109 Ao Poder Legislativo estadual é permitida a 116 No caso de licitação dispensada, a


criação de novas modalidades de licitação, conforme as administração pública, mediante o exercício do poder
peculiaridades locais existentes. discricionário, poderá estabelecer rito particular de seu
interesse para a aquisição de bem ou serviço.
110 A respeito da licitação da modalidade de
convite, é correto afirmar que o seu cabimento é 117 De acordo com a Lei n.º 8.666/1993, na fase da
determinado em função da natureza do objeto e do habilitação, é exigida dos interessados documentação
valor estimado da contratação. relativa à regularidade fiscal, mas dispensada a
documentação concernente à regularidade trabalhista.
111 As contratações administrativas devem, como
regra, ser previamente licitadas. Em relação ao 118 O tratamento diferenciado para
procedimento licitatório disciplinado pela Lei n° microempresas e empresas de pequeno porte, no que
8.666/1993, há regra concernente ao objeto licitado diz respeito às licitações públicas, na forma prevista
que impõe sua divisão em tantas parcelas quantas se pela Lei Complementar no 123/2006 estabelece que a
comprovarem técnica e economicamente viável, com comprovação da regularidade fiscal somente será
vistas ao melhor aproveitamento dos recursos exigida das microempresas e empresas de pequeno
disponíveis no mercado e à ampliação da porte para efeito de assinatura do contrato.
competitividade, sem perda de economia de escala,
119 Na licitação na modalidade de pregão para
disposição que se aplica às licitações de obras, serviços
aquisição de bens e serviços comuns, as
e compras.
microempresas e empresas de pequeno porte estão
112 Nos termos da Lei no 8.666/1993, as obras, autorizadas a comprovar a regularidade fiscal tão
serviços e compras efetuadas pela Administração somente para efeito de assinatura do contrato.
pública serão divididas em tantas parcelas quantas se
120 Para verificação da qualificação técnica nas
comprovarem técnica e economicamente viáveis,
licitações pertinentes a obras e serviços, é
procedendo-se à licitação com vistas ao melhor
imprescindível a apresentação dos respectivos
aproveitamento dos recursos disponíveis no mercado
atestados de capacidade técnica, os quais podem ser
e à ampliação da competitividade sem perda da
fornecidos tanto por pessoas de direito público, quanto
economia de escala. O Estado do Rio Grande do Sul
de direito privado.
pretende executar obra, parcelada nos termos da
afirmativa anterior. Nesse caso, a cada etapa ou
conjunto de etapas da obra, há de corresponder uma
única licitação, preservada a modalidade pertinente
para a execução do objeto.

113 Considerando o disposto na Lei n.º 8.666/1993,


julgue o item subsequente: É recomendável que o
administrador público fracione ou desmembre obra,
compra ou serviço, para o devido enquadramento do
valor dentro dos limites de dispensa previstos nessa lei.

114 Em se tratando de organizações industriais


bélicas da administração federal direta, os limites
aplicáveis à modalidade de licitação denominada
convite para a contratação de obras e serviços de
engenharia estendem-se aos contratos de compras e
serviços em geral.
Parte 2 firmado pelo Tribunal de Contas da União, as minutas
de edital de licitação devem ser individualmente
1 Nas licitações regidas pela Lei no 8.666/93, a submetidas à assessoria jurídica do órgão ou entidade
exigência de apresentação, pelos licitantes, de licitante, não se admitindo a utilização de minuta
metodologia de execução é admissível para padrão, ainda que previamente aprovada pela
contratação de obras, serviços e compras de grande assessoria jurídica.
vulto, e será avaliada, para fins de aceitação ou não,
9 Consideram-se licitações simultâneas aquelas
por critérios objetivos, antes da análise dos preços.
com objetos similares e que o edital subseqüente
2 É vedado exigir aos licitantes a comprovação tenha uma data anterior a cento e vinte dias após o
de capital mínimo ou de patrimônio líquido mínimo ou término do contrato resultante da licitação
qualquer outra condição que comprometa, restrinja ou antecedente
frustre a isonomia entre os licitantes ou o caráter
10 (Adaptada) Por previsão expressa, observa-se
competitivo do certame.
que, no procedimento licitatório, constitui, dentre
3 O Estado pretende contratar a construção de outros, anexo do edital, para que dele faça parte
obra pública de vulto e teme que, em face de crise no integrante o projeto básico e/ou executivo, com todas
setor da construção civil, a empresa contratada tenha as suas partes, desenhos, especificações e outros
dificuldade de cumprir as obrigações assumidas com a complementos.
Administração. Para se precaver dessa situação, de
11 No que diz respeito às licitações públicas para
acordo com as disposições da Lei nº 8.666/93, o
aquisição de bens e serviços promovidas pelo Tribunal
competente procedimento licitatório poderá exigir dos
Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE/MT), julgue o
licitantes relação dos compromissos financeiros do
item: O pedido de impugnação de edital de licitação
licitante que importem absorção de disponibilidade
devido a irregularidades em seu texto deverá ser
financeira, calculada em função do patrimônio líquido
protocolado em até dez dias úteis antes da data fixada
atualizado e sua capacidade de rotação.
para a abertura do certame.
4 As exigências relativas à qualificação
12 Qualquer cidadão é parte legítima para
econômico-financeira do licitante podem contemplar a
impugnar edital de licitação por irregularidade na
exigência de garantia, limitada a 1% do valor estimado
aplicação da lei em apreço, assim como para
do objeto da contratação.
representar ao tribunal de contas responsável pela
5 No tocante à participação das empresas em fiscalização dos recursos.
consórcio nas licitações, a Lei nº 8.666/93 veda o
13 Na concorrência, restará decaído o direito de o
estabelecimento, pelo edital, de exigências de
licitante – participante da licitação – impugnar o edital
qualificação econômico-financeira distintas das
caso não o faça até três dias úteis antes da data fixada
impostas aos licitantes individuais.
para abertura dos envelopes de habilitação.
6 No tocante à participação das empresas em
14 Uma empresa pública federal realizará tomada
consórcio nas licitações, a Lei nº 8.666/93 veda a
de preços para a aquisição de lâmpadas. Nessa
participação de empresa consorciada, na mesma
situação, o edital da licitação deverá conter orçamento
licitação, através de mais de um consórcio ou
estimado que indique as quantidades e os preços
isoladamente.
unitários dos bens a serem adquiridos.
7 O Estado de São Paulo pretende realizar
15 Em determinada licitação, na modalidade
licitação na modalidade concorrência, para a
concorrência, umas das empresas licitantes impugnou,
construção de vultosa obra pública, e será permitida,
tempestivamente, cláusula do edital, alegando a
na mencionada concorrência, a participação de
existência de ilegalidade no instrumento convocatório.
empresas em consórcio. A propósito do tema e,
Nos termos da Lei nº 8.666/1993, a impugnação
conforme prescreve a Lei nº 8.666/1993, as empresas
tempestiva da empresa não a impedirá de participar do
integrantes do consórcio respondem solidariamente
processo licitatório até o trânsito em julgado da
pelos atos praticados em consórcio, tanto na fase da
decisão a ela pertinente.
licitação quanto na fase de execução contratual.
16 Nas licitações de âmbito internacional, o edital
8 Considerando o disposto na Lei n.º 8.666/1993,
deverá ajustar-se às diretrizes da política monetária e
julgue o item subsequente: Consoante posicionamento
do comércio interno, e atender às exigências dos legais relacionados às licitações públicas, julgue: A
órgãos competentes nacionais. comissão de licitação deve ser composta por, no
mínimo, cinco membros, sendo pelo menos três deles
17 No que diz respeito às licitações públicas para
servidores qualificados pertencentes aos quadros
aquisição de bens e serviços promovidas pelo Tribunal
permanentes do órgão responsável pela licitação.
Regional Eleitoral de Mato Grosso (TRE/MT), julgue o
item: Qualquer que seja a fase da licitação, o TRE/MT 24 Uma comissão permanente de licitação de
poderá promover diligência destinada a esclarecer ao órgão da administração pública, composta por três
processo licitatório, podendo os licitantes incluir membros, é responsável pelo processo licitatório da
documentos, caso estejam faltando na proposta obra de construção de um prédio orçado em R$
original. 1.300.000. Conforme previsto nas leis de licitação, a
comissão deve seguir uma sequência de
18 No que tange ao julgamento das licitações, a
procedimentos após o recebimento das propostas das
Lei Federal nº 8.666, de 21 de junho de 1993, não
licitantes. Tendo essa situação hipotética como
permite a desistência de proposta após a fase de
referência inicial e considerando os aspectos técnicos e
habilitação, salvo por motivo justo decorrente de fato
legais relacionados às licitações públicas, julgue: Pelo
superveniente e aceito pela Comissão de Licitação.
menos três membros da comissão permanente de
19 Como se trata de serviço de natureza licitação são nomeados para um período máximo de
predominantemente intelectual, a consultoria poderá um ano e podem ser reconduzidos para a mesma
ser contratada mediante licitação do tipo técnica e comissão no período subsequente.
preço.
25 O leilão proceder-se-á na forma da legislação
20 Segundo a Lei nº 8.666/1993 e alterações, nas pertinente, observando-se, entre outros aspectos, que
licitações serão desclassificadas as propostas com valor os bens arrematados deverão ser pagos,
global superior ao limite estabelecido ou com preços imediatamente após a realização do leilão, à vista ou
manifestamente inexequíveis. São consideradas no percentual estabelecido no edital, não inferior a 5%
manifestamente inexequíveis, no caso de licitações de (cinco por cento), e o restante nas condições e prazos
menor preço para obras e serviços de engenharia, as estipulados no edital de convocação.
propostas cujos valores sejam inferiores a X% do
26 Aplicam-se de forma supletiva os princípios da
menor dos seguintes valores: a) da média aritmética
teoria geral dos contratos e das disposições de direito
dos valores das propostas superiores a 50% do valor
privado aos contratos administrativos.
orçado pela administração, ou b) do valor orçado pela
administração. O valor de X é 70. 27 A contratada tem direito ao reajustamento
somente após um ano da entrega das propostas ou do
21 O órgão promotor da licitação poderá fixar
orçamento, dependendo do que esteja previsto no
prazo para a apresentação de nova documentação ou
edital de licitação.
de outras propostas, devidamente escoimadas, se
todos os licitantes que participem do certame forem 28 O prazo de execução de um contrato
inabilitados ou todas as propostas, desclassificadas. administrativo é iniciado na data de assinatura do
contrato.
22 A revogação se dá pela autoridade competente
para aprovação do procedimento licitatório, por 29 (Adaptada) Contrato administrativo celebrado
motivos de interesse público decorrente de fato com uma sociedade empresária do ramo da construção
superveniente devidamente comprovado, pertinente e civil para a execução de obra pública foi objeto de dois
suficiente para comprovar tal conduta. termos aditivos. O primeiro promoveu acréscimo de
60% (sessenta por cento) e supressão de 45%
23 Uma comissão permanente de licitação de
(quarenta e cinco por cento) do valor atualizado do
órgão da administração pública, composta por três
contrato. O segundo estabeleceu, a pedido do
membros, é responsável pelo processo licitatório da
contratado, a modificação da garantia do contrato,
obra de construção de um prédio orçado em R$
com a substituição de títulos da dívida pública por uma
1.300.000. Conforme previsto nas leis de licitação, a
garantia hipotecária. Sobre os referidos temas, a
comissão deve seguir uma sequência de
jurisprudência do Tribunal de Contas da União já se
procedimentos após o recebimento das propostas das
consolidou no sentido de que em relação ao segundo
licitantes. Tendo essa situação hipotética como
termo aditivo, não haveria óbice jurídico para que as
referência inicial e considerando os aspectos técnicos e
partes contratantes, de comum acordo, substituíssem 36 A nulidade da licitação, se devidamente
títulos da dívida pública por uma garantia hipotecária. fundamentada, não exonera a administração pública
do dever de indenizar o contratado, desde que este
30 Em regra, a vigência dos contratos
não tenha dado causa à nulidade.
administrativos limita-se aos respectivos créditos
orçamentários, em observância ao princípio da 37 É nulo e de nenhum efeito o contrato verbal
anualidade do orçamento, vigorando os contratos até com a administração, mesmo aquele de pequena
31 de dezembro do exercício financeiro em que compra de pronto pagamento, feito em regime de
tenham sido formalizados, independentemente da adiantamento.
data em que tiverem sido iniciados.
38 O Ministério Público do Estado da Paraíba,
31 Os contratos administrativos, de acordo com a após o devido procedimento licitatório, celebrou
Lei no 8.666/1993, possuem vigência adstrita aos contrato administrativo com a empresa vencedora do
respectivos créditos orçamentários, constituindo certame. A publicação resumida do instrumento de
exceção os contratos de obras, que poderão ser contrato, que é condição indispensável para sua
prorrogados por até 24 meses, caso comprovada a eficácia, será providenciada pela Administração até o
ocorrência de condições supervenientes que quinto dia útil do mês seguinte ao de sua assinatura.
determinem a alteração do projeto.
39 Se o instrumento de contrato for facultativo, a
32 A duração dos contratos regidos pela Lei n.º nota de empenho da despesa poderá substituir tal
8.666/1993 fica adstrita à vigência dos respectivos contrato.
créditos orçamentários, excetuando-se os contratos
40 Não se exige que a minuta do futuro contrato
relativos a projetos de longo prazo que estejam
integre o edital convocatório da licitação.
autorizados no plano plurianual. Nesse caso, os
contratos podem ser prorrogados motivadamente, 41 Determinado órgão da Administração pública
desde que tal prorrogação tenha sido prevista no ato firmou contrato de locação de um imóvel para
convocatório. instalação de varas do trabalho de comarca do interior
pelo prazo de 5 (cinco) anos. Próximo do fim da
33 A propósito dos contratos administrativos
vigência, pretendem, locador e locatário, a
regidos pela Lei no 8.666/93, tem-se como necessário
prorrogação do contrato, o que pode ser realizada,
estipular cláusula que trate da vigência, sendo
caso haja previsão no contrato originalmente
relevante destacar, quanto a esse aspecto a regra geral
celebrado, tendo em vista que as limitações de
de vigência dos contratos tendo termo final
vigências previstas na Lei nº 8.666/93 não se aplicam
coincidindo com o término do exercício financeiro,
aos contratos de locação.
salvo exceções expressas, como na prestação de
serviços contínuos. 42 (Adaptada) A Administração Pública convocou
empresa vencedora de licitação para assinar o
34 Quando regidos pela Lei n.º 8.666/1993, os
respectivo termo de contrato no prazo de trinta dias.
contratos relativos ao aluguel de equipamentos e à
No vigésimo dia do prazo assinalado pela
utilização de programas de informática devem ter
Administração, a empresa pleiteou a prorrogação do
duração adstrita à vigência dos respectivos créditos
prazo de assinatura do termo de contrato,
orçamentários.
apresentando motivo justificado para tanto. Nesse
35 (Adaptada) A duração dos contratos regidos caso, a prorrogação é possível.
pela Lei no 8.666/93, em regra, ficará adstrita à
43 Os contratos administrativos são
vigência dos respectivos créditos orçamentários. Essa
caracterizados por sua imutabilidade.
regra comporta exceções, dentre as quais se inclui o
caso de fornecimento de bens e serviços, produzidos 44 O valor inicial do contrato para a reforma das
ou prestados no País, que envolvam, cumulativamente, instalações elétricas de determinado prédio público foi
alta complexidade tecnológica e defesa nacional, orçado em R$ 180.000,00. A data-base do orçamento
mediante parecer de comissão especialmente foi definida para 11/2015 e a previsão de duração da
designada pela autoridade máxima do órgão, cujos obra era de 15 meses. A ordem de serviço foi emitida
contratos poderão ter vigência por até 120 meses, caso em 15/1/2016. Conforme a Lei de Licitações e
haja interesse da Administração. Contratos, o valor do contrato aditivado limita-se a R$
225.000,00 na situação apresentada.
45 (Adaptada) Contrato administrativo celebrado cláusulas contratuais, independentemente de
com uma sociedade empresária do ramo da construção qualquer motivação.
civil para a execução de obra pública foi objeto de dois
52 Os contratos administrativos poderão ser
termos aditivos. O primeiro promoveu acréscimo de
legalmente alterados unilateralmente pela
60% (sessenta por cento) e supressão de 45%
administração, quando houver modificação do projeto
(quarenta e cinco por cento) do valor atualizado do
ou das especificações, para melhor adequação técnica
contrato. O segundo estabeleceu, a pedido do
aos seus objetivos.
contratado, a modificação da garantia do contrato,
com a substituição de títulos da dívida pública por uma 53 (Adaptada) O Estado de Sergipe celebrou
garantia hipotecária. Sobre os referidos temas, a contrato administrativo com empresa vencedora do
jurisprudência do Tribunal de Contas da União já se certame para a construção de vultosa obra pública. No
consolidou no sentido de que em relação ao primeiro curso da execução contratual, constatou-se a
termo aditivo, haveria óbice jurídico porque necessidade de modificação do regime de execução da
acréscimos e supressões devem ser contabilizados obra, em face da verificação técnica de inaplicabilidade
isoladamente, sem qualquer compensação, tendo sido dos termos contratuais originários. Nos termos da Lei
ultrapassado o limite de 25% (vinte e cinco por cento). n° 8.666/1993 trata-se de hipótese típica de alteração
unilateral do contrato por parte da Administração
46 O aumento quantitativo dos serviços no
pública.
momento da prorrogação do prazo contratual não está
limitado aos 25% do valor atualizado do contrato, 54 Segundo a lei pertinente, os contratos
desde que configurada a obtenção de preços e administrativos poderão ser alterados unilateralmente
condições mais vantajosas para a administração. pela administração, quando necessária, por imposição
de circunstâncias supervenientes, a modificação da
47 A supressão parcial do objeto por alteração
forma de pagamento, mantido o valor inicial
unilateral da administração confere ao contratado o
atualizado.
direito ao ressarcimento dos valores gastos com os
materiais adquiridos, sem prejuízo de indenização 55 (Adaptada) Na fiscalização da execução
pelos eventuais danos adicionais devidamente contratual, admite-se a contratação de terceiros para
comprovados. assistir e subsidiar o representante da Administração
de informações pertinentes a essa atribuição.
48 Os tributos que forem majorados ou criados
após a data da celebração do contrato, mesmo que 56 A fiscalização dos contratos administrativos
comprovada a repercussão nos preços contratados, pela administração não afasta ou atenua a
não implicarão a revisão do acordo celebrado entre as responsabilidade do contratado por eventuais danos
partes, sendo esta uma das cláusulas exorbitantes da que, por sua culpa, advierem da execução do contrato.
administração.
57 (Adaptada) No julgamento da Ação
49 A administração pode impedir a manutenção Declaratória de Constitucionalidade nº 16, o Supremo
do equilíbrio econômico-financeiro do contrato Tribunal Federal declarou a constitucionalidade do §
administrativo nas hipóteses de interesse público 1°, do artigo 71, da Lei nº 8.666/93, cujo teor é o
relativas à segurança nacional. seguinte: A inadimplência do contratado com
referência aos encargos trabalhistas, fiscais e
50 As atualizações, compensações ou
comerciais não transfere à Administração Pública a
penalizações financeiras decorrentes das condições de
responsabilidade por seu pagamento, nem poderá
pagamento previstas no contrato administrativo, bem
onerar o objeto do contrato ou restringir a
como o empenho de dotações orçamentárias
regularização e o uso das obras e edificações, inclusive
suplementares até o limite do seu valor corrigido, não
perante o registro de imóveis. Considerando a
caracterizam alteração contratual, podem ser
orientação fixada na decisão do Supremo Tribunal
registradas por simples apostila e dispensam a
Federal e a sua repercussão no âmbito do Tribunal
celebração de aditamento.
Superior do Trabalho, deve a Administração Pública em
51 Entre as cláusulas exorbitantes presentes no relação aos encargos trabalhistas dos empregados das
contrato administrativo, destaca-se a possibilidade de empresas terceirizadas responder subsidiariamente
a administração pública alterar unilateralmente as pelos encargos trabalhistas do contratado, caso
evidenciada a sua conduta culposa no cumprimento da 67 Segundo o entendimento firmado no âmbito
sua obrigação legal e contratual de fiscalização. do STJ, rescisão de contrato administrativo por ato
unilateral da administração pública, sob a justificativa
58 A administração pública responde
de interesse público, impõe ao contratante a obrigação
solidariamente com o contratado pelos encargos
de indenizar o contratado pelos prejuízos daí
previdenciários resultantes da execução do contrato.
decorrentes, considerando-se não apenas os danos
59 (Adaptada) A subcontratação de partes da emergentes, mas também os lucros cessantes.
obra, serviço ou fornecimento não exime o contratado
68 Se houver sustação do contrato, o cronograma
de suas responsabilidades, tanto legais, quanto
de execução será prorrogado automaticamente por
contratuais.
igual tempo.
60 Executado o contrato, o seu objeto será
69 A rescisão do contrato poderá ser determinada
recebido, em se tratando de obras e serviços,
por ato unilateral e escrito da Administração quando
provisoriamente, pelo responsável por seu
for detectado o não cumprimento de cláusulas
acompanhamento e fiscalização, mediante termo
contratuais, especificações, projetos e prazos.
circunstanciado, assinado pelas partes em até 15 dias
da comunicação escrita do contratado. 70 Não se admite a rescisão judicial do contrato
administrativo, uma vez que apenas à administração,
61 Consoante estabelece a Lei de Licitações, em
em juízo de conveniência e oportunidade, cabe decidir
tese, constitui motivo para rescisão do contrato a
acerca da manutenção da avença contratual.
lentidão do seu cumprimento, levando a
Administração a comprovar a impossibilidade da 71 A simples tentativa de executar os crimes
conclusão da obra, do serviço ou do fornecimento, nos previstos na Lei nº 8.666/1993 não sujeita os
prazos estipulados. servidores públicos autores da tentativa à perda do
cargo, sendo imprescindível que o crime se consume.
62 Consoante estabelece a Lei de Licitações, em
tese, constitui motivo para rescisão do contrato o 72 O ocupante de função de confiança em
atraso justificado no início da obra, serviço ou autarquia que dispensar licitação fora das hipóteses
fornecimento ou o não cumprimento de cláusulas previstas em lei pratica crime punível com detenção,
contratuais, especificações, projetos ou prazos. devendo a pena ser acrescida da terça parte.

63 Consoante estabelece a Lei de Licitações, em 73 Conforme jurisprudência sedimentada do


tese, constitui motivo para rescisão do contrato a Superior Tribunal de Justiça, violado o dever de
paralisação da obra, do serviço ou do fornecimento, manutenção da regularidade fiscal durante a vigência
independentemente de justa causa e prévia do contrato, pode a administração promover a
comunicação à Administração retenção dos pagamentos devidos à empresa
contratada, até que esta se regularize.
64 Consoante estabelece a Lei de Licitações, em
tese, constitui motivo para rescisão do contrato a 74 A fim de comemorar o aniversário de um órgão
suspensão de sua execução, por ordem escrita da público, a direção desse órgão celebrou um contrato
Administração que atenda ao interesse público, por administrativo, no valor de R$ 18.000,00, com um
prazo superior a 30 (trinta) dias. músico consagrado pela opinião pública. Se, no dia do
show, o músico não comparecer nem apresentar
65 Consoante estabelece a Lei de Licitações, em
justificativa de sua ausência, poderá o contratante
tese, constitui motivo para rescisão do contrato o
aplicar-lhe, garantida a prévia defesa, as sanções de
atraso superior a 30 (trinta) dias dos pagamentos
advertência e multa, na forma prevista no contrato.
devidos pela Administração decorrentes de obras,
serviços ou fornecimento, ou parcelas destes, já 75 A empresa Construir S.A., após o respectivo
recebidos ou executados. procedimento licitatório, celebrou contrato
administrativo com o Estado do Mato Grosso para a
66 A rescisão unilateral de contrato
construção de importante obra pública naquele
administrativo pela administração em razão de
Estado. Todavia, em razão de inexecução parcial do
interesse público não afasta o direito do contratado de
contrato administrativo, a empresa foi sancionada com
ser ressarcido dos eventuais prejuízos oriundos da
a declaração de inidoneidade para contratar com a
extinção do vínculo.
Administração pública. Nos termos da Lei nº
8.666/1993, a reabilitação será promovida perante a percentual, cuja base deverá corresponder ao valor da
própria autoridade que aplicou a penalidade, no caso, vantagem obtida ou potencialmente auferível pelo
o Secretário Estadual. agente.

76 A inexecução total do objeto licitatório pelo 85 No procedimento licitatório, o recurso contra a


contratado pode acarretar o impedimento definitivo habilitação tem, necessariamente, efeito suspensivo.
de estabelecer contratos com a administração.
86 De acordo com a Lei nº 8.666/93, a
77 A sanção de suspensão temporária de Administração pública só poderá contratar, pagar,
participação em licitação e impedimento de contratar premiar ou receber projeto ou serviço técnico
com a administração pública por prazo não superior a especializado, desde que o autor ceda os direitos
dois anos pode ser aplicada aos profissionais que autorais a ele relativos.
tenham sofrido condenação definitiva por praticar, de
87 A Administração só poderá contratar, pagar,
forma dolosa, fraude fiscal no recolhimento de
premiar ou receber projeto ou serviço técnico
quaisquer tributos.
especializado desde que o autor ceda os direitos
78 Dispensar ou inexigir licitação fora das patrimoniais e morais a ele relativos e a Administração
hipóteses previstas em lei, realizar modalidade de possa utilizá-lo de acordo com o previsto no
licitação em desacordo com a lei ou deixar de observar regulamento de concurso ou no ajuste para sua
as formalidades pertinentes à dispensa ou à elaboração.
inexigibilidade são condutas previstas como crime na
88 Qualquer licitante, contratado, pessoa física ou
Lei de Licitações.
jurídica, poderá representar ao tribunal de contas ou
79 Para a caracterização do delito de dispensar ou aos órgãos integrantes do sistema de controle interno
inexigir licitação fora das hipóteses previstas em lei, ou contra irregularidades no certame.
de deixar de observar as formalidades pertinentes a
89 Enquanto na dispensa há possibilidade de
estas, é indispensável a presença de dolo, não se
competição que justifique a licitação, nos casos de
admitindo culpa.
inexigibilidade, a competição não é possível porque só
80 De acordo com jurisprudência do STJ, para a existe um objeto ou uma pessoa que atenda às
caracterização do crime previsto no art. 89 da Lei n.º necessidades da administração.
8.666/1993, é imprescindível a comprovação do dolo
90 A diferença entre a dispensa e a inexigibilidade
específico de fraudar a licitação, bem como de efetivo
reside no fato de que, enquanto, na dispensa, a
prejuízo ao erário.
realização da licitação mostra-se inconveniente,
81 Para os agentes que frustram o caráter embora possível de ser realizada, na inexigibilidade, a
competitivo do procedimento licitatório, mediante competição é manifestamente inviável.
combinação, com o intuito de obter vantagem
91 O instrumento de contrato é obrigatório nos
decorrente da adjudicação do objeto da licitação, a
casos de dispensas e inexigibilidades cujos preços
pena prevista é de reclusão, de quatro a seis anos, e
estejam compreendidos nos limites das modalidades
multa.
de licitação concorrência e tomada de preços.
82 Impedir, perturbar ou fraudar a realização de
92 Segundo o entendimento do TCU, para que um
qualquer ato de procedimento licitatório é conduta
governo de estado dispense a realização de licitação
criminalizada pela Lei n. 8.666/93 (Lei de Licitações e
para adquirir determinado material, alegando tratar-se
Contratos).
de caso de emergência ou de calamidade pública,
83 Admitir à licitação ou celebrar contrato com deverá caracterizar que a situação adversa não se
empresa ou profissional que tenha sido declarado originou, ainda que parcialmente, da falta de
inidôneo, suspenso temporariamente de participar de planejamento, devendo o risco mostrar-se iminente.
licitação ou impedido de contratar com a Além disso, exige-se que não tenha havido dolo ou
Administração é conduta criminalizada pela Lei n. culpa do agente público que tinha o dever de agir para
8.666/93 (Lei de Licitações e Contratos). prevenir tal situação.

84 Nos casos de sentença condenatória por 93 É dispensável a licitação na contratação de


prática de algum dos crimes previstos na Lei n.º associação de portadores de deficiência física, sem fins
8.666/1993, a pena de multa deverá ser fixada em lucrativos e de comprovada idoneidade, por órgão ou
entidade da administração pública, para a prestação de 102 É hipótese de dispensa de licitação a
serviços ou fornecimento de mão-de-obra, desde que contratação de serviços técnicos enumerados no art.
o preço contratado seja compatível com o praticado no 13 da Lei Federal no 8.666/93, de natureza singular,
mercado. com profissionais ou empresas de notória
especialização.
94 A Administração necessita de um imóvel para
instalar um posto de saúde e está estudando as 103 (Adaptada) Determinado ente público
alternativas mais adequadas, do ponto de vista de pretende contratar diretamente a BR Distribuidora
valor, localização e prazo para disponibilização. De para fornecimento de combustível para a sua frota de
acordo com a legislação que rege a matéria, afigura-se automóveis. Sobre a referida contratação e à luz da
possível a permuta, desde que com outro imóvel de jurisprudência do Tribunal de Contas da União, é
igual valor, exclusivamente entre órgãos ou entidades correto afirmar que há impedimento para a
da Administração pública. contratação direta, porquanto se trata de entidade que
exerce atividade econômica, o que macularia os
95 Caso as empresas interessadas não sejam
princípios da livre concorrência e isonomia.
tecnicamente qualificadas para a execução do objeto
do contrato, conforme os critérios estabelecidos no 104 É inexigível a licitação em caso de guerra ou de
respectivo edital, a licitação poderá ser dispensada, grave perturbação da ordem.
configurando-se situação de licitação deserta, nos
105 Nos casos de inexigibilidade de licitação, ainda
termos da doutrina de referência, e poderá ser feita a
que seja possível a competição, a lei autoriza a não
contratação direta de outra empresa.
realização de processo licitatório, com base em
96 Se a administração necessita adquirir critérios de oportunidade e conveniência.
equipamentos que só podem ser fornecidos por
106 A dispensa da licitação ocorre quando há
produtor, empresa ou representante comercial
inviabilidade de competição, isto é, inexigibilidade de
exclusivo, a licitação é dispensada, pois cabe ao poder
licitar.
público ajuizar a conveniência e oportunidade da
dispensa. 107 Determinada sociedade de economia mista
controlada pelo Estado de Goiás necessita contratar
97 Considere que determinado órgão da
serviços técnicos especializados de auditoria
administração pública pretenda adquirir
financeira, indispensáveis na estruturação de operação
equipamentos de informática no valor de R$ 5.000,00.
envolvendo a emissão de debêntures, para fins de
Nesse caso, o referido órgão tem a opção discricionária
obtenção de recursos no mercado de capitais
de realizar licitação ou proceder à aquisição direta
necessários à implementação de seu programa de
mediante dispensa de licitação, em razão do baixo
investimentos. De acordo com as disposições da Lei nº
valor dos equipamentos.
8.666/93, a referida sociedade de economia mista
98 Nas hipóteses em que a licitação for por lei poderá contratar os serviços de auditoria com
dispensável, a administração pública será impedida de inexigibilidade de licitação, desde que se trate de
realizar o certame. objeto singular e a empresa contratada detenha
notória especialização.
99 A dispensa de licitação para a compra de
hortifrutigranjeiros por fundação pública federal é 108 A contratação de assessorias técnicas não
permanente. admite inexigibilidade de licitação.

100 É condição para a eficácia do ato de dispensa 109 Constitui hipótese de inexigibilidade de
de licitação em caso de perturbação grave da ordem a licitação a contratação de serviços públicos de coleta
comunicação à autoridade superior, para ratificação e de lixo urbano com base em rescisão unilateral de
publicação da dispensa na imprensa oficial. contrato administrativo.

101 Se o valor do contrato não ultrapassar 20% do 110 Ausência de mercado concorrencial e
limite legal estabelecido para compras, obras ou impossibilidade de julgamento objetivo caracterizam
serviços, as agências executivas e os consórcios inviabilidade de competição, casos em que ocorre a
públicos estarão dispensados de realizar licitação, inexigibilidade de licitação.
devendo realizar a licitação na modalidade tomada de
111 Será necessária a licitação para a contratação
preços em caso de contrato de maior valor.
da empresa de publicidade, mesmo que o serviço a ser
prestado seja considerado singular e a empresa a ser 119 No pregão, será facultado, nos termos de
contratada possua notória especialização na área. regulamentos próprios da União, Estados, Distrito
Federal e Municípios, a participação de bolsas de
112 De acordo com a Lei n.º 8.666/1993, é
mercadorias no apoio técnico e operacional aos órgãos
inexigível a licitação para contratar empresa de notória
e entidades promotores da licitação, utilizando-se de
especialização para a realização de curso.
recursos de tecnologia da informação. Nos termos da
113 São exemplificativas as hipóteses de Lei nº 10.520/2002, as referidas bolsas de mercadorias
inexigibilidade de licitação previstas na Lei n.º deverão estar organizadas sob a forma de sociedades
8.666/1993; portanto, o agente público que esteja civis sem fins lucrativos e com a participação plural de
elaborando edital de licitação poderá identificar outras corretoras que operem sistemas eletrônicos unificados
situações para considerar inexigível a licitação. de pregões.

114 Na fase preparatória do pregão, o agente 120 A equipe de apoio do pregão será integrada
encarregado da compra poderá, por delegação da exclusivamente por servidores ocupantes de cargo
autoridade competente, designar, entre os servidores efetivo na administração, pertencentes ao quadro
do órgão ou da entidade promotora da licitação, o permanente do respectivo órgão público.
pregoeiro responsável. Para evitar a perpetuação de
apenas um pregoeiro e não ofender o princípio da
impessoalidade, recomenda-se à autoridade
competente habilitar vários agentes para exercer a
função de pregoeiro bem como adotar sistema de
rodízio nas designações.

115 Determinado ente da administração pública


deseja realizar procedimento licitatório para a
contratação de serviços de segurança patrimonial
armada para seu edifício sede. Considerando essa
situação hipotética, julgue o próximo item. O valor
estimado da contratação é determinante na escolha da
modalidade licitatória a ser adotada: concorrência
pública, tomada de preços, convite ou pregão.

116 Determinado órgão público pretende dar


publicidade a um instrumento convocatório com
objetivo de comprar armas de fogo do tipo pistola, de
calibre 380, usualmente vendidas no mercado
brasileiro. O valor orçado da aquisição dos produtos é
de R$ 700.000. Nessa situação, a compra poderá ser
efetuada mediante licitação na modalidade pregão do
tipo menor preço.

117 No que se refere à licitação na modalidade


pregão, julgue o item que se segue: Essa modalidade é
adequada para a contratação de empresa que forneça
mão de obra especializada no desenvolvimento de
sistemas.

118 De acordo com a Lei n.º 10.520/2002, que


institui a modalidade de licitação denominada pregão,
bens e serviços comuns são aqueles cujos padrões de
desempenho e de qualidade poderão ser
objetivamente definidos pelo edital, por meio de
especificações usuais no mercado.
Parte 3 10 Considere que a administração pública federal
necessite adquirir, junto ao mercado, papel A4 para
1 A função de pregoeiro pode ser desempenhada impressão, para uso de determinado ente público.
por militar, desde que esteja no âmbito do Ministério Nessa situação, caso seja realizado pregão, deverão os
da Defesa. licitantes adquirir o edital como condição para a
participação no certame.
2 A fase preparatória do pregão observará que a
autoridade competente justificará a necessidade de 11 O prazo de validade das propostas no pregão
contratação e definirá o objeto do certame, as será de sessenta dias, se outro não estiver fixado no
exigências de habilitação, os critérios de aceitação das edital pertinente.
propostas, as sanções por inadimplemento e as
12 A empresa WC, vencedora de um pregão,
cláusulas do contrato, inclusive com fixação dos prazos
convocada dentro do prazo de validade da proposta,
para fornecimento.
comportou-se de modo inidôneo. Nos termos da Lei nº
3 (Adaptada) Dos autos do procedimento, na 10.520/2002, estará sujeita, dentre outras sanções, a
fase preparatória do pregão, constarão a justificativa proibição de contratar com a União, Estados, Distrito
das definições referidas e os indispensáveis elementos Federal ou Municípios pelo prazo de até 5 anos.
técnicos sobre os quais estiverem apoiados, bem como
13 Por se tratar de contratação de natureza
o orçamento, elaborado pelo órgão ou entidade
comum, órgãos públicos podem utilizar a licitação na
promotora da licitação dos bens ou serviços a serem
modalidade pregão para a contratação de obra de
licitados.
engenharia.
4 Considere que, em um pregão, participem
14 Não é cabível a utilização de pregão para a
apenas três empresas, cujas propostas, na primeira
contratação de serviços de engenharia, ainda que
rodada de ofertas, foram, respectivamente, R$
classificados como comuns.
1.000,00, R$ 700,00 e R$ 500,00. Nessa situação, todos
os participantes do referido certame poderão oferecer 15 Afora a Copa do Mundo de 2014 e os Jogos
novos lances, quaisquer que sejam os preços Olímpicos de 2016, o regime diferenciado de
oferecidos. contratações aplica-se a obras e a serviços voltados à
construção, à ampliação e à reforma de
5 É possível a licitação na modalidade pregão
estabelecimentos penais e de unidades de
pelo critério técnica e preço, desde que o bem ou
atendimento socioeducativo, entre outras.
serviço seja considerado comum.
16 Ao se adotarem contratações por RDC,
6 Exige-se, para a habilitação do licitante
aplicam-se, nas situações omissas, as normas e os
vencedor, a documentação relativa a sua qualificação
procedimentos contidos na Lei n.o 8.666/1993.
técnica, admitindo-se sua substituição pelo registro
cadastral no sistema de cadastramento unificado de 17 O regime diferenciado de contratações
fornecedores (SICAF). públicas não pode ser aplicado para obras e serviços de
engenharia no âmbito do Sistema Único de Saúde.
7 Um licitante que tenha identificado, no início
do pregão, um ato que julgou irregular, poderá, até a 18 Na execução indireta de obras ou serviços pelo
assinatura do contrato entre o vencedor e o órgão poder público, ocorre o regime de empreitada por
público, apresentar recurso administrativo à comissão preço unitário, quando se contrata a execução da obra
responsável pela licitação. ou do serviço por preço certo de unidades
determinadas.
8 No pregão, ao contrário das demais
modalidades de licitação, a adjudicação do objeto da 19 Para a realização de contrato de serviço de
licitação ao vencedor antecede à homologação do engenharia no âmbito do Sistema Único de Saúde, é
procedimento. possível a aplicação do regime diferenciado de
contratações públicas, e deve ser observado, entre
9 Entre outras proibições, veda-se, no pregão, a
outros, o princípio do desenvolvimento nacional
exigência de garantia de proposta bem como a
sustentável.
exigência da aquisição do edital pelos licitantes como
condição para participação no certame. 20 A Lei nº 12.462/11 institui o regime
diferenciado de contratações para o poder público.
Dentre as peculiaridades ou características para a Públicas (RDC), julgue o item que se segue: Ao se
contratação das obras e serviços previstas na lei está a adotar o regime de contratação integrada, é permitida
possibilidade de estabelecer, motivadamente e a realização da obra ou do serviço sem projeto
respeitado o limite orçamentário, remuneração executivo.
variável do contratado, vinculando-a ao desempenho
29 Secretário estadual de saúde pretende
do mesmo, nos termos da lei e na forma definida no
construir hospital para atuar no âmbito do SUS. No
edital e no contrato.
caso, pode realizar licitação no regime diferenciado de
21 A execução simultânea de todos os contratos e contratação e utilizar a empreitada por preço global.
a redução do prazo de execução dos contratos
30 No regime de contratação integrada, é o
constituem objetivos de uma das diretrizes a serem
próprio contratado quem elabora o projeto executivo
observadas nas licitações e nos contratos regidos pelo
e também o projeto básico.
RDC: o parcelamento do objeto da contratação.
31 A construção de unidades de atendimento
22 O orçamento previamente estimado para uma
socioeducativo poderá ser realizada mediante atos
contratação a ser efetuada pelo RDC será tornado
regidos pelo regime diferenciado de contratações,
público obrigatoriamente antes da licitação
utilizando-se a contratação integrada, se necessária
independentemente do critério de julgamento
inovação técnica.
adotado.
32 O Regime Diferenciado de Contratações
23 Em regra, como forma de prevenir possível
Públicas (RDC), criado pela Lei n.º 12.462/2011
superfaturamento, o orçamento estimado para a
especificamente para reger licitações e contratos
contratação deve ser divulgado após o encerramento
nacionais relativos aos Jogos Olímpicos e Paralímpicos
da licitação.
de 2016, à Copa das Confederações da Federação
24 A legislação atinente ao Regime Diferenciado Internacional de Futebol Associação (FIFA) 2013 e à
de Contratações Públicas prevê a possibilidade de que Copa do Mundo FIFA 2014, foi recentemente
os editais de licitação para aquisição de bens estendido para as obras do Programa de Aceleração do
estabeleçam diversas exigências, entre as quais se Crescimento (PAC) do governo federal. É característica
inclui a de que o produto seja de determinada marca, do regime de contratação integrada a possibilidade de
pela necessidade de padronização do objeto. remuneração variável vinculada ao desempenho da
contratada.
25 A legislação atinente ao Regime Diferenciado
de Contratações Públicas prevê a possibilidade de que 33 A Lei no 12.462/11 institui o regime
os editais de licitação para aquisição de bens diferenciado de contratações para o poder público.
estabeleçam diversas exigências, entre as quais se Dentre as peculiaridades ou características para a
inclui a de que seja apresentada amostra do bem, ainda contratação das obras e serviços previstas na lei está a
na fase de julgamento das propostas. possibilidade de estabelecer, motivadamente e
respeitado o limite orçamentário, remuneração
26 A legislação atinente ao Regime Diferenciado
variável do contratado, vinculando-a ao desempenho
de Contratações Públicas prevê a possibilidade de que
do mesmo, nos termos da lei e na forma definida no
os editais de licitação para aquisição de bens
edital e no contrato.
estabeleçam diversas exigências, entre as quais se
inclui a de que seja fornecida certificação da qualidade 34 Entre as peculiaridades do regime diferenciado
do processo de fabricação de determinado produto. de contratações públicas, figuram a possibilidade de a
administração pública contratar mais de uma empresa
27 A legislação atinente ao Regime Diferenciado
para executar o mesmo serviço (multiadjudicação) e a
de Contratações Públicas prevê a possibilidade de que
vedação ao sigilo de orçamentos.
os editais de licitação para aquisição de bens
estabeleçam diversas exigências, entre as quais se 35 Acerca do Regime Diferenciado de
inclui a de que seja apresentada, em caso de licitante Contratações Públicas – RDC instituído pela Lei n.
distribuidor, carta de solidariedade emitida pelo 12.462/2011, é correto afirmar que se preenchidos os
fabricante. requisitos legais, a fase de habilitação poderá
anteceder às fases de apresentação de propostas ou
28 De acordo com a Lei n.o 12.462/2011, que
lances e de julgamento.
institui o Regime Diferenciado de Contratações
36 Considerando a Lei n.º 12.462/2011, que 46 Acerca do regime diferenciado de contratações
dispõe sobre o regime diferenciado de contratações públicas (RDC) e sua regulamentação, julgue o item. A
públicas, julgue o item seguinte. As licitações para o pré-qualificação permanente, procedimento anterior à
regime diferenciado de contratações públicas deverão licitação, constitui um fator de estímulo ao aumento da
ser realizadas sob a forma eletrônica, não sendo competitividade entre licitantes, embora possa
cabível a forma presencial. contribuir para retardar o processo licitatório.

37 Nas licitações disciplinadas pelo regime 47 O Regime Diferenciado de Contratação possui


diferenciado de contratações públicas, não se admite a sanções administrativas e criminais próprios, não se lhe
participação de licitantes sob a forma de consórcio. aplicando as referidas sanções dispostas na Lei n.
8.666/93.
38 No modo de disputa aberto, as propostas serão
sigilosas até a data e hora designadas para que sejam 48 A existência de SRP vincula a Administração
divulgadas e se for presencial, as propostas deverão ser caso esta pretenda contratar o objeto do registro de
apresentadas em envelopes lacrados, abertos em preços.
sessão pública.
49 O sistema de registro de preços não obriga a
39 (Adaptada) São critérios de julgamento administração pública a firmar contrato com o
passíveis de serem utilizados no âmbito do Regime particular beneficiário do registro, mas lhe assegura o
Diferenciado de Contratações Públicas – RDC: Menor direito de preferência, durante seu prazo de vigência.
preço ou maior desconto; Menor retorno econômico;
50 Sistema de registro de preços é o conjunto de
Melhor técnica ou conteúdo artístico; Maior oferta; e
procedimentos para o registro formal de preços
Técnica e preço.
relativos à prestação de serviços e aquisição de bens de
40 Uma das inovações do RDC é considerar contratações já realizadas.
vantagens adicionais apresentadas pelas licitantes em
51 "(Adaptada) Segundo a legislação vigente, o
relação às suas propostas, independentemente do
Sistema de Registro de Preços (SRP) deve ser
previsto em edital.
preferencialmente adotado nas seguintes situações:
41 A Lei nº 12.462/2001, ao prever sobre o
I - quando houver inviabilidade de competição;
Regime Diferenciado de Contratações Públicas − RDC,
passou a admitir o critério de maior retorno econômico II - quando for conveniente a aquisição de bens ou a
para julgamento de propostas. contratação de serviços para atendimento a mais de
um órgão ou entidade;
42 Caso seja adotado, na licitação, o modo de
disputa combinado, serão realizadas duas etapas, III - quando, pela natureza do objeto, não for possível
sendo, na segunda etapa, a disputa sempre aberta, definir previamente o quantitativo a ser demandado
independentemente de o procedimento iniciar-se pelo pela Administração.
modo fechado ou pelo aberto.
Estão corretas apenas as assertivas II e III."
43 Como no RDC é proibida a divulgação do
orçamento estimado para contratação, não há 52 O Sistema de Registro de Preços é adequado
desclassificação de propostas que permaneçam com para contratações infrequentes, de quantidade
preço superior ao de referência. previamente estabelecida e com entregas únicas.

44 (Adaptada) De acordo com a Lei nº 53 (Adaptada) O Sistema de Registro de Preços


12.462/2011 e suas alterações posteriores, que (SRP) deve ser preferencialmente adotado quando for
instituiu o Regime Diferenciado de Contratações mais conveniente a aquisição de bens com previsão de
Públicas (RDC), julgue o item: No caso de inversão de entregas parceladas.
fases, o procedimento licitatório terá uma fase recursal 54 Considere que a administração pública federal
única, que se seguirá à habilitação do vencedor. necessite adquirir, junto ao mercado, papel A4 para
45 No Regime Diferenciado de Contratação, há impressão, para uso de determinado ente público.
previsão legal de 05 procedimentos auxiliares das Nessa situação, se houver outros entes federais
licitações, entre eles o cadastramento e o convite interessados na aquisição desse tipo de papel e for
eletrônico. conveniente para a administração, poderá ser
realizado o registro de preços.
55 (Adaptada) O Sistema de Registro de Preços 64 O prazo de validade da ata de registro de
poderá ser adotado quando, pela natureza do objeto, preços não será superior a quinze meses, incluídas
não for possível definir previamente o quantitativo a eventuais prorrogações.
ser demandado pela Administração.
65 Em relação ao sistema de registro de preços,
56 O Sistema de Registro de Preços prevê um julgue o item seguinte. Esse sistema consiste em um
órgão gerenciador das práticas de todos os atos de conjunto de procedimentos para o registro formal de
controle e administração. preços relativos à prestação de serviços e aquisição de
bens, para contratações futuras, em que as empresas,
57 A respeito do sistema de registro de preços,
concordando em fornecer nas mesmas condições do
previsto no art. 15 da Lei n.º 8.666/1993 e
primeiro colocado, disponibilizam os bens e serviços a
regulamentado pelo Decreto n.º 7.892/2013, julgue:
preços e prazos registrados em ata específica.
Cabe ao órgão gerenciador aplicar as penalidades
decorrentes de infrações no procedimento licitatório, 66 A contratação com os fornecedores registrados
garantido o direito à ampla defesa e ao contraditório. será formalizada pelo órgão interessado por
intermédio de instrumento contratual, emissão de
58 O sistema de registro de preços pode ser
nota de empenho de despesa, autorização de compra
definido como uma modalidade de licitação por meio
ou outro instrumento hábil.
da qual a administração pública seleciona a melhor
proposta para celebração de contratos específicos a 67 O sistema de registro de preços, previsto na lei
mais de um órgão ou entidade. de licitações, não obriga a Administração a firmar as
contratações que poderão advir dos preços
59 (Adaptada) Na licitação para registro de preços
registrados, mas garante ao beneficiário da Ata de
não é necessário indicar a dotação orçamentária, que
Registro de Preços a preferência de contratação em
somente será exigida para a formalização do contrato
igualdade de condições em relação a outros possíveis
ou outro instrumento hábil.
fornecedores.
60 Quando a administração pública adquirir bens
68 O preço registrado não pode ser modificado
ou contratar serviços não poderá subdividir a
durante o período de vigência do registro de preços,
quantidade total do item em lotes, mesmo que
visando garantir o valor pago, salvo para a propositura
comprovado técnica e economicamente viável.
de aumento decorrente de elevação de custos dos
61 A respeito do sistema de registro de preços, serviços ou bens registrados.
previsto no art. 15 da Lei n.º 8.666/1993 e
69 A Ata de Registro de Preços, gerenciada por um
regulamentado pelo Decreto n.º 7.892/2013, julgue: O
determinado Ministério, previa a compra de cartuchos
edital deve indicar a estimativa de quantidades a serem
de tinta preta para impressoras por R$
adquiridas e a dotação orçamentária dos órgãos
110,00/unidade. Contudo, no momento de contratar a
participantes.
aquisição do material, por motivo superveniente, o
62 (Adaptada) Considerando que, em preço médio praticado no mercado passou a ser de R$
determinado órgão, pretenda-se contratar bens por 80,00. Neste caso, o órgão gerenciador deverá
meio do sistema de registro de preços, julgue: Caso os convocar o fornecedor da proposta vencedora da
bens sejam peças de veículos, poderá ser prevista no licitação com o intuito de negociar a redução do preço
edital, como critério de classificação, a oferta de e sua adequação ao praticado no mercado.
desconto sobre tabela de preços praticados no
70 A Administração pública promoveu licitação
mercado.
para registro de preços, e, homologado o resultado do
63 A respeito do sistema de registro de preços, certame, o fornecedor mais bem classificado foi
previsto no art. 15 da Lei n.º 8.666/1993 e convocado para assinar a ata de registro de preços no
regulamentado pelo Decreto n.º 7.892/2013, julgue: prazo e condições estabelecidos no instrumento
Quando o edital previr o fornecimento de bens ou a convocatório. Durante a execução contratual, o preço
prestação de serviços em locais diferentes, será registrado tornou-se superior ao praticado no mercado
obrigatória a exigência de apresentação de proposta por motivo superveniente, razão pela qual o órgão
diferenciada por município. gerenciador convocou o fornecedor para negociar a
redução dos preços aos valores praticados no mercado.
Nessa hipótese, de acordo com o Decreto nº
7.892/2013, o fornecedor pode recusar-se a reduzir 78 (Adaptada) O fato do príncipe não se
seus preços aos valores praticados pelo mercado, preordena diretamente ao particular contratado, pois
sendo liberado do compromisso assumido, sem tem cunho de generalidade e apenas reflexamente
qualquer penalidade. incide sobre o contrato, ocasionando oneração
excessiva ao particular independentemente da
71 A existência do sistema de registro de preços,
vontade deste.
previsto na lei de licitações (Lei n. 8.666/93), para a
compra de bens, destinados ao serviço público, não se 79 A manutenção do reequilíbrio econômico-
aplica, nos casos de contratações diretas, sem licitação. financeiro é assegurada ao contratado permissionário
de serviço de transporte público, ainda que o contrato
72 É admissível que um órgão ou entidade da
tenha sido celebrado sem licitação prévia.
administração pública, direta ou indireta, utilize o
mesmo registro de preços para adquirir o dobro do 80 A periodicidade do reajustamento de preço do
quantitativo total publicado no edital, contrato administrativo pode ser inferior a um ano.
independentemente de anuência do órgão
81 "Durante a realização de escavações para a
gerenciador.
expansão de obra de metrô, de responsabilidade do
73 De acordo com o Decreto n.º 7.892/2013, que governo federal, ocorreu acidente que resultou na
regula o sistema de registro de preços, julgue o item a abertura de imensa cratera em área residencial e
seguir. Entidades da administração pública federal consequente desmoronamento de um edifício com
podem aderir a atas de registro de preços gerenciadas soterramento de veículos. Os particulares prejudicados
por órgãos e entidades municipais, distritais ou pretendem formular pedidos de ressarcimento junto à
estaduais. administração pública.

74 As entidades federais não participantes do Considerando essa situação hipotética e as regras


sistema de registro de preços poderão aderir à ata de contidas na Lei n.º 9.784/1999, julgue os item que se
registro de preços de outros entes da Federação, desde segue.
que devidamente justificada a vantagem e mediante
Os interessados deverão aguardar decisão
anuência do órgão gerenciador, cabendo ao
administrativa referente aos seus pedidos para, então,
fornecedor beneficiário da ata, observadas as
se insatisfeitos, buscarem a via judicial para a resolução
condições nela estabelecidas, aceitar ou não a adesão.
da questão."
75 O sistema de registro de preços é sistema
82 Conforme entendimento consolidado do
aplicável apenas às compras realizadas pela União
Supremo Tribunal Federal, a revogação de ato
Federal, não sendo passível de utilização pelos outros
administrativo que já gerou efeitos concretos exige
entes da federação.
regular processo administrativo
76 A mutabilidade dos contratos administrativos
83 Na ausência de legislação local específica, os
expressa a possibilidade implícita de adequação da
demais entes da Federação devem aplicar as normas
avença para manutenção da equação de equilíbrio
previstas na lei federal, que regula o processo
econômico-financeiro inicialmente estabelecida. Essa
administrativo no âmbito da administração pública
afirmação abrange a álea administrativa, que
federal direta e indireta.
compreende uma conduta praticada pela
Administração pública que, embora não diretamente 84 As disposições da referida lei aplicam-se aos
relacionada ao contrato administrativo, impõe efeitos órgãos e às entidades que integram o Poder Executivo
nocivos a essa relação, podendo tornar impossível sua federal, mas não aos órgãos dos poderes Legislativo e
execução. Judiciário, que dispõem de disciplina própria
relativamente aos processos de natureza
77 O valor inicial do contrato para a reforma das
administrativa.
instalações elétricas de determinado prédio público foi
orçado em R$ 180.000,00. A data-base do orçamento 85 No âmbito federal sobreveio a Lei nº
foi definida para 11/2015 e a previsão de duração da 9.784/1999, que foi muito bem recebida, porquanto
obra era de 15 meses. A ordem de serviço foi emitida tem por objetivo a proteção dos direitos dos
em 15/1/2016. O referido contrato não poderá ser administrados e o melhor cumprimento dos fins da
aditivado antes de 15/1/2017, ou seja, antes que se administração. Para o alcance de referidos objetivos, o
complete um ano da emissão da ordem de serviço. diploma legal elenca diversos princípios informadores
da atuação da Administração, dentre eles o princípio observar diversos critérios, sendo certo que o Poder
da publicidade, que, no entanto, é menos amplo que o Judiciário da União, quando desempenhar função
que informa o processo judicial, em razão de a administrativa, está obrigado a essa observância. É
Administração estar autorizada, pela lei, a sacrificar correto afirmar que um desses critérios é a observância
direitos na busca do interesse público. das formalidades essenciais à garantia dos direitos dos
administrados.
86 Nos processos administrativos, devem-se
observar, entre outros, os critérios de atendimento a 94 As garantias previstas na Lei Federal nº 9.784
fins de interesse geral, permitida a renúncia parcial de incluem expressamente os direitos à comunicação, à
competências, independentemente de autorização em apresentação de alegações finais, à produção de
lei. provas e à interposição de recursos.

87 Os critérios que serão observados nos 95 É obrigatória a cobrança de custas processuais


processos administrativos incluem a subjetividade no dos agentes públicos apontados como responsáveis
atendimento do interesse público, que veda a pela infração investigada, além da exigência de
promoção de pessoal, de agentes ou de autoridades. depósito em garantia aos cofres públicos, em
montante a ser estipulado pela autoridade superior,
88 No âmbito da Administração Federal direta e
compatível com o valor do objeto investigado.
indireta, os processos administrativos deverão
observar diversos critérios, sendo certo que o Poder 96 De acordo com o princípio da oficialidade, a
Judiciário da União, quando desempenhar função administração pública pode instaurar processo
administrativa, está obrigado a essa observância. É administrativo, mesmo que não haja provocação do
correto afirmar que um desses critérios é a atuação administrado, e o órgão responsável pode determinar,
segundo padrões éticos de probidade, decoro e boa-fé. por si mesmo, a realização de atividades de instrução
destinadas a averiguar e comprovar os dados
89 O princípio da motivação deve nortear a
necessários à tomada de decisão, independentemente
administração pública na prática dos seus atos. Por
de haver interesse ou desinteresse das partes no
essa razão, o administrador, com o fim de propiciar
processo.
segurança, deve adotar, nos processos administrativos,
formas e procedimentos complexos, com várias etapas 97 Desde que garantidos os princípios do
e verificações. contraditório e da ampla defesa, a autoridade poderá
decidir pela aplicação retroativa de nova interpretação
90 No âmbito da Administração Federal direta e
a norma administrativa se essa interpretação melhor
indireta, os processos administrativos deverão
garantir o atendimento do fim público a que se dirige.
observar diversos critérios, sendo certo que o Poder
Judiciário da União, quando desempenhar função 98 (Adaptada) A Lei no 9.784/99 traz um rol de
administrativa, está obrigado a essa observância. É direitos do administrado, perante a Administração,
correto afirmar que um desses critérios é a divulgação sem prejuízo de outros que lhe sejam assegurados.
oficial dos atos administrativos com total Consta no rol o direito do administrado de contar com
transparência, vedado o sigilo. a inércia da Administração, que só pode agir, na
condução do processo, mediante provocação dos
91 Nos processos administrativos será observada
interessados.
atuação segundo padrões éticos de probidade e
adequação entre meios e fins. 99 Tendo em vista os termos da Lei nº
9.784/1999, que dispõe sobre o processo
92 No âmbito da Administração Federal direta e
administrativo, é correto afirmar que o administrado
indireta, os processos administrativos deverão
pode ter ciência da tramitação dos processos
observar diversos critérios, sendo certo que o Poder
administrativos em que tenha a condição de
Judiciário da União, quando desempenhar função
interessado e ter vista dos autos.
administrativa, está obrigado a essa observância. É
correto afirmar que um desses critérios é a indicação 100 É vedada a formulação de alegações após a
dos pressupostos de fato e de direito que instauração do processo.
determinarem a decisão.
101 Segundo a Lei no 9.784/1999, que regula o
93 No âmbito da Administração Federal direta e processo administrativo no âmbito da Administração
indireta, os processos administrativos deverão Pública Federal, é direito dos administrados fazer-se
assistir, facultativamente, por advogado, salvo quando 111 (Adaptada) De acordo com o disposto no artigo
obrigatória a representação, por força de lei. 9º, da Lei nº 9.784/1999, são legitimados como
interessados no processo administrativo as pessoas
102 Quanto aos deveres do administrado perante a
jurídicas que o iniciem como titulares de direitos ou
Administração no âmbito da Lei 9.784/99, é correto
interesses individuais.
afirmar que o administrado deve expor os fatos
conforme a verdade. 112 (Adaptada) De acordo com a Lei que regula o
processo administrativo no âmbito da Administração
103 Quanto aos deveres do administrado perante a
Pública Federal, se incluem, dentre os legitimados
Administração no âmbito da Lei 9.784/99, é correto
como interessados no processo administrativo,
afirmar que o administrado deve proceder com
quaisquer pessoas do povo, mesmo que não possam
urbanidade.
ser atingidas pela decisão a ser adotada.
104 Nos termos da Lei no 9.784/99, que regula o
113 (Adaptada) De acordo com o disposto no artigo
processo administrativo no âmbito da Administração
9º, da Lei nº 9.784/1999, são legitimados como
Pública Federal, consiste em dever do administrado
interessados no processo administrativo as
colaborar para o esclarecimento dos fatos.
associações representativas, no tocante a direitos e
105 Considere que, em auditoria para a verificação interesses individuais e coletivos.
da regularidade da concessão de determinado direito,
114 Conforme a lei geral do processo
tenha sido constatado que alguns administrados foram
administrativo no âmbito federal, a legitimidade ativa
injustamente excluídos. Nessa hipótese, em se
para atuar como interessado foi estendida às pessoas
tratando de interesses individuais, o processo
ou associações legalmente constituídas quanto aos
administrativo para a extensão de tal direito só poderá
direitos difusos.
ser iniciado após provocação da parte interessada.
115 A condução do processo administrativo é
106 O requerimento inicial do interessado, salvo
absolutamente indelegável.
casos em que for admitida solicitação oral, deve ser
formulado por escrito. 116 A lei permite que órgão administrativo e seu
titular deleguem parte de sua competência a órgão não
107 Embora estabelecido na legislação brasileira o
hierarquicamente subordinado.
dever de a administração adotar formas mais simples
para instauração de processos administrativos, 117 (Adaptada) No que concerne à delegação,
determinadas informações são necessárias para o segundo a Lei n. 9.784/99, julgue: Os órgãos colegiados
requerimento escrito inicial do interessado na abertura não podem delegar competências ao seu presidente.
do processo administrativo, como, por exemplo, a
118 A Lei no 9.784/99 (Lei Federal de Processos
obrigatoriedade de indicação do domicílio do
Administrativos) estabelece que a condução do
requerente ou do local para recebimento de
processo administrativo é absolutamente indelegável.
comunicações.
119 Órgãos colegiados podem delegar a seus
108 Considere que, ao conferir o conteúdo de
respectivos presidentes a edição de atos de caráter
requerimento apresentado por um cidadão ao ICMBio,
normativo.
o analista responsável tenha recusado o recebimento
do documento por ausência de alguns dados. Nessa 120 Considere que Paulo figure como interessado
situação, é vedada à administração a recusa imotivada em processo administrativo em tramitação em
do documento, cabendo ao servidor orientar o cidadão determinada autarquia e que tenha sido prolatada
a suprir as falhas. decisão desfavorável pelo órgão administrativo
colegiado competente. Considere, ainda, que Paulo,
109 Os órgãos e entidades administrativas deverão
em razão da delegação de competência feita pelo
elaborar modelos ou formulários padronizados para
órgão colegiado, tenha interposto recurso
assuntos que importem pretensões equivalentes.
administrativo decidido pelo presidente do órgão
110 Quando os pedidos de uma pluralidade de colegiado. Nessa situação, deverá haver nulidade na
interessados tiverem conteúdo e fundamentos decisão prolatada pelo presidente
idênticos, poderão ser formulados em um único
requerimento, salvo preceito legal em contrário.
Parte 4 9 José arguiu a suspeição do servidor público
João, responsável pela condução de determinado
1 Os agentes da Administração Pública podem, processo administrativo. A alegação de suspeição foi
no desempenho de suas atribuições, delegar de parte indeferida. Nos termos da Lei no 9.784/1999, dessa
de suas atribuições a outros agentes públicos. No que decisão, cabe recurso sem efeito suspensivo.
concerne à delegação, segundo a Lei n. 9.784/99, é
10 No processo administrativo, vige o princípio do
correto afirmar que as matérias de competência
formalismo moderado, rechaçando-se o excessivo
exclusiva podem ser delegadas.
rigor na tramitação dos procedimentos, para que se
2 O ato de delegação deve ser publicado no meio evite que a forma seja tomada como um fim em si
oficial, mas não o de sua revogação. mesma, ou seja, desligada da verdadeira finalidade do
processo.
3 O ato de delegação pode ser revogado a
qualquer tempo pela autoridade delegante ou pela 11 Com base no disposto na Lei n.º 9.784/1999,
autoridade delegada. julgue o item a respeito dos atos do processo
administrativo: Permite-se que tais atos sejam
4 Um órgão administrativo somente em caráter
praticados oralmente, dados os princípios da eficiência
excepcional e temporário poderá avocar a
e da celeridade.
competência de outros órgãos, ainda que estes não lhe
sejam hierarquicamente subordinados. 12 Com base no disposto na Lei n.º 9.784/1999,
julgue o item a respeito dos atos do processo
5 Determinado servidor do Ministério da
administrativo: Exige-se o reconhecimento de firma
Fazenda recorre da decisão do Chefe da Divisão de
para todos os documentos que forem assinados em
Recursos Humanos – DRH do órgão em que está lotado,
razão da prática dos citados atos.
que lhe negou o pedido de gozo de sua licença
capacitação. O único fundamento utilizado pelo 13 A autenticação da cópia de documentos
recorrente centrou- se na ausência de competência do exigidos no procedimento administrativo poderá ser
chefe da DRH para decidir a respeito de seu pleito. O feita por autoridade do próprio órgão administrativo,
recorrente sustenta que, ante a ausência de previsão desde que formalmente designada para esse fim.
específica da competência decisória no regimento
14 (Adaptada) Em relação à forma, tempo e lugar
interno do órgão para a referida DRH, somente o
dos atos do processo, com base na Lei 9.784/99, julgue:
dirigente máximo poderia decidir o pleito. Tendo em
Inexistindo disposição específica, os atos do órgão ou
mente o caso concreto acima narrado e os termos da
autoridade responsável pelo processo e dos
Lei n. 9.784/99, que regula o processo administrativo
administrados que dele participem devem ser
em âmbito federal, assiste razão ao recorrente. A
praticados no prazo de quinze dias, salvo motivo de
ausência de previsão legal específica desloca a
força maior.
competência decisória para a autoridade de maior
grau. 15 Inexistindo disposição específica, em regra, os
atos do órgão ou autoridade responsável pelo processo
6 Dar-se-á o impedimento, devendo a
e dos administrados que dele participem devem ser
autoridade comunicar o fato à autoridade competente
praticados no prazo de cinco dias prorrogado pelo
e abster-se de atuar nos autos do processo
dobro, mediante comprovada justificação.
administrativo, quando o respectivo cônjuge vier a
atuar como perito no processo em que esteja como 16 Com base no disposto na Lei n.º 9.784/1999,
julgador. julgue o item a respeito dos atos do processo
administrativo: Tais atos devem ser praticados,
7 O servidor que estiver litigando judicialmente
preferencialmente, na sede do órgão administrativo,
com o titular de algum direito em processo
sendo obrigatória a ciência ao interessado no caso de
administrativo ficará impedido de atuar no feito.
virem a ser realizados em outro local.
8 Um processo administrativo instaurado no
17 De acordo com a Lei nº 9.784/99, a intimação
âmbito de um órgão público estará sujeito a nulidade
do interessado para ciência de decisão ou a efetivação
caso haja a atuação de autoridade que tenha interesse,
de diligências deve conter, dentre outros dados,
mesmo que indireto, na matéria.
informação da continuidade do processo
independentemente do seu comparecimento.
18 Romilda, é interessada em processo 24 No PAD, não se admitem provas contra os
administrativo no âmbito da Administração Pública agentes públicos investigados obtidas por meios
Direta. Neste processo foi intimada para comparecer ilícitos.
em determinada diligência na véspera de sua
25 A Lei no 9.784/99 (Lei Federal de Processos
realização. Neste caso, a Lei no 9.784/99 foi
Administrativos) estabelece que é admitida a
desrespeitada, tendo em vista que a intimação
participação de terceiros no processo administrativo.
observará a antecedência mínima de cinco dias úteis
quanto à data de comparecimento. 26 A realização de audiências e consultas públicas
nos processos administrativos se revela como um
19 O Tribunal de Contas de determinado estado
importante mecanismo de participação dialógica dos
da Federação, ao analisar as contas prestadas
administrados, conferindo maior transparência e
anualmente pelo governador do estado, verificou que
legitimidade às ações e condutas da Administração
empresa de publicidade foi contratada, mediante
Pública. Sobre essa temática e à luz das disposições da
inexigibilidade de licitação, para divulgar ações do
Lei nº 9.784/99 - que trata do processo administrativo
governo. Na campanha publicitária promovida pela
em sede federal - e do ordenamento jurídico em vigor,
empresa contratada, constavam nomes, símbolos e
é correto afirmar que o comparecimento à consulta
imagens que promoviam a figura do governador, que,
pública confere à pessoa física, automaticamente, a
em razão destes fatos, foi intimado por Whatsapp para
condição de interessada no processo, assegurando-lhe
apresentar defesa. Na data de visualização da
o direito de obter da Administração resposta
intimação, a referida autoridade encaminhou resposta,
fundamentada.
via Whatsapp, declarando-se ciente. Ao final do
procedimento, o Tribunal de Contas não acolheu a 27 As atividades de instrução destinadas a
defesa do governador e julgou irregular a prestação de averiguar e comprovar os dados necessários a tomada
contas. A partir da situação hipotética apresentada, de decisão devem atender a certos requisitos. E, no
julgue o item a seguir: É nula a intimação do que se refere à consulta e audiência pública, os órgãos
governador, por ser obrigatório que seja feita por e entidades administrativas, em matéria relevante,
ciência no processo, via telegrama ou por via postal poderão estabelecer outros meios de participação de
com aviso de recebimento. administrados, diretamente ou por meio de
associações legalmente reconhecidas.
20 Nos termos da Lei no 9.784/99, o órgão
competente perante o qual tramita o processo 28 Os resultados da audiência pública devem ser
administrativo determinará a intimação do interessado apresentados com a indicação do procedimento
para ciência de decisão ou a efetivação de diligências. adotado, condição desnecessária quando tratar-se de
Assim, no caso de interessados indeterminados, consulta pública.
desconhecidos ou com domicílio indefinido, a
intimação deve ser efetuada por meio de publicação 29 Em função do princípio da publicidade, impõe-
oficial. se que a administração pública prove a inexistência dos
fatos alegados pelo servidor público no processo
21 No processo administrativo, o administrativo.
comparecimento do interessado de forma espontânea
não supre a falta ou a irregularidade da intimação. 30 (Adaptada) No processo administrativo no
âmbito da administração pública federal, quando o
22 O desatendimento de intimação para interessado declarar que fatos e dados estão
apresentação de defesa em processo administrativo registrados em documentos existentes em outro órgão
não importa no reconhecimento da verdade dos fatos. administrativo, caberá ao próprio interessado trazer os
referidos documentos aos autos.
23 Caso, tendo pleiteado determinado benefício,
o administrado não consiga juntar as provas 31 Não ofende a garantia do devido processo legal
necessárias para a concessão de seu pedido, o decisão da administração que indefere a produção de
administrador, não estando obrigado a ater-se provas consideradas não pertinentes pelo
somente às provas juntadas pelo administrado, poderá administrador.
buscar elementos e realizar todas as diligências
necessárias à elucidação dos fatos. 32 Considere que, em um processo
administrativo, um servidor público federal tenha
requerido a concessão de vantagem pessoal.
Considere, ainda, que a administração tenha fixado desses atos fica vinculada aos motivos indicados como
prazo para que o interessado apresentasse os seu fundamento.
documentos necessários à análise do pedido
41 (Adaptada) A Lei n.º 9.784/1999 regula o
formulado e que esses documentos não tenham sido
processo administrativo no âmbito federal e trata,
entregues no prazo estipulado. Nessa situação, o
entre outros assuntos, dos direitos e deveres dos
processo deverá ser arquivado.
administrados e da administração pública. Quanto ao
33 No caso de ser obrigatória a emissão de tema, julgue o item: A administração pública tem o
parecer vinculante, não sendo ele emitido no prazo de dever de motivar suas decisões de forma explícita,
quinze dias, o processo não terá seguimento até a clara e congruente, não podendo fazê-lo mediante
apresentação desse parecer, salvo norma especial ou simples declaração de concordância com fundamentos
comprovada necessidade de maior prazo. de pareceres anteriores.

34 Em dois processos administrativos distintos, de 42 A Lei n° 9.784/1999, que regula o processo


âmbito federal, constatou-se a obrigatoriedade de ser administrativo, estabelece que é vedada a utilização de
ouvido órgão consultivo, devendo os respectivos meio mecânico que reproduza os fundamentos das
pareceres serem emitidos no prazo de quinze dias, decisões no caso de solução de vários assuntos da
porém não foram apresentados. No primeiro processo, mesma natureza para evitar que sejam prejudicados
o parecer era obrigatório e vinculante e deixou de ser direito ou garantia dos interessados.
emitido no prazo fixado. No segundo processo, o
43 Com base na Lei n.º 9.784/1999, julgue: A
parecer era obrigatório mas não vinculante e também
revogação de um ato administrativo deve apresentar
deixou de ser emitido no prazo fixado. Nos termos da
os seus motivos devidamente externados, com
Lei n° 9.784/1999 e independentemente da
indicação dos fatos e dos fundamentos jurídicos.
responsabilização cabível, apenas na segunda
hipótese, o processo poderá ter prosseguimento e ser 44 O interessado que der início a um processo
decidido com sua dispensa. administrativo não poderá desistir do pedido
formulado, devendo o processo tramitar até seu
35 Encerrada a instrução, o processo deverá ser
julgamento final.
imediatamente remetido à autoridade competente
para julgá-lo, para decisão. 45 Manoel e Manoela, além de irmãos, são partes
interessadas no mesmo processo administrativo em
36 Em caso de risco iminente, a administração
curso perante a Administração Pública Federal. No
pública poderá, motivadamente, adotar providências
curso do feito, Manoel desistiu do pedido. Em razão
acauteladoras, mesmo sem a prévia manifestação do
disso, a Administração estendeu a desistência a ambas
interessado.
as partes e extinguiu o processo. Em outro processo
37 Do processo administrativo em que seja administrativo, a parte interessada, Ricardo, também
interessado, o administrado tem direito a: ciência da desistiu do seu pedido, o que foi negado pela
tramitação; vista dos autos e obtenção de cópias de Administração por considerar que o interesse público
documentos, ainda que se trate de processo justificava a continuidade do feito. Nos termos da Lei
classificado como sigiloso. n° 9.784/1999, a conduta da Administração Pública
Federal está incorreta apenas no primeiro caso, pois a
38 A Administração tem o direito de
desistência atinge somente quem a formulou.
explicitamente emitir decisão nos processos
administrativos. 46 "Cláudio requereu à ANATEL a revogação de
autorização para a instalação de antena de telefonia
39 No processo administrativo, após o
móvel na região em que mora, sob o argumento de que
encerramento da fase de instrução probatória, o poder
a área onde o equipamento será instalado é
público tem prazo de trinta dias para tomar a decisão,
densamente povoada e a antena emite radiação nociva
sendo possível a prorrogação por igual período, desde
à saúde da população local.
que devidamente motivada.
Considerando essa situação hipotética, julgue o item
40 De acordo com a Lei n.º 9.784/1999, que regula
que se segue.
o processo administrativo federal, é desnecessária a
motivação dos atos administrativos discricionários,
entretanto, uma vez expressa a motivação, a validade
Ainda que Cláudio desista do requerimento, a ANATEL Considerando essa situação hipotética, julgue o item
pode, existindo interesse público, dar prosseguimento que se segue.
ao processo."
Caso seja negado o pedido de Cláudio, os demais
47 Segundo a Lei nº 9.784/99, o órgão moradores da localidade onde será instalada a antena
competente poderá declarar extinto o processo são legitimados para apresentar recurso contra a
administrativo quando exaurida sua finalidade ou o decisão."
objeto da decisão se tornar impossível, inútil ou
56 Consoante dispõe a Lei nº 9.784/99, que regula
prejudicado por fato superveniente.
o processo administrativo no âmbito da Administração
48 Caso um ato administrativo esteja eivado de Pública Federal, o recurso administrativo terá prazo de
vício de legalidade, o Poder Judiciário terá de revogá- quinze dias para sua interposição, como regra, a partir
lo. da ciência ou divulgação oficial da decisão recorrida.

49 O prazo decadencial para a administração 57 Salvo disposição legal específica, é de dez dias
pública anular atos administrativos de efeitos o prazo para interposição de recurso administrativo,
patrimoniais contínuos renova-se periodicamente. sem previsão legal de prorrogação.

50 A convalidação dos atos administrativos que 58 Segundo entendimento dos tribunais


apresentem defeitos sanáveis pode ser feita pela superiores, a substituição de juízo de valor de efeito
administração, desde que esses atos não acarretem suspensivo a recurso administrativo, por se situar na
lesão ao interesse público ou prejuízo a terceiros. esfera discricionária da autoridade administrativa
competente, não é da alçada do Poder Judiciário.
51 Contra as decisões administrativas cabe
recurso que verse sobre a legalidade, mas não sobre o 59 O recurso administrativo, em regra, apresenta
mérito administrativo. efeito devolutivo, admitindo, excepcionalmente, efeito
suspensivo.
52 Situação hipotética: Dez anos após a data em
que deveria ter ocorrido o primeiro pagamento de 60 Conforme expressa disposição da Lei n.º
vantagem pecuniária a que José fazia jus, ele 9.784/1999, se ocorrer equivocada interposição de
apresentou requerimento administrativo ao chefe do recurso administrativo perante autoridade
setor de recursos humanos solicitando o pagamento de incompetente, será indicada ao recorrente a
tal vantagem. O pedido foi indeferido sob o autoridade competente e devolvido o prazo recursal.
fundamento de ocorrência da prescrição. José, então,
61 Mauro editou portaria disciplinando regras de
apresentou recurso. Assertiva: Nesse caso, o chefe do
remoção no serviço público que beneficiaram,
setor de recursos humanos tem o prazo de cinco dias
diretamente, amigos seus. A competência para a
para reconsiderar a decisão; caso não o faça, deverá
edição do referido ato normativo seria de Pedro,
encaminhar o recurso ao seu superior hierárquico.
superior hierárquico de Mauro. Os servidores que se
53 Consoante dispõe a Lei nº 9.784/99, que regula sentiram prejudicados com o resultado do concurso de
o processo administrativo no âmbito da Administração remoção apresentaram recurso quinze dias após a data
Pública Federal, o recurso administrativo dependerá de da publicação do resultado. Nessa situação hipotética,
caução, como regra, para sua interposição, e o valor de acordo com a Lei n.º 9.784/1999 — que regula o
será equivalente à vantagem econômica que poderá processo administrativo no âmbito da administração
ser auferida pelo administrado ao final do processo pública federal —, o recurso apresentado pelos
servidores que se sentiram prejudicados não deverá
54 O recurso administrativo tramitará por uma
ser conhecido pela autoridade competente em razão
única instância administrativa, devendo ser interposto
da sua intempestividade.
à autoridade superior àquela que tiver proferido a
decisão. 62 Não cabe revisão dos processos
administrativos sancionatórios, após a decisão da
55 "Cláudio requereu à ANATEL a revogação de
autoridade julgadora, dada a ocorrência de coisa
autorização para a instalação de antena de telefonia
julgada administrativa.
móvel na região em que mora, sob o argumento de que
a área onde o equipamento será instalado é 63 Por meio do recurso ou da revisão
densamente povoada e a antena emite radiação nociva administrativa, não se admitirá como resultado o
à saúde da população local. agravamento da situação do recorrente.
64 No processo administrativo, os prazos
começam a fluir da data da ciência oficial, excluindo-se
da contagem o dia do começo e o do vencimento.

65 O TRE/PI autorizou o afastamento de um


servidor para participar de programa de pós-graduação
stricto sensu no país pelo período de doze meses, a
contar de 29/2/2012 (quarta-feira). Não tendo havido
prorrogação de seu período de afastamento o servidor
voltou na data certa e em dia útil da semana. Nessa
situação hipotética, considerando-se as regras de
prazos constantes na Lei n.º 9.784/1999, é correto
afirmar que o servidor retomou suas atividades em
28/2/2013 (quinta-feira).

66 É obrigatório que os procedimentos


administrativos que ocorrem no âmbito dos órgãos da
administração direta e indireta dos poderes executivos
da União, dos estados, do DF e dos municípios sejam
regulados pela Lei Federal n.º 9.784/1999.

67 Os princípios constitucionais da igualdade e da


impessoalidade impedem o tratamento prioritário no
processo administrativo no qual figure como parte ou
interessada pessoa maior de sessenta anos de idade.

68 Ainda que a pretensão do administrado seja


contrária a posição notoriamente conhecida do órgão
administrativo, sem o prévio requerimento
administrativo, falta-lhe interesse para postular
diretamente no Poder Judiciário.

69 Segundo o STF, não haverá nulidade se a


apreciação de recurso administrativo for feita pela
mesma autoridade que tiver decidido a questão no
processo administrativo.

70 De acordo com o STF, é lícita, no âmbito de


processo administrativo, a exigência de depósito
prévio de 10% do valor do débito, como condição de
admissibilidade de recurso administrativo, desde que
justificada a necessidade.

71 Nos termos da jurisprudência do STF, caso um


particular interponha recurso administrativo contra
uma multa de trânsito, por se tratar do exercício do
poder de polícia pela administração, a admissibilidade
do recurso administrativo dependerá de depósito
prévio a ser efetuado pelo administrado.

72 Caso o ministro da Justiça concedesse refúgio a


estrangeiro, após regular processo administrativo, e,
em seguida, fosse constatado ter havido vício nesse
processo, que torne ilegal o refúgio concedido, o
ministro não poderia anular o seu próprio ato, devendo
tal anulação ser realizada pela via judicial.
GABARITO – Parte 1 50 C
51 C
1 C 52 E
2 E 53 C
3 E 54 E
4 E 55 E
5 E 56 C
6 C 57 E
7 E 58 C
8 C 59 E
9 E 60 E
10 C 61 C
11 E 62 E
12 E 63 C
13 E 64 E
14 E 65 E
15 E 66 C
16 E 67 C
17 C 68 C
18 E 69 E
19 E 70 E
20 C 71 C
21 C 72 C
22 E 73 C
23 C 74 C
24 C 75 E
25 C 76 C
26 E 77 E
27 E 78 C
28 E 79 C
29 C 80 E
30 E 81 E
31 E 82 E
32 E 83 C
33 C 84 C
34 E 85 C
35 E 86 E
36 E 87 C
37 C 88 E
38 E 89 E
39 C 90 C
40 C 91 E
41 C 92 C
42 E 93 C
43 E 94 E
44 E 95 E
45 E 96 C
46 C 97 C
47 E 98 C
48 C 99 E
49 E 100 C
101 E 29 E
102 E 30 C
103 E 31 E
104 E 32 C
105 E 33 C
106 E 34 E
107 C 35 C
108 C 36 C
109 E 37 E
110 C 38 C
111 C 39 C
112 E 40 E
113 E 41 C
114 E 42 C
115 C 43 E
116 E 44 E
117 E 45 C
118 C 46 E
119 C 47 C
120 C 48 E
49 E
50 C
Gabarito – Parte 2 51 E
52 C
1 C
53 E
2 E
54 E
3 C
55 C
4 C
56 C
5 E
57 C
6 C
58 C
7 C
59 C
8 E
60 C
9 E
61 C
10 C
62 E
11 E
63 E
12 C
64 E
13 E
65 E
14 C
66 C
15 C
67 C
16 E
68 C
17 E
69 C
18 C
70 E
19 C
71 E
20 C
72 C
21 C
73 E
22 C
74 C
23 E
75 C
24 E
76 E
25 C
77 C
26 C
78 E
27 C
79 C
28 E
80 C 8 C
81 E 9 C
82 C 10 E
83 E 11 C
84 C 12 C
85 C 13 E
86 E 14 E
87 E 15 C
88 C 16 E
89 C 17 E
90 C 18 C
91 C 19 C
92 C 20 C
93 C 21 E
94 E 22 E
95 E 23 E
96 E 24 C
97 C 25 C
98 E 26 C
99 E 27 C
100 C 28 E
101 E 29 C
102 E 30 C
103 C 31 C
104 E 32 C
105 E 33 C
106 E 34 E
107 C 35 C
108 E 36 E
109 E 37 E
110 C 38 E
111 C 39 E
112 E 40 E
113 C 41 C
114 C 42 E
115 E 43 E
116 C 44 E
117 E 45 E
118 C 46 E
119 C 47 E
120 E 48 E
49 E
50 E
Gabarito – Parte 3 51 C
52 E
1 C
53 C
2 C
54 C
3 C
55 C
4 C
56 C
5 E
57 C
6 E
58 E
7 E
59 C 110 C
60 E 111 C
61 E 112 E
62 C 113 E
63 E 114 C
64 E 115 E
65 C 116 C
66 C 117 E
67 C 118 E
68 E 119 E
69 C 120 C
70 C
71 E
72 E Gabarito – Parte 4
73 E
1 E
74 E
2 E
75 E
3 E
76 C
4 E
77 E
5 E
78 C
6 C
79 E
7 C
80 E
8 C
81 E
9 C
82 C
10 C
83 C
11 E
84 E
12 E
85 E
13 C
86 E
14 E
87 E
15 C
88 C
16 C
89 E
17 C
90 E
18 E
91 C
19 E
92 C
20 C
93 C
21 E
94 C
22 C
95 E
23 C
96 C
24 C
97 E
25 C
98 E
26 E
99 C
27 C
100 E
28 E
101 C
29 E
102 C
30 E
103 C
31 C
104 C
32 C
105 E
33 C
106 C
34 C
107 C
35 E
108 C
36 C
109 C
37 C
38 E
39 C
40 E
41 E
42 E
43 C
44 E
45 C
46 C
47 C
48 E
49 E
50 C
51 E
52 C
53 E
54 E
55 C
56 E
57 C
58 C
59 C
60 C
61 C
62 E
63 E
64 E
65 C
66 E
67 E
68 E
69 E
70 E
71 E
72 E

Você também pode gostar