Você está na página 1de 97

POR MICHAE LEE, GREG STOLZE AND KULA WARD

DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Créditos Aos Leitores*


Nas páginas a seguir, vocês encontrarão mais um trabalho dedicado ao
Autores: Michael Lee, Greg Stolze RPG - o cenário que irá se desvelar é o de Demônio, A Queda. Esperamos
e Kyla Ward. muito que aproveitem o livro; mas, antes que continuem, gostaríamos de dizer
Mundo das Trevas (World of que demos o máximo de nós, das noites mal dormidas às longas conversar em
Darkness) criado por Mark Reign- chats para fazer deste livro uma boa leitura que irá enriquecer seus jogos...
Logo, “errar é humano, e perdoar é divino”, desta forma, contamos com a sua
Hagen. compreensão para possíveis erros que tenhamos deixado passar - talvez,
Sistema de Storyteller projetado possamos culpar nossa empolgação.
por Mrk Reing-Hagen. Certamente, irão encontrar paralelos de vocabulário com outros
Desenvolvedor: Michael Lee cenários de RPG, mas com termos semelhantes, não iguais, pedimos que
Editor: Cari Bowen compreendam que cada ser do mundo das trevas usa os nomes que sua cultura
Diretorde Arte: Pauline Benney mais identifica, e é esse o ponto de vista exposto nestas páginas [o dos
Layout e Tipografia: Pauline demônios/anjos].
À propósito, gostaríamos de agradecer a todos os tradutores de outros
Benney cenários que nos ajudaram a compreender os termos que sugerem crossovers]
Arte Interna: Andy Brase, Marko sem vocês, esta tradução não estaria completa! Muito obrigado! Agradecemos
Djurdjevic, Steve Ellis também aos revisores, aos diagrama- dores, as pessoas que estiveram conosco, e
Arte de Capa: Mark Jackson que ainda estão: este livro foi uma grande caminhada de experiências, e vocês
Design da Frente e do Verso da sabem que têm participação nisso (direta, ou indiretamente).
Capa: Pauline Benney Aproveitamos para pedir, também, que não confundam esta tradução
com pirataria. O cenário de Demônio, A Queda está com o catalogo de livros
originais (em inglês) esgotado desde 2002, e não há previsão de tradução de
Créditos da Versão nacional. Este trabalho de tradução é voluntário, não obtemos nenhuma
espécie de lucro com isso, simplesmente o fazemos pelo prazer de poder
Traduzida compartilhar RPG com as pessoas que precisam do prazer de poder acrescentar
maravilhas as nossas crónicas.
Morrigan Ankh e Grupo in
*Texto original do Grupo in Flammis Scriptum, na época das
Flammis Scriptum traduções.

Advertência
Este material foi elaborado por fãs e é destinado a fãs, sendo assim, ele deve ser removido de seu computador em até 24hs,
exceto no caso de você já possuir o material original (pdf registrado ou livro físico). Sua impressão e⁄ou venda são
expressamente proibidas. Os direitos autorais estão preservados e destacados no material. Não trabalhamos no anonimato
e estamos abertos a qualquer protesto por parte dos proprietários dos direitos caso o conteúdo os desagrade. No entanto,
não nos responsabilizamos pelo mal uso do arquivo ou qualquer espécie de adulteração por parte de terceiros.

Impressão proibida
© 2002 White Wolf Publishing, Inc. All rights reserved.
1554 LITTON DR Reproduction without the written permission of the publisher is
expressly forbidden, except for the purposes of reviews, and for
STONE MOUNTAIN, CA blank character sheets, which may be reproduced for personal use
only. White Wolf, Vampire, Vampire the Masquerade, Vampire
the Dark Ages, Mage the Ascension, Hunter the Reckoning,
30083 World of Darkness and Aberrant are registered trademarks of
White Wolf Publishing, Inc. All rights reserved. Werewolf the
Apocalypse, Wraith the Oblivion, Changeling the Dreaming,
USA Werewolf the Wild West, Mage the Sorcerers Crusade, Wraith the
Great War, Trinity, Dark Ages Storytellers Companion, Dark
Ages Vampire, Dark Ages Mage, Dark Ages Inquisitor, Dark Ages Europe, Bitter Crusade, Under the Black Cross, Cainite Heresy,
Constantinople by Night, Jerusalem by Night, Libellus Sanguinis I Masters of the State, Libellus Sanguinis II Keepers of the Word,
Libellus Sanguinis III Wolves at the Door, Libellus Sanguinis IV Thieves in the Night, The Ashen Knight, The Ashen Thief, Iberia by
Night, Transylvania by Night, House of Tremere, Wolves of the Sea, Fountains of Bright Crimson, Wind from the East, Veil of Night
and Year of the Damned are trademarks of White Wolf Publishing, Inc. All rights reserved. All characters, names, places and text
herein are copyrighted by White Wolf Publishing, Inc. The mention of or reference to any company or product in these pages is not a
challenge to the trademark or copyright concerned.
This book uses the supernatural for settings, characters and themes. All mystical and supernatural elements are fiction and
intended for entertainment purposes only. This book contains mature content.
Reader discretion is advised.
For a free White Wolf catalog call 1-800-454-WOLF.
Check out White Wolf online at
http://www.white-wolf.com; alt.games.whitewolf and rec.games.frp.storyteller
SUMARIO
INTRODUÇÃO 04
CAPÍTULO UM: DEUSES SOMBRIOS 08
CAPÍTULO DOIS: AS FACÇÕES 20
CAPÍTULO TRÊS: SENHORES SOMBRIOS 50
CAPÍTULO QUATRO: O PLANO ESPIRITUAL 58
CAPÍTULO CINCO: MONSTROS 68
INTRODUCAO
,

Aqui, solitário, Eu, em livrosfeitos de metais


Escrevi os segredos da sabedoria
Os segredos da contemplação obscura
Através de lutas e conflitos desesperados,
Com terríveis monstros originados do Pecado;
Os quais habitam o íntimo de todos;
— William Blake, O Livro de Urizen

Demônio: Companheiro do Narrador é livro permitem a você apresentar esses monstros


um complemento para Livro Básico de Regras de como antagonistas (ou incómodos aliados) para
Demônio, munindo você, o Narrador, com uma seus jogadores, de uma forma que seja consistente
estória expandida e detalhes sobre antagonistas com as regras. Ainda assim, para a experiência
em potencial e ganchos para histórias de facções plena, e riqueza histórica associada a cada um
infernais que nós não queríamos revelar aos jo- desses grupos sobrenaturais, você é encorajado a
gadores no livro básico. Dessa forma, você pode dar uma olhada nos outros jogos de Narrativa da
ficar livre para emprestar o livro principal a seus linha do Mundo das Trevas. Por último, cada
jogadores sem correr o risco de estragar os hor- detalhe incluído neste livro deverá ser um passo
rores que você guardou para mais tarde, em sua inicial para suas próprias idéias e conceitos. Como
crônica. As informações fornecidas neste livro são sempre, a Regra de Ouro se aplica: Se você não
tanto uma expansão dos conceitos introduzidos gostar do que encontrar nestas páginas, ou ainda
no livro principal, quanto uma nova informação melhor, se o que você ler inspirar uma visão
que permite a você introduzir aspectos de outros diferente dos personagens e conceitos contidos
jogos do Mundo das Trevas da White Wolf, na sua aqui dentro, então mude! É sua história. Faça dela
crônica de Demônio. Os perfis incluídos neste a sua vontade.
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

COMO USAR ESTE LIVRO JOGADORES FIQUEM ATENTOS!


Este livro é dividido em vários capítulos, cada Este livro é apenas para os olhos dos
qual foi desenvolvido para explorar e explicar uma Narradores. Ele contém detalhes de longo alcance
área específica do jogo. Lembre, entretanto, que o sobre antagonistas para qualquer crónica de
“capítulo” mais importante em um jogo de narrativa
Demônio, incluindo origem, plano e alguns
é a sua imaginação. Nunca deixe que nada neste livro
segredos do meta-esquemas envolvendo os
seja um substituto para sua própria criatividade.
Capítulo Um: Deuses Sombrios descreve as Terrestres. Se vocês compraram este livro para
origens, história e capacidades dos Terrestres, co- completar sua coleção de suplementos de
brindo desde o surgimento na antiga Mesopotâmia, Demônio, ótimo, mas lê-lo poderia estragar seu
passando por sua eventual queda na Renascença e aproveitamento do jogo. Metade da diversão é
até reascensão nos dias modernos. Detalhes sobre imaginar o que os caras maus estão aprontando,
seus relicários, seguidores, perspectivas e atuais certo?
planos são todos apresentados para o uso do Então, tentem resistir à tentação. Isso fará o
Narrador. jogo mais divertido.
Capítulo Dois: As Facções revê as cinco maio-
res facções dos Caídos, da perspectiva de um Nar-
rador, fornecendo dicas e sugestões para juntar volver a partir do status quo estabelecido pelo livro
Demônios de facções diferentes, como também principal, introduzindo novos personagens,
ganchos de história para envolver seus jogadores nas conceitos e conflitos que posteriormente expandem
intrigas das facções. as direções do jogo e adicionam inspiração nas
Capítulo Três: Senhores do Abismo crônicas existentes. Porém, meta-esquemas não são
apresenta linhas-guia sobre a convocação de para todos: muitos Narradores preferem usar o livro
Demônios maiores do Abismo para o plano físico; principal dojogo como uma rampa para criar um
da mesma forma que condições para encarná-los em mundo próprio, e subsequentes alterações para os
um hospedeiro físico, e níveis de poderes sugeridos personagens e direções do jogo, algumas vezes,
para seres desde Cavaleiros até os terríveis Duques conf li- tam diretamente com os planos
do Inferno. estabelecidos. Isso leva para um difícil ato de
Capítulo Quatro: O Plano Espiritual balanceamento, fornecer mudanças suficientes para
fornece uma breve origem do plano dos mortos, a manter ricas e dinâmicas as direções dojogo, sem
geografia das terras das sombras e as dificuldades de alterar coisas tão dramaticamente de forma que
viajar, e perfis detalhados de vários tipos de mortos- invalidem o trabalho árduo e as expectativas dos
vivos que você pode incluir em sua crônica. Embora Narradores.
tenha maior utilidade para os Algozes, o êxodo de As seguintes seções fornecem um aspecto
mortos-vivos para o mundo físico devido ao geral do meta-esquema envolvente de Demônio,
Maelstrom gera uma grande oportunidade de munindo a você, o Narrador, com uma noção de
encontros fantasmagóricos para os Caídos. eventos que modelará suplementos futuros. Como
Capítulo Cinco: Monstros detalha quatro sempre, a Regra de Ouro se aplica: não se sinta
das mais comuns criaturas sobrenaturais ativas no restrito pelos eventos descritos abaixo; se eles não
Mundo das Trevas: vampiros, lobisomens, magos e servirem para a visão que você tem para sua crônica
os imbuídos. O capítulo dá os perfis de cada um de Demônio, selecione as idéias que preferir e
desses “monstros”, juntamente com sugestões de dispense o resto, ou ainda melhor, mude-as para
encontros com os Caídos, e os efeitos que pactos de servirem a suas necessidades.
fé e possessão têm sobre cada um. Também fornece ATO I: REIS E FAZEDORES DE REIS
uma lista de animais que se pode encontrar, O estágio inicial do meta-esquema de
enfrentar e possivelmente domesticar no Mundo das Demônio foca no reestabelecimento da sociedade
Trevas. dos Caídos nos dias e meses que se seguem
SINAIS E PRESSÁGIOS imediatamente após a fuga do Abismo. Conforme
Muitos dos jogos do Mundo das Trevas da mais e mais grupos de Demônios chegam a terra e
White Wolf empregam um arco de histórias que liga seus números crescem nas cidades através do
os eventos encontrados em muitos livros sup- mundo, a natureza hierárquica dos Caídos incita a
lementares dos jogos. Esse meta-esquema é útil reforma do antigo sistema de corte, e pretensos
porque permite a cada jogo continuar a se desen- tiranos estabelecem suas cortes infernais de Los

06
INTRODUÇÃO

subverter os Caídos e, posteriormente, seus planos


A PROCURA POR ESTRELA-DA- para o descrédito e escravidão da humanidade. Irão,
MANHÃ os personagens da sua crônica, sentir o crescente
O destino de Estrela-da-Manhã é a central perigo eminente em seu meio e tomar alguma
faceta do envolvente meta-esquema de Demônio, atitude antes que seja tarde demais; ou eles irão se
e é detalhado, até certo ponto, no vindouro Cida- encontrar presos pela vontade de criaturas mais
de dos Anjos e na antologia Lucifer's Shadow! terríveis do que o mais atormentado Demônio?
O segundo ato do meta-esquema de Demônio
Embora as ações deles tenham ao menos um começa com o lançamento de Demônio: Os
impacto indireto no curso do meta-esquema, Terrestres, um grande livro de informações que
suplementos futuros darão a você considerável detalha completamente a origem, história, poderes e
latitude com respeito a usar o Príncipe dos Caídos planos desses seres monstruosos. Enquanto isso, o
em sua crônica. Ele pode ser tanto uma força Capítulo Um deste livro fornece toda a informação
proeminente modelando os eventos, ou pode que você precisa para adicionar estes poderosos
permanecer um objeto de mito e lenda, depen- adversários em sua crônica.
dendo do que funcionar melhor para você. ATO III: IMPÉRIOS INFERNAIS
Angeles a Nova Déli. As cortes fornecem meios de Para os atos anteriores do meta-esquema as
autodefesa contra as depredações dos Terrestres e o ordens mais inferiores dos Caídos tiveram o mundo
perigo oculto de mortais exorcistas; da mesma forma para si, moldando seus reinos insignificantes e
que linhas de comunicação estabelecidas (e perseguindo suas agendas pessoais como acharam
oportunidade de interação) entre os vários certo. O terceiro ato começa com um evento que
Demônios habitantes de uma dada localidade. derruba a maioria das últimas barreiras infernais, e
Irão os personagens de sua crônica unir seus permite o retomo de muitos dos de postos altos do
destinos ao carismático Caído Fidalgo e estabelecer exército dos Caídos. Estes Fidalgos, Soberanos e
uma ordem de punho-de-ferro sobre os Demônios Barões recém-retomados avançam como titãs entre
da cidade? Eles guardarão os adornos do poder para as cortes menores dos Caídos, reunidos em
si mesmos? Ou eles evitarão o perigo eminente e principados maiores governados por fatias iguais de
ciladas de almas atormentadas da corte e escolherão diplomacia e de força bruta. Este ato eleva os
seu próprio caminho entre os perigos do mundo interesses do meta-esquema, levando os personagens
moderno? para grandes planos que envolvem todo o globo; eles
O ato de abertura do meta-esquema de se tomarão peões nas intrigas de forças maiores, ou
Demônio começa com Demônio: Cidade dos eles tentarão um combate de sagacidade com seus
Anjos, um livro de cenário para Demônio: A Queda mestres infernais, moldando seus próprios destinos?
que detalha a corte infernal da cidade de Los Enquanto isso, as ativida des dos Terrenos
Angeles. aproximam-se de seu clímax, notando que sem atos
ATO II: A ASCENSÃO DOS DEUSES rápidos e decisivos todos seus esforços serão em vão.
DAS TREVAS ATO IV: GOTTERDAMMERUNG
Conforme os Caídos reúnem sua força e segu- Com o retomo de muitos dos altos Senhores
ram as amarras do poder, os Terrestres não ficaram do Inferno, o palco é preparado para uma batalha
inativos. Esses Demônios monstruosos, despertados decisiva contra a influência crescente dos Terrestres.
de séculos de sono profundo em isoladas partes do O Ato IV arrasta os personagens para as margens de
mundo, chegaram à conclusão de que eles devem um Apocalipse temido há muito tempo. Eles
agir rapidamente, ou se encontrarão derrotados desempenharão um papel crucial na derrota dos
pelos crescentes postos dos Caídos. Os Terrestres Terretres; ou eles selarão o destino dos Caídos como
rapidamente se posicionam para reconstruir seus Campeões dos deuses das trevas? Qual a cara que o
cultos e embarcarvnuma campanha incansável para mundo terá nas vésperas do Armagedon; e irão, os
escravizar, banir, ou destruir Demônios recém- personagens redefinir os papéis dos Demônios e seu
libertos. Toda corte infernal através do planeta se relacionamento com a humanidade? Só o tempo
encontra circundada por forças hostis internas e dirá.
externas, conforme esses seres ocultos tentam

07
capítulo um:
deuses
sombrios
MONARCA dos deuses, demônios e todos os Espíritos menos Um,
que inundam esses mundos que seguem brilhando
Tu e Eu sozinhos entre os seres vivos, contemplamos sem sono estes mundos
Observa esta Terra de escravos que são recompensados por cultos, orações,
louvores e esforços, e pelo sacrifício de suas almas partidas com o medo,
o desprezo e a esperança vã.
Mas a mim, teu inimigo, cego de ódio me faço reinar com a vitória, para
sua vergonha, em minha própria miséria e em sua inútil vingança
— Percy Bysshe Shelley, Prometeu Libertado

Muito antes do Turbilhão ter retomado os humano ou astúcia infernal, alguns Demônios se
Caídos para o mundo dos mortais, antigas lendas libertaram.
narravam com temor os perigos de se invocar um Lendas Humanas diziam que se um Demônio
Demônio do Abismo. A menos que o in- vocador se libertasse pelo mundo, seria o fim da raça
tomasse muito cuidado com os encantamentos e humana. Mas, nesse caso, a verdade é pior ainda.
selos, a besta que ele chamou para o mundo físico Esse Capítulo detalha a Origem, capacidades
poderia libertar-se de sua contenção, causando e planos dos Terrestres — Demônios que escaparam
terríveis consequências. Como todo conto mítico do Abismo em eras passadas e foram acordados de
ainda ressoa na psiquê humana, essas histórias séculos de ócio pelo retomo dos Caídos. Embora eles
carregam um fundo amargo da verdade. Ao longo da sejam relativamente poucos em número; essas
história humana, não um, nem dez, mas centenas de criaturas seguram o futuro da humanidade — e dos
Demônios foram invocados do Abismo por mortais Outros Demônios — nas suas garras afiadas.
em busca de conhecimento e poder. Esses encontros
têm sido misericordiosamente breves, na maioria
HISTÓRIA
A Origem dos Terrestres vai muito além da
dos casos são interrompidos quando os Invocadores noção da História humana, encontrando suas raízes
percebem, para o seu horror, a atrocidade do que nos dias próximas da guerra contra o Céu e as
fizeram. Mas nem todas as invocações terminaram consequências do Grande Experimento de Lúcifer.
rápida e fortuitamente. Através da falta de cuidado
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

As sementes plantadas nas mentes de um punhado


de Caídos geraram horríveis frutos, eras depois nos
dias da Babilónia e Suméria, onde os Terrestres
primeiramente foram adorados como deuses. Desde
então, a influência dessas criaturas malévolas se espa-
lhou pela história como um câncer, corrompendo
inexoravelmente a alma coletiva da humanidade.

BABEL
Nascido nos dias próximos da Guerra da Ira,
o Grande Experimento era apenas mais um plano
para elevar a humanidade das profundezas da Idade
das Atrocidades - Era o derradeiro esforço de Lúcifer
para reverter a balança de poder um pouco mais para
o lado dos rebeldes e forçar um fim à batalha secular
contra o Céu. A Revolta das Legiões de Ébano, Prata
e Alabastro e a terrível campanha para trazê-los de
volta ao seu controle convenceram Lúcifer que o
exército rebelde estava fragmentado demais para
apresentar uma frente unificada contra o Exército
do Céu. Ao menos que a natureza dos confrontos
fosse alterada, os Caídos seriam derrotados.
Não muito depois da conclusão da Longa
Marcha, Lúcifer invocou seus Arquiduques para suas
cidadelas em Genhinnom e lhes contou seu plano.
Desde o começo da guerra, os Caídos drenavam seus
poderes dos humanos que eles protegiam, mas em
seu orgulho os rebeldes não tinham considerado as
totais implicações dessa relação. Eles não haviam
percebido que a humanidade, com todas as suas
imperfeições e inocência, carregavam um poder
coletivo igual ao do Criador, e seu potencial total
ainda era largamente inexplorado. Isso - declarou
Lúcifer - era o porque do Céu querer manter a
ignorância da humanidade — para que a
humanidade não percebesse sua própria e inata
grandeza e com isso desafiassem a autoridade do
Criador. Assim a Estrela da Manhã concluiu: se os
caídos fossem capazes de acelerar o crescimento da
humanidade e providenciasse acesso total para seus
poderes inatos, a vitória final seria deles. Uma vez
que a humanidade ascendesse ao nível do Criador, o
Céu não teria escolha a não ser admitir que a disputa
chegou em um empate, o que (na verdade) seria a
vitória para os Caídos.
Os Arquiduques expressaram seu apoio pelo
Grande Experimento, mas um grande número de
comandantes das Legiões — particularmente
Abaddon e Asmodeus — tiraram suas próprias
conclusões da hipótese de Lúcifer. Se a humanidade
conseguisse igualar-se ao poder do Criador algum
dia, então qual seria o destino dos Caídos quando
esse dia chegasse? Certamente os Caídos não seriam

10
CAPÍTULO UM

mais adorados. De fato, eles seriam relegados como Arquiduques começaram a menosprezar seu antigo
meros servos, o mesmo que eles eram antes da líder e seu amor enganado pela humanidade.
Queda. A idéia não foi bem aceita pelos os que Culpando a humanidade pelas consequências da
cresceram acostumados (ou “habituados”) com Queda desde o começo da guerra, Abbadon foi o
adoração e autoridade absoluta. primeiro a declarar que a humanidade deveria ter
A Estratégia de Babel foi inicialmente mais sido escravizada desde o começo, e que sua fé poderia
bem sucedida do que Lúcifer esperava, liderando a ter forjado a arma que acertaria o coração do
uma renascença mundial de maravilhas e majestade, Criador. O quase sucesso da estratégia de Babel
mas isso era rápido demais e excessivo. Humanidade apenas adicionou mais força a visão odiosa do
ganhou vasto poder e conhecimento, mas não ga- Arquiduque.
nhou sabedoria e maturidade requeridas para tais Enquanto os Caídos perdiam suas almas no
dons. Mesmo assim, alguns Luciferianos acreditam Abismo, a humanidade começou o longo caminho
que Babel poderia ter sido sucedida, se não fosse pela para se recuperar do catastrófico colapso da civili-
"sabotagem" dos agentes do Céu. Muitos Ocultos zação das cinzas. A cada século que passava, as areias
concordam que o Grande Experimento foi traído, do tempo ocultavam as ruínas da Idade da Ira, cada
mas eles apontam para os antigos Tenentes de geração sucessiva lembrava menos e menos do
Lúcifer ao invés de apontar para o Céu. Sem levar à passado, memórias fragmentadas se tornaram a
consideração a verdadeira causa do colapso, a vinda fundação de superstições e lendas, a humanidade foi
da Civilização de Cinzas (como mais tarde foi reaprendendo a cultivar os campos, domesticar
nomeada pelos Caídos) não apenas apagou os animais à sua vontade e a criar ferramentas da
ganhos que os Caídos tinham realizado no madeira, metal e pedra, em tempo, eles construíram
desenvolvimento humano, na verdade ele erodiu suas primeiras civilizações, inspiradas por memórias
toda a sua consciência posterior. As tribos dos raciais do passado e glória que a humanidade agora
homens foram espalha das pelo globo, não mais experimentava apenas em sonhos.
hábeis a lembrar a língua dos Anjos. Pior ainda, os Mesmo com os Caídos esquecidos, o legado
antigos laços de fé e lealdade que a humanidade de Babel continuou. A Curiosidade humana era
dividia com os Caídos, foram quebrados, privando o maior do que nunca e o poder para afetar as forças da
Exército Rebelde de sua força. Não muito depois, criação ainda permaneciam entre eles, passado de
Lúcifer tinha apenas a opção de se render ao exército geração a geração. Poucas pessoas descobriam o
Sagrado. Os Caídos foram levados ao seu talento que jazia dormente com eles, e era apenas
julgamento derrotados, mas sem se curvarem e uma questão de tempo antes desses "pré-magos"
desistir, convencidos que sua última aposta poderia começarem a explorar o limite de seus poderes.
ter seguido outro caminho. Se a humanidade não Milhares de anos se passaram e os magos
tivesse se espalhado sob pressão, Miguel e seus Anjos continuavam sua busca pelo segredo elusivo dos
seriam aprisionados em correntes e o Criador seria celestiais. Eles eventualmente descobriram a
aquele que responderia pelos seus crimes, e não existência do reino espiritual e sentiram uma grande
Lúcifer. Era uma convicção que muitos dos Caídos energia negativa abaixo do reino dos mortos, um
lembravam e lamentavam e questionavam várias lugar que borbulhava com a energia de espíritos
vezes no abismo, infectados com sua amargura e ódio poderosos. A partir dai, foi apenas outra questão de
até que uma nobre visão se tomou um sonho de tempo até os magos aprenderem a penetrar o abismo
terrível vingança. — uma façanha que nenhum anjo no Inferno
sonhou ou cogitou como possibilidade até os
TORMENTO E LIBERTAÇÃO próprios Arquiduques desaparecerem do Abismo.
De todos os Caídos aprisionados, nenhum de-
Em cinco diferentes lugares espalhados pelo
les sofreu tão severamente as agonias do Abismo
mundo antigo, nos santuários tenebrosos dos
quanto os escolhidos de Lúcifer, os cinco Arqui-
templos de pedra ou debaixo das águas escuras em
duques que governaram a terra e a humanidade
grutas subterrâneas, os Arqui-Duques apareceram
através da Guerra da Ira. Até mesmo os partidários
em círculos moldados com selos escritos em sangue e
de Lúcifer; Belial e Dagon foram desmoralizados
cercados por dezenas de seguidores humanos. Esses
pelo desaparecimento de seu líder e a fúria dos
anjos poderosos sentiram o intoxicante correr da fé
outros Arquiduques mandava arrepios para cada
pelos seus espíritos como não sentiam em eras, e a
Demônio exilado. Conforme os caídos foram se
cada cerimónia eles alcançavam um êxtase maior.
separando em facções políticas e pessoais, os
Relicários foram trazidos e oferecidos aos

11
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Arquiduques para lhes dar boas-vindas de volta as sença um dos outros, porém, mesmo nos dias glo-
cinzas do paraíso. Sem alguma hesitação e sem riosos da Guerra da Ira, os cinco Arquiduques de-
pensar nas razões de sua súbita libertação os viam pouca lealdade entre si; invejosos e possessivos
Arquiduques habitaram os Relicários construídos e com seus territórios e com a orgia de fé e violência
benzidos em seus nomes. Transformados pelo que lentamente (porém firmemente) estava
sofrimento no Abismo,os cinco Demônios restaurando sua antiga glória, os Terrestres viam
pensavam apenas na vingança que eles lançariam so- mais competitividade do que amizade entre si, uma
bre Deus e o homem. competição pelas riquezas humanas espalhadas pela
BABILÔNIA terra. Pela mesma razão, nenhum dos cinco tentou
usar seus seguidores para invocar mais Demônio do
Espalhados através do Globo os cinco
Terrestres — Belial, Abaddon, Dagon, Asmodeus e Abismo. Cada Demônio liberado, mesmo preso em
Azrael — não perderam tempo para escravizar os servidão, seria um a mais para quem os Terrestres
magos e sacerdotes que tinham os libertado do teriam de dividir a recompensa de almas que o
abismo, seduzindo-os com presentes que abatiam mundo havia de oferecer.
Com o passar dos anos os Arquiduques esten-
sua vontade própria e os deixavam a mercê de seus
diam suas fronteiras e ao fazerem isso entravam em
mestres das trevas. Como bestas esfomeadas, os
contato com outros Terrestres que existiam no
Demônios conduziram seus adoradores para um
disfarce de Deuses Humanos sedentos de sangue. Os
frenesi de adora-ção e sacrifício, estimulando seus
Arqui-Duques tentaram manter os rituais de in-
apetites insaciáveis de fé. Quanto mais fé eles re-
vocação em segredo, caçando a destruindo os magos
cebiam, mais presentes eles concediam para seus ado-
que eles acreditavam possuir essa sabedoria, mas a
radores com o interesse de conseguir mais e mais ado-
doutrina arcana já tinha sido espalhada em uma
radores, sacrifícios e escravos. A Visão de Lúcifer pa-
escala grande demais para ser erradicada, assim mais
receu para o decreto impiedoso de Abbadon: a
Demônios foram libertados do Abismo. Na maioria
humanidade não era nada mais que objetos a serem
das vezes os Demônios eram invocados em uma
usados ou consumidos a vontade de seus mestres e a
tentativa de ganhar sabedoria ou poder e eram
terra era um tesouro acumulado pronto a ser
rapidamente devolvidos ao abismo, mas em algumas
conquistada.
Em menos de um século em reinados antigos ocasiões alguns Demônios conseguiam escapar da
como Babilónia e Suméria, o círculo de adoração de influência de seu invocador e encontravam algum
cada Demônio cresceu em um culto e de um culto artefato que poderia sustentá-lo até que ele achasse
para uma religião concreta, com Templos e relicários ou criasse um hospedeiro mais concreto. Em alguns
moldados na aparência dos espíritos se espalhando casos os Arquiduques escravizavam esses Demônios
por todas as cidades e vilas através da terra. Assim menores usando seus Nomes Verdadeiros em
que a corrente de fé cresceu em uma firme conjunto com rituais complexos, em casos mais raros
correnteza, os Terrestres usaram suas Doutrinas para ainda os Demônios tinham suas almas devoradas
espalhar sua ira e punir os hereges com maldições, pelos Arquiduques, mas na maioria dos casos os
pragas e miséria. O crescimento dos Terrestres em Demônios menores simplesmente fugiam,
religiões trouxe conflitos com outros panteões reaparecendo em outra terra no disfarce de outra
humanos, causando seculares guerras e conflitos entidade, coletando fé de outra cultura diferente. O
religiosos. Dada a natureza autocrata dos mundo, ainda assim, era grande o suficiente para
Arquiduques e a necessidade prática por autoridade que um pequeno número de Terrestres pudesse
mundana, era apenas uma questão de tempo antes coexistir sem uma competição direta por almas.
Todavia, essa era uma Era de Impérios Selva-
dos Demônios voltarem sua atenção para os ricos e
gens, guerras santas, heróis abençoados (ou amal-
poderosos. Imperadores, Reis e Rainhas foram
diçoados) pelos Deuses e rituais inimagináveis eram
arrastados para as fileiras de adoração, com
feitos diante dos Símbolos Divinos feitos de ouro,
promessas de maior poder e autoridade, e assim a
basalto e jades. Quando os Terrestres entraram em
influência dos Deuses das Trevas se espalhou pelo
Conflito, exércitos de cruzados marchavam uns con-
mundo antigo.
Eventualmente, quase 500 anos após sua tra os outros. A Terra tremia e chovia sangue dos
libertação e conforme a fé permitiu eles estenderem céus, cidades inteiras foram postas a mostra. Para
seus sentidos milhares de quilómetros através do muitos dos Terrestres, essa foi uma existência
mundo os Terrestres tomaram consciência da pre- gloriosa comparada ao vazio do abismo, mas
Abaddon e os outros Arquiduques ja olhavam a

12
CAPÍTULO UM

frente para algo extraordinário. Se o tumulto de ficavam crescentemente estranhos até para si
patéticos Impérios dava a um Demônio o poder de próprios.
tremer a terra, o que um Caído poderia fazer com a Mesmo assim, os Arquiduques lutaram e
raça humana inteira curvada a sua vontade? arquitetaram manipulações sobre os Impérios
crescentes, erguendo esses impérios para uma
ROMA ascensão ainda maior e movendo-se para os
Conforme os séculos progrediam, os
próximos impérios, outros caiam"
Arquiduques moviam-se entre a humanidade, definitivamente. Mais sábios a cada
atraindo as sociedades mais dinâmicas e experiência que se passava, armazenando
tecnicamente avançadas através do império criado conhecimento conforme eles se moviam para cada
pelos mesmos. Eles não influenciariam ou alteraram nação cada vez mais ambiciosa por poder e fortuna.
eventos de nenhuma maneira perceptível — o O Erguer do Império Romano fez parecer que seus
destino de um humano, ou dez mil, não lhes signi- esforços haviam finalmente sido recompensados.
ficava nada se eles possuíssem seu cálice de fé. Ao in- Com apenas o passar de alguns séculos, todo o
vés disso, eles concentraram poder na mão de indiví- mundo civilizado havia se curvado à Roma, a
duos e deixaram a natureza seguir seu rumo. Com o perspectiva de poder do império romano parecia não
passar tempo os poderosos impérios floresceram - ter fim. Com grande parte da raça humana
como os Gregos, os Persas e os Medos - cada um deles subjugada à vontade de Roma, Abbadon e
expandindo o mundo um pouco mais do que seus Asmodeus - antes rivais, agora aliados pela busca de
precedentes, cada um mantendo sua dominação por poder - começaram a manipular a população do
mais tempo que seus anteriores. Durante essa época, Império com uma subversão empolgada. Simples
os Terrestres entraram em conf lito direto, adoração não seria mais o suficiente para as suas
dependentes de seus frágeis relicários, eles lutaram metas. Quanto maior o número de adoradores eles
batalhas manipuladas através de exércitos formados adquiriam, mais aleatórios ficavam seus padrões de
pelos seus servos, raramente as batalhas resultavam adoração e menos consistentes eram os níveis de Fé
na destruição de um lado ou do outro. Geralmente, que eles recebiam. Ao invés disso, eles necessitavam
uma vez que o Terrestre perdesse um número de/er- ramentas: fontes vivas de fé que poderiam
significante de servos, ele cederia à região, cidade ou explorar virtualmente a sua vontade. Para isso eles
pessoa que ele lutava por, e recuaria para repor seus necessitavam erradicar a força de vontade humana,
estoques de carne e de Fé. corromper as almas de seus adoradores até o ponto
Nessa época, os Arquiduques já não eram
em que tudo que sobrasse fosse a reflexão da imagem
mais os mesmos Demônios que haviam sido
que os próprios Terrestres tinham de si mesmos. Eles
invocados do Abismo. Perdidos em sua fome por
necessitavam de seres que apenas existiam para
vingança, eles não mais davam importância às
completar o desejo de seus mestres. Então, os dois
mudanças causadas sobre eles feitas por séculos de
Arquiduques partiram ao trabalho.
adoração. A Devoção ritualística de milhares e Naturalmente, suas tentativas receberam
milhares de corações e mentes humanas não surgiu uma resistência considerável, dentro e fora do
sem nenhum preço - conforme os humanos Império. Terrestres rivais mandaram seus
adoravam-nos suas crenças e percepções alteravam a adoradores atacarem o Império, enquanto humanos
própria forma do Terrestre. De pouco em pouco ordinários dentro do exército e do senado lutavam
como água moldando a pedra a partir do atrito, os contra a perversão que envenenava Roma por
Arquidu- que foram ficando os deuses monstruosos dentro. Haviam muitos contratempos, mas os
e sedentos de sangue que eles fingiam ser. Suas Terrestres eram pacientes. O que eles não esperavam
mentes começavam a se encher de visões que eles não é que o quê eles faziam, na verdade, era semear a
poderiam explicar - visões derivadas dos desejos de própria decadência.
seus mais ardentes adoradores. Conforme as
cidades-estados da Grécia começavam a dominar o DECADÊNCIA
mundo civilizado, os Terrestres liberados Tão logo os Terrestres retomaram a terra, a
recentemente do abismo não eram mais Caídos, raça humana adorou um vasto panteão de deuses e
nem mais eram deuses humanos, mas sim algo entre espíritos. Conforme os Demônios consolidaram sua
os dois estados. Seus delírios aprofundavam-se influência, muitas dessas crenças mais velhas foram
conforme eles avançavam sobre onda após onda de suplantadas, e a saturação de religiões invariavel-
sonhos e desejos humanos, seus pensamentos mente diminuiu. Na época do Império Romano,
muitos deuses e deusas diferentes recebiam reve-

13
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

rência das pessoas do império, mas o precedente foi de Roma contra o movimento Cristão e, por um
bem estabelecido para forçar a crença de uma tempo, os seguidores do movimento encontraram a
religião central sobre sua população. Esta tática morte, ou o aprisionamento onde quer que
invariavelmente direcionou a fé das pessoas para um ousassem aparecer. Ainda assim, a religião persistiu.
Terrestre ou outro; e isso serviu bem aos Demônios Os seguidores pareciam se beneficiar de seu próprio
por milhares de anos. Eles nunca sonharam que um patrono invisível; mas por mais que os Terrestres
dia, essa crença institucional poderia ser usada procurassem pela presença de outro Demônio, seus
contra eles. esforços eram sempre em vão.
Começou como uma religião secundária na E então, um desastre aconteceu. Em um
Palestina, espalhando-se através das fileiras dos po- golpe notável, Constantino I, Imperador de Roma,
bres e oprimidos, mas com o tempo seus adoradores declarou sua conversão à fé Cristã. Quase que da
se espalharam através do império, alcançando até noite para o dia, o vasto maquinário do império foi
mesmo o coração da própria Roma. O Cristianismo virado contra os deuses e deusas adorados pelo seu
não deveu nada aos esforços dos Terrestres. De fato, povo. Abaddon e Asmodeus viram-se com
suas origens são tão obscuras que os Demônios só divergências sobre os tumultos que eles moldaram
ficaram cientes, quando ela já tinha obtido uma tão meticulosamente.
multidão considerável e muito dedicada. Da forma Nesse momento, se eles tivessem atacado com
como começou, eles rapidamente viram que era a totalidade de seu poder, poderiam ter removido
guiada com habilidade e um propósito quase Roma da face da Terra. Os Demônios famintos por
sobrenatural que sobreviveu a perseguição e poder ainda acreditavam, porém, que eles poderiam
tentativas de corrupção. O que era pior, seus dogmas prevalecer indiretamente, jogando com a cobiça dos
advogavam a adoração de um único deus, que não rivais de Constantino, convencendo-os a suplantá-lo
estava neste mundo físico e repudiava as crenças e a destruir suas reformas antes que fosse tarde
atuais dos panteões. Parecia quase que feita sob demais. Ainda assim, o imperador se mostrou mais
medida para destruir a fonte de poder dos esperto do que esses Caídos enlouquecidos
Demônios, e estava reunindo força. Vários suspeitavam e, até que eles concluíssem que uma
Terrestres menores já haviam sido retirados de seus ação direta teria que ser feita, sua oportunidade já
lugares de poder, forçados a procurar novos teria passado. As reformas do imperador já estavam
seguidores em países adjacentes. bem avançadas, e o grande poço de fé que sustentava
Abaddon e Asmodeus moveram todo o peso aos dois Demônios estava definhando rápido. Com

14
CAPÍTULO UM

sua melhor oportunidade perdida, os Terrestres suspeitaram de que havia uma outra força por trás de
foram forçados a uma defensiva, e permaneceriam seu infortúnio, alguém ou algo que tinha
assim pelos próximos 1.500 anos. influenciado a Fé Cristã desde seu início, e forjado a
DEUSES ADORMECIDOS mesma para quebrar o poder dos Demônios. Belial -
O que se seguiu no despertar das reformas de a Grande Besta - sussurrou que talvez fosse o próprio
Constantino foi uma reviravolta atrás da outra, Lúcifer.
conforme a base de poder dos Demônios através do Por volta de 1600, o último dos deuses
império era sistematicamente atacada e destruída, sombrios sucumbiu. Uma vez que tenham se tomado
ou acobertada. Conforme eram negados adoradores fracos demais para defender suas relíquias, eles se
aos Terrestres, esses eram forçados a lutar entre si, esconderam como os outros antes deles. Muitos
pelas regiões e populações fora da influência direta forjaram pactos com seus últimos adoradores,
de Roma, enfraquecendo ainda mais aos Demônios. prometendo boa fortuna e prosperidade para seus
Em pouco tempo, muitos Demônios menores descendentes, em troca de serviço, talvez centenas de
estavam tão fracos pelas constantes batalhas, que anos mais tarde, quando a sorte pudesse vir a favor
mandaram o último de seus seguidores levarem suas do Demônio mais uma vez. Conforme suas relíquias
relíquias para locais ermos e escondê-las para que foram enterradas sob a terra, ou largadas nas
ninguém as descobrisse e não fossem consumidas profundezas dos mares, esses antigos espíritos
por seus inimigos. Esses Demônios enfraquecidos, afundaram em um sono de loucura, esperando pelo
então, entraram numa espécie de sono, esperando dia em que se reergueriam novamente.
que chegasse o dia em que Roma não existisse mais, e
que as perseguições terminariam. Era a forma das coi-
TURBILHÃO
Os Terrestres dormiram por quase 500 anos
sas vindouras. conforme o mundo continuou a mudar. A fé
De fato, Roma caiu lutas mortais, e humana esvaiu- se ainda mais, suplantada pelo
depredações de bárbaros adoradores de Demônios - cinismo e pela fria razão. Os Demônios acreditaram
mas o estrago já ha via sido feito. O Cristianismo foi que o equilíbrio penderia a seu favor mais cedo ou
bem entrincheirado no mundo civilizado, e mais tarde, conduzindo a uma renascença do
controlava os esforços da humanidade contra os espírito, uma vez que a fria trajetória da razão e da
Terrestres de maneiras que os Demônios tecnologia continuava. Nem mesmo os Arquiduques
procuraram clamar pra si mesmos. Os números de consideraram que a humanidade poderia destruir a
Terrestres acabou por diminuir, com mais e mais si mesma bem antes disso.
Demônios levados a dormir, conforme seus Os Demônios poderiam ter esperado
adoradores eram destruídos. impotentes em seus refúgios, enquanto a
E mais, o próprio mundo estava humanidade movia-se devagar em direção a
inexoravelmente se separando das relações com o extinção, se não fosse a súbita fúria do Turbilhão, e o
sobrenatural. Conforme a religião levou a êxodo maciço dos Caídos do Abismo. Conforme
humanidade a afastar-se da crença no sobrenatural, uma onda de Demônios veio sobre a terra e
revoluções do pensamento, filosofia, e tecnologia controlou hospedeiros mor tais, os deuses
foram obtendo um súbito efeito sobre as mentes adormecidos sentiram a fraquíssima movimentação
humanas. Ao longo do período medieval, a raça de fé através do globo. Conforme mais e mais Caídos
humana encontrou-se no caminho da razão e ceifavam o que podiam da fé da humanidade
autodeterminação, aprendendo perícias e fazendo moderna, os Terrestres saiam de seu sono.
ferramentas para dominar o mundo para si mesma; Temporariamente, eles alcançaram os descendentes
ao contrário de rezar pela intercessão de deuses e daqueles que os haviam servido, visitando-os com
espíritos. visões de pesadelos e promessas de poder. Nem tudo
A Renascença foi a proclamação de morte
estava perdido. A humanidade ainda era um
para o reinado dos Terrestres. Já reduzidos a um
recipiente vazio e carente de crença verdadeira, mas
punhado de Demônios tentando viver uma
agora havia multidões de Demônios menores que
existência irregular em partes remotas do globo, os
poderiam fazer a colheita do poder que os Terrestres
Terrestres remanescentes, incluindo os próprios
procuravam. A Igreja era apenas uma sombra de sua
Arquiduques, viram que resistir era inútil. A fé
antiga glória. De fato, quase todas as religiões do
humana definhava a cada dia que passava, e o poder
mundo seguiram seu curso, e agora, as maravilhas da
temporal da Igreja Cristã suplantava os Demônios
tecnologia tomaram possível atingir milhares de
enfraquecidos. Mais do que nunca, os Arquiduques

15
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

mentes humanas sem gastar uma fração do precioso humanos (e mais tarde demoníacos) para
poder de um Demônio. As mesmas forças que completarem seus desejos.
frustraram os Terrestres nos séculos passados, agora O tamanho e a composição de uma relíquia
serviriam para curvar a humanidade às suas de Terrestre dependem enormemente da idade e do
vontades. relativo poder do Demônio em questão. A relíquia
dos cinco Arquiduques são ídolos feitos de mármore
OS TERRESTRES ou basalto e ornados com metais e gemas preciosas.
Os enigmáticos e malévolos Terrestres são
Cada estátua tem de 2 a 3 metros de altura, e em
Demônios que foram convocados a Terra a milhares
tomo de uma tonelada em peso. Terrestres menores,
de anos atrás e que conseguiram, por acidente ou
Fidalgos e Soberanos do exército rebelde, fazem uso
planejamento, ancorar a si mesmos a objetos físicos
de pequenas estátuas ou caixas de vidro e ouro, de
que os permitiam resistir ao puxão do Abismo, e
tamanho próximo ao da palma da mão de uma
permanecer no mundo dos mortais. Ao contrário
pessoa. Embora eles não sejam tão potentes quanto
dos Caídos que foram libertados em tempos mo-
seus pares antigos, esses Demônios têm a vantagem
dernos, esses Demônios não desfrutaram do bene-
de serem facilmente evacuados ou escondidos no
ficio de possuir um corpo mortal, e dessa forma não
caso de um ataque inimigo.
tinha qualquer barreira contra a força total de seu A maioria das relíquias dos Terrestres é
Tormento. Esses seres monstruosos aterrorizaram o manufaturada por humanos, logo, elas vêm em uma
mundo antigo por milénios, sob o disfarce de deuses variedade de formatos, composições e estilos. Em
e espíritos malignos; ceifando Fé de centenas de grande parte dos casos, o objeto é criado usando
seguidores e alimentando o crescimento de religiões materiais que exaltam a Casa do Demônio. Uma
e reinos. Quando sua inf luência est ava - relíquia de Diabo seria construída com materiais que
eventualmente arruinada nos últimos dias do Im- evocam o fogo (tais como basalto, obsidiana e rubis),
pério Romano, pela confluência do poder imperial e enquanto uma relíquia de Pro- fanador poderia ser
da religião que parecia especialmente projetada para confeccionada com abalone, pérola e osso de baleia.
atacar suas fontes de poder, os últimos dos Terrestres Algumas relíquias parecem delicadas ao extremo um
foram forçados a se esconderem. Eles adormeceram material que favorece a uma relíquia de Infesto é seda
em santuários secretos desde a época da Renascença de aranha mas todas são reforçadas pela vontade do
até a chegada do Turbilhão, e da liberação desses Demônio dentro delas e são capazes de resistir a
Caídos menores. Agora, esses Demônios tencionam quantidades enormes de dano. Para fins de jogo,
reconstruir sua base de poder e escravizar ou banir uma relíquia de Terrestre pode absorver automati-
quantos dos Demônios recém- chegados eles camente um número de níveis de dano, de um único
puderem; em um último esforço para reivindicar as ataque, igual à Força de Vontade desse Demônio, e
almas da humanidade. pode aguentar um total de dano igual ao nível
RELICÁRIOS temporário de Fé antes de ser destruída. Se qualquer
Onde o retomo dos Caídos ao Mundo das relíquia Terrestre for destruída, o Demônio deve
Trevas moderno compreendeu os menos poderosos localizar outro ancoradouro, ou arrisca ser sugado de
do hoste exilada; os Terrestres foram invocados por volta ao Abismo. (Ver página 94 do livro básico de
rituais arcanos que permitiam aos Demônios de Demônio para detalhes).
enorme poder escapar das amarras do Inferno, Em situações extremas, um Terrestre pode
incluindo os cinco tenentes escolhidos por Lúcifer. possuir um corpo humano, vivo ou morto,
Mas apesar de toda sua força inicial, esses espíritos temporariamente, mas força a cauterizante da
ainda careciam de poder para manifestar formas presença do Demônio começa a destruir o corpo,
físicas próprias, e corpos humanos não eram capazes quase que de uma única vez. A base da expectativa de
de servir como hospedeiros aceitáveis sem definhar vida são 30 dias, dividida entre a diferença do
imediatamente. Sendo assim, os Terrestres foram for- mínimo de Fé requerida pelo Demônio e o potencial
çados a refugiarem-se em relíquias especiais e san- de Fé atual do receptáculo. Esta expectativa de vida é
tificadas que poderiam abrigar sua essência e per- reduzida se o Demônio gastar Fé ativamente, no
mitir a eles canalizar uma porção de seu poder. Essas ritmo de um ponto por dia. (Ver Capítulo Três para
relíquias deram aos Demônios, os ancoradouros mais informações.) Tais possessões estão longe de
necessários, mas por razoes óbvias, ficar ancorados serem sutis. A pele da pessoa escurece e arrebenta,
desta maneira os limitava em mobilidade e os forçava revelando veias distendidas e carne fume- gante que
a depender dos talentos e habilidades de serviçais escorre afluentes de sangue e ossos carbonizados.

16
CAPÍTULO UM

Em muitos casos, os olhos brilham com o poder, e a geralmente precedidos por rituais de purificação e
voz do Demônio assobia como uma corrente de devoção específicos, então sucedidos por
vento. Ao final da expectativa de vida, o corpo literal- celebrações ou orgias frenéticas. Os rituais devem ser
mente colapsa em uma pilha de cinzas e pedaços de conduzidos em horas e locais específicos que
ossos carbonizados. exaltam o Demônio, com rezas e encantamentos
Os Terrestres tomam muito cuidado para ter pronunciados em idiomas inaudíveis há milhares de
suas relíquias ocultadas com grande segurança, ou anos. Ao final do ritual, o Terrestre recebe um ponto
em partes remotas do mundo. Há rumores de que a de Fé por pessoa envolvida no ritual. O Demônio
relíquia de Dagon, Arquiduque da Legião de Ferro, recebe essa Fé, não importando o quão distante o
reside nas profundezas do Oceano Atlântico, ritual este sendo realizado. Como você pode ver, este
enquanto que imagem esculpida de Asmodeus método de acumular poder é menos efetivo do que
descansa nas estepes sem rastros da Sibéria. os meios empregados pelos Caídos, e pode ser o
Contanto que os Demônios tenham uma fonte de Fé Calcanhar de Aquiles de um Terrestre. Nestes dias de
para alimentar seus poderes, eles podem se comunicações mundiais e segurança de alta
comunicar e direcionar seus serviçais para quase tecnologia, porém, é possível para um culto de
qualquer lugar no mundo. Terrestres coordenarem rituais de adoração
FÉ simultâneos em amplos locais espalhados, para
atender aos fins de seus mestres.
Se os Terrestres têm uma fraqueza verdadeira,
é na forma como eles obtém Fé. Na época de sua PODERES
libertação, era algo mais simples e mais eficiente, Como os Caídos e os grandes Demônios
obter poder a partir de grupos inteiros de adorado- ainda presos no Abismo, os Terrestres têm acesso aos
res, cada um oferecendo uma pequena porção em mesmos poderes inatos e doutrinas, embora seus
uma torrente virtual que os Demônios poderiam, longos anos de liberdade tenham lhes possibilitado
então, manipular de acordo com suas necessidades. restaurar seus poderes a níveis muito mais altos. Um
Após milhares de anos desta adoração direcionada, Terrestre jovem pode ter até 50 pontos de Doutrinas,
os Terrestres não podem receber Fé de qualquer um Terrestre velho pode ter 75 pontos disponíveis.
outra forma. Ao contrário dos Caídos, os Terrestres Pode ser presumido que um Terrestre antigo pode ter
só podem ceifar Fé de seus seguidores, e mesmo as- qualquer nível de Doutrina que quiser, sob escolha
sim, somente por meio de rituais de adoração espe- do Narrador. De muitas formas, eles são muito mais
cíficos. Esses rituais são ensinados pelo Demônio poderosos do que foram durante a Idade da Ira.
para seu seguidor, e eles devem ser seguidos ao Agora, eles são, literalmente, semideuses que têm os
menor detalhe, ou a troca de Fé não será possível. poderes da Criação a sua disposição.
O potencial de Fé de um Terrestre depende Além disso, os Terrestres podem gastar um
de sua idade. Um Terrestre “jovem” (um dos raros ponto de Fé para aumentar o alcance, ou área de
Demônios libertados durante a Idade Média) tem po- efeito, de suas invocações. Se o alcance, ou área de
tencial de Fé 10. Um Terrestre “velho” (libertado efeito, é medido em metros, eles podem aumentá-lo
durante as eras Grega e Romana) tem potencial de Fé em uma proporção de 10 metros por ponto de Fé. Se
15, ou 20. Um Terrestre “antigo” (libertado na época a área de efeito é medida em quilómetros, o
da Suméria e Babilónia) tem potencial de Fé 20-25, Demônio pode aumentar 10 quilómetros por ponto
ou até mesmo maior. Os potências de Fé dos de Fé. Geralmente os Terrestres irão ordenar a
Arquiduques são ainda mais altos, sujeitos a condução de um ritual de adoração antes de
descrição do Narrador. realizarem uma evocação maior, então, investirão Fé
Os rituais de adoração não são nesta invocação diretamente do ritual, ao contrário
acontecimentos rápidos ou simples, e quanto mais de esvaziarem suas reservas internas. A única res-
velho for o Demônio, mais intrincado e complexo é trição nas doutrinas dos Terrestres é que qualquer
o ritual. Um Terrestre relativamente jovem pode invocação use, diretamente, seus efeitos de Alto-
requerer um ritual que dure por várias horas, com Tormento, do que permitir a chance entre ambos os
encantamentos e rezas pronunciadas em certa efeitos. Terrestres podem usar Fé oferecida durante
ordem e com o uso de itens rituais específicos. Um um ritual para adicionar dados durante seus
Terrestre velho pode ter exigências maiores, com rolamentos de evocações, tais como Caídos, mas eles
uma série de rituais agindo no decorrer do dia e não podem obter além deste montante, como os
falados no idioma da época em qual foi libertado. Caídos poderiam a partir de um se seus Servos.
Terrestres antigos requerem horas de rituais,

17
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Em adição a seus poderes brutos, uma das quaisquer tarefas que o Demônio deseje, dentro do
grandes forças dos Terrestres é seu conhecimento prazo estabelecido. Se o Terrestre precisar de guardas
dos Caídos e seus Nomes Verdadeiros, da mesma ou soldados, ele procura entre seus seguidores por
forma que os rituais necessários para aprisioná-los atletas, policiais ou valentões de gangue. Se precisar
sob suas ordens. Esta informação é dividida de forma de alguém para concorrer à diretória pública, ele
reduzida entre os seguidores do Demônio, criando procura por um adorador com senso de presença e
times de caçadores de Demônios, cuja missão é carisma. Uma vez escolhido, o potencial Servo ainda
procurar e encurralar Caídos recém-chegados, e deve concordar em aceitar o laço entre ele e o
escravizá-los. Demônio; embora muitos Terrestres coajam e
ESCRAVOS DA ESCURIDÃO enganem seus seguidores em aceitar e, então, os
escravizam antes que eles percebam perigo.
Por causa das exigências de sua existência
Uma vez que o Servo concorde, o ritual de
atual, os Terrestres devem contar ainda mais com o
reverência é realizado, geralmente durante uma
serviço dos mortais (e outros Demônios), do que
noite inteira e culminando em um grande sacrifício
com o de suas con- trapartes Caídas. Esses Demônios
da parte do Servo. A natureza do sacrifício algumas
aperfeiçoaram as artes da escravidão, forjando laços
vezes envolve automutilação, o assassinato de alguém
com mortais que garantem absoluta lealdade,
próximo ao Servo, ou a destruição de propriedades
mesmo conforme eles enchem as mentes de seus
ou recursos significativos. Ao final do ritual, o Servo
serviçais com visões de loucura e ódio.
Os serviçais dos Terrestres caem em três perde um ponto permanente de Força de Vontade e
categorias abrangentes: adoradores, servos e escravos é, portanto, subjugado ao Demônio. Para propósitos
infernais. Adoradores são simplesmente mortais que de jogo, este ponto de Força de Vontade é convertido
foram seduzidos a adorar o Demônio, fornecendo Fé em 15 pontos de bónus que podem ser usados para
através dos rituais descritos, mas não servindo a um prover ao Servo as características e poderes maiores
propósito maior de receber uma comensurável (ver página 87 do livro básico Demônio, para mais
recompensa por seus esforços. Em muitos casos, detalhes). Ao contrário de um pacto entre mortais e
esses mortais nem mesmo sabem a completa verdade Caídos, o Terrestre decide quais dádivas passará para
por trás de suas atividades. seu Servo, adequadas a tarefa - o Servo não tem
Eles se comprometem com a fé em seu novo qualquer opinião. Um Servo pode ceder quantos
“deus”, sem condições de se rebelarem contra as pontos de Força de Vontade quiser, em troca de mais
práticas diárias, ou em busca de algum prestígio que poder (embora o ritual deva ser feito para cada ponto
os permita um senso de superioridade sobre seus oferecido), uma vez que ele tenha cedido três pontos
companheiros. Os mais jovens são especialmente de Força de Vontade para o Demônio, ele se toma
vulneráveis a este grau de envolvimento, conforme um escravo do mesmo, leal a todas as suas ordens.
eles são seduzidos a alimentar o Terrestre com Fé, Um Servo irá realizar qualquer ação que seu mestre
como um gesto de rebelião contra os pais e a desejar, incluindo sacrificar sua própria vida, se
sociedade. Adoradores são, de longe, os mais necessário, e não tomará qualquer ação que
numerosos dentre os serviçais dos Terrestres, e sua prejudique seu mestre, mesmo que indiretamente.
ignorância também os tomam os mais vulneráveis. Finalmente, serviçais infernais são Demônios
Os Demônios raramente gastam um esforço que foram escravizados pelos Terrestres através de
significativo para proteger esses indivíduos de rituais de escravidão (verpágina 91 do livro básico de
ameaças eternas. E sempre mais fácil seguir a diante e Demônio, para mais detalhes). A maioria dos
cultivar substitutos, do que devotar recursos Terrestres mantém um ou mais grupos de Servos
preciosos para observar dezenas de mortais especialmente munidos com conhecimentos e habi-
potencialmente espalhados pelo mundo. lidade para detectar, caçar e escravizar qualquer
Servos são similares em natureza àqueles liga- Caído que eles encontrem. (Para orientações sobre
dos aos Caídos, mas os métodos e resultados de selar esquadrões de captura dos Terrestres, ver página 135
o pacto são diferentes. Servos não são seduzidos ao do livro básico de Demônio.) Essas equipes de
pacto pelos Terrestres. Ao contrário, eles são captura investigam o Demônio que encontram com
escolhidos das fileiras de adoradores do Demônio e esperança de descobrir seu Nome Verdadeiro. Sendo
oferecidos poder em troca de uma devoção e serviço bem sucedida ou não, a equipe geralmente arma
de nível maior. Os Terrestres pegam esses indivíduos uma emboscada para esse Demônio, prejudicando-o
que, por causa de habilidade nata, recursos ou fisicamente na esperança de enfraquecer seu poder,
conexões sociais têm habilidade de cumprir e, então, leva-o para um local especial preparado para

18
CAPÍTULO UM

realizar o ritual de escravidão. Ao final do ritual, o Terrestres podem estender sua influência dentro de
Terrestre usa sua conexão com o Servo que lidera o corporações proeminentes, governos, e instituições
ritual para assumir e selar o laço com o de- que irão prover a eles a medida temporal de poder
safortunado Demônio. Use o sistema fornecido na que precisam para avançar em seus planejamentos
página 92 do livro básico de Demônio para realizar o individuais.
ritual de escravidão; mas use a Força de Vontade do Na maioria dos casos, os planos dos Terrestres
Terrestre para os rolamentos resistidos, ao invés da são surpreendentemente objetivos. Eles procuram
Força de Vontade do Servo. esculpir seus reinos entre as modernas nações do
Serviçais infernais são os agentes das linhas homem, governando das sombras e ceifando fé das
de frente dos Terrestres, responsáveis pela segurança massas, como faziam em eras passadas. Mas os
do Demônio, lutar contra seus inimigos e realizar verdadeiros Terrestres antigos, particularmente os
tarefas especialmente importantes ou sensíveis ao Arquiduques, tem um objetivo maior em mente a
redor do mundo. degeneração e escravidão de toda a raça humana.
PLANOS DESOLADORES Numa última perversão do vasto potencial da
humanidade, esses espíritos monstruosos desejam
Agora que acordaram novamente, os
objetivos em curto prazo dos Terrestres incluem controlar o poder coletivo da raça humana como
reunir adoradores, prover poderes a Servos, e uma arma que possa refazer não apenas este mundo,
escravizar, banir ou destruir os Caídos recém- mas todo o cosmos, recriando-o à imagem de seus pe-
chegados, para aumentar sua base de poder. De certa sadelos. Para fazer isso, os Demônios precisam não
forma, estes Demônios estão tão desorientados pelas menos do que escravizar toda a raça humana,
vastas mudanças da sociedade humana, quanto os esmagando sua vontade através de atos de terror,
próprios Caídos, mas eles são capazes de se adaptar violência e desespero.
Para este fim, as atividades destes Demônios
mais rápido com insights fornecidos por seus
estão focadas em ganhar poder temporal sobre
seguidores. Os laços que a maioria dos Terrestres for-
instituições mortais, infiltrar-se em governos e
jam com seus adoradores de longa data fornecem
organizações internacionais, e usar agentes secretos
uma vantagem que os Caídos não têm. Quando os
para fomentar a crise através do mundo. Essas crises
Demônios caíram em torpor, eles usaram o resto de
se estendem de ondas de crimes até guerras
suas forças para dar poderes não somente a seus
territoriais qualquer evento que crie infortúnio ou
adoradores, mas também a seus descendentes. Eles
medo na maior escala possível, pelo maior período
garantiram a essas linhagens qualidades aumentadas
de tempo. O objetivo dos Demônios é uma lenta
de força, inteligência, ou carisma que garantiriam a
erosão da alma da humanidade, expondo-a a uma
eles óbvias vantagens sobre os outros mortais em
incansável corrente de corrupção e atrocidade, até
qualquer meio de vida que escolhessem. Como
que os homens e mulheres estejam pouco diferentes,
resultado, muitas dessas famílias prosperaram, e
em natureza, dos pró prios Terrestres. Nesse ponto,
agora como retomo dos Terrestres, políticos,
os Demônios acreditam que a humanidade será
executivos corporativos, e prósperos industriá- rios já
escravizada em massa, e o renascimento do universo
estão ligados ao serviço infernal. Sendo assim, os
começará a partir das cinzas deste mundo.

19
CAPÍTULO DOIS:
AS FACCOES
,

"Reparai! é noite de gala


Desde estes últimos anos desolados!
Uma multidão de anjos, alados, enfeitados
Com véus, e afogados em lágrimas,
Acha-se sentada num teatro, para ver,
Um drama de esperança e de temores,
Enquanto a orquestra suspira espaçadamente
A musica das esferas.
– Edgar Alan Poe, "O Verme Conquistador”

ela retrai seus jogadores e retração provavelmente


DIFERENCAS DE não está no topo da lista de prioridades da
CRENCAS
, interpretação. È possível ter um grupo misto até
mesmo um grupo no qual os personagens tenham
“Um Rapinante, um Reconciliador e um
Oculto entram em um bar...” Parece o cenário de diferenças entre si - sem que um personagem faça
uma piada interna entre os Caídos, não? Mas isso crescer garras de quinze centímetros enquanto o
também poderia ser o inicio de sua crónica de outro está de costas. Você apenas tem que esta
Demônio. Como você lida com isso, quando ciente das facções que podem compensar o atrito
todos os seus jogadores têm intenções e objetivos entre elas.
dramaticamente diferentes? DISCRIÇÃO
Ojeito mais simples de fazê-lo é exercitar a Na mais informal das casas é rude discutir
autoridade do Narrador. Você simplesmente pode sexo, política ou religião a mesa do jantar. Da
escolher uma facção e dizer a seus jogadores que to- mesma forma, entre os Caídos, transmitir
dos os personagens têm que ser parte dela. Ou, se abertamente a sua ideologia simplesmente não é
você não quiser ser tão draconiano, você pode dei- feito. Ideologia de crença é um importante
xar os jogadores escolherem a facção, contanto elemento da identidade de um Demônio, mas não
que todos os personagens pertençam à mesma. é a única. Para muitos, ela nem é tão importante.
Esta é uma requisição legítima do Narrador, mas Nem todo Rapinante é um psicopata assassino,
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

não mais do que um partidário do Partido Verde é unidos sob Deus na arte majestosa da criação.
um eco terrorista com espinhos de árvores. Cada Mesmo após a Queda, os rebeldes eram unidos
facção tem seus moderados, para os quais o sob uma bandeira. Os personagens podem ter
pessoal vale mais do que o político. trabalhado juntos nos primeiros dias do cosmos,
Consequentemente, uma forma de ajudar ou eles podem ter lutado lado a lado durante a
grupos mistos a interagirem é encorajando os Idade da Ira. Se você lembrar vividamente de
jogadores a começar mantendo suas políticas para alguém que se coloca sobre você, enquanto luta
si mesmos. Agora, o Luciferano Devorador não é contra dois Serafins, ao mesmo tempo em que
obrigado a encarar o Rapinante Flagelo como um você deita ferido em cinco locais e tenta invocar
inimigo a ser destruído ambos são apenas reforços... Bem, você pode hesitar em dispensar
indivíduos Caídos. esse cara simplesmente porque ele é um Oculto e,
INTERESSE MÚTUO OU agora, você é um Faustiano.
NECESSIDADE Encorajar os jogadores a conectar seus
Política geralmente acaba em segundo personagens através de seus antecedentes é uma
plano, quando preocupações como sobrevivência excelente maneira de interceptar disputas na
imediata emanam. Caídos que estariam se passagem. Isso não custa nada aosjogadores. No
matando em Iowa podem se tomar aliados máximo, oferece a ele uma grande chance de
facilmente em Los Angeles. A diferença? LA esta pensar sobre vibrantes contos de valor pessoal.
povoada por Terrestres que colecionam Caídos Uma vez que haja um laço individual, seus debates
como cartões de baseball. políticos podem se tomar grandes fontes de
Mesmo que você não queira pendurar caracterização. Cada um pode tentar persuadir o
tamanha ameaça sobre a cabeça dos personagens; outro a “pular a cerca” e mudar de opinião, o que
outros laços, que não a ideologia de crença, pode ser uma grande interpretação, mas você não
conectam muito grupos de Caídos. A ordem da precisa se preocupar com eles vindo a explodir e
Casa, antes da Queda, ainda é importante para encerrando seu plano.
muitos dos que se rebelaram. Diabos, Flagelos, e Duas Caras
Malfeitores podem se associar porque eles Um encontro de simpatizantes radicais
particularmente se consideram superiores em veganos é provavelmente um lugar ruim para um
relação a Casas “Inferiores” como as dos Algozes e Jovem Republicano começar a falar sobre seus
dos Devoradores. Alternadamente, o planos sobre assistência às mães em necessidades.
Posicionamento-Baseado-em-Merecimento de Em vez disso, ele provavelmente irá sorrir, menear
Lúcifer, pode fornecer uma conexão semelhante. com a cabeça e tentar trazer a tona um assunto
Barões e Soberanos podem se sentir mais neutro. Isso é duplamente verdade entre os
confortáveis com seus líderes. Demônios de Casas Caídos, para os quais visões políticas podem ser
“menores”, ou de posições inferiores podem se mortais em um piscar de olhos. Algumas Casas
relacionar devido ao descontentamento quanto tendem a ser enganosas por natureza, enquanto
aos elitistas obstinados. outras apenas adquiriram a habilidade de manter
Você pode ter grupos mistos procurando segredos durante o curso de uma longa e feia
por semelhanças entre posições nas Casas, guerra. Em ambos os casos, manter uma opinião
Eminência pessoal (heróis de guerra que se mínima para si mesmo pode ser mais do que um
reconhecem como irmãos de armas) ou a força de polido bom senso: Pode ser uma tática de
seus Legados individuais (camaradagem através de sobrevivência. Não é como se os personagens
memórias compartilhadas). Da mesma forma, se tenham os nomes de suas facções tatuados em suas
todos forem de Casas diferentes, os personagens testas, afinal de contas.
têm uma excelente razão para colocar lutar Essa privacidade pode adicionar outra
políticas internas de lado: obter acesso aos poderes camada à dinâmica do grupo, se um dos membros
de cada um. secretamente se opõe a muitas das crenças dos
AMIZADE outros. Se estiver disposto a isso, você pode
Divisões nem sempre existiram entre os permitir que essa desvantagem transforme o
Elohim. Por um breve tempo glorioso, eles eram jogador em traidor ou até mesmo em um sabo-

22
CAPÍTULO DOIS

tador. Você e esse jogador podem manter esse opiniões e crenças dos personagens é importante
segredo dos outros jogadores, ou mantê-lo secreto perceber a diferença da realidade quando retratar
somente para os personagens, dependendo do as facções em sua crónica.
quanto seus jogadores conseguem separar FAUSTIANOS
conhecimento do jogador e conhecimento do O objetivo dos Faustianos é quase
personagem. estereotipadamente “demoníaco”. Eles querem
Se você pensa que ter um verdadeiro traidor conquistar o mundo e virá-lo contra Deus. Eles são
no seu grupo, vai ser uma complicação que mais orgulhosos, eles são poderosos, e eles são
interfere com ojogo, do que o melhora, você pode absolutamente confiantes de que estão certos.
explicar aojogador que trapaça ativa é um Há algumas peculiaridades para os
problema. Fazê-lo apenas desloca o conflito do Faustianos que você pode usar para um bom efeito,
nível do jogo, para o nível dos personagens. Ao entretanto, particularmente se seus jogadores
contrário de trair seus amigos, o personagem tem parecem considerá -las um pouco estereotipadas.
que decidir o quão disposto ele está a Primeiro e mais importante, muitos
Faustianos consideram sua cruzada tão boa para a
comprometer suas crenças pessoais por eles. Se
humanidade como ela é para os Demônios. Para
bem administrado, pode ser uma fonte rica de
eles, o destino da humanidade é: ou se tomar como
conflito interno possivelmente até mesmo de
Deus, ou se tomar Uma com Deus... Ou
Tormento e se ele se cansar do conflito interno,
possivelmente substituir Deus. É bastante
não há razão para ele não “ver a luz” e mudar sua fé
nebuloso, na verdade, mas parece que isto é o que
de facção.
Deus tinha em mente também. Claro, que nem
FATO E FICCAO todos os Faustianos são benevolentes. Alguns vêem
Como todas as ideologias políticas, é fácil os humanos como combustível para seus desejos, o
rotular um indivíduo baseado nos estereótipos. que pode ser uma boa fonte de conflito para prota-
Vendo do lado de fora, todos os Faustianos são gonistas Faustianos, e uma boa arma que um perso-
manipuladores insensíveis, todos os Luciferanos nagem pode usar contra antagonistas Faustianos.
são idealistas crédulos, e todos os Rapinantes são Em segundo lugar, mesmo um Faustiano
destruidores anarquistas sem mente. Enquanto com profundo desdém por indivíduos humanos
tais estereótipos são úteis para o Narrador parti- ainda coloca um gr ande esforço par a o
cularmente como uma ferramenta para desafiar as melhoramento da condição humana como um

23
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

todo. Fazê-lo tem sentido. Você pode não amar uma mecanismo de resgate. Murdoe está no ápice de sua
ferramenta, ainda assim, você não a deixa na chuva. condição física, suas feições charmosas e estrutura
Você a quer em boa forma para que seja de uso muscular disfarçando os severos efeitos da depres-
confiável. Um Faustiano quer uma numerosa são que erodiam sua alma e o deixaram vulnerável
população humana saudável e feliz; pela mesma para possessão. Belphigor delicia-se por ter uma
razão que um rancheiro quer numerosos animais “casca” que sirva tão bem a sua magnitude.
saudáveis e felizes. Enquanto Belphigor se preocupa no
FAUSTIANOS NOTÁVEIS Arizona, Senivel viaja pelas capitais religiosas do
O mais barulhento, gigantesco e mais mundo, aproveitando a fé e a arte humana
poderoso Faustiano é Belphigor. Um Trono da igualmente. Mudando sua aparência e gênero à
Primeira Casa antes da rebelião e um oficial de alta vontade, ela caminhou ao redor da Cidade do
posição na Legião Carmim durante a guerra. Um Vaticano usando o habito de uma freira, circundou
herói de guerra cuja força e coragem lhe renderam o a Cúpula de Pedra disfarçada como um Imam, e viu
respeito até mesmo dos Devoradores, ele era o grande Buda Deitado da perspectiva de um
também um estra- tegista brilhante. Sua astúcia monge. Mas mesmo que seu coração se satisfizesse
geralmente vencia o dia contra forças superiores. com os grandes estoques de fé que esses lugares
Quando ela falhava, sua arrogância inflexível representam, isso a ressente, lamentando que ela
geralmente o levava e suas tropas através de pode apenas chegar perto, mas não muito próximo.
paralelos, melhor do que uma reação mais “realista” A Porta da Basílica de São Pedro machuca suas
o faria. mãos, o chão da Cúpula queima seus pés, e mesmo
Belphigor não tem um humilde osso em seu olhar para o Buda Deitado fez com que seus olhos
corpo, mas sua grande força como um negociador é coçassem e chorassem.
sua habilidade de projetar respeito com aqueles que Ao contrário de Belphigor, Senivel não vive
ele fala. Se você é um simples Algoz, ele ainda pode e m s u a re j e i ç ã o , m a s p re fe re t r a b a l h a r
olhar você diretamente nos olhos e falar de como incansavelmente para recrutar Caídos para sua
eram os sons sobre o solo, que carregaram a facção. Ela o faz tão somente de pura crença como
rebelião. Se você é um Cavaleiro, você é o único um Faustiano humanitário, ela pensa que está no
com a bravura capaz de apreciar o plano dele. Se caminho certo para reparar o cosmos , e como um
você é um Reconciliador, ele admira o seu planejamento político. Ela é um dos poucos Caídos
otimismo, enquanto se você for um Rapinante, ele que suspeita que Belphigor perdeu seu amor pela
admira sua coragem. Isso não o impedirá de matar humanidade, e ela espera que através do
você, se ele não puder convertê-lo, mas você recrutamento cauteloso, ela possa mover o
morrerá sentindo -se um oponente honrado. equilíbrio dos Faustianos em direção à sua própria
Na verdade, Belphigor está apenas posição humanística. Mas ela sabe mais do que
escondendo bem seu Tormento. Seu misto de atuar diretamente contra ele, ou do que fazer suas
desdém e inveja pela humanidade está em níveis suspeitas serem descobertas. Ela sabe que não pode
épicos. Seu desdém emerge porque humanos são lutar melhor do que o temido Soberano, mas ela
tão fracos individualmente, tão desprovidos de acha que pode ser capaz de superar ele em pensa-
poder, tão ignorantes da verdade do mundo; mas mento.
ele os inveja porque eles ainda são os escolhidos de A hospedeira de Senivel é Héloise Tailleur,
Deus, amados e perdoados. Parte dele quer alavan- cuja alma fora consumida em uma batalha de dois
car o status de favoritismo deles para elevar a si anos contra a anorexia; que devastou sua mente e
mesmo ao nível dos humanos. Outra parte quer corpo. Senivel cortou todos os laços com os
arrastá-los para baixo para seu local de decadência, Tailleur, e ela faz seu máximo para ignorar as
para que ele possa elevar a si mesmo, negociando memórias e reações de sua hospedeira de 15 anos;
sobre suas cabeças. mas, às vezes, a força do deleite ou arrebatamento
Belphigor foi afortunado por ter encarnado ou raiva ainda a surpreendem.
no corpo de Paris Murdoe, um Guarda Costeiro FAUSTIANOS DESPERCEBIDOS
s a l t a d o r d e p á r a - qu e d a s . Pa r i s re s g a to u Como em todas as facções, os Faustianos
marinheiros, saltando de helicópteros, para o meio contam com muitos desses em seu numero, embora
do oceano durante ventos com força 10, e depois não admitam. Um desses espiões é Goriel, um
nadando para seus barcos enquanto puxava o Devorador que se juntou aos Rapinantes e que não

24
CAPÍTULO DOIS

faz nada para refrear sua imoralidade ou crueldade. chamado Vejovis deveria ser uma mina de ouro de
Ele apenas tenta direcioná-las contra alvos que poder. Ao invés disso, Belphigor está encobrindo a
sejam inconvenientes para os Faustianos. Ele verdade da melhor maneira possível e tentando
geralmente esta no Oriente Médio, no qual ele tem convencer todo mundo de que os Faustianos ainda
grande prazer em atacar as tropas de governos têm uma enorme vantagem tática. Ele está fazendo
totalitários. Os Rapinantes gostam disso, porque é isso, tomando as 'verdadeiras vantagens táticas do
desestabilizante. Os Faustianos gostam porque secto e creditando-as à descoberta [do corpo] de
esperam que, quando os governos caírem, esses Vejovis.
regimes possam ser construídos um tanto mais em Uma vantagem tática real dos Faustianos é
l i n h a s f a u st i a n a s - o u , a o m e n o s , m a i s que eles descobriram duas facetas da espada do
humanamente progressivo. Arcanjo Miguel, que foi quebrada na batalha da
Um operativo menos escrupuloso é Celeste queda de Gehinom. Uma [faceta], é realmente uma
Penobscott. Um dos Caídos, ela recusa revelar seu espada, que alguns estudiosos pensam ser
nome real ou ate mesmo o de sua Casa. Ela é fasci- conhecida, na historia, como "Excalibur". (De
nada pelos poderes e pela influência dos Terrestres, qualquer forma, a espada tem um fator de dano de
e é bem conhecida por sua dedicação para aprender Força +8 nas mãos de qualquer Caído, e ela pode
seus segredos horríveis. atingir até mesmo seres imateriais. Seu dano é
Esse é um objetivo que nenhuma facção que agravado.) Belphigor carrega a arma pessoalmente,
tenha respeito próprio (salvo, possivelmente os afirmando que ela foi forjada do cérebro de Vejovis.
Ocultos) admitiria. E também um objetivo que A outra faceta da espada era algo um pouco
qualquer facção amaria seguir em segredo. Em mais estranho - um caso especial de anomalia,
Celeste, os Faustianos têm ambos os meios. limitado na tripla barreira entre matemática,
Belphigor e Senivel já declararam seu antagonismo metafísica, e o mundo material. Ela costumava
abertamente, em relação a esse tipo de pesquisa e ocupar fisicamente o espaço na ponta da espada, e
ofereceram uma substancial recompensa por cada vez que Miguel apunhalava alguém com ela, a
qualquer Caído que esteja investigando esses vítima era parcialmente separada de sua conexão
mistérios. O pesquisador principal é, claro, a com a humanidade.
renegada Celeste Penobscott. Os Faustianos transformaram essa coisa...
Através da recriminação pública, enquanto Estranha... em um projétil - um único projétil. As
secretamente a apoiam, os Faustianos tem o melhor propriedades da anomalia, entretanto, são tais que,
dos dois mundos. Eles podem capturar e matar quando o projétil se deforma no impacto, a anoma-
qualquer pesquisador rival sem parecerem lia procura um novo "lar". Especificamente, ela vai
hipócritas, mas qualquer Caído que ande contra para outro projétil preparado como a próxima inte-
sua pesquisadora esta provavelmente tentando ração da fórmula matemática da anomalia.
entregá-la pela recompensa (e, presumi- damente, Em termos práticos, os Faustianos têm um
pela destruição pelos Faustianos), do que monte de projéteis - 9mm, .45 Colt, .38 Especial -
simplesmente matá-la logo. Alem disso, a "busca" que são, cada um, potencialmente encantados, mas
dela encoraja outros exploradores das Doutrinas o encantamento só ocorre serialmente. Uma vez
dos Terrestres a confiar nela. que o projétil #1 for disparado, o projétil #2 se toma
RECURSOS o projétil mágico. Após você atirar o projétil #2, o
Os Faustianos gostariam que todos #3 se toma mágico. Atirar o projétil #3 antes do #1
acreditassem que eles têm acesso aos restos de um não lhe ajuda em nada, exceto que quebra a
querubim morto no fundo de uma Cratera de sequência. (Você não pode pular do #2 para o #4
Meteoro no Arizona, mas, na verdade, eles não têm sem passar pela configuração #3, afinal de contas.)
algo assim. O tamanho e peso do objeto que caiu na Qualquer Caído, ou Terrestre, atingido por
aqui na Terra (45,75 metros e 300.000 toneladas) um desses projéteis, que está efetivamente com a
soam realmente originais, mas apesar do que os anomalia, perde um ponto temporário de Fé. Se a
Faustianos afirmam, nenhuma evidencia foi vítima não tiver Fé disponível, então um de seus
encontrada até agora. Conforme o tempo passa, pactos de Fé é quebrado no lugar, quebrando seu
nenhum Caído consegue concordar sobre a quanto laço com um Servo aleatório. Naturalmente, os
tempo atrás algo aconteceu. Faustianos são cuidadosos carregando essas coisas...
O "corpo" que acredita-se ser de um anjo e ele se certificam de que todos acreditem que seus

25
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

projeteis mágicos são feitos dos restos petrificados O dilema clássico para um infiltrado militar
dos ossos de Vejovis. é, claro, ser ordenado a agir contra os Faustianos.
PROTAGONISTAS Para realmente tomar complicado, ordene-os a se
Há muitos meios de seguir uma crónica infiltrarem entre os Faustianos.
baseada em personagens Faustianos. O modelo ANTAGONISTAS
"Culto Militar" é muito típico sobre como os Os Faustianos dão ótimos antagonistas -
Fa u st i a n o s g o st a m d e o p e r a r, e n qu a n to espertos o suficiente para apunhalar você pelas
"Infiltrados" é mais incomum. costas, mas audaciosos o bastante para apunhalar
Culto Militar: a própria Senivel pede que os você diretamente no rosto. Suas maquinações
personagens vão até uma cidade no oeste dos EUA e poderiam eventualmente escravizar o mundo se
iniciem uma subdivisão da Igreja do Espiritualismo bem sucedidas, ou condená-lo novamente, se
Científico (ver Capítulo Cinco do livro básico de falharem; mas seu trabalho para a paz global e bem-
Demônio para detalhes). Seus objetivos, na ordem estar (não importando o quão egoisticamente mo-
cronológica, são: Estabelecer uma presença. Recru- tivado seja), faz com que se opor a eles seja
tar os desesperados e marginais. Melhorar seus per moralmente difícil.
fis até que sejam eficientes propagadores da IEC. O Laboratório da Fé: um grupo mais
Subverter ou desacreditar outras igrejas locais. Esta- militante de Faustianos os que querem escravizar,
belecer frontes de igrejas anti-IEC para atraírem ao contrário de elevar a humanidade - arrendou
mais fiéis tradicionais. Escravizar ou envolver os terras no meio do nada, e está fazendo
cidadãos mais ricos e politicamente poderosos. experimentos maliciosos. Especificamente, eles
Encorajar Cria- dores-de-Problemas a deixar a estão raptando humanos de áreas onde a vida é ba-
cidade, preferivelmente através de incentivo. rata e tentando condicioná-los a ficar obedientes e
Assumir e fazer da cidade um baixo entreposto adoradores para com Demônios Faustianos (ou
Faustiano. possivelmente, só para os próprios
Infiltrados: os personagens são eleitos para experimentadores).
viajar para o forte de outra facção, e se oferecerem Você pode colocar o laboratório em
para juntarem-se a eles. Uma vez a postos, eles qualquer lugar que seja conveniente para sua
devem ganhar a confiança da outra facção crónica, apesar de que ele fica melhor no mundo
e n qu a n to m a n d a m i n fo r m a ç õ e s p a r a o s em desenvolvimento. Se você colocá-lo em uma
Faustianos. Uma vez que tenham confiança o nação desenvolvida, os Caídos ge- renciando o lugar
suficiente, os Faustianos podem pedir que eles vão precisar de reforço legal pesado, para deslizar
sabotem, subvertam, ou até mesmo rebelem-se sob o tapete o que, sob a perspectiva de um
abertamente contra a outra facção. Narrador, poderia ser algo bom. Mais um desafio
A facção-alvo tem uma potencial influência fascinante para os personagens, certo?
no tipo de crónica. Infiltrar-se nos Rapinantes vai O primeiro desafio é encontrar a entrada do
envolver um grande combate, para que os laboratório. Os personagens podem fazê-lo através
personagens possam testar a si mesmos, e proteger de investigação (já que eles seguem um velho
seu segredo. Agir furtivamente nos campos de inimigo) ou através de política. O ângulo político é
Ocultos e Recon- ciliadores envolve mais particularmente o que tem possibilidade, já que
subterfúgios e intrigas conforme os personagens tomar o laboratório público causaria problemas
tentam aprender segredos e tentam subverter para os Faustianos com os Re- conciliadores e os
aqueles Demônios que aprendem os seus. Se Luciferanos, no mínimo. Ainda assim, enquanto
descobertos por essas facções, os personagens têm todo mundo quer humilhar os Faustianos, eles
menos probabilidade de serem atacados, do que de podem querer que a humilhação venha de outra pes-
serem providos de falsas informações o que poderia soa, de forma a prevenir a inevitável reação violenta
fazer com que os controladores Faustianos pen- Faustiana. Sendo assim, eles deixam pistas para que
sassem que os personagens traíram os Faustianos. os personagens possam fazer seu trabalho sujo.
Unir -se aos Luciferanos é mais provável de fornecer Finalmente, uma estratégia particularmente
um misto de ambas a intriga e a ação; ao lado de interessante, é que Senivel mande os personagens
maquinações políticas necessárias para obter entrarem no laboratório.
sucesso na hierarquia altamente estruturada dos Ela não aprova o experimento, e ela deseja
Luciferanos. que os personagens sabotem os resultados, para que

26
CAPÍTULO DOIS

os Faustianos concluem que é um beco sem saída. retorno por sua lealdade, o Flagelo está dando sérias
O segundo desafio é entrar no laboratório e doenças aos rivais de Wrojie.
(presumidamente) fechá-lo. Se seus jogadores Isso é um grande negócio, porque Wrojie é o
gostam de intriga e furtividade, esta é a chance deles governador de uma província das antigas
terem os personagens entrando às escondidas e Repúblicas Soviéticas no Mar Cáspio. Ele é
sabotando a instalação. Ou, se eles são mais diretos, poderoso dentro de seu domínio, mas não é
eles podem simplesmente entrar e atacar o lugar. (Se nacionalmente proeminente... ainda. Ele é
você acha que isso é o que acontecerá, não há uma ambicioso, entretanto, e tendo a concorrência
razão para colocar o laboratório numa nação ficado convenientemente doente, isso o coloca a
desenvolvida. Ataques sanguinários em edificações frente do bando.
distantes são mais plausíveis, digamos, nas A reviravolta é que Wrojie é um genuíno
montanhas do norte do Iraque, do que nas reformador. Ele não está acima da real política olhe
montanhas do oeste do Colorado.) quem são seus aliados! mas ele está trabalhando em
Uma vez dentro, as ações deles podem ter direção à estabilidade regional, saúde e bem-estar.
repercussões profundas. O que eles fazem com os Mesmo com um patrono demoníaco, ele é
sujeitos humanos testados? Em uma versão provavelmente a melhor esperança para melhoras
distorcida de “não quistos, mas não desperdiçados”, em longo prazo. Ele vê sua situação de Servo com
os Faus- tianos raptaram os piores criminosos que desgosto, mas necessária para a realização de suas
puderam encontrar. (Afinal, a real prova do grandes façanhas. Ele está disposto a morrer para
conceito, não vem de tomar um santo santificado, melhorar o destino de seus cidadãos, mas ele pensa
mas de fazer um ladrão assassino crer.) Os que é mais conveniente viver por eles. Perder a alma
personagens deixam esses estupradores, assassinos dele? Hah, o que é uma alma?
e terroristas irem embora? Em adição a inclinação Este é o impedimento. Os personagens usam
natural deles, os indivíduos testados também Wrojie e atrapalham a esperança da região por me-
podem ser potenciais baterias de Fé para os lhoras, ou eles lhe dão um passe e deixam um Servo
Faustianos maus. Os personagens os matam? Os Faustiano rastejar em direção a liderança da nação
mantêm trancados? Se fizerem isso, o quê toma os (mesmo uma que é pequena e pobre)?
personagens melhores do que os psicóticos que Da mesma forma que com o laboratório, este
gerenciam o laboratório? (Claro, os personagens cenário pode envolver complicações políticas.
podem não ter interesse em serem melhores; o que Alguém avisou os personagens? Essa mesma pessoa
no caso, você pode simplesmente pôr um teria um Servo como seu próprio candidato, em
eufemismo por cima de qualquer incerteza moral.) seus bastidores secretos? (Neste caso, é improvável
O desafio final é como eles vão lidar com sua que seja um espião Faustiano: esta operação Wrojie
consequente reputação de “os Caídos que destruí- é perfeitamente aceitável para ambas as asas da
ram o laboratório”. Eles podem manter isso em se- facção). Talvez, os Rapinantes queiram a área fraca
gredo, mas privacidade geralmente é imperfeita es- para que eles possam submergi-la em anarquia. Ou,
pecialmente se algum tipo político os indicou no t a l ve z , o u t ro g r u p o s o b re n a t u r a l e s t e j a
primeiro lugar. Poderia ser que os personagens fo- desconfortável com a idéia de um líder sob
ram levados ao laboratório por um Oculto ou Rapi- influência demoníaca.
nante que está menos interessado em parar o horrí- Mesmo que os personagens não dêem a
vel abuso dos direitos humanos, e está mais interes- mínima para as repercussões de suas ações sobre um
sado em roubar dados dos Faustianos e estabelecer bando de ex-Soviéticos, ainda há consideráveis
zumbis-de-fé para si próprio. desafios táticos para derrubar Wrojie. Ele tem
Isso tudo inicia a pergunta de quando você, protetores armados, a lei está a seu lado, os
na verdade, pode fazer lavagem cerebral nas pessoas, Faustianos não vão deixá-lo ir sem uma luta, e ele
para torná-las adoradores genuínos. E por conta do pode ter o apoio de alguns otimistas cegos, comple-
Narrador fazer essa decisão, mas é uma boa pergun- tamente ignorantes, e radiantemente fiéis
ta para considerar para temas de sua crónica. A Fé muçulmanos locais que querem limpar o seu país.
pode existir sem livre-arbítrio? Se pode, o que isso TERCEIRAS INFLUÊNCIAS
diz da humanidade? Você pode ter uma crónica na qual os
O Poder Atrás do Trono: Stanislav Wrojie personagens não são Faustianos, e os Faustianos
se tomou o Servo de um Flagelo Faustiano. Em não os inimigos dos personagens. Isso não significa

27
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

que os Faustianos não estarão envolvidos. Em divina.


qualquer situação, os Faustianos preferem se Aproveitamento em massa da fé humana:
envolver com pessoas que não são seus inimigos, Se os Faustianos pudessem aproveitar a fé coletiva
mas que podem ser prontamente sacrificadas. de 10.000 Servos, de forma bem sucedida... Bem,
(Faustianos sacrificarão seus amigos, mas não eles poderiam ser capazes de começar a reescrever o
prontamente.) cosmos. Dependendo de qual asa a facção ascende,
Faustianos de “terceiras influências” querem esse poder poderia ser usado para curar o mundo,
que os personagens os considerem aliados, mas o ou para prendê-lo posteriormente.
Narrador deve sempre lembrar que os Faustianos FUTURO DECADENTE
estão ali por eles mesmos. Amenos que eles É igualmente possível que seus personagens
consigam convencer os rivais de outra facção a se oponham-se as conspirações dos Faustianos.
converterem ao Faustianismo, eles não têm Dependendo do quão espertos, sortudos e bem
interesse em verem disputas resolvidas. Ao invés sucedidos eles são (e do âmbito de sua crónica), eles
disso, eles são mais propensos a encorajar a poderiam colocar os Faustianos na estrada para a
rivalidade (embora com sutileza) já que a energia ruína, pessoalmente. Alguns contra-tempos
que os personagens e seus inimigos gastam em horríveis para os Faustianos incluiriam qualquer
hostilidades é energia que eles não gastam contra os um ou todos esses.
Faustianos. Sendo assim, eles geralmente fornecem Tornar-se um proscrito: Atualmente, a
um pequeno, de curto-prazo, contingente de ajuda f a c ç ã o m a i s d e s p re z a d a a b e r t a m e n t e é ,
em troca de algum retomo. O perdedor ganha um provavelmente, os Rapinantes. Se os Faustianos
desconto no suborno, entretanto. Se há um grande fossem pegos (ou enquadrados) fazendo algo
levante contra os Ocultos ou os Rapinantes, o globalmente repreensível, eles poderiam afundar
pagamento pode ser leve, de fato já que a -verdadeira para o último lugar, o que colocaria um sério
recompensa para os Faustianos é complicar entrave em seus planos, já que cada facção
inegavelmente a seus inimigos. bisbilhotaria (e provavelmente sabotar) sobre seus
FUTURO PRÓSPERO esforços.
Se os personagens mostrarem-se como Deserção em massa: Falhas substanciais e fre-
operadores formidáveis para a causa dos qu e n t e s p o d e r i a l e v a r m u i t o s C a í d o s a
Faustianos, a facção poderia sair-se muito bem no simplesmente desistir do Faustianismo. Como o
decorrer de uma longa crónica. Dependendo do Feudalismo, ele se tomaria algo filosófico, obsoleto
quão bem os personagensjogam as facções uma e indigno de atenção que era peculiarmente
contra a outra, defendem ou guardam os projetos interessante, mas nada que você gostaria de ter
dos Faustianos, e surgem com iniciativas próprias, como guia de vida.
espertas e bem-sucedidas; os Faustianos poderiam Inflexibilidade filosófica: Se Belphigor, ou
atingir alguns ou todos os seguintes: Senivel, algum dia, determinassem o controle da
Invulnerabilidade: Os Faustianos têm um facção, isso seria uma catástrofe imprevisível. As
local em algum lugar que pode resistir a atacas de asas humanista e diabólica dos Faustianos não con-
grande escala feitos por qualquer outra facção e cordam entre si, mas trabalham bem juntas. Perder
(talvez mais importante) que não está sob o perigo qualquer asa faria com que muitos Faustianos per-
de qualquer governo humano. dessem também seus corações e desertassem ou
Substancial Controle da Humanidade: Os baixassem suas guardas, o que é até mais desastroso.
Faustianos estariam inegavelmente mais próximos Ruína generalizada: O pior da vida chega
de seus objetivos se eles controlassem um milhão de para os cidadãos do planeta Terra, mais difícil para
seres humanos. “Controle” no sentido de “guiar os Faustianos construírem sua utopia. Fome
cada aspecto de suas vidas”, e oposto à Servidão generalizada, conflitos militares ou epidemias; tudo
direta. poderia fazer com que a confiança dos Faustianos
Reconhecimento Público: Aceitar o fato de num amanhã melhor parecesse bem tola.
que há Demônios que podem lhe ensinar como Ocultos
lutar contra Deus é expectativa demais; mas seria A grande força dos Ocultos é que seus
um triunfo se a humanidade começasse a aceitar objetivos são extremamente nebulosos. Essa
abertamente (ou até mesmo considerar) a filosofia imprecisão de propósito é também sua maior
Faustiana sobre sua habilidade inata de tomar-se fraqueza deles.

28
CAPÍTULO DOIS

E uma força porque sua falta de suposições niilista dos Rapinantes. Esta bandeira liberal fez da
os protege dos pensamentos desejosos dos facção uma área de abandono político para os
Luciferanos e Faustianos. Sem qualquer paradigma Caídos. Seus membros incluem Demônios
político enevoando suas percepções, os Ocultos são idealistas e românticos demais até mesmo para os
mais aptos a entender as coisas como elas são. Reconciliadores; individualistas, não-confiá- veis e
Luciferanos e Faustianos têm uma infeliz tendência loucos demais até para os Rapinantes; e arrogante-
de interpretar a realidade como eles querem que mente loucos pelo poder demais até para os
seja. Faustianos.
Por exemplo, pegue a aparição de Lúcifer em Os Ocultos têm uma grande variedade e
Los Angeles. Os Luciferanos a tomaram como um alguns de seus de seus grupos têm uma sinergia
sinal de que o Adversário ainda está lutando a boa única, mas é também uma mistura imprevisível e
luta e precisa de seu exército leal para caminhar a volátil.
seu lado. Muitos Faustianos a ignoraram com um OCULTOS NOTÁVEIS
truque de propaganda Luciferana, já que o Estrela- De longe, o mais famoso (ou infame) Oculto
da-Manhã não se encaixa em seu cenário. Ainda é Ahrimal, encarnado como Gerhard Liebner. Sua
assim, os Ocultos são os únicos Caídos que posição é curiosa, já que ele lida com quase
encaram os fatos apenas como fatos. Eles apenas negligência.
vão a ponto de dizer que Lúcifer ainda está por El e n u n c a pro c u ro u a c l a ma ç ã o o u
perto, e isso é só. obediência, mas os Ocultos lhe dão isso, pois ele é
Com esta clara visão aberta, porém, vem quase o Oculto perfeito por natureza. Ele é
uma falta de foco. Dispostos a considerar tudo, os independente, ele não está satisfeito com o óbvio,
questionadores não se fixam em nada. Sua facção ele é persistentemente curioso, e ele não está
está sempre travada, reagindo às maquinações dos interessado em poder, nem para seu próprio bem,
outros, ao contrario de iniciar seus próprios planos. ou pela busca de um falso “novo Éden”. Os Ocultos
Até eles ouvirem sobre o que está acontecendo, é o respeitam e seguem sua liderança porque ele não
geralmente tarde demais para fazer qualquer coisa. tem interesse em liderá-los. Ele não dá comandos,
A falta de ideologia da facção significa que não sugere planos e não tem idéia de quem
um grande montante de diferentes Elohims está sob realmente sejam os “Bibliotecários” de sua facção.
esta bandeira. Afinal, o teste decisivo é que alguém Mas o que quer que faça, ele pode ter certeza de que
não acredite em nada, nem mesmo no derrotismo

29
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

há Ocultos observando e esperando ansiosamente provavelmente, um Oculto mais perfeito que


para ajudá-lo. Ahrimal. Gipontel tem uma mente tão aberta que
Liebner morou e trabalhou em Berlin, mas ele até mesmo considera a possibilidade de que os
como um dos Caídos, ele viaja para longe de casa. Ocultos poderiam estar errados.
Ele tirou um tempo de folga da força policial, sob Gipontel gosta de ter autoridade. Ao
licença médica; alegando stress pós-traumático contrário de muitos Ocultos, na verdade, ele
como resultado do caso da Lista Jeremy. (Na geralmente segue mais planos do que fatos. Copilar
verdade, ele está sendo financiado pelos Ocultos, o Scelestinomicon e Crucianomicon foi idéia dele.
mas Ahrimal deliberadamente espera que a Como primeiro e chefe entre os Quaestitori, ele é o
natureza dúbia de sua desculpa levará a polizei a in- único Elohim que sabe a identidade de todos os que
vestigar o passado sombrio de Liebner). estão na Biblioteca. Mas ele tem tanto desejo de ser
Ahrimal sente uma vergonhosa sensação de admirado e seguido, e observado o tempo todo,
obrigação para com os Ocultos, e ele genuinamente quanto Ahrimal o tem. Ele está feliz em ter Ahrimal
acredita que eles são os únicos Caídos com como a figura central, enquanto ele continua como
qualquer compreensão da realidade. Por essa o líder de fato.
mesma razão, porém, ele, às vezes, também deseja OCULTOS DESPERCEBIDOS
que eles simplesmente o deixem sozinho, o auxílio Os Ocultos são os únicos Caídos que não
deles é frequentemente bem- vindo, mas, ao mesmo apenas fizeram uma aliança com um Terrestre como
tempo, é o odor desagradável da bajulação, ele sabe eles também a incluem entre seus números.
que é da natureza do Elohim procurar por um líder, Harudha não é um dos grandes Terrestres,
mas ele não vê razão para que seja ele. nem mesmo é um dos 666 grandes Demônios que
Parte da razão pela qual Ahrimal se dá ao foram libertados do Abismo por milhares de anos.
luxo de ficar desconfortável como líder, é que Ela era, de certa forma, uma Caído Profanador que
Gipontel deseja fazer um grande levantamento de se encontrou encarnada em Miu Liao, a amante
verdadeira liderança, enquanto deixa os holofotes maltratada de um físico desequilibrado de Hong
para Ahrimal. Kong. Após possuir o corpo de Miu Liao, ela se
Gipontel está no corpo rechonchudo de 60 uniu aos Ocultos e começou a explorar Hong Kong
anos de Zvi Radwanska, o gerente de uma pequena e o continente próximo. Infelizmente para
loja de software em Bombay. Dominador e Miu/Harudha, ela se estabeleceu tão rápido sobre
mandão, a influência do Caído fez com que os essa mente, que ficou presa em uma disputa
vizinhos de Zvi se maravilhassem com sua repentina mortífera entre duas gangues controladas por dois
mudança de pensamento. Agora, o corpulento Demônios. Mil foi assassinada, mas Harudha
gestor de negócios parece charmoso, amigável e conseguiu permanecer no mundo material através
afável. Ninguém notou o quão mais eficiente, o de seu ancoramento a um relicário físico.
negócio de Zvi se tomou devido a essa alteração. Antes de se unir a Harudha, antes mesmo de
Gipontel genuinamente não se importa em seu caso, considerado doentio, com o doutor
fazer amigos humanos, ele apenas os acha mais casado Miu teve um casamento feliz, e enviuvou.
fáceis de manipular com recompensas, do que com (Na verdade, foi seu desejo de substituir seu falecido
ameaças. Ele está mais interessado em se re-conectar marido que a levou a esse tolo romance.) As
aos Elohim com quem lutoujunto na Guerra da Ira, memórias puras de Miu humanizaram Harudha e
mas ele tem tido pouca sorte até então, apesar dos servem como um muro de proteção contra o
melhores esforços dos Ocultos e de sua Livraria. Tormento. Era natural que, quando Harudha
Ele espera poder recrutá-los para sua causa e, desincorporou, ela usasse o vestido de casamento
com a ajuda deles, transformá-la em algo com muito cuidadosamente preservado de Miu como relicário.
mais significado e propósito. Por mais que Ahrimal Harudha conseguiu chamar um de seus
possa procurar conhecimento puramente para si Servos, e ele recuperou o vestido. Ele está em posse
mesmo, Gipontel sabe que conhecimento é poder - dos Ocultos agora. Eles são muito discretos sobre
e poder não utilizado é inútil. Ele forja conexões sua conexão com um dos “monstruosos Terrestres”;
com as outras facções, mesmo que suas filosofias mas, ao mesmo tempo, eles não estão dispostos a
não se apliquem imediatamente, porque ele espera abandonar um agente que trabalhou arduamente e
que uma delas possa crescer como algo sobre o qual teve azar. Especialmente quando ela pode fornecer
ele possa ficar por trás. Dessa forma, ele é, grandes entendimentos sobre os Terrestres:

30
CAPÍTULO DOIS

maior desvantagem é que tal crónica tende a ser dar. Os personagens são enviados para parar este
dividida, sem foco e temporária. Para alguns espião do Terrestre. Infelizmente, ele é muito forte
jogadores isso simplesmente não é um problema. para ser assassinado, muito relacionado para ser
Eles podem até gostar do “mistério da semana” fixo, simplesmente removido, e muito popular para cair
no qual as aventuras não são necessariamente diante de uma série de ataques difamatórios. Para
conectadas com as anteriores. Menos para manter o suceder, os personagens terão de atacá-lo em três
rumo desse caminho, com certeza. Mas se você quer frontes política, mística, e física todas de uma vez,
uma crónica mais típica, com um plot central, um sem se revelarem. Vai ser um longo esforço, mas o
desenvolvimento e clímax; talvez, precise trabalhar pagamento para os caras maus será uma longa
um pouco mais com personagens Ocultos. queda. (Tenha certeza de fazer com que as
Um jeito de manejar isso é ter um fator sutil e personagens tenham inúmeras boas razões para
de conexão na sua mente, que amarre juntos uma realmente, realmente odiar esse cara. Isso fará com
série de eventos que parecem distintos. Por que os infortúnios sejam mais pessoais e que o
exemplo, você poderia decidir que a razão para triunfo seja mais doce.)
acontecimentos inexplicáveis na cabala da cidade é Equipe de Ataque: A reputação da facção
que há lacaios dos Terrestres gerenciando o local. como uma gangue de acadêmicos neurastênicos
Lacaios dos Terrestres são antagonistas diferentes, não é completamente imprecisa, ao menos, quando
eles geralmente estão bem disfarçados. Pegue comparada com grupos militares tais como os
eventos que não tem conexão óbvia digamos, um Rapinantes e os Luciferanos.
Demônio local começa a agir como se ele fosse o Mas a facção precisa de militares sim, e ela os
senhor da cidade, ladrões assaltam um dos tem: seus personagens.
personagens em sua casa sem motivo aparente; e Se seus jogadores querem uma crónica de
outro personagem tem dois de seus Servos combate pesado com um cérebro, eles poderiam
intimidados, repentinamente, sobre seus pactos. fazer pior do que bancar o esquadrão de
Mas, na verdade, um dos lacaios mais sutis tem se mercenários desta facção (ou um esquadrão
aproximado de ambos os Servos e do ambicioso mercenário de uma facção). Se um pequeno grupo
Demônio, enquanto caçadores mais agressivos militar de investigação some, os personagens vão
estão de olho em um dos personagens. Uma vez que para descobrir para onde ele foi, e punir qualquer
os personagens juntem as pistas, tudo se encaixa. responsável por qualquer erro. Caídos de uma
Uma aproximação exatamente oposta a essa cidade estão tentado compelir os Ocultos para fora?
pode funcionar também. Se você tem jogadores Os personagens vão para empurrar de volta.
esquemáticos ambiciosos que constroem Este não é um festival de pura brutalidade e
personagens ambiciosos e intrigantes; você pode ter armas incendiárias, porém. Os personagens
muito espaço para, apenas, liberar as amarras e precisam ser espertos, porque eles estarão viajando
reagir aos planos deles. Como Ocultos essa frequentemente para situações não familiares, não
liberdade pode lhes prover atenção de seus seguras e incertas. Eles têm a força para obter
companheiros (boa ou ruim). Sucesso em um resultados, se eles a aplicarem corretamente. Se eles
grande esquema (do tipo que seria de nota para apenas andarem descontroladamente nas
Luciferanos e Faustianos) é mais impressionante redondezas, eles vão fazer com que todos fiquem en-
para os Ocultos. Falha, da mesma maneira, é mais furecidos com eles.
prejudicial. Jogado corretamente, os personagens se
Na sequência, outras duas sementes de tomam os Demônios com os quais você não quer se
crónicas para Ocultos. meter. Jogado tolamente, eles se tomam os
Desmascarando o Traidor: Os Ocultos tem Demônios com os quais todos têm que se meter.
boas não ótimas indicações de que um Caído se ANTAGONISTAS
vendeu para um poderoso Terrestre. Normalmente, Os Ocultos são antagonistas interessantes
isso seria triste, mas não terrivelmente alarmante. pelas mesmas razões que podem ser bons
Esse Caído, entretanto, está se destacando dentro protagonistas. Eles são móveis, eles são bem
de outras facções (Faustianos e Luciferanos são boas informados, e eles são interessados em tudo. Como
escolhas). Tentador como o é, deixá-los serem bónus, sua falta de dogma permite que haja um
subvertidos e corrompidos, deixar um dos Oculto que vai odiar os seus personagens, não
Terrestres ter todo esse poder simplesmente não vai importa o quê eles estejam buscando.

31
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

complexidade, você pode até mesmo decidir que vampíricas. (Veja o Capitulo Cinco para detalhes
esse amigo é, na verdade, um espião, e que todo esse sobre outros cidadãos sobrenaturais do Mundo das
esquema elaborado de “resgate” é uma armadilha Trevas.)
para que ele possa dar falsa informação para uma FUTURO DECADENTE
dessas facções. Más notícias para os Ocultos poderiam vir
TERCEIRAS INFLUÊNCIAS em um dos ou em ambos as características abaixo,
Esta facção toma-se uma ferramenta especialmente se os brilhantes personagens se
excelente para o Narrador, quando seus membros opõem a elas, ou se personagens idiotas as apoiam.
são protagonistas, ou antagonistas, porque eles têm Demonologia Gratuita: Perder um dos
algo a oferecer para todos, e todos têm algo para Bibliotecários para outra facção poderia ser um
oferecer a eles. Como uma casa de câmbio para golpe terrível. Não seria incapacitante cada
informação, eles podem dar a ambos os lados (aos Bibliotecário sabe apenas um dos Dois Tomos mas
personagens ou a seus inimigos) uma pequena custaria muito do poder de barganha aos Ocultos.
vant agem, quando eles precisam apenas Perder a ambos seria um desastre. Perder um deles
informação interna suficiente para manter as coisas para todas as facções seria um desastre
interessantes. Para pôr isso de outra forma, os acompanhado de uma catástrofe. E perder ambos?
Ocultos são soberbos agentes para bancar o Os Ocultos deixariam de existir como uma força
equilíbrio. Se os personagens não estiverem tendo política significativa. Eles seriam mais como um
desafio o suficiente de sua oposição, a oposição clube social demoníaco.
vende algo à facção em troca de dados que eles Fragmentação Ideológica: Contrariamente,
precisam para matar (ou para incomodar) os perso- a facção não tem foco, o que faz dela uma grande
nagens. Da mesma forma, se os personagens estive- tenda dentro da qual muitas crenças podem servir.
re m t r av a d o s , o s O c u l to s fa z e m ó t i m o s Ela poderia se tomar pesadamente politizada, com
fornecedores de pistas. sub-facções dentro de uma luta para fazer a visão
FUTURO PRÓSPERO delas de um futuro Oculto a “certa”.
Personagens que são particularmente LUCIFERANOS
efetivos podem ganhar da facção qualquer um dos A posição dos Luciferanos é, essencialmente,
seguintes benefícios. “Só porque nós fomos aprisionados em correntes
Hierarquia: Os Ocultos são cronicamente de fogo e jogados no Inferno por 10.000 anos, não
desorganizados. Eles não são um exército como os significa que nós perdemos.” Eles ainda estão
Lucife- ranos, e nem mesmo agentes de uma “causa” lutando o bom (ou mau) combate, ainda
como os Reconciliadores; eles são apenas um bando obedecendo ordens, ainda prontos para se
de pessoas que acreditam na mesma coisa. Se os posicionarem ao comando de seu grande líder ou,
personagens conseguem fazer com que eles sigam até que ele apareça, as ordens do Demônio no co-
ordens e tenham responsabilidade, eles podem mando do posto.
fazer qualquer coisa que a facção faz facilmente duas Onde os Faustianos se parecem mais com
vezes mais eficiente. Como um bónus, eles podem uma corporação, e os Ocultos são como uma
ser os que estão no comando. faculdade, os Luciferanos são um exército. Total
Influência Política: Fluentemente, a facção obediência aos superiores é esperada, da mesma
é uma jogadora na política entre facções. Sua forma que total dos inferiores. Um Cavaleiro pode
posição de desinteresse em conseguir estabelecer discordar respeitosamente das teorias ou análises de
objetivos faz dela a jogadora. Tomando-se um um Soberano, da mesma forma que um soldado na
adjunto imparcial dos esforços de outro Caído, a USMC pode discordar de seu oficial em comando
facção pode influenciar o quanto outras facções no campo. Mas, como o USMC, desobedecer a
toleram ou opõem-se uma a outra. ordens é simplesmente intolerável. Dada a origem
Força Mística: Contrariamente, a facção dos Elohim, honra (ou, se você prefere, obediência)
pode ter apenas um monte de Nomes Verdadeiros, é basicamente uma segunda natureza, mesmo que
ou artefatos datados desde a guerra. Se você está haja ocasionais anomalias.
interessado em uma crónica arriscada de crossover, O primeiro objetivo dos Luciferanos é
esta facção por de ter sido a que manipulou os encontrar o Estrela-da-Manhã e restaurá-lo ao
imbuídos em larga escala, escravizou um grupo de comando, mas esse não é o único objetivo deles, eles
magos ladrões9 ou se aliou com uma das facções também têm atuado como um exército insurgente

32
CAPÍTULO DOIS

A pergunta é: o que eles podem fazer? Eles corpos humanos. Mas o bebê de Rosemary já havia
não têm a hierarquia dos Luciferanos, ou a sido concebido, e não pere ceu quando sua mãe foi
intimidação dos Rapinantes. Qual é a ameaça? possuída. Até onde, mortal ou Demônio, pode
A ameaça é a informação. determinar, a criança mortal está viva dentro dela.
A ameaça é que eles sabem de todos os que Os Ocultos estão (claro) um tanto curiosos
podem querer acertar algo com você, datado desde sobre o que vai acontecer. Ela vai abortar? O Caído
a Era da Ira. A ameaça é que todos os seus velhos no corpo de Rosemary será capaz de combinar a Fé
inimigos, agora, conhecem seu corpo-hospedeiro, nascente do infante com seus próprios poderes dia-
seu nome e sua localização. A ameaça é que Caídos, bólicos? Ou, a criança ainda tem a Centelha Divina?
dos quais você nunca ouviu falar, mas cujos planos Infelizmente para os Ocultos, eles não sabem
são incompatíveis com o seu, estão saindo da qual espírito entrou no corpo de Rosemary. Infeliz-
reclusão cada vez que você virar as costas. E se você mente para os personagens, eles sabem. Eles podem
tem uma disputa com alguém como, digamos, um protegê-la ou escondê-la até que ela venha presu-
superior que você esteja relutante em invocar para mindo-se até mesmo que ela possa?
fora do Abismo qualquer informação que alguém Fuga da Prateleira: Um dos personagens
tenha como, digamos, seu Verdadeiro Nome pode ouve de um amigo próximo que lutou a seu lado na
acabar no Scelestinomicon. Idade da Ira. Esse amigo está numa má posição. Ele
Ocultos podem ser indiferentes, e maldosos, se alistou com os Ocultos e se tomou um de seus Bi-
e sutis, e vingativos; e contra-atacar é traiçoeiro, bliotecários, mas agora ele quer sair. Ele acabou por
porque você não quer a anotação “matou um crer em [qualquer que seja a facção na qual seu per-
Oculto” na sua entrada do Scelestinomicon. sonagem está], e ele, em adição, descobriu que os
O bebê de Rosemary: Estava fadado a Ocultos estão planejando um grande ataque contra
acontecer cedo ou tarde. Um dos Caídos habitou o ela. Libertá-lo de seu confmamento e conseguir
corpo de Rosemary Moyer, e Rosemary Moyer está uma cópia de um dos Dois Tomos, atual a partir do
grávida a cinco meses. dia em que ele foi libertado. E claro que não se sabe
Demônios de ambos os gêneros são estéreis, exatamente onde ele está (faz parte do esquema de
é claro. Sem a Centelha Divina do favor de Deus, “proteção”), e há muitos lutadores fortes guardando
não há meio pelo qual eles possam contribuir para a ele... mas isso vai impedir os heróis Caídos? Claro
criação de uma nova alma, então, é bem provável que não.
que eles não possam( criar proles sem almas em Se você quer acrescentar outro nível de

33
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

especialmente sua natureza, suas fraquezas, e por Ao invés de serem escritos, 14 Caídos dois de
que eles parecem perder sua conexão com a huma- cada Casa - dedicaram-se a memorizar cada palavra
nidade complemente. de cada página de um dos textos, literalmente. Co-
RECURSOS letivamente chamados de “A Biblioteca”, ou “Os
Os mais conhecidos e óbvios recursos para Bibliotecários”, esses 14 Demônios são essencial
os Ocultos são o Scelestinomicon e o Crucianomicon - mente o coração da facção dos Ocultos. Seus
seus catálogos de, respectivamente, Caídos e nomes, localizações e identidades são
Terrestres O Scelestinomicon é algo como um anuário cuidadosamente ocultados.
combinado com uma lista telefónica e com um Suas identidades são conhecidas somente
dossiê da inteligência. Esclarecido isso, cada Oculto por sete Demônios (novamente, um de cada Casa)
é encorajado a relatar tudo o que sabem sobre cada chamados “Os Quaestori” (o singular é “Quaestor”
Anjo Caído, para o comité central se você estiver sendo educado). Como as faces
Scelestinomicon. Nomes mortais, informações públicas da Biblioteca, cada um deles sabe o nome
sobre a Casa, função original na Hoste Celestial, de quatro Bibliotecários dois que tenham
posto subsequente no Exército Infernal, atividades memorizado o Crucianomicon e dois que saibam o
durante a guerra esse tipo de dados são muito co- Scelestinomicon. Quando uma busca por
muns para muitos Elohim. Os Ocultos sabem informação sobre um Caído ou Terrestre é
muita “sujeira” a respeito de 70% dos anjos que aprovada, ela é apresentada para um Quaestor, ele
caíram do Céu. invoca os dois Bibliotecários e copia exatamente o
Dados mais recentes e úteis tais como nomes que eles lhe dizem. Se há uma discrepância, ele vai
e localizações dos atuais hospedeiros humanos, até outro Quaestor para uma terceira comparação.
identificação da facção, e planos atuais é menos Pequenos erros são puramente apontados para o
comum. Talvez, apenas 15% dos Caídos na Terra esquecido Bibliotecário. Maiores problemas
tenham dados assim no livro. Muitos dos que estão poderiam levar a medidas mais severas, tais como
registrados são os próprios Ocultos. substituição do Bibliotecário, mas todos esperam
Informações sobre Nomes Verdadeiros é que não chegue a isso; já que o antigo Bibliotecário
terrivelmente rara. Apenas dois por cento do jamais poderia ser libertado com um conhecimento
Exército Profano tem seus Nomes Verdadeiros tão precioso.
listados no Scelestinomicon, e todos esses estão Naturalmente, Os Quaestori são bem
listados porque seus superiores são Ocultos que durões, fanaticamente defendidos e muito
decidiram revelá-los. ocupados. Conseguir que um deles faça uma
O Crucianomicon identificou 11 Demônios pergunta por você é mais fácil se você for um
Terrestres por localização, ou relicário. Cada Oculto, entretanto, eles sempre insistem em saber
entrada tem páginas e páginas de especulação sobre por que você quer saber, e a sua resposta sobre o por
a história e atividades da entidade em questão, quê, então, vai para sua entrada do
juntamente com listas de Servos, potenciais agentes Scelestinomicon. Se você está do lado de fora da
e objetivos aparentes. Em tomo de seis também facção; você vai precisar ser amigo de um Oculto, ou
foram identificados por Nome Celestial, o que pagar, preferencialmente com informações, e é bom
geralmente levou a identificação da Casa, posição, que seja novidade. (A facção não irá pagar por
posto e histórico na Idade da Ira. Nenhum Nome informação que os Bibliotecários já têm, a menos
Verdadeiro de Demônios Terrestres foi registrado que fosse algo duvidoso que está sendo confirmado.
no Crucianomicon. Se eles não gostam de você, eles vão ouvir a
Eles não são grandes tomos de couro numa informação oferecida e dizer que eles já sabiam,
prateleira em algum lugar, mas também não são mesmo que não soubessem.)
organizadamente digitados em arquivos Rich Text PROTAGONISTAS
Format, esperando para serem hackeados e Uma crónica com protagonistas Ocultos
publicados na Internet. Ambas as maneiras tem oferece muita versatilidade e flexibilidade. O
seus desvantagens. Textos únicos são frágeis demais padrão para os grupos militares Ocultos envolve
e difíceis de obter, enquanto ar quivos de ouvir sobre coisas estranhas e ir descobrir o que é.
computador são fáceis de roubar e copiar. Os Bem simples na verdade. Como Ocultos, os
Ocultos têm uma solução que esperam poder re- personagens já têm uma forte motivação para irem
solver ambos os problemas. xeretar sobre os locais onde não são quistos. A

34
CAPÍTULO DOIS

em território inimigo. eles têm construído menos prestigiada, mas é a mais ocupada. Seu
e s c o n d e r i j o s , a c u m u l a n d o i n fo r m a ç õ e s , mandato solto é para atender as necessidades das
estabelecido uma rede de comunicações segura e outras duas legiões tipicamente vista como
tentado recrutar lutadores. construtora de posições de defesa. Na prática, ela se
O que é interessante, é que eles não estão impôs com uma estação de comunicações
lutando contra o inimigo que eles estavam secundária, organizando esconderijos e
esperando. Durante seu aprisionamento, “O encontrando fontes de Fé.
Exército de Lúcifer” discutiu eternamente as Estas não são tarefas gloriosas e nobres, e as
estratégias para usar em sua libertação. Por milhares duas primeiras legiões tendem a olhar para baixo
de anos, isso foi tudo sobre o que alguns em relação à Legião da Severa Resistência. Se a
Luciferanos pensaram. Todo esse pensamento, Legião da Vitória Gloriosa é o braço guerreiro, e a
entretanto, foi predicado sobre a idéia de que eles Legião da Libertação Majestosa lidera, isso faz dos
iriam emergir e encontrar a Hoste Celestial membros da Legião da Severa Resistência os buro-
esperando por eles. Ainda assim, tal não era para cratas.
ser. Conforme isso acontece, significa que a
Ao contrário de um exército unificado do Legião da Severa Resistência tem o maior poder
firmamento, os Luciferanos se encontram contra os atuai das fegiões. Seus anjos são os que fazem as
Terrestres, grupo rival dos Caídos e, mais coisas funcionarem, enquanto os outros arrumam
importante, contra um vasto número de humanos brigas ou varrem a Califórnia infrutiferamente atrás
tecnologicamente sofisticados e filosoficamente do desaparecido Estrela-da-Manhã. Anjos da Legião
exauridos. d a S e ve r a Re s i st ê n c i a s ã o te c n i c a m e n te
O Exército de Lúcifer, portanto, dividiu-se subservientes, mas se você irritá-los, se descobrirá
em três legiões, tentando retomar às gloriosas rapidamente sem fé, sem lugar para o qual correr, e
legiões de antigamente. A primeira (e maior) é a sem reforços a caminho, eles têm que priorizar, e
Legião da Liberação Majestosa, cujo propósito sempre há um Arquiduque Vitorioso, ou um
estabelecido é encontrar Lúcifer e libertá-lo de seu Soberano Libertador que está disposto a dar apoio a
aprisionamento. (Pensar Lúcifer deve estar eles. as outras legiões cederam tanto dos detalhes do
aprisionado é um dogma, de outra forma, ele seria dia-a-dia mundano das operações da facção para a
responsável pelo pranto de seus seguidores.) A Legião da Severa Resistência (enquanto eles se
segunda, é a Legião da Vitória Gloriosa a facção concentram em coisas que consideram mais
atual de guerreiros de linha de frente. A terceira é a importantes) que qualquer coisa que requeira
Legião da Severa Resistência, cujo dever é cimentar integração realmente, qualquer outra coisa que não
a posição do exército na Terra. seja combate ou reunião de informação sucumbe à
A Legião da Libertação Majestosa tomou-se, rubrica da legião.
primeiramente, um órgão de investigação. Está LUCIFERANOS NOTAVÉIS
tentando estabelecer sua própria versão do Grifiel o Devorador, Espada da Gloriosa
Scelestinomicon dos Ocultos, apesar de que a Vitória, retomou a Terra no corpo de um alemão
versão Luciferana é bem menos preocupada com viciado em drogas de 15 anos. Isso não importa
história, e mais focada em dados de contatos atuais. muito, entretanto. Seus poderes são tão sofisticados
Ao mesmo tempo, a Legião da Vitória que, agora, ele não lembra mais ao pobre Frank
Gloriosa está em desordem. Sem um inimigo para Grossheim. Na verdade, ele dificilmente se importa
lutar (ou, talvez, com inimigos demais) não há um em manter uma fachada humana na maioria do
objetivo claro pelo qual eles lutam. Indiretamente, tempo. Quando ele precisa manter uma, ele se
eles agem no impulso de muitos de Soberanos e parece com um homem baixo, grotescamente
Cavaleiros, na busca de ambições particulares ou musculoso, com uma face curiosamente serena.
ressentimentos pessoais. Ordens são dadas, Como um humano, ele deve lutar para segurar seus
somente para serem contra-mandadas ou chifres e presas dentro de si, o que dá a sua testa e
“perdidas” em algum lugar ao longo da cadeia de mandíbula uma aparência repulsiva.
comando. Nunca duas unidades da Legião da A Diabo Nazathor, por outro lado, prefere
Vitória Gloriosa lutaram entre si, ainda, mas manter a forma de Agatha Murfee, uma Brasileira
muitas sentem que é apenas uma questão de tempo. em tomo de 40 anos. Agatha viveu uma vida de
A Legião da Severa Resistência é a menor e miséria e degradação, mas Nazathor reinventou-a

35
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

como uma mulher de classe, bens, privilégio e bom balanceada. Além do que, a legião precisa de algum
gosto. A “nova” Agatha é bonita em uma maneira meio de alocar recursos insuficientes. O ideal é que
não-sexual é a beleza austera de uma estátua clássica. vá para os que têm maior necessidade, mas na prá-
Sua residência, nos registros, é no Rio de Janeiro, tica, todos pensam que sua necessidade é a maior.
mas ela gasta a maior parte do tempo em Los Quando nenhuma necessidade devastadora é
Angeles. Supostamente, ela tem estado lá óbvia, a cobiça por propinas burla regras como tudo
supervisionando o resultado final de seu negócio de mais.
exportação de café. Na realidade, ela tem liderado RECURSOS
as buscas por Lúcifer. Alguns membros da Legião da Libertação
LUCIFERANOS DESPERCEBIDOS Majestosa desviaram-se um pouco de sua busca por
Lady Azacachia está no comando da Legião Lúcifer. Ao invés de procurar o Príncipe dos
da Severa Resistência, e enquanto ela é ignorada Caídos, eles encontraram pedaços de um Demônio
fora do Exército de Lúcifer, ela é bem conhecida destruído, Melech. Tudo começou quando uma
dentro dele. patrulha de Algozes Luciferanos encontrou por
A Malfeitor Azacachia que encarnou no acidente um fragmento da forma de Melech
corpo de uma viúva americana obesa de meia-idade incorporado na paisagem surreal das Terras das
(mãe de três), chamada DeTeesha Morris; é Sombras. Desde que eles o trouxeram de volta ao
ensurdecedora, agressiva e impetuosa. Ela entrou mundo físico, eles têm tentado usá-lo como um
em brigas de gritos com Grifiel, e ganhou. (Ele cetro divino para encontrar outros fragmentos re-
também quebrou sua mandíbula, segundo ela.) manescentes da alma de Melech, na esperança de
Seu registro de serviço é tão variado quanto a res- sucitá-lo. Tal ressurreição iria produzir algo um
escolha de Azacachia em roupas. Ela é um dos três tanto diferente de um Caído padrão, ou até mesmo
arquitetos primários do espetacular "Ataque a u m d o s Te r r e s t r e s . O s C a í d o s e s t ã o
Vejovis" - a primeira operação rebelde a perseguir e proporcionalmente reduzidos - uma fração do
assassinar um membro da Hoste Celestial. décimo de seus Eus anteriores. Um Melech
Contrabalançando esse triunfo está seu desastroso ressuscitado pode ter apenas quatro partes de
comando nas Montanhas da Manhã. O fato milhares - mas essas quatro partes estariam com suas
interessante é que suas forças demoníacas recuaram forças integrais.
sem ter uma baixa sequer, enquanto seus seguidores A Legião da Vitória Gloriosa tomou posse de
humanos eram massacrados em massa por Algozes um recurso um pouco mais mundano durante sua
Legalistas. Sua versão é de que ela podia ver que um ação em Angola. Ela obteve êxito em se apossar de
massacre estava vindo, e tentou tirar todos em uma mina de diamantes pela força realizando a
segurança - não é culpa dela que os humanos não tarefa tão agilmente, que nenhum humano escapou
puderam acompanhar os Demônios. com histórias de invasões demoníacas. Os humanos
Como líder da Legião da Resistência, ela é de lá foram, persuadidos a se escravizarem para os
uma negociadora desinibida e comunicativa. Você Luciferanos, e a mina (tendo sido comprada por
quer um pedaço dos negócios que ela comanda? uma canção pela Legião da Severa Resistência) está
Ok, o que isso vale para você? Enquanto sua franca mais produtiva do que nunca. Isso dá aos
atitude mercenária enoja e enfurece a muitos L u c i fe r a n o s u m a s ó l i d a b a s e f i n a n c e i r a
dentro da Legião da Vitória Gloriosa e da independente de poder místico - e os diamantes são
Libertação Majestosa, ela está muito ligada aos valiosos, legalizados, difíceis de rastrear e fáceis de
comandantes dessas legiões (que sempre exportar.
conseguem exatamente o que eles querem, quando PROTAGONISTAS
eles querem) para ser removida de seu escritório. O Exército de Lúcifer é, talvez, a facção mais
Um Soberano irritado tentou simplesmente simples para usar protagonistas. (Algo para se
assassiná-la, mas ela deu um jeito atacar com um manter em mente. Particularmente, se você é novo
impressionante equilíbrio entre velocidade e dor, em narrativa, ou se você tem jogadores
matando-o em retomo. inexperientes.) Porque a hierarquia é tão rígida, é
A atitude mercenária de Azacachia vazou por muito fácil para o Narrador fazer com que os
toda a legião. Suscetível a questionamento, isso personagens se envolvam em coisas (mandando-os
impede a eficiência do exército como um todo, mas em missões), e é fácil jogar alguma corda para eles,
isso certamente mantém a política interna da legião se eles estão em encrenca pela terceira vez (man-

36
CAPÍTULO DOIS

dando reforços do QG). As brigas entre e dentro das Terrestre, ou algo totalmente diferente). Talvez, ele
legiões fornecem uma boa desculpa para não ajudá- seja um covarde, ou ele não pode controlar seu
los demais ou muito regularmente, mas ela está lá To r m e n t o . Ta l v e z , e l e s e j a a p e n a s u m
quando eles realmente precisam dela. incompetente. Em qualquer evento, ele não deveria
Os fatores que fazem esta facção atrativa para estar dirigido o show, e os personagens sofrem por
novatos podem fazer dela um tanto sofrível para isso. Todas as suas opções levam às complicações da
jogadores mais experientes. O caminho ao redor trama. Eles podem “detonar o tenente” e trocar seu
desse limite perceptível éjogar com a briga política problema atual por problemas de ocultamento
interna. Mesmo se os personagens forem oficiais (porque o Exército de Lúcifer não tolera algo assim),
respeitados, eles têm rivais tentando roubar seus re- ou o problema de fugir do exército e convencer a
cursos, mandá-los para perigo mortal, ou superá-los nova facção de que eles não são espiões.
em descobertas importantes. Elementos essenciais Alternativamente, eles podem ir de missão em
em planejamentos superiores e insubordinações in- missão tentando superar a inabilidade dele. Uma
feriores, e Luciferanos de posto-médio, de repente, última possibilidade é de que eles possam apelar
tomam-se complexos o suficiente para o jogador para uma autoridade maior e - se eles têm ampla
mais fatigado e isso, sem considerar outras facções e evidência das falhas de seu chefe e não se importam
os Terrestres. de interpretar um drama de câmara da Corte - eles
Polícia Militar: Todos os Demônios que têm podem tê-lo substituído. Claro, que ele fará de tudo
postos altos no Exército de Lúcifer podem ser cha- para vingar-se deles por humilharem-no, mas, se
mados para servirem como polícia militar. Depen- você tem que ter um inimigo é bom ter um
dendo em qual legião eles estão, seus deveres in- incompetente, certo?
cluiriam investigação externa, ou combate, ou su- ANTAGONISTAS
porte de estrutura mas, em adição a suas obrigações A organização e a disciplina do Exército de
de legião, eles também policiariam o exército como Lúcifer fazem dele uma grande fonte de
um todo. Se um Cavaleiro virar renegado, os per- antagonistas. Eles são obstinados, orgulhosos e
sonagens o matam. Se um espião está vazando in- incansáveis. Se você matar um, eles mandam dois
formação, os personagens o caçam. Se um inimigo é para substituí-lo. O único meio de fazer as pazes
capturado, os personagens o guardam até que uma com eles é através da redenção, ou derrotando-os
decisão sobre seu destino seja alcançada. completamente (e já que eles consideram a
Esse trabalho dá muita influência aos condenação o Inferno uma "derrota temporária", é
personagens, já que uma investigação policial extremamente difícil fazê-los admitir uma derrota).
nunca é boa para a reputação de alguém. (E Isso, para não dizer que eles são insanos. Se lutar
Demônios especialmente os Luciferanos na Legião contra os personagens estiver lhes custando muito
da Vitória Gloriosa se importam muito com a (seja em pessoal, ou em reputação), eles estão
reputação.) Também coloca os personagens numa dispostos a assinar uma trégua, ou um armistício.
precária posição política, entretanto. Eles podem Eles até mesmo se submetem à carta de acordo
acabar sendo os peões de um líder contra outro. contanto que os personagens também o façam -
Pior de tudo, eles fazem inimigos dentro de suas enquanto fazem de tudo que eles podem para
próprias facções, eles podem não ter reforços contra transgredir seu espírito.
inimigos externos. Ainda assim, no lado positivo, Dentro do Labirinto: Alguém - os
há muitas chances para benefícios e corrupção. personagens, os Luciferanos ou uma terceira facção
E um trabalho sujo, tudo bem, mas alguém influente - descobriu uma entrada para um tipo de
tem que fazê-lo. "plano espiritual" extra- dimensional. Talvez, seja
Motim: Este modelo funciona melhor para
uma fortaleza abandonada da Era da Ira. Talvez, seja
personagens que estão na Legião da Vitória
um refúgio nephelim, ou uma cidadela escondida
Gloriosa, mas pode ser adaptado para qualquer
dos temidos Malhim. O que quer que seja, está
legião.
Os personagens estão, todos, subordinados a desmoronando e sob a mesma pressão que
um Demônio mais poderoso (ou, talvez, um enfraqueceu o Abismo, pode implodir a qualquer
Demônio simplesmente mais influente), e seu momento. Ainda assim, alguém poderia encontrar
comandante não é apto para liderar. Talvez, ele atrações de algum tipo lá dentro (sejam elas antigas
tenha se vendido para outra facção (ou para um armas, tomos com Nomes Verdadeiros - o que servir
melhor a sua crónica). Não apenas isso, ela tem

37
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

mesmo truque, e fazer com que o Exército de final é que Lúcifer rejeite o manto da liderança, mas
Lúcifer fique interessado em derrubar os o faça secretamente. Se apenas algumas pessoas
personagens primeiro. sabem que ele não está voltando para o exército,
FUTURO PRÓSPERO Nazathor as faz jurar segredo e faz um imenso
O futuro decisivo para os soldados do estratagema. Ela diz ao exército que eles ainda estão
Exército de Lúcifer depende amplamente de como procurando Lúcifer, enquanto, secretamente,
Lúcifer reagirá a eles, quando (ou se) eles garante que eles nunca vão encontrá-lo de novo.
finalmente o encontrarem. Se os personagens dos Isso significa que os conspiradores têm que ficar
jogadores cumprirem essa tarefa crucial, é provável perto do Adversário (não é o lugar mais seguro para
que o comportamento deles influencie na decisão se estar), e isso significa que eles são os primeiros
do Estrela-da-Manhã sobre seus pretensos contra muro se a farsa for descoberta.
seguidores. Uma particularmente desafiadora desse
Lúcifer Triunfante: Se Lúcifer decidir futuro é que a conspiração, na verdade, aprisionou
reassu mir sua posição como cabeça da facção, será Lúcifer. (Não é uma tarefa fácil, mas também não é
uma enorme bênção. Primeiro e mais importante, impossível.) Mantendo-o preso, ou eles continuam
ele é mais poderoso do qualquer mero Caído. sua busca enganosa, ou -ainda mais audaciosos-
Diferente deles, ele escapou da punição de ter a apresentam um Demônio que clama ser Lúcifer. A
maior parte de seu poder removido. O Adversário plausibilidade do farsante determina se isso resulta
poderia estar “pau-a-pau” contra o mais forte dos em deserção de outros grupos, deserções para eles,
Terrestres e ainda assim ter uma melhor chance. Em ou -a opção mais interessante- de ambos. Lu-
segundo, ele ainda é um nome influente dentro da ciferanos pensam que ele não pode ser o verdadeiro
sociedade demoníaca. Muitos Faustianos e Ocultos Lúcifer, então eles partem para os Faustianos, ou até
se juntariam ao Exército de Lúcifer, se ele o liderasse mesmo os Ocultos, enquanto Demônios de outras
de fato, ao invés de seu nome. Até mesmo os facções buscam tanto a liderança, que estão
Reconciliadores e os Rapinantes perderiam dispostos a serem conduzidos ao erro. Tais recém-
membros para o corpo de fiéis de Lúcifer. Mas, mais chegados podem (ironicamente) ascender
importante, talvez, ele unificaria a facção em si. Ele rapidamente através dos postos Luciferanos, já que
iria remover rapidamente o exército e reconstruí-lo eles são menos propensos para questionar a
como algo duas vezes mais eficiente do que é agora, identidade da "Estrela-da-Manhã".
possivelmente, até mesmo reformando as cinco RAPINANTES
legiões dos tempos antigos. O repertório dos Rapinantes se resume a
FUTURO DECADENTE "grande, burro e ultra violento." Certamente, eles
Por outro lado, Lúcifer pode estar de saco são os mais imprudentes e destrutivos dos Caídos,
cheio de ser o cara no cavalo branco, que o outro mas considerá-los como assassinos escravizados,
lado quer destruir. Sua reação ao ser encontrado, que mal podem lembrar-se de carregar os cartuchos
pode ser a versão Enoquiana de “Cai fora, criança, de ignição em seus lançadores de chamas, não é
você me incomoda.” apenas um erro - é perigoso.
Lúcifer Insubordinado: Se o Estrela-da- Primeiramente, a concepção de que eles são
Manhã repudia seu exército, a facção colapsa da estúpidos não é correta. Claro, você encontra
noite para o dia. Demônios deserdam em hordas, alguns Rapinantes tolos, mas não mais do que em
seja fugindo para outras facções (na maiora qualquer outra facção. A liderança não está
Rapinante, com Faustiana em segundo lugar), ou se abraçando a carnificina por falta de uma alternativa
tomando grupos espalhados inferiores a qualquer mais gentil - eles estão fazendo isso porque
número de pretensos Duques ou Soberanos. consideraram as alternativas e não acharam
Grifiel não pode sobreviver a uma rejeição nenhuma delas plausível, eles são niilistas, só que
de Lúcifer. maliciosos, eles aceitaram que não podem ganhar,
S e re j e i t a d o , e l e vo l t a r a ste j a n d o , então eles vão roubar a doçura da vitória dos
implorando aceitação, de novo e de novo até que ganhadores.
Lúcifer ou (1) perdoe e aceite sua fidelidade, ou (2) o Inicialmente, essa Doutrina é difícil de
destrua totalmente. Quanto a Nazathor, sua ira só seduzir os personagens, mas mantenha em mente
faz com que ela deseje a morte do Estrela-da-Manhã. que toda reviravolta, todo plano fracassado, toda
A Contenção de Lúcifer: Uma possibilidade vez que eles se perdem para seu Tormento... os

38
CAPÍTULO DOIS

vários habitantes originais desesperados, presos decepção para as outras facções - possivelmente
dentro, muito enlouquecidos para lidar com eles, destruindo os Luciferanos? Ou eles alertam seus
familiarizados com todas as armadilhas e violência inimigos para o perigo da conspiração, juntando
para com todos os estranhos. cercas e fazendo as pazes com o exército... se o
O Exército de Lúcifer mandou um exército acreditar neles e não pensar que é algum
esquadrão. A outra legião também o fez. Os esquema distorcido para desacreditar o real Lúcifer?
personagens ousam entrar lá, ou eles deixam os TERCEIRAS INFLUÊNCIAS
Luciferanos selecionar o que querem do tesouro? Os Luciferanos não são necessariamente as
O Falso Profeta: Após os personagens terem melhores terceiras inf luências, porque seus
encontrado com o Exercito de Lúcifer algumas objetivos são muito sólidos e sua estrutura é muito
vezes - o suficiente para eles realmente os odiarem - rígida. E difícil distraí-los o suficiente para que
um Demônio de outra facção se aproxima com uma quebrem um elo entre outros dois grupos
proposta. Ele tem um amigo que pode, com um poderosos. A exceção (claro) é se um dos grupos os
trabalho meticuloso e esforço, passar-se por Lúcifer. atacarem, ou se há algum ângulo "encontre Lúcifer"
Eles vão tentar, e impor esse falso Lúcifer sobre o para arrastá-los para dentro.
exército, e efetivamente subvertê-lo a partir do topo. Isso para não dizer que eles ignoram
Naturalmente, há todo tipo de benefícios para os políticas. (Eles ainda são Demônios, afinal.) Talvez
personagens se eles agirem de acordo, mas sua o caminho mais simples para fazer com que eles
tarefa é perigosa. façam o trabalho sujo de alguém, é fazer com que
Eles têm que "encontrar" esse farsante e fazer eles pensem que um grupo é tão fraco em um local
de tudo que está em seu poder para impedir os específico, que eles podem entrar e roubar a Fé
Luciferanos de resgatá-lo. Quanto mais lutarem, dele/ posição estratégica/ peões mortais sem muito
mais persuasivo o estratagema. Eles estão de acordo esforço. Se os personagens fizerem com que um
com isso? rival pareça uma fruta madura, os Luciferanos
Assumindo-se que eles se juntem à podem fazer exatamente isso. E uma vez que os
conspiração, como eles respondem quando eles Luciferanos tenham se envolvido, eles tendem a se
aprendem (um tanto contrário às intenções de seu manterem envolvidos.
"aliado") que o falso-Estrela-da-Manhã pode atuar, Claro, que o oposto é que não há nada para
porque é um peão de um dos Terrestres? Eles impedir os rivais dos personagens de empurrar o
deixam o estranho mau assumir, e então revelam a

39
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Rapinantes podem simplesmente balançar suas que contrabandeiam cargas humanas do México
cabeças, rolar seus olhos e dizer "Nós te avisamos." para os Estados Unidos. Ele foi o gênio que criou
Agora, quem parece estúpido? com uma variação infernal do clássico "Jogo do
Muitos Rapinantes são combatentes Texugo." Um dos Demônios iria contrabandear um
veteranos da Idade da Ira. Por sinal, esse grupo lote de migras ilegais através da fronteira. Um
provavelmente tem a mais alta porcentagem de "agente SIN" -na verdade, um dos outros Demônios
guerreiros que realmente estiveram nas linhas de disfarçados - iria parar o caminhão.
frente, sendo destruídos, machucados, e Esse "agente" agiria de forma louca e mataria
machucando outros. Aquelas não são experiências um dos imigrantes onde os outros pudessem ouvir,
que levam você a ser alguém imprudente e teimoso. enquanto eles se escondessem na traseira do
Elas te fazem esperto e confiante. Um Devorador caminhão. Quando eles estivessem realmente
que tem muitas mortes destruidoras em sua horrorizados, muitos iriam orar... e o terceiro
história, não tem nada para provar. Se ele não gosta Demônio apareceria em sua verdadeira forma,
do jeito que uma luta está indo, não irá ferir seu prometendo entregá-los em segurança nos Estados
orgulho, sair e voltar quando as probabilidades Unidos... por um preço.
estiverem mais de acordo com seu gosto. Eles se revezavam no papel de "anjo salvador"
Rapinantes não criam, eles destroem, e eles são e se tomaram um dos mais poderosos e bem
bons nisso. Isso significa que eles agem como um sucedidos grupos norte-americanos, dentro da
grupo contra alguém, eles mentem, eles traem e con- facção Rapinante. Os dois Profanadores ficaram na
fundem, e eles te chutam quando você está por fronteira, mas Sauriel tinha aspirações mais altas.
baixo. Quando se trata de pequenas unidades Ele usou o dinheiro e poder que ganhou
táticas, eles são mais espertos. contrabandeando, para se envolver com cartéis no
Isso sem ao menos falar da habilidades de sul. De lá, ele investiu na Rússia e estabeleceu-se
subversão deles. O estereótipo Mike Tyson é a mina firmemente como um comerciante de armas no
de ouro para os Rapinantes, porque isso faz com mercado negro. Ao mesmo tempo, ele estava
que seus sutis agentes hajam sem suspeitas. viajando o mundo como um mercador da morte,
A verdade essencial sobre os Rapinantes é ele estava achando Caídos que poderia recrutar
que eles não apoiam coisa alguma. Eles não pensam para a causa Rapinante.
que as coisas podem ficar melhores. Essa instância Suphlatus, Duquesa da Poeira, conseguiu
de desespero dá a eles uma força paradoxal. E um hospedeiro mais satisfatório. Mona Sheffield
impossível reduzir sua resistência, porque ela já se era velha, severamente acima do peso e mais amarga
foi a tempos. E difícil tentá-los, porque eles não têm do que uma mordida sólida em casca de limão, mas
esperança sobrando com a qual você possa brincar. ela era rica e prosperidade oferece um monte de
Você nem ao menos pode ameaçá-los, porque eles compensações. Foi o trabalho de apenas um mês,
não conseguem conceber um destino pior do que para encontrar uma bela e amoral dama ansiosa
aquele em que estão vivendo. para trabalhar seu caminho dentro das boas graças
Eles atingiram o fundo do poço. Isso de uma rica, senhora idosa, feia e senil. O nome da
significa que são duros como rochas. jovem mulher era Suria Fischer, e ela receberá toda
RAPINANTES NOTÁVEIS a fortuna Sheffield quando Mona falecer.
Sauriel, o Libertador, o mais potente dos (Suphlatus antecipa tremenda resistência dos
Algozes Rapinantes, retomou ao mundo material quatro filhos de Mona, quando isso acontecer,
em uma forma muito importante. Xavier Cortez foi então ela tem visto psicólogos em todos os lugares
completamente incapaz de agir sexualmente, por para atestar sua sanidade mental. Ela também os
anos. Ele tinha certeza de que sua esposa Consuela deserdou legalmente.)
o estava traindo, o que todo mundo em sua Po r h o r a , S u p h l a t u s / M o n a e s t á
pequena cidade do México já o sabia como fato. perfeitamente contente em gerenciar infiltrações de
Sauriel achou os problemas pessoais de Xavier espiões dos Rapinantes, de seu estado da Nova
repugnantes e lidou com eles matando Consuela, Inglaterra, mas ela já está pronta para as coisas
todos os seus vizinhos e toda a família próxima de mudarem. Ela sente que é apenas justo aguardar até
Xavier e Consuela. que Suria fique cansada de esperar pela natureza.
Sauriel, então, tomou-se os músculos para Quando Suria tentar matar Mona (obliquamente
um par de "Coiotes" Profanadores - profissionais ou diretamente), Mona planeja virar a mesa,

40
CAPÍTULO DOIS

possuir a original Suria, e então assumir a aparência nos Bálcãs, enquanto, na verdade, subverte as ações
da herdeira. Voilá um corpo jovem e sexy, a fortuna deles contra os Rapinantes. Ela tem uma boa
de uma mulher idosa, e a reputação de ser assassina história de cobertura: Orzorzo afirma que os
(mas bem sucedida). Ela conclui que a reputação Rapinantes mataram a família de sua hospedeira
será um imã para o tipo de escória que ela procura mortal (uma mulher chamada Ludmilla Pravoc)
escravizar. como um “objeto de lição” sobre os perigos de se
RAPINANTES DESPERCEBIDOS apegar demais aos humanos. Agora (diz ela), ela
Seria um choque para os Ocultos se eles quer dar o troco a eles preferencialmente dando os
aprendessem que a facção com a maior golpes mortais sobre os Rapinantes capturados e
porcentagem de agentes ocultos (do que a deles) é a derrotados. Isso (diz ela) permitirá que ela use seus
Rapinante, mas é indubitavelmente verdade. Por poderes de Algoz para selar o destino dessas almas
sinal, um desses espiões Rapinantes ocultos está partidas.
altamente posicionado entre os Ocultos. Ela é inteiramente sincera sobre a última
Jerazol, o Mutável, serve como assistente parte. Ela está usando seus poderes de Algoz,
para Gipontel, embora seja um assistente menor. conforme os mata, mas ela os está usando para se
Enquanto Gipontel senta em sua loja e coordena os certificar de que os Caídos mortos fiquem ligados a
Ocultos, Jerazol (e uma dúzia de outros Caídos de ela, para que, eventualmente, ela possa repatriá-los
prestígio igualmente irregular) correm ao redor do aos Rapinantes. Dessa forma, ela tem salvado dúzias
mundo, fazendo a pesquisa dele, o que ele manda e de seus companheiros nos últimos dos últimos
(quando necessário) seu trabalho sujo. minutos.
Jerazol pegou o corpo de Ravi Lecmathan, RECURSOS
uma criança mendigo que morreu de fome nas ruas Um dos maiores recursos que os Rapinantes
de Calcutá, mas aquela forma foi rapidamente possuem é a antiga fortaleza que eles nomearam
trocada por uma mais útil a seus planos, “Lemúria”. Eles a chamam assim porque, como o
especificamente, o Profanador arranjou uma continente mítico, foi encontrada no fundo do
tentativa de assassinato contra Chan Tseng, um Oceano Atlântico, Está a 500 milhas do sudoeste da
diplomata chinês na índia - um atentado que ilha de Santa Helena, entre África e América do Sul,
pareceu ser um fracasso desorganizado, mas que, na e, enquanto ela foi originalmente uma fortificação
verdade, foi bem sucedido.Os Servos leais de Jerazol dos Caídos, foi aparentemente a sede de um reino
colocaram o corpo de Tseng em um lugar humano no período que seguia a guerra.
apropriado, enquanto Jerazol assumiu sua forma e Os Rapinantes deram um jeito de ocupar o
correu para o hospital com uma ferida de projétil na corpo de, exatamente, um arqueólogo humano e
cabeça. escravizaram mais um de forma que possam
Agora, o "amnésico" Tseng retomou para a entender exatamente onde os humanos habitaram
China, onde ele é honrado como um valoroso Lemúria. Acontece que, entretanto, os artefatos e
servidor público. arquitetura não são de nenhuma cultura terrestre
Jerazol/Ravi/Tseng estájogando umjogo identificável. (Isto não quer dizer que eles não
perigoso. Ele está movendo o governo chinês contra possam ser egípcios, ou aste- cas, ou gregos; isso
os Ocultos, e ambos contra os Rapinantes que têm apenas significa que, após milhares de anos
sua lealdade máxima. Ele mantém a vista aguçada submersos^ é impossível dizer com certeza.)
para atividade demoníaca no sudoeste da China. Vários artefatos mtactos (incluindo uma
Ele acoberta atividade Rapinante, a menos que potente arma) foram encontrados, que indicam que
grande demais, e nesse caso ele respeitávelmente os Le- murianos tinham algum controle sobre sua
avisa aos Ocultos. Outros dados factuais vão para Fé que eles podem, de fato, ter tido um controle
ambos Rapinantes e Ocultos. Ele está muito maior do que os dos homens modernos.
particularmente inclinado a convencer os Ocultos Vários Rapinantes ficaram um tanto interessados
de sabotar os projetos dos Reconciliadores por em itens Lemurianos, e eles conjeturam se mais
descrevê-los "acidentalmente" como Faustianos. aparelhos dessa era esquecida podem ser
O que não ajuda é que, ele retoma, algumas encontrados em outro lugar.
vezes, para a forma de Ravi acidentalmente. Independentemente de sua fonte, Lemúria
Outro espião Rapinante é a Algoz Orzorzo, tomou-se um refúgio Rapinante. E particularmente
que presta um falso serviço ao Exército de Lúcifer popular com os Profanadores, muitos dos quais

41
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

podem chegar lá sem assistência e sobreviver com PROTAGONISTAS


pouco conforto. Mas Demônios de outras Casas O desafio para protagonistas Rapinantes é
arranjaram um meio de obter itens encantados que que eles escolheram a si próprios para serem
as permitem refugiarem-se na segurança em destrutivos e niilistas. Quem você compara contra
Lemúria. eles? Você pode ter os Terrestres como o mal “ainda
A outra única vantagem dos Rapinantes é pior”, porque eles não têm conexão alguma com a
que eles são capazes de espiar a invocação de outros humanidade, mas isso pode degenerar em um tipo
Demônios. Não é confiável, nem fácil, mas eles de corrida de comportamento vil dos, exércitos.
podem fazer isso. 'Em vez de tê-los corrompidos pelo bem da mal-
Somente Suphlatus ensina essa memorável dade, tente desafiar os Rapinantes a manterem-se
habilidade, e somente quando ela tem absoluta verdadeiros a suas crenças quando se confrontam
confiança em seu potencial protégé. (Dada a sua com bondade. Eles estão pressupostos a destruir
posição como Espiã-mestre, sua confiança é difícil tudo. Eles podem fazer isso mesmo quando parece
de surgir.) Ela mesma aprendeu esse truque com que os Reconciliadores e os Faustianos estão genui-
Belial, que foi seu comandante na Idade da Ira. namente construindo algo que poderia funcionar
No Abismo, Belial sempre imaginou como bem? Eles estão pressupostos a matar sem miseri-
Lúcifer soube de seu encontro “secreto” com Usiel, córdia. Eles podem fazer isso quando seu “inimigo”
Ahrimal e Lailah. Dados os séculos de é alguém que os salvou na Idade da Ira? E se for um
experimentação, invocando outros Demônios no humano indefeso sem nenhum entendimento do
Abismo, Belial finalmente descobriu um meio de conflito maior?
silenciosamente participar de uma ligação de Ser “mau” pode ser catártico e divertido por
invocação entre outros dois Demônios, sem o um tempo, mas se toma tedioso. Uma vez que você
conhecimento deles. Para fazer seus testes, ele teria gaste toda sua maldade... então, o quê? A resposta é
que ter alguém que o ajudasse, e escolheu que você se redime.
Suphlatus. Atualmente, somente Suphlatus e seus Se seus jogadores pegarem uma crónica
dois tenentes mais próximos possuem essa Rapinante, assegure-se de ficar aberto para o
habilidade. pensamento de mudar do desespero, para recuperar
Funciona assim: O espião gasta um ponto de a esperança. Essa é uma boa história também.
Fé, e um ponto temporário de Força de Vontade, Acima e além das grandes questões de tom,
enquanto invoca o Demônio que deseja monitorar. há as questões de trama, e as seguintes estruturas
Não importa se o Demônio ignora ou responde a podem oferecer algumas boas.
invocação: o espião retém uma conexão oculta, Tropas de Choque: Atípica crónica
mesmo após o Demônio pensar que a comunicação Rapinante é como segue: vocês são soldados
foi encerrada. Se o alvo invocar ou for invocado por Rapinantes, vocês ficam em volta e destroem coisas.
outro Demônio, o espião sabe. Contanto que ele Fácil, certo?
mantenha essa observação passiva em andamento, Alguns jogadores realmente amam ter seus
porém, o espião leva uma penalidade de um dado personagens correndo em volta, envolvendo-se em
em todas as paradas de dados baseadas em briga após briga. Tudo bem. Se seusjogadores se
Atributos Mentais. deliciam com isso, divirtam-se.
Uma vez que o alvo começa outra invocação, A boa notícia é que os jogadores que gostam
o espião pode gastar um ponto de Fé para espionar simplesmente de histórias de lutas não se importam
o que está sendo dito apesar de que ele não saberá de ser direcionados. Eles tendem a fazer o que eles
quem está na outra extremidade, a menos que ele são “pressupostos a fazer”, se você se assegurar de
descubra por dedução. Após essa invocação recompensá-los com um final cinematográfico em
terminar, ele pode continuar a observação passiva. uma estação petrolífera, ou no meio de um
Qualquer um cuja invocação esteja sendo terremoto, ou dentro do silo de um míssil pre-
“grampeada” pode notar isso com um rolamento de parado para lançamento. Mas não pense que não há
Percepção + Presciência (dificuldade 8). Se for bem armadilhas nessa abordagem. A maior desvantagem
sucedido, o personagem experimenta uma estranha é que isso fica repetitivo. Histórias de intriga
sensação de ser vigiado, mas nada concreto. Um tendem a correrem por si mesmas por um tempo,
Demônio pode manter um único grampeamento conforme os personagens ficam ganhando mais
por vez. corda até a situação estar tão labiríntico, que o

42
CAPÍTULO DOIS

Narrador tem que fazer algo mais do que ficar aco- facção, e eles têm que recontatar aqueles que,
modado e deixá-los destruir. Com crónica de aparentemente, levantarão suspeitas pelo fato de
combate, entretanto, o Narrador tem que substituir haver sobreviventes.
antagonistas con- tinuamente, conforme eles são Sabotagem: Uma equipe de sabotagem é
chutados para o meio-fio. A menos que você mude uma opção Rapinante menos óbvia, mas é uma com
as coisas, você pode ficar exausto, o que leva potencial mais amplo do que puro combate. Você
rapidamente à exaustão dojogador. pode fazer muito mais coisas se os personagens são
Um meio de manter as coisas recentes em supostos sabotadores. Combate é parte da crónica,
uma crónica de batalha é incluir decisões mas política, manipulação e morte também.
estratégicas, da mesma forma que algumas táticas. Já Você pode começar sua crónica de
que eles não podem estar em dois lugares ao mesmo sabotagem como uma variação da crónica de
tempo, faça os jogadores prio- rizarem entre dois combate, só que ao invés de fazer o esforço máximo
inimigos e assegure-se de que há repercussões com o com suas Doutrinas, os personagens estão entrando
grupo que “escapou fácil”. Dê a eles desafios, nos sorrateiramente em laboratórios, templos e bases
quais eles devam se aliar a antigos inimigos, e ocultas para destruírem coisas.
assegure-se de que os inimigos tenham uma chance A grande reviravolta para trabalhar, porém, é
de apunhalar pelas costas. Faça-os escolher entre que uma vez que os personagens provarão que
atacar a base bem defendida de um Reconciliador, podem operar como ninjas na competição, seus
ou atacar um Terrestre enquanto suas defesas estão chefes elevam a barreira e lhes pedem que, na
temporariamente enfraquecidas. verdade, se infiltrem em outra facção. Sua missão é
Em segundo lugar, faça os desafios reais. fingir serem Reconciliadores, ou Luciferanos, ou
Claro, os personagens poderiam ser capazes de ter Faustianos, ou Ocultos, e trabalhar sutilmente para
uma chance justa de derrotar seus oponentes, mas é derrotá-los a partir do interior.
apenas para ser justo. Derrotar facilmente inimigos Esse é um bom cenário da perspectiva de um
que parecem ameaçadores (mas não são) é divertido Narrador, através da servidão a dois mestres, os
por um tempo. Desafiar inimigos que podem ser personagens vão quase sempre ter que escolher
derrotados somente com alguma trapaça e entre estragar os planos de um e, portanto, sofrer
cooperação manterá o interesse deles por muito com seu desprazer. Por exemplo, se eles forem
mais tempo, e o jogo é mais interessante se eles disfarçados para os Faustianos, suas opções são: (1)
sabem que você está compelido a matar um servir bem aos Faustianos, o que fará os Rapinantes
personagem que haja estupidamente mesmo al- suspeitos, ou (2) estragar com cada plano que os
guém que dependa apenas de bons rolamentos, e re- Faustianos derem a eles, que cujo caso são
ceba os ruins. rapidamente rebaixados a missões suicidas e
Em terceiro, tente oferecer a eles chances para trabalhos pesados. Em qualquer caso, você tem
adicionar elementos de não-combate à crónica. Tra- muitos meios plausíveis de desafiá-los.
te com cuidado, entretanto. Jogadores ressentem-se PROTAGONISTAS
de serem encaixotados em política tanto quanto jo- Na superfície, Rapinantes parecem os
gadores políticos odeiam ser forçados a uma luta. antagonistas perfeitos. Eles são maus, eles são
Mas faça disso uma possibilidade que eles podem violentos, e eles destroem coisas. Se seus jogadores
pegar ou ignorar conforme escolhem. Se eles dis- estão primeiramente interessados em um jogo de
serem, “Não, não queremos ir nessa coisa toda com combate pesado, você pode decorrer os Rapinantes
o orfanato e conflitos étnicos e tal”, assim está bom. só dessa maneira, como um bando de Hell's Angels.
Ofereça a eles tal conflito incomum em algumas ses- Mas se você olhar mais perto, você pode ver as
sões, no futuro. Eventualmente, eles podem pegá-lo profundezas ocultas dos Rapinantes. Essas
quando (ou se) o combate começar a perder seu profundezas podem fornecer algum gancho interes-
brilho. sante, e surpresas para os jogadores, que pensam
Um último conselho é lembrar o quão que descobriram tudo.
dispensáveis todos os Rapinantes são - por Como discutido anteriormente, a imagem
definição. Um bom meio de adicionar tempero à do “lunático com bastão de beisebol” não é
organização de um combate é ter os líderes dos simplesmente verdade. De onde os Rapinantes se
personagens e seu apoio complet amente sentam, as outras facções são tolas (ou loucas). Os
destruídos. Agora, eles estão des- conectados da Rapinantes não são apenas espertos, eles são

43
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

espertos o bastante para apreciar as vantagens de Controle de Dano: Ao contrário de um


parecerem burros. infiltrado sorrateiro, os personagens se dispõem
Eles também são muito difíceis de serem contra uma equipe de combate. Agora, seus
seduzidos por outras facções. Seu niilismo significa desafios são duplicados. Em primeiro lugar, eles
que somente vitórias significantes e sofridas podem têm que lutar com esses malditos Rapinantes. Em
tentá-los, e que facção pode clamá-lasl Um espião segundo, eles têm que, na verdade, encobrir os
Oculto pode ser pego porque ele quer roubar crimes de seus inimigos, de forma que mantenham
informação, mas um sabotador Rapinante não outras facções longe de seus próprios projetos, e
poderia se importar menos, ele apenas quer destruir para manter afastados exorcistas, caçadores de
os teus esforços e sair impune. monstros e outros obstáculos para monstros. Você
Mas as consideráveis vantagens dos pode certamente espremer algum drama da escolha
Rapinantes mesmo as ocult as são todas moral de deixá-los ser tão maus quanto eles querem
concentrações de benefícios. Eles todos são ser, unindo-se a forças que irão destruí-los, ou que
orientados ao resultado em curto-prazo, nunca em encobrem e diminuem seus crimes, enquanto dá a
p r u d ê n c i a a l o n g o - p r a z o . Ac re d i t a n d o - eles nenhuma razão sequer para desistir.
passionalmente! - em nenhum futuro, eles são
TERCEIRAS INFLUÊNCIAS
muito pobres em construir para o futuro. Eles não Rapinantes como terceiras influências
estão equipados para ver outros serem bem tendem a ser uma ferramenta cega, mas não uma
sucedidos ao longo do tempo. Eles não estão ruim, necessariamente. Os Rapinantes “Vamos
equipados para serem bem sucedidos ao longo do destruir!” Fornecem uma ameaça que pode
tempo. O que significa que a longo prazo, eles empurrar os personagens da facção para uma
podem simplesmente ficar os mesmos, e esperar desconfortável aliança com seu inimigo principal.
para reduzir outros a seu nível. Como uma Alianças desconfortáveis são divertidas, porque
organização, é difícil para os Rapinantes ficarem cada lado está tentando jogar o outro na frente dos
mais fortes sem trair os princípios nos quais eles são Rapinantes, sem parecer que eles estão fazendo isso,
fundados. e não tão fatalmente que os Rapinantes possam
Os Rapinantes podem vencer batalhas, mas
derrubá-los quando terminarem.
eles nunca podem vencer a guerra. Esta é a fraqueza Os Rapinantes sorrateiros são também um
deles... E sua maior força. bom complemento externo para a dinâmica de uma
Informantes levam Pontos: Este modelo é
facção oposta. Eles serão os que vão ajudar cada
um pouco convoluto, mas vale a pena. Seus
lado a chocar-se com o outro, na esperança de que
personagens decidem trabalhar para alguma facção
ambos acabem mortos. Isso, mais uma vez, pode
não-Rapinante, eles fazem a coisa não-Rapinante
servir como ferramenta de acompanhamento.
deles. Enquanto eles o fazem, estabeleça um aliado
Quando os personagens estão com problemas, os
Caído na mesma facção, alguém que seja útil e
Rapinantes dão a eles um tipo de ajuda secreta para
informado. Em algum momento, os personagens
nivelar a ação de campo. E quando eles estão
encaram o perigo claro e presente um dos Terrestres
voando alto, os sabotadores estão lá para pregar suas
talvez e o aliado oferece ajuda a eles, mas eles têm de
asas.
jurar manter disso um segredo. Se eles con-
cordarem, o contato dá um jeito para que um
FUTURO PRÓSPERO
Não há exatamente um cenário de futuro
esquadrão Rapinante dê-lhes apoio enquanto eles
com final feliz para os Rapinantes. Eles querem
atacam o Terrestre. Obviamente, ele só poderia ter
destruir tudo incluindo a eles mesmos. Talvez,
feito isso através de fortes ligações com os
especialmente a eles mesmos. Eles só querem durar
Rapinantes. Ele clama (bastante ingenuamente)
o bastante para certificar-se de que todos se
está se infiltrando neles para destruí-los, mas que
mandem antes, só o bastante para certificar-se de
seus “reais” superiores (os que estão na facção dos
que ninguém vai controlar o incêndio que eles
personagens) ainda não sabem.
começaram, uma vez que eles não mais estão lá para
Eles acreditam na palavra dele? Eles o
alimentá-lo e atiçá-lo.
entregam para seus chefes como um espião
Mas em curto prazo, o que os deixa mais
Rapinante e perdem seu# aliado ou eles não fazem
próximos de seu objetivo é que as outras facções
nada, o que deixa ele chantageá-los através da
falham prematuramente e muitas vezes. Conforme
cumplicidade deles?
os Demônios nas outras facções ficam mais e mais

44
CAPÍTULO DOIS

atormentados, eles ficam mais e mais propensos a dentro do coração de um ser infinito, para mi-
unirem-se aos Rapinantes. Os Rapinantes gostam sericórdia, da mesma forma que para raiva.
de vitória direta, mas eles amam vitórias morais Os Reconciliadores vêem sua libertação do
porque isso os fortalece e enfraquece seus inimigos Abismo como uma segunda chance, e estão
ao mesmo tempo. determinados a não cometer o mesmo erro
FUTURO DECADENTE novamente. Eles querem continuar do lado certo.
Um provável destino para os Rapinantes é Se isso os toma traidores para os cruéis Faustianos,
queimar brilhantemente, mas, eventualmente, ou tolos para os arrogantes Luciferanos, ou covarde
acabarem na sarjeta. Eles não são feitos para durar, para os amorais Rapinantes; que então seja.
eles são feitos para manter as coisas longe de RECONCILIADORES NOTÁVEIS
durarem. A questão é qual facção (ou facções) eles As últimas palavras de Samantha 0'Hara
irão derrubar com eles? Eles gostariam que a foram “Você não tem coragem.” Ela estava
resposta fosse “todas”. O pior futuro para eles é conversando com seu sofrido marido Roy, que
perder sem ao menos ter a satisfação de barrar os tinha uma espingarda no mesmo nível da barriga
otimistas, humanos e anjos. A única coisa mais dela. Ele a flagrou tentando fugir com a renda do
miserável que um Demônio niilista é um Demônio primeiro assalto a banco, bem sucedido, dele.
niilista fracassado. Em tomo de um centésimo de segundo
RECONCILIADORES depois, Samantha não estava em condição de
Em meio ao tumulto e conflito da vida apreciar a ironia de suas últimas palavras volúveis.
demoníaca, surge um grupo, cuja pergunta é Chocado com sua própria ousadia, Roy estava
simples: Não podemos viver todos juntos? virando a espingarda para si próprio, quando o
Só que não é tão simples assim. Diabo Nuriel entrou no corpo morto de Samantha.
Os Reconciliadores são um tanto como os Nuriel esperou até que Roy tivesse a arma sob seu
Ocultos, sobre terem sérias questões sobre a queixo, dedo no gatilho, então ela simplesmente gri-
rebelião. Eles são como os Faustianos, porque eles tou “Bú!”
estão trabalhando arduamente, tentando construir Após isso, foi bastante simples retomar o
algo. Como o Exército de Lúcifer, eles têm fé numa dinheiro ao banco, ir na Inside Edition para tratar
autoridade de muito tempo atrás. Os chorosamente de sua atormentada experiência, e
Reconciliadores querem o perdão de Deus ou, se então sacar o cheque da notícia do tablóide para
falharem nisso, um lugar pacifico na Terra. Soa contratar um escritor-fantasma para a publicação de
ótimo, certo? Eles soam como a facção mais decente seu verdadeiro crime.
e honesta. Mas durante sua sórdida odisséia através de
Certo? um show de aberrações em papel, o nojo inicial de
A resposta depende do que você pensa sobre Nuriel se transformou em pena. Por que essas
Deus, e o que você pensa do mundo. Para um pessoas eram fascinadas por sofrimento, por crime,
Luciferano, Faus- tiano ou Rapinante, os por miséria? O que foi feito da humanidade o traba-
Reconciliadores são o equivalente infernal da lho mais nobre dos anjos! para se transformarem
França de Vichy. Eles têm todas suas bandeiras em ramerrões ignorantes, sem cultura, embriagados
brancas prontas e estão apenas procurando por no infortúnio alheio e em bebidas de malte? Mesmo
alguém que aceite sua rendição. Isso não seria tão a classe mais alta não era melhor. Tinha mais bom
ruim - um bom jeito de se livrar de lixo - exceto que gosto, talvez, mas quando se tratava de miséria
os Reconciliadores tendem a barrar as outras humana, eles estavam dispostos a gastar mais
facções também. Eles não querem apenas se render, dinheiro para se esconder dela, do que para aliviá-la.
eles querem ter certeza de que o lado para o qual se A salvação espiritual de Nuriel estava na
renderem, ganhará. classe média. Ela finalmente encontrou algumas
Isso os leva a passar por covardia e por pessoas decentes no Kansas. Eles trabalhavam
falsidade. Por outro lado, os Ocultos e os arduamente, mas não usavam o trabalho como
Reconciliadores iriam simplesmente discutir (como desculpa para negligenciar uns aos outros. Eles
Emerson) que uma consistência tola é o fantasma eram religiosos sem serem dogmáticos. E eles eram
de mentes pequenas. Permanecendo com a rebelião gentis, eles não estavam fazendo isso por mais que
após tal punição severa não é realmente a marca da suas próprias reputações e consciências.
mente sábia. Além disso, certamente há espaço Samantha 0'Hara trabalha em um Wal-Mart

45
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

em Topeka, e já expulsou dois Faustianos e um Os Faustianos, os Rapinantes e os


Lucifera- no que queriam gerenciar (ou arruinar) a Luciferanos estão todos, de umjeito ou outro,
cidade. Conforme mais Reconciliadores acham seu agarrados a sua própria miséria, segurando-a com
caminho para a Terra, vários Demônios de variadas força, fazendo dela o altar no qual eles sacrificariam
Casas se juntaram a ela em Topeka. Esse grupo de a humanidade, o mundo e seus próprios futuros.
Caídos comprou uma fazenda errante fora da Ouestucati espera por ser perdoada, e esse é
cidade, que serve como um local de encontro o motivo pelo qual ela está disposta a perdoar.
improvisado para Reconciliadores, Caídos não RECONCILIADORES
alistados [a uma facção] e qualquer Demônio DESPERCEBIDOS
pacífico que passe pela cidade. Pelo menos cinco A audácia do Malfeitor Aavius chocaria
Reconciliadores dormem lá, em adição a seus aqueles convencidos firmemente de que
donos. Reconciliadores são todos covardes. Ele não apenas
Ouestucati, outra líder dos Reconciliadores; está escondido dentro de outra facção, ele está
uma vez, foi a brisa sobre os oceanos do Paraíso com fingindo ser um Rapinante.
seus olhos vigilantes, protegendo àqueles que se Aavius gastou seu tempo no Inferno
aventuravam bravamente neles. Agora, encarnada contemplando a característica mais óbvia do
como a comis- sária de bordo Valia Brettlinger, ela programa de Deus “punir os maus”. Agora que ele
continua a voar e proteger. está encarnado na Terra, ele está enganchado com
Valia trabalha para a TWA e voa por toda a os Rapinantes para que ele possa simplesmente
Europa e América do Norte. Enquanto Ouestucati aplicar a força total de suas opiniões para assassinos,
está raramente em um único lugar por muito estupradores, adúlteros e falsas testemunhas.
tempo, ela não precisa de uma base de operações Infelizmente, ele também lembra de um impulso
firme para servir a sua facção. Ao invés disso, ela como “proteger os inocentes”. Isso encaixa
viaja de cidade em cidade pregando os princípios da imperfeitamente com os objetivos e métodos de
reconciliação. seus colegas Rapinantes, mas ele tem arranjado um
Ela nunca teve a real intenção de que os
meio de convencer um pequeno grupo deles de que
Reconciliadores fossem um movimento político.
Demônios que matam inocentes ganham
Em vez disso, ela simplesmente explicou o que havia
Tormento como recompensa. Para realmente con-
funcionado para ela tentar desistir de sua raiva e
seguirem concluir algo (ele avisa), eles vão precisar
arrogância, tentar lembrar o que tanto a agradava
de longevidade, então eles deveriam trabalhar seus
sobre a Criação antes da Queda, tentando deixar a
meios para tais crimes, começando com o foco
vingança de lado. Ela é uma oradora eloquente em
sobre humanos (e outros) que realmente estão
idiomas humano e angelical, mas seu argumento
pedindo por uma amostra da retribuição do Velho
mais potente é seu Tormento visivelmente baixo.
Testamento.
Ela não esta apenas falando de um bomjogo, ela o Ironicamente, sua postura fortaleceu tanto
está vivendo. seus três amigos mais próximos, que eles estão
De acordo com Ouestucati, a punição
considerando deixar os Rapinantes pelos
máxima do Inferno é ele fazer com que você puna a
Faustianos, ou até mesmo, pelos Ocultos. Mas eles
si mesmo. Ela diz que se você abraça seu Tormento,
estão relutantes em contar para Aavius, porque ele
você perde a habilidade de aproveitar os prazeres
parece fervorosamente comprometido com a
que restam, mesmo em um cosmos abatido. O pior
ideologia Rapinante.
destino não é estar no Inferno, é tornar-se o
Inferno. Uma vez que isso aconteça, nenhuma RECURSOS
Enquanto eles têm menos soldados do que
bondade pode ser apreciada; pode apenas servir
as facções Rapinante ou Luciferana, mais
como um lembrete amargo de graças melhores do
militantes, os Reconciliadores foram afortunados o
passado. Uma vez que o Inferno esteja dentro de
suficiente para descobrir três itens e uma
você, cada dor que você sente não é apenas a dor em
localização que deu a eles uma vantagem de decisão
si, mas a dor de saber que você merece a dor; ou,
tática, especialmente se eles conseguirem manter
altemativamente, a dor de ser a vítima de uma
essas vantagens secretas.
injustiça. De qualquer forma, a miséria controlar Os itens são três elos da corrente de
você e suas alegrias, como um tirano sem aprisionamento de um anjo vingador. As forças
misericórdia. legalistas começaram a usar as então chamadas

46
CAPÍTULO DOIS

“correntes de escravizadores” próximo ao fim da porém, que ver alguém produzir uma lança do
Idade da Ira, e poucas foram sequer capturadas nada, com uma parte de ouro em chamas não seja
pelos rebeldes. Essas correntes foram amplamente intimidador.) Mudar a forma dos elos é fácil, uma
temidas porque cada um dos sete tipos de corrente vez que lhe é ensinado a como. Você nem precisa de
tinha o poder de imobilizar o poder de um dos rolamento pra isso.
membros das Sete Casas, simplesmente pelo toque. O que é tão interessante quanto os três elos é
O toque de uma corrente de fogo negro o lugar onde eles os encontraram. Parece ser uma
transformaria até mesmo o mais forte Diabo em “realidade de bolso” uma área extra-espacial um
uma sombra impotente, facilmente aprisionada. tanto pequena que pode ser acessada de um velho
Anéis de fogo branco eram usados nos Flagelos, castelo em Burgundy, região da França. Essa estra-
detendo seus ventos a meras brisas. Vínculos de nha zona parece tomar a forma de uma torre de qua-
brilhantes diamantes era a arma escolhida contra os tro cômodos, sem janelas para o exterior. Está mobi-
Malfeitores, pois seu toque petrificava os Demônios liada com panos caros, e mobiliário do início de
em pedra viva. Restrições de cristal vermelho foram 1800, e os livros encontrados parecem indicar mais
usadas nos Infestos, que se tomavam vidro indefeso. do que familiaridade momentânea com Doutrina
Grilhões prateados de extremidades de gelo para os de ocultismo. Quatro humanos mortos foram
Profanadores que os congelavam em estatuas de encontrados na torre, vestidos em trajes rituais um
gelo; enquanto os Devoradores eram forçados em tanto ridículos e perfeitamente preservados. Dois
um repouso de madeira através de elos de ouro em morreram um tanto desordenados. Os outros dois
chamas. Quanto aos Algozes, havia correntes de estavam intactos.
cinzas, que os prendiam em fumaça indefesa. Independentemente de quem era o dono da
Uma corrente de batalha contra um Caído torre, ou de onde ela surgiu, os Reconciliadores
Fidalgo precisaria de, no mínimo, 50 elos para estão nela, agora. (A teoria mais popular é que ela
subjugá-lo; e para aprisionar o próprio Lúcifer, um era um buraco de fuga criado por um anjo ou
confinamento quatro vezes esse alcance foi Demônio covarde, na Idade da Ira; que foi
construído (embora nunca usado). Mas os Caídos, descoberta, mais tarde, por humanos que ainda
hoje, têm, pois uma fração de sua força anterior. retinham algum comando sobre sua Fé latente.) O
Mesmo o toque de um único elo é o suficiente para castelo que é pequeno, primitivo e está em condição
paralisar a maioria dos Demônios até que o contato pobre é nada mais do que uma atração turística;
seja desfeito. dando ampla desculpa para Reconciliadores de
Os três elos da corrente em possessão dos todo o globo visitá-lo sem serem observados. A
Recon- ciliadores são da variedade de ouro em maioria das pessoas que trabalha lá foi, até agora, es-
chamas. Qualquer Devorador que tocar um desses cravizada ou substituída pelos Caídos.
elos se toma uma estátua de madeira Enquanto as vantagens de ter uma pequena
imediatamente, incapaz de se mover até que o elo fortaleza que existe fora das dimensões normais da
seja removido; a menos que o jogador consiga três Terra é o suficiente (particularmente quando
sucessos em um rolamento de Força de Vontade ninguém sabe sobre isso), a torre escondida tem
(dificuldade 7). (Cada elo adicional requer outros outra propriedade muito mais útil. Quando você
sucessos em um rolamento de Força de Vontade. está dentro dela, o tempo demora a passar em
Um Devorador atingido pelos três elos precisa comparação com o tempo no mundo exterior. Os
conseguir cinco sucessos.) Se a estátua for destruída, Reconciliadores fizeram as contas e estimam que
o Devorador é libertado de seu corpo, exatamente para cada 23 dias gastos na torre, em tomo de um
como se ele estivesse morto. segundo se passou no mundo exterior. Isso faz dela
Malfeitores Reconciliadores alteraram os o lugar ideal ficar e curar, debater ou fazer pesquisas
três elos para que eles apareçam em uma de duas sobre projetos nos quais tempo é absolutamente
formas. A primeira são simples anéis dourados - essencial.
alianças de casamento, para todos os casos. As PROTAGONISTAS
outras formas são lanças de gancho de um metro, Há muitas razões para recomendar os
com o elo de ouro em chamas bem abaixo da cabeça Reconciliadores como protagonistas
de gancho da arma. Essas armas infligem Força +2 primeiramente, sua forte motivação para manter o
de dano em combate, mas não tem efeito adicional Tormento baixo e resistir à incitação de destruir o
contra não-Devoradores. (Isso para não dizer, mundo e a todos. Eles podem ser um pouco difusos,

47
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

propositalmente sábios, porém. Um meio de viver Luciferanos e Rapinantes não é apenas curiosa é
com o problema “Sim, mas o que Reconciliadores extremamente destrutiva.
fazem!” É ter uma estrutura narrativa forte. Segredos e Mentir as: Alguém está
Perseguidores Noturnos: Como a facção sacaneando com os personagens. O que quer que
Oculta, os Reconciliadores não fazem nada de eles tentem fazer, algo se atravessa no caminho -
graça. Em seus esforços para restaurar o mundo (e/ tipos religiosos mundanos com fé repreensora, uma
ou a si mesmos) ao que era, ele primeiro querem trupe de batalha de vampiros, outros Demônios -
uma imagem clara do que ele é. O quê é, é um tudo aparentemente sem relação, mas muito
mundo de escuridão, infestado com criaturas consistente para ser coincidência. De quem é a mão
bizarras e poderes estranhos de todas as espécies. secreta que gerencia todo esse caos? Por que razão?-
Como um esquadrão de investigações, os são os Reconciliadores locais, é claro. Eles estão
personagens estão basicamente fazendo o papel de espionando os personagens, eles decidiram fazer o
Arquivo-X (ou Kolchak). Eles ouvem sobre trabalho de Deus arruinando os planos dos
estranhos fenômenos, então eles vão e tentam personagens dosjogadores, e eles estão informando
descobrir que diabos está acontecendo. Se eles tive- grupos interessados. Como verdadeiros estraga-
rem uma chance de fazer o mundo minimamente prazeres, eles têm controle sobre uma boa fonte de
melhor (ou minimamente mais compreensível), Fé, e eles estão tão convencidos de estarem certos
ótimo. que Tormento não é exatamente o que os está
Cruzados: Para uma real mudança de contendo.
marcha, coloque seus Demônios em um local a Soldados de Deus: Os personagens são
beira do maior desastre humanitário. As Bálcãs atacados por Elohim que parecem ter cargas de fé
destroçadas pela guerra. A faminta e destruída para queimar. Eles são fanáticos, irracionais e não
África. A Tailândia rural sob o ataque dos senhores são incomodados por seu Tormento. Uma
da heroína. A missão deles? Consertar isso. investigação gradualmente revela uma situação
Essa é uma crónica realmente aberta, e não bizarra: os Elohim são Reconciliadores que foram
recomendada para iniciantes. Mas se seus jogadores convertidos por um culto mortal.
do tipo que sonham grandes sonhos e fazem Eles correram através de um secto mortal
grandes planos, isso da a eles uma tela ampla o estilhaçado chamado Soldados de Deus e revelaram
bastante para absorver todos os esforços que eles a si mesmos, pensando em ganhar uma fonte de Fé.
estiverem dispostos a jogar pra ela. O trabalho do Eles ganharam, mas no processo, eles começaram a
Narrador nesta instancia, consiste principalmente acreditar no líder humano da igreja. Ele é
em fazer pesquisas da vida-real sobre a região em simplesmente um mortal não é um Nephelim, não
questão. Uma vez que você comece a cavar, há mais é um imbuído, apenas um cara realmente esperto e
escritos sobre agitação política ligada a narcóticos carismático. Ele aponta que talvez o caminho para a
na América do Sul, do que sobre tudo o que há no salvação, para anjos maldosos, seja retomar a seu
Mundo das Trevas se colocados juntos e você pode dever original servir e proteger aos humanos. E
encontrar tudo isso em uma biblioteca. contra o que eles mais precisam de proteção? Por
O trabalho duro nesse tipo de crónica é na alguma razão, de outros Demônios, é claro.
linha de frente se você os requisitados jogadores TERCEIRAS INFLUÊNICIAS
ambiciosos. Você tem um bom controle do cenário, Reconciliadores não são necessariamente os
então que eles façam seus planos. Tudo o que você melhores contribuidores para terceiras influências,
tem que fazer é reagir. Já que você sabe mais sobre a porque eles estão geralmente mais interessados em
região do que eles, é fácil surpreendê-los com completar seus próprios projetos do que bagunçar
desafios. com outras facções. Seu otimismo e boa vontade
ANTAGONISTAS habituais em relação ao cosmos podem fazer um
Da mesma forma que os Rapinantes bom contraste, se o maior inimigo dos personagens
parecem ser “os caras maus”, os Reconciliadores é uma facção destrutiva (Rapinantes), ou
parecem ser “os caras bons”. Isso não é meramente de coração frio (Faustianos). Jogadores
necessariamente assim. Se alguém aceita que os geralmente (embora nem sempre) querem ser os
Reconciliadores estão levando a mensagem de um caras bonzinhos, mas eles não querem ser ingénuos.
tolo (como a maioria dos não- Reconciliadores crê), Os Reconciliadores idealísticos podem parecer que
então, sua interferência em projetos Faustianos, se encaixam na posição de “cara bonzinho

48
CAPÍTULO DOIS

inocente” inicialmente. Quando seus personagens Tormento: Eles já estão trabalhando nestas. Nada
estiverem se sentindo tristes, dê a eles a chance de tão artificial quanto um dispositivo neutralizador
ajudar os Reconciliadores. Fazê-lo reforçar a idéia de Tormento (o que seria uma abordagem
deles sobre sua própria “bondade”, mas o fato de Faustiana), mas algo mais dentro das linhas
que os Reconciliadores precisaram de sua ajuda multifacetadas de psicoterapia Elohim para ajudar
também os deixa ficarem orgulhosos de que são os Caídos a ser acertarem com sua punição.
espertos o bastante para abarcarem realpolitik Por O melhoramento das condições humanas:
outro lado, você pode mostrar aos personagens Re- Esta é uma das grandes. Enquanto eles não são tão
conciliadores bem sucedidos e se jogado agressivos sobre sua instância de “paz e harmonia”,
corretamente fazê-los imaginar se sua indisposição muitos Reconciliadores acreditam que melhorar o
para serem tolos os deixou incapazes de acreditar. mundo no geral pode ajudar apenas a sua causa.
Eles são bons o bastante, mas eles são tão bons Particularmente, se eles acabarem levando para casa
quanto poderiam ser, se estivessem dispostos a o prémio de segunda posição sobre um lugar
arriscar parecerem tolos? aceitável na Terra, ao invés de retomarem para o
O real teste de virtude, neste caso, pode nem Céu.
ser se eles estão dispostos a pegar o caminho mais FUTURO DECADENTE
difícil pra fora e manterem-se agarrados a suas Os possíveis futuros ruins para o secto são,
armas; mas se eles estão dispostos a parecer tolos e, ao menos, tão óbvios e possivelmente mais
talvez, enganados. prováveis do que do que os bons. Eles incluem:
FUTURO PRÓSPERO Bodes Expiratório: Frequentemente, os
O que os Reconciliadores realmente Rapinantes são a facção mais odiada; mas os
gostariam é que o céu se abrisse e que Miguel Reconciliadores poderiam derrotá-los, se eles
dissesse “Bom trabalho, Reconciliadores. Vocês sacaneassem com muitas pessoas e fossem
provaram que são dignos de se juntarem novamente suficientemente bem sucedidos. Isto é algo para
a Hoste Celestial.” Mas isso não é minimamente manter em mente, se seus personagens
possível no curso da crónica de qualquer um. Reconciliadores estão atingindo vitória após vitória
(Embora, quem sabe? Com certeza cria um clima às custas de todas as outras facções.
elegante.) Fracasso Humilhante: O que os
Falhando nisso, aqui há algumas coisas que Reconciliadores têm que temer mais, não é algum
os Reconciliadores realmente gostariam de contra-ataque dramático, mas uma lenta e
concluir. triturante falta de resultados no dia-a-dia. O que
Paz com as outras Facções: Não seria acontece com os Reconciliadores, se eles fizerem
maravilhoso se eles pudessem seguir com seus tudo certo, ajudar a humanidade, fazer sua
negócios sem ataques Luciferanos, subversões penitência, procurar a virtude e controlar seu
Faustianas, ou sabotagens Rapinantes? Claro, fazer Tormento; mas nada acontecer? Nenhuma
p a z c o m e s s a s t r ê s fa c ç õ e s , n o s t e r m o s recompensa, nenhum melhoramento notável no
Reconciliadores é improvável, mas eles podem mundo ou na humanidade, nenhum sinal de que
forjar um tipo de acordo “siga adiante, e vá embora” seus esforços são apreciados ou notados. Eles
com os Faustianos pelo menos. podem lidar com oposição, mas eles podem
Técnicas confiáveis para lidar com o continuar perante a face da indiferença?

49
CAPÍTULO TRES:
SENHORES
SOMBRIOS
Certamente alguma revelação está próxima;
Certamente a Segunda Vinda está próxima.
A Segunda Vinda! Mal essas palavras são proferidas
Quando uma vasta imagem vinda do Spiritus Mundi
Dificulta minha visão: em algum lugar em areias do deserto
Uma forma com corpo de leão e a cabeça de um homem,
Um olhar vazio e impiedoso como o sol,
Está movendo suas lentas coxas, enquanto sobre toda ela
Oscilam sombras de indignados pássaros do deserto.
A escuridão cai novamente; mas agora eu sei
Que vinte séculos de sono profundo
Irromperam-se em pesadelo por um berço oscilante,
E qual besta bruta, sua hora finalmente chegada,
Arrasta-se em direção a Belém para nascer?
– W.B. Yeats, “A Segunda Vinda”

Além dos reinos dos mortos jaz uma prisão tempestade se abateu sobre os reinos espirituais e as
forjada pelas mãos de Deus. Este terrível Abismo foi paredes do Abismo foram partidas. A liberdade
trancado por selos para perdurar até o fim dos acenava após eternidades de sofrimento, mas as
tempos, aprisionando poderes que (até mesmo no rachaduras nos terríveis selos do Criador permitiram
seu estado "decaído") eram tão vastos quanto o curso que somente os mais fracos espíritos tivessem uma
das estrelas: os Duques e os Barões do Inferno. Ao esperança de fuga. Esses anjos menores foram
lado deles estão os Soberanos e os Fidalgos, menores encarregados, pelo poder dos seus Nomes
em magnitude, mas tão poderoso quanto um Verdadeiros, de achar um meio de libertar os outros.
Cavaleiro e outros Demônios menores que se O Recebimento desta tarefa pode muito bem
encontram abaixo deles na hierarquia. Todos ser a última e mais clara memória que qualquer
suportaram as incontáveis eras de tormento aliviadas Caído tem do tempo que esteve no Inferno.
somente por sussurros do mundo exterior. No presente, somente os menos poderosos
Então o inimaginável aconteceu. Uma dentre os Caídos foram capazes de escapar dos
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

confins do Inferno. É possível que alguns dos único Demônio, mas uma crença fervorosa que tais
Cavaleiros e Fidalgos menores tenham conseguido espíritos existem, e que virão quando chamados. Na
se libertar, sendo capazes de se manifestar, mas os de época atual, há de fato algumas culturas e pessoas
postos realmente altos, os Soberanos, Barões e que mantém tal ponto de vista - partes da África ou a
Duques, permanecem aprisionados. Se esta situação China rural, por exemplo - mas tais estão em
mudar, os personagens terão que lidar com uma minoria.
força incrivelmente maior do que qualquer coisa que Apesar da existência de tais culturas ao redor
eles tenham encontrado em sua nova existência. Mas do mundo, a humanidade como um todo é muito
e se tiverem a possibilidade de dar a um outrora menos receptiva ao sobrenatural e manifestações de
amado amigo ou um líder admirado a mesma chance fé do que era na Idade da Ira. Esta época descrente e
de redenção que agora eles têm? Se os presságios cética cria um ambiente frágil, até mesmo para os Caí-
forem favoráveis, se os aliados certos forem dos, que se descobrem incapazes de juntar poder
encontrados, se um grimório parecer conter o suficiente para criar suas próprias formas físicas. Ao
conhecimento necessário, uma escolha deverá ser invés disso, eles devem se apoderar de corpos de von-
tomada. tade fraca ou sem alma, para se sustentarem.
METAFÍSICA APLICADA Demônios mais poderosos estão em uma posição
ainda mais difícil. Embora não sejam poderosos o
Dos mais baixos aos mais altos, os Demônios
suficiente para criar seus próprios corpos, eles são
foram privados da maioria de seus poderes quando
poderosos demais para ocupar um hospedeiro
foram derrotados e aprisionados, no final da Idade
mortal. Até mesmo os Demônios menores estão
da Ira. Eles se tomaram espíritos incorpóreos,
muito enfraquecidos na primeira vez que possuem
incapazes de afetar a criação. Somente a fé humana
um mortal, precisando de um tempo considerável
permite que os Demônios adquiram novamente
para se acostumar à carne humana e canalizar
alguns de seus poderes perdidos. É também,
completamente seu poder. Um Demônio muito
principalmente, o que permitia a invocação de
poderoso destruirá virtualmente qualquer corpo
Demônios do Abismo muito antes de existirem
humano que tent ar possuir, literalmente
rachaduras. Quando um ritual de invocação é feito,
queimando-o em algumas semanas, dias ou até
uma grande carga de fé se acumula entre os
horas. Objetos materiais, como ídolos entalhados,
participantes. Está fé tem o único propósito de trazer
relíquias cerimoniais e outros itens sagrados são
o Demônio. Não é, necessariamente, fé em um

52
CAPÍTULO TRÊS

opções mais duráveis para a habitação de Demônios enquanto o incenso correto queima e por aí vai.
maiores, mas até mesmo estes objetos requerem um Demônios maiores requerem uma confusa
enorme investimento de fé, e os rituais adequados disposição que deve ser feita em ordem para criar o
para sintonizá-los à alma do Demônio. condutor adequado para invocá-los do Inferno e tais
Além do aterrorizante desafio de localizar um condições tipicamente variam de Casa para Casa.
recipiente adequado para um Demônio maior, há a Rituais para a invocação de Profanadores, por
difícil tarefa de encontrar indivíduos apropriados exemplo, podem ter a necessidade de uma cerimónia
para realizar o ritual. Embora violados, os selos que perto (ou abaixo) do mar, enquanto aqueles que in-
guardam o Abismo permanecem potentes e foram vocarem os Devoradores podem precisar de um
feitos de tal forma que os caídos são incapazes de sacrifício de sangue de um animal raro ou poderoso.
afetá-los. Demônios não podem invocar seus irmãos Este é um aspecto do ritual de invocação que pode se
do Inferno, mas a humanidade não está sob esta beneficiar do apoio indireto de um ou mais
restrição. Foram os feiticeiros humanos que Demônios, já que suas doutrinas podem criar um
convocaram os primeiros Demônios do Abismo em ambiente mais propício para a realização do ritual de
tempos antigos. Mesmo no século XXI, existem invocação.
homens e mulheres ambiciosos (ou imprudentes) o O clímax da invocação ocorre quando o líder
suficiente para se meter com espíritos que a humani- ordena que o Demônio se manifeste. No rito de
dade nunca deveria conhecer. invocação tradicional, essa manifestação é restrita a
O RITUAL uma área cuidadosamente demarcada por selos
cerimoniais. Se o objetivo do ritual é simplesmente a
Todos os rituais de invocação compartilham
comunicação com o Demônio, o espírito retoma ao
componentes básicos. Eles requerem um grupo de
Inferno após a conclusão do ritual. Se a intenção é
fiéis com um líder definido. Uma vez reunidos, os
encarnar o Demônio na Terra, no entanto, um
fiéis então iniciam uma série de atos cerimoniais
hospedeiro adequado deve estar preparado e
designados para acumular a quantidade necessária
esperando dentro do círculo de invocação para o
de fé requerida para permitir que o Demônio maior
espírito habitá-lo. Demônios maiores podem ter
entre no reino físico. Esta é a parte mais demorada
quesitos físicos muito específicos em adição à
do ritual. Cada participante pode contribuir com até
cerimónia para sintonizar as energias dos fiéis. Um
dois pontos de Fé por dia, embora devotos fervoro-
Diabo pode precisar de um relicário feito de uma
sos ou fanáticos possam contribuir com três ou qua-
enorme pedra preciosa ou o corpo de uma virgem de
tro pontos, a critério do Narrador. Atos de adoração
18 anos descendente dos reis da Pérsia. Quanto mais
de todos os tipos geram e concentram Fé; e onde um
poderoso o Demônio for, mais excêntricas as
sumo-sacerdote de Satã realizaria um sacrifico ani-
exigências físicas, mentais e metafísicas podem ser.
mal e atos de blasfêmia, um místico cristão coorde-
A tabela seguinte fornece alguma ideia das
naria sua congregação na oração.
dificuldades comparativas envolvendo a invocação
Esses procedimentos, juntos com os
de Demônios de posto alto, e permite a resolução
ornamentos, localização e até mesmo a data do ritual
por rolagem de dados se desejado. Isso também pode
funcionam juntos para a criação de um ambiente
servir como um modelo para a criação de um
próprio para que o Demônio se manifeste. Uma vez
elaborado ritual de invocação apropriado.
que as condições são apropriadas, o líder dos crentes
Uma vez que a quantidade de Fé necessária
invoca o Demônio à Terra chamando pelo seu Nome
foi investida no ritual, um teste prolongado de
Celestial, ou, mais raramente, pelo seu Nome
Raciocínio + Ocultismo é feito (veja a tabela para a
Verdadeiro. O simples fato de adquirir o nome
dificuldade da rolagem) a cada hora até que o
correto é, geralmente, grande desafio por si só. Os
numero mínimo de sucessos necessário seja
caídos têm muita dificuldade em lembrar muitas
alcançado. Neste ponto, se todos os outros critérios
coisas de sua existência anterior e geralmente
forem atingidos, a invocação é bem sucedida. Se
recorrerem a textos arcanos dos humanos para obter
algum desses testes resultar em falha crítica, o ritual é
referências de seus companheiros Demônios. Até
abortado e a Fé investida é perdida. Força de
mesmo o grimório mais simplista reconhece que o
Vontade pode ser gasta para ganhar sucessos
Nome deve ser falado e inscrito em um pergaminho
automáticos e qualquer membro do grupo pode
especialmente preparado como selo, na hora do dia
contribuir pontos para este propósito. As condições
ou da noite com a qual a entidade está associada,
especiais listadas são as condições de ambientais,

53
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

geográficas ou ritualísticas que devem ser feitas para


a invocação ser bem sucedida. A exata natureza
CAVALEIRO
dessas condições fica a seu cargo, o Narrador, e elas Dificuldade: 6 se usar o Nome Verdadeiro, 7
podem ser quaisquer coisas desde realizar o ritual se usar o Nome Celestial
sob lua nova ou no meio de uma tempestade de neve, Mínimo de Sucessos: 10
até sacrificar 100 ratos albinos no exato soar da meia- Mínimo de Pontos de Fé: 100
1-2 Condições Especiais
noite. Considere a Casa, Facção e personalidade do
Potencial de Fé do Relicário: 1
Demônio quando for criar as condições especiais
Potencial de Fé do Mortal: 2
para o ritual de invocação.
Se o propósito da invocação é encarnar um FIDALGO
Demônio em um relicário ou em um hospedeiro Dificuldade: 7 se usar o Nome Verdadeiro,
mortal, o recipiente deve possuir o mínimo de Fé 8 se usar o Nome Celestial
potencial listado. Relicários são objetos sagrados que Mínimo de Sucessos: 20
devem ser devidamente santificados por um mortal Mínimo de Pontos de Fé: 200
ou um Demônio com um potencial de Fé (ou 3-4 Condições Especiais
pontuação de Fé no caso dos Caídos) igual ao Potencial de Fé do Relicário: 2
requerimento mínimo da pontuação de Fé daquele Potencial de Fé do Mortal: 2
que será invocado. Santificar um relicário requer um SOBERANO
teste estendido de Manipulação + Ocultismo Dificuldade: 8 se usar o Nome Verdadeiro,
(dificuldade 8) e precisa de um número de sucessos 9 se usar o Nome Celestial
igual ao mínimo necessário para invocar o Demônio. Mínimo de Sucessos: 30
Uma rolagem pode ser feita por hora, e não há limite Mínimo de Pontos de Fé: 300
de tempo para completar o processo, então, o 5-6 Condições Especiais
relicário é frequentemente feito muito antes da Potencial de Fé do Relicário: 3
realização do ritual. Potencial de Fé do Mortal: 3
Os meios mais seguros de sabotar um ritual é BARÃO
atrapalhar as condições especiais associadas com a
Dificuldade: 9 se usar o Nome Verdadeiro,
invocação e interromper o investimento cerimonial
10se usar o Nome Celestial
de Fé. Se o ritual depender de data e hora, qualquer
Mínimo de Sucessos: 40
ação que atrase ou aborte a cerimónia é suficiente.
Mínimo de Pontos de Fé: 400
Interromper um ritual durante o estágio final
7-8 Condições Especiais
da invocação pode ser extremamente perigoso. Além
Potencial de Fé do Relicário: 4
da fúria do grupo dos cultistas, ou de Demônios
Potencial de Fé do Mortal: 4
repletos de tormentos, as energias envolvidas no
próprio Nome podem ser liberadas em uma explosão DUQUE
grotesca na ordem de um dado de dano letal para Dificuldade: 10 para ambos os nomes
cada 10 pontos de Fé envolvida (no raio de um metro Verdadeiro ou Celestial
por ponto de Fé). Altemativamente, isso pode causar Mínimo de Sucessos: 50+
uma catástrofe apropriada à Casa do Demônio, Mínimo de Pontos de Fé: 500+
como uma onda gigantesca ou um terremoto à 9-10 Condições Especiais
escolha do Narrador. Potencial de Fé do Relicário: 5+
Potencial de Fé do Mortal: 5+
QUE ELES CAMINHEM
variam desde efeitos puramente locais como rios da
SOBRE A TERRA vizinhança mudando para a cor de sangue, até um
Invocar um Demônio do Inferno não é eclipse solar total escurecendo metade do
somente um ato sobrenatural, mas é um que mexe continente. Súbitas mudanças de temperatura,
também com a estrutura básica do Universo. Até relâmpagos proverbiais em um céu claro, compor-
mesmo a invocação de um Demônio tamento bizarro nos animais, repentinas mortes em
comparativamente inferior será prenunciada por massa entre peixes e pássaros e malogros são todas as
presságios e acompanhada por fenômenos coisas associadas com a presença demoníaca, de
sobrenaturais conforme os membros do ritual acordo com as lendas. A área ao redor do lugar do
invocam suas reservas de Fé. Esses fenômenos

54
CAPÍTULO TRÊS

rito entra em turbulência com a energia sobrenatural


CAVALEIRO
em um raio de 10 metros por ponto de Fé investida,
Fé: igual à fé potencial de seu hospedeiro +1
fazendo com que a energia aumente como uma
Força de Vontade: 8
tempestade psíquica a cada dia que passe.
Tormento: Tormento inicial da Casa x2
Naturalmente, tal coisa mostra-se como um farol
Doutrinas: 6 pontos
para os Caídos, que podem sentir a perturbação com
um teste reflexivo sobrenatural de Presciência FIDALGO
(dificuldade 6). Os jogadores podem rolar Percepção Fé: igual à fé potencial de seu hospedeiro +1
+ Presciência (dificuldade 7) para ganhar mais Força de Vontade: 8
detalhes. Um sucesso é suficiente para identificar o Tormento: Tormento inicial da Casa x2
fenômeno como um ritual de invocação. Dois Doutrinas: 12 pontos
sucessos dão um senso do posto do Demônio a ser SOBERANO
invocado, enquanto três sucessos informam a Casa Fé: igual à fé potencial de seu hospedeiro +1
também. Uma vez que o ritual comece, entretanto, a Força de Vontade: 9
detecção é automática para todos os Demônios Tormento: Tormento inicial da Casa x2
dentro da área de efeito. Nesse momento, cada um Doutrinas: 24 pontos
lembra alguma coisa da sua própria luta em direção
BARÃO
ao mundo da luz.
Fé: igual à fé potencial de seu hospedeiro +1
Se o propósito do ritual é meramente a
Força de Vontade: 10
comunicação com o Demônio, o espírito aparece no
Tormento: Tormento inicial da Casa x2
centro do círculo de invocação, como uma distorção
Doutrinas: 36 pontos
bruxuleante do ar, ou uma mancha retorcida de
neblina negra ou sombra. Qualquer um na presença DUQUE
do Demônio pode se dirigir a ele se quiser, e quando Fé: igual à fé potencial de seu hospedeiro +1
o espírito responde, suas palavras reverberam nas Força de Vontade: 10
mentes daqueles que estão presentes, muitas vezes Tormento: Tormento inicial da Casa x2
acompanhadas de horrendas sensações, ou imagens Doutrinas: 48 pontos
alucinatórias. Mortais na presença do Demônio
sofrem os efeitos de Revelação (ver o livro básico de rolagem é necessária para fazer a evocação. Ao invés
regras de Demônio para detalhes). Da mesma forma, disso, o Demônio retira Fé dos crentes reunidos para
Demônios na presença de um Demônio superior ganhar o número automático de sucessos necessários
devem fazer um rolamento de Coragem (dificuldade para cumprir o desejo do invocador. Uma vez que a
8). Se ela falhar, o personagem ganha um ponto de invocação tenha sido realizada, o ritual é concluído e
Tormento temporário. o Demônio retoma ao Abismo.
Ao invés de apenas se comunicar, o líder do Se o propósito do ritual é encarnar o
ritual pode tentar ordenar o Demônio a fazer uma Demônio em um casulo físico, tal como um
evocação, ou empregar seu terrível poder para relicário, ou um corpo mortal, a possessão é
beneficiar o invocador. Fazer isso é uma forma automática se a pessoa ou objeto tiverem o mínimo
temporária de aprisionamento e, se bem sucedida, o de requerimentos e condições especiais estabelecidas
Demônio invocado pode usar a Fé dos crentes pelo Narrador. Demônios presos a relicários têm as
reunidos para fazer uma evocação, como descrita mesmas habilidades especiais que os Terrestres (ver
pelo invocador (Ver pagina 91 do livro básico de Capítulo Um para detalhes).
regras de Demônio para detalhes. Cavaleiro e Demônios Maiores encarnados em corpos
Fidalgos têm Força de Vontade mínima de 8, mortais encontram-se na mesma situação que
enquanto Soberanos têm uma Força de Vontade qualquer outro Caído menor, confrontados pelas
mínima de 9. Barões e duques têm uma Força de memórias, emoções e relacionamentos presentes na
Vontade mínima de 10, mas o número pode ser até cabeça do hospedeiro. O hospedeiro planejado é
mais alto, a critério do Narrador). Tal é o poder uma vitima inocente, escolhido porque se encaixa
desses espíritos, que qualquer evocação que requer nos requisitos de possessão, ou ele é um seguidor
contato físico pode, ao invés disso, ser feita contra cruel e sem remorso de um culto corrompido que
qualquer alvo que o Demônio possa ver. Nenhuma abre sua alma voluntariamente para um espírito da
escuridão exterior? Dependendo da natureza da

55
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

alma do hospedeiro, o Demônio pode ser capaz de enfraquece o corpo como um todo. A força da
resistir aos impulsos de seu Tormento da mesma vontade do Demônio é capaz de sustentar as funções
maneira que os personagens dos jogadores. As vitais do corpo, prevenindo qualquer perda de saúde
qualidades especiais de seu casulo mortal permitem ou movimento, mas os estragos do espírito infernal
ao Demônio acessar muitas outras memórias e habi- se manifestam em uma variedade de meios
lidades do que um Demônio menor poderia, perturbadores. A pele escurece e racha, escorrendo
entretanto, isso o toma mais vulnerável a suas sangue e carne queimada, os músculos e órgãos
memórias do Abismo. incham a proporções bizarras, ou encolhem pra uma
Demônios Maiores podem ser criados magreza inumana. No final da duração do
usando o mesmo sistema de criação de personagem hospedeiro, o corpo sempre começa a vaporizar ou
apresentado no livro básico de Demônio, mas sua Fé fumegar, caindo repentinamente em uma pilha de
inicial, sua Força de Vontade, seu Tor-yi mento e suas cinzas e ossos quebradiços. Após o hospedeiro do
Doutrinas são calculados diferentemente: Como Demônio ser destruído, ele deve localizar
nos personagens normais de Demônio, esses níveis rapidamente um novo hospedeiro, ou será devolvido
podem ser posteriormente aumentados com pontos ao Abismo (ver página 94 do livro básico de
de bónus. Também, diferente de personagens Demônio para detalhes). É possível para um
iniciais normais, Demônios maiores podem Demônio maior salt ar de um hospedeiro
começar a jogar com Doutrinas de outras Casas em inadequado para outro, deixando uma trilha de
adição a de suas próprias. Demônios maiores devem, hospedeiros destroçados em seu despertar, mas tal
ainda assim, ter um caminho principal como prática deixa o espírito infernal incapaz de tomar
qualquer outro personagem iniciante (também vantagem total de seus poderes.
determinando sua Forma Apocalíptica), e eles não APRISIONANDO DEMÔNIOS
podem ter mais pontos em outra Doutrina, do que
em sua Doutrina primária. MAIORES
Claro que ter êxito em calcular a Fé potencial Demônios maiores podem ser aprisionados
de um hospedeiro adequado para um Demônio para servir a um mortal ou a outro Demônio, da
dificilmente é uma ciência exata. Demônios maiores mesma forma que seus companheiros menores, mas
podem habitar um corpo com Fé insuficiente para é claro que o esforço requerido e o risco é
mantê-los, mas a essência infernal do espírito incompreensivelmente maior.
consome rapidamente seu hospedeiro inferior. A Como o sistema para aprisionar caídos
expectativa de vida para uma pessoa ou objeto, menores, apre sentado no livro básico de Demônio,
inadequados para possessão, depende do poder prender Demônios maiores é resolvido através de
relativo do Demônio possessor. A base da uma competição de rolamentos de Força de Vontade
expectativa de vida é 30 dias, dividida pela diferença (dificuldade 7) entre invocador e Demônio. Se o
entre o mínimo de Fé requerido pelo Demônio, e o invocador tiver acólitos ou assistentes participando
potencial de Fé atual do hospedeiro. Exemplo: do ritual, cada um deles pode adicionar sua Força de
Harugash, Barão do Inferno, foi invocado para Vontade na competição também faça um rolamento
dentro do corpo de um televangelista degradado, de Força de Vontade (dificuldade 8) para cada
Harlan Eddy. A Fé potencial de Eddy é de somente 1, membro adicional. Cada sucesso adiciona um dado
muito abaixo da Fé potencial 4 requerida por um à quantidade de Força de Vontade do invocador. Se
Demônio da altura de Harugash. A base da o invocador souber o Nome Verdadeiro do
expectativa de vida de 30 dias divididos por 3 (o re- Demônio, ele recebe um número automático de
querimento mínimo de Fé 4 de Harugash, menos o sucessos igual à metade da pontuação de Tormento
potencial de Fé 1 de Eddy), então o corpo do tele- do Demônio, arredondada para baixo.
vangelista vai sustentar o Demônio por, somente, 10 Normalmente, somente o invocador de um
dias antes de ser consumido. Demônio pode tentar prendê-lo à sua vontade, mas
A expectativa de vida é reduzida mais se o indivíduo é Servo de outro caído, seu mestre
rapidamente se o Demônio ativamente gastar pode tentar aprisionar o Demônio invocado através
pontos de Fé, à proporção de um dia por porto gasto. dele. Neste caso, as regras precedentes ainda se
Esse limite inclui pontos de Fé gastos para curar aplicam, mas o rolamento de Força de Vontade
ferimentos físicos. O Demônio pode fechar um ocorre entre os dois Demônios. Os participantes
buraco de projétil, mas canalizar a energia intensa humanos ainda podem adicionar sua Força de

56
CAPÍTULO TRÊS

Vontade aos esforços de seu mestre ou o invocador vingança contra os tolos imprudentes que tentaram
pode lutar pelo controle do Demônio por si mesmo! escravizá-lo. Se o demônio perder a competição, e for
Fazê-lo, resulta em uma competição de rolagem de aprisionado com êxito, o Demônio deve obedecer
Força de Vontade de três vias, e o indivíduo com aos desejos de seu mestre por um determinado
mais sucessos ganha. Participantes adicionais podem período de tempo (ver o livro básico de Demônio
escolher adicionar sua Força de Vontade tanto para para detalhes). É claro que nenhum senhor do
o invocador, como para o mestre demoníaco dele, Abismo aceitaria tal humilhação graciosamente. Um
em uma base individual. Sendo assim, se houvessem Demônio aprisionado usaria todas as chances
quatro participantes adicionais no ritual, cada um possíveis de ter sua vingança sobre o mortal ou
dos quatro deve escolher a quem irão dar suporte no Demônio que foi tolo o bastante para escravizá-lo,
momento da verdade. fazendo de tais aprisionamentos tão perigosos
Se o Demônio maior ganhar a competição, o quanto são lucrativos.
aprisionamento falha e o ele está livre para buscar

57
CAPÍTULO QUATRO:
O REINO
ESPIRITUAL

Fique em silêncio nesse retiro


Que não é solidão -pois, então,
Os espíritos dos mortos, que ficaram
Em vida, diante de ti, estão novamente
Em morte, a tua volta, e a vontade deles
Irá obscurecer a ti, não te moves.
– Edgar Allan Poe, “Espíritos dos Mortos”

Numa era antes do alvorecer da história, ORIGENS


quando deuses caminhavam sobre a terra e davam a As origens do Reino Espiritual provêm dos
luz às maravilhas que ainda ressonam no cerne de feitos mais terríveis da vingança do Criador no urgir
muitos mitos humanos; a maior criação dos anjos da Queda - a maldição da mortalidade, rogada sobre
rebeldes ocorria em sigilo absoluto, longe dos olhos a raça humana como punição pela decisão de aliar-se
mortais ou, principalmente, da consciência da Hoste aos Caídos. Toda a Hoste Rebelde sentiu esse golpe
Celestial. O Reino Espiritual, também conhecido cruel, mas nenhum deles sofreu tanto quanto os
como Mundo Inferior, ou Reino dos Mortos, foi à Anjos Caídos da Morte. Os Algozes foram criados
culminação de séculos de conquistas heroicas da para serem os juízes da vida na última estância do
mais inferior das Casas dos Caídos, em seu esforço Grande Plano. Foram eles que determinaram o
para salvar as almas da humanidade. Essa foi uma tempo de existência para cada criatura viva, do
nascida do pesar e desgosto. Também foi o momento organismo microscópico aos grandes leviatãs das
crucial na história dos Algozes, que esqueceram de profundezas. Quando esse tempo chegasse a seu fim,
sua humilde posição na ordem divina por um eles seriam os ministros da liberação pacífica e
momento e ousaram fazer o que nenhum Diabo teve indolor da vida dos organismos e do retomo do
a coragem ou visão de tentar. Eles criaram um novo corpo à terra. No entanto, eles foram considerados
mundo, totalmente independente do Plano Divino, os últimos entre os anjos e foram de alguma forma,
aonde as almas da humanidade poderiam refugiar-se exilados de seus semelhantes por causa de suas
do fogo e tumulto da guerra.
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

tarefas, os Algozes cumpriram suas providência exclusiva dos Algozes - ela se espalhou
responsabilidades com graça solene ausentes de pelo mundo como fogo em mata seca, terminando
orgulho no esplendor de suas habilidades. Seu único vidas de formas súbitas, inesperadas e agonizantes. O
arrependimento real foi o efeito que seus trabalhos que foi pior, quando as vidas mortais foram
tiveram nas mentes inocentes dos primeiros homens perdidas, seus espíritos simplesmente evanesciam,
e mulheres. Antes da Queda, morte já era desaparecendo etemamente do mundo físico.
aterrorizante à raça humana imortal. Eles Estariam elas rumando ao Céu para o julgamento do
testemunhavam seus animais de estimação perecer Criador, ou estariam simplesmente sendo
em acidentes ou pela velhice e choravam pela mágoa desperdiçadas? Os Algozes Rebeldes não tinham
da perda, enquanto os Algozes observavam incapazes uma resposta e a idéia pesou se- riamente neles. Eles
de mitigar sua dor. Foi esse senso de alienação e de- já haviam culpado a si mesmos pela perda da
sejo de aliviar o sofrimento da humanidade que imortalidade humana. Da perspectiva deles, isso
levou muitos Anjos da Morta à rebelião, mas sua tudo era uma providência com a intenção de ferir
alegria de finalmente assumir seu lugar ao lado da somente os Algozes, tendo a humanidade inocente
humanidade foi destruído quando o decreto servindo de instrumento para a vingança celestial,
Celestial usurpou homens e mulheres de sua mas a perda absoluta dessas almas humanas seria
imortalidade. Num terrível golpe, os Algozes foram demais para eles suportarem. Nas primeiras décadas
forçados a aceitar o ônus de acabar com as vidas dos da guerra, os Algozes estavam em constante
seres pelos quais eles abandonaram o Céu. Quando a movimento, correndo o mundo para aliviar o sofri-
Idade da Ira começou, os Anjos da Morte foram mento de todos mortais moribundos que conseguis-
obrigados a encarar uma ceifa de almas hediondas sem encontrar. Desesperados para aliviar sua culpa e
demais para contemplar. salvar tantas almas quanto eles pudessem do oblí-
Como se a consciência disso não fosse ruim o vio, os Algozes eventualmente criaram uma nova
suficiente, a realidade de guerra ao redor do mundo coleção de Doutrinas dedicada às alçadas dos espí-
significou que o ato da morte tomou-se muito mais ritos, incluindo evocações que poderiam ancorar
austero e temível do que antes. No passado, a uma alma em um lugar ou objeto físico. Essa solução
fatalidade de cada ser vivo era atendida por um dos foi imperfeita de muitas formas; esses primeiros
anjos da Sétima Casa, mas agora a guerra entre os fantasmas eram pouco mais do que prisioneiros
anjos espalhou a destruição em uma escala que magoados, acorrentados aos lugares de suas
usurpou o discernimento. Morte não era mais a fatalidades, atados a pequenos relicários que o anjo

60
CAPÍTULO QUATRO

carregava pessoalmente. poder necessário e conhecimento para fazer do


Isso também foi falho em protegê-los dos Refúgio uma realidade, incluindo os úteis Infestos e
sacrifícios malévolos dos Ceifadores que Flagelos jurados ao serviço da legião. Toda uma nova
permaneceram leais ao Céu. Esses espíritos coleção de Doutrinas cresceu do planejamento e
vasculharam a terra em busca de espíritos ancorados criação do novo domínio, o qual se tornou um dos
e consignaram esses ao oblívio. mais preciosos segredos guardados pela Sétima Casa.
Na medida em que a pilha de corpos Quase um século se passou entre planejamento e
aumentava, um dos maiores Algozes Caídos, um criação dos rituais necessários, e mais meio século de
duque chamado Caronte da Legião Alabastro, cuidadoso trabalho intrincado para moldar
desenvolveu um plano ousado e ambicioso de lentamente a forma do domínio. Como a lenta e
proporções cósmicas. De acordo com a lenda, precisa adição de um delicado cristal, o Refúgio de
Caronte inspirou-se durante um dos antigos cercos Caronte cresceu camada após camada, estendendo-
de Kâsdejâ, a fortaleza subterrânea da legião. Após se além do mundo físico.
uma esmagadora batalha nos planos fora da Ainda assim, Caronte sabia desde o início
for taleza, as histórias dizem que Caronte que carecia do poder e da perícia necessária para
testemunhou a morte de uma mortal que ele cuidou criar todo um novo mundo, então, desta forma, o
e protegeu desde o começo da guerra. De coração Refúgio foi concebido, originalmente, como uma
partido e derrotado, Caronte recuou com os extensão de outras coisas do plano físico. As terras
defensores da fortaleza e ordenou que os poucos das sombras que Caronte e seus compatriotas
Malfeitores da legião usassem sua maestria sobre os criaram, refletiam o mundo físico, ecoando sua
caminhos para confundir seus perseguidores e essência divina, e ainda assim separadas por uma
ocultar a entrada da fortaleza. Esses Anjos da Terra barreira, ou Véu, que ocultava suas existências do
criaram um ritual que não ocultava apenas o Céu e mitigava o incansável Puxão do Oblívio sobre
caminho para a fortaleza, ele isolava Kâsdejâ do os espíritos que vagavam ali. Embora os espíritos das
contato com o mundo físico eficientemente, terras das sombras pudessem assistir as idas e vindas
criando, em essência, um pequeno domínio onde, dos vivos, não podiam interagir com eles. Mas até
antes, não havia nenhum. Depois que os anjos do mesmo isso era melhor do que nada.
Céu recuaram em confusão, Caronte encaminhou Pelos próximos séculos, os Algozes
os trabalhos externos da fortaleza, lamentando a mantiveram as terras das sombras em segredo,
perda de seu amor até que teve uma idéia. Se era levando as almas dos mortos através do Véu em
possível criar domínios menores que existissem fora relativa segurança. Claro que eles não poderiam
do mundo físico e além do alcance do Céu, por que salvar a todos. Já cedo, Caronte concluiu que um
não fazer um refúgio para as almas dos mortos? grande número de almas teria que ser sacrificado ao
O DOM ́NIO SECRETO oblívio e aos Algozes leais ao Céu, temendo que eles
O plano de Caronte foi traçado nas descobrissem como haviam sido enganados. Então,
profundezas de Kâsdejâ, entre seus mais confiáveis os Rebeldes Anjos da Morte foram forçados a fazer
tenentes e os Malfeitores mais talentosos da legião. muitas escolhas dolorosas como, a quem eles
Discrição, Caronte concluiu, era crucial. A Hoste deveriam salvar e quem deveria ser consignado ao
Celestial tinha o poder decisivo para desfazer desconhecido.
qualquer coisa que os Caídos pudessem fazer, mas só A princípio, o grande esquema parecia ser um
se eles soubessem que essas existiam. Nem mesmo o sucesso. Não era perfeito, mas a oportunidade de sal-
Estrela-da-Manhã saberia do Refúgio, conforme var, ao menos, algumas das almas perdidas da huma-
Caronte chamou seu domínio. Quanto menos anjos nidade deu aos Algozes um novo senso de propósito,
soubessem, menores eram as chances de que esse fnfelizmente, não muito após a criação do reino
segredo caísse nas mãos do inimigo. Seria contado espiritual, a maré da guerra começou a virar. A Idade
somente aos anjos da Sétima Casa. Caronte das Atrocidades consumiu o mundo numa
acreditava que os sentimentos de culpar e perda de tempestade de sangue e fogo, forçando os Algozes a
seus companheiros Algozes garantiriam que o redobrar seus esforços perante uma verdadeira
segredo do Refúgio nunca seria compartilhado. enchente dos mortos. Foi durante esse período que a
A criação do Refúgio foi uma tarefa tão Hoste Celestial descobriu as terras das sombras. Se
complexa quanto à criação do próprio cosmo. foi por meio de um Algoz vencido, ou traição de
Conforme o projeto se desenvolvia, Caronte era algum Caído que tivesse dúvidas quanto ao Refúgio
forçado a recrutar mais e mais Caídos para prover o de Caronte, ninguém sabe. Os anjos leais ao Céu

61
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

careciam da capacidade para acharem seus caminhos quanto o mundo físico, o Reino Espiritual tem
através do Véu, mas Caronte sabia que isso seria afundado em um, cada vez maior, grau de ruína e
apenas uma questão de tempo antes que a Doutrina falta de vida desde o levante dos rebeldes. Algozes e
necessária para viajar pelos planos estivesse outros Demônios que possuem a Doutrina dos
disponível. Os séculos finais da guerra viram Reinos ainda podem viajar sua paisagem devastada
Caronte e os arquitetos das terras das sombras indo pela tempestade, mas não sem arriscar a enfurecida
cada vez mais fundo no Vácuo, estendendo seu reino Maelstrom e o terrível Puxão do Abismo.
espiritual através de caminhos cuidadosamente O VÉU
ocultos para ilhas-refúgio isoladas que s Algozes espe- Em um sentido, a primeira camada do Reino
ravam que escapassem à atenção do Céu quando o Espiritual, o Véu, é uma barreira construída de Fé
Véu fosse finalmente rompido. que é designada a separar o mundo físico das Terras
Como esperado, o Véu foi atravessado nos das Sombras, e formar uma proteção contra a sucção
últimos dias da guerra em meio a uma correria de do oblívio. Em eras antigas, o Véu era uma barreira
esforços, de Caronte e seus seguidores, para uma dinâmica e autorreparadora que era facilmente
última escavação a fim de salvar quantas almas do cruzável por aqueles que sabiam as evocações
oblívio pudessem, antes que tudo fosse perdido. No adequadas. Desde então, entretanto, a infusão
caos e na confusão daqueles últimos dias, Caronte e constante de Fé que mantinha o Véu adaptável e for-
um punhado de seus tenentes foram perdidos, para te; não apenas diminuiu, mas foi distorcida pelos
nunca mais serem vistos. Muitos dentre os Caídos efeitos centenários da descrença humana. Agora, o
acreditam que o grande Algoz e seus tenentes se Véu é um muro indomável que resiste até aos Caídos
sacrificaram em batalha, ao invés de revelar os que ajudaram a erguê-lo.
segredos mais profundos do reino espiritual Através de grande parte do mundo, o Véu é
aosjuízes do Céu. Ainda assim, alguns suspeitam que difícil de detectar, muito menos de penetrar, mas
o grande Duque e seus servos escaparam; fugindo emoções poderosas e a coleção em massa de Fé
por um Atalho para dentro das terras das sombras mortal fizeram com que a barreira ficasse fina em
para continuar sua luta pelas almas da humanidade. alguns lugares. Tais locais são geralmente sagrados,
Muitos Algozes esperaram que os vitoriosos sejam eles igrejas, cemitérios, ou outros locais nos
exércitos do Céu destruíssem as Terras das Sombras quais a psique humana muitas vezes foque sobre o
após a guerra, mas culminou que, o Céu tinha outros pós-vida e inconscientemente direcione sua Fé para
planos para o que seria o refúgio de Caronte. o Reino Espiritual. Outras localizações são menos
Usando as Terras das Sombras como uma fundação, facilmente reconhecíveis: campos de batalha, cenas
o Criador moldou a eterna prisão que os Caídos de crimes, ou até mesmo um quarto em uma velha
conheceriam como Abismo. Consequentemente, mansão solitária, na qual um homem doente faleceu
em um ataque de pura ironia, o refúgio dos mortos algum dia. Essas seções enfraquecidas do Véu são
tomou-se a prisão dos anjos rebeldes, separada da conhecidas como Locais Assombrados, já que
Terra pelo fino Véu que alguns deles mesmos p e r m i te m a o s e s p í r i to s d o s m o r to s u m a
construíram. Quanto às almas que Caronte salvou oportunidade de alcançar o mundo físico e
do oblívio, a Hoste Celestial não fez nada. Por razões alimentarem-se da Fé dos vivos.
conhecidas somente pelo Criador, esses espíritos A Doutrina dos Reinos permite a um
inquietos foram deixados em seu eterno exílio; Demônio passar através do Véu entre os planos, e a
próximas o suficiente para que os anjos aprisionados dificuldade da evocação depende da força relativa da
tentassem tocá-las, caso elas se aventurassem perto barreira. Ver o livro básico de Demônio, página 48,
dos muros do Poço, ainda assim impotentes para para detalhes. Fazer a travessia nas proximidades de
ajudar os aprisionados em seu interior. E assim um Local Assombrado impõe uma dificuldade igual
permaneceu, por incontáveis anos, até a grande a 5 ao rolamento da evocação. Adicionalmente, o
Maelstrom. efeito de Alto Tormento de Atravessar o Véu cria um
Local Assombrado temporário que atrai fantasmas
GEOGRAFIA para a área, como mariposas para uma chama.
O Reino Espiritual é construído de Fé que é
empurrada do cosmo físico para dentro do Vácuo, AS TERRAS DAS SOMBRAS
existindo como um conjunto de dimensões em As primeiras terras dos mortos, as Terras das
camadas, de crescente alcance e complexidade. Sombras são extensões do mundo físico, um eco da
Embora nunca tenha sido tão brilhante ou vibrante energia divina inerente a toda matéria física. Tudo o
que existe no mundo mortal, existe nas Terras das

62
CAPÍTULO QUATRO

Sombras até mesmo alguns objetos e estruturas que espíritos que, uma vez, lutaram para salvá-los; re-
tombaram em ferrugem e ruínas. Fantasmas sultando em horríveis espectros que perseguem a
assombram esta terra desolada, visitando seus Tempestade em busca de vítimas que satisfaçam ao
amados, depreciando seus inimigos, ou impulso de seus mestres infernais.
simplesmente assistindo o mundo passar por eles. E possível navegar a selvageria da Tempestade
Mesmo em tempos modernos, muito após os para alcançar os Reinos Profundos, mas os riscos são
Algozes serem forçados a abandonar sua colheita de grandes. Grupos de espectros selvagens cavalgam
almas, alguns espíritos que morreram e deixaram pelo temporal, procurando por presas, atacando
negócios inacabados, encontram umjeito de com o mesmo fervor a espíritos, ou Demônios. Um
atravessar o Véu rumo a Terras das Sombras. Agora, rolamento de Percepção + Sobrevivência (difi-
devastados pelos dentes da uivante Maelstrom, culdade 8) é requerido para viajar com êxito das
todos os espíritos exceto pelos mais fortes se reúnem Terras das Sombras até um dos Reinos Profundos. Se
em volta de qualquer Local Assombrado que possam o rolamento falhar, os viajantes se perdem no
encontrar atraindo toda a Fé que podem dos vivos, temporal. A cada dia que os viajantes estão perdidos,
para manter suas formas intactas. outro rolamento de Percepção + Sobrevivência pode
Demônios que atravessam para as Terras das ser feito para ver ser eles readquirem o senso de
Sombras podem cruzar pela paisagem da mesma direção. Até lá, eles estão a mercê dos espectros a
forma como fariam no mundo mortal. Todas as taxas espreita na no temporal. Use o perfil de fantasma
de movimento são iguais entre os dois reinos, exceto para representar qualquer espectro que atacar os
no caso dos Algozes, cujas grandes proficiência e viajantes. A maioria dos espectros é jovem em idade,
familiaridade com o reino os permitem viajar vastas enquanto poucos podem ser espíritos antigos.
distâncias num piscar de olhos (ver o livro básico de Muitos espectros viajam em grupos de três a seis.
Demônio, página 48, para detalhes). Portas, janelas, Demônios que ousem atravessar a
muros e outras estruturas físicas têm tanta Tempestade arriscam algo pior do que espectros o
substancia nas Terras das Sombras, quando têm no Puxão do Abismo. Apesar de estarem presos as suas
reino físico, mas fantasmas e Demônios podem
passar através desses objetos gastando um ponto de A TEMPESTADE
Fé. Fantasmas com o poder Solidificar podem fazer A Tempestade que frequentemente enfurece o
ações físicas como apanhar um livro, ou abrir uma Reino Espiritual é o sexto temporal cataclísmico a
porta, e essas interações ressoam através do Véu no atingir as Terras das Sombras desde sua criação. Os
mundo físico. (Um livro parece flutuar no ar, Caídos não sabem o que causa essas terríveis revira-
conforme dedos invisíveis folheiam as páginas. Um voltas, mas muitos apontam para eventos violentos no
espelho quebra, ou uma porta bate repenti- mundo mortal e o começo da Maelstrom. Desde que a
namente.) Demônios não podem interagir com crença da humanidade (ou sua falta da mesma) teve
notável efeito na estabilidade do Véu, é concebível que
objetos físicos a menos que eles usem a evocação
a angustia coletiva da humanidade pudesse penetrar as
Travessia Espectral (ver o livro básico de Demônio,
Terras das Sombras e acionar a Tempestade por si
página 49, para mais detalhes).
mesma. Se é assim, alguns Algozes imaginam o que será
A TEMPESTADE do retomo dos Caídos e das batalhas eminentes contra
A Tempestade é a próxima “camada” do reino os Terrestres. Quão mais terríveis serão os efeitos nas
espiritual, um temporal caótico, turbulento, de ener- Terras das Sombras, se a humanidade for pega, mais
gia que contorna as Terras das Sombras e as separa uma vez, guerra dos anjos?
dos Reinos Profundos. Originalmente, a Tempesta- A Maelstrom ruge como um ciclone através das
de foi criada por Caronte para frustrar as explorações Terras das Sombras, arruinando e agitando áreas
de qualquer invasor, ocultando os Atalhos dos diferentes em momentos diferentes. Embora fosse
Reinos Profundos. Desde o exílio dos Caídos, po- inicialmente forte o bastante para destruir os espíritos
rém, este temporal tomou-se uma verdadeira força por completo e abrir buracos no Véu, a ferocidade dos
malevolente, afetado pelo Tormento dos Demônios ventos diminuiu de alguma forma. Ainda assim, o
presos no Abismo. Espíritos que tentam cruzar a temporal é um grande perigo para as almas dos mortos.
Tempestade e se perdem, encontram-se, algumas Espíritos pegos do lado de fora de um Local
vezes, jogados sobre os muros do Inferno; nos quais, Assombrado sofrem quatro dados de dano letal por
turno de exposição. Este dano pode ser absorvido
os odiosos espíritos que estão dentro dele, podem
usando Vigor. Espíritos que perdem todos os seus
alcançá-los. Esses espíritos são distorcidos e
níveis de vitalidade são completamente destruídos.
atormentados por incontáveis eras, pelos mesmos

63
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

formas mortais, esta proximidade com o Inferno tem grande Maelstrom explodiu através do Reino
poder suficiente para liberar o espírito de um Espiritual, ela golpeou o Véu com tanta força, que
Demônio de seu corpo , e levá-lo de volta a ele se rompeu temporariamente em buracos entre os
escuridão. Caídos dentro da Tempestade serão planos, criando poderosos Locais Assombrados
levados para o Poço, a menos que um rolamento bem dispersos através do globo, e provendo uma chance
sucedido de Força de Vontade (dificuldade 8) seja de escapatória para uma horda de espíritos
feito. Este rolamento deve ser feito a cada dia que o desesperados para as terras dos vivos. Semelhantes
Demônio caminhar na Tempestade, e se o aos Caídos, estes espíritos procuraram âncoras para
rolamento falhar, ele é arrancado de seu hospedeiro se salvarem do Puxão do Oblívio, possuindo os vivos,
ejogado no Inferno. e os corpos dos mortos também. Enquanto isso, nas
ATALHOS Terras das Sombras, aqueles fantasmas sem a força
Os Atalhos são caminhos sinuosos e para fazer a travessia pelo Véu, agora, tomam abrigo
distorcidos estabelecidos pelos mestres Malfeitores em quaisquer Locais Assombrados que encontrem,
que modificam suas direções através da Tempestade, aventurando-se na Maelstrom somente quando eles
em direção aos Reinos Profundos. Apesar de esses devem defender seus santuários contra invasores.
caminhos terem sido, originalmente, mascarados FANTASMAS
com poderosas evocações, eras de corrosão pelos Fantasmas são espíritos desincorporados
ventos da Tempestade os destituíram de sua que, pela sor te ou desvio da vontade
camuflagem. Os Atalhos são igualmente acessíveis a implacavelmente, encontram seus caminhos através
Demônios e espíritos quedesejam alcançar os Reinos do Véu, logo após sua morte, e ainda se demoram
Profundos. Nenhum rolamento é necessário para próximos às terras dos vivos. A maioria desses
navegar na Tempestade, contanto que os viajantes espíritos permanece nas Terras das Sombras,
sigam o Atalho, mas ataques de espectros ainda são procurando abrigo contra a Maelstrom, mas eles
possíveis, e Demônios sentem a sucção do Abismo. alcançam o mundo físico de tempos em tempos, de
Embora estejam mais seguros do que enfrentando a forma a restaurar sua Fé, ajudar seus entes queridos,
Tempestade diretamente, os Atalhos raramente ou punir seus inimigos.
guiam diretamente a um dos Reinos Profundos. Na Fantasmas nas Terras das Sombras são quase
verdade, alguns nem ao menos levam até o mesmo que exclusivamente encontrados ao redor de Locais
destino mais de uma vez. Assombrados essas áreas nas quais o Véu é fraco, per-
OS REINOS PROFUNDOS mitindo fácil acesso ao mundo físico. Já que há
Caronte criou os Reinos Profundos como muito mais fantasmas do que há Locais Assombra-
locais escondidos à Hoste Celestial. Ilhas de dos, a maior parte desses locais literalmente trans-
realidade isoladas pela enfurecida Tempestade e borda com mortos inquietos, enquanto a Maelstrom
conectadas pelos mutáveis Atalhos, ninguém exceto encoleriza-se através do Reino Espiritual. A conse-
Caronte e um punhado de Algozes sabia o numero quência no mundo físico é uma onda maciça de fe-
total de refúgios criados dentro do temporal. nômenos ocultos, conforme esses fantasmas deses-
Espíritos que clamam terem viajado muitas vezes pe- perados dominam qualquer mortal que esteja
los Atalhos, antes da recente Maelstrom, contam dentro de seu alcance e tentam se alimentar de sua
histórias de uma ilha que é uma enorme cidade; Fé.
outra é um reino de jade. Até agora, nenhum Caído Esses espíritos precisam de Fé para curar seus
ousou caminhar pelos Atalhos e ver por si mesmo o ferimentos e acessar seus poderes, mas diferente-
que permanece dos Reinos Profundos. Há inúmeros mente dos Caídos, os fantasmas podem apenas cei-
rumores sobre bastiões secretos dentro do temporal, far Fé (ver o livro básico de Demônio, página 85, para
contendo potentes relíquias da Idade da Ira. Alguns detalhes). Eles fazem isso aterrorizando mortais com
imaginam se Caronte e seus tenentes esperam em fenômenos sobrenaturais e, então, se alimentando
uma cidadela. Os rumores mais fortes sugerem que das emoções que eles evocam. Use o sistema de ceifar
até mesmo o próprio Lúcifer encontrou refúgio no Fé que os Demônios aplicam nos mortais. Já que
interior desses locais por um tempo. fantasmas são mais sintonizados às emoções
humanas, do que os Caídos, entretanto, esses
OS ESPÍRITOS DOS espíritos recebem de dois a quatro pontos de Fé por
tentativa, dependendo do potencial deFédo alvo
MORTOS (essencialmente, o dobro do que qualquer Demônio
Os mortos estão em toda parte. Quando a
normalmente ganharia de uma vítima).

64
CAPÍTULO QUATRO

Um grande número de fantasmas fez a traves-


PERFIL DE FANTASMA sia pelo Véu durante a Maelstrom e conseguiram
O que segue descreve um exemplo de um dominar corpos físicos de forma a ancorar a si pró-
fantasma jovem, alguém que morreu prios contra os puxões do oblívio. Novamente, da
recentemente: mesma forma como os Demônios, esses fantasmas
Atributos: Força 3*, Destreza 3, Vigor 4, Ca- Possuem os fracos de mente, os corpos sem
risma 2, Manipulação 3, Aparência 3, Percepção 4, almas, ou aqueles com dano cerebral. Fantasmas
Inteligência 4, Raciocínio 4 podem perder seus hospedeiros da mesma forma que
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2, os Demônios. Use o sistema para possessão de um
Esportes 2, Briga 3, Burocracia 3, Computador 3, novo hospedeiro encontrado, na página 94 do livro
Ofícios 3, Esquiva 3, Condução 3, Etiqueta 3, Fi- básico de Demônio, para determinar se o espírito
nanças 2, Intimidação 3, Investigação 2, Liderança encontra um novo hospedeiro. Se o fantasma falhar,
2, Medicina 2, Ocultismo 2, Política 1, Segurança 2 ele se perde para o oblívio.
Lábia 4, Sobrevivência 4 F a n t a s m a s p o d e m s e r i nv o c a d o s e
Força de Vontade: 7 controlados por Demônios com a Doutrina do
Fé: 10 Espírito, estejam eles nas Terras das Sombras, ou em
O que segue descreve um exemplo de um posse de um hospedeiro humano. Espíritos sob a
fantasma velho, alguém que circula há um século, forma de Possessão, quando invocados por um
ou em tomo disso: Demônio, irão aproximar-se do Caído em forma
Atributos: Força 6*, Destreza 6, Vigor 7, Ca- física, ao contrário de serem retirados de seus corpos
risma 4, Manipulação 6, Aparência 3, Percepção 5, hospedeiros.
Inteligência 4, Raciocínio 6 Mortos-Vivos
Habilidades: (escolha entre) Acadêmicos 3, Nem todos os fantasmas que cruzam para o
Prontidão 4, Empatia com Animais 3, Esportes 3, pleno mortal encontram seu caminho para corpos
Briga 5, Computador 1, Ofícios 2, Esquiva 5, Em- vivos. Há alguns poucos que, possuindo uma
patia 3, Etiqueta 4, Expressão 4, Finanças 4, Armas vontade de ferro e uma formidável quantidade de Fé,
de Fogo 4, Intimidação 5, Investigação 4, Direito 4, intencionalmente procuram seus corpos originais,
Liderança 3, Linguística 3, Medicina 4, Armas animando-os mais uma vez para buscar vingança
Brancas 5, Ocultismo 4, Política 4, Ciência 3, Se- contra alguém que os tenha feito algo ruim, ou
gurança 4, Manha 3, Lábia 5, Sobrevivência 5 completar algum outro assunto inacabado. Outros
Força de Vontade: 9 espíritos agarram o primeiro corpo que encontram e
Fé: 12 tentam retomar a um tipo de vida mortal, ocultando
O que segue descreve um exemplo de um sua carne decomposta sob uma mascara ilusória de
fantasma antigo, alguém que está morto há vários Fé.
séculos: O pior de tudo há casos em que a energia
Atributos: Força 8*, Destreza 7, Vigor 9, Ca- bruta da própria Maelstrom penetrou o Véu e
risma 6, Manipulação 9, Aparência 6, Percepção 7. imbuiu tecido morto, criando uma criatura malévola
Inteligência 7, Raciocínio 8 e sem mente que existe somente para perseguir,
Habilidades: (escolha entre) Acadêmicos 7, mutilar e matar os vivos. Esses Carniceiros são
Prontidão 7, Empatia com Animais 5, Esportes 6, verdadeiros monstros, escondendo-se durante o dia
Presciência 5, Briga 5, Esquiva 5, Empatia 1, Eti- e aventurando-se além de seus lares durante a noite,
queta 5, Expressão 4, Finanças 7, Armas de Fogo 3, para satisfazer sua sede por Fé e sangue.
Intimidação 7, Investigação 4, Direito 4, Lin-
guística 5, Medicina 5, Armas Brancas 6, Ocultis-
mo 5, Política 7, Ciência 3, Segurança 5, Manha 1,
Lábia 7, Sobrevivência 7
Força de Vontade: 10
Fé: 15+
* Note que o Atributo Força para fantasmas
aplicasse somente no uso de poderes na linha de
Solidificar (ver “Poderes Fantasmas”), no qual o
fantasma exerce sua vontade para aplicar força
contra ou sobre um objeto ou entidade físicos.

65
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

PODERES FANTASMAS
Cada fantasma costumava ser uma pessoa, o que é refletido em cada personalidade de fantasmas.
Alguns usam seus poderes para ferir, enquanto outros tentam prolongar uma existência benigna. O que vem a
seguir são apenas mostras dos poderes que os fantasmas podem ter o Narrador pode criar novos.
Fantasmas jovens têm, geralmente, três poderes, nenhum deles além de suficientemente fraco.
Fantasmas velhos têm de quatro a cinco poderes em níveis fracos e moderados. Fantasmas antigos têm de
cinco a seis poderes entre níveis moderados e potentes.
• Teletransporte: este poder é limitado à linha de visão do fantasma. Fantasmas se teleportam para
evitar ferimentos ou detecção. Eles podem usar essa habilidade em combate. Com tempo e especialização, um
fantasma pode até mesmo se teleportar para localidades além da linha de visão. Um ponto de Fé permite ao
fantasma teleportar-se uma vez por turno.
• Curto-Circuito: embora o nome deste poder implique alvos limitados a eletrônicos, fantasmas
podem usá-lo para ativar (ou emperrar) até máquinas simples o gatilho de uma arma, por exemplo. Fantasmas
experientes podem usar este poder para mandar um golpe elétrico através de qualquer substância condutora
(metal ou água) para eletrocutar um mortal em contato com um objeto adequado (um rifle ou poça). Baseie o
dano deste ataque sobre um número de dados igual à Fé do fantasma (dificuldade 6); o dano pode ser letal ou
contusivo. Este poder também tem o potencial de tomar máquinas com sistemas elétricos inoperantes
temporariamente ou permanentemente.
Custa um ponto de Fé para ativar Curto-circuito a cada uso.
• Controlar Emoções: fantasmas com este poder podem influenciar o estado emocional de um
mortal e ceifar sua Fé. Fantasmas jovens e inexperientes podem estimular somente sentimentos bruscos tais
como luxúria, raiva ou medo. O alcance de fantasmas velhos inclui felicidade, esperança e amor, os quais
podem ser induzidos a níveis próximos à paralisia. Fantasmas antigos que são peritos em controlar as emoções
humanas podem imbuir um forte sentimento sobre uma entidade, atividade ou localização. Desde esse
momento, a pessoa permanece convencida de que sempre se sentiu assim.
Gaste um ponto de Fé e faça um rolamento de Força de Vontade (baseado no nível permanente e não
no temporário) para um fantasma usando um poder de controle emocional, dificuldade igual à Força de
Vontade do alvo. Sucessos induzem a emoção desejada no alvo. Um fantasma que instaure uma emoção a fim
de se alimentar recebe um ponto de Fé por cada sucesso obtido neste esforço, até o limite de Fé dele. Usar esse
poder para se alimentar pode feito uma única vez por cena.
Os Caídos são imunes a esse poder, mas seus Servos não...
• Solidificar: este poder compreende os poderes associados com o fantasma clássico, tais como mover
ou golpear objetos, ou seres vivos invisivelmente, barulhos inexplicáveis e assim por diante. Fantasmas que têm
provocado problemas por décadas, podem acionar o movimento todo um cômodo de pequenos objetos de
uma única vez. Verdadeiros mestres podem fazer a mobília voar e até mesmo suspender carros no ar. Um ponto
de Fé permite ao fantasma ativar Solidificar uma vez por turno.
• Ectoplasma: ectoplasma produz grande quantidade de uma substância mucosa e brilhosa onde quer
que o fantasma deseje. Usos comuns incluem a contaminação de comidas (com o propósito de chocar) e a
cobertura de chãos ou estradas (para criar condições perigosas). Aplique a regra de linha de visão para
aplicação do ectoplasma (ou seja, não além da visão do usuário). Fantasmas experientes podem fazer com que
o ectoplasma se manifeste dentro do nariz e boa de um alvo (mesmo um em movimento) para sufocá-lo. Esta
substância pode ser expelida ou removida, mas o personagem afetado não pode fazer coisa alguma até que suas
vias aéreas estejam limpas.
Custa um ponto de Fé para criar ectoplasma. Role um número de dados igual a Força de Vontade do
fantasma (dificuldade 6) para determinar quantos quartos de galão [quarts] resultam (um por sucesso). O ecto-
plasma dura por não mais do que uma cena, então some sem deixar rastros.
• Combustão: fantasmas usam este poder para atear fogo.
A velocidade com a qual as chama começam depende da perícia do espírito e do quão inflamável o
material é. Um fantasma jovem pode atear fogo a uma peça de algodão em três turnos; um fantasma velho o faz
em dois turnos; e um fantasma malévolo e rabugento pode fazê-lo em um turno (rolamento de Força de
Vontade, dificuldade 6). Quanto menos inflamável a substância, maior a dificuldade. Incendiar madeira é
dificuldade 7. Incendiar tecidos normalmente resistentes a chamas é dificuldade 8. Plásticos rígidos requer
dificuldade 9, enquanto vídeo, cerâmicas e metais duráveis não podem ser incendiados com este poder.
O usuário ou portador de algo mirado por este poder tem a permissão de um rolamento de Raciocínio
+ Prontidão a cada turno para determinar se ele nota o calor crescente do objeto.
Um ponto de Fé ativa este poder contra um alvo. O fantasma deve aplicar o poder sem interrupção
para resultado das chamas.

66
CAPÍTULO QUATRO

PERFIL DE MORTO-VIVO PERFIL DE POSSESSÃO


Os seguintes valores detalham um dos Valores são fornecidos para pessoas e animais
Reerguidos, um formidável morto-vivo em possessão normais, da mesma forma que corpos possuídos (em
de seu corpo original: parênteses)
Atributos: Força 5, Destreza 5, Vigor 5, As seguintes estatísticas se referem a um
Carisma 2, Manipulação 4, Aparência 2, Percepção humano adulto:
5, Inteligência 3, Raciocínio 5 Atributos: Força 3 (7), Destreza 3 (5), Vigor 3
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 3, (5), Carisma 3, Manipulação 3, Aparência 2,
Esportes 4, Briga 4, Esquiva 4, Condução 2, Etiqueta Percepção 2, Inteligência 3, Raciocínio 3 (5)
2, Expressão 2, Armas de Fogo 3, Intimidação 5, Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2,
Armas Brancas 3, Manha 3, Lábia 5, Sobrevivência 4 Esportes 2, (Briga 3), (Esquiva 3), (Armas de Fogo 2),
Força de Vontade: 10 (Intimidação 4), (Armas Brancas 2), (Ocultismo 3),
Fé: 12 Furtividade 3, (Lábia 3), Sobrevivência 1 (3)
Poderes: Reerguidos podem passar por Força de Vontade: apropriada para o tipo de
humanos, embora Demônios possam vê-los que fantasma
realmente são com um rolamento bem sucedido de Fé: apropriada para o tipo de fantasma
Percepção + Presciência. Reerguidos podem Os seguintes valores são para uma criança:
suportar 15 níveis de dano antes de serem Atributos: Força 1 (4), Destreza 3, Vigor 2 (5),
destruídos, mas eles podem regenerar um nível Carisma 2, Manipulação 4, Aparência 3, Percepção
perdido com o gasto de um ponto de Fé. Os 2, Inteligência 2 (4), Raciocínio 3 (5)
Reerguidos não sofrem penalidades pela perda de ní- Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2, Es-
veis de vitalidade. quiva 1, (Armas Brancas 3), Performance 2,
O s s e g u i n t e s v a l o re s d et a l h a m u m Furtividade 3 (4), Lábia 3
“andarilho”, um fantasma no controle de um Força de Vontade: apropriada para o tipo de
cadáver: fantasma
Atributos: Força 4, Destreza 3, Vigor 5, Fé: apropriada para o tipo de fantasma
Carisma 1, Manipulação 3, Aparência 1, Percepção Poderes: um espírito que possua um humano pode
3, Inteligência 2, Raciocínio 4 não conseguir manifestar nenhum de seus poderes,
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 3, ou pode não ter acesso a alguns, ou todos, os
Esportes 2, Briga 2, Esquiva 2, Condução 1, Etiqueta poderes. Um espírito-possessor que abandone seu
1, Armas de Fogo 2, Intimidação 3, Manha 2, Lábia 2 hospedeiro certamente possui todo o alcance de seus
Força de Vontade: 8 poderes. Um espírito ainda no corpo pode tentar
Fé: 8
disfarçar sua existência, proteger seu hospedeiro, ou
Poderes: Andarilhos têm 10 níveis de
vitalidade e não sofrem penalidades por ferimento. atacar qualquer um que o ameace. Um fantasma
Eles podem regenerar um nível de vitalidade perdido livre poderia atacar, desaparecer, ou tentar possuir
em um turno, ao custo de um ponto de Fé por nível. outro humano ou animal. Demônios são imunes a
Regenerar um nível é considerado como uma ação. tais tentativas de possessão, mas seus Servos não o
Andarilhos conseguem se passar por humanos, com são.
Da mesma forma que os humanos, animais
algum esforço.
O s s e g u i n t e s v a l o re s d et a l h a m u m que são possuídos por espíritos ficam
Carniceiro, um zumbi sem mente e imbuído com as substancialmente mais fortes. Os seguintes valores
odiosas energias da Tempestade. são para um cachorro de porte grande:
Atributos: Força 3, Destreza 2, Vigor 6, Atributos: Força 3 (6), Destreza 4, Vigor 2 (4),
Carisma 0, Manipulação 0, Aparência 0, Percepção Carisma 0, Manipulação 0, Aparência 0, Percepção
2, Inteligência 1, Raciocínio 1 4, Inteligência 2 (4), Raciocínio 1 (3)
Habilidades: Briga 2, Intimidação 5 Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2,
Força de Vontade: 6 Esportes 3, Briga 2, Esquiva 3, Intimidação 3,
Fé: 8 Furtividade 3, Sobrevivência 3
Poderes: Carniceiros são “mortos” somente Poderes: nenhum, mas uma vez que o animal
através da destruição total do corpo, ou separando a tenha sido impedido ou destruído, o Demônio deve
cabeça do torso. Carniceiros têm 10 níveis de lidar com o espírito desincorporado. Este espírito po-
vitalidade e não sofrem penalidades por dano deria atacar, desaparecer, ou tentar possuir outro
infligido. humano ou animal.

67
CAPÍTULO CINCO:
MONSTROS

A grande colina próxima à velha cidade


Um precipício em face ao fim da rua principal
Verde, alta e arborizada, olhando sombriamente para baixo
Sobre a torre à curva da estrada.
Por Duzentos anos ouviram-se os sussuros
Sobre o ocorrido na colina pelos homens evitada
Contos sobre um cervo ou pássaro feridos estranhamente
Ou de garotos perdidos cujos parentes deixaram de esperar.
–H.P Lovecraft, "Os Fungos de Yuggoth”

Os Anjos do Abismo e seus inimigos Terrestres que você necessita para incluir vampiros,
não são os únicos seres sobrenaturais em atividade lobisomens, magos e os imbuídos em sua crónica
no Mundo das Trevas. Feiticeiros procuram de Demônio. Cada sessão é dividida nas quatro
conhecimento proibido através das artes arcanas, partes seguintes: um perfil básico do "monstro",
enquanto criaturas das lendas como vampiros e sugestões de como incluí-los em suas histórias,
lobisomens caçam presas humanas em becos maneiras nas quais eles podem se relacionar com
macabros e florestas isoladas. Estranhamente, os Caídos e especificações sobre como possessão e
homens e mulheres comuns em todo o globo são pactos de Fé afetam cada monstro (e vice versa). Ao
visitados por visões secretas e imbuídos com fim de cada sessão estão perfis de personagens
poderes divinos para proteger a humanidade do para cada monstro e habilidades sugeridas para
sobrenatural - a qualquer custo. Poucos em eles. Para os nossos propósitos, cada monstro tem
número e raramente encontrados, estes um tipo de contagem de Fé, que alimenta seus
“monstros” misteriosos e poderosos dividem uma diversos poderes.
única coisa em comum com os caídos: uma A forma como cada criatura usa e recupera
inexplicável ligação com a humanidade. Um Fé varia e é detalhada nos perfis individuais. Se
Demônio que cruze seu caminho com um destes você já está familiarizado com outros jogos de
seres pode encontrá-los como aliados relutantes, narração da White Wolf, sinta-se livre para
rivais em potencial ou inimigos implacáveis. empregar os sistemas mais detalhados para esses
Este capítulo oferece toda a informação de monstros, se você quiser. Os perfis listados abaixo
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

foram feitos para oferecer as informações básicas


que lhe permitirão incluir estes seres como anta-
gonistas e personagens de suporte sem demandar
que você compre qualquer outra coisa além deste
livro e do livro básico de Demônios.

OS IMBUÍDOS
Os Imbuídos (ou simplesmente caçadores,
como eles se denominam às vezes), estão entre os
mais perigosos inimigos em potencial para os
Caídos. Não apenas porque seus poderes parecem
ser especificamente construídos para detectar e
combater as habilidades natas de um Demônio - os
Imbuídos são perigosos em virtude de seu
anonimato. Eles são pessoas do cotidiano que têm
a presença do sobrenatural revelada, e que depois
recebem ferramentas para fazer algo a respeito.
Caçadores são policiais, carteiros, contabilistas e
lixeiros, rostos abatidos em meio à multidão com
olhos que vêem mais do que deveriam.
Os Imbuídos são indivíduos cujas vidas
normais são reviradas por uma estranha e
frequentemente violenta revelação tocante à
existência e atividades do sobrenatural.
Frequentemente eles são levados a esses
confrontos por uma série de inexplicáveis
coincidências. (Seu carro quebra repentinamente,
forçando-os a passar por um beco onde um
vampiro está se alimentando de um adolescente
fugitivo, ou a espera por um elevador dura apenas
o bastante para a pessoa ver consigo um colega de
trabalho, que acaba sendo um dos mortos-vivos.)
O momento da revelação°[em que são imbuídos] é
diferente para cada pessoa, mas tipicamente
envolve mensagens secretas e alucinações
estranhas e sugestivas. (Sinais brilhantes de
trânsito mudam de "CAMINHE" para "OS
MORTOS CAMINHAM", ou uma voz em suas
cabeças retumba "[AQUILO] SE ALIMENTA
DOS INOCENTES").
A maneira como o indivíduo reage a esse
súbito despertar é crucial. Se ele falha em agir
sobre a mensagem que lhe foi dada, a mensagem
desaparece tão rápido quanto surgiu, e a pessoa
eventualmente racionaliza a experiência. Se ele
ouve o chamado e age sobre ele, entretanto - seja
atacando criatura com uma garrafa quebrada,
afastando-a de sua vítima ou aprendendo o que ele
puder do encontro - o indivíduo é Imbuído com
poderes de acordo com suas ações. Um caçador
vingativo procurandojustiça pelas vítimas do

70
CAPÍTULO CINCO

monstro pode ganhar a habilidade de transformar grupos, frequentemente representando uma


um cano em um porrete flamejante, enquanto um variedade de campos, porque os Imbuídos
preocupado com a defesa dos inocentes pode aprenderam que são muito mais eficientes
descobrir a habilidade de repelir o monstro com a quando atuando como uma equipe.
força de sua vontade. Caçadores curiosos, ou Os poucos Demônios que encontraram os
inquisitivos, em busca de respostas podem receber Imbuídos (e sobreviveram à experiência) ficaram
o poder de desaparecer da visão dos monstros, ou alarmados com a maneira em que os poderes
receber presságios para suas ações futuras. destes mortais parecem ser especificamente
O que acontece daí em diante, entretanto, é construídos para derrotar muitas habilidades
por conta do Caçador. Porém, é aqui que o inatas dos Demônios e resistir aos efeitos de
pesadelo começa, porque uma vez que lhes foi muitas invocações. Alguns especulam que os
mostrada a existência de monstros e lhes foram Caçadores estão recebendo seus poderes de
dados dons sobrenaturais, os Imbuídos estão por agentes do Céu, em uma espécie de guerra de subs-
conta própria. titutos contra os Caídos, embora poucos possam
A força misteriosa que os lança contra os imaginar o enfurecido Criador como sendo tão
monstros em meio à humanidade não se tímido com Seu poder. Outros se perguntam se
manifesta novamente, deixando-os para decidir talvez os Imbuídos são talvez descendentes de um
por si mesmos o que fazer com o conhecimento e ou mais Nephilins que, de alguma forma,
os poderes que lhes foram dados - e o quão longe escaparam do expurgo de Lúcifer durante a
eles estão dispostos a ir. Alguns Caçadores Guerra da Fúria. Esses Demônios especulam que
abandonam amigos e família, embarcando em o retomo dos caídos reativou seus poderes latentes
cruzadas solitárias contra "O inimigo", enquanto - assim como seu ódio reflexivo pelos Anjos do
outros vigiam apenas uma única vizinhança, ou Abismo.
algumas vezes pouco mais que o prédio de sua ENCONTROS
casa, tentando protegê-lo do mundo exterior. De todos os perigos sobrenaturais
Cada caçador luta para manter sua sanidade em existentes no Mundo das Trevas, os Imbuídos são
face aos horrores incansáveis e à paranoia. Os os que têm a maior chance de cruzar seus
poucos que sobrevivem em um mundo governado caminhos com os Caídos, por nenhum outro
por monstros invariavelmente perdem contato motivo além do fato de que a maior parte dos
com suas vidas de outrora, sendo consumidos pela Caçadores ativamente procura por sinais de
caça. atividade paranormal. Uma sequência de
Os Imbuídos, por assim dizer, caem assassinatos brutais por tortura, surtos misteriosos
geralmente em um de três campos, baseados em de loucura ou rumores de aparições divinas e mila-
visões com relação à caça. Os Zelozos são gres aparentes atrai os Imbuídos como faróis, e o
Caçadores que acreditam em confronto, tomando Caído que falha em ser discreto rapidamente
o mundo dos monstros pela força, destruindo-os encontra um ou mais caçadores em seu encalço.
quando necessário. Os Misericordiosos, por outro Ainda que os Imbuídos sejam frequentemente
lado, acreditam que a única forma de terminar o marciais, eles desenvolveram uma comunidade
ciclo de violência entre os monstros e a online que atua como um poderoso banco de
humanidade é através de negociação, sacrifício e a dados para informação e como uma maneira de
possibilidade de redenção. Finalmente, alguns in- conseguir uma quantidade impressionante de
divíduos Visionários se recusam a ver as relações recursos contra uma ameaça específica. Um
entre os humanos e monstros como "nós ou eles" e Caçador solitário poderia enviar um e-mail e
procuram por diferentes raciocínios que os rapidamente chamar por reforços para ajudar a
ajudarão a traçar um novo futuro para ambos, lidar com um problema em potencial (baseado em
humanidade e sobrenatural. Cada campo que os Caçadores vejam olho-no-olho a melhor
demonstra seus próprios poderes, perspectivas e maneira de resolver a questão).
preconceitos, e a comunidade dos Imbuídos é Outra possibilidade para um encontro com
frequentemente assolada por disputas e conflito um Imbuído pode ocorrer no próprio ato do
imediato sobre seu verdadeiro propósito. Dito Imbuimento.
isso, não é incomum para os Caçadores operar em

71
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

A força misteriosa nos bastidores da criação lutando ao lado de um Demônio, ou um


dos Caçadores poderia abrir os olhos de alguém Visionário vingativo que se opõe violentamente a
próximo a um Demônio, possivelmente até tudo que um Demônio acredita.
mesmo um amigo, um amante ou membro da Muito frequentemente, Demônios e
família do hospedeiro mortal do Demônio. Esse Caçadores se vêem como inimigos. Mal
tipo de encontro pode criar potencial para informados e incapazes de ver além de seus
poderosas histórias sobre lealdade, confiança e próprios preconceitos, os Imbuídos não fazem
traição, com repercussões em quase todos os distinções entre Demônios monstruosos e aqueles
aspectos da existência mortal de um Demônio. que tentam se elevar para além de seu Tormento.
Será que ela pode convencer o Caçador que ela Para eles um Demônio é uma criatura que não
não é o monstro que parece ser, ou será forçada a deve ser permitida caminhar na terra. Em raros
matar alguém com quem se importa em nome de casos, os Caídos conseguem forjar uma aliança
sua própria segurança? controversa com os Imbuídos, geralmente em face
Finalmente, Demônios podem cruzar seus de um perigo maior, como um Terrestre, mas essas
caminhos com os Imbuídos através da existência alianças raramente permanecem depois que a
de seus Servos. Quanto mais pactos de Fé um ameaça imediata se foi. Altemativamente,
Demônio possui, mais homens e mulheres estarão Demônios menos escrupulosos não hesitam em
nas ruas, carregando uma marca que irá atrair a manipular os Imbuídos como disfarces contra
atenção do Caçador. Talvez o Servo esteja usando seus oponentes infernais, revelando-os e
um de seus dons infernais, ou talvez ela esteja enfraquecendo-os [aos inimigos] para que o
apenas no lugar errado e na hora errada, enquanto Demônio possa matá-los.
um Caçador está usando sua Visão. Dependendo Apesar dos perigos, os Imbuídos também
do Caçador em questão, o Servo pode se tomar representam uma grande tentação para os Caídos,
um mistério a ser resolvido, uma alma a ser salva e para os Terrestres em particular. As energias
ou uma abominação vivendo de tempo ilícito. Até divinas que permeiam os caçadores no momento
onde o Caído irá para proteger um de seus Servos? do Imbuimento também servem grandemente
Poderia o Demônio ver através do seu Tormento e para aumentar seu potencial de Fé, fazendo deles
arriscar sua própria existência para salvar um mero potencialmente valiosos Servos - e excelentes
mortal, ou será ela forçada a silenciar seu Servo veículos para possessão.
antes que o mortal a comprometa ainda mais? PACTOS DE F ́ E OS IMBU ́DOS
RELAÇÕES DEMÔNIOS-CAÇADORES Talvez devido à sua criação incomum, os
Relações entre os Caídos e Imbuídos Imbuídos são tão suscetíveis aos pactos de Fé
dependem em grande parte de qual dos três quanto qualquer outro mortal no Mundo das
campos o Caçador em questão é. Em geral, Zelosos Trevas. Como outros mortais, o Caçador deve
vêem os Demônios exatamente desta forma - voluntariamente entrar num pacto com o
espíritos malévolos que escaparam do Inferno - e Demônio; uma tarefa bastante dificultada pelo
não pouparão nenhum esforço para destruir os fato dos Imbuídos terem poder para ver além das
Servos do Demônio e banir o Caído de volta para doces palavras do Demônio e ver o espírito
o Abismo. Caçadores Misericordioso, entretanto, atormentado que ele realmente é. O alto potencial
geralmente se relacionam ao Demônio no de Fé do Caçador típico provê uma abundância de
contexto de suas ações, até o ponto de tentar abrir poder que um Demônio pode usar para alimentar
diálogo com o Caído, se possível e ajudá-lo em sua suas próprias invocações - um único Servo
luta contra o Tormento. De mesma forma, Imbuído pode prover tanta fé quanto cinco Servos
Caçadores Visionários poderiam tent ar comuns - ou prover ao Caçador dons para fazê-lo
estabelecer uma relação de aparências com um mais efetivo do que antes. O pacto de Fé não
Caído para propósitos de troca de informações, assegura lealdade, entretanto, nem previne a
uma relação que poderia ser de grande benefício inevitável descida do Caçador rumo à loucura. E
para ambas as partes. Novamente, essas reações mais, o pacto entre o Caçador e o Demônio é clara-
são generalizações, e exceções definitivamente mente visível para a Visão dos Caçadores,
existem. Você poderia ter um Zeloso simpático revelando o Imbuído como corrompido "pelo

72
CAPÍTULO CINCO

inimigo" e um alvo em seu próprio direito.


Vassalar um Caçador é um risco calculado na PERFIL DE CAÇADOR
melhor das hipóteses; um desastre na pior. Use as O exemplo a seguir é de um Caçador Zeloso e
regras para vassalar mortais na página 87 do livro combativo.
Atributos: Força 4, Destreza 4, Vigor 4,
básico de Demônio para criar pactos entre
Carisma 2, Manipulação 2, Aparência 2, Percepção
Demônios e caçadores.
O mesmo potencial de Fé elevado que faz 3, Inteligência 3, Raciocínio 4
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 4,
dos Imbuídos valiosos Servos em potencial
Esportes 3, Briga 3, Computação 2, Ofícios 3,
também os faz eminentemente adequados como Esquiva 3, Condução 2, Armas de Fogo 2,
h o s p e d e i ro s p a r a p o s s e s s ã o . O a t o d o Intimidação 3, Investigação 2, Liderança 2,
Imbuimento condiciona o corpo do Caçador a Medicina 2, Armas Brancas 4, Ocultismo 3, Política
canalizar energia Celeste em níveis que 1, Segurança 2, Manha 3, Lábia 2, Sobrevivência 2
destruiriam um mortal típico, presenteando os Força de Vontade: 7
Caídos com uma oportunidade para conseguir Fé: 7-10
um hospedeiro capaz de sustentar maiores O exemplo a seguir é de um Caçador
quantidades de Fé. Misericordioso, conciliatório.
Possuir um Caçador, entretanto, é muito Atributos: Força 2, Destreza 3, Vigor 2,
mais difícil do que dominar o corpo de um Carisma 3, Manipulação 4, Aparência 3, Percepção
4, Inteligência 4, Raciocínio 4
humano comum. Primeiro, o Demônio deve ter
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2,
estabelecido um pacto de Fé com o Caçador que Esportes 2, Briga 3, Computação 2, Esquiva 3,
ela pretende eventualmente possuir. Depois, ela Condução 2, Empa- tia 3, Etiqueta 3, Finanças 2,
deve esperar (e talvez ajudar) na degeneração da Armas de Fogo 2, Intuição 3, Investigação 2,
sanidade do Caçador enquanto ela se perde na Liderança 2, Medicina 2, Armas Brancas 1,
caçada. Uma vez que a Força de Vontade do Ocultismo 3, Política 1, Segurança 2, Manha 3,
Caçador tenha sido reduzida a 1 (ou menos), o Furtividade 3, Lábia 2, Sobrevivência 2
Demônio pode tentar o ato da possessão. Use o Força de Vontade: 7
sistema de possessão descrito na página 94 do livro Fé: 7-10
básico de Demônio para determinar a tentativa. O exemplo a seguir é de um Caçador
Se o Caçador tiver ativado sua habilidade inata, Visionário, in quisitivo:
Atributos: Força 2, Destreza 3, Vigor 2,
que concede imunidade à possessão (veja abaixo),
Carisma 2, Manipulação 3, Aparência 3, Percepção
a tentativa do Demônio falha automaticamente. 5, Inteligência 4, Raciocínio 4
Se a possessão for bem sucedida, a alma do Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2,
Caçador é expulsa do corpo e o Demônio herda as Esportes 2, Computação 3, Esquiva 3, Condução 2,
características do Caçador, bem como sua Fé (mas Empatia 3, Etiqueta 3, Finanças 2, Armas de Fogo 2,
nenhum de seus poderes ou habilidades inatas). O Intuição 3, Investigação 3, Liderança 2, Medicina 2,
quanto da identidade do Caçador e de suas Armas Brancas 1, Ocultismo 3, Política 2, Segurança
memórias o Demônio herda é você, o Narrador, 3, Manha 3, Furtividade 3, Lábia 2, Sobrevivência 2
quem diz, mas é fortemente recomendável que Força de Vontade: 6
para cada pedaço de conhecimento que o Fé: 7-10
Demônio ganhar, ela perca um pedaço similar de
sua encarnação anterior. condutora por trás dos planos de Babel do
Portador-da-Luz, perto do final da Guerra da Ira.
MAGOS A humanidade tinha o potencial de manipular e,
A humanidade é uma raça de potencial por fim, ter maestria sobre as forças da Criação e,
praticamente ilimitado. À extensão do que os possivelmente, reinventá-las de formas que não
homens e mulheres do século 21 desenvolveram poderiam ser imaginadas pelos Elohim. Babel foi
em relação a seus antepassados Mesopotâmicos, um fracasso porque Lúcifer quis apressar a
eles apenas começaram a entender suas evolução de forma mais mais rápida do que seria
verdadeiras capacidades. Lúcifer e os Caídos seguramente auto-sustentável, mas o caminho,
viram este enorme potencial nos primeiros dias da uma vez revelado, não poderia ser completamente
criação da humanidade, e isso foi a força apagado da memória coletiva da humanidade.

73
Poderes dos Imbuídos
Os Imbuídos, como os Caídos, são munidos com um caso dos Caídos, o Limite também identifica a Casa do Demônio.
número de poderes inatos comuns a todos os Caçadores, da Esta informação é comunicada com um senso geral do foco do
mesma forma que uma série de poderes baseados em Fé, chamados Demônio, então um Flagelo iria conjurar imagens de vento e
de Limites, que variam dentre membros das três categorias de movimento, enquanto um Devorador iria conjurar sensações da
Caçadores. Caçadores ativam seus poderes inatos gastando um natureza e de caça. Os efeitos deste Limite duram por um único
ponto de Fé pelo conjunto todo. Os efeitos destes poderes duram turno.
por uma única cena. • Barreira: este Limite permite a um Caçador Zeloso
• Imunidade a Possessão: o Caçador não pode ser expulsar monstros da zona de proteção que o circunda. O Limite
possuído enquanto este poder estiver ativado. Esta habilidade requer o gasto de um ponto de Fé e um rolamento de Força de
também bloqueia evocações que permitam ao Demônio projetar Vontade (dificuldade 6). Monstros dentro da zona são compelidos
sua consciência na mente do Servo, tais como Visão Remota, ou para fora a menos que um rolamento de Vigor (dificuldade 6)
Porta-Voz dos Condenados. exceda os sucessos do Caçador. Monstros têm apenas um
• Imunidade a Controle da Mente: a mente do Caçador rolamento para resistir aos efeitos deste Limite. Se o rolamento
não pode ser manipulada por evocações tais como Insinuar, falhar, eles são expulsos para a periferia da zona e não podem
Confessar ou Obsessão. Evocações que tentam influenciar ou entrar. A zona alcança um raio, em metros, igual à pontuação de Fé
controlar as ações do Caçador falham automaticamente. do Caçador. Os efeitos deste Limite estão centrados no caçador, e
Demônios maiores podem ser poderosos o bastante para impor-se eles movem conforme ele se move, e duram por uma cena.
sobre este poder inato, à discrição do Narrador, contanto que sua • Ocultamento: este Limite permite a um Caçador
pontuação de Fé seja maior que a do caçador. Misericordioso se esconder da visão de um monstro, gastando um
• Imunidade aos Efeitos de Revelação: Caçadores não ponto de Fé e fazendo um rolamento bem sucedido de Força de
sofrem os efeitos de Revelação. Novamente, Demônios maiores Vontade (dificuldade 6). Se for bem sucedido, o Caçador não pode
podem impor-se sobre este poder inato, se sua pontuação de Fé for ser visto, ouvido, ou sentido pelo monstro, a menos que tome uma
maior que a do Caçador. ação deliberadamente para chamar atenção para si (tal como
• Imunidade a Ilusão: Caçadores vêem através de gritar, golpear ou atacar o monstro). Os Caídos, com sua maior
qualquer ilusão criada pela Doutrina da Luz, ou da resistência a ilusão, podem penetrar o ocultamento do Caçador
Transfiguração, evocações que criam ocultamento (tal como fazendo um rolamento de Percepção+Prontidão (dificuldade 7).
Desaparecer), ou habilidades especiais fornecidas pelas formas Se o rolamento obtiver mais sucessos do que o rolamento de Força
apocalípticas (tais como Manto das Sombras). Demônios maiores de Vontade, o Demônio vê através do Limite.
podem ser capazes de sobrepujar este poder, se sua pontuação de • Estimular: este Limite permite a um Caçador
Fé for maior que a do caçador. Misericordioso canalizar sua Fé diretamente nos músculos e ossos,
• A Visão: este poder é uma forma limitada de presciência aumentando sua força física. Com o gasto de um ponto de Fé, e
sobrenatural, que permite ao Caçador ver os monstros se fazendo um rolamento bem sucedido de Força de Vontade
escondendo em meio à humanidade. Com um rolamento bem (dificuldade 7), o caçador pode adicionar cada sucesso a sua Força,
sucedido de Percepção+Prontidão (dificuldade 6), qualquer mons- para qualquer rolamento ou ação realizada naquele turno.
tro (incluindo um dos Caídos) na presença do Caçador é revelado Exemplos de tais rolamentos incluem um que inflija dano por
como inumado enquanto a Sight do Caçador estiver ativada. A Briga ou Arma Brancas, um esforço para levantar um objeto, ou
Sight, porém, não revela a exata natureza do monstro em questão. um rolamento de Força+Esportes para fazer uma proeza. Devido
Criaturas como vampiros e lobisomens simplesmente parecem ao esforço extremo causado por esta ação, o Caçador sofre a perda
erradas para o Caçador. Quando os Imbuídos usam a Sight sobre de um único nível de vitalidade de dano por contusão, que não
um Demônio, eles vêem uma versão fantasma da forma apo- pode ser absorvido.
calíptica do Demônio em volta do corpo hospedeiro. • Grit ar: este Limite permite a um Caçador
Em adição, os Imbuídos de cada uma das três categorias Misericordioso impedir o ataque de um monstro através da Força
têm acesso aos seguintes Limites. Um Caçador típico pode ter até de Vontade. Bluster requer o gasto de um ponto de Fé e um
três Limites, enquanto Caçadores mais experientes podem possuir rolamento de Força de Vontade (dificuldade 6). Cada sucesso
até cinco. Caçadores têm permissão de possuir Limites usados por cancela um dos sucessos do ataque do monstro, semelhante a um
Caçadores de outras categorias, à discrição do Narrador. rolamento de Esquiva, ou Aparo. Este Limite pode ser aplicado em
• Acutilar: este Limite de Zelo permite ao Caçador infligir qualquer monstro dentro da linha de visão (e audição) do
dano agravado com um ataque de Armas Brancas, gastando um Caçador, incluindo monstros que estão atacando outros
ponto de Fé. A desvantagem é que a arma energizada por este indivíduos.
Limite irá quebrar dentro de um número de turnos igual a seu • Antecipar: permite a um Caçador Visionário um breve
dano de bônus, a menos que um rolamento bem sucedido de vislumbre no futuro uma visão que os permite escolher o melhor
Força de Vontade (dificuldade 8) seja feito. (Ou seja, uma faca que curso de ação. Este Limite requer o gasto de um ponto de Fé, e um
normalmente inflige Força +1 de dano, quebra após um turno.) rolamento de Força de Vontade (dificuldade 6). Cada sucesso
Do contrário, os efeitos deste Limite duram até o final da cena. permite um rolamento extra dedicado a uma única ação em uma
• Discernir: este Limite de Zelo permite ao Caçador obter cena. Por exemplo, se o rolamento de Força de Vontade resultar
informação específica sobre a natureza de um monstro, com o em três sucessos, até três ações separadas, em uma cena, podem ser
gasto de um ponto de Fé, e fazendo um rolamento bem sucedido roladas duas vezes, aceitando-se o melhor resultado.
de Percepção+ Prontidão (dificuldade 7). Discern permite a um Os Imbuídos recuperam a Fé perdida numa proporção de dois
Caçador poder identificar especialmente a um tipo de monstro pontos de Fé por dia.
observado (por ex.: vampiro, lobisomen, Demônio, ou Servo). No
CAPÍTULO CINCO

Conforme a raça humana começou sua


própria ascensão, hesitante, para a
grandeza no despertar da guerra e do
exílio dos rebeldes, pequenos grupos de
indivíduos altamente habilidosos
começaram a fazer experiências com as
forças da realidade. Como os Elohim
antes deles, estes primeiros feiticeiros,
ou Magos, reuniram sua própria coleção
de Doutrinas que permitiu a eles dobrar
a realidade a sua vontade.
Desde sua origem nos reinos da
antiguidade, os magos se separaram em
diferentes tradições, cada uma com uma
visão para o destino final da huma-
nidade. Cada tradição opera em
segredo, acumulando seus segredos com
cuidado e frequentemente combatendo
seus rivais pelo controle de pessoas e
locais que forneçam fontes excepcionais
de Fé. Este conflito, e a busca de poder e
conhecimento para derrotar seus rivais,
é o que leva aos Magos explorarem os
reinos espirituais e, por último,
descobrir as profundezas do Abismo.
Desde então, muitos Demônios têm
sido convocados com o propósito de
aprender os segredos mais profundos
da Criação, e alguns do Caídos
teorizam que séculos de invocação
enfraqueceram os muros de sua
prisão ao ponto em que a recente
Maelstrom foi capaz de quebrar os
selos.
ENCONTROS
Magos são suscetíveis a
procurar os Caídos pelas mesmas
razões que feiticeiros os têm convoca-
do por centenas de anos: poder e
conhecimento.
Embora pouco em número, no
moderno Mundo das Trevas, os Magos
têm acesso a tomos antigos (e estão
constantemente na busca por outros)
que contém os Nomes Celestiais de uma
variedade de Demônios, e alguns
feiticeiros ambiciosos tentam prender
Demônios sob seu serviço na no
conf lito em andamento entre as
diferentes tradições. Similarmente, Ma-

75
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

gos perseguem constantemente rumores e lendas


PODERES DE MAGO
acerca de artefatos antigos em distantes cantos do Os Magos têm o poder de manipular a
mundo, e seus esforços, algumas vezes, os levam a realidade de uma das três formas:
bastiões de sobrevivência, nos quais Caídos da mo- Sorte: Magos têm ainda mais dificuldade em
manipular as forças da Criação na presença de
dernidade buscaram refúgio.
descrentes, do que os Caídos, dessa forma, através dos
O resultado é tipicamente um sítio, ou um séculos, eles dominaram a arte de atingir seus
ataque, já que os Magos não poupam esforços para objetivos através da criação de fantásticas
obter os segredos que suspeitam estar escondidos coincidências. A arma de um atacante pode travar
lá dentro. repentinamente, ou um perseguidor pode escorregar
Por fim, Caídos e Magos frequentemente no meio-fio e quebrar o tornozelo. Magos podem
cruzam seus caminhos onde há indivíduos, ou fazer um rolamento de Fé uma vez por turno para
fazerem tais efeitos coincidentes acontecerem a seu
locais, com alto potencial de Fé. Como os
favor. A dificuldade é 6, e o número de sucessos
Demônios, os Magos usam Fé para alimentar suas necessários depende do quão extrema é a
várias habilidades e, nesta era de cinismo e coincidência que estão tentando criar. Fazer um
descrença, verdadeiras fontes de crença são transeunte deixar a carteira cair pode requerer apenas
tesouros pelo quais os Magos lutam para possuir. um sucesso, enquanto, fazer com que uma van em
Ao contrário dos Caídos, os Magos são movimento derrube uma caixa de equipamento que o
Mago precisa desesperadamente, pode requerer três
capazes de sugar a Fé de um local, ou um objeto,
sucessos. Cair de um avião sem um pára-quedas e
culminando por deixá-los vazio de seu poder, algo pegar apenas as correntes de ar certas para desacele-
que horrífica aos atuais espíritos da Criação. rar a queda e aterrissar sem ferimentos pode requerer
Da mesma forma que os Magos procuram cinco sucessos ou mais. Se o rolamento de Fé obtiver
Demônios por causa de seu poder, os Caídos não falha crítica, o Mago perde um ponto de Fé.
estão acima de procurar os feiticeiros e listá-los Doutrina: como os Caídos, Magos são capazes
de realizar evocações. Um Mago iniciante pode ter até
como aliados ignorantes contra seus rivais, três pontos em uma Doutrina. Um Mago experiente
fornecendo a eles informações sobre os nomes e pode ter cinco pontos, enquanto um Mago de alto
outras fraquezas de seus rivais na esperança de ver posto pode ter sete ou mais. Ao contrário dos
seus inimigos enfraquecidos, ou escravizados. Demônios, Magos só podem executar os efeitos de
Estas intrigas frequentemente desenvolvem-se em baixo Tormento de uma evocação. Os Magos têm
ainda mais dificuldade em executar suas evocações na
esquemas de traição e contra-traição,já que os
presença de mortais descrentes. A dificuldade de
grupos envolvidos tentam “virar a mesa” sobre todos os rolamentos feitos para evocações na presença
seus antigos amigos. de testemunhas mortais aumenta em dois. Se o
rolamento obtiver falha crítica, o Mago sofre um
PERFIL DE MAGO número de níveis de vitalidade, em dano letal, igual
Magos parecem com humanos normais para ao nível da evocação realizada.
Magos recuperam Fé a taxa de um ponto de Fé
Demônios mesmo a presciência natural de um por dia dois pontos se eles gastaram em tomo de oito
Demônio revela apenas aqueles Magos que estiverem horas meditando em suas casas. Em adição, Magos
usando seus poderes ativamente. Os atributos e podem drenar a Fé potencial de locais sagrados, itens
habilidades de um Mago variam tanto quanto as abençoados ou artefatos demoniacamente imbuídos
para reabastecer sua pontuação de Fé. Com um
características entre os humanos, mas eles tendem a
rolamento bem sucedido de Força de Vontade
ter altos valores Mentais. Magos controlam seu (dificuldade 7), o Mago ganha um ponto de Fé por
ambiente através de força de vontade, logo, não é sucesso, enquanto estiver em locais sagrados, ou
incomum para um Mago ter uma pontuação de Fé 8 segurando um item imbuído de Fé até sua quantia
ou mais. máxima. Pontos de Fé drenados de itens abençoados
Atributos: Força 2, Destreza 2, Vigor 2, Caris- ou encantados são removidos dos itens. Para cada 10
pontos de Fé retirados de um local sagrado, baixe a Fé
ma 3, Manipulação 3, Aparência 2, Percepção 4, potencial da área em um. Estas perdas são
Inteligência 4, Raciocínio 3 permanentes.
Habilidades: (escolha entre) Acadêmicos 4, Rituais: Magos possuem a maior coleção de
Prontidão 3, Presciência 3, Esquiva 2, Expressão 4, rituais de convocação, banimento e erradicação do
Linguística 5, Medicina 3, Ocultismo 4, Ciência 2 mundo moderno, e são capazes de executar estes
Força de Vontade: 8 rituais com terrível eficácia. Ver página 91 do livro
básico de Demônio para mais informações.
Fé: 8-10

76
CAPÍTULO CINCO

RELAÇÕES DEMÔNIO-MAGO existe, os Demônios geralmente pegam todas as


Demônios consideram Magos com uma oportunidades para drenar a energia de seus
mistura de medo, respeito e desdém. A maioria Magos escravizados; para evitar que eles fiquem
dos Caídos vê aos Magos como usurpadores muito poderosos e também para exterminar com
presunçosos que procuram elevar a si mesmos ao sua Força de Vontade. Mais de um Mago foi
nível dos anjos, e muitos Demônios sentem prazer levado ao limite da loucura por um acordo mal
na oportunidade de levar um Mago arrogante pelo pensando com um Demônio.
caminho da destruição. Demônios que estão Um Mago também pode ser possuído por
ligados a um Mago usam cada recurso a seu dispor um Demônio, contanto que o Caído tenha um
para trazer a destruição ao seu torturador, muitas pacto de fé com o Mago, e que a Força de Vontade
vezes, recrutando a ajuda de outros Caídos para do Mago tenha sido reduzida a 1, ou menos. Use o
liberar desgraças sobre o Mago em questão. mesmo sistema de possessão para mortais
Alguns Demônios vêem aos Magos como fornecido na página 94 do livro básico de
gafanhotos espirituais, ceifando a Terra de seus Demônio. Sobre a possessão, quaisquer poderes
locais sagrados e destruindo artefatos inestimáveis ou conhecimentos que o Mago soubesse são
para saturar sua necessidade por Fé. Estes perdidos. (Por razões desconhecidas pelos Caídos,
Demônios defendem a procura e destruição dos a alma de um Mago não pode ser incorporada da
feiticeiros quando são esses encontrados, muito mesma maneira que a de um mortal, ou a de um
semelhante a um humano pôr fogo num ninho de Imbuído.)
cobras. Da mesma forma, certas tradições de VAMPIROS
Magos não poupam esforços em localizar e banir A Guerra da Ira mudou o mundo de
(ou destruir completamente) Demônios que estão maneiras que nem mesmo as mentes dos Neberu
soltos sobre a terra. Quando tais grupos de Magos poderiam prever. Muitas criaturas blasfemas
e Demônios se encontram, nenhuma misericórdia foram criadas, por acidente ou intenção, e na
é dada, e nenhuma é pedida. intensidade de sua raiva e ódio, os rebeldes
Isto não quer dizer que as relações com experimentaram sobre incontáveis humanos nas
Magos sejam completamente antagónicas. Alguns profundezas de suas fortalezas, proliferando
Caídos são capazes de pôr de lado suas noções abominações cujos fins ninguém sabe. Tal poderia
vaidosas de posto e privilégio, e ver os Magos como ser a origem das criaturas que assombram a terra
repositórios de conhecimento por mérito próprio até as noites atuais, alimentando-se do sangue de
os quais provêm pistas potenciais sobre as localiza- mortais enquanto tecem redes de influência e
ções de artefatos antigos e locais sagrados. Porém, enganação através do mundo.
tais alianças tendem a ser curtas, pois ambos os Embora não sejam tão antigos para os
lados certamente ficam sob intensa suspeita e, até padrões infernais, vampiros têm vivido entre a
mesmo, hostilidade de seis pares por confiar “no raça humana por milhares de anos. Em tempos
inimigo”. passados, eles governavam vastos territórios de
Pactos de Fé e os Magos seus castelos assombrados como reis mortais, mas
Magos são tão suscetíveis a um pacto de Fé os confrontos mútuos, e terríveis fogos da
quanto qualquer mortal, e eles são sempre a razão Inquisição forçaram os vampiros a esconderem-se,
por trás de convocações. Por causa de seu e assim permanecem no século 21. Essas criaturas
conhecimento avançado e experiência com o (os “membros”, como se autodenominam) têm
oculto, muitos Magos acreditam que podem fazer uma sociedade bem desenvolvida com leis precisas
um pacto com um Demônio e ter a melhor parte que proíbem ação direta que poderia revelar sua
da barganha uma suposição que muitos têm existência para a humanidade. Enquanto isso, os
lamentado. Demônios geralmente não gostam de membros usam seus poderes para caçar a
oferecer muito poder a um Mago, já que isso dá ignorante população humana, lutando contra o
pistas que podem levar o feiticeiro ao Nome tédio de séculos de existência imutável com
Verdadeiro do Demônio, mas em casos de um selvagens intrigas iguais a qualquer uma perse-
Demônio aprisionado, o Demônio não tem guida pelos Caídos.
autonomia sobre o assunto. Uma vez que o laço A verdadeira origem dos membros é
desconhecida, embora os Caídos tenham muitas

77
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

teorias. Alguns crêe que os vampiros sejam


PERFIL DE VAMPIRO
A seguir está um exemplo de um vampiro descendentes corrompidos dos Nephilins,
jovem, talvez recém-transformado. forçados a sustentar seus poderes sobre-humanos
Atributos: Força 3, Destreza 3, Vigor 4, através do consumo de sangue humano. Outros
Carisma 2, Manipulação 3, Aparência 3, Percepção 4, aprenderam as crenças dos próprios vampiros, que
Inteligência 4, Raciocínio 4 os apontam como descendentes do Primeiro
Habilidades: (escolha entre) Prontidão 2, Assassino, ninguém menos do que o próprio
Esportes 2, Briga 3, Computação 2, Esquiva 3,
Caim.
Condução 2, Etiqueta 3, Finanças 2, Armas de Fogo Aqueles Caídos que ouviram a lenda não
2, Intimidação 3, Investigação 2, Liderança 2,
têm problemas em acreditar que tal coisa é
Medicina 2, Armas Brancas 4, Ocultismo 3, Política 1,
possível eles sabem muito bem o quão cruel e
Segurança 2, Manha 3, Lábia 4, Sobrevivência 4
Força de Vontade: 6 vingativo o Criador pode ser.
Fé: 7 Encontros
O que segue representa um vampiro forte, que Um Demônio pode cruzar caminhos com
está em circulação há algum tempo. um vampiro de muitas maneiras. No cenário das
Atributos: Força 4, Destreza 5, Vigor 5,
ruas, uma série de macabros assassinatos numa
Carisma 4, Manipulação 5, Aparência 3, Percepção 5,
área que um Demônio clama como sua, poderia
Inteligência 4, Raciocínio 6.
Habilidades: (escolha entre) Instrução 3, levá-lo até um vampiro bestial e faminto que tem
Prontidão 4,Empatia com Animais 3, Esportes 3, caçado nas localidades. (Isto fica especialmente
Briga 5, Computador 1, Ofícios 2, Esquiva 5, Empatia sério, se uma, ou mais vítimas, é um Servo do
3, Etiqueta 4 Expressão 4, Finanças 4, Armas de Fogo Demônio, ou tem uma relação com ele.) A nível
4, Intimidação 5, Investigação 4, Direito 4, Liderança corporativo/político, Demônios e vampiros têm
3, Linguística 3, Medicina 4, Armas Brancas 5, grande probabilidade de cruzar espadas pelo
Ocultismo 4, Política 4, Ciência 3, Segurança 4, controle de instituições e poderosos indivíduos,
Manha 3, Lábia 5, Sobrevivência 5. desde o governo, até indivíduos poderosos.
Força de Vontade: 8 Demônios, os Faustianos em particular, por razões
Fé: 8-10
O que segue é um exemplo de um vampiro similares, procuram as mesmas fontes de poder e
muito poderoso um que tem existido por décadas ou influência que os Membros, mas os vampiros têm
séculos. certa vantagem de terreno. Os Membros têm
Atributos: Força 6, Destreza 7, Vigor 7, meios de escravizar os mortais, compartilhando
Carisma 5, Manipulação 7, Aparência 5, Percepção 6, seu sangue com um indivíduo e conferindo a ele
Inteligência 6, Raciocínio 7. um grau limitado de força física e imortalidade. E
Habilidades: (escolha entre) Instrução 7, mais, esse laço de sangue eventualmente faz com
Prontidão 7, Empatia com Animais 5, Esportes 6,
que o mortal se tome completamente leal ao
Presciência 5, Briga 5, Esquiva 5, Empatia 1, Etiqueta
vampiro, coisa que nem mesmo o maior dos
5, Expressão 4, Finanças 7, Armas de Fogo 3,
Demônios pode forçar um homem, ou uma
Intimidação 7, Investigação 4, Direito 4, Liderança 7,
Linguística 5, Medicina 5, Armas Brancas 6, mulher, a ser.
Alguns vampiros consideram os Caídos
Ocultismo 5, Política 7, Ciência 3, Segurança 5,
Manha 1, Lábia 7, Sobrevivência 7. como uma fonte de poder e conhecimento que
Força de Vontade: 10 lhes dará vantagem sobre seus rivais, e eles são
Fé: 10+ igualmente capazes de usar laços de sangue em
FRAQUEZAS mortais para invocar e escravizar Demônios para
Todos os vampiros sofrem um nível de dano seus próprios propósitos. Mesmo sem acesso a
letal, por turno, por exposição a luz do sol. Esse dano
conhecimento arcano, essas criaturas são capazes
não pode ser absorvido. Fogo causa dano letal a
de influenciar os Caídos de formas mais sutis. Um
vampiros e não pode ser absorvido. Um vampiro que
receba uma estaca no coração fica paralisado. O
Membro poderoso detém poder sobre agências
ataque tem dificuldade 9 e três níveis de vitalidade mortais, tais como a Receita Federal, e a polícia
precisam ser perdidos para o ataque ter êxito. Um podem tornar a vida de um Demônio um inferno
vampiro estacado não pode se mover fisicamente, mas na Terra, sem mencionar sérias ameaças à saúde e
pode usar qualquer um de seus poderes mentais. bem-estar de seus Servos. Tão imortais quanto os

78
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Demônios e infinitamente mais pacientes, os que os Caídos conceberam na Guerra da Ira;


Membros podem ser adversários formidáveis para ainda assim, sua evidente sensibilidade para com o
qualquer Caído e vice-versa. mundo real, e sua habilidade de viajar no Reino
RELAÇÕES DEMÔNIO-VAMPIRO dos Mortos sugere conhecimento e capacidades
Demônios e vampiros são competidores que só poderiam vir de origem divina. De fato, há
pelo mesmo prémio a humanidade, e tudo o que Caídos que sussurram que estas criaturas são
ela tem a oferecer. Ambos os grupos são descentes dos terríveis Malhim, os furiosos e
extremamente territoriais, orgulhosos, e mais do vingativos guerreiros que fizeram uma destruição
que propensos a usar de violência se ameaçados. terrível contra os Caídos durante a Guerra da Ira.
Não é surpreendente, então, que a maior parte das Certamente, quase todo encontro com essas feras
relações Demônio-vampiro tende a ser de resultou em violência imediata.
confronto. Isto é especialmente verdadeiro Os Caídos têm poucos encontros com
quando um Caído e um Membro se encontram Lobisomens, já que parece que seu número é
em uma disputa pela posse de um mortal, ou pequeno e que eles dificilmente são encontrados
instituição. Ambos os lados não irão poupar em metrópoles, ou cidades. Lobisomens parecem
esforços para proteger o que eles consideram preferir a natureza selvagem da Terra, e ameaçam
como seu. Até agora, quaisquer tentativas de transeuntes (mortal ou Demônio) com igual
trégua entre uma Corte de Membros e uma Corte brutalidade.
Infernal em uma cidade, ou outro local, resultou ENCONTROS
em um conflito aberto; continuando até que um Lobisomens são criaturas altamente
lado, ou outro, seja destruído, ou vá para um local territoriais, mais do que os Caídos, pois os
mais seguro. te r r i t ó r i o s qu e e l e s c l a m a m d i m i n u e m
Isso não quer dizer que todas as relações diariamente sob o incansável ataque da indústria
Demônio-vampiro são destrutivas. Alguns dos humana. Florestas primais, pântanos sem acesso,
Caídos, principalmente a Facção Reconciliadora, e montanhas remotas são seus territórios de caça,
têm forjado relações com alguns vampiros, e qualquer Demônio que ultrapasse esses locais,
esperando usar seu conhecimento para restaurar a talvez, caçando relíquias antigas, ou bastiões
humanidade dos Membros em troca de conheci- perdidos ou pior, designando um território de
mento e apoio, conforme os Demônios tentam caça para si está sujeito a ataques. Embora lobos so-
adiantar seus planos através do mundo. Até o mo- litários sejam comuns, sabe-se que caçam em
mento, esses esforços de retomar os mortos-vivos à bando, semelhante a seus primos lupinos, e até
vida têm falhado, mas ambos os lados têm o tempo mesmo o mais terrível Devorador teria grandes
a seu lado. dificuldades contra um grupo dessas criaturas.
PACTOS DE F ́ E VAMPIROS Lobisomens, ocasionalmente, são
Por sua natureza morta-viva, vampiros não encontrados em cidades, primeiramente, porque
podem se beneficiar de pactos de Fé, nem podem eles parecem originar-se da raça humana e são
ser possuídos por um Demônio. Entretanto, um muito próximos a seus parentes mortais. Esses
mortal que esteja escravizado por um vampiro, lobos não fixam território nos labirintos
pode ser escravizado por um Demônio (e vice- fedorentos de aço e pedra, tanto quanto clama
versa!), e pode ser possuído como qualquer outro famílias, ou grupos de famílias, e as protegem de
humano, se sua Força de Vontade estiver baixa o qualquer ameaça. Um Demônio que esteja
bastante. Ver a página 94 do livro básico de procurando escravizar um desses parentes está
Demônio para informações sobre possuir mortais. procurando uma batalha feroz.
LOBISOMENS RELAÇÕES DEMÔNIO-LOBISOMEM
De todas as criaturas sobrenaturais L o b i s o m e n s p a r e c e m c o n s i d e r a r,
encontradas no Mundo das Trevas, a que os instintivamente aos Caídos como inimigos
Caídos menos compreendem são os selvagens e mor t ais, e eles quase sempre reagem
enigmáticos violentamente a presença de um Demônio. Seus
Lobisomens. Sua habilidade de alterar suas aguçados sentidos sobrenaturais podem dizer a
formas de humano para lobo é diferente de tudo diferença entre mortais e Caídos (e Servos), e

79
Poderes Vampíricos
Vampiros têm seus próprios poderes, os quais diferem muito mais rápido do que humanos em muitos casos. Velo-
baseados no indivíduo. Muitos vampiros são quase humanos cidade da Luz reflete essa capacidade, permitindo a um
em suas habilidades, embora alguns sejam extremamente vampiro viajar grandes distâncias, ou atacar múltiplas vezes
poderosos. (O primeiro é bem mais comum.) O que segue são em um único turno. Um vampiro recém-criado pode ter uma
apenas amostras dos poderes que os vampiros podem possuir. ação extra em um turno, enquanto um vampiro de poder
O Narrador é encorajado a criar novos. moderado possa ter uma ação extra por turno, por cada ponto
Vampiros recém-criados provavelmente têm três de Destreza que possua. Vampiros muito poderosos podem se
poderes, nenhum deles acima de um nível baixo. Vampiros mover tão rapidamente, que parecem aparecer e reaparecer
mais fortes têm de quatro a cinco poderes, de níveis fracos a em um instante, ou até mesmo parecem desfocados quando se
moderados. Vampiros anciões têm de cinco a seis poderes, aproximam. Permita a tal criatura, todas as ações que você
cada um de nível moderado a potente. Mortais que se quiser fazer.
escravizam por um vampiro, bebendo de seu sangue, podem Cada ação extra obtida em um turno pode ser usada
ter um dos poderes listados aqui. Um mortal deve para realizar apenas uma proeza, e utiliza toda a parada de
compartilhar do sangue de seu mestre uma vez por mês para dados. Ações múltiplas não podem ser feitas através por ações
continuar usando esse poder. Após a terceira dose de sangue, extras.
o mortal se toma um escravo. Entretanto, a Velocidade da Luz tem um custo. Um
Um vampiro precisa gastar Fé para usar qualquer um ponto de Fé deve ser gasto por cada turno no qual o poder é
de seus poderes. Fé é obtida na proporção de um ponto por usado. Um vampiro fraco, portanto, ganha uma ação
cada turno gasto bebendo sangue humano, sujeito ao máximo adicional por um único ponto de Fé; enquanto um membro
de cinco pontos por pessoa (e a vítima está morta depois de relativamente forte, com Destreza 5, pode realizar seis ações
três pontos consumidos). Em adição, o vampiro perde um em um único turno, com o gasto de um ponto de Fé. Um
ponto de Fé por cada noite em que não se alimenta. vampiro ancião pode agir o quanto você quiser, com um único
• Invisibilidade: este poder não é exatamente o que o ponto de Fé
nome implica. Um vampiro com esta capacidade pode fazer a • Controle da Mente: vampiros com este poder
si mesmo parecer com outra pessoa para todos a sua volta, ou podem trabalhar sutilmente, ou com uma força intensa para
ele pode fazer com que todos numa área simplesmente o fazer com que outros realizem suas ordens. A forma mais
ignorem, como se ele não estivesse lá. Este poder não esconde básica deste poder faz com que um oponente obedeça a um
a presença dele de câmeras ou outros dispositivos elétricos de simples comando de uma palavra. Em níveis moderados, um
detecção, mas afeta as mentes das pessoas no local. Um ponto vampiro pode influenciar a forma como um alvo pensa, com
de Fé é usado para usar o poder de invisibilidade por uma uma delicada sugestão e escolha de palavras, talvez conquistar
cena. um inimigo potencial para o seu lado de uma discussão. O
Por Demônios terem uma resistência a qualquer forma vampiro também poderia alterar as memórias do alvo com
de ilusão, eles podem tentar detectar um vampiro invisível em mera sugestão, convencendo o sujeito a esquecer detalhes
sua presença, através de um rolamento bem sucedido de importantes, ou até mesmo, quem ou o quê o sujeito estava
Percepção + Prontidão (dificuldade 8). Vampiros mais velhos, procurando. Em níveis mais altos, o vampiro pode fazer de seu
ou mais poderosos podem aumentar essa dificuldade em 9, alvo um escravo, roubando dele qualquer lembrança de livre
ou até mesmo 10. arbítrio. Este último poder sempre age sutilmente e, em
Vampiros fracos podem se esconder em uma muitos casos, toma uma grande quantidade de tempo, mas,
multidão, ou nas sombras, com facilidade. Vampiros mais for- uma vez que a vítima é capturada por um vampiro, é quase
tes podem alterar a forma como aparecem para os outro, e impossível para ela se libertar.
vampiros anciões podem fazer ambas as coisas para si e para Gaste um ponto de Fé e faça um rolamento de Força
diversos outros ao mesmo tempo. Um vampiro poderoso de Vontade para um vampiro usando Controle da Mente. A
poderia arranjar uma surpresa bem desagradável para um dificuldade é igual à Força de Vontade do alvo. Sucessos
Demônio desatento. tomam a pessoa escrava do vampiro. Demônios são
• Invulnerabilidade: o vampiro ganha um bônus em naturalmente imunes a este poder, mas seus Servos não.
seu Vigor, resultando que é mais resistente do que um • Força Sobre-humana: vampiros podem ser bem
humano. Em níveis baixos, o bônus é +2. Em níveis mais fortes do que humanos. Adicione dois a Força de um
moderados, o bónus é +4. Para vampiros poderosos, o bônus é vampiro de nível baixo, quatro a de um de nível moderado, e
+6. Semelhante a uma armadura, esse Vigor extra pode ser seis a um de alto nível. Esses bônus também são adicionados a
usado para absorver dano, incluindo dano letal. Este bónus rolamentos de dano em combate corpo-a-corpo, ou de armas
de Vigor não tem efeito contra fogo ou luz do sol para de arremesso. O dano infligido funciona da mesma forma
vampiros fracos, mas pode permitir que os mais fortes que o dano comum, mas, conforme o Narrador, dano por
absorvam tal dano. contusão de vampiros realmente fortes pode não ser
Ativar Invulnerabilidade por uma cena custa um absorvido.
ponto de Fé. Usar Força Sobre-humana tem um custo. Um ponto
• Velocidade da Luz: vampiros podem se mover de Fé deve ser gasto por cada cena em que o poder é usado.
CAPÍTULO CINCO

lobisomens mais novos e inexperientes ir-


rompem literalmente em um frenesi ao
encontrar um Demônio, incitando uma
batalha selvagem e imediata. Os Caídos estão
confusos sobre a razão de sua presença
provocar uma reação tão agressiva, já que os
Lobisomens nem mesmo existiam até onde
eles sabem, durante a Guerra da Ira.
Qualquer que seja a razão, essas criaturas
parecem ver como moral imperativa o
banimento dos Caídos de volta ao Abismo,
independentemente do custo, o que leva a
uma aceitação de possíveis laços com os
terríveis Malhim.
PACTOS DE FÉ E LOBISOMENS
Apesar dessa extrema antipatia, é
possível forjar um pacto de Fé com um
Lobisomen, embora o laço traga apenas a
ruína da criatura. Se um Demônio conseguir
superar o medo extremo e ódio de um
Lobisomen, e manupulá-lo a aceitar um laço,
um manto de loucura e desespero cai sobre a
criatura. Outros Lobisomens são capazes de
detectar a mudança, e eles consideram o
Servo [Lobisomen] como se fosse um
Demônio. Eles irão a qualquer distância para
caçar e destruir essa abominação se puderem.
A dificuldade para todos os rolamentos de
Força de Vontade feitos pelo Lobisomen
aumentam em dois. Se o rolamento de Força
de Vontade falhar, o Lobisomen perde um
ponto de Força de Vontade, já que afunda
mais em desespero e loucura. Por fim, a
criatura é uma besta assassina e incontrolável,
movida por ódio e insanidade a derramar o
sangue dos vivos até que encontre paz na
morte.
Embora Lobisomens possam ser
vassalados, eles não podem ser possuídos.

BESTIÁRIO
Os animais da terra e do mar são fontes
de mara- vilhamento e medo para o homem
moderno, mas eles não são mistério para os
anhos da terra, que os conhecem como um
artista conhece sua tela, ou um escultor
conhece sua argila. Devoradores (ou qualquer
Demônio proficiente na Doutrina da Fera)
frequentemente se cercam de grandes cães,
bandos de corvos, ou grupos de ratos furtivos
que servem de extensão para suas vontades,

81
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

PERFIL DE LOBISOMEM
Lobisomens são seres que combinam a forma humana com a de um lobo. Lobisomens podem
assumir diversas formas entre humano e animal. As seguintes estatísticas representam um Lobisomem em
cada uma de suas cinco formas. A forma básica é a de humano, seguida por índices explicativos para essas
formas: quase humano/ humano-fera/ quase lobo/ lobo. Para mudar de forma custa uma ação, e custa um
ponto de Fé para mudar de uma forma para outra, seja de humano para quase humano, ou de humano
para lobo.
A forma humana é exatamente isso [humana]. Demônios podem detectar um Lobisomem em
forma humana com um rolamento bem sucedido de Percepção+Presciência (dificuldade 8), do contrário,
eles parecem iguais a qualquer outro mortal. Lobisomens em forma humana não têm habilidades
especiais.
Um Lobisomem na forma “quase humano” é mais forte, com um pouco mais de peludo e (na
média) uns trinta centímetros mais alto do que uma pessoa normal. A mudança é radical ao ponto de
tornar difícil seu reconhecimento, neste estágio. Na forma “humano-fera” a criatura ganha enorme massa
corporal e tamanho. Altura média dessas criaturas é de três metros, com peso próximo a 180 quilos.
Qualquer um que olhe para um Lobisomem em forma “humano-fera” sabe que é inumano. Na forma
“quase-lobo”, um Lobisomem é quase um lobo, mas é maior. Na forma “lobo”, o Lobisomem parece e é,
para todos os quesitos, um lobo.
Os valores a seguir são para um Lobisomem padrão.
Atributos: Força 3 (5/7/Ó/4), Destreza 4 (4/5/616), Vigor 3 (5/6/Ó/5), Carisma 2, Manipulação
3 (2/0/0/0), Aparência 3 (2/0/3/3), Percepção 4, Inteligência 4, Raciocínio 5.
Habilidades (escolha entre) Prontidão 2, Empatia com Animais 2, Esportes 3, Presciência 2, Briga
1, Esquiva 4, Condução 1, Empatia 1, Expressão 2, Armas de Fogo 3, Intimidação 4, Armas Brancas 2,
Ocultismo 2, Furtividade 4, Manha 5, Lábia 3, Sobrevivência 3
Força de Vontade: 7
Fé: 8
Os valores a seguir são para um Lobisomem grande.
Atributos: Força 4 (6/8/7/5), Destreza 4 (4/5/6/Ó), Vigor 5 (7/8/8/Ó), Carisma 2, Manipulação
5 (4/0/0/0), Aparência 2 (1/0/2/2), Percepção 4, Inteligência 4, Raciocínio 5
Habilidades: (escolha entre) Acadêmicos 2, Prontidão 3, Esportes 3, Presciência 4, Briga 5,
Computador 1, Esquiva 5, Condução 2, Empatia 1, Etiqueta 3, Expressão 3, Finanças 2, Armas de Fogo 4,
Intimidação 5, Investigação 3, Direito 2, Liderança 4, Linguística 2, Medicina 2, Armas Brancas 3,
Ocultismo 4, Política 1, Segurança 2, Manha 3, Lábia 3, Sobrevivência 4
Força de Vontade: 8
Fé: 10
FRAQUEZA
Prata causa um nível de dano, cada vez que entra em contato com um Lobisomem. Até mesmo uma
pequena porção de prata que não está em forma de arma uma jóia, por exemplo inflige dano. Uma arma
feita de prata inflige dano normal, mas os níveis de vitalidade perdidos por prata, não podem ser
absorvidos, ou regenerados.

ou como serventes autónomos que procuram os mente para 6 ou mais, porém, a reação é diferente.
interesses de suas senhoras com devoção A maioria das criatura reage aos Demônios com
incansável. medo, tentando fugir a sua aproximação (ou
Em geral, todos os animais reconhecem os possivelmente atacando se sentirem que não
Caídos pelo que eles realmente são, podem escapar).
independentemente de sua aparência física. Se o Embora animais não possam ser vassalados
Tormento de um Demônio é menor que 5, os para um Demônio, da mesma forma que um
animais se tomam muito calmos e atenciosos na mortal pode, um Caído pode domesticá-los e
sua presença. Criaturas grandes agem de forma treiná-los com maior facilidade do que um mortal.
particularmente submissa, e até animais selvagens Diminua a dificuldade de qualquer rolamento de
permitem aos Caídos se aproximar e lidar com Empatia com Animais em dois, se um Demônio
eles. Uma vez que o Tormento de um Demônio au- com baixo-Tormento tentar domesticar ou treinar

82
CAPÍTULO CINCO

PODERES DE LOBISOMEM
• Histeria: a mera presença do Lobisomem em qualquer forma que não a humana, ou a de lobo, é
o suficiente para levar pessoas normais à loucura. Elas fogem em terror, ficam catatônicas, ou ignoram
irracionalmente a cena, como se não estivesse acontecendo. Demônios são imunes a esses efeitos, mas
seus Servos não são.
• Velocidade e Resistência: Lobisomens podem ter ações extras durante os turnos de combate, e
eles podem regenerar o dano que recebem. Um Lobisomem pode fazer um número de ações adicionais
igual as seu nível de Destreza em um turno, com o gasto de um ponto de Fé. Sendo assim, um
Lobisomem com Destreza 5 tem um total de seis ações. Cada ação extra pode ser usada para realizar
apenas uma proeza; ações múltiplas para cada ação não são permitidas.
As ações do Lobisomem podem ser usadas para curar. O dano é removido à taxa de um nível de
vitalidade, seja por contusão ou letal, por ação dedicada à regeneração. Cada nível recuperado também
custa um ponto de Fé. A regeneração não pode curar ferimentos infligidos por fogo ou prata.
A velocidade e cura de um Lobisomem podem ser combinadas em um mesmo turno. Se um
ponto de Fé é gasto para dar ações extras a um Lobisomem de Destreza 4, a criatura pode curar dois níveis
de vitalidade (por adicionais dois pontos de Fé) e realizar três outra ações no turno
• Garras e Presas: as garras e presas de um Lobisomem infligem Força +1 de dano agravado. Não
há custo de Fé para esses bônus.
• Habilidades Predatórias: Lobisomens têm sentidos apurados inatos que lhes permitem
rastrear sua presa por terrenos impossíveis, através de rios, e até mesmo através de áreas de tráfego
intenso sem perder o cheiro faro. Este poder requer um rolamento de Percepção+Prontidão, com uma
dificuldade que varia de 4 (numa floresta num dia claro) até 9 (os rastros são velhos, há muito tráfego na
área e choveu). Os sucessos significam que o Lobisomem consegue continuar seguindo a trilha de uma
hora até um dia, dependendo das circunstâncias, mesmo se a trilha estiver entrecortada ou
enfraquecida.
O mesmo rolamento pode permitir alguns Lobisomens a “ver” com sua audição apurada da
mesma forma que um morcego usa o sonar. Eles podem achar sua presa facilmente, mesmo na completa
escuridão. As regras de Luta às Cega/com Fogo (página 75 do livro básico de Demônio) não se aplicam a
Lobisomens.
• Cruzar o Véu: um Lobisomem pode cruzar do mundo físico para o mundo dos mortos e vice-
versa, da mesma forma que os Algozes. Este poder requer uma única ação, o gasto de um ponto de Fé, e
um rolamento de Força de Vontade bem sucedido (dificuldade 7). Lobisomens podem viajar através do
reino dos mortos e reaparecer em um local diferente no mundo físico se quiserem, mas eles são afetados
pela Tempestade da mesmo forma que os Caídos (ver Capítulo Quatro, página 53, para mais detalhes).
Lobisomens recuperam seus pontos de Fé todas as noites após observarem a ascensão da lua.

um animal. Demônios monstruosos aumentama No geral, animais normais são melhor


dificuldade de seus rolamentos de Empatia com descritos apenas com Atributos Físicos. Poucos
Animais em dois, já que eles devem superar o têm inteligência maior do que 2, ou Percepção
instinto de terror do animal em adição aos menor do que 3.
desafios normais de lida e treino. A evocação Criar Atributos Sociais são puramente subjetivos,
Quimera pode moldar animais serventes com claro. O dano infligido por animais é letal,
físico maior e inteligência mental, os quais embora criaturas pequenas possam infligir dano
também podem ser treinados para absoluta por contusão a critério do Narrador. Você
lealdade a seu mestre, ou qualquer outro também é encorajado a obter referência dos
indivíduo que o Demônio queira enfatizar sobre a seguin- ter perfis como linhas-guia para
criatura. Como regra geral, um animal pode ser personagens que se transformam usando a
treinado para servir um número de indivíduos evocação Forma Animal, combinando as
igual a seu nível de inteligência. Devoradores pontuações Mentais do personagem, com as
p o d e ro s o s f re qu e n t e m e n t e c r i a m e s s e s pontuações Físicas listadas aqui.
companheiros para si mesmos e seus Servos ALIGATOR
favoritos, como ajudantes e guardiões Força 4, Destreza 2, Vigor 4

83
DEMÔNIO: COMPANHEIRO DO NARRADOR

Força de Vontade: 3, Níveis de Vitalidade: GATO


OK, OK, OK, -1, -1, -1, -2, -5, Incapacitado Força 1, Destreza 3, Vigor 5
Ataque: Mordida com sete dados, golpe Força de Vontade: 3, Níveis de Vitalidade:
com a cauda com seis dados. OK, -1, -2, -5, Incapacitado
Habilidades: Prontidão 2, Esportes 2, Ataque: para usar garra ou mordida, role
Briga 2, Fur- tividade 3 um dado.
Nota: Aligators e crocodilos têm um dado Habilidades: Prontidão 3, Esportes 2,
de absorção de armadura, usável contra dano por Briga 2, Esquiva 3, Escalar 3, Intimidação 2,
contusão ou letal. Répteis grandes (do Nilo, ou Furtividade 4 (Empatia 2, Lábia 2)
crocodilos de estuário) podem ter pontuações CACHORRO
maiores de Força, Vigor e dano. Força 4, Destreza 3, Vigor 3
MORCEGO Força de Vontade: 5, Níveis de Vitalidade:
Força 1, Destreza 3, Vigor 2 OK, -1,-1,-2, -2,-5
Força de Vontade: 2, Níveis de Vitalidade: Ataque: mordida com cinco dados, garra
OK, -1, -3 com quatro dados
Ataque: Mordida com um dado Habilidades: Prontidão 3, Esportes 2,
Habilidades: Prontidão 3, Esquiva 3, Briga 3 (Esquiva 3, Empatia 2, Initimidação 3,
Furtividade 2 Furtividade 2)
Notas: Morcegos podem voar 40 km/h. Nota: estes atributos refletem um cachorro
URSO grande, como um mastim, ou um cão de caça.
Força 5, Destreza 2, Vigor 5 Cães domésticos, menores, não são tão
Força de Vontade: 4, Níveis de Vitalidade: formidáveis.
OK, OK, OK, -l,-l,-l,-3,-3,-5, Incapacitado CAVALO
Ataque: Garras com sete dados, mordida Força 4/6, Destreza 2, Vigor 3/5
com cinco dados Força de Vontade: 2/4, Níveis de Vitalida-
Habilidades: Prontidão 3, Briga 3, de: OK, OK, -1, -1, -2, -2, -5, Incapacitado
Intimidação 2, Furtividade 1 Ataque: espezinhada ou coice com
FELINO (GRANDE) seis/sete dados, mordida com três dados
Força 4/5, Destreza3, Vigor 3/4 Habilidades: Prontidão 3, Esportes 2,
Força de Vontade: 5, Níveis de Vitalidade: Briga 1 (Briga 3, Empatia 2, Initmidação 2)
OK, -1,-1, -2, -2, -5, Incapacitado Nota: os atributos a direita da barra, ou em
Ataque: garra com quatro/cinco dados, parênteses representam um Clydesdale, ou um
mordida com cinco/seis dados garanhão similar.
Habilidades: Prontidão 3, Esportes 2, PORCO/JAVALI
Briga 3 (Intimidação 4, Furtividade 3) Força 2/4, Desteza 2, Vigor 4/5 Força de
Nota: estes atributos representam um Vontade: 3,
leopardo, uma pantera, um jaguar, ou outro Níveis de Vitalidade: OK, OK, -1,-1, -2, -4,
“pequeno” felino grande. Atributos à direita da Incapacitado
barra representam um tigre, ou um leão. Ataque: moderida com dois/quatro dados,
P ́ SSARO (GRANDE) presas de javali com cinco dados
Força 2, Destreza 3, Vigor 3 Habilidades: Prontidão 2, Esportes 2,
Força de Vontade: 3, Níveis de Vitalidade: Briga 2 (Intimidação 2)
OK, -1, -1,-2, -5 Nota: os atributos a direita da barra, ou em
Ataque: garras com dois dados, bico com parênteses representamjavalis.
um dado RATO
Habilidades: Prontidão 3, Esportes 2, Força 1, Desteza 2, Vigor 3
Briga 1, Esquiva 2, Intimidação 2 (Briga 3, Força de Vontade: 4, Níveis de Vitalidade:
Empatia 4, Intimidação 4) OK, -1,-5
Notas: estes atributos podem representar Ataque: mordida com um dado
um falcão, um corvo, uma coruja, até mesmo um Habilidades: Prontidão 2, Briga 1, Esquiva
abutre. Um pássaro pode voar tipicamente de 40 a 3, Furtividade 3
80 km/h. Notas: ratos frequentemente atacam em

84
CAPÍTULO CINCO

enxames (veja as regras que seguem). Mordidas de atacam um alvo uma vez por turno, e agem
rato também podem infectar as vítimas com conforme a iniciativa da tabela.
doenças (ver página 97 do livro básico de Se um personagem esquiva, ele pode se
Demônio para detalhes). mover normalmente até o final do turno. Do
contrário, seus atacantes o retardam até metade de
Animal Dano Vit. Ini. sua movimentação habitual. Se eles [atacantes]
Insetos pequenos 1 5 2 conseguirem infligir mais do que três níveis de
Insetos grandes 2 7 3 vitalidade de dano efetivo em um turno (após a
Insetos voadores 2 5 4 absorção de dano do alvo), ou se o jogador obtiver
Pássaros, morcegos 4 9 5 falha crítica no rolamento apropriado, o per-
Ratos 3 7 3 sonagem é nocauteado e superado. Ele pode se
Ratos grandes mover somente por um metro ou dois pos turno e
(30cm ou mais) 4 6 6 a dificuldade do dano do enxame diminui para 5.
Gatos selvagens 4 6 6 Esforços para levantar e continuar se movendo
Cães selvagens 6 15 4 ficam acima do normal (geralmente dificuldade 7
ou 8).
LOBO Os níveis de vitalidade listados refletem a
Força 3, Destreza 3, Vigor 3 quantidade de dano necessária para dispersar o
Força de Vontade: 3, Níveis de Vitalidade: bando, ou enxame. Dois níveis acima, destrói os
OK, -1, -l,-3,-5, Incapacitado atacantes completamente. Pistolas, rifles e
Ataque: mordida ou garras com quatro pequenas armas brancas (facas, soqueira inglesa,
dados garrafas, garras, mãos nuas) infligem um único
Habilidades: Prontidão 2, Esportes 1, Briga nível de dano por ataque, não importando quan-
3, Esquiva 1, Furtividade 2 tos ataques ou sucessos no dano sejam rolados
BANDOS E ENXAMES (isso significa que o ataque atinge somente uma
Embora as características listadas aqui criatura). Espingardas, armas automáticas, e
detalhem criaturas individuais, alguns animais grandes armas brancas (espadas, cajados, placas,
atacam em massa. Além disso, é bem característico serras-elétricas) infligem dano normal (cada dano
de um Devorador derrotar suas vítimas com servos bem sucedido elimina um nível de vitalidade do
roedores ou caninos. Se um enxame de vespas, ou enxame como um todo), da mesma forma que
uma horda de ratos confrontar os personagens, ataques a grandes áreas (coquetel Molotov,
use as regras a seguir. tempestades de gelo, rajadas de vento, explosões).
Ao invés de tentar determinar o que cada Enxames e bandos não absorvem dano.
membro do bando, ou enxame, faz, simplesmente Dependendo do tamanho do bando, dois
rola para saber se o enxame machuca um ou mais personagens podem ser afetados por ele e
personagem. Narre os resultados a partir disso. contra-atacar. Qualquer um que ajude um
Cada tipo de besta está listada na tabela personagem nessas condições poderá ser atacado
abaixo. Role a parada de dados listada uma vez por também. Um humano pode vencer alguns bandos
turno (dificuldade 6), e permita aos personagens ou enxames (aqueles que consistem de ratos ou
tentar esquivar ou absorvem o resultado. Este insetos), mas a maioria das pessoas não pode
dano é letal, ou possivelmente por contusão no esperar conseguir vencer os outros (aqueles que
caso de criaturas pequenas ou fracas. Bandos consistem de hienas, ou pássaros).

85
NOME: NATUREZA: CASA:
JOGADOR: COMPORTAMENTO: FACCAO:
CRONICA: CONCEITO: SEMBLANTE:

ATRIBUTOS
FÍSICOS SOCIAIS MENTAIS
Força Carisma Percepção
Destreza Manipulação Inteligência
Vigor Aparência Raciocínio

HABILIDADES
TALENTOS PERÍCIAS CONHECIMENTOS
Prontidão Emp. c/ Animais Instrução
Esportes Ofícios Computador
Presciência Demolições Finanças
Briga Coondução Investigação
Esquiva Etiqueta Direito
Empatia Armas de Fogo Linguística
Expressão Armas Brancas Medicina
Intimidação Performance Ocultismo
Intuição Segurança Política
Liderança Furtividade Religião
Manha Sobrevivência Pesquisa
Lábia Tecnologia Ciência

VANTAGENS
ANTECEDENTES DOUTRINAS VIRTUDES

Consciência
Convicção
Coragem

OUTRAS
CARACTERÍSTICAS FÉ VITALIDADE

Escoriado
Machucado -1
Ferido -1
TORMENTO Ferido Gravemente -2
Permanente
Espancado -2
Temporário
Aleijado -5
Incapacitado
FORCA DE VONTADE
EXPERIENCIA
QUALIDADES & DEFEITOS
QUALIDADE TIPO CUSTO DEFEITO TIPO CUSTO

FORMA APOCALÍPTICA
HABILIDADE DE BAIXO TORMENTO HABILIDADE DE ALTO TORMENTO APARENCIA

RITUAIS DOUTRINAS ADICIONAIS

RELÍQUIAS
NOME TIPO CUSTO DE ATIVACAO

PACTOS
NOME DÁDIVA FÉ OFERECIDA
ANTECEDENTES EXPANDIDOS
ALIADOS CONTATOS FAMA

SEGUIDORES INFLUENCIA LEGADO

MENTOR PACTOS RECURSOS

MODELO CELEBRIDADE OUTROS (_________)

POSSES
ITENS (CARREGADOS) EQUIPAMENTOS (POSSUIDOS) OUTROS

BASTIOES
LOCALIZACAO DESCRICAO

COMBATE
ARMA/ATAQUE DANO ALCANCE CDT PENTE OCULT. ARMADURA

Classe:
Proteção:
Penalidade:
Descrição:
HISTÓRIA
A GUERRA

PRELÚDIO

APARENCIA MORTAL
Idade:
Idade Aparente:
Cabelos:
Olhos:
Altura:
Peso:
Sexo:
Raça:
Nacionalidade:

NOTAS DA FACCAO
DADOS PARA O NARRADOR
DADOS DA HISTÓRIA
DADOS PARA O NARRADOR
RESUMO DA CRONICA
Nome da Crônica:
Narrador:
Local das Sessões, Dias e Horários:

Cenário:

Tema(s) e Atmosfera:

DIRETRIZES DE CRIACAO DE PERSONAGENS


Facções:
Casas ou Facções Restritas:

Antecedentes Restritos ou Limitados:

Doutrinas Restritas ou Limitadas:

Qualidades ou Defeitos Restritos ou Limitados:

Elementos de Cenário de Conhecimento Comum (Locais importantes, Personagens, etc.)


DADOS PARA O NARRADOR
PLANILHA DA CIDADE
Cidade: População Mortal: População de Caídos:
Atmosfera: Tema:

Descreva sua visão da cidade:

Corte Infernal: Objetivos da Corte:

Tirano: Casa: Facção:


Ministro dos Dragões: Casa: Facção:
Ministro das Águias: Casa: Facção:
Ministro dos Auroques: Casa: Facção:
Ministro dos Leões: Casa: Facção:
Ministro das Cinzas: Casa: Facção:

Corte Infernal: Objetivos da Corte:

Tirano: Casa: Facção:


Ministro dos Dragões: Casa: Facção:
Ministro das Águias: Casa: Facção:
Ministro dos Auroques: Casa: Facção:
Ministro dos Leões: Casa: Facção:
Ministro das Cinzas: Casa: Facção:
SOCIEDADE MORTAL
Prefeito: Controlado por:
Chefe de Polícia: Controlado por:
Capitães de Polícia: Controlado por:
Policiais Notórios: Controlado por:

Investigadores: Controlado por:

Jornal: Controlado por:


Jornal: Controlado por:
Estação de TV/Cabo: Controlado por:
Estação de TV/Cabo: Controlado por:
Estação de Rádio: Controlado por:
Estação de Rádio: Controlado por:
CRIATURAS SOBRENATURAIS
Renegados Notáveis Terrestres Notáveis Outros Outros
PLANILHA DE CORTE INFERNAL
TIRANO DA CORTE
Nome Celestial do Tirano: Nome Mortal:
Título do Tirano:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Caídos Leais:

Seguidores Leais:

Recursos do Tirano:

MINISTRO DAS ÁGUIAS


Nome Celestial do Ministro: Nome Mortal:
Título do Ministro:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Vigilantes:

Recursos do Ministério:

MINISTRO DOS AUROQUES


Nome Celestial do Ministro: Nome Mortal:
Título do Ministro:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Guardiões:

Recursos do Ministério:
PLANILHA DE CORTE INFERNAL
MINISTRO DOS LEOES
Nome Celestial do Ministro: Nome Mortal:
Título do Ministro:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Espadas:

Recursos do Ministério:

MINISTRO DAS CINZAS


Nome Celestial do Ministro: Nome Mortal:
Título do Ministro:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Guias:

Recursos do Ministério:

MINISTRO DOS DRAGOES


Nome Celestial do Ministro: Nome Mortal:
Título do Ministro:
Casa: Facção:
Objetivos Principais:

Objetivos Secundários:

Censores:

Recursos do Ministério:
ANOTACOES GERAIS
DESPERTE, LEVANTE
Os selos do Armagedom foram quebrados e os condenados se livraram
de suas correntes. Enquanto os senhores do abismo organizam suas
forças e reavivam ambições antigas, eles não sabem que forças mais
sombrias esperam em partes remotas do mundo. Os Terrestres dormem
há séculos, esperando sua oportunidade de escravizar a humanidade, e os
demônios são a chave. Presas nas intrigas de uma era esquecida, as legiões
do Abismo reacenderão os fogos da rebelião ou consumirão a Terra em
chamas?

OU SEJA UM CAÍDO PARA SEMPRE!


O Companheiro do Narrador de Demônio retira o véu dos segredos dos
Terrestres e as razões de sua campanha implacável para escravizar os
caídos. Informações expandidas sobre facções políticas, dicas de
narrativa sobre como interagir com demônios maiores e uma visão geral
dos eventos que moldarão o curso do jogo fazem deste um recurso
inestimável para o Narrador.

Você também pode gostar