Você está na página 1de 5

1Módulo 2 – MUV e lançamento vertical no vácuo

Introdução Vamos listar as características do MUA:

Os movimentos são classificados em uniformes • O móvel observado tem aumentos


(velocidade escalar constante) e variados (velocidade
escalar varia com o tempo). iguais de velocidade em intervalos de
Todo movimento em que a velocidade varia tempo iguais;
uniformemente com o tempo é classificado como
movimento uniformemente variado (MUV). • A aceleração é constante;
Aceleração escalar • O módulo da velocidade cresce
linearmente (uniformemente) com o
Num movimento variado qualquer, seja v0 a
tempo;
velocidade escalar do móvel num instante t0
e v1 num instante t1 . Seja ∆v = v1 − v0 a • As grandezas velocidade e aceleração
variação de velocidade que ocorre de t0 a t1 . têm os mesmos sinais:

Define-se por aceleração escalar média ( am


):
 v>0 e a>0 → Movimento
∆v v1 − v0 acelerado progressivo;
am = =
∆t t1 − t0

A aceleração escalar média indica de quanto


varia a velocidade escalar num dado
intervalo de tempo.
 v<0 e a<0 → Movimento
OBS: No movimento uniforme a velocidade
acelerado retrógrado.
escalar é constante e a aceleração escalar é
nula.

Movimento acelerado e retardado

De acordo com a orientação da trajetória a velocidade


pode ser positiva ou negativa. Assim, quando nos
referirmos a acelerado ou retardado, devemos trabalhar Movimento uniformemente retardado (MUR)
com o módulo da velocidade escalar (quando
aceleramos um veículo estamos aumentando ou Vamos listar as características do MUR:
diminuindo o módulo da velocidade escalar). Em
resumo: • O móvel observado tem decréscimos
 Movimento acelerado: o módulo da velocidade iguais de velocidade em intervalos de
escalar aumenta ao decorrer do tempo.
tempo iguais;
 Movimento retardado: o módulo da velocidade
diminui ao decorrer do tempo.
Num movimento acelerado, a velocidade escalar e a • A aceleração é constante;
aceleração escalar têm o mesmo sinal: ou ambas são
positivas ou ambas são negativas. • O módulo da velocidade decresce
É bom observar que, para analisar se um movimento é linearmente (uniformemente) com o
acelerado ou retardado, devemos comparar os sinais
da velocidade escalar e da aceleração escalar. Apenas tempo;
Pró-ExaCTa

o sinal da aceleração escalar é insuficiente para


determinar se um movimento é acelerado ou retardado. • As grandezas velocidade e aceleração
têm sinais contrários:
Movimento retilíneo uniformemente  v>0 e a<0 → Movimento
acelerado (MUA)
retardado progressivo;
2Módulo 2 – MUV e lançamento vertical no vácuo

Como a área hachurada representa a


variação da posição (deslocamento), então
a área A=Δs
(v + v0 )t (v + at + v0 )t (2v0 + at )t
∆s = → ∆s = 0 → ∆s =
2 2 2
 v<0 e a>0 → Movimento
(2v0 + at )t 2v0t at 2 at 2
retardado retrógrado. ∆s = → ∆s = + → s − s0 = v0 t +
2 2 2 2
2
at
s = s0 + v0 t +
2
(equação da posição)

Funções horárias do MUV Exemplo:


A equação da posição de um móvel é:
∆v S=20t-5t², em que instante a posição desse
Partindo de a = e fazendo t0 =0, temos
∆t móvel é S=0?
que:
v − v0 v − v0
a = →a = → v − v0 = at → Utilizando a função horária do MUV,
t − t0 t −0
obtemos:
v = v0 + at
(equação da velocidade)
Com a constante e não-nula.

Exemplo:
Um móvel, partindo do repouso com uma
aceleração constante igual 1m/s² se desloca Logo, o móvel passa por S=0 em t=0s e
durante 5 minutos. Ao final deste tempo, t=4s
qual é a velocidade por ele adquirida?
Podemos obter esse resultado através da
função horária da velocidade: Isolando-se o valor de t na equação da
velocidade, temos:
v − v0
t=
a
Substituindo t na equação:
(2v0 + at )t (v + v0 ) (v − v0 ) v2 − v02
Devemos também conhecer como varia o ∆s = → ∆s = ⋅ → ∆s =
espaço s em função do tempo. Traçando o 2 2 a 2a
gráfico da velocidade x tempo: v − v0
2 2
∆s = → v 2 − v0 2 = 2a∆s →
2a

v 2 = v0 2 + 2 a ∆s
(equação de Torricelli)

Exemplo:
Pró-ExaCTa

Um corredor chega a linha de chegada em uma corrida


com velocidade igual a 18m/s. Após a chegada ele
anda mais 6 metros até parar completamente. Qual o
valor de sua aceleração?
3Módulo 2 – MUV e lançamento vertical no vácuo

aumenta: o movimento é acelerado. Quando


o corpo é lançado verticalmente para cima,
o módulo da velocidade escalar diminui na
subida: o movimento é retardado.

Lançamento vertical no vácuo

1.1Introdução

Os antigos gregos acreditavam que quanto


maior fosse a massa de um corpo, menos
tempo ele gastaria na queda. Será que os
gregos estavam certos?

O físico italiano Galileu Galilei realizou uma Em ambos os casos estaremos lidando com
célebre experiência que desmentiu a crença movimentos onde a aceleração é constante
dos gregos. Conta-se que ele pediu a dois (a=g=9,8 m/s²); serão analisados, portanto,
assistentes que subissem até o topo da como casos particulares de MUV, e, dessa
torre de Pisa e de lá abandonassem, cada maneira, estudados a partir das mesmas
um, um corpo de massa diferente do outro. equações:
Para surpresa geral dos presentes, os dois
corpos chegaram ao solo no mesmo v = v0 + at
instante. Quer dizer então que o tempo de at 2
s = s0 + v0 t +
queda de um corpo não depende de sua 2
massa? A resposta é “não depende, desde v 2 = v0 2 + 2 a ∆s
que esse experimento seja realizado no
vácuo”. Imagine que se abandonem, do alto
da torre de Pisa, uma pena e um prego. O Com observações:
prego chegará ao solo muito mais a = ±g
rapidamente que a pena, mas isso ocorre
devido à resistência do ar (a pena é mais
afetada), mas caso o experimento fosse
feito no vácuo, teríamos os dois objetos
chegando juntos ao solo.

No lançamento vertical, sua velocidade


escalar decresce em módulo até se anular
1.2Entendendo o Movimento Vertical no na altura máxima. Nesse exato instante
vácuo ocorre mudança de sentido do movimento e
o móvel passa a descer em movimento
Pró-ExaCTa

acelerado (queda livre). Observe a figura:


Em todos os fenômenos estudados neste
modulo, desprezamos a resistência do ar.
Em relação ao referencial, adotaremos a
trajetória para cima. Na queda do corpo, o
módulo da velocidade escalar do corpo
4Módulo 2 – MUV e lançamento vertical no vácuo

um ônibus ultrapassa o carro com uma


velocidade constante de 8,0 m/s. Ambos se
movimentam em uma linha reta. Calcule o
tempo que o carro levará para alcançar o
ônibus.

2) Durante uma corrida de carros, um dos


competidores consegue atingir 100km/h
desde a largada em 5s. Qual a aceleração
média por ele descrita?

Lembre-se de que as três equações dadas acima 3) Um móvel se desloca sobre uma reta,
descrevem a ida e a volta do móvel. obedecendo à função horária S = 6 - 5t +
t² (no S.I.).Determine:
a) a função V = f(t);
Exemplo: b) o instante em que o móvel inverte o
Um corpo é lançado do solo verticalmente sentido do seu movimento;
para cima com velocidade inicial de 20m/s. c) o espaço percorrido entre os instantes
Desprezando-se os atritos com o ar e 4 s e 9 s.
admitindo-se a aceleração da gravidade
igual a 10 m/s2, calcule: 4) (Fuvest-SP)Um corpo se movimenta sobre
o eixo x, com aceleração constante, de
a) o tempo gasto pelo corpo para atingir o
acordo com a equação horária x = 2 + 2t -
ponto mais alto da trajetória.
2t2, onde t é dado em segundos e x em
b) a altura máxima atingida pelo corpo. metros.
a) Qual a velocidade média entre os
a) quando o corpo chega ao ponto mais alto instantes t = 0 e t = 2 s?
da trajetória ele pára. Logo, sua velocidade b) Qual é a velocidade no instante t = 2 s?
é igual a zero neste instante. Considerando
o sentido da trajetória para cima, temos: 5) Uma motocicleta se desloca com
velocidade constante igual a 30m/s.
Quando o motociclista vê uma pessoa
atravessar a rua freia a moto até parar.
Sabendo que a aceleração máxima para
frear a moto tem valor absoluto igual a
8m/s², e que a pessoa se encontra 50m
distante da motocicleta. O motociclista
conseguirá frear totalmente a
motocicleta antes de alcançar a pessoa?
b) no instante 2s o corpo atinge sua altura
máxima, logo:
6) Em uma brincadeira chamada "Stop" o
jogador deve lançar a bola verticalmente
para cima e gritar o nome de alguma
pessoa que esteja na brincadeira.
Quando a bola retornar ao chão, o
jogador chamado deve segurar a bola e
gritar: "Stop", e todos os outros devem
parar, assim a pessoa chamada deve
"caçar" os outros jogadores. Quando
Pró-ExaCTa

uma das crianças lança a bola para cima,


Exercícios de Aplicação esta chega a uma altura de 15 metros. E
retorna ao chão em 6 segundos. Qual a
1) No instante em que um sinal de trânsito velocidade inicial do lançamento?
muda para o verde, um carro que estava
parado arranca com uma aceleração
constante de 0,50 m/s². Nesse instante,
5Módulo 2 – MUV e lançamento vertical no vácuo

7) Um balão desce verticalmente, em M.U.,


a 18 km/h. Quando está a 100 m do solo,
é abandonado um saco de areia.
Determine, em relação ao saco de areia:
a) o tempo gasto para atingir o solo,
após o abandono;
b) a velocidade de chegada ao solo.

8) Um fazendeiro precisa saber a


profundidade de um poço em suas
terras. Então, ele abandona uma pedra
na boca do poço e cronometra o tempo
que leva para ouvir o som da pedra no
fundo. Ele observa que o tempo
cronometrado é 5 segundos. Qual a
altura do poço?

9) Um objeto é lançado na vertical para


cima. Ao passar pela altura de 10 m, um
observador mede sua velocidade (5 m/s).
Pergunta-se: Qual a máxima altura
alcançada pelo objeto ? (Supondo
g=10m/s2)

10) Durante a gravação de um filme, um


dublê deve cair de um penhasco de 30m
de altura e cair sobre um colchão.
Quando ele chega ao colchão, este sofre
uma deformação de 1m. Qual é a
desaceleração que o dublê sofre até
parar quando chega colchão?

Pró-ExaCTa