Você está na página 1de 6

O Conhecimento é fundamental para responder as

questões abaixo, não engane a si mesmo olhando logo


para o gabarito, pois este serve apenas de auxílio. Então
estude o assunto antes, e resolva as questões com
segurança. (Eliel dos Anjos)

Leia o texto abaixo:


Na República Romana, o Estado foi organizado por um
conjunto de instituições: Senado, magistraturas e
Assembléias do povo ou Comícios. O Senado
supervisionava as finanças públicas e a administração
das províncias, conduzia a política externa, zelava pelas
tradições e a religião. Os Cônsules eram os principais
magistrados, comandavam o Exército, dirigiam o Estado, No período ao qual o mapa se refere, o Império
convocavam o Senado e presidiam os cultos públicos. Os fragmentou-se em vários reinos, oriundos das invasões
Comícios eram organizados por: tribos (assembléia bárbaras. Sobre esse processo de crise e transição,
tributa, que nomeava questores e edis); classes, de identifique as afirmativas corretas:
acordo com a fortuna (assembléia centuriata, que elegia
os cônsules e votava as leis); clãs (assembléia curiata, A fase final do Império Romano foi
que decidia sobre matérias religiosas). 1) marcada pela ruralização, que substituiu,
Com base no texto e nos conhecimentos históricos gradualmente, o escravismo pelo colonato.
relativos à República Romana, é correto afirmar: Neste sistema, os camponeses que
A) A distribuição do poder entre as várias cultivavam terras de grandes proprietários
instituições republicanas objetivava impedir recebiam proteção e parte dos rendimentos.
a sua concentração em uma só pessoa.
Os “bárbaros” eram, em sua maioria, povos
2)
B) A res publica (coisa pública), em seus de línguas germânicas, que viviam nas
primórdios, não discriminava os habitantes fronteiras do Império. Muitas vezes,
de Roma, todos, indistintamente, partícipes lutavam juntamente com os romanos como
do poder com os mesmos direitos. federados, condição essa que os obrigava a
cederem soldados em troca de terras.
C) O povo, o conjunto de cidadãos romanos
sem direito político algum, era mero A causa imediata das invasões germânicas
4)
espectador das disputas entre os Cônsules e foi a pressão dos Hunos, um povo de
o Senado. cavaleiros e arqueiros que era aparentado
aos mongóis. Os Hunos, que chegaram à
Europa no século IV d.C, foram derrotados
D) O poder dos Cônsules era limitado às por uma aliança romano-germânica.
questões militares, sem influência alguma
sobre os negócios públicos.
A maior parte dos povos germânicos que
8) realizaram as invasões já não vivia em
O Exército, na República Romana, não sociedades “primitivas” no século V d.C.
E) tinha papel político ativo, exceto como Eles já possuíam diferenças
defensor da participação do povo, devido à socioeconômicas e uma elite aristocrática,
origem popular dos seus generais. que aderiu a uma forma herética do
O mapa, a seguir, representa o Império Romano na cristianismo, o arianismo.
transição entre os séculos IV e V d.C, portanto, já em sua
fase de crise final. 16) A principal invasão ao Império Romano foi
feita pelos anglo-saxões, que saquearam
Roma (410 d.C). Os anglo-saxões, que
construíram um reino independente no
norte da África, caracterizavam-se pela
presença de uma poderosa marinha de
guerra.
A cultura romana incorporou vários elementos de outras
culturas, inclusive, na esfera religiosa. 2) (UEMS) Entre as reformas introduzidas em Roma por
Sobre a religião na Roma Antiga, considere as Augusto, podemos citar:
afirmativas a seguir: a) o estabelecimento do divórcio
I. Os romanos, apesar de monoteístas, aceitavam b) a drástica redução dos efetivos militares
facilmente o culto de deuses de outros povos. Essa c) a restauração do antigo sistema de cobrar os impostos
interação cultural pode ser explicada pelo fato do Estado provinciais
romano, envolvido apenas com questões políticas, não d) a criação de um sistema centralizado nos tribunais; e)
ter se importado com assuntos religiosos. a redução da autonomia das províncias.
II. A civilização romana praticava a tolerância e 3) (FUVEST) Diocleciano ( 284-304 ) e Constantino
identificava-se com outros povos que cultuavam um ( 312-337) destacaram-se no história do Império Romano
único deus. Tais características foram fundamentais para por terem:
a expansão do Cristianismo e sua adoção como religião a) conquistado e promovido a romanização da Lusitânia,
oficial do Estado romano, no século II d.C. incorporando-a ao Império
III. A religião romana, politeísta, foi se diversificando à b) introduzido em Roma costumes religiosos e políticos
medida que Roma ganhava importância política e dos etruscos
econômica. Assim como os exércitos incorporavam c) concedido à plebe defensores especiais os tribunos da
novos territórios, a religião romana foi absorvendo plebe que protegiam seus direitos
deuses e cultos de outros povos. d) consolidado o Direito Romano na chamada Lex
Está(ão) correta(s) apenas: Duodecim Tabularum
e) estabelecido medidas visando deter a crise que abalava
A) o Império.
I
4) PUC) Os irmãos Graco:
a) defenderam os camponeses sem terra contra a
B) aristocracia
II b) foram os conquistadores de Cartago
c) eram os principais líderes do partido aristocrático
d) elaboraram a primeira lei escrita de Roma
C) e) foram os autores da Lei das Doze Tábuas.
III
5) (FUVEST) A expansão de Roma durante a República,
com o conseqüente domínio da Bacia do Mediterrâneo,
D) provocou sensíveis transformações sociais e econômicas,
I e II entre as quais:
a) Um marcante processo de industrialização, êxodo
urbano e endividamento do Estado
E) II e III b) O fortalecimento da classe plebéia, expansão da
pequena propriedade e propagação do cristianismo
c) o crescimento da economia agropastoril, intensificação
Respostas:
das exportações e aumento do trabalho livre
1)A
d) O enriquecimento do Estado Romano, aparecimento
2)15
de uma poderosa classe de comerciantes e aumento do
3)C
número de escravos
e) A diminuição da produção nos latifúndios, acentuado
1) (FUVEST) O Estado Romano no Baixo Império
processo inflacionário e escassez de mão-de-obra
carcterizou-se pela:
escrava.
a) aceitação do princípio da intervenção do Estado na
vida social e econômica 6) (OSEC) Sobre a ruralização da economia ocorrida
b) tentativa de conduzir os negócios públicos durante a crise do Império Romano, podemos afirmar
exclusivamente a partir de um determinado grupo social que:
c) estabilidade nas relações entre o poder central e os a) proporcionou ao Estado a oportunidade de cobrar mais
governos provinciais eficientemente os impostos
d) perfeita harmonia dos órgãos legislativos quanto às b) foi a causa principal da falta de escravos
idéias de expansão territorial c) foi conseqüência da crise econômica e da insegurança
e) absoluta identidade de pensamento quanto às atitudes provocada pela invasões dos bárbaros
frente ao problema religioso.
d) incentivou o crescimento do comércio Sobre a civilização maia, é INCORRETO afirmar:
e) proporcionou às cidades o aumento de suas riquezas. a) Os maias organizavam-se em cidades–Estado como
Respostas Palenque e Tical.
b) A chegada dos espanhóis levou a civilização maia à
1. A
decadência.
2. E
c) A sociedade maia era estamental e rigidamente
3. E estratificada.
4.A d)A civilização maia se desenvolveu na Península de
5.D Yucatan.
6.C (não tem como errar)
(Fuvest) QUESTÃO 02 (Descritor: reconhecer características
dos incas) Assunto: Povos pré-colombianos
"Podemos dar conta boa e certa que em quarenta anos,
pela tirania e ações diabólicas dos espanhóis, morreram Foi na região peruana de Cuzco, mais ao sul, que uma
injustamente mais de doze milhões de pessoas..." reunião de povos, por volta de 1200, deu início a uma
(Bartolomé de Las Casas, 1474 – 1566) civilização sob o domínio quíchua ou inca. No
Império Inca estabeleceu-se um poder político em
"A espada, a cruz e a fome iam dizimando a família que o imperador passou a ser considerado um
selvagem." (Pablo Neruda, 1904 – 1973) semideus pelos súditos (era o “filho do Sol”). (...) Na
base da sociedade estava a aldeia, chamada de ayllu,
As duas frases lidas colocam como causa da dizimação comandada por um curaca, encarregado de distribuir
das populações indígenas a ação violenta dos espanhóis as terras, consideradas propriedades do imperador. Na
durante a Conquista da América. Pesquisas históricas aldeia, o curaca centralizava poder e riqueza, impondo
recentes apontam outra causa, além da já indicada, que o trabalho forçado. VICENTINO, Cláudio. História
foi: Integrada – 6ª série, Editora Scipione, São Paulo,
Parte superior do formulário 1996, p. 64,65
Marque a única alternativa CORRETA sobre os incas:
a incapacidade das populações indígenas em se a) O território que compreendia o Império Inca era
adaptarem aos padrões culturais do colonizador. uma extensa faixa de terra banhada pelo Oceano
o conflito entre populações indígenas rivais, Atlântico.
estimulado pelos colonizadores. b) O imperador – o Sapa Inca – tinha poderes
limitados, já que os sacerdotes eram os verdadeiros
a passividade completa das populações indígenas, detentores do poder.
decorrente de suas crenças religiosas. c) Os curacas eram os escravos que trabalhavam nos
a ausência de técnicas agrícolas por parte das ayllus e, nas obras públicas geralmente prisioneiros
populações indígenas, diante de novos problemas de guerra.
ambientais. d) Os incas foram os únicos entre os povos pré-
colombianos que praticavam a domesticação e a
a série de doenças trazidas pelos espanhóis, como criação de animais.
varíola, tifo e gripe, para as quais as populações
indígenas não possuíam anticorpos. QUESTÃO 03 (Descritor: distinguir características dos
astecas incas e maias)
QUESTÃO 01 (Descritor: reconhecer características Assunto: Povos pré-colombianos
dos Maias) RELACIONE corretamente os termos apresentados na
Assunto: Povos pré-colombianos coluna da direita com os povos pré-colombianos citados
Uma das civilizações mais brilhantes que se na coluna da esquerda.
desenvolveu na América, anteriormente à conquista
espanhola, foi a dos maias, que floresceu e encontrou M -Civilização MAIA
seu declínio entre os séculos IV e XVI. À época da A- Civilização ASTECA
chegada dos espanhóis, esta civilização já apresentava I-Civilização INCA
evidentes sinais de decadência, tendo sido
completamente arrasada no início do século XVI. ( ) A fundação de Tenochtitlán sobre uma das ilhas do
Lago Texcoco deu início a um império que se impôs
FLÁVIO, Ricardo e Adhemar. História e Companhia. militarmente sobre todos os povos que habitavam a
p.106 região.
( ) A mita era o recrutamento entre os elementos da b) I e III.
aldeia para trabalho temporário na construção, de obras c) II e III.
como pontes, estradas, templos e canais de irrigação. d) I, II e III.
( ) Essa civilização desenvolveu, na Matemática, a
criação de um sistema estabelecendo um símbolo para o QUESTÃO 05 (Descritor: identificar características
zero e elaborou um sistema de escrita que infelizmente da sociedade Inca)
ainda não foi decifrado. Assunto: A sociedade Inca
( ) O comércio funcionava através do sistema de Observe as imagens, que pertencem ao manuscrito de um
escambo, ou seja, troca de mercadorias e alguns cronista inca, "Guaman Poma de Ayala" (1526-1614).
produtos, por serem mais valorizados como pedras
preciosas ou favas de cacau, podiam ser utilizados como
moedas.
( ) Apesar de não possuírem um sistema de escrita,
criaram um sistema de numeração decimal chamado
quipu, desenvolvido a partir de cordões com diferentes
nós presos a um cordão principal.

A ordem CORRETA é:
a) A I M A I
b) A M I M A
c) M A A I M
d) I A M M

QUESTÃO 04 (Descritor: interpretar texto sobre o


domínio espanhol na América). Leia as afirmações seguintes, a respeito dos incas e
Assunto: O domínio espanhol na América. marque a afirmativa INCORRETA.
Leia o texto abaixo.
"(...) Assim, não pense ninguém que foram tirados o a) Tinham uma escrita própria, desenvolvida desde o
poder, os bens e a liberdade (dos indígenas): e sim que século XIV, por isso, possuíam uma das mais belas
Deus lhes concedeu a graça de pertencerem aos bibliotecas do mundo moderno.
espanhóis, que os tornaram cristãos e que os trata e os b) O sol era a representação do seu principal Deus. O rei
consideram exatamente como digo. (...) Ensinaram-lhes inca era considerado filho do sol.
o uso do ferro e da candeia (...) Deram-lhes moedas para c) Em Cuzco os primeiros incas, povo guerreiro, se
que saibam o que compram e o que vendem, o que estabeleceram para construir o seu império. Era um
devem e possuem. Ensinaram-lhes latim e ciências, que importante centro religioso.
valem mais do que toda a prata e todo o ouro que eles d) Após o descobrimento e invasões na América do Sul
tomaram. Porque, com conhecimentos, são os Espanhóis roubaram o ouro e a prata dos Incas.
verdadeiramente homens, e da prata nem todos tiravam
muito proveito. (...)" QUESTÃO 06 (Descritor: interpretar poema asteca)
Assunto: A conquista da civilização asteca
(GÓMARA, Francisco López de. "Historia General de O texto abaixo é a reunião de estrofes de dois poemas
las India". Coletânea de Documentos para a História da astecas do século XVI chamados por eles de “Cantos
América. São Paulo: CENP, 1978) tristes”. Os versos descrevem a cidade de Tenochtitlán,
Leia as afirmativas. às vésperas de sua rendição, em agosto de 1521.
Os astecas narram a conquista
I. O texto acima expressa uma forma de se ver a
conquista e a colonização da América pelos espanhóis. Pelos caminhos jazem
II. Segundo os espanhóis, os nativos americanos eram (flechas) partidas;os cabelos estão espalhados.
sua propriedade, devendo ser catequizados. As casas estão destelhadas,
III.Os nativos deveriam aprender latim e ciências, pois seus muros avermelhados.
esse saber é mais valioso que o ouro e a prata que deles Germes se espalham por ruas e praças,
foi tirado. e as paredes estão salpicadas de miolos.
As águas estão rubras, tintas [de sangue),
Estão corretas as afirmativas e quando a bebemos,
é como se bebêssemos água salgada.
a) I e II. (...)
Nos puseram preço. povos provenientes da Ásia e da Oceania foram se
Preço de jovem, de sacerdote, espalhando por todo o continente americano.
de criança e de donzela. Aos poucos, os povos pré-colombianos foram se fixando,
(...) adaptando-se ao meio e formando grupos diferenciados,
Ouro, jade, ricas mantas, que podem ser classificados, resumidamente, em
plumas de quetzal; sociedades que, EXCETO:
tudo isso que é precioso a) Praticavam a caça, a pesca e a coleta.
nada foi levado em conta. b) Não possuíam a prática da escravidão.
(...) c) Desenvolveram uma agricultura rudimentar.
Chorai, amigos meus, d) Organizaram-se em comunidades agrícolas.
Compreendei que com estes fatos
perdemos a Nação Mexicatl. QUESTÃO 08 (Descritor: caracterizar as diferentes
formas de organização dos povos pré-colombianos.)
Assunto: Povos pré-colombianos
Quando os europeus chegaram à América, as
terras já eram ocupadas por povos que possuíam
diferentes culturas e diversas formas de organização
econômica e social, grande diversidade de língua,
religião e costumes. Entre outros, os astecas, os incas e
os maias: os chamados povos pré-colombianos.
Sobre essas civilizações podemos afirmar:
a)A sociedade inca, além de ser rigidamente
estratificada, possuía um caráter estamental.
b)Diferentemente dos astecas e dos incas, a sociedade
maia não desenvolveu a escravidão.
c) Os incas eram regidos por um conselho hereditário,
formado por imperadores magistrados.
d) A nobreza Inca era constituída por elementos de
A água azedou, se azedou a comida. (...) confiança do imperador, que exerciam cargos de
(In: Coletânea de documentos de história da América governantes, chefes militares, sacerdotes e juízes.
para o 2º grau – 1ª série. 2ª ed. São Paulo: SE/CENP, QUESTÃO 09 (Descritor: identificar a localização
1985. p.7) geográfica dos povos pré-colombianos.)
In: COTRIM, Gilberto. História global: Brasil e Geral.
A leitura do poema nos permite afirmar que: 6ª ed. São Paulo: Saraiva, 2002.
De acordo com o mapa, os povos que viviam nas regiões
a) a destruição da cidade de Tenochtitlán não trouxe identificadas pelas letras “A”, “B” e “C”, são,
conseqüências psicológicas para os astecas. respectivamente:
b) a queda da cidade não chegou a afetar a vida da
população ali concentrada. a) Astecas, incas e maias.
c) o poema descreve a utilização da escravidão b) Incas, maias e astecas.
pelos povos dominadores. c) Astecas, maias e incas.
d) O poema é um lamento de guerra, porém, não d) Maias, astecas e incas.
indica a derrota da população da cidade dominada.
GABARITO:
QUESTÃO 07 (Descritor: caracterizar as sociedades
pré-colombianas.) QUESTÃO 01:B
Assunto: Povos pré-colombianos QUESTÃO 02:D
Leia o texto a seguir: QUESTÃO 03:A
Quando Colombo chegou à América, em 1492, não QUESTÃO 04:D
poderia supor que o continente fosse habitado de longa QUESTÃO 05:A
data. Na verdade, vários povos e civilizações, em QUESTÃO 06:C
estágios diversos de desenvolvimento material, QUESTÃO 07:B
ocupavam essa vasta extensão de terras. Em sucessivas QUESTÃO 08:D
ondas migratórias iniciadas há cerca de 40 000 anos, QUESTÃO 09:C
1 Em relação a escravidão nas civilizações pré- algumas famílias, privilegiadas, mantiveram o direito de
colombianas podemos afirmar que; ter guerreiros entre os seus membros."
a)Os Astecas viam a escravidão como uma forma (KARNAL, Leandro. A CONQUISTA DO MÉXICO.
Barbara de relação social. São Paulo: FTD, 1996. p. 13.)
b) A purificação da alma ocorria pelo castigo do escravo O texto faz referência à sociedade asteca, no século XV,
faltoso. a
c) Para os Maias o não pagamento de uma dívida poderia qual era:
ser punido com a escravidão do devedor. a) guerreira e sacerdotal, formada de uma elite política
d) Para os Astecas o escravo era uma mercadoria de que governava com tirania a massa de trabalhadores
troca comum nas relações comerciais. escravos negros.
2 - Na sociedade asteca a religião estava presente em b) igualitária e guerreira, não reconhecendo outra
muitos aspectos da vida cotidiana. Diferente das autoridade senão a sacerdotal, que também era guerreira.
sociedades européias os astecas desenvolveram práticas c) comunal, com estruturas complexas, sendo dirigida
que pareciam estranhas e até mesmo bárbaras para os por um Estado que contava com um aparelho
olhos dos “civilizados”. Indique a alternativa falsa administrativo, judiciário e militar.
quanto à religiosidade asteca: d) hierarquizada e guerreira, visto que o Imperador era,
ao mesmo tempo, o general do exército asteca e o sumo
a) A bebida alcoólica era usada exclusivamente pelos pontífice sacerdotal.
sacerdotes em cerimônias religiosas, aquele que e) igualitária, guerreira e sacerdotal: todo guerreiro era
consumisse tal bebida, sem autorização previa, poderia um sacerdote e todo sacerdote era um guerreiro.
ser punido com a morte.
b) O alimento, por sua escassez, era considerado não só
Parte inferior do formulário
importante mas sagrado, sendo que sua consagração
fazia parte dos rituais religiosos.
c) O Imperador asteca era visto como um deus para a
população, seu poder era divino e suas decisões
supremas.
d) Para os astecas a mulher era sagrada, símbolo da
fertilidade e da vida.
e) A guerra possuía a função de captura de indivíduo os,
que seriam usados para o sacrifício humano em festejos e
consagrações religiosas.

1(FATEC–2001) Com relação ao comércio desenvolvido


pelos astecas podemos destacar que:
a) Estes contavam com várias estradas utilizadas no
comércio feito por caravanas de lhamas, no
deslocamento de soldados e mensageiros.
b) Em seus mercados existiam fiscais que verificavam se
os pesos e medidas eram falsos e se as mercadorias eram
de boa qualidade.
c) Embora ocorresse a permuta era comum a utilização
de sementes de cacau ou lingotes de cobre como moeda.
d) Os comerciantes, também chamados de “pochtecas”
por serem espiões, não possuíam nenhum privilégio,
sendo considerados uma classe inferiorizada.
e) A cidade de Tenochtitlãn, apesar de uma vida urbana
muito movimentada, não possuía um centro comercial
ativo.
2 "Os guerreiros constituíam um dos grupos mais
importantes na sociedade asteca. No início, eram
escolhidos entre os indivíduos mais corajosos e valentes
do povo. Com o tempo, entretanto, a função de guerreiro
começou a ser passada de pai para filho, e apenas