Você está na página 1de 43

UNIVERSIDADE PAULISTA – UNIP

INSTITUTO DE CIÊNCIAS SOCIAIS E COMUNICAÇÃO


PROGRAMA DE INICIAÇÃO AS PRÁTICAS
ADMINISTRATIVAS

ADMINSTRAÇÃO MERCADOLÓGICA E GESTÃO DAS


INFORMAÇÕES DA ORGANIZAÇÃO

NOVODISC MÍDIA DIGITAL LTDA.

Andressa Pereira de Souza 966819-5


Claudia Farias Santos 975853-4
Jacqueline Van Leeuwen 967696-1
Nathália Ornaghi 967040-8
Raquel Festa 946386-0

Orientador
Profº.

São Paulo
Maio/2010

UNIVERSIDADE PAULISTA – UNIP


CURSO DE ADMINISTRAÇÃO DE EMPRESAS / COMEX

ADMINSTRAÇÃO MERCADOLÓGICA E GESTÃO DAS


INFORMAÇÕES DA ORGANIZAÇÃO

Trabalho interdisciplinar do programa de


iniciação as práticas administrativas (PIPA),
apresentado como exigência para avaliação do
quarto semestre, do curso de Administração
de Empresas e Comercio Exterior, à
Universidade Paulista, sob orientação dos
professores do semestre.
AGRADECIMENTOS

Primeiramente a Deus por estar nos dando a


oportunidade de estarmos aqui e iluminando
nossos caminhos nos tornando capazes de
chegar sempre além de nossos limites, as
nossas famílias pela paciência nas longas
jornadas de estudos e ao nosso professor que
esteve sempre disposto a esclarecer todas
nossas duvidas.
SUMÁRIO

Introdução ____________________________________________

1. Perfil da organização __________________________________

1.1 Denominação, constituição, dados e fatos relevantes ____

1.2 Equipamentos, produtos e processos ________________

1.3 Organograma __________________________________

1.4 Principais Mercados e Segmentos __________________

1.5 Principais Fornecedores __________________________

1.6 Principais Concorrentes __________________________

1.7 Ambiente Competitivo ___________________________

1.8 Desafios Estratégicos ____________________________

1.9 Histórico da Busca pela Excelência __________________

1.10 Avaliação, Inovação e Melhorias de Processos _________

2. Administração Mercadológica

2.1 Descrição do Produto ____________________________

2.2 Segmentação do Mercado e características de clientes __

2.3 Analise corporativa da concorrência ________________

2.4 Atributos, Benefícios e Valor ao Cliente ______________

2.5 Processo de Estabelecimento do Preço do Produto ______

2.6 Analise do Processo Sob a Ótica do Marketing _________

2.7 Comunicação do Produto ao Mercado ________________

2.8 Canais e estratégias de distribuição do Produto _________

2.9 Canais de Acesso do Cliente à Empresa ______________

2.10 Ciclo de Vida do Produto __________________________


3. Gestão das informações da Organização com Foco no Mercado

3.1 Monitoração Ambiental e de Estratégia na Empresa ______

3.2 Sistema de Informações Gerenciais __________________

3.3 Indicadores Estratégicos e Operativos ________________

3.4 Visão de Futuro da Empresa sobre o Produto ____________

4. Projeto de Melhorias do Produto

4.1 Problema no lançamento/reposicionamento do Produto __

4.2 Plano de Pesquisa _______________________________

4.3 Coleta de Informações ___________________________

4.4 Analise de Informações ___________________________

4.5 Apresentação de Resultados _______________________

4.6 Implantação e Monitoramento de novos Produtos ______

Conclusão ____________________________________________

Bibliografia/ Webgrafia __________________________________

Apêndice A - Cronograma de atividades previstas _____________

Apêndice B - Registro de atividades realizadas _______________

Apêndice C - Declaração de visita da empresa ________________

Apêndice D - Ficha de composição da equipe _________________


LISTA DE FIGURAS

Figura I – CD-R Migra ____________________________________

Figura II – DVD-R Migra __________________________________

Figura III – CD Box _____________________________________

Figura IV – CD Box Slim _________________________________

Figura V – DVD Box Triplo ________________________________

Figura VI – Matéria-prima (Passo I) ________________________

Figura IX – Injeção (Passo II) ______________________________

Figura X – Resfriamento (Passo III) _________________________

Figura XI – Metalização (Passo IV) __________________________

Figura XII – Colagem / Verniz (Passo V) _____________________

Figura XIII – Controle de Qualidade (Passo VI) _______________

Figura VI – Participação da Expo Cristã 2005 I _______________

Figura VII - Participação da Expo Cristã 2005 II ______________


Introdução

O mundo nunca mais será o mesmo! Diversão, treinamento,

apresentação de empresas, áudio e dados reproduzidos com

fidelidade e qualidade digital. Tecnologia e pesquisa contínuas fazem

do CD um suporte de alta performance, que evolui e descobre novos

usos. A NovoDisc integrante de um grupo espanhol – um dos maiores

fabricantes de CD da Europa – tem unidade em Manaus e São Paulo.

Além das embalagens convencionais, a NovoDisc desenvolve projetos

gráficos especiais, fabrica e duplica Cds em diversos shapes. Na

NovoDisc o foco esta na qualidade e no cumprimento dos prazos.

Mais do que uma fabrica de Cd, a NovoDisc é hoje uma geradora de

soluções e boas idéias para seus clientes. Como? Criando uma rede

de negócios onde todos os parceiros saem ganhando. Gravadoras,

editoras, empresas de informática, mercado corporativo, segmento

educacional, shape CD, CD Television e desenvolvedores de

embalagem. A estratégia da NovoDisc é unir todos os elos desta


cadeia, de forma que duas ou mais empresas viabilizem juntos um

projeto de interesse comum. A NovoDisc deu um passo à frente e se

lançou no desafio de criar e gerenciar estratégias, promovendo novas

e promissoras relações comerciais. Neste processo, o CD passa a ser

o suporte, o meio de viabilização. As boas idéias são o carro-chefe

desta estratégia pioneira.

1 Perfil da organização

1.1 Denominação, constituição, dados e fatos relevantes


A Novodisc nasceu na Espanha, no final dos anos 80, com

parceria da gravadora Polygram - do grupo holandês Philips - que, na

época fabricava discos de vinil. Desde então a holding ampliou seu

ramo de atividades e hoje opera com o nome NOVODISC O.D.

GROUP. A decisão de adquirir as instalações da Philips nasceu da

necessidade da empresa oferecer a seus clientes um serviço integral

que atendesse a demanda desse tipo de produto, especialmente após

o surgimento de um novo formato no setor audiovisual: o CD.

Atualmente a companhia atende as gravadoras Universal, Warner e

Virgin, entre outras. Primeira empresa espanhola a fabricar DVDs e

um dos principais grupos europeus com capacidade técnica de

proporcionar um serviço integral no setor de audiovisual, a NovoDisc


decidiu apostar no Brasil para atender sua base de clientes no

continente americano. No final dos anos 90, instalou suas unidades

em São Paulo e Manaus.

A Novodisc, no ano passado (2009) fez uma parceira com o


IBDN (Instituto Brasileiro de defesa da natureza), e virou uma
empresa amiga da natureza, criou programas do uso consciente dos
recursos naturais como a água e a energia solar, adotou o uso do
papel reciclado e desenvolve treinamentos para os funcionários de
como economizar energia elétrica dentro e fora da empresa. Cada
funcionário tem o seu próprio copo para beber água evitando assim o
grande consumo de copos descartáveis na empresa.

1.2 Equipamentos, produtos e processos

A NovoDisc tem como principais produtos as mídias gravadas,

mídias virgens e embalagens:

Mídias Gravadas:

CD-Audio - Compact Disc com informações de áudio digital, com até


78 minutos e 30 segundos, confiabilidade e qualidade internacional.
CD-ROM - Compact Disc – Read Only Memory, ou CD de apenas
leitura utilizado para armazenar até 700 Mbytes de informação
digital, como dados, fotos, vídeo, etc.
VCD - Vídeo Compact Disc com até 80 minutos de informações de
vídeo digital para reprodução automática em players deste tipo de
formato. Confiabilidade e qualidade internacional.
DVD 5 - Digital Versatile Disc com capacidade para 4,38 Gb.
DVD 9 - Digital Versatile Disc com capacidade para 7,95 Gb.
DVD 10 - Digital Versatile Disc de duas faces - cada uma sendo
equivalente à um DVD 5 - totalizando uma capacidade para 8,75 Gb
de dados.
Mini-DVD 5 - Mini Digital Versatile Disc, com 8 cm de diâmetro e
capacidade para 1,4 Gb.
Mini-DVD 10 - Mini Digital Versatile Disc, com 8 cm de diâmetro e
capacidade para 2,4 Gb.
Mídias Virgens:

CD-R Migra - Compact Disc Recordable com capacidade para até


700 Mbytes e velocidade de gravação de até 48x. Está disponível em
unidades avulsas com estojo acrílico normal, acrílico slim e envelope,
ou em packs shrink de 50 e 100 unidades.
DVD-R Migra - Digital Versatile Disc com capacidade para até 4,7 Gb
e velocidade de gravação de até 8x. Está disponível em unidades
avulsas tipo envelope, ou em packs shrink de 50 unidades.

Embalagens:

CD BOX I
CD BOX SLIM 1

DVD BOX TRIPLO 1

A organização tem como principais serviços, a masterização,


autoração para DVD, acabamento, injeção de CD Box, DVD Box e
Tray, injeção de CD Slim Box, material gráfico, embalagens DigiPack,
logística, replicação e serigrafia:
Masterização - A NovoDisc possui um moderno sistema de
masterização para CD e DVD que garante uma cópia fiel da matriz
original.
Autoração para DVD - Essa processo de autoração envolve desde
uma análise detalhada de todos os materiais recebidos até a
produção final com a compressão do video, a inserção das legendas e
áudio, as telas de navegação e toda a interface gráfica necessária
para o seu produto.
Acabamento - Dispõe de uma ampla variedade de soluções para sua
embalagem, além de contarmos com uma grande agilidade na
entrega.
Injeção de CD Box, DVD Box e Tray - A NovoDisc também fabrica
o Jewel box e o tray para seus Cds. Temos trays de várias cores.
Injeção de CD Slim Box - Além da caixa tradicional, a NovoDisc
produz o Slim box que possibilita mais uma opção para seu produto.
Material gráfico - A NovoDisc possui parcerias com duas das
maiores gráficas de São Paulo especializadas em materiais gráficos
para Cds, onde são impressos materiais como capas, encartes e
embalagens.
Embalagens DigiPack® - Digipak® é o mais inovador conceito em
embalagens para produtos de mídia digital, aliando plástico e papel
cartão de alta qualidade, em layouts e formatos diferentes. Além
disso, a utilização de diversos recursos gráficos, como tintas e
vernizes sofisticados, hot-stamping, texturas e relevos, fornecem
inúmeras possibilidades criativas de design, garantindo ao produto
final a diferenciação no ponto de venda.
Logística - Grande agilidade na entrega.
Replicação - A NovoDisc conta com máquinas de última geração que
garantem a replicação dos Cds e DVDs com a melhor qualidade do
mercado e os menores prazos de entrega.
Serigrafia - Contam com sofisticados processos de impressão
capazes de reproduzir os mais finos detalhes e cores.

1.3 Organograma

2. Administração de Operações Produtivas


2.1 Estratégia da organização
A NovoDisc está sempre criando uma rede de negócios onde

todos os parceiros saem ganhando. Gravadoras, editoras, empresas

de informática, mercado corporativo, segmento educacional, shape

CD, CD Television e desenvolvedores de embalagem. A estratégia da

NovoDisc é unir todos os elos desta cadeia, de forma que duas ou

mais empresas viabilizem juntos um projeto de interesse comum. A

NovoDisc deu um passo à frente e se lançou no desafio de criar e

gerenciar estratégias, promovendo novas e promissoras relações

comerciais. Neste processo, o CD passa a ser o suporte, o meio de

viabilização. As boas idéias são o carro-chefe desta estratégia

pioneira. Assim a organização tenta fazer os melhores produtos pelos


menores preços sem causar prejuízos para empresa, entregar o
produto nos prazos estabelecidos. criando assim cliente fieis. Assim a
Novodisc busca sempre colaborar e cumprir com as diretrizes da
política de qualidade de seus clientes, que prevê, entre outros
pontos, consolidar-se como referência de qualidade em processos e
produtos e construir uma marca de excelência reconhecida por todos
os seus públicos.
2.2 Participação da produção em processos relativos
aos fornecedores
A produção participa no setor de homologação e melhor
qualidade de produto com um menor preço,mas alem disso tem que
contar com o prazo de entrega do nosso novo fornecedor
homologado, e o prazo de entrega para melhorar tanto para a
NovoDisc quanto para o fornecedor.
1.4 Principais Mercados e Segmentos

O mercado de trabalho da NovoDisc não é muito amplo,


trabalhamos apenas com a venda de mídias digitais, CD, CD-Rom,
DVD e MINI-DVD, de acordo com as necessidades dos clientes da
NovoDisc, e o seu segmento é a venda de mídias digitais. Hoje, essa
oraganização trabalha com empresas dos segmentos corporativos
como:

Mc Donald´s – Amo muito tudo isso.

IBM – Energia mais inteligente para um planeta mais


inteligente.

TIM – Viver sem fronteiras.

IG - O mundo é de quem faz.

Telefônica – Desfrute o processo.

Gradiente - Prospectar e desenvolver fontes de fornecimento


de componentes e produtos eletrônicos.
1.5 Principais Fornecedores

Os principais fornecedores da NovoDisc são:

Produtos para Cd e DVD – A Dubuit trabalha com


tintas UV brilhantes, altamente reativas, pronta para uso,
especialmente desenvolvida para as novas gerações de maquinas de
alta produção para impressão de Cds.

Pri Embalagens – Protegendo seu produto


– Caixas e acessórios em papelão ondulado e micro ondulado.

30 anos de experiência em especial elastômeros


(Poliuretano, Silicone Elastomers ...)

Anatol Equipment Manufacturing Company é


uma empresa internacional, especializada em serigrafia
equipamentos.

Brasul GRÁFICA Editora- Trabalhamos com


inúmeras soluções gráficas. Adesivos, Banners, Blocos, Brindes,
Cadernos, Cartazes, Cartões de visita, Convites, Envelopes, Folders,
Folhas Timbradas, etc
A NovoDisc também trabalha em parceria com gravadoras (Atração,
Record, GAL de Recife, Sum Record), editoras (Planeta de Agostini,
Digirati, Fisk e educacional) e com desenvolvedores de embalagens
como a Rigesa, Matiz, Van Morseel.

1.6 Principais concorrentes


O maior concorrente da NovoDisc está no mercado desde 2003,

a Cooperdisc, importando tecnologia de ponta da Suíça e Alemanha.

A fabrica matriz da NovoDisc se encontra em Madri, na Espanha, que

esta no mercado a mais de vinte anos. A NovoDisc possui também

uma filial em Manaus, onde a fabrica concorrente (Cooperdisc) em

2006 inaugurou uma unidade. A filial da NovoDics de Manaus é

responsável por abastecer os suprimentos da NovoDisc em São Paulo,

pelo fato de que ela possui a mesma capacidade operacional da

matriz além de produzir CDR, DVD, DVDR e DVD Box e a fabricação

de Box e tray com embalagem da marca registrada Compact Disc.

1.7 Ambiente competitivo


Com a pirataria crescendo, o campo da NovoDisc ficou em
declínio perdemos muitos clientes, pois o publico alvo que
compravam as mídias, começaram a achar mais cômodo comprar
produtos piratas que são mais baratos no mercado, porém não
possuem o mesmo nível de qualidade que os produtos feitos na
NovoDisc. Isso fez o ambiente competitivo da NovoDisc diminuir,
criando uma grande disputa por clientes com as outras empresas do
mesmo ramo. Para que a NovoDisc esteja então sempre acima de
suas concorrentes, ela busca um produto final perfeito, investindo no
treinamento dos funcionários que operam nas maquinas para que o
produto chegue ao cliente com o mínimo de imperfeições possíveis.
Enfim, a NovoDisc, acompanha o que é feito por seus concorrentes,
tentando sempre fazer um produto melhor do que eles, ela esta
sempre buscando fabricar seus produtos cada vez com algo a mais do
que os produtos fabricados pelos concorrentes.

1.8 Desafios estratégicos


NovoDisc lançou em 2004 primeiro CD-R fabricado no Brasil e

em 3 (três) meses começa a competir com o CD-R Importado. A

NovoDisc Mídia Digital lançou no mercado o CD-R Migra®, produto

100% nacional, produzido no Pólo Industrial de Manaus (AM).

Fabricado com tecnologia digital de última geração, possui qualidade

idêntica às melhores marcas internacionais fabricadas na Ásia e preço

bastante competitivo, segundo a empresa espanhola. Para o

desenvolvimento e lançamento do produto, a companhia investiu R$

20 milhões na compra de equipamentos, construção de infra-

estrutura e divulgação da nova marca. Por ser produzido no mercado

interno, o Migra® oferece grandes vantagens em relação aos seus

concorrentes internacionais. Além de garantir a distribuição do

produto localmente, seu fornecimento é regular, simplificando o

processo de logística, desde o momento do pedido de compra, até a

entrega nos Centros de Distribuição dos clientes finais. "Atualmente,

o potencial de consumo do mercado brasileiro gira em torno de 12

milhões de CD-R's por mês. Como aproximadamente 75% dos

produtos são importados e existe apenas um fabricante local,

resolvemos apostar na nacionalização e no potencial do mercado

interno. Dessa forma, além de contribuir para a redução das

importações vamos dar oportunidade à indústria nacional gerando

novos empregos e produzindo uma mídia de alta qualidade", explica


Lucas Sacay, Diretor Geral da NovoDisc, que também tem em seu

currículo passagens pelas Diretorias da Sony Music e Compaq.

NovoDisc realiza também a reprodução de CD-Rom, CD-Áudio, CD-

Vídeo e DVD, além de produzir as embalagens de seus produtos.

Com uma equipe de aproximadamente 200 funcionários, divididos em

duas unidades instaladas em Manaus e São Paulo, a empresa produz

CD's para os segmentos fonográfico, editorial, educativo, de

informática e ações promocionais, além de oferecer a distribuição de

produtos para o segmento fonográfico. A NovoDisc também exporta

para o Chile, Argentina e México na América Latina e para Espanha e

Portugal no mercado europeu. A empresa é certificada pelo sistema

de qualidade ISO9001, que assegura seu elevado padrão de

qualidade.

1.9 Histórico da busca pela excelência


A NovoDisc é uma empresa séria e comprometida tanto com a

qualidade de seus produtos e serviços, quanto com a ética de

preservação ambiental. Nós conquistamos certificados para os

padrões ISO 9001:2000, Green Partner e ISO IQNET, o que significa

que a NovoDisc está de acordo com regras de controle de qualidade.

Veja os certificados de qualidade concedidos à NovoDisc:

• Certificado Sony Green Partner;

• Certificado ISO IQNET;

• Certificado ISSO 9001 2000


E nos dias 13 a 19 de Setembro de 2005, no Expo Center Norte, em

São Paulo, a Novodisc participou da Expo Cristã 2005.


Saiba mais sobre os Certificados:

Sony Green Partner

"Com o pensamento de que a conservação do meio ambiente no

mundo inteiro é um dos desafios mais importantes que nós

enfrentamos no século XXI, e como uma boa corporação cidadã, a

Sony está fazendo contribuições sob a sua filosofia de Visão

Ambiental. Esta filosofia tem como objetivo a realização de uma

sociedade sustentável que protege o sonho das gerações futuras."

A Sony certifica empresas que estão de acordo com a sua política

ambiental, principalmente no que diz respeito ao uso de materiais

com o mínimo de impacto possível na natureza, desprezando assim o

uso de materiais agressivos ao meio ambiente.

ISO IQNET
Este certificado é reconhecido pelo órgão mundial de certificados

"International Certification Network". Ele reconhece nosso sistema de

Gestão de Qualidade.

ISO 9001:2000

"A série ISO 9000 é uma concentração de normas que formam um

modelo de gestão da qualidade para organizações que podem, se

desejarem, certificar seus sistemas de gestão através de organismos

de certificação. Foi elaborada através de um consenso internacional

sobre as práticas que uma empresa pode tomar a fim de atender

plenamente os requisitos de qualidade do cliente".

1.10 Avaliação, inovação e melhorias dos processos


A Novodisc é uma pioneira no ramo de fabricação de mídias
digitais e trabalha com alta tecnologia. As máquinas da linha de
produção da Novodisc são de alta qualidade, os funcionários passam
por vários tipos de treinamentos sobre como fabricar mídias digitais e
sobre como utilizar as maquinas sem provocar danos ou prejuízos
para Novodisc. E desta forma a Novodisc inova ela foi a primeira
fabrica no Brasil a fabricar os Mini-DVD´s, isso fez uma grande
reviravolta no segmento de mídias no Brasil, hoje outras empresas
também fabricam os Mini-DVD´s

2. Administração Mercadológica

2.1 Descrição do Produto

Gravar seus próprios CDs no computador é algo que atualmente


qualquer um pode fazer. Mas como funciona o processo de gravação
de um CD-R? Para entender a tecnologia por trás do disco CD-R
(Compact Disc-Recordable), é preciso primeiro entender a tecnologia
do CD comum, e como ela evoluiu.

O áudio digitalizado requer uma grande capacidade de


armazenamento, uma vez que 60 minutos de música, gravados em
stéreo na resolução de 16 bits e taxa de amostragem de 44.1 kHz,
ocupam 15 bilhões de bits. Felizmente, os CDs foram projetados para
atender a esse volume de dados mas, infelizmente, durante muitos
anos essa tecnologia só esteve disponível para fabricantes de CDs por
processo de moldagem por injeção. Dessa forma, até o final da
década de 1980, para se fazer um CD era necessário enviar uma fita
com o material musical para a empresa fabricante de CDs, o que era
um processo caro e demorado, inviável a maioria das pessoas. Em
1988, a Philips e a Sony criaram um padrão para o CD gravável (CD-
R), o que viabilizou a um número imenso de pessoas gravarem seus
próprios trabalhos musicais, em estúdios comuns ou mesmo em casa,
foi a partir daí que gerou a pirataria.

Realmente agora a pirataria de CDs não tem limite, por mais que
novas técnicas sejam desenvolvidas, em pouco tempo são
desenvolvidas várias formas de burlar a proteção. Grandes (e
também pequenas) empresas precisam mudar o modo de
pensamento se querem realmente ganhar a briga contra a pirataria.

Então como fazer isso? No inicio era aparentemente impossível, mas


a NovoDisc tornou essa inovação muito simples! Primeiramente,
torne o seu produto um CD mais acessível, ou mais ainda, deixe no
seu produto um CHIP de bloqueio e não se preocupe em vender,
deixe seu cliente muito mais satisfeito.

Tá legal, e vou morrer de fome, pois como vou lucrar com o meu
trabalho? Não se preocupe, invista primeiramente em tornar seu
produto acessível a qualquer classe social, que automaticamente seus
produtos irão começar a ter um crescimento relativamente alto e a
dependência pela sua empresa também. Desde que o seu CD tenha
qualidade o preço baixo (sem chegar a nos dar prejuízo) irá motivar
novas pessoas e empresas a utilizar seu CD e você poderá a lucrar
com ele pela certa independência que essas técnicas de inovação irão
ter automaticamente.
Para de pensar “Vendo logo existo”, acabe de vez com a pirataria e
ainda lucre com isso. Se lembre que grandes organizações de hoje
começaram pequenas e com esse tipo de pensamento, ou seja, com
técnicas de inovação que inicialmente pareciam o começo de sua
falência.

Agora, vamos entender passo a passo como isso é desenvolvido:

O CD-ROM (Compact Disc-Read Only Memory) é um disco com 4” de


diâmetro (aprox. 10 cm) e feito de uma camada de alumínio entre
uma camada de resina e outra de plástico policarbonato. No processo
de moldagem a base de policarbonato é estampada com minúsculos
ressaltos.

Entre a camada de alumínio reflexiva e a base de policarbonato, é


instalado um CHIP de bloqueio para que depois de gravado os dados
digitais, se tornem impossível a cópia ou a gravação desses dados em
outro aparelho de gravação (toca-discos, computadores, etc) ou
mídia. A camada de alumínio altamente reflexiva é então aplicada à
base de policarbonato, e selada com uma camada de resina para
proteger a superfície do disco contra arranhões e poeira.
As informações ficam registradas nos minúsculos ressaltos na base de
policarbonato, chamados de “pits” separados da superfície de
alumínio, chamada de “land”. Esses pits são um dos menores objetos
fabricados comercialmente pelo ser humano. Os pits e lands
representam o “zero”, e a transição de um para outro representa o
“um”, que são os dois únicos algarismos no sistema de numeração
binário, utilizado pela tecnologia digital. Assim, quando um feixe de
laser se move de um pit para uma land, ou vice-versa, a reflexão é
modificada momentaneamente e interpretada como o dígito “um”. As
sucessões de pits e lands informam os valores numéricos que
representam o sinal de áudio original.

Para ler os dados no CD, o toca-discos direciona o feixe de laser


através da base de policarbonato até a camada de alumínio. Como o
CD é lido por baixo, os pits são vistos como ressaltos. A luz do laser é
refletida na superfície de alumínio e dispositivos foto-detectores
reconhecem as diferentes intensidades da luz refletida, causadas por
pits ou lands e interpretadas como “zeros” ou “uns”. O toca-discos
então processa esses dados digitais e os converte em som. Como
nada além de luz chega aos pits, não há desgaste do material após
repetidas leituras, e o conteúdo original nunca se deteriora.

A NovoDisc tem como principal processo a fabricação de CDs,


que segue abaixo a explicação dos 8 (oito) passos da fabricação, já
incluso o “Processo Contra Pirataria”:
1. Matéria - Prima
O processo de produção começa na área de periféricos, onde
encontramos o insumo principal do disco, o policarbonato, que antes
de chegar nas injetoras, passa por um processo de secagem em uma
máquina específica chamada "dryer" ou simplesmente secador e
policarbonato. Ali ele fica armazenado em um silo e de lá vai através
da tubulação para as linhas de produção.

2. Injeção
Ao chegar nas injetoras, o policarbonato em grãos, é derretido a mais
de 300 graus e é injetado no molde do disco e, ainda lá dentro do
molde, é prensado contra a matriz e é resfriado ficando no formato
final do disco já com a gravação. A gravação do disco se dá no
momento da prensagem, pois a matriz contém a informação a ser
replicada, ou seja, para cada título gravado é necessário um stamper
com sua respectiva informação.

3. Resfriamento
Depois de injetado o disco passa por uma área de resfriamento, que
é um túnel aonde a temperatura chega a 4 graus e faz o disco ficar
em condições para receber os próximos processos.

4. Instalação do CHIP
Em seguida, entre a camada de alumínio reflexiva e a base de
policarbonato, é instalado um CHIP de bloqueio para que depois de
gravado os dados digitais, se tornem impossível a cópia ou a
gravação desses dados em outro aparelho de gravação (toca-discos,
computadores, etc) ou mídia. A camada de alumínio altamente
reflexiva é então aplicada à base de policarbonato, e selada com uma
camada de resina para proteger a superfície do disco.

5. Metalização
Em seguida o disco vai para a metalização, que é o processo de
aplicação da película metálica que serve para refletir o laser dos
aparelhos (players) possibilitando assim a leitura do disco. No caso
do CD só existe um disco a ser metalizado e esta é feita por uma liga
de alumínio. No caso do DVD, existem duas possíveis metalizações,
isso porque o DVD é formado por dois discos e existem 3 formatos, o
DVD-5, o DVD-9 e o DVD-10.

6. Colagem / Verniz
Depois da metalização o CD vai para a aplicação de verniz, no caso
do DVD, o disco vai para a área de colagem (bonding), que é onde
serão unidas as duas partes, ou os dois discos (layer 0 e layer 1).
Depois de aplicado o verniz ou a cola, o disco vai para uma centrífuga
que a espalha uniformemente, formando uma camada que também
serve como proteção anti-oxidante, logo depois passa por um banho
de luz UV para secagem rápida do produto aplicado.

7. Controle de Qualidade
Em seguida vai para o scanner, onde é feito o primeiro controle de
qualidade, sua superfície e metalização são checados.

8. Material Pronto
Caso tenha alguma imperfeição, o disco é automaticamente rejeitado
e separado.

2.2 Segmentação do Mercado e características de clientes

Lucas Sacay – Diretor Geral - informa que, inicialmente, o CD Contra


Pirataria® será distribuído nas principais redes de varejo
especializado, atacadistas e distribuidores no Sudeste e Sul do País e,
posteriormente, nas demais regiões. Ideal para facilitar o
armazenamento de dados, o CD-R possibilita até 80 minutos de
gravação que equivalem a 700 MB e permite uma velocidade de
gravação de até 48X, além de proibir a cópia ou gravação do mesmo.
Para atender a demanda inicial, a NovoDisc estará oferecendo o CD
Contra Pirataria® em três embalagens distintas. NovoDisc realiza
também a reprodução de CD-Rom, CD-Áudio, CD-Vídeo e DVD, além
de produzir as embalagens de seus produtos.
Com uma equipe de aproximadamente 200 funcionários, divididos em
duas unidades instaladas em Manaus e São Paulo, a empresa produz
CD's para os segmentos fonográfico, editorial, educativo, de
informática e ações promocionais, além de oferecer a distribuição de
produtos para o segmento fonográfico. A NovoDisc também exporta
para o Chile, Argentina e México na América Latina e para Espanha e
Portugal no mercado europeu. "Trabalhamos com qualidade e alta
tecnologia para atender a um mercado exigente", Conclui Sacay.

2.3 Analise corporativa da concorrência

Por ser produzido no mercado interno, o Contra Pirataria® oferece


grandes vantagens em relação aos seus concorrentes internacionais.
Além de garantir a distribuição do produto localmente, seu
fornecimento é regular, simplificando o processo de logística, desde o
momento do pedido de compra, até a entrega nos Centros de
Distribuição dos clientes finais.
"Atualmente, o potencial de consumo do mercado brasileiro gira em
torno de 12 milhões de CD-R's por mês. Como aproximadamente
75% dos produtos são importados e existe apenas um fabricante
local, resolvemos apostar na nacionalização e no potencial do
mercado interno. Dessa forma, além de contribuir para a redução das
importações vamos dar oportunidade à indústria nacional gerando
novos empregos e produzindo uma mídia de alta qualidade", explica
Lucas Sacay, Diretor Geral da NovoDisc, que também tem em seu
currículo passagens pelas Diretorias da Sony Music e Compaq.

2.4 Atributos, Benefícios e Valor ao Cliente

2.5 Processo de Estabelecimento do Preço do Produto

2.6 Analise do Processo Sob a Ótica do Marketing

2.7 Comunicação do Produto ao Mercado

2.8 Canais e estratégias de distribuição do Produto

2.9 Canais de Acesso do Cliente à Empresa

2.10 Ciclo de Vida do Produto

3. Gestão das informações da Organização com Foco no

Mercado

3.1 Monitoração Ambiental e de Estratégia na Empresa

A pirataria surgiu nos anos 70 para os anos 80, no final da ditadura


militar, na promessa de abertura democrática do governo Figueiredo,
onde ainda eram produzidos os vinis, período o qual eram cobrados
inúmeros impostos no Brasil, fazendo assim com que os produtos
chegassem nas lojas muito caros e ainda mais caros ao consumidor
final, desta maneira auxiliando o surgimento da mesma, e ainda com
mais força. Segundo dados encontrados na Folha Online referente a
IFPI (Federação Internacional das Industrias Fonográficas), o
mercado de musica representa US$4,6 bilhões anuais, em um
percentual de 34% de vendas legais no mundo, sendo 1,2 bilhões
destes cds piratas. Foi constatado em 2003 que o Brasil se encontra
entre os 10 países que mais fazem pirataria, dentre eles: China,
México, Polônia, Paraguai, Espanha, Rússia, Ucrânia e Tailândia. E
para visar a diminuição deste percentual foi criada a Associação de
Antipirataria de Cinema e Musica, onde em 2007, fez 822 operações e
apreenderam 11 milhões de mídias piratas. Segundo dados
divulgados pela instituição Transparência Capixaba da Grande Vitória
(ES) em parceria com o Instituto Flexconsult, foram realizados uma
pesquisa onde detectou um índice de 100% dos produtos adquiridos
na região, 88,55% é pirata, assim também complementado pelos
dados da Interpol demonstrando-se que a pirataria é mais lucrativa
do que o trafico de drogas, pois movimenta US$522 bilhões por ano e
já no trafico de drogas US$360 bilhões por ano. Um dos principais
motivos detectados para este índice alarmante é que os produtos
pirateados são comercializados em plena luz do dia por camelos e
vendedores ambulantes, assim não sendo restringidos quanto ao
trafico de drogas. Tendo como base meses de estudos e pesquisas, a
NovoDisc desenvolveu um projeto já citado anteriormente, onde
criou-se um cd com um chip, no intuito de reduzir ao máximo a
pirataria do ramo, pois todos os dados pertencentes ao cd são
protegidos com um sistema de segurança, que por mais que tente
haver a decodificação do mesmo para ter acesso as informações
existentes, não consegue, pois este sistema automaticamente
bloqueia o acesso se auto apaga, assim para que não haja a
possibilidade da copia dos dados do cd.
3.2 Sistema de Informações Gerenciais

A NovoDisc vê o Sistema de Informações Gerencias o método mais


eficaz de tornar disponíveis para a administração, as informações
precisas necessárias para facilitar o processo de tomada de decisão e
para dar condições para que as funções de planejamento, controle e
operacionais da organização sejam executadas eficazmente. O
sistema fornece informações sobre o passado, o presente, e o futuro
projetado sobre efeitos relevantes dentro e fora da NovoDisc. Os
canais que transmitem, avaliam, decidem e agem rapidamente
utilizado pelos administradores da NovoDisc para manter eficaz a
comunicação formal e informal e perceber as implicações, amplia
enormemente a utilidade do Sistema de Informações Gerenciais em
nossa organização, sendo eles: Nossos e-mails, Internet, Intranet e
Data Warehousing. Esse Sistema traz para nossa empresa diversos
benefícios como melhor interação com seus fornecedores, melhoria
no acesso as informações, propiciando relatórios mais precisos e
rápidos, com menor esforço, melhoria de produtividade, tanto setorial
quanto global, melhoria nos serviços realizados e oferecidos, melhoria
na estrutura organizacional, por facilitar o fluxo de informações,
melhoria na adaptação da empresa para enfrentar os acontecimentos
não previstos, melhoria na tomada de decisões, por meio de
fornecimento de informações mais rápidas e precisas, redução dos
custos das operações, aumento do nível de motivação das pessoas
envolvidas e otimização na prestação dos seus serviços aos nossos
clientes.

3.3 Indicadores Estratégicos e Operativos

A NovoDisc segue uma seqüência quando seleciona seus indicadores

estratégicos, sendo primeiramente definir os maiores objetivos que

pretendemos atingir, sendo buscar uma rentabilidade global, um

crescimento de receitas, a redução de custos para cada vez mais o

produto se tornar mais acessível aos clientes. Em seguida é definido

os fatores críticos de sucesso, estando relacionados à Manufatura

(Eficiência em produção de baixo custo), à Distribuição (Entrega

rápida) e ao Marketing (Uma variedade de produtos, habilidade em

criar produtos inovadores, Imagem e Reputação da empresa, forte

garantia aos clientes, estilo atraente nos Cds, uma publicidade

inteligente ).
3.4 Visão de Futuro da Empresa sobre o Produto

A NovoDisc Mídia Digital lança no mercado brasileiro o CD-R Contra


Pirataria®, produto 100% nacional produzido no Pólo Industrial de
Manaus (AM). Fabricado com tecnologia digital de última geração,
possui qualidade idêntica às melhores marcas internacionais e preço
bastante competitivo. Para o desenvolvimento e lançamento do CD-R
a companhia está investindo R$ 20 milhões na compra de
equipamentos, construção de infra-estrutura e divulgação da nova
marca. Com o lançamento, a NovoDisc pretende conquistar 15% do
mercado brasileiro nos próximos seis meses.

4. Projeto de Melhorias do Produto

Atualmente 75% das vendas da empresa são efetivadas na região


Sudeste. Na avaliação do Lucas Sacay, a fabricação do produto é de
extrema importância, já que o país importa aproximadamente 80%
da necessidade interna do produto da Ásia. Há treze anos em
Manaus, a NovoDisc trabalha em parceria com gravadoras, editoras,
empresas do segmento corporativo, educativo e com
desenvolvedores de embalagens. A empresa conta com um quadro
funcional composto por 200 pessoas. Segundo Sacay, outra meta
estabelecida para este ano é responder por 15% do mercado total no
segmento no Brasil. Prática ilegal "A pirataria atinge
aproximadamente 45% do mercado fonográfico", denunciou Lucas
Sacay com base nos estudos estatísticos do setor. "A falsificação
afeta diretamente os volumes de produção", concluiu. Expansão da
empresa na Zona Franca de Manaus gera 25 novos postos de
trabalho diretos. Quanto à produção de DVD-R Contra Pirataria®, a
NovoDisc está com instalando uma linha para início de produção
ainda neste mês e a expectativa é de que, em dois meses, uma nova
linha comece a operacionalizar, aumentando a capacidade produtiva
da mídia. Na primeira etapa, serão fabricadas 200 mil unidades por
mês e, no segundo momento, a empresa atingirá mensalmente 600
mil DVDs. Para atender a demanda, a indústria contratou 25 pessoas
da área de mecatrônica.

4.1 Problema no lançamento/reposicionamento do Produto

A NovoDisc está ciente que o mercado brasileiro para o produto ainda


é incipiente, se fazendo necessário a solidificação do complexo,
formado pelo eletrônico e pela mídia. Segundo Sacay, as empresas
do setor vêm acompanhando as novas tendências tecnológicas do
mercado e disputando espaço com companhias internacionais. "Hoje
os concorrentes fortes principalmente no commodities como CD-R
Contra Pirataria® e DVD-R Contra Pirataria®, são os asiáticos que
têm escalas de produção altíssimas e custos baixíssimos",
mencionou. O diretor-geral alertou que é preciso cautela no emprego
de investimentos em um novo produto. "A tecnologia muda em uma
velocidade muito grande, por isso os investimentos devem ser
pensados para que se tenha retorno", analisou.

4.2 Plano de Pesquisa

4.3 Coleta de Informações

4.4 Analise de Informações

4.5 Apresentação de Resultados

4.6 Implantação e Monitoramento de novos Produtos


CONCLUSÃO

A tecnologia no mundo tem avançado de maneira


surpreendente. Pode-se dizer que o cd, principal meio de
armazenamento de dados digitais, principalmente de músicas, e
arquivos de software de computação, tem crescido e evoluído junto
com a tecnologia mundial. O primeiro disco, ou melhor, CD ROM
inventado foi em 1979 e comercializado a partir de 1982, de lá pra cá
diversos usuários usam o cd para armazenar seus respectivos
arquivos. Como a demanda por esse produto cresceu nos últimos
tempos, diversas empresas entraram neste setor que passou a ser
muito competitivo e concorrido. Uma dessas empresas que cresceu e
se solidificou com a tecnologia atual do “disco compacto”, ou melhor,
cd, foi a NOVODISC, empresa esta que desenvolve projetos gráficos
especiais, fabrica e duplica CDs em diversos shapes. A NovoDisc tem
uma diferente estratégia ao tratar com seus consumidores, ela por
sua vez, tenta viabilizar facilidades ao cliente ou parceiro, buscando
um melhor relacionamento entre todos, por exemplo: a empresa
junta dois ou mais segmentos de fabricação ou embalagem ou até
exportação e une tais empresas para um melhor relacionamento,
gerando facilidades entre empresas do mesmo setor, no caso a
fabricação de tais CDs. Com a tecnologia aumentando nos últimos
tempos, a NOVODISC decidiu aumentar seu leque de discos de
armazenamento, e começou a comercializar mídias de diferentes
segmentos. A empresa também possui um comprometimento e uma
seriedade na arquitetura de seus produtos que fazem com que a
empresa seja uma das poucas que tem a capacidade técnica de
proporcionar um serviço integral no setor de áudio visual. A busca
pelo melhor produto começa na masterização e vai até a serigrafia,
processo no qual é capaz de reproduzir os mais finos detalhes e
cores. A NOVODISC trabalha com diversas empresas entre elas pode-
se citar a: gradiente e a IBM uma das principais empresas no setor
da computação mundial. A empresa também conta com diversos
parceiros entre elas a: Fimor e a Anatol. Ao longo dos anos a
empresa foi se consolidando como umas das principais empresas do
país neste setor, e claro, conseguiu o reconhecimento de diversos
órgãos, entre eles o certificado ISO 9001.2000 e Green Partner,
demonstrando a qualidade de seus produtos. Contudo, a NOVODISC
não apenas fabrica e cria CDs, mas, colabora e viabiliza a melhor
forma de tratar seus clientes e parceiros, produzindo bens e serviços
que agregam algum valor a parceria entre empresas de um mesmo
setor, mostrando que é possível empresas de um mesmo segmento
unir-se a outra para uma melhor busca pela excelência, quando se
diz respeito a clientes totalmente satisfeitos.
BIBLIOGRAFIA / WEBGRAFIA

www.so-net.it/SonyInfo/procurementinfo/qfhh7c000...
http://pt.wikipedia.org/wiki/ISO_9000
www.novodisc.com.br
www.cooperdisc.com.br

BRASIL, Ministério da Defesa - Exército BRasileiro - Secretaria da


Ciência e Tecnologia / Instituto Militar de Engenharia. Análise e
Melhoria de Processos. Rio de Janeiro: IME, 1999.

CAMPOS, Vicente Falconi. Gerenciamento da rotina do trabalho do


dia-a-dia. 8ª ed. Belo Horizonte: INDG Tecs, 2004.

GONÇALVES, José Ernesto Lima. As Empresas são GRandes


Coleções de Processos. RAE - Revista de Administração de Empresas.
v.40, n.1, p.6-19. São Paulo: FGV - EAESP, 2000.
APÊNDICE A - CRONOGRAMA DE ATIVIDADES PREVISTAS
PIPA – 2010
DATA ATIVIDADES PREVISTAS

26/04/10 Reunião com o Grupo para dividir as tarefas

28/04/10 Reunião com o Grupo para mostrar pesquisas e esboços do trabalho.

30/04/10 Reunião do grupo com o Sra. Delma Rezende para visitar empresa.
03/05/10 Mandar e-mail para Sra. Delma Rezende pedindo fotos dos principais
produtos.

05/05/10 Comparecer na empresa as 14 horas para buscar as fotos

05/05/10 Reunião do grupo para escolher imagens a serem usadas.

07/05/10 Reunião do grupo para criar o produto

10/05/10 Reunião do grupo para juntar as tarefas

12/05/10 Reunião com o Grupo para revisar o trabalho

14/05/10 Ultima reunião com o grupo para finalizar trabalho

17/05/10 Levar o Pen Drive com o trabalho para ser impresso

20/05/10 Encadernar o trabalho

20/05/10 ENTREGA DO PIPA

APÊNDICE B - REGISTRO DE ATIVIDADES REALIZADAS


PIPA - 2010

DATA ATIVIDADES REALIZADAS Tempo


Gasto
26/04/2010 Reunião com o Grupo para dividir as tarefas 06 horas
29/04/2010 Reunião com o Grupo para mostrar pesquisas e esboços do 04 horas
trabalho.
30/04/2010 Reunião do grupo com o Sra. Delma para visitar empresa. 3,5
horas
03/05/2010 Mandar e-mail para Sra. Delma pedindo fotos dos principais 10 min
produtos.
05/05/2010 Comparecer na empresa às 14 horas para buscar as fotos 01 hora
05/05/2010 Reunião do grupo para escolher imagens a serem usadas. 02 horas
05/05/2010 Reunir o grupo e pesquisar sobre tendências de novos 02 horas
produtos.
05/05/2010 Reunião do grupo para fazer o organograma 02 horas
06/05/2010 Comparecer na empresa para tirar dúvidas
06/05/2010 Reunião com o grupo para juntar partes prontas 03 horas
07/05/2010 Reunião do grupo para criar o produto 03 horas
10/05/2010 Reunião do grupo para terminar o produto 02 horas
12/05/2010 Reunião do grupo para juntar as tarefas 2,5 hrs
14/05/2010 Reunião com o Grupo para revisar o trabalho 05 horas
16/05/2010 Ultima reunião com o grupo para finalizar trabalho 03 horas
17/05/2010 Levar Pen Drive para Sra. Delma Rezende revisar e autorizar 01 hora
entrega.
17/05/2010 Levar o Pen Drive com o trabalho para ser impresso 30 min

20/05/2010 Encadernar o trabalho 30 min

20/05/10 ENTREGA DO PIPA

APÊNDICE D – DECLARAÇÃO DE VISITA NA EMPRESA


PIPA – 2010
São Paulo, 17 de maio de 2010.

Declaro que os alunos, Andressa Pereira de


Souza, Claúdia Farias, Jacqueline Van
Leeuwen, Nathália Ornaghi e Raquel Festa,
visitaram a Novodisc nos dias 30/04, 05/05,
06/05 e 17/05. Para realização do PIPA –
Programa de Iniciação as Práticas
Administrativas.
UNIVERSIDADE PAULISTA

Apêndice D - Ficha de composição da equipe

Nome da empresa/organização: NOVODISC MÍDIA DIGITAL LTDA


Endereço: Avenida Guarapiranga, 1671 Cidade: São
Paulo
CEP: 04901-010 Telefone:
5515.7501
Nome do contato na empresa/organização: Sra. Delma Rezende
Cargo: Coordenadora de RH
Turma: 4/5º Semestre Classe: 32
Representante grupo: Claudia Telefone: E-mail:
Farias 6739.966 claudiafarias87@hotmail.com
9
Identificação dos Integrantes da Foto
Equipe
Nome: Endereço:
Raquel Festa Rua: Américo Brasiliense, 1627
Chácara Santo Antonio
Cep: 04715-002 – São Paulo – SP

RA: Telefone: 11 5184-0434 / 11 8324-


946386-0 4197
E-mail: festa.raquel@gmail.com
Nome: Endereço:
Claudia Farias Santos Rua: Domingos Afonso Sertão, 187
Piraporinha – Santo Amaro
Cep: 04914-000 São Paulo – SP

RA: Telefone: 11 4107-2020 / 11 6739-


975853-4 9669
E-mail:
claudiafarias87@hotmail.com
Nome: Endereço:
Nathália Ornaghi Rua: Frederico Grotte, 64, apto 98
Jardim Vergueiro
Cep: 05818-270 – São Paulo – SP

RA: Telefone: 11 5515.0243 / 11


967040-8 7975.8744
E-mail: nathy_ornaghi@hotmail.com
Nome: Endereço:
Jacqueline Van Leeuwen Rua: João de Lacerda Soares, 179
apto 74
Broocklin
Cep: 04707-010 - São Paulo - SP
RA: Telefone: 11 3144-9091 / 11
967696-1 94218680
E-mail: jacqueline.vl@hotmail.com
Nome: Endereço:
Andressa Pereira de Souza Rua: Benjamim Vill nº 111
Jardim São Luiz
Cep: 05846-170 - São Paulo - SP
RA: Telefone: 11 6696-6443
966819-5 E-mail:
andressa.psouza@hotmail.com
A equipe necessita de Carta de Apresentação? ( ) Sim (X) Não
Tema: ADMINSTRAÇÃO MERCADOLÓGICA E GESTÃO DAS INFORMAÇÕES
DA ORGANIZAÇÃO