Você está na página 1de 18

INSTALAÇÕES ELÉTRICAS

AVALIAÇÃO DE SEGURANÇA ELÉTRICA

Goiânia – GO
2020
INSTALAÇÕES ELÉTRICAS
AVALIAÇÃO DE SEGURANÇA ELÉTRICA
INSTALAÇÕES ELÉTRICAS
AVALIAÇÃO DE SEGURANÇA ELÉTRICA

ALUNOS:
Bruna Machado Mariano – 4° Matutino
Geovani Dias Lima – 5° Noturno
Gyovanna Carla Teixeira Barros – 7° Noturno
Isabela Motta Crecci – 9° Noturno
Marina Alvares Arantes – 8° Noturno

Goiânia – GO
2020
Sumário

OBJETIVOS............................................................................................................................................1

FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA..............................................................................................................2

ESQUEMA DE ATERRAMENTO ............................................................................ ...............................5

MEDIDAS DE PROTEÇÃO CONTRA CHOQUES ELÉTRICOS INSTALADOS NO LOCAL................6

TIPO DE PROTEÇÃO ADICIONAL CONTRA CHOQUES ELÉTRICOS NO LOCAL........................... 6

PROJETO DE INSTALAÇÃO ELÉTRICA DE BAIXA TENSÃO DA RESIDÊNCIA EM ESTUDO.........7

CLASSE DOS EQUIPAMENTOS INSTALADOS NA RESIDÊNCIA EM ESTUDO................................8

O PROJETO CONTEMPLA OS ITENS SOLICITADOS NA NR 10? E A EXECUÇÃO?......................11

CONCLUSÃO.........................................................................................................................................11
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS......................................................................................................12
AVALIAÇÃO DE SEGURANÇA ELÉTRICA

Trabalho apresentado como requisito para

integralizar a disciplina Instalações Elétricas,

no curso de Arquitetura e Urbanismo na Faculdade

Araguaia sob avaliação do Esp. André Mendes.

Goiânia – GO
2020
1.0- OBJETIVOS

O trabalho proposto ao grupo tem como objetivo a elaboração de um relatório


técnico sobre a segurança elétrica de uma residência, afim de proporcionar ao grupo
uma experiência básica sobre segurança elétrica, proteção contra choques elétricos e
sistemas de aterramento.

01
2.0- FUNDAMENTAÇÃO TEÓRICA

2.1- DESENERGIZAÇÃO DO RAMAL ALIMENTADOR:

• Desligamento do disjuntor geral:

Figura 1: Fotografia do padrão de Energia

Fonte: Autoria própria.

• Impedimento da reenergização com utilização de um cadeado:

02
Figura 2: Fotografia do padrão de Energia trancado

Fonte: Autoria própria.

• Constatação da ausência de tensão:

Figura 3: Fotografia do multímetro

Fonte: Autoria própria.

03
Figura 4: Fotografia do multímetro

Fonte: Autoria própria.

Figura 5: Fotografia do multímetro

Fonte: Autoria própria.

04
• Instalação de sinalização de impedimento de reenergização:

Figura 6: Placa de sinalização

Fonte: Autoria própria.

2.2- ESQUEMA DE ATERRAMENTO DA RESIDÊNCIA

Na residência em estudo foi feito haste de aterramento com conector, sendo


realizado um triângulo com três hastes de aterramento ligado ao quadro de energia
que está aterrado. Após a perícia nota-se que o disjuntor do local é trifásico= 380 V.

05
2.3- MEDIDAS DE PROTEÇÃO CONTRA CHOQUES ELÉTRICOS
INSTALADOS NO LOCAL

DR (dispositivo de diferencial residual): Tem por finalidade a proteção


contrachoques elétricos por contato direto ou indireto (causado por fuga de corrente).
Sua função é detectar pequenas fugas de corrente em circuitos elétricos, acionando o
desligamento imediato da alimentação e evitando que ocorram acidentes. O DR instalado
no local está presente nas áreas molhadas da residência: Iluminação e tomadas da área
de serviço, banheiros e área da piscina.

Figura 7: Quadro de energia

Fonte: Autoria própria.

2.4- TIPO DE PROTEÇÃO ADICIONAL CONTRA CHOQUES


ELÉTRICOS NO LOCAL

Na residência em estudo foi identificada a presença de DPS (dispositivo de


proteções contra surtos), que tem como ênfase detectar sobretensões transitórias na
rede elétrica ou sobretensões transientes diretos ou indiretos.

06
Figura 8: Quadro de energia

Fonte: Autoria própria.

2.5- PROJETO DE INSTALAÇÃO ELÉTRICA DE BAIXA TENSÃO


DA RESIDÊNCIA EM ESTUDO

Figura 9: Imagem do projeto elétrico

Fonte: Autoria própria.

07
Figura 10: Imagem do projeto elétrico

Fonte: Autoria própria.

Figura 11: Imagem do projeto elétrico

Fonte: Autoria própria.

2.6- CLASSE DOS EQUIPAMENTOS INSTALADOS NA


RESIDÊNCIA EM ESTUDO

Classe 0: Não existem condutores de proteção (PE) fazendo a conexão entre


a terra e as partes metálicas do equipamento/aparelho elétrico. A proteção contra
choques elétricos é dada pela própria isolação do equipamento/aparelho elétrico, no

local em estudo podemos citar como classe 0 o ventilador e a televisão. 08


Figura 12

Figura 13

Classe I: Para essa classe, os chassis do equipamento/aparelho elétrico devem


ser conectados à terra utilizando um condutor de proteção (PE) identificado pela cor
verde ou verde/amarela. Uma falha no isolamento do dispositivo que cause um
contato elétrico entre um condutor vivo e o chassi do equipamento irá gerar uma
corrente elétrica que irá passar através do condutor de proteção (PE). Essa corrente
de falha deve passar também por um dispositivo de proteção contra sobrecarga
(fusíveis ou disjuntores) ou um DR (dispositivo a corrente diferencial-residual) que irá
cortar o fornecimento de energia elétrica ao dispositivo. Como exemplo na residência

em estudo temos o micro-ondas. 09


Figura 14

Classe III: Equipamentos/aparelhos contendo isolamento Classe III são


dispositivos alimentados com extrabaixa tensão. A alimentação desses dispositivos é
baixa o suficiente (sob condições normais de uso) que uma pessoa pode entrar em
contato com uma parte “viva” de maneira segura e sem risco de choques elétricos,
como por exemplo, na iluminação de piscinas.

Chuveiro elétrico:

10
2.7- O PROJETO CONTEMPLA OS ITENS SOLICITADOS NA NR
10? E A EXECUÇÃO?

A respeito da Norma Regulamentadora- NR 10 pode-se entender que: “...ela


estabelece os requisitos e condições mínimas objetivando a implementação de medidas
de controle e sistemas preventivos, de forma a garantir a segurança e a saúde dos
trabalhadores que, direta ou indiretamente, interajam em instalações elétricas e serviços
com eletricidade.” Dessa forma, pode se entender que o projeto da residência em estudo
contempla os itens solicitados na NR 10, uma vez que segue as medidas de segurança
estabelecidas e procedimentos listados, tanto na fase do projeto quanto na fase da
execução da obra.

2.8- CONCLUSÃO

A elaboração do presente relatório tem por finalidade avaliar a condição das


instalações elétricas voltado à segurança de equipamentos, instalações e usuários,
eliminando ou neutralizando os possíveis riscos potenciais de acidentes de origem
elétrica. Após a realização das análises pode-se concluir que a residência em estudo
possui a proteção necessária contra choques-elétricos, sendo assim a segurança
necessária e procedimentos recomendados pela Norma Regulamentadora NR-10.

11
3.0- REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

MARQUETTO, Sr. Como fazer um motor elétrico caseiro- Faça Você Mesmo. 2019. (9m30s).
Disponível em: <https://youtu.be/-X0RVqfavyU>. Acesso em: 08 set. 2020.

MUNDO DA ELÉTRICA. Como fazer um motor elétrico com um ímã (experiência Elétrica).
(9m15s). Disponível em: < https://youtu.be/7qlxnqJtCzc>. Acesso em: 07 set. 2020.

CONSUMIDOR ESTADÃO, classe de potência dos chuveiros-Fonte: Wikipedia e


Inmetro. Disponível em: https://consumidorcidadao.wordpress.com/tag/classe-de-
potencia-de-chuveiros/

Revista zap imóveis, Eletrodomésticos - saiba o que são as etiquetas de eficiência


energética e garanta mais economia em casa. Disponível em:
https://revista.zapimoveis.com.br/eletrodomesticos-saiba-o-que-sao-as-etiquetas-de-
eficiencia-energetica-e-garanta-mais-economia-em-casa-4173770-sc/

Condutividade elétrica do solo, tópicos e equipamentos, Documentos – EMBRAPA ,


Disponível em : https://core.ac.uk/download/pdf/15427611.pdf.

12

Você também pode gostar