Você está na página 1de 25

Secretaria Adjunta de Gestão Educacional - SAGE

Aprendizagem Conectada
Atividades Escolares e Tarefa Semanal
3° Semana

7° Ano

Nome da Escola

Nome do Estudante

Ano/Ciclo

Unidade
LINGUAGEM
1
DESAFIO DE LÍNGUA PORTUGUESA!

Transitividade do verbo

Leia a tirinha:
Texto 1

a) Observe e anote, há verbos e/ou locução verbal na tirinha?

1
b) Quais deles são transitivos e quais são intransitivos?
c) Alguns deles têm como complemento uma oração inteira. Qual?
d) Quais são os complementos verbais da tirinha?

Vamos nos divertir um pouco com os verbos:


Texto 2

CONCEITOS:

Verbos transitivos são os que precisam de complementos verbais para fazer sentido. Têm
um significado incompleto.
Verbos intransitivos são os que não precisam de complementos verbais para fazer sentido.
Têm um significado completo.
Exemplos de verbos transitivos
comer; lembrar;
querer; emprestar;
acreditar; agradecer.

Exemplos de verbos intransitivos


viver; chorar;
nascer; dormir;
cair; casar.

Verbos transitivos diretos pedem um objeto direto como complemento, indicando quem ou
o quê. (O verbo e o complemento estão ligados diretamente sem conectivos de ligação)
Verbos transitivos indiretos pedem um objeto indireto como complemento, indicando de
quem, para quem, com quem, de quê, para quê, a quê e assim por diante (a regra é a presença
de preposição entre o verbo e o complemento)

2
Verbos transitivos diretos e indiretos pedem tanto um objeto direto como um objeto
indireto como complementos, indicando quem ou o quê e, também, de quem, para quem, com
quem, de quê, para quê, a quê.

Verbo transitivo direto:

Verbo ler
Ler a receita.
Ler o livro.
Ler a notícia.

A receita, o livro e a revista são objetos diretos.

Verbo visitar

Visitar quem?
Visitar a avó.
Visitar uns amigos.
Visitar o doente.

A avó, uns amigos e o doente são objetos diretos.

Verbo transitivo indireto

Verbo precisar

Precisar de quê?
Precisar de ajuda.
Precisar de dinheiro.
Precisar de um casaco.

De ajuda, de dinheiro e de um casaco são objetos indiretos.

Verbo concordar

Concordar com quem?


Concordar com a mãe.
Concordar com o diretor.
Concordar com a amiga.

Com a mãe, com o diretor e com a amiga são objetos indiretos.

3
Verbo transitivo direto e indireto

Verbo agradecer

Agradecer o quê? Agradecer a quem?


Agradecer o presente ao namorado.
Agradecer o convite à diretora.
Agradecer a atenção à professora.

O presente, o convite e a atenção são objetos diretos.


Ao namorado, à diretora e à professora são objetos indiretos.

Verbo devolver

Devolver o quê? Devolver a quem?


Devolver o livro ao professor.
Devolver o dinheiro à mãe.
Devolver a caneta ao colega.

O livro, o dinheiro e a caneta são objetos diretos.


Ao professor, à mãe e ao colega são objetos indiretos.

Verbos intransitivos

Verbos intransitivos não pedem nem objeto direto, nem objeto indireto. O verbo transmite
uma ação completa que começa e termina no sujeito da oração. Podem ser enriquecidos com
a junção (não obrigatória) de adjuntos adverbiais.

Verbo dormir
Dormir muito.
Dormir cedo.
Dormir sozinho.

Muito, cedo e sozinho são adjuntos adverbiais.

De volta às perguntas do texto 1:

a) Os verbos e locuções verbais da tirinha são: ”pensa, sou, vou fingir, estou, vamos colocar
e ressuscitei.”
b) Os verbos transitivos são: pensar, fingir e colocar, pois apresentam complemento verbal.
Observe: pensar (o quê? ‘Que sou um boneco); fingir (o quê? ‘Que estou morto’);
colocar (o quê? ‘A pilha’);

4
Os verbos intransitivos não precisam de complemento sendo, pois, no texto 1 o verbo
ressuscitar.
Já os verbos ‘ser’ e ‘estar’ são de ligação, que veremos numa aula futura.
c) Os verbos ‘fingir’ e ‘pensa’ têm uma oração inteira como complemento, elas funcionam
como objeto direto da oração principal.
d) Pensar (Que sou um boneco); fingir (‘Que estou morto’); colocar (‘A pilha’)

DESAFIO DE LÍNGUA PORTUGUESA!

Atividades: transitividade do verbo

Essa é a capa de um livro de Mario de Andrade, foca no título:


Texto 3

1) Responda as questões:

a) O verbo ‘amar’ é intransitivo ou transitivo? Justifique:


__________________________________________________________
__________________________________________________________
__________________________________________________________
__________________________________________________________
b) Elabore outra frase ou período com o verbo amar:
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

5
c) Por que o autor nomeia o verbo ‘amar’ de intransitivo? Qual a intenção de usar a
transitividade do verbo?
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

Leia a tirinha abaixo:


Texto 4

2) Questões:

a) Encontre os verbos do texto 4 e classifique quanto a transitividade (verbo e


complementos):
___________________________________________________________________________

Leia o texto abaixo:


Texto 5

João e Maria (Chico Buarque)

Agora eu era o herói


E o meu cavalo só falava inglês
A noiva do cowboy
Era você
Além das outras três
Eu enfrentava os batalhões
Os alemães e seus canhões
Guardava o meu bodoque
E ensaiava um rock
Para as matinês
Agora eu era o rei
Era o bedel e era também juiz

6
E pela minha lei
A gente era obrigada a ser feliz
E você era a princesa
Que eu fiz coroar
E era tão linda de se admirar
Que andava nua pelo meu país
Não, não fuja não
Finja que agora eu era o seu brinquedo
Eu era o seu pião
O seu bicho preferido
Sim me dê a mão
A gente agora já não tinha medo
No tempo da maldade
Acho que a gente nem tinha nascido
Agora era fatal
Que o faz-de-conta terminasse assim
Pra lá deste quintal
Era uma noite que não tem mais fim
Pois você sumiu no mundo
Sem me avisar
E agora eu era um louco a perguntar
O que é que a vida vai fazer de mim.

3) Classifique os verbos destacados no texto 5 quanto a transitividade e encontre os seus


complementos, caso sejam transitivos:
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________

7
Leia o texto abaixo:
Texto 6

Chinelo, vaso, descarga. Pia, sabonete. Água. Escova, creme dental, água, espuma, creme de
barbear, pincel, espuma, gilete, água, cortina, sabonete, água fria, água quente, toalha. Creme
para cabelo, pente. Cueca, camisa, abotoadura, calça, meias, sapatos, gravata, paletó.
Carteira, níqueis, documentos, caneta, chaves, lenço, relógio. Jornal. Mesa, cadeiras, xícara e
pires, prato, bule, talheres, guardanapo. Quadros. Pasta, carro. Mesa e poltrona, cadeira,
papéis, telefone, agenda, copo com lápis, canetas, bloco de notas, espátula, pastas, caixas de
entrada, de saída, vaso com plantas, quadros, papéis, telefone. Bandeja, xícara pequena.
Papéis, telefone, relatórios, cartas, notas, vale, cheques, memorando, bilhetes, telefone,
papéis. Relógio, mesa, cavalete, cadeiras, esboços de anúncios, fotos, bloco de papel, caneta,
projetor de filmes, xícara, cartaz, lápis, cigarro, fósforo, quadro-negro, giz, papel. Mictório,
pia, água. Táxi. Mesa, toalha, cadeira, copo, pratos, talheres, garrafa, guardanapo, xícara.
Escova de dentes, pasta, água. Mesa e poltrona, papéis, telefone, revista, copo de papel,
telefone interno, externo, papéis, prova de anúncio, caneta e papel, telefone, papéis, prova de
anúncio, caneta e papel, relógio, papel, pasta, cigarro, fósforo, papel e caneta. Carro. Paletó,
gravata. Poltrona, copo, revista. Quadros. Mesas, cadeiras, prato, talheres, copos,
guardanapos. Xícaras. Poltrona, livro. Televisor, poltrona. Abotoaduras, camisa, sapatos,
meias, calça, cueca, pijama, chinelos. Vaso, descarga, pia, água, escova, creme dental,
espuma, água. Chinelos. Coberta, cama, travesseiro.
Ricardo Ramos. Circuito fechado: contos, 1978.

Agora, analise o texto 6 e responda.

a) Ele tem algum verbo?


___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
b) Com qual classe gramatical ele é predominantemente elaborado?
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
c) Construa um texto narrativo usando a história do texto acima, mas coloque verbo,
adjetivo etc.:
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

8
Olá estudantes. É hora de retomar os nossos estudos em Língua Inglesa!

Nas unidades anteriores discutimos sobre o coronavírus no mundo, principalmente


sobre a campanha de prevenção #stayathome (Unidade 1) e hábitos de higiene Why is hand
hygiene important? (Unidade 2). Sabemos que ficar em casa e o hábito de lavar as mãos têm
ajudado a evitar o contágio da Covid19. No entanto, esses hábitos não são suficientes para
reduzir os riscos de infecção, pois existem outros CUIDADOS!!!
 Let’s know more about it!
READING (LEITURA) Esta atividade vai ajudar você a desenvolver a sua habilidade
de leitura em inglês. Fique à vontade para consultar o dicionário!

Activity 01
Com base no texto acima, veja quais são as respostas corretas:
a. The text is...
1. a letter 2. an email 3. a poster 4. a book 5. a diary 6. a manual
b. “Álcool em gel” in English is ...
1. soap 2. wash hand 3. sleeves 4. hand sanitiser 5.tissues 6.sneeze
c. This text was published ...
1. in a magazine 2.in a book 3. on the website 4. in a newspaper
d. What is the text about?

9
1. Campanha de higiene das mãos e de economia de água.
2. Campanha de saúde pública para reduzir os riscos de infecção do Coronavírus. X
3.Campanha de medicamentos e de saúde pública para a higiene das mãos.
4. Campanha de higiene das mãos e de medicamentos para reduzir os riscos de câncer.

WORD LANGUAGE - USING IMPERATIVES IN ENGLISH


Let’s study the Grammar Rule –

Examples
Wait quietly before class.
Be nice to your brother or sister.
Don’t forget your bag!

Remember!
You can use ‘please’ to be more polite.
Please put the plates on the table.
Don’t make so much noise please.

Be careful!
Don’t say ‘you’ and use the verb without ‘to’ and without ‘ing’. Help your parents at home.
Don’t run in the corridors.

We say... We don’t say...


Help your parents at home. (NOT You help your parents at home.)
Don’t run in the corridors. (NOT Don’t to running in the corridors.)

Available at: https://learnenglishkids.britishcouncil.org/grammar-practice/imperatives. Accessed on


April 18, 2020
ATTENTION!!! The imperative form is mostly used for giving orders (dar ordens), for
giving instructions (dar instruções) for requesting (pedir/solicitar), for suggesting (sugerir)
or advising (aconselhar/recomendar) somebody to do (or not to do) something.
A expressão Let’s é usada para fazer sugestões a respeito de ações ou atividades que
incluem a pessoa que fala: Let’s stay at home – Let’s study English – Let’s dance –

DESAFIO DE LÍNGUA INGLESA!

Activity 02 - Read the Imperative Sentences and write them in Portuguese.

1.stay at home: ____________2. do not go out: ___________3. wash your hands:__________


4. wear face masks: ______________5. avoid close contact: ________________

10
Activity 03- Let’s use the imperative form! Organize the sentences.

a.
a. your- hands -with –soap- and- water –
Wash
b. hand - sanitiser -Use b.
c. your - hands - after - using –Wash- the c.
bathroom
d. eating- before- Wash- your hands d.
e. pets- Wash- hands- your- after- touching e. Wash your hands after touching your pets.
f. parents- Help- your f.
g. touch- your -mouth –with- dirty- hands- g.
Do not

Vocabulary:
after: após, depois
before: antes
bathroom: banheiro
dirty: sujo

É hora de retomar os nossos estudos em Arte!

MUSEU DE ARTE – VAMOS CONHECER UM?

Então, você já viu sobre a GEOMETRIA POR TODA PARTE, como está presente
no seu dia a dia, a importância dela, como poderia representar as formas encontradas no dia a
dia utilizando recortes, colagens, desenho, pinturas para representar a arte mato-grossense e
reproduziu a obra de Tarsila do Amaral utilizando quaisquer materiais recicláveis, bastaria
explorar sua criatividade.
Mas a Arte não se limita a isso, aprender sobre a Arte é um processo constante, ela
tem como função expressar a realidade levando em conta a perspectiva de mundo de quem a

11
faz e de quem a observa. Ela pode ser compreendida como uma forma de comunicação que
interpreta, questiona e desafia a realidade. Ainda assim, existe quem veja a arte apenas como
divertida ou revolucionária, porém seu conceito é muito mais amplo. Quem estuda arte
aprende questões estéticas, expressão criativa, mas, acima de tudo, descobre como observar o
mundo com um olhar crítico que analisa a política, a sociedade e as transformações de cada
época.
Para chegar até a explicação da semana, precisamos esclarecer sobre a Linguagem
da Arte. E aí, já ouviu falar que temos a LINGUAGEM DA ARTE?
A arte faz parte do ser humano e está presente em todos os momentos da sua
história. A sua representação se organiza através de linguagens. O homem procura expressar
seus sentimentos através dessas linguagens, seja nas cores, sons, luzes, movimentos, gestos,
etc.
Conforme o homem passa a dar significados a essas organizações, as mesmas
transformam-se em pintura, música, desenho, teatro, dança, fotografia e outros.
Pensando nisso, a proposta da semana é mostrar as possibilidades de registros.
Registros que, por muitos e muitos anos, permanecem guardados, protegidos e cuidados.
Esses registros, através de documentos, objetos ficam nos museus. Mas, o que é museu e para
que serve?

O museu é um espaço de criação onde se preserva a memória de uma cidade, de


um país, de uma pessoa, ou seja, é o lugar de histórias interessantes que nos faz viajar no
tempo. Mas, apesar de contar histórias que já aconteceram, o museu é o lugar para pensarmos
o presente e refletirmos sobre o nosso tempo.

Na sua cidade tem museu? Você já visitou?


Visando a ampla divulgação e promoção do patrimônio cultural brasileiro, desde
2008, tem sido desenvolvido o projeto ERA VIRTUAL. Sua primeira iniciativa foi a criação
de visitações virtuais a museus brasileiros e seus acervos. Com isso, se torna acessível a todos
e em qualquer lugar. Porém, foi o tempo em que a visita ao museu era para uma minoria da
população. Isso é uma conquista, graças ao avanço tecnológico.
Além de poder contar com visita virtual, podemos acessar MUSEUS,
EXPOSIÇÕES, tais como:

12
Então, por mais que, talvez sua cidade tenha museu, você já tenha ido, sabemos que é
necessário ficar em casa.
Para diminuir o contágio de coronavírus, diversos grandes museus e galerias de arte
de todo o mundo fecharam suas portas por tempo indeterminado. Mas isso não significa que
visitar esses locais é totalmente inviável: por meio da internet, diversos museus
disponibilizam visitas virtuais e experiências interativas para os usuários que não podem
comparecer presencialmente.
Nesse sentido, vamos conhecer um museu de arte, enquanto espaço cultural e
promotor de arte, através dos recursos virtuais em sua casa. Veja um exemplo:
https://www.museucasadeportinari.org.br/TOUR-VIRTUAL/

13
Você tem a opção de clicar para visitar automaticamente ou controlando a seta laranja,
como nos exemplos. Essa imagem de cima é a Entrada do museu. Em seguida, teremos Sala
São Jorge e o Dragão.

Ainda na Sala São Jorge e o Dragão temos esse espaço que contempla a Sala dos desenhos e
a Sala dos Afrescos. Os afrescos são pinturas que consistem em aplicar cores diluídas em
água sobre um revestimento de argamassa ainda fresco, de modo a facilitar o embebimento
da tinta.

14
Acima, a Sala de desenhos.

Ateliê do artista Cândido Portinari

15
Mais sobre o Ateliê.
E por aí vai. Através da visita virtual, você pode conhecer tantos os ambientes
internos como os externos, desde a entrada como os fundos. Nesse museu tem tudo virtual:
cozinha, banheiro, Capela da Nonna, Hall para os quartos, quarto do artista, quarto das irmãs,
Praça Candido Portinari, dentre outros ambientes. Saber, inclusive, a localização na rua,
como se de fato estivesse lá. Bem interessante! Vale a pena acessar e fazer um tour virtual.

Navegue e descubra o nosso Brasil, através do link:

http://eravirtual.org/apresentacao/

OBS: O desenvolvimento das atividades indicadas


demandará a utilização de computadores com
recurso de internet.

Navegar é preciso!

DESAFIO DE ARTE!

Pesquise um museu virtual. No seu caderno, registre as informações a serem


pesquisadas. Você precisa acessar o site e registrar as informações indicadas a seguir:

 Data da pesquisa;
 Nome e endereço eletrônico;
 Assunto abordado pelo site;
 Ferramentas disponíveis (na barra superior);
 Nome e localização dos museus já disponíveis para visita virtual.

Sugerimos que, após este registro, anote alguma curiosidade encontrada.


Qual a importância dos dados registrados?

___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
___________________________________________________________________________
__________________________________________________________________________

16
Olá estudantes. É hora de retomar os nossos estudos em Educação Física!

EXERCÍCIOS OU ATIVIDADES FÍSICAS EM TEMPOS DE PANDEMIA?

Nas duas primeiras semanas, conversamos a


respeito do sedentarismo, obesidade e as consequências
para a saúde das crianças e adolescentes, correto? Mas,
como evitar os maus hábitos e as consequências mais
sérias para a saúde nesse tempo em que vivemos sem
poder sair de casa? E afinal, existe diferença entre
atividade física e exercício físico?

Aprofundando o tema....

Atividade física é todo movimento que fazemos com o nosso corpo e que precise de
energia para acontecer. Essa energia vem principalmente dos alimentos que ingerimos. E
como exemplo, podemos citar: andar de bicicleta em uma distância curta, jogar bola por
lazer, subir escadas ou simplesmente, caminhar dentro de casa ou até a rua, pois são
atividades que precisam de pouco esforço, gastam pouca energia e são feitas no dia a dia
pelas pessoas, geralmente sem muita preocupação com a saúde.
Já um exercício físico é mais completo, tem um objetivo maior, por exemplo, quando
andamos de bicicleta ou corremos alguns quilômetros, quando jogamos futebol em uma
competição ou mesmo ao fazer uma caminhada de 30 minutos ou mais, pois precisamos de
uma habilidade e um gasto energético consideravelmente maior, além de uma organização
melhor.
Para entender um pouco mais sobre a importância de não ficar parado, somente
assistindo a TV ou mesmo no celular o tempo todo, vamos pensar!
De modo bem resumido, ocorre da seguinte forma a reação do nosso corpo frente a
um esforço físico:
Quando iniciamos uma corrida, os músculos que estão em volta de nossos ossos,
enviam uma informação ao cérebro, através dos nervos interligados diretamente a ele. O
cérebro recebe a informação e coloca imediatamente o coração para um maior bombeamento
do sangue principalmente para as regiões que mais necessitam como os músculos das pernas
e braços, por exemplo.
Daí a energia armazenada em nosso corpo, vai permitir os movimentos dos músculos.
Se tivermos muita gordura armazenada, elas serão usadas como fonte de energia.
Vai ocorrer o tempo todo: alimentação > exercício ou atividade física > gasto de
energia > necessidade de alimentar-se novamente, e assim por diante.
Entendeu a importância de se exercitar para queimar gorduras, emagrecer ou manter-
se saudável, evitando doenças?
Mas, e nesses tempos em que não podemos sair de casa para fazer alguma atividade
ou exercício físico?

17
É preciso principalmente criatividade. Mas também, podemos resgatar algumas
brincadeiras que estão até esquecidas, como “escravos de Jó”, que pode ser feita utilizando o
corpo todo semelhante a uma em círculo. Mas só para pensar, escravos de Jó é um exercício
ou uma atividade física?
Fazer “Polichinelos”, “Abdominal”, “Corrida estacionária (parada)” e “Danças” são
alternativas possíveis para o seu limite atual, a sua casa.

Fique ligado! O site impulsiona.org em parceria com o Ministério da Educação


(MEC) oferece conteúdo feito por professores de educação física e que podem ajudar você,
acesse: https://impulsiona.org.br/exercicios-fisicos-em-casa/

Aqui, apresentamos uma sequência que pode ser feita na sua casa, com a sua família.

1. O Abdominal é muito conhecido e pode ser em pequeno espaço.


Se possível utilize um tapete para amortecer os movimentos.
Deite-se com o corpo todo em contato com o chão e esticado.
Agora dobre as pernas mantendo os pés retos no chão. Coloque as
mãos abaixo da cabeça e tente se levantar somente utilizando a
força em sua barriga (abdômen). Faça isso e veja quantas vezes
consegue.

2. O Polichinelo pode ser feito em pouco espaço disponível,


mas é preciso coordenação motora para exercitar-se.
De pé, com as mãos ao lado do corpo e pés juntos, faça
pequenos pulos sem movimentar os braços. Após treinar
algumas vezes, pule e tente bater as mãos no ar, no alto da
cabeça, com os braços estendidos, faça isso algumas vezes.
Agora acrescente ao pular, o movimento de distanciamento
das pernas, uma para cada lado, como na figura abaixo.
Faça isso e veja quantas vezes consegue.

3. A Corrida estacionária (parada). Você já deve ter


visto esse exercício no futebol, sempre que um
jogador vai entrar em campo para substituir outro, ele
faz um aquecimento sem sair do lugar.
É muito simples! É como se você estivesse correndo
muito rapidamente, mas sem soltar o corpo para sair
do lugar, ou seja, você vai correr no mesmo lugar.
Faça isso por alguns minutos.

4. A dança pode se tornar um ótimo exercício, além de


fazer muito bem ao nosso corpo, dando muito prazer,
ela, faz parte da nossa cultura. Basta ligar o som do

18
celular, da TV ou mesmo da rádio e soltar o movimento seja sozinho ou junto a alguém, não
importa o ritmo.

DESAFIO DE EDUCAÇÃO FÍSICA!

1- A atividade física envolve o movimento corporal e é realizada como parte de jogar,


trabalhar, tarefas domésticas, atividades recreativas ou esportivas. Ajuda a ganhar músculos e
a perder gordura, diminui o apetite, melhora o humor, reduz o estresse e a ansiedade, aumenta
o nível de energia, melhora a imunidade, torna as articulações mais flexíveis e melhora a
qualidade de vida.
Dessa forma, atividade física é definida como:

( ) Atividades para quem não tem o que fazer;


( ) Toda atividade produzida pelo músculo esquelético acima dos níveis de repouso;
( ) Atividade produzida pelo cérebro acima dos níveis de repouso e sono;
( ) Atividades mínimas necessárias para se viver e manter-se ativo.

2. O gasto de energia de uma pessoa depende do estado fisiológico ou de sua saúde, atividade
realizada, idade, constituição física, herança genética, clima e muitos outros fatores. Ainda
assim, é possível estimar as necessidades energéticas de um indivíduo através de equações
matemáticas que levam em conta o peso, altura, idade e sexo. Quando fazemos uma corrida,
gastamos mais energia do que quando estamos sentados, isso ocorre por quê?

( ) O nosso corpo precisa de alimentos leves para funcionar bem;


( ) O nosso cansaço começa mais cedo quando não nos alimentamos;
( ) Quanto maior o esforço realizado, maior é a necessidade de energia armazenada no
corpo;
( ) A energia armazenada no rim e disponível na corrente elétrica, não é suficiente para o
esforço realizado;

3. Defina, com base nos exemplos apresentados no texto:

a) No primeiro exemplo, abdominal é um (a):


Exercício físico ( )
Atividade física ( )

b) No segundo exemplo, Polichinelo é um (a):


Exercício físico ( )
Atividade física ( )

c) No terceiro exemplo, Corrida estacionária (parada) é um (a):


Exercício físico ( )
Atividade física ( )

19
d) No quarto exemplo, dança é um (a):
Exercício físico ( )
Atividade física ( )

4. De acordo com os conceitos e exemplos apresentados no texto, pesquise com as pessoas


que você pode ter contato, ou mesmo na internet (se possível), outros exemplos de atividades
ou exercícios físicos possíveis de serem realizados em casa com pouco espaço, e preencha o
quadro a seguir.

Nome Atividade Exercício Descrição


física físico

Obs. Informe o nome da atividade ou exercício, marque um X definindo se é uma atividade ou exercício físico e
descreva como deve ser realizado .

Unidade
MATEMÁTICA
4
Volume de Blocos Retangulares

Antes de começarmos a
Aprendizagem Conectada de Matemática,
vamos lembrar que nesse período devemos
sempre utilizar mascaras, para nossa
própria saúde, então...
Nos anos anteriores, você
provavelmente ouviu falar sobre o cálculo da área de figuras planas (Quadrado e
Retângulo). Possivelmente, você escutou de algum professor a seguinte frase: “ÁREA DO

20
RETÂNGULO É BASE VEZES ALTURA” e “ÁREA DO QUADRADO É LADO
VEZES LADO.”

Vamos relembrar o porquê!

Em um retângulo costumamos chamar os lados de COMPRIMENTO (ou base) e o


outro de LARGURA (ou altura).

O “h” indica largura ou


medida da altura

Escrevemos a Área do Retângulo


(A) como:
O “b” indica o comprimento ou
medida da base A=b.h

Quando temos o quadrado seguimos a mesma situação do retângulo, porém como os


lados do quadrado são iguais chamamos a medida do lado de l, veja a figura:

Escrevemos a Área do Quadrado


(A) como:

A=l .l

Agora que você relembrou como calculamos a área do


retângulo e do quadrado, vamos aprender como calcular o
VOLUME de um PARALELEPÍPEDO.
Um
PARALELEPÍPEDO nada
mais é do que um Sólido
Geométrico com faces
paralelas. Sendo assim, um CUBO também é chamado de
Paralelepípedo, porém com arestas de mesma medidas e faces de mesma área.

21
Para calcularmos o VOLUME de sólidos como o PARALELEPÍPEDO RETO
RETÂNGULO (chamado assim devido as faces serem retângulos), devemos conhecer as
suas dimensões (Comprimento, largura e altura). Veja a seguinte figura:

O “c” indica altura ou


medida da altura

O “b” indica largura ou


medida da largura

O “a” indica o comprimento ou


medida do comprimento

Agora que você já sabe como chamamos cada medida do paralelepípedo, vamos
entender como calculamos o volume:
O volume (V) do paralelepípedo nada mais é do que o
Produto (multiplicação) entre o Comprimento (a) x Largura (b) x
Altura (c) assim:
𝐕 =𝐚∙𝐛∙𝐜
Lembre-se que para representar o volume de um sólido a
unidade de medida é elevada ao cubo (ex. mm³; cm³; dm³; m³ etc.),
devido ser resultado da multiplicação de 3 dimensões.
Veja o exemplo:

Observando o paralelepípedo ao lado, inicialmente vamos coletar suas mediras e, em


seguida, calcular o seu volume:
Comprimento (a) = 5cm
Largura (b) = 4cm
Altura (c) = 3cm

Se o Volume é o produto (multiplicação) entre as


medidas, temos:
𝐕 =𝐚∙𝐛∙𝐜
𝐕 = 𝟓 ∙ 𝟒 ∙ 𝟑 = 𝟔𝟎𝐜𝐦³

Você percebeu como é fácil calcular o volume do paralelepípedo? Para calcular o


volume do CUBO é mais fácil ainda. Vamos lá!

22
Como dissemos anteriormente, o
CUBO nada mais é do que um
paralelepípedo com suas arestas de mesma
medias, neste caso olha como calculamos o
volume (V) do CUBO:

𝐕= 𝐚∙𝐚∙𝐚

Se temos um Cubo com a medida da aresta de 1m calculamos seu volume desta


maneira:

𝐕 =𝐚∙𝐚∙𝐚
𝐕 = 𝟏 ∙ 𝟏 ∙ 𝟏 = 𝟏𝐦³

E aí conseguiu entender tudo ou ainda está com dúvidas?


Fique tranquilo e observe o exemplo a seguir que você vai ficar
craque em calcular o volume!
Exemplo 1: Rafael Pediu para sua mãe um bolo para
comemorar seu aniversário de 11 anos com alguns amigos, o bolo
tinha as medidas indicadas na figura:
a) Quantos cm³ o bolo do Rafael tem?
b) Na festa havia 24 pessoas, incluindo Rafael.
Considerando que eles comeram todo o bolo
e que cada um comeu a mesma quantidade,
quantos cm³ de bolo cada um comeu?
Vamos lá! Para a pergunta a) primeiro vamos
coletar os dados, as medidas:
Comprimento (a) = 48cm - Largura (b) = 30cm - Altura (c) = 8cm

Se o Volume é o produto (multiplicação) entre as medidas, temos:


𝐕 =𝐚∙𝐛∙𝐜
𝐕 = 𝟒𝟖 ∙ 𝟑𝟎 ∙ 𝟖 = 𝟏𝟏𝟓𝟐𝟎𝐜𝐦³

Resposta a): O bolo que a mãe do Rafael fez tem 11520cm³

23
Para a pergunta b) como nós descobrimos o volume o bolo, agora vamos repartir
(dividir) entre as pessoas:
Resposta b): Cada pessoa recebeu 480cm³ de bolo.

Exemplo 2: Lembrando a aula


passada, se o cubo da primeira figura tem
2cm de aresta, qual o volume de cada
figura?

Se cada aresta(a) do Cubo tem 2cm então fica assim:


𝐕=𝐚∙𝐚∙𝐚
𝐕 = 𝟐 ∙ 𝟐 ∙ 𝟐 = 𝟖𝐜𝐦³

Sabendo que cada Cubo tem 8cm³ podemos então


calcular o volume de cada figura.
Figura 1 = 1 Cubo = 8cm³
Figura 2 = 3 Cubos = 8 ∙ 3 = 24cm³
Figura 3 = 6 Cubos = 8 ∙ 6 = 48cm³
Figura 4 = 10 Cubos = 8 ∙ 10 = 80cm³

DESAFIO DE MATEMÁTICA!

Agora é sua vez de resolver dois desafios! Temos certeza que irá conseguir!
Desafio 1: Ademir vai começar a construir sua casa,
o pedreiro pediu para que ele comprasse 120m³ de areia. O
caminhão que entrega a areia tem as medidas conforme
figura.
Quantos vezes o caminhão precisará ir para entregar

24
Desafio 2: Mônica construiu uma pirâmide igual a figura a baixo, sabendo que cada
Cubo da pirâmide tem 3cm de aresta, qual o volume total da pirâmide de Mônica?

25

Você também pode gostar