Você está na página 1de 7

O que são bioinsumos e como eles podem

ajudar a reduzir custos


Tatiza Barcellos > 2021-08-11 15:37:32

Bioinsumos: o que são, vantagens e desvantagens, cuidados que devem ser tomados e
como consultar produtos registrados.

Não é de hoje que os bioinsumos são utilizados na agricultura.

Nas lavouras, atuam no controle de pragas e doenças. Também agem na fertilidade do solo,
como promotores de crescimento e na fixação biológica de nitrogênio.

Eles são utilizados nos diferentes setores do agro e podem reduzir muito os seus custos de
produção.

Neste artigo, você verá como os insumos biológicos podem ser seus aliados, e como consultá-
los com ajuda de uma ferramenta. Confira!

O que são os bioinsumos?


Os bioinsumos são uma classe de produtos de origem biológica: animal, vegetal ou microbiana.

Dentre os produtos biológicos, há:

? biofertilizantes;

? bioacaricidas;

? bioinseticidas;

? biofungicidas;

? produtos fitoterápicos;

? inoculantes.

Os produtos biológicos são eficientes. Eles contribuem para que o sistema de produção se
aproxime do modelo sustentável.

Esses produtos podem ser utilizados:

na produção;
no armazenamento;
no beneficiamento de produtos agropecuários;
nos sistemas de produção aquáticos;
nas florestas plantadas.
Quando comparados aos defensivos e fertilizantes químicos, a disponibilidade de produtos
biológicos no mercado ainda é pequena.

Em 2020, o Mapa (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento) lançou o Programa


Nacional de Bioinsumos.

O programa tem o intuito de fortalecer o setor e consolidar o uso de defensivos biológicos no


país.

Onde os insumos biológicos são utilizados?


É possível usar os bioinsumos na produção vegetal e animal, na pós-colheita e no
processamento.

Confira a seguir como são aplicados em cada setor.

Produção vegetal
Na produção vegetal, os bioinsumos são usados no controle de pragas e doenças. Alguns
exemplos são os feromônios de insetos, os bioacaricidas e os biofungicidas.

Os bioinsumos também são empregados na manutenção e no incremento da fertilidade do solo


e nutrição das plantas.

Dentre os produtos usados para essa finalidade, há os biofertilizantes e os inoculantes para soja
, milho e feijão.

No Brasil, pesquisas com inoculantes são desenvolvidas há mais de 100 anos. Hoje, o país é
reconhecido internacionalmente por liderar as pesquisas com esses bioinsumos.
Modelo de armadilha de feromônio com mariposas capturadas
(Fonte: Embrapa)

Produção animal
Na produção animal, os bioinsumos são utilizados na forma de vacinas, medicamentos,
antissépticos e produtos fitoterápicos.

Na alimentação animal, são fornecidos como rações, suplementos e probióticos. Na produção


aquícola, são empregados na alimentação e no tratamento de doenças.

Pós-colheita e processamento
Os bioinsumos atuam na conservação e acondicionamento dos alimentos:

na pós-colheita de produtos de origem vegetal;


no processamento de produtos de origem animal e vegetal.

Revestimentos e filmes comestíveis, aplicados sobre a superfície de frutas e hortaliças, são


alguns exemplos.

O objetivo é aumentar a vida útil do produto e diminuir as perdas pós-colheita, garantindo


qualidade e segurança alimentar. Além disso, contribui para a redução de impactos ambientais.
Filme comestível desenvolvido a partir da polpa de manga
(Fonte: Embrapa)

Vantagens dos bioinsumos


As vantagens do uso de produtos de origem biológica são:

? redução no uso de produtos químicos, como os inseticidas e os adubos nitrogenados;

? menor impacto ambiental;

? maior segurança operacional, em função da baixa toxicidade dos produtos;

? redução dos custos de produção. Um exemplo é a inoculação da soja com bactérias fixadoras
de nitrogênio. Nesse caso, os inoculantes substituem a adubação nitrogenada a um custo até
95% menor quando comparado à adubação convencional;

? redução da dependência do setor pela importação de insumos químicos.

Desvantagens
Os bioinsumos possuem menor prazo de validade quando comparados aos produtos químicos.
Além disso, exigem maiores cuidados no transporte e armazenamento.

Por exemplo, no caso dos inoculantes, a exposição ao sol e a altas temperaturas pode
provocar a morte dos microrganismos.

Cuidados no uso de produtos biológicos


Apesar de garantir maior sustentabilidade da atividade, a utilização dos produtos biológicos
deve ser feita com cuidado.

Ao utilizar esses produtos, lembre-se de:

? utilizar produtos com registro no Mapa;

? verificar o prazo de validade dos produtos;

? aplicar, manipular, transportar e armazenar os produtos de acordo com as


recomendações do fabricante;

? seguir as instruções da bula do produto quanto às dosagens;

? no caso da pulverização em lavouras, respeitar as condições climáticas para aplicação dos


produtos;

? no caso do uso de inoculantes, fazer a semeadura no mesmo dia da inoculação.

Aplicativo Bioinsumos
O acesso à lista de produtos biológicos registrados pelo Mapa pode ser feito de forma rápida.

No aplicativo Bioinsumos, os produtos são divididos em duas classes: controle de pragas e


inoculantes.

Estão cadastrados 265 produtos para controle biológico de pragas e doenças e 321 produtos
inoculantes.

Os produtos biológicos são registrados por alvo e os agroquímicos são registrados por cultura.
Dessa forma, os bioinsumos podem ser utilizados em qualquer cultura em que ocorra a praga
ou doença.

Pelo aplicativo, é possível acessar informações sobre a praga ou doença. Além disso, você
tem acesso a dados sobre a empresa responsável pelo bioinsumo, o número do registro no Mapa
e a bula do produto.

Ao utilizar os produtos biológicos registrados pelo Mapa, você tem a garantia de estar utilizando
um produto com procedência conhecida, seguro e legal.
Aplicativo Bioinsumos: consulta aos produtos biológicos registrados para o controle de
pragas e doenças que podem ser utilizados em qualquer cultura
(Fonte: aplicativo Bioinsumos)

Conclusão
Os bioinsumos contribuem para o desenvolvimento das plantas, controlam pragas e doenças,
favorecem a fertilidade do solo e a nutrição de plantas.

Para garantir a eficiência dos bioinsumos, não se esqueça de utilizar produtos com registro no
Mapa e verificar se o produto se encontra dentro do prazo de validade.

Seguir as recomendações do fabricante quanto à dosagem, modo de aplicação, manuseio,


transporte e armazenamento dos produtos também é fundamental.

Preste atenção em todos os detalhes para garantir um bom resultado.

Você já conhecia os bioinsumos? Quais produtos têm sido utilizados na sua propriedade?
Conte sua experiência nos comentários.

Oferecido por:

Você também pode gostar