Você está na página 1de 31

MINISTÉRIO DA DEFESA

COMANDO DA AERONÁUTICA
DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

PORTARIA DAC NO 1593/DGAC, DE 19 DE NOVEMBRO DE 2001

Aprova a nova edição da IAC 4301 que trata da Regulamentação do Processo de Autorização
de Construção ou Modificação de Características Físicas e/ou Operacionais e de Registro de
Aeródromo Privado.

O DIRETOR-GERAL DO DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL, no uso das atribuições


que lhe confere o Decreto No 65.144, de 12 de setembro de 1969, e tendo em vista o disposto na lei No
7.565, de dezembro de 1986 que dispõe sobre o Código Brasileiro de Aeronáutica e, ainda, no Art. 4o do
Regulamento do Departamento de Aviação Civil, aprovado pela portaria No 30/GM3, de 20 de janeiro de
1998, resolve:
Art. 1o Seja efetivada a IAC abaixo discriminada:
Símbolo: 4301.
Espécie: Normativa
Âmbito: Geral
Título: Instrução para Autorização de Construção e de Registro de Aeródromos Privados.
Art. 2o Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial da União.
Art. 3o Revoga-se a IAC 4301 e a respectiva Portaria DAC No 953/DGAC, de 14 de julho de
2000, publicada no Diário Oficial da União no 148, Seção I, pág. 13, de 02 de agosto de 2000.

Maj.-Brig.-do-Ar – VENANCIO GROSSI


Diretor-Geral do DAC

PUBLICADA NO DIÁRIO OFICIAL DA UNIÃO, S/1, N° 243, DE 21 DE DEZEMBRO DE 2001.


Sumário:
INTRODUÇÃO
CAPÍTULO 1 – DISPOSIÇÕES PRELIMINARES 1
1.1 OBJETIVO 1
1.2 FUNDAMENTO 1
1.3 APROVAÇÃO 1
1.4 DATA DE EFETIVAÇÃO 1
1.5 ÂMBITO 1
1.6 DISTRIBUIÇÃO 1
1.7 CANCELAMENTO 1
CAPÍTULO 2 – DA CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU 2
OPERACIONAIS
CAPÍTULO 3 – PROCEDIMENTOS ESPECÍFICOS 2
CAPÍTULO 4 – REGISTRO DO AERÓDROMO 3
CAPÍTULO 5 – DISPOSIÇÕES FINAIS 4
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 6
ANEXO 1 -MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE CONSTRUÇÃO E/OU MODIFI- 7
FICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE AERÓDROMO PRIVADO
ANEXO 2 -MODELO DE REQUERIOMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE CONSTRUÇÃO E/OU MODIFI- 10
CAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU OPERACIONAIS DE HELIPONTO PRIVADO
ANEXO 3 -MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE AERÓDROMO 13
ANEXO 4 -MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE HELIPONTO 15
PRIVADO
ANEXO 5 -MODELO DE TERMO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA DE AERÓDROMO 17
PRIVADO
ANEXO 6 -MODELO DE TERMO RESPONSABILIDADE TÉCNICA DE HELIPONTO 18
PRIVADO
ANEXO 7- MODELO DE PORTARIA DE REGISTRO DE AERÓDROMO PRIVADO 19
ANEXO 8- MODELO DE PORTARIA DE REGISTRO DE HELIPONTO PRIVADO 20
ANEXO 9- MODELO DE REQUERIMENTO PARA RENOVAÇÃO DE REGISTRO DE AERÓDROMO- 21
PRIVADO
ANEXO 10-MODELO DE INFORMAÇÕES OPERACIONAIS DE AERÓDROMO (HELIPONTO) 23
ANEXO 11-MODELO DE SINALIZAÇÃO PARA AERÓDROMO INTERDITADO 24
ANEXO 12-MODELO DE SINALIZAÇÃO PARA HELIPONTO INTERDITADO 25
ANEXO 13-MODELO DE SOLICITAÇÃO PARA EMISSÃO DE NOTAM 26
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

Controle de Emendas
Emenda Data da Inserida Emenda Data da Inserida
N o
Data Inserção por N o
Data Inserção Por
01 33
02 34
03 35
04 36
05 37
06 38
07 39
08 40
09 41
10 42
11 43
12 44
13 45
14 46
15 47
16 48
17 49
18 50
19 51
20 52
21 53
22 54
23 55
24 56
25 57
26 58
27 59
28 60
29 61
30 62
32 64
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

INTRODUÇÃO

A presente Instrução tem por finalidade estabelecer o trâmite e a regulamentação


necessária para o processo de autorização de construção ou modificação de características físicas
e/ou operacionais e de registro de aeródromo privado, destinado à operação de vôo visual diurno e
diurno/noturno.
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CAPÍTULO 1 – DISPOSIÇÕES PRELIMINARES


1.1 OBJETIVO

Regulamentar o processo de autorização de construção ou modificação de características fí-


sicas e/ou operacionais e de registro de aeródromos privados, destinados a operações de vôo
visual diurno e diurno/noturno.

1.2 FUNDAMENTO

- Lei no 7.565, de 19 de dezembro de 1986 (Código Brasileiro de Aeronáutica);


- Decreto no 65.144, de 12 de setembro de 1969, que instituiu o Sistema de Aviação Civil; e
- Portaria no 30/GM3, de 20 de janeiro de 1998.

1.3 APROVAÇÃO

Aprovada pela Portaria No 1593/DGAC, de 19 de novembro de 2001.

1.4 DATA DE EFETIVAÇÃO

21 / DEZ /2001.

1.5 ÂMBITO

Geral.

1.6 DISTRIBUIÇÃO

A – C – D – IA – IN – SA – SR .

1.7 CANCELAMENTO

IAC- 4301-31JUL00 e a respectiva Portaria de Aprovação do DAC, no 953/DGAC, de 14 de


julho de 2000.

_______________________________________________________________________________________________
1
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CAPÍTULO 2 – DA CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE


CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU OPERACIONAIS
2.1 Nenhum aeródromo privado poderá ser construído ou ter suas características físicas e/ou
operacionais modificadas sem a prévia autorização do Diretor-Geral do Departamento de
Aviação Civil.

2.2 Os aeródromos privados serão abertos ao tráfego aéreo através de Portaria de Registro.

2.3 Para autorização de construção, modificação de características físicas e/ou operacionais e


Registro de Aeródromo Privados deverão ser obedecidas, no que couber, as diretrizes esta-
belecidas na seguinte documentação:

2.3.1 Instrução de Aviação Civil – IAC 2328-0790 – Instrução para Concessão e Autorização de
Construção, Homologação, Registro, Operação, Manutenção e Exploração de Aeródromos
Civis e Aeroportos Brasileiros;

2.3.2 Portaria 1.141/GM5, de 08 de dezembro de 1987, que dispõe sobre Zona de Proteção de
Aeródromo e de Zoneamento de Ruído;

2.3.3 Portaria 18/GM5, de 14 de fevereiro de 1974, que aprova Instruções para Operação de Heli-
cópteros e para Construção e Utilização de Helipontos ou Heliportos; e

2.3.4 Normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT.

2.4 A solicitação deverá ser formulada nos termos dos Modelos de Requerimentos apresentados
no Anexo 1 ou 2, contendo assinatura do proprietário, com firma reconhecida.

2.5 As características do aeródromo deverão ser compatíveis com as exigências do Manual de


Vôo da(s) aeronave(s) ou do(s) helicóptero(s) que nele irá(ão) operar.

2.7 A autorização para construção e/ou modificação de características físicas e/ou operacionais
será emitida pelo Departamento de Aviação Civil – DAC.

CAPÍTULO 3 – PROCEDIMENTOS ESPECÍFICOS


3.1 O requerimento para autorização de construção e/ou modificação de características físicas
e/ou operacionais deverá ser protocolado no Departamento de Aviação Civil – DAC, ou no
respectivo Serviço Regional de Aviação Civil – SERAC, ou enviada aos mesmos pelo Cor-
reio.

3.1.1 O SERAC analisará o requerimento, verificando se contém todos os dados para a sua com-
pleta avaliação, encaminhando-o, a seguir, para o Subdepartamento de Infra-Estrutura do
DAC – SIE, para avaliação final, ou retornando-o ao interessado, caso necessite de eventuais
correções ou complementações.

_______________________________________________________________________________________________
2
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

3.2 O SIE analisará o requerimento, informando ao interessado do seu indeferimento ou emitin-


do-lhe o respectivo Termo de Autorização, com eventuais restrições, caso haja necessidade
técnica para tal.

3.2.1 O SIE poderá retornar o processo ao interessado, caso necessite de eventuais correções e/ou
complementações.

CAPÍTULO 4 – REGISTRO DO AERÓDROMO

4.1 Após a construção e/ou modificação das características físicas e/ou operacionais do aeró-
dromo, o interessado deverá solicitar ao DAC o respectivo Ato Administrativo de Registro,
utilizando-se do Modelo de Requerimento constante do Anexo 3 ou 4, incluindo o respecti-
vo Termo de Responsabilidade, conforme Anexo 5 ou 6.

4.2 O DAC emitirá a pertinente Portaria de Registro, conforme modelo constante do Anexo 7 ou
8.

4.3 A Portaria de Registro terá validade de 5 (cinco) anos, renovável, periodicamente, por igual
prazo, mediante solicitação do interessado ao DAC, utilizando-se do Modelo de Requeri-
mento constante do Anexo 9 com, pelo menos, 30 (trinta) dias de antecedência.

4.3.1 A renovação do Registro do Aeródromo, cujo processo foi conduzido na forma da Portaria
no18/GM5, de 14 de fevereiro de 1974 – Instruções para Operação de Helicóptero e para
Construção e Utilização de Helipontos ou Heliportos, da IAC 2328-0790 – Instruções para
Concessão e Autorização de Construção, Homologação, Registro, Operação, Manutenção e
Exploração de Aeródromos Civis e Aeroportos Brasileiros, e, ainda, da IAC 5302-1299 –
Registro Provisório de Aeródromos Privados, Emenda “E1”, de 06 de julho de 2000, deverá
ser solicitada diretamente ao DAC, utilizando-se do Modelo de Requerimento constante do
Anexo 9 com, pelo menos, 30 (trinta) dias de antecedência.

4.5 A renovação do Registro do Aeródromo, conduzido na forma da IAC 5302-1299 – Registro


Provisório de Aeródromos Privados, sem a Emenda “E1”, de 06 de julho de 2000, deverá ser
solicitada diretamente ao DAC, utilizando-se do Modelo de Requerimento constante do A-
nexo 9, acrescido do respectivo Termo de Responsabilidade Técnica, constante do Anexo 5
ou 6 com, pelo menos, 30 (trinta) dias de antecedência.

4.6 O SIE incluirá o aeródromo registrado no seu Cadastro-Geral de Aeródromos e providencia-


rá a divulgação de suas características físicas e operacionais nas pertinentes Publicações de
Informações Aeronáuticas, editadas pela Diretoria de Eletrônica e Proteção ao Vôo – DEPV.

4.7 O DAC providenciará a publicação de um extrato do Registro no Diário Oficial da União.

_______________________________________________________________________________________________
3
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CAPÍTULO 5 – DISPOSIÇÕES FINAIS

5.1 A autorização de construção e/ou modificação de características físicas e/ou operacionais,


emitida pelo DAC, não isenta o interessado quanto ao cumprimento das posturas Municipais
e Estaduais e demais Federais, bem como da obtenção do licenciamento junto aos Órgãos
Ambientais.

5.2 Caso venham a ser implantadas edificações ou outras estruturas que interfiram nos gabaritos
dos Planos de Zona de Proteção ou de Zoneamento de Ruído, o aeródromo poderá ser objeto
de restrições, podendo, inclusive, ter o seu Registro cancelado.

5.3 Caso a operação do aeródromo venha a interferir no tráfego de aeroportos e aeródromos


públicos, o mesmo poderá ser objeto de restrições, podendo, inclusive, ter o seu registro
cancelado.

5.4 De acordo com a análise sobre o impacto de ruído aeronáutico na área de influência do ae-
ródromo, relacionando-o, respectivamente com o uso do solo e o índice de ocupação urbana
existente, o DAC poderá estabelecer procedimentos específicos restringindo sua operação.

5.5 O aeródromo estará sempre sujeito a vistoria por parte dos Órgãos do Sistema de Aviação
Civil, cabendo ao proprietário garantir o seu livre acesso.

5.6 Quando o aeródromo for objeto de obras ou venha ter suas condições físicas degradadas,
caberá ao Proprietário requerer ao respectivo SERAC a emissão de "Aviso aos Aeronave-
gantes – NOTAM”, descrevendo a sua atual condição operacional.

5.6.1 Cessada a condição objeto do NOTAM, caberá ao proprietário requerer o seu cancelamento
ao respectivo SERAC.

5.7 Os aeródromos privados só poderão ser utilizados com permissão de seu proprietário, veda-
da à exploração comercial.

5.7.1 A operação do aeródromo enquadrado nesta Instrução é de inteira responsabilidade de seu


proprietário.

5.9 O proprietário do aeródromo deverá remeter ao SERAC de sua área, até o dia 15 dos meses
de janeiro, abril, julho e outubro, o movimento trimestral de aeronaves, com suas respecti-
vas matrículas, com a data e horário da operação, utilizando-se do modelo constante do
Anexo 10.

5.9.1 Caso não venha a ser cumprido o que estabelece o presente item, o aeródromo poderá vir a
ser objeto de interdição, podendo, inclusive, ter o seu Registro cancelado.

5.10 Os SERAC deverão manter o Registro e Controle das informações supramencionadas por 5
(cinco) anos.

5.11 Caso o aeródromo seja implantado em área pública, cedida mediante Instrumento Legal,
por prazo inferior ao previsto para o seu Registro, caberá ao proprietário informar, no seu

_______________________________________________________________________________________________
4
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

respectivo Requerimento de Autorização de Construção ou de Renovação de Registro, a


data limite do Termo de Cessão.

5.11.1 Neste caso, a portaria de Registro terá o seu prazo de validade limitado ao da data infor-
mada.

5.12 O DAC providenciará a emissão de NOTAM, interditando o aeródromo, quando expirado


o prazo do seu Registro.

5.13 Quando o aeródromo for interditado para operações, mediante NOTAM ou for cancelado o
seu Registro, o proprietário do mesmo deverá, imediatamente sinalizá-lo como pista fecha-
da, conforme o anexo 11 ou 12, respectivamente.

5.13.1 No caso de cancelamento do Registro, a sinalização deve ser mantida até que o aeródromo
esteja totalmente descaracterizado.

5.13.2 A sinalização de interdição de aeródromos deverá ser colocada nas cabeceiras da(s) pista(s)
e no mínimo a cada 300 m. No caso de helipontos, a sinalização deve estar centralizada na
área de toque.

5.14 No ato de cada solicitação para Autorização de Construção, Modificação de Características


físicas e/ou operacionais ou Registro de Aeródromos Privados ou Helipontos, bem como
respectiva renovação, o proprietário deverá comprovar o recolhimento dos emolumentos
correspondentes aos serviços prestados pelo DAC, recolhidos em qualquer agência do
Banco do Brasil e preenchendo o recibo de depósito com os dados abaixo:

- Depósito na conta-corrente do Banco do Brasil


- Agência: 3602-1
- Nº da conta-corrente: 170500-8 (Conta Única do Governo Federal)
- Nome do cliente: Departamento de Aviação Civil – DAC
- Depósito identificado (código dv)/Finalidade: 120033/12901/053-6

_______________________________________________________________________________________________
5
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

1. BRASIL. Lei no 7.565, de 19 de dezembro de 1986. Dispõe sobre o Código Brasileiro de Aero-
náutica. Diário Oficial [da República Federativa do Brasil], Brasília, p. 19568-94, 23 de de-
zembro de 1986 - Seção I.
2. _______. Lei complementar no 97, de 9 de junho de 1999, art. 18, que cria o Comando da Aero-
náutica.
3. _______. Ministério da Aeronáutica. Portaria no 30/GM-3, de 20 de dezembro de 1998.
4. _______. Comando da Aeronáutica. Confecção, Controle e Numeração de Publicações. (ICA 5-
1).Brasília, 1999.

_______________________________________________________________________________________________
6
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 1 - MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE CONSTRUÇÃO


E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS DE AERÓDROMO
PRIVADO

Exmo. Sr. Diretor – Geral do Departamento de Aviação Civil,

.........................................................................................................................................................
(nome)

.........................................................................................................................................................
(nacionalidade) (C.P.F.)

domiciliado na
.........................................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

requer a V.Exa. que, na forma da Instrução de Aviação Civil -IAC 4301 - Instruções para Auto-

rização de Construção e de Registro de Aeródromos Privados, seja concedida a autorização

para construção (ou modificação das características físicas e/ou operacionais) do Aeródromo

.........................................................................................................................................................
(nome do aeródromo)

situado no Município de .................................................................................., Estado de.............


(nome)
.........................................................................................................................................................
(logradouro, número, cep, telefone, fax)
.........................................................................................................................................................
(complemento: endereço eletrônico, caixa postal, etc.)
com as seguintes especificações:

a- Proprietário do Aeródromo: ......................................................................................................

b- Coordenadas geográficas do centro geométrico da pista:

Latitude: .............................................................. Longitude: .............................................

c- Dimensões da pista de pouso: ....................................................................................................


(comprimento) (largura)
d- Natureza do piso: ........................................................................................................................
(cascalho, terra, grama, asfalto, etc.)
e- Resistência do piso: ....................................................................................................................
(em Kg/MPa ou PCN)

_______________________________________________________________________________________________
7
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE


CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU
OPERACIONAIS DE AERÓDROMO PRIVADO

f- Rumo magnético da pista: ...........................................................................................................

g- Altitude do aeródromo: ..............................................................................................................

h- Direção e distância a partir do centro geométrico da sede do Município:

.........................................................................................................................................................

i- Direção e distância a partir do 10 aeródromo público mais próximo:

.........................................................................................................................................................

j- Condição operacional: .................................................................................................................


(Visual Diurna ou Visual Diurna/Noturna)
k- Auxílios luminosos:

Descrição do sistema de balizamento adotado e listagem dos equipamentos (luzes de


pista, farol de aeródromo e biruta iluminada): ...............................................................................

.........................................................................................................................................................

l- Informações sobre Serviços de Contra-Incêndio: .......................................................................

.........................................................................................................................................................

m- Responsável pela Elaboração do Projeto: .................................................................................

CREA No ....................................................................................................................................

Anotação de Responsabilidade Técnica – ART Nº .............................................(cópia anexa)

Outras informações:
........................................................................................................................................................

.........................................................................................................................................................

.........................................................................................................................................................

_______________________________________________________________________________________________
8
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE


CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU
OPERACIONAIS DE AERÓDROMO PRIVADO

Declaro que:

- não há nenhum impedimento de ordem patrimonial para a implantação do aeródromo na


área proposta;
- as características do aeródromo e as condições da sua área de entorno permitem a opera-
ção das aeronaves que sob minha responsabilidade estarão autorizadas a utilizá-lo, de for-
ma segura, em conformidade com os seus respectivos manuais de vôo;
- na elaboração do projeto foram observadas todas as posturas Municipais, Estaduais e de-
mais Federais, bem como aquelas referentes aos Órgãos Ambientais;
- estou ciente de que a operação neste aeródromo estará condicionada a prévia autorização
de tráfego emanada pelos respectivos Órgãos de Controle de Tráfego Aéreo;
- assumo inteira responsabilidade pelas informações aqui prestadas; e que
-não há nenhuma interferência nos procedimentos de tráfego deste aeródromo com o tráfe-
go aéreo e procedimentos de aproximação e saídas por instrumentos de aeródromos públi-
cos.

...............................................................................
(local e data)

.........................................................................
(assinatura do proprietário)
(reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
9
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 2 - MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE CONSTRUÇÃO


E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU OPERACINAIS
DE HELIPONTO PRIVADO

Exmo. Sr. Diretor - Geral do Departamento de Aviação Civil,

...........................................................................................................................................................
(nome)

...........................................................................................................................................................
(C.P.F.) (nacionalidade)

domiciliado na....................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

...........................................................................................................................................................

requer a V.Exa. que, na forma da Instrução de Aviação Civil-IAC 4301 -Instruções para Auto-

rização de Construção e de Registro de Aeródromos Privados, seja concedida a autorização

para construção (ou modificação das características físicas e/ou operacionais) do Heliponto

...........................................................................................................................................................
(nome do Heliponto)

situado no Município de .................................................................................. Estado de.................


(nome)
..............................................................................................................................................................
(logradouro, número, cep, telefone, fax)
..............................................................................................................................................................
(complemento: endereço eletrônico, caixa postal, etc.)
com as seguintes especificações:

a- Proprietário do Heliponto: .............................................................................................................

b- Coordenadas geográficas do seu centro geométrico:

Latitude: ........................................................... Longitude: ...........................................

c- Tipo de heliponto (no solo ou elevado): .......................................................................................

d- Altitude do ponto mais alto do heliponto: ...............................................................................

e- Dimensões da área de pouso e decolagem: ......................m x ...........................m

f- Dimensões da área de toque: ......................m x ...........................m

_______________________________________________________________________________________________
10
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE


CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU
OPERACIONAIS DE HELIPONTO PRIVADO

g- Helicóptero de projeto/ maior dimensão (B)/peso máximo de decolagem (PMD): ................

...........................................................................................................................................................

h- Relacionar os aeródromos e/ou helipontos na área abrangida por um raio de, respectiva-
mente,15Km e 500m a partir do centro geométrico do heliponto em questão: .....................

...................................................................................................................

i- Condição operacional: .............................................................................................................


(VFR diurna ou VFR diurna/noturna)

j- Direção(ões) da(s) Superfície(s) de Aproximação: ..............................................................

k- Auxílios luminosos:

Descrição do sistema de balizamento e listagem dos equipamentos (luzes de pista, refletores,


farol de heliponto e biruta iluminada).

...........................................................................................................................................................
...........................................................................................................................................................
...........................................................................................................................................................
...........................................................................................................................................................

l- Natureza e Resistência do Piso da Área de Pouso e Decolagem: ...........................................


.......................................................................................................................................................

m- Informações sobre Serviços de Contra-Incêndio: ..................................................................


...........................................................................................................................................................
...........................................................................................................................................................

n- Responsáveis pela Elaboração do Projeto : .............................................................................


CREA No : ...................................................................................................................................
Anotação de Responsabilidade Técnica – ART Nº ...............................................(cópia anexa)
Outras informações:
...........................................................................................................................................................
...........................................................................................................................................................

_______________________________________________________________________________________________
11
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA AUTORIZAÇÃO DE


CONSTRUÇÃO E/OU MODIFICAÇÃO DE CARACTERÍSTICAS FÍSICAS E/OU
OPERACIONAIS DE HELIPONTO PRIVADO

Declaro que:

- não há nenhum impedimento de ordem patrimonial para a implantação do heliponto na


área proposta;
- as características do heliponto e as condições da sua área de entorno permitem a operação
dos helicópteros que, sob minha responsabilidade, estarão autorizados a utilizá-lo, de for-
ma segura, em conformidade com os seus respectivos manuais de vôo;
- na elaboração do projeto foram observadas todas as posturas Municipais, Estaduais e de-
mais Federais, bem como aquelas referentes aos Órgãos Ambientais;
- estou ciente de que a operação neste aeródromo estará condicionada a prévia autorização
de tráfego emanada pelos respectivos Órgãos de Controle de Tráfego Aéreo;
- assumo inteira responsabilidade pelas informações aqui prestadas; e que
-não há nenhuma interferência nos procedimentos de tráfego deste heliponto com o tráfego
aéreo e procedimentos de aproximação e saídas por instrumentos de aeródromos públicos.

..................................................................................
(local e data)

...........................................................................
(assinatura do proprietário)
(Reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
12
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 3 – MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE AERÓDROMO


PRIVADO

Exmo. Sr. Diretor - Geral do Departamento de Aviação Civil,

...........................................................................................................................................................
(nome)

...........................................................................................................................................................
(nacionalidade) (C.P.F.)

domiciliado na ...................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

requer a V.Exa. que, na forma da Instrução de Aviação Civil -IAC 4301 -Instruções para

Autorização de Construção e de Registro de Aeródromos Privados, seja Registrado o

Aeródromo Privado denominado ....................................................................................................


(nome)
...........................................................................................................................................................

Para tanto, declaro que:

- o aeródromo foi construído (ou teve suas características físicas/operacionais modifica-


das), conforme dados contidos no Processo (incluir número de protocolo atribuído pelo
DAC ou SERAC ..., no processo de Construção ou de Modificação de Características Físi-
cas e/ou Operacionais) e na correspondência de autorização para tal;
- assumo a responsabilidade pela sua administração, operação e manutenção de suas atuais
características físicas e operacionais;
- não há nenhum impedimento quanto ao cumprimento das posturas Municipais, Estaduais
e demais Federais, bem como em relação ao licenciamento junto aos Órgãos Ambientais,
para a sua operação;
- estou ciente de que sua operação estará condicionada à prévia autorização de tráfego e-
manada pelos respectivos Órgãos de Controle de Tráfego Aéreo;

_______________________________________________________________________________________________
13
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE


AERÓDROMO PRIVADO

- está autorizado o livre acesso ao aeródromo dos representantes dos Órgãos do Sistema de
Aviação Civil, para fins de vistoria e fiscalização;
- estou ciente de que, caso venham a ser implantadas edificações ou outras estruturas que
interfiram nos gabaritos dos Planos de Zona de Proteção ou de Zoneamento de Ruído, o ae-
ródromo poderá ser objeto de restrições, podendo, inclusive, ter o seu Registro cancelado;
- estou ciente das demais disposições estabelecidas no item 5 da IAC 4301, não explicita-
das nesta declaração; e que
-não há nenhuma interferência nos procedimentos de tráfego deste aeródromo com o tráfe-
go aéreo e procedimentos de aproximação e saídas por instrumentos de aeródromos públi-
cos.

Finalmente, segue anexo; o respectivo Termo de Responsabilidade, referente ao aeródromo em


questão.

................................................................................
(local e data)

...............................................................................
(assinatura do proprietário)
(Reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
14
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 4 - MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE HELIPONTO


PRIVADO

Exmo. Sr. Diretor - Geral do Departamento de Aviação Civil, ....

...........................................................................................................................................................
(nome)

...........................................................................................................................................................
(C.P.F.) (nacionalidade)

domiciliado na ..................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

requer a V.Exa. que, na forma da Instrução de Aviação Civil - IAC 4301 - Instruções

para Autorização de Construção e de Registro de Aeródromo Privados, seja Registrado o Heli-


ponto privado denominado ..............................................................................................................
(nome)
...........................................................................................................................................................

Para tanto, declaro que:

- o heliponto foi construído (ou teve suas características físicas/operacionais modificadas),


conforme dados contidos no Processo (incluir número de protocolo atribuído pelo DAC ou
SERAC..., no processo de Construção ou de Modificação de características Físicas e/ou
(Operacionais) e na correspondência de autorização para tal;
- a operação do heliponto estará adequada, em termos de freqüência diária, horário de utili-
zação e demais procedimentos, aos níveis admissíveis de incômodo sonoro, estabelecidos
por legislação específica, não causando prejuízos ao meio ambiente e na área de influência
do mesmo;
- assumo a responsabilidade pela sua administração, operação e manutenção de suas atuais
características físicas e operacionais;
- não há nenhum impedimento quanto ao cumprimento das posturas Municipais, Estaduais
e demais Federais, bem como em relação ao licenciamento junto aos Órgãos Ambientais,
para a sua operação;

_______________________________________________________________________________________________
15
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA REGISTRO DE


HELIPONTO PRIVADO

- estou ciente de que sua operação estará condicionada à prévia autorização de tráfego e-
manada pelos respectivos Órgãos de Controle de Tráfego Aéreo;
- está autorizado o livre acesso ao heliponto dos representantes dos Órgãos do Sistema de
Aviação Civil, para fins de vistoria e fiscalização;
- estou ciente de que, caso venham a ser implantadas edificações ou outras estruturas que
interfiram nos gabaritos dos Planos de Zona de Proteção ou de Zoneamento de Ruído, o
heliponto poderá ser objeto de restrições, podendo, inclusive, ter o seu Registro cancelado;
- estou ciente das demais disposições estabelecidas no item 5 da IAC 4301, não explici-
tadas nesta declaração; e que
- não há nenhuma interferência nos procedimentos de tráfego deste heliponto com o tráfe-
go aéreo e procedimentos de aproximação e saídas por instrumentos de aeródromos públi-
cos.

Finalmente, segue; em anexo, o respectivo Termo de Responsabilidade Técnica referente ao he-


liponto em questão.

................................................................................
(local e data)

............................................................................
(assinatura do proprietário)
(reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
16
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 5 – MODELO DE TERMO DE RESPONSABILIDADE TÉCNICA DE


AERÓDROMO PRIVADO

- Declaro, para fins de Registro junto ao Departamento de Aviação Civil, como termo de res-
ponsabilidade, que o Aeródromo ...............(nome do aeródromo)......... foi construído de acordo
com as diretrizes estabelecidas pela Instrução de Aviação Civil – IAC 2328-0790 – Instruções
para Concessão e Autorização de Construção, Homologação, Registro, Operação, Manutenção
e Exploração de Aeródromos Civis e Aeroportos Brasileiros, Portaria no 1.141/GM5, de 8 de
dezembro de 1987, que dispõe sobre Zona de Proteção de Aeródromo e Zoneamento de Ruído,
Normas da ABNT, e do Anexo 14 (Vol. I) à Convenção de Chicago da Organização de Avia-
ção Civil Internacional (OACI);
-Declaro ainda que na sua construção foram observadas todas as posturas Municipais, Esta du-
ais e demais Federais, bem como aquelas referentes aos Órgãos Ambientais; e
- Anexo a respectiva Anotação de Responsabilidade Técnica, ART – No ............, referente à
construção do aeródromo.

....................................................
(local e data)

.....................................................................................................................
Assinatura do Profissional Habilitado (Registro no Conselho Regional de
Engenharia, Arquitetura e Agronomia)
(reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
17
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 6- MODELO DE TERMO RESPONSABILIDADE TÉCNICA DE HELIPONTO


PRIVADO

- Declaro, para fins de Registro junto ao Departamento de Aviação Civil, como termo de res-
ponsabilidade, que o Heliponto ..............(nome do heliponto)........... foi construído de acordo
com as diretrizes estabelecidas pela Portaria no 18/GM5, de 14 de fevereiro de 1974, que apro-
va Instruções para Operação de Helicópteros e para construção e utilização de Helipontos ou
Heliportos, Portaria no 1.141/GM5, de 8 de dezembro de 1987, que dispõe sobre Zona de Pro-
teção de Aeródromos e Zoneamento de Ruído, Normas da ABNT, e do Anexo 14 (Vol. I) à
Convenção de Chicago da Organização de Aviação Civil Internacional (OACI);
- Declaro, ainda, que as condições estruturais da edificação estão adequadas para absorver a ope-
ração do helicóptero previsto;
- Finalmente, declaro que na sua construção foram observadas todas as posturas Municipais, Es-
taduais e demais Federais, bem como aquelas referentes aos Órgãos Ambientais; e
- Anexo a respectiva Anotação de Responsabilidade Técnica, ART – No ................., referente à
construção do heliponto.

..........................................................
(local e data)

.......................................................................................................................
Assinatura do Profissional Habilitado (Registro no Conselho Regional de
Engenharia, Arquitetura e Agronomia)
(reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
18
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 7- MODELO DE PORTARIA DE REGISTRO DE AERÓDROMO PRIVADO

MINISTÉRIO DA DEFESA
COMANDO DA AERONÁUTICA
DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

PORTARIA DAC No /SIE, DE DE DE .

Registro do Aeródromo
.

O CHEFE DO SUBDEPARTAMENTO DE INFRA-ESTRUTURA DO DE-


PARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL, de acordo com a delegação de competência do DIRE-
TOR-GERAL, outorgada pela Portaria DAC no XX/DGAC, de XX de XX de XX, nos termos do
disposto na Instrução de Aviação Civil – IAC 4301 – Instrução para Autorização de Construção e
de Registro de Aeródromos Privados, aprovada pela Portaria DAC nº 953/DGAC, de 14 de julho
2000, publicada no Diário Oficial da União, de 02 de agosto de 2000, com fundamento na Lei no
7565, de 19 de dezembro de 1986, que dispõe sobre o Código Brasileiro de Aeronáutica, e tendo
em vista o que consta do Processo nº XX-XX/XXXX/XX, resolve:
Art. 1o Considerar Registrado e aberto ao tráfego aéreo o aeródromo privado abaixo, com as
seguintes características:
Dados do Aeródromo:
1.1) Denominação (XXXX- indicativo de localidade OACI);
1.2) Município..... (UF);
1.3) Proprietário....;
1.4) Coordenadas Geográficas: ; ;
1.5) Classe.... ;
1.6) Dimensões da pista ..... x metros;
1.7) Elevação..... metros;
1.8) Natureza do piso..... ;
1.9) Designação da pista......XX/XX;
1.10) Resistência do pavimento..... kg/ MPa;
1.11) Condições operacionais....
Art. 2o A presente portaria tem a validade de 5 (cinco) anos, a partir da data de sua publica-
ção no Boletim Externo do DAC.

Chefe do Subdepartamento de Infra-Estrutura

_______________________________________________________________________________________________
19
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 8- MODELO DE PORTARIA DE REGISTRO DE HELIPONTO PRIVADO

MINISTÉRIO DA DEFESA
COMANDO DA AERONÁUTICA
DEPARTAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL

PORTARIA DAC No /SIE, DE DE 2001.

Registro do Heliponto (XX).

O CHEFE DO SUBDEPARTAMENTO DE INFRA-ESTRUTURA DO DEPAR-


TAMENTO DE AVIAÇÃO CIVIL, de acordo com a delegação de competência do DIRETOR-
GERAL, outorgada pela Portaria DAC no XXX/DGAC, de XX de XX de XX, nos termos do dispos-
to na Instrução de Aviação Civil – IAC 4301– Instrução para Autorização de Construção e de Regis-
tro de Aeródromos Privados, aprovada pela Portaria DAC nº 953/DGAC, de 14 de julho de 2000,
publicada no Diário Oficial da União, de 02 de agosto de 2000, com fundamento na lei no 7565, de
19 de dezembro de 1986, que dispõe sobre o Código Brasileiro de Aeronáutica, e tendo em vista o
que consta do Processo nº XX-XX/XXXX/XX, resolve:
Art. 1o Considerar Registrado e aberto ao tráfego aéreo o heliponto privado abaixo, com as
seguintes características:
Dados do Heliponto:
1.1) Denominação.... (XXXX – indicativo de localidade OACI);
1.2) Proprietário.... ;
1.3) Município...... (UF);
1.4) Coordenadas Geográficas: ; ;
1.5) Tipo.... ;
1.6) Elevação...... metros;
1.7) Formato e dimensões da área de pouso e decolagem.... metros;
1.8) Natureza do piso..... ;
1.9) Resistência do pavimento..... kg;
1.10) Superfícies de aproximação..... ;
1.11) Tipo e dimensão do maior helicóptero a operar...
1.12) Condições operacionais....
Art. 2o A presente portaria tem a validade de 5 (cinco) anos, a partir da data de sua publica-
ção no Boletim Externo do DAC.

Chefe do Subdepartamento de Infra-Estrutura

_______________________________________________________________________________________________
20
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 9- MODELO DE REQUERIMENTO PARA RENOVAÇÃO DE REGISTRO DE


AERÓDROMO PRIVADO

Exmo. Sr. Diretor - Geral do Departamento de Aviação Civil, ....

...........................................................................................................................................................
(nome)

...........................................................................................................................................................
(C.P.F.) (nacionalidade)

domiciliado na ..................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal,
etc)

requer a V.Exa. que, na forma das Instruções para Autorização de Construção e de Registro de

Aeródromos Privados, IAC-4301, seja renovado o Registro do Aeródromo ou Heliponto Pri-

vado denominado .............................................................................................................................

...........................................................................................................................................................

................................................................................................................, situado nas Coordenadas


(nome)
Geográficas .............................................................................................., indicativo de localidade

......................................................................................................

Para tanto, declaro que:

- o aeródromo (heliponto) mantém as mesmas características físicas e operacionais do Re-


gistro em vigor;
- não há nenhum impedimento de ordem patrimonial para a renovação do Registro do ae-
ródromo (heliponto);
- a operação do aeródromo (heliponto) estará adequada, em termos de freqüência diária,
horário de utilização e demais procedimentos, aos níveis admissíveis de incômodo sonoro,
estabelecidos por legislação específica, não causando prejuízos ao meio ambiente e na área
de influência do mesmo (aplicável a heliponto);
- assumo a responsabilidade pela sua administração, operação e manutenção de suas atuais
características físicas e operacionais;
- não há nenhum impedimento quanto ao cumprimento das posturas Municipais, Estaduais
e demais Federais, bem como em relação ao licenciamento junto aos Órgãos Ambientais,
para a sua operação;

_______________________________________________________________________________________________
21
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

CONTINUAÇÃO DO MODELO DE REQUERIMENTO PARA RENOVAÇÃO DE


REGISTRO DE AERÓDROMO PRIVADO

- estou ciente de que sua operação estará condicionada à prévia autorização de tráfego e-
manada pelos respectivos Órgãos de Controle de Tráfego Aéreo;
- está autorizado o livre acesso ao aeródromo (heliponto) dos representantes dos Órgãos do
Sistema de Aviação Civil, para fins de vistoria e fiscalização;
- estou ciente de que, caso venham a ser implantadas edificações ou outras estruturas que
interfiram nos gabaritos dos Planos de Zona de Proteção ou de Zoneamento de Ruído, o
heliponto poderá ser objeto de restrições, podendo, inclusive, ter o seu Registro cancelado;
- estou ciente das demais disposições estabelecidas no item 5 da IAC 4301, não explicita-
das nesta declaração; e que
- não há nenhuma interferência nos procedimentos de tráfego deste aeródromo com o trá-
fego aéreo e procedimentos de aproximação e saídas por instrumentos de aeródromos pú-
blicos.

Observações: No caso de aeródromos registrados nos termos da IAC 5302-1299 – Registro Pro-
visório de Aeródromos Privados, antes da Emenda “E1”, de 06 de julho de 2000, anexar Termo
de Responsabilidade Técnica, de acordo com os Anexos 5 ou 6 desta IAC (4301-0700).

...........................................................................
(local e data)

.................................................................................
(Assinatura do proprietário)
(Reconhecer firma)

_______________________________________________________________________________________________
22
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 10- MODELO DE INFORMAÇÕES OPERACIONAIS DE AERÓDROMO


(HELIPONTO)

Denominação do aeródromo (heliponto) .........................................................................................

Indicativo de localidade ...............................

End. do aeródromo (heliponto) ......................................................................................................

.........................................................................................................................................................
(logradouro, número, cidade, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

Município ..................................................................................UF ...............Cep .........................


Telefone (..........)...............................................Fax (.........)............................................................

End. do proprietário .........................................................................................................................


(logradouro, número, cidade, UF, cep, telefone, fax, end. eletrônico, caixa postal, etc)

Movimento do trimestre ...................................................................Ano .........................................

obs:preencher uma NOME


MATRÍ-
linha para cada ope- DO CO-
CULA DA PROCE- Cód.
DATA ração HORÁRIO DESTINO MAN-
AERONA- DÊNCIA DAC
POUSO DANTE
VE
DECOLAGEM

Obs: ...................................................................................................................................................

...........................................................................................................................................................

........................................,..............de............................200......

...................................................................................................
(Assinatura do Proprietário do Aeródromo)

_______________________________________________________________________________________________
23
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 11- MODELO DE SINALIZAÇÃO PARA AERÓDROMO INTERDITADO

NOTA:
DESENHO- SEM ESCALA
14,5 m PINTURA- NA COR BRANCA

14 m

2,00m
EIXO DE PISTA

_______________________________________________________________________________________________
24
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 12- MODELO DE SINALIZAÇÃO PARA HELIPONTO INTERDITADO

3m

0,40 m
3m

0,40 m

NOTA:
DESENHO- SEM ESCALA
PINTURA- FUNDO EM VERMELHO COM FAIXAS EM AMARELO

_______________________________________________________________________________________________
25
21 DEZ 01 IAC 4301
________________________________________________________________________________________________

ANEXO 13 - MODELO DE SOLICITAÇÃO PARA EMISSÃO DE NOTAM

SOLICTAÇÃO PARA EMISSÃO DE NOTAM

Ao Exmo Sr. Chefe do Subdepartamento de Infra-Estrutura

Solicito a V. Exa a possibilidade de determinar a emissão de NOTAM para,............(interdição ou


operação com cautela) no aeródromo ou heliponto (nome e indicador de localidade) com início as
............... do dia ........../........./.......... com término previsto as ............... do di-
a........./........./........., devido à (obras, presença de homens ou máquinas, etc...).

.........................................................................................
Proprietário do aeródromo

Fax. (021) 3814.6908

_______________________________________________________________________________________________
26

Interesses relacionados