Você está na página 1de 10

Velas na Umbanda, Suas Cores e Como Utilizar

Um dos grandes símbolos da Umbanda é a vela.

Ela fca presente em varias etapas nos trabalhos da Sagrada


Umbanda, por vezes encontramos as velas
v elas vibracionais em Gongares, nas
oerendas, pontos riscados, em frmamentos e assentamentos, frmando
an!os de guarda e em "uase todos os trabalhos de frmamento.

#uando um flho
flho de Umbanda acende uma vela, mal sabe "ue est$
abrindo para sua mente uma porta interdimensional, onde sua mente
consciente nem sonha com a or%a de seus poderes mentais.

& vela unciona na mente das pessoas como um c'digo


c'digo mental.
mental. (s
estímulos visuais captados pela luz da chama da vela acendem, na
verdade, a ogueira interior de cada um, despertando a lembran%a de um
passado muito distante, onde seus ancestrais, sentados ao redor do
ogo,tomavam decis)es "ue mudariam o curso de suas vidas.

& maioria dos umbandistas acendem velas para seus Guias de orma
autom$tica, num ritual mec*nico, sem nenhuma concentra%+o.  preciso
muita concentra%+o e respeito ao acender uma vela, pois a energia
emitida pela mente do médium ir$ englobar a energia do ogo e, !untas,
ir+o vibrar no espa%o c'smico, para atender a raz+o da "ueima dessa
vela.

Sabemos "ue a vida gera calor e "ue a morte traz o rio. Sendo a
chama da vela cheia de calor, ela tem um amplo sentido de vida,
despertando nas pessoas a esperan%a, a é e o amor- o ritual da
magia, o mago entra em contato com seu mundo inconsciente, deposit$rio
de suas or%as mentais, onde ir+o ser utilizadas para "ue alcancem
seus prop'sitos iniciais. #ual"uer pessoa "ue acender uma vela, com
é, est$ nesse momento realizando um ritual m$gico e,
conse"uentemente, est$ sendo um mago- Se uma pessoa suas or%as
mentais com a a!uda da magia das velas, no sentido de a!udar alguém,
ir$ receber em troca uma energia positiva- mas, se inverter o /u0o
das energias psí"uicas, utilizando1as para pre!udicar "ual"uer pessoa,
o retorno ser$ inalível, e as energias de retorno s+o sempre mais
ortes, pois voltam acrescidas da energia de "uem as recebeu- &s
pessoas "ue utilizam a or%a da magia das velas "ue, na realidade,
despertam as or%as interiores de cada um com prop'sito maléfcos,
n+o s+o consideradas magos, mas eiticeiros ou bru0os. 2neliz da"uele
"ue, na *nsia de destruir seus inimigos, acendem velas com ormatos de
sapo, de diabo, de caveira, de cai0+o, etc., assumindo um terrível
compromisso c$rmico com os senhores do destino. 3odos os nossos
pensamentos, palavras e atos est+o sendo gravados na mem'ria do
infnito, ninguém fca impune !unto 4 !usti%a divina. Voltaremos ao
planeta 3erra "uantas encarna%)es or preciso para e0piar nossas
dívidas com o passado. 5or outro lado, eliz da"uele "ue lembra de
acender uma vela com o cora%+o cheio de amor para o an!o da guarda de
seu inimigo, perdoando1o por sua insensatez, pois ir$ criar ao seu
redor um campo vibrat'rio de harmonia c'smica, elevando suas vibra%)es
superiores- &o acender velas para as almas, para o an!o da guarda, os
pretos velhos, caboclos, para a frmeza de pontos, Conga, para um
santo de sua preer6ncia ou como oerenda aos (ri0$s, é importante "ue
o umbandista saiba "ue a vela é muito mais para "uem acende do "ue
para "uem est$ sendo acesa, tendo a mesma conota%+o do provérbio
popular "ue diz7 & m+o de "uem d$ uma /or, fca mais perumada do "ue
a de "uem a recebe- & inten%+o de acender uma vela gera uma energia
mental no cérebro da pessoa. Essa energia é "ue a entidade espiritual
ir$ captar em seu campo vibrat'rio. &ssim, a "uantidade de velas n+o
in/uir$ no valor do trabalho- a in/uencia se ar$ diretamente na
mente da pessoa "ue est$ acendendo as velas, no sentido de aumentar ou
n+o o grau da inten%+o. 8esta orma, é in9til acreditar "ue podemos
comprar avores de uma entidade negociando com uma maior ou menor
"uantidade de velas acesas. (s espíritos captam em primeiro lugar as
vibra%)es de nossos sentimentos, "uer acendamos velas ou n+o. 8aí ser
melhor ouvir uma das m$0imas de :esus "ue diz7 &ntes de azer sua
oerenda, procure conciliar1se com seu irm+o.

+o é conveniente, ao encontrar uma vela acesa no port+o do


cemitério, nas encruzilhadas, embai0o de uma arvore, ao lado de uma
oerenda, apaga1la por brincadeira ou por outra raz+o. 8evemos
respeitar a é das pessoas. #uem assim o cometer, deve ter em mente,
"ue poder$ acarretar sérios problemas com esta atitude, de ordem
espiritual. 5recisamos respeitar o sentimento de religiosidade das
pessoas, principalmente "uando acender uma vela az parte desse
sentimento. Se acender uma vela a pessoa tiver um orte poder de
magnetiza%+o, torna1se mais perigoso apagar a vela. ;as, se ela n+o
estiver magnetizada, fca a critério de cada um.
os trabalhos de Umbanda e0iste uma grande preocupa%+o com o uso de
velas virgens, ou "ue n+o este!am "uebradas.
2sso tem um grande undamento, pois a vela virgem estava isenta da
magnetiza%+o de uma vela usada anteriormente evitando assim um cho"ue
de energias, "ue geralmente anula o eeito do trabalho.

Especifca%+o de cores das velas.

VE<& 8& C(= >=&C&7 (?&<@.

a Umbanda, o uso da vela branca é o mais re"uente, devido 4 sua


representa%+o como símbolo da pureza. & cor branca na Umbanda é a cor
do (ri0$ (0al$. 8aí a raz+o do uso de velas brancas na maioria dos
trabalhos e frmamentos dentro da associa%+o da purezaA(0al$.

VE<& 8& C(= VE=;E<B&7 (GU;.

( (ri0$ (gum, tido como senhor das guerras, tem uma vibra%+o muito
orte. &s velas vermelhas, "uando acesas dentro de seu ritual, vibram
na mesma re"u6ncia, com resultados mais avor$veis. Considerando "ue
a or%a da vela est$ mais na or%a mental da pessoa, a cor ir$
concorrer com o sentido de avorecer sua capacidade de concentra%+o,
devido a con!uga%+o de re"u6ncias id6nticas. Se houver uma invers+o
nas cores das velas, isso poder$ ou n+o alterar o resultado dos
trabalhos pois depender$ em grande parte da or%a mental da pessoa.
VE<& & C(= &U<7 (?U; E 2E;&:@.

& cor azul, com sua vibra%+o serena, vibra na mesma re"u6ncia da
(ri0$ (0um, a senhora das $guas doces. & vela de cor azul tanto pode
ser acesa para (0um como para 2eman!$, "ue aceita em seu ritual velas
brancas. 5or isso alguns 3erreiros preerem usar as velas tra%adas,
nas cores azul e branca, para 2eman!$.

VE<& & C(= &;&=E<&7 2&SD.

icou estabelecida "ue a cor amarela, "ue deriva da vermelha, é a


cor da (ri0$ 2ans+, também pelo ato de ser uma energia de luta. &s
velas acesas para 2ans+ dever+o ser da cor amarela, para continuar em
sua re"u6ncia vibrat'ria. & varia%+o de "uantidade de velas deve ser
a mesma "ue se acende para "ual"uer outro (ri0$ ou Entidade, de acordo
com os ob!etivos do trabalho.

VE<& & C(= ;&==(;7 ?&GF.

Estabeleceu1se a cor marrom para o (ri0$ ?ang, levando1se em


considera%+o a neutralidade dessa mesma cor. & energia de ?ang emana
dos minerais, "ue possuem uma variedade muito grande de cores.
Curiosamente, prevaleceu a cor mais re"uente, "ue a das pedras sobre
a superície da terra.

VE<& & C(= VE=8E7 (?(SS2.

& cor verde, por seu e"uilíbrio vibrat'rio, obtido pela !un%+o das
cores amarela e azul, vibra na re"u6ncia do (ri0$ (0ossi, o senhor
das matas. &ssim, uma vela de cor verde, acesa numa mata, "ue tem a
cor verde, possui uma or%a vibrat'ria muito orte, acilitando o
trabalho de frmamento.

VE<& & C(= <2<@S (U =(?&7 &D >U=(#UH.

& cor ro0a vibra na (ri0$ an+ >uro"u6, por ser ela, a (ri0$, "ue leva
o dom da evolu%+o, sendo assim a cor lil$s ou ro0a, est$ ligada ao
mundo místico e signifca espiritualidade, magia e mistério. ( ro0o
transmite a sensa%+o de tristeza e introspec%+o. Estimula o contacto
com o lado espiritual, proporcionando a purifca%+o do corpo e da
mente, e a liberta%+o de medos e outras in"uieta%)es.  a cor da
transorma%+o.
& ori0$ an+ rege sobre a maturidade e seu campo preerencial de
atua%+o é o racional dos seres. &tua decantando os seres emocionados e
preparando1os para uma nova IvidaI, !$ mais e"uilibrada .

VE<& & C(= 3=&J&8& &;&=E<& E 5=E3&7 (;U<K.

& vela tra%ada amarela e preta tem uma vibra%+o muito orte no
encaminhamento de Espíritos, por isso ela oi determinada a (mulu, "ue é
o (ri0$ "ue coordena a passagem do mundo ísico para o mundo
espiritual. E ele "ue no desencarne eleva o entendimento das pessoas
para "ue entendam esse desencarne e evolua.
(mulu é o desdobramento do (ri0$ (baluai6, sendo (baluai6 o (ri0$ no
modo !ovial e (mulu no modo idoso. Contudo sendo um s' (ri0$. o caso
de (baluai6 n+o devemos oerecer a vela na cor tra%ada amarela e
preta, e sim na cor branca e preta, por ser a cor branca a cor de
renascimento.

VE<& & C(= =(S& (U 3=&J&8& =(S&A&U<7 2>E2:2.

& cor rosa ou 3=&J&8& rosaAazul, com sua vibra%+o cheia de vida,
vibra na re"u6ncia da energia da alange dos espíritos das crian%as,
conhecidas também como 2be!is, 2bei!ada ou Er6s. Velas tra%adas, nas
cores azul e rosa, s+o acesas também com o mesmo resultado das velas
cor1de1rosa, assim como as azuis.

VE<& & C(= 3=&J&8& >=&C&A5=E3&7 5=E3( VE<B(.

&s velas tra%adas, nas cores branca e preta, s+o utilizadas nos
trabalhos de magia dos 5retos Velhos e devem ser usadas sob a
orienta%+o direta dos pr'prios 5retos Velhos.

VE<&S & C(= 3=&J&8& >=&C& E VE=;E<B&7  52<23=& E ;&<&8=(S.

&s velas tra%adas nas cores branca e vermelha, s+o oerecidas aos
;alandros e malandras, assim como também a Entidade é 5ilintra.
Elas tem como ob!etivo de trazer a vibra%+o de dois povos ao ser
acesa, ou se!a, a vibra%+o das &lmas, "ue se apresentam ao ser
"ueimada a cor branca, e a vibra%+o da linha de es"uerda, E0us e 5ombo
Giras, ao ser "ueimada a cor vermelha.

Sendo assim, ao acender uma vela tra%ada, oerecendo a Senhor :osé


5ilintra e aos ;alandros e ;alandras, estamos trabalhando e entregando
nossas inten%)es tanto a linha da direita como a linha da es"uerda.
5ortanto é muito importante estar bem concentrado ao acender essa
vela, pois nossos pensamentos poder+o nos azer trazer coisas
merecidas tanto do lado bom como do lado ruim, pois nessa vibra%+o,
para pessoas "ue n+o est+o preparadas, podem ser enganadas por
Espíritos sem <uz, "ue tentam se passar por Entidades de <uz da linha
dos ;alandros e ;alandras. Seu pensamento na hora de oerecer uma vela
tra%ada brancaAvermelha tem "ue estar frme num ponto e0tremo.

VE<& & C(= 3=&J&8& VE=;E<B& E 5=E3&7 5(;>( G2=& E E?U.

&s velas tra%adas, nas cores vermelha e preta, s+o utilizadas para as
5ombo Giras e os E09s. 8evem ser acesas com muita cautela e de
preer6ncia por "uem conhece os segredos da mironga. Elas s' devem ser
acesas com determina%+o de uma Entidade, e por pessoas "ue estiverem
preparadas. #uando uma Entidade determina algum trabalho com as velas
das cores pretas ou tra%adas vermelhas e pretas, é prov$vel e
consider$vel "ue essa Entidade !$ imantou a pessoa na "ual ir$ acender
a vela.
& vela vermelha e preta, "uando est$ "ueimando a cor vermelha, tem o
sentido de luta- "uando esta "ueimando a cor preta signifca vit'ria
sobre o ob!etivo proposto inicialmente.

VE<&S 8E CE=&7 3=&>&<B(S 8E &<3&S C(;5<E?28&8ES, >&32S;( E


C2G&(S.

5ara os trabalhos de alta C(;5<E?28&8E , recomenda1se o uso de velas de


cera,
por sua const*ncia e pela or%a de sua chama.  a vela ideal para as
cerimnias de batismo das crian%as, onde elas ser+o amenizadas do carma
de seus inimigos de vidas passadas.
 3ambém pode ser usadas no oerecimento a povo Cigano, assim como a
vela de mel.

<2S3& 8E VE<&S E & #UE; 5(8E SE (E=ECE=.

&n!o da Guarda7 >ranca.


(0al$7 >ranca.
(gum7 Vermelha.
?ang7 ;arrom.
(baluai6A(mul97 3ra%ada >ranca e 5reta A 3ra%ada &marela e 5reta.
(0'ssi7 Verde.
2ans+7 &marela.
2eman!$7 &zul claro ou >ranca.
an+7 <il$s L=o0aM.
(0um7 &zul.
2bei!ada, Er6s LCrian%aM7 =osa, &zul ou 3ra%ada &zul e =osa.
;alandros7 >ranca ou tra%ada branca e vermelha.
Ciganos7 Vela de Cera, ou de ;el ou Colorida na cor do arco1íris.
>oiadeiro7 >ranca ou &marela.
Caboclo de (gum7 Vermelha ou Verde.
Caboclo de (0'ssi7 Verde.
Caboclo de ?ang7 ;arrom ou Verde.
Caboclas7 Verde, >ranca ou 3ra%adas >ranca e Verde.
E09 e 5ombo Gira7 5reta, Vermelha ou 3ra%ada 5reta e Vermelha.
5retas1Velhas7 3ra%ada >ranca e 5reta, ou ro0a.
5retos1Velhos7 3ra%ada >ranca e 5reta ou >ranca.

unca se es"ue%a de "ue as velas, s+o e0tens+o da vontade e dos


pensamentos da"uele "ue a acende, portanto, primeiramente limpe seus
pensamentos e eleve sua vontade no bem. e nas causas !ustas para "ue
assim tenha um bom resultado em seus pedidos e oerecimentos ao
acender uma vela.

& vela ilumina primeiro "uem a acende. 2sso nos mostra "ue a"uele "ue az
o bem para os outros ser$ o primeiro a ser iluminado.

Você também pode gostar