Você está na página 1de 56

Projecto

Novas qualificações para a reconversão: deficits e estrangulamentos


na oferta de qualificações para a economia do futuro
 Estudo que visa a identificação das necessidades futuras de
Âmbito do
qualificações, tendo em vista a reformatação da oferta formativa de
Projecto nível intermédio

Componente I Componente II

Descrição das qualificações


existentes e identificação dos
Análise prospectiva dos
estrangulamentos entre oferta e
cenários de evolução da
procura com base nas áreas de
estrutura sectorial em Portugal
actividade identificadas na
componente I

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 2


Apresentação
Análise prospectiva da evolução sectorial em Portugal

Lisboa, 19 de Outubro de 2010


Introdução

Situação de partida

Drivers

“Nuvens” identificadas na leitura prospectiva

Considerações finais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 4


Introdução

 Identificação das necessidades futuras de qualificações, tendo em


Âmbito
vista a reformatação da oferta formativa de nível intermédio

 Análise prospectiva para reconversão e inovação sectorial

Objectivos • Identificação de sectores tradicionais em reestruturação


• Identificação de sectores de actividade em consolidação
• Identificação de novos sectores de actividade

 Leitura e análise de estudos prospectivos, documentos de


Metodologia orientação política estratégica e outros relevantes para a temática
em discussão, realizados nos últimos 5 anos

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 5


Introdução

Situação de partida

Drivers

“Nuvens” identificadas na leitura prospectiva

Considerações finais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 6


Situação de partida

 Momentos chave da abertura económica de Portugal ao exterior:


• Entrada na EFTA (1960)
• Entrada na UE (1986)
• Entrada no Euro (1999)

 A intensificação da abertura comercial do país e a a adesão ao


Contexto Euro conduziram na última década a uma evolução desfavorável
histórico em termos de convergência real com a UE
• Liberalização do comércio internacional com a entrada de
internacional
novos actores como a China e a Índia
• Integração na moeda única, com consequentes alterações
nos instrumentos de política económica disponível
• Alargamento da UE ao Leste Europeu, com o consequente
aumento do ambiente concorrencial em termos de comércio
internacional e de captação de fluxos de IDE

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 7


Situação de partida

 Ascensão dos sectores não transaccionáveis focados no mercado


interno: construção, imobiliário, serviços a empresas, educação,
Tendências
saúde
dos últimos 25  Investimentos em infra-estruturas de telecomunicações, gás,
anos electricidade, rodovias, água e ambiente
 Mudança limitada na carteira de bens e serviços transaccionáveis

 Carteira de actividades exportadoras de bens vulnerável à


concorrência de economias emergentes e novos membros da UE
Contexto  Carteira de actividades exportadoras com baixo crescimento no
actual comércio internacional
 Escolarização da mão de obra inferior aos novos membros da UE

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 8


Situação de partida

Em síntese...

A economia Portuguesa demonstra uma fragilidade competitiva internacional e


dificuldade de adaptação às novas condições de mercado

Portugal encontra-se numa fase de ajustamento estrutural da sua economia

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 9


Introdução

Situação de partida

Drivers

“Nuvens” identificadas na leitura prospectiva

Considerações finais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 10


Drivers

A B

Tendências globais Políticas Comunitárias

Drivers

Foram identificados factores condutores de


C evolução sectorial de diversas ordens D

Políticas Governamentais Sistema de actores e


dinâmicas de mercado

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 11


Drivers

 Tendências genéricas Mundiais ou Europeias como são


exemplo:

Contexto Global • Mudanças demográficas

• Alterações macro económicas

• Mutação de factores específicos sectoriais

 Políticas de desenvolvimento promovidas para os estados


membros com influência no desenvolvimento sectorial como
Políticas são o caso:

Comunitárias • Estratégia Europa 2020

• Rede Transeuropeia de Transportes

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 12


Drivers

 Documentos de orientação estratégica produzidos pelo


Governo com políticas que promovem o desenvolvimento de
Políticas sectores específicos, como por exemplo:
Governamentais • Plano Estratégico Nacional de Turismo (PENT)
• Estratégia Nacional de Energia (ENE)
• Plano Estratégico de Transportes (PET)

Sistemas de
 Para medir a apetência sectorial dos privados foram tidos em
actores e conta intenções de investimento, nomeadamente, através dos
dinâmicas de Projectos de Interesse Nacional (PIN), a grande maioria de
mercado iniciativa privada

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 13


Crise económica mundial

 Existe ainda um elevado nível de incerteza acerca da duração,


Incerteza dimensão e efeitos da actual crise económica mundial, quer a nível
internacional, quer a nível nacional

 Dificuldades extremas de financiamento público e privado

 Fragilização das instituições financeiras


Efeitos  Aumento do desemprego
imediatos em
Portugal  Decréscimo do consumo

 Alterações das condições de crédito da economia


 Necessidade de contenção do investimento e da despesa pública

A dimensão e duração dos efeitos globais da crise são ainda desconhecidas e vão
condicionar o desenvolvimento económico e sectorial Português
Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 14
Introdução

Situação de partida

Drivers

“Nuvens” identificadas na leitura prospectiva

Considerações finais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 15


Turismo

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 16


Nuvens identificadas: o Turismo

Tendências globais

 Globalização e aumento da mobilidade internacional deverá


Crescimento
fomentar o crescimento do sector

Oferta  Maior segmentação e diversificação da oferta

 Aumento da sensibilidade do turistas para as questões ambientais


Procura  Envelhecimento do turista Europeu
 Procura de experiências e não apenas de um produto / serviço

Canais de  Redução do peso de viagens vendidas em operadores e


distribuição crescimento das compras online

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 17


Nuvens identificadas: o Turismo

Iniciativas governamentais

Objectivos:
 Tornar Portugal um dos destinos de maior crescimento da Europa
 Desenvolvimento da qualificação e da competitividade da oferta
Plano  O sector deverá ser um dos motores de crescimento da economia
Estratégico
Nacional do Metas para o ano de 2015:
Turismo
 20 milhões de turistas (13 milhões em 2009)
(PENT)
 € 15.000 milhões de receitas em 2015 (€ 7.400 milhões em 2008)
 Representar 15% do PIB
 Absorver 15% do emprego nacional

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 18


Nuvens identificadas: o Turismo

Iniciativas governamentais

Visão estratégica:
 Segmentação em 10 produtos estratégicos: Sol e Mar, Touring
Cultural e Paisagístico, City Break, Turismo de Negócios, Turismo
de Natureza, Turismo Náutico, Saúde e Bem-Estar, Golfe, Resorts
Plano Integrados e Turismo Residencial, Gastronomia e Vinhos
Estratégico
Nacional do  Crescimento assente nos produtos Sol e Mar, Touring e City Break
Turismo
 Regiões estratégicas: Douro, Serra da Estrela, Oeste, Alqueva,
(PENT)
Litoral Alentejano e Porto Santo (requalificação do Algarve e
consolidação da região dos Açores)

 Melhoria de acessibilidades, reparação de lacunas nas ligações


aéreas, formação de recursos humanos

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 19


Nuvens identificadas: o Turismo

Iniciativas privadas

 Portugal tem suscitado o interesse de Grupos Portugueses e


estrangeiros no desenvolvimento de novos projectos
• Os projectos de investimento previstos assumem na sua
maioria o formato de unidades hoteleiras ou Resort Integrado
Projectos de
de qualidade, muitos associados ao Golfe e ao Turismo
Interesse
Residencial (1)
Nacional
(PIN)  Projectos PIN (Junho de 2010):
Postos de
Nº projectos Investimento
trabalho
47 12.056 M€ 40.993

(1) Para além do aumento do volume, a requalificação e aumento da oferta de qualidade implica um aumento do gasto médio diário e
consequentemente, um aumento das receitas provenientes deste sector

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 20


Nuvens identificadas: o Turismo

Ameaças

 Retracção de consumo interno e principalmente consumo externo


Crise
 Dificuldades de financiamento de infra-estruturas e de novos
internacional
projectos

 Aumento do ambiente concorrencial entre destinos turísticos,


Concorrência criação de estratégias mais agressivas de atracão e fidelização de
turistas

Pouca  Oferta: dependência das regiões do Algarve, Lisboa e Madeira


diversificação  Procura: dependência de 4 mercados emissores Europeus

 Elevada sazonalidade concentrada nos meses de Julho, Agosto e


Sazonalidade
Setembro

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 21


Nuvens identificadas: o Turismo

Vantagens  Localização geográfica, recursos naturais, clima, património


competitivas histórico e cultural, praias, segurança

 Desenvolvimento dos transportes (ex.:novo aeroporto de Lisboa,


Acessibilidades
aeroporto de Beja e TGV) irão promover mobilidade internacional

 Impacto indirecto noutros sectores como são o caso dos cuidados


de saúde e comércio
Efeitos  Incremento da recepção de turistas estrangeiros aumenta
colaterais exportações, diminuindo o deficit da balança comercial
 Crescimento do sector implica aumento de emprego de
qualificações baixas e médias

Turismo é apontado consensualmente como um sector estratégico e prioritário

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 22


Energia e Ambiente

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 23


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Tendências globais

Crescimento do  Crescimento económico global impulsionado pelas economias


consumo de emergentes como são o caso da China e da Índia
energia  Crescimento da população mundial

 Transferência de poder (político e económico) de países


Alterações
desenvolvidos como os EUA ou UE para países emergentes e para
geopolíticas
países produtores de petróleo
 Os combustíveis fósseis deverão continuar a ser a fonte de
Sustentabilidade energia dominante, o que irá ter graves consequências ambientais
ameaçada
 Dificuldades na obtenção de acordos ambientais globais

 Continuação dos esforços de I&D com focos na eficiência dos


Investigação e
combustíveis fósseis, na mitigação dos gases de estufa e nas
Desenvolvimento
energias renováveis

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 24


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Comunitárias

Objectivos:

 Sustentabilidade: desenvolvimento das renováveis, redução da


procura de energia, redução do impacto ambiental
Estratégia
Europa 2020
 Competitividade: abrir mercados energéticos Europeus, reduzir
(plano impacto do aumento dos preços da energia, promover e liderar os
energético e avanços tecnológicos
ambiental)

 Segurança de abastecimento: diversificar mix energético, investir


em infra-estruturas para enfrentar emergências

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 25


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Comunitárias

Metas para 2020:

 Emissões: reduzir as emissões de gases com efeito de estufa em


20% face aos níveis de 1990
Estratégia
Europa 2020
 Renováveis: aumento do peso da energia renovável no consumo
(plano total para 20% (em 2010 deverá ser 10%); os biocombustíveis
energético e deverão representar 10% do combustível para veículos
ambiental)

 Eficiência energética: redução do consumo global de energia


primária em 20%

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 26


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Governamentais

Objectivos :
 Reduzir a dependência energética do País e ser referência no
sector das energias renováveis e eficiência energética

Metas para o ano de 2020 (complementares às comunitárias):


Estratégia
Nacional de  Reduzir dependência energética do país face ao exterior para 74%
Energia (foi de 83% em 2008); reduzir em 25% o saldo importador
energético com a energia de fontes endógenas
(ENE)
 60% da electricidade produzida e 31% do consumo de energia
final tenham origem em fontes renováveis

 Redução de 20% do consumo de energia; desenvolver um cluster


industrial associado à eficiência energética

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 27


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Governamentais

Energia hídrica:
 A capacidade instalada deverá crescer dos 4.900 MW para 8.600
MW até 2020 e por outro lado permitir o aumento da eficiência na
produção de electricidade através da energia eólica
Energia solar:
Estratégia
 Após os grandes desenvolvimentos nas energias hídrica e eólica,
Nacional de
a solar é a tecnologia com maior potencial de desenvolvimento na
Energia
próxima década
(ENE)  Objectivo é atingir 1.500 MW de capacidade instalada em 2020
Biomassa:
 Implementação da capacidade já atribuída de 250 MW
 Criação do Centro de Biomassa (I&D) e promoção da certificação
da gestão florestal sustentável

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 28


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Governamentais

Biocombustíveis:
 Desenvolvimento de forma atingir a meta Comunitária (10% dos
combustíveis para veículos)
Geotermia:
Estratégia  Objectivo de alcançar a capacidade instalada de 250 MW até 2020
Nacional de
Energia Energia das ondas:
(ENE)  Contracto de concessão de zona piloto para testes
 Objectivo de alcançar a capacidade instalada de 250 MW até 2020
Hidrogénio:
 Participação em iniciativas do SET Plan

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 29


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Governamentais

Eficiência energética

 Implementação do programa MOBI.E para a promoção de


veículos eléctricos e criação de uma rede nacional de
carregamento
Estratégia
• Até 2020 os veículos eléctricos deverão substituir 10% dos
Nacional de
combustíveis tradicionais utilizados nos transportes rodoviários
Energia
por electricidade
(ENE)
 O PNAEE, aprovado em 2008, introduziu em uma série de
medidas com o objectivo da redução do consumo final de energia
em 10% até 2015 (fiscalidade, incentivos e financiamentos)

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 30


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Iniciativas Privadas

 Portugal tem várias empresas de dimensão com presença no


Empresas de sector das renováveis: a EDPR é um player mundial em energias
referência renováveis, sendo actualmente a 3ª maior empresa em energia
eólica com presença em 11 países diferentes

 Projectos PIN (Junho de 2010):

Projectos de
Postos de
Interesse Nº projectos Investimento
Nacional trabalho
14 2.444 M€ 3.776
(PIN)

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 31


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

Ameaças

 Com as actuais tecnologias as energias renováveis demonstram


Tecnologia ainda uma falta de competitividade face aos combustíveis fósseis,
o que dificulta a sua expansão

 Dificuldade em satisfazer as necessidades crescentes de energia


Crescimento
e ao mesmo tempo a obrigatoriedade de redução das emissões
económico
dos gases de estufa,

 Ameaça à segurança no abastecimento e à insegurança nos


Instabilidade
preços nalgumas das regiões produtoras de petróleo (Médio
política
Oriente, América do Sul, África)

 Redução do investimento em infra-estruturas tradicionais ou


Crise
renováveis e em I&D de eficiência energética e renováveis
internacional
 Redução dos subsídios governamentais para renováveis

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 32


Nuvens identificadas: Energia e Ambiente

 As políticas e regulamentação Comunitárias e Nacionais promovem


Políticas fortemente o desenvolvimento do sector
 Portugal tem assumido posição proactiva e de promoção do sector

Investimentos  Nos próximos 10 anos estão previstos investimentos globais no


previstos sector da energia de cerca de 31.000 milhões de Euros em Portugal
 Portugal tem uma elevada dependência externa energética
Dependência
(impacto bastante negativo na Balança Comercial) que a produção
externa
de energia através de fontes alternativas pode mitigar
 Existe uma elevada sensibilidade para as questões energéticas e
Sensibilidade
ambientais e uma alteração dos padrões de consumo para produtos
social
/ serviços mais ecológicos
Players  Empresas Portuguesas com presença forte a nível internacional
Portugueses (EDPR é um dos maiores players mundial no sector das renováveis)

As políticas Comunitárias, o protagonismo assumido por Portugal, e os elevados


investimentos previstos deverão promover o desenvolvimento do sector da energia
e ambiente
Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 33
Mobilidade e Transportes

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 34


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Tendências globais

 Transportes representam a maior parte do consumo de


Sustentabilidade combustíveis fósseis e deverão continuar a ser alvo de inovações
(eficiência energética e utilização de novas fontes de energia)

 O desenvolvimento dos países emergentes como são o caso da


Globalização Índia, China, Brasil deverão acentuar a tendência de aumento de
circulação de pessoas e mercadorias

Redes de
 Consolidação de redes de transportes internacionais e regionais
transporte

Redes Logísticas  Consolidação de redes de logística internacionais e regionais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 35


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Iniciativas Comunitárias

Objectivos:
 Desenvolver transportes para o êxito do mercado interno Europeu
Dos 30 projectos prioritários 5 afectam Portugal:
 Linhas ferroviárias de alta velocidade do Sudoeste da Europa
(inclui ligações Lisboa-Porto, Lisboa-Madrid, Aveiro-Salamanca)
Rede
Transeuropeia  Ligação Multimodal Portugal/Espanha-resto da Europa (inclui
de Transportes linhas ferroviárias La Coruña-Lisboa-Sines, Lisboa-Valladolid e
Novo Aeroporto de Lisboa)
(RTE)
 Ligação Ferroviária de Transporte de Mercadorias Sines-Badajoz-
Madrid-Paris
 Funcionalidade da Rede Ferroviária de Alta Velocidade da
Península Ibérica (inclui a Linha Porto -Vigo)
 Auto Estradas Marítimas (inclui a AE da Europa Ocidental)

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 36


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Iniciativas Governamentais

Objectivos :
 Integração nas cadeias Europeias e internacionais de transportes,
melhor articulação entre centros urbanos, melhoria da mobilidade
urbana, qualidade e segurança
Projectos mais relevantes:
Plano  Novo Aeroporto de Lisboa (intenção de posicionar Lisboa como
Estratégico de hub Europeu)
Transportes
 Rede ferroviária de alta velocidade (TGV)
(PET)
 Plataformas logísticas (procurar desenvolver transporte de
mercadorias em 13 localizações )
 Expansão do Porto de Sines
 Ligação Ferroviária de Transporte de Mercadorias Sines-Badajoz

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 37


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Iniciativas Privadas

Possibilidade de expansão da actividade

 Presença de empresas de referência:


• Existe um conjunto de iniciativas de IDE de construtores
mundiais, fabricantes de componentes e acessórios (ex: auto
rádios) que fomentou a criação de um cluster automóvel
Indústria
Automóvel  Desenvolvimento da rede de abastecimento eléctrica:
• Captação de novos projectos relacionados com veículos
híbridos ou tecnologias associadas
 Indústrias complementares
• Potencial utilização no segmento “habitáculo” de esforços dos
sectores da metalomecânica, moldes e têxteis técnicos

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 38


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Iniciativas Privadas

Possibilidade de expansão de actividade

 Presença de empresas de referência nos segmentos da


manutenção aeronáutica e fabrico de componentes e de aviões
ligeiros e desportivos

Indústria • EMBRAER e EADS: presença no capital das OGMA


Aeronáutica (manutenção aeronáutica e fabrico de componentes)
• MOTORAVIA: fabricante de aviões ligeiros

 Indústrias complementares
• Sector dos moldes de plástico é utilizada na produção de
componentes

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 39


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Iniciativas Privadas

 Projectos PIN (Junho de 2010):

Projectos de
Interesse Postos de
Nacional Nº projectos Investimento
trabalho
(PIN) 5 1.398 M€ 12.211

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 40


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Ameaças

 Dificuldade na retenção e captação de novos projectos de IDE


Indústria
devido ao excesso de capacidade instalada na Europa e
automóvel
concorrência de países da Europa de Leste

Redução de  Os novos estados membros deverão ter prioridade nos recursos


apoios da UE disponibilizados para investimentos estruturantes neste sector

 Dificuldade em obtenção de financiamento do Estado e de


Crise
entidades privadas para novos projectos de infra-estruturas
internacional
 Crise da indústria automóvel

Preço dos  Excessiva dependência dos combustíveis fósseis, cujos preços


combustíveis têm uma elevada volatilidade

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 41


Nuvens identificadas: Mobilidade e Transportes

Indústrias  Desenvolvimento do Turismo deverá potenciar o sector dos


complementares transportes e vice-versa

Posição  Posicionamento geoestratégico de Portugal relativamente às


geográfica principais rotas intercontinentais com origem/destino na Europa

Política  Aposta do actual Governo em grandes projectos de infra-estruturas


Governamental de transporte e logística

 UE faz da integração das redes de transporte dos estados membros


Políticas
uma prioridade tendo em vista o sucesso do mercado interno
Comunitárias
Europeu

A consolidação da integração de Portugal nas redes Europeias de transporte e


logística são estruturais e potenciam o desenvolvimento do sector

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 42


Outras “Nuvens”

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 43


Outras nuvens identificadas: Serviços diversos

Serviços  Potencial captação de IDE, tendo em vista a prestação de tele-


partilhados serviços ou serviços partilhados à distância de multinacionais

 Reconstrução urbana, novos serviços de mobilidade, manutenção


Serviços
de edifícios, implantação e manutenção de espaços verdes,
urbanos
instalação de soluções energéticas

Serviços  Serviços associados ao apoio ao domicílio, à população idosa e a


pessoais cuidados de saúde

Serviços de  Actividades associadas ao desenvolvimento da rede de transportes


mobilidade e plataformas logísticas

Existe diversas possibilidades um elevado potencial para se continuar com o


desenvolvimento de vários tipos de serviços

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 44


Outras nuvens identificadas: Cluster do Mar

 Desenvolvimento previsto nos transportes marítimo, portos,


Transportes
logística, serviços marítimos e construção naval

 Expansão das actividades náutica de recreio, desportos náuticos,


Turismo
desportos submarinos, cruzeiros

 I&D em biologia marinha para descoberta de novos fármacos


Alimentação
 Pesca, aquicultura, indústria do pescado

 Potencial de exploração de energia eólica em offshore e da energia


Energia
das ondas

 Potencial de prestar assistência técnica a petrolíferas que operam


Engenharia na Bacia energética da África Ocidental em exploração offshore;
desenvolvimento de equipamentos para monitorização de oceanos

Características naturais do país e potencial de crescimento de actividades


associadas ao Mar favorecem a geração de sinergias e criação de um cluster forte
Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 45
Outras nuvens identificadas: Saúde

Envelhecimento  Maior procura de cuidados de saúde e serviços associados


da população (residências assistidas, assistência ao domicílio, etc)

 O crescimento dos segmentos saúde e bem estar e turismo


Turismo residencial irá potenciar os serviços de saúde de qualidade e
potenciar cuidados de saúde e reabilitação
 A industrias associadas aos têxteis técnicos, papel, fibras e
Industrias
plásticos, moldes poderão consolidar-se como fornecedores de
complementares
consumíveis hospitalares
 Potencial captação de IDE para I&D em ciências biomédicas tendo
Biomédica em vista o desenvolvimento de medicamentos, meios de
diagnóstico, equipamento médico e consumíveis hospitalares

 Eventual desenvolvimento de competências na área da


Serviços
telemedicina e gestão de informação de sistemas hospitalares

Questões demográficas e o turismo internacional deverão continuar a pressionar a


procura de serviços de saúde aos quais poderão ser agregadas novas actividades
Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 46
Outras nuvens identificadas: Química e Petroquímica

 Estão previstos diversos projectos de investimentos significativos


Projectos de
nos complexos petroquímicos de Estarreja, Barreiro e principalmente
investimento
Sines
Presença de  Solvay, Air Liquide, Dow, Repsol, La Seda, Galp, Degussa têm
players unidades de produção em Portugal e algumas têm planos de
mundiais expansão

Plataformas  Existe uma concentração desta indústria em plataformas industriais


localizadas localizadas em Estarreja, Barreiro, Sines e Matosinhos

 A concretização dos planos para os transportes, Portos e


Plataformas
plataformas logísticas em Portugal poderá ser um factor crítico para
logísticas
a expansão do sector

Projectos de investimento de grande dimensão e o desenvolvimentos dos


transportes e logística deverão proporcionar um crescimento sustentado do sector

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 47


Outras nuvens identificadas: Indústrias criativas

Artes gráficas, edição, imprensa, distribuição e produção


Indústrias
áudio visual, publicidade, arte e espectáculos, moda, internet,
criativas
conteúdos para telemóveis, música, design, arquitectura, desporto

 O desenvolvimento do turismo (de negócios, city break, residencial


Crescimento do
e Golfe) e das redes de transporte deverá aumentar as
Turismo
necessidades de actividades culturais e artísticas
 A intenção de organização eventos internacionais (ex.: Euro 2004 e
Organização de
Expo 1998) e nacionais com vista à expansão das actividades
eventos
turísticas deverá conduzir a um aumento da procura neste sector
 O crescimento das novas tecnologias nas telecomunicações e
Industrias
internet têm fomentado e promovido o desenvolvimento de
complementares
segmentos específicos (ex: web design, conteúdos)

As indústrias criativas deverão ser impulsionadas pelo desenvolvimento do turismo


e pela sua crescente complementaridade com novas tecnologias de informação e
comunicação
Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 48
Outras nuvens identificadas: TICs
(Tecnologias da Informação e Comunicação)

Política
 Investimento no sector e aposta na modernização do sector público
governamental

 A democratização do uso das ligações à internet de banda larga


Novos produtos
deverá continuar em expansão, assim como o desenvolvimento de
e serviços
novos produtos e serviços associados
 Vasto número de empresas em variados segmentos, desde
Multiplicidade de
productores de aparelhos electrónicos com elevado grau de
empresas
inovação a empresas de desenvolvimento de software específico
Presença de  Alguns dos principais actores deste sector a nível internacional
players estão presentes no mercado português, como são o caso da Alcatel,
mundiais Vodafone e a Siemens

Este é um sector que tem crescido no passado recente e que deverá continuar numa
tendência positiva

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 49


“Nuvens” cinzentas

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 50


Nuvens cinzentas

 Sectores que se encontram em profunda reestruturação e, ao


Nuvens
contrário dos apresentados anteriormente, não representam novas
cinzentas áreas de actividade nem áreas com elevado potencial de expansão

Sectores que estão a


Sectores tradicionais em sofrer alterações no
Sectores em que as
reconversão que modelo de negócio,
necessidades de
deverão reduzir o seu com sofisticação e
qualificações estão a
peso e colocar maior especialização do
alterar-se
ênfase nas exportações produto ou serviço
oferecido

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 51


Nuvens cinzentas

 Inovação nos materiais e no desenho e domínio dos mecanismos


Vidro e cerâmica
do mercado de distribuição

 Aposta nos tecidos de alta qualidade, têxteis lar e desenvolvimento


Têxteis e
dos têxteis especiais para aplicação noutros sectores (ex.:
calçado
automóvel) e incorporação da função design no calçado
Agricultura de  Agricultura biológica, especialização em produtos de nicho e
especialidades / desenvolvimento de novas aplicações para produtos finais (ex.:
Florestas cortiça)
 Evolução dos moldes de plástico e dos plásticos técnicos e
Plásticos orientação para aplicação noutros sectores como são o caso das
embalagens, construção civil e indústria automóvel

Mobiliário  Aposta na inovação, design e internacionalização

 Enfoque na inovação, nomeadamente nas empresas com presença


Metalomecânica
nos segmentos dos moldes e da indústria automóvel

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 52


“Nuvens” cruzadas

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 53


Nuvens cruzadas

 Existe uma evidente interligação entre alguns dos sectores,em que


o crescimento ou desenvolvimento de determinado sector impulsiona
outro, como exemplo:
Nuvens
• Mobilidade e Transportes - Turismo
cruzadas
• Turismo – Saúde
• Saúde – Serviços diversos associados

Criativas Turismo
Saúde

Serviços
diversos
Mobilidade e
Transportes
TICs

Energia e
Ambiente

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 54


Introdução

Situação de partida

Drivers

“Nuvens” identificadas na leitura prospectiva

Considerações finais

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 55


Considerações finais

Equipa de trabalho:

Paulo Pedroso (coordenador)


Luísa Oliveira
João Magalhães

Análise prospectiva da evolução sectorial da economia Portuguesa 56