Você está na página 1de 3

RBEn, 31 114-116, 1978

RELATO DE UMA EXPERltNCIA NA APLlCAÇAO DA


METODOLOGIA CIENTíFICA NA ASSISttNCIA DE
ENFERMAGEM A FAMíLIA

Lígia Barros Costa ( * )


Lydia Ignes Rossi ( * )
Ma. Antonieta Rubio Tyrrel ( * )
Ma. Augusta Silva Diniz ( * �
Tereza Oliveira Ramada ( * )
Walderez S. Uebel ( * )

RBEn/13

COSTA, L.B. e colaboradoras - Relato de uma experiência na aplicação da metodologia


científica na assistência de enfermagem à família. Rev. Bras. Enf,; DF, 31 : 114-116, 1978.

INTRODUÇAO : critas na IV R . A., da cidade do Rio de


Janeiro, que vem sendo utilizado como
Justamente com o avanço dos conhe­ campo de estágio pelos alunos da Esco­
cimentos científicos e tecnológicos, prin­ la Ana Néri - U.F.R.J.
cipalmente neste século, a enfermagem Para operacionalização do Processo de
procura desenvolver-se como ciência Enfermagem, o grupo acima menciona­
própria. Em nosso país, a partir da dé­ do elaborou um instrumento para co­
cada de sessenta a aplicação do proces­ lheta e registro de dados com base na
so de enfermagem tem-se tornado Obje­ bibliografia consultada.
to de estudos e trabalhOl. A avaliação da atividade foi feita por
A experiência que ora relatamos, sur·­ cada uma das mestrandas contando com
giu em função do cumprimento de umlt a participação das colegas e dos profes­
das atividades didáticas da disciplina sores.
de Metodologia Científica, visando à Com o objetivo de sistematizar as
aplicação do processo de enfermagem ações de enfermagem à família, através
na assistência ao grupo familiar. Expe ­ da aplicação do processo consideramos
riência esta realizada com famílias ins- neste trabalho as seguintes fasel :

(.) Alunas do Curso de Mestrado em Enfermagem, Escola de Enfermagem Anil Kér1 _

UFRJ. Area de Concentração em Saúde da Comunidade, 1977.

114
COSTA, L.B. e colaboradoras - Relato de uma experiência na aplicação da metodologia
cientlfica na assistência de enfermagem à família. Rev. Bras. Enf.; DF, 31 : 114-116, 1978.

1. Descrição do Instrumento: 1 . 2 . Relação dos Problemas da Familia

1 . 1. Histórico da Familia - Contém a • Dados de identificação


identificação da familia e levanta­ • N,o de ordem dos problemas
mento de dados relativos a mesma : • Classificação F (problema familiar
e I (problema individual)
• Nome do chefe da familia
• Relação dos problemas
• Dados sobre saúde :
• Data da identificação do problema
• Procedência e endereço
• Rubrica
• Composição familiar
• Observação
• Dados individuais :
- Nomes dos componentes, relação 1 . 3 . Plano de Assistência com base no
de parentesco com o chefe da
familia, sexo, cor, data do na s­ no histórico e nos problemas iden­
cimento e local, estado civil, re­ tificados
ligião, grau de instrução, ocupa­
• Dados de identifcação
ção, salário, previdência social,
• Data
contribuição para a renda da
• N.O de Problema F
família e condições de saúde.
• Prescrição de Enfermagem
• Dados sobre habitação:
• Rubrica
- Tipo de residência (casa, apar­
tamento, outros ) , das paredes, • Aprazamento
do piso, cobertura, iluminação, • N.o do Problema FI
ventilação, banheiro, fossa, água, • Problema FI
destino do lixo, n.o de compar-I • Prescrição de Enfermagem
timentos.
• Rubrica
• Dados sobre alimentação :
• Aprazamento
- N.o de refeições diárias,horário,
consumo diário de leite (litro) ,
1 . 4 . EVOlução da Situação da Família e
especificação dos alimentos por
Avaliação de Assistência de Enfer­
refeição, n.o de feiras e gastos.
magem
• Dados sobre orçamento :
- Receita mensal, despesas : ( alu­ • Dados de Identificação

guel, água, luz, gaz, telefone, • Data


alimentação, transporte, recrea ­ • Situação da Familia (N,o do pro­
ção e vestuário. blema F) e Situação do individuo
• Dados sobre saúde : (N.o do problema FI) :
- O que faz para manter a saúde? - Agravada
Em caso de doença a quem re­ - Estacionada
corre? - Melhorada
Possui farmácia caseira? - Resolvida
Usa medicamentos? Quais e in­ - Rlbrica
dicados
por quem? - Observações
• Dados complementares
• Classificação do Nivel de Assistên­ 1 . 5 . Folha de Controle :
cia de Enfermagem • Data
• Assinatura da Enfermeira • Tempo

115
COSTA, �
.B. e col�boradoras - Relato de uma experiência na aplicação da metodologia
.
científIca na. assLStencia de enfermagem à familia. Rev. Bras. Enf.; DF, 31 : 114-116, 1978.

• Atividade a assistência Qe enfermagem era dirigi­


• Observação da a todo o grupo familiar.
• Assinatura
3. Conclusões
2. Dinâmica de Desenvolvimento :
Devido a exiguidade do tempo ,0 pro­
cesso de enfermagem foi aplicado a pou­
o instrumento foi aplicado em famí­
cas famílias, uma para cada mestran­
lias previamente selecionadas e entre­
da, mesmo assim o grupo chegou as se­
vistadas no Centro Municipal de Saúde
guintes conclusões:
da IV R . A. Posteriormente visitadas em
domicílio para implementação do Plano • O uso de uma Metodologia Cientí­
Assistencia e obtenção de outros dados fica no atendimento às necessida­
relacionados a situação real da família des humanas da família, por meio
e necessários ao planejamento da assis­ do processo de enfermagem é exe­
tência integral à mesma. quível.

Após a análise de todos os dados le­ • A aplicação do processo de enfer­


vantados e dos problemas da família e magem à famHia nos permite uma
de seus membros identificados, foi re­ visão mais real dos problemas de
formulado o plano assistencial e reali­ saúde do indivíduo, pois ele é assis­
zadas novas visitas para implementação tido dentro da problemática de sua
do plano, avaliação da Assistência pres­ constelação familiar.
tada e evolução da situação.
• As informações contidas nestes ins­
Cabe-Ros ressaltar que na medida que trumentos nos permite dar conti­
eram identificados os problemas da fa­ nuidade a assistência de enferma­
mília, eram considerados também os gem, avaliá-la, além de nos forne­
problemas particulares de cada membro cer subsídios para pesquisa nesta
integrante da mesma, de tal forma que área.

BIBLIOGRAFIA :

1. HORTA, Wanda de Aguiar - Bases 4. A J!:nfermagem atual e o


para uma ciência de Enfermagem, processo de Enfermagem, Apostila.
Enfermagem Novas DimenEões, 1 5. PAIM, Lygia e outros - Iniciamento
(3) , 105-6, 1975. a Metodologia do processo de en­
2. O processo d e Enferma-
fermagem, uma abordagem centra­
gem, Fundamentação e Aplicação,
da nas necessidades humanas bá­
Enfermagem Novas Dimensões, 1
sicas.
( 1 ) : 10-6, 1975.
3. Enfermagem : Teoria, con- 6. TAPIA, JAYNE ANTILLA - Processo
ceitos, principios o. processo. Apos- de Enfermagem na Assistência à
tila. família. Apostila.

116

Você também pode gostar