Você está na página 1de 10

PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.

PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 1 de 5

REGISTRO DE REVISÃO DE DOCUMENTO

Rev.0 17/06/2021 Emissão Inicial.

Inserido a seguinte informação no item 6.8 alínea “e” “No inicio e


termino da atividade praticar a OLA (organização, limpeza e arrumação)
Rev.1 22/09/2021
do canteiro de obra”.

CONTROLE DE EMISSÃO
Elaborado por: Verificado por: Aprovado por:

Renaldo Junior Adriano Pessanha Maurilio Junior


Tec de segurança Encarregado Engenheiro civil

/ / / / / /
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 2 de 5

SUMÁRIO

1. OBJETIVO................................................................................................................................. 2
2. APLICAÇÃO.............................................................................................................................. 3
3. DEFINIÇÕES E SIGLAS............................................................................................................3
4. REFERÊNCIAS.......................................................................................................................... 3
5. RESPONSABILIDADES:........................................................................................................... 3
6. DESCRIÇÃO DA ETAPA DO PROCESSO:..............................................................................4
7. RECURSOS
NECESSARIO........................................................................................................4
8. CUIDADO DE SMS ....................................................................................................................6
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 3 de 5

1. OBJETIVO
Definir os procedimentos técnicos e de segurança do trabalho para a rotina operacional do
profissional de civil nas atividades de mobilização e conservação de canteiro de obra.

2. APLICAÇÃO
Este procedimento é aplicável ao projeto realizado pela JR Engenharia no serviço de
instalação de novos reservatórios de água potável com sistema de automação para
controle nível, na base de imboassica, em Macaé RJ. Da Unidade terrestre de serviços de
exploração e produção da Petrobras.

3. DEFINIÇÕES E SIGLAS
SESMT – Serviço Especializado em Segurança e Medicina do Trabalho
PCMSO – Programa de Controle Médico e Saúde Ocupacional
DDS –Diálogo Diário de Segurança

4. REFERÊNCIAS
NR 06 – Equipamento de Proteção Individual
NR 17 – Ergonomia;
NR 18 – Condições e Meio Ambiente de Trabalho na Indústria da Construção;
NR 26 – Sinalização de Segurança

5. RESPONSABILIDADES:
Engenheiros: Garantir o cumprimento deste procedimento em sua área de atuação,
disponibilizando os recursos necessários.
Supervisor / Encarregado:Garantir o cumprimento deste procedimento em sua área de
atuação, garantir a execução de todas as medidas e proteções de segurança definidas
bem como o cumprimento das recomendações de segurança pelos colaboradores.
Colaboradores:Seguir todas as recomendações/procedimentos e itens de verificação
contidos neste procedimento, realizar exames médicos e participar do treinamento de
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 4 de 5

capacitação, quando convocado e comunicar o vencimento de sua habilitação para


trabalho de execução de forma à Supervisão no mínimo 30 dias antes do vencimento e
somente realizar atividades, portando o cartão de habilitação

SESMT:Revisar e alterar este procedimento levando em consideração a política da


empresa e as alterações na legislação trabalhista e previdenciária, treinar o Engenheiro,
Encarregado/Supervisor e colaboradores neste procedimento, cumprir e fazer cumprir este
procedimento em sua área de atuação, prestar suporte técnico, quando solicitado, na
execução de trabalhos em organização e limpeza do canteiro de obra, providenciar a
habilitação dos trabalhadores, mediante a solicitação das áreas operacionais.

6. DESCRIÇÃO DAS ETAPAS DO PROCESSO:

6.1 Diálogos Diário de Segurança


Antes do início dos trabalhos, o responsável pela execução do trabalho devera
comunicar para força de trabalho os riscos associados a atividade e suas medidas
de controle, por meio de DDS.
6.2. Isolamento e sinalização da área
Todo o perímetro da área do entorno da atividade deve ser isolado por cone e
corrente e sinalizada por placa, informando o motivo do isolamento

6.4. PREPARAÇÃO DO SUBSTRATO.


6.1 Preparo de concreto

Em masseira cololcar o cimento, pedra, areia e água e mexer os ingredientes com a


enxada até dar consistência
Recolhe o material, as ferramentas e o resíduo gerado

6.2 Preparo de argamassa


Em masseira colocar o cimento, areia, argila ou aréola, cal e água, misturar os
ingredientes com a enxada até obter a consistência
Recolhe o material, as ferramentas e o resíduo gerado
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 5 de 5

6.5. CARPINTARIA E ALVENARIA

Instalação e conservação dos tapumes

a) Puxar uma linha para alinhamento dos barrotes de madeira;


b) Realizar abertura de furo no piso com uso de cavadeira articulada ou de ferro
lisa;
c) Corta os barrotes com Serrote ou serra circular.
d) Fixar os barrotes com o próprio barro retirado da escavação ou com massa
de cimento e areia.
e) Fixar o tapume nos barrotes com prego ou parafuso

6.5.1 Confecção de forma de madeira para base de apoio de contêineres, baia de


matérias e bebedouro:

a) Apoiar as tabuas sobre bancada para realização dos cortes.


b) Corta a tabua para confecção de forma com uso de serrote e ou serra
circular;
c) Colocação de forma em piso com uso de ferramentas manuais;
d) Amarrara as ferragem no local.
e) Em seguida espalhar o concreto usando régua de alumínio e colher de
pedreiro.

6.5.2 Confecção de madeiramento de telhado e cobrimento com telha de fibro


cimento.

a) Realizar abertura de furo no piso com uso de cavadeira articulada ou de ferro


lisa;
b) Puxar uma linha para alinhamento das colunas de madeira;
c) Corta as colunas e as vigas de madeira com serrote e ou serra circular
elétrica;
d) Plumar as colunas de madeira com plumo de corda e fixar ao chão com o
próprio barro retirado da escavação ou com massa de cimento e areia;
e) Fixar as vigas (Terça de madeira) sobre as colunas com prego;
f) Apoiar as duas primeira telha de fibro cimento sobre as duas extremidade
das vigas (Terça de madeira) e alinhar com linha de Nailon com auxilio de
uma escada de abrir;
g) Fazer o transpasse de uma telha sobre a outra de 20 cmt;
h) Furar a telha e a viga (Terça de madeira) com furadeira elétrica ou abateria e
broca chata;
i) Prender as telhas com parafuso fazendo o aperto com chave combinada
j) Recolhe o material, as ferramentas e o resíduo gerado
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 6 de 5

6.5.2 Assentamento de bloco de cimento

a) Definir o local para levantamento da parede


b) Umedecer o piso e varrer com vassoura
c) Aplicar argamassa no piso para assentamento da primeira fiada do
bloco
d) Assentar e plumar os blocos de cada extremidade aplicando argamassa
entre a face dos blocos
e) Esticar uma linha, e ir colando o mesmo até o final da linha. Voltando
do começo da linha, repete o processo aplicando a argamassa nos blocos de
baixo e no que for entrar em cima colando um no outro.

6.6. HIDRAULICA

6.6.1 Instalação de sistema hidráulico aparente para alimentação do canteiro com


tubo de PVC

a) Definir os pontos de Água;


b) Tira as medidas desejada com uma Trena;
c) Apoiar o tubo sobre uma bancada para realização dos cortes;
d) Corta os tubos com Arco de serra.
e) Lixar a superfície do tubo com lixa de ferro para melhor aderência.
f) Passar cola de PVC nas junções e fazer a união dos tubos.
g) Fixar as tubulações aparente com abraçadeira.

6.6.2 Instalação de sistema hidráulico aterrada para alimentação do canteiro, com


tubo de PVC

a) Definir os pontos de Água


b) Escavar o solo com ferramentas manuais (enxada ou enxadão)
c) Tira as medidas desejada com uma Trena
d) Apoiar o tubo sobre uma bancada para realização dos cortes;
e) Corta os tubos com Arco de serra.
f) Lixar a superfície do tubo com lixa de ferro.
g) Passar cola de PVC nas junções e fazer a união dos tubos.

Nota- Verificar com a fiscalização possíveis interferência no solo ante de escavar.


PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 7 de 5

6.7. PINTURA

6.7.1- Pintura de tapume e estrutura de madeira do telhado com tinta a base de água
e solvente.

a) Limpar e/ou lavar a superfície


b) Aplicar a primeira demão de tinta com auxílio de ferramentas pincel rolo ;
c) Aguardar o intervalo de secagem recomendado pelo fabricante da tinta
d) Aplicar a segunda demão de tinta com auxílio de ferramentas manuais;
e) Realizar o transporte do resíduo contaminado com auxílio de balde, carro de
mão ou carro prancha até o para descarte no coletor apropriado .

6.8 LIMPEZA E ORGANIZAÇÃO DO CANTEIRO DE OBRA


a) Manter a organização do canteiro de obras sempre orientando todos os
envolvidos na obra a manterem o ambiente sempre limpo;
b) É muito importante que latas utilizadas, sacos de cimento, embalagens e
outros itens sejam devidamente segregados e jogados no lixo, seguindo as
orientações do procedimento de coleta seletiva do cliente.
c) O entulho e quaisquer sobras de materiais devem ser regulamente coletados
e removidos. Por ocasião de sua remoção, devem ser tomados cuidados
especiais, de forma a evitar poeira excessiva e eventuais riscos.
d) É proibida a queima de lixo ou qualquer outro material no interior do canteiro
de obras. É proibido manter lixo ou entulho acumulado ou exposto em locais
inadequados do canteiro de obras.
e) No inicio e termino da atividade praticar a OLA (organização, limpeza e
arrumação) do canteiro de obra.

6.9. ÁREA DE ARMAZENAMENTO DE MATERIAIS E EQUIPAMENTOS


a) Deve possuir uma área específica para o “estacionamento” de materiais e
equipamentos. Devidamente sinalizada e isolada. Como a grande maioria das
máquinas utilizadas na construção civil é robusta e/ou de grande porte,
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 8 de 5

quando não guardadas no local correto elas podem prejudicar o fluxo de


atividades da obra e manter o canteiro desorganizado.
b) Assim, deve-se delimitar uma área na obra — de preferência, nas margens do
canteiro para que os materiais e equipamentos sejam deixadas de forma
organizada e sem interferir nas operações.

7. RECURSOS NECESSÁRIOS
Equipamentos / Ferramentas

1) Pás, enxada e enxadão


2) Serra Marmore
3) Ponteiro
4) Marreta
5) Serra circular
6) Arco de Serra
7) Martelo
8) Cavadeira articulada
9) Cavadeira de ferro lisa
10) Escada de abrir
11) Furadeira elétrica
12) Parafusadeira abateria/ e ou furadeira a bateria

8.RECOMENTAÇÕES DE SMS

 As ferramentas não deverão ficar espalhadas no canteiro de obra, com objetivo de


manter a área organizada e não atrapalhar a produtividade e evitar acidentes.
 Durante a jornada de trabalho quando não estiver em uso deverá ser mantida na
caixa de ferramenta
 Todo resíduo deverá ser segregado, coletado e armazenado;
 Dispor adequadamente os resíduos gerados;
 Postura ergonômica adequada.
 Conhecimento dos riscos levantado na Análise preliminar de nível 01 e 02 da
atividades;
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 9 de 5

 Utilizar os EPIs adequados.

8.1 EPIs necessários


 Uniforme
 Botina de Couro
 Óculo de Segurança
 Luvas de mecânica
 Capacete com Jugular
 Máscara PFF2
 Mascara para vapores orgânico
 Luva Latex ou nitrílica
 Protetor auricular
 Protetor facial

8.2 Equipamentos de Proteção Coletiva


 Cone
 Corrente zebrada
 Placas de sinalização

8.3 Riscos
 Queda de diferente nível;
 Postura Inadequada;
 Queda de materiais e equipamentos;
 Ferramentas inadequadas e defeituosas;
 Poeiras;
 Destinação incorreta dos resíduos.
 Inalação de substância química
PROCEDIMENTO OPERACIONAL No. Rev.
PO-SMS– 1
Título: PROCEDIMENTO DE FJR-004
MOBILIZAÇÃO E CONSERVAÇÃO DE Data Folha
CANTEIRO DE OBRA 22/09/2021 10 de 5

11- Controle de Registros

IDENTIFICAÇÃO DO IDENTIFICAÇÃO
COLETAR INDEXAR ACESSAR ARQUIVAR ARMAZENAR MANTER DISPOR
DOCUMENTO UNÍVOCA

N/A N/A N/A N/A N/A N/A N/A N/A N/A

ANALISE CRÍTICA – CLIENTE

VISTO DATA
( ) LIBERADO
( ) NÃO LIBERADO
( ) LIBERADO COM
COMENTÁRIO

Você também pode gostar