Você está na página 1de 30

RELATÓRIO DAS ATIVIDADES REALIZADAS DURANTE O ESTÁGIO

SUPERVISIONADO DO CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

PSF- BOM JARDIM


PSF.
EPIDEMIOLOGIA
CARGA HORÁRIA: 250 HORAS
ANEXOS:

Descrição das atividades realizadas durante o


período de Estágio Supervisionado, sob
orientação de Professor Supervisor:

Município: Taiobeiras
Aluno (a): Iara Ferreira de Sousa
Curso: técnico de enfermagem

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
AGRADECIMENTOS

Agradeço primeiramente a Deus , minha família por acreditar em mim ,meus professores que
foram os mestres para meu aprendizado , principalmente a minha mãe pela força estando ao meu
lado.

“ o conhecimento e a maior arma ao encontro da sabedoria”

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
“A Enfermagem é uma arte; e para realizá-la como arte, requer uma devoção tão exclusiva, um preparo
tão rigoroso, quanto a obra de qualquer pintor ou escultor; pois o que é tratar da tela morta ou do frio
mármore comparado ao tratar do corpo vivo, o templo do espírito de Deus? É uma das artes;
poder-se-ia dizer, a mais bela das artes!”

Florence Nightingale

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
SUMÁRIO

INTRODUÇÃO................................................................................................................................... 5

OBJETIVOS ......................................................................................................................................... 6

DESENVOLVIMENTO........................................................................................................ 7

AVALIAÇÃO DO ESTÁGIO ................................................................................................ 15

PARECER DO PROFISSIONAL ORIENTADOR ..................................................................16

RELATÓRIO DIÁRIO DO ESTAGIÁRIO............................................................................ 17

ATESTADO DE REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO CURRICULAR SUPERVISIONADO......21

FICHA DE AUTO-AVALIAÇÃO DO ALUNO .................................................................... 22

FICHA DE ACOMPANHAMENTO DO ESTÁGIO ............................................................ 23

CONCLUSÃO........................................................................................................................ 24

REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS.................................................................................... 26

ANEXOS................................................................................................................................. 27

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
INTRODUÇÃO

A enfermagem segundo Wanda Horta: A ciência e a arte de assistir o ser humano em suas
necessidades básicas e torná-lo independente destas necessidades quando for possível através do auto
cuidado.
Diante disso, o profissional da área da saúde deve ajudar o paciente na satisfação das suas
necessidades, introduzindo o autocuidado, em caso algum, substituir a pessoa nas atividades que ela
possa realizar pessoalmente.
O técnico em enfermagem tem como objetivo poder promover através de sua atuação
perseverante e cuidadosa, a conservação e o restabelecimento da saúde do paciente.
E para concluir a formação de um técnico de enfermagem, é necessário o estágio, momento esse
de fundamental importância, pois, não só do processo do curso, mas quanto na vida profissional,
vivemos muitos ensinamentos teóricos e práticos, para que, deste modo, nos tornemos capazes de atuar
no mercado de trabalho.
Porém, para entrarmos nesse mercado, como profissionais, temos que passar por critérios
básicos como poder vivenciar, por meio da prática, a teoria expressa nos períodos de estágio essenciais
durante nosso processo de formação acadêmica.
O estágio é uma parte com muita relevância para vivenciarmos oque foi aprendido dentro do
curso, pois é na prática que vamos deseneguir todos os desafios com instrução e com auxílios do
profissional responsável .
O referido estágio teve como objetivo complementar a formação do aluno, proporcionando
então assim uma experiência acadêmico-profissional através da vivência nos campos de prática do
técnico de enfermagem no ambiente hospitalar para então assim complementar o entendimento
necessário na área de cuidados com a saúde e pacientes.

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Diante desse contexto, foi possível interagir positivamente tanto com os usuários dos serviços,
quanto também os profissionais que ali estavam.
Pode- se considerar que a enfermagem sempre esteve voltada para atender as necessidades de
assistência de saúde da sociedade . Ela originou-se do desejo de manter as pessoas saudáveis, assim
como propiciar conforto, cuidado e confiança ao enfermo .
“ A enfermagem como profissão, é a única na medida, em que se dedica humanista, às reações dos
pacientes e de suas famílias, frente aos problemas reais e potenciais ”.

OBJETIVOS

GERAL:

- Adquirir capacidade de exercer observação, análise e síntese para desempenhar sua profissão
de forma reflexiva, crítica e criativa.

- Interagir os alunos ,tendo em vista o conhecimento da realidade encontrada para sua habitação.

- Possibilitar aos educandos a analogia teórica e prática durante a assistência prestada,


desenvolvendo técnicas específicas com acompanhamento do professor supervisor.

OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Proporcionar a interação entre a teoria e a prática de enfermagem possibilitando ao aluno uma


visão holística, humanista e interdisciplinar em situações de internação hospitalar.
- Desenvolver capacidades psicomotoras, reflexivas, críticas e criativas de atuação no setor
hospitalar.
- Levar o aluno à reflexão sociológica, antropológica, ética e bioética da Saúde.
- Habilitar o aluno na prática da assistência integral à saúde e qualidade de vida do ser humano,
família e comunidade, em especial nas situações com paciente gravemente enfermo.

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
- Desenvolver ações de enfermagem que favoreçam a qualidade da assistência e do trabalho
em equipe interdisciplinar no contexto do SUS.
-Auxiliar na observação sistemática do estado de saúde dos trabalhadores, nos levantamentos de
doenças profissionais, lesões traumáticas, doenças epidemiológicas.
-Auxiliar na realização de exames pré-admissionais, periódicos, demissionais, e outros
determinados pelas normas da instituição.

DESENVOLVIMENTO:

O estágio supervisionado é realizado para que depois das aulas práticas, através de um
supervisor, possamos ter uma certa autonomia na prestação dos cuidados de enfermagem, realizando
assim um atendimento de forma humanizada e com a ética, assim prestando melhor eficiência para o
paciente.
O presente relatório terá como principal função demonstrar as atividades percorridas no
decorrer deste processo. Conta com uma carga horária de 100 horas, realizado no PSF- Bom Jardim,
Taiobeiras - MG, no período de 30 de Abril a 06 de Julho de 2019.
O PSF-Bom Jardim está localizado na rua Bambuí, bairro Bom Jardim ,cidade de Taiobeiras
-MG.
Os profissionais da instituição se mostraram muito receptivos , nos orientando e auxiliando
nas técnicas de rotina ,tirando todas as dúvidas que permaneceram durante as aulas teóricas,deixando
realizar as técnicas aprendidas.
Essa equipe é composta por 1 médico , 2 enfermeiros , 4 técnicos de enfermagem, 2
recepcionistas , 1 auxiliar de serviços gerais, 4 agentes da saúde, 1 dentista ,2 técnicos de saúde bucal .
Sendo assim este relatório vem constando informações relevantes sobre o período no campo
de estágio. Relatando sobre esse período em que estive no PSF, exercendo as atividades e procurando
sempre conciliar o conhecimento adquirido em sala de aula com a prática desenvolvida na mesma.
Diversas foram essas atividades, como podemos citar:

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
FUNÇÃO DO TÉCNICO EM ENFERMAGEM NO PSF

Procedimentos técnicos como aferição de sinais vitais, administração de medicamentos e


curativos na Unidade de Saúde, essas tarefas também no domicílio, realizar ações de educação em
saúde a grupos específicos e a famílias em situação de risco,vacinação, pesagem, testes glicêmicos.

SAÚDE DA MULHER

Por Dra. Ana Paula Avritscher Beck, ginecologista e obstetra do Hospital Israelita Albert
Einstein/CRM SP.
No Brasil, as mulheres formam a maioria: elas são 51,7% da população brasileira.Mesmo assim,
a preocupação com certos temas referentes a elas ainda é recente.
O cuidado com a saúde da mulher, por exemplo, tem pouco mais de 3 décadas, em relação às
políticas e aos protocolos,De qualquer forma, é indispensável ter máximo cuidado com esse aspecto.
Mesmo com um cotidiano mais atribulado, dar atenção ao seu bem-estar e à qualidade de vida.
Cada mulher tem necessidades específicas quanto à atenção com a saúde e o bem-estar. No
entanto, algumas recomendações gerais são importantes para melhorar a qualidade de vida e aumentar
a segurança
Diante das diversas ações diárias desenvolvidas no psf, realizam-se exames de citologia
oncótica, também conhecidos como teste de Papanicolau ou “prevenção”. Antes dos exames, as
mulheres passam pela anamnese da enfermeira e são indagadas quanto aos seguintes aspectos:
presença de dores abdominais, secreções vaginais, dados gineco-obstétricos, dor durante as relações
sexuais (dispaurenia) e data do último exame de Papanicolau realizado.
Outra modalidade de atendimento realizada é a consulta de pré- natal, pois
esse acompanhamento é essencial para garantir uma gestação e parto saudáveis, por meio de educação
em saúde junto às mães. Com as consultas e exames, é possível identificar diversas afecções de saúde,
desde hipertensão, infecções, doenças sexualmente transmissíveis, dentre outras patologias que podem
comprometer o adequado desenvolvimento da gravidez.

Durante o estágio, realizaram-se diversas consultas de acompanhamento pré-natal. Como


condutas de enfermagem na assistência às gestantes, eram realizadas avaliações completas, buscando
uma linguagem acessível e usufruindo de conhecimentos fundamentais para um melhor

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
acompanhamento do pré-natal. No que se refere ao exame físico geral, eram acompanhados o peso e a
altura da gestante, medida da pressão arterial, inspeção da pele e das mucosas, exames do membro
inferiores, assim como a palpação obstétrica, medida uterina, cálculo da idade gestacional, ausculta
dos batimentos cardiofetais, prescrição de sulfato ferroso e ácido fólico (a partir da 20º semana),
exames laboratoriais (glicemia de jejum, VDRL, urina tipo I, aconselhamento e teste anti-HIV,
sorologia para hepatite B, toxoplasmose e ultrassonografia).
No final das consultas, eram reforçadas as orientações sobre amamentação, alimentação
saudável, cuidados com o recém-nascido, vacinação tanto da mãe quanto do bebê, doação de leite
materno, cuidados com as mamas e os sinais e sintomas indicativos de complicações que possam
ocorrer durante a gestação.
Foi possível acompanhar campanhas sobre a importância da prevenção e diagnóstico precoce do
câncer de mama. Essas campanhas são de grande importância para informar e atingir um número
maior de pessoas ,além de proporcionar um ambiente agradável e acolhedor para as usuárias. Esta
experiência foi muito rica durante o estágio.

É interessante notar como a promoção da saúde impacta positivamente uma comunidade


atendida por profissionais comprometidos com a saúde da população

SAÚDE DA CRIANÇA E ADOLESCENTE

A adolescência é caracterizada por profundas mudanças físicas, emocionais, mentais e


sociais. Puberdade refere às mudanças fisiológicas e morfológicas, as principais manifestações são: o
estirão púbere, o desenvolvimento gonadal, o desenvolvimento dos órgãos de reprodução e das
características sexuais secundárias.
Puericultura é a arte de promover e proteger a saúde das crianças, através de uma atenção
integral, compreendendo a criança como um ser em desenvolvimento com suas particularidades. É
uma especialidade médica contida na Pediatria que leva em conta a criança, sua família e o entorno,
analisando o conjunto bio-psico-sócio-cultural.
“A consulta de puericultura enfatiza a prevenção de doenças e a promoção da saúde, com o
objetivo de que a criança não venha a adoecer, e atinja êxito em seu pleno desenvolvimento, chegando
à adolescência e vida adulta de forma saudável e sem prejuízos. Por isso, torna-se muito importante o

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
desenvolvimento de atividades para crianças e adolescentes, pais ou responsáveis, buscando a
identificação de fatores de risco e desenvolvendo medidas preventivas (CIAMPO et al., 2006)”.
Durante a consulta, buscava-se por meio de aconselhamento trazer informações pertinentes às
mães, destacando-se: alimentação, vacinação, tratamento de verminoses, busca ativa de manchas
(hanseníase), prevenção de anemia ferropriva, requerimento de exames laboratoriais, encaminhamento
e prescrição de medicamentos previstos no Protocolo da Atenção Básica municipal.
Foi realizada na unidade de Saúde avaliação antropométrica, preparo e administração de vacinas,
acompanhamento do crescimento e desenvolvimento do recém-nascido, orientação com cuidado
alimentares, atenção à interpretação do gráfico do peso e da altura, orientações para prevenção de
desnutrição e obesidade na infância.
Realizadas ações do Programa Saúde na Escola em que foram atualizadas as cadernetas de
vacinação dos adolescentes entre 09 a 16 anos de idade, administradas vacinas (HPV e Meningite
Meningocócica do tipo C, Hepatite B e anti-tetânica,DTP,Varicela.) e realizada avaliação
antropométrica desses adolescentes.
A assistência à saúde de crianças e de adolescentes se faz imprescindível no sentido de prevenir
doenças, orientar sobre cuidados em saúde e promover crescimento e desenvolvimento adequados.

SAÚDE DO ADULTO E IDOSO

A Política Estadual de Saúde do Idoso, tem por objetivo garantir a Atenção Integral à Saúde
das pessoas com 60 anos ou mais, promovendo a manutenção da capacidade funcional e da autonomia,
contribuindo para um envelhecimento ativo e saudável.
A construção de uma sociedade para todas as idades deve incluir ainda a parcela dos idosos
frágeis, que apresentam prejuízo funcional, seja por incapacidade ou perda de autonomia, com o
gerenciamento de ações também voltado a atender as necessidades desse segmento.
A Política Nacional de Saúde da Pessoa Idosa, (Portaria GM 2528 de 19 de outubro de 2006),
define que a atenção à saúde dessa população terá como porta de entrada a atenção Básica/ Estratégia
de Saúde da Família. A Rede de Atenção Psicossocial (CAPS) e a Rede de Urgências e Emergências
(UPAS e Pronto Atendimentos) também são portas de entrada para atendimento.
“CONFORME O ESTATUTO DO IDOSO DE ACORDO O MINISTÉRIO DA SAÚDE’’.

10

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
[...]Art. 48. As entidades de atendimento são responsáveis pela manutenção das próprias
unidades, observadas as normas de planejamento e execução emanadas do órgão competente da
Política Nacional do Idoso, conforme a Lei n.° 8.842, de 1994. Parágrafo único. As entidades
governamentais e não-governamentais de assistência ao idoso ficam sujeitas à inscrição de seus
programas, junto ao órgão competente da Vigilância Sanitária e Conselho Municipal da Pessoa Idosa, e
em sua falta, junto ao Conselho Estadual ou Nacional da Pessoa Idosa, especificando os regimes de
atendimento, observados os seguintes requisitos:
I - oferecer instalações físicas em condições adequadas de habitabilidade, higiene, salubridade e
segurança; II - apresentar objetivos estatutários e plano de trabalho compatíveis com os princípios
desta Lei; 31 III - estar regularmente constituída;
IV - demonstrar a idoneidade de seus dirigentes.
A coleção institucional do Ministério da Saúde pode ser acessada na Biblioteca Virtual do
Ministério da Saúde: http://www.saude.gov.br/bvs
Diante deste contexto, vários programas têm sido criados pelo governo, principalmente pelo
Ministério da Saúde, buscando a melhoria na qualidade de vida e saúde dessa população. Entre eles,
podemos mencionar o Programa de Saúde da Família criado em 1994 e o Pacto pela Saúde firmado em
2006 - onde uma das três dimensões é o Pacto pela Vida que tem como uma de suas prioridades a
Saúde do Idoso.
Em 2003 o Congresso Nacional aprovou e o Presidente da República sancionou o Estatuto do
Idoso, onde encontramos no capítulo IV o papel do Sistema Único de Saúde (SUS) na garantia da
atenção à saúde do idoso de forma integral, articulada e contínua das ações e serviços, para a
prevenção, promoção, proteção e recuperação da saúde, incluindo a atenção especial às doenças que
afetam principalmente os idosos (BRASIL, 2003).
Realizadas consultas agendadas e de livre demanda com os hipertensos e diabéticos atendidos
pela equipe. Sempre se iniciava com a triagem, procurando acolher, atender, incentivar essa clientela
para a promoção do autocuidado, bem como todas as informações necessárias para a qualidade de
vida. Eram indagados quanto à alimentação, práticas de atividades físicas, uso correto da medicação,
risco da presença de tabagismo, sono e repouso e higiene corporal. Eram transcritas receitas, realizado
pedido de encaminhamento e exames de rotina (hemograma, glicemia de jejum, lipidograma,
creatinina sérica, potássio sérico, sumário de urina, PSA e outros), recomendados pelos cadernos e
manuais do Ministério da Saúde.

11

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
A população adulta representa uma parcela significativa da população assistida pelas equipes da
Estratégia Saúde da Família. Isso decorre das mudanças demográficas que vêm ocorrendo nas últimas
décadas no Brasil, relacionadas à queda da mortalidade infantil e da fecundidade, ao aumento da
expectativa de vida, assim como aos movimentos migratórios e de urbanização que levaram a um
significativo aumento do número de adultos e idosos (LIMA, 2011).
Realizado aferição de sinais vitais (pressão arterial, temperatura, pulso, peso, altura,
circunferência abdominal, saturação de oxigênio); observação de exame eletrocardiograma, visita
domiciliar para realização de curativos oclusivos em paciente com úlceras, observação e administração
de medicações injetáveis; realização de glicemia capilar; preparo e administração de soroterapia e
controle de gotejamento.
O estágio sobre a saúde do adulto idoso foi de grande importância,pois tive a oportunidade de
conhecer uma realidade diferente trazendo, a mim, um conhecimento maior sobre a situação.
Pacientes idosos têm presentes maiores fragilidades e devemos ter mais cuidados, paciência é acima de
tudo humanidade,respeitando a integridade daquele paciente.

CLÍNICA MÉDICA

O papel da Enfermagem em Clínica Médica é propiciar a recuperação dos pacientes para que
alcancem o melhor estado de saúde física, mental e emocional possível, e de conservar o sentimento de
bem-estar espiritual e social dos mesmos. É propiciar a recuperação dos pacientes para que alcancem o
melhor estado de saúde física, mental e emocional possível, e de conservar o sentimento de bem-estar
espiritual e social dos mesmos, sempre envolvendo e capacitando-os para o autocuidado juntamente
com os seus familiares, prevenindo doenças e danos, visando a recuperação dentro do menor tempo
possível ou proporcionar apoio e conforto aos pacientes em processo de morrer e aos seus familiares,
respeitando as suas crenças e valores.
O enfermeiro é o elo principal entre o paciente e o médico, responsável pela equipe de
cuidados, desde a admissão do paciente até a alta. É o responsável por propiciar a recuperação dos
pacientes para que alcancem o melhor estado de saúde física, mental e emocional possível, e de
conservar o sentimento de bem-estar espiritual e social dos mesmos, sempre envolvendo e
capacitando-os para o autocuidado juntamente com os seus familiares, prevenindo doenças e danos,
visando a recuperação dentro do menor tempo possível ou propiciar apoio e conforto aos pacientes em
processo de morrer e aos seus familiares.

12

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Fonte: @ BRAINLY.COM.BR
Algumas das funções do técnico de enfermagem podem ser atribuir á , observar aferição de
pressão arterial, aplicação de injeção, acompanhamento a triagem, exame eletrocardiograma,
acompanhamento a curativo oclusivo, administrado medicamento (IV), (SC), (IM). Na Unidade de
Saúde realizada curativo, observada sutura prepara e administração de nebulização, entrega de
medicamentos.
Foi realizado lavagem, empacotamento e esterilização de materiais usados em pequenas
cirurgias, organização da unidade, punção venosa com cateter venoso periférica, administração de
soroterapia e gotejamento, nebulização, anotação no prontuário, observado drenado e agendamentos de
consultas.
Os cuidados em clínica médica efetivamente visam à recuperação do paciente enfermo. A
enfermagem desempenha papel fundamental na prestação de cuidados a fim de minimizar os efeitos
negativos de uma doença.

BIOSSEGURANÇA

 A ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) define biossegurança como condição de


segurança alcançada por um conjunto de ações com o objetivo de prevenir, controlar, reduzir ou
eliminar riscos inerentes às atividades que possam comprometer a saúde humana, animal e o meio
ambiente.
O princípio básico da biossegurança é o controle de riscos, sendo um elemento considerável do
esforço gradual da busca de proteção contra as ameaças à vida humana.O objetivo é prevenir os riscos
gerados pelos agentes químicos, físicos e ergonômicos, relacionados com processos onde o risco se
encontra presente ou não.
A Biossegurança em Saúde contribui substancialmente para a qualidade, promoção e proteção à
saúde, assegurados nos princípios básicos do SUS. (CENTRO UNIVERSITÁRIO CESMAC)

Dentre as atividades realizadas, citam-se: desinfecção de materiais, como máscaras de inalação,


cateteres de oxigênio e instrumentais; empacotamento de materiais para curativos, retirada de pontos e
sutura; esterilização dos pacotes conforme norma e rotina; montagem da caixa de perfuro cortante;
lavagem das mãos antes e após cada procedimento de enfermagem.

13

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
O profissional de enfermagem deve ater-se à importância da biossegurança em todos os
procedimentos que realiza, sendo capaz de aprimorar sua prática diariamente no objetivo de proteger a
si e aos usuários com os quais lida.

IMUNIZAÇÃO

No âmbito da atenção básica, as ações de educação em saúde estão cada vez mais em alta nos
programas das Unidades. São essenciais para o incentivo aos usuários a adquirirem a sua auto estima e
o auto cuidado, a partir de reflexões que levem à mudança de comportamento
A Educação em Saúde é tida como uma estratégia promissora na conscientização e
participação social, como meio para se atingir os fins de promoção da saúde numa visão, criando-se
vínculo de confiança entre o profissional de saúde que atende e o usuário que é atendido (REIS;
SILVA; UN, 2014).
Iniciado em 1994, a Estratégia de Saúde da Família (ESF) tem como objetivo a reorganização
da prática assistencial em novas bases e critérios, a partir da Atenção Básica. Baseia-se em todos os
princípios básicos que preconiza o SUS.
A atenção está centrada na família, entendida em seu ambiente físico e social. Promove maior
aproximação do profissional com os indivíduos, famílias e comunidade, fazendo com que o processo
saúde/doença seja compreendido e que a verificação de reais necessidades se torna base para a
assistência integral, humanizada e, sobretudo, resolutiva à população (BRASIL, 2001a; ROSA;
LABATE, 2005).
O Programa Nacional de Imunização ou simplesmente PNI foi criado em 1973, com o objetivo
de normatizar a imunização em nível nacional, assim, contribuindo para o controle ou erradicação das
doenças infectocontagiosas e imunopreveníveis, como exemplo: a poliomielite (paralisia infantil),
sarampo, difteria, tétano, coqueluche, tuberculose e outras. O desenvolvimento do Programa é
orientado por normas técnicas estabelecidas nacionalmente, no que se refere à conservação,
manipulação, transporte e à aplicação dos imunobiológicos, assim como aos aspectos de programação
e avaliação. Fonte: Portal Educação 

Na sala de vacinas foram explicadas normas e funcionamento: anotações do controle da


temperatura da geladeira sempre no início e no fim do dia, preparo das caixas térmicas para

14

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
armazenamento de vacina, limpeza e desinfecção das caixas diariamente, anotações no cartão da
criança, cartão espelho e mapa diário de vacinas.
Foram observados e administrados imunobiológicos em crianças, adolescentes, gestantes e
adultos. Antes da vacinação, o profissional de enfermagem orienta sobre que tipo de doenças são
prevenidas pelo imunobiológico administrado, quais os eventos adversos e quais condutas tomar se
vierem a ocorrer.
Participou-se da atualização das cadernetas de vacinação em dois momentos: programa saúde na
escola e campanha de vacinação contra a influenza.
Fazer parte de ações de prevenção às doenças é uma das funções da enfermagem que mais
trazem prazer, pois estas ações têm grandes impactos na saúde da população.

VISITA DE PUERPÉRIO

É chamado de puerpério o período que compreende a fase pós-parto, quando a mulher


passa por alterações físicas e psíquicas até que retorne ao estado anterior à sua gravidez. Esse período
se inicia no momento em que se dá o descolamento placentário, logo após o nascimento do bebê,
embora também possa ocorrer com a placenta ainda inserida na gestante, é o caso de óbitos fetais
intrauterino.
Fonte: Portal Educação
É o período do ciclo gravídico-puerperal em que as modificações locais e sistêmicas,
provocadas pela gravidez e parto no organismo da mulher retornam à situação do estado pré-gravídico.

• Inicia imediatamente após o parto e tem seu término imprevisto.


• Imediato: 1º ao 10º dia após o parto;
• Tardio: 11º ao 42º dia após o parto;
• Remoto: 43º dia em diante;
Monitorou aspectos fisiológicos e sinais vitais da mãe ,monitoramento do puerpério,auxiliando
o recém nascido a pregá mamária correta, avaliação do retorno e das condições pré-gravídicas
,identificar situações de riscos ou intercorrências,visitas domiciliares a Mãe é ao recém nascido.
O estágio no período puerpério foi de suma importância para ter um contato maior com os
aspectos fisiológicos e monitoramento do puerpério, além de aprender novas experiências.Ter um
contato e vendo as evoluções tanto da Mãe como do seu bebé foi gratificante.

15

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
AVALIAÇÃO DO ESTÁGIO

INFORMAÇÕES PRESTADAS PELO ESTAGIÁRIO

16

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Nome:
Curso: Técnico de enfermagem Ano/Período:

Instituição de Ensino: CESP- Centro Educacional Silveira e Pinheiro


Endereço:rua Maciel Rego n;40 bairro- Nossa Senhora de Fátima
CEP: 39550-000 Cidade: Taiobeiras Minas Gerais Fone:(38)99968-7447
Empresa: PSF -Bom Jardim
Endereço: rua Santa Rita de Cássia n;1555 bairro- Bom Jardim
CEP: 39550-000  Cidade: Taiobeiras
UF: MG Fone: 3838453336
Supervisor (a): Fabiane
Vigência do Estágio:30\04\2019 Término: 06\07\2019
1. Cite as principais atividades as quais você auxiliou durante o estágio.
Auxiliando no setor de farmácia atento a entrada e saída de medicamentos.No setor de
Imunização na sala de vacinas,fazendo a imunização em idosos e beneficiários e crianças. Em
procedimentos básicos,aplicações de medicamentos.Aprazamentos e curativos domiciliares.

2. A supervisão recebida na empresa está sendo considerada:


Suficiente Regular Insuficiente Inexistente
X
3. Que dificuldades foram encontradas durante a realização do estágio?
As mínimas possíveis, uma vez que por mais que se tratava de um ambiente novo, já havia passado
por essa experiência nas aulas práticas.
4. Comente sobre a importância do estágio para:
A) Seu desenvolvimento cultural:
Que temos muito a aprender e respeitar a cultura e crenças de todos.
B) Sua experiência de vida e relacionamento humano:
Que devemos tratar todos sem discriminação e pré-julgamentos, tendo ética e humildade para
lidar em cada situação.
C) Sua formação profissional:
A troca de experiência é essencial para nossa formação, e através do estágio adquirimos bastante
conhecimentos válidos.
5. Existe interesse de sua parte no prosseguimento do estágio?
X Sim Não
Motivo: Experiência adquirida.

Assinatura do Estagiário: Data 30/04/2019

CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

17

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
ALUNO(A): TURMA: Técnico de Enfermagem
Total de Horas do Estágio: 200

PARECER DO PROFESSOR ORIENTADOR:

Data: / / Assinatura:

TAIOBEIRAS - MG, 30 de Abril de 2019.

CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

Nome do Estagiário: Viviane Pereira Santos

18

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Nome da Instituição: CESP. CENTRO EDUCACIONAL SILVEIRA E PINHEIRO

DATA/HORÁRIO ATIVIDADES SETOR CARGA VISTO DO


DE ENTRADA E HORÁRI SUPERVISO
SAÍDA A R

• Apresentação da FARMÁCIA da
DATA; 30/04/2019 unidade do PSF Bom Jardim. Realizado
Entrada; 07:00 controle de entrada e saída de
Saída; 12:00 medicação para pacientes portadores de Farmácia 5 horas
receita médica.

•. Realizado anotações para pasta de


estágio.

•. Realizado vacinação de pacientes


DATA; 02/05/2019 sob supervisão do Supervisor de Estágio
Entrada; 07:00 e do funcionário da unidade. ( Imunizaçã 5 horas
Saída; 12:00 Campanha de Vacinação) o
Checagem de cartão de sala de
vacinação. vacina
Realizado anotações para pasta
de estágio.

19

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
20

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
TAIOBEIRAS - MG, 06 de Julho de 2019.

21

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

ATESTADO DE REALIZAÇÃO DO ESTÁGIO CURRICULAR


SUPERVISIONADO

Atesto para os devidos fins, que o(a) aluno(a): , portador do RG


n°155.876.636-71, MG, Do Curso Técnico de Enfermagem, compareceu a esta instituição, no período
de 30\04\2019 a 06/07/2019, cumprindo um total de 200 horas do Estágio Curricular Supervisionado.

Taiobeiras - MG, 06 de Julho de 2019

Assinatura e carimbo do Responsável

22

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

FICHA DE AUTO AVALIAÇÃO DO ALUNO(A)

Estágio Supervisionado do Curso Técnico de Enfermagem


Coordenadora do Estágio:
Aluno (a) Estagiário:

Itens a Considerar Sim Às vezes Não

Compareci pontualmente para cada etapa do estágio, tendo em


vista a minha disponibilidade?

Ajudei espontaneamente, ou quando solicitado, na


colaboração de tarefas diversificadas?

Desempenhei conscientemente os trabalhos de Estágio


conforme as normas estabelecidas?

Registrei ocasião oportuna os pontos relevantes de minha


observação e participação durante o estágio?

Procurei conciliar minhas opiniões com aquelas dos membros


dos grupos onde estagiei?

Solicitei esclarecimentos sempre que tinha dúvidas sobre os


problemas que facilitassem o meu trabalho?

Evitei causar problemas embaraços que prejudicasse o


trabalho de estágio?

Avaliei a minha participação pelo número de pontos positivos


alcançados, comparando meu progresso antes e após cada
etapa do estágio?

De acordo com minha avaliação, considero o meu trabalho:

( ) Suficiente ( ) Insatisfatório

23

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Taiobeiras - MG. 06 de Julho de 2019.

CONCLUSÃO:

O estágio curricular foi de suma importância para a aquisição de novos conhecimentos e


contribuição para nosso crescimento enquanto acadêmicos e futuros profissionais.
Foi possível perceber que a teoria e a prática são elementos indissociáveis e de condição
indispensável para a formação de qualquer profissional. O técnico de enfermagem ao entrar em contato
com o seu futuro campo profissional, através do estágio, poderá vivenciar que a teoria será revigorada
pela prática, passando a ser formulada a partir da necessidade concreta da realidade em saúde.
O estágio no PSF-Bom Jardim ,acrescentou em todos os objetivos esperados, proporcionando
assim uma visão bastante ampla acerca de algumas das funções e responsabilidades do técnico de
enfermagem .
Os conhecimentos adquiridos ao longo de cada disciplina, foram de fundamental importância no
desempenho das atividades executadas, resultando assim no bom aproveitamento de todo o estágio.
Através do estágio, pude perceber que devemos todos ter mais empatia com o próximo e
humildade com cada situação que encontrarmos pela frente e entendermos que todos nós precisamos
um do outro.
Seja para fazer uma medicação , ou até mesmo uma palavra amiga ,transmitindo segurança .
Devemos transmitir o nosso melhor para cuidar nas aquisições,sermos pacientes e humanos,tendo
assim a ética e a empatia.
Ao fim desse estágio, ficou certo da importância de poder conhecer o dia a dia dentro de um
Ponto de Atendimento Básico (PSF).
A interação entre estagiários e profissionais, se deu de maneira enriquecedora para meu futuro
profissional . Assim, pude aplicar e desenvolver todas as informações e experiências adquiridas de

24

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
forma árdua, porém com extrema gratificação, pois hoje posso concluir que me considero apto e capaz
de assumir a responsabilidade de estar na posição de técnico de enfermagem.
De forma que sei que não devemos nos abater em meio às dificuldades encontradas,que devemos
confiar e acreditarmos em nós mesmos. Vejo que ingressar no mercado de trabalho da saúde é um
desafio enorme e, por isso mesmo, quero estar disposto a lutar diariamente pelo meu objetivo, sem
perder o foco e a perseverança para vencer os problemas advindos.
Por fim, concluímos através do estágio a certeza de que foi essa profissão que escolhemos para
seguir, e que com todos os benefícios e desafios será sempre gratificante ter aquele sorriso e o
agradecimento do paciente a cada procedimento realizado. E aprendermos que o cuidar vai além de
técnicas adquiridas em sala de aula necessita também saber ouvir e falar aos pacientes que estão
debilitados e às vezes precisam de alguém que os escute.
Cuidar de um paciente vai além de cuidar só de uma ferida exposta e transmitir confiança e cuidado.

25

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

Anna Justina Ferreira Nery, (Cachoeira, 13 de dezembro de 1814 — Rio de Janeiro, maio
de 1880).

Florence Nightingale (Florença, 12 de maio de 1820 — Londres, 13 de agosto de 1910)

ALMEIDA, M.C.P.; ROCHA, U.S.Y. O saber da enfermagem e sua dimensão prática. São Paulo:
Cortez, 1986. BEVILACQUA, Fernando. Manual do exame clínico. Rio de Janeiro, Cultura Médica,
2003.

CARMAGNANI, Maria. Procedimentos de Enfermagem: Guia Prático. 1ª ed. Rio de Janeiro - RJ:
Editora Guanabara Koogan S. A, 2009;

ÉVORA, Yolanda Dora Martinez; Sistema de classificação de pacientes: aplicação de um instrumento


validado. São Paulo: Revista da Escola de Enfermagem da USP, 2002.

MARIN, M.F. Enfermagem obstétrica e ginecológica: guia para prática assistencial. São Paulo: Roca,
2002.

MURTA, Genilda Ferreira. Saberes e Práticas: Guia para ensino e aprendizado de enfermagem. 3. ed.
São Paulo: Difusão Editora, 2007.

OSAVA, R.H.; TANAKA, A.C.D.A. Os paradigmas da enfermagem obstétrica. São Paulo. Revista da
Escola de Enfermagem da USP, 1998.

SUMITA, S.L.N. O processo de enfermagem na assistência à parturiente: diagnóstico e intervenções.


São Paulo: Escola Paulista de Medicina USP, 2002.

VIANA, Dirce. Manual de Cálculos e Administração de Medicamentos. 4ª ed. São C. Sul - SP: Yendis
26

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Editora, 2011;

ZIEGEL, E.E.; CRANLEY, M.S. Enfermagem Obstétrica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1995.

CURSO TÉCNICO EM ENFERMAGEM

EPIDEMIOLOGIA

Nome do Estagiário:
Nome da Instituição: CESP. CENTRO EDUCACIONAL SILVEIRA E PINHEIRO

DATA/HORÁRIO ATIVIDADES SETOR CARGA\ VISTO DO


DE ENTRADA E HORÁRIA SUPERVISO
SAÍDA R

No Bairro Sagrada Família ,


DATA; 22/05/2019 combate a dengue na zona 15
ENTRADA; 07:00 a 18.
SAÍDA; 12:00 Realizado anotações para EPIDEMIOLOGIA 5 horas
pasta de estágio.

DATA; 22/05/2019 Encontramos um foco da


Entrada; 13:00 dengue em estado primário. EPIDEMIOLOGIA 5 horas
Saída; 17:00
Casa com morador suspeito.

Realizado anotações para


pasta de estágio.

27

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
Ronda no Bairro Sagrada
DATA; 23/05/2019 Família.
Entrada; 07:00 EPIDEMIOLOGIA 5 horas
Saída;12:00 Realizado anotações para pasta
de estágio

Ronda no Bairro Nossa


DATA; 24/05/2019 Senhora de Fátima. EPIDEMIOLOGIA 5 horas
Entrada; 13:00 Foco da dengue no estágio
Saída;17:00 primário.

RELATÓRIO DA EPIDEMIOLOGIA

____________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________
____________________________________________________________________________
____

28

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
29

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447
ANEXOS

ANEXAR FOTOS E RELATORIOS DE CAMPANHAS E CERTIFICADOS

30

Rua Maciel Rego, 40– Nossa Senhora de Fátima– Taiobeiras – MG


cesp.taiobeiras@gmail.com - Fone: (38) 99968-7447

Você também pode gostar