Você está na página 1de 27

CONTROLE DA APR Nº.

F-PAE-SGI-996X-0075

PROGRAMAÇÃO DO TRABALHO DATA 2/23/2015

ANALISE PREVENTIVA DE RISCO Nº. 1 REV. 04

DATA 1/15/2022 Ínicio Data: Hora:


APR N º 01/2022 REV. 00 Término Data: Hora:
Prorrogação Data: _____ / ______ / ____ Hora: ____ às_____
Horário de Trabalho: Fim de Semana Feriado Hora Extra Revezamento em Turnos ADM Assinatura :
Duração: (___ às ___) (___ às ___) (___ às ___) (___ às ___) Local:
Empresa: SOLUENG Área: PORTO Setor:
Tarefa: DESMONTE DE GALPÕES DA OFICINA E COMPLEMENTAR
Objetivo:
Execução da atividade com o propósito da conclusão dos serviços com qualidade e Incidente Zero, seguindo os padrões técnicos de segurança

EQUIPAMENTO DE PROTEÇÃO INDIVIDUAL

X Capacete com jugular Mangotes/Perneiras/Avental/Blusão de Raspa X Protetor Facial X Luvas: Raspa / Vaqueta / Algodão /PVC
X Óculos de Segurança X Máscaras:
X X Filtro__________ X Roupa Nomex Roupa de PVC
X X
Protetor auricular Cinto de Segurança: Paraquedista /Eletricista Bota/Luva alta tensão Bota de PVC
X X
Bota de segurança Calça jeans / Camisa manga longa Trava Quedas Outros: ___________________________
MATRIZ PARA ANÁLISE DE RISCO EQUIPAMENTOS A SEREM USADOS
PROBABILIDADE DE OCORRÊNCIA (Ciclo de vida de 25 anos) Máquina de Solda Tifor/Talhas Manuais
SEVERIDADE
IMPOSSÍVEL (0) IMPROVÁVEL (1) REMOTA (2) OCASIONAL (4) PROVÁVEL (6) FREQUENTE (8) Conjunto oxi - corte Andaimes/cad.Suspensas
Catastrófica (9) Verde (0) Verde (1) Amarelo (18) Vermelho (36) Vermelho (54) Vermelho (72) X Lixadeira / Furadeira Escadas/Cavaletes
Crítica (6) Verde (0) Verde (6) Verde (12) Amarelo (24) Vermelho (36) Vermelho (48) Ferramentas Pneumática Pá/Enxada/Picareta/Alavanca
X
Marginal (3) Verde (0) Verde (3) Verde (6) Amarelo (12) Amarelo (18) Amarelo (24) Veículos e equip. Ind. Móveis Estropos/Cintas
Irrelevante (1) Verde (0) Verde (1) Verde (2) Verde (4) Verde (18) Verde (8) Compressor x Outros: ________________________
NÍVEL Inaceitável Marginal Aceitável
A operação é permitida
Medidas de contenção são necessárias para reduzir o risco
DO RISCO a níveis aceitáveis

NORMAS DE SEGURANÇA E TREINAMENTOS APLICÁVEIS A ESTA ATIVIDADE

x Etiquetamento E Bloqueio Permissão para Trabalhos a Quente Autorização para Escavação/Perfuração Estropos
x
Permissão para Ambientes Confinados x Equipamento de Proteção Individual Uso de Extensões para Tomadas x Isolamento de Área
x Prevenção de Quedas x Cores Inspeção Periódica de Segurança Talhas Manuais de Correntes Manuseio de Produtos Químicos
x
Uso de veic. E Equip. Ind. Móveis x Norma 3260 x Manuseio de Ferramentas Elétricas Portáteis x Outras:

MEDIDAS A SEREM ADOTADAS PELOS ENVOLVIDOS NA EXECUÇÃO DA TAREFA

x Isolar corretamente o local x Conhecer os meios de comunicação de emergência x Manter prática de housekeeping

x Realizar Etiquetamento e Bloqueio pessoal x Comunicar ao resp. da área operacional qualquer incidente x Participar do DDS e Divulgação da APR
x Inspecionar todas as ferramentas e equipamentos antes do uso x Cumprir as normas e procedimentos de segurança Outros: ______________________
x Manter e usar corretamente os epi's específicos para a tarefa x Não operar, ligar ou desligar qualquer equipamento de processo não x Check-list dos equipamentos
x Somente adentrar a área operacional após liberação do trabalho x especificado nesta APR (Válvulas, Botoeiras, Chaves Elétricas, etc)

MEDIDAS A SEREM ADOTADAS PELOS RESPONSÁVEIS PELA LIBERAÇÃO DO TRABALHO

x Liberar Trab. Altura/A Quente/Isolamento de área/Espaço Confinado Preencher Anexo de riscos operacionais
Realizar Medições de Espaço Confinado x Disponibilizar equipamentos de combate a incêndio (próx. ao local)
x Realizar Etiquetamento e Bloqueio primário garantindo o estado de energia zero x Informar os locais permitidos para trânsito de pessoas, higiene pessoal, descanso, disposição de materiais, equipamentos e resíduos, etc.

OUTRAS MEDIDAS E TREINAMENTOS ADICIONAIS

DISPOSIÇÃO DE RESÍDUOS

x Plástico Lixo Comum Borracha Outros: _________________________________________


Papel Fibra Cerâmica Resíduo Cáustico

OBS.: Os resíduos deverão ser dispostos nos containers específicos localizados nas praças de resíduos ou outro local determinado pelo responsável da área

Página 1
RESPONSÁVEIS PELA APROVAÇÃO APR Nº ______/_______

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

SUPERVISÃO / ANDERSON CELESTINO SANTIAGO ENGENHEIRO


GERENCIADORA DA
CONTRATADA
ANDRÉ CELESTINO SANTIAGO
ENGENHEIRO
NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

PROFISSIONAL DE ATINA DO SOCORRO CANTO FIGUEIRA TÉCNICO DE SEGURANÇA DO TRABALHO


SEGURANÇA DA
CONTRATADA

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

PROFISSIONAL DE
SEGURANÇA ALCOA

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

SUPERVISÃO DA ÁREA
(OPERAÇÃO /
MANUTENÇÃO)

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

TÉCNICO DE PRODUÇÃO/
Responsável da área

AUDITORIAS DURANTE A EXECUÇÃO DO TRABALHO

NOME LEGÍVEL ID/CHAPA EMPRESA CARGO DATA HORA ASSINATURA

AUTORIZAÇÃO PARA REINÍCIO DE TRABALHO APÓS INCIDENTE COMUNICAÇÃO DE EMERGÊNCIA

MOTIVO DA PARALIZAÇÃO:
EMERGÊNCIA

1. Disque o ramal de emergência ou meio de comunicação definido

2. Em incidentes com lesão ou choque elétrico, aguardar a chegada da ambulância; RAMAL: 9193
Para reinicio dos trabalhos foram adotadas medidas de controle cabíveis
3. Comunique a Supervisão do Trabalho, Supervisão da área operacional, Técnico de Segurança CELULAR: 93 9 8115-1738
40 MIN
Divulgação aos envolvidos 4. Mantenha a cena do incidente inalterada;
FAIXA RÁDIO: 1
Trabalho está autorizado para reinicio 5. Outra forma de comunicação: _______________________________________________________

30 MIN IMEDIATO

Página 2
Assinatura do Supervisor Data

Página 3
EXECUTANTES DA TAREFA APR Nº ___01___/__2022_____ TREINAMENTOS/DATA

NOME LEGÍVEL ID / CHAPA FUNÇÃO ASSINATURA Esp.Conf. Etiq. B. Prot.M. Trab.Q. Prev. Q

Prob
lema
?

Página 4
CADEIA DE AJUDA
GERENTES/SUPERVISOR: (Responsáveis por restabelecer o fluxo)

NOME: ANDERSON CELESTINO SANTIAGO

FUNÇÃO: ENGENHEIIRO

E-MAIL: contato@solueng.com.br

TELEFONE: (14)3012-1177

T.S.T: (Responsáveis por solucionar problema)

NOME: ATINA DO SOCORRO CANTO FIGUEIRA

FUNÇÃO: TÉCNICA DE SEGURANÇA DO TRABALHO

E-MAIL: contato@solueng.com.br

TELEFONE: (93) 98131-4604

ENCARREGADO: (Responsáveis por restabelecer o fluxo)

NOME: JOSÉ LEONIDIO DE FARIAS

FUNÇÃO: ENCARREGADO DE MECÂNICA

E-MAIL:

TELEFONE: contato@solueng.com.br

EXECUTANTE: (Responsável pela realização da Atividade e identificação do problema).

NOME:

FUNÇÃO:

E-MAIL:

TELEFONE:

Página 5
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO APR Nº ______/_______

DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO E ANÁLISE DE RISCO / WORK DESIGN (Anexo III)

*AO DETALHAR AS ETAPAS DA TAREFA A SER REALIZADA GARANTA QUE O TEXTO É CLARO E OBJETIVO, QUE OS PROCEDIMENTOS TÉCNICOS NECESSÁRIOS PARA REALIZAR A TAREFA COM SEGURANÇA ESTÃO CORRETOS. NÃO DEIXE DÚVIDAS PARA OS EXECUTANTES DESTA APR.

* CRITÉRIOS DE PARADA: SÃO SITUAÇÕES OU CONDIÇÕES AO DESEMPENHAR UMA TAREFA ESPECIFICA ONDE EXISTE MAIOR OPORTUNIDADE DO ERRO ACONTECER DEVIDO A PRESENÇA DE GATILHOS, QUE REQUEREM PARAR E PEDIR AJUDA ANTES DE PROSEGUIR. NÃO DEPENDE APENAS DA PESSOA
RECONHECER QUE ESTA NO MODO DE DESEMPENHO BASEADO EM CONHECIMENTO.

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

O condutor deverá conduzir o veiculo defensivamente, redobrando sua atenção com


1. MOBILIZAÇÃO DE outros veículos que trafegam no local.
Fazer o check list do veiculo antes de iniciar as atividades. Condutor dirigindo e falando no celular
MATERIAIS E FERRAMENTAS
UTILIZANDO CAMINHONETE. O equipamento deverá possuir alarme sonoro de ré;

METODO EXECUTIVO: O Atropelamento Não exceder a velocidade, respeitar o limite de velocidade de cada local, atentar e
condutor do veiculo irá respeitar a sinalização.
transportar colaboradores, Manter atualizado o plano de manutenção do equipamento;
materiais e feramentas para Fazer a sinalização e o isolamento do local através de cones, no perímetro em que o
frente de serviço. equipamento irá executar a atividade;
Disponibilizar sinaleiros com colete refletivo para o fluxo de veículos e/ou pessoas;

1.2.1. O MOTORISTA deverá ter CNH de categoria equivalente ao equipamento e treinamento em


direção defensiva de equipamentos móveis evidenciado em crachá. Condutor não obedecendo as placas de sinalização
OBS.: O MOTORISTA DO
VEICULO DEVERÁ Realizar check list do VEICULO diariamente antes de iniciar a atividade;
ESTACIONAR DE RÉ NOS
LOCAIS DE SERVIÇO Colisão Isolar e sinalizar o local da retirada dos materiais e identificar com etiqueta laranja;
SEGUINDO A ORIENTAÇÃO
DAS PLACAS DE O equipamento deverá possuir alarme sonoro de ré;
ESTACIONAMENTO
Atentar para limites de velocidade das placas de sinalização em cada local.

Isolar o local durante o carregamento e descarregamento, manter atenção durante o


carregar/descarregar de materiais no local da atividade; isolar com cones o local da atividade em todo o
perímetro

Só permanecer no local as pessoas envolvidas na atividade.


Atingido por VeÍculo parado sem sinalização
Definir antes de iniciar a atividade as pessoas que irão receber o material;

Durante a descarga manual, o veículo deve permanecer desligado.

Atentar para as condições do terreno aréas encharcadas e buracos.


OBS.: É PROIBIDO DIRIGIR E
Manter atualizado o Plano de Manutenção do equipamento e realizar o check list antes do uso; CONDUTOR EXECUTANDO MANOBRAS PERIGOSAS DESOBEDECENDO AS
FALAR AO CELULAR AO Tombamento do equipamento NORMAS
MESMO TEMPO, CASO TOQUE Atentar para limites de velocidade das placas de sinalização em cada local.
O CELULAR, PARE NO Não exceder o limite máximo da capacidade de carga do veiculo
ACOSTAMENTO SINALISE E
Não permanecer por muito tempo na mesma posição;
ATENDA O CELULAR.
O Colaborador ao realizar transporte manual de carga não deverá exceder o limite de peso de 23kg a
nivel da cintura e 15kg a nivel do solo.
Batido por Colaborador fazendo esforço fisico
Fazer uso de ferramenta adequada para atividade
durante a atividade não realizar brincadeiras ao transportar manualmente o material, ferramentas e
outros, podendo causar distrações

. Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa
provocar tropeços e quedas não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;
Queda de mesmo nível Materiais empilhados proximo do colaborador na retirada do veiculo.
Manter o housekeeping no local de trabalho;

Manter atenção ao se deslocar pela área;


2. Retirada dos Holofotes e Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada dos holofotes deverá manter posicionamento correto,
Cabeamento. utilizando plata forma coluna reta e ao abaixar flexionar os joelhos.
elvatória para acesso ao trabalho Risco ergonômico Colaborador permanecer por muito tempo na mesma posição
em altura Não permanecer por muito tempo na mesma posição;
Lixadeira e furadeira elétrica
Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos;
METODO EXECUTIVO
Após verificação geral e liberação para Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja.
início das atividades, será posicionada Contato com partes energizadas colaborador executando atividade sem realizar sem a completa ação do EBTV
a plataforma elevatória articulada na
Manter paineis elétricos fechado e identificados (RISCO E VOLTAGEM);
área central do galpão a equipe se
posicionará para a retirada
manualmente dos holofotes um a um e Somente iniciar a atividade apos realização do EBTV e o local estiver em estado de energia 0
iça-los por meio de mosquetão e corda
deverá iniciar a atividade após a liberação formal de trabalho em altura feita pelo colaborador
até o solo. Após os holofotes estar
devidamente treinado em trabalho em altura autorizado.
devidamente posicionado sobre o piso,
o profissional alocado no solo deverá
soltar o holofote desmontado e Página 6
2. Retirada dos Holofotes e
Cabeamento. utilizando plata forma
elvatória para acesso ao trabalho
em altura
Lixadeira e furadeira elétrica

METODO EXECUTIVO
Após verificação geral e liberação para
início das atividades, será posicionada
a plataforma elevatória articulada na
área central do galpão a equipe se
posicionará para a retirada
manualmente dos holofotes um a um e
iça-los por meio de mosquetão e corda
até o solo. Após os holofotes estar
devidamente posicionado sobre o piso,
o profissional alocado no solo deverá
soltar o holofote desmontado e Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória
armazená-lo em local específico. Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m
Não improvisar acesso
Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual
inspecionado com TAG e cor de inspeção periódica do mês;
Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;
Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;
Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;
Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
Queda de Nivel Diferente o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como Colaborador se expondo ao risco de queda
evidência da inpeção realizada no cinto de segurança e do talabarte.

Página 7
RISCOS OPERACIONAIS APR Nº ______/_______

Quedas Exposição a vapores Exposição a Particulado Inflamáveis/Explosivos

Espaço Confinado Pressões Anormais Exposição a Gases Produtos Químicos: Detalhar: _________________________________________

Eletricidade Radioatividade Equipamentos Móveis Outros: ____________________________________________________________

Transbordo Trânsito de veículos Industriais Projeção de metal líquido ___________________________________________________________________

DETALHAMENTO DOS RISCOS OPERACIONAIS IDENTIFICADOS ACIMA

RISCO MEDIDA PREVENCIONISTA CRITÉRIO DE PARADA

Página 8
RESPONSÁVEL PELO DETALHAMENTO DOS RISCOS OPERACIONAIS APR Nº ______/_______
ASSINATU
NOME LEGÍVEL ID FUNÇÃO DATA
RA

REUNIÃO DE ENTENDIMENTO/CONTRATADA

NOME LEGÍVEL ID / CHAPA FUNÇÃO ASSINATURAS

REUNIÃO DE ENTENDIMENTO / EHS ALCOA / KAIZEN

NOME LEGÍVEL ID / CHAPA FUNÇÃO ASSINATURAS

REUNIÃO DE PRÉ-TRABALHO

DATA:
NOME LEGÍVEL ID / CHAPA FUNÇÃO ASSINATURAS

AÇÃO RESPONSÁVEL DATA OBSERVAÇÃO

OBSERVAÇÕES:

Página 9
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

RESPONSÁVEIS PELA REVISÃO

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

SUPERVISÃO /
GERENCIADORA DA
CONTRATADA

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

PROFISSIONAL DE
SEGURANÇA DA
CONTRATADA

CIENTE DA REVISÃO DA APR

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE

PROFISSIONAL DE
SEGURANÇA ALCOA

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE


SUPERVISÃO DA ÁREA
(OPERAÇÃO /
MANUTENÇÃO)

NOME ID/CHAPA CARGO ASSINATURA RAMAL/TELEFONE


TÉCNICO DE PRODUÇÃO/
Responsável da área
Página 10
TÉCNICO DE PRODUÇÃO/
Responsável da área

Página 11
PLANO DE CONTROLE DE ENERGIA PARA ETIQUETAMENTO, BLOQUEIO E TESTE (Anexo VI) APR Nº ______/_______

FONTE DE ENERGIA PONTO DE ETIQUETAMENTO E BLOQUEIO (TAG) COMO FAZER O TESTE DE ENERGIA ZERO

RESPONSÁVEL PELO DETALHAMENTO DAS FONTES DE ENERGIA

NOME LEGÍVEL ID FUNÇÃO ASSINATURA DATA

Página 12
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO E ANÁLISE DE RISCO / WORK DESIGN (Anexo III)

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Continuação
Não improvisar ferramentas;
2. Retirada dos Holofotes e Cabeamento. Usar luvas de vaqueta durante o manuseio com Colaborador executando a atividade sem luva,
utilizando plata forma elvatória para Ferimentos de mãos e dedos ferramentas; expondo mãos e dedos
acesso ao trabalho em altura
Segurar fermemente os holofotes;

É expressamente proibido ter trabalho sobre posto;


A área de trabalho devera esta totalmente isolada e
sinalizada e identificada com etiqueta laranja;
Queda de Material Área não sinalizada corretamente
É proibido arremeçar peças, chaves e materiais

Não é permitido manter material espalhado sobre a plata


forma elevatória;
3. Retirada das Telhas e Estruturas Laterais
Só deverá iniciar a atividade após a liberação formal de trabalho em altura
METODO EXECUTIVO feita pelo colaborador devidamente treinado em trabalho em altura
será posicionada a plataforma elevatória do tipo autorizado.
tesoura nas laterais do galpão onde será isolada
uma área para um raio de trabalho seguro, evitando
que qualquer peça que possa desprender da
estrutura cause algum tipo de acidente. Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória
Com as plataformas posicionadas por debaixo da
cobertura lateral, as telhas serão retiradas uma de
cada vez utilizando esmerilhadeiras de 4 e ½” para Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de
corte dos ganchos de fixação até que a mesma 1,80m
esteja totalmente solta. Com a telha totalmente livre
dos ganchos de fixação, será realizado um furo para Não improvisar acesso
o içamento da mesma até o piso, ancorada por
mosquetão e corda.
Após a telha estar devidamente posicionada sobre o Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e
piso, o profissional alocado no solo deverá soltar a amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e cor de
mesma e armazená-la em local específico. Queda de Nivel Diferente Colaborador se expondo ao risco de queda
inspeção periódica do mês;

Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;

Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão


arteria

Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada das telhas

O cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-


list preenchido como evidência da inpeção realizada no cinto de segurança
e do talabarte.

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das telhas deverá


manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar flexionar os
joelhos.

Risco ergonômico Colaborador muito tempo na mesma posição


Risco ergonômico Colaborador muito tempo na mesma posição

Não permanecer por muito tempo na mesma posição;

Posicionar-se corretamente ao ter contato com o telhado, observando


partes arrebitadas da telha, manter as mão sempre com luvas para esta
etapa
Ferimentos de mãos e dedos Ferramenta improvisada

Segurar fermemente as telhas

Não improvisar ferramentas;

É expressamente proibido ter trabalho sobre posto;

A área de trabalho deverá estar totalmente isolada e sinalizada e


identificada com etiqueta laranja;
Queda de Material Área da atividade sem isolamento

É proibido arremeçar peças, chaves, materiais e ferramentas

Segurar fermemente os holofotes com ajuda de 2 colaboradores


DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO E ANÁLISE DE RISCO / WORK DESIGN (Anexo III)

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

A cada trecho de 2 ou 3 telhas Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá


retiradas serão cortados os realizar intervenções em equipamentos elétricos;
contraventamentos com
Manter isolado a frente de serviço e identificada com a
esmerilhadeiras de 4 e ½”, e içados até
etiqueta laranja.
o piso ancorados em 2 pontos por
Contato com partes energizadas Realizar check-list das ferramentas e extensões as Ferramentas sem inspeção e check-list
corda. Após o contraventamento estar
devidamente posicionado sobre o piso, mesmas devem estar inspecionadas de acordo com a
o profissional alocado no solo deverá cor do mês de inpeção
soltar o mesmo e armazená-la em local
O check-list deverá estar acompanhando as ferramentas
específico.
devidamente preenchido como evidencia da inspeção

Todos os envolvidos na atividades deverão possuir


treinamento de ensaio de vedação e manuseio de
produtos quimicos

Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2


para proteger a saúde do colaborador colaborador sem uso correto do do
Inalação de fumos metálicos
respirador PFF2
Somente iniciar atividade de serviço a quente após a
liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Todos os envolvidos na atividades deverão possuir


treinamento de trabalho aquente.
Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de
serviço

Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento Falta do extintor de incêndio no local do


Principio de incêdio de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA. serviço
falta de inspeção correta na área
Somente iniciar atividade de serviço a quente após a
liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Usar luvas de vaqueta durante o manuseio com


ferramentas
Não expor mãos e dedos no raio de ação ferramentas Colaborador expondo as mãos e dedos
Corte de membros superiores elátricas rotátivas. no raio de ação de ferramentas perfuros
cortantes
Não improvisar ferramentas;
usar todos os epis exigidos na atividade
Fazer uso de todos os EPI's específicos para trabalho A
quente
Queimadura
Todos os envolvidos na atividades deverão possuir
treinamento de trabalho aquente.
Não fazer uso do EPI adequado
Não fazer uso do EPI adequado
Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente
Partícula nos olhos
Todos os envolvidos na atividades deverão possuir
treinamento de trabalho aquente.
Fazer check list visual das ferramentas, não usar
ferramentas trincadas ou danificadas;
Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.
Fazer uso da luva de vaqueta;
Batido por Trabalho sobre posto
Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e


colocar a cor do mês;
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Fazer uso de luvas de vaqueta durante a retirada das vigas e treliças

colaborador colocando mãos e desdos em raio de


Prensamento de mãos e dedos Manter mãos e dedos fora do raio de ação dos pontos de prensamento
ação sem atenção

Observar atentamente o local em que for colocar as mãos ao ter o contato com as vigas e treliças

Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória

Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m

Não improvisar acesso

4. Desmontagem das terças e vigas


treliçadas laterais. Com uso de Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e
Caminhão Munck, anilhas e faixas cor de inspeção periódica do mês;
Queda de nível diferente colaborador se expondo ao risco de queda
OBS: As medidas de prevenção do
caminhão Munck, será contemplado na Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;
APR de atividades do caminhão
munck/içamento de carga

Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;
MÉTODO EXECUTIVO

Cada uma das peças será ancorada em 2 Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;
pontos por meio de anilhas e faixas, Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
suportadas pelo Caminhão Munck, para o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como evidência da inpeção realizada
que sejam retirados ou cortados os no cinto de segurança e do talabarte.
parafusos de fixação (caso esteja
emperrados por ferrugem) utilizando para
acesso aos mesmos a plataforma
elevatória tipo tesoura. Com as peças
devidamente desconectadas da estrutura
principal, será realizada o içamento e
acomodação sobre a carroceria do Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos;
caminhão, para posterior armazenamento
em local específico

Contato com partes energizadas Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja. Ferramentas sem Inpeção

Inpecionar ferramentas e equipamentos com a fita de cor do mês

Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa provocar tropeços e quedas
não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;

Manter o housekeeping no local de trabalho;


Área de trabalho sem organizaçãocom materiais
Queda de mesmo nível
espalhados, entulhados pelo chão
Manter atenção ao se deslocar pela área;
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das telhas deverá manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar
flexionar os joelhos.
Risco ergonômico/lesão/contusão Mesma posição por muito tempo

Não permanecer por muito tempo na mesma posição;

Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de ensaio de vedação e manuseio de produtos quimicos

colaborador sem uso correto do do respirador


Inalação de fumos metálicos Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2 para proteger a saúde do colaborador
PFF2

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de serviço

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Principio de incêdio Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA.
falta de inspeção correta na área

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente


Etapa 4 continuação

Queimadura Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

Não fazer uso do EPI corretamente


Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Partícula nos olhos Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

usar óculos de segurança contra impacto

Fazer check list visual das ferramentas, não usar ferramentas trincadas ou danificadas;

Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.

Batido por Trabalho sobre posto


Fazer uso da luva de vaqueta;

Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e colocar a cor do mês;


FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

É expressamente proibido ter trabalho sobre posto;

Mesma posição por muito tempo

A área de trabalho deverá estar totalmente isolada e sinalizada e identificada com etiqueta laranja;

Queda de Material

É proibido arremeçar peças, chaves, materiais e ferramentas

colaborador sem uso correto do do respirador


Segurar fermemente as vigas e treliças com ajuda de 2 colaboradores
PFF2

Manter atenção durante a retirada das vigas e treliças durante toda a atividade

Etapa 4 continuação Prensamento de Membros superiores

Não improvisar maneiras de retirar as vigas e treliças

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Usar luvas de vaqueta durante o manuseio com ferramentas
falta de inspeção correta na área

Não expor mãos e dedos no raio de ação ferramentas elátricas rotátivas.

Corte de membros superiores

Não improvisar ferramentas;

Usar todos os epis exigidos na atividade

5. Retirada das Telhas e Estruturas


Centrais
Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos; Não fazer uso do EPI corretamente

MÉTODO EXECUTIVO
Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja.

Após verificação geral e liberação para Contato com partes energizadas


início das atividades, será posicionada a
plataforma elevatória do tipo tesoura na inspecionar ferramentas e equipamentos com a fita de cor do mês
região central do galpão onde será
isolada uma área para um raio de
trabalho seguro, evitando que qualquer
peça que possa desprender da estrutura Manter paineis elétricos fechado e identificados (RISCO E VOLTAGEM);
cause algum tipo de acidente.

Só deverá iniciar a atividade após a liberação formal de trabalho em altura feita pelo colaborador devidamente treinado em
trabalho em altura autorizado.
Fazer uso da luva de vaqueta;
Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória
Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m
Não improvisar acesso Trabalho sobre posto
Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e
Queda de Nivel Diferente cor de inspeção periódica do mês;
. Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;
. Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;
Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;
Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como evidência da inpeção
realizada no cinto de segurança e do talabarte.
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das telhas deverá manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar
flexionar os joelhos.
Risco ergonômico/lesão/contusão Mesma posição por muito tempo
Etapa 5 continuação
Não permanecer por muito tempo na mesma posição;
Com a plataforma posicionada por
debaixo da cobertura central, as telhas
serão retiradas uma de cada vez
utilizando esmerilhadeiras de 4 e ½” para Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de ensaio de vedação e manuseio de produtos quimicos
corte dos ganchos de fixação até que a
mesma esteja totalmente solta.
Com a telha totalmente livre dos ganchos
de fixação, será realizado um furo para o colaborador sem uso correto do do respirador
Inalação de fumos metálicos Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2 para proteger a saúde do colaborador
içamento da mesma até o piso, ancorada PFF2
por mosquetão e corda.

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada
OBS: Após a telha estar devidamente
posicionado sobre o piso, o profissional
alocado no solo deverá soltar a mesma e
Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de serviço
armazená-la em local específico.

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Principio de incêdio Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA.
falta de inspeção correta na área

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Queimadura Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

Não fazer uso do EPI corretamente


Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Partícula nos olhos Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

usar óculos de segurança contra impacto

Fazer check list visual das ferramentas, não usar ferramentas trincadas ou danificadas;

Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.

Batido por Trabalho sobre posto


Fazer uso da luva de vaqueta;

Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e colocar a cor do mês;


FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Fazer uso de luvas de vaqueta durante a retirada das vigas e treliças

colaborador colocando mãos e desdos em raio de


Prensamento de mãos e dedos Manter mãos e dedos fora do raio de ação dos pontos de prensamento
ação sem atenção

Observar atentamente o local em que for colocar as mãos ao ter o contato com as vigas e treliças

Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória

Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m

Não improvisar acesso

Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e
cor de inspeção periódica do mês;
Queda de nível diferente colaborador se expondo ao risco de queda
6. cortes dos contraventamentos.
Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;

MÉTODO EXECUTIVO
Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;
A cada trecho de 2 ou 3 telhas retiradas
com esmerilhadeiras de 4 e ½”, e içados
Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;
até o piso ancorados em 2 pontos por
Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
corda. Após o contraventamento estar
o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como evidência da inpeção realizada
devidamente posicionado sobre o piso, o
no cinto de segurança e do talabarte.
profissional alocado no solo deverá soltar
o mesmo e armazená-la em local
específico.

Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos;

Contato com partes energizadas Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja. Ferramentas sem Inpeção

Inpecionar ferramentas e equipamentos com a fita de cor do mês

Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa provocar tropeços e quedas
não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;

Manter o housekeeping no local de trabalho;


Área de trabalho sem organizaçãocom materiais
Queda de mesmo nível
espalhados, entulhados pelo chão
Manter atenção ao se deslocar pela área;
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das telhas deverá manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar
flexionar os joelhos.
Risco ergonômico/lesão/contusão Mesma posição por muito tempo

Não permanecer por muito tempo na mesma posição;

Etapa 6 continuação
Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de ensaio de vedação e manuseio de produtos quimicos

Após a telha estar devidamente


posicionado sobre o piso, o profissional colaborador sem uso correto do do respirador
Inalação de fumos metálicos Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2 para proteger a saúde do colaborador
alocado no solo deverá soltar a mesma e PFF2
armazená-la em local específico.

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de serviço

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Principio de incêdio Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA.
falta de inspeção correta na área

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Queimadura Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

Não fazer uso do EPI corretamente


Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Partícula nos olhos Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

usar óculos de segurança contra impacto

Fazer check list visual das ferramentas, não usar ferramentas trincadas ou danificadas;

Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.

Batido por Trabalho sobre posto


Fazer uso da luva de vaqueta;

Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e colocar a cor do mês;


FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Fazer uso de luvas de vaqueta durante a retirada das vigas e treliças

colaborador colocando mãos e desdos em raio de


Prensamento de mãos e dedos Manter mãos e dedos fora do raio de ação dos pontos de prensamento
ação sem atenção

Observar atentamente o local em que for colocar as mãos ao ter o contato com as vigas e treliças

Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória

Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m

Não improvisar acesso


7. Desmontagem das terças com uso
de caminhão Munck e plata forma
elevatória Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e
cor de inspeção periódica do mês;
OBS: Queda de nível diferente colaborador se expondo ao risco de queda
(as etapas e medidas de segurança do
Caminhão Munck e da Plata forma Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;
elevatória, serão contempladas em
APR especifíca)

Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;
MÉTODO EXECUTIVO
Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;
Cada uma das terças será ancorada em 2 Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
pontos por meio de anilhas e faixas, o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como evidência da inpeção realizada
suportadas pelo Caminhão Munck, para no cinto de segurança e do talabarte.
que sejam retirados ou cortados os
parafusos de fixação (caso esteja
emperrados por ferrugem) utilizando para
acesso aos mesmos a plataforma
elevatória tipo tesoura. Com as peças
devidamente desconectadas da estrutura
principal, será realizada o içamento e Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos;
acomodação sobre a carroceria do
caminhão, para posterior armazenamento
em local específico.
Contato com partes energizadas Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja. Ferramentas sem Inpeção

Inpecionar ferramentas e equipamentos com a fita de cor do mês

Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa provocar tropeços e quedas
não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;

Manter o housekeeping no local de trabalho;


Área de trabalho sem organizaçãocom materiais
Queda de mesmo nível
espalhados, entulhados pelo chão
Manter atenção ao se deslocar pela área;
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das terças deverá manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar
flexionar os joelhos.
Risco ergonômico/lesão/contusão Mesma posição por muito tempo

Não permanecer por muito tempo na mesma posição;

Etapa 7 continuação
Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de ensaio de vedação e manuseio de produtos quimicos

colaborador sem uso correto do do respirador


Inalação de fumos metálicos Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2 para proteger a saúde do colaborador
PFF2

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de serviço

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Principio de incêdio Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA.
falta de inspeção correta na área

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Queimadura Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

Não fazer uso do EPI corretamente


Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Partícula nos olhos Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

usar óculos de segurança contra impacto

Fazer check list visual das ferramentas, não usar ferramentas trincadas ou danificadas;

Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.

Batido por Trabalho sobre posto


Fazer uso da luva de vaqueta;

Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e colocar a cor do mês;


FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

8.a desmontagem das Traves com uso


de caminhão Munck
Fazer uso de luvas de vaqueta durante a retirada das vigas e treliças

OBS:
(as etapas e medidas de segurança do colaborador colocando mãos e desdos em raio de
Caminhão Munck e da Plata forma Prensamento de mãos e dedos Manter mãos e dedos fora do raio de ação dos pontos de prensamento
ação sem atenção
elevatória, serão contempladas em
APR especifíca)

Observar atentamente o local em que for colocar as mãos ao ter o contato com as vigas e treliças

MÉTODO EXECUTIVO

Cada uma das Traves será ancorada em Manter os três pontos de apoio ao subir e descer da plata forma elevatória
2 pontos por meio de anilhas e faixas,
suportadas pelo Caminhão Munck, para
que sejam retirados ou cortados os
parafusos de fixação(caso estejam Ser devidamente treinado para execução de trabalho em altura apartir de 1,80m
emperrados por ferrugem).

Não improvisar acesso

Utilizar cinto de segurança tipo paraquedista com dois talabartes e amortecedor de impacto individual inspecionado com TAG e
cor de inspeção periódica do mês;
Queda de nível diferente colaborador se expondo ao risco de queda

Deverá estar com os dois talabartes atracados em altura acima da cabeça;

Trabalhos acima de dez metros deverá ser realizada a aferição da pressão arterial;

Deverá seguir procedimento de trabalho em altura da contratante;


Não se posicionar para o lado de fora da estrutura para a retirada dos holofotes
o cinto de segurança deverá estar devidamente acompanhado pelo check-list preenchido como evidência da inpeção realizada
no cinto de segurança e do talabarte.

Somente eletricista qualificado conforme a NR10 poderá realizar intervenções em equipamentos elétricos;

Contato com partes energizadas Manter isolado a frente de serviço e identificada com a etiqueta laranja. Ferramentas sem Inpeção

Inpecionar ferramentas e equipamentos com a fita de cor do mês

Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa provocar tropeços e quedas
não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;

Manter o housekeeping no local de trabalho;


Área de trabalho sem organizaçãocom materiais
Queda de mesmo nível
espalhados, entulhados pelo chão
Manter atenção ao se deslocar pela área;
FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada das traves deverá manter posicionamento correto, coluna reta e ao abaixar
Etapa 8 continuação flexionar os joelhos.
Risco ergonômico/lesão/contusão Mesma posição por muito tempo
Após isso a área será devidamente Não permanecer por muito tempo na mesma posição;
isolada para que a Trave possa ser
inclinada com segurança até ser
posicionada ao solo. A cada estrutura
acomodada ao solo, haverá a
desmontagem e separação das 3 peças Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de ensaio de vedação e manuseio de produtos quimicos
que constituem essa estrutura. Em
seguida será feito o tagueamento das
mesmas de acordo com mapa de colaborador sem uso correto do do respirador
montagem/desmontagem da estrutura. Inalação de fumos metálicos Fazer uso de respirador devidamente qulificado PFF2 para proteger a saúde do colaborador
PFF2
Após a estrutura estar devidamente
desmontada, o profissional alocado no
solo deverá armazená-la em local
específico Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Manter extintor de Pó Químico PQS ou CO2 na frente de serviço

Falta do extintor de incêndio no local do serviço


Principio de incêdio Os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho Aquente evidênciado em carteira de SSMA.
falta de inspeção correta na área

Somente iniciar atividade de serviço a quente após a liberação por pessoa autorizada e devidamente treinada

Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Queimadura Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

Não fazer uso do EPI corretamente


Fazer uso de EPI's especificos para trabalho A quente

Partícula nos olhos Todos os envolvidos na atividades deverão possuir treinamento de trabalho aquente.

usar óculos de segurança contra impacto

Fazer check list visual das ferramentas, não usar ferramentas trincadas ou danificadas;

Segurar firmemente a ferramenta durante a atividade.

Batido por Trabalho sobre posto


Fazer uso da luva de vaqueta;

Não improvisar ferramentas;

Antes do inicio da atividade inspecionar as ferramentas e colocar a cor do mês;


FOLHA DE REVISÃO (Anexo IV)
DETALHAMENTO DA TAREFA E ANÁLISE DE RISCO/ WORK DESIGN APR Nº ______/_______
DATA: _____/_____/_____

ETAPA RISCO MEDIDAS PREVENCIONISTAS CRITÉRIO DE PARADA

9. Desmobilização
Fazer uso de luvas de vaqueta durante a retirada das vigas e treliças
Organização da área após o
encerramento da atividade

colaborador colocando mãos e desdos em raio de


Prensamento de mãos e dedos Manter mãos e dedos fora do raio de ação dos pontos de prensamento
ação sem atenção
6.4.1 Ao término das atividades, deverá
ser feita a limpeza de da área onde
houve a intervenção para retirada da Observar atentamente o local em que for colocar as mãos ao ter o contato com as vigas e treliças
torre, de modo a entregá-la
completamente limpa e organizada.
Será utilizado o caminhão Munck para
auxiliar nessa atividade Realizar inspeção antes de iniciar a atividade e deixar o piso livre de qualquer obstáculo que possa provocar tropeços e quedas
não deixar material espalhados pelas áreas de movimentação de pessoas;

Manter atenção ao se deslocar pela área;

Queda de mesmo nível Acesso improvisado

Não improvisar acesso

manter housekeeping no local de trabalho;

Durante a atividade ao posicionar-se para a retirada dos materiais, entulho, destroços deverá manter posicionamento correto,
coluna reta e ao abaixar flexionar os joelhos.

Risco ergonômico/lesão/contusão Não permanecer por muito tempo na mesma posição; Colaborador arregar excesso de peso

Não exceder o limite tolerado de peso de 23 kg a nivel da cintura e 15 kg a nivel do solo

usar óculos de segurança contra impacto

Usar capacete de segurança com jugular Improviso de ferramenta

Batida por manter atenção ao se deslocar pela área;

Não improvisar ferramentas;

Fazer uso da luva de vaqueta;

Área de trabalho sem isolamento

A área de trabalho devera esta totalmente isolada e sinalizada e identificada com etiqueta laranja;

Queda de Material

É proibido arremeçar peças, e materiais

Você também pode gostar