Você está na página 1de 107

Por 

Fernando Aparecido
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sacr
Sacram
amen
ento
toss e Ritu
Rituai
aiss de
Umbanda
Da Iniciação ao Sacerdócio

Autor
Fernando Aparecido
Permitida
Permitida á reprodução
reprod
reprodução
ução dessa obra, mediant
med
mediante
median
iante
tee prévia
prévia
autorização do autor

Todos
To
Todo
doss os dire
direi
dirreit
di eito
itos
tos
oss rese
reserv
rvado
rvad
ados.
os.
s.

São1ªPaulo
Ediç -
Edição SP  – Brasil
ão - 201
20155

2
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Índice
Palavra do autor .....................................................................
..................................................................
..................................
................................ .......................................5
.....................................5.....5
..5
Introdução .................................................................................6
Sobre o autor ...........
.....
..........
...........
..........
..........
...........
..........
............
..........
............
...........
...........
............
...........
............
............
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
...........
.........8
......8
...8
.8
O batismo .................................................................................11
Os padrinhos
padrinhos ............
......
..........
...............
...........
..........
...........
...........
............
............
............
...........
...........
...........
...........
............
............
............
............
...........
...........
...........
...........
............
............
.........13
......13
...13
13
O amaci ....................................................................................14
Preparando o amaci ................................................................14
Amaci dos Orixás ............
..........
................
..... ............
...........
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
..........15
.......15
....15
.15
Entrega
Entreega
Entr ga das guias ............
..........
................
..... ............
...........
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
..........16
.......16
....16
.16
Assentamento
Assentament
Assenttamento
Assen amentoo dos Orixás na Umbanda ......... ........
...............
... ..........
...........
..........
...........
..........
............
..........
........17
.......17
...17
.17
Assentamento de Exu .............................................................17
................................
............................. ................................17
.............................17
Assentamento de Ogum ..........................................................20
..................................
..........................................................20
........................20
Assentamento de Xangô .........................................................22
..................................
................................ .........................22
.......................22
Assentamento de Iansã ...........................................................24
.................................
.............................. .............................24
..........................24
Assentamento de Oxossi .........................................................26
.................................
.........................................................26
........................26
Assentamento de Oxum ..........................................................29
..................................
..........................................................29
........................29
Assentamento de Yemanjá .....................................................30
...................................
................................ .....................30
..................30
Assentamento
Assentament
Assenttamento
Assen amentoo de Obaluayê .......... ...............
...........
..........
............
..........
..........
...........
..........
...........
...........
............
............
............
...........
........32
.....32
..32
32
Assentamento de Nanã ...........................................................34
..................................
...........................................................34
.........................34
Assentamento de Oxalá ..........................................................35
.................................
.............................. ............................35
.........................35
A coroação .....................................................................
..................................................................
...................................
...............................................................................38
............................................38
.............38
..........38
A preparação da cerimônia ...................................................38
.................................
...................................................38
..................38
A coroação do Ogã ..................................................................39
.................................................................
.................................
..................................................................39
.................................39 .39
Casamento na Umbanda ........................................................40
A cerimônia matrimonial .......................................................41
...................................
................................ .......................41
....................41
O ato fúnebre na Umbanda ...................................................42
...................................
................................ ...................42
................42
Camarinha ...............................................................................44
O Reforço de santo .................................................................45
.................................
....................................
.................................................................45
................................45
.............................45
Hierarquia na Umbanda ........................................................45
3
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Defumação ...............................................................................50
Banhos ....................................................................
.................................................................
.................................
......................................................................................51
.....................................................51
.....................51
..................51
Recomendaç
Recomendaçõe
Recomeendações
Recom ndações õess finais ..........
...............
...........
............
..........
..........
...........
...........
...........
...........
............
...........
............
............
...........
............
...........
...........
...........5
.......56
.....56
..566
Ponto
Pon tos,preces
spreces
Rezas,precant
cantado
Rezas,prec
Rezas,
Rezas ntad
esados,
ces eos,
s, reza
rezas,
orações
oraçõe s, prec
preces es..........
s ...........
.....
.......... e ..........
...........
.......... oraç
or açõe
........... ões
............s...........
.......... ....
..............
....................
........... ....
....
........
........... ....
....................
............
...............
....
........
............
........... ..62
.........64
.......6462
...64
.64
Ponto riscado ...........................................................................76
Signos & Orixás ..........
...............
...........
............
..........
..........
............
...........
...........
............
...........
...........
............
...........
............
............
...........
............
...........
...........
............
..........9
........94
.....94
..944
Homenagem a Mãe Menininha..................................
Menininha............................................101
Menininha............................................101 ..........101

4
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Palavra do Autor

“A Umba
Umband
nda
a é verd
ver
verdad
rdade
da
adei
deir
eira
iram
ram
ame
men
ente
ent
nte
te
e as
portas abertas da oportunidade
para se evoluir como pessoa e como
espírito”

(Fernando D’Ogum)

5
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Introdução
Essa é uma obra instrutiva de conceitos básicos da
religi
religião
ão Umband
Umbanda. a. Escri
Escrita
ta de modo
modo pragmá
pragmátic
ticoo para
para
todo tipo de publico, seja ele (a) um simpatizante,
médium e até para sacerdotes. Pois conhecimento é
ind
indispe
ispennsáv
sável para
ara uma
uma ba
base
se sóli
sólidda de tod
toda fund
ndaç
açãão.
Cons
Constr
truí
uída
da atra
atravé
véss de uma
uma long
longaa pe
pesq
squi
uisa
sa junt
juntoo às
comun
comunidaidades
des Umban
Umbandisdista,
ta, Espíri
Espírita
ta e Candom
Candomble blecis
cista.
ta.
Revelações e ensinamentos com o intuito de
desm
desmisisti
tifi
fica
carr vá
vári
rios
os co
conc
ncei
eito
toss da reli
religi
gião
ão.. De
Dest
stac
acan
andodo
um estudo completo sobre os assentamentos dos
Orix
Orixás
ás na Umba
Umband nda.
a. Um dedeta
talhad
lhadoo mon
monólólog
ogoo sob
sobre
re os
principais rituais e sacramentos da Umbanda, como
  batismo, amaci, casamento
casamento e ato fúnebre.
fúnebre.
Nessa obra o le leitor também terá em posse, umum
comp
compil
ilad
adoo de inst
instru
ruçõ
ções
es sobr
sobree de
defu
fuma
maçã
ção,
o, ba
banh
nhos
os de
ervas, banhos naturais e banho de sal grosso, como
proceder com toda parte ritualística, ant
antes, durante e
após
após o banh
banho.
o.
Com um capitulo exclusivo para explicar toda a
hie
hierarqu
rquia na Umba
Umband ndaa, mo
mostr
stran
anddo que
que tod
odaa peça é de
extr
extrem
emaa impo
import
rtân
ânci
ciaa pa
para
ra elev
elevaç
ação
ão de um todo
todo grup
grupo.
o.
6
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Também vamos retratar toda ritualística que


envolve os pontos riscados, tod toda uma explicação dos dos
fundamentos, com uma apresentação de mais de 70
pontos riscados da linha de Exu e Pomba-Gira.
Conc
Co nclu
luin
indo
do o raci
racioc
ocínínio
io,, uma
uma estr
estrut
utur
uraa de símb
símbololos
os e
suas
suas asso
associ
ciaç
açõe
õess na
nass escr
escrit
itas
as sagr
sagrad
adas
as do
doss Orix
Orixás
ás..
Com uma
Com uma ap
apre
rese
sent
ntaç
ação
ão da
da rela
relaçã
çãoo entr
entree os sign
signos
os
do zo
zodíaco e os sagrados Orixás, pl planetas regentes,
cara
caract
cter
erís
ísti
tica
cass e tudo
tudo que
que en
envo
volv
lvee esse
esse tema
tema..

7
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sobre o Autor

Fernando Assis é um médium Umbandista,


nascid
nascidoo em
em 199
1992,
2, no
no estad
estadoo de São Paulo
Paulo-- Capita
Capital.l.
Teve
Teve conta
ntato com os espír
spírit
itoos ainda
inda muit
muitoo jov
jovem
em,,
foi por volta dos seus nove anos de idade, quando teve
o que
que muit
muitos
os esp
espír
írit
itas
as cham
chamam
am de “o desp
desper
erta
tar”
r” para
para o

mund
mu ndo
freq
freqüeonteext
üent extra
ara-f
li-fís
ligaísic
ico.
gaçã o.
ção Mome
Mo
o comment
com o nto
o ndo
qua
qual
mund
mu o lespi
esco
come meça
piri çaal,,ser
ritu
tual sepe
r ríod
perímais
ma iso
odo
em que somos destacados por diversos motivos, par para
comple
completar
tar junto
junto ao unive
universo
rso espiri
espiritua
tual,l, missõe
missõess qu quee ao
long
longoo do
do temp
tempoo ficficam
am cada
cada ve
vezz mais
mais ev
evid iden
ente
tes.
s.
Aos dezesseis anos de idade, ai
ainda continua e
cada vez mais notável sua ligação com o mundo
espiri
espiritua
sent
sentimtual,
imen l,tosaté
ento astée então
entãoidos
sent
sentid descon
desconhec
hecido
os mist
mi os,,ido.
stos de. medo
Uma
Umdo,
me a ,Con
Consta
stanci
curi
curiosncia
osid a edee
idad
ade
incompreensão.
Órfão
Órfão de Pai,
Pai, tercei
terceiro
ro filho
filho de
de qua
quatro
tro irm
irmãos
ãos,, sua
mãe Pernambucana, mas de descendência indígena e
de muitos saberes místicos que trouxe da Umbanda de
Cabo
Cabocl
clo,
o, qu
quee mais
mais tard
tardee fora
foram
m pa
pass
ssad
ados
os á Fern
Fernan
ando
do..

8
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Fern
Fernan
andodo enentã
tãoo é leva
levadodo po
porr seu
seu irm
irmão
ão mais
mais
velho, á um centro de Umbanda cujo qual ele
freqüentava. Centro qual mais tarde Fernando é
inic
inicia
iado
do ao cu cult
ltoo de Umba
Umband nda,
a, e logo
logo acon
aconte
tece
ce sua
sua
primeira incorporação,
incorporação, o Preto-Velho
Preto-Velho Sebastião, desde
desde
entã
en tãoo mu
muita
itas fora
oram às exp xpli
liccaçõe
açõess e defi
efiniç
nições do qu
que
acon
acontetece
ceri
riaa co
com
m ele.
ele.
Fer
Ferna
nand
ndoo se
se dedic
dicou a seu
seu des
deseenvo
volv
lvim
imeento,
nto,
semp
sempre
re bu
busc
scad
adoo co
conh
nhec
ecim
imen
ento
toss reli
religi
gios
osos
os,, nes
nesse
se meio
meio
temp
tempo,
santer
san o,ia,seespi
teria, depa
de paro
espirit rouuo co
ritism
ismo com
e omterrec
tera recô.
Quim
Quô.imba
band
nda,
Busco
Bu a,
scouu oosaber
Cand
Caer
sab ndom
ombl
até blé,
emé,
filosofias de extrema complexidade como a rosa cruz,
cabala, e maçonaria. Também é conhecedor da
quiromancia, cartomancia, merindinlogun,
cris
crista
talo
lotetera
rapi
piaa e magi
magiaa eg
egíp
ípcicia.
a.
Fern
Fernan
ando
do Atua
Atualm
lmen
ente
te po
poss
ssui
ui sete
sete an
anos
os de
dedi
dica
cado
doss

táeóU
lomgobanedateoesmófilciotu, rgem
eim
a eesepsetcuidaol s.deÉ repleisgqiõueissaddoer 
matrizes africanas, fez diversos cursos de
especialização e complementares sobre religião,
trabalha com entidades das sete linhas de trabalho de
Umbanda, é fundador de uma entidade filantrópica
reconhecida na comunidade Umbandista, e se dedica
inte
integgralm
almente
nte a diss
disseemina inação dodo est estududoo e litu
liturrgia
gia da
Umband
Umbandaa no Brasil
Brasil..

9
Sacramentos e Rituais de Umbanda

10
Sacramentos e Rituais de Umbanda

O batismo
O batismo
smo é um dos primeiros sacramentos que é
real
realiz
izad
adoo para
para todo
todo aque
aquele
le qu
quee de
dese
seja
ja segu
seguir
ir algu
algum
m tipo
tipo
de doutrina religiosa. Está presente dentro de vários
conceitos religiosos, e na Umbanda o batismo é
fundamental.
O Bat
Batis
ismo
mo na Umba
Umband
nda,
a, assi
assim
m co
como
mo em ou
outr
tros
os
seg
aseqguueilm
esenqtuoes treenlihgaim
osoos, al
asó
slóto pca
coadrgeo sede
drenrtreoalido
dzoadogr
grupo
ppoor 
relig
eligioioso
so e saisaiba co commo prproc
oceede
derr cocomm a cerimôn imônia ia.. No
No
caso
caso da Umb Umban anda da ele
ele é realiz
ealizadadoo por um Bab Babalo alorixá
ixá ou
Yalorixá.
O batismo na Umbanda é semelhante a qualquer 
batismo, tem sua base fundamentaria no batismo
cristão. Ocorre com a imersão do iniciado em água
pura, para assim representar um rito de passagem,
puri
pu rifi
fica
caçã
çãoo e reno
renova
vaçã
ção,
o, reco
reconhnhec
ecen
endo
do os pe
peca
cado
doss e
falhas, e assim diante de Deus e os Orixás passaram
para uma nova vida, assumidamente uma nova
dout
do utrrina
ina relig
eligiiosa
osa. Esse
Esse sacr
sacraamen
ento
to é indi
indisp
spen
ensá
sávvel
para todo aq aquele que deseja ter uma vida plena de
religiosid
religiosidade,
ade, seja qual seguimen
seguimento to for.

11
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Os batismos na Umbanda podem ser realizados


em ceri
erimôni
môniasas den
entr
troo do Tem
Templo
plo, em uma uma cer
cerimôn
imônia
ia
mais
mais fech
fechad
adaa e rese
reserv
rvadada,
a, ou ao ar livr
livre,
e, na
nass cach
cachoe
oeir
iras
as
ou até na praia. Isso pode variar de acordo com a
doutri
doutrina
na do respo
responsá
nsável
vel pela
pela cerimô
cerimônia
nia..
Embora seja uma das principais cerimônias e
sacram
sacrament
entos,
os, costum
costumaa ser bem singel
singela,
a, são necess
necessár
ários
ios
para a realização al
alem da vontade do mé médium, umuma
vela
vela espe
specif
cifica de ba
bati
tism
smoo e um pan
anoo bra
branco
co.. A vela
ela

 bdatizado
e batismelao rfica
epresacesa
enta orepresentando
anjo da do
representan guaardapresença
, e ao sdo
er 
anjo
anjo da gua
guarda
rda,, (a proteç
proteção)
ão) no moment
momentoo do batism
batismo,
o, e
um pano branco sobre a coroa do médium, o
protegendo de quaisquer influencias negativas.
Geralmente essa vela fica com a pessoa que foi
bati
batizzad
adaa. E tem
tem tota
totall lib
liberd
erdade para
ara acen
endêdê--la semp
semprre
que achar necessário, pois essa vela esta ligada ao
cnheaceksrasitacrodroenuám
rioalídvoio men
méndtiaulmel,e peodseem
me acpernedeqruaeveellae,
e colocar o pano sobre a cabeça, e por alguns minutos
ele pode canalizar boas energias e meditar um pouco
sobre suas ultimas ações, serve como uma válvula de
esc
escapapee do mun undo
do exte
xterior
ior. E semsempre ao fina inal de seu
seu
momento de reflexão ele deve apagar a vela sempre
com
co m os de dedo
dos, s, nu
nunc
ncaa asso
assopr
pran
andodo..

12
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Os padrinhos

Geralmeum
 padrinhos, nte éhomem
o médieum uma que mulher,
escolhe snão
eus
necessariamente precisam ser um casal, podem serser as
  pes
pessoa
soas de sua total preferência. Obviamente que eles
também
também terão
terão que aceita-l
aceita-loo como afilhado
afilhado..
Os padrinhos, quando assumem tal
responsab
responsabilida
ilidade,
de, estão não somente
somente assumindo
assumindo uma
rco
esmpr
ponromis
comp sabisso
om ilso
idacdom
e seu
coums pais,
se aios, De
méudsiuemos, Orix
Deu Oreixás
si.mA ele
ás. um
eles
s
compe
competete à posiçã
posiçãoo de segund
segundoo pai no caso
caso do padr
padrinh
inho,
o,
e segunda mãe no caso de madrinha, são eles que
deveram lhe orientar e zelar por sua trajetória
espiritual.
Também temos os padrinhos espirituais. Sã São os
Orixás adjuntos, mas esses são revelados pelo
Bab
Babalor
alorix
ixáá ou Ya
Yalo
lorrixá
xá.. E tem a mesmasma funç
nçãão dos
padrinhos carnais. Os Orixás adjuntos também
chamados de (padrinhos) zelam e orientam junto aos
Ori
Orixá
xáss de fren
ente
te (os pa
pais
is de Cabe
Cabeça
ça)) do méd
édiu
ium.
m.
Lembrando que a coroa de um médium pode ser 
Orixás, (o pai e mãe de
constituída por até quatro Ori
cabe
cabeça
ça,, e os pad
padr
padri
adrin
rinh
inhos
nhos
hos,
os,, podem
pod
pode
podem
em
m ser
se
serr dois
doi
doiss ou apena
ape
apen
apenas
nas
ass
um Orixá)
Orixá) observ
observand
andoo que Oxalá
Oxalá rege
reg
regee todos
todos nós.
nós.
13
Sacramentos e Rituais de Umbanda

O Amaci
O ama
amaci é um dos principais rituais de Umbanda,
  pois
pois o mesm
mesmoo cons
consis
istte em um ba banh
nhoo de pu
puri
rifi
fica
caçã
ção,
o, de
de
determinadas ervas correspondentes ao Orixá do
médi
médiumum,, um
um ba banh
nhoo aplaplic
icad
adoo exc
exclulusi
siva
vame
mentntee no Ori
Ori
(cabe
cabeçça) pa
parra pre
prepara
arar ou tortorna
narr recep
ceptivo
tivo a cabe
cabeçça do
médi
médiumum,, alin
alinha
hand
ndoo ass
assim
im a vibr
vibraç
ação
ão do médi
médiumum pa
para
ra
quee ele
qu ele po
poss
ssaa inco
incorp
rpor
orarar seu
seu Orix
Orixá.á.

Preparando o Amaci.
O am
amaci é preparado pe pelo didirigente, e deve ser 
feito da seguinte forma. O dirigente qual fica a cargo
da pre
prepa
parração
ção do am
amaci,
aci, de
deve semp
semprre tom
tomar pre
preceit
ceitoo
antes mesmo da colheita das folhas. Abster-se de
rela
relaçõ
ções
es sexu
sexuai
ais,
s, be
bebi
bida
da alco
alcoól
ólic
icaa e carn
carnee ve
verm
rmel
elha
ha..
Na prep
prepar
araç
ação
ão do amac
amaci,
i, o dir
dirig
igen
ente
te de
deve
ve esta
estar r 
com seu anjo da guarda firmado, e ter as mãos
iman
imanta
tada
dass co
com
m alfa
alfaze
zema
ma.. Na prep
prepar
araç
ação
ão,, o dirig
dirigen
ente
te
deve observar se as folhas estão co
com caule, po pois eles
não se
servem para o ba
banho, se
sendo as
assim devem ser 

14
Sacramentos e Rituais de Umbanda

retira
retirados
dos antes
antes do prep
preparo
aro,, o banho
banho só é prepa
preparad
radoo com
as folh
folhas
as..

Na hora do prpreparado asas folhas já devidamente


lavadas em água corrente, devem ser colocadas em
uma bacia de louça branca ou em uma bacia de ágata.
A água utilizada na preparação deve ser colhida nos
pontos de força da natureza, cac
cachoeira, mamar, min
minas e
font
fontes
es.. Depo
Depois
is de prep
prepar
arad
adoo o ama
amacici,, ou seja
seja,, a ba
baci
ciaa
com as ervas já maceradas, deve ser colocada próximo
avoelaco
csondgea,coeresfircmoarrdeospco
coonm
dendtesteramoinOr
Oadrioxá,nú
núemceorobsertdoe
com um pano br branco, e deixar-lo em em repouso at até a
hora
ho ra da ceri
cerimô
môni nia.
a.

Amaci dos Orixás


Ama
Amaci OxOxaalá  – Água de fonte, tapete de Oxalá (boldo)
e flor
flor de lara
laranj
njei
eira
ra mace
macerarada
das,
s, cur
curti
tida
dass po
porr 24 hor
horas
as..
Amaci Oxum – Água de cachoeira, co colônia, rorosa
branca e malva branca macerada e curtida por 24
horas.
Amaci Oxossi – Água de rio, guine e alecrim,
mac
macera
erada e cu
currtid
tida po
porr 3 dia
dias.
Amaci Ogum – Água de rio, e folhas de mangueira,
mac
macera
erada e cu
currtid
tida po
porr 7 dia
dias.

15
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Ama
Amaci Iansã – Água de rio, ca cachoeira ou da da chuva,
com rosas branca, gui guine e alecrim macerada e curtida
  por
por 7 dia
dias.
s.
Ama
Amaci Nanã – Ág Águaua de rio ou lago
lago,, com
com crisâ
risânntem
temo
lilás ou br
branco, e folhas de guine, ma macerada e curtida
  por
por 3 dia
dias.
s.
Amaci Obaluayê – Água de rio ou lago, com
crisân
crisântem
temoo branco
branco,, macer
macerada
ada e curtid
curtidaa por 24 horas.
horas.
Amaci Xangô – Água de cachoeira, co com folhas de
manj
manjereric
icão
ão roxo,
roxo, macer
macerad
adaa e cu
curt
rtid
idaa po
porr 24
24ho
hora
ras.
s.

Entrega das guias


Geralmente ocorre um singelo ritual que
chamamos de entrega das guias. Esse ritual ocorre logo
após
após o amac
amaci, i, e ba
basi
sica
came
ment
ntee co
cons
nsis
iste
te em o Baba
Babalo
lori
rixá

entr
entreega
garr as guias
uias já prep
repara
aras ao filh
filhoo (a)
(a) apó
póss o amac
amaci.
i.
Anteri
Ante rior
orme
ment
ntee ao amac
amaci,i, o fil
filho
ho já de
deve
ve de
deix
ixar 
ar 
em posse
osse do Baba
Babalo
lorrixá as co
cont
ntaas, qu
quee ser
serão lav
lavada
das,
s,
iman
imanta
tada
dass e cruz
cruzad
adas
as pe
pelo
lo sace
sacerd
rdot
ote,
e, e po
post
ster
erio
iorm
rmen
ente
te
ao amac
amacii são entre
entregue
guess ao filh
filho.
o.
Geralmente essas guias são
são as guias do Pai e Mãe
de cabeça e uma guia de Oxalá (a qual seja filho ou
não todos os médiuns devem ou podem portar essa
guia
guia)) as dema
emais guias
ias e fios
ios de con
onta
tas,
s, ser
serãão adq
adqui
uirrido
doss
16
Sacramentos e Rituais de Umbanda

durante a caminhada espiritual e conforme forem às


soli
solici
cita
taçõ
ções
es do
doss gu
guia
iass espi
espiri
ritu
tuai
ais.
s.

Assentamentos dos Orixás Na


Umbanda
Os assentamentos ou igb igbas nos Candomblés são
um agregado de elementos e objetos de determinado
Ori
Orixá, construídos na finalidade de assentar as forças
do Orixá naquele local 24 horas por dia. São
construídos com diversos elementos e objetos
cons
consag
agra
rado
dos.
s. Cada
Cada asse
assent
ntam
amen
ento
to é uma
uma repr
repres
esen
enta
taçã
çãoo
mate
materi
rial
al da
dass forç
forças
as e do
domí
míni
nios
os do Orix
Orixá.
á.
Os assentamentos na Umbanda derivam dos
asse
assent
ntam
amen
ento
toss no Cand
Candom ombl
blé,
é, são
são apena
apenass adadap
apta
tado
doss á
dout
doutrrina
ina Umba
Umband ndis
ista
ta,, mas
mas sem
sem pe
perrde
derr a tra
tradiçã
diçãoo e raiz
raiz
doss Orix
do Orixás
ás afri
africa
cano
nos.
s.

Assentamento de Exu
1 alguidar de barro nº 3. Forrado com folhas de Exu.
Também se pode fazer esse assentamento em uma
  pane
panela
la de ferro.

17
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Uma
Uma ferr
erramen
enta
ta de Exu
Exu (pod
(podee ser
ser um po
pont
ntoo esp
espeecif
cifico
de um Exu
Exu de sua
sua pre
preferên
ênci
cia)
a)..

7 ppun
unha
hado
doss de terr
terra,
a, de 7 enc
encru
ruzi
zilh
lhad
adas
as dife
difere
rent
ntes
es.. E
sempre ao retirar essa terra, pedir licença antes, e
deix
de ixar
ar uma
uma ofer
oferen
enda
da ao Exu
Exu daq
daque uele
le loca
local.
l. A ofer
oferen
enda
da
pode ser um copo de cachaça, um um charuto, uma caixa
de fósforos e uma vela branca acesa. Co Com essa terra
mist
mistur
ura-
a-se
se um po
pouc
ucoo de en
enxo
xofr
free em pó
pó,, pó de ferr
ferro,
o, pó
de ouro.
ouro. E o pó de 21p21pemb
embas,
as, sendo
sendo sete
sete branca
brancas,
s, sete
sete
pret
pretas
as e sete
sete ve
verm
rmel
elha
has.
s.
1 Otá,
Otá, 7 chaves
chaves,, 21 búzios,
búzios, 21 moedas
moedas corrente
correntes,
s, 70
cm de corrente e 7 punhais.

3 quar
quarti
tinh
nhaa médi
médias
as de ba
barr
rroo s/al
s/alça
ça..

Armação do assentamento.
No lo
local onde vai ficar o as assentamento, an
antes de
assentá-lo deve-se fazer o que chamamos de “dar um
fogo
fogo”,
”, ou seja
seja,, lim
limpa
parr a área
área do asse
assent
ntam
amen
ento
to de Exu
Exu
com álco
com álcool
ol,, pro
proce
cede
dendndoo da
da segu
seguin
inte
te mane
maneir ira,
a, atir
atira-
a-se
se
um po
pouc
ucoo de álco
álcool
ol co
comu
mum m no loca
locall do asse
assentntam
amenento
to e
põe fogo e espera até que ele acabe isso serve para
limpar as impurezas no local. E antes de começar a
montar o assentamento deve-se lavar todos os
elem
elemen
ento
toss de meta
metall do ass
assen
enta
tame
mentnto,
o, ele
eless são
são lava
lavado
doss
com uma infusão de cachaça e sumo das ervas do
18
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Ori
Orixá. De
Depois coloque no al alguidar já forrado cocom as
folh
olhas tod
odos
os os elem
elemeento
ntos na segu
seguin
intte orde
dem
m, prim
primeeiro
iro
a terra já preparada, depois firma-se a ferramenta de
Exu, lo
logo ap
após coloque na terra na base da ferramenta
o Otá
Otá, em segu
seguid
idaa as cha
havves,
es, os búzio
zios, as moed
edas
as,, a
corrren
co ente
te e os sete
sete pun
unha
hais
is.T
.Tuudo dev
evee ser
ser coloc
olocad
adoo um
a um. DeDepois encha as quartinhas, um uma com água de
poço com o su sumo de sete ervas do Orixá, uma com
marafo e uma com azeite de dendê.

(dependen
(dependendo
“selad
“selado” codo
o” comm da doutrin
d
doutri
outrina
naa o assentamen
tabatinga)
tab assen
assentame
assentamento
tamento
nto
to pode
pode ser

Ainda com as quartinhas sem tampas, deve-se bater o


  pa
paó, e logo
logo em segu
seguid
idaa se de
deve
ve faze
azer a seg
seguinte
inte oraçã
ação:

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


peço
peço humi
humild
ldem
emen
ente
te que
que perm
permit
ita
a que
que as for
força
çass de
de Exu 
Exu                 
se firmem e asse
ssentem nesse lugar sa sagrad
rado, pa
para qu
que           
poss
possaa vir
vir em
em meu auxili
xilio o e prote roteçãção
o, qu
que seu
seu Axé 
Axé                           
consagre este lugar. DiDiante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.
e. E Humi Humild ldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Exu que me proteja noite e dia, dia e noite, e esteja          
comi
comigo
go hoje
hoje e semp
sempre
re” 
”                                 

Depois
Dep ois todo
todoss que esti
estivvem ali prese
esentes
ntes de
deve
verram saud
saudar 
ar 
três
três ve
veze
zess o Orix
Orixá.
á.

19
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Geralm
Geralment
entee os assen
assentam
tament
entos
os são tratad
tratados
os (reno
(renovad
vados)
os)
uma vez por mês. E sempre antes de rezarmos no
assentamento devemos bater o paó, para ai sim
faze
fazerm
rmos
os a reza
reza de firm
firmam
amen
ento
to do ass
assen
enta
tame
mentnto.
o.

Assentamento de Ogum
1 alguidar de barro nº 3 forrado com folhas de
mang
mangue
ueir
iraa .
Uma ferramenta de Ogum (Exemplo nas imagens
abaixo)

20
Sacramentos e Rituais de Umbanda

3 fa
favas de Og
Oguum
7 búzios
7 moed
moedasas de prat
prataa
1 (Otá)
7 preg
pregos
os de tril
trilho
ho de trem
trem

7 punhados de terra, de 7 estradas diferentes. Ao


retirar essa terra deve-se pedir licença, e deixar uma
sing
singel
elaa ofere
erenda de uma garr
arrafa de cerv
erveja bra
branc
ncaa, um
charuto com uma caixa de fósforos e uma vela

 pvembas,
ermelha sendo
acesa. 7Co
Cobrancas
m essa teer7ra vermelhas.(esse
mistura-se osse
vermelhas.(e pó
pó de
dée um
14
modo adaptado á doutrina Umbandista, mas
dependendo da doutrina da casa o assen sentamento de
Ogum, pode conter alem da ferramenta principal,
outros
outros objeto
objetoss de ferr
ferro,
o, por exempl
exemplo,
o, facõe
facões,
s, corre
corrente
ntes,
s,
  pedaços
pedaços de trilho
trilho de
de trem,
trem, bigo
bigorna
rnas,
s, ferr
ferradu
adura
ras,
s, prego
pregos,
s,
mart
martel
elos
os,, tena
tenaze
zess e ou
outr
tros
os inst
instru
rume
ment
ntos
os de ferr
ferro)
o)

3 quart
quartin
inha
hass médi
médias
as de ba
barr
rroo s/alç
s/alça.
a.

Armação do assentamento.
  No loca
locall do asse
assent
ntam
amen ento
to de Og
Ogum
um,, não
não é ne
nece
cess
ssár
ária
ia a
purificação com
com álcool, apenas uma limpeza com as
ervas do Orixá já é o suficiente. Logo em seguida
deve-se lavar as ferramentas em uma infusão são de ervas
do Ori
Orixá
xá.. Em segu
seguid
idaa coloc
loca-se
-se a ter
terra já pre
prepa
parrada no
alguidar, dedepois firma-se a ferramenta, e na base da
21
Sacramentos e Rituais de Umbanda

ferr
erramen
menta colocloca-se o Otá,Otá, em
em segu
seguid
idaa, as fava
vas,
s, os
os
  búz
búzioios,
s, as moed
moedas as e os preg
pregos
os,, lemb
lembra
rand
ndoo qu
quee todo
todoss os
elementos devem ser colocados um a um. Depois vá
ench
enchenendo
do as qu
quar
arti
tinh
nhas
as,, uma
uma co
com m ág
água
ua de rio
rio e o sumo
sumo
de sete ervas do Or Orixá, umuma com azeite de dendê e uma
com
com cerv
cervej
ejaa bran
branca
ca..

Ainda com as quartinhas sem tampa, deve-se bater o


paó pa
para Ogum e em seguida deve-se fazer a seguinte
oração
oração de assentam
assentamento
ento::

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


peço hum
humildemente que permita que que as forforças de                   
Ogum
Ogum se firme
irmemm e assen
ssente
tem
m nesse
esse lug
lugar sa
sagrad
grado
o, para 
para                 
que
que poss
possa
a vir
vir em meu
meu aux
auxil
ilio
io e prot
proteç
eção
ão,, que
que seu
seu Axé 
Axé                               
consagre este lugar. DiDiante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.
e. E Humi
Humildldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Ogum que me proteja noite e dia, dia e noite, e esteja                 
comigo   hoje
oje e sem
sempre” 
re”                 

Assentamento de Xangô
1 gamela de madeira forrada com folhas de Xangô, por 
exemplo
exemplo folha
folhass do fogo.
fogo.

1 pilão

22
Sacramentos e Rituais de Umbanda

12 fav
avas
as de Xa
Xanngô
2 oxés, machado de duas laminas pode ser de cobre,
  pedra
pedra ou madeir
madeira.
a.
1 co
coroa de cob
obrre
12 búzios
búzios africano
africanoss
12 moed
moedasas de co
cobr
bree
1 (Otá)

3 quart
quartin
inha
hass médi
médias
as de ba
barr
rroo s/alç
s/alça.
a.

Armação
 N o local dodo assentamento
Assentamento.
assentam ento de Xangô também pode se
faze
fazerr a pu
puri
rifi
fica
caçã
çãoo com
com álco
álcool
ol de
devi
vido
do sua
sua liga
ligaçã
çãoo com
com
o fogo, mas só uma limpeza com as ervas do Orixá já é
o bastante. Logo em seguida deve-se lavar as
ferramentas de Xangô com uma infusão de ervas do
Orixá. Em seguida são colocados na gamela de
madeira já forrada com as folhas do Orixá, to todos os
elementos, na na seguinte ordem, be bem ao ce centro dada
gamela coloca-se a coroa de cobre, ao redor da coroa,
as favas e o Otá, em seguida as moedas e os búzios
todos ao redor da coroa, os Oxés são colocados nas
extremidades da gamela. Feito isso, a gamela é
colo
co loccada em cim
cima do pilã
ilão com a mão do pilã
pilãoo na base
ase
dele
de le.. Em
Em segu
seguididaa vá en
ench
chen
endo
do as qu
quar
arti
tinh
nhas
as,, uma
uma cocom
m
água de cachoeira e o sumo de sete ervas do Orixá,
uma com azeite de dendê e uma com cerveja preta. As
quartinhas são colocadas em volta a base do pilão. (é
23
Sacramentos e Rituais de Umbanda

normal o assentamento de Xangô conter diversas


pedras do ti
tipo ae
aerólitos e meteoritos de diversos
tamanhos).

Com as quartinhas ainda sem tampas deve-se bater o


paó, e logo em
em seguida fazer a seguinte oração de
de
assentamento:

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


peço hum
humildemente que permita que que as for
forças de                   

  que
Xan
Xangô
qu e gô seafirm
poss
possa fivir
vrmem
ir em
ememeu
asse
asusent
me antem
aux em
uxil ilioio nes
neesse prluga
lu
prot gar
oteç r sagr
eçãosa
ão,, grad
que
queado,
o,upara 
seu
se paAxé 
Ara 
xé                                             
consagre este lugar. Di Diante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.
e. E Humi Humild ldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Xan
Xangô que
que me proteroteja
ja noit
noitee e dia dia, di dia e noit
noitee, e este
steja                 
comi
comigogo hoje
hoje e semp
sempre
re” 
”                                 

Assentamento de Iansã
Uma terrina de louça na cor amarela ou branca
(exemp
(exemplo
lo na imagem
imagem abaixo
abaixo))

24
Sacramentos e Rituais de Umbanda

9 moed
moedas as de co
cobr
bree ou ou
ouro
ro
9 búzios
9 fav
favasas de Ian
ansã

1 (Otá)
1 espada de cobre em forma de raio
1 eruexim
1 ppaar de chifres de búfalo

1 quar
quarti
tinh
nhaa de louç
louçaa c/al
c/alça
ça amar
amarel
elaa ou bra
branc
nca.
a.

 Armação
No local do do assentamento.
assentamento,
assentamento, antes de assentar Iansã é
prec
precisisoo pu
puri
rifi
ficá
cá-l
-lo,
o, no caso
caso de Ians
Iansãã tamb
também
ém po
pode
de ser 
ser 
com álcool se for o caso de ser em um ambiente
exte
ex terrno
no,, ou
ou um
um pre
prepara
arado de erv
ervas do OrOrixá
ixá, em
em um
ambiente interno. Log Logo em seguida lavamos todas as
ferramentas com uma infusão de ervas do Orixá,
depois colocamos na terrina os elementos na seguinte
ordem, o Otá, as as favas, os os búzios, as as moedas, em em
seguida completamos a terrina com azeite de dendê,
mel e manteiga de karité. Depois enchemos a quartinha
com água de rio ou água da chuva, com sete tipos de
ervas do Or Orixá maceradas. A es espada e o ereruexim são
colocados próximos da terrina um de cada lado, e os
chif
ch ifre
ress de bú
búfa
falo
lo são
são co
colo
loca
cado
doss acim
acimaa da terr
terrin
ina.
a.
Ainda com a terrina e a quartinha destampadas, de deve-
se bater o paó, e logo em seguida fazer a seguinte
oração
oração de assentam
assentamentoento::
25
Sacramentos e Rituais de Umbanda

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


peço
peço humi
humild ldem emen
ente
te que
que perm permit ita
a que
que as for
força
çass de Oya 
Oya                 
se firmem e asse ssentem nesse lugar sa sagrad
rado, pa
para qu
que                   
poss
possaa vir
vir em em meu auxili xilio o e prote
roteçã
ção
o, qu
que seu
seu Axé 
Axé                           
consagre este lugar. Di Diante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male maleim
ime.
e. E Humi Humildldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Oya que me proteja noite e dia, dia e noite, e esteja                 
comigo h o    j  e    e sem
sempre”                 

Assentamento de Oxossi
1 alg
algui
uiddar de ba
barrro nº
nº 3. Fo
Forrad
adoo co
com folh
folhas
as de Ox
Oxoossi.
ssi.
Por
Por ex
exem
emplplo,
o, (fo
(folh
lhas
as de sama
samamb
mbaiaiaa ou gui
guiné
né).
).

3 quilos de terra da mata. Essa terra deve ser retirada


de uma mata fechada. E ao retirar essa terra, é
nece
ne cess
ssár
áriio ped
pedir lice
icença anante
tess de entr
ntrar na mata
ata, e apópóss
retir
etiraar a ter
terra, de
deix
ixaa-se uma ofeoferenenda
da de uma ga garrrafa de
vin
vinho tint
tintoo ser
servid
vido em um coit oité, um cha harruto
uto e uma
vela
ve la verd
erde ou brabranc
ncaa acesa
cesa.. (ao ace
acend
nder
er a ve
vela
la,, tom
tome
cuidado para que ela fique em um local onde não po posssa
  pro
provo
vocacarr incê
incênd
ndio
ios)
s).. Co
Comm essa
essa terr
terraa mist
mistur
ura-
a-se
se o pó de
14 pemb
pembas, as, sendo
sendo 7 brabranca
ncass e 7 verde
verdes.
s.

26
Sacramentos e Rituais de Umbanda

1 ferr
ferram
amen
enta
ta de Ox
Oxos
ossi
si (Exe
(Exemp
mplo
lo na
nass imag
imagen
enss ab
abai
aixo
xo))

6 búzios
6 fav
favas de Ox
Oxosossi
si
1 ofá
ofá (arc
(arcoo e flec
flecha
ha))
6 moed
moedasas de co
cobr
bree ou dou
doura
rada
dass
1 eruexim

1 (Otá)

27
Sacramentos e Rituais de Umbanda

2 quart
quartin
inha
hass médi
médias
as de ba
barr
rroo s/alç
s/alça.
a.

Armação do assentamento.
O loc
locaal do asse
assent
ntam
ameento
nto é lavlavado co
com m um pre prepara
arado
de erva
ervass do Orix
Orixá,
á, an
ante
tess de asse
assent
ntá-
á-lo
lo.. As ferr
ferram
amen
enta
tass
devem ser lavadas com uma infusão de de ervas do Or Orixá,
logo em seguida os elementos são colocados no
algu
alguid
idar
ar na segu
seguin
inte
te orde
ordem, m, prim
primeieiro
ro a terr
terraa prep
prepar
arad
ada,
a,
depo
depoisis firm
firma-
a-se
se a ferr
ferram
amen enta
ta,, o Otá
Otá é co
colo
loca
cadodo na ba
base
se
da ferrame
amenta
nta, em segu
seguididaa são
são colo
olocad
cadas as fav avas
as,, os
bcoúm
zioságeuaas dme oeridoase. DseepteoistipenoschadeaseqrvuaasrtidnohasOurim
xáa
mac
macera
erada
das,
s, e uma
uma com vin vinho tin tinto.
to. O ererue
uexxim e o of ofá
são
são colocados do lado do do al alguidar. Ai Ainda com as
quarti
qua rtinha
nhass destam
destampad padas,
as, dev
deve-s
e-see bater
bater o paó,
paó, e logo
logo em
segu
seguid
idaa faze
fazerr a oraç
oraçãoão de asseassent ntam
amenento
to::

“Divinos Orixás, sagradas manifesta ções


                da natureza,
peço
peço humi
humild
ldem
emen
ente
te que
que perm
permit ita a que que as for
força
çass de Odé 
Odé                               
se firmem e asse
ssentem nesse lugar sa sagrad
rado, pa
para qu
que                   
poss
possaa vir
vir em
em meu auxili
xilio o e prote roteçãção
o, qu
que seu
seu Axé 
Axé                           
consagre este lugar. Di Diante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.
e. E Humi Humild ldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Odé que me proteja noite e dia, dia e noite, e esteja                 
comi
comigo
go hoje
hoje e semp
semprere” 
”                                 

28
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Assentamento de Oxum

Uma
Uma terr
terrin
inaa de po
porc
rcel
elan
ana,
a, de co
corr amar
amarel
elaa ou dou
doura
rada
da..
5 búzios
5 fav
avas
as de Ox
Oxumum
5 moed
moedasas de ou
ouro
ro ou cob
cobre
re
1 (Otá)
1 ab
abeb
ebéé de Ox
Oxuum
1 vidro
vidro grande
grande de alfaze
alfazema
ma

1 qu
quar
arti
tinh
nhaa de po
porc
rcel
elan
anaa amar
amarel
elaa ou do
dour
urad
adaa c/al
c/alça
ça..

E outros objetos de ouro em numero simbólico de


Oxuum 5 ou
Ox ou 8

Armação do assentamento.
O loc
local
al do asse
assent
ntam
amen
ento
to de Ox
Oxum
um de
deve
ve ser
ser lava
lavado
do co
com
m
um preparado de ervas do Orixá. Em seguida os
objetos também deveram ser lavados com um preparo
de ervas do Orixá. Depois na terrina devem ser 
colocados os objetos consagrados na seguinte ordem,
primeiro o OtOtá, de
depois as favas, os
os búzios e as
moedas, e demais objetos de ouro sese for o ca
caso. Em
Em
seguida complete a terrina com azeite de oliva, mel e
m
deancatecihgoaedirea keasriettée. tDipeopsodiseeenrcvhaas adoquOarritxináhm
a accoemradágasu.a

29
Sacramentos e Rituais de Umbanda

O abe
bebé
bé fica próx
óximimoo da terr
errina
ina e o vidr
idro de alfaz
lfazeema
do lado
lado da terrin
terrina.
a.

Ainda com a terrina e a quartinha destampadas, de


deve-
se bater o paó, e logo em seguida deve-se fazer a
oração
oração de assentam
assentamento
ento::

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


  peço
peço humild
humildem
ement
entee que permit
permita
a que
que as forças
forças de Oxum 
Oxum           
se firmem e asse
ssentem nesse lugar sa sagrad
rado, pa
para qu
que                   

poss
po
conssa
saagvir
vrir
e eem
esm
te m
lueu
gara. uDi
xili
xiilio
D anotee dperote rotiteçã rção
ecoo,nqu q
hueçeo seu
semi
muinAxé 
Ax
haé 
s                                           
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.e. E Humi
Humild ldem emen ente te peço
peço a vós                   
  Mam
Mamãe Oxum que me proteja no noite e dia, di dia e noite, e                   
esteja
esteja comigo
comigo hoje
hoje e sempre
sempre”  ”                                 

Assentamento de Yemanjá
Uma terrina de porcelana de cor branca ou azul e
  branca.

1 (Otá)
4 fav
favas
as de Ye
Yema
manj
njáá
4 conchas
4 búzios
44 perolas
moed
moedas
as de prat
prataa

30
Sacramentos e Rituais de Umbanda

1 vidro
vidro de alfaze
alfazema
ma
1 abe
abebé
bé de Ye
Yemamanj
njáá

1 qu
quar
arti
tinh
nhaa de po
porc
rcel
elan
anaa bran
branca
ca c/al
c/alça
ça..
Armação do assentamento.
O local do assentamento deve ser limpo com um
  pre
prepa
para
rado
do de
de erva
ervass do Ori
Orixá
xá.. Logo
Logo emem segu
seguididaa de
deve
vem
m
ser
ser co
colo
loca
cado
doss na ter
terrina
ina todo
todoss os elem
lemenento
toss na seg
seguint
uintee
ordem,
ordem, prim
primeir
eiroo o Otá,
Otá, as perola
perolas,
s, as favas
favas,, as con
concha
chas,
s,
os
de bú
búzi
zios
olivaos, m
oliva e el,
as, moed
el mo
e medas
as,
,iga
ante
an tud
tudo
teiga odeiss
isso
orite
kar
ka itcon
conse
e. serv
Lorvad
Loggadoo em
o ememsegu
seazei
azeite
guidtea
ida
deve-se encher a quartinha com água salgada e sete
tipos de ervas do Orixá maceradas. O vidro de
alfazema deve ficar de um lado da terrina, e o abebé
fica
fica do outro
outro lad
lado.
o.

Ainda com a terrina e a quartinha destampadas, de


deve-
se bater o paó, e logo em seguida fazer a oração de
assentamento:

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


  peç
peço
o humi
humild
ldem
emen
ente
te que
que perm
permit
ita
a que
que as for
força
çass de Mãe 
Mãe                   
Yemanjá se firmem e assentem nesse lugar sag sagrado,
  par
para
a que
que poss
possa
a vir
vir em meu
meu auxi
auxili
lio
o e prot
proteç
eção
ão,, que
que seu 
seu                 
Axé consagre este lugar. Diante de ti reconheço              
minhas
minhas falhas
falhas e peço maleime.
maleime. E Humild
Humildemen
ementete peço a                 

31
Sacramentos e Rituais de Umbanda

vós Mãe Yemanjá que me proteja noite e dia, dia e                   


noit
noite,
e, e este
esteja
ja com
comig
igo
o hoj
hojee e semp
sempre
re” 
”                                 

Assentamento de Obaluayê
1 algu
alguid
idar
ar de ba
barr
rroo nº 3, forr
forrad
adoo co
com
m folh
folhas
as do Orixá
rixá..
Com
Co m um cu
cusc
scuz
uzei
eiro
ro (exe
(exemp
mplo
lo na imag
imagem
em ab
abai
aixo
xo))

7 búzios
7 moed
moedasas de prat
prataa
7 fav
favas
as de Ob
Obalalua
uayê

32
Sacramentos e Rituais de Umbanda

1 (Otá)
1 xaxará
3 quilos de areia da praia

1 quar
quarti
tinh
nhaa médi
médiaa de ba
barr
rroo s/al
s/alça
ça..

Armação do assentamento.
O local do assentamento deve ser limpo com um
preparo de
de ervas do OrOrixá. Lo
Logo emem seguida são
colocados no alguidar já com areia e forrado com as
fce
olntro
centharos, otod
toOtá,
doá,s eosaoelred
Ot reedor
mor
entdo
os Otá
natá,s, evão
O guoinàstefava
vã faovas,
rdes,mos
o,sbbú
emzios
búziaoso
e as moedas. A quartinha deve ser cheia com água de
poço, e sete tipos de ervas do Orixá maceradas,
Geralmente esse assentamento é ornado co com muita
palha da costa e muitos búzios, al além dos que vão
dentro do assentamento. Ainda com a quartinha
destampada, deve-se bater o paó e fazer a oração de
assentamento:
“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,
peço hum
humildemente que permita que que as for forças de                   
Obaluayê se firmem e assentem nesse lugar sagrado,
  par
paraa que
que poss
possaa vir
vir em meu
meu auxi
auxili
lio
o e protproteç eção
ão,, que
que seu 
seu                 
Axé consagre este lugar. Diante de ti reconheço              
minhas
minhas falhas
falhas e peço maleime.
maleime. E Humild
Humildemen emente te peço a                 
vós
vós Sen
Senho
horr Oba
Obaluluay
ayêê que
que me prot
protej
eja
a noi noite te e dia,
dia, dia
dia e                   
noit
noite,
e, e este
esteja
ja comi
comigo
go hoje
hoje e semp
sempre 
re ”                    
33
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Assentamento de Nanã

1Forr
Foter
terri
rina
rradna
ada dempo
a co
com porc
forcel
folhelan
asana
lhas a ou
do Orde
Orix á.ba
barr
ixá. rro,
o, co
com
m um cu
cusc
scuz
uzei
eiro
ro..

13 búzios
1 (Otá)
Lama
Lama do fund
fundoo de
de rio
rio
13 fa
favas de Nanã
7 co
colh
lher
eres
es de pa
pauu
1 ibiri
2 quar
quartin
tinhas
has de barro
barro c/alça
c/alça..

Armação do assentamento.
O loca
locall do asse
assent
ntam
amen
ento
to de
deve
ve ser
ser limp
limpoo co
com m folh
folhas
as do
Ori
Orixá, lo logo emem seguida os objetos do as assentamento
também devem ser lavados com um preparo de ervas
do Orixá. Em seguida coloque na terrina todos os
elem
elemenentotoss na segu
seguin
inte
te orde
ordem,
m, prim
primei eiro
ro a lama
lama,, log
logoo no
centro o Otá, ao redor do Otá, as favas e os búzios.
Encha uma quartinha com água de rio com sete tipos
de ervas do Orixá maceradas, e uma com azeite de
oliv
olivaa. As colhelheres de pau são
são co
coloca
locada
dass uma
uma a uma nas
fissu
fissura
rass em cima
cima do cu
cusc
scuz
uzei
eiro
ro.. O ibir
ibirii va
vaii ao lad
lado.
o.

34
Sacramentos e Rituais de Umbanda

E ainda com a quartinha sem tampa, deve se bater o


  paó,
paó, e logo
logo em segu
seguid
idaa faze
fazerr a oraç
oração
ão de asse
assent
ntam
amen
ento
to::

“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,


  peço
peço humi
humild
ldem
emen
ente
te que
que perm
permitita
a que
que as força
forçass de
de Nanã 
Nanã                                 
se firmem e asse
ssentem nesse lugar sa sagrad
rado, pa
para qu
que                   
poss
possaa vir
vir em
em meu auxili
xilio
o e prote
roteçã
ção
o, qu
que seu
seu Axé 
Axé                           
consagre este lugar. DiDiante de ti reconheço mi minhas                   
falh
falhas
as e peço
peço male
maleim
ime.
e. E Humi
Humildldem
emen
ente
te peço
peço a vós                   
Nanã que me proteja noite e dia, dia e noite, e esteja                 

comi
comigo
go hoje
hoje e semp
sempre
re” 
”                                 

Assentamento de Oxalá
1 terrina de porcelana branca, forrada com folhas do
Orixá.

16 moed
moedasas de prat
prataa
16 búzios
16 fav
avas
as de Ox
Oxaalá
1 (Otá)

1 qu
quar
arti
tinh
nhaa de po
porc
rcel
elan
anaa bran
branca
ca s/al
s/alça
ça..

(ao
(aoloca
colo
co redo
redor
carm ros
rmosdoob
ass
assen
objeenta
tosstame
jeto ment
de ntoorfim
marf
ma de )Ox
im) Oxal
alá,
á, tam
també
bém
m é no
norm
rmal
al

35
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Armação do assentamento.
O loca
locall do assen
ssenta
tame
mennto de
devve ser
ser lim
limpo com erva vass do
Ori
Orixá
xá.. Os
Os objeto
jetoss tamb
tambéém são
são lav
lavaado
doss com um pre
prepa
parro
de erva
vass do Orix
Orixáá. Logo
Logo em segseguid
uida sãosão co
colo
loca
caddos na
terr
terrin
inaa os elem
elemenento
toss na segu
seguin
inte
te orde
ordem,
m, prim
primei
eiro
ro o Otá
Otá
no cen
centrtro,
o, ao redo
redorr do Otá
Otá são
são col
coloc
ocad
ados
os os bú
búzi
zios
os,, as
favas e as moedas, todos esses itens conservados em
azeite de oliva e mel. Em seguida encha a quartinha
com água de mina e sete ervas do Orixá maceradas.
Ainda com a terrina e a quartinha destampadas, ba bata o
  paó,
paó, e faça
faça a oraç
oraçãão de asse
assent
ntam
amen
ento
to::
“Divinos Orixás, sagradas manifestações da natureza,
peço
peço humi
humildldem
emen
ente
te que
que perm
permit ita
a que
que as forç
forças
as de Pai 
Pai                               
Oxal
Oxaláá se firm
firmem
em e asse
assent
ntem
em ness
nessee luga
lugarr sagr
sagrad
ado,
o, par
para 
a                 
que
que poss
possaa vir
vir em meu
meu aux
auxil
ilio
io e prot
proteç
eção
ão,, que
que seu
seu Axé 
Axé                               
consagre este lugar. Di Diante de ti reconheço mi minhas                   
  falhas
falhas e peço maleime.
maleime. E Humildem
Humildementeente peço a vós Pai                               
Oxalá qu
que me proteja no
noite e dia, di dia e noite, e esteja                 
comi
comigo
go hoje
hoje e semp
sempre
re” 
”                                 

Esses assentamentos foram elaborados e


adap
adapta
tado
doss de acor
acorddo co
com
m a dououtr
trin
inaa Umb
Umban andi
dist
sta,
a, mas
respeitan
respeitando
do seu preceito
preceito african
africano.
o. Com tudo essa base
de co
conh
nhec
ecim
imen
ento
to é uma
uma idéi
idéiaa difu
difund
ndia
ia,, ou
ou seja
seja,, ess
esses
es
assentamentos foram modelados a partir de uma idéia
geral, e que podem conter ou não outros objetos de
acordo com o Orixá que se assenta, e a doutrina que o
36
Sacramentos e Rituais de Umbanda

aplica
apli ca.. Vale
Valerr no
nota
tarr qu
quee todo
todo ass
assen
enta
tame
ment
ntoo só dev
devee ser 
ser 
feit
feitoo po
porr um Baba
Babalolori
rixá
xá ou Ya
Yalo
lori
rixá
xá capa
capaci
cita
tado
do pa
para
ra
essa
essa fundaç
fundação.
ão.

37
Sacramentos e Rituais de Umbanda

A coroação
A cocoroação na na Umbanda é uma importante
ceri
cerimô
môni
niaa qu
qual
al o méd
médiuium
m de Umba
Umband nda,
a, já pa
pass
ssad
adoo por 
por 
todos os processos de iniciação e demais obrigações,
esse se torna apto á coroação. Já Já ciente de seu Or Orixá de
cabeça, e de seu guia protetor ou de frente.
Tecn
Tecnic
icam
amenente
te nã
nãoo exis
existe
te um temp
tempoo dete
determrmin
inad
adoo para
para
esse
esse proc
proces
esso
so de
de grad
graduauaçã
ção.
o. Dize
Dizerr qu
quan
ando
do um médi
médiumum
está
está ou nã
nãoo pr
prep
epaarad
rado par
paraa a coro
oroação
ção cacabe som
somenente
te
aos Babalorixás e Yalorixás. (há doutrinas que o
médium
médium fica
fica em estado
estado “proba
“probatór
tório”
io” e cumpr
cumprind
indo
o suas
suas
obriga
obri gaçõ
ções
es du
dura
rant
ntee 3 an
anos
os até
até o sace
sacerd
rdot
otee resp
respon
onsá
sáve
vell
anal
analis
isar
ar se o médi
médiumum esta
esta prep
prepar
arad
adoo a co
coro
roaç
ação
ão.Ou
.Outrtras
as
doutrinas o médium fica por 7 anos cumprindo
obri
ob riga
gaçõ
ções
es ate
ate ser
ser co
coro
road
ado,
o, mas
mas isso
isso é muit
muitoo rel
relat
ativ
ivo)
o)..

A preparaç
prep
prepar
aração
araç
ação
ão da
da cerimônia
cerim
cerimôni
ôniaa
A pre
prepapara
raçã
çãoo é muit
muitoo imp
impor
orta
tant
ntee e co
cons
nsis
iste
te co
com
ma
colaboração de todos na casa, geralmente as
cer
cerimôn
imônia
iass de co
corroa
oaçã
çãoo são
são pre
prepa
parrada
dass com sete
sete dias
ias
de antecedência, pois requisita do médium á ser 
coro
coroad
adoo uma
uma de
devi
vida
da prep
prepar
araç
ação
ão,, poi
poiss o mesm
mesmoo de
deve
ve

38
Sacramentos e Rituais de Umbanda

toma
tomarr prec
precei
eito
to pa
para
ra co
coro
roaç
ação
ão e co
corr
rrer
er atrá
atráss do
doss ob
obje
jeto
toss
ritu
ritual
alís
ísti
tico
coss pa
para
ra a cerim
cerimôn
ônia
ia..

  No mom
momen ento
to da co
coro
roaç
ação
ão,, em
em um ato
ato simbó
simbólilico
co é
colocada sobre sua cabeça uma coroa confeccionada
com flores e ervas correspondentes ao Orixá do
Médi
Médiuum. EssEssaa coro
oroa é colo
olocad
adaa no Or
Ori do méd
médiuium
m, já

inco
incorp
rpor
orad
adoo pel
peloo seu
seu Orix
Orixáá de cabe
cabeça
ça,, e ge
gera
ralm
lmenente
te
após
ap ós o sac
sacer
erdo
dote
te co
coro
roar
ar o méd
médiuium,
m, o Ori
Orixá
xá da
danç
nçaa pe
pelo
lo
terre
terreiro
iro fazend
fazendoo a firme
firmeza
za do médiu
médium.m. É um
um momen
momento to
mauisto uim
im
mpdoergtaranute nea eismpencisaal epsacraadao dmé
meédeviuom
lu,çãpo
pooisemé
nossas
nossas vidas.
vidas.

A coro
coroaç
ação
ão do Og
Ogãã
A cocoroa
oaçã
çãoo do
do OgOgã ou ata ataba
baqu
quei
eirro é muitoito
similar a coroação de um médium rodante (de
incorporação), poi
pois consiste em um mesmo pro processo
de av
aval
alia
iaçã
ção,
o, e po
post
ster
erio
iorm
rmenente
te a co
coro
roaç
ação
ão.. A difer
diferen
ença
ça
desse tipo de coroação para uma coroação de um
médium de trabalho, es esta no pr processo de de avaliação,
  pois
pois os aspi
aspira
rant
ntes
es a Og
Ogã,ã, são
são ava
avali
liad
ados
os pe
pelo
lo Baba
Babalo
lori
rixxá
e pe
pelo
lo Og
Ogãã ch
chef
efee ou prim
primeieiro
ro Og
Ogã,ã, esse
esse qu
quee da
dará
rá o ava
avall
ao Ba
Babalorixá para prosseguir com a coroação do do
aspirante a Ogã á Ogã oficial da casa. E

39
Sacramentos e Rituais de Umbanda

conseq
cons eqüe
üent
ntem
emen
ente
te o Ogá
Ogá já co
coro
road
adoo não
não mais
mais irá
irá toca
tocar r 
no Lé
Lé (o at
atabaque menor) passará a ser o re
responsável
pelo Rum
Rumpi (o ataatabaque médio), po pois o Lé ficará
reservado ao
aos novos aspirantes a Ogã. E o Ru Rum de
respon
responsab
sabili
ilida
dade
de do Ogã chefe
chefe..

Casamento na Umbanda
O casamento Umbandista é semelhante ao
casa
ccaesame
ment
rim ônnto
iao cat
cratól
ituólic
aico,
líso,ticamas
masé apapen
denas
ifeas
renno
te. fun
funda
A dame
cment
erinto,
mo,
ôniaa
matr
matrimimon
onia
iall po
pode
de oc
ocor orrrer de diver
iverso
soss modo
modoss de acord
ordo
a orientação dos Guias chefes do sacerdote que tem a
respon
responsab
sabili
ilida
dadede de conconduz
duzirir a cerimôni
cerimônia.
a. Sendo
Sendo assim
assim
o casamento Umbandista é um ritual muito
tran
transp
spaarente
nte e sem
sem místi ísticca ne
nemm uma.

O casamento Umbandista preserva os mais


valorosos conceitos de caráter e integridade humana,
pregando a monogamia, a fidelidade e o res respeito
mutuo. En Ensinando qu
que os bons relacionamentos
  pr
provem de relações dinâmicas e que sua harmonia só
pode
po de ser
ser alca
lcançada
çada co
com
m amor,
or, res
resppeito
eito,, de
dedica
dicaçção e
maturidade.

40
Sacramentos e Rituais de Umbanda

A cerimôn
cerimônia
ia matrim
matrimoni
rimonia
onial
all

noivosUtm omdaim a aunmtesbadnahorede


daleizearçvãaos da
dpaaracerpiumrôifniciaa,r os
oos
corp
corpoo e espí
espíri
rito
to,, se prep
prepar
aram
am,, e usamusam ve vest
stes
es bran
branca cas, s, e
os pé
péss de
desc
scal
alço
ços,
s, lemb
lembrarand
ndoo nos
nossa sa liga
ligaçãçãoo com
com a terr terra.a.
Gera
Ge ralm
lmenentete no casa
casame
ment ntoo Umba
Umband ndisista
ta nãnãoo há
padrinhos ou madrinhas, pois todos ali presentes
(pes
(pesso
soas
as e espí
espíri
rito
tos)
s) são
são test
testem
emun unhahass da ununiãião.
o.
O cacasamento po pode ser
ser realizado na na praia, na na
cacho
cachoeir
eira,
a, na
na mata
mata ou no no própr
próprio io temp
templo, lo, ge
geral
ralme
mente nte o
local é escolhido em uma decisão do dirigente em
conjun
con junto
to os
os noivos
noivos..
Inicia
icianndo
do--se a cerimôn
imônia ia adedentntrram o terrterreeiro
iro, o
sacerdote responsável pela cerimônia, em seguida
entram outros sacerdotes convidados, e em seguida os
médiuns, homens de um lado e mulheres do outro,
incl
inclus
usiv
ivee os no
noiv
ivos
os.. São
São cant
cantad
ados
os dive
divers
rsos
os po
pont
ntos
os,, por 
por 
exemplo, salve a pemba, hino da Umbanda, e mais
alguns pontos com o intuito de convocar a presença
das forças da natureza, para então se dar inicio a
cerimônia.
O noiv
noivoo já em poposi
siçã
çãoo dian
diante
te do sac
sacer
erdo
dote
te,, com
com
sua permissão, vai até o lugar onde esta a noiva e ele
m
coensdmuotasarelciogniodsuazs eam
te quoe aoltpaari, ddaifneorievnatea cdoendouuztraaos

41
Sacramentos e Rituais de Umbanda

alta
altar.
r. E dia
diant
ntee de De
Deus us,, os
os Orix
Orixás
ás e de
demamais
is pres
presen
entetes,
s, o
sace
sacerdrdot
otee incu
incumbmbididoo faz
faz algu
alguma
mass be
bela
lass cita
citaçõ
ções
es,, logo
logo
em seguida o sa sacerdote dá espaço a entidade que a
  par
parti
tirr da
daqu
quel
elee mome
moment ntoo fica
fica en
enca
carr
rreg
egad
adaa de co
cond
nduzuzir
ir a
cerimônia e sacralizar a união do corpo, mente e
espírito de ambos. E logo em seguida os noivos
atr
atravessa
essam m um lin lindo co corrred
edor
or de flor
lores,
es, sob
sobrep
epososto
toss
um teto com espadas de Ogum, simbolizando a
  proteçã
proteçãoo dosdos Orixás.
rixás.
Lem
Lembrabrand
ndoo que
que o ca casame
samentntoo Umb
Umbaandndis
ista
ta é
reco
reconh
nhec
ecid
idoo por
por uma
uma lei
lei fede
federa
ral,
l, po
pode
dend
ndoo ser
ser lavr
lavrad
adaa
uma certidão
certidão oficial.
oficial.

O ato fúnebre na Umbanda


O ato fúnebre é muito comum em todas as
religiões, um ritual simbolizando a passagem desse
sse
mundo para outro plano. Na Umbanda se dá início
após o desencarne de uma pessoa, e tem todo um
processo de realização para que o espírito do
dese
desenncar
carnad
adoo possa
ossa prosse
ossegu
guir
ir co
corrretam
tamente
nte a o seu
seu
devido plano.
È imimportante salientar que esse ritual só é
  proced
procedido
ido por um sacerd
sacerdote
ote ou sace
sacerd
rdoti
otisa.
sa.

 períodoO érifeito
tual sdiversas
e inicia orações,
ainda coem
m uma
o vecorrente
lório, nesde
se

42
Sacramentos e Rituais de Umbanda

energia, on
onde todos dão as as mãos, mé médiuns ou nã não,
sempre com o Ba Babalorixá iniciando as as orações e os
dema
demaisis que soub
souberereem a oraçãoção o acompa
ompannha
ham.m. Log ogoo
em segu
seguid
idaa é cant
cantanando
do um popont
ntoo do Orix
Orixáá do filh
filhoo que
que
dese
desenc
ncar
arno
nou,
u, em suasua ho
home
menanage
gem.
m.
Em vovolt
ltaa do cai
caixã
xãoo fic
ficam
am ququat
atro
ro ve
vela
lass bran
brancacas,
s,
mas não nanas pontas como é de comum acontecer, e sim
uma vela acima da cabeça, uma aos pés, e uma de cada
lado dodo ca
caixão, si simbolizando a cruz, e os pontos
cardiais. Ainda na capela, o sacerdote que conduz o
velório, deve fazer algumas citações e palavras de
encaminhamento do espírito. No cortejo do caixão até
a sepultura, todos trajando roupas brancas
(simbolizando a pureza do es espírito) deve-se jogar 
  pipoc
pipocas
as bran
branca
cass no cam
camin
inho
ho,, essas
essas pipo
pipoca
cass são
são joga
jogada
dass
em respeito ao campo santo, que é de domínio de
Obal
Ob alua
uayê
yê.. No loca
locall da sepu
sepult
ltur
ura,
a, o sace
sacerd
rdot
otee faz
faz mais
mais
aOlgxualm
á ase cO
itaBçaõleusa,yeê, calongtaom emaiseaglugiudnas oponsatocserdpoartea
encaminha o esp espírito á Obaluayê para que Obaluayê
jun
junto a Ian ansã
sã possa
ossa en enccamin
aminha harr o espí
espírrito.
ito. Ao fina inal já
com o caixão na cova, o sacerdote joga por toda
superfície do caixão uma camada de pó de pemba
  branca,
branca, simbolizan
simbolizando do a proteção
proteção do espíri
espírito.to. Ao final
final o
sacerdote sacramenta o ri ritual com algumas palavras
finais.

43
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Camarinha

As cama
camari
rinh
nhas
as na Umba
Umbandndaa são
são ritu
rituai
aiss inic
iniciá
iáti
tico
coss
que tem como
como objeti
objetivo
vo o desen
desenvol
volvim
viment
entoo mediún
mediúnicoico,,
aprend
aprendiza
izagem
gem e dou
doutri
trinaç
nação
ão do médium
médium e entida
entidades
des..
Essa
ssas camarinhas podem ter duração de 3, 7 ou
até 21 di
dias de acordo co
com a obrigação. Nes
Nesse período
em que o médium está recolhido a camarinha, é
acom
ac
todompa
tod aspanh
asnhad
açado,
açõ o,. e orie
ões.
es orient
ntad
adoo junt
juntoo ao Baba
Babalo
lori
rixá
xá em

Ainda nesse contexto de camarinha podem


ocorrer às chamadas deitadas, sã são obrigações
gera
ge ralm
lmenentete de
dest
stin
inad
adas
as àq
àque
uele
less qu
quee têm
têm co confnfir
irma
maçãçãoo de
Bab
Babalor
alorixixáá ou Yal
Yaloorixá.
ixá. Ne
Nessssaas deit
eitad
adasas o méd
médiu iumm
literalmente deita na esteira de palha e perante os
Orix
Orixásás,, faz
faz as reza
rezass en
ensi
sina
nada
dass pe
pelo
lo Baba
Babalo lori
rixá
xá,, e arri
arriaa
comida de todos os Orixás e Exu. Com o objetivo de
fortalecer á ligação co com os Orixás, ge geralmente essas
deitadas tem duração de 7 ou 21 dias de acordo com a
dout
do utrrina
ina da casa
asa. Essa
Essass obriga
igaçõ
çõees impl
implic icaam em muita uita
dedi
de dica
caçãçãoo do médi
médiumum,, poi
poiss o mesm
mesmoo tem tem ququee toma
tomar r 
  prec
precei
eito
to muit
muitoo ant
antes
es de se da
darr inic
inicio
io á obobri
riga
gaçã
ção,
o, poi
poiss é
uma
uma fase
fase de muit
muitaa elev
elevaç
ação
ão espi
espiri
ritu
tual
al..

44
Sacramentos e Rituais de Umbanda

O reforço de santo

Tamb
Tambémém oc
ocor
orre
re na
nass cama
camari
rinh
nhas
as,, o qu
quee ch
chamamam
amos
os
de refor
reforço
ço de santo.
santo. Esse
Esse proce
procedim
diment
entoo oco
ocorrrree dev
devido
ido a
necessidade de um filho (a) reaver a ligação com o
Ori
Orixá, po
pode ser feita anualmente ou dede 3 em
em 3 an anos ou
de 7 em 7 anos, isso pode variar de acordo com a
dout
doutri
rina
na e ne
nece
cess
ssid
idad
ade.
e.

Hierarquia na Umbanda
A hi
hierarquia denota o cargo a cada membro de
uma determinada cúpula, para sua organização e
reconhecimento.

 para Euma
m tomelhor
da a cúorganização,
pula religio,
organizaçã osanotem umda
caso a hUmbanda
ierarquiaa,
Umband
não é difer
diferent
ente,
e, existe
existe uma hiera
hierarqu
rquia,
ia, que dep
depend
endend
endoo
da quantidade de membros podem se dividir em dois
grupos
grupos hierá
hierárqu
rquico
icos,
s, um admini
administr
strati
ativo
vo e um espiri
espiritua
tual.l.

45
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Babalorixá
Babalorixá (homem)
(homem
(homem)) Yalorixá
Yaloriixá
Yalor xá (mulher)
(mulher)

É o responsável por toda atividade espiritual que


ocor
ocorre
re no ter
terre
reir
iro,
o, res
respo
pons
nsáv
ável
el po
porr inic
inicia
iar,
r, con
condu
duzi
zirr e
ence
encerrrar os tra
traba
balh
lhos
os (gira
iras).
s). Sã
São os
os respo
sponsáv
sáveis
eis po
por r 
zelar pela vida espiritual do médium, também são são os
responsáveis por estabelecer as ordens e doutrinas,
pass
passaadas pelo
elo ast
astrral.
al. Co
Comum
mumen ente
te chama
amado
doss de Pai
Pai ou
Mãe de santo.

Baba
Babak
bake
keke
keker
ek
ker
ere
re (hom
(homem
omeem)
em)) Ya
Yake
Yakek
ak
keke
eker
ker
ere
re (mu
(m
(mul
ulh
ulhe
lh
her)
eerr)  ––   Pai ou
Mãe
Mãe pequ
pequen
enaa

São os primeiros a tomar conta na ausência dos chefes


(Pai ou Mãe) tem os mesmo ensinamentos e
conhecimentos, participam de praticamente todos
ritu
rituai
aiss junt
juntoo aos
aos ch
chef
efes
es do terr
terrei
eiro
ro,, são
são seus
seus au
auxi
xili
liar
ares
es
diretos.
Ogã, curimbeiro ou atabaqueiro

É o responsável pelo toque e canto nas giras, o


  prim
primeeiro
iro Ogã
Ogã é o qu
que tem
tem mais
ais respon
sponsa
sabi
bili
liddad
ade,
e, é seu
seu
dever puxar tanto o toque como o canto, es esse tem o
conhecimento de todos os toques e pontos da casa, e
também é de sua responsabilidade zelar pelo

46
Sacramentos e Rituais de Umbanda

aprendizado dos OgOgããs novos, os ensinando a tocar,


cant
cantar
ar os ponto
ntos e tra
tratar
tar do ataba
tabaqque
ue..

Cambono

O ca
cambon
mbonoo é o médiu dium design
signad
adoo a ser
ser o auxil
xiliar
iar da
entidade em terra. Tem um fundamental papel na
Umband
Umbanda, a, trab
trabalh
alhaa como
como um inter
interpre
prete,
te, escl
esclare
arecen
cendo
do
tudo
tudo qu
quee a en
enti
tida
dade
de diz
diz ao co
cons
nsul
ulen
ente
te,, e inde
indepe
pend
nden
ente
te
de qua
ualqlque
uerr coisa
isa é uma pe
pess
ssooa com sigi
sigillo abso
absolu
luto
to,, ou
seja, o que se fala ali morre ali. Essa posição é tão
imp
importan
rtante
te quananto
to a qu
quaalqu
lquer outr
utra, é uma poposi
siçção de
honra,
honra, pois
pois o cambono trabalha
trabalha desincorp
desincorporad
oradoo ao lado
da entidade, e aprende e se desenvolve muito. Em
alguns terreiros a própria entidade escolhe seu
cambono, outras vezes pelas falta de médiuns, o
Baba
Babalo
lori
rixá
xá de
desi
sign
gnaa algu
alguém
ém pa
para
ra essa
essa po
posi
siçã
ção.
o.
Médium
Médium de trabalho
trabalho (médium
(médium feito,
feito, ou coroado)
coroado)

São mémédiuns que já dão co consultas, já


já passaram por 
quas
qu asee tod
odos
os os pre
preceit
eitos e ob
obrrigaç
igaçõe
õess (ba
bati
tism
smo,
o, ama
amaci
e coroação). As entidades desses médiuns já se
apresentam, já já estão dodoutrinadas, e na maioria das
veze
vezess já risc
riscam
am seu
seu po
pontnto.
o.

47
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Médium em desenvolvimento

Como o pró
Com próprio
prio no
nome
me já diz
diz, sã
são mé
médiun
diunss que estão
stão
em processo de desen senvolvimento. Alg Alguns terreiros
perrmite
pe mitemm, que qua uanndo in
incorp
orpora
orado
doss eles
les po
poss
ssaam dar 
passes, outros terreiros apenas permitem que as
entidades fiquem em terra apenas se adaptando a
dout
do utrrina
ina e con
onve
verrsan
sando com os pró
própri
prios filh
ilhos da casa
asa,
até eles se apresentarem e riscarem seu po ponto, e
estivem firmes suficientes para poder trabalhar nas
gira
girass de aten
atendi
dim
men
ento
to..
Médium iniciante

São
São médi
médiun
unss qu
quee estã
estãoo ingr
ingres
essa
sand
ndoo na vida
vida espi
espiri
ritu
tual
al,,
e aind
aindaa não inc
ncor
orppora
oram. Alg
Algun
unss ter
terreiros
iros os co
colo
loca
cam
m
como
como cambon
mbonoos pa parra adq
dqui
uiri
rirrem expeperriênc
iência
ia junt
juntoo a
ead
ntapta
adapidtand
adndo
e,oea pdo
arautri
dout qna
ue da
rina suacasa
s sa.
ca pr.ópErige
as ralm
geraelmen
ntiente
datedesau vxili
auxi ãoliam
se
se
am
em todo
todoss os ser
serviços
iços do ter
terrreiro
iro pa
para ire
irem en entr
traand
ndoo nana
rotina da casa (essa fase é apenas para o médium
conhec
con hecer
er tudo
tudo que
que diz respe
respeito
ito ao ter
terrei
reiro)
ro)..

48
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Transa ou porteira

É o resp
respon
onsá
sáve
vell po
porr dist
distri
ribu
buir
ir as fich
fichas
as de aten
atendi
dime
mentntoo
nos terreiros, geralmente essa pessoa fica na entrada
orient
orientand
andoo e au
auxil
xilian
iando
do os que chchega
egamm ao terre
terreiro
iro..

É im
importante deixar bem claro qu que todas as funções e
carg
cargos
os,, são
são impo
importrtan
ante
tess de
dent
ntro
ro da orga
organi
niza
zaçã
çãoo do
terreiro, e que nem uma posição é melhor ou pi pior que a
outr
ou tra,
a, o resp
respei
eito
to e disc
discip
ipli
lina
na são
são elem
elemen
ento
toss bá
bási
sico
coss da
convivência de todos os seres, e devemos tomar 
cuidado com
com a vaidade e a inveja, sen
sentimentos de total
reprovação que devem ser repudiados por todo e
qualqu
qua lquer
er Umband
Umbandist
ista.
a.

49
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Defumação

UmbaAndad,efcuom
nsaiçsãteo naé qumeimadodse eprvinacsipàasisvezreitsoscom
na
resi
resina
nas,
s, pa
para
ra dive
divers rsos
os fins
fins co
como
mo limp
limpar ar o camcampopo astr
astral
al
de uma pessoa, limpar o ambiente (descarregar o
ambiente) atrair bons fluidos... Vale notar que as
defumações para fins de limpeza e descarrego devem
ser feitas dos fundos para saída. E as defumações
atrativas devem ser feita da entrada para os fundos.

Defuma
Defu maçã
çãoo pa
para
ra limp
limpez
ezaa (des
(desca
carr
rreg
ego)
o) – café em pó,
casca de coco seco, pa
palha de alho, pi
pimenta da costa e
  benjoim.

Defumaçã
Defumaçãoo para descarr
descarrego
ego – Cominh
Cominhoo em
em pó, açúca
açúcar r 
mascav
mascavo,
o, arru
arruda,
da, alec
alecrim
rim,, fumo
fumo desfia
desfiado
do,, mirra
mirra e
incenso.

Defuma
Defumação
ção contr
contraa egu
eguns
ns – Folh
Folhas
as de ba
bamb
mbu,
u, ale
alecr
crim
im,,
cravo da índia, barba de velho, mirra, incenso e
  benjoim.

Defuma
Defumação
ção para
para prosp
prosperi
erida
dade
de – açúc
açúcar
ar,, sem
semen
ente
te de
girassol, noz mosca
scada em pó, folha de louro e canela
em pó.
50
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Defumaçã
Defumaçãoo para prosperi
prosperidade
dade – Palha de milho se
seca,
folha de louro, canela em pó e noz moscada em pó.

Defuma
Defu maçãçãoo co
cont
ntra
ra eg
egun
unss - Ince
Incens
nso,o, mirr
mirra,
a, be
benj
njoi
oim,
m,
cra
cravo da índi
índia,
a, folha
lha de pesse
essegu
guei
eirro, folha
olha de bamb
ambu,
  pich
pichur
urii moído
oído,, caf
caféé em pó e alec
alecri
rim.
m.

Defuma
Defumaçã
çãoo para
para pros
prospe
peri
rida
dade
de – Folha de louro,
comi
cominh
nhoo em pó
pó,, an
aniz
iz estr
estrel
elad
ado,
o, arro
arrozz em casc
casca,
a, malv
malvaa
  bran
branca
ca e ince
incennso.
so.

Banhos
Os banhos de ervas são fundamentais na
Umb
Umban
anda
da no Cand
Candom
ombl
bléé e qu
qual
alqque
uerr ou
outr
troo cu
culto
lto co
com

  lpri
pirinc
gancip
çãipal
oalaatua
nação
tuorena
atuaçã zas. fase
nas faNses
oss inic
incicia
ulias
toss dodemédi
méUdium
mum,
ba,npor
pdor
a essa
tesa
es m
razã
razãoo é um fund fundamamenentoto ex
extrtrem
emamamenente
te ne
nece
cess
ssár
ário
io,, e
todos Babalorixás e Yalorixás devem conhecer os
fundamentos e aplicações de cada folha, erva, fruto,
casca e raiz.
O ba
banh
nhoo de erva
ervass serv
servee pa
para
ra dive
divers
rsas
as fina
finali
lida
dade
des,
s,
descar
descarreg
regar
ar,, en
energ
ergiza
izar,
r, tirar
tirar cansaç
cansaços
os físic
físicos
os e menta
mentais,
is,

51
Sacramentos e Rituais de Umbanda

harmonizar corpo e alma, em geral para purificar e


renovar
renovar todo o ser.
ser.

Os banh nhos
os sagr
sagraado
doss são
são an
anti
tiggos,
os, muit
muitoo an
ante
tess de
qualquer religião já se usada banho com essas
inte
intennçõ
ções
es,, de
desd
sdee a Ásia
Ásia até todo
todo conti
ntine
nent
ntee Afr
Africa
icano
no,,
Ame
Americaica e até
até Euro
Europpa.
Par
Para uma
uma facili
cilita
taçção va
vam
mos divid
ividir
ir os banh
nhos
os por 
efeito...
... Ex
Existem os banhos de limpeza (descarrego) e
os ba
banh
nhosos de en
ener
ergi
giza
zaçã
çãoo (fix
(fixaç
ação
ão))
Banho
Banho de
de descarrego
descar
descarreg
regoo
Os ba
banh
nhos
os de de
descscaarrego são
são mui
muitto usad
usadosos tan
anto
to
  por
por médi
médium
um,, com
comoo por
por co
consnsul
ulen
entetes,
s, e co
cost
stum
umam am ser
ser os
mais
mais rece
receit
itad
ados
os pe
pela
lass en
enti
tida
dade
des.
s. Basic
Basicamamen
entete esse
esse tipo
tipo
de ba
banh
nhoo serv
servee pa
para
ra limp
limparar o camp
campoo astr
astral
al,, elim
elimin
inan
ando
do

dqu
qual
e alqqbuaer
nhporecip
citapm
ita
itabção
çã
émo desufpluid
luriidos
mos
e noesga
gati
tiv
mvos.
os
ale. sEsse
Esse
físitip
ticpoos
exte
extern
rnamamenente
te,, caus
causadados
os po
porr on onda
dass ne
nega
gati
tiva
vas.
s. Uma
Uma bo boaa
observação a se fazer, é que todo banho seja de
limpeza ou fixação deve ser seguido à risca,
respeitando todas as recomendações passadas pelo
Babalorix
Babalorixá, á, Yalorixá
Yalorixá ou Entidade.
Entidade.

52
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Banho
Banh
Banhoo de energi
energizaç
zação
ão
São in
indicados para fortalecer a ligação co
com os
Orix
Orixás
ás ou anj
anjoo da gu
guar
arda
da..
Esse tipo de banho atua no médium ativando e
rev
evit
itaaliz
lizan
ando
do as energ ergias
ias cósm
ósmica
icas, ajuda
judand
ndoo na
sin
sintonia com os Orixás e entidades. Ess Esse banho ati
ativa o
camp
campoo energ
energét
étic
ico,
o, e ativ
ativaa o teor
teor po
posi
siti
tivo
vo da áu
áure
rea.
a.
É um
um banho qu que pode ser tomado po por qualquer 
pessoa, ma mas é mais indicado pa para os médiuns de
trab
trabaalho
lho, po
pois co
como
mo sab
sabemos
mos esse
essess médiu
diuns estã
stão em
em
  ple
plena
na ativ
ativid
idaade espir
spirit
itua
ual,
l, em co
connstan
stante
tess va
varriaçõ
iaçõees de
energias, o que conseqüentemente acaba os
desequilibrando, daí surge à necessidade de se tratar 
periodicamente com banhos de fixação, para manter 
um melhor
melhor equ
equilí
ilíbr
brio
io vibrac
vibracion
ional.
al.
O amaci

É o banho mais conhecido pelas pesso ssoas que


estão sendo iniciadas
iniciadas ao culto de Umbanda.
Umbanda. É o banh
banhoo
que é derramado dada cabeça aos pés, po
pois é preparado
de acor
acordo
do co
comm o Ori
Orixá
xá do médi
médium
um..
Norm
No rmal
alm
men
ente
te qu
quan
ando
do o fil
filho
ho esta
esta em du
duvi
vida
da ou
o Ba
Babalorixá não co
consegue identificar quem seja seu
seu

53
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Pai ou Mãe de Cabeça, usa-se um Amaci de Oxalá, o


qual rege a cabeça de todos nós.
O banho de ervas (amaci) age como um
neutralizador de correntes negativas, e como um
ener
energi
giza
zado
dor,
r, da
dand
ndoo a pe
pesso
ssoaa forç
forçaa sufi
sufici
cien
entete,, par
paraa qu
quee
ela
ela possa
ssa sair
sair do estad
stadoo em qu
quee se en
enco
contntrra.

Banho
Banh
Banhoo de
de sal grosso
gros
grosso
so
Esse
Esse é o banho
banho mais
mais co
comu
mume
ment
ntee usad
usadoo dev
devid
idoo sua
sua
sciomndpulitcoirdaedleétreicoefipcoiêrnceisas.a Po
Proaizsãoo, sealel garbossosrove é coum
muita facilidade os átomos carregados de energias
negati
neg ativas
vas,, que
que são con conhe hecid
cidos os co
como mo íons
íons.. O sal sal gross
grossoo
atua
atua aliv
alivia iand
ndoo toda
toda ou qu quas asee toda
toda en ener
ergi
giaa ne
negagati tiva
va qu
quee
este
estejaja empr
empreg egadadaa a áuáurereaa do médmédiu ium.
m.
É um banho de fácil preparo basta colocar um
  seu
pu
puunh
se nhad
ado
banh
ba o odeesta
nho essal
sa
tal prep
grepar
pr osso
osarad
soado.
no.
a águ
gua
aapós
E apófrsiaooba
u nho
mo
moorna
banh na,
não , ede
prve
onto
on
deve to
se
enxu
en xuga
gar.r. Algu
Alguma mass pe
pess
ssoa
oass ao toma
tomarr esse
esse ba
banhnhoo pisa
pisamm
sobre pedaços de carvão vegetal ou mineral, com a
intenção de que as energias negativas se fixem no
carv
carvão
ão,, qu
quee é ab
abso
sorv
rved
edor
or de en
ener
ergi
giaa ne
nega
gati
tiva
va..
Algu
Algum mas pesso
ssoas pre
prefere
erem sub
substit
stituuir o ban
banho de
sal
sal gros
grosso
so,, por
por ág
água
ua do mar,
mar, mas
mas isso
isso é rela
relati
tivo
vo..

54
Sacramentos e Rituais de Umbanda

É importante mencionar que o banho de sal


gro
grosso
sso embo
emborra seja
seja sim
simples
les é muit
muitoo forte e nãnãoo se de
deve
ve
toma
tomarr co
com
m freq
freqüê
üênc
ncia
ia esse
esse tipo
tipo de ba
banh
nho,
o, seja
seja médi
médium
um
ou não. Pois esse banho tira toda energia negativa,
porem leva a posit
sitiva também. Ou Ou se
seja, de
deixa a áurea
tota
totalm
lmen
ente
te de
desp
spro
rovi
vida
da de en
ener
ergi
giaa algu
alguma
ma..
E ou
outr
traa co
cois
isa,
a, semp
sempre
re qu
quee toma
tomarr esse
esse ba
banh
nho,
o, ap
após
ós
três
três dias
ias apro
proxim
ximadadammen
ente
te tom
tome outr
utro ban
anho
ho,, mas de
energ
energiza
izaçã
çãoo para
para restab
restabele
elecer
cer sua faixa
faixa vibra
vibracio
cional
nal..

Banho natural (chuva)


São osos banhos não preparados, qu que podemos
tomar da cabeça aos pés, por se tratar de energia pura
da natureza. No
No cacaso do
do ba
banho de
de chuva é um ótimo
descarreg
descarregador
ador,, esta associado
associado à Nanã.
Nanã.

Banho natural (chuva)


São os banhos não preparados, que podemos
tomar da cabeça aos pés, por se tratar de energia pura
da natureza. No
No cacaso ddoo bbaanho ddee chuva é um ótimo
descar
descarreg
regado
ador.
r. Está assoc
associad
iadoo à Nan
Nanã.ã.

55
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Banho do Mar
É ótimo tanto para
para descarrego como fixação.
fixação. Está
associ
associado
ado à Yemanj
Yemanjá.
á.
Banho
Banh
Banhoo de Cachoe
Cachoeira
ira
Tem
Tem a mesm
mesmaa funç
nção
ão do ba
banh
nhoo de
de mar. E ao
ao ca
cair 
em nosso co corpo prprovoca uma espécie de choque,
dissipando qualquer energia negativa que esteja em
noss
no ssaa áu
áure
rea.
a. Está
Está asso
associ
ciad
adaa a Ox
Oxum
um..

Recomendações finais
 Os ba
banh
nhosos de
derr
rram
amad
ados
os sobr
sobree a cabe
cabeça
ça,, só de
deve
vem
m
ser
ser ap
apli
lica
cado
doss sobr
sobree orie
orient
ntaç
ação
ão e reco
recome
mendndaç
ação
ão,,
de um Babalorixá, Yalorixá ou um guia
espiritual.
 O banho de sal grosso só em ultimo caso, e
sempre depois se deve tomar um banho de de
energização.
 Banh
Banhosos com amôamônia
nia jam
jamais,
ais, nu
nunc
nca.
a. A amô
amônia
nia é
um ótimo descarregador, mas apenas para
ambientes. Po Pois o memesmo po pode trazer graves
prob
proble
lema
mass na saúd
saúdee físi
física
ca e esp
espirit
iritua
ual.
l.

56
Sacramentos e Rituais de Umbanda

 Banhos
Banhos para
para dedesca
scarr
rrega
egado do,, gera
geralme
lmente
nte são feit
feitos
os
com
com qu
quanantitida
dade
dess de erva
ervass em numer
numeroo impa
impar.r.
 Banhos para energização são feitos com
quan
qu anti
tida
dadedess de erva
ervass nu
numemeroro par
par,, ou o num
numer eroo
do Orixá.
 Ervas que são ligadas somente a Exu,
geralmente não são usadas para banho, por 
exe
xemp
mplolo,, fol
folha de pime
piment nta,
a, fo
folha
lha de bana
nane
neiriraa,
urtiga e pinhão roxo, essas folhas em especial
são usadas apenas para energização de
assentame
assentamento nto de Exu.
 As folhas e ervas colhidas para o banho, antes
do prep
prepar
arad
adoo de
deve
vemm ser
ser lava
lavada
dass co
comm caut
cautel
elaa em
água corrente, e as folhas devem permanecer o
mais
mais inta
intactctas
as po
possí
ssíve
veis
is..
 Os banhos com ervas frescas devem ser feitos
logo ap
após a colheita, po pois o pr prana existe
stente nas
feoolhban
baanho
s vho
ai acab
seaba
ac daisppo
errspe
por anrder
perddoeraopóefe
esfeit
oito.
corte da planta
o.
 Os ba banh
nhos
os não dev evem
em ser
ser feito
ito na
nass ho
horras aberta
ertass
como
omo 6 ho horras da man anhã
hã,, 12 ho horras do dia,
dia, ou
meio
meio dia,
dia, 18 ho horarass do dia,
dia, ou 24 ho hora
rass meia
meia
noite. PoPois essas horas é o pe período qu que há muita
circul
circulaçã
açãoo de energ
energiasias,, é o perío
período
do cham
chamado
ado de
horas “livres”. Geralment e os banhos que são
feit
feitos
os ne
ness
ssas
as ho
horaras,
s, são
são babanh
nhosos de dedesc
scar
arre
rego
go e

57
Sacramentos e Rituais de Umbanda

geralmente prescritos por uma entidade, que


norm
no rmal
alm
menente
te é Exu.
Exu.
 Os ba
banh
nhoos feito
itos com erv
ervas sec
secas,
as, são
são feito
itos pelo
aba
baffame
amento
nto e nã nãoo pe
pela
la ferv
ervura
ura. Pro
Proced
ceden
endo
do
assim, quando a água estiver em ponto de
fervura, apague o fogo e deposite as ervas e
tamp
tampee o rec
recip
ipieient
nte,
e, e de
deix
ixee em ab
abaf
afam
amenento
to de 10
a 15 min
minututos
os..
 Após o banho é importante desfazer-se
corretamente das ervas que ficaram no chã chão,
essa
ssas ervas devem ser colhidas e depositadas em
algum ponto de de força na natureza, um uma praça,
um rio ou umauma mata. ta.
 Apóós o banh
Ap nhoo é impo
imporrtant
tantee nã
nãoo se esfr
sfregar co
comm
a toalha, pois isso pode causar cargas elétricas
ou está
estáti
tica
cass qu
quee po
podedem
m acab
acabar
ar an
anul
ulan
ando
do o efei
efeito
to
do banho.

A phora
24ho
24 ósras
os bno
anhmíni
o nimo
mí omo,
ide, aves
vlesti
étir
ernroup
traupas
ro r as
embran
brranca
epcas
oussou
o po
pas
or 
mais claras que tiver, não sair de casa e não
ingerir bebida alcoólica. Por que é necessário
deixar a energia do banho fazer efeito, e nesse
  período pós –  banho entre mais ou menos 24
horas pode acontecer o qu que chamamos de
cruzamento de energia e anular o efeito do
banho. En Então é preciso se se resguardar até a
ener
en ergi
giaa do ba
banh
nhoo se esta
estabebele
lece
cerr na áu
áure
rea.
a.
58
Sacramentos e Rituais de Umbanda

 Ao retirar as folhas na natureza não use objetos


cortan
cortantes
tes metáli
metálicos
cos,, dê prefe
preferên
rência
cia para
para retir
retirá-
á-las
las
com as próprias mãos, pois o corte com facas,
porr ex
po exem
empplo,
lo, pod
pode dimi
iminu
nuir
ir o pod
poder enenerrgé
géti
ticco
dass folh
da folhas
as..

Banho contra feitiços- Espada de São Jorge


(cortada com as mãos, em set
sete pedaços) comigo
ninguém pode, quebra demanda, levante,
eucali
eucalipto
pto,, guine
guine e arrud
arruda.
a.
Banh
Banhoo para
para afas
afastatarr eg
egum
um – Fol
Folha de manangu
guei
eirra,
arrud
arruda,
a, aroe
aroeira
ira,, cravo
cravo da índia,
índia, casca
casca de manacá
manacá,,
abre
ab re cami
caminh
nhoo e canj
canjicicaa bran
branca
ca..

Banho de
de proteção – Espada de São Jo
Jorge,
Esão
m pas,daem
ãos, emdesete
seSteanpe
tadaç
pedaBçaos)
rb)aeraca(pim
os am
pimblim
asmcão
li or. tadas com
ão.

Banh
Banhoo par
paraa pros
prospe
peri
rida
dade
de – Folha de louro,
levante, folha da fortuna, guine, folha de
lara
laranj
njei
eira
ra,, giras
girasso
soll e três
três co
colh
lher
eres
es de mel.
mel.

Banho calmante – Meliss


Melissa,
a, camom
camomila
ila,, folha
folha de
laranjeira, alfazema, malva branca e aniz
estrelado.
59
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Banho de Oxalá – Tapete de Oxalá (boldo),


Saiã
Saião,
o, colô
colôni
nia,
a, flo
florr de lara
laranj
njei
eira
ra,, alfaz
alfazem
emaa e rosa
rosa
  branca.

Banh
Banhoo de Og
Ogum
um  – Espa
Espada
da de São
São Jorg
Jorgee (cor
(corta
tada
da
com as mãos, emem sete pedaços) abre caminho,
comi
comigo
go ning
ningué
uém
m po
pode
de e qu
queb
ebra
ra de
dema
mand
nda.a.

Banh
Banhoo de Xa
Xang
ngôô – Quebra pedra, er
erva de São
João,
João, leva
levante
nte e manjer
manjericã
icãoo roxo.
roxo.
Banho de Oxum – Colônia, macaça, jasmim,
rosa
rosa amar
amarel
ela,
a, folh
folhaa da fort
fortun
unaa e cale
calend
ndul
ula.
a.

Banho dede Iansã – Espada de Santa Barbara


(cortada com as mãos, em
em nove pedaços) folha
de lou
louro e folha
lha do fogo
go..
Banho dede Oxossi – Gu Guinine,
e, queb
quebra
ra de
dema
mand
nda,
a,
alec
alecri
rim
m e ab
abre
re cami
caminh
nho.
o.

Banho de Yemanjá – Folha de laranjeira,


  jasmi
jasmim,
m, rosa
rosa bran
branca,
ca, co
colôn
lônia
ia e manje
manjeric
ricão.
ão.

Banh
Banhoo de Ob
Obalaluayê  – Erva
uayê Erva de pa
passa
ssari
rinh
nho,
o, crav
cravoo
da índi
índia,
a, ba
barb
rbaa de ve
velh
lhoo e milh
milhoo de pipo
pipoca
ca..
60
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Banho de Nanã – Colônia, manjericão roxo,


cipr
ipreste
ste e assa
ssa pe
peix
ixee.

Banho de Ibejis - Jasmim, alecrim, tapete de


Oxalá e balas de mel.

61
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Pontos Cantados, Rezas, Preces e


Orações

Na Umbanda, um dos principais


fund
fundam
amenento
toss são
são os po
pont
ntos
os cant
cantad
ados
os,, o louv
louvor
or ao
Orixá é fundamental para sua saudação e
evoc
evocaç
ação
ão aos
aos trab
trabal
alho
hos.
s. Por
Por assi
assim
m dize
dizerr o vel
velho
ho
ditado “quem canta, reza duas vezes”.

eles Osmpõe
les co
comppont
po ntos
õemmosunã
não
ma o são

orodecant
ca
mntad
dem ados
de ostro
intr
in alea
aleato
odu tori
duçã riam
oamen
ção ente
te,
, melh
me ,
lhor 
or 
dizendo cacada ponto é cantado conforme o
andamento das giras de trabalho, em uma
seqüên
seqüência
cia lógica
lógica,, por ex
exemp
emplo.
lo.....

Os pontos de abertura de gira ira (também momento


da pre
prece de abe
berrtur
tura)
Os pontos de saudação ao Babalorixá ou
Yalorixá
Os pon
onto
toss de sau
sauda
darr o peji
eji (bate
ater cab
abeeça)
ça)
Os pontos de defumação
Os pontos de louvação e chamada de Exu ( para
a firm
firmez
ezaa do terr
terrei
eiro
ro))

saudaDçãeopoàiss sdeteesslainhoarsdedm
e Oirnixicáisa,l moacsoirsrseo aé
62
Sacramentos e Rituais de Umbanda

rela
relati
tivo
vo,, pois
pois a saud
saudaçação
ão vai
vai de
depe
pend
nder
er da
dass linh
linhas
as
que a casa cultua...
Logo em em seguida são ca cantados os pontos de
cha
hama
madda da linhlinhaa de tra
traba
balh
lhoo do
do dia
dia,, ao
ao fin
finaal da
gira são cantados os pontos de subida dos guias
espir
spirit
ituuais.
is. E logologo em segu seguididaa o po ponnto de
ence
en cerr
rram
amenentoto da gira
gira.. (tam
(tambébémm mome
moment ntoo da
prec
precee de enence
cerr
rram
amenento
to))

Inic
Inicia
ialm
lmen
ente
te a Umba
Umband
ndaa po
poss
ssuí
uíaa ap
apen
enas
as um

otoqu
toque,
pae,
passaor cham
ch
doamad
teado
te mopodeou
oUmba
Um
utroband
s nda
ritaman
ango
osgola
fola,r,am
mas
masseco
com
ndmo
introd
introduzi
uzidos
dos como..
como....

Samba cabula
Congo de ouro
Ijexá
Barra  –  vento

63
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Rezas, Preces e Orações

qualqAuer
qualquers rseguimen
ezasimento
segu , pr
preto
cesreligio
e orso
açõno
religioso es,mundo,

são o,
mund pr
presse
eseencconceito
ess iais eito
conc em
esta
esta ati
ativo dedesd
sdee a criaç
iação da huma
umanidnidad
adee. Essa
Essa é uma
das maiores se não á maior herança divina, um umas das
  pri
princ
ncip
ipai
aiss man
anif
ifes
esta
taçõ
ções
es de Fé.
Fé.
O poder das palavras está em cada letra, em cada
silaba cada som reproduzido. Pois cada palavra
ppraolavvorcaas suemdaesvliobcraam
çãoc,om
e oquon
onanddaso eassedaegferreigmaoms, aoass
camp
campos os mais
mais suti
sutiss do astr
astral
al,, e se mani
manife fest
stam
am no camp campoo
astral chamado de Akasha, qu que por sua vez terá
reflexos emanados diretamente em nossas vidas, sej seja
  benéfi
benéfico co ou maléfico,
aléfico, tudo de acordoacordo comcom as palavras.
alavras.
As civilizações mais antigas pregam o poder da
pala
palavr
vraa, com
como font
fontee de todo
todo pot
poten
enci
cial
al humano
mano,, os
  budistas, hindus, hebreus, egípcios, africanos...
  No
Nos rituais é indispensável ás citações de preces,
conj
co njur
uraç
açõeões,
s, evoc
evocaç
açõe
ões,
s, saud
saudaç
açõe
ões,
s, oraç
oraçõe
õess e reza
rezas,
s,
  para
para dadarr inic
inicio
io co
cond
nduz
uzir
ir ou con
concr
cret
etiz
izar
ar qu
qual
alqu
quer
er tipo
tipo de
ritu
ritual
al ou proc
proced
edim
imen
ento
to on
onde
de oc
ocor
orre
re a mani
manipu
pula
laçã
çãoo de
de
energias.

64
Sacramentos e Rituais de Umbanda

 A palavra é a consolidação de qualquer 


  pensamento ou ato intuitivo.

 A pa
palav
lavra restit
stituui todo
todo co
corrpo e tod
todo esp
espír
írit
itoo.
Seja
Seja em corpo
corpo celest
celeste,
e, ou vital
vital..

 A palavra é a fonte construtora e destrutiva do


universo.

Prece de Cáritas
Deus No
Deus Nossssoo Pai,
Pai, que
que sois
sois todo
todo pod
poder
er e bo
bond
ndadade,
e, dai
dai
forç
forças
as aq
aque
uele
less qu
quee pa
pass
ssam
am pepela
la prov
provaçação
ão,, da
daii luz
luz
aque
aquele
less qu
quee proc
procururam
am a veverd
rdad
ade,
e, po
pond
ndee no co
coraraçã
çãoo do
home
ho mem m a cocomp
mpai
aixã
xãoo e a cari
carida
dade
de..
Deus
Deus!.
!...D
..Dai
ai ao via
viaja
jant
ntee a estr
estrel
elaa gu
guia
ia,, ao afli
aflito
to a
consolaçã
consolação,
o, ao doente
doente o repouso.
repouso.
Pai!...Dai ao culpado
culpado o arrependim
arrependimento,
ento, ao espírito a
verdade,
verdade, a criança
criança o guia,
guia, ao
ao órfão
órfão o pai.
pai.
Senh
Senhor
or!!...Q
...Quue a Vo
Voss
ssaa bon
onda
dade
de se esten
stenda
da sobr
sobree tudo
tudo
quee co
qu cria
criast
conhstes
nheces.em,
ecem. Pie
P,ieda
dade
de,
espe
es , nça
pera Sen
Senho
ranç a horr pa
para
para para
rauele
aque
aq aque
aq
lesuele
lesse qu
s qu
que que
e em.
sofrnãoo. vos

sofrem vos

65
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Que a Vo
Que Voss ssaa bon
onda
dade
de permit
mita ao
aoss espír
spírit
itos
os
cons
consol
olad
ador
ores
es,, de
derr
rram
amar
arem
em po
porr toda
toda a pa
part
rtee a pa
paz,
z, a
esperança e a fé!
Deus!.
Deus !..... Um raio
raio,, uma
uma faís
faísca
ca do Vo
Vossssoo amor
amor popode
de
abrrasar
ab sar a ter
terra; deixaeixai-
i-no
noss bebe
berr nas fon
onte
tess ág
águuas dessa
ssa
  bon
bondadadde fecu cunnda e inf
infini
inita e toda
todass as lágr
lágrim
imaas sec
secarã
arão,
tod
todas as do dorres se acalm
almarãoão.. Um só cor
coraação
ão,, um só
  pens
pensam
amen ento
to,, subi
subirá
rá até
até Vós cocomo
mo um gritgritoo de
de
reconh
reconheciecimmento
ento e de amor.
amor.
Como
Como Mois
Moisés
és sobr
sobree a mont
montan
anha
ha,, nó
nóss Vo
Voss espe
espera
ramo
moss
com os bra
braço
çoss abe
berrtos.
tos.
Oh, bondade
bondade,, oh beleza
beleza,, oh perfe
perfeição
ição!! E, queremo
queremoss de
algu
alguma
ma sort
sortee mere
merece
cerr a Vo
Voss
ssaa mise
miseri
ricó
córd
rdia
ia..
Deus
Deus!.
!.....Da
Dai-
i-nnos a forç
forçaa de ajud
ajudar
armo
moss o prog
progre
ress
sso,
o, a

fim de subirmos até Vós.


Daii-no
Da noss a carida
ridadede pu
purra, da
dai-
i-no
noss a fé e a razão
zão. Da
Dai-i-no
noss
a simp
simpli
liccidad
idadee que fará de no
nossssaas alma
lmas o espe
espelh
lhoo onde
onde
se deve refletir a Vossa Santa e Bendita imagem.
Quee assi
Qu assim
m seja
seja!!

66
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Prece de abertura
Pai Miser
Miserico
icord
rdios
iosoo e Justo
Justo Criador
Criador do Unive
Universo
rso lança
lançaii
as vossas bênçãos sob sobre os trabalhos que os vossos
filhos
filhos,, em Vosso
Vosso sagra
sagrado
do nome
nome vã
vãoo executa
executarr neste
neste
terre
terreiro
iro,, em ben
benefi
eficio
cio dos seus
seus irmão
irmãos,s, também
também vossos
vossos
filhos.

Pai Miser
Miserico
icord
rdios
iosoo e Justo,
Justo, dái permis
permissão são aos espír
espírito
itoss
de luz,
luz, super
superior
iores,
es, ao
aoss Anjos,
Anjos, Santos
Santos,, Orixá
Orixáss e chefe
chefess
de falang
langes
es e seu
seus cocomman
andadaddos,
os, ao
aoss cab
aboc
oclo
loss e preto
etos
velhos
velhos,, espí
espírit
ritos
os do mar,
mar, dos
dos rios,
rios, fontes
fontes e cachoe
cachoeira
iras,
s,
a todo
todoss os espí
espíririto
toss pu
puro
ross ou pu
puririfi
fica
cado
dos,
s, que
que lanc
lancem
em
sobre
sobre este
este terre
terreiro
iro suas
suas irradi
irradiaçõ
açõeses saluta
salutares
res,, seus
seus

flui
fluido
emdos
s rege
re
busc
bu gene
sca nera
a de rado
lidore
aliv res,ssoc
vio,
io em
so orbe
bene
corrronefi
efici
ccio
o dos
ura dos aqu
para
ar que
sueave
sua vem
m raq
s do
doraqui
esui
mora
morais is e físi
física
cas.
s.

Oxaláá po
Oxal pode
dero
roso
so e ch
chei
eioo de bo
bond
ndad
ade,
e, derr
derram
amai
ai sobr
sobree
nós,
nó s, os vo
voss
ssos
os eflú
eflúvi
vios
os infu
infund
ndin
indo
do em todo
todoss nó
nóss a
resig
resigna
nação
ção,, a bo
boaa von
vontad
tade,
e, para
para desemp
desempenh
enharm
armosos bem
a nossa
ossa tar
tarefa
efa.

67
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Anjoss de gu
Anjo guar
arda
da,, gu
guia
iass e prot
protet
etor
ores
es no
noss
ssos
os,, de
derr
rram
amaiai
voss
vossaa infl
influe
uenc
ncia
ia sobr
sobree os médi
médiun
unss aq
aqui
ui pres
presen
entetes,
s, a fim
fim
de qu
quee po
poss
ssuuídos
ídos da vossa
ossa energ
ergia possa
ossam
m tranansm
smit
itir 
ir 
aoss irmã
ao irmãos
os ne
nece
cess
ssit
itad
ados
os de ampa
amparo
ro..

Espí
Espírritos
itos de luz
luz, da
dai aoaoss méd
médiuniuns a vo
voss
ssaa força,
ça, par
paraa
que este
stes a tra
transm
nsmita
itam aos irmãirmãoos qu
quee dela
ela nece
ecessi
ssitam
tam,
quee as en
qu ener
ergi
gias
as do un
univiver
erso
so sobr
sobree a ação
ação dodoss espí
espíri
rito
toss
de luz
luz , gu
guia
iass e prot
protetetor
ores
es,, anj
anjos
os da gu
guar
arda
da,, der
derra
rame
mem- m-
se lumi
luminonosa
sas,
s, be
bené
néfifica
cass e fort
fortes
es ne
nest
stee ambi
ambien ente
te,,
  purifiquem-no,
purifiquem-no, iluminem-no,
iluminem-no, afastando os maus
elem
elemenentotoss do espa
espaçoço e da terr
terra.
a.

Espíritos
Espíritos Superior
Superiores,
es, defendei
defendei este terreiro
terreiro,, impedind
impedindoo
a aproxi
aproximaç
mação
ão dos
dos espíri
espíritos
tos pertur
perturbad
badore
ores.
s.

Pai Miser
Miserico
icord
rdios
iosoo  para
pae ra
Justo,
Justodo
to, louv
louvado
semado
pre.seja
sempre. seja o vosso
vosso nom
nomee

Assi
Assim
m seja
seja..

68
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Pai nosso Umbandista

Pai
Pai todo
em nosso
to os
dosso que
s os estai
mund
mu stais
ndoss nha
os osbita
habi ctad
éus,
us , nas
dos.
os n. as
Santmific
Santifatas,
ta s,ado
icad nos
no sm jaare
o seja
se aroeteu
s ue
te
nome,
nome, pelos
pelos teus
teus filhos
filhos,, pe pelala natur
naturezaeza,, pelas
pelas águáguas,as,
  pel
pelaa luz
luz e pe pelo
lo ar qu
quee resp
respir iram
amos os.. Qu
Quee o teu teu rei
reino
no,,
rein
reinoo do be bem,
m, do do amo
amorr e da frat fratererni
nida
dade
de,, nos
nos ununaa à
tod
todos e a tudotudo que crias riastetes,
s, em tor torno da sag sagrad adaa Cru
Cruz,
aos pés do divin ivinoo sa
salvad
lvador or e red edeento
ntor. QueQue a tua
vont
vo ntaade no
noss cononduduzaza sem
sempre pre para o cu culto
lto dodo am
amor e da
carid
aridaade
de.. Da
Dai- i-no
noss hoje
oje e sem
sempre pre a vo vont
ntaade firme
irme para
serm
sermos os virt
virtuo
uosososs e útei
úteiss aoaoss nonossssos
os seme
semelh lhan
ante
tes.
s. Dai
Dai--
noss hoje
no oje o pãpão dodo cocorpo
po,, o fruto das mata matass e a ág água
ua da dass
font
fonteses pa
parara o nosso
nosso suste
sustent ntoo mater
materia iall e espi
espiri
ritu
tual
al..
Perd
Perdoa oa,, se
se mere
merece cerm
rmosos,, as
as nonoss
ssasas falt
faltas
as e dá o sub subli lime
me
sent
sentimimen
entoto do
do perd
perdãoão par
paraa os qu quee nonoss ofen
ofenda dam.
m. Não
Não
noss de
no deixixei
eiss sucu
sucumbmbir ir,, ante
ante a lutaluta,, diss
dissab abor
ores
es,,

 pingr
ingrat
atid
idõe
ões,
ecaminosass, tent
te
dantaç
açõe
õess do
matéria.dos s maus
ma us espí
espíri
Enviai-nos,
En viai-nos, rito
tossuemilus
pai, ilraio
usõe
õesde
s
tua
tua divi
divina
na co
comp
mplalacê
cêncncia
ia,, luz
luz e mise
miseri
ricó
córd
rdiaia pa
para
ra os
teus
teus filh
filhos
os pe
peca
cado
dore
ress qu
quee aq
aqui
ui ha
habi
bita
tam,
m, pe
pelolo be
bemm da
humanida
humanidade, de, nossa
nossa irmã.
irmã.
Assim Seja !

69
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Credo Umbandista

OrCrei
Cr
Orix
ixáseiooe em
ás nosDeDeusus,írit
Espír
sp , ito
Onip
Onosipot
oten
Div
Di vente
inte
osequ
ino Supr
Sueprem
que emo;
nos
no tro;oux
s tro Crei
Crera
uxereioaomnos
nopa
s ra
par
a Vid
Vida po porr Vo
Vont
ntaade de De Deuus. CrCreio
eio na
nas Fala
Falang nges
es
Espiri
Espirituatuais,
is, orien
orientantanddo os homens
homens na vida vida terren
terrena; a;
Crei
Creioo na reen
reencacarn
rnaç ação
ão da
dass alma
almass e na Just
Justiçiçaa divi
divinana,,
segu
segund ndoo a Lei
Lei do RetoRetorn
rno;o; Crei
Creioo na co comu
muni nica
caçãçãoo dos
dos
Guia
Gu iass Espi
Espiri ritu
tuai
ais,
s, enc
encamamininha
hanndo
do-n
-nos
os pa
para
ra a Cari
Carida dade
de e
a prá
prátic
tica do BemBem; Crei Creioo na inv
invoc
ocaação,
ção, na Prec
Precee e na
Ofer
Oferen endada,, com
comoo atos
atos de fé e crei creioo nnaa Umba
Umbannda da,, com
comoo
religi
religiãoão reden
redentortora,
a, capaz
capaz de nos levar
levar pelo
pelo cami
caminho nho da
evolu
ev olução
ção até o noss nossoo Pai
Pai Oxa
Oxalá.lá.

Prece ao Anjo da Guarda


Santo Anjo do Senhor, meu zeloso guardador 
  já que a ti me confiou a piedade divina,
semp
semprre me rege ge,, me gua
uarrda
da,, me gov
over
ernna e
ilumina. Amem.

70
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Oração as Sete Linhas

Quee meu Pa
Qu Paii Ox
Oxal
aláá me con ondduz
uzaa sesem
mprpree no cacammininhho da
da
fé ra
raci
cion
onal
al..
Quee mi
Qu minh
nhaa Mã
Mãee YeYemamanj
njáá co
cond
nduz
uzaa memeuu co
coraraçã
çãoo pa
parara o
amor
am or in
inco
cond
ndic
icio
iona
nall ze
zela
land
ndoo pela
pela vi
vida
da e pe pela
la
manutenção do seu fluxo.
Que meu Pai Oxossi dirija sempre minha mente para o
conh
co nhec
ecim
imenentoto ou le
lemb
mbraranç
nças
as da
dass co
cois
isas
as ququee fi
fica
cara
ram
m
esquec
esquecida
idass ou ado
adorme
rmecid
cidas
as em meu pas passad
sado.o.
Quee meu Pai
Qu Pai Xa
Xang
ngôô me
me ajajud
udee par
araa não seserr in
inju
just
stoo com
com
meu semelhante.
Quee me
Qu meuu pa
paii Og
Ogumum me re reco
cond
nduzuzaa no cacami
minhnhoo do be bemm
com su
suaas esp
spaada
dass da le
leii se
semmpr
pree atu
tuan
antete,, se
sem
mpre em
defe
de fesa
sa do
doss ne
nececess
ssititad
ados
os..
Quee a Sen
Qu enho
horra do
doss Ve
Ventntos
os,, Mãe Ians nsãã, le
levve to
toddas as
magoas
magoas com
com seus
seus ventos,
ventos, fazen
fazendo
do a paz rena
renascer
scer…

E qu
que meu Pa
Pai Obaluayê nesse inst staante me leve à
evol
evoluç
ução
ão em to
todo
doss os se
sent
ntid
idos
os da
dand
ndoo tud
tudoo que
que
humildem
humi ldemente
ente eu tenh
tenhaa mere
merecime
cimento.
nto.
Assi
As sim
m Se
Seja
ja!!

71
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Prece a Exu

Oh! Glorio
Glorioso so mensa
mensagei
geiro
ro do céu e da terra
terra;;
Mistério que vitaliza e ativa os ser
seres em todos os
sent
sentid
idos
os da vida
vida;;
Prot
Protet
etor
or da
dass alma
almass en
enca
carn
rnad
adas
as e de
dese
senc
ncar
arna
nada
das;s;
Vós que paralisa e esgota os carmas coletivos e
individuais;
  Nós vo
voss inv
nvoc
ocam
amos
os humil
umilde
deme
ment
nte,
e, pa
para
ra qu
quee no
noss

Executai a Lei e o ca carmajudes;


a nas trevas sob a regência de
noss
no ssoo Pai
Pai OgOgum um;;
Esgo
Esgota
taii todo
todoss os víci
vícioos e de desvsvio
ioss huma
umano noss gera
erado
dorres
do ód
ódioio e da vingvinganança
ça;;
Enc
Encora
oraja-n
ja-noos a VeVencncerer tod
toda a adv dverersi
siddade e a feitiç
itiçaaria
dos hohom menenss da terterra;
ra;
Quee vo
Qu vossssaa sag
sagrad
adaa lin
linha de tra traba
balhlhoo na
na nossa
ossa amadadaa
Umba
Umband ndaa seja
seja semp
sempre re
Fonte
Fonte de aconse
aconselhalhamementonto,, orien
orientaç
tação
ão e defesa
defesa que
ajud
ajudaa a supe
superararr no
nossssas
as difi
dificu
culdldad
adeses mate
materi
riai
ais,
s,
espiritua
espirituais,
is, sentiment
sentimentais,ais, familia
familiaresres e profissio
profissionais.
nais.
Vóss qu
Vó quee ocucuppa o "Tron
Tronoo Ne Neut utro
ro",
", qu
quee não é bom nem
mau,
mau, e resp
responondede segu
segund ndoo a invo
invoca caçã
ção;
o;
Dá--nos a seg
Dá segura
uranç
nçaa em no nossssosos pededid
idoos tam
també
bémm dian
diantete
de Tua
Tua na natuture
reza
za femi
femini nina
na;;
Oh!! Senh
Oh Senhoor dadass en
enccruz
uzililhhad
adaas da vidaida humana
mana..

72
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Luz que tira o homem das trevas;


Atra
Atravé
véss de vo
vossa
ssa co
corr
rren
ente
te vibr
vibrat
atór
ória
ia,,
Pedi
Pedimomoss hu
humi
mildldem
emen
ente
te sob
sob as invo
invoca
caçõ
ções
es de Exu,
Exu,
Pomba-
Pomba-GirGira,
a, Leb
Lebara
ara e Aluvai
Aluvaiá;á;
Que envie a Vossa Luz a esta Casa Santa para a
  promo
promoção
ção da Paz,
Paz, da Frater
Fraternnidade,
idade, dodo Amor
Amor ao
  próx
próxim
imoo e da Ve
Verd
rdad
ade.
e.
Laroyê!

Prece aos Preto-Velhos


Preto Velho
Carretei
Carreteiro ro de Oxalá
Oxalá
Bastão
Bastão bendito
bendito de Zambi
Zambi
Mensagei
Mensageiro ro de Obatalá
Obatalá
Meu pensamen
pensamento to eleva-se
eleva-se ao teu espírito
espírito e
  peço Agô.
Que tuas guias sejam o farol que norteie minha
vida.
Quee vo
Qu voss
ssaa pe
pemb
mbaa trac
tracee o camin
caminho ho cer
certo
to par
paraa todo
todoss
os meus atos.
Quee vo
Qu vossa
ssass pa
pala
lavr
vras
as,, tão che
cheia
iass de co
comp
mprereen
ensãsãoo e
  bonda
bondade
de,, ilu
ilumi
mine
nem
m minhainha ment
mentee e meu cor coraç
ação
ão..

Quee teu
Qu teu caja
cajado
do me ampa
ampare
re em meus
meus trop
tropeç
eços
os..
73
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Ontem
Onte m te cu
curv
rvas
aste
tess ao
aoss senh
senhor
ores
es......
Hoje
Hoje,, ajoe
ajoelh
lho-
o-me
me ao
aoss teus
teus pé
péss pe
pedi
dind
ndoo qu quee
intercedane
s jste
nestuentmome
o ament
mo Oxnto
aloá clam
poamam
cl r mam
impo
e pr ovó
por r ts.odos que
vós.
Maleime e paz sobre meu lar e que a luz divina de
Obat
Ob atal
aláá se este
estend
ndaa pe
pelo
lo mund
mundo.
o.
E qu
que o gr
grito de
de todos os orixás sejam o si sinal de
vitó
itória sob
sobre toda
todass as dema
emandndas
as de minha
inha vida.
ida.
Male
Maleim imee as alma
almas.s.
Male
Maleiime para tod
todos os meu
meus inim
inimiigo
gos,
s, par
para que
saia
saiamm do negr
negrum
umee da ving
vinganança
ça..
E enc
ncon
ontr
treem fon
onte
te fecun
unda
da e clar
lara do amor
mor e
caridade.
Que assim seja !

Prece ao Caboclo
Do sabiá, ao primeiro trinado,
Ergue
Ergue-se
-se o homem,
homem, aind aindaa cansa
cansado,
do,
Do sono
sono dorm
dormido
ido e que não de desca
scanso
nsou.
u.
Cami
Caminh
nhaa até
até a po
port
rta,
a, com
com muit
muitoo vaga
vagar,r,
E olh
olhan
andodo o infi
infini
nito
to,, se põ
põee a reza
rezar,
r,
A oração
oração do caboc
caboclo
lo (dize
(dizerr o nome
nome do caboclo)
caboclo)
74
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Que a terra ensinou.


Do sol que renas
renasce,
ce, o prime
primeiriroo clarã
clarão,
o,
Clar
Clarei
eiaa o cab
caboc
oclo
lo,, que
que de pé no ch chão
ão,,
Vai outra
outra batalha,
batalha, sozinho
sozinho enfrenta
enfrentar.r.
E assi
assimm o cabo
caboclclo,
o, na luta
luta sem
sem fim,
fim,
Cam
Caminha
inha ao perferfume da florlor de jasm
jasmimim,,
Reza
Rezand
ndoo a oraç
oraçãoão qu
quee a terra
terra en
ensi
sino
nou.
u.

75
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Ponto Riscado

srce
srcem,
m,Osco pmo
comoontaosfala
risnge
falang caedou
os linh
libnha
asaicam eal
qual
qu nteaq ruela
aqueepla
resen
entida
entitdade
amdea
  perten
pertence,
ce, o tipo
tipo de
de trabal
trabalhoho,, e atuaçã
atuaçãoo do ser ser espiri
espiritua
tual.l.
Cad
Cada entida
tidadde possu
ossuii seuseu po
ponto
nto ris
risccad
ado,
o, ele é comoomo se se
fosse uma assinatura da entidade, um uma espécie de
iden
identi
tifi
fica
caçã
ção,
o, po
porérémm as en enti
tida
dade
dess e gu
guia
iass espi
espiri
ritu
tuai
aiss só
o ap
apre
rese
sent
ntam
am qu quan
andodo nenece
cess
ssár
ário
io,, e ge
geraralm
lmen
ente
te só o
Babalorixá ou Yalorixá conseguem decifrar toda
aque
aq uela
la graf
grafia
ia do
doss po
pont
ntos
os risca
riscado
dos.
s.
Não ex
existe um tempo es estimado pa para a entidade
risc
riscar
ar seu
seu po
pont
nto,
o, ela
ela só o far
fará,
á, qu
quan
andodo for
for real
realme
ment
ntee
nece
ne cess
ssár
ário
io e qu
quan
ando
do o méd
médiuiumm tive
tiverr firm
firmez
ezaa sufi
sufici
cien
ente
te
para que a entidade possa riscar seu ponto sem
interferências
interferências do próprio médium
médium..

76
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Exi
Existem
stem os pon
onto
toss de ap
aprrese
esentaç
ntaçãão ou de
de firme
irmezza
da entidade, cujo qual ela se apresenta através dos
símbol
símbolos
os do ponto
ponto.. E existe
existem
m os pontos
pontos de
de “traba
“trabalho
lho””
ou pontos de puxada de energias, são pontos com
símbol
símbolos
os especí
específic
ficos,
os, para
para final
finalida
idades
des como,
como, quequebra
bra de
deman
demanda,
da, que
quebr
braa de feitiç
feitiços,
os, desc
descar
arre
rego.
go..... Esse
Esse tipo
tipo de
ponto, ta
também pode ser definido co como um uma ordem
escrita em um espa spaço sagrado, e quando a entidade o
faz, ela está mobilizando toda sua falange para um
dete
determ
rmin
inad
adoo trab
trabal
alho
ho.. E todo
todoss esse
essess co
comamand
ndos
os estã
estãoo
“des
c“dadesen
aenha
mhado
índos”
ims” snos
o síno
ímsbopont
po
lontos
tos,
em, cada
te ca
umdasitraç
trgaço,
nifo,icacada
ca
dodae pont
po
fantin
z inho
paho,
rte,
de uma
uma orde
ordena
nanç
nça.
a.
Juntos com os pontos riscados são colocados e
firmados, didiversos elementos e objetos, a fim de
potencializar a função do pon
ponto, e concretizar sua
finalidade. Ger
Geralmente são fir
firmadas velas de varias
core
cores,
s, co
copo
poss co
com
m ágágua
ua,, folh
folhas
as e pe
pedr
dras
as..
A pemba é uma pedra de calcário, que nossos
guias utilizam para riscar seu ponto de energia de
acordo com a sua vibração. El Ela é parecida com um giz,
e pode apresentar várias cores de acordo com a
vibraç
vibração
ão ou linh
linhaa da en
entid
tidad
ade.
e.

77
Sacramentos e Rituais de Umbanda

A pe
pemba consagrada pode ser ralada e utilizada
para cruzar o am
ambiente e filhos de santo. De
Desta forma
ela é soprada nos pontos cardeais do ambiente para que
se de a firmeza.
Essas imagens são algumas demonstrações de
alguns pontos da linha de Exu e Pomba-gira para um
melhor
melhor entendim
entendimento
ento...
...

78
Sacramentos e Rituais de Umbanda

79
Sacramentos e Rituais de Umbanda

80
Sacramentos e Rituais de Umbanda

81
Sacramentos e Rituais de Umbanda

82
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Geralmente os pontos riscados são riscados no


próprio chão, mas o id ideal seria ter uma tabua própria
  par
para risc
iscar os ponto
ntos.

Os pontos riscados devem ser apagados de forma


que ao apagarmos o ponto, nãnão interfiramos com o
trabalho mágico do ponto. Há casas que apagam os
pontos com água do ma mar, popois a água salgada anula
tan
tanto as
as ene
nerrgias
gias posit
ositiv
ivaas como as
as neg
egaativa
tivas,
s, e nesse
esse
83
Sacramentos e Rituais de Umbanda

caso ela fecharia o portal que foi aberto pelo ponto,


sem
sem cocomemete
terr da
dano
noss ou inte
interf
rfer
erir
ir no intu
intuititoo mág
mágicicoo ddoo
ponto. Na N as giras de esquerda os pontos podem ser 
apagados com cachaça, em em outras casas o ponto
risc
riscad
adoo é ap
apag
agadadoo ap
apen
enas
as co
comm uma
uma bubuch
chaa vevege
geta
tall seca
seca..
Algu
Alguma mass casa
casass á próp
própri
riaa en
enti
tida
dade
de reve
revela
la ou reco
recome
mendndaa
com o que e como o ponto deve ser apagado. Essa
ques
qu estã
tãoo é muit
muitoo varvariá
iáve
vel.l. Essa
Essass são
são ape
apena nass algu
algumamass
dass dive
da divers
rsas
as form
formasas de
desse
sse proc
proced
edimimen
ento
to..

84
Sacramentos e Rituais de Umbanda

85
Sacramentos e Rituais de Umbanda

86
Sacramentos e Rituais de Umbanda

87
Sacramentos e Rituais de Umbanda

88
Sacramentos e Rituais de Umbanda

89
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Os pontos riscados são de uma imensa


simbologia, umuma grande quantidade de símbolos,
formas e signos que combinados dão for forma a os pontos
riscados com os mais vastos significados. Aqu Aqui vão
alguns símbolos e descrições que aparecem
comu
co mume
ment
ntee na
nass graf
grafia
iass sagr
sagrad
adas
as,, os po
pont
ntos
os risc
riscad
ados
os...
...
Um ponto  – Associado
Associado ao ser supremo
supremo Deus (Oxalá).
(Oxalá).
Espa
Espada
da cu
curv
rvaa  – Associa
Associado
do a Ogu
Ogum.
m.

Bandeira com cruz grega no meio – Associada a


Ogum.
Tridente com a base reta (quadrada) – Associado aos
Exu
Exus. Esse
Esse sím
símbo
bolo
lo tam
també
bém
m está
stá asso
ssociad
iado aos Exu
Exus
de rua.
Tridente com a base curva (redonda) – Associada à
Pomb
Pomba-
a-Gi
Gira
ra.. Esse símb
símbol
oloo també
também
m está
está asso
associ
ciad
adoo aos
Exus
Exus de cemi
cemité téri
rio.
o.
Coraçã
Coraçãoo com
com Cruz
Cruz no inter
interior 
ior  – Asso
Associ
ciad
adaa à Na
Nanã
nã..
Traços pequenos na vertical (chuva) – Associada à
  Nanã.

Folhas  – Asso
Associ
ciad
adas
as à Ossã
Ossãe.
e.

90
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Espa
Espada
da reta
reta  – Asso
Associ
ciad
adaa à Ians
Iansã.
ã.
Raios  – Asso
Associ
ciad
ados
os à Ians
Iansã.
ã.
Seta
Seta reta
reta ou cu
curv
rvaa – Associa
Associado
do a Oxo
Oxossi
ssi..
Arco
Arco e flec
flecha
ha  – Asso
Associ
ciad
adaa ao
aoss Cabo
Cabocl
clos
os..
Mach
Machad
adoo e nu
nuve
vem
m  – Associ
Associado
ado a Xan
Xangô.
gô.
Cruz grega com pedestal – Associado à Obaluayê e
almas.
Caveiras – Associadas aos espíritos da calunga
  pequena
pequena (cem
(cemitério).
itério).
Três
Três estre
estrelas
las  – assoc
ssocia
iada
dass aos ve
velh
lhos
os e alm
almas.
Estrel
Estrelaa branc
brancaa  – Associada
Associada ao Povo
Povo do Oriente.
Oriente.
Ondas na horizontal – Associada à Yemanjá e povo
dass ág
da água
uas.
s.
Onda
Ondass na ve
vert
rtic
ical
al – Associada a Oxum e povo dos
dos rios.
Coração  – Associa
Associado
do a Oxu
Oxum.
m.

Estr
Estrel
elaa de seis
seis po
pont
ntas
as He
Hexa
xagramaa – Asso
gram Associ
ciad
adaa a Ox
Oxal
alá.
á.

91
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Cruz
Cruz lati
latina
na bran
branca
ca – Asso
Associ
ciad
adaa á Ox
Oxal
alá.
á.
Estrela de cinco pontas Pentagrama – Associada ao
Povo do Oriente.
Palm
Palmeieira
rass e co
coqu
quei
eiro
ross – Assoc
sociados aos velhos e linhas
doss Baia
do Baiano
nos.s.
Circulo  – Represen
Representa
ta o univer
universo.
so.
Círculos pequenos e semicírculos – Repr
Repreesen
sentam
tam as
faze
fazess da lua.
lua. Asso
Associ
ciad
adaa a Ye
Yema
manj
njá.
á.
Uma
Uma linh
linhaa reta
eta – Represen
Representa
ta o mundo
mundo materi
material.
al.
Duas linh
Dua inhas retas
tas – Represent
Representam
am o princip
principio
io masculi
masculino
no
e principio
principio feminino
feminino..
Uma
Uma linh
linhaa cu
currva  – Repr
Repres
esen
enta
ta a po
pola
lari
rida
dade
de..
Duas lin
Dua linha
hass curv
urvas – Repr
Repres
esen
enta
tam
m as du
duas
as po
pola
lari
rida
dade
dess
o positiv
positivoo e o negativ
negativo.
o.
Triangulo  – Represen
Representa
ta trindade
trindade..
Um ququad
adra
rado
do  – Repr
Repres
esen
enta
ta os qu
quat
atro
ro elem
elemen
ento
toss (águ
(água,
a,
terr
terra,
a, ar e fogo
fogo).
).

92
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Espiral para fora – Repr Repres


esenenta
ta o ch cham
amam
amenento
to de
ener
energi
giaa pa
para
ra de
desc
scar
arre
rego
go ou reti
retira
rarr de
dema
mand
nda.
a. Tam
Tambébém
m
está
está asso
associ
ciad
adaa ao
aoss Bo
Boia
iade
deir
iros
os..
Rosa dos ventos – Chamamento de força ou
descarrego.
Traço ou linha curva com círculos nas pontas –
símbolo
símbolo de força,
força, amarraçã
amarraçãoo e descarre
descarrego.
go.

93
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sign
Signos
os & Or
Orix
ixás
ás
Podemos verificar que existe certa relação entre
os signos e os Orixás, po
pois da mesma forma como es estes
são
são vibr
vibraç
açõe
ões,
s, cad
cadaa astr
astroo do sis
siste
tema
ma sola
solar,
r, reg
regen
ente
te de
um dos signos também nos envia uma imantação
magn
magnététic
ica.
a. Nã
Nãoo qu
quer
erem
emosos dize
dizer,
r, po
poré
rém,
m, ququee essa
essa
relação é definitiva. Há realmente uma
cnoãorresspiognndifêinccaia qeunetre toosdoasstroosse onsasOcridixoáss, m
emas isusmo
determinado si signo, so sob a influência de um planeta,
seja
sejam m filh
filhosos ou tenhtenham am co comomo vibr
vibraç
ação
ão mais
mais favofavorá
ráve
vell
ao Orixá
Orixá co corr rres
espo
pondndenente
te a esse
esse astr
astro.
o.
Cad
Cada sig signo do zodíadíaco é marcado
cado poporr alg
alguma
umas
cara
caract
cter
erís
ísti
tica
cass de pe
pers
rson
onal
alid
idad
ade,
e, algu
alguma
mass de
dela
lass po
pode
demm
ser
ser co
cons
nsid
ider
erad
adas
as po
posi
siti
tiva
vass e ou
outr
tras
as ne
nega
gati
tiva
vas.
s. São
São elas
elas
respectivamente:

Signo
Signo (Áries
(Ár
(Áries
ies)) Planet
Planetaa regente
rege
regen
regente
nte
te (Marte)
(Mar
(Marte
(Marte)
te)) Orixá
Orixá regente
rege
regente
nte
(Ogum)

  Nasc
Nascid
idoos de 21 de mar
março a 20 de abril

94
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Ari
Arianos geralmente são av aventureiros, enérgicos,
pionei
pioneiroross e valent
valentes.es. São
São rápidos
rápidos,, dinâmic
dinâmicos,
os, segu
seguros
ros
de si e demonstram entusiasmo para as coisas. No
entanto também muitas vezes apresentam
características negativas como egoísmo smo e um gênio
difícil, e são mu muito or orgulhosos. OsOs arianos são
impulsivos e às vezes têm pouca paciência. Tendem a
se arri
arrisc
scar
ar de
dema
mais
is..

Signo (T
(Touro) Planeta reregente (Terra e Venus)
Orixá
Orixá rege
regente
nte (Oxossi
(Oxossi,, Oxum
Oxu
Oxum
m e Oxalá)
Oxalá)
  Nas
Nascido de
de 21 de
de abril a 20 de
de maio
Pessoas do signo “Touro”
“Touro” apresenta
apresentam m caracte
característi
rísticas
cas
como paciênci
paciência,
a, persistê
persistência
ncia,, objetivid
objetividade
ade e confianç
confiança.
a.

E
delemsongstr
osrtaarmsem
st u uca
ciatorindheo. sPo
Peorsesnetrier msetgãuoroap
aspeegaaddoosraamo
carinho, muitas vezes podem ser também
demasiadamente zelosos e possessivos, além de
inflexíveis. Um Um de seus maiores pecados é a cobiça.
Em geral são tranqüilos, mas não devem ser 
desafiados, se se tornam pessoas vingativas e sem meias
  palavras.

95
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sign
Signoo (Gê
(Gême
meosos)) Plan
Planet
etaa reg
regen
ente
te (Mer
(Mercú
cúri
rio)
o) Or
Orix
ixáá
regent
regentee (Ibeji
(Ibejis)
s)
  Nasc
Nascid
idoos 21 de maio
maio a 20 de junh
junhoo
Geminia
Gem iniannos são
são adaadapptáv
táveis e versá
ersáte
teiis. Ge
Gerralmen
lmentete
intelectu
intelectuais,
ais, eloqüe
eloqüentes,
ntes, carinhoso
carinhosos,
s, comunic
comunicativativos
os e
inteligentes. Têm muita energia e vitalidade. No
enta
en tant
ntoo con
onst
staante
ntemen
ente
te se apaprresen
sentam
tam supe
superrficia
iciais
is e
inconstantes. Muitas vezes ficam nervosos por pouca
cois
co isaa e as pe
pess
ssooas de
dest
stee sig
signo cost
costum
umaam ser
ser ansio
nsiosa
sas.
s.

Signo
Signo (Cânce
(Câncer)
r) Planet
Planetaa regent
reg
rege
regente
ente
ntee (Lua)
( Lua)
Lua) Orixá
Orixá regent
reg
rege
regente
ente
ntee
(Oxum,
(Oxum, Yeman
Yemanjájá e Nanã)
Nanã)

  Nasc
Nascid
idos
os 21 de junh
junhoo a 21 de julh
julhoo
Canc
Cancer
eria
iano
noss são
são emot
emotivivos
os,, cari
carinh
nhos
osos
os,, prot
protet
etor
ores
es e
simpát
simpático
icos.
s. Caract
Caracter
eríst
ística
icass deste
deste signo
signo que se destac
destacamam
são a imagin
imaginaç ação
ão e intuiç
intuição.
ão. Qua
Quando
ndo necess
necessár
ário
io são
bem cautelosos. Tê Têm uma tendência ao mau hum humor.
São
São calc
calcul
ulis
ista
tas,
s, des
desor
orde
dena
nado
doss e au
auto
to com
compa
passssiv
ivos
os..

Muda
Mudam
muitasmve
muitas de
zesshu
veze humo
temor
teimrosos
imosfaci
faos.
cilm
. lmen
ente
te,, são
são muit
muitoo susc
suscet
etív
ívei
eiss e

96
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sign
Signoo (Le
(Leã
(Leão)
eão
ão)
o)) Plan
Pl
Plan
laane
neta
eettaa rege
re
regent
ge
gen
nte
ntee (Sol
(Sol)) Or
Orix
ixáá rege
regent
ntee
(Xangô)
  Nasc
Nascid
idos
os 22 de julh
julhoo a 22 de ag
agos
osto
to
Pesso
Pessoas
as do sign
signo
o “Leã
“Leão”
o” cost
costum
umam
am ser
ser gene
genero
roso
sos,
s,
bondosos, fieis e carinhosos. Além de criativos,
entu
entusi
sias
asta
tass e co
comp
mprereen
ensi
sivo
vos.
s. No en
enta
tant
ntoo tamb
também
ém são
são
prepotentes e mandões. Podem ser intolerantes,
dogm
do gmát
átic
icos
os e às ve
veze
zess en
enxe
xeri
rido
dos.
s.

Sign
Signoo (Vir
(Virge
gem)
m) Plan
Planet
etaa rege
regent
ntee (Mer
(Mercú
cúri
rio)
o) Or
Orix
ixáá
rege
regent
ntee (Oba
(Obalu
luay
ayêê e Ox
Oxos
ossi
si))
  Nasci
Nascido
doss 23 de ag
agos
osto
to a 21 de
de sete
setem
mbro
bro

Virg
Virgin
inia
iano
noss cocost
stum
umamam apapre
rese
sent
ntar
ar cara
caract
cter
erís
ísti
tica
cass co
como
mo
modé
modéststia
ia,, int
inteli
eligê
gênc
ncia
ia e tim
timide
idez. Os de sign
signoo Vir
Virge
gem
m
são metic
meticuloulosos
sos,, prátic
práticos
os e trabal
trabalha
hador
dores.
es. Têm grand
grandee
capa
capaci
cida
dade
de ananal
alít
ític
icaa e são
são fiáv
fiávei
eis.
s. Alé
Alémm de
dess
ssas
as,, aind
aindaa
apre
aprese
sent
ntam
am cara caract
cter
erís
ísti
tica
cass cocomo
mo peperf
rfec
ecci
cion
onis
ismo
mo e
cons
conser
erva
vado
dorirism
smo.o. Tamb
Também ém são são muit
muitoo ex exigigen
ente
tess

97
Sacramentos e Rituais de Umbanda

consig
cons igoo e co
com
m os ou
outr
tros
os,, o que
que acab
acabaa ge
gera
rand
ndoo alg
algum
umas
as
situ
situaç
açõe
õess co
comp
mpli
lica
cada
dass e mágo
mágoasas..

Signo ((L Libra) Planeta rreegente (Venus) Orixá


regent
regentee (Oxum)
(Oxum)
  Nasci
Nascido
doss 23 de sete
setemb
mbro
ro a 22 de
de ou
outtub
ubro
ro
Do sign
signoo de
de Libr
Libraa são
são dip
diplo
lomá
mátitico
cos,
s, en
enca
cantntad
ador
ores
es e
sociáv
sociáveis
eis.. Muitas
Muitas vezes
vezes ideali
idealista
stas,
s, pacífico
pacíficos,
s, otimista
otimistass
e român
mântic
ticos.
os. Têm
Têm um car caráter
ter afá
afáve
vell e equ
quil
ilib
ibrrad
ado.
o. No
entanto também são indecisos e facilmente
infl
influe
uenc
ncia
iado
doss po
porr terc
tercei
eiro
ros.
s. Pode
Podemm muda
mudarr de opopin
iniã
iãoo e
leal
lealda
dade
de faci
facilm
lmen
ente
te e ser
ser muit
muitoo co
cond
ndes
esce
cend
nden
entetes.
s.

Sign
Signoo (Esc
(Escor
orpi
orppião
pião)
iãão)
o)) Plan
Planet
aneeta
etaa rege
re
regent
gentee (Plu
(P
(Pllutã
lutão
uttão)
ão)
o)) Or
Orix
Oriixá
ixáá
rege
regent
ntee (Exu
(Exu))
  Nasci
Nascido
doss 23 de ou
outu
tubr
broo a 21 de
de no
nove
vemb
mbro
ro
Pess
Pessoa
oass do sign
signoo esco
escorp
rpiã
iãoo cos
costu
tuma
mam m ser
ser emot
emotiv
ivas
as,,
deci
de cidi
dida
das,
s, pod
poder
eros
osas
as e ap
apai
aixo
xona
nada
das.
s. Esc
Escor
orpi
pião
ão é um
sig
signo co com muito ma magnetismo, po porém pelo la lado

nega
negati
esco tivo
escorp vo,
rpia , és po
iano
nos cium
cidem
umen
pode mento
seto,
serr,ress
recomp
compul
ssen ulsi
enti sivo
tidosvo
dos teeimos
e teim obse
obsess
os.ssiv
osos . ivo.
o. Os
Os

98
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Sign
Signoo (Sag
(Sagit
itár
ário
io)) Plan
Plane
anet
eta
etaa rege
re
reg
regen
gent
ente
nte
tee (Jú
(J
(Júp
úpi
úpite
piiter)
ter
ter)
r) Or
Orix
ixáá
rege
regent
ntee (Xan
(Xangô
gô e Iansã
Ians
Ian
Iansã)
sã)
ã))
  Nasc
Nascid
idos
os 22 de no
nove
vem
mbro
bro a 21 de de
deze
zem
mbro
bro
De sagitá
sagitário
rio são norma
normalme
lmente
nte intele
intelectu
ctuais
ais,, hon
honest
estos,
os,
sinceros e simpáticos. São conhecidos pelo seu
otim
otimisismo
mo,, modé
modést
stia
ia e bo
bom m huhumo
mor.r. São
São tão tão otim
otimis
ista
tass
quee às veze
qu ezes chcheg
egaam a ser
ser irr
irrespo
sponsá
nsáve
veis
is.. Muit
Muitaas ve
veze
zess
super
superfic
ficiai
iaiss descui
descuida
dados
dos e inquie
inquietos
tos..

Signo
gn
gno (Ca(Cap
(Capr
apricórn
ór
órnio)
o) Planeta
ta reg
re
regen
ggeente (Satu
aatturno)
o)
Orix
Or ixáá rege
regent
ntee (Obalu
(Ob
(Oba
(Obalu
aluayê
luayê
ayê e Oxo
Oxossi
Oxoss
Oxossi)
ssi)
i))

  Nasci
Nascidodoss 22 de de
deze
zem
mbro
bro a 20 de
de jane
janeir
iroo
O capric
capricorni
orniano
ano é ambicioso
ambicioso,, discipl
disciplinad
inado,
o, práti
prático,
co,
prudente, temtem paciência e é até cauteloso qu quando
  pre
preciso.
so. Te
Tem um bom senso de de humor e é reservado. O
capricorniano te tende a ser pessimista e, di diante as
situaç
situações
ões difíce
difíceis,
is, é um pou
pouco
co fatal
fatalist
ista.
a. Não costum
costumamam

faze
fazerr favo
favore
ress de form
formaa altr
altruí
uíst
sta.
a.

99
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Signo (Aq
(A
(Aquário) Planeta re
regente (Urano) Orixá
regent
regentee (Iansã)
(Ian
(Iansã)
sã)
  Nasci
Nascido
doss 21 de jane
janeir
iroo a 19 de feve
fevere
reir
iroo
O aqua
aquaria
riano
no é simpát
simpático
ico e human
humanitá
itário
rio.. É hon
honest
estoo e
tota
totalm
lmen
ente
te leal
leal,, srcin
srcinal
al,, brilh
brilhan
ante
te,, indep
indepen ende
dent
ntee e
intelectu
intelectual.
al. No entan
entantoto o signo
signo aquári
aquárioo é imprevisí
imprevisível
vel e
tende a contrariar. É pouco emocional e não
compreende a complexidade emocional de algumas
pess
pessoa
oass e a trai
traiçã
çãoo en
entr
tree amig
amigos
os..

Signo (P(Peixes) Planeta re regente (Netuno) Orixá


rege
regent
ntee (Yem
(Yeman
anjá
já e Na
Nanã
nã))
  Nasci
Nascido
doss 20 de feve
fevere
reir
iroo a 20 de
de març
marçoo
Cara
Caractcter
erís
ísti
tica
cass do sign signoo PeiPeixe
xess são
são ima
imagi
gina
naçã
çãoo e
sensib
sensibili
ilidad
dade.e. É amáv
amável el e tem compai
compaixãoxão.. É intuit
intuitivo
ivo e
  pen
pensa
sa no
noss de
dema
maisis.. Pelo
Pelo lad
ladoo nega
negati
tivo
vo,, não assu
assume
mem ma
reali
ealiddad
adee. É ideaidealilist
staa, ma
manté
ntém seg
segred
edos
os e deixa
eixa--se
leva
levarr pe
pelo
loss de
dema
maisis..

100
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Homenag
Homenagem
em á Mãe
Mãe Menini
Men
Meni
Meninin
ininha
ninha
nha
ha
Escolástica Maria da Conceição Nazaré, mais
conhecida como “Mãe Menininha do Gantois”,
nasceu no dia 10 de fevereiro de 1894, na cidade de
São Salvador, Bahia.
Desc
De scen
ende
dent
ntee de nige
nigeri
rian
anos
os,, mãe
mãe meni
menini
ninh
nhaa po
pode
de
ser
ser consid
siderada a mais famosa Yalorixá do pa país. Co
Com
sua popularidade, ela ajudou a tornar mais aceita à
religião herdada de seus ancestrais africanos, o
Candomblé.
“Men
“Menin inin
inha
ha”” foi
foi o apeli
apelidd o qu
quee a avó deu a menenin
inaa
pobre da periferia de Salvador, que dava aos bonecos
imp
improv
ovis
isaado
doss os nomes
mes dadass divin
ivinddad
adees do Cand
Candomombblé:
lé:
Oxossi, OgOgum, Ox Oxum e outros. Er Era bisneta de Maria
Júl

meliados
meada os
da do
Cosécu
ncculo
sé eiçloão19N, aozaIrlêé, IqyáueOmin
19, haviaAfxuéndIyaamas
Omin Ax
do, esê 
m,                            
amassê 
mais
mais conhnhec
ecid
idoo co
como te terreir
reiroo do do Gan
Ganto
tois
is (nome
ome do
antigo proprietário
proprietário francês
francês do terreno).
terreno).
O Cand
Candom
ombblé tamb
tambéém esta estavva pre
presen
sente nos sonh
sonhoos
de Maria da Conceição Nazaré. Num deles, uma
garotinha de pele clara e cabelo loiro perguntava:
“Vam
“Vgamos
jog
jo os brin
broinca
ar búzi
búzio s,car?
r?”.
”.nin
meni
me “Bri
“B
nini rinc
nha!
ha ncar
!”,arer
erde
a a quê?
qu
esê?”,
respp”, dizi
di.zia
osta
osta. Ea lá
ela.
ela.
iam“De
iam“Das
aes

101
Sacramentos e Rituais de Umbanda

duas brin
duas brinca
carr co
com
m os búz
úzio
ioss na are
areia.
ia. For
Foram ne
neccessá
essári
rios
os
muitos anos até que Menininha compreendesse o
sentido da
daquele sonho. “S
“Só de
depois de
de adulta ela
percebeu que aquilo era um sinal. Er Eram os orixás lhe
mand
mandaando
ndo mensa
ensaggens”
ns”, diz a mãemãe-de-santo Carmem
Oliv
Olivei
eira
ra da Silv
Silva,
a, sua
sua filh
filhaa caçu
caçula
la..
Sob a orientação da avó, das tias e da mãe,
Menininha foi iniciada nos segredos da religião
afri
africa
cana
na.. Sen
Sendo
do,, des
deste
te modo
modo,, pre
prepapara
rada
da pa
para
ra o car
cargo
go,,
que assumiria anos depois, de de Yalorixá Menininha
comple
completoutou o cur
curso
so primá
primário
rio e logo
logo tratou
tratou de
de aprend
aprender 
er 
um ofício
ício.. Esc
Escolh
olheu ser
ser co
cost
stur
ureeira
ira e nã
nãoo demo
emorou a
arru
arruma
marr empr
empregegoo nu
numm atel
ateliê
iê de Salv
Salvadador
or.. Ent
Então
ão,, Aos
Aos
29 anos
anos,, casou
casou com o advoadvogad
gadoo Álva
Álvaroro McDo
McDowelwelll de
Oliv
Oliveeira
ira, des
desccen
ende
dennte de ing
ngle
lese
ses,
s, e com ele
ele tev
evee du
duaas
filh
filhas
as,, Cleus
Cleusaa e Carm
Carmem em..
Mãe Menininha seria a sucessora direta de Mãe
Pulc
aPulché
mhéri
ortria
ea na
repfunç
fu
ennção
tinão
a de
de Ya
Yalo
Mlori
ãerixá

Pudo
lchGa
Gant
érintoi
a ois.
es.
m Mas
M1as,
91, 8com
c,omo
proc
procesesso
so de suce
sucessssão
ão foi
foi acel
aceler
erad
ado,
o, po
poisis Ga
Gant
ntoi
oiss nã
nãoo
  pod
poder
eria
ia fica
ficarr sem
sem um diridirige
gent
nte.
e. Entã
Então,o, atra
atravé
véss do jogo
jogo
de búz
úzio
ios,
s, os
os orixá
ixás Ox
Oxóóssi,
ssi, Xa
Xanngô
gô,, Oxum
Oxum e Ob Obal
aluuay
ayêê
escolheram e confirmaram Menininha, ent então com
com 28
anos
anos,, par
paraa assu
assumi
mirr a funç
função
ão de diri
dirige
gent
ntee do Cand
Candom
ombl bléé
do Gant
Gantoisois,, em 191922.
22.

102
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Assi
ssim, em
em 1924, pr prestes há completar 30 ananos,
Menininha mudou-se para o Ga Gantois junto cocom o
mari
marido
do e a filh
filhaa mais
mais ve
velh
lha.
a. Ab
Aban
ando
dono
nouu seu
seu trab
trabal
alho
ho
como costureira e assumiu a liderança do terreiro

fco
unmo
dadMãe
como o ppo
Mã eoMeni
r snini
Me uaninh
fam
nhaa ído
lia,Gant
Gapa
pntoi
asois.
sas.ndo a ser conhecida

103
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Na época em que Mãe Menininha se tornou


Yalo
Ya lorrixá
ixá, os tem
tempo
poss não er
eram fáce
áceis para
ara os ad
adeepto
ptos do
Cand
Candom ombl
blé.
é. Além
Além do prepreco
conc
ncei
eito
to,, os filh
filhos
os e mães
mães-d-de-
e-
santo sofriam muitas perseguições e violência.
Segu
Segundndoo a lei,
lei, as festas
stas só pod
odeeriam
iam ser
ser rea
realiz
lizad
adaas em
dete
determ
rmininad
ados
os ho
horá
rári
rios
os e medi
median
ante
te uma
uma auauto
tori
riza
zaçã
çãoo po
por r 
escrito. Mas, isso não impedia que os policiais
invadissem os terreiros de forma violenta. Mãe
menininha chegou até a ser ser presa por resistir à polícia,
cultuando os orixás no candomblé de Gantois.

 pRreconceito
eferindo-se e aperseguições
os temposs ao
perseguiçõe somculto
brios afro-brasileiro,
do vasileiro,
afro-br iolento
assim el
ela disse: “Eu ti
tinha 22 an
anos no
no te
tempo da
da
perseg
per seguiç
uição vio
violent
lentaa da políclícia aos can
cando
dom mblé
blés, não
não
era
era Orix
Orixáá nem Mãe-
ãe-de
de-- sant
santo.
o. Foi
Foi uma
uma époc
épocaa dura
dura.”
.”

Os anos de opressão só terminaram em 1976,


quando
quando Robe
Robert
rtoo Santos,
Santos, o então
então gove
govern
rnado
adorr da Bahia,
Bahia,
sCa
anncdo
Can ionmoblé
dom u é da
bl umobte
btdeenç
crãeotode
nçã de lliice
beernç
ic anadeo doaspa
nça camen
paga sasntoddee
game
taxas à delegacia de Jogos e Costumes. Até esse
período, po porém, nãnão há registros de que o Gan Gantois
ten
tenha sid
sido alv
alvoo da
das ba bati
tiddas policoliciiais,
ais, tam
tampo
pouc
ucoo de
de
viol
violên
ênci
cias
as e ag
agre
ressõ
ssõeses..
Sob
Sob o com
coman
ando
do de Mãe
Mãe Meni
Menini
ninh
nha,
a, o Ga
Gant
ntoi
oiss
logo se tornou um dos terreiros mais procurados e
respeitados da Bahia. Filha de Oxum, divindade
104
Sacramentos e Rituais de Umbanda

rela
elacion
ionada
dass às ág
água
uass do
doce
cess e ao amo
amor, a líd
líder religi
ligios
osaa
tinha  várias características de seu Orixá. Muitos que a
conheceram a descrevem como uma mulher amorosa,
generosa e sempre disposta a aconselhar quem a
  procurava.
Com o passar do tempo, Mãe Menininha foi
formando ca cada vez mais filhos-de-santo e sua
popu
popula
lari
rida
dade
de não
não paro
parou
u de cres
cresce
cer.
r. “Nos anos 80,
“Nos anos
assi
assist
ste-
e-se
se a sua
sua ve
vene
nera
raçã
ção.
o. A imag
imagem
em de Meni
Menini
ninh
nhaa do
Gant
Ga ntoi
antr
an ois
trop s ogo
opól
ólogjáoadqu
adJocé
quir
Jo ire
eo ares
céli
lio arTele
esles
Te de miti
mitifi
s em fica
caçã
ção”
o”,, escr
escrev
Caminhos da Al
eveu
eu o
Alma.
“Ser
“Ser abenç
bençoa
oad
do po
por Mãe
Mãe Menin
eniniinha
nha era um des
deseejo de
todo mundo que visitava a Bahia. Para receber a
bênção da sacerdotisa, tur turistas de todas as partes do
país lotavam ônibus e se amontoavam na entrada do
terre
terreiro
iro.. Polí
Polític
ticos,
os, artis
artistas
tas,, inte
intelec
lectua
tuais
is e acadêm
acadêmico
icoss a
procuravam constantemente em busca de conselhos,
orie
orient
ntaç
açõe
õess ou info
inform
rmaç
açõe
õess pa
para
ra suas
suas pe
pesq
squi
uisa
sas.
s.
Mas, a Yalorixá também recebia as pessoas
humildes e sempre oferecia café ou comida aos
visita
visitante
ntes,
s, fossem
fossem eles
eles pob
pobres
res ou chefes-d
chefes-de-
e-Est
Estado
ado..
Mesm
Mesmoo co
com
m sua
sua avaver
ersã
sãoo à fama
fama,, Mãe
Mãe Meni
Menini
ninh
nhaa
recebeu diversas homenagens, especialmente de
arti
artist
stas
as e amig
amigos
os ilust
lustrres. En
Entre
tre elas,
las, a mais
mais co
conh
nhec
ecid
idaa
é a música “Oração a Mãe Menininha”, que Dorival

105
Sacramentos e Rituais de Umbanda

Caymmi compôs em 1972. Apesar de ser ogã de outro


ter
terreiro
iro, o comp
compoosito
sitorr visi
visita
tavva freq
reqüe
üent
ntem
emeente
nte Mãe
Menininha, a quem pedia conselhos e tratava como a
uma mãe.
Mãe Menininha faleceu de de causas naturais em 13 de
de
agos
agosto
to de 19
1986
86,, aos
aos 92 an
anos
os de idad
idade.
e.

“Me si nto
                honrad
honradoo em presta
prestarr essa
essa homen homenage
agemm á Mãe 
Mãe                   
Menininha, é com total certeza e confiança, de de quem           
foi e o queque representa ho hoje Mãe menininha, qu que digo             
que
que sua
sua ima image gem
m é um dos
dos pri
princ
ncip
ipai aiss pilpilar
ares
es em defe
defesa 
sa                 
a reli
religi
gios osid idad
adee e resp
respei
eito
to mút
mútuo uo.. Uma Uma verd
verdad
adei
eira 
ra                 
pregadora da paz, Obrigado Escolástica Maria da                 
Concei
Conceição
ção Nazar Nazaré,
é, a noss
nossa
a queri
queria a e amada
amada Mãe                   
  Menininha do Gantois...”                                 
 Descanse em paz Mãe Menininha, Que Oxum nos    
abenço
abençoee sempre
sempre! !        

106
Sacramentos e Rituais de Umbanda

107

Você também pode gostar