Você está na página 1de 6

O EFEITO TAMPÃO

Introdução:
Uma solução tampão (ou simplesmente tampão) é uma solução que sofre apenas
pequena variação de pH quando a ela são adicionados íons ou H+ ou OH-. É uma
solução que contém um ácido e sua base conjugada, em concentrações
aproximadamente iguais. Um bom exemplo é uma solução de ácido acético e íons
acetato em concentrações quase iguais. De que maneira a combinação CH3COOH /
CH3COO- tampona a solução? Considere o seguinte equilíbrio:

CH3COOH(aq) CH3COO-(aq) + H+(aq)


Se as concentrações de ácido acético e de acetato são aproximadamente iguais, podemos
facilmente deslocar o equilíbrio para qualquer um dos sentidos da reação. A adição de
H+ torna mais prótons disponíveis para os íons acetato capturarem, o que provoca um
deslocamento para a esquerda, no sentido do consumo de H+, para que [H+] se mantenha
constante. Já a adição de OH- aumenta o consumo de íons H+, e assim, desloca o
equilíbrio para a direita, no sentido da formação de mais íons H+, para que [H+] se
mantenha constante.
Para se calcular o pH de uma solução tampão fazemos o seguinte: Vamos supor um
tampão de ácido acético e acetato:

[CH3COO-][H+] / [CH3COOH] = Ka [H+] = Ka . [CH3COOH] / [CH3COO-]

Agora, se tomarmos o logaritmo negativo de ambos os lados, temos:

-log[H+] = -logKa -log ([CH3COOH] / [CH3COO-]) → pH = pKa -log ([CH3COOH] /


[CH3COO])

Como na solução tampão as concentrações de ácido e de base conjugada são


praticamente iguais, tem-se que que pH = pKa -log 1. Mas log 1 = 0, então:

pHtampão = pKa

Se forem adicionadas pequenas quantidades de H+ ou de OH- a esta solução, o resultado


será a conversão de algum CH3COOH a CH3COO- ou vice-versa. Entretanto, a relação
entre as concentrações de ácido acético acetato não muda muito. Se forem adicionados
íons OH-, por exemplo, esses íons (base) tenderão a capturar prótons do meio, ou seja,
converterão ácido acético em acetato, através da reação CH3COOH + OH-
CH3COO- + H2O. Logo, a concentração de ácido acético é diminuída e a concentração
de acetato é aumentada. Portanto, se no início tem-se que [CH3COOH] = [CH3COO-] =
1,00 mol/L, a adição de 0,1 mol de OH- por litro mudará a relação para:

[CH3COOH] / [CH3COO-] = (1,0 - 0,1) / (1,0 + 0,1) = 0,82

E como log 0,82 = 0,09, isto significa que o novo pH será 4,74 - 0,09 = 4,83.

Como podemos ver, a adição de 0,01 mol de base aumentou o pH da solução de 0,09
unidades. Enquanto [CH3COOH] tiver a mesma ordem de grandeza de [CH3COO-], a
relação entre os dois permanecerá bastante próxima de 1,00. Assim, o pH mudará pouco
pela adição de ácido ou base à solução. Logicamente, temos o melhor tampão quando
[CH3COOH] = [CH3COO-].

Objetivo:
Fazer o preparo a partir de uma solução de ácido acético uma solução tampão
verificando suas propriedades.

Materiais e Equipamentos:
• Papel de pH (indicador);
• Becker de 100mL e 50mL;
• Pipeta graduada 10 mL;
• Pipeta graduada 25mL;
• Proveta de 10mL;
• Balão volumétrico de 50mL;
• Bureta 50mL;
• Erlenmeyer de 100mL.

Reagentes e soluções:
• Solução de Ácido Acético 0,5m/L;
• Solução padrão de Hidróxido de Sódio 0,1mol/L;
• Solução de Ácido Clorídrico 0,1mol/L;
• Solução de fenolftaleina.

Procedimento:
1. Mediu 10mL da solução de ácido acético preparada 0,5mol/L em uma pipeta
graduada de 10ml e transferir para um balão volumétrico de 50mL completando
o volume com água até a marca de aferição;
2. Dividiu a solução preparada no item 1 em duas partes iguais transferindo para
dois beckeres;
3. Em um dos Beckeres adicionou 3 gotas de fenolftaleína e titulou com a solução
padrão de NaOH 0,1mol/L;
4. Misturou essa solução titulada com a não titulada em um erlenmeyer e agitou-o;
5. Verificou o pH desta solução tampão com o papel indicador de pH;
6. Anotou o valor do pH.
7. Verificou as propriedades desta solução padrão:

Verificação das propriedades de uma solução Tampão


A. Medir 10mL da solução tampão e adicionar 1mL da solução de HCL 0,1 mol/L,
agitar o sistema e anotar o valor do pH;
B. Medir 10mL da solução tampão e adicionar 1mL da solução de NaOH 0,1 mol/L,
agitar o sistema e anotar o valor do pH;
C. Verificar pH da água destilada e anotar;
D. Medir 10mL de água destilada e adicionar 1mL de HCL 0,1 mol/L, agitar o sistema
e anotar o valor do pH;
E. Medir 10mL de água destilada e adicionar 1mL de NaOH 0,1 mol/L, agitar o
sistema e anotar o valor pH;
Resultados:
• (solução tampão) = pH 5,0
• (solução tampão + 1mL de HCl 0,1 mol/L) = pH 5,0
• (solução tampão + 1mL de NaOH 0,1 mol/L) = pH 5,0
• (água destilada) = pH 7,0
• (água destilada + HCl 0,1 mol/L = pH 2,0
• (água destilada + NaOH 0,1 mol/L = pH 12,0
Como previsto a solução tampão não sofreu alterações do pH ao ser adicionado a ela a
solução ácida e a solução básica.

Pós-laboratório
1. A solução preparada é realmente uma solução tampão? Por quê?
Sim. Pois a solução não sofreu alterações no pH quando foi adicionado uma base forte
ou um ácido forte. Isso prova que a solução
2. Quais sãos os componentes da solução tampão preparada?
Ácido Acético; água destilada e Hidróxido de Sódio
3. Que conclusões você pode tirar sobre as propriedades de uma solução tampão a
partir dos dados obtidos? Justifique mostrando as equações.

Cálculos:

Não aplicável

Observações:
• O papel indicador:
O pH aproximado de uma solução pode ser determinado colocando-se uma gota da
solução sendo analisada em um pedaço de papel indicador. Existem dois tipos de
papel indicador, o Tornassol, ou Litmus, e o Universal. O tipo de papel indicador a
ser utilizado depende do tipo de solução a ser analisada, e do grau de precisão que se
deseja com a medida.

Conclusão:
A prática foi fundamental para aprendermos a preparar uma solução tampão.
Aprendemos também a utilizar o papel indicador necessário para medições de pH sem
precisão.

Bibliografia:

• Lembo, Química Realidade e Contexto, volume 2. Editora Ática, 3ª edição,


2004;
• Roteiro de aulas práticas. Universidade Federal de Sergipe, Laboratório de
Química, 2007;
ANEXO

Papel indicador universal


UNIVERSIDADE FEDERAL DE SERGIPE
CENTRO DE CIÊNCIAS EXATAS E TECNOLOGIA
DISCIPLINA: LABORATÓRIO DE QUIMICA
PROFESSORA: ELISANGELA

EFEITO TAMPÃO

ALUNOS : Michel Rubens, Verônica Taynã, Paloma, Rennan e Mayra


Auxiliadora.
2006