Você está na página 1de 8

STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e

Configuração

Instalação
Para instalar o STG basta inserir o CD de instalação fornecido pela
GERDAU no leitor de CDs (que é, por exemplo, o drive D:). A instalação se
autoiniciará automaticamente. Caso isto não aconteça automaticamente, e
somente neste caso, basta ir através do Windows Explorer até o drive em
questão e clicar duas vezes no aplicativo Instalar.exe:

Clicando no Instalar, aparecerá a seguinte seqüência de telas:

- página 1 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração
Uma vez instalado o programa, o software começa a ser executado
automaticamente, permitindo então o registro do programa.

IMPORTANTE: Este registro possibilitará o seu acesso ao Serviço


GRATUITO de Suporte ao SOFTWARE DE TRELIÇAS GERDAU, através do
Numero 0800xxxxxxxx, sendo também necessário para o recebimento
GRATUITO da COLETÂNEA DE NORMAS TÉCNICAS sobre lajes treliçadas.

Como o formulário é maior do que a tela, devemos rolá-lo para baixo


para informar os dados do usuário e levar a efeito o registro. Rolando a tela
para baixo podemos terminar de fornecer os dados do usuário. Uma vez
preenchido o registro, ele deve ser enviado para a Gerdau por um dos
métodos disponíveis: Por fax ou pelo correio ou diretamente por e-mail pela
Internet.

Caso se opte por enviar o registro pelo correio ou por fax, o software
imprime o formulário pela impressora padrão do Windows.

Os dados aqui inseridos são armazenados pelo programa e não


precisarão ser informados de novo na emissão dos orçamentos, por isto
recomenda-se que sejam preenchidos com cuidado para evitar re-trabalhos.
Vale notar que estes dados podem ser redefinidos a qualquer momento
durante a emissão dos orçamentos através do botão Dados do fabricante.

- página 2 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

ERRADO  Stg@gerdau.com.br

Caso se opte por enviar o registro por e-mail, ao ser clicado o


respectivo botão aparece a seguinte mensagem, alertando de que o registro
somente estará completo quando o e-mail gerado pelo STG for enviado:

A seguir é mostrado na tela o próprio e-mail gerado, que deve ser


conferido para ver se os dados forma informados corretamente e enviado
através da Internet:

- página 3 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

ERRADO  MODIFICAR OS DADOS DE EMITENTE

O registro do software é fundamental para que o mesmo seja


constantemente atualizado, sendo uma condição indispensável para que o
usuário receba notícias atualizadas e tenha acesso a todas as implementações
e melhorias do sistema.

Imediatamente após ser completado o registro do software o programa


conduz o usuário às configurações iniciais.

Configurações iniciais
Aqueles valores de fck, cobrimento, largura da vigota, etc. que forem
aqui definidos não precisarão ser informados de novo ao programa, já que se
tornarão default virão definidos com os valores aqui definidos cada vez que o
cálculo de uma nova obra for começado.

A rigor, o STG sempre traz os valores definidos para a última laje


calculada, para evitar que numa mesma obra tenham-se grandezas definidas
com valores diferentes. A configuração inicial vem com valores sugeridos que
correspondem à média dos valores adotados pelos lajeiros em todo o Brasil. O
usuário é aqui encorajado personalizar a sua instalação, modificando os
valores default indicados nesta configuração e substituindo-os por aqueles
mais adequados à sua prática cotidiana.

São em número de 6 as telas que definirão os valores iniciais a serem


configurados:

1. Configurações Gerais

- página 4 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

Aqui são definidos os valores gerais, como fck, cobrimento, largura da


vigota (que pode ser imposta digitando-se um valor, por exemplo 12,5cm),
espaço livre entre as barras e o número do qual o comprimento da vigota é
múltiplo, que em geral é de 1cm, 5cm ou 10cm. Sempre que o valor escolhido
apresentar alguma peculiaridade em relação ao recomendado pela
NBR6118:2003 o programa avisará para que o usuário possa optar sabendo das
conseqüências de sua escolha

2. Penetração no apoio

O STG não calcula nem verifica os critérios de penetração no apoio. A


fixação destes critérios é de exclusiva competência do usuário, e os valores
devem ser definidos com base na experiência acumulada pelo usuário. Os
valores sugeridos com o default representam uma média dos valores adotados
pelos lajeiros em nosso país.

- página 5 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

3. Cálculo das flechas

O cálculo de flechas é um das etapas mais complexas do projeto de


lajes com vigotas treliçadas, pois são feitas 3 verificações em separado. São
verificadas as flechas em três situações distintas: a flecha sob a carga quase-
permanente, sob a carga acidental e após a colocação das alvenarias (caso
elas existam).Para estas verificações é necessário que se saibam os seguintes
valores:

Fator de redução da carga acidental (ψ2): Para o cálculo da flecha


total (de longo prazo, considerando o efeito da fluência) não é razoável supor
que a carga acidental atuará com o seu valor máximo durante todo o tempo.
Para levar isto em conta as Normas permitem que, somente para fins de
cálculo das flechas, e levando em conta o uso da estrutura, seja considerada
como atuante somente uma parcela da carga acidental total. A escolha do
fator de redução é feita de acordo com o uso da laje sendo projetada e está
explicada em detalhe na página XX do Manual de Exemplos Práticos do STG.

Idade da retirada do escoramento: A deformação lenta das peças de


concreto é tanto maior quanto mais jovem for o concreto quando da aplicação
do carregamento. As considerações que precisam feitas encontram-se
comentadas na página XX do Manual e Exemplos Práticos do STG.

Inserir o Botão em todas a referencias ao Manual

Idade da execução das alvenarias: O prazo de execução das alvenarias


corresponde à data em que a carga das ALVENARIAS começará sua atuação.

Idade da colocação dos revestimentos: O prazo de colocação dos


revestimentos corresponde à data em que a carga devida aos REVESTIMENTOS
(rebocos, contrapisos e pisos) começará a atuar.

- página 6 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

4.- Seleção das bitolas

Devem ser escolhidas as bitolas com as quais o usuário prefere, ou


precisa, trabalhar. O programa exige que sejam escolhidas pelo menos uma
bitola em aço CA-60 e uma bitola em GG-50. Recomenda-se não trabalhar
simultaneamente com as bitolas 8.0 em CA-60 e 8.0 em GG50 pois o
programa, neste caso, escolherá sempre a bitola de 8.0 CA-60, que será
sempre mais eficiente do que aquela em GG50.

5.- Cálculo do escoramento

Estas são as configurações necessárias para que o programa determine,


conforme os critérios apresentados e explicados na página XX do Manual de
Exemplos Práticos do STG. Basicamente o usuário precisa informar ao
programa a resistência do concreto das vigotas, as cargas a considerar e os
limites de deformação que ele considera admissíveis. Vale notar que não
existe Norma Técnica no Brasil sobre o cálculo do escoramento das vigotas.

6.- Definição das Nervuras Transversais

- página 7 -
STG Software de Treliças Gerdau - Instalação e
Configuração

O usuário deve definir a largura das Nervuras Transversais e as suas


respectivas armaduras como função da altura total da laje sendo calculada. A
tela acima, de Configuração das Nervuras Transversais serve para auxiliar esta
definição, definindo valores de largura e armadura das Nervuras Transversais
por faixas de altura total das lajes. É sempre bom lembrar que Lajes Maciças
não necessitam Nervuras Transversais.

Uma vez concluída a configuração inicial, aparecerá uma tela


demonstrando ser possível trocar, a qualquer tempo, os valores das grandezas
aqui definidas:

Clicando no botão Concluir, damos por encerrada a etapa de


configuração inicial.

- página 8 -