Você está na página 1de 4

Aluna: Simoany Rodrigues Silva Lima

TERMO DE REFERÊNCIA PARA ELABORAÇÃO DE RELATÓRIO DE CONTROLE


AMBIENTAL DE EMPREENDIMENTOS AGROPECUÁRIOS
O que é um termo de Referência?

O termo de referência ou o projeto básico é o documento, elaborado a partir dos estudos técnicos
preliminares, deve conter os elementos necessários e suficientes, com nível de precisão adequado,
para caracterizar o objeto da licitação. Ou seja, O Termo de Referência é um documento
importantíssimo que integrada o edital de licitação da modalidade pregão. É ele que fundamenta a
fase interna da licitação e serve como base para a condução de todo o certame de forma correta.

Decreto nº. 3.555/2000


“Art. 8º – A fase preparatória do pregão observará as seguintes regras:
(…)
II – o termo de referência é o documento que deverá conter elementos capazes de propiciar a
avaliação do custo pela Administração, diante de orçamento detalhado, considerando os preços
praticados no mercado, a definição dos métodos, a estratégia de suprimento e o prazo de execução
do contrato;
III – a autoridade competente ou, por delegação de competência, o ordenador de despesa ou, ainda,
o agente encarregado da compra no âmbito da Administração,deverá:
1. a) definir o objeto do certame e o seu valor estimado em planilhas, de forma clara, concisa e
objetiva, de acordo com termo de referência elaborado pelo requisitante, em conjunto com a área de
compras, obedecidas as especificações praticadas no mercado;”
Para pregão eletrônico o Decreto nº. 5.450/2005 (§ 2º, artigo 9º) estabelece:
“O termo de referência é o documento que deverá conter elementos capazes de propiciar avaliação
do custo pela administração diante de orçamento detalhado, definição dos métodos, estratégia de
suprimento, valor estimado em planilhas de acordo com o preço de mercado, cronograma físico-
financeiro, se for o caso, critério de aceitação do objeto, deveres do contratado e do contratante,
procedimentos de fiscalização e gerenciamento do contrato, prazo de execução e sanções, de forma
clara, concisa e objetiva.”

Qual é a importância do Termo de Referência?

O Termo de Referência, ou no caso de outras modalidades licitatórias, o Projeto Básico, é o grande


responsável por todas as definições técnicas e metodológicas para a condução do certame e, até
mesmo, para as definições do contrato. Por isso, é tão importante que a elaboração do Termo de
Referência seja baseada em estudos técnicos para determinação clara e objetiva do objeto de
licitação e seus impactos quanto à contratação e à execução.
O Termo de Referência contempla as principais informações para construção do edital. Assim, para
o correto processamento das licitações é fundamental que tenhamos o termo de referência bem
produzido. Um termo de referência mal elaborado pode levar a contratações direcionadas ou que
não atendem a necessidade do órgão.
Onde foi encontrado o Termo de Referência?

O Termo de Referência desse trabalho foi encontrado no site da Naruratins –


https://www.to.gov.br/naturatins/termos-de-referencia-e-lista-de-documentos/128zz910sht6.

De qual atividade trata o Termo de Referência?

A atividade tratada no Termo de Referência é a bovinocultura.

Qual o tipo de estudo ambiental que esse termo propõe para essa atividade?

O RCA – Relatório de Controle Ambiental compõe-se de estudos relativos aos aspectos ambientais
concernentes à localização, instalação, operação e ampliação de uma atividade ou um
empreendimento que não gera impactos ambientais significativos, e que contem informações
relativas: à caracterização do ambiente em que se pretende instalar; a sua localização frente ao
Plano Diretor Municipal; alvarás e documentos similares; e plano de controle ambiental, que
identifique as fontes de poluição ou degradação, e as medidas de controle pertinentes. Seu conteúdo
será estabelecido caso a caso.
Analises:

Ao analisar o termo de referência, pude perceber que o termo atingiu todas as competências seja
elas adicionais ou quaisquer alterações em que não houve necessidade.
Como podemos ver, o termo apresenta uma divisão completa de itens extremamente importantes
para o RCA e ao mesmo tempo determos de menos impacto possível ao meio ambiente. Por
exemplo, no documento consta alguns item que precisam ser analisados com clareza, que são esses:
Combustíveis Utilizados: Em que o agropecuario vai indicar o tipo de combustível, o consumo
médio mensal e locais de armazenagem e manutenção;
Despejos Líquidos: Indicar a origem de despejo (sanitário, industrial, etc.), a estimativa de
quantidade (m3 /dia), o tratamento e a disposição final;
Resíduos Sólidos: Especificar o tipo de resíduo, a estimativa de quantidade, o destino e/ou
armazenagem e o tratamento.
Sabemos o quão importante é a questão do devido tratamento para os residuos e os despejos, em
que a forma inadequada pode trazer inumerus maleficios para o meio ambiente – O lançamento
inadequado de efluentes impacta nas características do solo e da água, além de que as águas
contaminadas podem causar graves doenças como hepatites, colera e etc.
O termo enfatiza a interação com a natureza, quanto ao item em que o agropecuario teria que
apresentar proposição de medidas de controle e mitigação dos impactos ambientais.

Você também pode gostar