Você está na página 1de 3

Marque com “x” a resposta mais correta.

1. O pronunciamento técnico CPC 15 (R1), que trata de combinação de negócios, não se


aplica no seguinte caso:

( ) a. Compra de controle de uma entidade.

( ) b. Aquisição de um negócio.

( ) c. Formação de empreendimento controlado em conjunto.

( ) d. Operação de fusão de sociedades.

2. Alfa comprou a vista um conjunto de máquinas de uma padaria por R$ 5.000,00, que,
de acordo com o CPC 15 (R1), não constitui um negócio. O valor justo desse ativo é R$
5.100,00, o valor de realização é de R$ 5.200,00 e o valor de uso baseado em fluxo de
caixa descontado é de R$ 6.200,00. Esse ativo deve ser contabilizado inicialmente por:

( ) a. R$ 5.000,00

( ) b. R$ 5.100,00

( ) c. R$ 5.200,00

( ) d. R$ 6.200,00

3. Alfa comprou a vista um parque fabril de produção de sapatos por R$ 7.000,00, com o
valor justo de R$ 6.900,00. Segundo o CPC 15 (R1), essa compra constitui um negócio.

( ) a. O ativo imobilizado será contabilizado por R$ 7.000,00.

( ) b. Será apurado um ganho de R$ 100,00.

( ) c. Será apurado um ágio de R$ 6.900,00.

( ) d. O imobilizado será registrado inicialmente por R$ 6.900,00.

4. Alfa comprou a vista um parque fabril de fabricação de roupas por R$ 11.000,00, com o
valor justo de R$ 11.900,00. Segundo o CPC 15 (R1), essa compra constitui um negócio.

( ) a. O ativo imobilizado será contabilizado por R$ 11.000,00.

( ) b. Será apurado um ganho de R$ 900,00.

( ) c. Será apurado um ágio de R$ 900,00.

( ) d. O imobilizado será registrado inicialmente por R$ 900,00.


5. Definição de controle.

( ) a. Influência significativa na administração do negócio.

( ) b. Participar do conselho de administração.

( ) c. Participar da diretoria.

( ) d. Governar as políticas financeiras e operacionais do negócio, de forma a obter os


benefícios de suas atividades.

6. O ágio na aquisição de uma participação societária é classificado no seguinte grupo de


contas do balanço patrimonial:

( ) a. Investimentos.

( ) b. Ativo imobilizado.

( ) c. Ativo intangível.

( ) d. Ativo circulante.

7. Alfa comprou a prazo por R$ 31.000,00, sem encargos financeiros sobre a dívida, 100%
do capital social de Beta. O valor presente dessa obrigação é de R$ 29.000,00 e o valor
do acervo líquido de Beta a valor justo na data da aquisição é de R$ 28.000,00.

( ) a. Será apurado um ágio de R$ 3.000,00.

( ) b. O investimento será contabilizado por R$ 31.000,00.

( ) c. Será apurado um ágio de R$ 1.000,00.

( ) d. Será apurado um ganho de R$ 1.000,00.

8. Alfa comprou 100% do capital social de Beta e emitiu instrumentos de capital no valor
de R$ 39.000,00. O valor justo do acervo líquido de Beta era R$ 33.000,00.

( ) a. O investimento, sem considerar eventual ágio, será contabilizado por R$ 39.000,00.

( ) b. O capital social de Alfa será creditado em R$ 39.000,00.

( ) c. Será apurado ágio de R$ 33.000,00.

( ) d. Será apurado um ganho de R$ 6.000,00.


9. Alfa comprou a vista por R$ 31.000,00 100% de um acervo líquido avaliado a valor justo
de R$ 28.000,00, constituído de ativos de R$ 33.000,00 e passivos de R$ 5.000,00.

( ) a. Os ativos serão contabilizados por R$ 33.000,00.

( ) b. O capital social de Alfa será creditado em R$ 31.000,00.

( ) c. Será apurado ágio de R$ 2.000,00.

( ) d. Será apurado um ganho de R$ 3.000,00.

10. Prazo permitido pelo CPC 15 (R1), contado da data de aquisição da participação, para
ajustar valores provisórios reconhecidos de ativos e passivos a valores justos em uma
combinação de negócios.

( ) a. Dois anos.

( ) b. Um semestre.

( ) c. Um trimestre.

( ) d. Um ano.

Você também pode gostar