Você está na página 1de 10

MEMORIAL DESCRITIVO

MEMORIAL DESCRITIVO – PADRÃO DE FORNECIMENTO DE ENERGIA


EDNALDO DE FRANÇA SANTOS
RESIDÊNCIA COM AGRUPAMENTO DE CINCO UNIDADES
OUTUBRO DE 2015

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 1


MEMORIAL DESCRITIVO

Proprietário: Ednaldo de França Santos

Contratante: Ednaldo de França Santos

Empresa Contratada: CRE ENGENHARIA- Consultoria e Projetos


Elétricos

Nº ART: SE20150016686 (substituída) por SE20150033684

Responsável Técnico: Cátia Regina S. Silva (nº CREA: 12474/D)

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 2


MEMORIAL DESCRITIVO

1. DADOS GERAIS

1.1. Finalidade

O referido projeto tem como finalidade fornecer dados de planejamento e execução


do projeto para fornecimento de energia para um agrupamento com cinco unidades.

1.2. Localização

A imóvel esta localizado na rua A, Loteamento Jaçana, nº83, bairro Rosa Elze, São
Cristovão/SE.

1.3. Derivação, Características do condutor do ramal de ligação.

A derivação será realizada na rede secundária (BT 380/220V) da concessionária


ENERGISA, atendido pelo transformador (18667/Tb PB) localizado na rua Antonio
C. Silva. O ramal de entrada será composto por três condutores duas fases e um
neutro tendo o comprimento do ramal de ligação igual a 10 metros.

O imóvel já possui um medidor instalado de numero W1026095718 de


CDC:3/728277-5.

2. DISPOSIÇÕES GERAIS

2.1. NORMAS

O presente projeto atende as normas vigentes da ABNT para edificações, as normas


da concessionária ENERGISA/SE. Tais requisitos deverão ser atendidos pelo seu
executor que também deverá atender ao que está explicitamente indicado nos
projetos, devendo o serviço obedecer às especificações do presente Caderno de
Especificações.

Dentre as mais relevantes e que nortearam o serviço de desenvolvimento para deste


de instalações elétricas, destacamos:

- NBR 5410-2004 – Instalações Elétricas de Baixa Tensão;

- NBR 5361/EB 185-Disjuntores de Baixa Tensão;

- NDU 001-2012 – Fornecimento de Energia elétrica em tensão secundária;

-NDU 003-2012 – Fornecimento de Energia em tensão Primaria e secundária/


Fornecimento de energia elétrica a agrupamentos ou edificações de múltiplas
unidades consumidoras acima de três unidades consumidoras.

2.2. EXECUÇÃO

As obras serão executadas por profissionais devidamente qualificados, abrangendo


todos os serviços, com todas as instalações conforme as normas vigentes.

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 3


MEMORIAL DESCRITIVO

2.3. RESPONSABILIDADE

A responsabilade esta especificada no contrato de serviço.

2.4. FINALIDADE

O presente memorial descritivo tem por objetivo complementar e estabelecer as


condições para plena execução do projeto de entrada para fornecimento de energia, ao
qual pertence, assim como regrar a aplicação e o uso dos materiais nas etapas de
execução do projeto apresentado.

2.5. MATERIAIS

Todos os materiais seguirão rigorosamente o que for especificado no presente


Memorial Descritivo. Os materiais obedeceram às condições da ABNT.

3. INSTALAÇÕES ELETRICAS – MEMORIAL DESCRITIVO

Quando houver discordância entre o projeto e o memorial, deverão ser solicitados


esclarecimentos ao engenheiro responsável pelo projeto antes de prosseguir com o
serviço.

O tipo de alimentação será trifásica, a partir de uma rede 220/127 V, 60 Hz.

O tipo de medição em armário embutido para 5 medidores, com ligação indireta e o


ramal de entrada deve ser aéreo. A fiação do ramal de entrada terá seção de 6 mm².

3.1. ELETRODUTOS E CAIXA DE PASSAGEM

Todos eletrodutos serão de PVC rígido, deverão seguir bitolas conforme o projeto,
quando não indicados deverão ser ø1”.

Será instalada uma caixa de passagem embutida Tigre de PVC anti-chama, do


tamanho de 240mmx240mmx98mm, com finalidade de facilitar a colocação das
fiações que saem do armário de medição.

A caixa de inspeção para o aterramento será feita de alvenaria, tamanho


200mmx200mmx500mm.

As conexões dos eletrodutos com as caixas deverão ser feitas com roscas, buchas e
arruelas e de tubos com luvas apropriadas.

Nas extremidades dos eletrodutos serão utilizadas buchas e arruelas de arremate.

Os eletrodutos de descida para o medidor: PVC rígido anti-chama de 1 ¼”

O eletroduto de aterramento: PVC rígido anti-chama de ¾.

3.2. CONDUTORES

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 4


MEMORIAL DESCRITIVO

Os condutores deverão atender as especificações NBR 6880 e NBR7288 da ABNT e


normas vigentes.

A isolação de todos os condutores será de 1,0/1KV (referência Pirelli Afumex).

Todos os condutores serão instalados em eletrodutos. Em nenhuma hipótese será


admitida a instalação de condutores aparentes.

Os condutores deverão seguir a seguinte identificação:

Fase A: Vermelho

Fase B: Branco

Fase C: Amarelo

Neutro: Azul claro

3.3. ATERRAMENTO

Será construído um aterramento, para atender o neutro geral de entrada conforme


prevê as normas da ABNT.

O eletrodo de aterramento será de aço, revestido de cobre, com 2400 mm de


comprimento por 16 mm de diâmetro e dotada de conector de bronze com parafuso
de aço zincado.

O condutor de aterramento, para conexão na haste será de cabo de cobre nu de 10mm


de diâmetro.

3.4. CENTRO DE MEDIÇÃO,QUADRO GERAL E DE DISTRIBUIÇÃO

O centro de medição será de embutir, conforme projeto, centro de medição para seis
medidores,de fabricação de chapa de aço carbono, com acabamento interno e externo
com tinta sintética na cor cinza claro, tamanho 150cm x 90cm.

O centro de medição será instalado na entrada do imóvel, embutido na parede com


altura de 30 cm do piso .

As capacidades dos disjuntores deverão seguir o apresentado nos diagramas.

O disjuntor principal do centro de medição deverá ser um disjuntor tripolar


termomagnético NEMA de 40A (220V/380V). os disjuntores de medição individual
será disjuntor monopolar termomagnético DIN de 32A (127V).

O aterramento do centro de medição será uma haste de 2400 mm e ø 6mm.

3.5. MEMORIAL DE CALCULO DAS INSTALAÇÕES ELÉTRICA

Para desenvolver o projeto de entrada foram utilizados as normas NDU 001 e 003
Energisa/2012

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 5


MEMORIAL DESCRITIVO

DEMANDA INDIVIDUAL

D1(VA) D2(VA) D3 (VA)

1794 3600 1703,1


CASA 83
TOTAL EM KVA 7097,1

D1(VA) D2(VA) D3 (VA)

1502 - 1703,1
CASA 83-A
TOTAL EM KVA 3205.1

D1(VA) D2(VA) D3 (VA)

1738 - 1703,1
CASA 83-B
TOTAL EM KVA 3441,1

D1(VA) D2(VA) D3 (VA)

1502 - 1703,1
CASA 83-C
TOTAL EM KVA 3205.1

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 6


MEMORIAL DESCRITIVO

D1(VA) D2(VA) D3 (VA)

1738 3600 1703,1


CASA 83-D
TOTAL EM KVA 7041,1

Calculo de demanda para entrada de fornecimento, conforme a NDU 003-


ENERGISA/2012

DEMANDA AGRUPAMENTO

Área m² Média Aritmética

CASA 83 42,00

CASA 83-A 34,58

CASA 83-B 49,35 MA = 211,93


5

CASA 83-C 32,1 MA = 42,386 m²

CASA 83-D 53,9

TOTAL 211,93

Fator de
Demanda (KW)
multiplicação Total da Demanda do Agrupamento
(a)
(f)

4,84 1,05 5, 082 KW

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 7


MEMORIAL DESCRITIVO

DEMANDA INDIVIDUAL

a f KW

CASA 83 1,05 4,84 5,082

CASA 83-A 0,84 4,84 4,0656

CASA 83-B 1,16 4,84 5,6144

CASA 83-C 0,84 4,84 4,0656

CASA 83-D 1,26 4,84 6,0984

3.5.1. CALCULO DA QUEDA DE TENSÃO

3.5.1.1. CALCULO DE QUEDA DE TENSÃO POSTE E CENTRO


DE MEDIÇÃO

Tensão
Queda de Condutor Condutor
Distância Corrente
Rede Tensão Calculado Utilizado
220/380
(m) (A)
(%) (mm²) (mm²)
(V)

CENTRO
DE 10 23,1 220 1 4 6
MEDIÇÃO

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 8


MEMORIAL DESCRITIVO

3.5.1.2. CALCULO DE QUEDA DE MEDIÇÃO CENTRO DE


MEDIÇÃO PARA QUADRO DE MEDIÇÃO

Queda de Condutor Condutor


Distância Corrente Tensão
Tensão Calculado Utilizado
(m) (A) (V)
(%) (mm²) (mm²)

CASA 83 15,5 32 127 3 4,65 6

CASA 83 -
13,1 25 127 3 3,07 6
A

CASA 83 -
18 35 127 3 5,91 6
B

CASA 83 -
12 25 127 3 2,91 6
C

CASA 83 -
16,5 38 127 3 5,88 6
D

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 9


MEMORIAL DESCRITIVO

3.5.2. RELATÓRIO DE DEMANDA

Diâmetro do
Demanda Proteção
condutor
(kW) Disjuntor
(mm²)

40A
CENTRO DE
5,082 6
MEDIÇÃO (Tripolar)

Diâmetro do
Demanda Proteção
condutor
(kW) Disjuntor
(mm²)

32A
CASA 83 5,082 6
(monopolar)

32A
CASA 83-A 4,0656 6
(monopolar)

32A
CASA 83-B 5,6144 6
(monopolar)

32A
CASA 83-C 4,0656 6
(monopolar)

32A
CASA 83-D 6,0984 6
(monopolar)

CRE ENGENHARIA – Consultoria e Projetos Elétricos. Página 10

Você também pode gostar