Você está na página 1de 2

Mariana Nogueira Cattaruzza

Qual a importância de entendimento das fases do desenvolvimento humano para a


atuação da Psicologia dentro do contexto da saúde, principalmente no hospital?

Pensar no desenvolvimento humano a partir de uma perspectiva mais global,


permite observar a sua relevância em todos os contextos que necessitam de um
entendimento mais específicos das fases e mudanças de cada indivíduo em sua trajetória
de vida. Psicólogos, médicos, fisioterapeutas, terapeutas ocupacionais, dentistas e tantas
outras áreas da saúde podem se debruçar sobre essa teoria para melhor desenvolverem
suas práticas e tratamentos.
É importante ressaltar que são muitas as variáveis que perpassam a trajetória
de um indivíduo, sejam elas externas ou internas. Mas as alterações endógenas, ou seja,
àquelas que correspondem ao desenvolvimento biológico, cognitivo, motor e sensorial
de cada ser humano ao longo de sua vida são fundamentais para que o profissional
compreenda quais as limitações e habilidades que aquele paciente pode apresentar
naquele dado período da vida (infância, adolescência, adultez e velhice).
Entender as diversas fases do desenvolvimento humano e suas
características permite identificar a origem de determinadas condutas e padrões
comportamentais que podem ou não necessitar de uma intervenção para que o melhor
desempenho daquele indivíduo seja extraído em dada situação. No contexto hospitalar,
por exemplo, ao avaliar uma criança nos seus primeiros anos de vida pode ser um
grande desafio para quem não detém o conhecimento das fases do desenvolvimento
infantil. O profissional que a avaliar deve compreender quais respostas deverá obter
para cada estímulo aplicado dada a fase em que essa criança se encontra. Uma má
conduta dessa avaliação leva à um diagnóstico errôneo que pode desencadear processos
muito mais dolorosos para aquele indivíduo e sua família.
O exemplo da criança é dos mais simples, visto que é nos primeiros anos de
vida que o desenvolvimento do indivíduo é mais acelerado e perceptível, uma vez que é
possível perceber a cada salto de desenvolvimento a aquisição de novas habilidades
nesses pequenos. No processo de desenvolvimento humano existem mudanças nos mais
diversos aspectos, seja passar pelos saltos de desenvolvimento enquanto bebê, pela
puberdade e adolescência, pela adultez e envelhecimento. Todas essas etapas trazem
consigo aspectos e processos muitos particulares na construção do indivíduo.
Durante minha prática com uma paciente de 5 anos recém completados,
precisei pesquisar e identificar quais as habilidades e funções já desenvolvidas em sua
idade para que pudesse não apenas conduzir a estratégia terapêutica, como também
orientar os pais quanto às suas expectativas e condutas fora do consultório.

P.S.: NARA, NUNCA VOU TE PERDOAR POR NÃO TER ME COLOCADO NA


UTI NEO!
KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK

Você também pode gostar