Você está na página 1de 8

Sequência didática 2

Componente curricular: Ciências


Público
Alunos de 5º ano do Ensino Fundamental – anos iniciais.
Tempo de trabalho
3 aulas.
Conteúdo trabalhado
Esta sequência dará continuidade à unidade temática Terra e Universo e abordará
mais detalhadamente o conceito do movimento de rotação da Terra e os períodos a
ele relacionados, como o dia e seus respectivos horários.
Objetos de conhecimento desta sequência
 Movimento de rotação da Terra.

Aula 1
Dando continuidade à temática Terra e Universo, esta aula tratará do conceito de
marcação do tempo e a evolução dos utensílios de marcação do tempo por meio da
história do relógio.

Habilidades desenvolvidas nesta aula


EF05CI11 – Associar o movimento diário do Sol e demais estrelas no céu ao
movimento de rotação da Terra.

Plano de aula

Organização do espaço de aprendizagem


Organize as carteiras em um grande círculo ou em formato de U para uma roda de
conversa inicial sobre o assunto. Após o término da discussão, a organização da
sala poderá ser mantida para a realização da segunda etapa, que será a leitura do
material disponível.
Caso a escola disponha do espaço, a pesquisa poderá ser realizada na sala de
informática ou na biblioteca.
 Sala de informática: verifique o funcionamento da conexão de internet e faça o
agendamento prévio.
 Sala de leitura ou biblioteca: verifique a disponibilidade e selecione com
antecedência o material para consulta. Faça o agendamento prévio do espaço.

Preparação do material
Caso a atividade seja desenvolvida na sala de aula, pesquise com antecedência sobre
a história do relógio em livros, revistas ou artigos, elabore um pequeno resumo e
providencie cópias em número suficiente para a turma, individualmente ou em
Ciências – 5º ano – 1º bimestre 1
duplas. Na impossibilidade desse recurso, o resumo elaborado deverá ser lido para a
turma, como uma contação de história, logo após a discussão inicial sobre o assunto.
O caderno do aluno, o lápis e a borracha serão os principais recursos para registro
das informações obtidas. Se a escola dispuser de editor de texto, papel e impressora,
essas ferramentas poderão ser usadas para fazer registros. No entanto, essa escolha
demandará maior tempo, podendo ser efetivada em outra aula ou como produto final
da sequência, diversificando o instrumento de verificação da aprendizagem.

Tempo da atividade
10 minutos para discussão dos temas.
25 minutos para a pesquisa na sala de informática ou biblioteca, ou a leitura e análise
do material providenciado pelo professor (textos, livros, jornais e revistas, etc.), ou
para a leitura do resumo previamente elaborado.
10 minutos para fechamento e sistematização.

Etapas da aula

Introdução [10 minutos]


Retomando as informações sobre o movimento aparente do Sol, observado no
decorrer do dia, e no experimento de simulação das aulas anteriores, questione os
alunos sobre a possibilidade de estimar o horário do dia por meio da observação da
posição do Sol relacionada ao movimento da Terra. Em seguida, peça que pensem
em como isto seria possível. Socialize as ideias surgidas.

Desenvolvimento/aprofundamento [25 minutos]


 Sala de informática: leve os alunos ao ambiente e solicite que pesquisem a
história do relógio. Oriente-os para que atentem não só às imagens dos
primeiros relógios criados, como também ao seu funcionamento, que estará
disponível nos textos.
 Sala de leitura ou biblioteca: Distribua o material selecionado e peça aos alunos
que leiam e analisem os textos e as imagens disponíveis, anotando no caderno as
informações principais e reproduzindo também as imagens observadas.
 Sala de aula: distribua entre a turma o resumo elaborado e solicite que façam
uma leitura inicial. Em seguida, realize uma leitura coletiva, que poderá ser
“compartilhada”, ou seja, alguns alunos, espontaneamente ou indicados pelo
professor, fazem a leitura de pequenos trechos do texto, acompanhada de
intervenções feitas pelo professor durante a leitura. Enfatize os pontos
principais, comparando-os às imagens disponíveis, e solicite que os registrem
em seus cadernos. Na indisponibilidade do material impresso, faça a leitura do
texto para a classe como se estivesse contando uma história e desenhe ou projete
na lousa as principais imagens (se julgar adequado, peça aos alunos que as
desenhem em seus cadernos).

Finalização [10 minutos]


Finalize a atividade compartilhando as informações registradas pelos alunos.

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 2


Como tarefa para casa, solicite aos alunos que observem a posição do Sol em relação
a suas casas durante o dia. Eles devem anotar em seus cadernos de que lado o Sol
nasce (por exemplo, do lado virado para a cozinha ou do lado de frente para a lateral
da casa). Essas anotações serão utilizadas para comparação e conclusão do trabalho
ao final desta sequência.
Sistematização
A discussão inicial sobre o tema retoma os conceitos trabalhados na sequência
didática 1, permitindo ao professor verificar a construção do conhecimento sobre o
movimento de rotação da Terra e a possibilidade de medição do tempo por meio dele,
a fim de promover um aprofundamento gradativo e, consequentemente, aumentando
o nível de conhecimento a cada etapa.
A tarefa de casa é um recurso importante para a retomada dos conceitos trabalhados
em aula e a verificação de possíveis defasagens durante sua correção.

Aula 2
Nesta aula, os alunos relacionarão o movimento de rotação da Terra, em função
da posição aparente do Sol em diferentes horários, e a possibilidade de medição
do tempo.

Habilidades desenvolvidas nesta aula


EF05CI11 – Associar o movimento diário do Sol e demais estrelas no céu ao
movimento de rotação da Terra.

Plano de aula

Organização do espaço de aprendizagem


 No pátio ou quadra de esportes: preferencialmente um local aberto onde incida
a luz do Sol ou coberto em que haja alguma fonte de luz que permita projetar
sombras.
 Na sala de aula: afaste as carteiras encostando-as próximo às paredes da sala,
deixando livre o centro da sala ou o local no qual incide diretamente a luz das
lâmpadas. Caso prefira o trabalho em grupos, organize as carteiras atentando para
a incidência de luz (em grupos de até quatro alunos ou no mesmo número dos
grupos que trabalharam na sequência didática 1, na elaboração dos modelos da
Terra). Pode-se também optar pelo uso das lanternas ou luminárias já utilizadas.

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 3


Preparação do material
Será necessário um relógio de pulso ou celular para verificar e marcar o horário,
podendo ser apenas o do professor, ou um para cada grupo, caso os alunos
disponham do instrumento. Neste caso, solicite com antecedência que tragam seus
relógios.
 No pátio ou quadra de esportes: neste ambiente, além do relógio, serão
necessários um giz para cada grupo, caderno e lápis preto para registro
das observações.
 Na sala de aula (em caso de mau tempo ou espaço aberto indisponível): além do
relógio, caderno e lápis preto, e, opcionalmente, as lanternas ou luminárias
utilizadas na sequência didática 1. O lápis preto poderá ser utilizado não só para
registro, mas também como parte do experimento.
Obs.: teste com antecedência todas as lanternas, verificando as pilhas, e também o
correto funcionamento de tomadas e extensões, caso seja necessário.

Tempo da atividade
10 minutos para apresentação das instruções pelo professor.
25 minutos para que os alunos relacionem a medição do tempo à observação da
incidência da luz e da sombra projetada nos modelos utilizados e façam seus
registros.
10 minutos para fechamento e sistematização.

Etapas da aula

Introdução [10 minutos]


Inicie explicando aos alunos o objetivo da atividade: realizar um experimento
simples para entender, conforme estudado na aula anterior, como o ser humano
elaborou um sistema para medir o tempo, utilizando o Sol como referência em
relação ao movimento de rotação da Terra, embora ainda desconhecesse esse
movimento. Em seguida, leve-os ao local externo, caso seja possível, ou organize-os
de acordo com a opção escolhida, de maneira que possam movimentar-se
adequadamente sob a luz (do Sol, da sala ou das lanternas) observando as sombras e
suas diferentes posições, de acordo com os movimentos executados a cada intervalo
de tempo.

Desenvolvimento/aprofundamento [25 minutos]


No pátio, organize-os em grupos de três alunos, sendo um para simular o ponteiro do
relógio, outro para marcar a posição da sombra e o terceiro para registrar
as observações.
O aluno escolhido para ser o “ponteiro do relógio” deverá posicionar-se em relação à
luz do Sol (ou claridade suficiente) de maneira que se possa marcar no chão, com o
giz, a posição inicial de sua sombra, podendo ser do alto da cabeça ou de um dos
braços – posição definida previamente pelo professor.
Peça que marquem no chão o local em que o aluno “ponteiro” deverá permanecer.
Defina uma referência de posição, como de frente para determinado muro ou trave
do gol, para que, se o sol estiver muito intenso, os alunos possam ir para um local
com sombra enquanto aguardam passar o tempo definido. Informe o horário da
Ciências – 5º ano – 1º bimestre 4
primeira marcação e peça que anotem. Imediatamente, solicite que o segundo aluno
do grupo marque a posição da sombra observada neste primeiro horário. O aluno
“ponteiro” não deverá se movimentar durante as marcações. Aguarde 5 minutos e
solicite que marquem a nova posição; informe o novo horário para que registrem,
repetindo a execução anterior de modo que se obtenham pelo menos três marcações.
Com as observações registradas, retorne para a sala de aula para concluir a atividade.
Se realizada em sala de aula, substitua a pessoa “ponteiro” por um lápis ou caneta, e
a quadra por uma folha de papel sulfite. Um aluno, segurando a lanterna, reproduzirá
a variação da posição do Sol (isto é, primeiro a lanterna deverá ser segurada bem
baixa, próxima à superfície da folha de papel, depois, ela deverá ser erguida, mas
sempre apontando o seu foco para o lápis, até metade da distância entre o ponto mais
baixo e aquele em que fique diretamente sobre o lápis, “meio-dia”, e, finalmente, até
ficar diretamente sobre o lápis; repitam essas medidas até o “Sol se pôr”).

Finalização [10 minutos]


Solicite aos alunos que observem e analisem as informações registradas, que reflitam
sobre como elas podem ser usadas para dar uma indicação de horário e que iniciem
um pequeno esboço de um relógio, elaborado com base no que foi observado, e peça
que terminem os desenhos no próprio caderno, como tarefa para casa.
Sistematização
Socialize brevemente as observações feitas pelos grupos questionando os alunos
sobre a relação existente entre o horário e o movimento da Terra em torno de seu
próprio eixo, a luz emitida pelo Sol (ou lâmpadas) e a medição do tempo. Finalize a
discussão com a solicitação da tarefa para casa, que será retomada e corrigida na
próxima aula, bem como a revisão dos conceitos envolvidos.

Aula 3
Esta aula será dedicada à elaboração de um modelo de relógio de Sol.

Habilidades desenvolvidas nesta aula


EF05CI11 – Associar o movimento diário do Sol e demais estrelas no céu ao
movimento de rotação da Terra.

Plano de aula

Organização do espaço de aprendizagem


Disponha as carteiras formando uma mesa retangular (duas de frente a outras duas)
para que os grupos formados na aula anterior possam trabalhar nelas. Essa
organização permite trabalhar tanto a elaboração do modelo quanto os desenhos ou
cartazes.
Reserve um espaço na sala para exposição dos modelos ou desenhos produzidos. No
caso dos modelos, estes poderão ser expostos nas próprias mesas de cada um dos

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 5


grupos, e a observação será feita pelos alunos, que circularão entre as mesas. Se a
opção for pela elaboração de desenhos em folhas de papel sulfite ou cartazes, estes
poderão ser fixados na lousa, no mural (caso haja) ou em um varal construído pelo
professor com barbante ou corda apropriada e prendedores de roupas.

Preparação do material
Para elaboração dos modelos, providencie pedaços de papelão, isopor, sacolas de
papel, CDs ou DVDs inutilizados, entre outros tipos de sucata, que possam servir de
base para o relógio. Para auxiliar na fixação dos ponteiros, utilize o plástico de
garrafas PET vazias recortando-o no formato desejado. Se preferir, disponibilize
clipes, canudinhos plásticos, palitos de sorvete e pratos descartáveis. A observação
das imagens dos modelos de relógios de Sol, vistas na primeira aula desta sequência,
contribuirá para que a turma utilize toda a criatividade para elaborar seus modelos.
Caso opte pela elaboração de desenhos, providencie folhas de papel sulfite
suficientes para toda a turma ou use o próprio caderno, bem como lápis preto ou
canetas hidrográficas, giz de cera ou outro material que esteja disponível. Para esta
opção, providencie também fita adesiva para fixar os trabalhos na lousa ou mural, ou
barbante (podendo ser também cordas para varal) e clipes ou prendedores de roupas
para pendurá-los.

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 6


Tempo da atividade
10 minutos para apresentação do processo de distribuição dos materiais para a
elaboração da atividade.
25 minutos para a elaboração dos relógios de Sol ou dos desenhos.
10 minutos para fechamento e sistematização.

Etapas da aula

Introdução [10 minutos]


Organize o espaço de acordo com a opção escolhida. Para estimular a habilidade de
trabalhar em grupo, deixe os materiais disponíveis em sua mesa, em quantidades
suficientes para cada grupo, e permita que escolham livremente. Oriente os alunos
acerca da necessidade de dividir o material em partes iguais, cedendo a outros
grupos o material excedente. Deixe-os livres para criar o que o grupo definir
coletivamente, orientando para que elaborem algo de acordo com o que viram na
pesquisa da primeira aula. Havendo discordâncias, tente mediar da melhor forma,
valorizando as opiniões, de modo que todos concordem com o que será feito com o
material disponível.
Se a opção for elaborar os desenhos, distribua o material necessário aos grupos.
Geralmente os alunos já possuem seu próprio material de desenho. Oriente-os a
compartilhar com o grupo.

Desenvolvimento/aprofundamento [25 minutos]


Já de posse dos materiais, dirija-se aos grupos para mediar a elaboração do relógio,
composto de uma base e um ponteiro sobre o qual deverá incidir a luz vinda de uma
fonte direcionada, projetando sua sombra nas marcações existentes, para medição do
respectivo horário. Solicite que tentem construir um modelo o mais próximo possível
dos que foram vistos durante a pesquisa.
Com os modelos prontos, leve-os ao pátio para que testem seus relógios. Eles podem
testar também na própria sala de aula, sob a luz das lâmpadas ou lanternas. Neste
caso, os alunos devem movimentá-los simulando a mudança de posição do Sol com o
decorrer do tempo.
Caso tenha optado pela elaboração de desenhos, faça um varal enquanto realizam a
atividade para que possam pendurar suas obras para exposição. Pode-se amarrar o
barbante no puxador dos vidros, de uma ponta a outra.

Finalização [10 minutos]


Solicite que deixem seus modelos à mostra para a observação de todos os alunos.
No caso dos desenhos, pendure-os no varal para exposição. Faça o fechamento da
atividade com uma discussão sobre o que os alunos perceberam nesta última etapa.
Sistematização
A socialização das observações dos grupos é importante para verificar o nível de
aprendizagem dos alunos. No entanto, é importante lembrar que essa verificação é
observada em cada uma das etapas da atividade. Questione os alunos sobre a parte
prática do experimento para que mencionem as dificuldades encontradas e demais

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 7


detalhes sobre a possibilidade de se medir o tempo em função do giro da Terra em
torno de si mesma, observando a projeção variável de uma sombra, conforme o
movimento aparente do Sol. Instigue-os a citar o nome dos conceitos abordados
relacionados ao tema.

Verificação de aprendizagem da sequência


Solicitar uma produção textual com base no resumo histórico lido pelo professor
possibilita desenvolver a competência escrita, bem como verificar a capacidade de
sintetizar as informações recebidas tanto por meio da abordagem histórica dos fatos
quanto pela realização do experimento prático. Permite, ainda, a verificação da
compreensão do movimento de rotação da Terra e seu aprofundamento, identificando
defasagens de conceitos que ainda possam existir. A correção coletiva das tarefas de
casa também permite tal verificação.

Registre:
Os alunos identificam o movimento aparente do Sol?
Os alunos relacionam o movimento aparente do Sol ao movimento de rotação da
Terra?

Ciências – 5º ano – 1º bimestre 8

Você também pode gostar