Você está na página 1de 3

Problema

Nos dias atuais a Contabilidade vem crescendo e se fazendo cada vez mais presente
na vida das pessoas. A Contabilidade é a principal ferramenta para a tomada de decisão
dentro das organizações, pois é ela que vai gerar as informações necessárias para subsidiar
os gestores no processo decisório, ajudando-os no desenvolvimento do planejamento.
A Contabilidade é uma ciência social, por isso está em constantes mudanças, a mais
recente é a Lei 11.638/07 que trouxe grandes modificações e novos conceitos para toda a
classe contábil. A Lei traz a normatização de todas as demonstrações contábeis, fazendo
que eles fiquem iguais em todo o mundo, afetando assim todas as organizações no País.
O segmento rural hoje é um dos mais importantes, pois são responsáveis pela
produção dos alimentos da população. Percebe-se que a maioria dos agricultores não tem
um controle assíduo da sua produção, dos seus custos, dos seus lucros e da viabilidade da
sua produção.
Assim como as outras empresas a agricultura não é diferente, pois atua em um
ambiente mercadológico muito instável. É um segmento que tem intervenção política
econômica e governamental, pois os preços de venda variam conforme a oferta de mercado,
e os custos dos insumos são muito sensíveis, devido à dependência tecnológica externa para
a produção dos mesmos.
O produtor também encontra bastante dificuldade na hora de cultivar a sua terra,
devido às variações climáticas, por esses motivos que o agricultor possui muitas duvidas na
hora de cultivar a sua propriedade. Com o esforço de uma safra espera-se cobrir os custos e
obter lucro.
Como a Contabilidade hoje é vista como uma excelente ferramenta para a tomada
de decisão é esta que vai auxiliar o produtor a fazer o planejamento, a diversificação de
culturas e a modernização do setor. Constata-se também que a Contabilidade é muito pouco
usada pelos produtores rurais e quando é utilizada, normalmente é para fins tributários e
não gerenciais.
Os agricultores deveriam fazer uso da Contabilidade rural como enfoque para suprir
suas necessidades de planejar, organizar, e orientar a gestão do patrimônio familiar,
procurando buscar um controle econômico-financeiro para sua propriedade. Transformando
as propriedades rurais em verdadeiras empresas onde se consiga ter um controle de custos,
na diversificação de culturas, e na comparação de resultados.
Hoje em dia com a inserção de novas tecnologias no mercado e com a globalização o
agricultor sofre bastante concorrência, principalmente o pequeno agricultor, muitas vezes
trabalha com a escassez de vários recursos. Por isso é importante que estes estejam sempre
se aperfeiçoando, para obter um melhor retorno sobre seu capital investido.
O pequeno agricultor muitas vezes, não tem um controle gerencial em sua propriedade e
acabam influenciando seus filhos a buscar novas fontes de empregos na cidade,
ocasionando os êxodos rurais, que hoje é um problema gravíssimo, com isso gera sobra de
mão de obra nas grandes cidades e falta no campo.
Devido a todos esses problemas constantes acima é importante que a Contabilidade
sirva de instrumento para a minimização desses problemas e que auxilie o pequeno
produtor a evitar o êxodo rural, ajudando a dar continuidade em sua pequena propriedade. É
essencial que os produtores rurais se conscientizem a fazer a Contabilidade em seu todo,
não apenas para fins tributários, fazendo todas as demonstrações contábeis e acreditando
que as suas propriedades são verdadeiras empresas.
Assim como a maioria das pequenas propriedades o mesmo ocorre com pequena
propriedade rural, do Sr. José Valdir Manjabosco situada no interior de Augusto Pestana
RS, onde não possui controle no papel de seus custos e nem faz as demonstrações
contábeis. Com isso apresentamos um propósito de elaborar uma metodologia de controle
contábil para a pequena propriedade rural embasado na nova Lei 11.638/07.
Pretendemos descobrir até que ponto as demonstrações contábeis, os cálculos de custos
poderão auxiliar o proprietário na tomada de decisão, lhe apresentado o Balanço
Patrimonial, Demonstração do Resultado do Exercício e a Demonstração do Fluxo de
Caixa, assim incentivando os outros pequenos produtores a olharem a Contabilidade como
ferramenta para a tomada de decisão e não apenas Fiscal.
Devido a isso, fica a pergunta: Como o desenvolvimento de uma proposta de
contabilização poderá contribuir no processo gerencial da pequena propriedade rural?
Objetivo Geral

Implantar uma proposta de contabilização para contribuir no processo gerencial da pequena


propriedade rural.

Objetivos Específicos

1. Organizar todas as receitas e despesas da propriedade rural, bem como seus bens e
suas obrigações e levantar os custo de cultivo da propriedade;
2. Elaborar todas as demonstrações contábeis;
3. Analisar as demonstrações contábeis calculando os índices econômico-financeiros;
4. Verificar se estes demonstrativos realmente ajudarão o proprietário no controle
gerencial.