Você está na página 1de 6

LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER

1. (Cesgranrio) Uma certa quantidade de gás encontra-se encerrada num volume V, em (I), com a torneira A
fechada. Nessas condições, a pressão que o gás exerce é P e sua temperatura absoluta T. Em seguida, a
torneira A é aberta, e o gás passa a ocupar os dois compartimentos, (I) e (II), sendo (II) de volume V/2. O
esquema a seguir representa a situação:

Quando abrimos a torneira, a temperatura do gás passa a ser T' = T/4 e sua nova pressão, P'. Desprezando as
trocas de calor e as possíveis perdas na massa de gás, a nova pressão P' será:
a) P/6
b) P/4
c) P/2
d) P
e) 6P

2. (Cesgranrio) Antes de sair em viagem, um automóvel tem seus pneus calibrados em 24 (na unidade
usualmente utilizada nos postos de gasolina), na temperatura ambiente de 27°C. Com o decorrer da viagem, a
temperatura dos pneus aumenta e a sua pressão passa para 25, sem que seu volume varie. Assim, nessa nova
pressão, é correto afirmar que a temperatura do ar no interior dos pneus passou a valer, em °C:
a) 28,1
b) 28,6
c) 32,5
d) 37,2
e) 39,5

3. (Mackenzie) Um gás perfeito a 27°C apresenta volume de 600cm3 sob pressão de 2,0 atm. Ao aumentarmos
a temperatura para 47°C e reduzirmos o volume para 400cm3, a pressão do gás passará para:
a) 4,0 atm.
b) 3,2 atm.
c) 2,4 atm.
d) 1,6 atm.
e) 0,8 atm.
LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER
4. (Mackenzie) Certa massa de um gás ideal sofre uma transformação na qual a sua temperatura em graus
Celsius é duplicada, a sua pressão é triplicada e seu volume é reduzido à metade. A temperatura do gás no seu
estado inicial era de:
a) 127 K
b) 227 K
c) 273 K
d) 546 K
e) 818 K

5. (Puc-rio) Uma câmara fechada, de paredes rígidas contém ar e está sob pressão atmosférica e à temperatura
de 20°C. Para dobrar a pressão na câmara, o ar deve ser esquentado para:
a) 546°C
b) 586°C
c) 40°C
d) 293°C
e) 313°C

6. (Puc-rio) Quando o balão do capitão Stevens começou sua ascensão, tinha, no solo, à pressão de 1 atm,
75000 m3 de hélio. A 22 km de altura, o volume do hélio era de 1500000 m 3. Se pudéssemos desprezar a
variação de temperatura, a pressão (em atm) a esta altura valeria:
a) 1/20
b) 1/5
c) 1/2
d) 1
e) 20

7. (Uel) Um recipiente rígido de 50 litros contém gás perfeito à pressão de 0,80atm e temperatura de 27°C.
Quando a temperatura aumentar para 57°C, a pressão, em atmosferas, aumentará para
a) 0,88
b) 0,92
c) 0,96
d) 1,0
e) 1,3
LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER
8 . (Ufes) Um recipiente de volume V0 contém gás ideal à pressão P0 e temperatura T0. Submete-se o gás a
duas transformações, na seguinte ordem:

1 - dobra-se o volume do recipiente, mantendo-se a temperatura constante;


2 - reduz-se a temperatura à metade, mantendo-se constante o volume obtido na primeira transformação.
A pressão P チ , ao final da primeira transformação, e a pressão P 2, ao final da segunda transformação, são,
respectivamente:
a) P チ = P0/2 e P‚ = P0/4
b) P チ = P0/2 e P‚ = P0
c) P チ = P0 e P‚ = P0/2
d) P チ = 2P0 e P‚ = P0
e) P チ = 2P0 e P‚ = 4P0

9. (Ufmg) A figura mostra um cilindro que contém um gás ideal, com um êmbolo livre para se mover. O cilindro
está sendo aquecido.

Pode-se afirmar que a relação que melhor descreve a transformação sofrida pelo gás é
a) p/T = constante
b) pV = constante
c) V/T = constante
d) p/V = constante

10. (Ufmg) Gabriela segura um balão com gás hélio durante uma viagem do Rio de Janeiro até o pico das
Agulhas Negras.
No Rio de Janeiro, o volume do balão era V0, e o gás estava à pressão p0 e temperatura T0, medida em Kelvin.
Ao chegar ao pico, porém, Gabriela observa que o volume do balão passa ser 6/5V0 e a temperatura do gás,
9/10 T0.
Com base nessas informações, é CORRETO afirmar que, no pico das Agulhas Negras, a pressão do gás, no
interior do balão, é
a) p0.
LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER
b) 3/4 p0.
c) 9/10 p0.
d) 5/6 p0.

11. (Ufpi) Os pneus de um automóvel foram calibrados a uma temperatura de 27°C. Suponha que a
temperatura deles aumentou 27°C devido ao atrito e ao contato com a estrada. Considerando desprezível o
aumento de volume, o aumento percentual da pressão dos pneus foi:
a) 100
b) 50
c) 9,0
d) 4,5
e) 20

12. (Ufrn) Um mergulhador que faz manutenção numa plataforma de exploração de petróleo está a uma
profundidade de 15,0 m, quando uma pequena bolha de ar, de volume V‹, é liberada e sobe até a superfície,
onde a pressão é a pressão atmosférica (1,0 atm). Para efeito desse problema, considere que: a temperatura
dentro da bolha permanece constante enquanto esta existir; a pressão aumenta cerca de 1,0 atm a cada 10,0 m
de profundidade; o ar da bolha é um gás ideal e obedece à relação: PV/T = constante , onde P, V e T são,
respectivamente, a pressão, o volume e a temperatura do ar dentro da bolha. Na situação apresentada, o
volume da bolha, quando ela estiver prestes a chegar à superfície, será aproximadamente:

a) 4,5 Vi
b) 3,5 Vi
c) 1,5 Vi
d) 2,5 Vi
13. (Ufrrj) Um gás ideal se encontra a uma pressão inicial P0 = 3,0atm e está contido num recipiente cilíndrico
de volume inicial V0 = 100cm3. Sobre este gás se realiza uma compressão isotérmica, e observa-se que o
volume do gás atinge 30cm3.
A pressão do gás neste estado é de

a) 1,0 × 10-1 atm.


b) 1,0 × 101 atm.
c) 10 × 10-3 atm.
d) 9,0 × 10-4 atm.
e) 90 × 10-5 atm.
LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER
14. (Ufrs) A figura, a seguir, representa um recipiente cilíndrico com um êmbolo, ambos feitos de material
isolante térmico. Não existe atrito entre o êmbolo e as paredes do cilindro. Pendurado ao êmbolo, em equilíbrio,
há um corpo suspenso por um fio. No interior do cilindro, há uma amostra de gás ideal ocupando um volume de
5 litros, à temperatura de 300K e à pressão de 0,6 atm. Em um dado momento o fio é cortado.

Quando novamente o gás se encontrar em equilíbrio termodinâmico, qual será o seu volume (V), a sua pressão
(p) e a sua temperatura (T)?
a) V > 5 litros, p > 0,6 atm, T = 300 K
b) V < 5 litros, p > 0,6 atm, T > 300 K
c) V < 5 litros, p > 0,6 atm, T = 300 K
d) V < 5 litros, p = 0,6 atm, T = 300 K
e) V > 5 litros, p < 0,6 atm, T > 300 K
LISTA FÍSICA B – 2º ANO PROF: PITTER
15. (Ufrs) O diagrama abaixo representa a pressão (p) em função da temperatura absoluta (T), para uma
amostra de gás ideal. Os pontos A e B indicam dois estados desta amostra.

Sendo VA e VB os volumes correspondentes aos estados indicados, podemos afirmar que a razão VB/VA é
a) 1/4.
b) 1/2.
c) 1.
d) 2.
e) 4.
16. (Ufv) Um gás ideal encontra-se inicialmente a uma temperatura de 150°C e a uma pressão de 1,5
atmosferas. Mantendo-se a pressão constante seu volume será dobrado se sua temperatura aumentar para,
aproximadamente:
a) 75°C
b) 450°C
c) 300°C
d) 846°C
e) 573°C

17. (Unirio) Certa massa de gás ideal sofre uma transformação isobárica na qual sua temperatura absoluta é
reduzida à metade. Quanto ao volume desse gás, podemos afirmar que irá:
a) reduzir-se à quarta parte.
b) reduzir-se à metade.
c) permanecer constante.
d) duplicar.
e) quadruplicar.