Você está na página 1de 22

UNIVERSIDADE CRUZEIRO DO SUL

CURSO DE ENGENHARIA CIVIL


Disciplina de Desenho Técnico

AULA 01 – INTRODUÇÃO
DISCIPLINA E CONCEITOS INICIAIS

Professores Responsáveis:

Prof. Ernesto Diáz


Prof. Samuel Dereste

13/AGO/2009
DESENHO TÉCNICO
C/H SEMANAL 03 C/H SEMESTRAL 60

-EMENTA
Estudo da representação gráfica e desenvolvimento do raciocínio
espacial, por meio da aplicação de normas técnicas e do desenho
assistido por computador: tela gráfica, comandos de visualização,
edição, modificação e formatação de desenho em 2D

-ESTRUTURA DA DISCIPLINA
Aulas de Prancheta (Sala 401-A)
Aulas de AutoCAD (Sala 306-B)
-OBJETIVOS

COGNITIVOS
A) Adquirir conhecimento sólidos para facilitar a compreensão do
Desenho Técnico
B) Adquirir conhecimento para análise e execução de projetos
C) Adquirir conhecimento para interpretar desenhos na área de
Engenharia
-OBJETIVOS

HABILIDADES
A) Capacidade crítica com relação a conceitos de ordem de
grandeza
B) Capacidade de interpretação, elaboração e execução de
projetos, leitura, expressão e interpretação gráfica; percepção
espacial
C) Raciocínio Lógico
-OBJETIVOS

ATITUDES
A) Capacidade de avaliar criticamente os modelos pré-
estabelecidos
B) Compromisso com a qualidade do trabalho
C) Percepção do conjunto e capacidade de síntese
D) Ética
E) Desenvolver trabalhos em equipe ou individual que envolvam
conhecimentos na área de Desenho
-AVALIAÇÃO DA DISCIPLINA

A avaliação da disciplina será feita da seguinte forma:

-ATIVIDADES DE SALA – 5,0 pontos


10 atividades de 0,5 ponto cada*

-PROVA REGIMENTAL - 5,0 pontos

As atividades de sala deverão ser entregues no mesmo dia da


realização das aulas. A nota será relativa a entrega da atividade.

*critério que poderá ser revisto ao longo do semestre


CONTEÚDOS

Módulo Prancheta Módulo CAD


Prof. Samuel Prof. Ernesto

-Escala e Cotagem -AutoCAD 2D


Tipos de Linha ; Escala ; Elementos e tipos de cota Apresentação ; Interface ; Disposição comandos

-Projeções Ortográficas -Sistemas de Coordenadas


Projeções no 1º e 3º Diedro Coordenada Absoluta ; Relativas ; Polar ; Osnap

-Cortes e Seções -Comandos de Edição


Definições ; Tipos de Corte ; Hachuras Criação de objetos gráficos (Draw)

-Desenho Perspectivo -Comandos de Visualização


Perspectiva Isométrica e Cavaleira
-Comandos de Modificação
-Propriedades do desenho
-Dimensionamento
BIBLIOGRAFIA

Módulo CAD
-MATSUMOTO, E.Y. AutoCAD 2006: Guia Prático 2d e 3d. 2 ed.
São Paulo. Érica, 2007.
-BALDAM, R. COSTA, L; AutoCAD 2009: Utilizando Totalmente. 2
ed. São Paulo. Érica, 2007

Módulo Prancheta
ABNT. Coletânea de Normas de Desenho Técnico. São Paulo:
Senai, 1990
PEREIRA, A. Desenho Técnico Básico. 6ed. Rio de Janeiro:
Francisco Alves Editora, 1981
MÓDULO PRANCHETA
ORGANIZAÇÃO DA DISCIPLINA

PARA MELHOR ORGANIZAÇÃO DAS ATIVIDADES, A TURMA SERÁ


DIVIDIDA EM DUAS PARTES

8:00-09:30 10:00-11:30

TURMA 1 PRANCHETA TURMA 1 - AUTOCAD

TURMA 2 AUTOCAD TURMA 2 - PRANCHETA


MATERIAIS NECESSÁRIOS

Materiais Permanentes
-Lapiseira de ponta metálica (Pentel) 0,5 e 0,9
-Borracha ou Lápis Borracha
-Escalímetro número 1

Materiais de Reposição
-Fita crepe (ou fita 3M)
-Grafite para reposição 0,5 e 0,9 HB (mais mole) ou B (mais duro)
MATERIAL DE LIMPEZA DAS PRANCHETAS

-Pano macio
-Álcool (gel)
ATIVIDADES DA AULA

-Toda semana será disponibilizado na Xerox (Pasta 445) os


exercícios de cada aula. O aluno deve tirar cópia da atividade
antes de entrar na aula para realizar a atividade.

Se o aluno não trouxer, ficará sem nota de atividade


de aula.
CONCEITOS INICIAIS
FORMATOS DE FOLHA

A norma NBR 10068 traz a série de seqüências de


folha, como a Série A, a Série B, etc.

O formato usado é o baseado na norma NBR 10068,


denominado A0 (A- zero). Trata
- es de uma folha com
1 m2, cujas proporções da altura e largura são de

Todos os formatos seguintes são proporcionais: o


formato A1 tem metade da área do formato A0, etc.
TAMANHO DAS FOLHAS DA SÉRIE A
- Cabe ao desenhista escolher o formato adequado, no
qual o desenho será visto com clareza

- Todos os formatos devem possuir margens: 25 mm no


lado esquerdo, 10 mm nos outros lados (formatos A0
ao A2) ou 7 mm (formatos A3 e A4)

- Também costuma - se desenhar a legenda no canto


inferior direito.
DOBRAGEM

-Toda folha com formato acima do A4 possui uma forma


recomendada de dobragem. Esta forma visa que o desenho
seja armazenado em uma pasta, que possa ser consultada
com facilidade sem necessidade de retirá-la da pasta, e que a
legenda estaja visível com o desenho dobrado.

-As ilustrações mostram a ordem das dobras. Primeiro dobra-


se na horizontal (em “sanfona”), depois na vertical (para
trás), terminando a dobra com a parte da legenda na frente.
A dobra no canto superior esquerdo é para evitar de furar a
folha na dobra traseira, possibilitando desdobrar o desenho
sem retirar do arquivo.
LEGENDA

A legenda não informa somente detalhes do desenho,


mas também o nome da empresa, dos projetistas, data,
logomarca, arquivo, etc. É na legenda que o projetista
assina seu projeto e marca revisões.

Em folhas grandes, quando se dobra o desenho, a


legenda sempre deve estar visível, para facilitar a
procura em arquivo sem necessidade de desdobrá - lo.