Você está na página 1de 17

Passo a Passo para elaboração de

um projeto de pesquisa

ITENS ESSENCIAIS QUE


DEVEM CONSTAR EM
UM PROTOCOLO DE
PESQUISA
1
TÍTULO

Deve expressar de forma


clara o assunto do
estudo. Um bom título
depende de uma boa
pergunta, ou seja, de um
objetivo claro.
F
PARA
GARANTIR
QUE O I
PROJETO DE
PESQUISA
TENHA UMA N
BOA
PERGUNTA,
PODE-SE
UTILIZAR O E
ACRÔNIMO
FINER
R
Factível: a pergunta do projeto precisa ser factível de ser
respondida, para isso, é preciso garantir que a amostra tenha
um número adequado de participantes (que atendam aos

F critérios de inclusão), que o Pesquisador Principal (PI),


juntamente com sua equipe de pesquisa, deve apresentar
domínio técnico adequado. Além disso, o projeto deve ser
viável em termos de tempo e de custos.

Interessante: os projetos de pesquisa precisam ser instigantes,


isto é, o tema do estudo deve ser interessante e deve agregar

I conhecimento para o investigador, a fim de despertar seu


interesse.

Nova: de preferência, os temas dos projetos de pesquisa

N
devem ser novos. Uma pesquisa deve ter a pretensão de
confirmar ou refutar achados anteriores, ou ainda expandir
descobertas anteriores e/ou fornecer novos achados.

E
Ética: a pesquisa deve cumprir as normas da resolução CNS
nº 466/2012, assim como seguir as demais normas e
resoluções do Conselho Nacional de Saúde.

Relevante: os projetos de pesquisa devem ser relevantes, ou


seja, o tema precisa ser significativo para o conhecimento

R científico, a prática clínica, as políticas de saúde e/ou para


indicar futuras pesquisas; do contrário, não há razão para
realizá-los.
2
FOLHA DE ROSTO

Deve conter dados básicos do


projeto: título, fase do estudo,
nome dos
pesquisadores, dados do
Pesquisador Principal e do
patrocinador.
3
INTRODUÇÃO E JUSTIFICATIVA

A introdução de um projeto destina-se


a relatar o estado atual do
conhecimento sobre o assunto que se
pretende estudar por meio de uma
revisão
bibliográfica, permitindo que se evite a
repetição de temas já exaustivamente
explorados. Ao conhecer o tema, o
investigador pode fornecer a melhor
fundamentação teórica para dar
suporte à pesquisa e embasar a
justificativa da proposta, contribuindo
para que a elaboração dos objetivos
da pesquisa seja mais precisa.
Para justificar a realização do projeto, é
fundamental que o problema proposto na
pesquisa seja situado com relação à sua
relevância. Dessa forma, pode ser
incluído nessa parte do protocolo um
histórico do problema (em questão).

Ao final da introdução e da justificativa, devem


ser apresentadas as hipóteses que serão
testadas no estudo.
4 OBJETIVOS

Os objetivos devem ser definidos com


máxima precisão, de modo a facilitar o
desenvolvimento do projeto e a posterior
interpretação dos resultados. Em geral,
devem ser escritos no infinitivo.
No objetivo geral, o pesquisador propõe
uma síntese dos resultados que deseja
alcançar com a pesquisa.
Já os objetivos específicos detalham as
propostas, desdobradas a partir do
objetivo geral.
Veja um exemplo de objetivo geral e
um exemplo de objetivo específico
para um projeto de pesquisa clínica.

OBJETIVO
OBJETIVO GERAL
ESPECÍCIFO
Testar se, em
Pesquisar se a
pacientes homens, a
suplementação com
testosterona quando
testosterona pode
comparada a
modificar a cognição
placebo reduz a
em homens com
perda óssea.
mais de 60 anos.
5
MÉTODOS

Devem esclarecer quais as


técnicas ou ensaios que
precisarão ser
realizados a fim de que a
pergunta do projeto
possa ser respondida.
Em método, são
contemplados:
5.1 Delineamento

5.2 Critérios de inclusão e exclusão

5.3 Técnica de amostragem

5.4 Controle de vieses

5.5 Procedimentos do estudo

5.6 Desfechos de interesse

5.7 Planos de análise estatística

5.8 Cálculos do tamanho da amostra


6
LOCAL DA PESQUISA

Aqui deve estar descrita a


instituição onde a pesquisa será
realizada, bem como os serviços
que serão utilizados.

c
.

7 ASPECTOS ÉTICOS

Os projetos de pesquisa devem


contemplar aspectos éticos,
que são fundamentais para o
desenvolvimento do estudo.
8
REFERÊNCIAS
BIBLIOGRÁFICAS

Permitem identificar os documentos que


foram utilizados como fonte de consulta
para elaboração de trabalhos e protocolos
de pesquisa.
Existem normas que devem ser seguidas
para elaboração das referências
bibliográficas.

As referências devem ser apresentadas pelo


sobrenome do autor ou, na falta desse, pelo título
do documento. A ordem dos documentos deve ser
alfabética estar ou de acordo com a sequência que
aparecem no protocolo, de forma consistente ao
longo do documento.
As referências em formato eletrônico ou de sites
Referências devem obedecer a mesma ordem determinada para
as demais.
9 ORÇAMENTO

O orçamento de um projeto de pesquisa


deve relacionar os recursos financeiros
que serão utilizados ao longo do estudo,
como, por exemplo:

Remuneração de recursos humanos e


serviços de terceiros

Material permanente

Material de consumo

Outros recursos necessários

Caso haja patrocínio privado ou


agências governamentais de
fomento, isso também deverá ser
especificado.
c
.

10 CRONOGRAMA

Deve incluir um plano claro e


realista, o qual é essencial
para o planejamento e a
execução do projeto.

Veja o exemplo de um
cronograma hipotético:
Referências
Bibliográficas
Berwanger, Otavio. Elaboração de um Protocolo de Pesquisa
Clínica em: II Curso de Capacitação em Pesquisa Clínica em
parceria com o Ministério da Saúde, 2011.

Fontelles MJ, Simões MG, Farias SH, Fontelles RGS. Metodologia


da pesquisa científica: diretrizes para a elaboração de um
protocolo de pesquisa [Internet]. 2009 [acesso em 16 abr. 2019] .
Disponível em: http://bases.bireme.br/

Você também pode gostar