Você está na página 1de 42

QUÍMICA GERAL

FUNÇÕES INORGÂNICAS
FUNÇÕES INORGÂNICAS
As função química corresponde a um conjunto de substâncias que
apresentam propriedades químicas semelhantes.

As substâncias inorgânicas podem ser classificadas em quatro funções:

* Os Ácidos;
* As Bases;
* Os Sais;
* Os Óxidos;

ÁCIDOS e BASES

Definições de Ácidos e Bases:

Ácido: Substâncias que apresentam sabor azedo;


1. Boyle (1640):
Base: Substâncias que apresentam sabor amargo;
Ácido: Substâncias que neutraliza uma base formando
um sal;
2. Gay Lussac (1810):
Base: Substâncias que neutraliza um ácido formando
um sal;

Ácido: Substâncias que em meio aquoso libera íons H+;


HCl(g) + H2O(l) H+(aq) + Cl-(aq)
3. Arrhenius (1887):
Base: Substâncias que em meio aquoso libera íons OH-;
NaOH(l) + H2O(l) OH-(aq) + Na+ (aq)
Ácido: Toda substância que doa um próton;
HCl(g) + H2O(l) H3O+(aq) + Cl- (aq)

HF(g) + H2O(l) CARÁTER


H3O+(aq) + F- (aq)
4.Bronsted-Lowry ANFÓTERO
(1923): Base: Toda substância que recebe um próton; DA ÁGUA.
NH3(g) + H2O(l) NH4+(aq) + OH- (aq)
CH3NH2(aq) + H2O(l) CH3NH3 +(aq) + OH-(aq)

HCl(aq) + NH3(aq) NH4+(aq) + Cl-(aq)

- Formação de um par Ácido - Base Conjugada. SEMPRE QUE O ÁCIDO FOR FORTE A
BASE CONJUGADA É FRACA; ÁCIDO FRACO BASE CONJUGADA FORTE.

CH3COOH(aq) + H2O(l) CH3COO-(aq) + H3O+(aq)


- Formação de um par Base – Ácido Conjugada. SEMPRE QUE A BASE FOR FORTE O
ÁCIDO CONJUGADO É FRACO; BASE FRACA ÁCIDO CONJUGADO FORTE.

NH3(g) + H2O(l) NH4+ (aq) + OH-(aq)

- Exercício. Identifique o ácido de Brosted e sua base conjugada nas reações


abaixo:

a) HSO4- (aq) + OH-(aq) H2O(l) + SO42-(aq);

b) PO43-(aq) + H2O(l) HPO42-(aq) + OH-(aq);


Ácido: Toda espécie química que aceita um par de elétrons;

Base: Toda espécie química que doa um par de elétrons;


4. Lewis (1923):
CH3 H H
CH3

B + :N :N H
H B
CH3
CH3 CH3
H CH3 H
Ácido Base
H
H
H
- Reações de Formação de Complexos:
N
H
cis [Pt(Cl)2(NH3)2]
H Pt
N Cl

H Cl
Hidrogênios Ionizáveis: são os que são liberados e que se ligam ao elemento mais
eletronegativo na molécula do ácido.

H3PO2(aq) + H2O(l) ® H3O+(aq) + H2PO21-(aq) ® Apresenta apenas 1H+

H3PO2(aq) + 2H2O(l) ® 2H3O+(aq) + HPO22-(aq) ® Apresenta apenas 2H+

Classificação dos Ácidos

1. Quanto a presença ou ausência de carboxila (-COOH):

Orgânicos: CH3-COOH, HOOC-COOH

Inorgânicos: H2CO3, H2CO2, HCN


2. Quanto a presença ou ausência de oxigênio:

Hidrácidos: HCl, H2S, HBr

Oxiácidos: H2SO4, H3PO4, HClO4

3. Quanto ao número de elementos químicos:


Binário: HCl, HBr, HF
Ternário: H2SO4, H3PO4, HCN
Quaternário: H4[Fe(CN)6]

4. Quanto ao número de hidrogênios ionizáveis:

Monoácidos: HCl, HI, H3PO2

Diácidos: H2SO4, H2S, H3PO3

Triácidos: H3PO4, H3BO3, H3BO2

Tetrácidos: H4P2O7
Nomenclatura dos Ácidos:

Hidrácidos:

Seguem a seguinte regra: Ácidos __________________ + ídrico

Radical do Elemento

Oxiácidos: ico (+ oxigênio)

Seguem a seguinte regra: Ácido __________________ +

Radical do Elemento oso (- oxigênio)


Ácido Per.....+7.....ico
Ácido...... +6, +5......ico Ordem
Decrescente
Ácido...+4, +3, +2....oso de Oxigênio
Ácido Hipo.. +1 ...oso

Exemplos:

HClO4 – ác. Perclórico = HCl+7O4

H2SO3 – ác. Sulfuroso = H2S+4 O3

H3PO2 – ác. Hipofosforoso = H3P+1O2


Exemplos:

H2S-2 - Ácido Sulfídrico


Para ácidos do enxofre usamos o
H2S+4O3 - Ácido Sulfuroso
radical em latim “sulfur”.
H2S+6O4 - Ácido sulfúrico

Classificaçâo dos Ácidos quanto aos prefixos:

* O prefixo ORTO é usado para o Ácido Fundamental;


* O prefixo META é usado quando do Ácido ORTO retira-se 1H2O;
* O prefixo PIRO é usado para indicar a retirada de 1H2O de duas moléculas do
ORTO.
2x
H3PO4 Ácido ORTO - fosfórico

- 1 H2O

HPO3 Ácido META - fosfórico

- 1 H2O
H4P2O7 Ácido PIRO - fosfórico

Características gerais dos ácidos:

ü Apresentam sabor azedo;


ü Desidratam a matéria orgânica;
ü Deixam incolor a solução alcoólica de fenolftaleína;
ü Neutralizam bases formando sal e água;
Ácidos importantes:

1. Ácido Sulfúrico - H2SO4

É um líquido incolor e oleoso de densidade 1,85 g/cm3, é um ácido forte que reage
com metais originando sulfatos além de ser muito higroscópico. É aplicado em
baterias de veículos.

Pode ser obtido a partir das seguintes reações:

S + O2 ® SO2

SO2 + ½O2 ® SO3

SO3 + H2O ® H2SO4

É usado para medir o desenvolvimento industrial de um país.


2. Ácido Clorídrico - HCl

Solução de hidreto de cloro em água. Apresenta forte odor, além de ser sufocante. É
utilizado na limpeza de peças metálicas e de superfícies de mármore. É encontrado
no suco gástrico humano. É conhecido como ácido muriático.

A limpeza de superfícies com ácido clorídrico é chamada de decapagem.

3. Ácido Nítrico - HNO3

Líquido incolor fumegante ao ar que ataca violentamente os tecidos animais e


vegetais, produzindo manchas amareladas na pele. É muito usado em química
orgânica para a produção de nitro-compostos.

CH3 CH3

NO2- -NO2 + 3H2O


+ 3HNO3

NO2
4. Ácido Fosfórico - H3PO4

É um líquido xaporoso obtido pela oxidação do fósforo vermelho com ácido nítrico
concentrado.
É um ácido moderado usado na indústria de vidros, preparo de águas minerais e nos
refrigerantes de “cola”. Seus fosfatos são usados como adubo.

Seus fosfatos fazem parte da formulação do fertilizante “NPK”.


Classificação das Bases

Geralmente as bases apresentam:

- OH- do lado direito da fórmula;


- Metais na composição;
- Ligações iônicas;
- São sólidas a temperatura ambiente;

NaOH Na+ + OH-

Ca(OH)2 Ca2+ + 2OH-

Al(OH)3 Al3+ + 3OH-

Exceção: NH3 + H2O NH4OH


- Ametais; - Lig. covalentes;
- Solução aquosa; - Volátil.
1. Quanto ao Número de Hidroxilas:
- Monobases: NaOH; NH4OH
- Dibases: Ca(OH)2; Mg(OH)2
- Tribases: Al(OH)3; Fe(OH)3
- Tetrabases: Pb(OH)4; Sn(OH)4

2. Quanto ao Grau de Dissociação Iônica:


- Fortes: Os hidróxidos de metais alcalinos (G1) e metais alcalinos terrosos (G2);
- Fracas: Nesse grupo incluem-se o hidróxido de amônio (NH4OH) e as demais
bases;

3. Quanto à Solubilidade em Água


- Totalmente solúveis: os hidróxidos dos metais alcalinos (G1) e o hidróxido de
amônio (NH4OH).
- Parcialmente solúveis: hidróxidos dos metais alcalino-terrosos (G2).
- Insolúveis: todos os demais hidróxidos.
Monobase Tribase
KOH Forte Al(OH)3 Fraca
Solúvel Insolúvel

Nomenclatura das Bases:

Hidróxido de _________________
Nome do Elemento

Exemplos:

- NaOH - hidróxido de sódio

- Fe(OH)2 - hidróxido de ferro II

- Fe(OH)3 - hidróxido de ferro III


Características gerais das bases:

ü Apresentam sabor caústico;


ü Neutralizam ácidos formando sal e água;

Bases importantes:

1. Hidróxido de Sódio - NaOH

É um sólido branco floculado muito solúvel em água além de extremamente


caústico.
É usado na desidratação de gorduras, no branqueamento de fibras (celulose) e na
fabricação de sabões e detergentes e como desentupidor de ralos e esgotos.

Sabões e detergentes são chamados de agentes tensoativos e


possuem caráter básico.
2. Hidróxido de Cálcio - Hidróxido de cálcio

É uma suspensão aquosa de aparência leitosa, obtida a partir do CaO (cal virgem).
É usada na caiação de paredes e muros, na neutralização de solos ácidos e na
fabricação de doces.

CaO + H2O Ca(OH)2


Cal Cal
Virgem Apagada

3. Hidróxido de Magnésio - Mg(OH)2

É uma suspensão leitosa, obtida a partir do MgO.


É usada como antiácido estomacal e também como laxante. Conhecido como leite
de magnésio.
Mg(OH)2 + 2HCl MgCl2 + 2H2O
4. Hidróxido de Alumínio - Al(OH)3

É uma suspensão gelatinosa que pode adsorver moléculas orgânicas que por
ventura estejam em solução aquosa (no tratamento da água).
É usada como antiácido estomacal, para tingimentos e na preparação de placas
(resina ou verniz) para pintura artística.
- FORÇA DOS ÁCIDOS E BASES:

- HCl, HF, HNO3, CH3COOH, HClO4

Grau de Ionização (α) – Capacidade que o ácido, ou a base, apresenta de se


dissociar em água. Quanto maior esta capacidade mais forte é considerado o ácido
ou a base.

α = número de moléculas ionizadas


número de moléculas adicionadas

Ácidos fracos: 0< a < 5%

Ácidos moderados: 5% £ a £ 50%

Ácidos fortes : 50% < a < 100%


Constante de Equilíbrio (Kc) – É a maneira mais adequada para definir a força de
um ácido ou de uma base.

aA + bB cC + dD

Kc = [C]c.[D]d
[A]a.[B]b

Quanto maior o valor de Kc mais deslocado para direita o equilíbrio;


Quanto menor o valor de Kc mais deslocado para esquerda o equilíbrio;

Hidrácidos:
Fortes: HCl, HBr, HI
Moderado: HF

Os demais são fracos


Oxiácidos: HxEOy

0 fraco Ex.: HClO

1 moderado Ex.: H3PO4


y-x 2 forte Ex.: H2SO4

Ácido fraco: HClO

Ácido moderado: H3PO4

Ácido forte : H2SO4; HClO4


HCl(g) + H2O(l) H3O+(aq) + Cl- (aq) NaOH(s) + H2O(l) OH-(aq) + Na+ (aq)

Ka = [H3O+]1.[Cl-]1 Kb = [OH-]1.[Na+]1
[HCl]1 [NaOH]1

Quanto maior o valor de Ka ou Kb mais forte será o Ácido ou a Base, respectivamente.

Quanto menor o valor de Ka ou Kb mais fraco será o Ácido ou a Base, respectivamente.

pKa = - log Ka pKb = - log Kb

Quanto maior o valor de pKa ou pKb mais fraco será o Ácido ou a Base,
respectivamente.

Quanto menor o valor de pKa ou pKb mais forte será o Ácido ou a Base,
respectivamente.
Auto ionização da água: a água pura é uma substância neutra, porém sofre ionização
formando íons H+ e íons OH-.

H2O H+ + OH- Kc = [H+]1.[OH-]1


[H2O]1

A 25 oC a constante de equilíbrio da água (Kc) é 1,8.10-16.

Kc . [H2O] = Kw Kw = [H+] . [OH-]

1 L de água a 25 oC apresenta M = 55,6 mol.L-1.

Kw = 1,8.10-16. 55,6 Kw = 1,01.10-14

[H+] = 10-7 [OH-] = 10-7

[H+].[OH-] = 10-14 mol.L-1

SUBSTÂNCIA NEUTRA [H+] = [OH-];


SUBSTÂNCIA ÁCIDA [H+] > [OH-];
SUBSTANCIA BÁSICA [H+] < [OH-];
SAIS

Sal é todo composto que se dissocia em água formando um cátion diferente de H+ e


um ânion diferente de OH-.

Ácido + Base Sal + Água

Salificação

HCl + NaOH NaCl + H2O

Neutralização
Formação dos Sais:
a) Podem ser formados a partir da reação entre um ácido forte e uma base
forte.
HCl(aq) + NaOH(aq) Na+Cl-(aq) + H2O(aq)
Reação de
Neutralização
NaCl(s) + H2O(l) Na+(aq) + Cl-(aq) + H+(aq) + OH-(aq)

b) Podem ser formados a partir da reação entre um ácido forte e uma base
fraca.
HCl(aq) + NH4OH (aq) NH4+Cl-(aq) + H2O(aq)
Sal Ácido

NH4Cl(s) + H2O(l) NH4+(aq) + Cl-(aq) + H+(aq) + OH-(aq)

c) Podem ser formados a partir da reação entre um ácido fraco e uma base
forte.
CH3COOH(aq) + NaOH(aq) CH3COO-Na+(aq) + H2O(aq) Sal Basico
CH3COONa(s) + H2O(l) CH3COO-(aq) + Na+(aq) + H+(aq) + OH-(aq)
d) Podem ser formados a partir da reação entre um ácido fraco e uma base
fraca.
CH3COOH(aq) + NH4OH (aq) CH3COO- NH4+(aq) + H2O(aq)

CH3COONH4(s) + H2O(l) CH3COO-(aq) + NH4+(aq) + H+(aq) + OH-(aq)

Sal com caráter Neutro quando Ka = Kb;


Sal com caráter Ácido quando Ka > Kb;
Sal com caráter Básico quando Ka < Kb;

Por que o CaCO3 é utilizando na correção do pH e CaSO4 não?

CaCO3 (s) + H2O(l) Ca2+(aq) + CO32-(aq) + 2H+(aq) + 2OH-(aq)

CaSO4 (s) + H2O(l) Ca2+(aq) + SO42-(aq) + 2H+(aq) + 2OH-(aq)


Nomenclatura dos Sais:

Obedece à expressão: (NOME DO ÂNION) de (NOME DO CÁTION)

Sufixo do ácido Sufixo do ânion


ídrico eto
ico ato
oso ito

H2SO4 + Ca(OH)2 CaSO4 + 2H2O

Sulfato de cálcio (gesso)


Classificação dos Sais:

1. Quanto à Presença de Oxigênio:


- Oxissais: CaSO4 , CaCO3 , KNO3
- Halóides: NaCl , CaCl2 , KCl

2. Quanto ao Número de Elementos:


- Binários: NaCl , KBr , CaCl2
- Ternários: CaSO4 , Al2(SO4)3
- Quaternários: NaCNO , Na4Fe(CN)6

3. Quanto à Presença de Água:


- Hidratados: CuSO4.5 H2O; CaSO4.2 H2O
- Anidro: KCl; NaCl; CaSO4
4. Quanto à Natureza:
- Neutros ou normais: NaBr; CaCO3
- Ácidos ou Hidrogenossais: NaHCO3; CaHPO4
- Básicos ou Hidroxissais: Ca(OH)Br
- Duplos ou mistos: NaKSO4; CaClBr

Sais importantes:

1. Bicarbonato de Sódio - NaHCO3

É um pó branco que perde CO2 com facilidade (efervescência).


É usado como antiácido estomacal, fermento químico e nos extintores de incêndio.
2. Carbonato de Cálcio - CaCO3
É um sólido branco que por aquecimento perde CO2 e produz CaO (calcinação).
É usado na fabricação de cimentos, como corretivo do solo e como fundente em
metalurgia.
3. Nitrato de Sódio - NaNO3
É um sólido cristalizado no sistema cúbico, além de ser um ótimo oxidante para
reações químicas.
É usado na fabricação de fertilizantes e explosivos.
Nos Andes era utilizado na conservação da carne por ser higroscópico.

4. Cloreto de Amônio - NH4Cl


É um sólido granulado obtido do líquido amoniacal das fábricas de gás.
É usado na fabricas de soldagem, na galvanização do ferro e na fabricação de
tecidos.
Por ser higroscópico é utilizado na fabricação de bolachas.
ÓXIDOS

Óxido é todo composto binário oxigenado, no qual o oxigênio é o elemento mais


eletronegativo.

Fórmula geral dos óxidos: Ex+2 O2-X

Exemplos: CO2, H2O, Mn2O7, Fe2O3

Nomenclatura dos Óxidos:

Regra geral: (Prefixo) + óxido de (prefixo) + elemento

CO - monóxido de monocarbono
N2O5 - pentóxido de dinitrogênio
P2O3 - trióxido de difosforo
H2O - monóxido de dihidrogênio
Nox fixo (G1 e G2) - óxido de elemento
Para metais:
DNox - óxido de elemento + valência

N2O - óxido de sódio


Al2O3 - óxido de alumínio
FeO - óxido de ferro II (óxido ferroso)
Fe2O3 - óxido de ferro III (óxido férrico)

- Óxidos Ácidos;
- Óxidos Básicos;
- Óxidos Anfóteros;
Classificação dos Óxidos:
- Óxidos Neutros;
- Óxidos Duplos;
- Peróxidos;
- Superóxidos;
Óxidos Básicos – Metálicos

São formados por metais alcalinos e alcalinos terrosos e reagem com água formando
bases e com ácidos formando sal e água.

Óxido básico + H2O ® base

2NaO + H2O ® 2NaOH

CaO + H2O ® Ca(OH)2

Óxido básico + ácido ® sal + H2O

MgO + 2HCl ® MgCl2 + H2O


Óxidos Ácidos – Anidridos

São formados por ametais e reagem com água formando ácidos e com bases
formando sal e água.

Óxido ácido + H2O ® ácido

CO2 + H2O ® H2CO3

N2O5 + H2O ® 2HNO3

SO3 + H2O ® H2SO4

Óxido ácido + base ® sal + H2O

CO2 + Ca(OH)2 ® CaCO3 + H2O


Óxidos Anfóteros – Anfipróticos

São óxidos de caráter intermediário entre ácido e básico. Reagem com ácidos e
bases formando sal e água.

Óxido anfótero + ácido/base ® sal + água

ZnO + 2HCl ® ZnCl2 + H2O

ZnO + 2NaOH ® Na2ZnO2 + H2O

Óxidos Neutros – Indiferentes

São todos covalentes e não reagem com base, ácido ou água; mas podem reagir
com oxigênio.
CO + H2O ® Não ocorre reação
CO + ½O2 ® CO2
NO + HCl ® Não ocorre reação
Óxidos Duplos (Mistos)

São óxidos que, quando aquecidos, originam dois outros óxidos.

M3O4 : Fe, Pb, Mn


Fe3O4; Pb3O4; Mn3O4
FeO + Fe2O3 ® Fe3O4 (Imã)

Peróxidos

São formados por metais alcalinos, alcalinos terrosos e hidrogênio e possuem


oxigênio com Nox = -1.

M2O2 – Metais Alcalinos


H2O2 - Ag. Oxidante e Bactericida
MO2 – Metais Alcalinos Terrosos

Ex.: Na2O2, Li2O2, CaO2, MgO2


Superóxidos (polióxidos)

São formados por metais alcalinos, alcalinos terrosos e hidrogênio e possuem


oxigênio com Nox = - ½.

M2O4 – Metais Alcalinos


Ex.: Na2O4, Li2O4, CaO4, MgO4
MO4 – Metais Alcalinos Terrosos
Óxidos importantes

1. Óxido de Zinco – ZnO

É um sólido branco de caráter anfótero (anfiprótico).


É usado na fabricação de cremes dermatológicos, na indústria de tintas e na
galvanização do ferro.

2. Óxido de Alumínio – Al2O3

É um sólido muito duro (dureza 9) de onde é extraído, por eletrólise, o alumínio


metálico.
Na forma cristalizada é encontrado nas safiras e nos rubis.
3. Peróxido de Hidrogênio – H2O2

É uma solução aquosa que se decompõe facilmente em presença de luz (fotólise).


É utilizada como agente oxidante e bactericida.

H2O2 ® H2O + ½O2

4. Tetróxido de Triferro – Fe3O4

É um sólido escuro que apresenta características ferromagnéticas.


É utilizado na fabricação de caixas de som e aparelhos eletrônicos em geral.

FeO + Fe2O3 ® Fe3O4

Você também pode gostar