Você está na página 1de 4

Disciplina: Direito Constitucional

Professor: Ricardo Baronovsky


Aula: 09 | Data: 12/02/2021
/03/2018

ANOTAÇÃO DE AULA

SUMÁRIO

PRINCÍPIOS ESTRUTURANTES

TEORIA GERAL DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS


I. Noção Geral e Distinção entre Direitos e Garantias Fundamentais

PRINCÍPIOS ESTRUTURANTES

c) PRINCÍPIO DO ESTADO DEMOCRÁTICO DE DIREITO: garante uma ordem justa e mantenedora das liberdades
pública.

d) PRINCÍPIO DA SOBERANIA POPULAR: prega que o povo é o titular do Poder, ou seja, vivemos em um REgime
de GOverno democrático (RE GO).

*OBS: Sistema de Governo = Presidencialismo (adotado) ou Parlamentarismo.

Objetivos Fundamentais:

- Art. 3º, CF.

“Art. 3º, CF. Constituem objetivos fundamentais da República


Federativa do Brasil:
I - construir uma sociedade livre, justa e solidária;
II - garantir o desenvolvimento nacional;
III - erradicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades
sociais e regionais;
IV - promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça,
sexo, cor, idade e quaisquer outras formas de discriminação.”

CON struir uma sociedade livre, justa e solidária


GARRA ntir o desenvolvimento nacional
ERRA dicar a pobreza e a marginalização e reduzir as desigualdades sociais e regionais
PROuco promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer
outras formas de discriminação

- São Verbos;

- São metas nacionais.

PRINCÍPIOS REGENTES DA ORDEM INTERNACIONAL

- Art. 4º, CF.

CARREIRAS PÚBLICAS
Damásio Educacional
- São substantivos.

- Pregam a pacificidade;

- Tratam de relações internacionais;

- Residual em relação aos anteriores.

“Art. 4º, CF. A República Federativa do Brasil rege-se nas suas


relações internacionais pelos seguintes princípios:
I - independência nacional;
II - prevalência dos direitos humanos;
III - autodeterminação dos povos;
IV - não-intervenção;
V - igualdade entre os Estados;
VI - defesa da paz;
VII - solução pacífica dos conflitos;
VIII - repúdio ao terrorismo e ao racismo;
IX - cooperação entre os povos para o progresso da humanidade;
X - concessão de asilo político.
Parágrafo único. A República Federativa do Brasil buscará a
integração econômica, política, social e cultural dos povos da
América Latina, visando à formação de uma comunidade latino-
americana de nações.”

QUESTÕES

→ FUNDAMENTOS

1 - A Constituição de 1988 enuncia que a República Federativa do Brasil é um Estado Democrático de Direito,
que possui, dentre outros, os seguintes fundamentos:

A) a soberania, a busca do pleno emprego e a função social da propriedade.

B) a defesa do consumidor, a função social da propriedade e a busca do pleno emprego.

C) o pluralismo político, a redução das desigualdades regionais e sociais e a propriedade privada.

D) a cidadania, a dignidade da pessoa humana e os valores sociais do trabalho e da livre iniciativa.

E) a cidadania, a função social da propriedade e a promoção do bem de todos, sem qualquer


discriminação.

2 - A República Federativa do Brasil constitui-se em Estado Democrático de Direito e tem como fundamento,
entre outros:

A) os valores sociais do trabalho;

Página 2 de 4
B) a livre iniciativa;

C) o partidarismo político;

D) o desenvolvimento nacional;

E) o respeito dos presos.

3 – A dignidade da pessoa humana é:

A) Uma garantia da República Federativa do Brasil;

B) Um princípio da República Federativa do Brasil;

C) Um dos objetivos da República Federativa do Brasil;

D) Um dos fundamentos da República Federativa do Brasil;

E) Um poder da República Federativa do Brasil.

→ OBJETIVOS FUNDAMENTAIS

4 - NÃO constitui objetivo fundamental da República Federativa do Brasil:

A) promover o bem de todos, sem preconceitos de origem, raça, sexo, cor, idade e quaisquer outras
formas de discriminação;

B) prevalência dos direitos humanos;

C) garantir o desenvolvimento nacional;

D) erradicar a pobreza e a marginalização e reduziras desigualdades sociais e regionais;

E) construir uma sociedade livre, justa e solidária.

→ PRINCÍPIOS REGENTES DA ORDEM INTERNACIONAL

5 - A República Federativa do Brasil rege-se, nas suas relações internacionais, entre outros, pelo princípio:

A) colaboração entre os povos para a evolução religiosa da humanidade;

B) construção de uma sociedade internacional dependente, justa e solidária;


C) Fruição total e absoluta dos direitos humanos;

D) Autodeterminação dos povos;

Página 3 de 4
E) Uso autorizado da força para resposta aos ataques terroristas internacionais.

PRINCÍPIOS FUNDAMENTAIS

FUNDAMENTOS OBJETIVOS FUNDAMENTAIS PRINCÍPIOS REGENTES DAS


RELAÇÕES INTERNACIONAIS
(ART. 1º, CF) (ART. 3º, CF)
( ART. 4º, CF)

I) Soberania I) construir uma sociedade livre, I) independência nacional;


II) Cidadania justa e solidária; II) prevalência dos direitos
III) Dignidade da pessoa humana II) garantir o desenvolvimento humanos;
IV) Valores sociais do trabalho e da nacional; III) autodeterminação dos povos;
livre iniciativa III) erradicar a pobreza e a IV) não-intervenção;
V) Pluralismo politico marginalização e reduzir as V) igualdade entre os Estados;
desigualdades sociais e VI) defesa da paz;
DICA: SO CI DI VA PLU regionais; VII) solução pacífica dos
IV) promover o bem de todos, sem conflitos;
preconceitos de origem, raça, VIII) repúdio ao terrorismo e ao
sexo, cor, idade e quaisquer racismo;
outras formas de discriminação. IX) cooperação entre os povos para
o progresso da humanidade;
DICA: VERBOS; METAS SOCIAIS X) concessão de asilo político.
DENTRO DO PAÍS, “CON GArRA
ERRA PROuco” + PARÁGRAFO ÚNICO

DICA: INTERNACIONAL e
PACIFISMO

TEORIA GERAL DOS DIREITOS FUNDAMENTAIS

I. NOÇÃO GERAL E DISTINÇÃO ENTRE DIREITOS E GARANTIAS FUNDAMENTAIS

- Direitos Fundamentais estão no Título II da CF, o que compreende os arts. 5º a 17 da CF:


→ Direitos Individuais e Coletivos = art. 5º;
→ Direitos Sociais = arts. 6º a 11, CF;
→ Nacionalidade = arts. 12 e 13, CF;
→ Direitos Políticos e Partidos Políticos = arts. 14 a 17, CF.
- Qual a diferença ontológica entre diretos e garantias fundamentais?

Página 4 de 4

Você também pode gostar