Você está na página 1de 4

?

   
?    

FICHA DE TRABALHO DE LÍNGUA PORTUGUESA

7º ano de escolaridade Ano lectivo: 2008/2009

c  Responde, no caderno, às seguintes questões sobre   


de .

 

c Assinala as afirmações com VERDADEIRO ou FALSO.

c c Corrige as afirmações FALSAS.

  Este acto é constituído por duas cenas e passa-se na sala da casa de


Joana.

! O Jorge, muito descontraído, foi falar com o Dr. Gonçalves.

"  O psicólogo chamou a atenção do rapaz para a necessidade de ele


conseguir ultrapassar os seus problemas.

  Jorge culpava os pais por não o ajudarem a solucionar os seus


problemas.

  A lua de Joana era um baloiço que estava pendurado numa árvore do


jardim de sua casa.

# O Jorge não conseguia perceber por que Joana escrevera aquelas cartas.

$  O Dr. Gomes explica-lhe que o seu pai lia as cartas para tentar
compreender o que se passara com a filha.

 Jorge diz que, ao contrário da mãe, o pai sempre estivera mu ito presente
na vida dos filhos.

  Para o rapaz a situação familiar melhoraria se a lua fosse retirada lá de


casa.

? c 

c Por que motivo se encontram o João Pedro e o Luís na sala da casa de
Joana?

c

Ëuando foi a última vez que viram o Dr. Brito?

 Explica o sentido em que o João utiliza a expressão ³nem sequer fui


capaz de lhe dar os meus sentimentos´ (pág. 39).

c Ëuando Luís lhe responde que ³dar os sentimentos´ é uma coisa que
nunca percebeu muito bem (pág. 39), consideras que usas a expressão no
mesmo sentido? Porquê?


 Preenche o quadro seguinte, a partir do levantamento de expressões
que caracterizem o modo como cada uma das personagens expressa os
seus sentimentos:

%& ' ()*"+,

 Ëue podes concluir sobre a forma como estas personagens se


relacionam entre si?

- D a conversa entre os dois amigos, começa a delinear -se um motivo para


a morte de Joana. Baseando -te nos elementos do texto, refere qual te
parece ser.

.  O João Pedro afirma que está ³a ficar velho´ (pág. 42). Por que motivo
diz ele tal coisa?

. c Concordas com a razão que ele apresenta?

/  Existe um objecto insólito na sala. Descreve-o de acordo com a


informação que o texto te fornece.

? 


c Nesta cena, o Dr. Brito esclarece o que é o objecto invulgar que os dois
amigos comentam anteriormente. Ëue nome lhe dá?

c c ‘ O que fazia a Joana nesse baloiço? 



c
E de que forma é que o utilizava para que ele sinalizasse o seu estado
de espírito?

c Como é que o Dr. Brito fica a saber tudo isso?

Para quem escrevia Joana as cartas que o pai refere?




c  O destinatário das cartas de Joana causa surpresa nos dois amigos.
Explica porquê.


Procura agora apresentar motivos que justifiquem a escolha de Joana
em escrever para essa pessoa.

 O pai de Joana explicita finalmente o motivo pelo qual pediu ao João


Pedro e ao Luís para irem lá a casa. Diz qual foi.

-  ³E o mais ridículo é que passava o tempo a oferecer relógios à minha


filha « Como se eu, nessa altura, tivesse alguma noção do que o tempo
significava «´ (pág. 49). Explica a razão que leva o Dr. Brito a dizer isto.

. Esta cena termina com um pedido que o Dr. Brito faz ao João Pedro e ao
Luís. Resume-o por palavras tuas.

 0?0 

c Numera (de 1 a 10) por ordem cronológica as seguintes afirmações.

ö‘ Os pais de Joana decidem que irão dar um maior acompanhamento ao


desenvolvimento do filho para não acontecer o mesmo que à irmã.

ö‘ O Dr. Brito conversa com o filho ao telemóvel.

ö‘ Bé recebe a visita da mãe de Marta e Diogo.

ö‘ O psicólogo aconselha a mãe de Jorge a aceitar o que aconteceu e a


viver um dia de cada vez.

ö‘ Jorge diz ao pai que está com amigos e a mãe preocupa -se com o facto
de o filho não ter jantado ainda.

ö‘ Bé diz que os pais devem de estar atent os ao que se passa com os


filhos.

ö‘ O Dr. Brito diz a Diogo que quando precisar, pode contar com ele.

ö‘ A mãe de Joana vai ao consultório do Dr. Gomes para tentar perceber o


que se passa com o filho.

ö‘ Alice lamenta o facto de não ter percebido que a filha estava tão infeliz.

ö‘ Diogo fala com o Dr. Brito sobre o que acontecera com Joana e com a
sua irmã, Marta.

O
0 

c  Como explica a Professora Margarida a presença da lua e dos pais de
Joana na escola?

Comenta o possível significado do gesto da aluna, que entrega uma flor


branca ao Dr. Brito e o abraça.

 Explica a contradição presente na frase: ³a primeira coisa que devo


confessar-vos é que comecei a conhecer a minha filha, a Joana, no dia em
que ela morreu «´ ( pág. 87)

c Procura agora justificar por que é que ele faz tal afirmação.

4. Justifica a utilização da música ³Saudade´ dos Trovante como forma de


terminar este texto.

?1&2? 3? 2 



c  As solicitações da vida contemporânea originam que , muitas vezes, os
pais não possam estar com os filhos tanto tempo como desejariam, nem
dedicar-lhes toda a atenção que gostariam.

c c  Escreve um texto em que fales sobre as consequências deste tipo de
comportamento.

 Elabora um texto com uma reflexão sobre a temática do consumo de


drogas na adolescência e as suas consequências.

Faz um resumo da obra que leste.





245

Interesses relacionados