Você está na página 1de 12

ACAPED – Agência de Capacitação Educacional

Alfabetização e letramento na sala de aula.


200 horas

2021
Nome do Coordenador (a): Juliane Lourenço
Endereço do coordenador (a):
Rua: Rui Barbosa Nº 2496
Bairro: Costa e Silva Cidade: Joinville Estado: SC
Telefone do coordenador (a): (47) 996854474
Email: julilourencos@gmail.com

Relação dos Cursistas

Nome E-mail Telefone RG


Juliane Lourenço julilourencos@gmail.com (47)996854474 5437600
Atividade de conclusão I

 Objetivo Geral: Refletir sobre nossos sentimentos e desenvolver a consciência


fonológica.

 Objetivos específicos:
- Refletir sobre as emoções e despertar para a importância da educação
emocional;
- Identificar acolher as próprias emoções em situações variadas;
- Perceber e contar os pedaços/sílabas das palavras: ALEGRIA, MEDO,
TRISTEZA, RAIVA, NOJINHO.
- Reconhecer e identificar a vogal “I” ao falar/escutar uma palavra,
observando/escutando o som dela, e mostrar a posição dela na palavra.
- Observar os sons das letras na escrita de palavras.

 As atividades realizadas:

1- Assistir o filme “Divertidamente”. (1:35 hrs)

2 - Roda de conversa sobre o filme: (10 min.)


- Quem é o personagem principal;
- Onde os personagens dos sentimentos “moram” e identificar cada um pelo
nome (ALEGRIA, MEDO, TRISTEZA, RAIVA, NOJINHO);
- As atitudes da menina perante as emoções e as emoções dela perante aos
acontecimentos, e como elas influenciaram na vida dela, refletindo também a
importância de cada sentimento.

3- Atividade de consciência fonológica e escrita das palavras; Pintura das


imagens: (50 min)
4- Atividade: O que você sente quando…
- Refletir e marcar na tabela, sobre seus próprios sentimentos de acordo com
diversas situações. Treinar a leitura com as frases ou palavras da frase. (25 min)

5- Recortar fichas depois mostrar qual está representando seu sentimento no


momento. Cada aluno(a)/ cada ficha será um voto no gráfico, gerando o gráfico
dos sentimentos da turma. Professora projeta o gráfico com a lousa digital,
registra os votos e no final os alunos preenchem com os resultados obtidos.
(45 min.)
 Avaliação do desempenho:
As aulas foram aplicadas em uma turma de 1ºano, com 25 alunos, no
município de Joinville, na escola Municipal Zulma do Rosário Miranda
• As aulas foram muito proveitosas, os alunos demonstraram muito entusiasmo
na realização. Isso foi muito importante pois com os alunos interessados
percebemos um melhor aproveitamento e fixação de aprendizados.
• A maioria dos alunos entenderam no filme, que os sentimentos moravam na
cabeça da menina, e alguns perceberam na roda de conversa. Sobre os
acontecimentos que o filme aborda, os alunos fizeram várias relações com os
acontecimentos da vida deles o que foi muito importante para refletirmos
sobre a importância das emoções em nossas vidas e que precisamos estar
atentos para isso.
• No desenvolvimento da atividade 3 a maioria dos alunos identificou o som do
I e soube a posição dele na palavra, apenas 2 alunos ficaram indecisos na
posição e 1 aluno não percebeu que na palavra MEDO não havia I.
• A pintura das imagens foi feita com muita empolgação. Apenas 2 alunos
tiveram mais dificuldades em respeitar os limites da imagem.
• A tabela dos sentimentos foi muito um momento muito interessante onde
todos pararam para refletir seus sentimentos. Nessa atividade o que chamou
a atenção foi na frase “Faz a tarefa de casa sozinho” onde as respostas se
dividiram: alguns alunos que já sabem ler e não tem dificuldades, e já
conseguem fazer a tarefa sozinhos marcaram X na alegria e os alunos que
tem mais dificuldades na leitura e em geral, marcaram X na tristeza pois
precisam de ajuda na tarefa.
• No momento da atividade 4 a maioria dos alunos demonstraram habilidade
com a tesoura, porém muitos não tinham o material individual (tesoura), então
a escola disponibilizou algumas tesouras emprestadas. Eles gostaram muito
de realizar o recorte e ficaram animados com as figurinhas. No final da
atividade eles guardaram para levar para casa as figuras.
• No momento de demonstrar seu sentimento no dia, alguns alunos mostraram
a tristeza e esses alunos tiveram um momento para falar o motivo e
desabafar com a turma.
Atividade de conclusão II

A proposta Curricular do estado de Santa Catarina aborda a alfabetização e o


letramento como processo amplo, onde o aluno deve ser respeitado em sua essência,
seus conhecimentos prévios e sua capacidade de pensar e se expressar.
Contudo, fica claro na proposta a distinção de uma pessoa alfabetizada e uma pessoa
letrada, onde se coloca a importância de não somente alfabetizar, mas sim fazê-lo com o
objetivo de letramento, ou seja, que a pessoa não apenas leia e escreva, mas use esse
conhecimento de forma ativa em sua vida. Fica evidente na proposta que esse
letramento deve ocorrer de forma que os alunos se sintam integrados ao mundo letrado,
à comunidade e consiga perceber a função social da escrita e da leitura, e a importância
dela.
A proposta também nos mostra que é interessante na prática docente a utilização de
jogos protagonizados para que as crianças sejam estimuladas, se desenvolvam
integralmente, observando que a natureza da criança precisa dessa ludicidade, uma vez
que as crianças não são mais consideradas adultos em miniaturas, como era em outros
tempos. Dessa maneira a alfabetização deve ser inserida nesse contexto escolar onde
os alunos são protagonistas dos seus próprios aprendizados e o professor vai
despertando-o para a aquisição do conhecimento.

O processo de alfabetização em uma turma de 1º ano do ensino fundamental


atualmente na escola que eu leciono se dá da seguinte maneira: iniciamos o ano escolar
com a história da escrita, como e porquê foi inventado a escrita, nesse momento na
nossa escola nós voltamos para os tempos das cavernas, onde as primeiras linguagens
surgiram. O ponto de partida claro foi a necessidade de comunicação. A partir da história
da escrita, incluímos a história das letras, observando até chegar no nosso alfabeto.
Depois voltamos o foco da alfabetização para que as crianças aprendam o nome e o
som das letras, usando atividades, músicas… Nesse momento também usamos o nome
dos alunos para relacionar o som inicial dos nomes à letra. E o mesmo processo
continua até a realização de atividades de fixação com todas as letras iniciando com as
vogais e em seguida as consoantes, nas quais são abordadas com temas
interdisciplinares e em formato de sequências didáticas. Essa dinâmica acontece com
foco mais no som da letra depois que todos memorizaram as 26 letras. A avaliação
desse processo se dá a partir de sondagens de escrita, onde o professor(a) dita 4 ou 5
palavras do mesmo grupo semântico e uma frase usando uma palavra da lista.

É perceptível que formação do professor perante ao processo de alfabetização e


letramento se mostra

A proposta Curricular mostra que a formação do professor deve ser renovada


constantemente pois assim também é o nosso mundo, se transforma sempre. Com essa
transformação constante do nosso meio, é preciso sempre se atualizar de maneira a
atingir o objetivo do ensino integral, garantindo que o aluno se desenvolva plenamente e
integralmente. Entendendo que não só alfabetizar é o papel do professor, e sim inserir os
alunos no mundo da leitura e escrita e sua função social.
Atividade de conclusão III

O PPP da escola em que trabalho atualmente poderia ter alterações que visem
melhorar no quesito de alfabetização e letramento. Nos 1ºs e 2ºs anos os alunos
poderíamos agregar com projetos que desenvolvessem mais a consciência
fonológica, podendo utilizar jogos ou atividades lúdicas para atingir esse objetivo.
Nos demais anos, a escola poderia implementar algo que desenvolvesse mais a
leitura e a compreensão dessa leitura. Também no geral podemos acrescentar no
PPP da escola um projeto de apresentações onde os alunos ou turmas pudessem
desenvolver a oralidade, demonstrar talentos ou divulgar trabalhos para que o texto
se mostre como sua função social.
A alfabetização já passou por vários momentos na história, em muitos desses a
preocupação era somente de alfabetizar, ou seja, que as pessoas soubessem ler.
Mas muitas vezes a utilização dessa escrita e leitura não tem um objetivo social e as
pessoas não conseguem criar textos de maneira natural ou se expressar através
deles.
Com o passar do tempo a escola, a comunidade e os professores acabaram
percebendo a necessidade de além de serem alfabetizadas, as pessoas precisam ser
letradas, ou seja, incluídas no mundo da escrita e leitura, fazer parte de forma que
entende e interaja com os textos lidos, produza seus próprios textos quando
necessários ou quiser fazê-lo.
Atuando em sala de aula e percebendo as atuações dos professores hoje na
escola em que trabalho percebo uma grande dedicação em alfabetizar letrando,
objetivando que os alunos saibam ler e escrever e também consigam ler e interagir
com o mundo de maneira letrada.
Atividade de Conclusão IV

 Atividade de conclusão de estudos complementares:

1- https://www.diferenca.com/alfabetizacao-e-letramento/
2- https://portal.fslf.edu.br/wp-content/uploads/2016/12/tcc3-6.pdf
3- https://www.scielo.br/j/rbedu/a/89tX3SGw5G4dNWdHRkRxrZk/?
lang=pt&format=pdf
4- https://www.iessa.edu.br/revista/index.php/fsr/article/view/567#:~:text=A
%20alfabetiza%C3%A7%C3%A3o%20%C3%A9%20a%20base,sociais
%20podendo%20produzir%20g%C3%AAneros%20textuais.
5- https://www.sed.sc.gov.br/principais-consultas/legislacao
6- https://periodicos.udesc.br/index.php/colbeduca/article/view/10751
7- http://200.19.215.106/secretaria/noticias/6888-ascom-sed
8- http://basenacionalcomum.mec.gov.br/
9- https://educere.bruc.com.br/arquivo/pdf2017/26828_13892.pdf
10- https://www.redalyc.org/journal/894/89457077016/html/
Cursos Registrados pela Agência de Capacitação Educacional – CNPJ
08.882.692/0001-50 - Regulamentado de acordo com o Decreto Presidencial Nº
5.154,de 23 de julho de 2004, Art 1º e 3º e Lei Nº 9.394/96 (Lei de Diretrizes e
Bases da Educação Nacional)

DE C L A R A Ç Ã O

Declaro para os devidos fins que eu: Juliane Lourenço RG nº 5437600


CPF:08345762956 participei na elaboração do trabalho do curso abaixo relacionado:

Alfabetização e letramento na sala de aula–com a carga horária 200 h/a.


Dedicando tempo para o estudo e a elaboração do mesmo, tornando isso minha
responsabilidade quanto à autenticidade dos trabalhos, e não cabendo a ACAPED a
responsabilidade de plágio/ cópia ou afins.

Atenciosamente,

(Assinatura do Cursista)

, / /2021.

Você também pode gostar