Você está na página 1de 2

PECULIARIDADES CONSTITUTIVAS DO ENUNCIADO

1ª ALTERNÂNCIA DOS SUJEITOS

2º CONCLUSIBILIDADE

Exauribilidade semântico-objetal

Projeto de discurso ou vontade do falante

Formas típicas da composição do acabamento do gênero

3º RELAÇÃO DO ENUNCIADO COM O PRÓPRIO FALANTE

2º CONCLUSIBILIDADE

Exauribilidade semântico-objetal

 É a padronização de cada campo de comunicação discursiva

Projeto de discurso ou vontade do falante

 Cabe ao falante/autor determinar a totalidade do enunciado

Formas típicas da composição do acabamento do gênero

 É a escolha por certos gêneros que acontece a partir dos seguintes elementos:
1) Campo de comunicação
2) Considerações semântico-objetais
3) Situação concreta da comunicação discursiva
4) Composição pessoal dos seus participantes
 Comunica-nos por meio de enunciados. Assim como o domínio da língua materna,
dominamos os gêneros, mas não a teorização/a normatização deles. Exemplo: o
meme.

3º RELAÇÃO DO ENUNCIADO COM O PRÓPRIO FALANTE

1º é determinado antes de tudo pelo conteúdo semântico-objetal, ou seja, a escolha dos


meios linguísticos e dos gêneros é centrada no objeto e no sentido que o auto/sujeito do
discurso quer.

2º é o elemento expressivo, isto é, a relação subjetiva emocionalmente valorativa do falante


com o conteúdo do objeto e do sentido do seu enunciado.

Esse aspecto está estreitamente ligado à construção do estilo individual do enunciado.

Entonação expressiva

É um fator constitutivo importante do enunciado.

Possui um vínculo estreito com o extraverbal.


Nem todo mundo que domina as normas/ a língua domina, na prática, as formas dos gêneros
desse campo. Exemplo: palestra x fofoca

“Quanto mais dominamos os gêneros, maior é a desenvoltura com os que empregamos e mais
plena e nitidamente descobrimos neles a nossa individualidade (onde isso é possível e
necessário), refletimos de modo mais flexível e sutil a situação singular da comunicação – em
suma, tanto mais plena é a forma com o que realizamos o nosso livre projeto de discurso”.

Enunciado x oração