Você está na página 1de 3

Física I para Oceanografia

2o Semestre de 2011
Lista de Exercícios 4
Conservação do Momento e Colisões.
1) Um corpo de massa m=8,0 kg desloca-se ao longo de uma reta, com velocidade de magnitude v=2,0 m/s,
livre da influência de forças externas. Uma explosão ocorre em certo instante e o corpo se divide em dois
fragmentos iguais. Com a explosão, uma energia cinética de translação, T=16 J, é comunicada ao
sistema formado pelos dois fragmentos. Sabe-se que nenhum dos dois fragmentos deixa a linha do
movimento original. Nestas condições determine
a) a energia cinética inicial Ti do sistema.
b) a energia cinética final Tf do sistema.
c) a velocidade e o sentido de movimento de cada fragmento depois da explosão.

2) Uma esfera de massa m e raio R é colocada no interior de uma esfera maior de mesma massa e raio 2R. O
sistema está inicialmente em repouso sobre uma superfície sem atrito na posição mostrada abaixo.

2R m
. .
R

A esfera menor é solta, gira no interior da esfera maior e, devido a forças internas dissipativas, atinge a
posição de equilíbrio no fundo da esfera maior. Qual distância a esfera maior percorre neste processo?

3) Um homem de massa m=80 kg está parado na extremidade de uma balsa de massa M=400 kg e
comprimento l=18 m. A balsa está se movendo sobre a superfície de um lago de águas tranqüilas,
praticamente sem atrito, com velocidade de magnitude vAB=4,0 m/s em relação à água. O homem resolve
andar até a outra extremidade, no mesmo sentido do deslocamento da balsa, com velocidade de
magnitude vh=2,0 m/s em relação à balsa. Determine a distância d que a balsa percorre até o homem
chegar na outra extremidade?

4) Duas barcaças longas estão flutuando paralelamente, no mesmo sentido, em águas paradas, com
velocidades de magnitude v1=10 km/h e v2=20 km/h, respectivamente. Enquanto uma delas passa pela
outra, certa quantidade de carvão é lançada da barcaça mais lenta para a mais veloz, à razão de 1000
kg/min. Supondo que o arremesso do carvão seja sempre feito perpendicularmente às barcaças e que a
força de atrito entre elas e a água não dependam de seus pesos, determine as forças adicionais F1 e F2 que
devem ser produzidas pelos motores de cada barcaça, para que suas velocidades não se alterem durante o
lançamento de carvão

5) Um bloco de massa m1=2,0 kg desliza sem atrito ao longo de uma mesa horizontal com velocidade

v1i  10i m/s. Na frente dele, se movendo na mesma direção está um bloco de massa m2=5,0 kg com

velocidade v2i  3i . Uma mola de massa desprezível e constante elástica k=1,12x103 N/m é presa à parte
posterior do bloco de massa m2, como mostra a figura abaixo. Supondo que a mola não envergue e que
obedeça sempre a Lei de Hook determine a máxima compressão s da mola.

v2i

v1i

m2
m1

6) Um bloco que se desloca sobre uma mesa horizontal sem atrito, com velocidade v1i  3i , colide
elasticamente com outro bloco idêntico, que está inicialmente em repouso. Depois do choque o primeiro
bloco se desloca em uma direção que forma um ângulo de =30o com a direção inicial de seu movimento,
conforme figura abaixo.
a) Determine as velocidades finais, v1 f e v2 f dos blocos.
b) Determine o ângulo .


y y v1 f


v1i
) 30o
x )  x
v2 f

ANTES DEPOIS

Resposta dos problemas propostos

1) a)Ti=16 J.
b) Tf=32 J.

c) v1=0 e v2=4 m/s (na direção e sentido de v ) .

2) A esfera maior se desloca R/2 à esquerda.

3) d=33 m.

4) F1=-46,3 N e F2=92,6 N.

5) s=0,25 m
 3 3  3
6) a) v1 f  m / s e v2 f  m / s.
2 2
b) =60o

7) Considere uma colisão perfeitamente inelástica de dois corpos de mesma massa. (a) A perda de energia
cinética é maior se os dois corpos se movem em sentidos opostos, cada um com velocidade v/2 ou se um
dos dois corpos está inicialmente em repouso e o outro tem uma rapidez v? (b) Em qual destas situações a
perda porcentual de energia cinética é maior?

8) Voce chuta uma bola de 0,43 kg de massa. A bola abandona seu pé com uma rapidez inicial de 25 m/s.
(a) Qual é a magnitude do impulso associado à força do seu pé sobre a bola? (b) Se seu pé mantém
contato com a bola durante 8,0 ms, qual é a magnitude da força média exercida pelo seu pé sobre a bola?

9) Um corpo de massa 5,0 kg, com rapidez de 4,0 m/s, colide frontalmente com outro corpo, de 10,0 kg, que
se move de encontro a ele com 3,0 m/s. O corpo de 10,0 kg fica parado após a colisão. (a) Qual é a
rapidez do corpo de 5,0 kg após a colisão? (b) A colisão é elástica?
10) Uma bala de 16 g é atirada contra um pêndulo balístico de 1,5 kg. Quando o pêndulo está em sua altura
máxima, os fios formam um ângulo de 60° com a vertical. Os fios têm 2,3 m de comprimento. Determine
a velocidade da bala antes do impacto.

11) Um disco de 0,5 kg de massa movendo-se a 2,0 m/s, se aproxima de um disco idêntico, estacionário
sobre o gelo, sem atrito. Após a colisão, o primeiro disco emerge com uma rapidez v1, formando um
ângulo de 30° com sua orientação original; o segundo disco emerge com uma rapidez v 2, a 60°. (a)
Calcule v1 e v2. (b) A colisão foi elástica?

12) A figura ao lado mostra o resultado de uma colisão entre


dois corpos de massas diferentes. (a) Determine a rapidez v2
da massa maior após a colisão. (b) Encontre o ângulo θ2. (c)
Mostre que a colisão é elástica.

13) Uma bola de aço de 1,0 kg e uma corda de 2,0 m formam um


pêndulo simples, como na figura ao lado. Este pêndulo é largado
do repouso a partir da posição horizontal e quando a bola está em
sua posição mais baixa, ela colide com um bloco de 1,0 kg que
está em repouso sobre uma prateleira. Suponha a colisão
perfeitamente elástica e que o atrito cinético entre o bloco e a
prateleira vale 0,10. (a) Qual é a velocidade do bloco logo após o
impacto? (b) Até que distância o bloco escorrega antes de parar?

14) Um foguete queima combustível a uma taxa de 200 kg/s e a rapidez da exaustão dos gases é de 6,0 km/s,
em relação ao foguete. Determine a magnitude da força que este motor é capaz de aplicar para acelerar o
foguete.

Você também pode gostar