Você está na página 1de 34

Segunda-feira, 11 de Fevereiro de 2019 III SÉRIE —

­ Número 28

SUMÁRIO Cimento Nacional, Limitada.


Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos: PRODEC – Sociedade Unipessoal, Limitada.
Despacho. Barra Bries, Limitada.
Governo da Província da Zambézia: Sociedade Turística Motel Benguerrua, Limitada.
Direcção Provincial dos Recursos Minerais e Energia: Blue R, Limitada.
Aviso. S.N.S Computer – Sociedade Unipessoal, Limitada.
S - Clou Mocambique.
Conselho Municipal da Cidade de Maputo:
Assembleia Municipal de Maputo.
Resolução.
Anúncios Judiciais e Outros:
Flow – Arte Comunicação & Imagem – Sociedade Unipessoal, MINISTÉRIO DA JUSTIÇA, ASSUNTOS
Limitada.
CONSTITUCIONAIS E RELIGIOSOS
SD Engenharia e Serviços, Limitada.
SD Furos, Limitada. Despacho

Mimadede – Sociedade Unipessoal, Limitada. Um grupo de cidadãos requereu ao Ministro da Justiça, Assuntos
Amana Logístics Services, S.A. Constitucionais e Religiosos, o reconhecimento da Associação Voice 4
The Ocean, como pessoa jurídica, juntando ao pedido estatutos da sua
Luís Morais, Advogados – Sociedade Unipessoal, Limitada.
constituição.
Sheila Ferragem, Limitada. Apreciado o processo, verifica-se que se trata de uma associação que
Plural Consulting – Sociedade Unipessoal, Limitada. prossegue fins lícitos, determinados e legalmente possíveis, cujo acto de
Giny Investimentos & Serviços, Limitada. constituição e os estatutos da mesma cumprem o escopo e os requisitos
por lei, portanto, nada obsta o seu reconhecimento.
On Time Investment – Sociedade Unipessoal, Limitada.
Nestes termos, ao abrigo do disposto no n.º 1 do artigo 5 da Lei n.º
Art Exata, Limitada. 8/91, de 18 de Julho, conjugado com o artigo 1 do Decreto n.º 21/91,
Owani Minerais, Limitada. de 3 de Outubro, vai reconhecida como pessoa Jurídica a Associação
Pitcha, Limitada. Voice 4 The Ocean.
Mogul Tecnologias, Limitada. Ministério da Justiça, Assuntos Constitucionais e Religiosos,
em Maputo, 21 de Novembro de 2018. — O Ministro, Joaquim Veríssimo.
Wamad Company, Limitada.
Malhori Healthcare, Limitada.
Safe Planet Service, Limitada.
MFM Consulting, Sociedade Unipessoal, Limitada. Governo da Província da Zambézia
EPG Consulting – Sociedade Unipessoal, Limitada. Direcção Provincial dos Recursos Minerais e Energia
Centro Infantil My Childhood Academy – Sociedade Unipessoal,
AVISO
Limitada.
Lianfeng Africa Agriculture Development Company, Limitada. Em cumprimento do disposto no artigo 26 do Regulamento da Lei
de Minas, aprovado pelo Decreto n.º 31/2015, de 31 de Dezembro,
J E P – African Company Services, Limitada.
publicado no Boletim da República, n.º 104, I.ª série, Suplemento, faz-se
Grão a Grão Consultoria e Prestação de Serviços - Sociedade saber que por despacho do Senhor Governador da Província do dia 17
Unipessoal, Limitada. de Novembro de 2018, foi atribuído a favor de Ever Best Construções
Mila’s Transportes – Sociedade Unipessoal, Limitada. Lda,o Certificado Mineiro n.º 9232CM, válido até 8 de Novembro de
Nacala Agro Processing, Limitada. 2028, para pedra de construção, no distrito de Mocuba na província de
Zambézia com as seguintes coordenadas geográficas:
Moz Still, Limitada.
Vértice Latitude Longitude
D´Avozinha, Limitada.
1 - 17º 08' 10,00'' 36º 57' 30,00''
Furos de Água, Limitada.
2 - 17º 08' 10,00'' 36º 57' 50,00''
Agência de Desenvolvimento e Empreendedorismo (ADE), Limitada 3 - 17º 08' 30,00'' 36º 57' 50,00''
Offspring Intellectus, Limitada. 4 - 17º 08' 30,00'' 36º 57' 30,00''
MCG Serviços, Limitada. Governo da Província da Zambézia, em Quelimane, 11 de Dezembro
Cimento Nacional, Limitada. de 2018. — O Director-Provincial, Almeida Manhiça.
772 III SÉRIE — NÚMERO 28

Conselho Municipal da Cidade de Maputo Anexo que faz referência o artigo 41.
Designação Taxas a pagar
Resolução n.º 28/AM/2015
1...
De 19 de Fevereiro 2...
Havendo necessidade de se inserir correções à tabela anexa ao 3...
artigo quadragésimo primeiro, da postura de publicidade, a Assembleia 4...
Municipal de Maputo, no uso das competências que lhe são atribuídas 5. Faixa 3036.00MT/unidade por 10 dias
pela alínea a), do n.º 3, do artigo quadragésimo quinto, da Lei n.º 2/97, 6...
de 18 de Fevereiro, delibera: 7...
ARTIGO PRIMEIRO 8...
9...
Aprovar a correção do anexo ao artigo 41 da Resolução
10...
n.º 11/AM/2014 de 20 de Agosto, que faz parte integrante da presente
11...
Resolução.
12...
ARTIGO SEGUNDO 13...
A presente Resolução entra imediatamente em vigor após a sua 14...
afixação. Observação: Sempre que a publicidade inclua álcool, os valores das
Maputo, 19 de Fevereiro de 2015. — O Presidente da Assembleia taxas devem ser agravados em 50%.
Municipal, Edgar Vasco Muxlhanga. Maputo, 19 de Fevereiro de 2015.

ANÚNCIOS JUDICIAIS E OUTROS

SD Engenharia e Serviços, sociedade SD Furos, Limitada, com sede nesta foi deliberada a alteração do objecto para
integrar as áreas de construção civil e compra
Limitada cidade de Maputo, matriculada sob o NUEL
e venda de material gráfico, de escritório e de
100847086, deliberaram o aumento do seu
Certifico, para efeitos de publicação, papelaria.
capital social e, consequentemente, a alteração
que por acta de dez de Julho de dois mil Em consequência da deliberação feita, é
parcial dos estatutos no seu artigo quarto, o qual
e dezoito, da sociedade SD Engenharia e alterada a redacção do número um, do artigo
passa a ter a seguinte nova redacção:
Serviços, Limitada, com sede nesta cidade de terceiro, dos estatutos, passando a ter a seguinte
Maputo, matriculada sob o NUEL 100058979, .......................................................................... nova redacção:
deliberaram o aumento do seu capital social,
e consequentemente alteração parcial dos ARTIGO QUARTO ...........................................................................
estatutos no seu artigo quarto, o qual passa a
(Capital social) ARTIGO TERCEIRO
ter a seguinte nova redacção:
O capital social, integralmente subscrito (Objecto)
.......................................................................... e realizado em dinheiro, é de um milhão e
Um) A sociedade tem por objecto social a
quinhentos mil meticais, correspondente à
ARTIGO QUARTO prestação de serviços nas áreas de:
soma de duas quotas iguais, de valor nominal
(Capital social) de setecentos e cinquenta mil meticais, a) Comércio geral;
b) Importação e exportação;
O capital social, integralmente subscrito equivalente a cinquenta por cento do capital
c) Agro-pecuária, incluindo agro-
e realizado em dinheiro, é de um milhão e cada, pertencente aos sócios Sílvio Romeu
processamento;
quinhentos mil meticais, correspondente à Francisco Nurmahomed e Denise Marina Walter
d) Construção civil;
soma de duas quotas iguais, de valor nominal Mucambe Nurmahomed, respectivamente.
e) Compra e venda de material gráfico, de
de setecentos e cinquenta mil meticais, Maputo, 24 de Janeiro de 2019. — escritórios e de papelaria;
equivalente a cinquenta por cento do capital O Técnico, Ilegível. f) Outros serviços de natureza acessória
cada, pertencente aos sócios Sílvio Romeu e conexa.
Francisco Nurmahomed e Denise Marina Walter Maputo, 24 de Janeiro de 2019. —
Mucambe Nurmahomed, respectivamente. O Técnico, Ilegível.
Maputo, 19 de Setembro de 2018. — Mimadede — Sociedade
O Técnico, Ilegível.
Unipessoal, Limitada
Certifico, para efeitos de publicação, que,
por acta de vinte e dois de Janeiro de dois mil e Amana Logístics Services,
SD Furos, Limitada dezanove, da sociedade Mimadede, Sociedade S.A.
Unipessoal, Limitada, com sede nesta cidade
Certifico, para efeitos de publicação, que, por de Maputo, com o capital social de dez mil Certifico, para efeitos de publicação, que,
acta de dez de Janeiro de dois mil e dezanove, da meticais, matriculada sob o NUEL 100648377, no dia vinte e dois de Janeiro de dois mil e
11 DE FEVEREIRO DE 2019 773

dezanove, foi matriculada na Conservatória do h) Assessoria e consultoria no domínio Três) Os títulos de acções, bem como
Registo das Entidades Legais de Maputo, sob do comércio internacional; quaisquer outras alterações que neles sejam
o NUEL 101097285, uma sociedade comercial i) Prestação de serviços de desembaraço introduzidas, serão sempre assinadas por um
denominada Amana Logistics Services, S.A., aduaneiro de mercadorias administrador, e neles será aposto o respectivo
que se regerá de acordo com os seguintes e de quaisquer outros serviços carimbo de sociedade.
estatutos: complementares; Quatro) Em caso de perda ou destruição de
j) Prestação de serviços de agentes qualquer título, o novo título só será emitido
CAPÍTULO I transitários; nos termos e condições que forem definidos
Da denominação social, sede, duração k) Agenciamento de navios e mercadorias pela administração.
e objecto em trânsito;
l) Prestação de serviços de estiva e ARTIGO SÉTIMO
ARTIGO PRIMEIRO provimento de restantes serviços (Transmissão de acções)
(Denominação e sede) conexos ou complementares;
m) Agenciamento e representação de Um) Na transmissão de acções, os accionistas
Um) A sociedade adopta a denominação marcas nacionais e estrangeiras; em primeiro ligar e a Sociedade de seguida,
de Amana Logistics Services, S.A., e é n) Peritagem e superintendência; terão sempre o direito de preferência.
uma sociedade anónima de responsabilidade o) Comércio a grosso e a retalho de Dois) Para efeitos do número anterior, os
limitada. mercadorias; accionistas que desejem transmitir as suas
Dois) A sociedade tem a sua sede na Avenida p) Importação e exportação de acções devem comunicar ao Conselho de
da Marginal, Glória Hotel Affec, loja número mercadorias. Administração, por carta registada, os elementos
dezanove, cidade de Maputo, podendo, por Dois) A sociedade poderá exercer outras essenciais do negócio, designadamente:
deliberação da administração, transferir a sua actividades comerciais como as relacionadas
sede para qualquer outro ponto do país. a) O número de acções que pretende
com os seus objectos principais, ou poderá
Três) Por meio de deliberação da associar-se ou participar no capital social de ceder;
administração, a sociedade poderá abrir outras sociedades, desde que estas transacções b) O preço pretendido ou o valor atribuído
sucursais, filiais, agências ou quaisquer outras sejam legalmente permitidas. e as condições;
formas de representação em qualquer outro local Três) A Sociedade poderá também exercer c) A identidade da pessoa que pretende
do país ou no estrangeiro. qualquer outra actividade, sempre que a adquirir as acções.
Assembleia Geral assim o deliberar e após Três) No prazo de dez dias contados a partir
ARTIGO SEGUNDO da data do recebimento da comunicação, o
obtida a necessária autorização da entidade
(Duração) competente. Conselho de Administração deve enviar uma
cópia da mesma a todos os accionistas, para a
A sociedade é constituída por tempo CAPÍTULO II morada constante dos registos na Sociedade,
indeterminado, contando-se o seu início a partir
perguntando-se-lhes se desejam adquirir a
da data do competente registo. Do capital social
totalidade ou uma parte da acção oferecidas
ARTIGO TERCEIRO ARTIGO QUARTO e se estão de acordo com o preço e condições
(Capital social) da oferta.
(Objecto) Quatro) No prazo de cinco dias contados da
O capital social, integralmente realizado em recepção da comunicação, os accionistas que
Um) A sociedade tem por objecto as dinheiro, é de cento e cinquenta mil meticais, pretendem exercer o direito de preferência,
seguintes actividades: representado por cento e cinquenta acções, no comunicarão esse facto ao Conselho de
a) Prestação de serviços de logística, valor nominal de mil meticais cada uma. Administração. No caso de existirem vários
incluindo carregamento
accionistas interessados em adquirir as acções
e descarregamento, manuseamento ARTIGO QUINTO
oferecidas, serão transferidas para os mesmos,
e armazenamento de cargas; (Aumento do capital social) proporcionalmente ao número de acções que
b) Transporte rodoviário, ferroviário,
possuam.
aéreo e marítimo de cargas; O capital social poderá ser aumentado uma
Cinco) Decorrido que seja o prazo de vinte
c) Prestação de serviços especializados ou mais vezes, mediante novas entradas, por
dias sobre o envio da comunicação referida no
de gestão e operação de cargas incorporação de reservas ou transformação de
número três do presente artigo, o Conselho de
e equipamentos; dívidas em capital, através da emissão de novas
Administração informará o alienante, no prazo
d) Gestão e exploração de terminais de acções, aumento do respectivo valor nominal
de três dias do término do prazo anterior, por
cargas, rodoviário, ferroviário, ou conversão de obrigações em acções, bem
escrito, da identidade dos accionistas que
aéreo e marítimos dentro e fora do como por qualquer outra modalidade ou forma
pretendem exercer o direito de preferência, do
território nacional; legalmente permitida, mediante deliberação da
número de acções que eles pretendem adquirir e
e) Gestão e exploração de armazéns em Assembleia Geral.
regime aduaneiro, incluindo os do prazo para a conclusão da transacção, que não
produtos petrolíferos; ARTIGO SEXTO pode ser superior a sete dias, contados a partir da
f) Aluguer e gestão de frotas para data em que o alienante tomar conhecimento da
(Acções)
transporte nacional, regional comunicação que lhe é dirigida pelo Conselho
e internacional; Um) As acções serão nominativas ou ao de Administração. No referido prazo, o
g) Assessoria, consultoria portador. alienante deverá proceder à entrega dos títulos
e assistência técnica em matérias Dois) As acções poderão ser representadas ao Conselho de Administração, procedendo
de manuseamento de cargas por títulos de uma, cinco, dez, cinquenta, este à entrega daqueles títulos ao Conselho de
e transporte rodoviário, ferroviário, cem, mil e dez mil acções, a todo o tempo Administração, que por sua vez fará a entrega
aéreo e marítimo; substituíveis por agrupamento ou subdivisão. dos mesmos aos accionistas adquirentes.
774 III SÉRIE — NÚMERO 28

Seis) No caso de os accionistas não Três) As acções próprias não conferem ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
exercerem o direito de preferência nos termos direito a voto, dividendo ou preferência,
(Suprimentos)
e prazo estabelecidos nos números anteriores, nem têm qualquer direito social, excepto
a Sociedade, se o pretender, poderá adquirir as o de participar em aumentos de capital por Os sócios poderão assim fazer à sociedade
acções contra o pagamento do respectivo preço, incorporação de reservas, se a Assembleia Geral os suprimentos de que ela carecer nos termos
no prazo de quinze dias contados a partir do não deliberar o contrário. que forem definidos pela Assembleia Geral que
término do prazo de vinte dias, mencionado no Quatro) A sociedade poderá praticar com fixará os juros, as condições de reembolso e
número cinco do presente artigo. as acções próprias todas e quaisquer operações outras matérias julgadas necessárias.
Sete) No caso de a sociedade não exercer em direito permitidas, nomeadamente, onerá-las
CAPÍTULO III
o direito de preferência nos termos e prazo ou aliená-las, mediante simples deliberação da
estabelecidos no número seis do presente artigo, Assembleia Geral. Dos órgãos sociais
as acções poderão ser livremente vendidas a Cinco) A deliberação de alienação deve
ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO
terceiro, desde que: conter o número de acções a alienar; o preço
a) A transmissão seja efectuada pelo pretendido ou o valor atribuído e as condições; (Órgãos sociais)
mesmo preço e nos mesmos termos e a identidade da pessoa que pretende adquirir
São órgãos sociais da sociedade os seguintes:
e condições constantes de venda as acções.
Seis) No relatório anual da administração, a) A Assembleia Geral;
que haja sido apresentada pelo sócio
devem ser indicados o número de acções b) O Conselho de Administração; e
transmitente;
próprias adquiridas e alienadas durante o c) O Fiscal Único.
b) O terceiro adquirente das acções
aceita ficar vinculado ao acordo exercício, bem como os respectivos motivos SECÇÃO I
parassocial e/ou qualquer outro e condições, e o número de acções próprias
Da Assembleia Geral
documento relacionado com a detidas no final do exercício.
sociedade em que o sócio ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO
transmitente seja parte; ARTIGO NONO
(Assembleia Geral)
c) O terceiro adquirente das acções (Obrigações)
aceite adquirir todas as acções que A Assembleia Geral é o órgão supremo da
lhe sejam oferecidas pelo sócio Um) A sociedade poderá, nos termos da lei sociedade, constituída pela totalidade dos sócios
transmitente. e mediante deliberação da Assembleia Geral, em pleno gozo dos seus direitos, sendo as suas
Oito) Serão inoponíveis à sociedade, emitir obrigações nominativas ou ao portador. deliberações, quando tomadas nos termos legais
aos demais accionistas e a terceiros todos e Dois) Os títulos representativos de e estatutários, vinculativas para todos os sócios
quaisquer eventuais direitos decorrentes das obrigações, bem como quaisquer alterações e restantes órgãos da sociedade.
transmissões efectuadas sem observância do que neles sejam introduzidas, serão sempre
disposto nos números anteriores do presente assinados por um administrador, e neles será ARTIGO DÉCIMO QUARTO
artigo. aposto o respectivo carimbo da sociedade. (Competências)
Nove) Para o efeito do disposto no número Três) Por deliberação da Assembleia Geral,
oito do presente artigo, o Conselho de Compete à Assembleia Geral deliberar sobre
a Sociedade poderá adquirir obrigações próprias
Administração deverá abster-se de proceder ao as seguintes matérias:
nos termos em que pode adquirir acções
registo de tais transmissões no livro de registo próprias. a) O relatório de gestão e as contas do
de acções da sociedade. Quatro) Enquanto as obrigações pertencerem exercício, incluindo o balanço
Dez) Em circunstância alguma, terceiros e o mapa de demonstração de
à Sociedade, consideram-se suspensos os
poderão adquirir ou deter acções que excedam, resultados, bem como o parecer
respectivos direitos.
individualmente ou em conjunto, o limite de do Fiscal Único sobre as mesmas
Cinco) A sociedade poderá praticar com as
quarenta por cento do capital social que se achar e deliberar sobre a aplicação dos
obrigações próprias todas e quaisquer operações
subscrito ou realizado na altura. resultados do exercício;
em direito permitidas, nomeadamente, onerá-las
Onze) Para efeitos do estabelecido no b) A eleição do Presidente da Assembleia
ou aliená-las, mediante simples deliberação da
número anterior, consideram-se terceiros, Geral;
futuros accionistas que na data da deliberação da Assembleia Geral.
c) A designação e destituição dos membros
Assembleia Geral relativa à sua transformação, Seis) As obrigações emitidas pela sociedade
do Conselho de Administração;
de sociedade por quotas em sociedade anónima, poderão ser colocadas em qualquer mercado d) A designação e destituição do Fiscal
não eram titulares ou detentores de qualquer nacional ou estrangeiro serem expressivas e Único;
participação social na sociedade. reembolsáveis nas várias moedas com curso e) As remunerações dos membros dos
legal no território a que se destinam, sem órgãos sociais;
ARTIGO OITAVO prejuízo do disposto na lei. f) A propositura e a desistência de
(Acções próprias) quaisquer acções contra os membros
ARTIGO DÉCIMO
dos órgãos sociais;
Um) A sociedade poderá adquirir acções (Prestações suplementares) g) A fusão, cisão, transformação,
próprias desde que integralmente realizadas, dissolução e liquidação da
excepto se a aquisição resultar da falta de Podem ser exigidas aos sócios prestações sociedade;
realização de acções pelos seus subscritores. suplementares de capital até ao montante do h) A nomeação dos liquidatários;
Dois) A aquisição de acções próprias capital social em cada momento, mediante i) O aumento, reintegração ou redução do
depende de deliberação da Assembleia Geral, deliberação e nos termos definidos pela capital social;
e da qual deve constar o número de acções a Assembleia Geral, ficando todos os sócios j) A celebração de quaisquer tipos de
adquirir, o prazo da aquisição, a identificação obrigados na proporção das respectivas contratos entre a sociedade e os
dos vendedores e a contrapartida da aquisição. participações no capital social. sócios;
11 DE FEVEREIRO DE 2019 775

k) A celebração de quaisquer tipos de constituída a Assembleia Geral sem observância convocação, quando estejam presentes ou
contratos entre a sociedade e os das formalidades prévias ali estabelecidas, representados sócios que representem, pelo
administradores; desde que estejam presentes ou representados menos, cinquenta e um por cento do capital
l) A celebração de quaisquer tipos de todos os sócios e os mesmos manifestem social, salvo o disposto nos números quatro e
contratos entre a sociedade e o a vontade de que a Assembleia constitua e cinco do presente artigo.
Fiscal Único; delibere sobre os assuntos apreciados, sem Dois) Em segunda convocação a Assembleia
m) A aquisição, oneração ou alienação prejuízo do disposto na lei. Geral pode constituir-se e deliberar validamente,
de bens móveis sujeitos a registo, Três) As assembleias gerais serão seja qual for o número de sócios presentes ou
imóveis ou participações sociais; convocadas pelo seu Presidente, a pedido do representados, salvo o disposto nos números
n) O trespasse de estabelecimentos Presidente do Conselho de Administração, de quatro e cinco do presente artigo.
comerciais; dois Administradores, do Fiscal Único, ou de
Três) As deliberações da Assembleia Geral
o) A participação no capital social de qualquer acionista ou quaisquer accionistas,
serão tomadas por maioria simples dos votos
outras sociedades; desde que este(s) represente(m), pelo menos,
expressos na reunião da assembleia, excepto
p) A contracção de empréstimos ou dez por cento do capital social.
quando a lei ou o presente contrato dispuserem
financiamentos;
ARTIGO DÉCIMO NONO de modo diverso.
q) As garantias a prestar pela sociedade,
nomeadamente, hipotecas, Quatro) Excepcionalmente, as deliberações
(Reunião)
penhoras, fianças ou avales; da Assembleia Geral serão tomadas por
r) Os termos e as condições da realização Um) As assembleias gerais dos sócios são maioria qualificada, representativa de, pelo
das prestações suplementares; ordinárias ou extraordinárias. menos, setenta e cinco por cento do capital
s) Os termos e as condições da concessão Dois) A Assembleia Geral ordinária reúne- social, quando se trate de deliberações sobre as
de suprimentos; se, pelo menos, uma vez em cada ano nos seguintes matérias:
t) A realização de auditorias externas; primeiros três meses depois do findo do
a) Fusão, cisão, transformação, dissolução
u) Aconstituição de reservas convenientes exercício anterior e deverá tratar das seguintes
e liquidação da sociedade;
à prossecução dos fins sociais; matérias:
b) Aumento, reintegração ou redução do
v) Quaisquer outras alterações aos a) Discutir, aprovar ou modificar o capital social;
presentes estatutos; relatório de gestão, as contas do
c) Consentimento sobre à aquisição e
w) Quaisquer outros assuntos de interesse exercício, incluindo o balanço
transmissão de acções e obrigações
para a sociedade, nos termos dos e o mapa de demonstração de
próprias;
presentes estatutos da lei e dos resultados, e o relatório e parecer
d) Aprovação dos termos e condições
regulamentos. do Fiscal Único sobre a aplicação
da realização das prestações
dos resultados do exercício;
ARTIGO DÉCIMO QUINTO b) Substituição dos membros do suplementares;
Conselho de Administração que e) Contracção de empréstimos ou
(Mesa da Assembleia Geral)
hajam terminado o seu mandato; financiamentos.
A Mesa da Assembleia Geral é constituída c) Tratar de qualquer outro assunto para Cinco) Serão ainda tomadas por maioria
por um Presidente e um Secretário, dentre os que tenha sido convocada. qualificada, sempre que a lei assim o exija.
accionistas. Três) A Assembleia Geral extraordinária
SECÇÃO II
reúne-se sempre que para o efeito for convocada.
ARTIGO DÉCIMO SEXTO
Da administração
(Duração do mandato) ARTIGO VIGÉSIMO
(Local da reunião e acta) ARTIGO VIGÉSIMO TERCEIRO
O Presidente da Mesa da Assembleia Geral
é eleito por um período de três anos, sendo Um) As assembleias gerais da sociedade (Administração)
permitida a sua reeleição, uma ou mais vezes. reunir-se-ão na sede social. Um) A administração da sociedade é
Dois) Por motivos especiais devidamente
ARTIGO DÉCIMO SÉTIMO exercida por um Conselho de Administração,
justificados, o Presidente da Mesa da
composto por três membros, sendo um o
(Remuneração) Assembleia Geral pode fixar um local diverso
do estabelecido no número anterior, o qual Presidente e os restantes administradores.
A remuneração do Presidente da Mesa da será indicado no anúncio convocatório da Dois) O Conselho de Administração tem
Assembleia Geral é fixada pela Assembleia Assembleia Geral. um mandato de três anos renováveis, e é eleito
Geral. Três) De cada reunião da Assembleia Geral pela Assembleia Geral, que designará também
deverá ser lavrada uma acta no respectivo livro, o seu Presidente.
ARTIGO DÉCIMO OITAVO a qual será assinada pelo presidente da mesa e Três) Os administradores poderão não ser
(Convocação) pelo secretário. accionistas da sociedade, devendo, nesse caso,
ser pessoas singulares com capacidade jurídica
Um) As assembleias gerais são convocadas ARTIGO VIGÉSIMO PRIMEIRO
por meio de anúncios publicados no Boletim plena.
(Direito de voto) Q ua tro) O s me mbros do ór gão de
da República e num dos jornais mais lidos
da região onde se situa a sede da sociedade, A cada acção corresponde um voto. Administração ficam dispensados de prestar
com trinta dias seguidos de antecedência, pelo caução, excepto se esta lhes vier a ser fixada
menos, devendo indicar o local, o dia e hora a ARTIGO VIGÉSIMO SEGUNDO em Assembleia Geral.
que se realizará a reunião, bem como a ordem (Quórum deliberativo)
Cinco) O exercício do cargo de Administrador
de trabalhos com clareza e precisão. poderá ser remunerado ou não mediante
Dois) Não obstante o disposto no número Um) A Assembleia Geral só se pode deliberação da Assembleia Geral, a quem cabe
anterior, poder-se-á dar por validamente constituir e deliberar validamente em primeira também fixar o montante.
776 III SÉRIE — NÚMERO 28

ARTIGO VIGÉSIMO QUARTO r) Assinar a correspondência ou demais ou representados, cabendo a cada administrador
documentos de mero expediente; um voto.
(Competências)
s) Admitir e despedir trabalhadores, fixar
remunerações e exercer o poder ARTIGO VIGÉSIMO SÉTIMO
Um) Compete ao Conselho de Administração:
disciplinar; (Local da reunião e acta)
a) Gerir e administrar todos os negócios
t) Constituir mandatários, incluindo
da sociedade, realizando todas as De cada reunião é lavrada acta no livro
mandatários judiciais;
operações que constituem o seu respectivo, assinada por todos os administradores
u) Elaborar o relatório de gestão, as
comércio; que nela tenham participado.
contas do exercício, incluindo o
b) Representar a sociedade em juízo
balanço e o mapa de demonstração
ou fora dele, perante quaisquer ARTIGO VIGÉSIMO OITAVO
de resultados;
entidades públicas ou privadas;
v) Executar e fazer cumprir as disposições (Formas de obrigar a sociedade)
c) Definir as politicas financeiras e
dos presentes estatutos, da lei e dos Um) A sociedade fica obrigada nos seguintes
contabilísticas da sociedade;
regulamentos; termos:
d) Definir as políticas de contratação e
w) Executar e fazer cumprir as
gestão de recursos humanos; a) Pela assinatura do Presidente do
deliberações da Assembleia Geral
e) Definir as políticas de negócios; Conselho de Administração;
e do Fiscal Único;
f) Celebrar de acordos de associação ou b) Pela assinatura de dois Administradores;
x) Fixar os termos e condições para
colaboração com outras sociedades; c) Pela assinatura de um administrador
efeitos de emissão de novos títulos
g) Outorgar e assinar em nome da sociedade e de um mandatário da sociedade,
de acções, no caso de perda ou
quaisquer escrituras públicas e dentro dos termos e limites dos
destruição dos anteriores títulos.
contratos, nomeadamente, de poderes que lhe hajam sido
Dois) Caso a administração seja
alteração do pacto social; aumento conferidos.
desempenhada por um Conselho de
ou redução do capital; aquisição, Dois) Os actos de mero expediente poderão
Administração, este poderá, nos termos e
oneração ou alienação de bens ser assinados por qualquer empregado
limites da lei:
móveis sujeitos a registo, imóveis devidamente autorizado.
ou participações sociais; trespasses a) Encarregar algum ou alguns dos
de estabelecimentos comerciais; administradores de se ocuparem de SECÇÃO III
fusão, cisão, transformação ou certas matérias da administração; Do Fiscal Único
dissolução da sociedade, desde b) Delegar num ou mais administradores,
que, todos os actos aqui indicados a gestão corrente da sociedade. ARTIGO VIGÉSIMO NONO
sejam previamente aprovados pela (Fiscal Único)
ARTIGO VIGÉSIMO QUINTO
Assembleia Geral;
h) Dar ou tomar de arrendamento; (Actos proibidos aos administradores) Um) O Fiscal Único é o órgão de controlo e
i) Promover todos os actos de registo, fiscalização da sociedade quanto à observância
Um) Aos administradores é expressamente
nomeadamente comercial, predial da lei, do estatuto, e em especial, do cumprimento
vedado responsabilizar a sociedade em
e de automóveis; das regras de escrituração.
quaisquer contratos, actos, documentos ou
j) Abrir em nome da sociedade, Dois) O Fiscal Único será um auditor
obrigações estranhas ao objecto da mesma,
movimentar, a crédito ou a débito, de contas certificado ou uma sociedade de
nomeadamente em letras de favor, fianças,
e cancelar, quaisquer contas auditores de contas devidamente certificada.
abonações e actos semelhantes.
bancárias de que a sociedade seja
Dois) Salvo prévia autorização da ARTIGO TRIGÉSIMO
titular, efectuar depósitos, emitir e
Assembleia Geral, aos administradores é ainda
cancelar ordens de transferência ou (Competências)
expressamente vedado realizar quaisquer
de pagamento e assinar cheques;
actividades que concorram com a prosseguida
k) Receber quaisquer garantias, valores Compete ao Fiscal Único:
pela Sociedade, assumir cargos sociais em
e documentos, bem como depositar a) Examinar, sempre que o julgue
quaisquer sociedades, celebrar negócios entre
ou levantar dinheiro; conveniente, e pelo menos de três
a Sociedade e outras onde sejam proprietários
l) Passar recibos e quitações de quaisquer em três meses, a escrituração da
ou ocupem cargos sociais.
valores ou documentos; sociedade;
Três) O administrador que violar as suas
m) Ajustar e liquidar contas com b) Convocar a Assembleia Geral
obrigações decorrente do seu cargo, pode
devedores e credores, fixando os extraordinária quando julgue
ser destituído, sem prejuízo de indemnizar a
respectivos saldos; necessário;
Sociedade pelos danos causados.
n) Assinar notas ou ordens de encomenda, c) Fiscalizar a administração da
facturas, guias de remessa, notas de ARTIGO VIGÉSIMO SEXTO sociedade;
débito e notas de crédito; d) Verificar o cumprimento dos estatutos
o) Retirar das estações postais ou de (Reuniões e deliberações da administração) relativamente às condições
quaisquer outras estações as estabelecidas para a intervenção
Um) O Conselho de Administração reúne-se
cartas registadas, encomendas, dos sócios nas assembleias;
sempre que for convocado pelo seu Presidente
mercadorias e quaisquer outros e) Vigiar as operações durante a
ou por outros dois administradores, devendo
liquidação da sociedade;
bens dirigidos à sociedade; reunir-se, pelo menos, uma vez em cada mês. f) Dar parecer sobre o relatório de gestão e
p) Fazer despachos nas alfândegas Dois) O Conselho de Administração não as contas do exercício, incluindo o
e assinar conhecimentos; pode deliberar sem que esteja presente ou balanço e o mapa de demonstração
q) Fazer nas direcções de finanças representada a maioria dos seus membros. de resultados;
reclamações, impugnações Três) As deliberações são tomadas por g) Pronunciar-se sobre o relatório de
e recursos; maioria dos votos dos administradores presentes auditoria externa;
11 DE FEVEREIRO DE 2019 777

h) E, em geral, vigiar pelo cumprimento CAPÍTULO V Coelho Trigo de Morais, uma sociedade por
das disposições da lei, dos estatutos quotas de responsabilidade limitada, que se
Da dissolução e liquidação
e dos regulamentos da sociedade. regerá pelos termos constantes dos artigos
ARTIGO TRIGÉSIMO SÉTIMO seguintes:
ARTIGO TRIGÉSIMO PRIMEIRO
(Dissolução e liquidação da sociedade) CAPÍTULO I
(Duração do mandato)
Um) A sociedade dissolve-se por acordo Da firma, objecto social e sede
O mandato do Fiscal Único é de três anos,
dos sócios e nos demais casos previstos na lei.
sendo permitida a sua redesignação uma ou ARTIGO PRIMEIRO
Dois) A Assembleia Geral que deliberar
mais vezes.
sobre a dissolução decidirá sobre a liquidação e (Firma)
ARTIGO TRIGÉSIMO SEGUNDO partilha da sociedade e nomeará os liquidatários.
Um) A sociedade é constituída sob a forma
(Remuneração) CAPÍTULO VI de sociedade de advogados e adopta a firma Luís
A remuneração do Fiscal Único é fixada pela Morais, Advogados — Sociedade Unipessoal,
Das disposições gerais Limitada, abreviadamente LMA, Limitada,
Assembleia Geral.
ARTIGO TRIGÉSIMO OITAVO adiante designada por sociedade.
ARTIGO TRIGÉSIMO TERCEIRO Dois) Nos termos definidos pela
(Representação das pessoas colectivas Administração, a sociedade pode usar uma
(Local da reunião e acta) nos órgãos sociais) marca.
As decisões do Fiscal Único constarão de Quando o Presidente da Mesa da Assembleia
acta a ser lavrada em livro próprio e por ele ARTIGO SEGUNDO
Geral, Administradores e o Fiscal Único
assinado. forem pessoas colectivas, serão representados (Objecto)

ARTIGO TRIGÉSIMO QUARTO no exercício do cargo pelos indivíduos que


Um) A sociedade tem por objecto principal
indicarem, por carta dirigida ao Presidente da
(Auditorias externas) o exercício profissional de advocacia em toda
Mesa da Assembleia Geral.
a sua abrangência permitida por lei.
Um) O Conselho de Administração, após a Dois) Por deliberação do sócio único,
ARTIGO TRIGÉSIMO NONO
prévia autorização da Assembleia Geral, poderá a sociedade pode, também, exercer a
contratar uma sociedade externa de auditoria a (Interdição ou morte) administração de massas falidas, gestão de
quem encarregará de auditar e verificar as contas serviços jurídicos, tradução ajuramentada de
da sociedade. Por interdição ou morte de qualquer
documentação com carácter legal e de agente
Dois) No exercício das suas funções, o Fiscal acionista, a sociedade continuará com os
de propriedade industrial.
Único deve pronunciar-se sobre o conteúdo dos capazes ou sobrevivos e representantes do
Três) A sociedade pode participar em outras
relatórios da sociedade externa de auditoria. interdito ou os herdeiros do falecido, devendo
associações para o exercício da actividade
estes nomear um entre si que a todos represente profissional no âmbito do seu objeto social e
CAPÍTULO IV na sociedade, enquanto a respectiva acção se na forma determinada por lei.
mantiver indivisa. Quatro) A sociedade pode celebrar
Dos exercícios, contas e resultados
contratos de correspondência e colaboração,
ARTIGO TRIGÉSIMO QUINTO ARTIGO QUADRAGÉSIMO
de transferência de conhecimento e formação,
(Ano social) (Casos omissos) de consórcio, de agência e de gestão entre
duas ou mais sociedades de advogados ou
Um) O ano social coincide com o ano civil. Em tudo quanto fica omisso, regularão as
entre um ou mais advogados em prática não
Dois) O balanço e a demonstração de disposições do Código Comercial e demais
organizada em sociedade ou em sociedade de
resultados e demais documentos do exercício legislação aplicável. advogados para o exercício, em conjunto ou
fecham-se com referência a trinta e um de Está conforme. por um período limitado nunca superior a cinco
dezembro de cada ano e são submetidas à Maputo, vinte e seis de Outubro de dois mil anos, de actividade profissional no âmbito do
apreciação da Assembleia Geral, nos três e dezoito. — O Técnico, Ilegível. objeto social e capacidade das sociedades de
primeiros meses de cada ano. advogados.
Cinco) A sociedade pode celebrar acordos
ARTIGO TRIGÉSIMO SEXTO
de associação profissional com escritórios
(Aplicação de resultados) ou sociedades de advogados estrangeiras,
de acordo com o previsto no regime jurídico
Um) Do lucro líquido do exercício, antes Luís Morais, Advogados aplicável às sociedades de advogados em
de constituição de outras reservas, serão - Sociedade Unipessoal, Moçambique.
deduzidos cinco por cento do valor apurado para Limitada Seis) A sociedade pode filiar-se em
a constituição do fundo de reserva legal, que organismos internacionais de direito e participar
não excederá vinte por cento do capital social. Certifico, para efeitos de publicação, que, em iniciativa de carácter jurídico internacional.
Dois) O fundo de reserva será reintegrado por escritura de doze de Dezembro de dois mil
todas as vezes que por qualquer razão se achar e dezoito, exarada de folhas treze a catorze, do ARTIGO TERCEIRO
reduzido. livro de notas para escrituras diversas número
(Sede)
Três) Deduzida a percentagem referida no setenta e seis traço E, do Terceiro Cartório
número um, do presente artigo, e não existindo Notarial de Maputo, perante mim, Luís Salvador Um) A sociedade tem a sua sede actual
outras reservas, o lucro será distribuído aos Muchanga, licenciado em Direito, conservador no bairro do Triunfo, rua das Palmeiras, casa
sócios em proporção das suas participações e notário superior em exercício no referido número duzentos e vinte e quatro, cidade de
sociais que os mesmos detêm na sociedade. Cartório, foi constituída entre: Luís António Maputo, Moçambique.
778 III SÉRIE — NÚMERO 28

Dois) A sociedade poderá, por decisão do Quatro) Os administradores podem ser formas de representação da
sócio único, transferir a sede da sociedade para sócios ou estranhos à sociedade, assim como sociedade;
qualquer outro local, dentro do território da podem ser pessoas singulares ou colectivas. i) Representar a sociedade, em juízo e fora
República de Moçambique, assim como poderá Cinco) Sempre que uma pessoa colectiva dele, activa e passivamente, perante
criar, deslocar e encerrar sucursais, agências, seja eleita a cargo de administrador, deverá quaisquer entidades públicas ou
delegações ou outras formas de representação designar uma pessoa singular para exercício do privadas;
da sociedade, dentro e fora do território da respectivo cargo, a qual será dada a conhecer j) Contrair empréstimos e outros tipos
República de Moçambique. no acto de tomada de posse. de financiamentos, indispensáveis
ao exercício do seu objecto social;
ARTIGO QUARTO SECÇÃO II
k) Delegar as suas competências em um
(Duração) Das decisões do sócio único ou mais dos seus membros, assim
como em procuradores que, para o
A sociedade é constituída por tempo ARTIGO NONO efeito, sejam constituídos por meio
indeterminado, a partir da presente data. de procuração, fixando as condições
(Decisões e actas)
e limites dos poderes delegados; e
CAPÍTULO II As decisões sobre as matérias que por lei l) Deliberar sobre qualquer outro
Do capital social são da competência deliberativa dos sócios assunto sobre o qual seja requerida
são tomadas pessoalmente pelo sócio único e deliberação da administração.
ARTIGO QUINTO lançadas num livro destinado a esse fim, sendo Dois) É vedado aos administradores
(Capital social) por ele assinadas. realizarem em nome da sociedade quaisquer
SECÇÃO III operações alheias ao objecto social.
O capital social da sociedade, integralmente
subscrito e realizado em dinheiro, é de cinquenta Da administração ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO
mil meticais, pertencente ao sócio único Luís
António Coelho Trigo de Morais. ARTIGO DÉCIMO (Reuniões)

(Composição) Um) A administração reúne-se


ARTIGO SEXTO
trimestralmente e sempre que for convocada
Um) A administração e representação por um dos seus membros.
(Aumento do capital social)
da sociedade, em juízo e fora dele, será Dois) As convocatórias devem ser feitas
Um) O capital social poderá ser aumentado exercida pelo sócio único, que é nomeado por escrito, com, pelo menos, oito dias de
uma ou mais vezes, mediante novas entradas, automaticamente administrador. antecedência, relativamente à data da reunião,
por incorporação de reservas ou qualquer outra Dois) O sócio único poderá deliberar que devendo incluir ordem de trabalhos e as demais
modalidade permitida por lei. a sociedade possa ser administrada por um informações ou elementos necessários à tomada
Dois) Sem prejuízo da competência da conselho de administração que poderá ser das deliberações.
administração para propor quaisquer aumentos constituído até um máximo de três membros. Três) As formalidades relativas à convocação
do capital social, competirá ao sócio único. da administração podem ser dispensadas
decididas sobre quaisquer aumentos. ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
por consentimento unânime de todos os
(Competências) administradores.
CAPÍTULO III
Quatro) A administração reunir-se-á na sede
Um) À administração compete os mais
Dos órgãos sociais social ou noutro local da localidade da sede, a
amplos poderes de administração, gestão e
ser indicado na respectiva convocatória.
SECÇÃO I representação da sociedade, nomeadamente:
Cinco) Por motivos devidamente
Das disposições gerais a) Proceder à cooptação de administradores, fundamentados, poderá ser fixado um local
até que o sócio único nomeie novos diverso dos previstos no número anterior, que
ARTIGO SÉTIMO administradores; será indicado na respectiva convocatória.
b) Elaborar os relatórios e contas anuais
(Órgãos sociais)
de cada exercício; ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO
São órgãos da sociedade: c) Orientar e gerir todos os negócios (Deliberações)
a) A administração; e sociais, praticando todos os actos
b) O fiscal único. relativos ao objecto social; Um) Para que a administração possa
d) Adquirir, vender, permutar ou, por constituir-se e deliberar, validamente, será
ARTIGO OITAVO qualquer forma, onerar quaisquer necessária a presença ou representação da
bens ou direitos, móveis, sempre maioria dos seus membros.
(Nomeação e mandato)
que o entenda conveniente para os Dois) Os membros da administração poderão
Um) Os membros dos órgãos sociais são interesses da sociedade; fazer-se representar nas reuniões por outro
nomeados pelo sócio único, podendo ser e) Arrendar bens imóveis indispensáveis membro, mediante comunicação escrita dirigida
reeleitos uma ou mais vezes. ao exercício do seu objecto social; à administração da sociedade, bem como votar
Dois) O mandato dos administradores é de f) Executar e fazer cumprir as decisões por correspondência.
quatro anos, contando-se como ano completo o do sócio único; Três) As deliberações da administração
ano da sua eleição. g) Elaborar e propor projectos de serão tomadas por unanimidade, quando
Três) Os administradores permanecem fusão, cisão ou transformação da a administração seja constituída por dois
em funções até à eleição de quem os deva sociedade, assim como de aumentos administradores e pela maioria dos votos dos
substituir, salvo se renunciarem expressamente de capital social; administradores presentes ou representados,
ao exercício do respectivo cargo ou se forem h) Abrir, encerrar ou deslocar quando a administração seja constituída por
destituídos. estabelecimentos ou quaisquer mais do que dois administradores.
11 DE FEVEREIRO DE 2019 779

Quatro) As deliberações da administração da administração, mas poderão, se assim for CAPÍTULO V


constarão de actas, lavradas em livro próprio, deliberado em sede de assembleia geral receber
Das disposições finais
assinadas por todos os administradores que bónus ou prémios, em conformidade com a
hajam participado na reunião. avaliação de desempenho que for efectuada. ARTIGO VIGÉSIMO

ARTIGO DÉCIMO QUARTO ARTIGO DÉCIMO NONO (Ano social)

(Mandatários) (Direitos e obrigações dos associados) Um) O ano social coincide com o ano civil.
Dois) O balanço, a demonstração de
A administração poderá nomear procuradores resultados e demais contas do exercício fecham-
Um) Constituem direitos dos advogados
da sociedade para a prática de certos actos ou se com referência a trinta e um de Dezembro
associados os seguintes:
categoria de actos, nos limites dos poderes de cada ano e são submetidos à apreciação da
conferidos pelo respectivo mandato. a) Auferir uma remuneração mensal a ser
assembleia geral nos três primeiros meses de
ajustada com a sociedade, dentro de
cada ano.
ARTIGO DÉCIMO QUINTO critérios previamente negociados;
b) Ser enquadrado de acordo com o plano ARTIGO VIGÉSIMO PRIMEIRO
(Vinculação da sociedade)
de categorias previamente aprovado
pela sociedade; (Aplicação de resultados)
Um) A sociedade obriga-se:
c) Merecer de formação profissional, Os lucros líquidos que resultarem do balanço
a) Pela assinatura individual do sócio
único; para o aprimoramento de questões anual serão distribuídos nos termos da lei.
b) Pela assinatura de um ou mais técnicas ou outras relevantes,
sempre que as condições da ARTIGO VIGÉSIMO SEGUNDO
mandatários, nos termos e limites
dos poderes a estes conferidos. sociedade o permitirem; (Dissolução e liquidação)
Dois) Em actos de mero expediente, a d) Sujeito à deliberação da assembleia
geral da sociedade, ao advogado A dissolução e liquidação da sociedade
sociedade poderá ser representada por qualquer reger-se-á pelas disposições da legislação
membro dos seus administradores ou mandatário associado poderão ser atribuídos
aplicável e, em tudo quanto esta seja omisso,
com poderes bastantes. bónus por bom desempenho ou
pelo que for decidido pelo sócio único.
quaisquer outros que venham a ser
SECÇÃO IV definidos; ARTIGO VIGÉSIMO TERCEIRO
e) Ser tratado com correção e respeito
Da fiscalização (Casos omissos)
pelo sócio único; e,
ARTIGO DÉCIMO SEXTO f) Utilizar o escritório e os demais meios Os casos omissos serão regulados pelas
de trabalho da sociedade. disposições da legislação aplicável.
(Órgão de fiscalização) Dois) Constituem deveres dos advogados
associados os seguintes: ARTIGO VIGÉSIMO QUARTO
A fiscalização dos negócios sociais é
feita por um fiscal único, que poderá ser a) Utilizar o papel timbrado e outros (Disposição final)
uma sociedade de auditora de contas, ou sinais de identificação da sociedade
Em tudo o mais não previsto no presente
personalidades individuais ou colectivas com em toda a correspondência;
estatuto, aplica-se o disposto na Lei
experiência em auditoria de contas, ou conforme b) Prestar informação sobre a sua n.º 05/2014, de 5 de Fevereiro, que estabelece
o que for decidido pelo sócio único. actividade à sociedade; o regime jurídico aplicável às sociedades de
c) Manter confidencialidade e sigilo advogados a operar no território da República
ARTIGO DÉCIMO SÉTIMO profissional relativamente a de Moçambique.
(Auditorias externas) matérias que digam respeito à Está conforme.
sociedade; Maputo, 17 de Dezembro de 2018. —
A administração poderá contratar uma d) Não exercer a profissão de advogado A Notária Técnica, Ilegível.
sociedade externa de auditoria para auditar e em situação de concorrência
verificar as contas da sociedade. ou conflito de interesse com os
advogados da mesma sociedade ou
CAPÍTULO IV com ela própria;
Dos advogados associados e) Aplicar-se ao máximo no exercício Sheila Ferragem, Limitada
e advogados estagiários da profissão, agindo com zelo,
diligência e boa-fé, evitando pôr Certifico, para efeitos de publicação, que,
ARTIGO DÉCIMO OITAVO em causa o nome e o prestígio da no dia 30 de Janeiro de 2019, foi matriculada
(Admissão de advogados associados sociedade e da profissão; na Conservatória do Registo das Entidades
e advogados estagiários) f) Atender com cordialidade, respeito e Legais, sob NUEL 101102351, uma entidade
profissionalismo os constituintes denominada Sheila Ferragem, Limitada.
Um) A sociedade pode admitir, a todo o da sociedade; É celebrado o presente contrato de sociedade,
tempo, advogados associados e advogados g) Respeitar o sócio único e restantes nos termos do artigo nonagésimo, do Código
estagiários para desempenhar a sua actividade Comercial entre:
colegas de trabalho, bem como os
Pedro Samuel Muholove, de nacionalidade
profissional com a categoria de associados e de titulares e funcionários dos demais
moçambicana, solteiro, natural da província
estagiários, respectivamente. pilares da administração da justiça
de Maputo, residente em Maputo, portador
Dois) Os advogados associados não ou qualquer outra entidade que do Bilhete de Identidade n.° 110104628867P,
participam nos lucros e nem nas perdas com ele se relacione no âmbito e/ emitido na cidade de Maputo, a 3 de Março
da sociedade, sendo a sua remuneração ou devido à prestação da actividade de 2014 e válido até 3 de Março de 2024,
estabelecida em assembleia geral, sob proposta profissional. com o NUIT 100809133; e
780 III SÉRIE — NÚMERO 28

Luís Pedro Muholove, de nacionalidade correspondente à soma de duas quotas desiguais, possa vir a ser aprovado pelos sócios e pelas
moçambicana, solteiro, natural da província distribuídas do seguinte modo: autoridades moçambicanas competentes, sem
de Maputo, residente em Maputo, portador a) Uma quota no valor nominal de prejuízo de a sociedade poder ter um período
do Bilhete de Identidade n.° 110106645986J, 60.000.00MT (sessenta mil de tributação diferente do ano civil, nos termos
emitido a 3 de Março de 2017 e válido até 23 da lei.
meticais), correspondente a
de Março de 2022, com NUIT 129020881.
sessenta por cento do capital social,
Pelo presente contracto de sociedade, ARTIGO NONO
pertencente ao sócio Pedro Samuel
constituem uma sociedade por quotas de
Muholove; (Dissolução)
responsabilidade limitada que se regerá pelas
cláusulas seguintes: b) Uma quota no valor nominal de
40.000.00MT (quarenta mil Um) A sociedade dissolve-se nos termos da
ARTIGO PRIMEIRO meticais), correspondente a lei, ou por deliberação unânime da assembleia
quarenta por cento do capital social, geral.
(Forma e denominação) Dois) Os sócios executarão e diligenciarão
pertencente ao sócio Luís Pedro
Muholove. para que sejam executados todos os actos
A sociedade adopta a denominação de Sheila
Dois) O capital social poderá ser aumentado exigidos pela lei para efectuar a dissolução da
Ferragem, Limitada, doravante denominada
uma ou mais vezes, através de novas entradas, sociedade.
sociedade, e é constituída sob a forma de
sociedade por quotas, regendo-se pelos presentes em dinheiro ou em espécie, ou através de
ARTIGO DÉCIMO
estatutos e pela legislação aplicável. incorporação de reservas, de resultados ou da
conversão de passivo em capital, mediante (Liquidação)
ARTIGO SEGUNDO deliberação da assembleia geral.
Um) A liquidação será extrajudicial, por
(Sede e duração)
ARTIGO QUINTO deliberação unânime da assembleia geral.
Um) A sociedade tem a sua sede no bairro Dois) A sociedade poderá ser imediatamente
(Amortização de quotas)
Muhalaze, província de Maputo, rua principal, liquidada, mediante a transferência de todos
quarteirão 16, casa n.º 28. Um) A sociedade poderá amortizar, total ou os seus bens, direitos e obrigações a favor
Dois) Por deliberação da administração, a parcialmente, as quotas de um sócio quando: de qualquer sócio, desde que devidamente
qualquer momento, a sede da sociedade pode a) A(s) quota(s) tiverem sido autorizado pela assembleia geral e obtido acordo
ser transferida para qualquer outro local, em judicialmente penhorada(s) ou escrito de todos os credores.
Moçambique, quando e onde achar conveniente. objecto de qualquer acto judicial ou Três) Se a sociedade não for imediatamente
Três) Por decisão da gerência, poderão administrativo de efeito semelhante; liquidada nos termos do número anterior,
ser criadas e extintas, em Moçambique ou e sem prejuízo de outras disposições legais
b) O sócio tiver sido declarado insolvente,
no estrangeiro, filiais, sucursais, delegações, imperativas, todas as dívidas e responsabilidades
interdito ou incapaz de gerir os seus
escritórios de representação, agências ou outras da sociedade serão pagas, reembolsadas antes
negócios;
formas de representação social. que possam ser transferidos quaisquer fundos
c) O sócio não tiver cumprido alguma
Quatro) A sociedade durará por um período aos sócios.
de tempo indeterminado. deliberação da assembleia geral,
aprovada nos termos dos presentes
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
ARTIGO TERCEIRO estatutos.
Dois) A contrapartida da amortização da(s) (Aplicação dos resultados)
(Objecto)
quota(s) será igual ao seu valor contabilístico,
baseado no balanço mais recente aprovado pela Deduzidas as parcelas que por lei se
Um) A sociedade tem por objecto: devem destinar à formação de reserva legal,
assembleia geral.
a) Produção e venda de material de os resultados líquidos evidenciados pelas
construção; ARTIGO SEXTO demonstrações financeiras anuais serão
b) Compra e venda de material de aplicados conforme deliberado da assembleia
(Suprimentos)
construção, representação de geral, sob proposta da gerência.
marcas e de empresas; Mediante proposta da gerência, os sócios
c) Comércio em geral com importação e podem prestar suprimentos à sociedade ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO
exportação de todas as mercadorias nos termos e condições estabelecidos por (Casos omissos)
necessárias para a concretização da deliberação da assembleia geral.
sua actividade. Os casos omissos serão regulados pela lei
Dois) A sociedade poderá exercer ARTIGO SÉTIMO e em demais legislação aplicável na República
quaisquer actividades comerciais conexas, (Administração) de Moçambique.
complementares ou subsidiarias às suas Maputo, 31 de Janeiro de 2019. —
actividades principais, tendentes a maximizá-las A administração e a gerência da sociedade e O Técnico, Ilegível.
através de novas formas de implementação de a sua representação, em juízo e fora dela, ativa
negócios e como fontes de rendimento, desde e passivamente, será exercida pelo sócio Pedro
que sejam legalmente autorizadas e a decisão Samuel Muholove, que desde já fica nomeado
seja aprovada pela gerência. administrador, com despensa de caução.
Plural Consulting
ARTIGO QUARTO ARTIGO OITAVO – Sociedade Unipessoal,
(Capital social e seu aumento) (Exercício) Limitada
Um) O capital social da sociedade, O exercício económico da sociedade Certifico, para efeitos de publicação, que
integralmente subscrito e realizado em dinheiro, corresponde ao ano civil de 1 de Janeiro a 31 no dia 24 de Janeiro de 2019, foi matriculada
é de 100.000.00MT (cem mil meticais), de Dezembro, ou a qualquer outro período que na Conservatória do Registo de Entidades
11 DE FEVEREIRO DE 2019 781

Legais, sob NUEL 101098761, uma entidade Giny Investimentos pertencente à sócia Vânia Eugênia António
denominada Plural Consulting, Sociedade Nhadombe Timana.
Unipessoal, Limitada. & Serviços, Limitada
Vicente João Sitoe, solteiro, maior, de ARTIGO QUARTO
Certifico, para efeitos de publicação, que
nacionalidade moçambicana, natural de
Maputo, portador do Bilhete de Identidade no dia 29 de Janeiro de 2019, foi matriculada Administração
n.º 110100032082Q, emitido aos 17 na Conservatória do Registo de Entidades
de Novembro de 2015, pelo Arquivo de Legais, sob NUEL 100970260, uma entidade A administração, gestão da sociedade e sua
Identificação Civil de Maputo, residente no denominada Giny Investimentos & Serviços, representação, em juízo e fora dele, activa e
bairro Hulene B, quarteirão 38, casa n.º 7, Limitada. passivamente, passa desde já a cargo do sócio
rés-do-chão. Primeiro. Euclides Jeremias Timana, de Euclides Jeremias Timana que é nomeado
Que pelo presente instrumento, constitu nacionalidade moçambicana, portador do sócio gerente com plenos poderes. O gerente
uma sociedade unipessoal de responsabilidade tem plenos poderes para nomear mandatários a
Bilhete de Identidade n.º 110103992115F,
limitada, que reger-se-á pelos seguintes artigos
do Código Comercial. emitido em Maputo. sociedade, conferindo os necessários poderes
Segundo. Vânia Eugênia António Nhadombe de representação.
ARTIGO PRIMEIRO Timana, de nacionalidade moçambicana,
portadora do Bilhete de Identidade ARTIGO QUINTO
(Denominação e sede)
n.º 110103992729B, emitido em Maputo. Assembleia geral
A sociedade adopta a denominação de, Plural
Consulting – Sociedade Unipessoal, Limitada ARTIGO PRIMEIRO Um) Por deliberação dos sócios, podem ser
e tem a sua sede na cidade de Maputo, bairro
Denominação, sede e duração exigidas prestações suplementares até a um
Central, Avenida 25 de Setembro, n.º 1123,
3.º andar montante global igual ao dobro do capital social.
Um) A sociedade adopta a denominação Dois) Os sócios podem livremente designar
ARTIGO SEGUNDO de Giny Investimentos & Serviços, Limitada. quem o representará nas assembleias gerais.
Dois) A sociedade têm a sede em Maputo
(Duração)
na Avenida Samora Machel, prédio Fonte Azul, ARTIGO SEXTO
A sociedade é constituída por tempo 3.° andar, porta 11, podendo ser deslocada para
indeterminado, contando-se o seu início a partir dentro e fora do país. A sua duração é por tempo Dissolução
da data do presente contrato.
indeterminado, contando-se o seu início a partir A sociedade só se dissolve nos termos
ARTIGO TERCEIRO da data da constituição. fixados pela lei.
(Objecto) ARTIGO SEGUNDO ARTIGO SETÍMO
Um) A sociedade tem por objecto a prestação
Um) A sociedade tem por objecto: Casos omissos
de serviços de consultorias científicas, técnicas
e similares. a) Prestação de serviços nas áreas de
Dois) A sociedade poderá desenvolver outras fornecimento de equipamentos; Os casos omissos serão regulados pela
actividades complementares ou acessórias ao b) Peças e acessórios para material legislação comercial vigente e aplicável na
objecto principal. informático, construção e minas, República de Moçambique.
assessorias e assistência técnica, Maputo, 29 de Janeiro de 2019. —
ARTIGO QUARTO
decoração de eventos, serviços O Técnico, Ilegível.
(Capital social) pessoais e afins;
O capital social, integralmente realizado c) Importação, comércio a grosso e a
e subscrito em dinheiro, é de 10.000,00MT retalho dos artigos constantes nas
correspondente a cem por cento do capital classes VII (livraria, papelaria,
social, pertencente ao Vicente João Sitoe. encadernação, artigos de escritório, On Time Investment
incluindo material de desenho e de
ARTIGO QUINTO
pintura, material escolar, mobiliário
– Sociedade Unipessoal,
(Administração e representação) e equipamentos); Limitada
A administração e representação da d) Subclasse 46632 (comércio por grosso
Certifico, para efeitos de publicação, que
sociedade serão exercidas pelo sócio Vicente de materiais de construção (excepto
João Sitoe. no dia 13 de Janeiro de 2018, foi matriculada
madeira) e equipamento sanitário,
na Conservatória do Registo de Entidades
ARTIGO SEXTO subclasse 46633 (comércio por
Legais, sob NUEL 101083888, uma entidade
grosso de ferragens, ferramentas
(Formas de obrigar a sociedade) denominada On Time Investment - Sociedade
manuais e artigos para canalizações
Unipessoal, Limitada.
Para que a sociedade fique validamente e aquecimento).
É celebrado o presente contrato de sociedade,
obrigada nos seus actos e contratos, é bastante
a assinatura do sócio Vicente João Sitoe com ARTIGO TERCEIRO nos termos do art. 90˚ conjugado com o artigo
plenos poderes para nomear mandatário(s) à 91 do Código Comercial:
sociedade. Capital social Ponto único. Hossam Abdala Ali Mohamed
Elsisi, casado com Shereen Ali Ali Elsisi, de
ARTIGO SÉTIMO O capital social, integralmente subscrito
nacionalidade Egípcia, titular do Passaporte
Em tudo quanto fica omisso, regularão as e realizado em dinheiro, é de 100.000,00MT
n.º A11237417, válido até 23 de Dezembro de
disposições do Código Comercial, aprovado (cem mil meticais), dividido em duas quotas
2020, emitido pela República do Egipto.
pelo Decreto-Lei número dois barra dois mil e desiguais, uma quota de 80%, correspondente
cinco, de vinte e sete de Dezembro, e demais Pelo presente contrato de sociedade outorga
a (setenta mil meticais), pertencente ao sócio
legislação aplicável. e constitui uma sociedade unipessoal por quotas
Euclides Jeremias Timana e outra quota de de responsabilidade limitada, que se regerá pelas
Maputo, 29 de Janeiro de 2019. —
O Técnico, Ilegível. 30%, correspondente a (tinta mil meticais), cláusulas seguintes:
782 III SÉRIE — NÚMERO 28

CAPÍTULO I competências para certos negócios ou categorias Dois) Mediante simples decisão dos sócios,
de actos. a sociedade poderá deslocar a sua sede para
Denominação, duração, sede e objecto
Três) A sociedade obriga-se validamente dentro do território nacional.
ARTIGO PRIMEIRO mediante assinatura de um dos gerentes ou seus Três) Os sócios poderão decidir a abertura
procuradores com poderes para o acto. de sucursais, filiais, ou qualquer outra forma de
(Denominação e sede)
Quatro) Para abertura de contas bancárias, representação no país e no estrangeiro.
A sociedade adopta a denominação de sua assinatura e movimentações de qualquer
On Time Investment, Sociedade Unipessoal, serviço associado a conta ou ao banco, é ARTIGO TERCEIRO
Limitada, com sede na rua do Dao, n.º 58, nesta obrigatória apenas do senhor Ahmed Ali Ali
(Objecto)
cidade, podendo por deliberação da assembleia Elsisi e ou do sócio único.
geral abrir ou encerrar sucursais dentro e fora Um) A sociedade tem como objecto:
do país quando for conveniente. ARTIGO SEXTO impressão gráfica e serigrafia, criação e
(Disposições finais) desenvolvimento de projectos de design
ARTIGO SEGUNDO
gráfico, criação e desenvolvimento de web
(Duração)
As omissões serão resolvidas de acordo com design, consultoria e prestação de serviços
Código Comercial em vigor em Moçambique e na área de design gráfico e publicidade,
A sociedade é constituída por tempo demais legislação aplicável.
indeterminado, contando-se o seu início a partir importação e exportação de máquinas gráficas
Maputo, 29 de Janeiro de 2019. — e consumíveis, criação e desenvolvimento de
da data da celebração do seu acto constitutivo.
O Técnico, Ilegível. spots audiovisuais, filmagens e videomakers,
ARTIGO TERCEIRO marketing e publicidade.
(Objecto social)
Dois) A sociedade poderá exercer quaisquer
outras actividades directas ou indirectas
A sociedade tem como objecto: relacionadas com o seu objecto social, desde que
a) Prestação de serviço de Táxi; Rent Art Exata, Limitada sejam autorizadas pelas entidades competentes,
a Car; isoladamente ou em associação.
b) Agenciamento de viagens e prestação Certifico, para efeitos de publicação, que,
de serviços conectos; no dia 18 de Outubro de 2018, foi matriculada CAPÍTULO II
c) Compra e venda de viaturas; na Conservatória do Registo das Entidades
Do capital social
d) Reparação, manutenção, revisão de Legais, sob NUEL 101059618, uma entidade
viaturas; denominada Art Exata, Limitada. ARTIGO QUARTO
e) Agência de marketing; Nos termos do artigo nonagésimo do Código
(Capital social)
f) Compra e venda de acessórios para todo Comercial:
o tipo de viaturas; Primeiro. Samora Bernardino Timane, Um) O capital social, integralmente subscrito
g) Organização e realização de eventos; solteiro, maior, de nacionalidade moçambicana, e realizado em dinheiro, é de 50.000.00MT
h) Desenvolvimento de tecnologias; natural de Maputo, portador do Bilhete de (cinquenta mil meticais), correspondente às
i) Webdesign e trabalhos gráficos; Identidade n.º 110205195035S, emitido a 25
quotas referidas no contrato de sociedade,
j) Prestação de serviço de call center; de Março de 2015, pela Direcção Nacional de
onde as quotas de responsabilidade limitada se
k) A sociedade pode exercer participação Identificação Civil de Maputo.
encontram divididas da seguinte maneira:
social noutras sociedades. Segundo. Kátia Jordão Mula, solteira, maior,
Dois) Samora Bernardino Timane, com uma
de nacionalidade moçambicana, natural de
CAPÍTULO II quota no valor de 35.000.00MT (trinta e cinco
Maputo, portadora do Bilhete de Identidade
mil meticais), correspondente a 70% do capital
ARTIGO QUARTO n.º 110101173775N, emitido a 9 de Dezembro
social, e a sócia Kátia Jordão Mula, com uma
de 2016, pela Direcção Nacional de Identificação
(Capital social) quota no valor de 15.000.00MT (quinze mil
Civil de Maputo.
meticais), correspondente a 30% do capital
O capital social, integralmente realizado Pelo presente contrato particular, constituem
uma sociedade por quotas de responsabilidade social.
dinheiro, é de 100.000,00MT (cem mil
meticais), correspondendo a uma única quota, limitada que se regerá pelas seguintes cláusulas:
ARTIGO QUINTO
subscrita pelo sócio único Hossam Abdala Ali
Mohamed Elsisi. CAPÍTULO I (Prestações suplementares)
Parágrafo único. O capital social encontra- Da denominação, duração, sede
se integralmente realizado em dinheiro. Os sócios poderão efectuar prestações
e objecto
suplementares de capital, os suplementos
ARTIGO QUINTO ARTIGO PRIMEIRO à sociedades nas condições que forem
estabelecidas por lei.
(Gerência) (Denominação e duração)

Um) A direcção da sociedade e a sua A sociedade adopta a denominação Art Exata, ARTIGO SEXTO
representação em juízo e fora dele pertence Limitada, criada por tempo indeterminado. (Administração, representação da socie-
aos senhores Ahmed Ali Ali Elsisi e Haiuba
dade)
Abdula Latifo Begos, únicos, que desde já ficam ARTIGO SEGUNDO
nomeados gerentes com dispensa de caução. (Sede)
Um) A sociedade é administrada pelo sócio
Dois) Os gerentes poderão nomear Samora Bernardino Timane.
procuradores da sociedade para a prática de Um) A sociedade adopta a denominação de Dois) A sociedade fica obrigada pela
determinados actos ou categorias de actos, Art Exata, Limitada, sita na cidade de Maputo, assinatura do administrador ou ainda por
podendo delegar em algum ou alguns deles Avenida de Moçambique, n.º 6480. procurador especialmente designado para efeito.
11 DE FEVEREIRO DE 2019 783

CAPÍTULO III podendo por deliberação da assembleia geral, Pitcha, Limitada


abrir filiais; agências em território nacional e
ARTIGO SÉTIMO
no estrangeiro. Certifico, para efeitos de publicação, que,
(Disposições gerais) no dia 18 de Outubro de 2018, foi matriculada
ARTIGO TERCEIRO na Conservatória do Registo das Entidades
O exercício fiscal coincide com o ano civil.
(Objecto) Legais, sob NUEL 101060179, uma entidade
ARTIGO OITAVO denominada Pitcha, Limitada.
Um) A sociedade tem por objecto principal É celebrado o presente contrato de sociedade,
(Dissolução) a prestação de serviços de consultoria e nos termos do artigo nonagésimo do Código
A sociedade dissolve-se nos termos da lei. desenvolvimento empresarial, licenciamento Comercial, entre:
industrial, estudo de mercados, contabilidade Gledsy de Sousa João Domingos, solteiro,
ARTIGO NONO e auditoria, assessoria financeira e de recursos natural de Beira, residente em Maputo,
humanos e prestação de serviços. bairro da Machava, quarteirão 95, casa
(Disposições legais)
Dois) A sociedade poderá adquirir n.º 45, portador do Bilhete de Identidade
Um) Em caso de morte ou interdição de participações sociais e exercer outras actividades n.° 110500175034J, emitido a 12 de Janeiro
um dos sócios, a sociedade continuará com não compreendidas no actual objecto, desde que de 2016, na cidade de Maputo; e
os herdeiros ou representantes do falecido ou devidamente licenciada para o efeito. Sousa João Domingos Júnior, solteira, natural
interdito, os quais nomearão entre si um que a de Maputo, residente em Maputo, bairro
todos represente na sociedade, enquanto a quota ARTIGO QUARTO do Bagamoio, quarteirão 45, casa n.º 24,
permanecer indivisa. portador do Bilhete de Identidade n.°
(Capital social)
Dois) Em tudo quanto for omisso no presente 110100662691A, emitido a 22 de Fevereiro
estatuto, aplicar-se-ão as disposições do Código O capital social, a ser integralmente subscrito de 2018, na cidade de Maputo.
Comercial e demais legislação em vigor na e realizado em dinheiro, é de dez mil meticais, Que, pelo presente instrumento, constituem
República de Moçambique. distribuído em 2 (duas) quotas desiguais de entre si uma sociedade por quota de
Maputo, 15 de Janeiro de 2019. — 70%, correspondente a sete mil meticais, a responsabilidade limitada que se regerá pelos
O Técnico, Ilegível. favor do sócio Edson Lobato Razão Faria e artigos seguintes:
30%, correspondente a três mil meticais a favor
do sócio Inocência Carmenia Pedro Macheieie ARTIGO PRIMEIRO
Faria.
(Denominação)
ARTIGO QUINTO A sociedade adopta a denominação Pitcha,
Owani Minerais, Limitada Limitada.
(Órgãos sociais, constituição e funciona-
Certifico, para efeitos de publicação, que no mento da assembleia geral)
ARTIGO SEGUNDO
dia 28 de Janeiro de 2019, foi matriculada na
Um) Os órgãos sociais da sociedade é a
Conservatória do Registo de Entidades Legais, (Sede)
assembleia geral.
sob NUEL 101100464, entidade denominada
Dois) Fazem parte da assembleia geral os A sociedade tem a sua sede na cidade
Owani Minerais, Limitada.
accionistas e poderão fazer-se representar nas de Maputo, Avenida Ahmed Sekou Touré,
Edson Lobato Frazão Faria, casado, reuniões, e o direito de voto poderá ser exercido
moçambicano, portador do Bilhete de n.º 1126, sétimo andar.
em presença dos sócios.
Identidade n.º 110100482447C, emitido
ARTIGO TERCEIRO
em Maputo, aos 10 de Dezembro de 2015, ARTIGO SEXTO
residente na província de Maputo,cidade da (Objecto da sociedade)
Matola, Tchumene; e, (Administração)
Inocência Carmenia Pedro Macheieie Faria, A sociedade tem por objecto: publicidade,
A administração e gestão da sociedade será
casada, moçambicana, portadora do Bilhete marqueting, design, serviços de audiovisual,
exercida pelo sócio gerente Edson Lobato Faria.
de Identidade n.º 110100831432C, emitido comércio geral com importação e exportação
em Maputo aos 12 de Dezembro de 2016 e ARTIGO SÉTIMO e prestação de serviços.
residente na Província de Maputo, cidade da
(Contas da sociedade e distribuição ARTIGO QUARTO
Matola, Tchumene.
de lucros)
(Duração)
ARTIGO PRIMEIRO As contas da sociedade fechar-se-ão a trinta
A duração da sociedade é por tempo
(Denominação) e um (31) de Dezembro de cada ano, e os
lucros líquidos apurados terão a aplicação da indeterminado.
Constituem entre si uma sociedade comercial, assembleia geral.
de direito moçambicano, denominada Owani ARTIGO QUINTO
Minerais, Limitada, abreviadamente designada ARTIGO OITAVO (Capital social)
por Owani Minerais, Limitada.
(Dissolução e omissões) O capital social da sociedade, totalmente
ARTIGO SEGUNDO subscrito e integralmente realizado em dinheiro,
Um) A sociedade só se dissolve nos casos
previstos e estabelecidos na lei. é de 20.000.00MT (vinte mil meticais), dividido
(Duração e sede social)
Dois)Todos casos omissos serão regulados em duas quotas pertecentes aos sócios:
A duração da sociedade é por tempo pela legislação aplicável na República de a) Uma quota de 18.000.00MT (dezoito
indeterminado e tem a sua sede no bairro da Moçambique. mil meticais ), equivalente a 90% do
Polana Cimento, rua da Argélia n.º 475, rés-do- Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — capital social, pertencente ao Sousa
chão, distrito Kamphumo, cidade de Maputo, O Técnico, Ilegível. João Domingos Júnior;
784 III SÉRIE — NÚMERO 28

b) Uma quota de 2.000.00MT (dois mil Hadson de Mauro Jojo, solteiro, maior, agrupamentos de empresas, sociedades,
meticais ), equivalente a 10% do natural de Zambézia, portador do Bilhete holdings, joint-ventures ou outras formas
capital social, pertencente a Gledsy de Identidade n.º 0401644354B, emitido a de associação, união ou de concentração de
de Sousa Joao Domingos. 1 de Setembro de 2016, pela Direcção de capitais.
Identificação Civil de Maputo.
ARTIGO SEXTO ARTIGO SEXTO
Constitui-se uma sociedade comercial por
(Administração) quotas de responsabilidade limitada, que se rege (Capital social)
nos termos dos seguintes estatutos e legislação
Um) A gerência e a representação da U m) O c a pita l s oc ia l, subs cr i t o e
aplicável.
sociedade pertecem aos sócios Sousa João integralmente realizado em dinheiro, é de
Domingos Júnior e Gledsy de Sousa João ARTIGO PRIMEIRO vinte e oito mil meticais, correspondente à soma
Domingos, desde já nomeado gerente. de seis quotas desiguais, sendo quatro quotas
Dois) Para obrigar a sociedade é suficiente (Denominação social)
iguais no valor de seis mil meticais, equivalente
a assinatura do gerente.
A sociedade adopta a denominação de Mogul a vinte por cento do capital social cada uma,
Três) A sociedade pode constituir mandatário
mediante a outorga de procuração, acta Tecnologias, Limitada. subscrita pelos sócios: Dércio Paulino Azize
adequada para o efeito. Dala Matomone; Edson Bernardo da Conceição
ARTIGO SEGUNDO Mahangue; Domingos Bandeira Mate; e
ARTIGO SÉTIMO (Sede social) Kennedy Sidney Macandja e duas quotas iguais
no valor de dois mil meticais, equivalente a dez
(Casos omissos) Um) A sociedade tem a sua sede na cidade por cento do capital social cada uma, subscrita
Os casos omissos serão regulados pela do Maputo, província de Maputo, bairro do pelos sócios Carlos Bobo Matine e Hadson de
legislação comercial vigente e aplicável na Alto Maé, rua Augusto Macamo, n.º 16, terceiro Mauro Hilário Jojó.
República de Moçambique. andar. Dois) O capital social poderá ser alterado
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — Dois) A sociedade poderá decidir, por uma ou mais vezes, sob proposta da gerência,
O Técnico, Ilegível. simples deliberação da maioria dos sócios e fixando na assembleia geral as condições da sua
com a autorização das entidades competentes, realização e reembolso sem prejuízo, para além
a mudança da sede social e assim também criar dos sócios gozarem de preferência, nos termos
quaisquer outras formas de representação, onde em que forem deliberadas.
e quando julgue conveniente.
Mogul Tecnologias, Limitada ARTIGO SÉTIMO
ARTIGO TERCEIRO
Certifico, para efeitos de publicação, que, (Prestações suplementares e suprimentos)
no dia 25 de Janeiro de 2019, foi matriculada (Duração)
Os sócios poderão fazer à sociedade os
na Conservatória do Registo das Entidades A sociedade é constituída por tempo suprimentos de que esta carecer nos termos e
Legais, sob NUEL 101099563, uma entidade indeterminado, contando-se o seu início a partir condições a fixar pela assembleia geral.
denominada Mogul Tecnologias, Limitada. da data da respectiva constituição.
Nos termos do artigo nonagésimo do Código ARTIGO OITAVO
Comercial, é constituído o presente contrato de ARTIGO QUARTO
sociedade entre: (Divisão e cessão de quotas)
(Objecto social)
Dércio Paulino Azize Dala Matomone,
Um) A divisão e cessão de quotas dependem
solteiro, maior, natural de Maputo, portador Um) A sociedade tem por objecto social do consentimento da maioria dos sócios, sendo
do Bilhete de Identidade n.º 110100297203F, a prestação de serviços nas várias áreas, nulas quaisquer operações que contrariem a
emitido a 1 de Novembro de 2018, pela nomeadamente: presente disposição.
Direcção de Identificação Civil de Maputo; a) Consultoria e prestação de serviços em Dois) A cessão de quotas, quer entre os
Edson Bernardo da Conceição Mahangue, tecnologia de informação; sócios, quer a favor de terceiros depende sempre
solteiro, maior, natural de Maputo, portador b) Fornecimento de equipamentos e do consentimento da sociedade, a solicitar por
do Bilhete de Identidade n.º 100100061800B, suprimentos de informática; escrito, com indicação do cessionário e de todas
emitido a 22 de Junho de 2015, pela Direcção c) Desenvolvimento e licenciamento de as condições de cessão.
de Identificação Civil de Maputo; programas de computador;
Domingos Bandeira Mate, solteiro, maior, Três) No caso de cessão de quotas, os sócios
d) Suporte técnico, manutenção e gozam do direito de preferência.
natural de Maputo, portador do Bilhete de outros serviços em tecnologia de
Identidade n.º 11010006797N, emitido aos Quatro) Na eventualidade de nenhum dos
informação; sócios estar interessado a gozar o seu direito
12 de Junho de 2015, pela Direcção de e) Representações.
Identificação Civil de Maputo; de preferência, o sócio cessionário poderá
Dois) A sociedade poderá exercer outras
Kennedy Sidney Macandja, solteiro, maior, fazê-lo a qualquer uma outra pessoa ou entidade
actividades conexas, desde que obtidas as
natural de Maputo, portador do Bilhete de interessada, livremente quando e nos termos
devidas autorizações, e com a deliberação da
Identidade n.º 110102753579B, emitido a 19 de que quiser.
assembleia geral.
Julho de 2017, pela Direcção de Identificação
ARTIGO NONO
Civil de Maputo; ARTIGO QUINTO
Carlos Bobo Matine, solteiro, maior, natural (Órgãos sociais)
(Participações em outras empresas)
de Maputo, portador do Bilhete de Identidade
A sociedade tem os seguintes órgãos sociais:
n.º 11030026641Q, emitido aos 28 de Agosto Por deliberação maioritária da assembleia
de 2015, pela Direcção de Identificação Civil geral, é permitida a participação da sociedade a) A assembleia geral dos sócios;
de Maputo; e em quaisquer outras empresas societárias, b) A administração e gerência.
11 DE FEVEREIRO DE 2019 785

ARTIGO DÉCIMO Legais, sob NUEL 101091058, uma entidade ARTIGO TERCEIRO
(Assembleia geral dos sócios)
denominada Wamad Company, Limitada.
(Capital social, suprimentos, cessão
É celebrado o presente contrato de sociedade,
Um) As assembleias gerais dos sócios ou divisão de quotas)
nos termos do artigo nonagésimo do Código
são convocadas por qualquer dos sócios por Um) O capital social, integralmente subscrito
Comercial, entre:
sua iniciativa, por carta registada, e com e realizado em dinheiro, é de 100.000.00MT
antecedência mínima de vinte dias. Wilson Carlos Sebastião Pinto, natural de
(cem mil meticais), e corresponde à soma de
Dois) É permitida a representação dos sócios Quelimane, estado civil solteiro, residente
duas quotas, assim distribuídas:
por via de uma procuração reconhecida em na cidade de Maputo, de nacionalidade
termos das leis vigentes no país. a) Uma quota de 50.000.00MT (cinquenta
moçambicana, portador do Bilhete de
Três) A assembleia geral irá reunir-se, em mil meticais), correspondente a
Identidade n.° 110100523945P, emitido pelo
sessão ordinária, uma vez por ano, de preferência 50% de capital social, pertencente
Arquivo de Identificação Civil, da cidade de
na sede social, para a avaliação, aprovação e ao senhor Wilson Carlos Sebastião
Maputo, a 31 de Março de 2015; e Abacar
alteração das contas e relatórios financeiros, e Pinto;
discutir outros assuntos relacionados com a vida Carlos Machado, natural de Quelimane,
b) Uma quota de 50.000.00MT (cinquenta
social da sociedade. estado civil solteiro, residente na cidade de mil meticais), correspondente a
Quatro) A assembleia geral será presidida Maputo, de nacionalidade moçambicana, 50% de capital social, pertencente
pelo presidente de conselho de administração, portador do Bilhete de Identidade ao senhor Abacar Carlos Machado.
e as suas deliberações serão válidas se estiver n.° 110304428156M, emitido a 13 de Dois) Por deliberação da assembleia geral de
presente o equivalente ou mais de cinquenta por Dezembro de 2018. accionistas, o capital social da sociedade pode
centos dos sócios convidados. Pelo presente contrato de sociedade ser aumentado em dinheiro.
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO outorgam e constituem entre si uma sociedade Três) Não são exigíveis prestações
por quotas de responsabilidade limitada, que se suplementares de capital, mas os sócios poderão
(Administração e gerência)
regerá pelas cláusulas seguintes: fazer à sociedade os suprimentos de que esta
Um) A administração e gerência da sociedade carecer.
bem como a sua representação, em juízo e fora CAPÍTULO I Quatro) A cessão de quotas dependerá do
dele, activa e passivamente será exercida consentimento da sociedade, no entanto, fica
ARTIGO PRIMEIRO
por Dércio Paulino Azize Dala, que desde já reservado o direito de preferência à sociedade
fica nomeado sócio gerente, com dispensa de (Denominação, duração e sede) da quota que se pretende ceder. Direito esse
caução, com ou sem remuneração, conforme que se não for exercido por ela, pertencerá aos
vier a ser deliberado pela assembleia geral. Um) A sociedade adopta a denominação
sócios indevidamente.
Dois) A sociedade fica obrigada em todos Wamad Company, Limitada. É uma sociedade
os seus actos e contratos pela assinatura de pelo comercial por quotas de responsabilidade CAPÍTULO II
menos dois sócios. limitada, criada por tempo indeterminado e que
Três) A gerência não poderá obrigar a se rege pelo presente contrato e pelos preceitos ARTIGO QUARTO
sociedade em actos e contratos que não digam legais aplicáveis. (Gerência e assembleia geral)
respeito ao seu objecto social, nomeadamente,
Dois) A sociedade tem a sua sede em Maputo,
fiança e abonações. Um) A sociedade é administrada e
Quatro) Os gerentes poderão nomear um podendo abrir sucursais, delegações, agências
representada por 2 (dois) sócios com os mesmos
procurador por meio de uma procuração ou qualquer outra forma de responsabilidade
poderes, sendo um dos quais designado a
reconhecida em termos das leis vigentes no país. social onde e quando a administração o julgar
exercer o cargo de sócio administrador, Abacar
conveniente.
ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO Carlos Machado.
ARTIGO SEGUNDO Dois) Em caso algum, o gerente ou seu
(Dissolução da sociedade) mandatário poderá obrigar a sociedade em
A sociedade dissolve-se por acordo da (Objecto) actos e contratos estranhos aos seus objectos,
maioria dos sócios ou nos casos fixados na designadamente em letras de favor, fianças,
Um) A sociedade tem por objecto principal
lei e a sua liquidação será efectuada pelos avales e abonações.
o fornecimento a grosso de equipamentos,
gerentes que estiverem em exercício à data da Três) A assembleia geral reunirá, em sessão
máquinas e suas partes e prestação de serviços
sua dissolução. ordinária, pelos socios correspondentes, uma vez
diversos.
em cada seis meses, para apreciação, aprovação
ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO Dois) O objecto da sociedade inclui:
ou modificação do balanço e contas do exercício,
(Casos omissos) a) Comércio a grosso de outros bem como para deliberar sobre quaisquer outros
componentes e equipamentos assuntos constantes da respectiva convocatória,
Os casos omissos serão regulados pelas electrónicos e suas partes;
disposições aplicáveis e em vigor na República e, em sessão extraordinária, sempre que se
b) Fornecimento de produtos, bens, mostrar necessário.
de Moçambique.
máquinas e equipamentos diversos;
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — c) Comércio a grosso de máquinas, ARTIGO QUINTO
O Técnico, Ilegível.
ferramentas de máquinas para (Forma de obrigar)
construção e engenharia civil;
d) Comércio a grosso de ferragens, A sociedade será vinculada por:
ferramentas manuais e artigos para a) Assinatura de 2 (dois) administradores
canalizações e aquecimento; sobre assuntos contidos no
Wamad Company, Limtada e) Distribuição de material informático, âmbito dos poderes do conselho
Certifico, para efeitos de publicação, que, consumíveis e equipamentos de de administração, nos termos da
no dia 8 de Janeiro de 2019, foi matriculada escritório; legislação aplicável;
f) Comércio a grosso não especializado. b) Assinatura do sócio administrador
na Conservatória do Registo das Entidades
786 III SÉRIE — NÚMERO 28

sobre as matérias da sua denominada Malhori Healthcare, Limitada, e laboratorial, bem como dos
competência; entre: respectivos acessórios;
c) Assinatura de um ou mais Silson Erling Liú Malhori Mlhongo, solteiro, d) Prestação de serviços de assistência
mandatários autorizados pelo sócio maior, natural de Maputo, de nacionalidade técnica ao equipamento hospitalar;
administrador a agir em nome dele, moçambicana, portador do Bilhete de e) Prestação de serviços de consultoria,
e no âmbito do limite dos seus Identidade n.o 110100299001C, emitido aos referentes à planificação,
respetivos mandatos. oito de Julho de dois mil e dez, pelo Arquivo reestruturação e implantação de
de Identificação Civil da Cidade de Maputo, projectos, no sector da saúde;
CAPÍTULO III residente no bairro de Sommreschild, rua f) Construção de hospitais, laboratórios e
ARTIGO SEXTO Maia e Vasconcelos, n.º 68; e centros de saúde;
Owen Erling Mlhongo, menor, natural da cidade g) Fabrico, capsulagem e embalagem de
(Das contas e resultados) de Maputo, de nacionalidade moçambicana, medicamentos, vacinas e reagentes
Um) A sociedade deve abrir e manter, em seu portador do Bilhete de Identidade n.o laboratoriais;
nome, uma ou mais contas bancárias para todos 110102902795N, emitido aos vinte e nove h) Consignações e representações
os fundos da sociedade, num ou mais bancos, de Novembro de 2018, pelo Arquivo de comerciais no sector da saúde;
mediante deliberação dos administradores. Identificação Civil da Cidade de Maputo, i) Consultoria na área de seguros,
Dois) Nenhum pagamento poderá ser feito representado pelo pai acima identificado. incluindo planos de seguro de
a partir das contas bancárias da sociedade, sem É pelo presente contrato, constituída uma saúde;
autorização e assinatura dos administradores. sociedade por quotas de responsabilidade j) Venda e gestão de planos de seguro
Três) Anualmente será apresentado um limitada, com sede empresarial na cidade de de saúde.
balanço com a data de trinta e um de dezembro. Maputo, Avenida Julius Nyerere, n.º 308, Dois) Fica o conselho de administração
Os lucros que o balanço registar, líquidos primeiro andar, que se irá reger pelos seguintes autorizado a deliberar sobre o exercício de
de todas as despesas e encargos, terão a da artigos: quaisquer actividades não compreendidas
percentagem constituída para o fundo de reserva no presente artigo, desde que o faça com
CAPÍTULO I observância das disposições legais referentes
legal e o remanescente para os dividendos aos
sócios de acordo com as suas quotas. Da denominação, sede e duração ao licenciamento industrial e comercial.
e objecto Três) A sociedade poderá participar,
CAPÍTULO IV sem limite, no capital de outras sociedades
ARTIGO PRIMEIRO constituídas ou a constituir, que tenham objecto
ARTIGO SÉTIMO
(Denominação) diferente do seu, por investimento próprio ou
(Disposições, dissolução transitórias associando-se a terceiros.
e finais) A sociedade adopta a forma de sociedade
por quotas de responsabilidade limitada, com a CAPÍTULO II
Um) A dissolução da sociedade só se
denominação de Malhori Healthcare, Limitada,
efectuará nos termos da legislação em vigor, ARTIGO QUINTO
e irá reger-se pelos presentes estatutos e pela
por iniciativa de um dos sócios ou de falência
legislação aplicável. (Capital social)
decretada em juízo.
Dois) Por morte ou interdição de qualquer ARTIGO SEGUNDO Um) O capital social, integralmente subscrito
dos sócios, a sociedade não se dissolve, e realizado em dinheiro, é de duzentos mil
continuando a sua quota com os seus sucessores (Sede social) meticais e divide-se em duas quotas, conforme
ou representantes do sócio falecido ou interdito, se segue:
enquanto continuar indivisa. A sociedade tem a sua sede em Maputo,
Avenida Julius Nyerere, n.° 308, primeiro a) Uma quota no valor nominal de
ARTIGO OITAVO andar, em Maputo, podendo, por deliberação 180.000.00MT, (cento e oitenta
dos sócios, abrir sucursais, filiais, agências ou meticais), correspondente a 90%
(Casos omissos) do capital social, pertencente ao
qualquer forma de representação, bem como
Um) Em todo o caso omisso, regularão as escritórios onde e quando julgue conveniente, sócio Silson Erling Liú Malhori
disposições legais em vigor na República de em Moçambique ou no estrangeiro. Mlhongo;
Moçambique. b) Uma quota no valor nominal de
Dois) E por estarem assim, justos e ARTIGO TERCEIRO 20.000.00MT, (vinte mil meticais),
contratados, os sócios obrigam-se a cumprir o correspondente a 10% do capital
(Duração)
presente contrato, assinando-o em três vias de social, pertencente ao sócio Owen
igual teor para os regulares efeitos de direito. A duração da sociedade é por tempo Erling Mlhongo.
indeterminado. Dois) Os sócios gozam de direito de
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
preferência, sempre que ocorram aumentos de
O Técnico, Ilegível. ARTIGO QUARTO capital por entradas de dinheiro, sendo que lhes
(Objecto social) caberá o direito de preferência de subscrição, na
proporção do capital que possuirem à data em
Um) A sociedade tem por objecto: que for deliberado o aumento de capital.
Malhori Healthcare, a) Importação e distribuição de produtos Três) Por consentimento da assembleia geral,
farmacêuticos; o capital social poderá ser aumentado uma ou
Limitada mais vezes, quer seja por incremento realizado
b) Produção de produtos farmacêuticos,
Certifico, para efeitos de publicação, que, mediante aprovação prévia; pelos sócios ou pela admissão de novos sócios.
no dia 10 de Janeiro de 2019, foi matriculada c) Importação e distribuição de Quatro) Por consentimento dos sócios, no
na Conservatória do Registo das Entidades equipamento hospitalar, meio dos exercícios poderá haver prestações
Legais, sob NUEL 101099644, uma entidade incluindo equipamento cirúrgico suplementares de capital, que serão devidamente
11 DE FEVEREIRO DE 2019 787

espelhados no fecho de contas anual e entendidos até que este atinja a maioridade, de Maputo, residente na Avenida Eduardo
pela sociedade como empréstimos a serem podendo dispôr da referida quota Mondlane, n.º 1520, décimo segundo
reembolsados. ao seu critério até à referida data. andar, portadora do Bilhete de Identidade
Dois) Os actos de mero expediente poderão n.º 110102661449B, emitido a 19 de
CAPÍTULO III ser assinados pelo gerente, pelo director-geral Setembro de 2018, pelo Arquivo de
Dos órgãos sociais ou por qualquer empregado devidamente Identificação Civil de Maputo; e
autorizado. Luís Carlos Goulap Júnior, maior, solteiro,
ARTIGO SEXTO Três) Em caso algum, poderão os gerentes, de nacionalidade moçambicana, natural
(Assembleia geral) director-geral ou mandatários comprometer de Maputo, residente no bairro do
a sociedade em actos ou contratos estranhos Infulene, quarteirão 64, n.o 37, cidade da
Um) Compete à assembleia geral deliberar ao seu objecto designadamente em letras e Matola, portador do Bilhete de Identidade
por unanimidade dos sócios com maior livranças de favor, fianças e abonações. n.º 110104691713P, emitido a 19 de
participação, quer estejam presentes ou Setembro de 2018, pelo Arquivo de
representados sobre: ARTIGO NONO Identificação Civil de Maputo.
a) Quaisquer alterações dos estatutos e (Exercício social) Pelo presente contrato, outorgam e
ou aumentos de capital; constituem uma sociedade por quotas de
b) A alienação ou cessão parcial ou total Um) O exercício social coincide com o ano responsabilidade limitada, que se regerá pelos
do seu património; social. artigos seguintes e pelos preceitos legais em
c) A política de dividendos; Dois) O balanço e contas de resultados têm vigor na República de Moçambique:
d) Os empréstimos para além daqueles como referência, para a data de fecho, o dia
necessários para a gestão corrente trinta e um de Dezembro e são submetidos para ARTIGO PRIMEIRO
da sociedade; apreciação da assembleia geral.
(Denominação e sede)
e) A aprovação de qualquer acordo ou Três) Os lucros apurados em cada exercício
transacção, incluindo pagamentos social terão, depois de tributados, a seguinte A sociedade adopta a denominação de Safe
às empresas onde eventualmente os aplicação: Planet Service, Limitada, abreviadamente Safe
sócios tenham participações; a) Cinco por cento para o fundo de Planet, Limitada e tem a sua sede na Avenida
f) Aprovação das participações financeiras reserva legal; Eduardo Mondlane, n.º 2049, décimo segundo
em outras sociedades; b) De acordo com a deliberação da andar, na cidade de Maputo, podendo abrir
g) Emissão de qualquer resolução especial assembleia geral, será determinada escritórios ou sua sede para qualquer ponto do
relativa às questões consagradas no a quantia a destinar-se a constituir país ou no estrangeiro.
presente artigo. reservas;
ARTIGO SEGUNDO
Dois) Compete à assembleia geral deliberar c) O remanescente, constitui dividendo a
por maioria qualificada de setenta e cinco por distribuir pelos sócios. (Duração)
cento dos votos presentes ou representados: A duração da sociedade é por tempo
ARTIGO DÉCIMO
a) Sobre o relatório da gestão e as contas indeterminado, contando-se o seu começo a
do exercício; (Dissolução) partir da data da sua constituição.
b) As propostas de aplicação dos Um) A sociedade dissolve-se nos casos e
resultados; ARTIGO TERCEIRO
termos que a lei estabelecer.
c) A eleição ou destituição da mesa da Dois) A liquidação da sociedade reger-se-á (Objecto e participação)
assembleia geral, do conselho de pelas disposições da lei e pelas deliberações da
administração e do director-geral. A sociedade tem por objecto: o exercício
assembleia geral. da actividade de limpeza geral e conservação;
ARTIGO SÉTIMO auxílio em actividades domésticas;
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
desinsectização, desratização e dedetização
(Administração e gerência)
(Casos omissos) de imóveis; conservação de áreas verdes;
A administração da sociedade, compete ao desinfecção de reservatórios.
Em todo o que for omisso, regularão as
sócio maioritário, Silson Erling Liú Malhori disposições legais em vigor na República de ARTIGO QUARTO
Mlhongo, que poderá eleger um conselho de Moçambique.
administração. (Capital social)
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
ARTIGO OITAVO O Técnico, Ilegível. O capital social, integralmente realizado
em dinheiro, é de 15.000.00MT (quinze mil
(Formas de obrigar a sociedade) meticais), dividido em duas partes: sendo uma
quota no valor nominal de 7.500.00MT (sete
Um) A sociedade ficará obrigada: mil e quinhentos meticais), pertencente à sócia
a) Pela assinatura do sócio Silson Erling Luana Cidália Jessen Goulap, e outra quota
Liú Malhori Mlhongo ou pela Safe Planet Service, Limitada nominal de 7.500.00MT (sete mil e quinhentos
assinatura de um mandatário ao meticais), pertencente à quota do sócio Luís
Certifico, para efeitos de publicação, que,
qual este venha a designar, nos Carlos Goulap Júnior.
no dia 21 de Janeiro de 2019, foi matriculada
termos e limites específicos do na Conservatória do Registo das Entidades ARTIGO QUINTO
respectivo mandato; Legais, sob NUEL 101096602, uma entidade
b) O sócio Silson Erling Liú Malhori denominada Safe Planet Service, Limitada, (Administração da sociedade)
Mlhongo é responsável pela entre: Um) A administração da sociedade é
administração da quota referente Luana Cidália Jessen Goulap, maior, solteira, exercida pelos sócios que desde já ficam
ao sócio Owen Erling Mlhongo, de nacionalidade moçambicana, natural nomeados administradores.
788 III SÉRIE — NÚMERO 28

Dois) A sociedade fica obrigada pela tem a sua sede na cidade de Maputo, Rua 13031, Vicente João Sitoe, solteiro maior, de
assinatura dos administradores ou ainda n.º 61, rés-do-chão, bairro Sommerchild. nacionalidade moçambicana, natural de
procurador especialmente designado para o Maputo, portador do Bilhete de Identidade
efeito. ARTIGO SEGUNDO n.º 110100032082Q, emitido aos 17
(Duração) de Novembro de 2015, pelo Arquivo de
ARTIGO SEXTO Identificação Civil de Maputo, residente no
A sociedade é constituída por tempo
(Dissolução e liquidação da sociedade) bairro Hulele B, quarteirão 38 casa n.º 7, rés-
indeterminado, contando-se o seu início a partir
do-chão.
Um) A sociedade somente se dissolve nos da data do presente contrato.
Que pelo presente instrumento, constitui,
termos fixados na lei. uma sociedade unipessoal de responsabilidade
ARTIGO TERCEIRO
Dois) Declarada a dissolução da sociedade, limitada, que reger-se-á pelo seguinte artigo 90
proceder-se-á à sua liquidação, gozando os (Objecto)
do Código Comercial.
liquidatários, nomeados pelos sócios, dos mais Um) A sociedade tem por objecto a prestação
amplos poderes para o efeito. de serviços de consultorias científicas, técnicas ARTIGO PRIMEIRO
e similares. (Denominação e sede)
ARTIGO SÉTIMO
Dois) A sociedade poderá desenvolver outras
(Morte, interdição ou inabilitação) actividades complementares ou acessórias ao A sociedade adopta a denominação de EPG
objecto principal. Consulting − Sociedade Unipessoal, Limitada,
Um) Em caso de morte, interdição ou e tem a sua sede na cidade de Maputo, bairro
inabilitação dos sócios, a sociedade continuará ARTIGO QUARTO central, Avenida 25 de Setembro, n.º 1123, 3.º
com os herdeiros e à falta destes com os andar.
(Capital social)
representantes legais, caso estes manifestem a
intenção de continuar na sociedade no prazo de O capital social, integralmente realizado ARTIGO SEGUNDO
seis meses após a notificação. e subscrito em dinheiro, é de 10.000.00MT,
(Duração)
Dois) Caso não haja herdeiros ou correspondente a cem por cento do capital
representantes legais, poderão os interessados social, pertencente a Luís Manuel Noronha A sociedade é constituída por tempo
pagar e adquirir a quota do sócio a quem tem Cardoso da Fonseca Mergulhão. indeterminado, contando-se o seu início a partir
direito pelo valor que o balanço apresentar à data da data do presente contrato.
ARTIGO QUINTO
do óbito ou da certificação daqueles estados.
(Administração e representação) ARTIGO TERCEIRO
ARTIGO OITAVO
A administração e representação da sociedade (Objecto)
(Disposição final) serão exercidas pelo sócio Luís Manuel Noronha
Um) A sociedade tem por objecto:
Tudo o que ficou omisso será regulado e Cardoso da Fonseca Mergulhão.
A prestação de serviços de consultorias
resolvido de acordo com a lei comercial. científicas, técnicas e similares.
ARTIGO SEXTO
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — Dois) A sociedade poderá desenvolver outras
(Formas de obrigar a sociedade)
O Técnico, Ilegível. actividades complementares ou acessórias ao
Para que a sociedade fique validamente objecto principal.
obrigada nos seus actos e contratos, é bastante
a assinatura do sócio Luís Manuel Noronha ARTIGO QUARTO
Cardoso da Fonseca Mergulhão com plenos
(Capital social)
poderes para nomear mandatário(s) à sociedade.
MFM Consulting – Sociedade ARTIGO SÉTIMO O capital social, integralmente realizado
Unipessoal, Limitada e subscrito em dinheiro, é de 10.000,00MT
(Casos omissos)
Certifico, para efeitos de publicação, que, correspondente a cem por cento do capital
no dia 28 de Janeiro de 2019, foi matriculada Em tudo quanto fica omisso, regularão as social, pertencente ao sócio Vicente João Sitoe.
na Conservatória do Registo das Entidades disposições do código comercial, aprovado pelo
Decreto-Lei n.o dois barra dois mil e cinco, de ARTIGO QUINTO
Legais, sob NUEL 101098878, uma entidade
denominada MFM Consulting - Sociedade vinte e sete de Dezembro, e demais legislação (Administração e representação)
Unipessoal, Limitada. aplicável.
A administração e representação da
Luís Manuel Noronha Cardoso da Fonseca Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
Mergulhão, de nacionalidade portuguesa, sociedade serão exercidas pelo sócio Vicente
O Técnico, Ilegível.
portador do Passaporte n.° N963427, emitido João Sitoe.
aos 25 de Novembro de 2015, residente no
ARTIGO SEXTO
bairro Ferroviário, casa n.º 368, cidade de
Maputo. (Formas de obrigar a sociedade)
Que, pelo presente instrumento, constitui
uma sociedade unipessoal de responsabilidade EPG Consulting − Sociedade Para que a sociedade fique validamente
limitada, que se regerá pelo artigo nonagésimo Unipessoal, Limitada obrigada nos seus actos e contratos, é bastante
do Código Comercial. a assinatura do sócio Vicente João Sitoe com
Certifico, para efeitos de publicação, que no plenos poderes para nomear mandatário(s) à
ARTIGO PRIMEIRO dia 28 de Janeiro de 2019, foi matriculada na sociedade.
Conservatória do Registo das Entidades Legais ARTIGO SÉTIMO
(Denominação e sede) sob NUEL 101098842 entidade denominada
A sociedade adopta a denominação de MFM EPG Consulting − Sociedade Unipessoal, Em tudo quanto fica omisso, regularão as
Consulting - Sociedade Unipessoal, Limitada, e Limitada. disposições do Código Comercial, aprovado
11 DE FEVEREIRO DE 2019 789

pelo Decreto-Lei número dois barra dois mil e e cortesia no relacionamento familiar e social, (20.000,00MT), correspondente à soma de duas
cinco, de vinte e sete de Dezembro, e demais preparar a criança para o conhecimento do corpo quotas desiguais, assim distribuídas:
legislação aplicável. humano, despertar na criança o amor a pátria. a) Bing Yang, com um valor de
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — O Técnico Dois) A sociedade poderá exercer outro tipo 1.000,00MT, equivalente a 1% do
Ilegível. de actividades conexas ou complementares, capital social;
bem como participar em outras associações e b) Hubei Province Lianfeng Overseas
fundações. Agricultural Development Group
CO., Ltd, com um valor de
ARTIGO QUARTO
Centro Infantil My Childhood 19.000,00MT, equivalente a 99%
Capital social do capital social.
Academy − Sociedade Dois) …..
Unipessoal, Limitada O capital social, integralmente realizado,
é de 20.000,00MT (vinte mil meticais), ..........................................................................
Certifico, para efeitos de publicação, que pertencente ao único sócio, Jean de Amour
no dia 15 de Maio de 2017, foi matriculada, Hatangimana representando cem por cento do ARTIGO OITAVO
na Conservatória do Registo de Entidades capital social declarado.
(Administração e gestão da sociedade)
Legais, sob NUEL 100856077 uma sociedade
denominada Centro Infantil My Childhood ARTIGO QUINTO Um) ….
Academy − Sociedade Unipessoal, Limitada. Dois) A sociedade fica obrigada pela
Gerência
É celebrado o presente contrato de sociedade, assinatura conjunta ou individual do sócio Bing
nos termos do artigo 90 do Código Comercial. Um) A administração e a sua representação Yang e do representante da Hubei Province
Entre Jean de Amour Hatangimana casado, em juízo, ou fora dele, serão remuneradas Lianfeng Overseas Agricultural Development
portador do Cartão de Identificação de e fica a cargo de um único sócio. O sócio Group CO., Ltd, Guowen Yu, ou ainda pela
Requerente de Asilo n.º 367-00017994, emitido poderá constituir procurador para a prática de assinatura do administrador ou gerente dentro
pelo Ministério dos Negócios Estrangeiros e determinados actos ou categorias de actos. dos limites estabelecidos no respectivo mandato
Cooperação, aos 19 de Janeiro de 2018, de Dois) Para obrigar a sociedade em todos os ou procuração.
nacionalidade burundês, residente nesta cidade assuntos, basta apenas a assinatura do único Três) …..
de Maputo. sócio. Quatro) …..
Pelo presente contrato de outorga é
constituído entre si uma sociedade por quotas ARTIGO SEXTO Maputo, 22 de Janeiro de 2019. —
de responsabilidade limitada, que se regerá pelas O Notário, Ilegível.
cláusulas seguintes. Amortização de quotas

Um) A sociedade poderá amortizar quota


ARTIGO PRIMEIRO
nos seguintes casos:
Sede, estabelecimento e denominação Quando pela sua conduta, comportamento
A sociedade adopta com a denominação prejudique a vida ou actividade da sociedade; J E P – African Company
social de Centro Infantil My Childhood Dois) O valor da quota para efeitos de Services, Limitada
Academy − Sociedade Unipessoal, Limitada, amortização, será o respectivo valor nominal.
e tem a sua sede no bairro da T3, quarteirão Maputo, 1 de Fevereiro de 2019.— Certifico, para efeitos de publicação, que
2, célula E, casa número 320, que poderá a O Técnico, Ilegível. por acta do dia vinte e três de Janeiro de dois
sociedade mudar a sua sede para outros cantos mil e dezanove, nesta cidade de Maputo e no
do país e abrir filiais. escritório da empresa, realizou-se a assembleia
geral extraordinária da sociedade J E P – African
ARTIGO SEGUNDO Company Services, Limitada, matriculada
Duração Lianfeng África Agriculture na Conservatória do Registo de Entidades
Development Company, Legais sob o n.º 100109972, titular do NUIT
A sociedade é constituído por tempo Limitada 400234541, em que estiveram presentes
indeterminado, contando-se o seu início a os sócios João Pontes Simões Melâneo e
partir do dia da sua legalização oficial do Certifico, para efeitos de publicação, que no Lourenço Monteiro Pontes, mostrando-se assim
presente contrato, de sociedade nas entidades dia catorze de Janeiro de dois mil e dezanove, integralmente representado o capital social,
competentes. na Conservatória em epígrafe procedeu-se a tendo sido deliberada a cessão total das quotas
cedência de quotas e entrada de novo sócio e, em consequência, alterado o artigo terceiro
ARTIGO TERCEIRO
na sociedade, Lianfeng Africa Agriculture dos estatutos, o qual passou a ter a seguinte
Objecto da sociedade Development Company, Limitada, matriculada redacção:
A sociedade tem como objecto social a sob o NUEL 101053652, sita no bairro 1,
importação e exportação, representações rua do Matadouro na cidade de Xai-Xai. ARTIGO TERCEIRO
de serviços de consultoria, contabilidade, Em consequência desta cedência. é alterado
O capital social, integralmente subscrito e
desenvolver a linguagem da criança, estimular parcialmente o artigo quarto, número um e
realizado em dinheiro, é de vinte mil meticais,
o desenvolvimento sensorial, desenvolver oitavo número dois passando a terem a seguinte
dividido em duas quotas, no valor de dez mil
atenção, memória de raciocino, estimular o nova redacção:
meticais e equivalentes a cinquenta por cento
desenvolvimento da capacidade expressão
ARTIGO QUARTO do capital social cada uma, pertencentes aos
plástica musical e corporal, desenvolver
sócios Pedro Miguel Gomes Barbosa e Augusto
progressivamente a autonomia e o sentido de (Capital social)
Joaquim Pedrosa Pinhal.
responsabilidade, criar hábitos de higiene e
incutir regras para a defesa da saúde individual Um) O capital social, integralmente subscrito Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
e colectiva, ensinar as regras de procedimento e realizado em dinheiro, é de vinte mil meticais O Técnico, Ilegível.
790 III SÉRIE — NÚMERO 28

Grão a Grão Consultoria b) Formação, estudos de mercado, ARTIGO DÉCIMO


fornecimento e prestação de serviços
e Prestação de Serviços Dissolução da sociedade
de equipamento informático;
– Sociedade Unipessoal, c) Consultoria e manutenção de Um) A sociedade só se dissolverá nos casos
Limitada equipamento informático, e nos termos previstos na lei.
fornecimento de consumíveis Dois) Dissolvendo-se por decisão da sócia,
Certifico, para efeitos de publicação, que constituir-se-ão liquidatários e concluída a
informáticos e material de
por certidão de vinte de Dezembro de dois mil liquidação e pagos todos os encargos o produto
escritório;
e dezoito, com NUEL 101086941, registado líquido reverte a sócia o remanescente.
na Conservatória do Registo de Entidades d) Aluguer de equipamento para
Legais, foi constituída à favor da Celeste Elsa entretenimento, prestação de ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
da Conceição Alexandre Banze Filipe, uma serviços de DJ, prestação de
serviços de entregas diversa, venda Casos omissos
sociedade unipessoal de responsabilidade
limitada, denominada Grão a Grão Consultoria de géneros alimentícios. Em tudo o mais que fica omisso regularão
e Prestação de Serviços Sociedade Unipessoal, Dois) A sociedade poderá ainda exercer as disposições do Código Comercial, e
Limitada, com sede na rua E, casa n.º6, bairro quaisquer outras actividades conexas e demais Legislação aplicável na República de
Ferroviário- Maputo, que se regerá pelas permitidas por lei, que a sócia decida explorar, Moçambique.
cláusulas constantes dos artigos seguintes: directa ou indirectamente relacionadas com o Maputo, 20 de Dezembro de 2018. —
É constituída a presente sociedade unipessoal, seu objecto e constituir sociedades, bem como O Técnico, Ilegível.
limitada, nos termos do Código Comercial por: adquirir participações sociais em quaisquer
Celeste Elsa da Conceição Alexandre Banze outras sociedades ou entidades, sujeitas ou não
Filipe, casada com João André Albano a leis especiais.
Filipe sob regime de comunhão geral de
bens, natural de Maputo, de nacionalidade CAPÍTULO II
moçambicana, residente na cidade da Mila’s Transportes
Matola, Avenida Rio Matola, n.º 466, Do capital social – Sociedade Unipessoal,
portadora do Bilhete de Identidade Limitada
ARTIGO QUARTO
n.° 110100099483N, emitido aos oito de
Abril de dois mil e dezasseis, pela Direcção O capital social, integralmente subscrito Certifico, para efeitos de publicação, que
Nacional de Identificação Civil de Maputo. em dinheiro é de 20.000,00MT (vinte mil no dia três de Janeiro de dois mil e dezanove,
Pelo presente contrato, constitui uma meticais), correspondente a uma única quota foi matriculada, na Conservatória do Registo
sociedade por quotas unipessoal, que se regerá pertencente à sócia Celeste Elsa da Conceição de Entidades Legais de Nampula, sob NUEL
pelas cláusulas seguintes: Alexandre Banze Filipe, equivalente a 100% 101089827, a cargo de Inocêncio Jorge Monteiro,
(cem porcento) do capital social, podendo conservador notário técnico, uma sociedade
CAPÍTULO I unipessoal de responsabilidade limitada
ser aumentado uma ou mais vezes, sendo os
Denominação, duração, sede e objecto denominada Mila’s Transportes – Sociedade
quantitativos e modalidades decididos pela
Unipessoal, Limitada, constituída entre o sócio
ARTIGO PRIMEIRO sócia.
António Anselmo Milambo, natural de Maputo,
Denominação de nacionalidade moçambicana, portador de
CAPÍTULO III
Bilhete de Identidade n.º 110100026519C,
A sociedade adopta a denominação de Grão Administração, gestão emitido pela Direccão de Identificação Civil de
a Grão Consultoria e Prestação de Serviços e representação Maputo, aos 11 de Novembro de 2015, residente
- Sociedade Unipessoal, Limitada, que se na rua Fernão Veloso, bairro de Ribaué, cidade
regerá pelos presentes estatutos, e demais ARTIGO QUINTO de Nacala Porto, província de Nampula. Celebra
legislação aplicável e em vigor na República entre si o presente contrato de sociedade que
Um) A administração, gestão e representação
de Moçambique. na sua vigência se regerá, com base nos artigos
da sociedade em juízo ou fora dela, são exercidas
que se seguem:
ARTIGO SEGUNDO pela sócia única Celeste Elsa da Conceição
Alexandre Banze Filipe que fica nomeada ARTIGO PRIMEIRO
Duração e sede
administradora, bastando a sua assinatura para
(Denominação)
Um) A sociedade é constituída por tempo obrigar a sociedade em todos actos.
indeterminado, contando para todos os efeitos, Dois) A administradora pode nomear A sociedade adopta a denominação Mila’s
o seu início a data da celebração do presente gerentes ou mandatários, a quem caberá a Transportes - Sociedade Unipessoal, Limitada.
contrato. representação da sociedade nos actos que
Dois) A sociedade tem a sua sede na rua E, ARTIGO SEGUNDO
expressamente sejam a si designados, dispondo
casa n.º 6, bairro Ferroviário-Maputo. de poderes legalmente consentidos para a (Sede)
Três) A sócia única poderá decidir abrir e
prossecução e realização do objecto, que a lei e o
encerrar delegações, filiais, sucursais, agências A sociedade Mila’s Transportes – Sociedade
presente estatuto não reservam a administração. Unipessoal, Limitada, constituída sob forma
ou outras formas de representação em território
nacional ou no estrangeiro, incluindo mudar de sociedade unipessoal de responsabilidade
CAPÍTULO IV
a sede, desde que obtenha as necessárias limitada e a sua sede está estabelecida rua
autorizações. Das disposições gerais Fernão Veloso, bairro de Ribaué, cidade de
Nacala Porto, província de Nampula.
ARTIGO TERCEIRO ARTIGO NONO
ARTIGO TERCEIRO
Objecto Ano económico
(Duração)
Um) A sociedade tem por objecto: O exercício do ano económico coincide com
a) Consultoria e prestação de serviços em o ano civil e os resultados tem a referência a A duração é por tempo indeterminado,
ciências sociais; trinta e um de Dezembro de cada ano. contando-se o seu início a partir da data da
11 DE FEVEREIRO DE 2019 791

escritura pública ou registo na Conservatória ARTIGO NONO ARTIGO TERCEIRO


do Registo de Entidades Legais.
(Disposições diversas e casos omissos) Sede
ARTIGO QUARTO Um) A sociedade não se dissolve por A sociedade tem a sua sede no bairro de
(Objecto) extinção, morte ou interdição do/s sócio/s, Muxilipo posto Administrativo de Muanona
continuando com os sucessores, herdeiros e/ou cidade de Nacala Porto, província de Nampula,
Um) A sociedade tem como objecto representantes do falecido ou interdito, os quais podendo por deliberação da assembleia geral
principal: exercerão em comum os respectivos direitos, transferi-la para outro local, abrir, manter ou
a) Aluguer de veículos automóveis; enquanto a quota permanecer indivisa. encerrar sucursais, filiais, agências, escritórios,
b) Transportes de cargas de mercadorias; Dois) Em todos casos omissos, regularão as delegações ou outra forma de representação
c) Comércio geral; pertinentes disposições do Código Comercial
social, onde e quando o julgar conveniente
d) Importação e exportação. e demais legislação aplicável e em vigor na
Dois) A sociedade poderá ainda desenvolver República de Moçambique. ARTIGO QUARTO
outras actividades comerciais, prestação Nampula, 3 de Janeiro de 2018. —
de serviços e conexas, complementares ou Objecto social
O Técnico, Ilegível.
subsidiárias ao objecto principal em que o sócio Um) A sociedade tem por objecto:
único acorde, podendo ainda praticar todo e
a) Agro processamento e comercialização
qualquer acto de natureza lucrativa permitido
por lei, desde que se delibere e se obtenha as de cereais, oleaginosas e
devidas autorizações. leguminosas;
Nacala Agro Processing, b) Comércio geral;
ARTIGO QUINTO c) Importação e exportação.
Limitada
(Capital social)
Dois) A sociedade poderá desenvolver outras
Certifico, para efeitos de publicação, actividades desde que haja uma deliberação
O capital social, integralmente subscrito que no dia três de Dezembro de dois mil e em assembleia geral, poderá também adquirir
e realizado em dinheiro é de (20.000,00MT) dezoito, foi matriculada, na Conservatória e gerir participações de capital em qualquer
vinte mil meticais, correspondente a única do Registo de Entidades Legais de Nampula, sociedades, independentemente do respectivo
quota equivalente a cem por cento do capital sob NUEL 101078930, a cargo de Inocêncio objecto social, ou ainda participar em empresas,
social, pertencente ao sócio António Anselmo Jorge Monteiro, conservador notário técnico,
associações empresariais, agrupamentos de
Milambo, respectivamente. uma sociedade por quotas de responsabilidade
empresas ou outras formas de associação.
limitada, denominada Nacala Agro Processing,
ARTIGO SEXTO Limitada, constituída entre o sócio, Jatinkumar Três) Mediante deliberação da assembleia
Rasikbhai Patel, de nacionalidade indiana, geral, a sociedade poderá aceitar concessões
(Prestações suplementares)
natural de Gujarat, portador de DIRE e participar, directa ou indirectamente, em
Não haverá lugar a prestações suplementares n.º 03IN00084100P, emitido aos vinte e projectos que de alguma forma concorram para
mas o sócio único poderá efectuar à sociedade as seis de Julho de dois mil e dezassete, pelos o cumprimento do seu objecto social.
prestações de que a mesma carecer nos termos Serviços Provinciais de Migração de Nampula
e condições a definir por este. residente na Avenida FPLM, bairro Central, ARTIGO QUINTO
cidade de Nampula; Niravkumar Rameshbhai
Capital social
ARTIGO SÉTIMO Patel, de nacionalidade indiana, natural de
Gujarat, portador de DIRE n.º 03IN00009048P O capital social integralmente subscrito e
(Administração e representação da socie-
emitido aos vinte nove de Novembro de dois realizado em dinheiro, é de 6.217,000,00MT
dade)
mil e dezasseis, pelos Serviços Provinciais de (seis milhões duzentos e dezassete mil meticais),
Um) A administração e representação Migração de Nampula, residente na Avenida correspondente a soma de três quotas assim
da sociedade em juízo e fora dela activa ou das FPLM, rua sem saída, bairro Central, distribuídas:
passivamente, será exercida por António cidade de Nampula e Agro International FZC,
Anselmo Milambo de forma indistinta, e representada por Kevin Bakorbhai Patel, a) Uma quota no valor de 6.092.660.00MT
que desde já é nomeado administrador, com nacionalidade indiana, natural de Chapatia, (seis milhões noventa e dois mil
despensa de caução, sendo suficiente sua portador de Passaporte n.º H7954784, emitido seiscentos e sessenta meticais)
assinatura para obrigar a sociedade em todos pelos Serviços Provinciais de Migração de equivalente a 98% (noventa e
os actos e contratos. Nampula, aos 11 de Março de 2010, cidade de oito por cento) do capital social
Dois) O administrador poderá constituir Nampula. Celebram entre si o presente contrato pertencente ao sócio Agro
procuradores da sociedade para prática de de sociedade, que na sua vigência se regerá, com International FZC;
base nos artigos que se seguem: b) Uma quota no valor de 62.170.00MT
actos determinados ou categoria de actos a
delegar entre si os respectivos poderes para ARTIGO PRIMEIRO (sessenta e dois mil cento setenta
determinados negócios ou espécie de negócios. meticais) equivalente a 1% (um por
Denominação
cento) do capital social pertencente
ARTIGO OITAVO ao sócio, Jatinkumar Rasikbhai
A sociedade adopta a denominação Nacala
(Herdeiros) Agro Processing, Limitada. Patel;
c) Uma quota no valor de 62.170.00MT
Em caso de morte, interdição ou inabilitação ARTIGO SEGUNDO
(sessenta e dois mil cento setenta
do sócio único, seus herdeiros assumem
automaticamente o lugar na sociedade com
Duração meticais) equivalente a 1% (um por
dispensa de caução, podendo estes nomear seus A sociedade constitui-se por tempo cento) do capital social pertencente
representantes se assim o entenderem, desde que indeterminado contando o seu início a partir da ao sócio, Niravkumar Rameshbhai
obedeça o preceituado na lei. data da escritura pública ou registo da mesma. Patel, respectivamente.
792 III SÉRIE — NÚMERO 28

ARTIGO SEXTO ARTIGO DÉCIMO estabelecida na Avenida do Trabalho, bairro de


Mutauanha, Posto Administrativo de Muatala,
Cessão de quotas Dissolução
província de Nampula.
A cessão de quotas é livre para as sócias, Um) A sociedade não se dissolve por
mas à estranhos a sociedade depende do extinção, morte ou interdição de qualquer ARTIGO TERCEIRO
consentimento das sócias, aos quais fica sócio, continuando com os sucessores, herdeiros (Duração)
reservado o direito de sua preferência na ou representantes legais do ente querido ou
aquisição da quota que se pretende ceder. interdito, os quais exercerão em comuns A duração é por tempo indeterminado,
os respectivos direitos, enquanto a quota contando-se o seu início a partir da data da
ARTIGO SÉTIMO escritura pública ou registo na Conservatória
permanecer indivisa.
do Registo de Entidades Legais.
Administração e representação da socie- Dois) A sociedade só se dissolve nos casos
dade previstos na lei e por deliberação da assembleia ARTIGO QUARTO
geral que nomeará uma comissão liquidatária.
Um) A administração e representação da (Objecto)
sociedade, activa ou passivamente, em juízo fica ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO Um) A sociedade tem como objecto
a cargo dos sócios Jatinkumar Rasikbhai Patel
Casos omissos principal:
e Niravkumar Rameshbhai Patel, que desde já
são nomeados administradores. a) Comércio por grosso e a retalho de
Em todos casos omissos, regularão as
bens intermédios não agrícolas, n.e,
Dois) Os administrador têm todos os poderes pertinentes disposições do Código Comercial
de desperdícios e de sucatas;
necessários de administração de negócios ou da Lei das sociedades e demais legislação
b) Comércio geral;
a sociedade, podendo designadamente abrir e aplicável e em vigor na legislação da República
c) Importação e exportação.
movimentar contas bancárias e outros efeitos de Moçambique.
comerciais. Dois) A sociedade poderá ainda desenvolver
Nampula, 3 de Dezembro de 2018. — outras actividades comerciais, prestação
Três) O administrador poderá constituir O Conservador, Ilegível. de serviços e conexas, complementares ou
procuradores da sociedade para prática de
subsidiárias ao objecto principal em que o sócio
actos determinados ou categoria de actos a
único acorde, podendo ainda praticar todo e
delegar entre si os respectivos poderes para
qualquer acto de natureza lucrativa permitido
determinados negócios ou espécie de negócios.
por lei, desde que se delibere e se obtenha as
Quatro) Para obrigar a sociedade nos seus
actos e contratos é necessária a assinatura ou
Moz Still, Limitada devidas autorizações.

intervenção dos administradores. Certifico, para efeitos de publicação, que ARTIGO QUINTO
no dia vinte e oito de Dezembro de dois mil (Capital social)
ARTIGO OITAVO e dezoito, foi matriculada, na Conservatória
Assembleia geral do Registo de Entidades Legais de Nampula, O capital social, integralmente subscrito e
sob NUEL 101089231, a cargo de Inocêncio realizado em dinheiro é de (100.000,00MT)
Um) A assembleia geral reunirá Jorge Monteiro, conservador notário técnico, cem mil meticais, correspondente à soma de
ordinariamente uma só vez por ano, uma sociedade por quotas de responsabilidade duas quotas assim distribuídas:
de preferência na sede da sociedade para limitada denominada Moz Still, Limitada a) Uma quota no valor de cinquenta mil
apreciação, aprovação e modificação do balanço constituída entre os sócios Gimo António meticais equivalente a cinquenta por
e de contas do exercício e para deliberar sobre Alage, natural de Maputo, de nacionalidade cento do capital social, pertencente
quaisquer outros assuntos que tenham sido moçambicana, portador de Bilhete de Identidade ao sócio Gimo António Alage;
convocados e extraordinariamente sempre que n.º030102472084M, emitido aos 4 de Maio b) Uma quota no valor de cinquenta mil
for necessário. de 2018, pela Direcção de Identificação Civil meticais equivalente a cinquenta por
Dois) A assembleia geral serão sempre de Nampula, residente na rua de Tete n.º153, cento do capital social, pertencente
convocados por meio de carta registada, com bairro Central Cidade de Nampula e Anvarali ao sócio Anvarali Samsudin Junadu
aviso de recepção dirigida os sócios com Samsudin Junadu, solteiro, natural de Berajeja respectivamente.
antecedência mínima de trinta dias. Jamnar Guj - India, de nacionalidade indiana,
Três) É dispensada a reunião da assembleia portador de DIRE n.º03I00071090I, emitido aos ARTIGO SEXTO
geral as formalidades da sua convocação 5 de Maio de 2015, pelos Serviços Provinciais Assembleia geral
quando todas sócias concordarem por esta de Migração de Nampula, residente no bairro de
Muhala Expansão cidade de Nampula. Celebra A assembleia geral reunirá ordinariamente
forma se delibere, considerando-se válidos, uma só vez por ano, de preferência na sede
nessas condições as deliberações tomadas ainda entre si o presente contrato de sociedade que
na sua vigência se regerá, com base nos artigos da sociedade para apreciação, aprovação
que realizada fora da sede social, em qualquer e modificação do balanço e de contas do
que se seguem:
ocasião e qualquer que seja seu objecto. exercício e para deliberar sobre quaisquer
ARTIGO PRIMEIRO outros assuntos que tenham sido convocados e
ARTIGO NONO
extraordinariamente sempre que for necessário.
(Denominação)
Disposições diversas
A sociedade adopta a denominação Moz ARTIGO SÉTIMO
Um) Aos lucros líquidos anualmente Still, Limitada. (Administração e representação da socie-
apurados, depois de deduzidas a percentagem
dade)
para reserva legal, será dado o destino que vier ARTIGO SEGUNDO
a ser deliberado em assembleia geral. Um) A administração e representação
(Sede)
Dois) O ano fiscal coincide com o ano da sociedade em juízo e fora dela activa ou
civil a sociedade dissolver-se-á nos casos A sociedade Moz Still, Limitada, constituída passivamente, será exercida pelos senhores
expressamente previstos na lei ou quando for sob forma de sociedade unipessoal de Gimo António Alage e Anvarali Samsudin
deliberado pela assembleia geral. responsabilidade limitada e a sua sede está Junadu de forma indistinta, e que desde já
11 DE FEVEREIRO DE 2019 793

são nomeados administradores, com despensa CLÁUSULA SEGUNDA em fianças, avais, endossos e aceites de todo
de caução, sendo suficiente sua assinatura e qualquer título de favor ou que importem na
Objectivo social
para obrigar a sociedade em todos os actos e assunção de obrigações estranhas ao objecto
contratos. Um) A sociedade tem por objecto: social, seja em favor de qualquer dos quotistas,
Dois) Os administradores poderão constituir a) Agro processamento, distribuição seja em favor de terceiros.
procuradores da sociedade para prática de e comercialização de produtos Dois) A directora-executiva e financeira
actos determinados ou categoria de actos a agrícolas; terão direito a título de pro lavore, a uma retirada
delegar entre si os respectivos poderes para b) Importação e exportação de mensal, no valor que de comum acordo for
determinados negócios ou espécie de negócios. produtos agrícolas processados fixado pelas sócias e que será levado a débito
e, ou equipamentos e diversos na conta de despesas administrativas.
ARTIGO OITAVO
materiais afins para a distribuição Está conforme.
(Disposições diversas e casos omissos) e comercialização a grosso e a Matola, 8 de Julho de 2015. ­— O Técnico,
retalho; Ilegível.
Um) A sociedade não se dissolve por
c) Confecção, distribuição e
extinção, morte ou interdição do/s sócio/s,
continuando com os sucessores, herdeiros e/ou comercialização de alimentos
representantes do falecido ou interdito, os quais e bebidas a grosso e a retalho,
exercerão em comum os respectivos direitos, Catering, comercialização de
enquanto a quota permanecer indivisa. artigos de artesanato e promoção de Furos de Água, Limitada
Dois) Em todos casos omissos, regularão as actividades culturais de gastronomia
Certifico, para efeitos de publicação, que por
pertinentes disposições do Código Comercial e degustação.
acta da assembleia geral, de divisão e cessão
e demais legislação aplicável e em vigor na Dois) Por deliberação dos sócios, a sociedade total de quotas na sociedade em epígrafe,
República de Moçambique. poderá dedicar-se outras actividades distintas realizada no dia vinte sete de Junho do ano
Nampula, 28 de Dezembro de 2018. ­— das referenciadas nos números anteriores dois mil e dezanove, reuniu, na sua sede social,
O Técnico, Ilegível. permitidas nos termos da lei, ou ainda associar- sociedade por quotas de responsabilidade
se a outras empresas. limitada, com o capital social de vinte mil
meticais, matriculada nas entidades legais sob
CLÁUSULA TERCEIRA
NUEL 100480271, na presença dos sócios Meza
D’avozinha, Limitada Capital social Jaime Francisco Meza, em representatividade
Certifico, para efeitos de publicação, que por O capital social, subscrito e integralizado do sócio Pro-Service, Limitada, com sede
contrato de sociedade, celebrado nos termos do social na cidade de Inhambane, inscrita sob
neste acto e em moeda corrente nacional, é de
artigo 90, do Código Comercial e registada na NUEL 100480271 e Martinus Lourens Bosch,
5.000,00MT (cinco mil meticais), dividido em
Conservatória de Registo de Entidades Legais detentores de 50% do capital social, para cada
5.000 (cinco mil) quotas de 1,00 (um metical)
da Matola, com Número Único da Entidade um dos sócios. Totalizando os cem por cento
cada, e está assim distribuído entre os sócios:
legal 100639181, dia oito de Julho de dois do capital social.
a) D’bora Carvalho 4.000 quotas 4.000,00 Esteve como convidado a sociedade MMZ
mil e quinze, é constituída uma sociedade de
- 80%; Investimentos, Limitada, sedeada na cidade
responsabilidade limitada entre:
b) Maria José António Arão 1.000 quotas de Inhambane, no Balane 1, matriculada na
D’bora Adelaide Xavier Arão de Carvalho,
1000,00 - 20%; Conservatória do Registo de Entidades Legais,
moçambicana, solteira, natural de Nampula,
c) Total de 5.000 quotas 5.000,00 -100%. sob NUEL 100670771, representada neste acto
nascida em 15 de Novembro de 1977,
residente na cidade da Matola, bairro pelo senhor Meza Jaime Francisco Meza.
CLÁUSULA QUARTA
Sikwama, quarteirão 2, casa n.º 1016, Iniciada sessão, os sócios deliberaram por
portadora do Bilhete de Identidade Início de actividades, prazo de duração unanimidade que o sócio Martinus Lourens
n.º 110100160589S, emitida em Maputo e término do exercício social Bosch, divide em duas a sua quota, cede
aos 9 de Fevereiro de 2015; e A sociedade iniciará suas actividades quarenta por cento à favor do novo sócio MMZ
Maria José António Arão, moçambicana, no acto do registo do presente contrato de Investimentos, Limitada, que entra na sociedade
solteira, natural de Maputo, nascida em constituição no órgão competente, sendo por com todos os direitos e todas as obrigações,
19 de Abril de 1950, residente na cidade prazo indeterminado o seu tempo de duração e dez por cento à favor do sócio Pro-Service,
da Matola, bairro Sikwama, quarteirão 1, e encerrando-se seu exercício social em 31 de Limitada, que unifica a quota recebida a
casa número 360, portadora do Bilhete de Dezembro de cada ano. anterior. O cedente aparta-se da sociedade e
Identidade n.º 110100503899B, emitida em nada dela tem a ver.
Maputo aos 9 de Setembro de 2010, têm CLÁUSULA QUINTA Por conseguinte o artigo 4º do pacto social
entre si justo e combinado a constituição passa a ter nova redacção seguinte:
A administração e uso do nome comercial
de uma sociedade simples, que se regerá
Um) A administração da sociedade caberá as ARTIGO QUARTO
pelas cláusulas e condições seguintes e pela
legislação específica que disciplina essa sócias D’bora Adelaide Xavier Arão de Carvalho (Capital social)
forma societária. (directora-executiva) e Maria José António Arão
(responsável pelo processamento), com poderes Um) O capital social, integralmente
CLÁUSULA PRIMEIRA e atribuições de representar a sociedade em subscrito e realizado em dinheiro é de
juízo ou fora dele, obrigar a sociedade, firmar vinte mil meticais, correspondente à soma
Denominação social e sede de três quotas assim distribuídas:
contratos, abrir contas bancárias, e tudo o mais
A sociedade girará sob a denominação social que se fizer necessário à sua gestão. Fica vedada, a) Uma quota nominal de
de D’avozinha, Limitada, com sede na rua do entretanto, a utilização do nome empresarial 12.000,00MT (doze mil
Círculo, bairro Sikwama, casa n.º 360, na cidade da sociedade de que se trata em actividades meticais), correspondentes
da Matola, província de Maputo. estranhas aos interesses sociais, bem como a sessenta por cento (60%)
794 III SÉRIE — NÚMERO 28

do capital social, pertencente c) Três mil meticais, pertence à MCG Serviços, Limitada
a sociedade Pro-Service, Organização Aro Moçambique
Limitada; e equivalente a dez por cento; Certifico, para efeitos de publicação, que por
b) Uma quota nominal de d) Três mil meticais, pertence à Amélia contrato de sociedade celebrado nos termos do
8.000,00MT (oito mil meticais), OlimpiaTamele, equivalente a dez artigo 90, do Código Comercial e registada na
correspondentes a quarenta por por cento. Conservatória de Registo de Entidades Legais
cento (40%) do capital social, da Matola, com Número Único da Entidade
pertencente a sociedade MMZ ARTIGO OITAVO Legal 10109895, dia vinte e dois de Janeiro de
Investimentos, Limitada. dois mil e dezoito, é constituída uma sociedade
Gerência
Em tudo que não foi alterado por esta de responsabilidade limitada entre:
deliberação, continua a vigorar as disposições A gerência da sociedade e sua representação Miguel da Conceição Baltazar Gonca, casado
do pacto social. em juízo e fora dele activa e passivamente será com Conceição Almeida dos Santos Gonca,
Está conforme. exercida pelo sócio maioritário em representação sob regime de comunhão de bens adquiridos,
Inhambane, vinte e nove de Novembro por Policarpo Filomeno Tamele, na qualidade de nacionalidade moçambicana, natural de
de dois mil e dezanove. — A Conservadora, de director executivo, com dispensa de caução Xai-Xai, portador do Bilhete de Identificação
Ilegível. bastando a sua assinatura para obrigar a n.º 110100289206F, emitido aos 3 de Agosta
mesma em todos os actos e contractos em de 2015, em Maputo, residente no bairro
consentimento com o segundo sócio de maior Central, rua da Impresa n.º288, 22.º andar
quota na empresa, o mesmo poderá delegar total esquerdo, cidade de Maputo.
Agência de Desenvolvimento ou parcialmente os seus poderes em pessoas Conceição Almeida dos Santos Gonca, casada
e Empreendedorismo (ADE), de sua escolha mediante um instrumento legal com Miguel da Conceição Baltazar Gonca,
Limitada para tal efeito com o conhecimento e visto do sob regime de comunhão geral de bens
conselho de administração. adquiridos, de nacionalidade moçambicana,
Certifico, que para efeitos de publicação,
Maputo, 30 de Janeiro de 2019. — natural de Maputo, portadora do Bilhete de
por acta datada de um de Junho do ano dois
mil e dezassete, pelas nove horas, na sede O Técnico, Ilegível. Identidade n.º 110104226717N, emitido aos
da sociedade por quotas de responsabilidade 23 de Abril 2018, em Maputo, residente no
limitada, Agência de Desenvolvimento e bairro Central, distrito Municipal Khafumo,
Empreendedorismo (ADE), Limitada, sita na Avenida 25 de Setembro, n.º 1028, 9.º andar
rua Hotel Club n.º 45, na cidade de Maputo, casa n.º 43, Maputo província.
matriculada na Conservatória do Registo de Offspring Intellectus,
Entidades Legais, sob NUEL 100382423, com ARTIGO PRIMEIRO
o capital social de de 30.000,00MT (trinta
Limitada
Denominação sede
mil meticais), deliberaram cessão da quota Certifico, para efeitos de publicação, que
no valor de quinze mil meticais, que o sócio A sociedade adopta a denominação de
por acta de vinte e um de Marco de dois mil e
Policarpo F. Tamele, divide a sua quota em MCG Serviços, Limitada e tem a sua sede
duas partes desiguais sendo uma no valor de dezoito da sociedade, Offspring, Limitada, com
no Município de Maputo, bairro da Matola
doze mil meticais, que reserva para si e outra sede em Maputo, matriculada na Conservatória
Tchumene 1, quarteirão n.º23, casa n.º 201C3,
no valor de três mil meticais que cede à Agritec do Registo das Entidades Legais, sob NUEL
província de Maputo, e por deliberação dos
Solution MZ, Limitada; o sócio Organização 100749785, deliberaram ao acréscimo de mais
sócios a sociedade pode transferir a sua sede para
Aro Moçambique, divide a sua quota em duas uma actividade ao objecto social), o qual passa
qualquer ponto do país ou dentro do território
partes iguais, sendo uma no valor de três mil a ter a seguinte nova redacção:
nacional, pode criar sucursais, filias dentro do
meticais, reserva para si e outra o mesmo valor,
que cede à Agritec Solution MZ, Limitada; o ARTIGO PRIMEIRO país e no estrangeiro. Email: miguelgonca@
sócio Amélia Olímpia F. Tamele, divide a sua gmail.com, telefone: 824003920/826017641.
(Objecto social)
quota em duas partes iguais sendo uma no valor
ARTIGO SEGUNDO
de três mil meticais reserva para si e outra o Um) A sociedade tem por objecto:
mesmo valor, que cede à Agritec Solution MZ, Duração
a) Prestação de serviços;
Lda. e alteração da Administração.
Em consequência, alterada a redacção dos b) Consultoria; A sua duração é por tempo indeterminado,
artigos, quinto e oitavo dos estatutos, os quais c) Entrega de expedientes; contando-se o seu início a partir da data da
passam a ter a seguinte redacção: d) Importação e exportação; constituição.
e) Venda de sistemas informáticos e
ARTIGO QUINTO acessórios; ARTIGO TERCEIRO
Capital social f) Marketing /mershandising; Objecto
g) Organização de eventos corporativos;
O capital social, integralmente subscrito e h) Formação, recrutamento e Selecção A sociedade tem por objecto:
realizado em dinheiro, é de trinta mil meticais,
i) Cedência temporária ao outrem. a) Prestação de serviços móveis e
dividido em quatro quotas desiguais repartidas
pelos sócios do seguinte modo: Dois) Representação em consultoria e domiciliários nas áreas de saúde;
prestação de serviços. b) Prestação de serviços nas áreas de
a) Doze mil meticais, equivalente a
Três) A sociedade poderá exercer entre medicina geral e dentária.
40 por cento do capital social
pertencente ao sócio Policarpo outras actividades em qualquer outro ramo de
economia nacional desde que relacionadas com ARTIGO QUARTO
Filomeno Tamele, na qualidade
sócio marioritário em representação; o seu objecto social e para as quais se obtenham Capital social
b) Doze mil meticais, pertence à as necessidades autorizações.
Agritec Solution MZ, Limitada, Maputo, 30 de Janeiro de 2019. — O capital social, integralmente subscrito
equivalente a quarenta por cento; O Técnico, Ilegível. e realizado em dinheiro é vinte mil meticais,
11 DE FEVEREIRO DE 2019 795

correspondente à soma de duas quotas iguais, ARTIGO DÉCIMO Cimento Nacional, Limitada
sendo uma quota no valor nominal de dez Balanço
mil meticais, pertencente ao sócio, Miguel da Certifico, para efeitos de publicação e
Conceição Baltazar Gonca, correspondente O exercício social coincide com o ano civil. por acta, trinta de Abril de dois e dezoito, a
à (cinquenta por cento do capital social O balanço e contas de resultados fechar-se-ão assembleia geral da sociedade denominada
integralmente subscrito); e a outra quota no com referência a trinta e um de Dezembro de Cimento Nacional, Limitada, com sede no
valor nominal de dez mil e quinhentos meticais, cada ano e serão submetidos á aprovação da Parque Industrial de Beluluane, Lotes 106 e
pertencente à sócia Conceição Almeida dos assembleia geral. 107, no distrito de Boane, província de Maputo,
Santos Gonca, correspondente à (cinquenta com o capital social de 4.080.000,00MT (quatro
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
cento do capital social integralmente subscrito). milhões e oitenta mil meticais), matriculada na
Lucros Conservatória do Registo de Entidades Legais
ARTIGO QUINTO de Maputo, sob NUEL 100171449, deliberaram
Os lucros da sociedade serão repartidos
Divisão e cessão pelos sócios, na proporção das quotas depois o acréscimo do objecto e capital social, e
de deduzida a percentagem destinada ao fundo consequentemente a sociedade passa a ter a
A divisão ou cessão de quotas a estranhos de reserva legal. seguinte redacção:
à sociedade, dependerá do consentimento
expresso do sócio que gozam do direito de ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO ARTIGO TERCEIRO
preferência. (Objecto social)
Dissolução
ARTIGO SEXTO A sociedade não se dissolve por morte, Um) A sociedade tem por objecto
incapacidade ou inabilitação dos sócios, principal a actividade de fabrico e
Aumento ou redução do capital social
dissolve-se porém nos termos previstos na lei produção de cimento, cimento cola,
O capital social pode ser aumentado ou deliberação da assembleia geral que nomeará cimento argamassa, cimento branco,
ou reduzido mediante decisão dos sócios uma comissão liquidatária. exploração de pedreiras para efeitos de
alternando-se em qualquer dos casos o pacto extracção, processamento e venda de
ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO todo tipo minérios e bentonite, comércio
social para o que se observarão as formalidades
geral com importação e exportação de
estabelecidas por lei. Casos omissos
todo tipo de material de construção como
ARTIGO SÉTIMO Nos casos omissos aplicam-se as disposições cimento, todo tipo de gesso, mistura seca,
do Código Comercial e demais legislação gamasine, gamacute, adesivo de telha,
Amortização aplicável. argamassa, processamento, exportação
A sociedade tem faculdade de amortizar Está conforme. e venda de areia, betume, madeira,
Matola, 28 de Janeiro de 2019. — O Técnico, tubos, ferros, tijoleiras, louça sanitária,
as quotas por acordos com os respectivos
Ilegível. pregos, arrames, carvão, produção e
proprietários ou quando qualquer quota for
venda de blocos, tijolos, pavês, betão,
penhorada, arrestada ou por qualquer outro meio
venda de todo tipo de peças de camiões,
apreendido juridicamente. pneus, viaturas, trailes, motores de
viaturas, peças sobressalentes, sucatas,
ARTIGO OITAVO
óleos, lubrificantes, combustíveis e seus
Assembleia geral
Cimento Nacional, Limitada derivados, transporte de mercadorias,
Certifico, para efeitos de publicação e por acta transporte terrestre, ferroviário e marítimo
A assembleia geral, reunir-se-á e outra a elas conexas, reparação de
ordinariamente uma vez por cada ano para de quinze de Novembro de dois mil e dezassete,
a assembleia geral da sociedade denominada viaturas, actividade de despachante
aprovação do balanço e contas do exercício e aduaneiro, recauchutagem de pneus,
Cimento Nacional, Limitada, com sede no
deliberar sobre qualquer outro assunto para que venda de produtos alimentares como
Parque Industrial de Beluluane, Lotes 106 e 107,
tenha convocada e extraordinariamente sempre batata, cebola, tomate etc., necessário
no distrito de Boane, província de Maputo, com
que tal se mostre necessário. o capital social de 229.953.953,64MT (duzentos para o desenvolvimento da actividade da
e vinte nove milhões, novecentos cinquenta e sociedade.
ARTIGO NONO
três mil, novecentos cinquenta e três meticais
ARTIGO QUINTO
Administração e gerência e sessenta e quatro centavos), matriculada
na Conservatória do Registo de Entidades (Capital social)
Um) A administração e gerência da sociedade Legais de Maputo, sob NUEL 100171449,
será exercida pelo sócio, Miguel da Conceição O capital social, totalmente
deliberaram o acréscimo do objecto social, e
Baltazar Gonca. subscrito e realizado em dinheiro, é de
consequentemente a sociedade passa a ter a
229.953.953,64MT (duzentos e vinte nove
Dois) A gestão corrente da sociedade bem seguinte redacção:
milhões, novecentos cinquenta e três mil,
como a representação da sociedade, em juízo
ARTIGO DÉCIMO novecentos cinquenta e três meticais e
ou fora dele, activa ou passivamente, poderá
sessenta e quatro centavos) e será dividido
ser feita pelo sócio gerente. (Gestão da sociedade) em duas quotas desiguais distribuídas da
Três) Todos os documentos, actos e contratos seguinte forma:
Um) A sociedade é gerida por um conselho
que envolvam responsabilidade para a sociedade,
de administração composto por dois membros, a) Uma quota com o valor nominal
inclusive abertura e cancelamento de contas e
designados pelos sócios em assembleia geral de 148.403.547,48MT (cento
movimentação de fundos, emissão de cheques, de entre os sócios ou terceiros, nomeadamente, e quarenta e oito milhões,
aceites e avais em títulos cambiários, outorga Ihab Nabeel Wajeeh Bustami e Muhammad quatrocentos e três mil,
sem procurações em nome da sociedade, serão Ali Tabba. quinhentos quarenta e sete
assinados conjuntamente, pelo sócio gerente, e Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — meticais e quarenta e oito
as deliberações não serão de comum a cordo. O Técnico, Ilegível. centavos) correspondente
796 III SÉRIE — NÚMERO 28

a sessenta e quatro vírgula ou adopção de bens imóveis com outras partes sociais ou ainda constituir com
cinquenta e quatro por cento fins civis, industriais e outros de outras sociedades tudo de conformidade com
do capital social, pertencente natureza pública ou privada; deliberações da assembleia geral, mediante
à sócia CNC Trading DMCC; b) Construção das casas para serem competentes autorizações.
b) Uma quota com valor nominal vendidas ou arrendadas;
de 81.550.406,16MT (oitenta c) Realização de estudos, projectos e ARTIGO SEXTO
e um milhões, quinhentos e fiscalização de construção civil, Cessão de quotas
cinquenta mil, quatrocentos obras públicas, metalomecânica,
e seis meticais e dezasseis eletromecânica e preparação dos A cessão de quotas a não sócios depende
da autorização da sociedade, concedida por
centavos) correspondente a correspondentes cadernos de
deliberação da assembleia geral tomada por
trinta e cinco vírgula quarenta encargos contractos e planos de
unanimidade.
e seis porcento da capital social, trabalho;
pertencente à sócia Maputo d) Abertura, construção e manutenção ARTIGO SÉTIMO
Cement Factory, Limited. de estradas;
e) Exploração na indústria de matérias Exoneração e exclusão de sócio
A sociedade poderá desenvolver outras
actividades, subsidiárias ou complementares de construção; A exoneração e exclusão do sócio será de
do seu objecto principal, mediante a decisão f) A edificação de pontes, obras de arte e acordo com a Lei n.º 5/2014 de 5 de Fevereiro.
do conselho de administração, desde que a sua conservação;
devidamente licenciadas. g) Promoção, produção e venda de ARTIGO OITAVO
materiais de construção, aluguer Administração da sociedade
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
de equipamento e máquinas
O Técnico, Ilegível. Um) A administração da sociedade é
pesadas, importação e exportação
de indústrias de materiais exercida por um ou mais administradores, que
de construção e equipamento, ficarão dispensados de prestar caução, a ser
máquinas, ferramentas, peças escolhido pelo sócio, que se reserva o direito
sobressalentes, prestação de de os dispensar a todo o tempo.
Prodec – Sociedade s e rviç os , re pre s e nta ç ã o da s Dois) O sócio, bem como os administradores
por estes nomeados, por ordem ou com
Unipessoal, Limitada marcas e agenciamento, fomento
autorização desta, podem constituir um ou mais
e exploração de unidades fabris;
procuradores, nos termos e para os efeitos da lei.
Certifico, para efeitos de publicação, que h) Exploração de pedreiras, saibreiras e
Os mandatos podem ser gerais ou especiais e
por contrato de vinte e dois de Outubro de serrações;
tanto o sócio como os administradores poderão
dois mil e dezoito, exarada a folhas uma a i) Comércio a retalho de combustível, revogá-los a todo o tempo, estes últimos mesmo
quatro, do contrato do Registo de Entidades óleos e lubrificantes para veículos sem autorização prévio do sócio, quando as
Legais da Matola, sob NUEL 101061221, foi a motor. circunstâncias ou a urgência o justifiquem.
constituída uma sociedade comercial por quotas Dois) A sociedade poderá ainda criar Três) Compete à administração a
de responsabilidade limitada, que se regerá pelas empresas de construção civil, directamente ou representação da sociedade em todos os
disposições constantes dos artigos seguintes: mediante comparticipação, estabelecimentos seus actos, activa e passivamente, em juízo
comerciais de venda a retalho e a grosso. e fora dele, tanto na ordem jurídica interna
ARTIGO PRIMEIRO
como internacionalmente, dispondo de mais
Denominação e sede ARTIGO QUARTO amplos poderes legalmente consentidos para a
prossecução do objecto social, designadamente,
A sociedade adopta a denominação de Capital social
quanto ao exercício da gestão corrente da
Prodec - Sociedade Unipessoal, Limitada, sociedade.
O capital social, integralmente realizado em
abreviadamente Prodec, Lda., tem a sua sede
dinheiro, é de 30.000,00MT (trinta mil meticais)
na Avenida Samora Machel, parcela 3380/40, ARTIGO NONO
e corresponde a uma única quota com o mesmo
rés-do-chão, bairro de Thumene, cidade da
Matola, podendo abrir escritórios ou quaisquer valor nominal, pertencente a único sócio Hugo Formas de obrigar a sociedade
outras formas de representação em qualquer Sérgio Simão Faustino.
A sociedade fica obrigada pela assinatura
parte do território nacional ou no estrangeiro, do sócio único, ou pela do seu procurador
ARTIGO QUINTO
e rege-se pelos presentes estatutos e demais quando exista ou seja especialmente nomeado
legislação aplicável. Aumento e redução do capital social
para o efeito.
ARTIGO SEGUNDO Um) O capital social pode ser aumentado ou
ARTIGO DÉCIMO
reduzido mediante decisão do sócio, alterando-
Duração se em qualquer dos casos o pacto social para o Direitos especiais dos sócios
A duração da sociedade é por tempo que se observarão as formalidades estabelecidas
O sócio tem como direitos especiais,
indeterminado, contando-se o seu começo a por lei.
dentre outros as menções gerais e especiais
partir da data da sua constituição. Dois) Decidida qualquer variação do capital
estabelecidas no presente contrato de sociedade,
social, o montante do aumento ou diminuição
ARTIGO TERCEIRO e na Lei n.º 5/2014 de 5 de Fevereiro.
será rateado pelo sócio único, competindo ao
Objecto sócio decidir como e em que prazo deverá ser ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO
feito o seu pagamento quando o respectivo
Um) A sociedade tem por objecto: capital não seja logo inteiramente realizado. Balanço e prestação de contas
a) A realização de trabalhos de Três) Para exercício do seu objectivo, Um) O ano financeiro coincide com o ano
construção civil, reconstrução, a sociedade poderá associar-se com outros civil, iniciando a 1 de Janeiro e terminando a
restauro, reparação, conservação ou terceiros adquirindo quotas, acções ou 31 de Dezembro.
11 DE FEVEREIRO DE 2019 797

Dois) O balanço e as contas de resultados Barra Bries, Limitada b) Acomodação turística, serviços de
fecham a trinta e um de Dezembro de cada catering, restaurante, bar e outras
ano, devendo a administração da sociedade Certifico, para efeitos de publicação, que no actividades conexas;
organizar as contas anuais e elaborar um dia vinte e nove de Janeiro de dois mil e catorze, c) Prestação de serviços em geral;
relatório respeitante ao exercício e uma proposta foi matriculada na Conservatória do Registo d) Serviços de assessoria e consultoria;
de aplicação de resultados. de Entidades Legais, sob NUEL 100461102, a e) Representação comercial de empresas
entidade legal supra, constituída entre: estrangeiras e franquias;
ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO Pieter Johannes Van Heerden, natural da f) Comércio a grosso e a retalho;
África do Sul, residente na África do Sul, g) Importação e exportação.
Resultados e sua aplicação
portador do Passaporte número quatro sete Dois) Actividades de entretenimento turístico
Um) Dos lucros apurados em cada exercício cinco sete quatro quatro um sete sete, emitido na área de pesca desportiva, expedições (em
deduzir-se-á, os montantes atribuídos ao sócio aos dois de Abril de dois mil e oito e válido até água doce e salgada), mergulham, canoagem,
mensalmente numa importância fixa por um de Abril de dois mil e dezoito residente na sailing, jet sky, surfe e outras actividades de
conta dos dividendos e a percentagem legal África do Sul. e, desporto aquático.
estabelecida para constituição do fundo de Louis Daniel Slabbert, de nacionalidade sul- Três) A sociedade poderá, mediante
reserva legal. africana, portador do Passaporte número zero deliberação da assembleia geral, exercer outras
Dois) A parte restante dos lucros será zero seis zero sete dois um zero, emitido aos seis actividades conexas ou complementares ao
aplicada nos termos que forem decididos pelo de Janeiro de dois mil e dez e válido até cinco seu objecto principal, agindo em nome próprio
sócio único. de Janeiro de dois mil e vinte, na África do Sul, ou em representação de terceiros, nacionais
residente na África do Sul, ambos representados ou estrangeiros, e desde que para tal obtenha
ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO por Abdul Remane Faquir Bay Ismael, maior, aprovação das entidades competentes.
de nacionalidade moçambicana, portador do
Dissolução e liquidação da sociedade
Bilhete de Identidade número zero oito um CAPÍTULO II
Um) A sociedade somente se dissolve nos três zero zero nove seis seis oito seis quatro Do capital social
termos fixados na lei. M, emitido aos vinte e quatro de Fevereiro de
Dois) Declarada a dissolução da sociedade, dois mil e onze e válido até vinte e quatro de ARTIGO QUARTO
proceder-se-á a sua liquidação gozando os Fevereiro de dois mil e dezasseis, residente (Capital social)
liquidatários, nomeados pelo sócio, dos mais na cidade de Inhambane, que se regerá pelas
amplos poderes para o efeito. cláusulas e condições constantes dos seguintes Um) O capital social, integralmente subscrito
artigos: e realizado em dinheiro, é de vinte mil meticais
ARTIGO DÉCIMO QUARTO (20.000,00MT), correspondente a duas quotas
CAPÍTULO I iguais, distribuídas nos seguintes termos:
Morte, interdição ou inabilitação
Da denominação, duração, sede a) Uma quota no valor nominal de
Um) Em caso de morte, interdição ou dez mil meticais (10.000,00MT),
e objecto
inabilitação do sócio, a sociedade continuará representativa de cinquenta por
com os herdeiros e na falta destes, com os ARTIGO PRIMEIRO cento (50%) do capital social da
representantes legais, caso estes manifestem a sociedade, pertencente ao sócio
(Denominação e duração)
intenção de continuar na sociedade no prazo de Pieter Johannes Van Heerden;
seis meses após notificação. A sociedade adopta a denominação Barra b) Uma quota no valor nominal de
Dois) Caso não hajam herdeiros ou Bries, Limitada, sociedade comercial por quotas dez mil meticais (10.000,00MT),
representantes legais, poderão os interessados de responsabilidade limitada, criada por tempo representativa de cinquenta por
pagar e adquirir a quota da sócia, a quem tem indeterminado e que se regerá pelo presente cento (50%) do capital social da
direito, pelo valor que o balanço apresentar estatuto e pelos preceitos legais em vigor na sociedade, pertencente ao sócio
à data do óbito ou da certificação daqueles República de Moçambique. Louis Daniel Slabbert.
estados. Dois) O capital social poderá ser aumentado
ARTIGO SEGUNDO
uma ou mais vezes por deliberação da assembleia
ARTIGO DÉCIMO QUINTO (Sede) geral, que determinará os termos e condições em
Amortização de quotas que se efectuará o aumento.
Um) A sociedade tem a sua sede social na
A sociedade poderá amortizar qualquer praia da Barra, bairro Conguiana, cidade de ARTIGO QUINTO
quota nos seguintes casos: Inhambane, província de Inhambane.
Dois) Mediante simples deliberação da (Transmissão de quotas)
a) Por acordo;
administração, a sociedade pode autorizar, a Um) É livre a transmissão total ou parcial de
b) Se a quota for penhorada, dada
deslocação da sede dentro do território nacional, quotas entre os sócios.
em penhor sem consentimento
cumprindo os necessários requisitos legais. Dois) A transmissão de quotas a terceiros
da sociedade, arrestada ou por
Três) A administração da sociedade poderá carece do consentimento prévio da sociedade,
qualquer forma apreendida judicial
deliberar a abertura de sucursais, filiais ou dado por escrito e prestado em assembleia geral.
ou administrativamente e sujeito a
qualquer outra forma de representação no Três) Os sócios gozam do direito de
venda judicial.
país e no estrangeiro, desde que devidamente preferência na transmissão de quotas, a
ARTIGO DÉCIMO SEXTO autorizada pela assembleia geral e cumpridos exercer na proporção das respectivas quotas e
os necessários preceitos legais. relativamente aos termos e condições oferecidas/
Disposição final
propostos por tal terceiro.
ARTIGO TERCEIRO
Tudo o que ficou omisso será regulado
e resolvido de acordo com a Lei Comercial. (Objecto) ARTIGO SEXTO
Esta conforme. Um) A sociedade tem por objecto a prestação (Prestações suplementares)
Matola, 29 de Janeiro de 2019. — O Técnico, de serviços e actividades nas áreas de: Um) Os sócios poderão efectuar prestações
Ilegível. a) Indústria do turismo; suplementares de capital ou suprimentos à
798 III SÉRIE — NÚMERO 28

sociedade nas condições que forem determinadas Três) Em segunda convocação, a assembleia assembleia geral, a menos que seja decidido
pela assembleia geral. geral pode deliberar seja qual for o número de de alguma outra forma pela assembleia geral.
Dois) Os sócios poderão fazer suprimentos à sócios presentes ou representados e o capital
sociedade nas condições fixadas pela assembleia por eles representado. ARTIGO DÉCIMO QUARTO
geral e desde que proposta dos mesmos. Quatro) A cada duzentos e cinquenta (Disposições finais)
Três) Entendem-se por suprimentos as meticais do valor nominal da quota corresponde
importâncias complementares que os sócios um voto. Um) Em caso de morte ou interdição de um
possam adiantar, no caso de o capital se revelar sócio, a sociedade continuará com o herdeiros
insuficiente, constituindo tais suprimentos ARTIGO DÉCIMO ou representantes do falecido ou interdito,
verdadeiros empréstimos à sociedade. os quais nomearão entre si um que a todos
(Administração, representação da socie-
representante na sociedade, enquanto a quota
dade)
CAPÍTULO III permanecer indivisa.
Um) A administração e representação da Dois) Em tudo quanto for omisso nos
Da assembleia geral e administração sociedade serão conferidas a um conselho de presentes estatutos aplicar-se-ão as disposições
ARTIGO SÉTIMO directores, a ser nomeado pela assembleia geral. do Código Comercial e demais legislação em
Dois) Os directores ficam isentos da vigor na República de Moçambique.
(Assembleia geral) prestação de caução ou garantias.
Está conforme.
Um) A assembleia geral se reunirá Três) A assembleia geral poderá nomear um
gerente geral para quem será confiada a gestão Inhambane, vinte e nove de Janeiro de dois
ordinariamente nos primeiros três meses
diária da sociedade. mil e catorze. — O Técnico, Ilegível.
imediatos ao início de cada exercício para
Quatro) A menos que a assembleia geral
apreciação, aprovação ou modificação do
nomeie um gerente geral, os directores e sócios
balanço e contas do exercício e para deliberar
terão todos os poderes necessários para a gestão
sobre quaisquer assuntos que tenha sido da sociedade.
convocada. Cinco) A sociedade fica obrigada pela
Dois) A assembleia geral reunirá por assinatura do sócio, um dos directores eleitos Sociedade Turística Motel
iniciativa de um dos sócios ou da administração, em assembleia geral ou ainda de um procurador, Benguerrua, Limitada
convocada por meio de carta registada, com nos termos e limite específico do respectivo
aviso de recepção dirigido a todos sócios, com mandato. Certifico, para efeitos de publicação, que
antecedência mínima de quinze dias, e devendo Seis) Para actos de mero expediente basta a por escritura de dez de Dezembro de dois mil e
a convocatória indicar o dia, a hora, o local e a assinatura do sócio, director, gerente geral ou dezoito, lavrada de folhas 47 a 51, do livro de
ordem de trabalhos da reunião. de um empregado da sociedade devidamente notas para escrituras diversas número 1.047-
Três) Serão dispensadas as formalidades autorizado para o efeito. B do Primeiro Cartório Notarial de Maputo,
de convocação da assembleia geral quando Sete) O conselho de direcção pode nomear perante mim Anabela Araujo Jinqueira,
todos os sócios concordem por escrito em dar advogados e representantes da sociedade. licenciada em Direito, conservadora e notária
como validamente constituída a assembleia, e superior, em exercício no referido Cartório,
CAPÍTULO IV que de harmonia com a deliberação tomada
concordem que dessa forma se delibere, ainda
em reunião da assembleia geral extraordinária
que as deliberações sejam tomadas fora da sede Das disposições gerais através da acta avulsa sem número, datada de
social, em qualquer ocasião e qualquer que seja
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO dez de Dezembro de dois mil e dezoito, a sócia
o seu objecto.
SOCIMO – Sociedade Comerciale Industrial
(Balanço e contas) Moçambicana, Limitada, cede na totalidade
ARTIGO OITAVO
O relatório de gerência e das contas anuais a sua quota no valor nominal de vinte e cinco
(Representação na assembleia geral) mil meticais, representativa de vinte e cinco por
incluindo o balanço e resultados fechar-se-ão
cento do capital social, a favor da sócia LDH
O sócio poderá fazer-se representar na com referência a trinta e um de Dezembro de
Investimentos (PTY), Limited, que unifica a
assembleia geral por qualquer outro dos sócios cada ano e serão submetidas à apreciação da
sua quota primitiva, por sua vez aparta-se da
ou representante legal, mediante a delegação assembleia geral durante o primeiro quarteto
sociedade.
de poderes para o efeito, através de procuração, do ano seguinte.
Que por força da operada cessão de quotas,
carta ou telefax.
ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO foi deliberada, a alteração do artigo quinto do
ARTIGO NONO pacto social que passa a ter a seguinte nova
(Aplicação dos resultados) redacção:
(Votação)
Um) Dos lucros apurados em cada exercício
ARTIGO QUARTO
Um) A assembleia geral pode deliberar, deduzir-se-ão em primeiro lugar a percentagem
em primeira convocação, desde que estejam legalmente indicada para constituir a reserva (Capital social)
presentes ou devidamente representados legal, enquanto não estiver realizada nos termos
O capital social, integralmente
cinquenta e um por cento do capital social. da lei ou sempre que seja necessária reintegrá-la.
subscrito e realizado em dinheiro, é
Dois) Para que a assembleia geral possa Dois) Cumprido o disposto no número
de 100.000,00MT (cem mil meticais),
deliberar, em primeira convocação, sobre a anterior a parte restante dos lucros será
e corresponde à soma de três quotas
alteração do contrato de sociedade, fusão, distribuída entre os sócios de acordo com a
desiguais assim distribuídas:
cisão, transformação, dissolução da sociedade decisão da assembleia geral.
a) Uma quota no valor nominal
ou outros assuntos paras as quais a lei exija de oitenta mil meticais,
ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO
maioria qualificada, devem estar presentes ou representando oitenta por cento
representados sócios que detenham pelo menos (Dissolução)
do capital social, pertencente
participações correspondentes a dois terços do A sociedade dissolve-se nos casos e sujeito à sócia LDH Investimentos
capital social. nos termos e condições da lei ou da decisão da (PTY), Limited;
11 DE FEVEREIRO DE 2019 799

b) Uma quota no valor nominal moçambicana, titular do Bilhete de pertencente a sócia Reginaldo Ruben Sumbane,
de catorze mil meticais, Identidade n.º110105469865B, emitido equivalente a 100% (cem porcento) do capital
representando catorze por cento aos 31 de Julho de 2017, que neste acto social, podendo ser aumentado uma ou mais
do capital social, pertencente constitutivo outorga na qualidade de sócio vezes, sendo os quantitativos e modalidades
ao sócio Francisco Ilídio da único da sociedade S.N.S Computer – decididos pelo sócio.
Rocha Dinis; Sociedade Unipessoal, Limitada.
c) Uma quota no valor nominal de CAPÍTULO III
O outorgante acima identificado, celebra o
seis mil meticais, representando presente contrato de sociedade, nos termos do Da administração, gestão
seis por cento do capital social, artigo 90 do Código Comercial que se rege pelas e representação
pertencente ao sócio Apolinário seguintes cláusulas:
José Pateguana. ARTIGO QUINTO
Que em tudo não alterado por esta escritura CAPÍTULO I Um) A administração, gestão e representação
pública continuam a vigorar as disposições do Da denominação, duração, sede da sociedade em juízo ou fora dela, são
pacto social anterior. e objecto exercidas pelo sócio único Reginaldo Ruben
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — Sumbane, que fica nomeado administrador,
O Técnico, Ilegível. ARTIGO PRIMEIRO bastando a sua assinatura para obrigar a
Denominação sociedade em todos actos.
Dois) O administrador pode nomear gerentes
A sociedade adopta a denominação de S.N.S ou mandatários, a quem caberá a representação
Computer – Sociedade Unipessoal, Limitada, da sociedade nos actos que expressamente sejam
que se regerá pelos presentes estatutos, e demais a si designados, dispondo de poderes legalmente
Blue R, Limitada legislação aplicável e em vigor na República de consentidos para a prossecução e realização
Moçambique. do objecto, que a lei e o presente estatuto não
Certifico, para efeitos de publicação, que
por acta de dia vinte e quatro de Janeiro de dois reservam a administração.
ARTIGO SEGUNDO
mil e dezanove, da sociedade Blue R, Limitada,
Duração e sede CAPÍTULO IV
matriculada na Conservatória do Registo das
Entidades Legais sob o n.º 18746, a folhas 180 Um) A sociedade é constituída por tempo Das disposições gerais
do livro C-46, com capital social de um milhão, indeterminado contando, para todos os efeitos,
noventa e cinco mil setecentos e vinte e cinco ARTIGO SEXTO
o seu início a data da celebração do presente
meticais e noventa e seis centavos, os sócios contrato. Dissolução da sociedade
deliberaram sobre a alteração do endereço da Dois) A sociedade tem a sua sede no bairro
Um) A sociedade só se dissolverá nos casos
sede social. de Laulane, Maputo, quarteirão 6, casa n.º 50,
e nos termos previstos na lei.
Em consequência fica alterado o artigo Três) O sócio único poderá decidir abrir e
Dois) Dissolvendo-se por decisão da sócia,
primeiro dos estatutos da sociedade, passando encerrar delegações, filiais, sucursais, agências
constituir-se-ão liquidatários e concluída a
o mesmo a ter seguinte nova redacção: ou outras formas de representação em território
liquidação e pagos todos os encargos o produto
nacional ou no estrangeiro, incluindo mudar
líquido reverte a sócia o remanescente.
ARTIGO PRIMEIRO a sede, desde que obtenha as necessárias
autorizações. ARTIGO SÉTIMO
(Sede)

A sociedade adopta a denominação de Blue ARTIGO TERCEIRO Casos omissos


R, Limitada, e tem a sua sede no Bairro da Objecto Em tudo o mais que fica omisso regularão
Machava sede, Rua Oliver Thambo, número as disposições do Código Comercial,
131, província de Maputo, podendo abrir A sociedade tem por objecto:
e demais legislação aplicável na República
Um) Venda de equipamento informático,
e encerrar delegações e outras formas de de Moçambique.
prestação de serviços, consultoria e
representação social no território nacional ou no Maputo, 28 de Janeiro de 2019. —
programação informática, gestão e exploração
estrangeiro por deliberação da assembleia geral. O Técnico, Ilegível.
de equipamento informático, fornecimento de
Maputo, 28 de Janeiro de 2019. — material de escritório, venda de todo tipo de
O Técnico, Ilegível. consumivéis informáticos.
Dois) A sociedade poderá ainda exercer
quaisquer outras actividades conexas e
permitidas por lei, que a sócia decida explorar, Flow – Arte e Comunicação
directa ou indirectamente relacionadas com o & Imagem Sociedade
seu objecto e constituir sociedades, bem como
Unipessoal, Limitada
S.N.S Computer – Sociedade adquirir participações sociais em quaisquer
outras sociedades ou entidades, sujeitas ou não
Unipessoal, Limitada a leis especiais.
Rectificação

Certifico, para efeitos de publicação, que no Por ter saído inexacta a data da publicação,
CAPÍTULO II no preâmbulo, da sociedade Flow – Arte
dia 14 de Janeiro de 2019, foi matriculada na
e Comunicação & Imagem- Sociedade
Conservatória do Registo de Entidades Legais, Do capital social
Unipessoal, Limitada, publicada no Boletim
sob NUEL 101093840, entidade denominada
ARTIGO QUARTO da República, n.º 233, de 29 de Novembro de
S.N.S Computer – Sociedade Unipessoal,
2018 da III série.
Limitada. O capital social, integralmente subscrito Rectifica-se que onde se lê: «20 de Novembro
Reginaldo Ruben Sumbane, casado, natural em dinheiro é de 20.000,00MT (vinte mil de 2017», deve se ler: « 20 de Novembro de
de Chichango Bilene, de nacionalidade meticais), correspondente a uma única quota 2018».
800 III SÉRIE — NÚMERO 28

S-Clou Moçambique, b) A regularização de cada conta e Dois) Para fins do presente consórcio, a
liquidação entre as partes do contribuição de:
Limitada a) Sal – Irá consistir na representação e
consórcio e entre estas e terceiros.
Certifico, para efeitos de publicação, que no Três) O presente acordo pode ser terminado gestão de todos os serviços para a
por um acordo mútuo entre as partes. A parte provisão de contadores de energia
dia 1 de Fevereiro de 2019, foi matriculada na
que pretende terminar o presente acordo e sistemas de armazenamento de
Conservatória do Registo de Entidades Legais,
deve comunicar com aviso prévio de seis energia;
sob NUEL 101103005, entidade denominada
b) Clou – Irá consistir no fabrico de
S-CLOU Moçambique, entre. meses. A parte que decide terminar o presente
contadores de energia e sistemas de
A Sal Capitais com a sua sede social na acordo, deve continuar a cumprir com as suas
armazenamento de energia.
rua do Monte Tumbine, n.º126, Maputo, obrigações em todos os projectos pendentes
em relação ao presente acordo, incluindo pagar Três) A contribuição das partes envolvidas no
Moçambique aqui doravante representada
presente Consórcio será única e exclusivamente
pelo seu sócio gestor senhor Patrício Felipe todos os custos a eles relacionados
às suas contribuições.
Afonso Chemane, aqui doravante designado
CLÁUSULA SEGUNDA
como “Sal”; e CLÁUSULA QUINTA
Shenzhen Clou Electronics CO. LTD., uma (Âmbito do acordo)
(Pessoal e outras responsabilidades
empresa registada ao abrigo da legislação da
Após a assinatura do presente acordo, as jurídicas)
República Popular da China, com a sua sede
partes pretendem: Um) Pelo presente acordo, cada uma
social em edifício Clou, rua Baoshen Sul,
Parque Industrial do Norte de Hi-Tech, distrito a) Participar nos concursos e projectos em das partes está isenta dos deveres da outra
de Nashan, cidade de Shenzhen, China e aqui Moçambique como um consórcio, no que tange o vínculo laboral com o
as responsabilidades e obrigações pessoal correspondente bem como no que
doravante representado pela senhora Amy Wu
serão implementadas de acordo tange o pagamento dos demais impostos,
na sua qualidade como directora geral, aqui
com os requisitos do acordo mútuo responsabilidades e seguros com trabalhadores,
doravante designada como “Clou”.
entre ambas as partes; impostos e outros encargos que não irão ocorrer
As partes celebram o presente acordo de directamente da execução das tarefas conjuntas
consórcio, que será regido pelas cláusulas fixas b) Promover e vender os contadores
resultantes do presente acordo.
para que num esforço conjunto possa executar de energia, soluções de sistemas
Dois) Cada funcionário de cada parte que
mutuamente todas actividades necessárias para de armazenamento de energia em pode ser contratado em qualquer trabalho
a prestação de serviços de energia e sistemas nome do consórcio. de consultoria deve garantir a melhor
de armazenamento de energia, de acordo com implementação dos serviços ao abrigo
CLÁUSULA TERCEIRA
o regulamento comum e especialmente em uso dos termos do presente acordo, embora
na República de Moçambique e bem como de (Deveres das partes) subordinando-se directamente em relação a
acordo com as condições do presente acordo. autoridade e disciplina ao seu empregador;
Um) As responsabilidades do parceiro Sal: Três) Cada uma das partes no presente
Onde: A Sal é uma empresa de Consultoria
a) Garantia do concurso e de desempenho; consórcio pode emitir factura de acordo com
Comercial e Financeira especializada no
b) Concorrer, negociações comerciais, os termos que podem ser aplicáveis.
desenvolvimento de planos e estratégias de
assinatura e execução do contrato;
negócios, assessoria jurídica e comercial, gestão CLÁUSULA SEXTA
c) Assumir responsabilidades, receber
de contratos comerciais, gestão de processos
pagamentos, assumir instruções (Gestão do consórcio)
de logística até que a mercadoria seja entregue
para e em nome de qualquer ou
ao cliente, gestão de processos de pagamento Um) As partes acima identificadas, aqui
todos os parceiros durante toda
e prazos. doravante entram num consórcio interno,
vigência do contrato;
Onde: A Clou é o fabricante de contadores designado S-Clou Moçambique, aqui doravante
d) Irá manter o Parceiro responsável
de energia e sistemas de armazenamento de designado como um consórcio.
informado sobre qualquer assunto Dois) O Consórcio representado pelo senhor
energia.
que possa afectar o desempenho Patrício Chemane da Sal Capitais, responsável
Onde: O Consórcio pretende de forma
do presente Contrato em tempo pela gestão do consórcio, sendo uma pessoa
conjunta implementar todas as actividades
oportuno. devidamente autorizada pelas partes do presente
relacionadas a provisão de contadores de
Dois) As responsabilidades de Clou: acordo para assinar todos os documentos
energia, soluções de sistemas de armazenamento
e acordos relacionados com o consórcio
de energia e acessórios As partes concordam a) Coordenar e supervisionar o
perante os terceiros, o endereço e contacto do
em: cronograma bem como as questões representante é rua do Monte Tumbine, n.º
técnicas e reclamações do interesse 126, Maputo, Moçambique. Tel: +258 21 418
CLÁUSULA PRIMEIRA dos parceiros; 105 Fax: +258 21 048 601 e a Shenzhen Clou
(Objecto, duração e término) b) Entregar e fornecer os contadores e Electronics CO., LTD., será representado pela
caixas de contadores e soluções senhora Amy wu.
Um) O presente acordo visa definir as de sistemas de armazenamento de Três) Os direitos e deveres do gestor do
contribuições, atribuições, o relacionamento, energia e acessório. consórcio são os seguintes:
as responsabilidades e os meios do consórcio
a) A gestão técnica, administrativa e
na prestação de energia e sistemas de CLÁUSULA QUARTA legal do consórcio;
armazenamento de energia, de forma conjunta
(Contribuição e participação financeira) b) A implementação das instruções do
com todas as variações dentro do âmbito do
proprietário do estudo;
acordo. Um) A assinatura do presente acordo não c) Representar o consórcio perante
Dois) O presente acordo irá entrar em vigor define os acordos financeiros e o financiamento terceiros;
a partir da data da assinatura pelas partes e será do projecto será acordado em tempo oportuno d) Coordenar as actividades e trabalho
terminado nos casos abaixo indicados: com a sua documentação própria que será do consórcio;
a) Quando o cumprimento do objecto uma parte integrante do acordo do presente e) Fixar um cronograma geral do trabalho
presente consórcio for impossível; consórcio. e controlar a sua execução;
11 DE FEVEREIRO DE 2019 801

f) Assegurar o desempenho de qualquer direito privado, sem fins lucrativos, dotada b) Membros efectivos – são todos os
acordo celebrado para este de personalidade jurídica com autonomia que forem admitidos mediante
consórcio; administrativa, patrimonial e financeira, o preenchimento de requisitos
g) Prestar informação ao consórcio regendo-se pelos presentes estatutos e demais e formalidades de admissão
Dois) O consórcio presta ao gestor do legislação interna. estabelecidos nos presentes
consórcio todos os poderes necessários para estatutos;
desempenho das suas funções. ARTIGO SEGUNDO c) Membros beneméritos – são todos
os que contribuam de maneira
CLÁUSULA SÉTIMA (Âmbito, sede e duração)
relevante em termos financeiros e
(Omissões e resolução de disputa) A Associação Voice 4 The Ocean é de patrimoniais à favor dos objectivos
âmbito nacional e tem a sua sede na cidade da da associação.
Para a resolução de quaisquer disputas Beira, Largos dos CFM – Centro, constituindo-
resultantes do presente acordo, deve-se observar ARTIGO QUINTO
se por tempo indeterminado, podendo criar
o seguinte:
delegações ou representações, de acordo com (Admissão de membros)
a) Qualquer omissão verificado ao abrigo as necessidades e mediante deliberação da
do presente acordo será integrada na A admissão de membros é feita mediante
assembleia geral.
base de um acordo escrito entre as inscrição, devendo anexar toda a documentação
partes e na base de um regulamento ARTIGO TERCEIRO exigida, nos termos estabelecidos no
aplicável em Moçambique; regulamento interno da associação.
b) No caso de disputa ou conflitos (Objectivos)
resultantes do presente acordo ARTIGO SEXTO
A associação tem como objectivos:
ou do relacionamento das partes (Direitos dos membros)
ou em relação a interpretação do a) Assegurar o exercício racional da pesca
presente acordo, será encaminhado de demersais, pequenos e grandes Um) Constituem direitos dos membros:
a, em primeiro lugar, com base na pelágicos, crustáceos e moluscos;
a) Participar nas actividades da
conversa de boa-fé entre as partes; b) Promover a valorização do produto
associação;
c) Na falta de um entendimento entre pescado, e de forma geral, tomar
b) Votar para a eleição dos titulares dos
as partes para qualquer disputa ou todas as medidas adequadas à
órgãos sociais;
conflito dentro de 30 dias contando melhoria do rendimento dos
c) Estar presente e ser ouvido em qualquer
a partir da data de aviso da outra, a respectivos membros;
acto em que estejam em discussão
contenda será encaminhado a um c) Contribuir e promover a execução de
questões relativas à sua actividade
processo de arbitragem, conforme planos anuais da pesca;
e comportamento;
permitido pela lei ao abrigo da d) Promover actividades de harmonia
d) Utilizar os bens da associação de
Lei 11/99 de 8 de Julho (Lei de com as necessidades profissionais,
acordo com os fins para o qual foi
Arbitragem, Reconciliação e individuais e colectivas dos seus criada e existe;
Mediação) e outros regulamentos associados; e) Beneficiar da assistência que associação
aplicáveis, por um único mediador, e) Empreender acções de melhoramento venha a dispor;
indicado numa base ad-hoc dos no que concerne à produção, f) Beneficiar das oportunidades de
regulamentos do Centro de descarga, colocação em valorização formação, capacitação individual e
Confederação de Arbitragem do produto, bem como a matéria de dos seus descendentes;
da Associação Empresarial, qualidade, classificação e métodos g) Ter pleno acesso a informação relativa
Reconciliação e Mediação (CTA); de controle, higiene e segurança à vida da associação;
d) O processo de arbitragem terá lugar no trabalho; h) Propor a realização da Assembleia
na África do Sul e a lei para a f) Administrar e desenvolver Geral;
arbitragem será a usada no presente equilibradamente os fundos i) Propor a admissão de novos membros
acordo; sociais visando assistir, promover efectivos.
e) O tribunal para arbitragem irá decidir e valorizar as pessoas e os grupos
dentro de 30 dias após a nomeação Dois) Só os membros fundadores e efectivos
de pessoas menos favorecidas das
do seu presidente. podem ser eleitos.
comunidades;
Maputo, 1 de Fevereiro de 2019. — g) Fornecer meios e condições para a ARTIGO SÉTIMO
O Técnico, Ilegível. educação de base, oportunidades de
habilitação profissional, melhoria (Deveres dos membros)
dos padrões culturais, sentido e a São deveres dos membros:
acção comunitária, participação,
a) Respeitar e cumprir as deliberações, os
integração e ascensão social.
estatutos o programa e regulamentos
Associação Voice 4 The CAPÍTULO II da associação;
b) Comparecer a reuniões da associação
Ocean Dos membros para as quais forem convocados;
CAPÍTULO I c) Desempenhar com zelo, dedicação
ARTIGO QUARTO e eficiência os cargos que foram
Da denominação, sede, natureza (Categorias de membros) eleitos;
duração e objectivo d) Não faltar nas actividades da
A associação apresenta as seguintes associação, excepto nos casos
ARTIGO PRIMEIRO categorias de membros: devidamente justificados;
(Denominação e natureza) a) Membros fundadores – são todos e) Cooperar para o desenvolvimento e
os que subscrevem o pedido maior prestígio da associação;
É constituída a Associação Voice 4 de reconhecimento jurídico da f) Usar e conservar o património da
The Ocean como uma pessoa colectiva de associação; associação;
802 III SÉRIE — NÚMERO 28

g) Denunciar e repudiar todos os actos que Dois) A reunião da Assembleia Geral é Dois) O Conselho de Direcção é composto
possam pôr em causa o bom nome e composta pelos membros e convidados da por um presidente, um secretário-geral e um
funcionamento da associação. associação. tesoureiro.
Três) As reuniões da Assembleia Geral Três) O presidente é eleito pela Assembleia
ARTIGO OITAVO podem ter lugar em qualquer local do país, sob Geral, mediante a apresentação da proposta do
proposta do Conselho de Direcção. programa de actividades.
(Perda de qualidade de membro)
Quatro) A Assembleia Geral reúne-se
Um) Perde a qualidade de membro: anualmente e extraordinariamente a pedido de ARTIGO DÉCIMO SEXTO
pelo menos dois terços dos membros.
a) O que dolosamente tenha prejudicado (Competências)
materialmente e moralmente a ARTIGO DÉCIMO TERCEIRO
associação; Compete ao Conselho de Direcção:
b) O que sem motivo justificado, se (Mesa da Assembleia Geral) a) Propor o regulamento interno à
recusar a servir os lugares dos Um) A Mesa da Assembleia Geral é Assembleia Geral;
órgãos sociais para que tenha sido composta pelo presidente, vice-presidente e b) Preparar e submeter à aprovação
eleito; secretário. da Assembleia Geral o plano e
c) Pela renúncia expressa; Dois) O presidente, nas suas ausências o orçamento das actividades da
d) Pela expulsão; ou impedimentos, é substituído pelo vice- associação;
e) Por morte; presidente. c) Elaborar e submeter à aprovação o
f) Pela extinção da associação. Três) Na ausência de todos os membros relatório anual das actividades da
da mesa, a Assembleia Geral elege, por voto associação;
Dois) A perda da qualidade de membro é da
secreto, uma mesa "ad hoc" para presidir a d) Aprovar as taxas das actividades de
competência da direcção e só se deve efectuar reunião.
depois de ouvido o membro. pesquisa, consultoria e formativas
Quatro) A Assembleia Geral pode reunir,
Três) As outras formas de perda da qualidade no âmbito da associação;
achando-se presente, pelo menos a metade dos
de membro estão previstas no regulamento e) Organizar e controlar o processo de
membros, se não tiver conseguido o quórum
interno da associação. necessário, até à terceira convocatória com a admissão dos membros;
mesma agenda. f) Negociar acordos de cooperação e
CAPÍTULO III parcerias em nome da associação;
ARTIGO DÉCIMO QUARTO g) Respeitar e fazer respeitar os estatutos
Dos órgãos sociais, seus titulares,
(Competências)
e regulamento da associação;
competência e funcionamento h) Preparar a reunião da Assembleia
ARTIGO NONO Compete à Assembleia Geral: Geral;
a) Eleger a respectiva mesa; i) Gerir os fundos da associação;
(Órgãos sociais)
b) Admitir novos membros; j) Orientar a programação das actividades
A associação apresenta os seguintes órgãos: c) Estabelecer as linhas gerais de actuação de pesquisa e formação que
da associação; prossigam fins públicos em
a) Assembleia Geral;
d) Aprovar ou alterar os estatutos e articulação com as entidades
b) Conselho de Direcção; regulamentos da associação; competentes;
c) Conselho Fiscal. e) Eleger e conferir posse aos Conselhos k) Realizar outras actividades incumbidas
de Direcção e Fiscal; no âmbito das suas competências;
ARTIGO DÉCIMO
f) Fixar os montantes da quota e da jóia; l) Decidir sobre a aplicação de sanções.
(Mandato) g) Aprovar o plano de actividades da
associação; ARTIGO DÉCIMO SÉTIMO
O mandato dos titulares dos órgãos sociais h) Apreciar e aprovar o relatório anual de
é de três anos, renováveis uma vez por igual actividades e de contas; (Competências do presidente)
período. i) Sancionar a expulsão dos membros da Compete ao Presidente do Conselho de
associação; Direcção:
ARTIGO DÉCIMO PRIMEIRO j) Pronunciar-se sobre os recursos
interpostos; a) Dirigir as sessões de trabalho do
(Incompatibilidades de cargos)
k) Apreciar e deliberar com maioria Conselho de Direcção;
Os membros da associação estão sujeitos ao de três quartos do número dos b) Coordenar as actividades de
regime de incompatibilidade no exercício das membros presentes, as propostas funcionamento da associação;
suas actividades, designadamente: de alteração dos estatutos e do c) Assinar acordos em nome da
regulamento interno; associação;
a) Exercer simultaneamente mais de uma
l) Deliberar sobre a dissolução da d) Garantir a boa gestão dos fundos da
função de direcção ou chefia, nos Associação;
associação;
termos dos presentes estatutos; e) Nomear o secretário-geral da
m) Ratificar os acordos de cooperação e
b) Exercer quaisquer funções nas projectos de parcerias. associação;
associações similares. f) Assinar contas de gerência bem como a
SECÇÃO II respectiva correspondência;
SECÇÃO I
Conselho de Direcção g) Representar a associação fora e em
Assembleia Geral juízo;
ARTIGO DÉCIMO QUINTO h) Garantir a divulgação das actividades
ARTIGO DÉCIMO SEGUNDO da associação, junto das instituições
(Natureza e composição)
(Natureza e composição) nacionais e internacionais;
Um) O Conselho de Direcção é o órgão i) Incentivar o uso de tecnologias de
Um) A Assembleia Geral é o órgão máximo executivo, que garante o funcionamento informação e comunicação nas
da associação, dotado de poderes deliberativos. efectivo da associação. relações de trabalho;
11 DE FEVEREIRO DE 2019 803

j) Apresentar o relatório anual a composto por um presidente, um vice-presidente c) Os subsídios, donativos, heranças,
Assembleia Geral da associação; e um vogal, eleitos pela Assembleia Geral. legados ou doações;
k) Assegurar a gestão correcta de meios, Dois) O Conselho Fiscal reúne- d) Todos os bens imóveis e móveis,
equipamentos e infra-estruturas da se ordinariamente duas vezes ao ano e doados, adquiridos ou edificados
associação. extraordinariamente, sempre que necessário. para o funcionamento da associação.

ARTIGO DÉCIMO OITAVO ARTIGO VIGÉSIMO ARTIGO VIGÉSIMO SEGUNDO


(Competências)
(Competências do secretário-geral) (Património)
Compete ao Conselho Fiscal:
Um) Compete ao secretário-geral: Constitui património da Associação, os bens
a) Fiscalizar o cumprimento do plano móveis, imóveis e outros direitos concedidos por
a) Elaborar propostas de projectos e
de actividades e orçamento da outras pessoas, no âmbito da sua cooperação.
executar os planos de actividade e
associação;
orçamento da associação;
b) Emitir parecer técnico sobre relatórios ARTIGO VIGÉSIMO TERCEIRO
b) Gerir os recursos financeiros, das actividades da associação;
humanos, materiais e patrimoniais (Exercício social, balanço e prestação
c) Fiscalizar a gestão financeira e
da associação; de contas)
patrimonial da associação tendo
c) Executar as directrizes e orientações em conta o plano de actividades; Um) O exercício social da associação
da associação; d) Integrar se necessário as actividades coincide com o ano civil.
d) Executar as decisões do Presidente do de fiscalização junto dos parceiros Dois) O balanço e a verificação de contas
Conselho de Direcção; que apoiam/colaboram com a fecham no fim de cada ano e carecem de
e) Organizar os actos administrativos associação; aprovação da Assembleia Geral.
relativos à execução de projectos, e) Fiscalizar o cumprimento das
contratação de formadores e do deliberações dos órgãos sociais da CAPÍTULO V
pessoal administrativo; Associação;
f) Zelar pelo cumprimento dos presentes Das disposições finais e transitórias
f) Implementar os acordos celebrados
com as instituições nacionais, estatutos e regulamento interno da ARTIGO DÉCIMO QUARTO
estrangeiras e congéneres no âmbito associação;
g) Participar nas actividades de (Dissolução)
da cooperação;
g) Representar a associação, quando intercâmbio para o aperfeiçoamento
Um) A associação dissolver-se-á quando a
expressamente mandatado pelo técnico do exercício das suas
Assembleia Geral, expressamente convocada
Presidente do Conselho de actividades;
para esse efeito, assim o deliberar.
h) Elaborar relatórios periódicos sobre
Direcção; Dois) As deliberações sobre a dissolução da
o funcionamento da associação e
h) Participar nas reuniões do Conselho associação requerem o voto favorável de três
propor medidas correctivas quando
de Direcção; quartos da totalidade dos membros presentes.
julgar necessário.
i) Apresentar relatórios periódicos de
execução das suas actividades. ARTIGO DÉCIMO QUINTO
CAPÍTULO IV
Dois) O mandato do secretário-geral é de (Casos omissos)
Fundos e património
três anos, renovável uma única vez, por período
igual. Em todos os casos omissos, obedece-se todos
ARTIGO VIGÉSIMO PRIMEIRO
os dispositivos legais aplicáveis no respeitante
SECÇÃO III (Fundos) à pessoas colectivas.
Conselho Fiscal Constituem fundos da associação: ARTIGO VIGÉSIMO SEXTO
ARTIGO DÉCIMO NONO a) As jóias e quotas mensais dos membros (Entrada em vigor)
da associação;
(Natureza, composição e funcionamento)
b) As taxas provenientes das contribuições Os presentes estatutos entram em vigor,
Um) O Conselho Fiscal é um órgão no âmbito das actividades da após o reconhecimento jurídico pela entidade
fiscalizador das actividades da associação, associação; competente.
FAÇA OS SEUS TRABALHOS GRÁFICOS NA INM, E.P.: NOVOS EQUIPAMENTOS,
NOVOS SERVIÇOS e DESIGN GRÁFICO AO SEU DISPOR

NOSSOS SERVIÇOS: Preço da assinatura semestral:


— Maketização, Criação I Série ......................................................... 8.750,00MT
de Layouts e Logotipos;
II Série ......................................................... 4.375,00MT
— Impressão em Off-set
III Série .......................................................... 4.375,00MT
e Digital;
— Encadernação e Restauração Maputo — Rua da Imprensa n.º 283, Caixa postal 275,
de Livros;
Telef.: +258 21 42 70 25/2 – Fax: +258 21 32 48 58
— Pastas de despachos,
impressos e muito mais! Cel.: +258 82 3029 296,
e-mail: imprensanac@minjust.gov.mz
Preço das assinaturas do Boletim da República Web: www.imprensanac.gov.mz
para o território nacional (sem porte):
Delegações:
— As três séries por ano ......................... 35.000,00MT
Beira — Rua Correia de Brito, n.º 1903 – R/C
— As três séries por semestre .................. 17.500,00MT
Tel.: 23 320905 – Fax: 23 320908
Preço da assinatura anual: Quelimane — Av. 7 de Setembro, n.º 1254,
Tel.: 24 218410 – Fax: 24 218409
I Série ...................................................... 17.500,00MT
II Série ....................................................... 8.750,00MT Pemba — Rua Jerónimo Romeiro, Cidade Baixa, n.º 1004,
III Série ....................................................... 8.750,00MT Tel.: 27 220509 – Fax: 27 220510

Preço — 170,00 MT

IMPRENSA NACIONAL DE MOÇAMBIQUE, E.P.

Você também pode gostar