Você está na página 1de 21

NÚCLEO DE SAÚDE

NUSAU
DEPARTAMENTO DE EDUCAÇÃO FÍSICA

Enfoques pedagógicos da iniciação ao Basquetebol

PROF. Dr. RAMÓN NÚÑEZ CÁRDENAS


CONCEITO

No âmbito académico, existem diferentes


concepções e enfoques relacionados com
o termo de Educação Física.

Educativa

Recreativa

Social

competitiva ou
terapêutica
Educativa

Científico-
Pedagógica

Cognitivas Movimento
do sujeito Corporal

Capacidades
Afectivas
Físicas
Conceito de Educação Física

È uma ação planejada e


estruturada, que pode utilizar-se
de vários elementos como o
esporte, a dança, a luta, o jogo, a
brincadeira e a atividade física.

Dantas,1895
SAÚDE

Leipegasusmilagres.blogspot.com

A saúde é uma condição humana que


apresenta três dimensões: a física, a
social e a psicológica (OMS,2000)
Sistema de Regulação Psicológica das Ações
Motrizes(Rókusfalki,1988).

Regulação
Indutora

Aspirações Necessidades

Ideais Habilidades

Interesses Motivos
Regulação
Orientadora

Linguagem Sensações

Percepções
Pensamento
Especializadas

Memória
Classificação das Qualidades Físicas

Qualidades Simples Qualidades complexas

Força Força - Rápida

Rapidez Resistência – Força

Resistência Resistência - Rapidez

Forteza,2000
Componentes de carga

Volumem

Repouso Intensidade

Forteza, 200
Cálculo da Frequência Cardíaca de Treino

Zona Intensidade
Formulário Atividade Moderada 50%-60% Fcmax
Controle de Peso 60%-70% Fcmax
Fcmax. = 220-idade Aeróbica 70% - 80% Fcmax
Limiar anaeróbico 80% - 90% Fcmax
FcT= (Fcmax-Fcr) x int. + Fcr. Esforço Máximo 90%-100% Fcmax

Exemplo (Atividade Moderada) FcT= (200- 60) x 0,5 + 60

FcT= 130bpm
Fcmax= 220 - 20
FcT= (200-60) x 0,6 + 60
Fcmax= 2oo bpm.
Fcmax =144 bpm
Fcr = 60bpm
Drago, 2010
Qualidades Coordenativas

Rapidez de
reação

Equilíbrio

Ritmo

Antecipação
do
movimento

Forteza, 2000
Princípios do Treinamento Físico

1. Princípio da individualidade biológica . 2. Princípio da adaptação.

4. Princípio da 5. Princípio da interdependência


3. Princípio da sobrecarga.
continuidade/reversibilidade volume X intensidade

6. Princípio da especificidade dos movimento

Forteza, 2000
Princípio da Individualidade Biológica

Também conhecido como Princípio das


Diferenças Individuais.Todos seres humanos
resultam da associação do genótipo ( carga
genética ) com o fenótipo (ação do meio
ambiente sobre os seres humanos ).

Dantas,1895
Princípio da adaptação

A Síndrome de Adaptação Geral pode ser dividida


em três fases :

1. Fase de excitação
 2. Fase resistência
    3. Fase exaustão
O treinamento tem por objetivo desencadear essa S.A.G. até a segunda fase,
evitando os processos de "overtraining", ou seja, os excessos de treinamento.
Princípio da Sobrecarga

O equilíbrio entre o estímulo aplicado e o tempo de


recuperação é que garantirá a existência da
supercompensação de forma permanente.

A aplicação de uma nova carga dependerá :


- Da intensidade da carga anterior ;
- Do período de recuperação ( anabolismo ) -
Princípio da Interdependência volumem e
intensidade:

Entendemos sobrecarga no volume : quilometragem percorrida,


número de repetições e séries, duração do exercício, horas de
treinamento, etc.

Entendemos sobrecarga na intensidade : quilagem utilizada,


velocidade, ritmo, etc .
Princípio da Continuidade

O treinamento baseia-se na aplicação de cargas crescentes,


progressivamente assimiladas pelo organismo. Assim, o
fator que assegura essa melhora de rendimento é a
continuidade do processo de treinamento, caracterizado pela
alternância entre os estímulos e os períodos de recuperação.
Princípio da Especificidade

O princípio da especificidade é aquele que impõe, como


ponto essencial, que o treinamento deve ser montado
sobre os requisitos específicos da performance esportiva
em termos de capacidade física interveniente, sistema
energético predominante, segmento do corpo e a
coordenação motora ( técnicas ) requisitadas.
OS ELEMENTOS DO PROCESSO DE ENSINO-APRENDIZAGEM

De acordo com Moreira, 1986 o processo de ensino – aprendizagem é


composto de quatro elementos :

Aluno: Capacidade(inteligência, velocidade de


aprendizagem); experiência anterior (conhecimentos
prévios); boa vontade; interesse; estrutura
socioeconômica; saúde.
Conteúdo: Adequação ás dimensões do aluno;
significado/valor; aplicabilidade prática.
Escola: Entendimento da essência do processo
educacional; liderança.
Professor: dimensão de relacionamento (relação professor
– aluno); dimensão cognitiva ( aspectos intelectuais e
técnico- didáticos); atitude do educador; capacidade
inovadora; comprometimento com o processo de ensino –
aprendizagem.

Você também pode gostar