Você está na página 1de 3

COMUNISMO SOCIALISTA E O PARTIDO POLÍTICO

Karl Marx e Anthonio Cramsci são considerados os pais do comunismo socialista.

Segundo o Cramsci, a implantação do socialismo não se dá pela força e violência,


mas sim de forma pacífica e sorrateira, infiltrando lenta e gradualmente a ideia
revolucionária.

No inicio do Comunismo de Marx, os líderes comunistas sempre tentaram implantar o


socialismo a base da força através da luta armada já impondo terror e tomando tudo
de uma vez só, batendo o pé na porta. E o resultado disso foi mais 100 milhões de
mortes, em tempo de suposta paz. (Narrado no: Livro Negro do Comunismo).

As mortes tratavam-se de genocídios matando seu próprio povo. Onde atualmente


vemos isso acontecer no Governo de Maduro, na Venezuela. O povo morrendo de
fome, e tentando fugir do país. (Assim como também ocorre em Cuba). Enquanto
Nicolas Maduro ostenta riqueza e come do melhor a preço de sangue inocente. Para
esses lideres é capitalismo para eles, e socialismo para o povo.

Karl Marx (pai do socialismo) em 22 de março 1853, já afirmava que as classes e


raças fracas demais para conduzir as novas condições de vida, elas devem perecer
no Holocausto Revolucionário. Holocausto para quem não sabe é Massacre,
sacrifício, genocídio em grande escala. (Texto publicado em The New York Daily)

Posteriormente, surgiu Lenin, colocando em prática as ideias de Marx. E todos que


resistiram a esta revolução, este ideal de pensamento de Lenin foram fuzilados.

Em seguida, veio Josef Stalin, matando mais de 2,5 milhões de pessoas de fome, com
o regime comunista socialista.

Mas foi a partir de Lenin que se deu inicio ao genocídio comunista na história da
humanidade. Vejamos:

 20 milhões de mortes na União Soviética.


 65 milhões de mortes na república popular da china sob o governo de Mao Tse-
Tung.
 1 milhão de mortes no Vietnã.
 2 milhões de mortes na Coreia do Norte

Totalizando mais 100 milhões de mortes em todos os governos socialistas. O regime


socialista tem sido considerado um crime contra a humanidade.

Temos atualmente um partido chamado PCdoB (Partido Comunista do Brasil). É o


mesmo partido da Vice-Presidente do candidato Haddad; Manuela Dávila. O PCdoB,
tem sido visto como uma Partido Nazista do Brasil.
Dentro do cenário político, há propostas para criminalizar o Comunismo. (Proposta
elaborada pelo Bolsonaro). Apesar de tantas mortes, porque o comunismo não é visto
como um crime contra a humanidade aqui no Brasil? Porque isso não é ensinado nas
escolas?

Voltando para o Anthonio Cramsci, durante anos ele pensou numa nova forma de
implantar o comunismo. Ele buscou uma forma de implantação que houvesse menos
resistência. Sendo esta forma, diferente da que o Lenin havia implantado. A Meta de
Cramsci era implantar o comunismo sem usar a força e violência. Buscando espalhar
as ideias de Marx de forma invisível na sociedade. E com isso ele criou a chamada
Revolução Cultural.

Cramsci afirmou: “Não tomem Quartéis, Tomem Escolas e Universidades, Não


ataquem Blindados, Ataquem Ideias”. (Partidos que aderiram a essa ideia: PCdoB,
PSB40, PSOL, PT, Rede Sustentabilidade, PSDB, PMDB)

O objetivo de Cramsci era transformar as pessoas em socialistas comunistas sem elas


mesmas perceberem.

Voltando para o cenário político brasileiro, o que a esquerda política chamavam de


ditadura militar de 64, foi na verdade uma contra revolução socialista dos ideias
Marxistas. Os Militantes Comunistas tentaram estabelecer no Brasil, uma ditadura
comunista.

Dilma e seu ex marido, José Dirceu, Lula e companhias, eram todos bandidos
criminosos comunistas. E como resposta da situação: a força militar com apoio da
população e da mídia conseguiram combater esse exercito de terroristas comunistas
tomando de volta o poder. Se não tivesse ocorrido essa contra revolução, o Brasil hoje
seria uma segunda Cuba. Porém, combater somente os terroristas nas ruas, não foi o
suficiente para acabar com o comunismo. Pois, enquanto os militares estavam no
poder, os militantes comunistas estavam se infiltrando nas escolas e universidades no
chamado: Campo das Ideias. Ou seja, os lideres comunistas que tentaram implantar o
comunismo no poder, entraram na sociedade, nos meios de comunicação, na cultura
em geral de forma sutil para implantar suas ideias comunistas. E os militares no
poder, não enxergaram isso. E o plano de Anthonio Cramsci obteve êxito em sua
implantação. Esse Cramscismo não acontece somente no Brasil, na verdade acontece
em todo o mundo. A ONU por exemplo, é uma organização tomada por esse ideal
revolucionário, defendendo ditadores genocidas espalhados pelo mundo. É por isso
que a ONU defende a candidatura do LULA mesmo estando preso.

Hoje em 2018, já estamos com pelo menos 50 anos de ideologia Marxista em nossa
cultura, implantada em todas as áreas da sociedade. Sendo doutrinada goela abaixo
nas Universidades e escolas. E não somente isso, eles também entraram no Cinema,
na Música, nos Jornais, nas Rádios, até mesmo nas Igrejas essas ideias comunistas
conseguiram entrar. Dessa forma, criaram uma hegemonia desse pensamento
revolucionário. Enfim, o Cramscismo se resume em Manipulação. Ou seja,
Manipulação da História, Manipulação da Informação, Manipulação das Pessoas e
suas Mentes. Então, como eles tomaram o controle do ensino, os materiais didáticos
aprovados pelo MEC, são ideologicamente Marxistas. Concluímos a partir daí, que os
militantes da época da contra revolução militar, se tornaram professores que
ensinaram aos seus avôs, que por seguinte ensinaram seus pais e por último você
agora. Sendo todas essas gerações doutrinadas pelas ideias de Karl Marx, resultando
num “Lixo Cultural” que vemos hoje, onde vemos uma completa inversão de valores
morais e sociais. O Comunismo Socialista precisou de anos de planejamento maligno
para destruir toda uma cultura. Por isso que vemos hoje, uma mídia parcial
tendenciosa aos ideais comunistas, manipulando informações e dados que são
repassados para a população. Por isso também que não vemos professores
ensinando que comunismo é ruim, pois isso é contrário aos seus interesses. E para
isso eles usam a censura ou apagam as informações da história que sejam contrários
as suas ideias. Para os militantes comunistas, não há espaço para ideias opositoras, e
portanto, eles proíbem qualquer veiculação dessas informações divergentes.

O comunismo acaba afetando os próprios militantes, pois, a classe de professores


ganham mal, e a educação é precária propositalmente, para que a população seja
incapaz de pensar racionalmente.

Você também pode gostar