Você está na página 1de 8

PLANO DE DESENVOLVIMENTO PARA O PERÍODO PRÁTICO

NOME: Éverton Klug Mesquita


ÊNFASE MINISTERIAL: Ministério Pastoral
MENTOR: Pastor Wili Beno Bauermann
INÍCIO E TÉRMINO DO PERÍODO PRÁTICO: 01 de agosto de 2016 a 31 de dezembro
de 2017.
LOCAL: Paróquia Evangélica de Confissão Luterana em Alto Jatibocas – Itarana/ES

DESCRIÇÃO DO CONTEXTO

Graças ao aparato histórico deixado pelo P. em. Ido Port, muito da história da
Paróquia em Alto Jatibocas está retratada em livros. Muitas coisas não irei escrever, pois aqui
trata-se de contexto e inserção. Porém, algumas curiosidades desta paróquia estarão
auxiliando na descrição do contexto devido ao livro “Os Altos de Itarana”, do P. em. Ido.
A Paróquia Evangélica de Confissão Luterana em Alto Jatibocas é uma paróquia que
contém, em sua estrutura, cinco comunidades [Alto Jatibocas, Alto Santa Joana, Alto
Limoeiro, Barra de Jatibocas e Itarana] e um ponto de pregação [EMEF Fazenda Bruno
Jastrow]. Quase todas as localidades das comunidades levam o codinome “Alto”. E isso
explica um pouco a região. Os altos são morros e de grande elevação, propiciando o cultivo
de duas variedades de café: arábica, nas altitudes acima de 600 metros e o conilon, abaixo de
600 metros. A maior renda de muitos membros da Paróquia se dá a partir destas lavouras de
café. Além deste tipo de lavoura, a diversidade agrícola da região e, consequentemente, dos
membros torna-se presente com o cultivo de hortaliças, tubérculos e criações de aves, porcos
e bois.
Para termos uma noção básica da elevação desses altos, a comunidade que está mais
elevada em relação ao mar é a de Alto Limoeiro com 900 metros de altitude. Já a que está
mais próximo do nível do mar, é a comunidade de Itarana, com 240 metros. Ou seja, o
caminho para as comunidades sempre são de “sobe e desce” para chegar.
A imigração chegou aqui em 1893. A primeira comunidade a se estabelecer foi a de
Alto Limoeiro de Jatibocas. O nome Jatibocas ficou mais conhecido e, consequentemente
com o nome da paróquia. Segundo o P. Em. Ido, o termo Jatibocas é uma forma sincopada de
dois termos tupis que são taboca que significa bambu, taquara e jatay que é o termo usado
para abelhas. Assim ficou Jati- mais o –boca de taboca. Isso tem a ver com o fato de que a
região, antes dos imigrantes chegarem era abundante em tabocas e infestada de jatay’s. Se
formos ver, até hoje encontra-se ninhos de abelhas nas frestas das casas e vários bambuzais na
margem dos rios e estradas.
A sede da Paróquia nem sempre foi em Alto Jatibocas. De 1902, ano de construção
do templo, até 1963, a sede se estabelecia em Alto Limoeiro. Ainda hoje restam algumas
taperas do que era a casa pastoral e o que era para ser a escola, que funcionou por 32 dias,
mas foi fechada em 1938, na onda de nacionalização de Getúlio Vargas. E mesmo Jatibocas
abrigando a sede hoje, ela é a terceira comunidade a se estabelecer, em 1929. Antes disso,
Alto Santa Joana já tinha sua comunidade e seu templo desde 1907, que fez parte da Paróquia
de Lagoa (Afonso Cláudio) até meados de 1972. Em 1953 é construída a capela da Barra de
Jatibocas e com isso, a Paróquia de Alto Limoeiro já estava com três comunidades. Com Alto
Santa Joana vindo para a então Paróquia em Alto Jatibocas, agora estavam com quatro
comunidades no interior, onde a descendência pomerana prevalece mas nenhuma presença
luterana na sede do município de Itarana, onde a descendência italiana (e, consequentemente
católica) prevalece até hoje. Somente em 2001 que é lançada a pedra fundamental da
comunidade de Itarana, onde já havia grupo de estudo bíblico, mas sem comunidade
estabelecida, pois os membros eram atendidos pelos pastores tanto da Paróquia de Palmeira
de Santa Joana (Itaguaçu), como de Alto Jatibocas. Hoje, as cinco comunidades, cada uma
com sua particularidade, formam a Paróquia em Alto Jatibocas. Vale destacar que a paróquia
é conhecida pelo zelo e cuidado com os cemitérios, que voluntariamente é cuidado pelos
membros. De maneira geral, a simplicidade do interior e o carinho e respeito pela história,
prevalecem em cada membro.
Ao todo, a paróquia tem em torno de 1.800 membros, sendo Alto Jatibocas a maior
comunidade com 800 membros e Itarana a menor, com 170 membros, em média. Os trabalhos
que vem sendo desenvolvidos na paróquia são referentes à música, com grupo de flautas,
trombonistas, violonistas e tecladistas, ensino confirmatório, grupo de mulheres, cultos
dominicais a cada duas semanas em cada comunidade e cultos festivos de ação de graça.
Além disso, desde o início do ano vem sendo reestruturada a Juventude Evangélica na
Paróquia. Aos poucos, os jovens estão tomando gosto pela comunhão na igreja e vem
participando com mais frequência na vida de comunidade. Um outro fato interessante, é que a
Comunidade em Alto Jatibocas ainda tem sua torre dos sinos de madeira, de 1929. Esta torre
está sendo preservada, pois não há registros de que ainda há outra igual datada daquela época.
Do ponto de vista social, a comunidade Itaranense é basicamente formada por
imigrantes alemães, pomeranos e italianos. A população gira em torno de 12.000 habitantes.
O que tem assolado essa região e todo o Estado do Espírito Santo é crise hídrica. Nascentes
estão secando e a falta de chuvas não tem colaborado para o cultivo do café. Além, é claro,
dos “desertos verdes” onde tem-se desmatado mata nativa e plantado eucalipto para celulose e
plantação de hortaliças, que necessita de muita água para o cultivo e, consequentemente, o
desmatamento para a plantação. Muitas outras coisas tem agravado a crise hídrica no Estado,
mas também falta conscientização e educação sobre este assunto. As paróquias do Sínodo
Espírito Santo a Belém tem tomado iniciativas para o cuidado de nascentes e o cuidado com a
água, em geral. É um desafio que leva a igreja a capacitar ministros, ministras e membros a
estar pensando sobre o assunto mais delicado no momento.

1. JUSTIFICATIVA

Diante do lugar onde estou inserido, percebo a importância da liturgia através do


prontuário e da capacitação musical, já estabelecida na Paróquia. Percebo também o cuidado e
a prontidão dos membros para dar o melhor de si na e para sua comunidade. Creio que a
realização do meu período prático na Paróquia em Alto Jatibocas me ajudará a desenvolver
pontos como p.ex., a introspecção pessoal e o pouco contato com sepultamentos e famílias
enlutadas. Também me auxiliará em como ser igreja num contexto bem diferente do que eu já
vivi. Isso me motiva a perceber jeitos e formas de viver a espiritualidade e creio que irá
enriquecer a minha caminhada no futuro ministério. Além disso, tenho colocado à serviço
minhas habilidades na música, som, computação e minha experiência com grupo de jovens
que, espero poder ajudar e motivar a Paróquia nestes pontos.

2. OBJETIVOS

2.1. OBJETIVO GERAL


Desenvolver o conhecimento, habilidades e atitudes estabelecidas pela igreja
para o ingresso e exercício do Ministério no âmbito da IECLB.

2.2 OBJETIVOS COMPLEMENTARES


 Desenvolver o aconselhamento à luz da espiritualidade evangélica;
 Tomar conhecimento e cumprir o estabelecido nos documentos normativos da
igreja;
 Buscar refletir a centralidade de Jesus Cristo e distinguir Lei e Evangelho nas
pregações e estudos bíblicos, assim podendo observar melhor como me expresso de
forma escrita;
 Evidenciar respeito à estrutura da igreja, sociedade e autoridades locais,
estaduais e nacionais.

2.2 OBJETIVOS ESPECÍFICOS


 Capacitar a visitação à membros e membras, enlutados e enlutadas e em
hospitais;
 Oficiar cultos, conduzir a liturgia e pregar o evangelho, oficiar sacramentos
(Batismo e Santa Ceia) e sepultamentos;
 Desenvolver o conhecimento litúrgico da IECLB através da liturgia oficial e do
Prontuário usado no Espírito Santo onde, de forma harmoniosa, possa ser trabalhado
os espaços litúrgicos da Paróquia;
 Capacitar novas lideranças na área musical, artística e teatral;
 Capacitar novas lideranças na Juventude Evangélica;
 Desenvolver uma caminhada com a Juventude Paroquial, sendo que está se
reestruturando desde o início do ano;
 Auxiliar na estruturação do acervo histórico da Paróquia em Alto Jatibocas;
 Aprofundar o conhecimento estrutural da IECLB.
 Resgatar a história da Torre de Madeira, símbolo histórico da Paróquia;

3. PLANO DE AÇÃO
Conforme tabela, nas páginas a seguir:
O QUE COMO QUANDO ONDE COM QUEM RECURSOS PONTO DE
NECESSÁRIOS CONTROLE
Capacitar a visitação à Visitação 01/10/2016 Nas casas e hospitais Mentor; Locomoção; Literatura de
membros e membras, a Comissão de apoio à critério do mentor;
enlutados e enlutadas; 31/12/2017 Acompanhamento Manuais da IECLB.

Oficiar cultos, conduzir a Elaboração de 01/10/2016 Nos cultos das cinco Mentor; Locomoção; Acesso à
liturgia e pregar o liturgias, redigir a comunidades e ponto Comissão de impressora; Notebook;
evangelho, oficiar prédicas 31/12/2017 de pregação; Cultos Acompanhamento; Recursos audiovisuais; Veste
sacramentos (Batismo e domésticos; Comunidade local; litúrgica; Prontuário; Livro de
Santa Ceia) e sepultamentos Celebrações especiais; Culto da IECLB; Bíblia
Cultos nos cemitérios Sagrada; Manuais da IECLB;
Desenvolver o Motivar pessoas 01/10/2016 Nas cinco comunidades Equipes litúrgicas Material de apoio sobre o
conhecimento litúrgico da a participar das a da Paróquia de cada tema; Prontuário; Livro de
IECLB, através da liturgia equipes 31/12/2017 comunidade; Culto da IECLB; Partitura do
oficial e do Prontuário litúrgicas em Mentor; hinário.
usado no Espírito Santo cada Comissão de
onde, de forma harmoniosa, comunidade, à Acompanhamento;
possa ser trabalhado os luz do
espaços litúrgicos da sacerdócio geral
Paróquia de todas as
pessoas crentes.

O QUE COMO QUANDO ONDE COM QUEM RECURSOS PONTO DE


NECESSÁRIOS CONTROLE
Capacitar lideranças na área Despertar dons 01/10/2016 Nos grupos já Mentor; Locomoção; Materiais de
musical, artística teatral e e talentos a existentes Comissão de dinâmicas; Recursos
de grupos; 30/06/2017 Acompanhamento; audiovisuais; Internet;
Associação Partituras; Literatura de apoio;
Cultural de Alto
Jatibocas
Capacitar lideranças na Despertar dons 01/10/2016 Nos grupos já Mentor; Locomoção; Recursos
Juventude Evangélica; e talentos a existentes Comissão de audiovisuais; Internet;
30/06/2017 Acompanhamento; Literatura de apoio;
Desenvolver uma Consolidando 01/10/2016 Nas cinco comunidades Jovens Locomoção; Recursos
caminhada com a Juventude grupos de JE em a da paróquia e em comprometidos audiovisuais; Material de
Paroquial cada 31/12/2017 eventos a nível de UP e com a caminhada apoio para trabalho com
comunidade nível sinodal da JE IECLB jovens da IECLB;
Auxiliar na estruturação do Organizar, 15/01/2017 Comunidade em Alto Mentor; Ter acesso ao acervo já
acervo histórico da classificar o a Jatibocas Comissão de disponível;
Paróquia em Alto Jatibocas acervo já 31/03/2017 Acompanhamento;
disponível Presbitério da
Comunidade de
Alto Jatibocas;

.
O QUE COMO QUANDO ONDE COM QUEM RECURSOS PONTO DE
NECESSÁRIOS CONTROLE
Aprofundar o conhecimento Tomando 01/10/2016 Nas reuniões semanais Mentor Literatura da IECLB;
estrutural da IECLB conhecimento a de estudo. Documentos Normativos da
dos documentos 30/06/2017 IECLB
normativos da
IECLB
Resgatar a história da Torre Pesquisar sobre 01/10/2016 Nas mediações da Mentor; Locomoção; Acesso aos
de Madeira, símbolo a história da a comunidade de Alto Comissão de registros da comunidade;
histórico da Paróquia Torre 31/10/2017 Jatibocas. Acompanhamento; Câmera Fotográfica;
Presbitério da
Comunidade de
Alto Jatibocas;
P. Rubens Stuhr
Fredolin Schulz;
Ildomar Dettmann;

Você também pode gostar